SlideShare uma empresa Scribd logo
Destaque
“E, como não querem
saber do verdadeiro
conhecimento a respeito
de Deus, ele entregou os
seres humanos aos seus
maus pensamentos, de
modo que eles fazem o
que não devem"
(Rm 1.28).
Todo dia a mídia lança uma pesada carga de
informação sobre os adolescentes, disseminando as
mais controversas relações familiares. Novelas, filmes,
livros e até desenho animado informam às crianças e
aos adolescentes os diversos formatos familiares.
Junto disto, a realidade sobre o divórcio no Brasil nos
assusta e influencia fortemente o meio evangélico.
Infelizmente, o tema é uma realidade que a
maioria dos adolescentes já se deparou com amigos ou
na própria casa.
0 foco desta lição é ajudar o adolescente a entender
que, embora essa realidade esteja diante de nós, a
vontade de Deus para a família é outra: a família está
no "coração" de Deus e Ele a guardará.
Deus fortaleça e abençoe sua família!¹
A família, em qualquer sociedade, é o primeiro lugar de socialização
do ser humano. É no lar que ele aprende a conhecer a si e aos outros. No lar
ele aprende a comunicar-se com gestos e posteriormente a falar, é onde
aprende comportamentos, a obedecer regras, aprende os valores, e a
concepção de mundo.
A família é, portanto o primeiro regulador da identidade física,
psicológica e cultural do ser humano, e age sobre ele por uma fortíssima
ação ideológica. É portanto de suma importância para a formação de caráter
do ser humano, as primeiras instruções que recebe no seio de sua família.
Tais ações perdurarão por toda a sua vida.
Como ficam os pais evangélicos, que tem compromisso com os
elevados padrões de Deus e prezam seus valores familiares? E qual é o papel
da igreja nesse cenário, em sua missão de expandir o Reino de Deus através
de suas famílias constituintes.²
Vemos biblicamente que os filhos são herança do Senhor:
"Herança do SENHOR são os filhos; o fruto do ventre, seu galardão." (Sl 127.3).
A família é uma instituição divina, estabelecida para gerar filhos para
Deus. A Igreja foi comissionada para gerar discípulos do Senhor, que sejam filhos
de Deus
"Todos os teus filhos serão ensinados do SENHOR; e será grande a paz de teus
filhos." (Is 54.13).
Como pais e educadores cristãos, nossa missão é fazer dos filhos
discípulos do Senhor, que amem o Mestre e estejam prontos para segui-lo. Se
descuidarmos da herança do Senhor, nossa luta será em vão. Os filhos são a
próxima geração, para continuar o chamado de Deus sobre a casa, sobre a igreja e
sobre a nação. Deus espera que dediquemos tempo instruindo nossos filhos para
entenderem o Seu mover em sua geração.²
“Não o encobriremos a seus filhos; contaremos à vindoura geração os louvores
do SENHOR, e o seu poder, e as maravilhas que fez. Ele estabeleceu um testemunho em
Jacó, e instituiu uma lei em Israel, e ordenou a nossos pais que os transmitissem a seus
filhos, a fim de que a nova geração os conhecesse, filhos que ainda hão de nascer se
levantassem e por sua vez os referissem aos seus descendentes; para que pusessem em
Deus a sua confiança e não se esquecessem dos feitos de Deus, mas lhe observassem os
mandamentos; e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de
coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus." (Sl 78.4-8).
A Palavra de Deus é o fundamento da educação de nossos filhos, ligando gerações
de fiéis através da história.
"Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas,
desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos,
com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e
Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a
cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus." (Hb
12.1-2).²
Para Refletir:
Quando crianças, e até mesmo na
adolescência, ouvimos por diversas
vezes a pergunta: "0 que você quer ser
quando crescer?"
Mas já parou para pensar
como será a sua família quando você
ser tornar adulto? Como cristãos,
somos confrontados todos os dias,
pois o modelo de família que a Bíblia
nos ensina a viver é visto como
"quadrado" e fora de moda. Será que
há algo de errado com a família que
Deus criou?
O que está acontecendo com a família?
Na sociedade em que vivemos,
as famílias estão cada vez mais
fragmentadas e não é difícil
identificarmos famílias em que não há
mais o respeito e o amor mútuo. Até
mesmo dentro da igreja vemos casos
tristes, onde o respeito e o amor não
florescem, dando lugar apenas à
divisão e à contenda. Mas esse é um
problema que não foi criado por Deus,
mas por nós mesmos. A família
funciona bem quando os seus
membros cooperam entre si e em
pregam o amor de Deus de maneira
abundante; contudo, quando isso não
acontece ; os eventos ruins ganham
espaço na família.¹
O que está acontecendo com a família?
Enquanto em seu coração
Deus criou a família, Ele pensava no
modelo formado por homem,
mulher e, em seguida, seus filhos.
Você saberia o motivo? Ao criar o
mundo, Deus tornou visível a sua
inteligência, criando assim as coisas
numa ordem correta que, de
acordo com Génesis 1, tudo quanto
fosse criado utilizaria-se das bases
que haviam sido formadas
anteriormente. Veja por exemplo
se podemos plantar uma árvore no
meio do mar?! Assim, antes de
criar a vegetação era necessário o
surgimento da terra.¹
O que está acontecendo com a família?
A família, onde o primeiro casal
estava em comunhão e em harmonia, era a
base sólida para a construção do edifício
familiar.
Quando essa base se desajusta é
muito difícil que o edifício da família seja
mantido.
Hoje em dia, vemos formações
familiares fugindo do padrão divino e a
consequência disso é a falência da "nova
fórmula" familiar criada por nós, mas sem a
sintonia com o modelo criado por de Deus.
Cada vez que a estrutura familiar
enfraquece, a igreja também se torna fraca.
Isso facilita cada vez mais o desequilíbrio e a
proliferação do pecado na igreja.¹
Mas por que isso está acontecendo? Não
tem nada a ver, não pode ser tão ruim
assim!
Será? Frequentemente
o que desejamos para nós não
está de acordo com a vontade
de Deus e desobedecê-lo,
pensam alguns, não parece
ser uma ideia tão ruim.
Afinal de contas, o que
queremos não faz mal a
ninguém, pois qual é o
problema de buscarmos a
nossa felicidade?¹
Mas por que isso está acontecendo? Não
tem nada a ver, não pode ser tão ruim
assim!
Conquanto, em Mateus 15 vemos que do coração saem coisas
que tornam o homem impuro e, que por isso, ainda que pareçam boas
aos nossos olhos, são repreensíveis diante do Senhor. A Palavra de
Deus diz que enganoso é o coração humano (Jr 17.9) e que os seus
desejos podem nos levar ao erro, fazendo com que a nossa mente se
esvazie do conhecimento de Deus e que nos tornemos tolos, isto é,
pessoas cada vez mais distantes do propósito divino (Rm 1.28).
Tudo o que Deus fez é bom e nada deve ser rejeitado (l Tm 4.4).
Por isso, qualquer atitude contrária aos planos de Deus rejeita a sua
vontade. Isso é pecado! £ pecado porque nos faz caminhar de maneira
contraria a vontade divina. 0 Senhor não se agrada com atitudes assim,
porque além de rebeldes, elas fazem com que neguemos a verdade a
respeito dEle e outras pessoas deixam de conhecê-lo pelo nosso mau
exemplo.¹
Mas, temos saída?
Deus não muda (Ml 3.6) e, assim também, os seus planos e vontade.
Não importa que a sociedade tenha encontrado novos padrões ou até mesmo
que se encontre em um modelo que não seja o que Deus desejou. 0 que
importa é buscar nEle a direção divina para abençoarmos a nossa família,
fazendo a sua vontade e sendo luz em meio às trevas para essa geração
perdida. Lembre-se de que a nossa família, uma vez unida e saudável, colabora
para que a nossa igreja seja também uma instituição una e sadia, e de modo
suficiente para cumprir a vontade de Deus.
Assim, como que para toda ação há uma reação, para cada decisão tomada por
nós há uma resposta de Deus. Para decisões tomadas conforme a sua vontade
há bênçãos e aprovação; mas para decisões contrárias a vontade divina há
repreensão e consequência. A Palavra de Deus nos adverte que o salário do
pecado é a morte (Rm 6.23) e não há outra opção. Deus tem revelado o seu
amor e poder desde a criação do mundo, e por isso não há desculpas (Rm
1.20). A cada escolha que faz a nossa família ser unida ou dividida,
prestaremos contas diante de Deus.¹
Qual é o propósito de Deus para a
família?
Qual é o propósito de Deus para a
família?
"Se o Senhor não
edificar a casa, em
vão trabalham os que
a edificam; Se o
Senhor não guardar a
cidade, em vão vigia
a sentinela" (Salmo
127.1).
Deus nos criou e designou o casamento
e a família como a mais fundamental das
relações humanas. Em nosso mundo de hoje em
dia, vemos famílias atormentadas pelo conflito e
arrasadas pela negligência e o abuso. O divórcio
tornou-se uma palavra comum, significando
miséria e dureza para os múltiplos milhões de
suas vítimas. Muitos homens jamais aprenderam
a ser esposos e pais devotados. Muitas mulheres
estão fugindo de seus papéis dados por Deus.
Pais que não têm nenhuma ideia de como
preparar seus filhos estão assim perturbados pelo
conflito com seus rebentos rebeldes. Outros
simplesmente abandonam seu dever, deixando
filhos sem qualquer preparação ou provisão. ²
Qual é o propósito de Deus para a
família?
Para muitas pessoas, hoje em
dia, a frase familiar e confortadora
"Lar, Doce Lar" não é mais do que
uma ilusão vazia. Não há nada doce ou
seguro num lar onde há o abuso, a
traição e o abandono. Pode haver
uma solução? Poderemos evitar tais
tragédias em nossas famílias?
Poderão os casais jovens manter o
brilho do amor e do otimismo
décadas depois de fazerem os votos
no casamento? Haverá esperança de
recuperação dos terríveis erros do
passado?
Qual é o propósito de Deus para a
família?
A resposta para todas estas perguntas é SIM! As soluções raramente
são fáceis. A construção de lares sólidos não acontece por pura sorte.
Somente pelo retorno ao padrão de Deus para nossas famílias poderemos
começar a entender as grandes bênçãos que ele preparou para nós em lares
construídos sobre a rocha sólida da sua palavra. Consideremos brevemente
alguns princípios básicos ensinados na Bíblia sobre a família.
Quando temos dificuldade com a geladeira, entendemos que o
fabricante, que escreveu o manual do usuário, sabe mais sobre o aparelho
do que nós. Lemos o manual para resolver o problema. Quando vemos
tantos problemas nas famílias de hoje, só faz sentido que nosso Criador, que
escreveu o "manual do usuário", sabe mais a respeito da família do que
nós. Precisamos ler o manual para achar como construir e manter bons
lares. Encontramos estas instruções na Bíblia. Ela nos guia em cada aspecto
do serviço a ele, incluindo a realização de nossos papéis na família.²
Casamento
Casamento
A família começa com o casamento. Quando
Deus criou Adão e Eva, ele revelou seu plano básico para
o casamento: "Por isso, deixa o homem pai e mãe e se
une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne"
(Gn 2.24).
Este plano é claro. Um homem ligado a uma
mulher. Milhares de anos mais tarde, Jesus afirmou que
este ainda é o plano de Deus. Ele citou este versículo e
acrescentou: "Portanto, o que Deus ajuntou não o
separe o homem" (Mt 19.6). O casamento é uma
relação para toda a vida. Somente a morte deve cortar
este laço (Rm 7.1-3).
Deus aprovou as relações sexuais somente
dentro do casamento. Não há nada de mal ou impuro
sobre as relações sexuais dentro de um casamento
aprovado por Deus (Hb 13.4). Esposos e esposas têm a
responsabilidade de satisfazer os desejos sexuais (dados
por Deus) aos seus companheiros (1 Co 7.1-5).²
Casamento
Todas as outras relações sexuais
são sempre e absolutamente erradas.
Relações sexuais entre pessoas do mesmo
sexo são absolutamente proibidas por
Deus (Rm 1.24-27; 1 Co 6.9-11). Deus não
criou Adão e João. Ele fez uma mulher,
Eva, como uma parceira apropriada para
Adão. As relações sexuais antes do
casamento, mesmo entre pessoas que
pretendem se casar, são condenadas por
Deus (1 Co 7.1-2, 8-9; Gl 5.19). As relações
sexuais extraconjugais são também
claramente proibidas (Hb 13.4).²
Filhos
Filhos
Casais assim unidos diante de Deus pelo
casamento gozam o privilégio de terem filhos.
Deus ordenou a Adão e Eva e aos filhos de Noé
que tivessem filhos (Gênesis 1.28; 9.1). Ainda
que nem todas as pessoas tenham que se casar, e
que nem todas terão filhos, é ainda o plano
básico de Deus que os filhos nasçam dentro de
famílias, completas com pai e mãe (1 Timóteo
5.14). Em lugar nenhum da Bíblia encontramos
autorização para uma mulher ter relações sexuais
para conceber um filho, antes ou sem casamento.
A paternidade solteira, que está se tornando
moda em nossa sociedade moderna é um
afastamento do plano de Deus que terá sérias
consequências para as gerações vindouras.²
Papéis Dados por Deus Dentro da Família
Papéis Dados por Deus Dentro da Família
Dentro desta estrutura do propósito Divino,
consideremos os papéis que Deus atribuiu aos homens, mulheres
e filhos.
Homens: Esposos e Pais – A responsabilidade dos esposos é bem
resumida em Efésios 5:25: "Maridos, amai vossa mulher, como
também Cristo amou a Igreja e a si mesmo se entregou por ela".
O esposo tem que colocar as necessidades de sua esposa acima
das suas próprias, mostrando devoção desprendida aos melhores
interesses da "parte mais frágil" que necessita da sua proteção.
Ele tem que trabalhar honestamente para prover as necessidades
da família (2 Ts 3:10-11; 1 Tm 5:8). Os pais são especialmente
instruídos por Deus para preparar seus filhos na instrução e na
disciplina do Senhor (Ef 6:4). Este é um trabalho sério e, às vezes,
difícil, mas com resultados eternos! Os espíritos de seus filhos
existirão eternamente, ou na presença de Deus ou separados
dele. A maior meta de um pai para seus filhos deveria sempre ser
a salvação eterna deles.²
Papéis Dados por Deus Dentro da Família
Mulheres: Esposas e Mães – Uma esposa tem um
papel muito desafiador no plano de Deus. Ela tem que
complementar seu esposo como uma auxiliar submissa, que
partilha com ele as experiências da vida. As pressões da
sociedade moderna para rejeitar a autoridade masculina não
obstante, a mulher devota aceita seu papel como aquela que é
cuidadosamente submissa ao seu esposo (Ef 5.22-24; 1 Pe 3.1-
2). As mulheres de hoje em dia que rejeitam este papel dado
por Deus estão na realidade difamando a palavra dele (Tt 2.5).
Deus instrui as mulheres para mostrarem terna afeição aos
seus esposos e filhos, e a serem honestas e fiéis donas de casa
(Tt 2.4-5). Apesar dos esforços de algumas pessoas para
desvalorizar o papel das mulheres que são dedicadas as suas
famílias, Deus tem em alta estima a mulher que é uma boa
dona de casa e uma amorosa esposa e mãe. Tais mulheres
devotas são também dignas de respeito e apreciação de seus
esposos e filhos (Pv 31.11-12,28).²
Papéis Dados por Deus Dentro da Família
Filhos: Seguidores Obedientes – Deus também
definiu o papel dos filhos. Paulo revelou em Efésios 6.1-2 que
os filhos deverão:
Obedecer a seus pais. Deus colocou os pais nesta
posição de autoridade e os filhos têm que respeitá-los. Muitas
pessoas consideram a rebeldia de uma criança como uma
parte comum e esperada do "crescimento", mas Deus coloca-
a na lista com outros terríveis pecados contra ele (2 Timóteo
3:2-5).
Honrar seus pais. Os pais que sustentam, instruem e
preparam seus filhos devem ser honrados. Jesus mostrou que
esta honra inclui prover as necessidades dos pais idosos
(Mateus 15:3-6).²
De tudo o que vimos hoje, qual lição
podemos aplicar em nossa vida?
Deus, o criador de todas as coisas, desejou
em seu coração um modelo familiar perene. Ainda
que digam ser esse modelo ultrapassado,
desvalorizado, não hesite em se manter firme no
propósito de atender a vontade de Deus. Ele conta
com homens e mulheres, como eu e você, que,
optando por fazer a diferença nesta geração,
juntamente com as nossas famílias, vivam a
mensagem de salvação, paz e bem, cumprindo o
papel evangélico de mostrar ao mundo que a família
conforme o modelo divino é uma bênção para a
humanidade.¹
Conclusão
Todos os membros de uma família têm suas necessidades:
Físicas: comida, roupas, abrigo;
Emocionais: amor, aceitação, segurança, compreensão;
Intelectuais: oportunidade de desenvolver suas habilidades para a
vida diária e profissional;
Espirituais: conhecer a Deus e crescer espiritualmente, e
amadurecer na comunhão com Deus.
Porém uma família disfuncional é aquela que,
constantemente, deixa de atender essas a algumas dessas
necessidades, ou a todas elas. As famílias disfuncionais possuem
essas características:
Conclusão
Não conversam;
Ignoram o comportamento e as necessidades de seus membros;
Não levam em consideração os sentimentos uns dos outros;
Vivem isolados, mantendo segredos de suas vidas, não
compartilham os momentos; etc...
Essas famílias são formadas por pais com dificuldades, que
constantemente distorcem ou negam a realidade para esconder seus
próprios interesses e problemas, como excessos de trabalho ou
comportamento abusivo (físico, emocional, vícios ou sexual). O
resultado disso são filhos desajustados, sem senso de valor ou
responsabilidades. Mas onde começou a degradação da família? No
afastamento dos membros da família de Deus.²
Conclusão
Refletindo
1. Como é o modelo de família
criada por Deus?
2. O que faz com que muitas
famílias nos dias de hoje não
vivam os planos de Deus?
3. Como é a família que você
deseja formar? De acordo com o
modelo criado por Deus?
¹. Lição 2: Há algo errado com a família?! A Família Cristã, 2º Trimestre de 2016,
Classe dos Adolescentes Vencedores, Revista CPAD.
². http://www.portalebd.org.br/index.php/adolescentes/18-adolescentes-licoes.
• Bíblia de Estudo de Aplicação Pessoal – Editora CPAD – edição 2003
• Bíblia de Estudo Plenitude – SBB/1995 – Barueri/SP
• Bíblia de Estudo Pentecostal – Editora CPAD – Edição 2002.
• Bíblia Shedd – Editora Mundo Cristão – 2ª Edição
• Bíblia de Estudo da Mulher – Editora Mundo Cristão/SBB – Edição 2003
• Dicionário Vine – Editora CPAD – 3ª Edição 2003
• Richards – Lawrence O. – Guia do leitor da Bíblia – Editora CPAD – 8[
Edição/2009
https://www.facebook.com/Li%C3%A7%C3%
A3o-Juvenis-EBD-1100236160019044/
Contatos
marcuswneves@gmail.com
Até a Próxima aula:
Lição: 3
“Obediência e
Adoração”.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conflitos no Lar
Conflitos no LarConflitos no Lar
Conflitos no Lar
Luan Almeida
 
A Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaA Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na Família
Eid Marques
 
28mai2017-padroes de Deus para a família
28mai2017-padroes de Deus para a família28mai2017-padroes de Deus para a família
28mai2017-padroes de Deus para a família
Elton Melo
 
Família, criação de Deus
Família, criação de DeusFamília, criação de Deus
Família, criação de Deus
Moisés Sampaio
 
Deus, o Pai Perfeito
Deus, o  Pai PerfeitoDeus, o  Pai Perfeito
Deus, o Pai Perfeito
Quenia Damata
 
De Pai para filho
De Pai para filho De Pai para filho
De Pai para filho
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Familia, criação de deus.
Familia, criação de deus.Familia, criação de deus.
Familia, criação de deus.
Josias Alixandre
 
R Gómez o proposito de Deus para a família
R Gómez   o proposito de Deus para a famíliaR Gómez   o proposito de Deus para a família
R Gómez o proposito de Deus para a família
R Gómez
 
Culto domésticco
Culto domésticcoCulto domésticco
A familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigoA familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigo
jose filho
 
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaCulto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Igreja Adventista do Sétimo Dia
 
O cristão e a sexualidade
O cristão e a sexualidadeO cristão e a sexualidade
O cristão e a sexualidade
Luan Almeida
 
1 fundamentos bíblicos da família - 1ª aula
1   fundamentos bíblicos da família - 1ª aula1   fundamentos bíblicos da família - 1ª aula
1 fundamentos bíblicos da família - 1ª aula
Pib Penha
 
Família - igreja em miniatura
Família - igreja em miniaturaFamília - igreja em miniatura
Família - igreja em miniatura
Escola Da Bíblia Jundiaí
 
Valor social power point
Valor social power pointValor social power point
Valor social power point
Ubabalo
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
2. o plano de deus para a familia
2. o plano de deus para a familia2. o plano de deus para a familia
2. o plano de deus para a familia
PIB Penha
 
Deus é pai
Deus é paiDeus é pai
Deus é pai
Mauro Renato
 
4 23 29 06 15 ninho vazio
4 23 29 06 15 ninho vazio4 23 29 06 15 ninho vazio
4 23 29 06 15 ninho vazio
Estudos Bíblicos
 
Estudos biblicos relacionados a familia
Estudos biblicos relacionados a familiaEstudos biblicos relacionados a familia
Estudos biblicos relacionados a familia
mgno42
 

Mais procurados (20)

Conflitos no Lar
Conflitos no LarConflitos no Lar
Conflitos no Lar
 
A Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na FamíliaA Decisão de Servir a Deus na Família
A Decisão de Servir a Deus na Família
 
28mai2017-padroes de Deus para a família
28mai2017-padroes de Deus para a família28mai2017-padroes de Deus para a família
28mai2017-padroes de Deus para a família
 
Família, criação de Deus
Família, criação de DeusFamília, criação de Deus
Família, criação de Deus
 
Deus, o Pai Perfeito
Deus, o  Pai PerfeitoDeus, o  Pai Perfeito
Deus, o Pai Perfeito
 
De Pai para filho
De Pai para filho De Pai para filho
De Pai para filho
 
Familia, criação de deus.
Familia, criação de deus.Familia, criação de deus.
Familia, criação de deus.
 
R Gómez o proposito de Deus para a família
R Gómez   o proposito de Deus para a famíliaR Gómez   o proposito de Deus para a família
R Gómez o proposito de Deus para a família
 
Culto domésticco
Culto domésticcoCulto domésticco
Culto domésticco
 
A familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigoA familia cristã e os ataques do inimigo
A familia cristã e os ataques do inimigo
 
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja AdventistaCulto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
Culto Familiar - Ministério da Família, Igreja Adventista
 
O cristão e a sexualidade
O cristão e a sexualidadeO cristão e a sexualidade
O cristão e a sexualidade
 
1 fundamentos bíblicos da família - 1ª aula
1   fundamentos bíblicos da família - 1ª aula1   fundamentos bíblicos da família - 1ª aula
1 fundamentos bíblicos da família - 1ª aula
 
Família - igreja em miniatura
Família - igreja em miniaturaFamília - igreja em miniatura
Família - igreja em miniatura
 
Valor social power point
Valor social power pointValor social power point
Valor social power point
 
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014Apresentação1- A família : Plano de Deus -   Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
Apresentação1- A família : Plano de Deus - Estudo bíblico 1 - 19-10-2014
 
2. o plano de deus para a familia
2. o plano de deus para a familia2. o plano de deus para a familia
2. o plano de deus para a familia
 
Deus é pai
Deus é paiDeus é pai
Deus é pai
 
4 23 29 06 15 ninho vazio
4 23 29 06 15 ninho vazio4 23 29 06 15 ninho vazio
4 23 29 06 15 ninho vazio
 
Estudos biblicos relacionados a familia
Estudos biblicos relacionados a familiaEstudos biblicos relacionados a familia
Estudos biblicos relacionados a familia
 

Destaque

O Homem e a Mulher
O Homem e a Mulher O Homem e a Mulher
O Homem e a Mulher
Carlos Correa
 
Esa e jac
Esa e jacEsa e jac
Esa e jac
segundoano
 
A dinâmica do amor
A dinâmica do amorA dinâmica do amor
A dinâmica do amor
Presentepravoce SOS
 
Restaurando o primeiro amor
Restaurando o primeiro amorRestaurando o primeiro amor
Restaurando o primeiro amor
Presentepravoce SOS
 
ISRAEL O POVO DE DEUS.
ISRAEL O POVO DE DEUS.ISRAEL O POVO DE DEUS.
ISRAEL O POVO DE DEUS.
Rogerio Silva
 
Casados para sempre power
Casados para sempre powerCasados para sempre power
Casados para sempre power
Paulo Moretti
 
Tu irás adiante portas abertas
Tu irás adiante   portas abertasTu irás adiante   portas abertas
Tu irás adiante portas abertas
Amauri Dutra
 
Verdades Bíblicas - O Dízimo
Verdades Bíblicas - O DízimoVerdades Bíblicas - O Dízimo
Verdades Bíblicas - O Dízimo
Conectadoscomjesusiasd
 
Biblia+ anexos (03 - significado do inferno)
Biblia+   anexos (03 - significado do inferno)Biblia+   anexos (03 - significado do inferno)
Biblia+ anexos (03 - significado do inferno)
Adão Bueno
 
04 corpo-puro-revisado
04 corpo-puro-revisado04 corpo-puro-revisado
04 corpo-puro-revisado
Gillis Oliveira
 
Uma igreja verdadeiramente próspera1
Uma igreja verdadeiramente próspera1Uma igreja verdadeiramente próspera1
Uma igreja verdadeiramente próspera1
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Estudo bíblico PERDOAR PARA SER PERDOADO
Estudo bíblico PERDOAR  PARA SER  PERDOADOEstudo bíblico PERDOAR  PARA SER  PERDOADO
Estudo bíblico PERDOAR PARA SER PERDOADO
Samuel Oliveira
 
Encontro e Reencontro
Encontro e ReencontroEncontro e Reencontro
Encontro e Reencontro
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Eu acredito.
Eu  acredito.Eu  acredito.
Slides linkedin trabalho pronto
Slides linkedin trabalho prontoSlides linkedin trabalho pronto
Slides linkedin trabalho pronto
luparaguaia
 
Coração vazio
Coração  vazioCoração  vazio
O que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely Lage
O que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely LageO que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely Lage
O que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely Lage
Igreja Presbiteriana Renovada de Castelo Branco
 
Os seguidores de jesus cristo
Os seguidores de jesus cristoOs seguidores de jesus cristo
Os seguidores de jesus cristo
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Efeito Dominó: Diante do Sofrimento
Efeito Dominó: Diante do SofrimentoEfeito Dominó: Diante do Sofrimento
Efeito Dominó: Diante do Sofrimento
Daniel Faria Jr.
 
Eis que tudo se fez novo !
Eis que tudo  se fez novo !Eis que tudo  se fez novo !
Eis que tudo se fez novo !
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 

Destaque (20)

O Homem e a Mulher
O Homem e a Mulher O Homem e a Mulher
O Homem e a Mulher
 
Esa e jac
Esa e jacEsa e jac
Esa e jac
 
A dinâmica do amor
A dinâmica do amorA dinâmica do amor
A dinâmica do amor
 
Restaurando o primeiro amor
Restaurando o primeiro amorRestaurando o primeiro amor
Restaurando o primeiro amor
 
ISRAEL O POVO DE DEUS.
ISRAEL O POVO DE DEUS.ISRAEL O POVO DE DEUS.
ISRAEL O POVO DE DEUS.
 
Casados para sempre power
Casados para sempre powerCasados para sempre power
Casados para sempre power
 
Tu irás adiante portas abertas
Tu irás adiante   portas abertasTu irás adiante   portas abertas
Tu irás adiante portas abertas
 
Verdades Bíblicas - O Dízimo
Verdades Bíblicas - O DízimoVerdades Bíblicas - O Dízimo
Verdades Bíblicas - O Dízimo
 
Biblia+ anexos (03 - significado do inferno)
Biblia+   anexos (03 - significado do inferno)Biblia+   anexos (03 - significado do inferno)
Biblia+ anexos (03 - significado do inferno)
 
04 corpo-puro-revisado
04 corpo-puro-revisado04 corpo-puro-revisado
04 corpo-puro-revisado
 
Uma igreja verdadeiramente próspera1
Uma igreja verdadeiramente próspera1Uma igreja verdadeiramente próspera1
Uma igreja verdadeiramente próspera1
 
Estudo bíblico PERDOAR PARA SER PERDOADO
Estudo bíblico PERDOAR  PARA SER  PERDOADOEstudo bíblico PERDOAR  PARA SER  PERDOADO
Estudo bíblico PERDOAR PARA SER PERDOADO
 
Encontro e Reencontro
Encontro e ReencontroEncontro e Reencontro
Encontro e Reencontro
 
Eu acredito.
Eu  acredito.Eu  acredito.
Eu acredito.
 
Slides linkedin trabalho pronto
Slides linkedin trabalho prontoSlides linkedin trabalho pronto
Slides linkedin trabalho pronto
 
Coração vazio
Coração  vazioCoração  vazio
Coração vazio
 
O que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely Lage
O que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely LageO que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely Lage
O que Jesus espera da igreja? O poder de Deus (2ª parte) by Pr. Suely Lage
 
Os seguidores de jesus cristo
Os seguidores de jesus cristoOs seguidores de jesus cristo
Os seguidores de jesus cristo
 
Efeito Dominó: Diante do Sofrimento
Efeito Dominó: Diante do SofrimentoEfeito Dominó: Diante do Sofrimento
Efeito Dominó: Diante do Sofrimento
 
Eis que tudo se fez novo !
Eis que tudo  se fez novo !Eis que tudo  se fez novo !
Eis que tudo se fez novo !
 

Semelhante a Lição 2 "Há algo errado com a família"?

A família cristã parte 1
A família cristã   parte 1A família cristã   parte 1
A família cristã parte 1
Carlos Alberto Bächtold
 
aconselhamento e orientação pastoral
aconselhamento e orientação pastoralaconselhamento e orientação pastoral
aconselhamento e orientação pastoral
Deniserma
 
A familia 2
A familia 2A familia 2
Família slides
Família slidesFamília slides
Família slides
Jesiel Freitas
 
Jormi - Jornal Missionário n° 76
Jormi  -   Jornal Missionário n° 76Jormi  -   Jornal Missionário n° 76
Jormi - Jornal Missionário n° 76
trabalho como autonomo
 
Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2
Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2
Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2
Richard Rossini Atanes
 
Lição 2 (jovens) - Relacionamento em família
Lição 2 (jovens) - Relacionamento em famíliaLição 2 (jovens) - Relacionamento em família
Lição 2 (jovens) - Relacionamento em família
boasnovassena
 
Livro ebook-culto-familiar
Livro ebook-culto-familiarLivro ebook-culto-familiar
Livro ebook-culto-familiar
Marcelo Adson Queiroz
 
LBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS
LBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUSLBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS
LBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS
Natalino das Neves Neves
 
Lição 5
Lição 5Lição 5
Lição 5
Silas Rodrigues
 
Lição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipe
Lição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipeLição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipe
Lição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipe
Silas Rodrigues
 
Família, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa IdéiaFamília, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa Idéia
Eid Marques
 
Malaquias - Cap. 02 parte 02
Malaquias - Cap. 02  parte 02Malaquias - Cap. 02  parte 02
Malaquias - Cap. 02 parte 02
Daniel M Junior
 
Lição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto DomésticoLição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto Doméstico
Escol Dominical
 
A. w. pink culto familiar
A. w. pink   culto familiarA. w. pink   culto familiar
A. w. pink culto familiar
Deusdete Soares
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
Rosinaldo Lima Cunha
 
Ebd lição 3
Ebd lição 3Ebd lição 3
Ebd lição 3
Escol Dominical
 
A armadura de deus para o casal
A armadura de deus para o casalA armadura de deus para o casal
A armadura de deus para o casal
antonio ferreira
 
Os benefícios do discipulado em casa
Os benefícios do discipulado em casaOs benefícios do discipulado em casa
Os benefícios do discipulado em casa
Joary Jossué Carlesso
 
Uma casa para todos os povos
Uma casa para todos os povosUma casa para todos os povos
Uma casa para todos os povos
Marcelo Eduardo
 

Semelhante a Lição 2 "Há algo errado com a família"? (20)

A família cristã parte 1
A família cristã   parte 1A família cristã   parte 1
A família cristã parte 1
 
aconselhamento e orientação pastoral
aconselhamento e orientação pastoralaconselhamento e orientação pastoral
aconselhamento e orientação pastoral
 
A familia 2
A familia 2A familia 2
A familia 2
 
Família slides
Família slidesFamília slides
Família slides
 
Jormi - Jornal Missionário n° 76
Jormi  -   Jornal Missionário n° 76Jormi  -   Jornal Missionário n° 76
Jormi - Jornal Missionário n° 76
 
Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2
Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2
Jornal Salvação ao alcance de todos, edição 2
 
Lição 2 (jovens) - Relacionamento em família
Lição 2 (jovens) - Relacionamento em famíliaLição 2 (jovens) - Relacionamento em família
Lição 2 (jovens) - Relacionamento em família
 
Livro ebook-culto-familiar
Livro ebook-culto-familiarLivro ebook-culto-familiar
Livro ebook-culto-familiar
 
LBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS
LBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUSLBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS
LBJ LIÇÃO 11 - A FAMÍLIA SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS
 
Lição 5
Lição 5Lição 5
Lição 5
 
Lição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipe
Lição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipeLição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipe
Lição 5 - Domingo, 5 de Maio de 2013 - Pr. Helciley e equipe
 
Família, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa IdéiaFamília, Não Apague Essa Idéia
Família, Não Apague Essa Idéia
 
Malaquias - Cap. 02 parte 02
Malaquias - Cap. 02  parte 02Malaquias - Cap. 02  parte 02
Malaquias - Cap. 02 parte 02
 
Lição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto DomésticoLição 12: Culto Doméstico
Lição 12: Culto Doméstico
 
A. w. pink culto familiar
A. w. pink   culto familiarA. w. pink   culto familiar
A. w. pink culto familiar
 
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptxA FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
A FAMÍLIA E O CULTO DOMÉSTICO - 04.05.2022.pptx
 
Ebd lição 3
Ebd lição 3Ebd lição 3
Ebd lição 3
 
A armadura de deus para o casal
A armadura de deus para o casalA armadura de deus para o casal
A armadura de deus para o casal
 
Os benefícios do discipulado em casa
Os benefícios do discipulado em casaOs benefícios do discipulado em casa
Os benefícios do discipulado em casa
 
Uma casa para todos os povos
Uma casa para todos os povosUma casa para todos os povos
Uma casa para todos os povos
 

Mais de Marcus Wagner

Lição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdf
Lição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdfLição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdf
Lição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdf
Marcus Wagner
 
Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.
Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.
Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.
Marcus Wagner
 
Lição 4 paulo, a vocação para ser apóstolo
Lição 4 paulo, a vocação para ser apóstoloLição 4 paulo, a vocação para ser apóstolo
Lição 4 paulo, a vocação para ser apóstolo
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSO
LIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSOLIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSO
LIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSO
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO
LIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCOLIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO
LIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁS
LIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁSLIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁS
LIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁS
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUS
LIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUSLIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUS
LIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUS
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMO
LIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMOLIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMO
LIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMO
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA
LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA
LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA
LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA
LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEU
LIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEULIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEU
LIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEU
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAIS
LIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAISLIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAIS
LIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAIS
Marcus Wagner
 
Lição 07 PAGAREI O MAL COM O BEM
Lição 07 PAGAREI O MAL COM O BEMLição 07 PAGAREI O MAL COM O BEM
Lição 07 PAGAREI O MAL COM O BEM
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA
LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA
LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA
Marcus Wagner
 
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR
LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR
LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS
LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS
LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTES
LIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTESLIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTES
LIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTES
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO
LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO  LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO
LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO
Marcus Wagner
 
LIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAAL
LIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAALLIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAAL
LIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAAL
Marcus Wagner
 

Mais de Marcus Wagner (20)

Lição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdf
Lição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdfLição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdf
Lição 13 A Leitura da Bíblia e a Educação Cristã.pdf
 
Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.
Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.
Lição 13 a gloriosa esperança do apóstolo.
 
Lição 4 paulo, a vocação para ser apóstolo
Lição 4 paulo, a vocação para ser apóstoloLição 4 paulo, a vocação para ser apóstolo
Lição 4 paulo, a vocação para ser apóstolo
 
LIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSO
LIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSOLIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSO
LIÇÃO 3 - A CONVERSÃO DE SAULO DE TARSO
 
LIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO
LIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCOLIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO
LIÇÃO 9 - A UTILIZAÇÃO DE CÉLULAS-TRONCO
 
LIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁS
LIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁSLIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁS
LIÇÃO 9 - O REINADO DE JOÁS
 
LIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUS
LIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUSLIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUS
LIÇÃO 9 - DECIDI SER FIEL A DEUS
 
LIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMO
LIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMOLIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMO
LIÇÃO 8 - A AMEAÇA DO TERRORISMO
 
LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA
LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA
LIÇÃO 8 - NAAMÃ É CURADO DA LEPRA
 
LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA
LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA
LIÇÃO 8 - FAZENDO A DIFERENÇA
 
LIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEU
LIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEULIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEU
LIÇÃO 7 O MINISTÉRIO DE ELISEU
 
LIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAIS
LIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAISLIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAIS
LIÇÃO 7 – CATÁSTROFES NATURAIS
 
Lição 07 PAGAREI O MAL COM O BEM
Lição 07 PAGAREI O MAL COM O BEMLição 07 PAGAREI O MAL COM O BEM
Lição 07 PAGAREI O MAL COM O BEM
 
LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA
LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA
LIÇÃO 6 – EUTANÁSIA
 
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
 
LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR
LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR
LIÇÃO 6 – O PROFETA ELIAS E ELISEU, SEU SUCESSOR
 
LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS
LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS
LIÇÃO 5 – O REINADO DE ACAZIAS
 
LIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTES
LIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTESLIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTES
LIÇÃO 5º: ABORTO, A MORTE DOS INOCENTES
 
LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO
LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO  LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO
LIÇÃO 05: OUVI O TEU CHAMADO
 
LIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAAL
LIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAALLIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAAL
LIÇÃO 4 – ELIAS E OS PROFETAS DE ASERÁ E BAAL
 

Último

12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
JohnnyLima16
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
sjcelsorocha
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
vinibolado86
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
Eró Cunha
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
LeticiaRochaCupaiol
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Pedro Luis Moraes
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
AntonioLobosco3
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
Manuais Formação
 
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.pptESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
maria-oliveira
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
HisrelBlog
 

Último (20)

12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
12072423052012Critica_Literaria_-_Aula_07.pdf
 
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
Gênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9ºGênero Textual sobre Crônicas,  8º e  9º
Gênero Textual sobre Crônicas, 8º e 9º
 
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024Slide de biologia aula2  2 bimestre no ano de 2024
Slide de biologia aula2 2 bimestre no ano de 2024
 
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...REGULAMENTO  DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
REGULAMENTO DO CONCURSO DESENHOS AFRO/2024 - 14ª edição - CEIRI /UREI (ficha...
 
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
1ª LEI DE OHN, CARACTERISTICAS IMPORTANTES.
 
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdfAula Contrato Individual de Trabalho .pdf
Aula Contrato Individual de Trabalho .pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdfUFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
UFCD_4667_Preparação e confeção de molhos e fundos de cozinha_índice.pdf
 
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.pptESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
ESTRUTURA E FORMAÇÃO DE PALAVRAS- 9º ANO A - 2024.ppt
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIASA SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
A SOCIOLOGIA E O TRABALHO: ANÁLISES E VIVÊNCIAS
 

Lição 2 "Há algo errado com a família"?

  • 1.
  • 2.
  • 3.
  • 4. Destaque “E, como não querem saber do verdadeiro conhecimento a respeito de Deus, ele entregou os seres humanos aos seus maus pensamentos, de modo que eles fazem o que não devem" (Rm 1.28).
  • 5. Todo dia a mídia lança uma pesada carga de informação sobre os adolescentes, disseminando as mais controversas relações familiares. Novelas, filmes, livros e até desenho animado informam às crianças e aos adolescentes os diversos formatos familiares. Junto disto, a realidade sobre o divórcio no Brasil nos assusta e influencia fortemente o meio evangélico. Infelizmente, o tema é uma realidade que a maioria dos adolescentes já se deparou com amigos ou na própria casa. 0 foco desta lição é ajudar o adolescente a entender que, embora essa realidade esteja diante de nós, a vontade de Deus para a família é outra: a família está no "coração" de Deus e Ele a guardará. Deus fortaleça e abençoe sua família!¹
  • 6. A família, em qualquer sociedade, é o primeiro lugar de socialização do ser humano. É no lar que ele aprende a conhecer a si e aos outros. No lar ele aprende a comunicar-se com gestos e posteriormente a falar, é onde aprende comportamentos, a obedecer regras, aprende os valores, e a concepção de mundo. A família é, portanto o primeiro regulador da identidade física, psicológica e cultural do ser humano, e age sobre ele por uma fortíssima ação ideológica. É portanto de suma importância para a formação de caráter do ser humano, as primeiras instruções que recebe no seio de sua família. Tais ações perdurarão por toda a sua vida. Como ficam os pais evangélicos, que tem compromisso com os elevados padrões de Deus e prezam seus valores familiares? E qual é o papel da igreja nesse cenário, em sua missão de expandir o Reino de Deus através de suas famílias constituintes.²
  • 7. Vemos biblicamente que os filhos são herança do Senhor: "Herança do SENHOR são os filhos; o fruto do ventre, seu galardão." (Sl 127.3). A família é uma instituição divina, estabelecida para gerar filhos para Deus. A Igreja foi comissionada para gerar discípulos do Senhor, que sejam filhos de Deus "Todos os teus filhos serão ensinados do SENHOR; e será grande a paz de teus filhos." (Is 54.13). Como pais e educadores cristãos, nossa missão é fazer dos filhos discípulos do Senhor, que amem o Mestre e estejam prontos para segui-lo. Se descuidarmos da herança do Senhor, nossa luta será em vão. Os filhos são a próxima geração, para continuar o chamado de Deus sobre a casa, sobre a igreja e sobre a nação. Deus espera que dediquemos tempo instruindo nossos filhos para entenderem o Seu mover em sua geração.²
  • 8. “Não o encobriremos a seus filhos; contaremos à vindoura geração os louvores do SENHOR, e o seu poder, e as maravilhas que fez. Ele estabeleceu um testemunho em Jacó, e instituiu uma lei em Israel, e ordenou a nossos pais que os transmitissem a seus filhos, a fim de que a nova geração os conhecesse, filhos que ainda hão de nascer se levantassem e por sua vez os referissem aos seus descendentes; para que pusessem em Deus a sua confiança e não se esquecessem dos feitos de Deus, mas lhe observassem os mandamentos; e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus." (Sl 78.4-8). A Palavra de Deus é o fundamento da educação de nossos filhos, ligando gerações de fiéis através da história. "Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunhas, desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos, com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus." (Hb 12.1-2).²
  • 9. Para Refletir: Quando crianças, e até mesmo na adolescência, ouvimos por diversas vezes a pergunta: "0 que você quer ser quando crescer?" Mas já parou para pensar como será a sua família quando você ser tornar adulto? Como cristãos, somos confrontados todos os dias, pois o modelo de família que a Bíblia nos ensina a viver é visto como "quadrado" e fora de moda. Será que há algo de errado com a família que Deus criou?
  • 10. O que está acontecendo com a família? Na sociedade em que vivemos, as famílias estão cada vez mais fragmentadas e não é difícil identificarmos famílias em que não há mais o respeito e o amor mútuo. Até mesmo dentro da igreja vemos casos tristes, onde o respeito e o amor não florescem, dando lugar apenas à divisão e à contenda. Mas esse é um problema que não foi criado por Deus, mas por nós mesmos. A família funciona bem quando os seus membros cooperam entre si e em pregam o amor de Deus de maneira abundante; contudo, quando isso não acontece ; os eventos ruins ganham espaço na família.¹
  • 11. O que está acontecendo com a família? Enquanto em seu coração Deus criou a família, Ele pensava no modelo formado por homem, mulher e, em seguida, seus filhos. Você saberia o motivo? Ao criar o mundo, Deus tornou visível a sua inteligência, criando assim as coisas numa ordem correta que, de acordo com Génesis 1, tudo quanto fosse criado utilizaria-se das bases que haviam sido formadas anteriormente. Veja por exemplo se podemos plantar uma árvore no meio do mar?! Assim, antes de criar a vegetação era necessário o surgimento da terra.¹
  • 12. O que está acontecendo com a família? A família, onde o primeiro casal estava em comunhão e em harmonia, era a base sólida para a construção do edifício familiar. Quando essa base se desajusta é muito difícil que o edifício da família seja mantido. Hoje em dia, vemos formações familiares fugindo do padrão divino e a consequência disso é a falência da "nova fórmula" familiar criada por nós, mas sem a sintonia com o modelo criado por de Deus. Cada vez que a estrutura familiar enfraquece, a igreja também se torna fraca. Isso facilita cada vez mais o desequilíbrio e a proliferação do pecado na igreja.¹
  • 13. Mas por que isso está acontecendo? Não tem nada a ver, não pode ser tão ruim assim! Será? Frequentemente o que desejamos para nós não está de acordo com a vontade de Deus e desobedecê-lo, pensam alguns, não parece ser uma ideia tão ruim. Afinal de contas, o que queremos não faz mal a ninguém, pois qual é o problema de buscarmos a nossa felicidade?¹
  • 14. Mas por que isso está acontecendo? Não tem nada a ver, não pode ser tão ruim assim! Conquanto, em Mateus 15 vemos que do coração saem coisas que tornam o homem impuro e, que por isso, ainda que pareçam boas aos nossos olhos, são repreensíveis diante do Senhor. A Palavra de Deus diz que enganoso é o coração humano (Jr 17.9) e que os seus desejos podem nos levar ao erro, fazendo com que a nossa mente se esvazie do conhecimento de Deus e que nos tornemos tolos, isto é, pessoas cada vez mais distantes do propósito divino (Rm 1.28). Tudo o que Deus fez é bom e nada deve ser rejeitado (l Tm 4.4). Por isso, qualquer atitude contrária aos planos de Deus rejeita a sua vontade. Isso é pecado! £ pecado porque nos faz caminhar de maneira contraria a vontade divina. 0 Senhor não se agrada com atitudes assim, porque além de rebeldes, elas fazem com que neguemos a verdade a respeito dEle e outras pessoas deixam de conhecê-lo pelo nosso mau exemplo.¹
  • 15. Mas, temos saída? Deus não muda (Ml 3.6) e, assim também, os seus planos e vontade. Não importa que a sociedade tenha encontrado novos padrões ou até mesmo que se encontre em um modelo que não seja o que Deus desejou. 0 que importa é buscar nEle a direção divina para abençoarmos a nossa família, fazendo a sua vontade e sendo luz em meio às trevas para essa geração perdida. Lembre-se de que a nossa família, uma vez unida e saudável, colabora para que a nossa igreja seja também uma instituição una e sadia, e de modo suficiente para cumprir a vontade de Deus. Assim, como que para toda ação há uma reação, para cada decisão tomada por nós há uma resposta de Deus. Para decisões tomadas conforme a sua vontade há bênçãos e aprovação; mas para decisões contrárias a vontade divina há repreensão e consequência. A Palavra de Deus nos adverte que o salário do pecado é a morte (Rm 6.23) e não há outra opção. Deus tem revelado o seu amor e poder desde a criação do mundo, e por isso não há desculpas (Rm 1.20). A cada escolha que faz a nossa família ser unida ou dividida, prestaremos contas diante de Deus.¹
  • 16. Qual é o propósito de Deus para a família?
  • 17. Qual é o propósito de Deus para a família? "Se o Senhor não edificar a casa, em vão trabalham os que a edificam; Se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela" (Salmo 127.1). Deus nos criou e designou o casamento e a família como a mais fundamental das relações humanas. Em nosso mundo de hoje em dia, vemos famílias atormentadas pelo conflito e arrasadas pela negligência e o abuso. O divórcio tornou-se uma palavra comum, significando miséria e dureza para os múltiplos milhões de suas vítimas. Muitos homens jamais aprenderam a ser esposos e pais devotados. Muitas mulheres estão fugindo de seus papéis dados por Deus. Pais que não têm nenhuma ideia de como preparar seus filhos estão assim perturbados pelo conflito com seus rebentos rebeldes. Outros simplesmente abandonam seu dever, deixando filhos sem qualquer preparação ou provisão. ²
  • 18. Qual é o propósito de Deus para a família? Para muitas pessoas, hoje em dia, a frase familiar e confortadora "Lar, Doce Lar" não é mais do que uma ilusão vazia. Não há nada doce ou seguro num lar onde há o abuso, a traição e o abandono. Pode haver uma solução? Poderemos evitar tais tragédias em nossas famílias? Poderão os casais jovens manter o brilho do amor e do otimismo décadas depois de fazerem os votos no casamento? Haverá esperança de recuperação dos terríveis erros do passado?
  • 19. Qual é o propósito de Deus para a família? A resposta para todas estas perguntas é SIM! As soluções raramente são fáceis. A construção de lares sólidos não acontece por pura sorte. Somente pelo retorno ao padrão de Deus para nossas famílias poderemos começar a entender as grandes bênçãos que ele preparou para nós em lares construídos sobre a rocha sólida da sua palavra. Consideremos brevemente alguns princípios básicos ensinados na Bíblia sobre a família. Quando temos dificuldade com a geladeira, entendemos que o fabricante, que escreveu o manual do usuário, sabe mais sobre o aparelho do que nós. Lemos o manual para resolver o problema. Quando vemos tantos problemas nas famílias de hoje, só faz sentido que nosso Criador, que escreveu o "manual do usuário", sabe mais a respeito da família do que nós. Precisamos ler o manual para achar como construir e manter bons lares. Encontramos estas instruções na Bíblia. Ela nos guia em cada aspecto do serviço a ele, incluindo a realização de nossos papéis na família.²
  • 21. Casamento A família começa com o casamento. Quando Deus criou Adão e Eva, ele revelou seu plano básico para o casamento: "Por isso, deixa o homem pai e mãe e se une à sua mulher, tornando-se os dois uma só carne" (Gn 2.24). Este plano é claro. Um homem ligado a uma mulher. Milhares de anos mais tarde, Jesus afirmou que este ainda é o plano de Deus. Ele citou este versículo e acrescentou: "Portanto, o que Deus ajuntou não o separe o homem" (Mt 19.6). O casamento é uma relação para toda a vida. Somente a morte deve cortar este laço (Rm 7.1-3). Deus aprovou as relações sexuais somente dentro do casamento. Não há nada de mal ou impuro sobre as relações sexuais dentro de um casamento aprovado por Deus (Hb 13.4). Esposos e esposas têm a responsabilidade de satisfazer os desejos sexuais (dados por Deus) aos seus companheiros (1 Co 7.1-5).²
  • 22. Casamento Todas as outras relações sexuais são sempre e absolutamente erradas. Relações sexuais entre pessoas do mesmo sexo são absolutamente proibidas por Deus (Rm 1.24-27; 1 Co 6.9-11). Deus não criou Adão e João. Ele fez uma mulher, Eva, como uma parceira apropriada para Adão. As relações sexuais antes do casamento, mesmo entre pessoas que pretendem se casar, são condenadas por Deus (1 Co 7.1-2, 8-9; Gl 5.19). As relações sexuais extraconjugais são também claramente proibidas (Hb 13.4).²
  • 24. Filhos Casais assim unidos diante de Deus pelo casamento gozam o privilégio de terem filhos. Deus ordenou a Adão e Eva e aos filhos de Noé que tivessem filhos (Gênesis 1.28; 9.1). Ainda que nem todas as pessoas tenham que se casar, e que nem todas terão filhos, é ainda o plano básico de Deus que os filhos nasçam dentro de famílias, completas com pai e mãe (1 Timóteo 5.14). Em lugar nenhum da Bíblia encontramos autorização para uma mulher ter relações sexuais para conceber um filho, antes ou sem casamento. A paternidade solteira, que está se tornando moda em nossa sociedade moderna é um afastamento do plano de Deus que terá sérias consequências para as gerações vindouras.²
  • 25. Papéis Dados por Deus Dentro da Família
  • 26. Papéis Dados por Deus Dentro da Família Dentro desta estrutura do propósito Divino, consideremos os papéis que Deus atribuiu aos homens, mulheres e filhos. Homens: Esposos e Pais – A responsabilidade dos esposos é bem resumida em Efésios 5:25: "Maridos, amai vossa mulher, como também Cristo amou a Igreja e a si mesmo se entregou por ela". O esposo tem que colocar as necessidades de sua esposa acima das suas próprias, mostrando devoção desprendida aos melhores interesses da "parte mais frágil" que necessita da sua proteção. Ele tem que trabalhar honestamente para prover as necessidades da família (2 Ts 3:10-11; 1 Tm 5:8). Os pais são especialmente instruídos por Deus para preparar seus filhos na instrução e na disciplina do Senhor (Ef 6:4). Este é um trabalho sério e, às vezes, difícil, mas com resultados eternos! Os espíritos de seus filhos existirão eternamente, ou na presença de Deus ou separados dele. A maior meta de um pai para seus filhos deveria sempre ser a salvação eterna deles.²
  • 27. Papéis Dados por Deus Dentro da Família Mulheres: Esposas e Mães – Uma esposa tem um papel muito desafiador no plano de Deus. Ela tem que complementar seu esposo como uma auxiliar submissa, que partilha com ele as experiências da vida. As pressões da sociedade moderna para rejeitar a autoridade masculina não obstante, a mulher devota aceita seu papel como aquela que é cuidadosamente submissa ao seu esposo (Ef 5.22-24; 1 Pe 3.1- 2). As mulheres de hoje em dia que rejeitam este papel dado por Deus estão na realidade difamando a palavra dele (Tt 2.5). Deus instrui as mulheres para mostrarem terna afeição aos seus esposos e filhos, e a serem honestas e fiéis donas de casa (Tt 2.4-5). Apesar dos esforços de algumas pessoas para desvalorizar o papel das mulheres que são dedicadas as suas famílias, Deus tem em alta estima a mulher que é uma boa dona de casa e uma amorosa esposa e mãe. Tais mulheres devotas são também dignas de respeito e apreciação de seus esposos e filhos (Pv 31.11-12,28).²
  • 28. Papéis Dados por Deus Dentro da Família Filhos: Seguidores Obedientes – Deus também definiu o papel dos filhos. Paulo revelou em Efésios 6.1-2 que os filhos deverão: Obedecer a seus pais. Deus colocou os pais nesta posição de autoridade e os filhos têm que respeitá-los. Muitas pessoas consideram a rebeldia de uma criança como uma parte comum e esperada do "crescimento", mas Deus coloca- a na lista com outros terríveis pecados contra ele (2 Timóteo 3:2-5). Honrar seus pais. Os pais que sustentam, instruem e preparam seus filhos devem ser honrados. Jesus mostrou que esta honra inclui prover as necessidades dos pais idosos (Mateus 15:3-6).²
  • 29. De tudo o que vimos hoje, qual lição podemos aplicar em nossa vida? Deus, o criador de todas as coisas, desejou em seu coração um modelo familiar perene. Ainda que digam ser esse modelo ultrapassado, desvalorizado, não hesite em se manter firme no propósito de atender a vontade de Deus. Ele conta com homens e mulheres, como eu e você, que, optando por fazer a diferença nesta geração, juntamente com as nossas famílias, vivam a mensagem de salvação, paz e bem, cumprindo o papel evangélico de mostrar ao mundo que a família conforme o modelo divino é uma bênção para a humanidade.¹ Conclusão
  • 30. Todos os membros de uma família têm suas necessidades: Físicas: comida, roupas, abrigo; Emocionais: amor, aceitação, segurança, compreensão; Intelectuais: oportunidade de desenvolver suas habilidades para a vida diária e profissional; Espirituais: conhecer a Deus e crescer espiritualmente, e amadurecer na comunhão com Deus. Porém uma família disfuncional é aquela que, constantemente, deixa de atender essas a algumas dessas necessidades, ou a todas elas. As famílias disfuncionais possuem essas características: Conclusão
  • 31. Não conversam; Ignoram o comportamento e as necessidades de seus membros; Não levam em consideração os sentimentos uns dos outros; Vivem isolados, mantendo segredos de suas vidas, não compartilham os momentos; etc... Essas famílias são formadas por pais com dificuldades, que constantemente distorcem ou negam a realidade para esconder seus próprios interesses e problemas, como excessos de trabalho ou comportamento abusivo (físico, emocional, vícios ou sexual). O resultado disso são filhos desajustados, sem senso de valor ou responsabilidades. Mas onde começou a degradação da família? No afastamento dos membros da família de Deus.² Conclusão
  • 32.
  • 33. Refletindo 1. Como é o modelo de família criada por Deus? 2. O que faz com que muitas famílias nos dias de hoje não vivam os planos de Deus? 3. Como é a família que você deseja formar? De acordo com o modelo criado por Deus?
  • 34. ¹. Lição 2: Há algo errado com a família?! A Família Cristã, 2º Trimestre de 2016, Classe dos Adolescentes Vencedores, Revista CPAD. ². http://www.portalebd.org.br/index.php/adolescentes/18-adolescentes-licoes. • Bíblia de Estudo de Aplicação Pessoal – Editora CPAD – edição 2003 • Bíblia de Estudo Plenitude – SBB/1995 – Barueri/SP • Bíblia de Estudo Pentecostal – Editora CPAD – Edição 2002. • Bíblia Shedd – Editora Mundo Cristão – 2ª Edição • Bíblia de Estudo da Mulher – Editora Mundo Cristão/SBB – Edição 2003 • Dicionário Vine – Editora CPAD – 3ª Edição 2003 • Richards – Lawrence O. – Guia do leitor da Bíblia – Editora CPAD – 8[ Edição/2009
  • 35.
  • 37. Até a Próxima aula: Lição: 3 “Obediência e Adoração”.