Fisiologia neurolã“gica (1)

749 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
749
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos. Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
  • Fisiologia neurolã“gica (1)

    1. 1. Internas Medicina: Vanessa Oliveira Thays Oliveira Profª Drª Socorro.
    2. 2.  O SNC divide-se em encéfalo e medula.  O encéfalo corresponde ao telencéfalo (hemisférios cerebrais), diencéfalo (tálamo e hipotálamo), cerebelo, e tronco cefálico  O tronco encefálico se divide em: BULBO, situado caudalmente; MESENCÉFALO, situado cranialmente; e PONTE, situada entre ambos.  .
    3. 3. SNC - Medula espinhal Conduz impulsos nervosos Neurônios aferentes Neurônios eferentes Reflexos  .
    4. 4. • Os órgãos do SNC são protegidos por estruturas esqueléticas (caixa craniana, protegendo o encéfalo; e coluna vertebral, protegendo a medula - também denominada raque) e por membranas denominadas meninges, situadas sob a proteção esquelética: dura-máter (a externa), aracnóide (a do meio) e pia-máter (a interna).  .
    5. 5.  .
    6. 6.  .
    7. 7.  O encéfalo humano contém cerca de 35 bilhões de neurônios e pesa aproximadamente 1,4 kg. O telencéfalo ou cérebro é dividido em dois hemisférios cerebrais bastante desenvolvidos.  Nestes, situam-se as sedes da memória e dos nervos sensitivos e motores.
    8. 8.  Em seu desenvolvimento, o córtex ganha diversos sulcos para permitir que o cérebro esteja suficientemente compacto para caber na calota craniana, que não acompanha o seu crescimento
    9. 9. Os lobos são as principais divisões físicas do córtex cerebral:  frontal é responsável pelo planejamento consciente e pelo controle motor.  temporal tem centros importantes de memória e audição.  O lobo parietal lida com os sentidos corporal e espacial.  o lobo occipital direciona a visão.
    10. 10.  A região superficial do telencéfalo, que acomoda bilhões de corpos celulares de neurônios (substância cinzenta), constitui o córtex cerebral,  O córtex recobre um grande centro medular branco, formado por fibras axonais (substância branca).  Em  meio a este centro branco (nas profundezas do telencéfalo), há agrupamentos de corpos celulares neuronais que formam os núcleos (gânglios) da base ou núcleos (gânglios) basais, envolvidos em conjunto, no controle do movimento.
    11. 11.  ESQUEMA DE UM CORTE DO CÉREBRO, MOSTRANDO A SUBSTÂNCIA CINZENTA (CÓRTEX CEREBRAL) E A SUBSTÂNCIA BRANCA A camada externa do cérebro, formada por esta substância cinzenta, denomina-se córtex cerebral. A parte interna é formada pela substância branca. (exceção bulbo e medula)
    12. 12.  Entre os hemisférios, estão os VENTRÍCULOSEntre os hemisférios, estão os VENTRÍCULOS CEREBRAIS. São reservatórios do LÍQUIDOCEREBRAIS. São reservatórios do LÍQUIDO CÉFALO-RAQUIDIANO, (LÍQÜOR)CÉFALO-RAQUIDIANO, (LÍQÜOR)
    13. 13. O líquor é um líquido claro, com pequenas quantidades de proteína, potássio, glicose e cloreto de sódio. Se o crânio for subitamente deslocado, a densidade do líquor serve para reduzir o impacto entre o encéfalo e os ossos do crânio, reduzindo por meio disso, danos concussivos. Funções  Sustentação  Amortecimento  "limpar" resíduos do metabolismo, drogas e outras substâncias que se difundem no cérebro através do sangue  meio de difusão de células de defesa imunológica e de anticorpos.
    14. 14. PIC - Pressão intracraniana O crânio é como uma "caixa rígida". Quando a pressão intracraniana é aumentada (por injúria ou hidrocefalia), o crânio se torna excessivamente preenchido (tecido cerebral inchado, sangue, ou líquor) e pode aumentar a pressão sobre o tecido cerebral.
    15. 15.  Todas as mensagens sensoriais, com exceção das provenientes dos receptores do olfato, passam pelo tálamo antes de atingir o córtex cerebral.  Esta é uma região de substância cinzenta localizada entre o tronco encefálico e o encéfalo  O tálamo atua como estação retransmissora de impulsos nervosos para o córtex cerebral. Ele é responsável pela condução dos impulsos às regiões apropriadas do cérebro onde eles devem ser processados.  O tálamo também está relacionado com alterações no comportamento emocional; que decorre, não só da própria atividade, mas também de conexões com outras estruturas do sistema límbico (que regula as emoções).
    16. 16.  É o principal centro integrador das atividades dos órgãos viscerais, sendo um dos principais responsáveis pela homeostase corporal.  Faz ligação entre o sistema nervoso e o sistema endócrino, atuando na ativação de diversas glândulas endócrinas.  Controla a temperatura corporal, regula o apetite e o balanço de água no corpo, o sono e está envolvido na emoção e no comportamento sexual.  Desempenha, ainda, um papel nas emoções. As partes laterais parecem envolvidas com o prazer e a raiva,. A porção mediana parece mais ligada à aversão, ao desprazer e à tendência ao riso incontrolável.
    17. 17.  Tronco Encefálico é uma área do encéfalo que fica entre o tálamo e a medula espinhal. Possui 3 estruturas como o bulbo, o mesencéfalo e a ponte.
    18. 18. Funções Básicas:  Respiração  Ritmo dos batimentos cardíacos  Pressão Arterial
    19. 19.  Bulbo: recebe informações de vários órgãos do corpo, controlando as funções autônomas (a chamada vida vegetativa): batimento cardíaco, respiração, pressão do sangue, reflexos de salivação, tosse, espirro e o ato de engolir.  Ponte: centro de transmissão de impulsos para o cerebelo. Serve ainda de passagem para as fibras nervosas que ligam o cérebro à medula.  Mesencéfalo :locomoção
    20. 20.  Situado atrás do cérebro está o cerebelo, que é primariamente um centro para o controle dos movimentos iniciados pelo córtex motor (possui extensivas conexões com o cérebro e a medula espinhal).  Como o cérebro, também está dividido em dois hemisférios. Porém, ao contrário dos hemisférios cerebrais, o lado esquerdo do cerebelo está relacionado com os movimentos do lado esquerdo do corpo, enquanto o lado direito, com os movimentos do lado direito do corpo.
    21. 21.  O cerebelo recebe informações do córtex motor e dos gânglios basais de todos os estímulos enviados aos músculos. A partir das informações do córtex motor sobre os movimentos musculares que pretende executar e de informações proprioceptivas que recebe diretamente do corpo (articulações, músculos, áreas de pressão do corpo, aparelho vestibular e olhos), avalia o movimento realmente executado.
    22. 22.  Após a comparação entre desempenho e aquilo que se teve em vista realizar, estímulos corretivos são enviados de volta ao córtex para que o desempenho real seja igual ao pretendido. Dessa forma, o cerebelo relaciona- se com os ajustes dos movimentos, equilíbrio, postura e tônus muscular.
    23. 23.  Movimento  Equilíbrio  Postura  Tônus muscular
    24. 24.  Alterações da dinâmica cerebral, hipertensão intracraniana, regulação do fluxo sanguíneo cerebral, formação de edema cerebral e alterações no líquor.
    25. 25.  O crânio é um compartimento rígido, preenchido por cérebro (80%), sangue (10-12%) e LCR (8- 10%).  Doutrina de Monro-Kellie: equilíbrio entre os compartimentos.  Objetivo: manter PIC normal  Se o volume de um dos compartimentos aumenta, o volume de um ou mais compartiimentos deve diminuir ou a PIC irá aumentar. Nos ventrículos, a PIC normalmente deve ser menor que 15 mmHg.
    26. 26. PPC = PAM – PIC  PPC normal: 80 mmHg  PPC abaixo de 60-70: aumento de mortalidade e seqüelas neurológicas.
    27. 27.  Cérebro: 750 ml de sangue/min => 15% do DC e 20% do consumo de O2 cerebral. FSC normal: 50-60 ml/100g/min  Se o FSC cai: diminui função neuronal e depois, há lesão cerebral irreversível.  Se o FSC aumenta: edema cerebral e áreas de hemorragia. Q = PPC.π.r4/ 8.l.n
    28. 28. Padrões de fluxo na injúria intracraniana  Hiperêmico: pode causar edema e predispor a sangramentos e herniações. A PIC aumenta em reflexo da vasodilatação para tentar aumentar PPC e FSC.  Oligoêmico: aumenta vulnerabilidade a isquemia. PIC aumenta por edema cerebral, que diminui a PPC e FSC. Alta morbi- mortalidade.
    29. 29.  30-40% do O2 consumido pelo cérebro é para manter a integridade celular.  70% trabalho eletrofisiológico  Declínio de 10°C ↓ consumo de O2 em 50%.
    30. 30.  Depressão profunda da atividade cerebral.  Diminui o consumo de O2.
    31. 31.  Cérebro suporta períodos muito curtos de isquemia, diferentemente dos rins, do fígado...importância manutenção FSC constante.  Manutenção do FSC - assegurar oferta constante de oxigênio e glicose, além de retirar os produtos do metabolismo cerebral, e depende do equilíbrio entre a pressão intracraniana (PIC) e a pressão arterial média do sangue (PAM).  Quando a PAM diminui, mecanismos fisiológicos são ativados para manter o FSC e evitar isquemia neuronal. Se a PAM se eleva, o FSC também deve ser mantido senão o cérebro incharia pelo aumento do FSC e a PIC se elevaria. Este processo é denominado de auto-regulação.
    32. 32.  Mecanismos que mantém o FSC constante mediante a flutuação da PAM.  ↓ PPC = compensado por vasodilatação  ↑ PPC = compensado por vasoconstricção => Regulado pela demanda metabólica, inervação simpática, parassimpática, concentração de substâncias como adenosina, NO, PaO2, PaCO2.
    33. 33.  É o equilíbrio da oferta e demanda de glicose e O2 cerebrais. => Durante a ativação cortical, o aumento de consumo de glicose e O2 são compensados por um aumento concomitante do FSC. ⇒ Na sedação e hipotermia, ocorre o contrário.  Mediadores envolvidos: - dilatadores – H+, ácido lático, potássio, prostaciclina, adenosina e NO. - constrictores – tromboxana A2
    34. 34.  Causa vasodilatação arteriolar, ↑ FSC e ↑ PIC.  Efeito mediado por H+.  Hiperventilação diminui a PIC às custas de queda do FSC e alto potencial de isquemia.  Efeito da hiperventilação é temporário, com correção gradual do pH e FSC.
    35. 35.  PaO2<50 mmHg ↑ FSC por vasodilatação  Pode haver hiperemia, edema, evoluiu com aumento da PIC e diminuir PPC, causando isquemia e lesão neuronal secundária.

    ×