SlideShare uma empresa Scribd logo
3º Dia da Novena – «Vocação exige: Buscar o querer Deus »
Sinal da Cruz.
Invocação ao Espírito Santo.
Leitura Bíblica: Mateus 10,5-16.
Para refletir:
O exercício de toda vocação tem sentido somente em uma comunidade concreta. O
chamado é pessoal, mas a pessoa deve se colocar a serviço das necessidades da
comunidade a que se pertence. Quanto mais nos colocamos à disposição, mais sentido
encontramos para nossa vocação.
Assim buscou Santa Maria Rosa Molas:
Maria Rosa tem um segredo em sua vida. O seu segredo está em seu coração. Desde
pequena tinha um coração aberto, generoso para acolher as boas mensagens que
recebia, sobretudo quando se tratava das coisas de Deus. Ainda criança descobre que
o que é de Deus está bem próximo, no centro de seu coração. Em torno a este centro,
Maria Rosa vai unificando a sua vida. Deus é o primeiro em tudo, a partir daí, ela
estabelece uma ordem de prioridades. Sabe o que Deus quer e porque quer; sabe
onde deseja chegar, arrisca e se compromete sem medo, sem temor ou fracasso. Seu
coração nasceu para aliviar as dores dos pobres.
Maria Rosa sempre buscou a Deus, para que fosse conhecido e amado. Neste mistério
de busca está o segredo de sua felicidade e a eficácia de sua fortaleza. Buscar o que
está em Deus, em cada coisa, em cada pessoa e em cada acontecimento foi a causa
motivadora da vocação de Maria Rosa.
Pausa para reflexão:
A vida de Maria Rosa se desliza pela via do segredo de um coração “apaixonado!
Escolhida para a intimidade amorosa com Deus para consolo e alivio das almas.
Por este caminho vai descobrindo os valores da vida e de tudo o que lhe toca viver. A
busca de Deus a faz descobrir em toda pessoa o melhor que tem. Por isto é uma
apaixonada pela vida.
Canto (Referente ao tema).
Preces
Por intercessão de Santa Maria Rosa Molas, que em toda sua vida buscou fazer tudo
para a glória de Deus e bem do próximo, seja o que nos move a buscar a Deus e o
próximo, rezemos dizendo:
Que tudo seja para a glória de Deus.
1-Pelos jovens para que suas buscas pessoais estejam direcionadas a Deus e ao
próximo, rezemos.
2-Que o Senhor liberte o nosso coração de tudo aquilo que nos impede na busca da
vontade de Deus, rezemos.
3-Para que os jovens vocacionados, encontrem animadores(as) que os ajudem na
busca da vontade de Deus, rezemos.
(Preces espontâneas).
Conclusão
Santa Maria Rosa Molas, em toda a sua vida, buscou a glória de Deus e o bem dos mais
necessitados. Sua busca estava direcionada no que era de Deus para o serviço do
outro. Rezemos a oração vocacional com este intuito de que Deus vá abrindo
caminhos para os jovens.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

15885156 espirito-santo
15885156 espirito-santo15885156 espirito-santo
15885156 espirito-santo
Antonio Ferreira
 
A batalha espiritual
A batalha espiritualA batalha espiritual
A batalha espiritual
Instituto Teológico Gamaliel
 
A vontade de deus e a nossa vontade
A vontade de deus e a nossa vontadeA vontade de deus e a nossa vontade
A vontade de deus e a nossa vontade
João Eduardo
 
Vontade de deus
Vontade de deusVontade de deus
Umminuto.Pps
Umminuto.PpsUmminuto.Pps
Umminuto.Pps
Priscila Angel
 
Um Minuto
Um MinutoUm Minuto
Um Minuto
Chuck Gary
 
O fruto do espírito santo
O fruto do espírito santoO fruto do espírito santo
O fruto do espírito santo
Ingrid Ramos
 
Buscando a vontade de deus
Buscando a vontade de deusBuscando a vontade de deus
Buscando a vontade de deus
Carlos Alexandre Ribeiro Dorte
 
Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?
Quenia Damata
 
A quem devemos orar
A quem devemos orarA quem devemos orar
A quem devemos orar
Liliana Pereira
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Quenia Damata
 
Cristão ateu 10
Cristão ateu 10Cristão ateu 10
Cristão ateu 10
Ministério Eterna Aliança
 
D. l. moody frases
D. l. moody  frasesD. l. moody  frases
D. l. moody frases
uverlan
 
Lição 01
Lição 01Lição 01
Lição 01
Joao DA Silva
 
Oracao
OracaoOracao
Vivendo no temor do senhor
Vivendo no temor do senhorVivendo no temor do senhor
Vivendo no temor do senhor
negop2m
 
O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016
O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016
O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016
samuel cardoso
 
a prática do estilo de vida cristã
a prática do estilo de vida cristãa prática do estilo de vida cristã
a prática do estilo de vida cristã
Carla Machado
 
Em que cremos
Em que cremosEm que cremos
Em que cremos
Luciana Sá
 

Mais procurados (19)

15885156 espirito-santo
15885156 espirito-santo15885156 espirito-santo
15885156 espirito-santo
 
A batalha espiritual
A batalha espiritualA batalha espiritual
A batalha espiritual
 
A vontade de deus e a nossa vontade
A vontade de deus e a nossa vontadeA vontade de deus e a nossa vontade
A vontade de deus e a nossa vontade
 
Vontade de deus
Vontade de deusVontade de deus
Vontade de deus
 
Umminuto.Pps
Umminuto.PpsUmminuto.Pps
Umminuto.Pps
 
Um Minuto
Um MinutoUm Minuto
Um Minuto
 
O fruto do espírito santo
O fruto do espírito santoO fruto do espírito santo
O fruto do espírito santo
 
Buscando a vontade de deus
Buscando a vontade de deusBuscando a vontade de deus
Buscando a vontade de deus
 
Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?
 
A quem devemos orar
A quem devemos orarA quem devemos orar
A quem devemos orar
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
 
Cristão ateu 10
Cristão ateu 10Cristão ateu 10
Cristão ateu 10
 
D. l. moody frases
D. l. moody  frasesD. l. moody  frases
D. l. moody frases
 
Lição 01
Lição 01Lição 01
Lição 01
 
Oracao
OracaoOracao
Oracao
 
Vivendo no temor do senhor
Vivendo no temor do senhorVivendo no temor do senhor
Vivendo no temor do senhor
 
O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016
O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016
O temor do senhor- doutrina a nunes 1 - 27 10 2016
 
a prática do estilo de vida cristã
a prática do estilo de vida cristãa prática do estilo de vida cristã
a prática do estilo de vida cristã
 
Em que cremos
Em que cremosEm que cremos
Em que cremos
 

Destaque

Carta convocatoria
Carta convocatoriaCarta convocatoria
Carta convocatoria
Renata R. Lucas
 
Práctica 21
Práctica 21 Práctica 21
Práctica 21
German Barajas Ferral
 
Inidad4
Inidad4Inidad4
Adviento dinámica centro y aulas
Adviento dinámica centro y aulasAdviento dinámica centro y aulas
Adviento dinámica centro y aulas
Pedro Martínez Gonzá González
 
Preguntas sv
Preguntas svPreguntas sv
Practica 16
Practica 16Practica 16
Practica 16
Tadeo Rmz
 
Unidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseño
Unidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseñoUnidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseño
Unidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseño
josselinecamargo
 
Practica 30 flash
Practica 30 flashPractica 30 flash
Practica 30 flash
Tadeo Rmz
 
Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"
Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"
Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"
German Barajas Ferral
 
Practica 20
Practica 20Practica 20
Testamento
TestamentoTestamento
Testamento
edgario0
 
Unidad 4♥
Unidad 4♥Unidad 4♥
Cuestionario unidad 4
Cuestionario unidad 4Cuestionario unidad 4
Cuestionario unidad 4
Tadeo Rmz
 
4.4 trinitario (george)
4.4 trinitario (george)4.4 trinitario (george)
4.4 trinitario (george)
Milton Camargo
 
LA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETE
LA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETELA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETE
LA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETE
majenavi
 
Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12
Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12
Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12
HJHERRERA
 
La comunicación en la V conferencia.
La comunicación en la V conferencia.La comunicación en la V conferencia.
La comunicación en la V conferencia.
gustinenriquez
 
Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13
Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13
Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13
Pedro Martínez Gonzá González
 
Inidad4
Inidad4Inidad4
Práctica 10 "Pato Donald"
Práctica 10 "Pato Donald"Práctica 10 "Pato Donald"
Práctica 10 "Pato Donald"
German Barajas Ferral
 

Destaque (20)

Carta convocatoria
Carta convocatoriaCarta convocatoria
Carta convocatoria
 
Práctica 21
Práctica 21 Práctica 21
Práctica 21
 
Inidad4
Inidad4Inidad4
Inidad4
 
Adviento dinámica centro y aulas
Adviento dinámica centro y aulasAdviento dinámica centro y aulas
Adviento dinámica centro y aulas
 
Preguntas sv
Preguntas svPreguntas sv
Preguntas sv
 
Practica 16
Practica 16Practica 16
Practica 16
 
Unidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseño
Unidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseñoUnidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseño
Unidad 2 manipular el dibujo utilizando herramientas de diseño
 
Practica 30 flash
Practica 30 flashPractica 30 flash
Practica 30 flash
 
Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"
Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"
Práctica 15 "Botón que cambia con el ratón"
 
Practica 20
Practica 20Practica 20
Practica 20
 
Testamento
TestamentoTestamento
Testamento
 
Unidad 4♥
Unidad 4♥Unidad 4♥
Unidad 4♥
 
Cuestionario unidad 4
Cuestionario unidad 4Cuestionario unidad 4
Cuestionario unidad 4
 
4.4 trinitario (george)
4.4 trinitario (george)4.4 trinitario (george)
4.4 trinitario (george)
 
LA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETE
LA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETELA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETE
LA ASUNCIÓN DE MARÍA NOS COMPROMETE
 
Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12
Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12
Revista Cristiana Presencia Divina Tomo 12
 
La comunicación en la V conferencia.
La comunicación en la V conferencia.La comunicación en la V conferencia.
La comunicación en la V conferencia.
 
Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13
Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13
Carta de convocataria profes de religión 29 nov 13
 
Inidad4
Inidad4Inidad4
Inidad4
 
Práctica 10 "Pato Donald"
Práctica 10 "Pato Donald"Práctica 10 "Pato Donald"
Práctica 10 "Pato Donald"
 

Semelhante a 3º dia da novena

2º dia da novena
2º dia da novena2º dia da novena
2º dia da novena
Renata R. Lucas
 
2º dia da novena
2º dia da novena2º dia da novena
2º dia da novena
Renata R. Lucas
 
1 t2017
1 t20171 t2017
1 t2017
OsvaldoVunge2
 
Primeiro dia.
Primeiro dia.Primeiro dia.
Primeiro dia.
Renata R. Lucas
 
Vocacional franciscano
Vocacional franciscanoVocacional franciscano
Vocacional franciscano
Edione Mercês
 
Palestra Prece
Palestra PrecePalestra Prece
Palestra Prece
Grupo Espírita Cristão
 
Vivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide Silva
Vivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide SilvaVivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide Silva
Vivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide Silva
Sammis Reachers
 
Diamica dons espirito
Diamica dons espiritoDiamica dons espirito
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
João nunes maia   miramez - filosofia espirita iJoão nunes maia   miramez - filosofia espirita i
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
havatar
 
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
EWALDO DE SOUZA
 
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptxEvangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
lindalva da cruz
 
Pai nosso
Pai nossoPai nosso
Pai nosso
pr_afsalbergaria
 
Oficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar Massalai
Oficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar MassalaiOficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar Massalai
Oficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar Massalai
LOCIMAR MASSALAI
 
A prece
A preceA prece
A prece
Marta Gomes
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
WillemarSousa1
 
Trabalho igreja
Trabalho igrejaTrabalho igreja
Trabalho igreja
ldstfbthiago
 
Livro Preces Espíritas
Livro Preces EspíritasLivro Preces Espíritas
Livro Preces Espíritas
Nilson Almeida
 
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Levi Antonio Amancio
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pai Nosso
pr_afsalbergaria
 
Subsídios para 31 dias vocacionais
Subsídios para 31 dias vocacionaisSubsídios para 31 dias vocacionais
Subsídios para 31 dias vocacionais
Antonia Santos
 

Semelhante a 3º dia da novena (20)

2º dia da novena
2º dia da novena2º dia da novena
2º dia da novena
 
2º dia da novena
2º dia da novena2º dia da novena
2º dia da novena
 
1 t2017
1 t20171 t2017
1 t2017
 
Primeiro dia.
Primeiro dia.Primeiro dia.
Primeiro dia.
 
Vocacional franciscano
Vocacional franciscanoVocacional franciscano
Vocacional franciscano
 
Palestra Prece
Palestra PrecePalestra Prece
Palestra Prece
 
Vivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide Silva
Vivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide SilvaVivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide Silva
Vivendo a vontade de Deus para adolescentes - Cleide Silva
 
Diamica dons espirito
Diamica dons espiritoDiamica dons espirito
Diamica dons espirito
 
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
João nunes maia   miramez - filosofia espirita iJoão nunes maia   miramez - filosofia espirita i
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
 
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
 
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptxEvangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
 
Pai nosso
Pai nossoPai nosso
Pai nosso
 
Oficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar Massalai
Oficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar MassalaiOficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar Massalai
Oficina de oração com jovens da PJ orientada pelo Professor Locimar Massalai
 
A prece
A preceA prece
A prece
 
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semanaLIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
LIÇÕES - PG my life usar uma vez por semana
 
Trabalho igreja
Trabalho igrejaTrabalho igreja
Trabalho igreja
 
Livro Preces Espíritas
Livro Preces EspíritasLivro Preces Espíritas
Livro Preces Espíritas
 
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pai Nosso
 
Subsídios para 31 dias vocacionais
Subsídios para 31 dias vocacionaisSubsídios para 31 dias vocacionais
Subsídios para 31 dias vocacionais
 

Mais de Renata R. Lucas

Palabras de clausura
Palabras de clausuraPalabras de clausura
Palabras de clausura
Renata R. Lucas
 
Mensage de apertura de la Superiora General
Mensage de apertura de la Superiora GeneralMensage de apertura de la Superiora General
Mensage de apertura de la Superiora General
Renata R. Lucas
 
Ficha 2
Ficha 2Ficha 2
Ficha 1
Ficha 1Ficha 1
Novena2015
Novena2015Novena2015
Novena2015
Renata R. Lucas
 
Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015
Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015
Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015
Renata R. Lucas
 
Invitación a participar al concurso de un himno para nuestro congreso
Invitación a participar al concurso de un himno para nuestro congresoInvitación a participar al concurso de un himno para nuestro congreso
Invitación a participar al concurso de un himno para nuestro congreso
Renata R. Lucas
 
Novena 1 a 4
Novena 1 a 4Novena 1 a 4
Novena 1 a 4
Renata R. Lucas
 
Texto base
Texto baseTexto base
Texto base
Renata R. Lucas
 
Cultura vocacional
Cultura vocacionalCultura vocacional
Cultura vocacional
Renata R. Lucas
 
A vivir mejor
A vivir mejorA vivir mejor
A vivir mejor
Renata R. Lucas
 
5º dia da novena
5º dia da novena5º dia da novena
5º dia da novena
Renata R. Lucas
 
4º dia da novena
4º dia da novena4º dia da novena
4º dia da novena
Renata R. Lucas
 
Ser cristiano no es simplemente
Ser cristiano no es simplementeSer cristiano no es simplemente
Ser cristiano no es simplemente
Renata R. Lucas
 
El profetismo de jesus
El profetismo de jesusEl profetismo de jesus
El profetismo de jesus
Renata R. Lucas
 
Contribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latina
Contribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latinaContribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latina
Contribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latina
Renata R. Lucas
 
Carisma
CarismaCarisma
Apresentação ponto 1 e 2
Apresentação ponto 1 e 2Apresentação ponto 1 e 2
Apresentação ponto 1 e 2
Renata R. Lucas
 
Presentación carisma
Presentación carismaPresentación carisma
Presentación carisma
Renata R. Lucas
 
Presentación carisma
Presentación carismaPresentación carisma
Presentación carisma
Renata R. Lucas
 

Mais de Renata R. Lucas (20)

Palabras de clausura
Palabras de clausuraPalabras de clausura
Palabras de clausura
 
Mensage de apertura de la Superiora General
Mensage de apertura de la Superiora GeneralMensage de apertura de la Superiora General
Mensage de apertura de la Superiora General
 
Ficha 2
Ficha 2Ficha 2
Ficha 2
 
Ficha 1
Ficha 1Ficha 1
Ficha 1
 
Novena2015
Novena2015Novena2015
Novena2015
 
Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015
Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015
Letra himno del II Congreso de Pastoral 2015
 
Invitación a participar al concurso de un himno para nuestro congreso
Invitación a participar al concurso de un himno para nuestro congresoInvitación a participar al concurso de un himno para nuestro congreso
Invitación a participar al concurso de un himno para nuestro congreso
 
Novena 1 a 4
Novena 1 a 4Novena 1 a 4
Novena 1 a 4
 
Texto base
Texto baseTexto base
Texto base
 
Cultura vocacional
Cultura vocacionalCultura vocacional
Cultura vocacional
 
A vivir mejor
A vivir mejorA vivir mejor
A vivir mejor
 
5º dia da novena
5º dia da novena5º dia da novena
5º dia da novena
 
4º dia da novena
4º dia da novena4º dia da novena
4º dia da novena
 
Ser cristiano no es simplemente
Ser cristiano no es simplementeSer cristiano no es simplemente
Ser cristiano no es simplemente
 
El profetismo de jesus
El profetismo de jesusEl profetismo de jesus
El profetismo de jesus
 
Contribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latina
Contribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latinaContribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latina
Contribuição da vocação do leigo e da irmã da consolação na américa latina
 
Carisma
CarismaCarisma
Carisma
 
Apresentação ponto 1 e 2
Apresentação ponto 1 e 2Apresentação ponto 1 e 2
Apresentação ponto 1 e 2
 
Presentación carisma
Presentación carismaPresentación carisma
Presentación carisma
 
Presentación carisma
Presentación carismaPresentación carisma
Presentación carisma
 

3º dia da novena

  • 1. 3º Dia da Novena – «Vocação exige: Buscar o querer Deus » Sinal da Cruz. Invocação ao Espírito Santo. Leitura Bíblica: Mateus 10,5-16. Para refletir: O exercício de toda vocação tem sentido somente em uma comunidade concreta. O chamado é pessoal, mas a pessoa deve se colocar a serviço das necessidades da comunidade a que se pertence. Quanto mais nos colocamos à disposição, mais sentido encontramos para nossa vocação. Assim buscou Santa Maria Rosa Molas: Maria Rosa tem um segredo em sua vida. O seu segredo está em seu coração. Desde pequena tinha um coração aberto, generoso para acolher as boas mensagens que recebia, sobretudo quando se tratava das coisas de Deus. Ainda criança descobre que o que é de Deus está bem próximo, no centro de seu coração. Em torno a este centro, Maria Rosa vai unificando a sua vida. Deus é o primeiro em tudo, a partir daí, ela estabelece uma ordem de prioridades. Sabe o que Deus quer e porque quer; sabe onde deseja chegar, arrisca e se compromete sem medo, sem temor ou fracasso. Seu coração nasceu para aliviar as dores dos pobres. Maria Rosa sempre buscou a Deus, para que fosse conhecido e amado. Neste mistério de busca está o segredo de sua felicidade e a eficácia de sua fortaleza. Buscar o que está em Deus, em cada coisa, em cada pessoa e em cada acontecimento foi a causa motivadora da vocação de Maria Rosa. Pausa para reflexão: A vida de Maria Rosa se desliza pela via do segredo de um coração “apaixonado! Escolhida para a intimidade amorosa com Deus para consolo e alivio das almas. Por este caminho vai descobrindo os valores da vida e de tudo o que lhe toca viver. A busca de Deus a faz descobrir em toda pessoa o melhor que tem. Por isto é uma apaixonada pela vida. Canto (Referente ao tema). Preces Por intercessão de Santa Maria Rosa Molas, que em toda sua vida buscou fazer tudo para a glória de Deus e bem do próximo, seja o que nos move a buscar a Deus e o próximo, rezemos dizendo: Que tudo seja para a glória de Deus. 1-Pelos jovens para que suas buscas pessoais estejam direcionadas a Deus e ao próximo, rezemos. 2-Que o Senhor liberte o nosso coração de tudo aquilo que nos impede na busca da vontade de Deus, rezemos. 3-Para que os jovens vocacionados, encontrem animadores(as) que os ajudem na busca da vontade de Deus, rezemos. (Preces espontâneas).
  • 2. Conclusão Santa Maria Rosa Molas, em toda a sua vida, buscou a glória de Deus e o bem dos mais necessitados. Sua busca estava direcionada no que era de Deus para o serviço do outro. Rezemos a oração vocacional com este intuito de que Deus vá abrindo caminhos para os jovens.