SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
77 Serviço cristão:Serviço cristão:
um chamadoum chamado
para todospara todos
Guarde no coraçãoGuarde no coração
““Tu, porém, sê sóbrio em todas asTu, porém, sê sóbrio em todas as
coisas, suporta as aflições, faze ocoisas, suporta as aflições, faze o
trabalho de evangelista, cumpretrabalho de evangelista, cumpre
cabalmente o teu ministério”cabalmente o teu ministério”
(2Tm 4.5).(2Tm 4.5).
Pense e respondaPense e responda
Não sei fazer nada, como posso serNão sei fazer nada, como posso ser
chamado para o serviço cristão?chamado para o serviço cristão?
IntroduçãoIntrodução
Assim como o exercício físico o leva à boaAssim como o exercício físico o leva à boa
forma física, o exercício espiritual oforma física, o exercício espiritual o
levará ao amadurecimento espiritual. Fazlevará ao amadurecimento espiritual. Faz
parte desse exercício o serviço cristão.parte desse exercício o serviço cristão.
I. Criados para servir (Ef 2.10)I. Criados para servir (Ef 2.10)
Jesus disse que não veio para ser servido,Jesus disse que não veio para ser servido,
mas para servir (Mc 10.45; Jo 5.17),mas para servir (Mc 10.45; Jo 5.17),
deixando-lhe o exemplo do serviçodeixando-lhe o exemplo do serviço
cristão a ser seguido.cristão a ser seguido.
II. Servir é um ato de obediênciaII. Servir é um ato de obediência
(Gl 5.13)(Gl 5.13)
Jesus, com toda certeza, é o maiorJesus, com toda certeza, é o maior
exemplo de obediência vocacional. Vocêexemplo de obediência vocacional. Você
não tem outra opção senão obedecer aonão tem outra opção senão obedecer ao
chamado para o serviço. Bênçãos virão,chamado para o serviço. Bênçãos virão,
certamente.certamente.
III. Servir é uma forma de adoraçãoIII. Servir é uma forma de adoração
(Rm 12.1)(Rm 12.1)
Paulo escreve que agora resta ao crentePaulo escreve que agora resta ao crente
oferecer-se em sacrifício vivo, isto é,oferecer-se em sacrifício vivo, isto é,
participante, não morrendo, masparticipante, não morrendo, mas
vivendo inteiramente para Deus,vivendo inteiramente para Deus,
oferecendo sua força física, mental,oferecendo sua força física, mental,
intelectual, espiritual, todo o seu ser,intelectual, espiritual, todo o seu ser,
para servi-Lo em adoração, que é opara servi-Lo em adoração, que é o
serviço da alma.serviço da alma.
IV. Servir é uma forma de mordomiaIV. Servir é uma forma de mordomia
(1Pe 4.10)(1Pe 4.10)
1. Não há diferença entre suas atividades1. Não há diferença entre suas atividades
religiosas e seculares – tudo pertencereligiosas e seculares – tudo pertence
a Deus.a Deus.
2. Como bom mordomo de Deus, sua2. Como bom mordomo de Deus, sua
responsabilidade é muito grande.responsabilidade é muito grande.
3. Para o bom desempenho da mordomia,3. Para o bom desempenho da mordomia,
você depende totalmente do Espírito Santo.você depende totalmente do Espírito Santo.
V. Pessoas tem algo a dar e aV. Pessoas tem algo a dar e a
receberreceber
(1Co 12.7)(1Co 12.7)
Foi Moody quem disse: “Eu não sou umFoi Moody quem disse: “Eu não sou um
homem de muitas qualidades, mas todashomem de muitas qualidades, mas todas
as que tenho estão à disposição deas que tenho estão à disposição de
Cristo” Que bênção!Cristo” Que bênção!
Hoje, você aprendeu!Hoje, você aprendeu!
1. Deus criou você para o serviço1. Deus criou você para o serviço
2. Servindo, você:2. Servindo, você:
• obedece ao mandado de Deus;obedece ao mandado de Deus;
• presta a Deus um culto de adoração;presta a Deus um culto de adoração;
• exerce a doutrina da mordomia;exerce a doutrina da mordomia;
• serve ao próximo e serve-se dele.serve ao próximo e serve-se dele.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Lição 04
Lição 04Lição 04
Lição 04
 
Lição 13
Lição 13Lição 13
Lição 13
 
Aula de Membresia - 2
Aula de Membresia - 2 Aula de Membresia - 2
Aula de Membresia - 2
 
Aula 05 membresia para o site
Aula 05   membresia para o siteAula 05   membresia para o site
Aula 05 membresia para o site
 
Lição 12
Lição 12Lição 12
Lição 12
 
Aula de membresia 1
Aula de membresia   1Aula de membresia   1
Aula de membresia 1
 
Oração
OraçãoOração
Oração
 
Lição 11
Lição 11Lição 11
Lição 11
 
Lição 05
Lição 05Lição 05
Lição 05
 
Vida de oração
Vida de oraçãoVida de oração
Vida de oração
 
10ª oração como estilo de vida - revizado
10ª   oração como estilo de vida   - revizado10ª   oração como estilo de vida   - revizado
10ª oração como estilo de vida - revizado
 
A Oração na Vida Cristã
A Oração na Vida CristãA Oração na Vida Cristã
A Oração na Vida Cristã
 
O poder da palavra de Deus
O poder da palavra de DeusO poder da palavra de Deus
O poder da palavra de Deus
 
Formação Práticas Espirituais - Oração Pessoal, Terço e Jejum
Formação Práticas Espirituais - Oração Pessoal, Terço e JejumFormação Práticas Espirituais - Oração Pessoal, Terço e Jejum
Formação Práticas Espirituais - Oração Pessoal, Terço e Jejum
 
Orar não é obrigação
Orar não é obrigaçãoOrar não é obrigação
Orar não é obrigação
 
Por que orar
Por que orarPor que orar
Por que orar
 
Que queres que eu te faca
Que queres que eu te facaQue queres que eu te faca
Que queres que eu te faca
 
Aula: A Oração do Servo de Deus (Tia Jady)
Aula: A Oração do Servo de Deus (Tia Jady)Aula: A Oração do Servo de Deus (Tia Jady)
Aula: A Oração do Servo de Deus (Tia Jady)
 
MODULO 4 ensino 03 04 formas
MODULO 4 ensino 03 04 formasMODULO 4 ensino 03 04 formas
MODULO 4 ensino 03 04 formas
 
Poder da Oração - Pastor José de Abreu
Poder da Oração - Pastor José de AbreuPoder da Oração - Pastor José de Abreu
Poder da Oração - Pastor José de Abreu
 

Destaque

Destaque (6)

Lição 06
Lição 06Lição 06
Lição 06
 
Lição 14
Lição 14Lição 14
Lição 14
 
Lição 1 a maturidade do cristão
Lição 1   a maturidade do cristãoLição 1   a maturidade do cristão
Lição 1 a maturidade do cristão
 
Manuais adotados Secundária 2016/17
Manuais adotados Secundária 2016/17Manuais adotados Secundária 2016/17
Manuais adotados Secundária 2016/17
 
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃOLIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
LIÇÃO 13 - UMA VIDA DE FRUTIFICAÇÃO
 
Lição 10 Discipulado, a missão educadora da igreja
Lição 10   Discipulado, a missão educadora da igrejaLição 10   Discipulado, a missão educadora da igreja
Lição 10 Discipulado, a missão educadora da igreja
 

Semelhante a Lição 07

Semelhante a Lição 07 (20)

amigo de Deus.pdf
amigo de Deus.pdfamigo de Deus.pdf
amigo de Deus.pdf
 
Aula doação de órgãos
Aula doação de órgãosAula doação de órgãos
Aula doação de órgãos
 
Aula doação de órgãos
Aula doação de órgãosAula doação de órgãos
Aula doação de órgãos
 
Disciplinas espirituais1
Disciplinas espirituais1Disciplinas espirituais1
Disciplinas espirituais1
 
Boletim cbg n°_24_15_junho_2014
Boletim cbg n°_24_15_junho_2014Boletim cbg n°_24_15_junho_2014
Boletim cbg n°_24_15_junho_2014
 
Missões News 06/2019
Missões News 06/2019Missões News 06/2019
Missões News 06/2019
 
A meditação do crente
A meditação do crenteA meditação do crente
A meditação do crente
 
Vida do lider disciplinas espirituais
Vida do lider   disciplinas espirituaisVida do lider   disciplinas espirituais
Vida do lider disciplinas espirituais
 
Os 7 Sacramentos Católicos
Os 7 Sacramentos CatólicosOs 7 Sacramentos Católicos
Os 7 Sacramentos Católicos
 
Reacao espiritual
Reacao espiritualReacao espiritual
Reacao espiritual
 
Reacao espiritual
Reacao espiritualReacao espiritual
Reacao espiritual
 
O valor do acolhimento na casa espírita
O valor do acolhimento na casa espíritaO valor do acolhimento na casa espírita
O valor do acolhimento na casa espírita
 
Lição 4 – o ministério avivado de jesus.pptx
Lição 4 – o ministério avivado de jesus.pptxLição 4 – o ministério avivado de jesus.pptx
Lição 4 – o ministério avivado de jesus.pptx
 
Apostila 18
Apostila 18Apostila 18
Apostila 18
 
Teologia
TeologiaTeologia
Teologia
 
Disciplinas espirituais
Disciplinas espirituaisDisciplinas espirituais
Disciplinas espirituais
 
3 praticar tudo de novo
3 praticar tudo de novo3 praticar tudo de novo
3 praticar tudo de novo
 
Saúde boaforma
Saúde boaformaSaúde boaforma
Saúde boaforma
 
5 dons ministeriais - Estudo
5 dons ministeriais  - Estudo5 dons ministeriais  - Estudo
5 dons ministeriais - Estudo
 
Livrete quaresma_ e pascoa 2015_Arquidiocese de Florianópolis
Livrete quaresma_ e pascoa 2015_Arquidiocese de FlorianópolisLivrete quaresma_ e pascoa 2015_Arquidiocese de Florianópolis
Livrete quaresma_ e pascoa 2015_Arquidiocese de Florianópolis
 

Último

Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxViniciusPetersen1
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............MilyFonceca
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...M.R.L
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaRicardo Azevedo
 
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024thandreola
 
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - ApresentaçãoCurso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentaçãoantonio211075
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfStelaWilbert
 
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.Priscilatrigodecamar
 
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptxLivro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptxPIB Penha
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoNilson Almeida
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxCelso Napoleon
 
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024LeonardoQuintanilha4
 
Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaNilson Almeida
 

Último (15)

Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptxEspecialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
Especialidade Pioneiros Adventistas (Desbravadores).pptx
 
Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............Folder clube de Desbravadores.............
Folder clube de Desbravadores.............
 
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...Ciclos de Aprendizados:  “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
Ciclos de Aprendizados: “Uma Análise da Evolução Espiritual Através das Exis...
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação NecessáriaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 135 - Renovação Necessária
 
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
O SAGRADO CORAÇÃO DA JUSTIÇA II / 25/05/2024
 
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - ApresentaçãoCurso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
Curso Básico de Teologia - Bibliologia - Apresentação
 
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdfOrações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
Orações que abrem as comportas do Céu - Jhon Eckhardt.pdf
 
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
Auxiliar adolescentes 2° trimestre de 2024.
 
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptxLivro Atos dos apóstolos  estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
Livro Atos dos apóstolos estudo 12- Cap 25 e 26.pptx
 
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De AquinoOração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
Oração Para Os Estudos São Tomás De Aquino
 
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada _ Oséias - slides powerpoint.pptx
 
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptxBíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
Bíblia sagrada - JOel - slides powerpoint.pptx
 
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptxLição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
Lição 8 - Confessando e Abandonando o Pecado.pptx
 
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
ESQUEMA PARA LECTIO DIVINA PARA LEIGOS 2024
 
Oração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De CássiaOração De Santa Rita De Cássia
Oração De Santa Rita De Cássia
 

Lição 07

  • 1.
  • 2. 77 Serviço cristão:Serviço cristão: um chamadoum chamado para todospara todos
  • 3. Guarde no coraçãoGuarde no coração ““Tu, porém, sê sóbrio em todas asTu, porém, sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, faze ocoisas, suporta as aflições, faze o trabalho de evangelista, cumpretrabalho de evangelista, cumpre cabalmente o teu ministério”cabalmente o teu ministério” (2Tm 4.5).(2Tm 4.5).
  • 4. Pense e respondaPense e responda Não sei fazer nada, como posso serNão sei fazer nada, como posso ser chamado para o serviço cristão?chamado para o serviço cristão?
  • 5. IntroduçãoIntrodução Assim como o exercício físico o leva à boaAssim como o exercício físico o leva à boa forma física, o exercício espiritual oforma física, o exercício espiritual o levará ao amadurecimento espiritual. Fazlevará ao amadurecimento espiritual. Faz parte desse exercício o serviço cristão.parte desse exercício o serviço cristão.
  • 6. I. Criados para servir (Ef 2.10)I. Criados para servir (Ef 2.10) Jesus disse que não veio para ser servido,Jesus disse que não veio para ser servido, mas para servir (Mc 10.45; Jo 5.17),mas para servir (Mc 10.45; Jo 5.17), deixando-lhe o exemplo do serviçodeixando-lhe o exemplo do serviço cristão a ser seguido.cristão a ser seguido.
  • 7. II. Servir é um ato de obediênciaII. Servir é um ato de obediência (Gl 5.13)(Gl 5.13) Jesus, com toda certeza, é o maiorJesus, com toda certeza, é o maior exemplo de obediência vocacional. Vocêexemplo de obediência vocacional. Você não tem outra opção senão obedecer aonão tem outra opção senão obedecer ao chamado para o serviço. Bênçãos virão,chamado para o serviço. Bênçãos virão, certamente.certamente.
  • 8. III. Servir é uma forma de adoraçãoIII. Servir é uma forma de adoração (Rm 12.1)(Rm 12.1) Paulo escreve que agora resta ao crentePaulo escreve que agora resta ao crente oferecer-se em sacrifício vivo, isto é,oferecer-se em sacrifício vivo, isto é, participante, não morrendo, masparticipante, não morrendo, mas vivendo inteiramente para Deus,vivendo inteiramente para Deus, oferecendo sua força física, mental,oferecendo sua força física, mental, intelectual, espiritual, todo o seu ser,intelectual, espiritual, todo o seu ser, para servi-Lo em adoração, que é opara servi-Lo em adoração, que é o serviço da alma.serviço da alma.
  • 9. IV. Servir é uma forma de mordomiaIV. Servir é uma forma de mordomia (1Pe 4.10)(1Pe 4.10) 1. Não há diferença entre suas atividades1. Não há diferença entre suas atividades religiosas e seculares – tudo pertencereligiosas e seculares – tudo pertence a Deus.a Deus. 2. Como bom mordomo de Deus, sua2. Como bom mordomo de Deus, sua responsabilidade é muito grande.responsabilidade é muito grande. 3. Para o bom desempenho da mordomia,3. Para o bom desempenho da mordomia, você depende totalmente do Espírito Santo.você depende totalmente do Espírito Santo.
  • 10. V. Pessoas tem algo a dar e aV. Pessoas tem algo a dar e a receberreceber (1Co 12.7)(1Co 12.7) Foi Moody quem disse: “Eu não sou umFoi Moody quem disse: “Eu não sou um homem de muitas qualidades, mas todashomem de muitas qualidades, mas todas as que tenho estão à disposição deas que tenho estão à disposição de Cristo” Que bênção!Cristo” Que bênção!
  • 11. Hoje, você aprendeu!Hoje, você aprendeu! 1. Deus criou você para o serviço1. Deus criou você para o serviço 2. Servindo, você:2. Servindo, você: • obedece ao mandado de Deus;obedece ao mandado de Deus; • presta a Deus um culto de adoração;presta a Deus um culto de adoração; • exerce a doutrina da mordomia;exerce a doutrina da mordomia; • serve ao próximo e serve-se dele.serve ao próximo e serve-se dele.