Ind Eua

2.553 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.553
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
72
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ind Eua

  1. 1. Independência dos EUA Profª Liana Suzuki
  2. 2. Definição <ul><li>movimento que, inspirado nos princípios iluministas, determinou o fim do domínio da Inglaterra sobre as chamadas 13 colônias inglesas na América (futuro EUA); </li></ul><ul><li>A Independência dos Estados Unidos é considerada a primeira revolução americana (a segunda foi a Guerra de Secessão, também nos Estados Unidos). Ela foi um marco na crise do Antigo Regime porque rompeu a unidade do sistema colonial. </li></ul>
  3. 3. Colônias do Norte e Sul <ul><li>Norte: região colonizada por protestantes europeus, principalmente ingleses, que fugiam das perseguições religiosas. </li></ul><ul><li>Também chamada de Nova Inglaterra. </li></ul><ul><li>Colonização de povoamento com as seguintes características : mão-de-obra livre, economia baseada no comércio, pequenas propriedades e produção para o consumo do mercado interno. </li></ul>
  4. 4. Colônias do Norte e Sul <ul><li>Sul: colônias como a Virginia, Carolina do Norte e do Sul e Geórgia. Escravidão. </li></ul><ul><li>Colonização de exploração. Eram exploradas pela Inglaterra e tinham que seguir o Pacto Colonial. </li></ul><ul><li>Baseadas no latifúndio, mão-de-obra escrava, produção para a exportação para a metrópole e monocultura. </li></ul>
  5. 5. Causas <ul><ul><li>1- Guerra dos 7 anos: Inglaterra adotou uma série de medidas com o intuito de tornar mais rígido o monopólio sobre as colônias, com o intuito de obter maior riqueza. </li></ul></ul><ul><ul><li>2- Revolução Industrial: Em 1750, a Inglaterra proíbe a produção do ferro e em 1754 proíbe a fabricação de tecidos. Necessidade de ampliação de mercados </li></ul></ul><ul><ul><li>3- Restrições coercitivas: </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Queriam recuperar as finanças do Estado Inglês </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Tentativa de impor o cumprimento do pacto colonial às Colônias do Norte. </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Imposições fiscais que originaram diversos movimentos de protesto e boicotes à Inglaterra. </li></ul></ul></ul>
  6. 6. Causas <ul><ul><li>4- Iluminismo: Difusão de ideais iluministas (liberdade econômica, liberdade política, igualdade jurídica etc.) </li></ul></ul><ul><ul><li>5- Igualdade: Revolta por representatividade no Parlamento. </li></ul></ul>
  7. 7. As medidas coercitivas <ul><li>Lei do Açúcar (1764) taxando o açúcar que não fosse comprado das Antilhas Inglesas. </li></ul><ul><li>Lei do Selo (1765) obrigava a utilização de selo em qualquer documento, jornais ou contratos. </li></ul><ul><li>Atos Townshend (1767) Leis que taxavam a importação de diversos produtos de consumo (vidro, papel, chá). Criavam os Tribunais Alfandegários. </li></ul><ul><li>Lei do Chá (1773) garantia o monopólio do comércio de chá para a Cia das Índias Orientais </li></ul><ul><ul><li>No porto de Boston, comerciantes disfarçados de índios mohawks destruíram trezentas caixas de chá tiradas dos barcos, no episódio conhecido como A Festa do Chá de Boston (The Boston Tea Party). </li></ul></ul>
  8. 8. As medidas coercitivas: <ul><li>Leis Intoleráveis (1774) interditava o porto da cidade, imposição de um novo governador para Massachussets e aquartelamento de tropas britânicas. </li></ul><ul><li>Ato de Quebec (1774) impedia que as colônias de Massachussets, Virgínia, Connecticut e Pensilvânia ocupassem terras à oeste. </li></ul>
  9. 9. Longo processo de Independência 1776-1793 <ul><li>(1774) Convocação do Primeiro Congresso Continental de Filadélfia, de caráter não-separatista. Reivindicavam: </li></ul><ul><ul><li>Fim das leis restritivas </li></ul></ul><ul><ul><li>Representação dos colonos no Parlamento: “Nenhuma taxação sem representação” </li></ul></ul><ul><li>(1775) Início da Guerra de Independência com a tomada de Boston. </li></ul>
  10. 10. Longo processo de independência <ul><li>(1776) O Segundo Congresso de Filadélfia. Caráter separatista. </li></ul><ul><ul><li>Em 1776, a Virgínia declarou-se independente, com uma Declaração dos Direitos do Homem. </li></ul></ul><ul><ul><li>George Washington:comandante das tropas americanas. </li></ul></ul><ul><ul><li>Thomas Jefferson: encarregado da comissão para redigir a Declaração da Independência. </li></ul></ul><ul><ul><li>Em 4 de julho de 1776, Filadélfia, promulgaram o documento. </li></ul></ul><ul><li>A guerra se estende com apoio de França, Holanda e Espanha. Reconhecimento no tratado de Versalhes em 1783. </li></ul>
  11. 11. Constituição Americana <ul><li>A 1ª Constituição Americana (1787): República federativa, divisão de poderes, direito à liberdade, igualdade jurídica, propriedade e prosperidade, voto censitário. Índios, negros e mulheres sem direitos constitucionais. </li></ul><ul><li>liberdade de expressão, de imprensa, de crença religiosa, de reunião, a inviolabilidade do domicílio, direito a julgamento (ninguém  podia ser preso e condenado sem o devido processo judicial, etc.) </li></ul>
  12. 12. Importância do movimento <ul><li>1ª nação independente das Américas </li></ul><ul><li>Influenciou os demais movimentos de libertação na América, ocorridos no início do século XIX </li></ul><ul><li>Primeiro movimento que se inspirou no iluminismo e triunfou . </li></ul>
  13. 13. Observações finais <ul><li>Na prática, o direito à liberdade e a busca da felicidade que constava na declaração não valia para todas  as pessoas. A ESCRAVIDÃO NEGRA, por exemplo, foi mantida até a Guerra de Secessão (1861-1865). Os autores da declaração não se preocuparam, com mais de ½ milhão de negros que sofriam com a escravidão, aliás, Thomas Jefferson foi um dos grandes proprietários de escravos do seu tempo, embora fosse, teoricamente, antiescravista e abolicionista </li></ul><ul><li>Os ÍNDIOS AMERICANOS , não tiveram direito à liberdade, foram massacrados, sofreram destruição na sua cultura e expulsão de suas terras </li></ul><ul><li>As MULHERES  americanas não possuíam direitos civis, eram consideradas inferiores e subordinadas ao poder absoluto do homem. </li></ul>

×