SlideShare uma empresa Scribd logo

pdfslide.net_2o-curso-de-apometria.pptx

S
S

.

pdfslide.net_2o-curso-de-apometria.pptx

1 de 199
Baixar para ler offline
pdfslide.net_2o-curso-de-apometria.pptx
Nós somos seres oriundos da energia
divina. Ela se espalha por todo o Universo,
imantando a tudo e a todos.
A energia divina é a fonte de tudo o que
está contido no Universo.
Energia não tem forma, ela manifesta-se
de várias formas, basta estarmos atentos a
elas.
O homem energético
Todo o Universo é o corpo divino, uma vez
que na existe sem Deus, e tudo o que existe
está contido n'Ele.
O homem energético
O homem é parte dessa energia de Deus.
Vivemos porque somos animados por essa
energia macro e microcósmica, ao mesmo
tempo.
O homem energético
Uma energia única que vibra e faz que
sejamos seres (partículas) contidos num todo
muito maior e imensurável, tanto em formas,
quanto em imagens. Não somos os únicos a
usufruir dessa energia, todo universo está
ligado, somente não a compreendemos
totalmente.
O homem energético
A energia Divina irradia em nosso plano e à
medida que se densifica, apresenta
características distintas de acordo com sua
vibração.
Não existe diferença entre o funcionamento
de um átomo, de uma célula humana, de um
ser humano, ou do Universo.
O homem energético

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a pdfslide.net_2o-curso-de-apometria.pptx

Corpos Espirituais
Corpos EspirituaisCorpos Espirituais
Corpos Espirituaispaikachambi
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Levi Antonio Amancio
 
A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012
A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012
A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012Eduardo Henrique Marçal
 
Curso energizacao ou fluidoterapia
Curso energizacao ou fluidoterapiaCurso energizacao ou fluidoterapia
Curso energizacao ou fluidoterapiaSergioMello
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da MediunidadeEstudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da MediunidadeLeonardo Pereira
 
Mocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corpos
Mocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corposMocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corpos
Mocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corposSergio Lima Dias Junior
 
energia aura e chacras
energia aura e chacrasenergia aura e chacras
energia aura e chacrascarol brandao
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12José Augusto Vieira
 
Oficina de Passe na Casa Espírita.ppt
Oficina de Passe na Casa Espírita.pptOficina de Passe na Casa Espírita.ppt
Oficina de Passe na Casa Espírita.pptLuizEdmundoSilva1
 
Saude quantica biofisica a serviço da vida
Saude quantica   biofisica a serviço da vidaSaude quantica   biofisica a serviço da vida
Saude quantica biofisica a serviço da vidaFranklin franklin
 

Semelhante a pdfslide.net_2o-curso-de-apometria.pptx (20)

Fluidos e perispírito
Fluidos e perispíritoFluidos e perispírito
Fluidos e perispírito
 
Corpos Espirituais
Corpos EspirituaisCorpos Espirituais
Corpos Espirituais
 
Duplo Etérico
Duplo EtéricoDuplo Etérico
Duplo Etérico
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
 
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptxCurso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
Curso_MENTALISMO_Aula 2.pptx
 
A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012
A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012
A mente e as Causas de Adoecimento - femh set2012
 
40 curso passe2
40 curso passe240 curso passe2
40 curso passe2
 
40 curso passe2
40 curso passe240 curso passe2
40 curso passe2
 
Curso energizacao ou fluidoterapia
Curso energizacao ou fluidoterapiaCurso energizacao ou fluidoterapia
Curso energizacao ou fluidoterapia
 
Aura
AuraAura
Aura
 
Estudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da MediunidadeEstudo Sistematizado da Mediunidade
Estudo Sistematizado da Mediunidade
 
52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior
52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior
52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior
 
52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior
52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior
52359699 trigueirinho-caminhos-para-a-cura-interior
 
Mocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corpos
Mocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corposMocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corpos
Mocidade Espírita Chico Xavier - Aula 2 O espírito e seus corpos
 
energia aura e chacras
energia aura e chacrasenergia aura e chacras
energia aura e chacras
 
09 duplo etérico
09 duplo etérico09 duplo etérico
09 duplo etérico
 
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
Curso de-passe-2012-aula-1-29.09.12
 
Oficina de Passe na Casa Espírita.ppt
Oficina de Passe na Casa Espírita.pptOficina de Passe na Casa Espírita.ppt
Oficina de Passe na Casa Espírita.ppt
 
Corpos Espirituais
Corpos EspirituaisCorpos Espirituais
Corpos Espirituais
 
Saude quantica biofisica a serviço da vida
Saude quantica   biofisica a serviço da vidaSaude quantica   biofisica a serviço da vida
Saude quantica biofisica a serviço da vida
 

Último

Como diminuir a diabetes rapidamente de forma natural
Como diminuir a diabetes rapidamente de forma naturalComo diminuir a diabetes rapidamente de forma natural
Como diminuir a diabetes rapidamente de forma naturalsauljunior
 
Vencendo a Depressão: Um Guia para a Recuperação
Vencendo a Depressão: Um Guia para a RecuperaçãoVencendo a Depressão: Um Guia para a Recuperação
Vencendo a Depressão: Um Guia para a Recuperaçãodouglasmeira456
 
amazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdf
amazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdfamazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdf
amazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdfdaianebarbosaribeiro
 
COMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO
COMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃOCOMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO
COMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃOMr. Johnny Bispo
 
ciências morfo sistema imune e hematologico
ciências morfo sistema imune e hematologicociências morfo sistema imune e hematologico
ciências morfo sistema imune e hematologicopamelacastro71
 
Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!
Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!
Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!lojadropch
 
2.Gardner - Anatomia.pdf
2.Gardner - Anatomia.pdf2.Gardner - Anatomia.pdf
2.Gardner - Anatomia.pdfBrunnaHolanda
 

Último (7)

Como diminuir a diabetes rapidamente de forma natural
Como diminuir a diabetes rapidamente de forma naturalComo diminuir a diabetes rapidamente de forma natural
Como diminuir a diabetes rapidamente de forma natural
 
Vencendo a Depressão: Um Guia para a Recuperação
Vencendo a Depressão: Um Guia para a RecuperaçãoVencendo a Depressão: Um Guia para a Recuperação
Vencendo a Depressão: Um Guia para a Recuperação
 
amazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdf
amazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdfamazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdf
amazonicarosa-com-br-pv2-pvlippgkvlafafi3vjd86d1-240107103257-661a7832.pdf
 
COMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO
COMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃOCOMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO
COMO PREVENIR A DENGUE: ESTRATÉGIAS DE PREVENÇÃO
 
ciências morfo sistema imune e hematologico
ciências morfo sistema imune e hematologicociências morfo sistema imune e hematologico
ciências morfo sistema imune e hematologico
 
Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!
Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!
Como prevenir a queda no seu cabelo|queda nunca mais!
 
2.Gardner - Anatomia.pdf
2.Gardner - Anatomia.pdf2.Gardner - Anatomia.pdf
2.Gardner - Anatomia.pdf
 

pdfslide.net_2o-curso-de-apometria.pptx

  • 2. Nós somos seres oriundos da energia divina. Ela se espalha por todo o Universo, imantando a tudo e a todos. A energia divina é a fonte de tudo o que está contido no Universo. Energia não tem forma, ela manifesta-se de várias formas, basta estarmos atentos a elas. O homem energético
  • 3. Todo o Universo é o corpo divino, uma vez que na existe sem Deus, e tudo o que existe está contido n'Ele. O homem energético
  • 4. O homem é parte dessa energia de Deus. Vivemos porque somos animados por essa energia macro e microcósmica, ao mesmo tempo. O homem energético
  • 5. Uma energia única que vibra e faz que sejamos seres (partículas) contidos num todo muito maior e imensurável, tanto em formas, quanto em imagens. Não somos os únicos a usufruir dessa energia, todo universo está ligado, somente não a compreendemos totalmente. O homem energético
  • 6. A energia Divina irradia em nosso plano e à medida que se densifica, apresenta características distintas de acordo com sua vibração. Não existe diferença entre o funcionamento de um átomo, de uma célula humana, de um ser humano, ou do Universo. O homem energético
  • 7. Os processos são idênticos, pois tudo é energia, e nós não passamos de uma molécula energética viva,divina. No Universo, tudo é igual em forma, meio e fim, assim como no seu princípio. Somos TODOS UM. O homem energético
  • 9. As leis são as mesmas, tanto no micro quanto no macro. Assim sendo, se o acúmulo de energias no interior do planeta causou um desastre, este terá fim somente quando se esgotar todo o acúmulo energético e o planeta voltar ao seu estado energético (vibratório) natural. O homem energético
  • 10. O mesmo acontece com o ser humano. Enquanto suas vibrações desordenadas não forem descarregadas do nosso todo espiritual (aura), estaremos suscetíveis a explosões emocionais (choro, histeria, ódios, revoltas, etc., etc., etc). Esse estado somente será modificado ao se restabelecer a harmonia e o equilíbrio entre os pólos material e energético. O homem energético
  • 11. Nesse sentido podemos dizer que possuímos, assim como o planeta, energias (polaridades) positivas e negativas. A energia positiva equilibra tudo o que for amálgama energético. A energia negativa é sinônimo de ação, movimento e instabilidade. Logo, temos nesse tipo de energia a força que movimenta o Universo. O homem energético
  • 12. Se pensarmos no ser humano, ele será identificado como um ser positivo quando suas ações forem harmônicas. E negativo quando suas ações são desarmônicas causando danos à sua volta. O homem energético
  • 13. A busca por entender essas energias levou vários pesquisadores estudar essas energias oriundas dos seres humanos, capazes de produzir um campo magnético que gera efeitos diversos em seu corpo físico e psíquico. O homem energético
  • 14. Entre eles destacou-se o médico Frédéric Antoine Mesmer (1734-1815), que aplicando o princípio de atração universal (de Isaac Newton) e a teoria do fluido universal, conhecida há dois séculos, verificou que o fluido exercia sobre o corpo humano efeitos análogos ao do imã, devido a presença, nos nervos, de um fluido eletromagnético. O homem energético
  • 15. Partindo desse princípio, Mesmer começou a empregar objetos magnéticos na cura de seus pacientes. Posteriormente, ele verificou que conseguia o mesmo efeito, impondo as mãos nos pacientes, sem uso objetos magnéticos. O homem energético
  • 16. Os efeitos alcançados por ele foram atribuídos ao magnetismo humano (animal), distinto do imã e capaz de, por si só, capaz de determinar a cura física e mental. Ele supunha que atuando sobre o fluido vital, poderia curar várias doenças. O homem energético
  • 18. O Mesmerismo ou magnetismo animal, proposto por Mesmer, foi alvo de muitas críticas, considerado como inadequado, por várias instâncias científicas da época que alegavam que o fluido universal não existia e que tudo se passava na imaginação humana. O homem energético
  • 19. Com os avanços da pesquisa sobre magnetismo e hipnose muitos estudioso descobriram que a mente seria capaz de direcionar a cura pela intenção. O homem energético
  • 20. Chales Henry afirmou em seus estudos sobre a “Fisiologia das Sensações” que: - O pensamento é emitido sob a forma de corpúsculos quase imaterial, próximo a um nêutron, com pequena potência magnética, dotados de grande velocidade de propagação. O homem energético
  • 21. - A velocidade do pensamento seria 10 bilhões de vezes maior que a velocidade da luz. - Se emitido com força suficiente, sua ação será sentida pro muitos séculos. - O comprimento de onda vital humana seria encontrado na de irradiação calorífera do corpo humano. O homem energético
  • 22. Segundo ele, existia três tipos de vibração primária no Universo: - Gravítico: matéria físico-química. - Biopsíquico: relacionado ao bioenergético e a vida. - Eletromagnético: aquele que faz a ligação entre o gravítico e o biopsíquico. O homem energético
  • 23. Utilizando a teoria de Ernest Ludwing Plank (teoria do quanta), Henry afirmou que a velocidade biopsíquica de propagação de energia atinge um valor 100 milhões de vezes maior que a força da gravidade, a qual é 100 milhões de vezes maior que a velocidade da luz, e está diretamente relacionada à consciência e inseparável do bioenergético. O homem energético
  • 25. Enfim,nós somos capazes de produzir uma energia altamente poderosa a partir de nossa força mental, e essa força gera campos vibracionais e centros de força que estão diretamente relacionados ao nosso estado de harmonia. O homem energético
  • 26. OS CAMPOS VIBRACIONAIS OU CORPOS SUTIS
  • 30. Para que possamos entender melhor o campo vibracional, vamos dizer que existem habitantes dentro de um mesmo recinto que habitam dimensões iguais e diferentes, podendo ou não interferir uns com os outros. Estes habitantes chamaremos de bioenergéticos, pois habitam na energia, fora da matéria que compõe o nosso corpo físico.
  • 31. vibracional de movimento ou Corpo de movimento É o corpo responsável pela nossa movimentação sobre a superfície do planeta. Não tem consciência, somente a função específica de movimentação. Pode ser impulsionado ao desdobramento e dissociação dos seus movimentos, para equilibrar a sua movimentação.
  • 33. O SENSOR DO CAMPO VIBRACIONAL DNA OU INTRACELULAR OU CORPO DNA OU CORPO INTRACELULAR Esse corpo é a menor partícula material que contém todas as informações, e que mantém a memória celular. Esse corpo sensorial pode ser desdobrado e dissociado em subcorpos, pela técnica da impulsoterapia.
  • 35. CAMPO VIBRACIONAL CELULAR OU CORPO CELULAR Esse corpo sensorial dá e mantém a vida nas células do corpo físico, responsável pela harmonia celular. Tem toda a composição física-química do corpo físico, só que de maneira muito subtilizada. Tem consciência do que é necessário para a boa performance do corpo físico e celular. Não tem raciocínio, somente a necessidade de sustentar as células, percebendo o que é melhor para isso. É somente uma função. Esse corpo sensorial pode ser desdobrado e dissociado em subcorpos, pela técnica da impulsoterapia.
  • 37. o sensor do campo vibracional físico ou Corpo físico O corpo físico é um aglomerado de células diferenciadas e com as mais variadas funções, formando um dos últimos instrumentos de atuação do bioenergético na superfície do planeta, é o corpo pelo qual podemos atuar na materialidade planetária. O único estudado e relativamente conhecido pela ciência oficial.
  • 39. o sensor do campo vibracional duplo etérico ou Corpo duplo etérico Alma Vital, vitalidade prânica, reproduz o talhe do Corpo Físico, estrutura tênue, invisível, de natureza eletromagnética densa, mas de cumprimento de onda inferior ao da luz ultravioleta, quase imaterial, sem interferência da consciência. Distribui as energias vitalizantes pelo Corpo Físico, promovendo sua harmonia. É formado do que nós chamamos de ectoplasma, com todas as substâncias químicas que caracterizam o corpo físico.
  • 40. Descoberto cientificamente pelo Barão Karl von Reichenbach, é fotografado pelo processo da Kirliangrafia, e inicialmente foi confundido com a aura. Possui individualidade própria, mas não tem consciência. O ectoplasma é utilizado para trabalhos de efeitos físicos, as chamadas "materializações", e no campo da telecinesia ou de teletransporte. Esse corpo pode ser desdobrado e dissociado em subcorpos pela técnica da impulsoterapia.
  • 43. O SENSOR DO CAMPO VIBRACIONAL DUPLO ETÉRICO ASTRAL OU CORPO DUPLO ETÉRICO ASTRAL Muito pouco conhecido, mas de grande importância. É nesse corpo sensorial que acontecem os ataques dos bioenergéticos importunos, o auto-ataque e onde são colocados bioenergéticos parasitas para sugar nossas energias. Ele é, na realidade, o corpo que nos acompanha desde a nossa creação (feita pela Energia Cósmica Universal). O corpo duplo etérico astral tem o formato do sensor inerente ao campo vibracional do orbe planetário que fomos creados. Muitas vezes os mediadores vibracionais, os elos de amor e paz percebem esse corpo, mas não sabem o que é, devido a sua forma muito diferente dos corpos aos quais estão acostumados a visualizarem. Normalmente não tem a forma humana e pode ser tratado.
  • 44. CAMPO VIBRACIONAL ASTRAL OU CORPO ASTRAL Esse corpo nos dá a forma humana, pois é o que chamamos de MOB - Modelo Organizador Biológico. Com esse corpo normalmente fazemos as viagens astrais. Esse corpo pode ser desdobrado e dissociado pela técnica da impulsoterapia.
  • 47. CAMPO VIBRACIONAL MENTAL OU CORPO MENTAL É dividido em:  Corpo Mental Inferior ou Concreto;  Corpos Mental Superior ou Abstrato.
  • 48. CORPO MENTAL INFERIOR OU CONCRETO Alma inteligente, mentalidade, associação de idéias, sua aura ovalada envolve todo o corpo. É o corpo que engloba as percepções simples, através dos cinco sentidos comuns, avaliando o mundo através do peso, cheiro, cor, tamanho, gosto, som, objetos materiais, pessoas, casas, veículos, etc. É o primeiro grande banco de dados onde a mente física busca as informações que precisa. Este corpo quando em desequilíbrio, gera serias dificuldades comportamentais tais como comodismo, busca desenfreada de prazeres mundanos, vícios etc. Pode desdobrar-se da mesma forma que os outros.
  • 51. Corpos Mental Superior ou Abstrato Memória criativa. Sendo este corpo o segundo grande banco de dados de que dispõe o ser. Ele elabora e estrutura princípios e idéias abstratas, buscando sínteses ou conclusões que por sua vez são geradoras de novas idéias e assim por diante, infinitamente. Quando ligado às coisas superiores, ocupa-se de estudos e pesquisas visando o aprimoramento do ser. Quando apegado às vivências inferiores em conexão com seus atributos de poder, mando e domínio do meio, cria sérias dificuldades à personalidade encarnada.
  • 52. É o corpo que faz avaliações, formula teorias, relaciona símbolos e leis. Trata do subjetivo, está mais relacionado com o Eu Superior ou Crístico, com a Individualidade. É o Corpo Casual. Tanto o corpo mental inferior, quanto o mental racional podem ser desdobrados e dissociados em subcorpos, pela técnica da impulsoterapia. CORPOS MENTAL SUPERIOR OU ABSTRATO
  • 56. O SENSOR DO CAMPO VIBRACIONAL BÚDHICO OU CORPO BUDDHI Este é o períspirito na acepção etimológica do termo, constituindo a primeira estrutura vibratória envolvente do espírito. É nele que se agrava as ações do espírito (bilhões de anos já vividos) e dele partem as notas de harmonia ou desarmonia ali empresas. As experiências mal resolvidas são remetidas de volta à personalidade encarnada para novas e melhores significações. O grande fio terra do ser em evolução. Esse corpo pode ser desdobrado e dissociado pela técnica da impulsoterapia.
  • 57. O sensor do campo vibracional lúdico ou Corpo lúdico Sensor responsável por ativar o nosso sentir. Nesse campo vibracional, o raciocínio é tão rápido que o cérebro do campo vibracional físico não acompanha os pensamentos. Estaremos como que em uma grande ludicidade, por isso o nome lúdico.
  • 58. O sensor do campo vibracional intralúdico ou Corpo intralúdico Sensor responsável por suavizar o nosso raciocínio. Ele é um estágio avançado do sensor vibracional lúdico, muito mais interiorizado em relação ao raciocínio. Nesse estado de consciência, o homem mal consegue raciocinar, devido a grande rapidez do pensamento.
  • 59. TERNÁRIA SUPERIOR OU AINDA INDIVIDUALIDADE OU EU Individualidade composta pelos corpos: Àtmico; Búdhico e Mental Superior.
  • 60. QUARTENÁRIO INFERIOR OU EGO- PERSONALIDADE Composta pelos corpos:  Mental Inferior ou Concreto;  Astral ou Emocional;  Duplo Etérico, ou Corpo Vital e  Corpo Físico ou Somático. Os corpos Físicos e Etéricos são corpos materiais, que “perdem-se” com o fenômeno “morte”. Os demais são Espirituais e o ser vai abandonando gradativamente na medida em que evolui até se tornar espírito puro.
  • 66. Os Sete Chakras Magnos, Centros de Força do Duplo Etérico e os Plexos Nervosos
  • 67. Chakra Básico RAIZES - 04 COR: Vermelho alaranjado, duas pétalas cada um LOCALIZACAO: Base da espinha dorsal, entre o ânus e os orgãos genitais. ROTACAO: Para esquerda. GLANDULA: Supra-renal PLEXO: Sagrado SANSCRITO: Muladhara CARACTERISTICAS: Vitalizar todos os outros centros. DISFUNÇÃO: Desvios sexuais .
  • 68. Esse primeiro chakra é responsável pela vitalidade e pela manutenção dos aspectos sólidos do corpo. Coluna vertebral/Órgãos sexuais principal modelador dos estímulos superiores e inferiores da vida orgânica e espiritual do homem. O chakra raiz ou sexual, é tradicionalmente relacionado com a Kundalini, que está em geral ativa nas pessoas comuns. O chakras raiz contudo ajuda a vitalizar também todos os outros centros.
  • 69. Câncer; Alergias; Problemas sexuais; Artrite; Reumatismo; Asma; Problemas de crescimento; Desordens psicológicas; Baixa vitalidade. Observação: nesses casos geralmente a tela búdica fica comprometida. ENFERMIDADE S
  • 70. Esse chakra é ativado para um trabalho de impulsoterapia, vitaliza os demais chakras e aumenta a sensibilidade e a captação de energias telúricas, que serão manipuladas pelas equipes bioenergéticas .
  • 71. CHAKRA ESPLÊNICO ESPLÊNICO-07 RAIOS. COR: Multicolorido com predominância do amarelo e cor-de-rosa. LOCALIZAÇÃO: A esquerda do abdômen, abaixo da 10ª costela. ROTAÇÃO: Para a esquerda. GLÂNDULA: Baço PLEXO: Mesentérico SANSCRITO: Swadhisthana. CARACTERISTICAS: Mediunidade (incorporação), Potencial de Cura, etc... DISFUNÇÃO: Astenia, Anemias, Leucemia Desnutrição psíquica.
  • 72. Regula a entrada do prâna no duplo etérico do homem. A vitalidade que distribui é superior à do básico, quanto ao nível de freqüência. Apresenta grande importância nos fenômenos mediúnicos, pois é através de seu campo magnético que os espíritos incorporam nos médiuns.
  • 73. Sua função mais importante é absorver a vitalidade do campo energético, modificá-la, e depois distribuí-la aos outros centros. Sua função mais importante repousa em sua habilidade de absorver a distribuir vitalidade. O chakra ativado ajuda o elo de amor e paz e a equipe dos bioenergéticos no processo de acoplamento, para a psicofonia, psicografia, psiqueuterapia etc.
  • 74. CHAKRA UMBILICAL RAIZES - 10 RAIOS. COR: Multicolorido: vermelho e verde. LOCALIZAÇÃO: Umbigo. ROTAÇÃO: Para a esquerda. GLÂNDULA: Supra-renais (Pâncreas) PLEXO: Solar Interno, externo e médio SANSCRITO: Manipura. CARACTERISTICAS: Equilíbrio, Alegria, Responsável pelo metabolismo, digestão, etc... DISFUNÇÃO: Rotina inapropriada e incapacidade de mudança criativa da vida, dificuldades em controlar os sentimentos, etc...
  • 75.  Hiperglicemia;  Diabete;  Câncer no pâncreas ou fígado;  Problemas digestivos;  Ulcera;  Hepatite;  Problemas renais;  Problemas nas costa;  Pressão sanguínea e  Apendicite. ENFERMIDADES
  • 76. Confere ao homem a sensibilidade (intuições e percepções). Situado sobre o umbigo, está ligado à fisiologia da alma, ao campo das emoções e sentimentos primários, e também ao sistema nervoso - razão porque as emoções violentas paralisam a digestão e repercutem sobre o fígado. O chakra do plexo solar ou umbilical (chakra manipura) está situado na região no umbigo. Com relação ao campo emocional, este é o chakra mais importante, visto que está situado no ponto em que a energia astral penetra no campo etérico.
  • 77. Ele também está estreitamente relacionado com os chakras do coração e da garganta (laríngeo). Na vida de uma pessoa comum, o umbilical é provavelmente o centro mais importante e mais ativo, uma vez que está extremamente envolvido com a vida emocional. Ele permite ao elo de amor e paz perceber as intenções dos bioenergéticos presentes no local de trabalho.
  • 78. CHAKRA CARDÍACO RAIZES - 12 RAIOS. COR: Amarelo-Dourado. ROTAÇÃO: Para a esquerda e direita. LOCALIZAÇÃO: Entre os Omoplatas GLÂNDULA: Timo PLEXO: Cardíaco SANSCRITO: Anahata. CARACTERISTICAS: Responsável pelo equilíbrio e intercâmbio das emoções. DISFUNÇÃO: Violentas descontroladas afetam diretamente a fisiologia do coração, que pode sofrer até mesmo uma parada cardíaca.
  • 79. Problemas cardíaco; Fribulacao atrial (tremor muscular); Problemas pulmonar. ENFERMIDADES
  • 80. Responsável pelo equilíbrio e intercâmbio das emoções (sentimentos). Está ligado às emoções, afetos e sentimentos. Nele residem, por exemplo, a bondade, a afeição, a piedade e também o ódio. Este chakra está ligado às dimensões superiores da consciência e ao senso de existência da pessoa, e está estreitamente relacionado com as doze pétalas douradas do chakra coronário.
  • 81. A aceleração deste chakra permite ao elo de amor e paz sentir com mais facilidade as emoções comandadas pela razão - como as de ódio, amor, bondade, carinho e raiva dos bioenergéticos que estarão presentes no dia do trabalho, as quais irão ser trabalhadas ou não. Os mediadores físicos sentirão mais as emoções dos bioenergéticos que irão acoplar, para o estabelecimento de um diálogo psicofônico.
  • 82. CHAKRA LARÍNGEO RAIZES - 16 RAIOS. COR: Azul-Prateado. LOCALIZAÇÃO: Base do pescoço. ROTAÇÃO: Para a direita. GLÂNDULA: Tiroide. PLEXO: Laríngeo. SANSCRITO: Vishuddha. CARACTERISTICAS: Mediunidade psicofone, provoca a sintonia com a frequência dos espíritos, materializa as ideias pelo intermediário da psicofonia, etc...
  • 84. Auxilia o Homem no desenvolvimento da audição (sons provindos do plano astral). Situado sobre a garganta, em frente à cartilagem tireoide. Uma das suas funções é aumentar o consumo de oxigênio, e ela regula portanto os processos de crescimento e diferenciação de tecidos. A glândula produz o hormônio tireoidiano para o controle do metabolismo, e a calcitonina que ajuda a reduzir o cálcio no sangue. O chakra laríngeo está ligado aos chakras coronário e frontal em determinados estados em que ocorre a expansão da consciência.
  • 85. As ligações do chakra laríngeo com o corpo físico ocorrem através das glândulas tireoide e paratireoide, às quais fornece energia. Do ponto de vista da clarividência, uma cor límpida e um ritmo regular no centro laríngeo etérico apontam uma tireoide saudável. Quando ativado proporciona melhor sintonia para a psicofonia nos trabalhos, auxiliando os bioenergéticos que irão se comunicar via mediador físico.
  • 86. CHAKRA FRONTAL RAIZES - 96RAIOS. COR: Rosa/Amarelo e Azul/Roxo. LOCALIZAÇÃO: Entre os olhos. ROTAÇÂO: Para a direita. GLÂNDULA: Pituitária ou hipófise PLEXO: Frontal SANSCRITO: Ajna. CARACTERISTICAS: Clarividência, Psicométrica, Macro e Micro Visão, Inspiração que dá origem às ideias antes de tomarem forma.
  • 87. ENFERMIDADES  Dores de cabeça; Confusão; Distúrbios cerebrais; Esquizofrenia; Dificuldade de aprendizagem; Dificuldade de memorização; Convulsão; Epilepsia; Etc...
  • 88. É o chakra da espiritualidade superior. Nos fenômenos mediúnicos, é possível provocar a incorporação de qualquer espírito desencarnado (ou encarnado que esteja desdobrado do corpo físico) tocando com um dedo na área desse chakra, no médium, e ao mesmo tempo projetando energia para sintonizá-lo com o espírito comunicante. Quanto à sua estrutura, o chakra frontal difere dos outros centros pois parece estar dividido em dois segmentos, um metade cor-de-rosa e metade amarelo, e o outro azul e roxo.
  • 89. Quando ativado em um trabalho com impulsos magnéticos, proporciona ao elo de amor e paz uma visão mais ampla dos dois lados em que se realiza o trabalho. Tanto do lado físico, como do lado astral, ajudando muito os impulsionadores, em vista da facilidade com que os elos de amor e paz lhe fornecem as informações para suas ações e comandos, durante o trabalho.
  • 90. CHAKRA CORONÁRIO RAIZES - 960 RAIOS. COR: núcleo dourado, pétalas violetas douradas. LOCALIZAÇÃO: Acima da cabeça. ROTAÇÃO: Para a direita. GLÂNDULA: Pineal. PLEXO: Coronário. SANSCRITO: Sahashara. CARACTERISTICAS: Preside o funcionamento de todos os outros chakras. Centro da união divina. Comunicação com o Plano Astral. DISFUNÇÃO: Qualquer perturbação no centro coronário reflete na maioria dos centros.
  • 91. ENFERMIDADES  Depressão; Dores de cabeça; Doenças mentais; Etc...
  • 92. É o maior e o mais importante dos centros. Ele afeta toda a função do cérebro, mas está relacionado com a glândula pineal. O "Lotus de mil Pétalas" da terminologia oriental está no alto da cabeça, com cores dos mais diversos matizes e atividade intensíssima. A diminuição de sua luminosidade, mostra abaixamento do tônus vibratório e pode estar indicando uma vítima de obsessão ou magia negra. Responsável pela sede da consciência do espírito e da Comunicação com o Plano Astral.
  • 94. Quando ativado em sua velocidade e potência máximas em trabalhos com a impulsoterapia, proporciona ao elo de amor e paz uma ligação maior com as equipes dos bioenergéticos, que comandam os trabalhos, nos mais variados campos vibracionais.
  • 97. O que é Apometria? Dr. Luiz Rodrigues: Farmacêutico/bioquímico, natural de Porto Rico, radicado no Rio de Janeiro. Quem primeiro experimentou no Brasil o desdobramento induzido por um operador encarnado.
  • 98. A Hipnometria foi defendida no “VI Congresso Espírita Pan-americano”, em 1963, na cidade de Buenos Aires. Essa técnica consistia na aplicação de pulsos magnéticos concentrados e progressivos no corpo astral do paciente, ao mesmo tempo que, por sugestão, comandava o seu afastamento. O que é Apometria?
  • 99. Hospital Espírita de Porto Alegre (HEPA). Em 1965, o Dr. Luiz Rodrigues demonstrou sua técnica em Porto Alegre, durante palestra no HEPA, então presidido pelo Sr. Conrado Rigel Ferrari. O Dr. Luiz Rodrigues não era espírita e dele não mais se tive notícias até seu desencarne. O que é Apometria?
  • 100. Dr. José Lacerda de Azevedo o convite do Sr. Conrado Ferrari para assistir à demonstração de Hipnometria, dirigida pelo Dr. Luiz Rodrigues, no Hospital Espírita de Porto Alegre, foi a partida para que o Dr. Lacerda, desenvolvesse e fundamentasse cientificamente a APOMETRIA. O que é Apometria?
  • 101. Cada vez mais divulgada, a apometria começa a ser alvo de discussão dentro do Hospital Espírita de Porto Alegre. Diante dessa repercussão, a Federação Espírita do Rio Grande do Sul convocou José Lacerda e a direção do hospital para questionar tanto a entoação de pontos de umbanda quanto as incorporações de preto-velho, durante as reuniões de apometria. O que é Apometria?
  • 102. A Federação impôs como condição para que permanecesse nas dependências do Hospital que abandonasse as práticas umbandistas. Não aceitando as imposições da Federação, em 1987, é convidado a encerrar os atendimentos apométricos no hospital. A partir de então, passam a praticar a apometria, com seu grupo, fora do hospital, peregrinando, de fevereiro de 1987 a agosto de 1996, por diversas casas espíritas de Porto Alegre, até conseguirem adquirir sede própria. O que é Apometria?
  • 103. APOMETRIA – Do grego, “apo” = além de, separar e “metron”, medida. – Por entender que o termo Hipnometria era impróprio por dar a idéia de hipnose, que não tem qualquer relação com as técnicas de APOMETRIA. O que é Apometria?
  • 104. O que é Apometria? – Representa o clássico desdobramento entre o corpo físico e os corpos espirituais do ser humano. – Não é propriamente mediunismo, é apenas uma técnica de separação desses componentes.
  • 105. O que é Apometria? A apometria se fundamenta na força do pensamento, que se irradia em todas as direções a partir da mente, por meio de corpúsculos mentais energéticos. Quando devidamente potencializado através do trabalho apométrico realiza ações ações produzindo efeitos notáveis.
  • 106. O que é Apometria? Por meio de pulsos cumulativos de energia cósmica, a equipe apométrica, atraí e soma às energias vitais do próprio corpo, passa ao Plano Astral, transformam as freqüências vibratórias em massa magnética, atua de maneira decisiva sobre os bioenergéticos a serem assistidos.
  • 107. Dr. José Lacerda de Azevedo estudiosos de física e matemática, buscou nas teorias da física quântica justifica para os fenômenos da apometria. O que é Apometria?
  • 110. 1ª LEI DO DESDOBRAMENTO ESPIRITUAL (LEI BÁSICA DA APOMETRIA) A técnica é simples. Com o comando, emitem-se impulsos energéticos através da contagem em voz alta - tantos (e tantos números) quantos forem necessários.
  • 111. De um modo geral, bastam sete, ou seja, contagem de 1 a 7. A contagem progressiva, reforça a ideia do operador de que há uma vontade firme, de sua parte, em aglutinar a energia livre no espaço em obediência ao comando. A contagem apenas desencadeia o fluxo dos pulsos energéticos. 1ª LEI DO DESDOBRAMENTO ESPIRITUAL (LEI BÁSICA DA APOMETRIA)
  • 113. 1ª LEI DO DESDOBRAMENTO ESPIRITUAL (LEI BÁSICA DA APOMETRIA) A criatura desdobrada seja o paciente ou o médium, conserva a sua consciência durante o desdobramento. Os transtornos podem ser visualizados, observados, diagnosticados e tratados através do desdobramento, uma vez que os médiuns, tem um acesso mais fácil e eficaz às entidades do astral, podendo contatá-las com mais facilidade.
  • 115. 2ª LEI DO ACOPLAMENTO FÍSICO Toda vez que se der um comando para que se reintegre no corpo físico o espírito de uma pessoa desdobrada, (o comando se acompanhado de contagem progressiva), dar-se-á o imediato e completo acoplamento no corpo físico.
  • 116. 2ª LEI DO ACOPLAMENTO FÍSICO Caso não seja completa a reintegração, a pessoa sente tonturas, mal-estar ou sensação de vazio que pode durar algumas horas. Via de regra há reintegração espontânea e em poucos minutos (mesmo sem comando); não existe o perigo de alguém permanecer desdobrado, pois o corpo físico exerce atração automática sobre o corpo astral.
  • 117. 2ª LEI DO ACOPLAMENTO FÍSICO Apesar disso, não se deve deixar uma pessoa desdobrada ou mal acoplada, para evitar ocorrência de indisposições de qualquer natureza, ainda que passageiras. Assim, ao menor sintoma de que o acoplamento não tenha sido perfeito, ou mesmo que se suspeite disso, convém repetir o comando de acoplamento e fazer nova contagem.
  • 118. 3ª LEI DA AÇÃO À DISTÂNCIA, PELO ESPÍRITO DESDOBRADO Toda vez que se ordenar ao espírito desdobrado do médium uma visita a lugar distante, fazendo com que esse comando se acompanhe de pulsos energéticos através de contagem pausada, o espírito desdobrado obedecerá à ordem, conservando sua consciência e tendo percepção clara e completa do ambiente (espiritual ou não) para onde foi enviado.
  • 119. O médium desdobrado desloca-se até o local estabelecido seguindo os pulsos. Com a clarividência preservada, o médium descreve os ambientes físicos, energéticos e bioenergéticos encontrados. 3ª LEI DA AÇÃO À DISTÂNCIA, PELO ESPÍRITO DESDOBRADO (LEI DAS VIAGENS ASTRAIS).
  • 120. Aberta a frequência de um grupo apométrico, seus membros são enviados automaticamente para espaço-tempo aberto, o que possibilita adentrar frequências individuais e coletivas diversas. 3ª LEI DA AÇÃO À DISTÂNCIA, PELO ESPÍRITO DESDOBRADO (LEI DAS VIAGENS ASTRAIS).
  • 121. 4ª LEI DA FORMAÇÃO DOS CAMPOS-DE-FORÇA Toda vez que mentalizarmos a formação de uma barreira magnética, por meio de impulsos energéticos através de contagem, formar-se-ão campos de força de natureza magnética, circunscrevendo a região espacial visada na forma que o operador imaginou.
  • 122. 4ª LEI DA FORMAÇÃO DOS CAMPOS- DE-FORÇA
  • 123. Esfera de proteção 4ª LEI DA FORMAÇÃO DOS CAMPOS- DE-FORÇA
  • 124. Esfera de proteção 4ª LEI DA FORMAÇÃO DOS CAMPOS- DE-FORÇA
  • 125. Cinturão de Luz 4ª LEI DA FORMAÇÃO DOS CAMPOS- DE-FORÇA
  • 127. 5ª LEI DA REVITALIZAÇÃO DOS MÉDIUNS Toda vez que tocarmos o corpo do médium (cabeça, mãos), mentalizando a transferência de nossa força vital, acompanhando-a de contagem de pulsos, essa energia será transferida. O médium começará a recebê-la, sentindo-se revitalizado.
  • 128. 6ª LEI DA CONDUÇÃO DO ESPÍRITO DESDOBRADO, DE PACIENTE ENCARNADO, PARA OS PLANOS MAIS ALTOS, EM HOSPITAIS DO ASTRAL. Espíritos desdobrados de pacientes encarnados somente poderão subir a planos superiores dos astral se estiverem livres de amarras/ligas magnéticas.
  • 129. Por isso se faz necessário a limpeza das peias magnéticas, aparelhos colocados indevidamente, laços, amarras assim como a elevação de seu padrão vibratório, o que já implica numa melhora superficial. 6ª LEI DA CONDUÇÃO DO ESPÍRITO DESDOBRADO, DE PACIENTE ENCARNADO, PARA OS PLANOS MAIS ALTOS, EM HOSPITAIS DO ASTRAL.
  • 130. 6ª LEI DA CONDUÇÃO DO ESPÍRITO DESDOBRADO, DE PACIENTE ENCARNADO, PARA OS PLANOS MAIS ALTOS, EM HOSPITAIS DO ASTRAL.
  • 131. 7ª LEI DA AÇÃO DOS ESPÍRITOS DESENCARNADOS SOCORRISTAS SOBRE OS PACIENTES DESDOBRADOS. Espíritos socorristas agem com muito mais facilidade sobre os enfermos se estes estiverem desdobrados, pois que uns e outros, dessa forma, se encontram na mesma dimensão espacial.
  • 132. 8 ª LEI DO AJUSTAMENTO DE SINTONIA VIBRATÓRIA DOS ESPÍRITOS DESENCARNADOS COM O MÉDIUM OU COM OUTROS ESPÍRITOS DESENCARNADOS, OU DE JUSTAMENTO DESTES COM O AMBIENTE.
  • 133. Pode-se fazer a ligação vibratória de espíritos desencarnados com médiuns ou entre espíritos desencarnados, bem como sintonizar esses espíritos com o meio onde forem colocados, para que percebam e sintam nitidamente a situação vibratória desses ambientes. 8 ª LEI DO AJUSTAMENTO DE SINTONIA VIBRATÓRIA DOS ESPÍRITOS COM O MÉDIUM E COM O AMBIENTE.
  • 134. Quando uma frequência é aberta os mediadores são capazes de entrar em sintonia com espaço e tempo universal que é um estado mental, dentro de cada um de nós, que percebemos, estamos ligados ou sentimos sem ter palavras adequadas para explicar. Para que isso aconteça é preciso que o grupo de apométras estejam em harmonia e sintonizados com trabalho. 8 ª LEI DO AJUSTAMENTO DE SINTONIA VIBRATÓRIA DOS ESPÍRITOS COM O MÉDIUM E COM O AMBIENTE.
  • 138. 9ª LEI DO DESLOCAMENTO DE UM ESPÍRITO NO ESPAÇO E NO TEMPO. Se ordenarmos a um espírito incorporado a volta a determinada época do Passado, acompanhando-a de emissão de pulsos energéticos através de contagem, o espírito retorna no Tempo à época do Passado que lhe foi determinada.
  • 139. 10ª LEI DA DISSOCIAÇÃO DO ESPAÇO-TEMPO. Se, por aceleração do fator Tempo, colocarmos no Futuro um espírito incorporado, sob comando de pulsos energéticos, ele sofre um salto quântico, caindo em região astral compatível com seu campo vibratório e peso específico - ficando imediatamente sob a ação da energia de que é portador.
  • 141. 11ª LEI DA AÇÃO TELÚRICA SOBRE OS ESPÍRITOS DESENCARNADOS QUE EVITAM A REENCARNAÇÃO. Toda vez que um espírito desencarnado possuidor de mente e inteligência bastante fortes consegue resistir à Lei da Reencarnação, sustando a aplicação dela nele próprio, por largos períodos de tempo, começa a sofrer a atração da massa magnética planetária, sintonizando-se, em processo lento mas progressivo, com o Planeta.
  • 143. 12ª LEI DO CHOQUE DO TEMPO. Toda vez que levarmos ao Passado espírito desencarnado e incorporado em médium, fica ele sujeito a outra equação de Tempo. Nessa situação, cessa o desenrolar da sequência do Tempo tal como o conhecemos, ficando o fenômeno temporal atual (presente) sobreposto ao Passado.
  • 144. 12ª LEI DO CHOQUE DO TEMPO Essa lei acelera o tempo e a carga cármica do bioenergético que seria distribuída ao longo do tempo, em 300 anos, por exemplo, fica acumulada toda de uma vez sobre o bioenergético.
  • 145. 12ª LEI DO CHOQUE DO TEMPO Esse processo causa sensações desagradáveis ao bioenergético, oriundas de seus atos e repercussões desarmônicas dentro da Harmonia Cósmica do Passado.
  • 146. 12ª LEI DO CHOQUE DO TEMPO Essa lei deve ser usada com cuidado, uma vez que o retorno abrupto do bioenergético ao tempo atual poderá fazer com que sofra ovoidização.
  • 147. 13ª LEI DA INFLUÊNCIA DOS ESPÍRITOS DESENCARNADOS, EM SOFRIMENTO, VIVENDO AINDA NO PASSADO, SOBRE O PRESENTE DOS DOENTES OBSEDIADOS.
  • 148. Enquanto houver espíritos em sofrimento no Passado de um obsediado, tratamentos de desobsessão não alcançarão pleno êxito, continuando o enfermo encarnado com períodos de melhora, seguidos por outros de profunda depressão ou de agitação psicomotora. 13ª LEI DA INFLUÊNCIA DOS ESPÍRITOS DESENCARNADOS, EM SOFRIMENTO, VIVENDO AINDA NO PASSADO, SOBRE O PRESENTE DOS DOENTES OBSEDIADOS.
  • 149. Regra de Ouro da Apometria O controle das energias sutis é fascinante, mas se tudo não estiver impregnado de caridade, de nada valerá. Através da obediência dos preceitos evangélicos, somente através dela, experimentadores e operadores podem desfrutar de condições seguras para adequada utilização dessas "forças desconhecidas".
  • 150. Técnicas Apométricas Dialimetria – Eteriatria: é uma forma de tratamento médico que conjuga energia magnética de origem mental (talvez em forma de "força vital") com energia de alta frequência vibratória proveniente da imensidão cósmica, convenientemente moduladas e projetadas pela mente do operador sobre o paciente. Usado em Cirurgias Astrais Técnicas Apométricas
  • 151. Despolarização dos Estímulos da Memória Enunciado: Toda vez que aplicarmos energias específicas de natureza magnética, na área cerebral de espírito encarnado ou desencarnado, com a finalidade de anularmos estímulos eletromagnéticos registrados nos "bancos da memória", os estímulos serão apagados por efeito de despolarização magnética neuronal, e o paciente esquecerá o evento relativo aos estímulos. Técnicas Apométricas
  • 152. Arma poderosa no tratamento de inúmeros focos de neuroses e psicoses. Em encarnados, observou-se que o evento perturbador não é completamente apagado, mas o paciente já não o sente mais como antes: o matiz emocional desapareceu. Técnicas Apométricas
  • 153. Despolarizada a mente, a criatura passa a não se importar mais com o acontecimento que tanto a mortificava. Acredita-se que isso acontece porque a imagem fica fortemente gravada no cérebro físico, cujo campo magnético remanente é muito forte, por demais intenso para que possa ser vencido em uma única aplicação. Já a emoção, que fica registrada no cérebro astral, esta é facilmente removida. Técnicas Apométricas
  • 154. Técnicas Apométricas Colocadas as mãos espalmadas, com os braços paralelos, sobre o crânio do médium, ao longo dos hemisférios cerebrais, comandamos um forte pulso energético, contando:
  • 155. Técnicas Apométricas UM! Em seguida trocamos a posição das mãos, de modo que fiquem nos hemisférios opostos aos de antes, cruzando os braços na altura dos antebraços, e projetamos outro pulso magnético, contando: DOIS! Voltamos à posição anterior e contamos: TRÊS! E assim por diante, sempre trocando a posição das mãos, até 7 pulsos.
  • 156. Técnicas Apométricas A troca da posição das mãos é necessária. Cada mão representa um pólo magnético, que deve ser invertido. Despolarizado o espírito e trazido de volta ao presente, devemos encaminhá-lo a um hospital no astral, para que complete sua recuperação e possa se reintegrar, o mais rápido possível, em seus rumos evolutivos.
  • 157. Técnicas Apométricas Técnicas de Impregnação Magnética Mental com Imagens Positivas Antes de trazer o despolarizado de volta da encarnação em que se situou, costumamos impregnar seu cérebro, magneticamente, com ideias amoráveis, altruísticas, fraternas, etc., usando a mesma técnica - só que agora visando a polarização. Por exemplo:
  • 158. Técnicas Apométricas Para tanto, basta ter o cuidado de não trocar a posição das mãos: estamos polarizando o cérebro. Faz-se a contagem lentamente, expressando em voz alta a ideia a ser impressa na mente do desencarnado.
  • 159. Técnicas Apométricas Incorporação entre Vivos Através da técnica de desdobramento espiritual, os corpos espirituais do paciente encarnado poderão ser incorporados em médiuns de incorporação, comanda-se o desdobramento do paciente e a abertura da frequência do paciente e estabelecendo a sintonia vibratória dos médiuns.
  • 160. Técnicas Apométricas Os corpos espirituais possíveis de serem incorporados são: o corpo etérico, o corpo astral, os corpos mental inferior e superior. O corpo etérico tem a particularidade de não poder afastar-se em demasia do corpo físico, podendo permanecer no máximo 5 a 6 metros de distância, portanto, o paciente deverá estar presente ao atendimento.
  • 161. Técnicas Apométricas Quando o atendimento é realizado a distância, normalmente o corpo mental superior é atendido, porém, o corpo mais necessitado de ajuda será encaminhado pela Espiritualidade Superior para atendimento e incorporação.
  • 162. Técnicas Apométricas Pneumiatria Ela trata da dimensão do Espírito, é a cura pelo próprio Espírito (em grego, pneuma). Consiste na técnica de guiar, o espírito em tratamento, na busca do caminho nele próprio, fazendo com que procure - e encontre - o Cristo que reside nele. Deverá ser aplicada somente naqueles espíritos que, não sendo vingativos, perversos, perseguidores contumazes ou magos negros, estejam já desligados de interesses materiais e possuam um pouco, pelo menos, de boa vontade.
  • 163. Tratamentos Especiais para Magos Negros Quando observado que está sob efeito de magia alguns cuidados devem ser tomados: O bioenergético deve ser encaminhado ao seu momento de iniciação, para que se desfaça sua iniciação. Deve-se retirar todos artefatos de poder. Deve-se cortar toda e qualquer ligação do bioenergético com a pessoa a ser tratada. Técnicas Apométricas
  • 164. Técnicas Apométricas Nos casos em que bioenergético acoplado, “mago”, resista aos comandos, deve-se aplicar técnicas de contenção como cinturão de luz e ou inversão de Spin.
  • 166. Esterilização Espiritual do Ambiente de Trabalho Técnicas Apométricas Se o ambiente estiver magneticamente muito pesado, procura-se cortar esses campos negativos impulsionando elementos como: “vento solar”, “vórtices”, “água marinha, de cachoeira, água Crística”luz solar”, “luz Crística” entre outros.
  • 167. Esterilização Espiritual do Ambiente de Trabalho Técnicas Apométricas Se o ambiente estiver magneticamente muito pesado, procura-se cortar esses campos negativos impulsionando elementos como: “vento solar”, “vórtices”, “água marinha, de cachoeira, água Crística”luz solar”, “luz Crística” entre outros.
  • 168. A interação do vento solar com o campo magnético e a camada superior da Terra causa as auroras. Outros planetas com campos magnéticos significativos (especialmente Júpiter) produzem efeitos semelhantes O vento solar é a emissão contínua de partículas carregadas provenientes da coroa solar. Essas partículas podem ser elétrons e prótons além de sub-partículas como os neutrinos. Próximo da Terra a velocidade das partículas é em torno de 400 a 800 km/s, sua densidade gira algo próximo de 10 partículas por centímetro cúbico VENTO SOLAR
  • 169. VÓRTICE Um vórtice (ou vórtex) é um escoamento turbulento giratório onde as linhas de corrente apresentam um padrão circular ou espiral. São movimentos espirais ao redor de um centro de rotação. Eles são encontrados nos mais diversos locais da natureza, como quando se mexe uma xícara de café, furacões, tornados furacões tornados xícara de café
  • 170. Retirada de artefatos colocados por magos negros. Microorganizadores florais. Duplicação de órgãos para tratamento no mundo astral. Técnicas Apométricas
  • 171. Técnicas Apométricas Técnica de Transmutação de Bases Astrais Maléficas. Construção de ambientes harmônicos. Reconstituição de órgãos lesados.
  • 172. Cromoterapia no Plano Astral (também denominada de Cromoterapia Mental) É a aplicação de cores na terapia humana. Sua ação amplia-se positivamente aplicada pela mente do operador, isto é, de forma invisível, agindo apenas no Astral. Técnicas Apométricas
  • 173. Algumas combinações de cores aplicadas: Índigo + Carmim = imobilização instantânea dos espíritos. Prata + Violeta = elimina todo o poder mental dos magos. Dourado + Laranja + Amarelo = alivia crises de angústia. Técnicas Apométricas
  • 174. Branco resplandecente = usado na limpeza Verde efervescente = limpeza de aderências pesadas dos desencarnados. Disco Azul = energização e eliminação das Trevas. Vermelho + Laranja + Amarelo = representa o fogo, usado para o domínio da mente. Técnicas Apométricas
  • 175. Violeta intenso = transmuta, regenera e recompõe. Lilás = desintegra a energia densa provinda de sentimentos e ações negativas. Verde Escuro = cicatrizante. Verde Claro = desinfecciona e esteriliza. Verde Limão = Limpeza e desobstrução dos cordões. Rosa = Cor da fraternidade e do amor incondicional do Mestre Jesus. Técnicas Apométricas
  • 176. Prata = desintegra aparelhos e “trabalhos”, corrige polaridade dos níveis. Dourado = cor da Divindade, fortalece as ligações com o Cristo. Índigo = anestesiante. Provoca intensa sonolência no espírito. Técnicas Apométricas
  • 179. Obsessão espiritual e a apometria Segundo José Lacerda a obsessão espiritual “é a ação nefasta e continuada de um espírito sobre outro, independentemente do estado de encarnado ou desencarnado em que se encontrem”.
  • 180. A obsessão é a enfermidade do século. Tão grande é o número de casos rotulados como disfunção cerebral ou psíquica (nos quais, na verdade, ela está presente) que podemos afirmar: fora as doenças causadas por distúrbios de natureza orgânica, como traumatismo craniano, infecção, arteriosclerose e alguns raros casos de ressonância com o Passado (desta vida), TODAS as enfermidades mentais são de natureza espiritual. Obsessão espiritual e a apometria
  • 181. Tipos de obsessão: Desencarnado para desencarnado Desencarnado para encarnado Encarnado para desencarnado Obsessão espiritual e a apometria
  • 182. Tipos de obsessão: Encarnado para encarnado Auto obsessão Obsessão espiritual e a apometria
  • 183. Apometria e terapias Alternativas complementares Florais. Homeopatia. Acupuntura. Cristais e outros.
  • 187. Fonte: disponível em http://www.neutrapometria.org/2011/10/palestra-apometria-sem-incorporacao.html. Acesso em: 20/01/2013.
  • 195. Auto apometria (Audios). Apometria por videoconferência.
  • 197. MEDITAÇÃO CARTA 08 “PAI – MÃE – VIDA, tu és minha vida, meu constante apoio, minha saúde, minha proteção, a perfeita satisfação de todas as minhas necessidades e minha mais alta inspiração. Peço que me reveles Tua verdadeira Realidade. Sei que é Tua VONTADE que eu seja plenamente iluminado/a e que eu possa receber melhor a consciência de Tua Presença em mim e ao redor de mim. Creio e sei que isso é possível. Creio que Tu me proteges e me guardas no perfeito AMOR. Sei que meu propósito final é TE EXPRESSAR.
  • 198. Quando falo contigo, sei que Tu estás perfeitamente receptivo para mim, pois Tu és a INTELIGÊNCIA AMOROSA UNIVERSAL que maravilhosamente concebeu este mundo e o tornou visível. Sei que quando Te peço para falar comigo, eu envio um raio de luz de consciência para a Tua Consciência Divina e que, quando eu escutar, TU entrarás em minha consciência humana e virás cada vez mais perto do meu espírito e meu coração mais e mais receptivos. Eu confio meu ser e minha vida aos Teus cuidados”.