As Políticas Públicas Florestais e o
Ordenamento Florestal
Maria do Rosário Fialho Amaral
6.º Congresso Florestal Nacional...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
"O ordenamento do território é...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
Esta expansão ficou marcada :
...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
No relatório do Programa Nacio...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
Em relação aos factores refere...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
«Que o modelo de floresta a de...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
A redefinição da gestão flores...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
Em 2006 surgem o Plano Naciona...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
A revisão dos Planos Municipai...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
Perante os cenários previstos ...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
O Ordenamento Florestal é indi...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
Como refere COVAS (2006), «Acr...
As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
Obrigado
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

As políticas públicas florestais e o ordenamento florestal

306 visualizações

Publicada em

Apresentação feita no 6,º Congresso Florestal em 2009.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
306
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

As políticas públicas florestais e o ordenamento florestal

  1. 1. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal Maria do Rosário Fialho Amaral 6.º Congresso Florestal Nacional Ponta Delgada 6 – 9 de Outubro 2009
  2. 2. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional "O ordenamento do território é a tradução espacial das políticas económica, social e ecológica da sociedade." DGOT (1988); In, Carta Europeia do Ordenamento do Território..
  3. 3. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
  4. 4. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional Esta expansão ficou marcada : •pela ausência de uma estratégia de desenvolvimento sustentável •pela falta de enquadramento com as políticas de ordenamento do território •e pela ausência de modelos de gestão adequados às necessidades •pela ausência de uma estratégia de desenvolvimento sustentável •pela falta de enquadramento com as políticas de ordenamento do território •e pela ausência de modelos de gestão adequados às necessidades Em termos gerais podemos afirmar que a floresta cresceu ao acaso, mais por via do abandono do espaço rural do que através de um politica efectiva de crescimento florestal acompanhada de uma gestão eficaz. Em termos gerais podemos afirmar que a floresta cresceu ao acaso, mais por via do abandono do espaço rural do que através de um politica efectiva de crescimento florestal acompanhada de uma gestão eficaz.
  5. 5. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional No relatório do Programa Nacional da Politica de Ordenamento do Território (PNPOT) refere-se que: «…Há uma dinâmica clara de aumento das manchas de floresta degradada, relacionada com a falta de gestão adequada e com os incêndios.»
  6. 6. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional Em relação aos factores referenciados destacamos: «Desordenamento e abandono dos espaços florestais, a que acresce uma profunda mutação na organização dos espaços rurais, com o abandono das actividades agrícolas tradicionais, que frequentemente compartimentavam e estruturavam os povoamentos florestais.»
  7. 7. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional «Que o modelo de floresta a desenvolver se baseie nos princípios da gestão florestal sustentável, tendo em conta a incidência das alterações climáticas, a diversificação e a utilização de espécies mais resistentes ao fogo, usos múltiplos e a necessidade de compartimentação dos espaços. A criação das Zonas de Intervenção Florestal (ZIF) destinadas a dar corpo a intervenções em espaços florestais contíguos e de minifúndio, é um passo positivo destinado a inverter a situação de abandono hoje existente nas áreas florestais.»
  8. 8. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional A redefinição da gestão florestal privada em «moldes novos» nas regiões de minifúndio, constituindo zonas de intervenção (polígonos florestais) com dimensão suficiente para «encarar com realismo e eficiência a resolução de problemas de produção e conservação florestais…», designadamente através da introdução de medidas de silvicultura preventiva e de infraestruturação.
  9. 9. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional Em 2006 surgem o Plano Nacional de Defesa da Floresta Contra Incêndios (RCM n.º 65/2006 de 26 de Maio). Estratégia Nacional para as Florestas (RCM n.º 114/2006 de 15 de Setembro). Foram ainda aprovados e publicados os Planos Regionais de Ordenamento Florestal (PROF).
  10. 10. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional A revisão dos Planos Municipais de Ordenamento do Território representa um desafio e uma mais-valia para as autarquias, cujas preocupações eram sobretudo com os espaços urbanos, denotando-se uma falha a nível do Ordenamento Florestal, devido muitas vezes a falta de orientações e articulação entre os serviços.
  11. 11. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional
  12. 12. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional Perante os cenários previstos de alterações climáticas, teremos que repensar as linhas orientadoras do Ordenamento Florestal, tendo em linha de conta modificações na localização das zonas de maior produtividade das espécies, o aumento da possibilidade de risco de incêndio e o acréscimo do impacto das pragas e doenças. Assim, o Ordenamento Florestal deve ter a plasticidade suficiente para se adaptar às novas condicionantes.
  13. 13. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional O Ordenamento Florestal é indissociável do Ordenamento do Território. A floresta é uma classe de espaço estruturante da paisagem, sobretudo quando falamos de regiões eminentemente rurais, espaço suporte de vida, determinante no modelo de ocupação humana e para o qual é imprescindível ter presente o seu valor multifuncional, bem como o seu papel na protecção dos recursos naturais.
  14. 14. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional Como refere COVAS (2006), «Acresce que o desenvolvimento rural sustentável é, antes de mais, a arte de vida. É modesto por natureza porque respeita a pessoa da natureza. Por isso, reclama soluções adaptadas e não leis universais.»
  15. 15. As Políticas Públicas Florestais e o Ordenamento Florestal 6.º Congresso Florestal Nacional Obrigado

×