Daniel nº5; António nº2; Fábio nº8
Sabe o que o cigarro contém?! Então veja!
O cigarro contém:

Nicotina;
Alcatrão;
Monóxido de carbono;
Substâncias radioact...
O câncer de boca é uma denominação que inclui os cânceres de lábio e de cavidade oral
(mucosa bucal, gengivas, palato duro...
Os desportistas fumadores têm como consequência a perda de forças que lhes podem
ser úteis no seu trabalho.
Os fumadores p...
As pessoas que aspiram involuntariamente o fumo libertado pelos cigarros dos
fumadores são designados por fumadores passiv...
O Fumo e a gravidez

Fumar durante a gravidez traz sérios riscos para a saúde da mulher e do feto.
Abortos espontâneos, na...
FIM !

Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Grupo 4 António Daniel Fábio

258 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
258
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Grupo 4 António Daniel Fábio

  1. 1. Daniel nº5; António nº2; Fábio nº8
  2. 2. Sabe o que o cigarro contém?! Então veja! O cigarro contém: Nicotina; Alcatrão; Monóxido de carbono; Substâncias radioactivas; Metais pesado E ainda s; ...
  3. 3. O câncer de boca é uma denominação que inclui os cânceres de lábio e de cavidade oral (mucosa bucal, gengivas, palato duro, língua oral e assoalho da boca). O câncer de lábio é mais frequente em pessoas brancas, e registra maior ocorrência no lábio inferior em relação ao superior. O câncer em outras regiões da boca acomete principalmente tabagistas e os riscos aumentam quando o tabagista é também alcoólatra. Sintomas O principal sintoma deste tipo de câncer é o aparecimento de feridas na boca que não cicatrizam em uma semana. Outros sintomas são ulcerações superficiais, com menos de 2 cm de diâmetro, indolores (podendo sangrar ou não) e manchas esbranquiçadas ou avermelhadas nos lábios ou na mucosa bucal. Dificuldade para falar, mastigar e engolir, além de emagrecimento acentuado, dor e presença de linfadenomegalia cervical (caroço no pescoço) são sinais de câncer de boca em estágio avançado.
  4. 4. Os desportistas fumadores têm como consequência a perda de forças que lhes podem ser úteis no seu trabalho. Os fumadores podem com o tempo originar doenças prejudiciais à saúde. A prática de exercício físico estava inversamente relacionada com o tabagismo, sendo os desportos de reduzida endurance os preferidos pelos fumadores. O desporto continua um meio muito eficaz de prevenção do tabagismo. Apenas dois desportistas em dez fumam. São as revelações inquérito europeu feito junto de 21.358 desportistas federados de 13 países europeus com 24 anos de idade em média, representando 78 modalidades. O desporto continua um meio muito eficaz de prevenção do tabagismo, porquanto apenas dois desportistas em dez fumam, ou seja, duas vezes menos que o resto da população, revela um vasto inquérito europeu cujos resultados foram terça-feira publicados. Os desportistas que se dedicam ao prazer do tabaco fumam duas vezes menos que os fumadores não desportistas.
  5. 5. As pessoas que aspiram involuntariamente o fumo libertado pelos cigarros dos fumadores são designados por fumadores passivos. Define-se tabagismo passivo como a inalação do fumo de derivados do tabaco (cigarro, charuto, cigarrilhas, cachimbo) por não fumadores, que convivem com fumadores em ambientes fechados. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) o tabagismo passivo, a 3ª maior causa de morte evitável no mundo, subsequente ao tabagismo activo e ao consumo excessivo de álcool (IARC, 1987; Surgeon General, 1986; Glantz, 1995). As pessoas que estão próximas de fumadores, especialmente em ambientes fechados, inalam mais de 400 substâncias que podem prejudicar a saúde. Os não fumadores expostos ao fumo do cigarro absorvem nicotina, monóxido de carbono e outras substâncias da mesma forma que os fumadores, embora em menor quantidade. A quantidade de tóxicos absorvidos depende da extensão e da intensidade da exposição, além da qualidade da ventilação do ambiente onde se encontra a pessoa.
  6. 6. O Fumo e a gravidez Fumar durante a gravidez traz sérios riscos para a saúde da mulher e do feto. Abortos espontâneos, nascimentos prematuros, bebês de baixo peso, mortes fetais e de recém-nascidos, complicações com a placenta e episódios de hemorragia (sangramento) ocorrem mais freqüentemente quando a mulher grávida fuma. A gestante que fuma apresenta mais complicações durante o parto e têm o dobro de chances de ter um bebê de menor peso e menor comprimento, comparando-se com a grávida que não fuma. Tais problemas se devem, principalmente, aos efeitos do monóxido de carbono e da nicotina exercidos sobre o feto, após a absorção pelo organismo materno. Um único cigarro fumado por uma gestante é capaz de acelerar em poucos minutos, os batimentos cardíacos do feto, devido ao efeito da nicotina sobre o seu aparelho cardiovascular. Assim, é fácil imaginar a extensão dos danos causados ao feto, com o uso regular de cigarros pela gestante.
  7. 7. FIM ! 

×