SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
“Somos Humanos Chamados a
Altos Voos”
Era uma vez um camponês que foi a floresta vizinha
apanhar um pássaro para mantê-lo em sua casa.
Conseguiu pegar um filhote de águia. Coloco-o no
galinheiro junto com as galinhas. Comia milho e ração
própria para galinhas. Embora a águia fosse o rei/rainha de
todos os pássaros. Depois de cinco anos, este homem
recebeu em sua casa a visita de um naturalista. Enquanto
passeavam pelo jardim, disse o naturalista:
 - Esse pássaro aí não é galinha. É uma águia.
 - De fato – disse o camponês. É águia. Mas eu criei como
galinha.
Ela não é mais uma águia. Transformou-se em galinha
como as outras, apesar das asas de quase três metros de
- Não – retrucou o naturalista. Ela é e será sempre uma
águia. Pois tem um coração de águia. Este coração a fará
um dia voar ás alturas. - Não, não – insistiu o camponês.
Ela virou galinha e jamais voará como águia. Então
decidiram fazer uma prova. O naturalista tomou a águia,
ergueu-a bem alto e desafiando-a disse: - já que você de
fato é uma águia, já que você pertence ao céu e não a
terra, então abra suas asas e voe! A águia pousou sobre o
braço estendido do naturalista. Olhava distraidamente ao
redor. Viu as galinhas lá embaixo, ciscando grãos. E pulou
para junto delas. O camponês comentou:
- Eu lhe disse, ela virou uma simples galinha!
- Não – tornou a insistir o naturalista. Ela é uma águia.
E uma águia será sempre uma águia. Vamos experimentar
novamente amanhã.
No dia seguinte, o naturalista subiu com a águia no teto da
casa. Sussurrou-lhe:
- Águia, já que você é uma águia, abra as suas asas e voe!
Mas quando a águia viu lá embaixo as galinhas, ciscando
o chão, pulou e foi para junto delas.
O camponês sorriu e voltou à carga:
- Eu lhe havia dito, ela virou galinha!
-Não – respondeu firmemente o naturalista. Ela é águia,
possuirá sempre um coração              de águia. Vamos
experimentar ainda uma ultima vez. Amanhã a farei voar.
No dia seguinte, o naturalista e o camponês levantaram
bem cedo. Pegaram a águia, levaram para fora da cidade,
longe das casas dos homens, no alto de uma montanha. O
sol nascente dourava os picos das montanhas. O
naturalista ergueu a águia para o alto e ordenou-lhe:
Águia, já que você é uma águia, já que você pertence ao
céu e não à terra, abra suas asas e voe!
A águia olhou ao redor. Tremia como se experimentasse
nova vida. Mas não voou. Então o naturalista segurou-a
firmemente, bem na direção do sol, para que seus olhos
pudessem encher-se da claridade solar e da vastidão do
horizonte.
Nesse momento, ela abriu suas potentes asas, grasnou
com o típico kau-kau das águias e ergue-se, soberana,
sobre se mesma. E começou a voar, a voar para o alto, a
voar cada vez mais para o alto. Voou... voou... até
  Autor: Leonardo Boff)
confundir-se com o azul do firmamento...
Como será que
Deus nos
criou? Somos
águias ou
galinhas? Ou
somos as das
juntas?
Leitura bíblica: Salmo
                              8
Como se
sentiram ao
                    “O ser humano na
saber que                 criação”
foram criados
“coroados de
gloria e honra”?
• Reflexão
• Observando as duas condições (águia e a galinha) o que
  concluímos? Agimos, somos apenas como uma delas? Ou as
  duas condições são essenciais para a realização humana?

• Conclusão
 cada pessoa tem dentro de si uma águia. Busca as alturas, o
sol; foi feita para as grandes ideias os grandes sentimentos.
Muitas vezes, porém, fica presa a coisas como uma galinha
ciscando no galinheiro. Não nascemos só pra cuidar de comida,
roupa... As duas condições são essenciais para a realização
humana. Criados à imagem e semelhança de Deus temos que
buscar sempre a perfeição, a nossa conversão, mas sempre
sabedores da nossa pequenez.
Art. 1º A República Federativa do Brasil, tem como
fundamentos:
• a cidadania;
• a dignidade da pessoa humana;
E garante ( Art. 5º) que Todos são iguais perante a lei; Ela
afirma que São direitos sociais a educação, a saúde, a
alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a
previdência social, a proteção à maternidade e à infância,
a assistência aos desamparados. (Art6º).
• É possível viver a condição “galinha”, satisfatoriamente
   nos dias de hoje?
• Como a condição “águia” pode ajudar para termos mais
   qualidades de vida?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2
Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2
Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2Jorge Barbosa
 
Estrategias de Relaxamento para Crianças
Estrategias de Relaxamento para CriançasEstrategias de Relaxamento para Crianças
Estrategias de Relaxamento para Criançaspsimais
 
estudo do desenvolvimento humano
estudo do desenvolvimento humanoestudo do desenvolvimento humano
estudo do desenvolvimento humanoCRIS TORRES
 
Religiões
ReligiõesReligiões
Religiõesioseph
 
''O desenvolvimento cognitivo a teoria de piaget e a visão de vygotsky''
''O desenvolvimento cognitivo  a teoria de piaget e a visão de vygotsky''''O desenvolvimento cognitivo  a teoria de piaget e a visão de vygotsky''
''O desenvolvimento cognitivo a teoria de piaget e a visão de vygotsky''Francisco Nascimento
 
Estágio pré – operatório
Estágio pré – operatórioEstágio pré – operatório
Estágio pré – operatóriopatty_lilikinha
 
Teorias da Aprendizagem e Modelos Pedagógicos
Teorias da Aprendizagem e Modelos PedagógicosTeorias da Aprendizagem e Modelos Pedagógicos
Teorias da Aprendizagem e Modelos PedagógicosInstituto Consciência GO
 
Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...
Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...
Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...LD35
 
Desenvolvimento Cognitivo: Piaget
Desenvolvimento Cognitivo: PiagetDesenvolvimento Cognitivo: Piaget
Desenvolvimento Cognitivo: PiagetManô Araújo
 
Orientação espaço temporal
Orientação espaço temporalOrientação espaço temporal
Orientação espaço temporalPsicomotricidade
 

Mais procurados (20)

O estádio pré operatório
O estádio pré  operatórioO estádio pré  operatório
O estádio pré operatório
 
Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2
Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2
Piaget - Desenvolvimento Cognitivo 2
 
Desenvolvimento humano
Desenvolvimento humanoDesenvolvimento humano
Desenvolvimento humano
 
Estrategias de Relaxamento para Crianças
Estrategias de Relaxamento para CriançasEstrategias de Relaxamento para Crianças
Estrategias de Relaxamento para Crianças
 
estudo do desenvolvimento humano
estudo do desenvolvimento humanoestudo do desenvolvimento humano
estudo do desenvolvimento humano
 
Religiões
ReligiõesReligiões
Religiões
 
''O desenvolvimento cognitivo a teoria de piaget e a visão de vygotsky''
''O desenvolvimento cognitivo  a teoria de piaget e a visão de vygotsky''''O desenvolvimento cognitivo  a teoria de piaget e a visão de vygotsky''
''O desenvolvimento cognitivo a teoria de piaget e a visão de vygotsky''
 
Teoria de piaget (slides)
Teoria de piaget (slides)Teoria de piaget (slides)
Teoria de piaget (slides)
 
A Psicologia da Aprendizagem
A Psicologia da AprendizagemA Psicologia da Aprendizagem
A Psicologia da Aprendizagem
 
Estágio pré – operatório
Estágio pré – operatórioEstágio pré – operatório
Estágio pré – operatório
 
Desenvolvimento velhice
Desenvolvimento velhiceDesenvolvimento velhice
Desenvolvimento velhice
 
Teorias da Aprendizagem e Modelos Pedagógicos
Teorias da Aprendizagem e Modelos PedagógicosTeorias da Aprendizagem e Modelos Pedagógicos
Teorias da Aprendizagem e Modelos Pedagógicos
 
Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...
Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...
Quadro comparativo das concepções de aprendizagem entre os teóricos piaget, v...
 
Personalidade
PersonalidadePersonalidade
Personalidade
 
Desenvolvimento piaget
Desenvolvimento   piagetDesenvolvimento   piaget
Desenvolvimento piaget
 
Desenvolvimento Cognitivo: Piaget
Desenvolvimento Cognitivo: PiagetDesenvolvimento Cognitivo: Piaget
Desenvolvimento Cognitivo: Piaget
 
Desenvolvimento adolescência
Desenvolvimento adolescênciaDesenvolvimento adolescência
Desenvolvimento adolescência
 
Direitos Humanos
Direitos HumanosDireitos Humanos
Direitos Humanos
 
Henri Wallon e sua teoria
Henri Wallon e sua teoriaHenri Wallon e sua teoria
Henri Wallon e sua teoria
 
Orientação espaço temporal
Orientação espaço temporalOrientação espaço temporal
Orientação espaço temporal
 

Destaque

TEMA BÍBLIA para crisma 1° encontro
TEMA BÍBLIA  para crisma 1° encontroTEMA BÍBLIA  para crisma 1° encontro
TEMA BÍBLIA para crisma 1° encontroEmanuel Costa
 
TEMA BIBLIA para crisma 2° encontro
TEMA BIBLIA para crisma 2° encontroTEMA BIBLIA para crisma 2° encontro
TEMA BIBLIA para crisma 2° encontroEmanuel Costa
 
telas do 02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO
telas do  02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTOtelas do  02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO
telas do 02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTOMOISESTEIX by AgenciaKmz
 
32 perguntas bíblicas para gincana bíblica
32 perguntas bíblicas para gincana bíblica32 perguntas bíblicas para gincana bíblica
32 perguntas bíblicas para gincana bíblicaEvangelista Duarte
 
Gincana Bíblica - O adolescente e a Bíblia
Gincana Bíblica - O adolescente e a BíbliaGincana Bíblica - O adolescente e a Bíblia
Gincana Bíblica - O adolescente e a BíbliaQuenia Damata
 
Perguntas do passa ou repassa
Perguntas do passa ou repassaPerguntas do passa ou repassa
Perguntas do passa ou repassaSan Carvalho
 
Perguntas bíblicas super difíceis
Perguntas bíblicas super difíceisPerguntas bíblicas super difíceis
Perguntas bíblicas super difíceisRogerio Sena
 

Destaque (14)

TEMA BÍBLIA para crisma 1° encontro
TEMA BÍBLIA  para crisma 1° encontroTEMA BÍBLIA  para crisma 1° encontro
TEMA BÍBLIA para crisma 1° encontro
 
I feira bíblica
I feira bíblicaI feira bíblica
I feira bíblica
 
Slides panorama do velho testamento 2
Slides   panorama do velho testamento 2Slides   panorama do velho testamento 2
Slides panorama do velho testamento 2
 
Regras da gincana arquidiocese
Regras da gincana arquidiocese Regras da gincana arquidiocese
Regras da gincana arquidiocese
 
TEMA BIBLIA para crisma 2° encontro
TEMA BIBLIA para crisma 2° encontroTEMA BIBLIA para crisma 2° encontro
TEMA BIBLIA para crisma 2° encontro
 
Verdadeiro e falso gincana crisma
Verdadeiro e falso gincana crisma Verdadeiro e falso gincana crisma
Verdadeiro e falso gincana crisma
 
Apostila do crisma
Apostila do crismaApostila do crisma
Apostila do crisma
 
telas do 02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO
telas do  02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTOtelas do  02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO
telas do 02 - Conheça Sua Bíblia - PANORAMA DO ANTIGO TESTAMENTO
 
32 perguntas bíblicas para gincana bíblica
32 perguntas bíblicas para gincana bíblica32 perguntas bíblicas para gincana bíblica
32 perguntas bíblicas para gincana bíblica
 
Catequese e família
Catequese e famíliaCatequese e família
Catequese e família
 
Gincana Bíblica - O adolescente e a Bíblia
Gincana Bíblica - O adolescente e a BíbliaGincana Bíblica - O adolescente e a Bíblia
Gincana Bíblica - O adolescente e a Bíblia
 
Perguntas do passa ou repassa
Perguntas do passa ou repassaPerguntas do passa ou repassa
Perguntas do passa ou repassa
 
10
1010
10
 
Perguntas bíblicas super difíceis
Perguntas bíblicas super difíceisPerguntas bíblicas super difíceis
Perguntas bíblicas super difíceis
 

Semelhante a Dignidade humana e cidadania a galinha e aguia

Semelhante a Dignidade humana e cidadania a galinha e aguia (20)

Aula extra filosofia - prof bruno pontes
Aula extra   filosofia - prof bruno pontesAula extra   filosofia - prof bruno pontes
Aula extra filosofia - prof bruno pontes
 
010 voe cada vez mais alto
010 voe cada vez mais alto010 voe cada vez mais alto
010 voe cada vez mais alto
 
Voe cada vez mais alto
Voe cada vez mais altoVoe cada vez mais alto
Voe cada vez mais alto
 
A lição da borboleta e a águia e a galinha
A lição da borboleta e a águia e a galinhaA lição da borboleta e a águia e a galinha
A lição da borboleta e a águia e a galinha
 
A Águia e a Galinha
A Águia e a GalinhaA Águia e a Galinha
A Águia e a Galinha
 
aguia (1).doc
aguia (1).docaguia (1).doc
aguia (1).doc
 
Clareando ideias.
Clareando ideias.Clareando ideias.
Clareando ideias.
 
A aguia e a galinha
A aguia e a galinhaA aguia e a galinha
A aguia e a galinha
 
A aguia e a galinha
A aguia e a galinha A aguia e a galinha
A aguia e a galinha
 
A águia e a galinha
A águia e a galinhaA águia e a galinha
A águia e a galinha
 
A aguia-e-a-galinha-091023222537-phpapp02
A aguia-e-a-galinha-091023222537-phpapp02A aguia-e-a-galinha-091023222537-phpapp02
A aguia-e-a-galinha-091023222537-phpapp02
 
A Aguia E A Galinha 091023222537 Phpapp02
A Aguia E A Galinha 091023222537 Phpapp02A Aguia E A Galinha 091023222537 Phpapp02
A Aguia E A Galinha 091023222537 Phpapp02
 
A aguia galinha
A aguia galinhaA aguia galinha
A aguia galinha
 
MyBrainMagazine 22
MyBrainMagazine 22MyBrainMagazine 22
MyBrainMagazine 22
 
eneagrama-vivencial-modulo-i
eneagrama-vivencial-modulo-ieneagrama-vivencial-modulo-i
eneagrama-vivencial-modulo-i
 
Fabulas e parábolas
Fabulas e parábolasFabulas e parábolas
Fabulas e parábolas
 
Conto ovos.misteriosos txt.integral_ficha.completa
Conto ovos.misteriosos txt.integral_ficha.completaConto ovos.misteriosos txt.integral_ficha.completa
Conto ovos.misteriosos txt.integral_ficha.completa
 
Os ovos misteriosos txt.integral/fichas
Os ovos misteriosos txt.integral/fichasOs ovos misteriosos txt.integral/fichas
Os ovos misteriosos txt.integral/fichas
 
áGuia ou galinha
áGuia ou galinhaáGuia ou galinha
áGuia ou galinha
 
Os Ovos Misteriosos
Os Ovos MisteriososOs Ovos Misteriosos
Os Ovos Misteriosos
 

Dignidade humana e cidadania a galinha e aguia

  • 1. “Somos Humanos Chamados a Altos Voos”
  • 2. Era uma vez um camponês que foi a floresta vizinha apanhar um pássaro para mantê-lo em sua casa. Conseguiu pegar um filhote de águia. Coloco-o no galinheiro junto com as galinhas. Comia milho e ração própria para galinhas. Embora a águia fosse o rei/rainha de todos os pássaros. Depois de cinco anos, este homem recebeu em sua casa a visita de um naturalista. Enquanto passeavam pelo jardim, disse o naturalista: - Esse pássaro aí não é galinha. É uma águia. - De fato – disse o camponês. É águia. Mas eu criei como galinha. Ela não é mais uma águia. Transformou-se em galinha como as outras, apesar das asas de quase três metros de
  • 3. - Não – retrucou o naturalista. Ela é e será sempre uma águia. Pois tem um coração de águia. Este coração a fará um dia voar ás alturas. - Não, não – insistiu o camponês. Ela virou galinha e jamais voará como águia. Então decidiram fazer uma prova. O naturalista tomou a águia, ergueu-a bem alto e desafiando-a disse: - já que você de fato é uma águia, já que você pertence ao céu e não a terra, então abra suas asas e voe! A águia pousou sobre o braço estendido do naturalista. Olhava distraidamente ao redor. Viu as galinhas lá embaixo, ciscando grãos. E pulou para junto delas. O camponês comentou: - Eu lhe disse, ela virou uma simples galinha! - Não – tornou a insistir o naturalista. Ela é uma águia. E uma águia será sempre uma águia. Vamos experimentar novamente amanhã.
  • 4. No dia seguinte, o naturalista subiu com a águia no teto da casa. Sussurrou-lhe: - Águia, já que você é uma águia, abra as suas asas e voe! Mas quando a águia viu lá embaixo as galinhas, ciscando o chão, pulou e foi para junto delas. O camponês sorriu e voltou à carga: - Eu lhe havia dito, ela virou galinha! -Não – respondeu firmemente o naturalista. Ela é águia, possuirá sempre um coração de águia. Vamos experimentar ainda uma ultima vez. Amanhã a farei voar. No dia seguinte, o naturalista e o camponês levantaram bem cedo. Pegaram a águia, levaram para fora da cidade, longe das casas dos homens, no alto de uma montanha. O sol nascente dourava os picos das montanhas. O naturalista ergueu a águia para o alto e ordenou-lhe:
  • 5. Águia, já que você é uma águia, já que você pertence ao céu e não à terra, abra suas asas e voe! A águia olhou ao redor. Tremia como se experimentasse nova vida. Mas não voou. Então o naturalista segurou-a firmemente, bem na direção do sol, para que seus olhos pudessem encher-se da claridade solar e da vastidão do horizonte. Nesse momento, ela abriu suas potentes asas, grasnou com o típico kau-kau das águias e ergue-se, soberana, sobre se mesma. E começou a voar, a voar para o alto, a voar cada vez mais para o alto. Voou... voou... até Autor: Leonardo Boff) confundir-se com o azul do firmamento...
  • 6. Como será que Deus nos criou? Somos águias ou galinhas? Ou somos as das juntas?
  • 7. Leitura bíblica: Salmo 8 Como se sentiram ao “O ser humano na saber que criação” foram criados “coroados de gloria e honra”?
  • 8. • Reflexão • Observando as duas condições (águia e a galinha) o que concluímos? Agimos, somos apenas como uma delas? Ou as duas condições são essenciais para a realização humana? • Conclusão cada pessoa tem dentro de si uma águia. Busca as alturas, o sol; foi feita para as grandes ideias os grandes sentimentos. Muitas vezes, porém, fica presa a coisas como uma galinha ciscando no galinheiro. Não nascemos só pra cuidar de comida, roupa... As duas condições são essenciais para a realização humana. Criados à imagem e semelhança de Deus temos que buscar sempre a perfeição, a nossa conversão, mas sempre sabedores da nossa pequenez.
  • 9. Art. 1º A República Federativa do Brasil, tem como fundamentos: • a cidadania; • a dignidade da pessoa humana; E garante ( Art. 5º) que Todos são iguais perante a lei; Ela afirma que São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados. (Art6º). • É possível viver a condição “galinha”, satisfatoriamente nos dias de hoje? • Como a condição “águia” pode ajudar para termos mais qualidades de vida?