Porto ed. acordo ortogr

1.389 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.389
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
45
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Porto ed. acordo ortogr

  1. 1. DESCUBRAO ACORDO ORTOGRÁFICOcom a Porto EditoraAção de formação Departamento de Dicionários
  2. 2. ACORDO ORTOGRÁFICOÍNDICE Oo 1. REGRAS 1.1. Alfabeto 1.2. Consoantes 1.3. Acentuação gráfica 1.4. Maiúsculas e minúsculas 1.5. Hífen 1.6. Translineação 2. FERRAMENTAS E OBRAS DE REFERÊNCIA 2.1. Conversor de texto 2.2. Conversor de ficheiros 2.3. Obras de referência
  3. 3. ACORDO ORTOGRÁFICOINTRODUÇÃO Oo UNIFICAÇÃO DA ORTOGRAFIA DA LÍNGUA PORTUGUESA ACORDO ORTOGRÁFICO DE 1990 Mas há… As alterações são apenas na escrita. Uma redução significativa Critério fonético: das diferenças o que não se pronuncia, não se escreve! ortográficas!
  4. 4. Oo1. REGRAS
  5. 5. ACORDO ORTOGRÁFICOTÓPICOS DAS ALTERAÇÕES Oo 1.4. MAIÚSCULAS E 1.1. ALFABETO MINÚSCULAS (ganha 3 letras) (redução do uso da maiúscula inicial) 1.2. CONSOANTES (eliminação das consoantes c e 1.5. HÍFEN p mudas e proliferação de (simplificação do uso do hífen) grafias duplas) 1.3. ACENTUAÇÃO GRÁFICA 1.6. TRANSLINEAÇÃO (regras de palavras graves e (obrigatoriedade da repetição acentos diferenciais) do hífen na linha seguinte)
  6. 6. ACORDO ORTOGRÁFICO1.1. ALFABETO Oo O alfabeto português ganhou mais três letras: K (capa ou cá) W (dâblio/dáblio ou duplo vê) Y (ípsilon ou i grego) ƒ Antropónimos originários de línguas estrangeiras e seus derivados: Kant, kantiano ƒ Siglas, símbolos e unidades de medida usadas internacionalmente: WWW, yd, watt
  7. 7. ACORDO ORTOGRÁFICO1.1. ALFABETO Oo ƒTopónimos originários de línguas estrangeiras e seus derivados: washingtoniano (de Washington) ƒ forma vernácula ou aportuguesada (Genebra, e não Genève) ƒ oscilação no uso entre a forma vernácula e a grafia de origem (Francoforte e Frankfurt) ƒ Estrangeirismos de uso corrente: carjacking, whisky, yoga ƒ Africanismos: kwanza
  8. 8. ACORDO ORTOGRÁFICO1.2. CONSOANTES: não articuladas Oo As consoantes mudas c e p são eliminadas em todas as palavras onde estas letras não são pronunciadas. cc > c pc > c accionar > acionar excepcional > excecional cç > ç pç > ç acção > ação recepção > receção ct > t pt > t electricidade > eletricidade Egipto > Egito
  9. 9. ACORDO ORTOGRÁFICO1.2. CONSOANTES: articuladas Oo As consoantes pronunciadas de certas sequências interiores são conservadas. cc faccioso, ficcional, occitânico cç convicção, ficção, sucção ct bactéria, compacto, pacto pc egípcio, núpcias, opcional pç corrupção, erupção, opção pt apto, eucalipto, rapto
  10. 10. ACORDO ORTOGRÁFICO1.2. CONSOANTES: grafias duplas Oo Quando há oscilação na pronúncia, admitem-se duplas grafias. a) Oscilação no interior da norma de variedade portuguesa: característica ou caraterística setor ou sector b) Oscilação entre a norma de variedade portuguesa e a brasileira: amnistia ou anistiaBr facto ou fatoBr ATENÇÃO! Nas sequências receção ou recepçãoBr interiores mpc, mpç e mpt, quando o p cai, o m passa a n, escrevendo-se nc, nç e nt: assumpção* ou assunção, peremptórioBR ou perentório, sumptuoso ou suntuosoBR.
  11. 11. ACORDO ORTOGRÁFICO1.3. ACENTUAÇÃO GRÁFICA: supressão do acento Oo ƒ Ditongos abertos oi de palavras graves: bóia > boia Atenção! O ditongo oi de palavras agudas e monossílábicas continua a ser jóia > joia acentuado: constrói, herói, dói. ƒ Formas verbais graves em -êem: Atenção! Os verbos ter e vir (e crêem > creem derivados) continuam a ser acentuados dêem > deem na 3.ª pessoa do plural: Eles têm dois filhos. Elas vêm de avião. ƒ Formas verbais dos verbos arguir e redarguir nas 2.ª e 3.ª pessoas do singular e 3.ª pessoa do plural: argúis, argúi, argúem > arguis, argui, arguem
  12. 12. ACORDO ORTOGRÁFICO1.3. ACENTUAÇÃO GRÁFICA: acentos diferenciais Oo Alguns pares homógrafos deixam de ser distinguidos pelo acento: AO 1945 AO 1990 pára (forma do verbo parar) / para (preposição) para pêlo (nome) / pélo (forma do verbo pelar) / pelo (contração) pelo péla (forma do verbo pelar) / péla (nome) / pela (contração) pela pólo (nome) / pôlo (nome) / polo (contração) polo pêra (nome) / pera (preposição arcaica) pera pêro (nome) / pero (conjunção arcaica) pero coa (contração) / côa (nome) / Coa (topónimo) coa/Coa Atenção! O acento continua a ser obrigatório em pôde (3.ª pessoa do pretérito perfeito do indicativo de poder) para diferenciar de pode (3.ª pessoa do presente do indicativo de poder) e em pôr (infinitivo) para distinguir de por (preposição).
  13. 13. ACORDO ORTOGRÁFICO1.3. ACENTUAÇÃO GRÁFICA: facultatividade Oo ƒ Formas verbais da 1.ª pessoa do plural do pretérito perfeito dos verbos da 1.ª conjugação: passámos ou passamos ƒ Forma verbal da 1.ª pessoa do plural do presente do conjuntivo do verbo dar: dêmos ou demos ƒ Nome feminino que significa ‘molde’ ou ‘recipiente’: forma ou fôrma ƒ Alguns verbos em -guar, -quar, -quir: averiguo ou averíguo
  14. 14. ACORDO ORTOGRÁFICO1.3. ACENTUAÇÃO GRÁFICA: dupla acentuação Oo ƒ Palavras graves e esdrúxulas com e e o tónicos seguidos das consoantes nasais m ou n com as quais não formam sílaba: ténis e tênisBr / oxigénio e oxigênioBr Exceções: cômoro, fêmea, sêmola e têmpera. ƒ Palavras agudas com e e o tónicos, geralmente provenientes do francês, em que há oscilação de pronúncia: bebé e bebêBr / ró e rôBr ƒ Palavras agudas terminadas em o fechado: judo e judôBr / metro e metrôBr
  15. 15. ACORDO ORTOGRÁFICO1.3. ACENTUAÇÃO GRÁFICA: norma brasileira Oo ƒ Palavras graves com ditongo tónico éi: assembléiaBr > assembleia idéiaBr > ideia ƒ Palavras graves com i e u tónicos precedidos de ditongo: baiúcaBr > baiuca tauísmoBr > tauismo ƒ Palavras graves terminadas em o duplo: enjôoBr > enjoo vôoBr > voo Atenção! O trema continuará a ser usado em vocábulos de origem ƒ Palavras com trema: estrangeira e seus lingüistaBr > linguista derivados: mülleriano tranqüiloBr > tranquilo (de Müller).
  16. 16. ACORDO ORTOGRÁFICO1.4. MAIÚSCULAS E MINÚSCULAS: uso da minúscula Oo ƒ Meses do ano: janeiro, abril, novembro, etc. ƒ Estações do ano: primavera, verão, outono, inverno ƒ Designações usadas para mencionar alguém cujo nome se desconhece: fulano, sicrano, beltrano ƒ Pontos cardeais, colaterais e subcolaterais: Atenção! Mantém-se a maiúscula inicial nas abreviaturas e nos norte, este, sudeste, és-nordeste, etc. casos em que estes nomes designam regiões: Vivo no Norte (por norte de Portugal).
  17. 17. ACORDO ORTOGRÁFICO1.4. MAIÚSCULAS E MINÚSCULAS: uso facultativo Oo ƒ Disciplinas escolares, cursos e domínios de saber: matemática ou Matemática ƒ Nomes de vias, lugares públicos, monumentos ou edifícios: Igreja do Bonfim ou igreja do Bonfim Rua da Restauração ou rua da Restauração ƒ Formas de tratamento: Senhor Professor ou senhor professor ƒ Nomes sagrados: Santa Rita ou santa Rita ƒ Títulos de livros ou obras, exceto o primeiro elemento e os nomes próprios que se grafam com maiúscula inicial: Memorial do Convento ou Memorial do convento
  18. 18. ACORDO ORTOGRÁFICO1.5. HIFENIZAÇÃO: supressão do hífen Oo ƒ Locuções de uso geral: Exceções: água-de-colónia, cartão-de-visita > cartão de visita arco-da-velha, cor-de-rosa, mais-que-perfeito, pé-de-meia, fim-de-semana > fim de semana ao deus-dará, à queima-roupa. ƒ Compostos em que se perdeu a noção de composição: manda-chuva > mandachuva pára-quedas > paraquedas ƒ Palavras formadas por prefixos ou falsos prefixos terminados em vogal e em que o segundo elemento começa por r ou s, duplicando-se estas consoantes: anti-rugas > antirrugas ultra-secreto > ultrassecreto
  19. 19. ACORDO ORTOGRÁFICO1.5. HIFENIZAÇÃO: supressão do hífen Oo ƒ Palavras formadas por prefixos ou falsos prefixos terminados em vogal e em que o segundo elemento começa por vogal diferente: auto-estrada > autoestrada extra-escolar > extraescolar ƒ Formas monossilábicas do presente do indicativo do verbo haver seguidas da preposição de: hei-de > hei de hão-de > hão de
  20. 20. ACORDO ORTOGRÁFICO1.5. HIFENIZAÇÃO: emprego do hífen Oo ƒ Compostos que designam espécies ATENÇÃO! boca-de-fogo enquanto botânicas ou zoológicas: peixe é hifenizado, como sinónimo de uma peça de artilharia não leva estrela-do-mar, feijão-verde hífen. ƒ Palavras formadas por prefixos ou falsos Exceção: As formações com des-, prefixos e em que o elemento seguinte in- e re- continuam a escrever-se começa por h: aglutinadas: desumano, inábil, reabilitar. anti-higiénico, super-homem ƒ Palavras formadas por prefixos ou falsos Se o elemento seguinte começa prefixos terminados em consoante e em por uma consoante diferente ou que o elemento seguinte começa por por uma vogal, não se usa hífen: hipermercado, consoante igual: superinteressante. hiper-realista, inter-regional, super-realista
  21. 21. ACORDO ORTOGRÁFICO1.5. HIFENIZAÇÃO: emprego do hífen Oo ƒ Palavras formadas por prefixos ou falsos Atenção! Excetuam-se as prefixos terminados em vogal e em que o palavras formadas com o segundo elemento começa pela mesma vogal: prefixo co- mesmo quando o elemento seguinte inicia por o: anti-inflamatório, micro-ondas coocorrência, coobrigação. ƒ Palavras formadas pelos prefixos pós-, pré- e pró-: pós-graduação, pré-escolar, pró-vida ƒ Palavras formadas pelos prefixos circum- e pan- e em que o segundo elemento começa por vogal, h, m ou n: pan-africano, pan-helénico, circum-murado, circum-navegação
  22. 22. ACORDO ORTOGRÁFICO1.6. TRANSLINEAÇÃO Oo Na translineação de uma palavra composta ou de uma combinação de palavras em que há um hífen, se a partição coincide com o final de um dos elementos ou membros, deve, por clareza gráfica, repetir-se o hífen no início da linha seguinte. A Mariana ainda anda na pré- -escola, mas o irmão mais velho, o Guilherme, já é trabalhador- -estudante.

×