EU E MINHA CASA SERVIREMOSAO SENHORLição 13Escola Bíblica DominicalPara: 30/Junho/2013Montagem Slides:José Pereira Filho
VERDADE PRÁTICA :Com a graça de Deus, a família cristãvencerá os desafios da vida.Palavra-Chave:Casa: Lar, Família.
INTRODUÇÃONeste trimestre estudamos os diversos males quetêm assolado a família e vimos também que Deus é aúnica resposta ...
INTRODUÇÃOFreqüentemos assiduamente a igreja e nãofaltemos à Escola Dominical.A família que fielmente serve ao Senhor jama...
José Pereira FilhoMembro da Igreja Assembléia de Deus doParque Piauí, em Teresina-PI – Brasil.Evangelista e membro da CEMA...
I . O EXEMPLO DECISIVO ECORAJOSO DE NOÉNoé andou com Deusmesmo numa sociedadecorrompida. Sua decisãoe coragem é um exemplo...
I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ1 . Noé andou com Deus.A vida de Noé revela as qualidades indispensáveisde um servo...
I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ2. Vivendo numa sociedade corrompida.A época de Noé foi marcada por umaimoralidade ...
I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ2. Vivendo numa sociedade corrompida.Portanto, que o exemplo de Noénos inspire a co...
I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ3. A salvação de Noé e sua família.No mundo antigo, apenas Noé e a sua famíliaescap...
II . JOSUÉ - UMA DECISÃOEXEMPLARO patriarca Josué não seomitiu diante da idolatriaque ameaçara as tribosisraelitas. Ele to...
II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR1. A firme tomada de posição.Josué tomou uma firme e decisiva posição, a fimde preservar ...
II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR1. A firme tomada de posição.Não mais os educam com amor e firmeza; nãolhes impõem qualqu...
II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR2. O perigo da omissão dos pais.A Palavra de Deus recomenda aospais que criem os seus fil...
II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR2. O perigo da omissão dos pais.Veja mais uma vez o exemplo deJosué. Ele não se omitiu, m...
III . O EXEMPLODOS RECABITASOs recabitas são umexemplo de fidelidadeaos princípios ensinadospelo seuancestral, Recabe.1. U...
III . O EXEMPLO DOS RECABITAS1. Uma família exemplar.A Bíblia de Estudo Pentecostalafirma que os recabitas eram um povoque...
III . O EXEMPLO DOS RECABITAS1. Uma família exemplar.Mais tarde, o próprio Deus tomou os recabitascomo exemplo, para mostr...
III . O EXEMPLO DOS RECABITAS2. Um exemplo de fidelidade.Aos seus filhos, Recabe transmitira fielmente osprincípios da lei...
III . O EXEMPLO DOS RECABITAS2. Um exemplo de fidelidade."Não beberemos vinho, porque Jonadabe, filhode Recabe, nosso pai,...
III . O EXEMPLO DOS RECABITAS2. Um exemplo de fidelidade.“Nunca faltará varão a Jonadabe, filho deRecabe, que assista pera...
CONCLUSÃODiante de todo o Israel, Josué foi decisivo: "Eue a minha casa serviremos ao Senhor". Se nãoagirmos da mesma form...
“... eu e a minha casaserviremos ao SENHOR”(Josué 24.15)
EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical

25.611 visualizações

Publicada em

Material para Estudo na Escola Bíblica Dominical. Sugerido para 30/06/2013.

1 comentário
7 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Que Deus continue abençoando a todos os nossos irmão que fazem uso deste material !
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
25.611
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
536
Comentários
1
Gostaram
7
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

EU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHOR – lição 13 – Escola Dominical

  1. 1. EU E MINHA CASA SERVIREMOSAO SENHORLição 13Escola Bíblica DominicalPara: 30/Junho/2013Montagem Slides:José Pereira Filho
  2. 2. VERDADE PRÁTICA :Com a graça de Deus, a família cristãvencerá os desafios da vida.Palavra-Chave:Casa: Lar, Família.
  3. 3. INTRODUÇÃONeste trimestre estudamos os diversos males quetêm assolado a família e vimos também que Deus é aúnica resposta para os nossos dias. Por isso, devemoster o Senhor Jesus como o esteio e o centro de nossolar.Se orarmos, jejuarmos,lermos a Bíblia e fizermos oculto doméstico, teremoscondições de lutar contra asforças do mal e vencê-las emnome de Jesus.
  4. 4. INTRODUÇÃOFreqüentemos assiduamente a igreja e nãofaltemos à Escola Dominical.A família que fielmente serve ao Senhor jamaisserá destruída.Vigiemos e oremos em todo o tempo,para que a nossa casa não seja alcançadapelas águas do dilúvio moral que encobreo presente século.Digamos, pois, ousadamente: “Eu e aminha casa serviremos ao Senhor”.
  5. 5. José Pereira FilhoMembro da Igreja Assembléia de Deus doParque Piauí, em Teresina-PI – Brasil.Evangelista e membro da CEMADEPI –Convenção Evangélica de Ministros dasAssembléia de Deus do Piauí, e comexperiência em ministrações da Palavra deDeus.Email :josepereiraoevangelista1@gmail.comyosseph2013@bol.com.brCanais no Youtube :http://www.youtube.com/user/josepereiradiaconohttp://www.youtube.com/user/atosdoisequatro?feature=mheePágina no Facebook :http://www.facebook.com/josepereiracomdeusEU E MINHA CASA SERVIREMOS AO SENHORESBOÇO :LEITURA BÍBLICA EM CLASSE :Josué 24.14-18,22,24INTRODUÇÃOI. O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DE NOÉ1. Noé andou com Deus.2. Vivendo numa sociedade corrompida.3. A salvação de Noé e sua família.II. JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR1. A firme tomada de posição.2. O perigo da omissão dos pais.III. O EXEMPLO DOS RECABITAS1. Uma família exemplar.2. Um exemplo de fidelidade.CONCLUSÃO
  6. 6. I . O EXEMPLO DECISIVO ECORAJOSO DE NOÉNoé andou com Deusmesmo numa sociedadecorrompida. Sua decisãoe coragem é um exemplopara nós.1. Noé andou com Deus.2. Vivendo numa sociedade corrompida.3. A salvação de Noé e sua família.
  7. 7. I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ1 . Noé andou com Deus.A vida de Noé revela as qualidades indispensáveisde um servo de Deus: "varão justo", "reto em suasgerações" e que "andava com Deus“ (Gn6.9).Por isso mesmo, o patriarca "achougraça aos olhos do Senhor" (Gn 6.8).Todas essas características revelaram-seintensa e visivelmente na vida de Noé emmeio a uma sociedade perversa, violenta,imoral e inimiga do Santíssimo Deus.
  8. 8. I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ2. Vivendo numa sociedade corrompida.A época de Noé foi marcada por umaimoralidade incontrolável e por umaausência completa de temor a Deus(Gn 6.11,12). Não poderia haver mundopior.Quando analisamos a chamada sociedadepós-moderna, depressa concluímos: não há diferençaentre o nosso século e o século no qual vivia o santopatriarca. Eis aí um dos mais fortes prenúncios daiminente volta de Jesus (Mt 24.37,39).
  9. 9. I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ2. Vivendo numa sociedade corrompida.Portanto, que o exemplo de Noénos inspire a confiar em Deus e a agircomo Ele requer de todos os seus filhos.É hora de lutar por nossasfamílias, a fim de que Satanás não asdestrua.
  10. 10. I . O EXEMPLO DECISIVO E CORAJOSO DENOÉ3. A salvação de Noé e sua família.No mundo antigo, apenas Noé e a sua famíliaescaparam do cataclismo que devastou a terra (Gn7.1). A fé de Noé estendeu-se aos seusfilhos, estes creram em Deus e foramsalvos do dilúvio. Não havia nada quepudesse salvá-los, a não ser a firme decisãode dizer "sim" ao Senhor. Somente a graçade Deus, que alcançou o patriarca e a suacasa, pode salvar o nosso lar da destruiçãomoral e espiritual de nossos dias.
  11. 11. II . JOSUÉ - UMA DECISÃOEXEMPLARO patriarca Josué não seomitiu diante da idolatriaque ameaçara as tribosisraelitas. Ele tomou umafirme decisão juntamentecom a sua família: servirao Senhor.1. A firme tomada de posição.2. O perigo da omissão dos pais.
  12. 12. II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR1. A firme tomada de posição.Josué tomou uma firme e decisiva posição, a fimde preservar a sua família da idolatria e da lassidãomoral de Canaã (Js 24.15). É um exemplo que todocrente deve seguir. Caso contrário, nossocônjuge e filhos serão destruídos pelainiqüidade.Há muitos lares que, apesar deserem conhecidos como cristãos, nãomais servem a Cristo.Os pais já abdicaram de suas responsabilidades quanto àformação espiritual, moral e ética de seus filhos.
  13. 13. II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR1. A firme tomada de posição.Não mais os educam com amor e firmeza; nãolhes impõem qualquer limite.E o que dizer da violência doméstica? Nãopodemos confundir disciplina com truculência ebrutalidade, pois a esse respeito aPalavra de Deus é bastante clara:"E vós, pais, não provoqueis a ira avossos filhos, mas criai-os na doutrinae admoestação do Senhor" (Ef 6.4).
  14. 14. II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR2. O perigo da omissão dos pais.A Palavra de Deus recomenda aospais que criem os seus filhos "nadoutrina e admoestação do Senhor" (Ef6.4b). Isso significa que não podemosnos omitir.DOUTRINA = “Conjunto de princípios que servem de base a um sistemafilosófico, científico, etc.”; “Ensinamento”.ADMOESTAÇÃO = “Ato de advertir de falta”; “Censurar ou repreender combrandura”; “advertir”; “Avisar ou lembrar em advertência”.
  15. 15. II . JOSUÉ - UMA DECISÃO EXEMPLAR2. O perigo da omissão dos pais.Veja mais uma vez o exemplo deJosué. Ele não se omitiu, mas levou toda asua casa a servir somente a Deus (Js24.15). De igual modo, devemos educarnossos filhos. Essa decisão tem de serprioritária em nossa vida. Assim agiuJosué, porque ele sabia que, doutraforma, não haveria esperança para o seular.
  16. 16. III . O EXEMPLODOS RECABITASOs recabitas são umexemplo de fidelidadeaos princípios ensinadospelo seuancestral, Recabe.1. Uma família exemplar.2. Um exemplo de fidelidade.
  17. 17. III . O EXEMPLO DOS RECABITAS1. Uma família exemplar.A Bíblia de Estudo Pentecostalafirma que os recabitas eram um povoque "fazia parte de uma tribo nômadeaparentada com os queneus e comJetro, sogro de Moisés (cf. Jz 1.16; 1 Cr2.55). Seu ancestral, Jonadabe (cf. 2 Rs10.15-27), ordenara a seus filhos, maisde duzentos anos antes, que não bebessem nenhumtipo de vinho".NÔMADE = “Tribos ou povos que estão sempre a deslocar-se embusca de alimentos, pastagens”; “Que leva vida errante”.
  18. 18. III . O EXEMPLO DOS RECABITAS1. Uma família exemplar.Mais tarde, o próprio Deus tomou os recabitascomo exemplo, para mostrar como uma família pode edeve comportar-se. Eles agiam com dignidade,moderação e fidelidade ao Senhor em meioa uma sociedade corrompida e carregadade vícios (Jr 35.1-19).
  19. 19. III . O EXEMPLO DOS RECABITAS2. Um exemplo de fidelidade.Aos seus filhos, Recabe transmitira fielmente osprincípios da lei de Deus. Passados duzentos anos, seusdescendentes continuavam a observar-lhe asordenanças e a respeitar-lhe as tradições. Por isso, oSenhor resolveu mostrá-los como exemplo defidelidade aos filhos de Judá. Instruído por Deus,Jeremias leva-os a uma das câmaras do Santo templo eoferece vinho àqueles homens (Jr 35.1-14). Mas eles serecusam a beber, porque se mantinham obedientesà voz de Recabe: ...
  20. 20. III . O EXEMPLO DOS RECABITAS2. Um exemplo de fidelidade."Não beberemos vinho, porque Jonadabe, filhode Recabe, nosso pai, nos mandou, dizendo: Nuncabebereis vinho, nem vós nem vossos filhos; [...]Obedecemos, pois, à voz de Jonadabe, filho de Recabe,nosso pai, em tudo quanto nos ordenou [...]" (Jr35.6,8). Em virtude de sua obediência, os recabitasforam grandemente abençoados: "visto queobedecestes ao mandamento de Jonadabe, vosso pai,e guardastes todos os seus mandamentos, e fizestesconforme tudo quanto vos ordenou, assim diz oSenhor dos Exércitos, Deus de Israel:
  21. 21. III . O EXEMPLO DOS RECABITAS2. Um exemplo de fidelidade.“Nunca faltará varão a Jonadabe, filho deRecabe, que assista perante a minha face todos osdias” (Jr 35.18,19). Quando da destruição de Jerusalémpelos babilônios, eles foram poupados por Deus aopasso que os judeus infiéis vieram a perecer. Seencaminharmos nossos filhos nas Sagradas Escrituras,eles também serão preservados da tribulação que virásobre este mundo que jaz no maligno. Portanto,instrua sua casa na doutrina e na admoestação doSenhor.
  22. 22. CONCLUSÃODiante de todo o Israel, Josué foi decisivo: "Eue a minha casa serviremos ao Senhor". Se nãoagirmos da mesma forma, corremos o risco de ver onosso lar destruído pelo Maligno. O momento requerfirmeza e coragem. O que estamosesperando?Neste momento, reúna o seucônjuge e filhos e renove os seus votosde fidelidade a Deus. Agindo assim, vocêterá o Senhor Jesus como o seu hóspedepermanente. Oremos e lutemos pela família cristã.
  23. 23. “... eu e a minha casaserviremos ao SENHOR”(Josué 24.15)

×