SlideShare uma empresa Scribd logo
1963 -
2023
ESCOLA ESTADUAL MANOEL FERNANDES
PROFESSOR EDIVAL
5º ANO – “A”
Jaçanã – RN
2023
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Características geográficas
 Área ———— 54,561 km² (IBGE 2020)
 População Estimada — 9.341 (IBGE 2021)
 Clima ——————— Semiárido
 Bioma ——————– Caatinga
 A distância entre Jaçanã e Natal
é de aproximadamente 154 km
 Possui altitude de 664m acima
do nível do mar
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Coronel Ezequiel-RN
Nova Floresta-PB
São Bento do
Trairi-RN e
Cuité-PB
Picuí-PB
Tudo começou no final do século XIX, já adentrando ao
século XX. No interior do Rio Grande do Norte, fazendo
fronteira com a Paraíba. Fugindo da seca que assolava o
sertão, nativos e retirantes começaram a habitar o local.
Um ponto estratégico daquela serra, denominado de SÍTIO
FLORES, havia sido herdado por colonos paraibanos e
despertava o interesse de tropeiros que acabaram
comprando terras ali. Entre os quais estavam: Fortunato de
Medeiros, Manoel Fernandes, Vicente Ferreira e
Francisco de Paula.
Primeiro a construção do Cacimbão dos Fortunatos que fez com que
muitas pessoas viessem morar no local fazendo o povoamento da
localidade.
Depois a construção da padaria, que era uma referência pela qualidade de
seus produtos, tendo como proprietário, Manoel Fortunato.
O primeiro passeio ao local, atraídos pela grande atração da
região na época, a citada fonte d’água.
*João/Ana Fortunato sempre disponibilizaram esse recurso em
favor do bem comum. O local era organizado com pedras para
lavar roupas, tanques para captação da água via motor a diesel e
dois equipamentos manuais para captação de água por aqueles que
não podiam pagar uma pequena taxa de manutenção.
Edmundo/Severina, herdeiros do local, cederam
gratuitamente à CAERN, através de solicitação
do então prefeito Dedé Pereira, para a instalação
de bombas para o abastecimento da cidade.
Edmundo e Severina
 Quem pesquisa a história de Jaçanã raramente
cita a importância, para o nascimento da cidade,
dessa fábrica de farinha de mandioca.
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Em 1950 a localidade denominada Flores não existia na
forma de povoado, vila. Existiam famílias que
habitavam em torno do atual centro da cidade. No hoje
centro moravam as famílias Fortunato, Sintônio,
Estevão e Valentim.
Saindo para Bujari, as famílias Salustino e Rocha; No
sentido de Lagoinha, a família Paulo e Marinheiro. Na
direção de Gurjaú tínhamos as famílias Pinheiro,
França, Abdias, Pio e Claudino. No sentido de
Coronel moravam as famílias Arruda, a família de
Romão, Teixeira, entre outros.
• Escola Estadual Manoel Fernandes:
• Começou a funcionar em 1951
• Inicialmente foi chamada de Escola Isolada
Jácio Fiúza.
Mercado público - 1950
Igreja
concluída
em 1976 Casa de farinha elétrica, final da década de 50
Na época, a localidade contava com o respaldo de políticos influentes da região,
principalmente os deputados Theodorico Bezerra e Jácio Fiúza ambos
contribuíram significativamente para o progresso local. Oficialmente em
novembro de 1953, o povoado tornou-se Vila do Distrito de Santa Cruz. Nos
anos seguintes a localidade só progrediu e em 26 de março de 1963 o lugarejo
foi emancipado, tornando-se de fato um município, recebendo o nome oficial
de JAÇANÃ.
Entre 1946 e 1951, o Sítio Flores já era um
pequeno povoado, e passou ser chamado de
“Povoado Flores”.
Os antigos moradores explicam que o nome “Jaçanã”
provem da grande quantidade de pássaros de mesmo nome
que habitavam as lagoas da região.
Acredita-se que o político Theodorico Bezerra, que
viabilizou o processo da emancipação, adorava colocar
nome de aves nas cidades que emancipava.
Theodorico Bezerra e Jácio Fiúza ficaram para sempre
na história de Jaçanã, não pelas obras que trouxeram para
cá, como mercado público, escola e casa de farinha
elétrica, mas pelos seguintes fatos:
Theodorico Bezerra:
 Pelo “batismo” do nome da cidade: JAÇANÃ.
 Pelo projeto de urbanização da cidade, junto com João
Fortunato, com suas largas avenidas, uma cidade
planejada.
Jácio Fiúza:
 Como deputado estadual, foi o autor do projeto de lei
de emancipação do município.
Nos anos 60 Jaçanã tinha poucas opções de festas. No carnaval tinha os papangús
e o carnaval no Cacimbão dos Fortunatos, quando seu proprietário João
Fortunato mandava encher os tanques de água para o mela-mela com farinha de
trigo e talco. Depois em maio vinha a Festa da Padroeira com seu pavilhão, que se
resumia a bebidas, leilão e eleição da Rainha da Festa.
Jaçanã e suas festas
Antigamente, até a década de 80, o dia 7 de setembro era a
principal data festiva das escolas. Todos aguardavam essa
data com muita ansiedade.
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Festa do Caju
Apresentação cultural
da Escola Estadual
Manoel Fernandes
O primeiro prefeito do município, foi o Sr. Zé Abdias, empossado pelo então
governador, na primeira eleição da história do município ganhou o Sr. Manoel
Amaro de Medeiros, tornando-se o primeiro Prefeito eleito de Jaçanã.
Manoel Amaro José Abdias José Pereira José Farias Uady
Orlando Esdras
Oton Uady Antônio de Farias
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
 Esdras Fernandes
 01/01/ 2013 a
 31/12/ 2016
01/01/ 2017 a
31/12/ 2020
Oton Mário
Mandato:
01/01/ 2021
a 31/12/
2024
Atual prefeito:
Uady Antônio de Farias
Vice-Prefeita:
Riane Guedes de Oliveira
Poder Executivo
Prefeitura Municipal de Jaçanã-RN
Localização
Rua: João Fernandes, 122,
Centro,
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Poder Legislativo
Localização:
R. Manoel Fortunato de
Medeiros, Número:112;
Bairro: Centro
Vereadores do
município de
Jaçanã - RN
Pontos turísticos de Jaçanã-RN
Mirante do Rangel O Mirante do Rangel é
um platô situado no topo
da Serra da Borborema,
entre o Rio Grande do
Norte e a Paraíba, mas
especificamente no Sítio
Rangel, a cerca de 8 km
da sede do município.
Do Mirante, é possível
avistar as cidades de
Santa Cruz, São Bento
do Trairi e Cuité, além
de um uma flora
O Pássaro Jaçanã é um
monumento erguido na
entrada da cidade no
sentido Coronel Ezequiel.
O monumento reproduz o
brasão do município de
Jaçanã, com a figura da
ave que deu nome à
cidade ao centro e dois
pés de sisal laterais que
representavam a
economia do município
na época de sua
fundação. Em sua base,
para o lado do asfalto,
vê-se a reprodução de
uma faixa verde e
amarela pintada com o
A pedra redonda fica localizada no Sítio Rangel, Município de Jaçanã,
divisa com São Bento do Trairi - RN.
Pedra
Redonda
3º maior cajueiro do RN
O maior cajueiro do mundo fica
localizado na Praia de Pirangi.
O segundo maior do Estado está
no município de Grossos.
Já o terceiro maior cajueiro
do RN está localizado em
Jaçanã, mais precisamente no
sítio Boca da Mata, há cerca
de 3 km do centro da cidade.
O Cajueiro de Pirangi, localizado na
praia de Pirangi do Norte, em
Parnamirim, e cobre uma área de
aproximadamente 9.000m², com
perímetro de aproximadamente 500
metros. Em virtude da sua extensão, a
árvore gigante entrou para o Guinness
Book “O Livro dos Recordes”, em 1994,
como o Maior Cajueiro do Mundo.
Maior Cajueiro do Mundo
Praça João Fortunato
Praça João Fortunato está
localizada na sua região
central, ao lado da Igreja
Católica, em frente à Escola
Estadual Manoel Fernandes.
Ao longo de sua história, a
Praça Municipal passou por
inúmeras reformas e conta
hoje com uma boa estrutura
de lazer, com áreas verdes e
bancos.
Praça João Fortunato
Praça - 1968
Lugar onde guarda boa parte dos registros
que contam a história da cidade de Jaçanã
O museu tem como entidade mantedora a família Fortunato,
portanto é de natureza privada. A ideia de transformar a antiga
casa em museu se deu em julho de 2007, pelos filhos de Edmundo
Dantas e Suzana Medeiros.
O acervo consta de móveis e objetos antigos, além de fotografias
que documentam a história da origem da cidade e da árvore
genealógica da família Fortunato.
Memorial dos Fortunatos
O Memorial dos Fortunatos é
considerado o primeiro e único
museu do município. Seu prédio
figura como uma das
construções mais antigas da
cidade.
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
O verde simboliza a
esperança e a
exuberância da
floresta serrana
O branco simboliza a hospitalidade e a generosidade do povo jaçanãense
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx
VILAS CASINHAS PEQUENAS
TEUS ASTROS EM CENA A TE AGRADECER
COM LUTA AMOR E MÃOS DADAS
EM LONGAS JORNADAS FIZERAM CRESCER
A HISTÓRIA DE UMA LINDA CIDADE
QUE ENFEITA A VERDADE, A PAZ E O AMOR,
RIO GRANDE DO NORTE VALEU
SUA HISTÓRIA CRESCEU, NOSSO POVO ADOROU.
MAJOR THEODORICO E FIÚZA
SÃO ASTROS DA LUZ DA MANHÃ
TROUXERAM PRA NOSSA CIDADE
UM LINDO NOME JAÇANÃ
ENCANTO DO NOSSO RIO GRANDE
ESTRELA DESSA REGIÃO
JARDIM DO NOSSO TRAIRI
CIDADE DO MEU CORAÇÃO.
DE ORIGEM O SEU NOME ERA FLORES
QUE ENFEITA AS CORES REAIS BRASILEIRAS
O VERDE E O AZUL DESSE CÉU
COM O BRANCO DO VÉU FORMA NOSSA BANDEIRA
SEU SOLO ARENO ARGILOSO COM CLIMA GOSTOSO
FECUNDA AS SEMENTES
RIO GRANDE ESTE POVO É TEU FÃ
ASSIM É JAÇANÃ, DE ONTEM, DE HOJE E DE SEMPRE.
Letra e música do autor: Francisco Nascimento.
Imagens de Jaçanã RN
Imagens aéreas de Jaçanã RN
Imagens aéreas de Jaçanã RN
Imagem aérea de Jaçanã RN
Igrejas
Escola Estadual Manoel Fernandes
Primeira escola construída no município
Escola Municipal
Oscar Cordeiro da
Costa
Escola Municipal Olindina
Estelita de Macedo
Escola Municipal Oscar Cordeiro da Costa
Escola Estadual Teresinha Carolino de Souza
Escola M. Miriam Gomes
E.M.A.C.C
Centro Educacional Infantil
Geovânia Gomes - CEIG
Fronteira com a Paraíba
Estátua de
João
Fortunato
Estátua de José Pereira
Estátua de
José
Farias
Pássaro Jaçanã
Centro da cidade Mercado público
Ginásio poliesportivo Campo de futebol
Praça localizada no centro da cidade
Casa de taipa
Rua Manoel Fortunato
Praça de eventos
Jaçanã
-
RN
Escola
Estadual
Manoel
Fernandes
1963 -
2023
Slides auxiliares
O clima semiárido é um tipo
de clima caracterizado pela baixa
umidade e pouco volume pluviométrico
Clima
semiárido
Caatinga é um tipo de vegetação formada de árvores de
pequeno porte, arbustos tortuosos e plantas cactáceas. De
modo geral, quase todas as plantas da caatinga possuem
espinhos. É uma vegetação tipicamente brasileira, não existe
em nenhum outro local. É o ecossistema mais depredado do
planeta, em consequência do uso da lenha para combustível, da
caça e da seca constante na região.
O que é
Caatinga:
Bioma é o
conjunto
dos seres
vivos de
uma área.
Bioma
Pássaro Jaçanã
O jaçanã é uma ave que habita a América
Central e a América do Sul.
O jaçanã chega a cerca de 23 cm de
comprimento. A ave se destaca pelos pés
enormes para o seu tamanho e dedos e
unhas finas e compridas. Graças as essas
características, o jaçanã consegue
caminhar sobre as plantas aquáticas.
O Poder Executivo tem a
função de governar o povo
e administrar os interesses
públicos, de acordo as leis
previstas na Constituição
Federal.
Poder Executivo
Prefeito
Poder Legislativo
A principal função do Poder Legislativo Municipal, que é
formado pelos vereadores, é legislar, isto é, fazer as leis do
município. Mas, existem muitas outras funções, também
importantes. O Vereador, como agente político, acaba
tomando a forma de um guardião da sociedade.
Vereadores

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx

RUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOS
RUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOSRUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOS
RUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOS
Geraldina Braga
 
Slides História de Cachoeira do Sul
Slides História de Cachoeira do SulSlides História de Cachoeira do Sul
Slides História de Cachoeira do Sul
Valquiria Bauer
 
Caderno Pedagógico Cabo Frio
Caderno Pedagógico Cabo FrioCaderno Pedagógico Cabo Frio
Caderno Pedagógico Cabo Frio
jaquecgsouza
 
De povoado á cidade riachão do dantas
De povoado á cidade  riachão do dantasDe povoado á cidade  riachão do dantas
De povoado á cidade riachão do dantas
rosanaricardo
 
De povoado á cidade riachão do dantas
De povoado á cidade  riachão do dantasDe povoado á cidade  riachão do dantas
De povoado á cidade riachão do dantas
rosanaricardo
 
ManhuaçU
ManhuaçUManhuaçU
ManhuaçU
ecsette
 
História de Mato Grosso - parte 02
História de Mato Grosso - parte 02História de Mato Grosso - parte 02
História de Mato Grosso - parte 02
HisrelBlog
 
Jb news informativo nr. 0463
Jb news   informativo nr. 0463Jb news   informativo nr. 0463
Jb news informativo nr. 0463
JB News
 
Jacundá - Uma história e várias culturas.
Jacundá - Uma história e várias culturas.Jacundá - Uma história e várias culturas.
Jacundá - Uma história e várias culturas.
André Moraes
 
Historico de afranio2
Historico de afranio2Historico de afranio2
Historico de afranio2
blogafraniope
 
História de cjs ibge - blog
História de cjs   ibge - blogHistória de cjs   ibge - blog
História de cjs ibge - blog
trabalhotrab
 
Microrregião da Borborema Potiguar
Microrregião da Borborema PotiguarMicrorregião da Borborema Potiguar
Microrregião da Borborema Potiguar
Jailma Oliveira
 
Portifólio Memórias de Tamoios
Portifólio Memórias de TamoiosPortifólio Memórias de Tamoios
Portifólio Memórias de Tamoios
Paty Sena
 
Distritos de Uberlândia
Distritos de UberlândiaDistritos de Uberlândia
Distritos de Uberlândia
katiabeatriz22
 
Saudades da minha terra-Prof. Jerônimo
Saudades da minha terra-Prof. JerônimoSaudades da minha terra-Prof. Jerônimo
Saudades da minha terra-Prof. Jerônimo
Jerônimo Ferreira
 
Cristiane projeto 2
Cristiane projeto 2Cristiane projeto 2
Cristiane projeto 2
usuariobairro2012
 
Slide- Fotos antigas e atuais
Slide- Fotos antigas e atuaisSlide- Fotos antigas e atuais
Slide- Fotos antigas e atuais
PIBIDSolondeLucena
 
Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07
Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07
Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07
PIBIDSolondeLucena
 
Berizal, Minas Gerais
Berizal, Minas GeraisBerizal, Minas Gerais
Berizal, Minas Gerais
Núbia Almeida Batista
 

Semelhante a Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx (20)

RUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOS
RUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOSRUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOS
RUAS DE IRAUÇUBA E SEUS HOMENAGEADOS
 
Slides História de Cachoeira do Sul
Slides História de Cachoeira do SulSlides História de Cachoeira do Sul
Slides História de Cachoeira do Sul
 
Caderno Pedagógico Cabo Frio
Caderno Pedagógico Cabo FrioCaderno Pedagógico Cabo Frio
Caderno Pedagógico Cabo Frio
 
De povoado á cidade riachão do dantas
De povoado á cidade  riachão do dantasDe povoado á cidade  riachão do dantas
De povoado á cidade riachão do dantas
 
De povoado á cidade riachão do dantas
De povoado á cidade  riachão do dantasDe povoado á cidade  riachão do dantas
De povoado á cidade riachão do dantas
 
ManhuaçU
ManhuaçUManhuaçU
ManhuaçU
 
História de Mato Grosso - parte 02
História de Mato Grosso - parte 02História de Mato Grosso - parte 02
História de Mato Grosso - parte 02
 
Jb news informativo nr. 0463
Jb news   informativo nr. 0463Jb news   informativo nr. 0463
Jb news informativo nr. 0463
 
Jacundá - Uma história e várias culturas.
Jacundá - Uma história e várias culturas.Jacundá - Uma história e várias culturas.
Jacundá - Uma história e várias culturas.
 
Historico de afranio2
Historico de afranio2Historico de afranio2
Historico de afranio2
 
História de cjs ibge - blog
História de cjs   ibge - blogHistória de cjs   ibge - blog
História de cjs ibge - blog
 
Microrregião da Borborema Potiguar
Microrregião da Borborema PotiguarMicrorregião da Borborema Potiguar
Microrregião da Borborema Potiguar
 
Votuporanga sp
Votuporanga   spVotuporanga   sp
Votuporanga sp
 
Portifólio Memórias de Tamoios
Portifólio Memórias de TamoiosPortifólio Memórias de Tamoios
Portifólio Memórias de Tamoios
 
Distritos de Uberlândia
Distritos de UberlândiaDistritos de Uberlândia
Distritos de Uberlândia
 
Saudades da minha terra-Prof. Jerônimo
Saudades da minha terra-Prof. JerônimoSaudades da minha terra-Prof. Jerônimo
Saudades da minha terra-Prof. Jerônimo
 
Cristiane projeto 2
Cristiane projeto 2Cristiane projeto 2
Cristiane projeto 2
 
Slide- Fotos antigas e atuais
Slide- Fotos antigas e atuaisSlide- Fotos antigas e atuais
Slide- Fotos antigas e atuais
 
Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07
Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07
Slide- Fotos antigas e atuais de Campina Grande 07
 
Berizal, Minas Gerais
Berizal, Minas GeraisBerizal, Minas Gerais
Berizal, Minas Gerais
 

Mais de edivalbal

Jaçanã e seu início e história - EEMF.pptx
Jaçanã e seu início e história - EEMF.pptxJaçanã e seu início e história - EEMF.pptx
Jaçanã e seu início e história - EEMF.pptx
edivalbal
 
Alimentação sudável
Alimentação sudávelAlimentação sudável
Alimentação sudável
edivalbal
 
Folclore
FolcloreFolclore
Folclore
edivalbal
 
Apresentação olimpiadas eemf
Apresentação olimpiadas eemfApresentação olimpiadas eemf
Apresentação olimpiadas eemf
edivalbal
 
Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1
Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1
Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1
edivalbal
 
Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02
Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02
Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02
edivalbal
 
Meios de transporte
Meios de transporteMeios de transporte
Meios de transporte
edivalbal
 
Meios de transportes
Meios de transportesMeios de transportes
Meios de transportes
edivalbal
 
Meios de transporte
Meios de transporteMeios de transporte
Meios de transporte
edivalbal
 
Diga não as drogas
Diga não as drogasDiga não as drogas
Diga não as drogas
edivalbal
 
Biografias
BiografiasBiografias
Biografias
edivalbal
 
Uma história que precisa ter fim
Uma história que precisa ter fimUma história que precisa ter fim
Uma história que precisa ter fim
edivalbal
 

Mais de edivalbal (12)

Jaçanã e seu início e história - EEMF.pptx
Jaçanã e seu início e história - EEMF.pptxJaçanã e seu início e história - EEMF.pptx
Jaçanã e seu início e história - EEMF.pptx
 
Alimentação sudável
Alimentação sudávelAlimentação sudável
Alimentação sudável
 
Folclore
FolcloreFolclore
Folclore
 
Apresentação olimpiadas eemf
Apresentação olimpiadas eemfApresentação olimpiadas eemf
Apresentação olimpiadas eemf
 
Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1
Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1
Fixa de acompanhamento de leitura e escrita 1
 
Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02
Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02
Aliteraturanoimaginrioinfantil valcisoares-121004131723-phpapp02
 
Meios de transporte
Meios de transporteMeios de transporte
Meios de transporte
 
Meios de transportes
Meios de transportesMeios de transportes
Meios de transportes
 
Meios de transporte
Meios de transporteMeios de transporte
Meios de transporte
 
Diga não as drogas
Diga não as drogasDiga não as drogas
Diga não as drogas
 
Biografias
BiografiasBiografias
Biografias
 
Uma história que precisa ter fim
Uma história que precisa ter fimUma história que precisa ter fim
Uma história que precisa ter fim
 

Último

farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
Mary Alvarenga
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
Sandra Pratas
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
Sandra Pratas
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Caça-palavras - multiplicação
Caça-palavras  -  multiplicaçãoCaça-palavras  -  multiplicação
Caça-palavras - multiplicação
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O SONHO DO EVARISTO_RITA E CLÁUDIA_22_23
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_O MONSTRO DAS CORES_ANGELINA & MÓNICA_22_23
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
Desafio matemático -  multiplicação e divisão.Desafio matemático -  multiplicação e divisão.
Desafio matemático - multiplicação e divisão.
 

Jaçanã, seu início e história - EEMF.ppsx

  • 1. 1963 - 2023 ESCOLA ESTADUAL MANOEL FERNANDES PROFESSOR EDIVAL 5º ANO – “A” Jaçanã – RN 2023
  • 3. Características geográficas  Área ———— 54,561 km² (IBGE 2020)  População Estimada — 9.341 (IBGE 2021)  Clima ——————— Semiárido  Bioma ——————– Caatinga  A distância entre Jaçanã e Natal é de aproximadamente 154 km  Possui altitude de 664m acima do nível do mar
  • 5. Coronel Ezequiel-RN Nova Floresta-PB São Bento do Trairi-RN e Cuité-PB Picuí-PB
  • 6. Tudo começou no final do século XIX, já adentrando ao século XX. No interior do Rio Grande do Norte, fazendo fronteira com a Paraíba. Fugindo da seca que assolava o sertão, nativos e retirantes começaram a habitar o local. Um ponto estratégico daquela serra, denominado de SÍTIO FLORES, havia sido herdado por colonos paraibanos e despertava o interesse de tropeiros que acabaram comprando terras ali. Entre os quais estavam: Fortunato de Medeiros, Manoel Fernandes, Vicente Ferreira e Francisco de Paula.
  • 7. Primeiro a construção do Cacimbão dos Fortunatos que fez com que muitas pessoas viessem morar no local fazendo o povoamento da localidade. Depois a construção da padaria, que era uma referência pela qualidade de seus produtos, tendo como proprietário, Manoel Fortunato.
  • 8. O primeiro passeio ao local, atraídos pela grande atração da região na época, a citada fonte d’água.
  • 9. *João/Ana Fortunato sempre disponibilizaram esse recurso em favor do bem comum. O local era organizado com pedras para lavar roupas, tanques para captação da água via motor a diesel e dois equipamentos manuais para captação de água por aqueles que não podiam pagar uma pequena taxa de manutenção. Edmundo/Severina, herdeiros do local, cederam gratuitamente à CAERN, através de solicitação do então prefeito Dedé Pereira, para a instalação de bombas para o abastecimento da cidade. Edmundo e Severina
  • 10.  Quem pesquisa a história de Jaçanã raramente cita a importância, para o nascimento da cidade, dessa fábrica de farinha de mandioca.
  • 12. Em 1950 a localidade denominada Flores não existia na forma de povoado, vila. Existiam famílias que habitavam em torno do atual centro da cidade. No hoje centro moravam as famílias Fortunato, Sintônio, Estevão e Valentim. Saindo para Bujari, as famílias Salustino e Rocha; No sentido de Lagoinha, a família Paulo e Marinheiro. Na direção de Gurjaú tínhamos as famílias Pinheiro, França, Abdias, Pio e Claudino. No sentido de Coronel moravam as famílias Arruda, a família de Romão, Teixeira, entre outros.
  • 13. • Escola Estadual Manoel Fernandes: • Começou a funcionar em 1951 • Inicialmente foi chamada de Escola Isolada Jácio Fiúza. Mercado público - 1950 Igreja concluída em 1976 Casa de farinha elétrica, final da década de 50
  • 14. Na época, a localidade contava com o respaldo de políticos influentes da região, principalmente os deputados Theodorico Bezerra e Jácio Fiúza ambos contribuíram significativamente para o progresso local. Oficialmente em novembro de 1953, o povoado tornou-se Vila do Distrito de Santa Cruz. Nos anos seguintes a localidade só progrediu e em 26 de março de 1963 o lugarejo foi emancipado, tornando-se de fato um município, recebendo o nome oficial de JAÇANÃ. Entre 1946 e 1951, o Sítio Flores já era um pequeno povoado, e passou ser chamado de “Povoado Flores”.
  • 15. Os antigos moradores explicam que o nome “Jaçanã” provem da grande quantidade de pássaros de mesmo nome que habitavam as lagoas da região. Acredita-se que o político Theodorico Bezerra, que viabilizou o processo da emancipação, adorava colocar nome de aves nas cidades que emancipava.
  • 16. Theodorico Bezerra e Jácio Fiúza ficaram para sempre na história de Jaçanã, não pelas obras que trouxeram para cá, como mercado público, escola e casa de farinha elétrica, mas pelos seguintes fatos: Theodorico Bezerra:  Pelo “batismo” do nome da cidade: JAÇANÃ.  Pelo projeto de urbanização da cidade, junto com João Fortunato, com suas largas avenidas, uma cidade planejada. Jácio Fiúza:  Como deputado estadual, foi o autor do projeto de lei de emancipação do município.
  • 17. Nos anos 60 Jaçanã tinha poucas opções de festas. No carnaval tinha os papangús e o carnaval no Cacimbão dos Fortunatos, quando seu proprietário João Fortunato mandava encher os tanques de água para o mela-mela com farinha de trigo e talco. Depois em maio vinha a Festa da Padroeira com seu pavilhão, que se resumia a bebidas, leilão e eleição da Rainha da Festa.
  • 18. Jaçanã e suas festas
  • 19. Antigamente, até a década de 80, o dia 7 de setembro era a principal data festiva das escolas. Todos aguardavam essa data com muita ansiedade.
  • 22. Festa do Caju Apresentação cultural da Escola Estadual Manoel Fernandes
  • 23. O primeiro prefeito do município, foi o Sr. Zé Abdias, empossado pelo então governador, na primeira eleição da história do município ganhou o Sr. Manoel Amaro de Medeiros, tornando-se o primeiro Prefeito eleito de Jaçanã. Manoel Amaro José Abdias José Pereira José Farias Uady Orlando Esdras Oton Uady Antônio de Farias
  • 30.  Esdras Fernandes  01/01/ 2013 a  31/12/ 2016 01/01/ 2017 a 31/12/ 2020 Oton Mário
  • 31. Mandato: 01/01/ 2021 a 31/12/ 2024 Atual prefeito: Uady Antônio de Farias Vice-Prefeita: Riane Guedes de Oliveira
  • 32. Poder Executivo Prefeitura Municipal de Jaçanã-RN Localização Rua: João Fernandes, 122, Centro,
  • 34. Poder Legislativo Localização: R. Manoel Fortunato de Medeiros, Número:112; Bairro: Centro
  • 36. Pontos turísticos de Jaçanã-RN Mirante do Rangel O Mirante do Rangel é um platô situado no topo da Serra da Borborema, entre o Rio Grande do Norte e a Paraíba, mas especificamente no Sítio Rangel, a cerca de 8 km da sede do município. Do Mirante, é possível avistar as cidades de Santa Cruz, São Bento do Trairi e Cuité, além de um uma flora
  • 37. O Pássaro Jaçanã é um monumento erguido na entrada da cidade no sentido Coronel Ezequiel. O monumento reproduz o brasão do município de Jaçanã, com a figura da ave que deu nome à cidade ao centro e dois pés de sisal laterais que representavam a economia do município na época de sua fundação. Em sua base, para o lado do asfalto, vê-se a reprodução de uma faixa verde e amarela pintada com o
  • 38. A pedra redonda fica localizada no Sítio Rangel, Município de Jaçanã, divisa com São Bento do Trairi - RN. Pedra Redonda
  • 39. 3º maior cajueiro do RN O maior cajueiro do mundo fica localizado na Praia de Pirangi. O segundo maior do Estado está no município de Grossos. Já o terceiro maior cajueiro do RN está localizado em Jaçanã, mais precisamente no sítio Boca da Mata, há cerca de 3 km do centro da cidade.
  • 40. O Cajueiro de Pirangi, localizado na praia de Pirangi do Norte, em Parnamirim, e cobre uma área de aproximadamente 9.000m², com perímetro de aproximadamente 500 metros. Em virtude da sua extensão, a árvore gigante entrou para o Guinness Book “O Livro dos Recordes”, em 1994, como o Maior Cajueiro do Mundo. Maior Cajueiro do Mundo
  • 41. Praça João Fortunato Praça João Fortunato está localizada na sua região central, ao lado da Igreja Católica, em frente à Escola Estadual Manoel Fernandes. Ao longo de sua história, a Praça Municipal passou por inúmeras reformas e conta hoje com uma boa estrutura de lazer, com áreas verdes e bancos.
  • 44. Lugar onde guarda boa parte dos registros que contam a história da cidade de Jaçanã
  • 45. O museu tem como entidade mantedora a família Fortunato, portanto é de natureza privada. A ideia de transformar a antiga casa em museu se deu em julho de 2007, pelos filhos de Edmundo Dantas e Suzana Medeiros. O acervo consta de móveis e objetos antigos, além de fotografias que documentam a história da origem da cidade e da árvore genealógica da família Fortunato. Memorial dos Fortunatos O Memorial dos Fortunatos é considerado o primeiro e único museu do município. Seu prédio figura como uma das construções mais antigas da cidade.
  • 48. O verde simboliza a esperança e a exuberância da floresta serrana O branco simboliza a hospitalidade e a generosidade do povo jaçanãense
  • 51. VILAS CASINHAS PEQUENAS TEUS ASTROS EM CENA A TE AGRADECER COM LUTA AMOR E MÃOS DADAS EM LONGAS JORNADAS FIZERAM CRESCER A HISTÓRIA DE UMA LINDA CIDADE QUE ENFEITA A VERDADE, A PAZ E O AMOR, RIO GRANDE DO NORTE VALEU SUA HISTÓRIA CRESCEU, NOSSO POVO ADOROU. MAJOR THEODORICO E FIÚZA SÃO ASTROS DA LUZ DA MANHÃ TROUXERAM PRA NOSSA CIDADE UM LINDO NOME JAÇANÃ ENCANTO DO NOSSO RIO GRANDE ESTRELA DESSA REGIÃO JARDIM DO NOSSO TRAIRI CIDADE DO MEU CORAÇÃO.
  • 52. DE ORIGEM O SEU NOME ERA FLORES QUE ENFEITA AS CORES REAIS BRASILEIRAS O VERDE E O AZUL DESSE CÉU COM O BRANCO DO VÉU FORMA NOSSA BANDEIRA SEU SOLO ARENO ARGILOSO COM CLIMA GOSTOSO FECUNDA AS SEMENTES RIO GRANDE ESTE POVO É TEU FÃ ASSIM É JAÇANÃ, DE ONTEM, DE HOJE E DE SEMPRE. Letra e música do autor: Francisco Nascimento.
  • 54. Imagens aéreas de Jaçanã RN
  • 55. Imagens aéreas de Jaçanã RN
  • 56. Imagem aérea de Jaçanã RN
  • 58. Escola Estadual Manoel Fernandes Primeira escola construída no município
  • 59. Escola Municipal Oscar Cordeiro da Costa Escola Municipal Olindina Estelita de Macedo Escola Municipal Oscar Cordeiro da Costa
  • 60. Escola Estadual Teresinha Carolino de Souza
  • 61. Escola M. Miriam Gomes E.M.A.C.C
  • 63. Fronteira com a Paraíba
  • 64. Estátua de João Fortunato Estátua de José Pereira Estátua de José Farias Pássaro Jaçanã
  • 65. Centro da cidade Mercado público Ginásio poliesportivo Campo de futebol
  • 66. Praça localizada no centro da cidade
  • 67. Casa de taipa Rua Manoel Fortunato Praça de eventos
  • 70. O clima semiárido é um tipo de clima caracterizado pela baixa umidade e pouco volume pluviométrico Clima semiárido
  • 71. Caatinga é um tipo de vegetação formada de árvores de pequeno porte, arbustos tortuosos e plantas cactáceas. De modo geral, quase todas as plantas da caatinga possuem espinhos. É uma vegetação tipicamente brasileira, não existe em nenhum outro local. É o ecossistema mais depredado do planeta, em consequência do uso da lenha para combustível, da caça e da seca constante na região. O que é Caatinga:
  • 72. Bioma é o conjunto dos seres vivos de uma área. Bioma
  • 73. Pássaro Jaçanã O jaçanã é uma ave que habita a América Central e a América do Sul. O jaçanã chega a cerca de 23 cm de comprimento. A ave se destaca pelos pés enormes para o seu tamanho e dedos e unhas finas e compridas. Graças as essas características, o jaçanã consegue caminhar sobre as plantas aquáticas.
  • 74. O Poder Executivo tem a função de governar o povo e administrar os interesses públicos, de acordo as leis previstas na Constituição Federal. Poder Executivo Prefeito
  • 75. Poder Legislativo A principal função do Poder Legislativo Municipal, que é formado pelos vereadores, é legislar, isto é, fazer as leis do município. Mas, existem muitas outras funções, também importantes. O Vereador, como agente político, acaba tomando a forma de um guardião da sociedade. Vereadores