CEDA
CENTRO DE ECONOMIA DIGITAL
                 APLICADA


INSERINDO O BRASIL NA ERA DIGITAL
INTRODUCAO


Prever o futuro do negócio digital pode ser estratégico para o futuro da
companhia. É relativamente fácil faz...
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Centro De Economia Digital Aplicada
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Centro De Economia Digital Aplicada

477 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
477
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Centro De Economia Digital Aplicada

  1. 1. CEDA CENTRO DE ECONOMIA DIGITAL APLICADA INSERINDO O BRASIL NA ERA DIGITAL
  2. 2. INTRODUCAO Prever o futuro do negócio digital pode ser estratégico para o futuro da companhia. É relativamente fácil fazer previsões confiáveis em sistemas de manufatura (hardware), como o aumento substantivo da potência dos microprocessadores e chips de memória. Tendências similares ocorrerão no campo das comunicações digitais, armazenagem de disco e acesso sem fio. O que é mais complicado prever, mas muito mais importante, é como os negócios organizarão o funcionamento dessas tecnologias. As tecnologias digitais estão orientando invenções complementares em novos processos empresariais, estruturas organizacionais e estratégias de negócios. Esses aspectos intangíveis são menos visíveis do que os avanços industriais, mas terão impacto econômico muito maior. À1

×