A História do frigorífico F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem
A História do frigorífico <ul><li>O primeiro gás a ser utilizado na refrigeração foi o dióxido de enxofre. </li></ul><ul><...
Funcionamento do frigorífico F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem 1 2 3 4 5
Funcionamento do frigorífico <ul><li>Os frigoríficos de hoje são mais eficientes a nível energético . </li></ul>F.Prazeres...
Como poupar energia <ul><ul><li>Pense no que vai buscar antes de abrir o frigorífico; </li></ul></ul><ul><li>Evite deixar ...
Correcto armazenamento <ul><ul><li>No congelador temos uma temperatura de -18 °  C. </li></ul></ul><ul><ul><li>Nas pratele...
Reciclagem F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem Frigoríficos e Arcas  A linha de reciclagem de...
Conclusão
webgrafia <ul><li>pt. wikipedia .org </li></ul><ul><li>cognosco .blogs.sapo.pt </li></ul><ul><li>mc2h2o.blogspot.com </li>...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

NG1 - A Historia do Frigorifico

9.626 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.626
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
73
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
134
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

NG1 - A Historia do Frigorifico

  1. 1. A História do frigorífico F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem
  2. 2. A História do frigorífico <ul><li>O primeiro gás a ser utilizado na refrigeração foi o dióxido de enxofre. </li></ul><ul><li>Gás que provoca irritação nos pulmões </li></ul><ul><li>Depois durante muitos anos utilizou-se os CloroFluorCarbonos (CFC). </li></ul><ul><li>Gás que provoca a destruição da camada do ozono . </li></ul><ul><li>Hoje são utilizados dois gases não poluentes, o Metilpropano e o Tetrafluoroetano. </li></ul>F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem
  3. 3. Funcionamento do frigorífico F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem 1 2 3 4 5
  4. 4. Funcionamento do frigorífico <ul><li>Os frigoríficos de hoje são mais eficientes a nível energético . </li></ul>F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem
  5. 5. Como poupar energia <ul><ul><li>Pense no que vai buscar antes de abrir o frigorífico; </li></ul></ul><ul><li>Evite deixar a porta aberta durante mais tempo que o necessário; </li></ul><ul><li>Não encha demasiado o frigorífico; </li></ul><ul><li>Nunca guarde alimentos quentes no frigorífico </li></ul><ul><li>Regule a temperatura de acordo com a utilização que o aparelho terá; </li></ul><ul><li>Não deixe acumular gelo nas paredes do congelador </li></ul>F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem
  6. 6. Correcto armazenamento <ul><ul><li>No congelador temos uma temperatura de -18 ° C. </li></ul></ul><ul><ul><li>Nas prateleiras do meio(4-5°C) e nas de cima(8 ° C) coloca-se ovos, leite e derivados, restos de refeições, bolos e os produtos que mencionam na embalagem “refrigerar depois de aberto”. </li></ul></ul><ul><ul><li>A prateleira do fundo acima da gaveta dos legumes (2 ° C) é o local indicado para colocar carne e peixe frescos. </li></ul></ul><ul><ul><li>As gavetas inferiores (10 ° C)são ideais para conservar frutas e legumes. </li></ul></ul><ul><ul><li>As prateleiras da porta (10-15 ° C)são o local menos refrigerado do frigorífico sendo ideal para bebidas , mostarda ou manteiga. </li></ul></ul>1 2 3 4 5 F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem
  7. 7. Reciclagem F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem Frigoríficos e Arcas A linha de reciclagem de frigoríficos e arcas refrigeradoras é constituída da seguinte forma: - Armazenagem - Desmontagem manual de diferentes componentes. - Recuperação dos óleos com CFC’s dos circuitos de refrigeração e respectiva separação. - Desmontagem do compressor, circuito exterior e outros componentes. - Transporte e trituração em ambiente controlado. - Separação dos diferentes materiais nas respectivas fileiras. - Sistema de recuperação e condensação dos CFC’s existente nos poliuretanos (PUR)
  8. 8. Conclusão
  9. 9. webgrafia <ul><li>pt. wikipedia .org </li></ul><ul><li>cognosco .blogs.sapo.pt </li></ul><ul><li>mc2h2o.blogspot.com </li></ul><ul><li>www.ambigroup.com/ </li></ul>F.Prazeres-J.Fresco-E.F.A –S3-Escola Ferreira dias-Agualva-cacem

×