SlideShare uma empresa Scribd logo
Bíblia, King James Version

-------------------------------------------------- ------------------------------

2 Esdras

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.1
[1] O segundo livro do profeta Esdras, filho de Saraias, filho de Azarias, filho de
Helchias, filho de Sadamias, o sou de Sadoc, filho de Aitube,
[2] O filho de Achias, filho de Finéias, filho de Heli, filho de Amarias, filho de Aziei, filho
de Marimoth, filho de E falou de Borith, filho de Abisei, o filho de Finéias, filho de
Eleazar,
[3] O filho de Arão, da tribo de Levi, que estava em cativeiro na terra dos medos, no
reinado de Artexerxes rei dos persas.
[4] E a palavra do Senhor veio a mim, dizendo:
[5] Ir para o teu caminho, e anuncia ao meu povo as suas ações pecaminosas, e seus
filhos a sua maldade que fizeram contra mim, que eles podem dizer os filhos dos
filhos:
[6] Porque os pecados de seus pais são o aumento em si, porque se esqueceu de
mim, e têm oferecido a deuses estranhos.
[7], não sou eu mesmo aquele que os tirou da terra do Egito, da casa da servidão?
mas eles me provocaram à ira, e desprezaram meus conselhos.
[8] Puxe tu fora, então o cabelo da tua cabeça, e lançou todos os males sobre eles,
pois eles não foram obedientes a minha lei, mas é um povo rebelde.
[9] quanto tempo eu não deixo eles, em quem eu tenho feito tanta coisa boa?
[10] Muitos reis tenho destruído por causa deles; Faraó com os seus servos e todo o
seu poder que eu derrotados.
[11] Todas as nações que eu destruíra de diante deles, e no leste que os espalhei as
pessoas de duas províncias, mesmo de Tiro e Sidon, e mataram todos os seus
inimigos.
[12] Fala tu, pois, a eles, dizendo: Assim diz o Senhor,
[13] Eu te levou pelo meio do mar e no início deu-lhe uma passagem grande e seguro,
eu te deu a Moisés, para um líder, e Aaron para um padre.
[14] Eu te dei a luz em um pilar de fogo, e grandes maravilhas que eu fiz no meio de
vós, ainda vos haveis esquecido de mim, diz o Senhor.
[15] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, As codornas foram como um sinal para você,
eu te dei tendas para a sua salvaguarda: no entanto murmurastes lá,
[16] E não triunfou em meu nome para a destruição de seus inimigos, mas nunca para
esse dia não vos ainda murmurar.
[17] Onde estão os benefícios que eu fiz para você? quando éreis fome e sede no
deserto, não vos chorar a mim,
[18] dizendo: Por que tens nos trouxeram a este deserto, para nos matar? Teria sido
melhor para nós ter servido aos egípcios, do que morrer neste deserto.
[19] Então, se eu tivesse piedade de seus lutos, e lhe deu o maná para comer, por isso
vos comeu o pão dos anjos.
[20] Quando vocês estavam com sede, eu não decompor a rocha, e as águas fluíam
para o seu preenchimento? para o calor Eu cobri-lo com as folhas das árvores.
[21] eu dividi entre vós uma terra fértil, eu expulso os cananeus, os Pherezites, e os
filisteus, antes que você: o que devo ainda fazer mais por você? diz o Senhor.
[22] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, quando éreis no deserto, no rio dos
amorreus, sendo sede, e blasfemando o meu nome,
[23] que lhe dei não disparar para as suas blasfêmias, mas lançou uma árvore na
água, e fez o rio doce.
[24] O que devo fazer para ti, ó Jacó? tu, Judá, não quiseste obedecer-me: vou virar-
me para outras nações, e àqueles que vou dar o meu nome, para que guardem os
meus estatutos.
[25] Vendo-vos a mim me deixaram, eu te abandonarei também, quando me quereis,
para ter misericórdia de vós, não terei misericórdia de você.
[26] whensoever vós me invocar, eu não vou ouvir vós, pois contaminaram suas mãos
com sangue, e seus pés são ligeiros para cometer homicídio.
[27] Não fostes vós que como que me abandonaste, mas vós mesmos, diz o Senhor.
[28] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, já não rezei você como um pai a seus filhos,
como uma mãe e suas filhas, uma enfermeira seus bebês jovens,
[29] Que vos seria o meu povo, e eu deveria ser o vosso Deus, que vos seria meus
filhos, e eu deveria ser seu pai?
[30] reuni-los juntos, como a galinha ajunta os seus pintinhos debaixo das asas, mas
agora, o que farei a você? Eu vos lançarei da minha cara.
[31] Quando trazeis a mim, vou transformar o meu rosto de vós: para os seus dias de
festa solene, suas luas novas, e seus circuncisões, deixei.
[32] vos enviei meus servos, os profetas, a quem vós tomadas e mortos e seus corpos
rasgados em pedaços, cujo sangue eu o requererei de tuas mãos, diz o Senhor.
[33] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, Sua casa está deserta, eu vos lançarei como
a palha vento doth.
[34] e seus filhos não devem ser frutífero, pois eles têm desprezado o meu
mandamento, e feito a coisa que é um mal diante de mim.
[35] Suas casas darei a um povo que virão, o que não ter ouvido falar de mim ainda
deve acreditar em mim, a quem eu mostrei nenhum sinal, mas eles devem fazer o que
eu lhes ordenei.
[36] Eles viram nenhum profeta, mas eles devem chamar seus pecados à lembrança,
e reconhecê-los.
[37] eu tomo para testemunhar a graça das pessoas que virão, cuja pouco mais se
regozijam em alegria, e embora não tenham me visto com os olhos corporais, mas em
espírito eles acreditam que a coisa que eu digo.
[38] E agora, irmão, eis que a glória, e ver as pessoas que vêm do oriente;
[39] A quem darei para os líderes, Abraão, Isaque e Jacó, Oseas, Amós e Micheas,
Joel, Abdias e Jonas,
[40] Naum, e Abacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias, que é chamado também
um anjo do Senhor.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.2
[1] Assim diz o Senhor, eu trouxe este povo do cativeiro, e lhes dei os meus
mandamentos, servos, os profetas, a quem eles não ouvir, mas rejeitaram os meus
conselhos.
[2] A mãe que levavam eles disse-lhes: Ide, filhos, porque eu sou uma viúva e
desamparada.
[3] Eu trouxe-te com alegria, mas com tristeza e sensação de peso que eu perdi vós,
pois pequei diante do Senhor teu Deus, e feito aquela coisa que é mal perante ele.
[4] Mas o que devo fazer agora para vós? Eu sou uma viúva e abandonada: segue o
teu caminho, ó meus filhos, e pedir a misericórdia do Senhor.
[5] Quanto a mim, Ó pai, eu te invocam para um testemunho sobre a mãe dessas
crianças, que não guardardes a minha aliança,
[6] que tu levá-los à confusão, e sua mãe a um despojo, que pode não haver
descendentes deles.
[7] Sejam dispersos entre as nações, deixar seus nomes serem expulsos da terra,
porque eles têm desprezado a minha aliança.
[8] Ai de ti, Assur, que tu escondes os injustos em ti! Ó pessoas perversas, lembro o
que fiz até Sodoma e Gomorra;
[9], cuja terra jaz em torrões de campo e montes de cinzas: mesmo assim será
também eu faço-lhes que não me ouvir, diz o Senhor Todo-Poderoso.
[10] Assim diz o Senhor a Esdras, Diga ao meu povo que eu vou dar-lhes do reino de
Jerusalém, que eu teria dado a Israel.
[11] a sua glória também vou ter a mim, e dar a estes tabernáculos eternos os que eu
havia preparado para eles.
[12] Eles terão a árvore da vida para uma pomada de cheiro suave e devem nem
trabalho, nem estar cansado.
[13] Vai, e recebereis: orar por alguns dias para vós, para que possam ser encurtado:
o reino já está preparado para você: assistir.
[14] Pegue o céu ea terra como testemunhas, porque eu quebrei o mal em pedaços, e
criou o bem, porque eu vivo, diz o Senhor.
[15] Mãe, abraçar os teus filhos, e trazê-los com alegria, fazer os seus pés tão rápido
como um pilar, pois eu te escolhi, diz o Senhor.
[16] E aqueles que estavam mortos tornarei a levantar novamente a partir de seus
lugares, e trazê-los para fora da sepultura: para eu ter conhecido o meu nome em
Israel.
[17] O medo não a mãe, tu das crianças, porque eu te escolhi, diz o Senhor.
[18] Para a tua ajuda eu vou enviar meus servos Esaú e Jeremy, depois de cujo
conselho eu santificada e preparada para ti doze árvores carregadas de frutas
diversas,
[19] E, como muitas fontes que mana leite e mel, e sete poderosas montanhas,
quando então não crescer rosas e lírios, em que eu vou preencher os teus filhos com
alegria.
[20] Do direito à viúva, o juiz para o órfão, dar aos pobres, defender o órfão, vestir os
nus,
[21] curar os quebrantados e do riso, não fraco um homem coxo de escárnio, defender
os aleijados, e deixe o homem cego entrar na vista da minha clareza.
[22] Manter o velho e jovem dentro de teus muros.
[23] Wheresoever tu achares os mortos, levá-los e enterrá-los, e eu te darei o primeiro
lugar na minha ressurreição.
[24] Fica quieto, ó meu povo, e leva o teu descanso, para teu sossego ainda virá.
[25] Nutrir teus filhos, ó tu boa enfermeira, fortalecei os pés.
[26] Quanto aos servos que te dei, não deve um deles morrer, pois eu vou obrigá-los
entre o teu número.
[27] Não vos canseis: para quando o dia de angústia e tristeza vem, outros choram e
ser triste, mas serás feliz e terá em abundância.
[28] Os pagãos é inveja de ti, mas eles devem ser capazes de fazer nada contra ti, diz
o Senhor.
[29] Minhas mãos te cobrirá, para que teus filhos não devem ver o inferno.
[30] Seja alegre, ó mãe, com os teus filhos, porque eu te livrarei, diz o Senhor.
[31] Lembre-se de teus filhos que o sono, porque eu trazê-los para fora dos lados da
terra, e terás piedade delas, porque eu sou compassivo, diz o Senhor Todo-Poderoso.
[32] Abrace teus filhos até que eu venha e mostrar misericórdia deles, porque os meus
poços atropelado, e minha graça não deve falhar.
[33] I Esdras recebeu uma cobrança do Senhor sobre o monte Orebe, que eu deveria
ir a Israel, mas quando eu cheguei, eles me pôs em nada, e desprezaram o
mandamento do Senhor.
[34] E, portanto, digo-vos, ó gentios, que ouvir e entender, procure seu pastor, ele vos
dará descanso eterno, pois ele está próximo, que virá no fim do mundo.
[35] Esteja pronto para a recompensa do reino, para a luz eterna brilhará em você para
sempre.
[36] Foge a sombra deste mundo, recebe a alegria da sua glória: Testifico meu
Salvador abertamente.
[37] O recebereis o dom que vos foi dada, e ser feliz, dando graças a ele que tem o
levaram para o reino celestial.
[38] Levanta-te e ficar, eis que o número daqueles que ser selado na festa do Senhor;
[39] que são afastou a sombra do mundo, e ter recebido vestes gloriosas do Senhor.
[40] Toma a tua número, ó Sião, e cale-se aqueles que estão do teu vestido de branco,
que tenham cumprido a lei do Senhor.
[41] O número de teus filhos, a quem tu tinhas saudades para, se cumpre: peço o
poder do Senhor, que teu povo, que foram chamados desde o início, seja santificado.
[42] Eu Esdras viu sobre o monte Sião um grande povo, a quem eu não podia contar,
e todos eles louvaram ao Senhor com músicas.
[43] E no meio deles havia um homem jovem de estatura alta, mais alto do que todo o
resto, e sobre cada uma de suas cabeças colocou coroas, e foi mais exaltado, que
fiquei maravilhado com muito.
[44] Então, eu perguntei ao anjo, e disse: Senhor, quem são estes?
[45] Ele respondeu e disse-me: Estes são os que têm a adiar a roupa mortal, e colocou
o imortal, e ter confessado o nome de Deus: agora eles são coroados, e receber
palmas.
[46] Então eu disse ao anjo: O jovem é que coroou-los, e deu-lhes palmas nas suas
mãos?
[47] Então, ele respondeu, e disse a mim, Ele é o Filho de Deus, a quem eles
confessaram no mundo. Em seguida, começou-me muito de elogiar os que estavam
tão rigidamente para o nome do Senhor.
[48] Em seguida, o anjo disse-me: Vai-te, e digo ao meu pessoal que tipo de coisas, e
como grande maravilhas do Senhor, teu Deus, tu viste.

-------------------------------------------------- ------------------------------
4Ezra.3
[1] No trigésimo ano após a ruína da cidade estava na Babilônia, e ficou perturbado na
minha cama, e meus pensamentos surgiu no meu coração:
[2] Pois eu vi a desolação de Sion, e da riqueza dos que habitavam em Babilônia.
[3] E meu espírito foi ferida mudou, de modo que eu comecei a falar palavras cheias
de medo para o Altíssimo, e disse:
[4] O Senhor, que regra dás à luz, falaste no início, quando tu planta a terra, e que a ti
mesmo sozinho, e ordenaste as pessoas,
[5] e deste um corpo sem alma a Adão, que era a obra das tuas mãos, e te respiramos
nele o fôlego da vida, e foi feito a viver diante de ti.
[6] E tu leadest-lo em paraíso, que a tua mão direita plantou, antes mesmo de a terra
veio para a frente.
[7] E lhe puseste tu mandamento de amar o teu caminho: que ele transgrediu, e morte
appointedst imediatamente tu nele e em suas gerações, de quem veio nações, tribos,
povos e tribos, de número.
[8] E cada povo andou após a sua própria vontade, e fez coisas maravilhosas diante
de ti, e desprezavam os teus mandamentos.
[9] E novamente em processo de fizeste tempo o dilúvio sobre aqueles que habitavam
no mundo, e destroyedst-los.
[10] E sucedeu que em cada um deles, que era como a morte de Adão, assim era o
dilúvio, para estes.
[11] Não obstante, uma delas mais à esquerda tu, ou seja, Noé com sua família, de
quem veio todos os homens justos.
[12] E aconteceu que, quando os que habitavam sobre a terra começou a se
multiplicar, e tinha ficado eles muitas crianças, e eram um grande povo, que começou
novamente a ser mais ímpio do que o primeiro.
[13] Agora, quando eles viveram tão perversamente diante de ti, tu te escolher um
homem do meio deles, cujo nome era Abraão.
[14] Ele amaste tu, ea ele só fizeste ver a tua vontade:
[15] e fizeste uma aliança eterna com ele, prometendo-lhe que tu nunca quiseste
abandonar a sua semente.
[16] e até lhe pusestes Isaque, e Isaque também tens dado Jacó e Esaú. Quanto a
Jacob, tu escolhê-lo para ti, e colocar por Esaú, e assim Jacó tornou-se uma grande
multidão.
[17] E aconteceu que, quando tu leadest sua semente para fora do Egito, fizeste-los
até o monte Sinai.
[18] E, inclinando os céus, tu defina rapidamente a terra, incitasses todo o mundo, e
fizeste as profundezas a tremer, e troubledst os homens dessa idade.
[19] E a tua glória passou por quatro portas, de fogo, e do terremoto e do vento e do
frio, para que possas dar a lei para a descendência de Jacó, e diligência até a geração
de Israel.
[20] E ainda tookest tu não longe deles um coração perverso, que a tua lei pode dar
fruto em si.
[21] Para o rolamento primeiro Adão um coração perverso transgredido, e foi
superado, e assim são todos os que nascem dele.
[22] Assim, a enfermidade foi tornada permanente, ea lei (também) no coração das
pessoas com a malignidade da raiz, de modo que o bom partido para longe, e ainda a
morada mal.
[23] Assim, os tempos passaram, e os anos foram levados para um fim: então, fizeste-
te levantar um servo, chamado David:
[24] A quem tu ordenaste para construir uma cidade ao teu nome, e para oferecer
incenso e oferendas a ti mesmo.
[25] Quando isso foi feito há muitos anos, então eles que habitaram a te abandonou
cidade,
[26] E em todas as coisas sequer como Adão e todas as suas gerações tinha feito,
porque também tinha um coração perverso:
[27] E assim tens dado a tua cidade mais nas mãos dos teus inimigos.
[28] são as suas obras, então nada melhor que habitam Babilônia, que devem,
portanto, ter o domínio sobre Sion?
[29] Para quando cheguei lá, e tinha visto impiedades sem número, então a minha
alma viu muitos malfeitores neste trigésimo ano, de modo que meu coração falhou
comigo.
[30] Porque eu vi como tu toleras-los pecar, e tens poupado praticam maus: e tens
destruído o teu povo, e tens preservados os teus inimigos, e tu não significou.
[31] Não me lembro de como esta forma pode ser deixado: São então de Babilônia,
melhor do que eles de Sião?
[32] Ou há qualquer outra pessoa que te conhece ao lado de Israel? ou o que tem para
geração acreditavam convênios teus como Jacob?
[33] E, no entanto a sua recompensa não apareceu, e seu trabalho não tem fruto: para
eu ter ido aqui e ali por meio dos gentios, e vejo que fluem na riqueza, e pensar não
sobre os teus mandamentos.
[34] Pesar tu, portanto, nossa maldade agora na balança, e sua também é que
habitam o mundo, e assim será o teu nome em nenhum lugar ser encontrado, mas em
Israel.
[35] Ou quando foi que os que habitam sobre a terra não pecaram à tua vista? ou que
as pessoas têm guardado a tua tão mandamentos?
[36] Tu achar que Israel pelo nome guardou os teus preceitos, mas não as nações.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.4
[1] E o anjo que foi enviado a mim, cujo nome era Uriel, me deu uma resposta,
[2] E disse: Teu coração tem ido longe neste mundo, e pensas tu compreender o
caminho do Altíssimo?
[3] Então eu disse: Sim, meu senhor. E ele me respondeu, e disse, eu fui enviado para
te mostrarei três maneiras, e estabelecem três similitudes diante de ti;
[4] Do qual se puderes me declarar um, eu te mostrarei também a maneira que tu
desejas para ver, e eu te mostrar de onde vem o coração mau.
[5] E eu disse: Diga, meu senhor. E disse-me: Vai-te, pesar-me o peso do fogo, ou
medir-me a rajada do vento, ou me chamar de novo o dia que é passado.
[6] Então eu respondi e disse: Que homem é capaz de fazer isso, que tu perguntar
essas coisas de mim?
[7] E disse-me, Se eu perguntar-te como grande habitações estão no meio do mar, ou
como muitos nascentes estão no início do fundo, ou como muitos nascentes estão
acima do firmamento, ou que sejam saídas do Paraíso:
[8] quiseste Porventura tu dize-me, nunca desci para o abismo, nem ainda no inferno,
nem me sempre subir ao céu.
[9] No entanto agora que eu te perguntei, mas apenas do fogo e do vento, e do
wherethrough dia tu passou, e de coisas das quais tu não podes ser separados, e
ainda podes me dar nenhuma resposta deles.
[10] Disse mais a mim, os teus próprias coisas, e como estão crescidos contigo, tu
podes não saber;
[11] Como é que o teu navio, em seguida, ser capaz de compreender o caminho do
Altíssimo, e, o mundo está sendo agora fora corrompido para entender a corrupção
que é evidente aos meus olhos?
[12] Então eu disse-lhe: Seria melhor que não estávamos de todo, de que devemos
viver ainda na maldade, e sofrer, e não sei quê.
[13] Ele me respondeu, e disse, eu fui em uma floresta em uma planície, e as árvores
tomaram conselho,
[14] E disse: Vinde, subamos e fazer a guerra contra o mar que pode afastar para
longe antes de nós, e que possamos nos tornar mais madeiras.
[15] O inundações do mar também na forma como tomou conselho, e disse: Vinde,
subamos e subjugar a floresta da planície, que também podemos nos tornar outro
país.
[16] O pensamento da madeira foi em vão, pois o fogo veio e consumido.
[17] O pensamento das inundações do mar, veio também a nada, para a areia
levantou-se e parou.
[18] Se fosses juiz agora betwixt estes dois, a quem tu queiras começar a justificar? ou
quem queres condenar?
[19] eu respondi e disse: Em verdade é um pensamento tolo que ambos criaram, para
o terreno foi dado a madeira, eo mar também tem o seu lugar para levar a sua
inundações.
[20] Em seguida, ele respondeu-me, e disse: Tu tens dado um julgamento correto, mas
por que julgas tu não te também?
[21] Porque, assim como o terreno foi dado a madeira, eo mar à sua inundações:
mesmo assim os que habitam sobre a terra pode entender nada, mas o que está sobre
a terra: e aquele que permanece acima dos céus só pode entender as coisas que
estão acima da altura dos céus.
[22] Então eu respondi e disse: Rogo-te, ó Senhor, deixe-me ter a compreensão:
[23] Para que não era a minha mente para ser curioso das coisas altas, mas de como
passar por nós diariamente, ou seja, Israel portanto é dado como um opróbrio para os
gentios, e para o que fazer com que as pessoas que amaste está entregue até as
nações ímpias, e porque a lei de nossos antepassados é reduzido a nada, e os pactos
escritos vêm para nenhum efeito,
[24] E nós passar para fora do mundo como gafanhotos, e nossa vida é espanto e
medo, e não somos dignos de obter misericórdia.
[25] O que ele vai fazer em seguida ao seu nome pelo qual somos chamados? essas
coisas que eu perguntei.
[26] Então, respondeu ele a mim, e disse: O buscares mais tu, mais tu é maravilha,
porque o mundo se apressa a passar rápido,
[27] E não pode compreender as coisas que estão prometidas para o justo a tempo
para vir: para este mundo está cheio de injustiça e enfermidades.
[28] Mas, como quanto às coisas que tu pedes-me, eu te direi, porque o mal está
semeado, mas a destruição do mesmo ainda não chegou.
[29] Se, portanto, o que é semeado não ser virada de cabeça para baixo, e se o lugar
onde o mal é semeado não passes, então ela não pode vir que é semeado com o
bem.
[30] Para o grão de semente do mal tem sido semeada no coração de Adão desde o
início, e quanto a impiedade que ele tem trazido, até agora? e quanto ainda deve
trazer até o momento da debulha vir?
[31] Considere agora por ti mesmo, o quão grande fruto da perversidade do grão de
semente do mal tirou.
[32] E quando as orelhas serão cortadas, que são sem número, como um grande piso
deve enchem?
[33] Então eu respondi e disse: Como e quando serão essas coisas acontecem?
portanto são nossos poucos anos e do mal?
[34] E ele me respondeu, dizendo: Não te apressar acima do mais alto, pois a tua
pressa é em vão para estar acima dele, pois tens muito ultrapassado.
[35] não as almas dos justos também fazer a pergunta dessas coisas em seus
aposentos, dizendo: Quanto tempo devo esperar nesta moda? quando vem o fruto no
chão de nossa recompensa?
[36] E a estas coisas Uriel, o arcanjo lhes deu resposta, e disse: Mesmo quando o
número de sementes é preenchido em você, porque ele tem pesado o mundo na
balança.
[37] Por medida tem mediu os tempos, e pelo número tem ele contados os tempos, e
ele não vos mover nem incitá-los, até que a referida medida ser cumprida.
[38] Então eu respondi e disse: Ó Senhor, que regra dás à luz, mesmo que todos
estão cheios de impiedade.
[39] E por nós porventura é que os pisos dos justos não são preenchidas, por causa
dos pecados dos que habitam sobre a terra.
[40] Então, ele me respondeu, e disse: Vai, a tua maneira de uma mulher com criança,
e pedi-la quando ela tem cumprido seus nove meses, se seu útero pode manter o
nascimento por mais tempo dentro dela.
[41] Então eu disse: Não, Senhor, para que ela não pode. E ele disse-me: Na cova das
câmaras de almas são como o ventre de uma mulher:
[42] Porque, assim como uma mulher que está de parto se apressa para escapar da
necessidade do trabalho de parto: mesmo assim fazer estes lugares pressa para
entregar as coisas que são cometidos a eles.
[43] Desde o início, olhar, o que tu desejas para ver, deve ser-te mostrou.
[44] Então eu respondi e disse: Se tenho achado graça aos teus olhos, e se é possível,
e se eu fosse atender, portanto,
[45] Mostrai-me, em seguida, se há mais por vir do que é passado, ou mais passado
do que está por vir.
[46] O que é passado eu sei, mas o que é para vir eu não sei.
[47] E ele me disse: Levanta-te em cima do lado direito, e vou expor a semelhança a ti.
[48] Então eu fiquei, e vi, e eis um forno ardente passou por diante de mim: e
aconteceu que, quando a chama se foi por eu olhei, e eis que a fumaça permaneceu
ainda.
[49] Depois disso passou por lá antes de mim uma nuvem aquosa, e enviou muita
chuva com uma tempestade, e quando a chuva de tempestade havia passado, as
gotas ficou ainda.
[50] E ele disse-me, Considere com a ti mesmo, como a chuva é mais do que as
gotas, e como o fogo é maior do que a fumaça, mas as gotas ea fumaça ficar para
trás: para a quantidade que é passado fez mais exceder .
[51] Então, eu orei, e disse: Que eu vivo, te parece, até esse momento? ou o que deve
acontecer naqueles dias?
[52] Ele me respondeu, e disse, como para o do qual tu me perguntas fichas-me,
posso dizer-te deles, em parte: mas, quanto a tua vida, Eu não fui enviado para te
mostrar, porque eu não sei.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.5
[1] No entanto, como os tokens que vem, eis que dias virão, que os que habitam sobre
a terra será tomada em um grande número, e no caminho da verdade deve ser
escondida, ea terra é estéril da fé.
[2] Mas iniqüidade deve ser aumentada acima do que vês agora tu, ou o que tens
ouvido há muito tempo.
[3] E a terra, que tu vês agora deves ter raiz, tu vê perdido de repente.
[4] Mas, se a concessão Altíssimo te a viver, verás após a terceira trombeta que o sol
deve brilhar novamente de repente no meio da noite, ea lua três vezes no dia:
[5] E o sangue deve cair fora da madeira e da pedra dará a sua voz, e os povos são
perturbados:
[6] E mesmo que ele deve governar, quem não olhar para os que habitam sobre a
terra, e as aves devem tomar seu vôo de distância entre si:
[7] E o mar Sodomitish expulsarão os peixes, e fazer um barulho no meio da noite, o
que muitos não conheceram, mas que todos devem ouvir a voz da mesma.
[8] Não deve ser uma confusão também em muitos lugares, eo fogo será oft enviado
novamente, e os animais selvagens devem mudar os seus lugares, e as mulheres
menstruadas trará monstros:
[9] águas e sal deve ser encontrado no doce, e todos os amigos devem destruir um ao
outro, então deve saber se ocultar e compreensão retirar-se em sua câmara secreta,
[10], e deve ser procurado de muitos, e ainda não foi encontrado: então, a injustiça e
incontinência ser multiplicado na terra.
[11] Uma terra também deve pedir a outro, e dizer, é a justiça que faz um homem justo
passou por ti? E ele dirá: Não.
[12] Ao mesmo tempo, devem os homens a esperança, mas nada obtém-se: eles
devem de trabalho, mas seus caminhos não prosperará.
[13] Para te mostrar essas fichas eu sair, e se tu queres orar novamente, e chorar
como agora, e rápido, mesmo dias, tu ouvir coisas ainda maiores.
[14] Então eu acordei, e um medo extremo passou por todo meu corpo e minha mente
estava perturbada, de modo que desmaiou.
[15] E o anjo que chegou para conversar comigo me segurou, me confortou, e me pôs
sobre os meus pés.
[16] E na segunda noite aconteceu, que Salatiel o capitão do povo veio a mim,
dizendo: Onde tiveste? e porque é o teu semblante tão pesado?
[17] Não sabes que Israel está comprometida a ti na terra do seu cativeiro?
[18] Até então, e comer pão, e não abandones a nós, como o pastor que deixa as suas
ovelhas nas mãos de lobos cruéis.
[19] Então eu disse-lhe: Vai teus caminhos de mim, e não te aproximes de mim. E ele
ouviu o que eu disse, e saiu de mim.
[20] E assim eu jejuaram sete dias, gemendo e chorando, como Uriel como o anjo me
mandou.
[21] E depois de sete dias foi assim, que os pensamentos do meu coração eram muito
doloroso para mim novamente,
[22] E a minha alma recuperou o espírito de compreensão, e eu comecei a conversar
com a mais alta novamente,
[23] e disse: Ó Senhor, que dás à luz regra, de cada madeira da terra, e de todas as
árvores da mesma, tu te escolheu uma vinha apenas:
[24] E de todas as terras de todo o mundo tu te escolheu um poço, e de todas as flores
deste lírio um:
[25] E de todas as profundezas do mar tu te encheram um rio, e de todas as cidades
edificaram tens Sion santifiquei para ti:
[26] E de todas as aves que são criadas tu te chamado uma pomba, e de todos os
animais que são feitas desde tu te uma ovelha:
[27] E, entre todas as multidões de pessoas tu obtidos ti um povo: e para este povo, a
quem amaste, pusestes uma lei que foi aprovado de todos.
[28] E agora, ó Senhor, por que tu tens dado este um povo sobre a muitos? e sobre a
raiz tens tu um preparado os outros, e por isso tens os teus espalhados apenas uma
entre muitas pessoas?
[29] E os que fizeram contradizer tuas promessas, e acreditava que os convênios não
os teus, pisaram-los.
[30] Se tu tanto ódio teu povo, ainda que ponhas puni-los com tuas mãos.
[31] Agora, quando eu tinha falado estas palavras, o anjo que veio a mim a noite
dantes foi enviado a mim,
[32] E me disse: Ouvi-me, e eu vou te instruir; ouve a coisa que eu digo, e vou dizer-te
mais.
[33] E eu disse: Fala, meu Senhor. Então ele me disse: Tu és ferida a mente
perturbada por amor de Israel: amas que as pessoas melhor do que aquele que o fez?
[34] E eu disse: Não, Senhor, mas de muito desgosto tenho falado: para a minha dor
rédeas me a cada hora, enquanto eu trabalhar para compreender o caminho do
Altíssimo, e para buscar parte do seu julgamento.
[35] E ele disse-me, tu não podes. E eu disse: Por que, Senhor? whereunto eu nasci,
então? ou porque não foi o ventre de minha mãe, então minha sepultura, que eu não
poderia ter visto o trabalho penoso de Jacob, e do trabalho fatigante das ações de
Israel?
[36] E ele disse-me: Number, me as coisas que ainda não estão vindo, me reunir junto
a escória que andam dispersos, faça-me o verde flores mais uma vez que se secaram,
[37] Abra-me os locais que estão fechados, e traze-me diante dos ventos que neles
estão quietos, mostra-me a imagem de uma voz, e então eu vou declarar-te a coisa
que tu labourest saber.
[38] E eu disse: O Senhor que dás à luz regra, que pode saber essas coisas, mas ao
que não tem a sua habitação com os homens?
[39] Quanto a mim, sou imprudente: como posso então falar dessas coisas de que tu
pedes-me?
[40] E ele disse-me: Assim como tu podes fazer nenhuma dessas coisas que eu falei,
mesmo assim, não podes tu saber o meu juízo, ou no final o amor que eu prometi ao
meu povo.
[41] E eu disse: Eis que, ó Senhor, mas tu és quase-lhes que ser reservados até o fim,
e que farão os que houve antes de mim, ou temos que ser agora, ou os que virão
depois de nós?
[42] E ele disse-me, eu comparo o meu juízo um anel: Assim como não há negligência
do passado, mesmo assim não há celeridade da primeira.
[43] Então, eu respondi e disse, não pudeste fazer aqueles que foram feitas, e ser
agora, e que estão para vir, de uma só vez; que tu terás o teu julgamento mais cedo?
[44] Então, respondeu ele a mim, e disse: A criatura não pode apressar acima do
fabricante, nem o mundo pode prendê-los uma vez que será criado nele.
[45] E eu disse, como disseste ao teu servo, para que tu, que dás vida a todos, tens
dado vida ao mesmo tempo para a criatura que tu criaste, ea criatura nua-lo: mesmo
assim ele pode agora também ter os que já esteja presente em uma vez.
[46] E ele disse-me, faça o ventre de uma mulher, e dize-lhe: Se tu fazes luz filhos, por
que fazes não juntos, mas um após o outro? rezar-lhe, pois para produzir dez filhos de
uma só vez.
[47] E eu disse, ela não pode, mas deve fazê-lo pela distância de tempo.
[48] E ele disse-me, Mesmo assim dei o ventre da terra para aqueles que ser semeada
no mesmo em suas épocas.
[49] Porque, assim como uma criança pequena não pode trazer as coisas que
pertencem ao idoso, mesmo assim tenho eliminados do mundo que eu criei.
[50] E eu perguntei, e disse: Vê tu que agora dá-me o caminho, eu vou continuar a
falar diante de ti, nossa mãe, de quem tu me disse que ela é jovem, draweth agora
quase até à idade.
[51] Ele me respondeu, e disse: Pergunte a uma mulher que as crianças, também dá,
e ela te dirá.
[52] Diga-lhe: Portanto são eles até que tu agora trouxe como aqueles que eram antes,
mas menos de estatura?
[53] E ela deve te responder, Eles que nascer na força da juventude é de uma moda, e
os que nascem no tempo de idade, quando a falha útero, são de outra maneira.
[54] Considere, portanto, também tu, como que sois menos de estatura do que
aqueles que foram antes de vós.
[55] E assim são os que vêm depois de você menos do que vós, como as criaturas
que agora começam a ser velho, e passaram sobre a força da juventude.
[56] Então eu disse: Senhor, peço-te, se tenho achado graça aos teus olhos, mostra o
teu servo por quem tu visites tua criatura.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.6
[1] E ele disse-me: No início, quando a terra foi feito, antes que as fronteiras do mundo
de pé, ou nunca sopraram os ventos,
[2] Antes de um trovão e iluminado, ou nunca as fundações do paraíso foram
colocadas,
[3] Antes das belas flores foram vistas, nem nunca os poderes móveis foram
estabelecidas, diante da multidão inumerável de anjos se reuniram
[4] Ou sempre as alturas do céu foram levantadas, antes de as medidas do firmamento
foram nomeados, ou nunca as chaminés em Sion estavam quentes,
[5] antes e os anos atuais foram procurados, e nem nunca as invenções dos que agora
foram transformadas pecado, antes de serem selados, que se reuniram a fé de um
tesouro:
[6] Então, eu considero estas coisas, e todas elas foram feitas por mim sozinho, e por
nenhum outro: por mim também que deve ser terminada, e por nenhum outro.
[7] Então eu respondi e disse: Qual é a divisão em pedaços dos tempos? ou quando
será o fim da primeira, e no início da mesma que segue?
[8] E ele disse-me, de Abraão a Isaque, quando Jacó e Esaú nasceram dele, a mão de
Jacob realizou o primeiro salto de Esau.
[9] Para Esaú é o fim do mundo, e Jacob é o começo que segue.
[10] A mão do homem existe entre o calcanhar ea mão: outra pergunta, Esdras,
perguntar não tu.
[11], então eu respondi e disse: Ó Senhor, que regra dás à luz, se tenho achado graça
aos teus olhos,
[12] Peço-te, terás o teu servo a fim de tua tokens, do qual me fizeste ver parte da
noite passada.
[13] Então ele respondeu e me disse: Levanta-te sobre os teus pés, e ouvir uma voz
poderosa sonoridade.
[14] E será como se fosse um movimento grande, mas o lugar em que estás não será
abalado.
[15] E, portanto, quando se fala não tenha medo: a palavra é do fim, e da fundação da
terra é compreendido.
[16] E por quê? porque o discurso deles treme as coisas e é movido: por isso sabe que
o fim destas coisas deve ser mudado.
[17] E aconteceu que, quando eu tinha ouvido que eu me levantei sobre os meus pés
e ouvidos, e eis que havia uma voz que falou eo som dele era como o som de muitas
águas.
[18] E ele disse: Eis que virão dias, que começarão a nos aproximarmos, e visitar os
que habitam sobre a terra,
[19] E vai começar a fazer inquisição deles, o que será que ferir injustamente com
suas iniquidades, e quando a aflição do Sion serão cumpridas;
[20] E quando o mundo, que deve começar a desaparecer, deve ser terminado, então
eu mostrarei esses tokens: os livros serão abertos antes do firmamento, e eles devem
ver tudo junto:
[21] E os filhos de um ano de idade devem falar com suas vozes, as mulheres com
criança dará à luz crianças prematuras de três ou quatro meses de idade, e eles
viverão, e seja levantado.
[22] E de repente deve aparecer os lugares semeadas não semeada, os armazéns
cheios de repente será encontrado vazio:
[23] e trompete tha dará um som que, quando cada um ouve, eles se tornarão de
repente com medo.
[24] Nessa época devem amigos lutar uns contra os outros inimigos, como, ea terra
deve ficar com medo com aqueles que nele habitam, das nascentes dos mananciais
devem ficar parado, e em três horas, eles não podem ser executados.
[25] Todo aquele que permanece de tudo isso que eu te disse escapará, e ver a minha
salvação, eo fim do seu mundo.
[26] E os homens que são recebidos devem vê-lo, que não provou a morte de seu
nascimento: eo coração dos habitantes deve ser mudado, e se transformou em um
outro significado.
[27] Para que o mal deve ser posto para fora, e engano se apagará.
[28] Quanto à fé, deve florescer, a corrupção deve ser superado, ea verdade, que tem
sido assim por muito tempo sem frutos, devem ser declaradas.
[29] E quando ele falava comigo, eis que eu olhei a pouco e pouco sobre ele antes de
quem eu estava.
[30] E estas palavras ele me disse, eu vim para te mostrar o tempo da noite para vir.
[31] Se queres orar ainda mais, e rápido sete dias de novo, eu te disser coisas maiores
por dia do que eu ouvi.
[32] Para a tua voz é ouvida antes do Altíssimo para o Poderoso tem visto o teu trato
justo, ele tem visto também o teu castidade, que tiveste desde a tua mocidade.
[33] E, portanto, tem ele me enviou para te mostrar todas estas coisas, e te digo:
Tende bom ânimo e não temais
[34] E não apressar com os tempos passados, a pensar coisas vãs, que tu não podes
apressar a partir dos últimos tempos.
[35] E aconteceu depois disto que eu chorei de novo, e jejuaram sete dias nos
mesmos moldes, para que eu possa cumprir as três semanas que ele me disse.
[36] E na oitava noite era meu coração irritado dentro de mim novamente, e comecei a
falar perante o Altíssimo.
[37] Para o meu espírito foi muito incendiada, e minha alma estava em perigo.
[38] E eu disse: Senhor, falaste desde o início da criação, até o primeiro dia, e disseste
assim: Que o céu ea terra ser feita, ea tua palavra foi um trabalho perfeito.
[39] E, então, era o espírito, ea escuridão eo silêncio eram por todos os lados, o som
da voz do homem ainda não estava formado.
[40] Então tu ordenaste uma luz justa para vir diante de teus tesouros, para que o teu
trabalho pode aparecer.
[41] Após o segundo dia tu fizeste o espírito do firmamento, e ordenaste que a parte
em pedaços, e fazer uma divisão entranhas das águas, que uma parte pode ir para
cima, eo outro permanecer abaixo.
[42] Após o terceiro dia tu fizeste comando que as águas devem ser reunidos na
sétima parte da terra: seis tens tu pats secou, e manteve-os, com a intenção de que
alguns destes sendo plantadas e cultivadas de Deus pode servir ti.
[43] Pois tão logo a tua palavra, saiu a obra foi feita.
[44] Por imediatamente que havia muita fruta e inumeráveis, e muitos mergulhadores e
prazer para o paladar, e flores de cor imutável, e odores de cheiro maravilhoso, e isso
foi feito no terceiro dia.
[45] Após o quarto dia ordenaste tu que o sol deve brilhar, a lua e dar a sua luz, e as
estrelas devem estar em ordem:
[46] e deste-lhes uma taxa para fazer o serviço ao homem, que era para ser feito.
[47] Após o quinto dia disseste tu até a sétima parte, onde as águas estavam reunidos
que deveria trazer as criaturas vivas, aves e peixes, e assim aconteceu.
[48] Para a água muda e sem vida trouxe coisas vivas ao mandamento de Deus, que
todas as pessoas podem elogiar as tuas maravilhas.
[49] Então, tu hás de estabelecer duas criaturas vivas, a um Enoque Clamaste, eo
Leviathan outro;
[50] E tu separar uma coisa da outra: para a sétima parte, ou seja, onde a água estava
reunida, não pode mantê-los tanto.
[51] a Enoque tens dado por um lado, que secou o terceiro dia, que ele deveria morar
na mesma peça, em que são milhares de montanhas:
[52] Mas até Leviathan pusestes a sétima parte, ou seja, a umidade, e guardaste-lhe
para ser devorado de quem tu queres, e quando.
[53] Após o sexto mandamento puseste dia tu sobre a terra, que diante de ti, deve
trazer os animais, gado, e répteis:
[54] E depois de estes, Adão, a quem tu fizeste senhor de todas as Tuas criaturas: a
ele se todos nós, e as pessoas também a quem tu tens escolhido.
[55] Tudo isso que tenho falado diante de ti, ó Senhor, porque fizeste o mundo por
nossa causa
[56] Quanto às outras pessoas, que também vêm de Adão, tu disse que eles não são
nada, mas ser semelhante a saliva: e tu comparou a abundância deles até uma gota
que cai de uma embarcação.
[57] E agora, ó Senhor, eis que estes pagãos, que já foram reputados em nada,
começaram a ser senhores sobre nós, e nos devorar.
[58], mas o teu povo, que tu chamado teu primogênito, teu unigênito, e teu amante
fervoroso, são dadas em suas mãos.
[59] Se o mundo agora ser feita por nós, por que não possuímos uma herança com o
mundo? quanto tempo deve durar esta?

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.7
[1] E quando eu tinha acabado de pronunciar estas palavras, não foi enviado a mim o
anjo que tinha sido enviado para mim as noites dantes:
[2] E ele disse-me, Cima, Esdras, e ouve as palavras que eu vim para te trazer.
[3] E eu disse: Fala, meu Deus. E disse-me, O mar está situado num local amplo, que
pode ser profunda e grande.
[4] Mas colocar o caso da entrada eram estreitas, e como um rio;
[5] Quem então poderia ir para o mar a olhar para ela, e para governá-la? se ele não
atravessou o estreito, como ele poderia vir ao largo?
[6] Há também uma outra coisa; A cidade está edificada, e colocada sobre um campo
amplo, e está cheio de todas as coisas boas:
[7] A entrada dele é estreita, e está situado em um lugar perigoso de cair, como que se
houvesse um fogo na mão direita, e na água de uma esquerda profunda:
[8] E um único caminho entre ambos, mesmo entre o fogo ea água, tão pequena que
não poderia, mas um homem lá de uma vez.
[9] Se esta cidade agora foram dadas a um homem por uma herança, se ele nunca
passará o conjunto de perigo antes que, como ele deve receber essa herança?
[10] E eu disse: É assim, Senhor. E disse-me, Mesmo assim também é parte de Israel.
[11] Porque por causa deles eu fiz o mundo: e quando Adão transgrediu os meus
estatutos, em seguida, foi decretado que agora é feito.
[12] Em seguida, foram as entradas deste mundo feito estreito, cheio de tristeza e
trabalho: eles são poucos e mal, cheia de perigos,: e muito doloroso.
[13] Para as entradas do mundo antigo eram amplos e com certeza, e trouxe frutos
imortal.
[14] Se, pois, os que vivem do trabalho para não entrar essas coisas Estreito e vão,
eles nunca podem receber aqueles que são colocados para eles.
[15] Agora, pois, por disquietest tu mesmo, tu estás vendo, mas um homem
corruptível? e porque és movido, enquanto tu és, mas mortal?
[16] Por que tens não é considerada em tua mente essa coisa que está para vir, e não
no que está presente?
[17] Então eu respondi e disse: Ó Senhor, que regra dás à luz, tu tens ordenado na tua
lei, que o justo deve herdar essas coisas, mas que o ímpio pereça.
[18] Não obstante os justos sofrem coisas Estreito, e esperar larga: para os que
tiverem feito de mal ter sofrido as coisas Estreito, e ainda assim não verá a largura.
[19] E ele disse-me. Não há juiz acima de Deus, e nenhum que tem entendimento
acima Altíssimo.
[20] Para haver muitos que perecem nesta vida, porque eles desprezam a lei de Deus
que se coloca diante deles.
[21] Para Deus deu mandamento estreito de como veio, o que devem fazer para viver,
mesmo quando eles vieram, e que eles devem observar para evitar a punição.
[22] No entanto eles não eram obedientes a ele, mas falou contra ele, e imaginou
coisas vãs;
[23] E enganados por seus atos perversos, e disse do Altíssimo, que ele não é, e não
sabia os seus caminhos:
[24] Mas sua lei eles têm desprezado, e negou os convênios, em seus estatutos que
não tenham sido fiéis, e não realizou suas obras.
[25] E, portanto, Esdras, para o vazio são coisas vazias, e para a plena são as coisas
completas.
[26] Eis que o tempo virá, que estas fichas que eu te disse se cumprirá, e que a noiva
deve aparecer, e ela vir adiante será visto, que agora é retirado da terra.
[27] E todo aquele que é entregue a partir dos males foresaid deve ver as minhas
maravilhas.
[28] Para o meu filho Jesus será revelada com aqueles que estão com ele, e os que
restarem se alegrarão no prazo de quatro centenas de anos.
[29] Após estes anos é o meu filho morrer Cristo, e todos os homens que têm vida.
[30] E o mundo será transformado em silêncio velho de sete dias, como como nos
julgamentos anteriores, de modo que nenhum homem deve permanecer.
[31] E depois de sete dias do mundo, que ainda acorda, e não deve ser levantado, e
que morrerá que é corrupto
[32] E a terra deve restaurar aqueles que estão dormindo nela, e assim será a poeira
aqueles que habitam em silêncio, e os lugares secretos emitirá aquelas almas que
foram cometidos para eles.
[33] E o Altíssimo aparecer sobre o trono do juízo, e da miséria passará, eo longo
sofrimento terá um fim:
[34] Mas o julgamento só deve permanecer, a verdade permanecerá de pé, a fé deve
encerar forte:
[35] E o trabalho deve seguir, ea recompensa será manifestou, e as boas ações
devem ser de força e atos perversos não terá nenhuma regra.
[36] Então eu disse: Abraão orou primeiro para os sodomitas, e Moisés, para os pais
que pecaram no deserto:
[37] E Jesus após ele para Israel no tempo de Acã:
[38] E Samuel e David para a destruição: e Salomão para eles que deve vir para o
santuário:
[39] e Helias para aqueles que receberam a chuva, e para os mortos, para que
pudesse viver:
[40] e Ezequias para o povo no tempo de Senaqueribe: e muitos para muitos.
[41] Mesmo assim agora, vendo a corrupção está crescido, ea impiedade aumentou, e
os justos têm orado para os ímpios: portanto não deve ser assim agora também?
[42] Ele me respondeu, e disse: A vida presente não é o fim, onde muita glória Acaso
cumprir, por isso eles têm orado para os fracos.
[43] Mas o dia do julgamento será o fim deste tempo, eo início da imortalidade para vir,
em que a corrupção é passado,
[44] A intemperança é um fim, a infidelidade é cortado, a justiça é cultivada, e na
verdade raiou.
[45] Em seguida, o homem não ser capaz de salvar-lhe que é destruído, nem para
oprimir o que tem conseguido a vitória.
[46], então eu respondi e disse: Esta é a minha palavra e sobrenome, que tinha sido
melhor não ter dado a terra a Adão: ou então, quando foi dado a ele, ter o impediu de
pecar.
[47] Para que o lucro é para os homens, já neste tempo presente para viver em peso,
e depois da morte a olhar para a punição?
[48] ó Adão, o que fizeste? para que fosse tu que não pecaram, caíste sozinho, mas
tudo o que vem de ti.
[49] Para que o lucro é para nós, se há ser nos prometeu um tempo imortal, ao passo
que nós fizemos as obras que trazem a morte?
[50] e que não há nos prometeu uma esperança eterna, enquanto que nos ser mais
perverso são feitas vão?
[51] e que não estão reservados para habitações nos de saúde e segurança, ao passo
que temos vivido perversamente?
[52] E que a glória do Altíssimo é mantido para defendê-los, que levaram uma vida
cauteloso, ao passo que temos andado nos caminhos mais perverso de todos?
[53] E que não deve ser mostrou um paraíso, cujos frutos dura para sempre, onde está
a segurança ea medicina, uma vez que não entra nele?
[54] (Para nós andou em lugares desagradáveis.)
[55] E que os rostos dos que usaram a abstinência deve brilhar acima das estrelas,
enquanto que os nossos rostos são mais negros do que as trevas?
[56] Por enquanto vivemos e cometemos a iniqüidade, não considerou que devemos
começar a sofrer por isso após a morte.
[57] Então, respondeu ele a mim, e disse: Esta é a condição da batalha, que o homem
que nasce sobre a terra deve lutar;
[58] que, se ele ser superado, ele deverá sofrer como tu disse: mas se ele conseguir a
vitória, ele deve receber a coisa que eu digo.
[59] Porque esta é a vida do qual Moisés falou ao povo, enquanto ele vivia, dizendo:
Escolhe para ti a vida, para que possas viver.
[60] Apesar disso, eles não acreditavam nele, nem os profetas depois dele, não, nem
me que lhes falara,
[61] Isso não deve haver peso como a sua destruição, como deve ser a alegria sobre
os que são persuadidos a salvação.
[62] Eu respondi então, e disse, eu sei, Senhor, que o Altíssimo é chamado de
misericordioso, em que ele tem misericórdia deles ainda não veio ao mundo,
[63] E também sobre aqueles que transformam a sua lei;
[64] E que ele é paciente e longo suffereth aqueles que pecaram, como suas criaturas;
[65] E que ele é abundante, pois ele está pronto para dar onde houver mister;
[66] E que ele é grande em misericórdia, para que ele multiplica misericórdias mais e
mais para eles que estão presentes, e que são passado, e também para os que estão
por vir.
[67] Pois, se ele não multiplicará suas misericórdias, o mundo não iria continuar com
eles que herdam nele.
[68] E ele perdoa, pois se ele não o fez de sua bondade, para que os que tenham
cometido iniqüidades pode ser facilitado deles, a milésima parte de 10 homens não
devem permanecer vivo.
[69] E, sendo juiz, se ele não deve perdoar-lhes que são curados com a sua palavra, e
colocar para fora a multidão de contendas,
[70] Não deve haver muito poucos porventura esquerda em uma multidão inumerável.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.8
[1] E ele me respondeu, dizendo: O Altíssimo fez este mundo para muitos, mas o
mundo para vir para poucos.
[2] Eu te direi uma similitude, Esdras, como quando tu me perguntas a terra, deve
dizer-te, que dá molde muito vasos de barro do qual são feitas, mas pouca poeira que
vem do ouro: mesmo assim é o curso de o mundo presente.
[3] Há muitos ser criado, mas poucos serão salvos.
[4] Então eu respondi e disse: Andorinha, em seguida, para baixo, ó minha alma,
entendimento e sabedoria devorar.
[5] Porque tu concordou em dar ouvidos, e arte dispostos a profetizar: pois tu não tens
mais espaço do que apenas viver.
[6] O Senhor, se tu não sofrer o teu servo, para que possamos orar diante de ti, e tu
nos dar descendência ao nosso coração, e cultura para a nossa compreensão, que
pode chegar fruto dela; como deve viver cada homem que é corruptos, que também dá
o lugar de um homem?
[7] Pois tu és sozinho, e todos nós obra das tuas mãos um, assim como já disseste.
[8] Para quando o corpo é formado agora no ventre da mãe, e tu dás-lo membros, tua
criatura é preservada no fogo e água, e nove meses Acaso tua obra suportar tua
criatura que é criado por ela.
[9] Mas o que guarda e é mantido tanto deve ser preservado: e quando o tempo vem,
o útero preservado livra-se das coisas que cresciam na mesma.
[10] Porque tu mandou para fora das partes do corpo, isto é, fora das mamas, o leite a
ser dado, que é fruto das mamas,
[11] que a coisa que é formado pode ser sustentada por um tempo, até que tu
disposest que a tua misericórdia.
[12] fizeste-o com tua justiça, e nurturedst em tua lei, e reformedst com teu juízo.
[13] E tu mortificar-lo como tua criatura, e vivifica-lo como o teu trabalho.
[14] Se te tu, pois, destruí-lo com o trabalho que tão grande foi formado, é uma coisa
fácil de ser ordenado por teu mandamento, que a única coisa que foi feita pode ser
preservada.
[15] Agora, pois, Senhor, eu vou falar, o homem tocar em geral, melhor tu sabes, mas
tocar o teu povo, por quem eu sinto muito;
[16] E por herança, por causa de quem eu luto, e para Israel, por quem eu sou pesado,
e para Jacob, razão pela qual estou preocupado;
[17] Portanto, eu vou começar a rezar diante de ti para mim e para eles, porque eu
vejo as quedas de nós que habitam na terra.
[18] Mas eu ouvi a rapidez do juiz que está por vir.
[19] Portanto, ouvir a minha voz, e entender as minhas palavras, e eu vou falar diante
de ti. Este é o começo das palavras de Esdras, antes de ser levado para cima: e eu
disse:
[20] Ó Senhor, tu que habitas nas everlastingness vês que a partir de coisas acima no
céu e no ar;
[21], cujo trono é inestimável, cuja glória não pode ser compreendida, antes que os
exércitos do Anjos ficar com tremores,
[22], cujo serviço é fluente em vento e fogo, cuja palavra é verdade, e os provérbios
constante; cujo mandamento é forte, e portaria com medo;
[23], cujo olhar esgota as profundezas, a indignação faz as montanhas para se
desvanecem; que testifica a verdade:
[24] O ouve a oração do teu servo, e dá ouvidos a petição de tua criatura.
[25] Por enquanto eu viver eu vou falar, e enquanto eu tenho entendimento vou
responder.
[26] O não olhar para os pecados do teu povo, mas sobre eles que servem de ti em
verdade.
[27] não atentam para as invenções perversas das nações, mas o desejo daqueles
que guardam os teus testemunhos nas aflições.
[28] Pense não sobre aqueles que andaram fingidamente diante de ti: mas lembre-se
eles, que, segundo a tua vontade ter conhecido o teu medo.
[29] Que não seja a tua vontade de destruir os que viveram como animais, mas para
olhar para eles que ensinou claramente a tua lei.
[30] Não tomarás indignação com os que são considerados piores do que bestas, mas
amá-los sempre que colocam sua confiança na tua justiça ea glória.
[31] Para nós e nossos pais não definhar de tais doenças, mas por causa de nós,
pecadores serás chamado misericordioso.
[32] Para se tu tens um desejo de ter piedade de nós, tu serás chamado
misericordioso, para nós isto é, que não têm obras de justiça.
[33] Para o justo, que têm muitas boas obras previstas até contigo, é fora de seus
próprios atos receberá a recompensa.
[34] Por que é o homem, que as tragas descontentamento com ele? ou o que é uma
geração corruptível, que fosses tão amarga para ele?
[35] Pois, na verdade eles não é um homem entre eles que nascer, mas ele nos trata
mal; e entre os fiéis não há ninguém que o tenha feito de errado.
[36] Pois neste, ó Senhor, a tua justiça ea tua bondade deve ser declarada, se tu és
misericordioso para com eles que não tem a confiança de boas obras.
[37] Então, respondeu ele a mim, e disse: Algumas coisas tens falado corretamente, e
de acordo com as tuas palavras será.
[38] Pois, na verdade eu não vou pensar sobre a disposição dos que pecaram antes
da morte, antes do julgamento, antes da destruição:
[39] Mas eu me alegrarei sobre a disposição dos justos, e eu vou lembrar também a
sua peregrinação, e para a salvação, ea recompensa, que eles terão.
[40] Assim como eu falei agora, assim se vir a passar.
[41] Porque, como o lavrador lança a semente muito em cima da terra, e; planta muitas
árvores, e ainda a única coisa que está semeado de bom em sua época não se vem,
nem o tudo o que se plantou raízes: mesmo assim é deles que são semeadas no
mundo, não todos serão salvos.
[42], então eu respondi e disse: Se tenho achado graça, deixe-me falar.
[43] Assim como o lavrador a semente do perece, se não chegar, e receber a tua
chuva não no tempo devido, ou, se entrar muita chuva, e corrompê-la:
[44] Mesmo assim o homem perece também, que é formado com tuas mãos, e é
chamado a tua própria imagem, porque és semelhante a ele, por quem fizeste todas
as coisas, e comparou-o até a semente do agricultor.
[45] Não sejas irado conosco, mas poupar o teu povo, e tem misericórdia de tua
própria herança, pois tu és misericordioso para com a tua criatura.
[46] Então, respondeu ele a mim, e disse, as coisas presentes são para o presente, e
que as coisas costuma vir para como estar por vir.
[47] Para vieres longe que tu deverias ser capaz de amar minha criatura mais do que
eu: mas eu ofttimes se achegado a ti e à ele, mas nunca para os injustos.
[48] Nesta arte também tu maravilhosa antes do Altíssimo:
[49] Em que te humilhaste, uma vez que vem a ser de ti, e tu não te julgou digno de
ser muito glorificado entre os virtuosos.
[50] Para muitos grandes misérias deve ser feito a eles que no último tempo deve
habitar no mundo, pois tenho andado em grande orgulho.
[51] Mas entenda tu para ti mesmo, e buscar a glória de como ser semelhante a ti.
[52] Porque a vós vos é paraíso aberto, a árvore da vida é plantada, o tempo para vir é
preparado, plenteousness está pronto, a cidade está edificada, eo resto é permitido,
sim, bondade, sabedoria e perfeito.
[53] A raiz do mal é selada em cima de você, fraqueza e da mariposa está escondida
de você, e fugiram para a corrupção é um inferno para ser esquecido:
[54] Dores são passados, e no final se mostrou o tesouro da imortalidade.
[55] E, portanto, perguntar tu não houve mais dúvidas sobre a multidão dos que
perecem.
[56] Pois, quando eles tinham tomado a liberdade, eles desprezavam o Altíssimo,
pensei desprezo de sua lei, e abandonaram seus caminhos.
[57] Além disso, eles pisaram o seu justo,
[58] E disse em seu coração, que Deus não existe, sim, e que sabendo que devem
morrer.
[59] Para que as coisas acima mencionadas te receber você, então sede e dor estão
preparados para eles, pois não era sua vontade que os homens devem vir a nada:
[60] Mas que ser criado contaminaram o nome daquele que fez, e foram ingratos para
aquele que preparou a vida para eles.
[61] E, portanto, é a minha opinião agora à mão.
[62] Estas coisas não me mostrou a todos os homens, mas a ti, e alguns como tu.
Então eu respondi e disse:
[63] Eis, ó Senhor, agora tens me mostrou a multidão das maravilhas, o que tu queres
começar a fazer nos últimos tempos: mas em que momento, tu não me mostrou.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.9
[1] Ele respondeu-me então, e disse: tu Medir o tempo diligentemente em si: e quando
vês parte do passado sinais, que eu te disse antes,
[2] Então entenderás, que é o tempo mesmo, onde Altíssimo vai começar a visitar o
mundo que fez.
[3] Portanto, quando não deve ser visto terremotos e revoltas do povo no mundo:
[4] Mas tu bem entender, que falou mais alto daquelas coisas dos dias que foram
antes de ti, desde o início.
[5] Porque, assim como tudo que é feito no mundo tem um começo e um fim, eo fim é
evidente:
[6] Mesmo assim as vezes também do Altíssimo, tem início na simples admiração e
obras poderosas, e terminações em efeitos e sinais.
[7] E cada um que será salvo, e deve ser capaz de escapar por suas obras, e pela fé,
pela qual tenhais crido,
[8] deve ser preservado dos perigos disse, e deve ver a minha salvação na minha
terra, e dentro dos meus limites, pois tenho santifiquei para mim desde o início.
[9] Então serão em caso lamentável, que agora têm abusado os meus caminhos, e os
que os lancei para longe despitefully habitará em tormentos.
[10] Para tal como na sua vida ter recebido benefícios, e não me conhece;
[11] E os que têm detestava a minha lei, enquanto eles ainda não tinham liberdade, e,
quando ainda lugar de arrependimento estava aberto para eles, não entendi, mas
desprezava;
[12] O mesmo deve saber que depois da morte pela dor.
[13] E, portanto, não sejas curioso como os ímpios serão punidos, e quando, mas
questionar a forma como o justo será salvo, cujo o mundo é, e para quem o mundo é
criado.
[14] Então eu respondi e disse:
[15] Eu já disse antes, e agora falo, e falar também a seguir, que haja muitos mais os
que perecem, do que os que serão salvos:
[16] Como como uma onda é maior do que uma gota.
[17] E ele me respondeu, dizendo: Assim como o campo é, assim é também a
semente, como as flores ser, como são as cores também, como é o operário, como
também é o trabalho, e como o ls lavrador si mesmo, tal a sua criação também, pois
era o tempo do mundo.
[18] E agora, quando eu preparei o mundo, que ainda não foi feito, mesmo que eles
habitam em que vivem agora, ninguém falava contra mim.
[19] Para que cada um obedecido, mas agora os costumes dos que são criadas neste
mundo que é feito são corrompidas por uma semente perpétua, e por uma lei que é
insondável livrar-se.
[20] Então, eu considerava o mundo, e eis que havia perigo por causa dos dispositivos
que tinham vindo para ele.
[21] E eu vi, e poupou-lo muito, e mantiveram-me uma uva do cluster, e uma planta de
um grande povo.
[22] Vamos a multidão perecer, então, que nasceu em vão, e deixar minha uva ser
mantido, e minha planta, pois com grande trabalho que eu fiz é perfeito.
[23] No entanto, se quiseres deixar ainda mais sete dias, (mas não serás rápido neles,
[24] Mas ir para um campo de flores, onde nenhuma casa é edificada, e comer apenas
as flores do campo, gosto nenhuma carne, não beber vinho, mas só come flores ;)
[25] E reze para o Altíssimo continuamente, então virei e falarei contigo.
[26] Então, eu segui meu caminho para o campo que é chamado Ardath, como quando
ele me mandou, e lá estava eu entre as flores, e comeu das ervas do campo, ea carne
da mesma me satisfeito.
[27] Após sete dias sentei-me sobre a relva, e meu coração se angustiou dentro de
mim, como de antes:
[28] E eu abri a minha boca, e começou a falar antes do Altíssimo, e disse:
[29] Ó Senhor, tu que shewest-te a nós, eras tu mostrou a nossos pais no deserto, em
um lugar onde ninguém pisa, em um lugar estéril, quando saíram do Egito.
[30] E tu falaste, dizendo: Ouvi-me, ó Israel; e marque minhas palavras, tu semente de
Jacob.
[31] Pois, eis que eu semeio a minha lei em você, para que dê frutos em vós, e sereis
honrados nela para sempre.
[32] Mas os nossos pais, que receberam a lei, não a guardastes, e observou as
ordenanças não os teus, e que o fruto da tua lei não pereça, nem poderia, pois era a
tua;
[33] No entanto, os que receberam pereceram, porque não observam a coisa que foi
semeada neles.
[34] E, eis que ls um costume, quando o solo tem semente recebido, ou o mar de um
navio, ou qualquer outro alimento ou bebida navio, que, sendo que pereceram em que
foi semeada ou lançados,
[35] Essa coisa também que foi semeada, ou lançar aí, ou recebeu, doth perecer, e
permanece não conosco, mas com nós não tem acontecido assim.
[36] Para nós que receberam a lei perecem pelo pecado, eo nosso coração também
que o recebeu
[37] Não obstante a não perece lei, mas permanece em sua força.
[38] E quando eu dizia estas coisas em meu coração, eu olhei para trás com os meus
olhos, e sobre o lado direito, vi uma mulher, e eis que ela chorou e chorou em alta voz,
e estava muito triste no coração, e suas roupas eram alugar, e ela tinha cinzas sobre a
cabeça.
[39] Então deixe eu dirijo o meu pensamento que eu estava, e virou-me a ela,
[40] E disse-lhe: tu weepest Por que? Por que estás tão triste de tua mente?
[41] E ela disse-me, Senhor, deixa-me, que eu possa me lamentar, e adicione a minha
dor, pois estou profundamente perturbada em minha mente, e muito abatido.
[42] E eu disse-lhe: Que tens? diga-me.
[43] Ela disse-me, eu o teu servo ter sido estéril, e não teve filhos, se eu tivesse um
marido trinta anos,
[44] E esses trinta anos que eu fiz mais nada o dia ea noite, e cada hora, mas fazer a
minha oração, ao Altíssimo.

 [45] Depois de trinta anos, Deus ouviu-me a tua serva, olhou para minha infelicidade,
a minha aflição, e me deu um filho: e eu estava muito contente com ele, então foi o
meu marido também, e todos os meus vizinhos, e que deu grande honra para o Todo-
Poderoso.
[46] E eu nutriu com trabalho grande.
[47] Assim, quando ele cresceu, e chegou à hora em que ele deve ter uma esposa, eu
fiz uma festa.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.10
[1] E assim aconteceu que, quando meu filho estava entrando na sua câmara de
casamento, ele caiu e morreu.
[2] Então todos nós derrubou as luzes, e todos os meus vizinhos se levantou para me
consolar: por isso, tomei meu descanso até o segundo dia à noite.
[3] E sucedeu que, quando todos tinham parado para me confortar, até o fim eu
poderia ficar quieto, em seguida, subiu até a noite eu e fugiu, e veio para cá nesse
campo, como vês.
[4] E eu faço agora propósito de não retornar para a cidade, mas veio para ficar, e não
comer nem beber, mas sempre de lamentar e jejuar até morrer.
[5] Então deixei as meditações em que eu era, e falou para ela com raiva, dizendo:
[6] mulher Tu tolo, acima de tudo outro, não vês tu o nosso luto, e que sucederá a
nós?
[7] Como que Sion nossa mãe está cheia de todo o peso, e muito humilde, luto muito
dolorido?
[8] E agora, vendo que todos choram e estão tristes, pois estamos todos em peso, és
triste por causa de um filho?
[9] Para pedir a terra, e ela te dirá, que é ela que deve lamentar a queda de tantos que
crescem sobre ela.
[10] Para fora dela veio toda na primeira vez, e fora dela são todos os outros vêm, e,
eis que andar quase tudo à destruição, e uma multidão deles está totalmente
erradicado.
[11] Quem, então, deve fazer mais tristeza do que ela, que tem perdido um tão grande
multidão, e não tu, que estás triste, mas por um?
[12] Mas, se tu dizes-me, Meu pranto não é como a da terra, porque eu perdi o fruto do
meu ventre, que eu trouxe com dores, e deu à luz com dores;
[13] Mas não a Terra, assim: por causa da multidão presente no que de acordo com o
curso da terra se foi, como ele veio:
[14] Em seguida, dizer que eu a ti, como tu Como trouxe com trabalho; mesmo assim a
terra também tem dado o seu fruto, ou seja, o homem, desde o início daquele que a
fez.
[15] Agora, portanto, manter a tua tristeza para ti, e suportar com bom ânimo o que
tem acontecido ti.
[16] Para se tu reconhecem a determinação de Deus para ser justo, tu quer receber o
teu filho no tempo, e serás elogiado entre as mulheres.
[17] Ir para o teu caminho, em seguida, à cidade para o teu marido.
[18] E ela me disse: Isso eu não faço: eu não vou para a cidade, mas aqui eu vou
morrer.
[19] Então, eu continuei a falar mais a ela, e disse:
[20] Não assim, mas ser aconselhadas. por mim: para quantas são as adversidades da
Sion? ser confortado em relação a tristeza de Jerusalém.
[21] Por que vês tu o nosso santuário está desolada, nosso altar quebrado, o nosso
templo destruído;
[22] O nosso saltério é colocado no chão, nossa música é colocada ao silêncio, a
nossa alegria é um fim, à luz do nosso candelabro é posto para fora, a arca do nosso
pacto é mimada, nossas coisas sagradas estão contaminadas, e nome que é chamado
nos é quase profanado: nossas crianças estão envergonhados, os nossos sacerdotes
são queimados, os nossos levitas vão para o cativeiro, as nossas virgens estão
contaminadas, e nossas mulheres violadas; nossos homens justos levados, os nossos
pequeninos destruído, nossos jovens são levados em cativeiro, e os nossos homens
fortes se tornaram fraco;
[23] E, que é o maior de todos, o selo de Sion tem agora perdeu sua honra, pois ela
será entregue nas mãos daqueles que nos odeiam.
[24] E, portanto, sacudir a tua grande peso e afastar a multidão de dores, que o
Poderoso pode ser misericordioso a ti novamente, o Altíssimo te dê descanso e
facilidade de teu trabalho.
[25] E aconteceu que, enquanto eu estava conversando com ela, eis que, com o rosto
em cima de uma súbita brilhou muito, eo seu semblante glistered, de modo que eu
tinha medo dela, e pensei que poderia ser.
[26] E eis que de repente ela fez um grande clamor muito medo, de modo que a terra
tremeu com o barulho da mulher.
[27] E olhei, e eis que a mulher apareceu-me mais, mas havia uma cidade edificada, e
um grande lugar mostrou-se das fundações; então eu era medo, e clamavam com
grande voz, e disse: ,
[28] Onde está o anjo Uriel, que veio a mim na primeira? pois ele tem me fez cair em
transe, e muitos o meu fim é transformado em corrupção, e minha oração para
repreender.
[29] E como eu estava falando estas palavras, eis que ele veio a mim, e olhou para
mim.
[30] E eis que eu coloco como aquele que estava morto, e meu entendimento foi tirado
de mim, e ele me tomou pela mão direita, e me confortou, e me pôs em pé, e disse-
me,
[31] O que tens? e porque és tão inquieta? e porque é teu entendimento perturbado, e
os pensamentos do teu coração?
[32] E eu disse: Porquanto deste abandonou-me, e ainda assim eu fiz segundo as tuas
palavras, e eu fui para o campo, e eis que eu tenho visto, e ainda ver, que eu não sou
capaz de expressar.
[33] E ele me disse: Levanta-te corajosamente, e vou aconselhar-te.
[34] Então eu disse: Fala, meu senhor, em mim, só não me desampares, para que não
morra frustrar da minha esperança.
[35] Porque eu vi que eu não sabia, e ouvir que eu não sei.
[36] Ou é o meu sentido enganado, ou a minha alma em um sonho?
[37] Agora, pois, rogo-te que tu terás o teu servo desta visão.
[38] Ele respondeu-me então, e disse: Ouvi-me, e vou informar-te, e dizer-te és
portanto espante, porque o Altíssimo irá revelar muitas coisas secretas para ti.
[39] Ele tem visto que o teu caminho está certo: para sorrowest que tu continuamente
para o teu povo, e fazes grande lamentação para Sion.
[40] Este é, portanto, o significado da visão que tu viste recentemente:
[41] viste uma mulher de luto, e tu begannest para confortá-la:
[42] Mas agora vês a semelhança da mulher não mais, mas não te apareceu uma
cidade edificada.
[43] E enquanto ela te disse da morte de seu filho, esta é a solução:
[44] Esta mulher, que viste é Sion: e que ela te disse a ti, mesmo ela quem vês como
uma cidade edificada,
[45] Considerando que, eu digo, ela disse a ti, que ela tem sido trinta anos estéril:
esses são os trinta anos em que não houve oferta feita por ela.
[46] Mas, depois de trinta anos Salomão edificou a cidade e ofereceu: e depois levei o
filho de um estéril.
[47] E enquanto ela te disse que ela alimenta-lo com o trabalho: que foi a residência
em Jerusalém.
[48] Mas, enquanto ela te disse: Que o meu filho entrar em seu quarto casamento
passou a ter uma falha, e morreu: esta foi a destruição que foi a Jerusalém.
[49] E eis que viste sua semelhança, e porque ela lamentou por seu filho, tu begannest
para confortá-la: e essas coisas que por acaso, estes devem ser abertos para ti.
[50] Por agora os vê mais alto que tu te aflijas sinceramente, e toleras do teu coração
todo para ela, assim ele te mostrou o brilho de sua glória, ea beleza de sua beleza:
[51] E por isso eu te ordenou permanecer no campo, onde nenhuma casa foi
construída:
[52] Porque eu sabia que o Altíssimo iria mostrar isso para ti.
[53] Portanto, eu te mandei ir para o campo, onde não há fundamento de qualquer
edifício foi.
[54] Pois, no lugar onde o mais alto começa a mostrar a sua cidade, não pode
construção de ninguém ser capaz de suportar.
[55] E, portanto, não medo, nem o teu coração ser atemorizados, mas vai-te, e vê a
beleza ea grandeza do edifício, tanto quanto os teus olhos capazes de ver:
[56] E então te ouvir, tanto quanto os teus ouvidos podem compreender.
[57] Pois tu és bendita acima de muitos outros, e arte chamado com o Altíssimo, e
assim são poucos.
[58] Mas, para amanhã a noite tu hás de permanecer aqui;
[59] E assim as visões mais elevadas de te mostrar as coisas elevadas, o que o
Altíssimo vai fazer aos que habitam sobre a terra nos últimos dias. Então eu dormia
naquela noite e outra, como quando ele me mandou.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.11
[1] Então eu vi um sonho, e eis que subiam do mar uma águia, que tinha doze asas de
penas, e três cabeças.
[2] E eu vi, e eis que ele abriu as asas sobre toda a terra, e todos os ventos do céu
soprou sobre ela, e se ajuntaram.
[3] E olhei, e fora de suas penas, cresceu outras penas contrárias, e se tornaram
pequenas penas e pequenos.
[4] Mas seus cabeças estavam em repouso: a cabeça no meio era maior do que o
outro, no entanto, repousou-lo com o resíduo.
[5] Além disso olhei, e eis que a águia voou com as suas penas, e reinou sobre a terra,
e sobre os que habitam nela.
[6] E eu vi que todas as coisas debaixo do céu estavam sujeitos a ela, e ninguém
falava contra ela, não há nem uma criatura sobre a terra.
[7] E olhei, e eis que a águia passou sobre as suas garras, e falou para as suas penas,
dizendo:
[8] Ver, não todos de uma vez: dormir, cada um em seu próprio lugar, e veja por curso:
[9] Mas deixe as cabeças ser preservado para o passado.
[10] E olhei, e eis que a voz não saía de suas cabeças, mas a partir do meio do seu
corpo.
[11] E eu numeradas suas penas contrárias, e, eis que eram oito deles.
[12] E olhei, e eis que, do lado direito, surgiu uma pena, e reinou sobre toda a terra;
[13] E assim foi, que quando ele reinou, a fim de que veio, eo seu lugar não parecia
mais: então o seguinte seguinte levantou-se. e reinou, e teve um grande momento;
[14] E aconteceu que, quando ele reinou, a fim de ele veio também, como como o
primeiro, de modo que parecia não mais.
[15] Em seguida, veio uma voz a ela, e disse:
[16] Ouve tu que tens regra borne sobre a terra tanto tempo: isso eu te digo, antes de
tu começares a aparecer mais,
[17] Não deve nenhum depois de ti atingir a teu tempo, nem até a metade da mesma.
[18] Em seguida, surgiu o terceiro, e reinou como o outro antes, e parecia não mais
também.
[19] Assim, foi com todo o resíduo um após o outro, como que cada um reinou, e
depois apareceu mais.
[20] Então olhei, e eis que no decorrer do tempo as penas que se seguiram se
puseram do lado direito, para que possa governar também, e alguns deles
governados, mas dentro de um tempo eles não pareciam mais:
[21] Para alguns deles foram criados, mas não governou.
[22] Depois destas coisas olhei, e eis que, dos doze penas apareceu mais, nem as
duas pequenas penas:
[23] E não houve mais sobre o corpo da águia, mas três cabeças que descansaram, e
seis pequenas asas.
[24] Então, eu também vi que duas pequenas penas dividiram-se de seis, e
permaneceu sob a cabeça que estava sobre o lado direito: para os quatro continuou
em seu lugar.
[25] E olhei, e eis que as penas que estavam sob a asa pensado para configurar-se e
ter a regra.
[26] E olhei, e eis que havia um set-up, mas logo apareceu mais.
[27] E a segunda foi mais cedo longe do que o primeiro.
[28] E olhei, e eis que os dois que permaneceram pensou também em si a reinar:
[29] E, quando assim pensava, eis que despertou uma das cabeças que estavam em
repouso, ou seja, ele que estava no meio, porque aquele era superior ao das duas
outras cabeças.
[30] E então eu vi que os dois outros chefes foram unidos com ele.
[31] E, eis que a cabeça estava voltada com os que estavam com ele, e comeu as
duas penas sob a asa que teria reinado.
[32] Mas esta cabeça colocar toda a terra com medo, e davam nele sobre todos
aqueles que habitam sobre a terra com muita opressão, e que tinha o governo do
mundo mais do que todas as asas que tinham sido.
[33] E, depois destas coisas olhei, e eis que a cabeça que estava no meio apareceu de
repente não mais, como como as asas.
[34] Mas ainda havia as duas cabeças, que também em como espécie governou sobre
a terra, e sobre aqueles que habitou nela.
[35] E olhei, e eis que a cabeça sobre o lado direito comeram que estava sobre o lado
esquerdo.
[36] Então, eu dirijo uma voz, que me disse: Olhe antes de ti, e consideram a coisa
que vês.
[37] E olhei, e eis que, como se fosse um leão que ruge expulsos da madeira, e vi que
ele enviou uma voz de homem até a águia, e disse:
[38] Ouve tu, eu vou falar contigo, o Altíssimo te disser,
[39]: Não és tu que permaneces que dos quatro seres viventes, a quem eu fiz a reinar
no meu mundo, que o fim de seus tempos podem vir através deles?
[40] E o quarto veio, e superou todos os animais que foram passadas, e tinha poder
sobre o mundo com medo grande, e sobre toda a extensão da terra com a opressão
ímpios muito, e tanto tempo habitou ele sobre a terra com engano.
[41] Para a terra tens tu não julgado com a verdade.
[42] Para afligiste os mansos, tu tens ferido a paz, tu tens mentirosos queridos, e
destruiu as habitações dos que frutificou, e tens elenco abaixo as paredes de ti, como
fez nenhum mal.
[43] Portanto, é a tua tráfico ilícito sobe a maiores alturas, e teu orgulho até o
Poderoso.
[44] O Altíssimo também tem olhado as vezes orgulhosos, e, eis que está terminado, e
as abominações sejam cumpridas.
[45] E, portanto, não aparecem mais, tu águia, nem tuas asas horríveis, nem os teus
maus penas nem os teus chefes mal-intencionados, nem os teus garras ferinas, nem
todos o teu corpo vão:
[46] Que toda a terra pode ser atualizada, e pode retornar, sendo entregues a partir de
tua violência, e que ela pode esperar para o julgamento e misericórdia daquele que a
fez.

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.12
[1] E sucedeu que, whiles falou o leão estas palavras a da águia, eu vi,
[2] E eis que a cabeça que permaneceu e os quatro asas não mais apareceu, e os
dois foram até ele e estabelecer-se a reinar, e seu reino era pequeno, e encher de
tumulto.
[3] E eu vi, e eis que apareceu mais nada, e todo o corpo da águia foi queimado, para
que a Terra era em grande pavor, então eu acordei fora do problema e transe da
minha mente, e de grande medo, e disse a meu espírito,
[4] Eis que isto fizeste a mim, em que tu buscares os caminhos do Altíssimo.
[5] Lo, mas estou cansado na minha mente, e muito fraco no meu espírito, e pouca
força que há em mim, para o grande medo com o qual eu estava afligido esta noite.
[6] Assim também eu agora peço Altíssimo, que ele vai me consolar até o fim.
[7] E eu disse: Senhor, que regra dás à luz, se tenho achado graça diante de teus
olhos, e se eu sou justificado contigo antes que muitos outros, e se a minha oração de
fato ser chegar diante da tua face;
[8] Conforto-me, então, e mostrar-me o teu servo a interpretação ea diferença clara
dessa visão terrível, que tu podes perfeitamente confortar minha alma.
[9] Porque tu me julgou digno de me declarar últimos tempos.
[10] E ele disse-me, esta é a interpretação da visão:
[11] A águia, que viste subir do mar, é o reino que foi visto na visão de teu irmão
Daniel.
[12] Mas não foi exposta a ele, pois agora eu declaro a ti.
[13] Eis que dias virão, que não se levantará um reino sobre a terra, e será temível do
que todos os reinos que foram antes dele.
[14] No mesmo reinará reis 12, um após o outro:
[15] Do qual o segundo deve começar a reinar, e terá mais tempo do que qualquer dos
doze.
[16] E isso é que os doze asas significam, o que viste.
[17] Quanto a voz que tu ouviste falar, e que viste a não ir para fora das cabeças, mas
a partir do meio do corpo da mesma, esta é a interpretação:
[18] que, após o tempo de que o reino hão de surgir grandes esforços, e subsistirá em
perigo de fracassar: no entanto, não deve, em seguida, cair, mas deverá ser
restaurada novamente para o seu início.
[19] Quanto ao que viste a pequena sob penas de oito para as suas asas, esta é a
interpretação:
[20] que nele hão de surgir oito reis, cujos tempos serão, mas pequeno, e as suas
rápidas anos.
[21] E dois deles perecerá, o tempo médio aproxima: quatro devem ser mantidos até o
seu final começam a abordagem, mas dois devem ser mantidos até o fim.
[22] Quanto ao que viste três cabeças descansando, esta é a interpretação:
[23] Em seus últimos dias deve Altíssimo levantar três reinos, e renovar muitas coisas
nele, e que terá o domínio da terra,
[24] E, aqueles que nele habitam, com muita opressão, sobretudo aqueles que
estavam diante deles: portanto, eles são chamados os chefes da águia.
[25] Para estes são os que devem cumprir a sua maldade, e que deve terminar o seu
fim último.
[26] Quanto ao que viste que a grande cabeça apareceu mais, ele significa que um
deles morrerá na sua cama, e ainda com dor.
[27] para os dois que permanecem serão mortos à espada.
[28] Para a espada de um só devorar o outro, mas na última ele deve cair com a
espada a si mesmo.
[29] Quanto ao que viste duas penas sob as asas que passam pela cabeça que está
no lado direito;
[30] ele significa que estas são eles, quem o Altíssimo tem mantido até seu final: este
é o reino pequeno e cheio de problemas, como viste.
[31] E o leão, que viste levantando-se para fora da madeira, e ruge, e falando com a
águia, e censurar-lhe a sua injustiça com todas as palavras que ouviste;
[32] Este é o ungido, o que o Altíssimo tem reservado para eles e para a sua maldade
até o fim: ele deve reprová-los, e deve jogar na cara deles com a sua crueldade.
[33] Por que ele deve defini-los antes-lo vivo em juízo, e deve repreendê-los e corrigi-
los.
[34] Para o resto do meu povo ele deve entregar com misericórdia, aqueles que têm
sido pressionados nas minhas fronteiras, e ele deve fazê-las feliz, até a vinda do dia
do juízo, de que tenho falado a ti a partir do começo.
[35] Este é o sonho que viste, e estas são as interpretações.
[36] Tu só tens estado se reúnem para conhecer o segredo do Altíssimo.
[37] Portanto, escrever todas essas coisas que tens visto em um livro, e escondê-los:
[38] E ensiná-los a sábia do povo, cujos corações tu sabes pode compreender e
manter esses segredos.
[39] Mas espera-te aqui te ainda mais sete dias, que pode ser mostrou ti, tudo o que
agrada mais alto para declarar a ti. E com isso ele seguiu seu caminho.
[40] E sucedeu que, quando todo o povo viu que os sete dias foram passado, e eu não
voltarei para a cidade, eles se reuniram todos eles juntos, desde o menor até o maior,
e veio a mim e disse: ,
[41] O que temos ofendido ti? e que mal que fizemos contra ti, que tu forsakest nós, e
assentado aqui neste lugar?
[42] Para de todos os profetas só tu és nos deixou, como um cluster do vintage, e
como uma vela em um lugar escuro, e como um porto ou navio preservado contra a
tempestade.
[43] não são os males que nos chegam são suficientes?
[44] Se tu nos abandonará, mas seria muito melhor se tivesse sido para nós, se
também haviam sido queimados no meio de Sião?
[45] Para nós não são melhores do que os que morreram lá. E eles choraram em voz
alta. Então eu respondi, e disse:
[46] Tende bom ânimo, ó Israel, e não pode ser casa, pesado tu de Jacó:
[47] para o mais alto tem você na memória, e os poderosos não se esqueceu que em
tentação.
[48] Quanto a mim, eu não vos abandonei, nem estou de ti, mas vim a este lugar, rezar
para a desolação de Sion, e que eu possa buscar a misericórdia para a baixeza do seu
santuário.
[49] E agora ir caminho de casa todos os homens, e depois destes dias vou ter
convosco.
[50] Assim, as pessoas seguiram o seu caminho para a cidade, como que lhes
ordenei:
[51] Mas eu ainda permaneceram no campo por sete dias, como o anjo mandou-me, e
comeu apenas nos dias das flores do campo, e tive a minha carne das ervas

-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.13
[1] E sucedeu que, depois de sete dias, eu sonhei um sonho por noite:
[2] E eis que surgiu um vento do mar, que se moveu todas as suas ondas.
[3] E olhei, e eis que o homem se fortalecia com os milhares de céu: e quando ele
virou o rosto para olhar, todas as coisas tremeram que foram visto com ele.
[4] E quando quer que a voz saiu de sua boca, todos eles queimaram que ouviu sua
voz, como que a falha terra quando feeleth o fogo.
[5] E, depois destas coisas olhei, e eis que ali estava reunida uma multidão de
homens, de número, desde os quatro ventos do céu, para subjugar o homem que saiu
do mar
[6] Mas eu vi, e eis que ele tinha entalhadas-se uma grande montanha, e voou em
cima dele.
[7] Mas eu gostaria de ter visto a região ou lugar whereout o morro estava gravado, e
eu não podia.
[8] E depois destas coisas olhei, e eis que todos os que estavam reunidos para
dominá-lo temeram, e ainda luta Durst.
[9] E eis que, ao que ele viu a violência da multidão que veio, ele não levantou a mão,
nem realizada espada, nem qualquer instrumento de guerra:
[10] Mas só vi que ele mandou para fora da boca como tinha sido uma explosão de
fogo, e de seus lábios um hálito flamejante, e fora de sua língua lançou faíscas e
tempestades.
[11] E eles estavam todos misturados, a explosão de fogo, o hálito flamejante, eo
grande tempestade, e caiu com violência sobre a multidão que estava preparado para
lutar, e os queimaram cada um, de modo que sobre uma repentina de uma multidão
inumerável nada era para ser percebido, mas apenas poeira e cheiro de fumaça:
quando eu vi isso fiquei com medo.
[12] Depois eu vi o mesmo homem desce da montanha, e chamar-lhe outra multidão
pacífica.
[13] E veio muita gente com ele, do qual alguns estavam felizes, alguns eram muito, e
algumas delas estavam atadas, e outro trouxe alguns dos que foram oferecidos: então
eu era doente por medo grande, e eu despertei, e disse,
[14] usaste de teu servo essas maravilhas desde o início, e tens me contado digno que
tu deverias receber a minha oração:
[15] Mostrai-me agora mas a interpretação desse sonho.
[16] Porque, como eu a concebo em meu entendimento, ai deles que devem ser
deixados nesses dias e ai muito mais para os que não são deixados para trás!
[17] Para os que não foram deixados estavam em peso.
[18] Agora eu entendo as coisas que estão reservados nos últimos dias, o que deve
acontecer a eles, e para aqueles que são deixados para trás.
[19] Portanto, são eles vêm em grandes perigos e necessidades diversas, como como
declarar esses sonhos.
[20] No entanto, é mais fácil para ele que está em perigo de vir para essas coisas, do
que passar como uma nuvem para fora do mundo, e não ver as coisas que acontecem
nos últimos dias. E ele respondeu-me, e disse:
[21] A interpretação da visão será eu te mostrar, e eu vou abrir para ti a única coisa
que tu necessário.
[22] Considerando que tens falado dos que são deixados para trás, esta é a
interpretação:
[23] Ele que durará o perigo de que o tempo guardou-se: aqueles que forem caído em
perigo são os que têm obras, e fé no Todo-Poderoso.
[24] Conheça este, portanto, que os que ser deixado para trás é mais abençoado que
os que estavam mortos.
[25] Este é o significado da visão: Considerando que viste um homem vindo do meio
do mar:
[26] O mesmo é aquele a quem Deus Altíssimo, tem mantido uma grande temporada,
que por seu próprio emitirá sua criatura: e ele deve ordenar-lhes que são deixados
para trás.
[27] E enquanto viste, que da sua boca, veio como uma rajada de vento, fogo e
tempestade;
[28] E que ele tinha nem espada, nem qualquer instrumento de guerra, mas que a
pressa dele em destruído toda a multidão que veio a dominá-lo, esta é a interpretação:
[29] Eis que vêm os dias, quando o Altíssimo vai começar a entregar os que estão
sobre a terra.
[30] E ele virá para o espanto dos que habitam sobre a terra.
[31] E se alguém se comprometem a lutar contra a outra, uma cidade a outra, um lugar
contra o outro, um povo contra o outro, e um reino contra o outro.
[32] E o tempo será quando essas coisas deve vir a passar, e os sinais devem
acontecer que eu te mostrei antes, e então virá o meu Filho ser declarado, a quem
viste como um homem ascendente.
[33] E, quando todas as pessoas ouvem a sua voz, todo o homem deve, em sua
própria terra deixam a batalha que eles têm um contra o outro.
[34] E uma multidão inumerável serão reunidas, como tu viste-las, dispostos a vir, e
para vencê-lo lutando.
[35] Mas ele deve estar sobre o topo do Monte Sion.
[36] E Sion virão, e serão mostrou a todos os homens, sendo preparado e edificado,
assim como já viste a escultura morro sem mãos.
[37] E este meu Filho repreenderá as invenções perversas dessas nações, que
durante sua vida ímpios são mortos em tempestade;
[38] E porá diante deles seus maus pensamentos, e os tormentos com os quais eles
devem começar a ser atormentado, que são semelhante a uma chama, e ele os
destruirá sem trabalho, a lei que é semelhante a mim.
[39] E enquanto viste que ele reuniu uma outra multidão pacífica a ele;
[40] Estas são as dez tribos, que foram levados prisioneiros de sua própria terra no
tempo de Osea o rei, que Salmanasar, rei da Assíria levou cativo, e ele levou-os sobre
as águas, e assim vieram em outra terra.
[41] Mas eles tomaram este conselho entre si, que deixaria a multidão das nações, e ir
adiante em um país ainda mais, onde a humanidade nunca habitou,
[42] Que eles possam manter lá os seus estatutos, que eles nunca mantidos em sua
própria terra.
[43] E entraram no Eufrates pelos lugares estreitos do rio.
[44] Para a maior alta em seguida, fez sinais para eles, e realizou ainda a enchente,
até que eles passassem.
[45] Por meio desse país houve um grande caminho a percorrer, ou seja, de um ano e
meio, e da mesma região é chamada Arsareth.
[46] Em seguida, eles habitaram ali até o último tempo, e agora quando eles começam
a vir,
[47] O Altíssimo deve suspender as nascentes do riacho novo, que podem passar por:
portanto, viste a multidão com a paz.
[48] Mas aqueles que ser deixado para trás do teu povo são os que são encontrados
dentro de minhas fronteiras.
[49] Agora, quando ele destrói a multidão das nações que estão reunidos, ele deverá
defender seu povo que permanecem.
[50] E então ele lhes mostrasse grandes maravilhas.
[51] Então, disse eu, ó Senhor, que regra dás à luz, mostra-me o seguinte: Pelo que vi
o homem vindo do meio do mar?
[52] E ele disse-me: Assim como tu podes nem procurar nem saber as coisas que
estão no fundo do mar: mesmo assim ninguém pode ver na terra o meu Filho, ou
aqueles que estão com ele, mas na tempo do dia.
[53] Esta é a interpretação do sonho que viste, e em que só tu és iluminada aqui.
[54] Para teres deixado o teu próprio caminho, e aplicada a tua diligência até a minha
lei, e procurou-la.
[55] Tua vida tens ordenado em sabedoria, e tens chamado compreender a tua mãe.
[56] E por isso eu te mostrou os tesouros do Altíssimo: depois de outros três dias vou
falar outras coisas a ti, e te declararei coisas poderosas e maravilhosas.
[57] Então eu fui ao campo, louvando e agradecendo muito ao Altíssimo por causa de
suas maravilhas que ele fez no tempo;
[58] E porque ele governa o mesmo, e coisas tais como queda em suas estações, e lá
estava eu de três dias.
-------------------------------------------------- ------------------------------

4Ezra.14
[1] E sucedeu que ao terceiro dia, sentei-me debaixo de um carvalho, e eis que veio
uma voz de um arbusto, defronte de mim, e disse, Esdras, Esdras.
[2] E eu disse: Eis-me aqui, Senhor E eu me levantei sobre os meus pés.
[3] E ele disse-me, No mato eu fiz manifestamente me revelar a Moisés, e falou com
ele, quando o meu povo servido no Egito:
[4] E eu mandei ele e levou o meu povo do Egito, e trouxe-o até o monte de onde eu
lhe segurava-me uma longa temporada,
[5] E disse-lhe muitas coisas maravilhosas, e mostrou-lhe os segredos dos tempos e,
ao final, e ordenou-lhe, dizendo:
[6] Estas palavras tu declarar, e estes esconder serás.
[7] E agora eu te digo,
[8] que tu colocar em teu coração os sinais que fiz no, e os sonhos que tens visto, e as
interpretações que ouviste:
[9] Para tu serás tirado tudo, e de agora em diante tu ficar com o meu Filho, e com
como ser semelhante a ti, até que as vezes ser terminado.
[10] Para o mundo tem perdido a sua juventude, e os tempos começam a
envelhecerão.
[11] Para o mundo é dividido em doze partes, e as dez partes dele já se foram, e
metade de uma décima parte:
[12] E lá permanece o que é após a metade da décima parte.
[13] Agora, pois, definir a tua casa em ordem e repreender o teu povo, conforto, dentre
eles, estar com problemas, e agora renunciar à corrupção,
[14] Deixe de ti pensamentos mortais, afastar os encargos do homem, posto fora
agora a natureza fraca,
[15] e reserve os pensamentos que são mais pesados para ti, e te pressa de fugir
desses tempos.
[16] Para males ainda maiores do que aqueles que viste acontecer será feito a seguir.
[17] Para olhar o quanto o mundo deve ser mais fraco com a idade, tanto mais deve
aumentar os males sobre os que nela habitam.
[18] Para o tempo fugiu de longe, e leasing é duro na mão, porque agora se apressa a
visão de vir, o que viste.
[19] Então eu respondi antes de ti, e disse:
[20] Eis aqui, Senhor, eu irei, como tu me mandou, e reprovar as pessoas que estão
presentes, mas os que devem ter nascido mais tarde, que deve admoestá-los? Assim,
o mundo está definido nas trevas, e aqueles que nele habitam são sem luz.
[21] Para a tua lei está queimada, portanto ninguém sabe as coisas que são feitas de
ti, ou o trabalho que deve começar.
[22] Mas, se tenho achado graça diante de ti, enviar o Espírito Santo dentro de mim, e
eu vou escrever tudo o que se tem feito no mundo desde o início, que foram escritas
em tua lei, que os homens possam encontrar teu caminho, e que os que vão viver nos
últimos dias pode viver.
[23] E ele me respondeu, dizendo: Vai-te, reuniu o povo, e dize-lhes, que não te
procuram por quarenta dias.
[24] Mas olha tu prepara-te muitas árvores caixa, e leva contigo Sarea, Dabria,
Selemia, Ecanus e Asiel, estes cinco que está pronto para escrever rapidamente;
[25] E vem cá, e eu vou acender uma vela de compreensão em teu coração, que não
deve ser posto para fora, até que as coisas sejam realizadas e que tu começar a
escrever.
[26] E quando tu fizeste, algumas coisas, tu publicar, e algumas coisas que tu hás de
mostrar secretamente para o sábio: amanhã a estas horas tu começar a escrever.
[27] Então eu fui para frente, como lhe tinha ordenado, e reuniu todo o povo, e disse:
[28] Ouça estas palavras, ó Israel.
[29] Nossos pais, no início eram estrangeiros no Egito, de onde foram entregues:
[30] E recebeu a lei da vida, que eles não sejam mantidos, que também vós tendes
transgredido depois deles.
[31] Então, era a terra, mesmo a terra de Sião, se separaram no meio de vós, por
sorteio, mas seus pais, e vós mesmos, fizeram a injustiça, e não guardei os caminhos
que o Altíssimo mandado.
[32] E porquanto ele é um juiz justo, ele tomou de você com o tempo a coisa que ele
havia lhe dado.
[33] E agora estão-vos aqui, e seus irmãos entre si.
[34] Portanto, se é que haveis de subjugar seu próprio entendimento, e reformar os
vossos corações, deveis ser mantida viva e após a morte vos alcançarão misericórdia.
[35] Para depois da morte é o juízo vem, quando vamos viver de novo: e então os
nomes dos justos se manifestar, e as obras dos ímpios devem ser declaradas.
[36] Portanto, ninguém o vir a mim agora, nem depois de me procurar esses quarenta
dias.
[37] Então, eu levei os cinco homens, como ele me ordenou, e fomos para o campo, e
lá permaneceu.
[38] E no dia seguinte, eis que uma voz me chamou, dizendo: Esdras, abra tua boca e
beber que eu te dou a beber.
[39] Em seguida, abriu minha boca que eu, e eis que ele chegou até mim um copo
cheio, que estava cheio como se fosse com água, mas a cor dele era como fogo.
[40] E eu peguei, e bebeu: e quando eu tinha bebido dela, meu coração pronunciou
entendimento, e sabedoria cresceu em meu peito, para o meu espírito fortalecido
minha memória:
[41] E a minha boca se abriu, e fechou mais.
[42] O Altíssimo deu entendimento até os cinco homens, e eles escreveram as visões
maravilhosas da noite que foi dito, que não sabia, e sentaram-se quarenta dias, e que
escreveu no dia, e à noite eles comeram pão.
[43] Quanto a mim. Eu falei no dia, e eu não segurei minha língua por noite.
[44] Em quarenta dias, escreveu duzentos e quatro livros.
[45] E sucedeu que, quando os quarenta dias foram preenchidos, que o mais alto
falou, dizendo: O primeiro que tens escrito publicar abertamente, que os dignos e
indignos possam lê-la:
[46] Mas mantenha o último 70, para que te entregá-los apenas para ser como o sábio
entre os povos:
[47] Para neles é a primavera do entendimento, a fonte da sabedoria, ea corrente do
conhecimento.
[48] E assim fiz.

-------------------------------------------------- ------------------------------
4Ezra.15
[1] Eis, fala tu nos ouvidos do meu povo as palavras da profecia, o que vou colocar na
tua boca, diz o Senhor:
[2] E levá-los a ser escrito em papel, porque são fiéis e verdadeiras.
[3] Não temas as imaginações contra ti, não deixes que a incredulidade deles
incomodar-te, que falam contra ti.
[4] Para todos os infiéis morrerá na sua infidelidade.
[5] Eis, diz o Senhor, trarei pragas sobre o mundo; a espada, fome, morte e destruição.
[6] Para maldade tem muito poluída toda a terra, e suas obras dolorosas são
cumpridas.
[7] Assim diz o Senhor,
[8] eu vou segurar minha língua não mais como tocar a sua maldade, que
profanamente cometer, nem sofro los nessas coisas, em que perversamente
exercitam-se: eis que o sangue inocente clama e justo para mim, e as almas do justo
reclamar continuamente.
[9] E, portanto, diz o Senhor, eu certamente vingar-los, e receber a mim todo o sangue
inocente do meio deles.
[10] Eis, meu povo é levado como um rebanho para o abate: Eu não sofrerão-los
agora a habitar na terra do Egito:
[11] Mas eu vou trazê-los com mão forte e braço estendido, e ferirei o Egito com
pragas, como antes, e irá destruir toda a terra da mesma.
[12] O Egito se lamentar, e da fundação do que deve ser ferida com a praga e punição
que Deus fará vir sobre ele.
[13] Eles que até o solo deve choram, porque as suas sementes devem falhar através
do jateamento e saraiva, e com uma constelação com medo.
[14] Ai do mundo, e que nela habitam!
[15] Para a espada e sua destruição draweth próximo, e um povo se levantará e lutar
contra a outra, e as espadas em suas mãos.
[16] Pois não haverá sedição entre os homens, e invadir um outro, não devem
considerar que os seus reis, nem príncipes, eo curso de suas ações devem estar em
seu poder.
[17] Um homem deseja ir para uma cidade, e não ser capaz.
[18] Por causa de seu orgulho as cidades serão abaladas, as casas serão destruídas,
e os homens devem ter medo.
[19] Um homem não terá piedade de seu vizinho, mas deve destruir as suas casas
com a espada, e estragar seus bens, por causa da falta de pão, e para a grande
tribulação.
[20] Eis, diz o Senhor, vou convocar todos os reis da terra a reverência me, que são
desde o nascer do sol, do sul, do leste, e Libanus; para transformar-se uns contra os
outros, e pagar as coisas que eles têm feito para eles.
[21], como que eles fazem ainda hoje para o meu escolhido, assim farei, também,
recompensa e em seu seio. Assim diz o Senhor Deus;
[22] Minha mão direita não deve poupar os pecadores, e minha espada, não cessarão
sobre eles que derramam sangue inocente sobre a terra.
[23] O fogo já saiu de sua ira, e devorou os fundamentos da terra, e os pecadores,
como a palha, que se acendeu.
[24] Ai deles que o pecado, e não guardarem os meus mandamentos! diz o Senhor.
[25] Eu não vou poupá-los: siga o seu caminho, filhos, do poder, não contaminam o
2 esdras na king james
2 esdras na king james
2 esdras na king james
2 esdras na king james
2 esdras na king james

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Walking in maturity
Walking in maturityWalking in maturity
Walking in maturity
Ed Sullivan
 
on the road again
on the road againon the road again
on the road again
Ed Sullivan
 
Head & Shoulders, Knees & Toes
Head & Shoulders, Knees & ToesHead & Shoulders, Knees & Toes
Head & Shoulders, Knees & Toes
Ed Sullivan
 
curvy road
curvy roadcurvy road
curvy road
Ed Sullivan
 
two covenants
two covenantstwo covenants
two covenants
Ed Sullivan
 
ActionsSpeakLouder up.pptx
ActionsSpeakLouder up.pptxActionsSpeakLouder up.pptx
ActionsSpeakLouder up.pptx
Ed Sullivan
 
The Heart of Giving
The Heart of Giving The Heart of Giving
The Heart of Giving
Ed Sullivan
 
Knucklehead
KnuckleheadKnucklehead
Knucklehead
Ed Sullivan
 
La cuenta del Omer
La cuenta del OmerLa cuenta del Omer
La cuenta del Omer
chcasaderestauracion
 
Dense wavelength division multiplexing
Dense wavelength division multiplexingDense wavelength division multiplexing
Dense wavelength division multiplexing
Tauseef khan
 
Snake Bite
Snake BiteSnake Bite
Snake Bite
Ed Sullivan
 
Suprise Gift
Suprise GiftSuprise Gift
Suprise Gift
Ed Sullivan
 
goldenboy 1.pptx
goldenboy 1.pptxgoldenboy 1.pptx
goldenboy 1.pptx
Ed Sullivan
 
Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.
Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.
Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.
Ed Sullivan
 
Follow the Plan
Follow the PlanFollow the Plan
Follow the Plan
Ed Sullivan
 
save the Children.pptx
save the Children.pptxsave the Children.pptx
save the Children.pptx
Ed Sullivan
 
Parasha balak
Parasha balakParasha balak
Parasha balak
MANUEL ALVAREZ QUEZADA
 
Fire Fighter
Fire Fighter Fire Fighter
Fire Fighter
Ed Sullivan
 
Parasha 21 ki tiza
Parasha 21 ki tizaParasha 21 ki tiza
Parasha 21 ki tiza
HaimbenYisrael
 
Cisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLS
Cisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLSCisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLS
Cisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLS
Valery Kayukov
 

Mais procurados (20)

Walking in maturity
Walking in maturityWalking in maturity
Walking in maturity
 
on the road again
on the road againon the road again
on the road again
 
Head & Shoulders, Knees & Toes
Head & Shoulders, Knees & ToesHead & Shoulders, Knees & Toes
Head & Shoulders, Knees & Toes
 
curvy road
curvy roadcurvy road
curvy road
 
two covenants
two covenantstwo covenants
two covenants
 
ActionsSpeakLouder up.pptx
ActionsSpeakLouder up.pptxActionsSpeakLouder up.pptx
ActionsSpeakLouder up.pptx
 
The Heart of Giving
The Heart of Giving The Heart of Giving
The Heart of Giving
 
Knucklehead
KnuckleheadKnucklehead
Knucklehead
 
La cuenta del Omer
La cuenta del OmerLa cuenta del Omer
La cuenta del Omer
 
Dense wavelength division multiplexing
Dense wavelength division multiplexingDense wavelength division multiplexing
Dense wavelength division multiplexing
 
Snake Bite
Snake BiteSnake Bite
Snake Bite
 
Suprise Gift
Suprise GiftSuprise Gift
Suprise Gift
 
goldenboy 1.pptx
goldenboy 1.pptxgoldenboy 1.pptx
goldenboy 1.pptx
 
Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.
Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.
Bread Of Life. The first in a series on the "I AM" sayings of Jesus Christ.
 
Follow the Plan
Follow the PlanFollow the Plan
Follow the Plan
 
save the Children.pptx
save the Children.pptxsave the Children.pptx
save the Children.pptx
 
Parasha balak
Parasha balakParasha balak
Parasha balak
 
Fire Fighter
Fire Fighter Fire Fighter
Fire Fighter
 
Parasha 21 ki tiza
Parasha 21 ki tizaParasha 21 ki tiza
Parasha 21 ki tiza
 
Cisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLS
Cisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLSCisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLS
Cisco DWDM Chromatic Dispertion Calculation in CTP\XLS
 

Semelhante a 2 esdras na king james

Portuguese - 2nd Esdras.pdf
Portuguese - 2nd Esdras.pdfPortuguese - 2nd Esdras.pdf
Portuguese - 2nd Esdras.pdf
Filipino Tracts and Literature Society Inc.
 
Malaquias
MalaquiasMalaquias
Malaquias
JNR
 
Portuguese - Book of Baruch.pdf
Portuguese - Book of Baruch.pdfPortuguese - Book of Baruch.pdf
Portuguese - Book of Baruch.pdf
Filipino Tracts and Literature Society Inc.
 
Apócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.doc
Apócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.docApócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.doc
Apócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.doc
Rafael Monteiro Moyses
 
As Profecias E O Cumprimento
As  Profecias E O  CumprimentoAs  Profecias E O  Cumprimento
As Profecias E O Cumprimento
Nilson Junior
 
Está escrito 2
Está escrito  2Está escrito  2
Está escrito 2
Edilson Gomes
 
Bíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsx
Bíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsxBíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsx
Bíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsx
Igreja Jesus é o Verbo
 
Apócrifos agrapha extra-evangelho
Apócrifos   agrapha extra-evangelhoApócrifos   agrapha extra-evangelho
Apócrifos agrapha extra-evangelho
Lux Ana Lopes
 
Portuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdf
Portuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdfPortuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdf
Portuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdf
Filipino Tracts and Literature Society Inc.
 
❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR
❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR
❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR
Gerson G. Ramos
 
TransformaçõEs
TransformaçõEsTransformaçõEs
TransformaçõEs
Petula
 
Salmos de salomao (1)
Salmos de salomao (1)Salmos de salomao (1)
Salmos de salomao (1)
Luiza Dayana
 
Salmos de salomao
Salmos de salomaoSalmos de salomao
Salmos de salomao
Luiza Dayana
 
Insights
InsightsInsights
Orações 3
Orações 3Orações 3
Orações 3
Orações 3Orações 3
Isaías
IsaíasIsaías
Novo Testamento completo em .txt
Novo Testamento completo em .txtNovo Testamento completo em .txt
Novo Testamento completo em .txt
Gesiel Oliveira
 
Adoração verdadeira
Adoração verdadeiraAdoração verdadeira
Adoração verdadeira
Associação Renovar Renovar
 
Orações 2
Orações 2Orações 2

Semelhante a 2 esdras na king james (20)

Portuguese - 2nd Esdras.pdf
Portuguese - 2nd Esdras.pdfPortuguese - 2nd Esdras.pdf
Portuguese - 2nd Esdras.pdf
 
Malaquias
MalaquiasMalaquias
Malaquias
 
Portuguese - Book of Baruch.pdf
Portuguese - Book of Baruch.pdfPortuguese - Book of Baruch.pdf
Portuguese - Book of Baruch.pdf
 
Apócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.doc
Apócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.docApócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.doc
Apócrifos - Agrapha Extra-Evangelho.doc
 
As Profecias E O Cumprimento
As  Profecias E O  CumprimentoAs  Profecias E O  Cumprimento
As Profecias E O Cumprimento
 
Está escrito 2
Está escrito  2Está escrito  2
Está escrito 2
 
Bíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsx
Bíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsxBíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsx
Bíblia Sagrada - Amós - slides powerpoint.ppsx
 
Apócrifos agrapha extra-evangelho
Apócrifos   agrapha extra-evangelhoApócrifos   agrapha extra-evangelho
Apócrifos agrapha extra-evangelho
 
Portuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdf
Portuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdfPortuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdf
Portuguese - The Book of Prophet Zephaniah.pdf
 
❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR
❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR
❉ Respostas 9 - O jugo de Jeremias_GGR
 
TransformaçõEs
TransformaçõEsTransformaçõEs
TransformaçõEs
 
Salmos de salomao (1)
Salmos de salomao (1)Salmos de salomao (1)
Salmos de salomao (1)
 
Salmos de salomao
Salmos de salomaoSalmos de salomao
Salmos de salomao
 
Insights
InsightsInsights
Insights
 
Orações 3
Orações 3Orações 3
Orações 3
 
Orações 3
Orações 3Orações 3
Orações 3
 
Isaías
IsaíasIsaías
Isaías
 
Novo Testamento completo em .txt
Novo Testamento completo em .txtNovo Testamento completo em .txt
Novo Testamento completo em .txt
 
Adoração verdadeira
Adoração verdadeiraAdoração verdadeira
Adoração verdadeira
 
Orações 2
Orações 2Orações 2
Orações 2
 

Mais de Efraim Ben Tzion

Adela
AdelaAdela
As 2 faces de yeshua
As 2 faces de yeshuaAs 2 faces de yeshua
As 2 faces de yeshua
Efraim Ben Tzion
 
Quem éo principe da paz
Quem éo principe da pazQuem éo principe da paz
Quem éo principe da paz
Efraim Ben Tzion
 
A biblia de yeshua
A biblia de yeshuaA biblia de yeshua
A biblia de yeshua
Efraim Ben Tzion
 
Quem é satan
Quem é satanQuem é satan
Quem é satan
Efraim Ben Tzion
 
Elohim plural ou singular
Elohim plural ou singularElohim plural ou singular
Elohim plural ou singular
Efraim Ben Tzion
 
Satanas expulsa satanas
Satanas expulsa satanasSatanas expulsa satanas
Satanas expulsa satanas
Efraim Ben Tzion
 
O que há de errado com a idolatria
O que há de errado com a idolatriaO que há de errado com a idolatria
O que há de errado com a idolatria
Efraim Ben Tzion
 
NAO é Necessario um sacrifico com sangue
NAO é Necessario um sacrifico com sangueNAO é Necessario um sacrifico com sangue
NAO é Necessario um sacrifico com sangue
Efraim Ben Tzion
 
Jesus ou barrabas a farsa
Jesus ou barrabas   a farsaJesus ou barrabas   a farsa
Jesus ou barrabas a farsa
Efraim Ben Tzion
 
Diabo no imaginário cristão -ebook
Diabo no imaginário cristão -ebookDiabo no imaginário cristão -ebook
Diabo no imaginário cristão -ebook
Efraim Ben Tzion
 
Isaias 7
Isaias 7Isaias 7
Salmo 2 vs 7
Salmo 2 vs 7Salmo 2 vs 7
Salmo 2 vs 7
Efraim Ben Tzion
 
Rei ezequias ou o falso messias
Rei ezequias ou o falso messiasRei ezequias ou o falso messias
Rei ezequias ou o falso messias
Efraim Ben Tzion
 
O sacrificio e o perdão
O sacrificio e o perdãoO sacrificio e o perdão
O sacrificio e o perdão
Efraim Ben Tzion
 
Profecia de miqueias
Profecia de miqueiasProfecia de miqueias
Profecia de miqueias
Efraim Ben Tzion
 
A fé de abrãao contra paulo
A fé de abrãao contra pauloA fé de abrãao contra paulo
A fé de abrãao contra paulo
Efraim Ben Tzion
 
Quem alterou o salmo 110
Quem alterou o salmo 110Quem alterou o salmo 110
Quem alterou o salmo 110
Efraim Ben Tzion
 
O que jeremias disse sobre nova aliança
O que jeremias disse sobre nova aliançaO que jeremias disse sobre nova aliança
O que jeremias disse sobre nova aliança
Efraim Ben Tzion
 
A arvore sem logica de jc
A arvore sem logica de jcA arvore sem logica de jc
A arvore sem logica de jc
Efraim Ben Tzion
 

Mais de Efraim Ben Tzion (20)

Adela
AdelaAdela
Adela
 
As 2 faces de yeshua
As 2 faces de yeshuaAs 2 faces de yeshua
As 2 faces de yeshua
 
Quem éo principe da paz
Quem éo principe da pazQuem éo principe da paz
Quem éo principe da paz
 
A biblia de yeshua
A biblia de yeshuaA biblia de yeshua
A biblia de yeshua
 
Quem é satan
Quem é satanQuem é satan
Quem é satan
 
Elohim plural ou singular
Elohim plural ou singularElohim plural ou singular
Elohim plural ou singular
 
Satanas expulsa satanas
Satanas expulsa satanasSatanas expulsa satanas
Satanas expulsa satanas
 
O que há de errado com a idolatria
O que há de errado com a idolatriaO que há de errado com a idolatria
O que há de errado com a idolatria
 
NAO é Necessario um sacrifico com sangue
NAO é Necessario um sacrifico com sangueNAO é Necessario um sacrifico com sangue
NAO é Necessario um sacrifico com sangue
 
Jesus ou barrabas a farsa
Jesus ou barrabas   a farsaJesus ou barrabas   a farsa
Jesus ou barrabas a farsa
 
Diabo no imaginário cristão -ebook
Diabo no imaginário cristão -ebookDiabo no imaginário cristão -ebook
Diabo no imaginário cristão -ebook
 
Isaias 7
Isaias 7Isaias 7
Isaias 7
 
Salmo 2 vs 7
Salmo 2 vs 7Salmo 2 vs 7
Salmo 2 vs 7
 
Rei ezequias ou o falso messias
Rei ezequias ou o falso messiasRei ezequias ou o falso messias
Rei ezequias ou o falso messias
 
O sacrificio e o perdão
O sacrificio e o perdãoO sacrificio e o perdão
O sacrificio e o perdão
 
Profecia de miqueias
Profecia de miqueiasProfecia de miqueias
Profecia de miqueias
 
A fé de abrãao contra paulo
A fé de abrãao contra pauloA fé de abrãao contra paulo
A fé de abrãao contra paulo
 
Quem alterou o salmo 110
Quem alterou o salmo 110Quem alterou o salmo 110
Quem alterou o salmo 110
 
O que jeremias disse sobre nova aliança
O que jeremias disse sobre nova aliançaO que jeremias disse sobre nova aliança
O que jeremias disse sobre nova aliança
 
A arvore sem logica de jc
A arvore sem logica de jcA arvore sem logica de jc
A arvore sem logica de jc
 

2 esdras na king james

  • 1. Bíblia, King James Version -------------------------------------------------- ------------------------------ 2 Esdras -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.1 [1] O segundo livro do profeta Esdras, filho de Saraias, filho de Azarias, filho de Helchias, filho de Sadamias, o sou de Sadoc, filho de Aitube, [2] O filho de Achias, filho de Finéias, filho de Heli, filho de Amarias, filho de Aziei, filho de Marimoth, filho de E falou de Borith, filho de Abisei, o filho de Finéias, filho de Eleazar, [3] O filho de Arão, da tribo de Levi, que estava em cativeiro na terra dos medos, no reinado de Artexerxes rei dos persas. [4] E a palavra do Senhor veio a mim, dizendo: [5] Ir para o teu caminho, e anuncia ao meu povo as suas ações pecaminosas, e seus filhos a sua maldade que fizeram contra mim, que eles podem dizer os filhos dos filhos: [6] Porque os pecados de seus pais são o aumento em si, porque se esqueceu de mim, e têm oferecido a deuses estranhos. [7], não sou eu mesmo aquele que os tirou da terra do Egito, da casa da servidão? mas eles me provocaram à ira, e desprezaram meus conselhos. [8] Puxe tu fora, então o cabelo da tua cabeça, e lançou todos os males sobre eles, pois eles não foram obedientes a minha lei, mas é um povo rebelde. [9] quanto tempo eu não deixo eles, em quem eu tenho feito tanta coisa boa? [10] Muitos reis tenho destruído por causa deles; Faraó com os seus servos e todo o seu poder que eu derrotados. [11] Todas as nações que eu destruíra de diante deles, e no leste que os espalhei as pessoas de duas províncias, mesmo de Tiro e Sidon, e mataram todos os seus inimigos. [12] Fala tu, pois, a eles, dizendo: Assim diz o Senhor, [13] Eu te levou pelo meio do mar e no início deu-lhe uma passagem grande e seguro, eu te deu a Moisés, para um líder, e Aaron para um padre. [14] Eu te dei a luz em um pilar de fogo, e grandes maravilhas que eu fiz no meio de vós, ainda vos haveis esquecido de mim, diz o Senhor. [15] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, As codornas foram como um sinal para você, eu te dei tendas para a sua salvaguarda: no entanto murmurastes lá, [16] E não triunfou em meu nome para a destruição de seus inimigos, mas nunca para esse dia não vos ainda murmurar. [17] Onde estão os benefícios que eu fiz para você? quando éreis fome e sede no deserto, não vos chorar a mim, [18] dizendo: Por que tens nos trouxeram a este deserto, para nos matar? Teria sido melhor para nós ter servido aos egípcios, do que morrer neste deserto. [19] Então, se eu tivesse piedade de seus lutos, e lhe deu o maná para comer, por isso vos comeu o pão dos anjos. [20] Quando vocês estavam com sede, eu não decompor a rocha, e as águas fluíam
  • 2. para o seu preenchimento? para o calor Eu cobri-lo com as folhas das árvores. [21] eu dividi entre vós uma terra fértil, eu expulso os cananeus, os Pherezites, e os filisteus, antes que você: o que devo ainda fazer mais por você? diz o Senhor. [22] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, quando éreis no deserto, no rio dos amorreus, sendo sede, e blasfemando o meu nome, [23] que lhe dei não disparar para as suas blasfêmias, mas lançou uma árvore na água, e fez o rio doce. [24] O que devo fazer para ti, ó Jacó? tu, Judá, não quiseste obedecer-me: vou virar- me para outras nações, e àqueles que vou dar o meu nome, para que guardem os meus estatutos. [25] Vendo-vos a mim me deixaram, eu te abandonarei também, quando me quereis, para ter misericórdia de vós, não terei misericórdia de você. [26] whensoever vós me invocar, eu não vou ouvir vós, pois contaminaram suas mãos com sangue, e seus pés são ligeiros para cometer homicídio. [27] Não fostes vós que como que me abandonaste, mas vós mesmos, diz o Senhor. [28] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, já não rezei você como um pai a seus filhos, como uma mãe e suas filhas, uma enfermeira seus bebês jovens, [29] Que vos seria o meu povo, e eu deveria ser o vosso Deus, que vos seria meus filhos, e eu deveria ser seu pai? [30] reuni-los juntos, como a galinha ajunta os seus pintinhos debaixo das asas, mas agora, o que farei a você? Eu vos lançarei da minha cara. [31] Quando trazeis a mim, vou transformar o meu rosto de vós: para os seus dias de festa solene, suas luas novas, e seus circuncisões, deixei. [32] vos enviei meus servos, os profetas, a quem vós tomadas e mortos e seus corpos rasgados em pedaços, cujo sangue eu o requererei de tuas mãos, diz o Senhor. [33] Assim diz o Senhor Todo-Poderoso, Sua casa está deserta, eu vos lançarei como a palha vento doth. [34] e seus filhos não devem ser frutífero, pois eles têm desprezado o meu mandamento, e feito a coisa que é um mal diante de mim. [35] Suas casas darei a um povo que virão, o que não ter ouvido falar de mim ainda deve acreditar em mim, a quem eu mostrei nenhum sinal, mas eles devem fazer o que eu lhes ordenei. [36] Eles viram nenhum profeta, mas eles devem chamar seus pecados à lembrança, e reconhecê-los. [37] eu tomo para testemunhar a graça das pessoas que virão, cuja pouco mais se regozijam em alegria, e embora não tenham me visto com os olhos corporais, mas em espírito eles acreditam que a coisa que eu digo. [38] E agora, irmão, eis que a glória, e ver as pessoas que vêm do oriente; [39] A quem darei para os líderes, Abraão, Isaque e Jacó, Oseas, Amós e Micheas, Joel, Abdias e Jonas, [40] Naum, e Abacuc, Sofonias, Ageu, Zacarias e Malaquias, que é chamado também um anjo do Senhor. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.2 [1] Assim diz o Senhor, eu trouxe este povo do cativeiro, e lhes dei os meus mandamentos, servos, os profetas, a quem eles não ouvir, mas rejeitaram os meus
  • 3. conselhos. [2] A mãe que levavam eles disse-lhes: Ide, filhos, porque eu sou uma viúva e desamparada. [3] Eu trouxe-te com alegria, mas com tristeza e sensação de peso que eu perdi vós, pois pequei diante do Senhor teu Deus, e feito aquela coisa que é mal perante ele. [4] Mas o que devo fazer agora para vós? Eu sou uma viúva e abandonada: segue o teu caminho, ó meus filhos, e pedir a misericórdia do Senhor. [5] Quanto a mim, Ó pai, eu te invocam para um testemunho sobre a mãe dessas crianças, que não guardardes a minha aliança, [6] que tu levá-los à confusão, e sua mãe a um despojo, que pode não haver descendentes deles. [7] Sejam dispersos entre as nações, deixar seus nomes serem expulsos da terra, porque eles têm desprezado a minha aliança. [8] Ai de ti, Assur, que tu escondes os injustos em ti! Ó pessoas perversas, lembro o que fiz até Sodoma e Gomorra; [9], cuja terra jaz em torrões de campo e montes de cinzas: mesmo assim será também eu faço-lhes que não me ouvir, diz o Senhor Todo-Poderoso. [10] Assim diz o Senhor a Esdras, Diga ao meu povo que eu vou dar-lhes do reino de Jerusalém, que eu teria dado a Israel. [11] a sua glória também vou ter a mim, e dar a estes tabernáculos eternos os que eu havia preparado para eles. [12] Eles terão a árvore da vida para uma pomada de cheiro suave e devem nem trabalho, nem estar cansado. [13] Vai, e recebereis: orar por alguns dias para vós, para que possam ser encurtado: o reino já está preparado para você: assistir. [14] Pegue o céu ea terra como testemunhas, porque eu quebrei o mal em pedaços, e criou o bem, porque eu vivo, diz o Senhor. [15] Mãe, abraçar os teus filhos, e trazê-los com alegria, fazer os seus pés tão rápido como um pilar, pois eu te escolhi, diz o Senhor. [16] E aqueles que estavam mortos tornarei a levantar novamente a partir de seus lugares, e trazê-los para fora da sepultura: para eu ter conhecido o meu nome em Israel. [17] O medo não a mãe, tu das crianças, porque eu te escolhi, diz o Senhor. [18] Para a tua ajuda eu vou enviar meus servos Esaú e Jeremy, depois de cujo conselho eu santificada e preparada para ti doze árvores carregadas de frutas diversas, [19] E, como muitas fontes que mana leite e mel, e sete poderosas montanhas, quando então não crescer rosas e lírios, em que eu vou preencher os teus filhos com alegria. [20] Do direito à viúva, o juiz para o órfão, dar aos pobres, defender o órfão, vestir os nus, [21] curar os quebrantados e do riso, não fraco um homem coxo de escárnio, defender os aleijados, e deixe o homem cego entrar na vista da minha clareza. [22] Manter o velho e jovem dentro de teus muros. [23] Wheresoever tu achares os mortos, levá-los e enterrá-los, e eu te darei o primeiro lugar na minha ressurreição. [24] Fica quieto, ó meu povo, e leva o teu descanso, para teu sossego ainda virá. [25] Nutrir teus filhos, ó tu boa enfermeira, fortalecei os pés.
  • 4. [26] Quanto aos servos que te dei, não deve um deles morrer, pois eu vou obrigá-los entre o teu número. [27] Não vos canseis: para quando o dia de angústia e tristeza vem, outros choram e ser triste, mas serás feliz e terá em abundância. [28] Os pagãos é inveja de ti, mas eles devem ser capazes de fazer nada contra ti, diz o Senhor. [29] Minhas mãos te cobrirá, para que teus filhos não devem ver o inferno. [30] Seja alegre, ó mãe, com os teus filhos, porque eu te livrarei, diz o Senhor. [31] Lembre-se de teus filhos que o sono, porque eu trazê-los para fora dos lados da terra, e terás piedade delas, porque eu sou compassivo, diz o Senhor Todo-Poderoso. [32] Abrace teus filhos até que eu venha e mostrar misericórdia deles, porque os meus poços atropelado, e minha graça não deve falhar. [33] I Esdras recebeu uma cobrança do Senhor sobre o monte Orebe, que eu deveria ir a Israel, mas quando eu cheguei, eles me pôs em nada, e desprezaram o mandamento do Senhor. [34] E, portanto, digo-vos, ó gentios, que ouvir e entender, procure seu pastor, ele vos dará descanso eterno, pois ele está próximo, que virá no fim do mundo. [35] Esteja pronto para a recompensa do reino, para a luz eterna brilhará em você para sempre. [36] Foge a sombra deste mundo, recebe a alegria da sua glória: Testifico meu Salvador abertamente. [37] O recebereis o dom que vos foi dada, e ser feliz, dando graças a ele que tem o levaram para o reino celestial. [38] Levanta-te e ficar, eis que o número daqueles que ser selado na festa do Senhor; [39] que são afastou a sombra do mundo, e ter recebido vestes gloriosas do Senhor. [40] Toma a tua número, ó Sião, e cale-se aqueles que estão do teu vestido de branco, que tenham cumprido a lei do Senhor. [41] O número de teus filhos, a quem tu tinhas saudades para, se cumpre: peço o poder do Senhor, que teu povo, que foram chamados desde o início, seja santificado. [42] Eu Esdras viu sobre o monte Sião um grande povo, a quem eu não podia contar, e todos eles louvaram ao Senhor com músicas. [43] E no meio deles havia um homem jovem de estatura alta, mais alto do que todo o resto, e sobre cada uma de suas cabeças colocou coroas, e foi mais exaltado, que fiquei maravilhado com muito. [44] Então, eu perguntei ao anjo, e disse: Senhor, quem são estes? [45] Ele respondeu e disse-me: Estes são os que têm a adiar a roupa mortal, e colocou o imortal, e ter confessado o nome de Deus: agora eles são coroados, e receber palmas. [46] Então eu disse ao anjo: O jovem é que coroou-los, e deu-lhes palmas nas suas mãos? [47] Então, ele respondeu, e disse a mim, Ele é o Filho de Deus, a quem eles confessaram no mundo. Em seguida, começou-me muito de elogiar os que estavam tão rigidamente para o nome do Senhor. [48] Em seguida, o anjo disse-me: Vai-te, e digo ao meu pessoal que tipo de coisas, e como grande maravilhas do Senhor, teu Deus, tu viste. -------------------------------------------------- ------------------------------
  • 5. 4Ezra.3 [1] No trigésimo ano após a ruína da cidade estava na Babilônia, e ficou perturbado na minha cama, e meus pensamentos surgiu no meu coração: [2] Pois eu vi a desolação de Sion, e da riqueza dos que habitavam em Babilônia. [3] E meu espírito foi ferida mudou, de modo que eu comecei a falar palavras cheias de medo para o Altíssimo, e disse: [4] O Senhor, que regra dás à luz, falaste no início, quando tu planta a terra, e que a ti mesmo sozinho, e ordenaste as pessoas, [5] e deste um corpo sem alma a Adão, que era a obra das tuas mãos, e te respiramos nele o fôlego da vida, e foi feito a viver diante de ti. [6] E tu leadest-lo em paraíso, que a tua mão direita plantou, antes mesmo de a terra veio para a frente. [7] E lhe puseste tu mandamento de amar o teu caminho: que ele transgrediu, e morte appointedst imediatamente tu nele e em suas gerações, de quem veio nações, tribos, povos e tribos, de número. [8] E cada povo andou após a sua própria vontade, e fez coisas maravilhosas diante de ti, e desprezavam os teus mandamentos. [9] E novamente em processo de fizeste tempo o dilúvio sobre aqueles que habitavam no mundo, e destroyedst-los. [10] E sucedeu que em cada um deles, que era como a morte de Adão, assim era o dilúvio, para estes. [11] Não obstante, uma delas mais à esquerda tu, ou seja, Noé com sua família, de quem veio todos os homens justos. [12] E aconteceu que, quando os que habitavam sobre a terra começou a se multiplicar, e tinha ficado eles muitas crianças, e eram um grande povo, que começou novamente a ser mais ímpio do que o primeiro. [13] Agora, quando eles viveram tão perversamente diante de ti, tu te escolher um homem do meio deles, cujo nome era Abraão. [14] Ele amaste tu, ea ele só fizeste ver a tua vontade: [15] e fizeste uma aliança eterna com ele, prometendo-lhe que tu nunca quiseste abandonar a sua semente. [16] e até lhe pusestes Isaque, e Isaque também tens dado Jacó e Esaú. Quanto a Jacob, tu escolhê-lo para ti, e colocar por Esaú, e assim Jacó tornou-se uma grande multidão. [17] E aconteceu que, quando tu leadest sua semente para fora do Egito, fizeste-los até o monte Sinai. [18] E, inclinando os céus, tu defina rapidamente a terra, incitasses todo o mundo, e fizeste as profundezas a tremer, e troubledst os homens dessa idade. [19] E a tua glória passou por quatro portas, de fogo, e do terremoto e do vento e do frio, para que possas dar a lei para a descendência de Jacó, e diligência até a geração de Israel. [20] E ainda tookest tu não longe deles um coração perverso, que a tua lei pode dar fruto em si. [21] Para o rolamento primeiro Adão um coração perverso transgredido, e foi superado, e assim são todos os que nascem dele. [22] Assim, a enfermidade foi tornada permanente, ea lei (também) no coração das pessoas com a malignidade da raiz, de modo que o bom partido para longe, e ainda a morada mal.
  • 6. [23] Assim, os tempos passaram, e os anos foram levados para um fim: então, fizeste- te levantar um servo, chamado David: [24] A quem tu ordenaste para construir uma cidade ao teu nome, e para oferecer incenso e oferendas a ti mesmo. [25] Quando isso foi feito há muitos anos, então eles que habitaram a te abandonou cidade, [26] E em todas as coisas sequer como Adão e todas as suas gerações tinha feito, porque também tinha um coração perverso: [27] E assim tens dado a tua cidade mais nas mãos dos teus inimigos. [28] são as suas obras, então nada melhor que habitam Babilônia, que devem, portanto, ter o domínio sobre Sion? [29] Para quando cheguei lá, e tinha visto impiedades sem número, então a minha alma viu muitos malfeitores neste trigésimo ano, de modo que meu coração falhou comigo. [30] Porque eu vi como tu toleras-los pecar, e tens poupado praticam maus: e tens destruído o teu povo, e tens preservados os teus inimigos, e tu não significou. [31] Não me lembro de como esta forma pode ser deixado: São então de Babilônia, melhor do que eles de Sião? [32] Ou há qualquer outra pessoa que te conhece ao lado de Israel? ou o que tem para geração acreditavam convênios teus como Jacob? [33] E, no entanto a sua recompensa não apareceu, e seu trabalho não tem fruto: para eu ter ido aqui e ali por meio dos gentios, e vejo que fluem na riqueza, e pensar não sobre os teus mandamentos. [34] Pesar tu, portanto, nossa maldade agora na balança, e sua também é que habitam o mundo, e assim será o teu nome em nenhum lugar ser encontrado, mas em Israel. [35] Ou quando foi que os que habitam sobre a terra não pecaram à tua vista? ou que as pessoas têm guardado a tua tão mandamentos? [36] Tu achar que Israel pelo nome guardou os teus preceitos, mas não as nações. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.4 [1] E o anjo que foi enviado a mim, cujo nome era Uriel, me deu uma resposta, [2] E disse: Teu coração tem ido longe neste mundo, e pensas tu compreender o caminho do Altíssimo? [3] Então eu disse: Sim, meu senhor. E ele me respondeu, e disse, eu fui enviado para te mostrarei três maneiras, e estabelecem três similitudes diante de ti; [4] Do qual se puderes me declarar um, eu te mostrarei também a maneira que tu desejas para ver, e eu te mostrar de onde vem o coração mau. [5] E eu disse: Diga, meu senhor. E disse-me: Vai-te, pesar-me o peso do fogo, ou medir-me a rajada do vento, ou me chamar de novo o dia que é passado. [6] Então eu respondi e disse: Que homem é capaz de fazer isso, que tu perguntar essas coisas de mim? [7] E disse-me, Se eu perguntar-te como grande habitações estão no meio do mar, ou como muitos nascentes estão no início do fundo, ou como muitos nascentes estão acima do firmamento, ou que sejam saídas do Paraíso: [8] quiseste Porventura tu dize-me, nunca desci para o abismo, nem ainda no inferno,
  • 7. nem me sempre subir ao céu. [9] No entanto agora que eu te perguntei, mas apenas do fogo e do vento, e do wherethrough dia tu passou, e de coisas das quais tu não podes ser separados, e ainda podes me dar nenhuma resposta deles. [10] Disse mais a mim, os teus próprias coisas, e como estão crescidos contigo, tu podes não saber; [11] Como é que o teu navio, em seguida, ser capaz de compreender o caminho do Altíssimo, e, o mundo está sendo agora fora corrompido para entender a corrupção que é evidente aos meus olhos? [12] Então eu disse-lhe: Seria melhor que não estávamos de todo, de que devemos viver ainda na maldade, e sofrer, e não sei quê. [13] Ele me respondeu, e disse, eu fui em uma floresta em uma planície, e as árvores tomaram conselho, [14] E disse: Vinde, subamos e fazer a guerra contra o mar que pode afastar para longe antes de nós, e que possamos nos tornar mais madeiras. [15] O inundações do mar também na forma como tomou conselho, e disse: Vinde, subamos e subjugar a floresta da planície, que também podemos nos tornar outro país. [16] O pensamento da madeira foi em vão, pois o fogo veio e consumido. [17] O pensamento das inundações do mar, veio também a nada, para a areia levantou-se e parou. [18] Se fosses juiz agora betwixt estes dois, a quem tu queiras começar a justificar? ou quem queres condenar? [19] eu respondi e disse: Em verdade é um pensamento tolo que ambos criaram, para o terreno foi dado a madeira, eo mar também tem o seu lugar para levar a sua inundações. [20] Em seguida, ele respondeu-me, e disse: Tu tens dado um julgamento correto, mas por que julgas tu não te também? [21] Porque, assim como o terreno foi dado a madeira, eo mar à sua inundações: mesmo assim os que habitam sobre a terra pode entender nada, mas o que está sobre a terra: e aquele que permanece acima dos céus só pode entender as coisas que estão acima da altura dos céus. [22] Então eu respondi e disse: Rogo-te, ó Senhor, deixe-me ter a compreensão: [23] Para que não era a minha mente para ser curioso das coisas altas, mas de como passar por nós diariamente, ou seja, Israel portanto é dado como um opróbrio para os gentios, e para o que fazer com que as pessoas que amaste está entregue até as nações ímpias, e porque a lei de nossos antepassados é reduzido a nada, e os pactos escritos vêm para nenhum efeito, [24] E nós passar para fora do mundo como gafanhotos, e nossa vida é espanto e medo, e não somos dignos de obter misericórdia. [25] O que ele vai fazer em seguida ao seu nome pelo qual somos chamados? essas coisas que eu perguntei. [26] Então, respondeu ele a mim, e disse: O buscares mais tu, mais tu é maravilha, porque o mundo se apressa a passar rápido, [27] E não pode compreender as coisas que estão prometidas para o justo a tempo para vir: para este mundo está cheio de injustiça e enfermidades. [28] Mas, como quanto às coisas que tu pedes-me, eu te direi, porque o mal está semeado, mas a destruição do mesmo ainda não chegou.
  • 8. [29] Se, portanto, o que é semeado não ser virada de cabeça para baixo, e se o lugar onde o mal é semeado não passes, então ela não pode vir que é semeado com o bem. [30] Para o grão de semente do mal tem sido semeada no coração de Adão desde o início, e quanto a impiedade que ele tem trazido, até agora? e quanto ainda deve trazer até o momento da debulha vir? [31] Considere agora por ti mesmo, o quão grande fruto da perversidade do grão de semente do mal tirou. [32] E quando as orelhas serão cortadas, que são sem número, como um grande piso deve enchem? [33] Então eu respondi e disse: Como e quando serão essas coisas acontecem? portanto são nossos poucos anos e do mal? [34] E ele me respondeu, dizendo: Não te apressar acima do mais alto, pois a tua pressa é em vão para estar acima dele, pois tens muito ultrapassado. [35] não as almas dos justos também fazer a pergunta dessas coisas em seus aposentos, dizendo: Quanto tempo devo esperar nesta moda? quando vem o fruto no chão de nossa recompensa? [36] E a estas coisas Uriel, o arcanjo lhes deu resposta, e disse: Mesmo quando o número de sementes é preenchido em você, porque ele tem pesado o mundo na balança. [37] Por medida tem mediu os tempos, e pelo número tem ele contados os tempos, e ele não vos mover nem incitá-los, até que a referida medida ser cumprida. [38] Então eu respondi e disse: Ó Senhor, que regra dás à luz, mesmo que todos estão cheios de impiedade. [39] E por nós porventura é que os pisos dos justos não são preenchidas, por causa dos pecados dos que habitam sobre a terra. [40] Então, ele me respondeu, e disse: Vai, a tua maneira de uma mulher com criança, e pedi-la quando ela tem cumprido seus nove meses, se seu útero pode manter o nascimento por mais tempo dentro dela. [41] Então eu disse: Não, Senhor, para que ela não pode. E ele disse-me: Na cova das câmaras de almas são como o ventre de uma mulher: [42] Porque, assim como uma mulher que está de parto se apressa para escapar da necessidade do trabalho de parto: mesmo assim fazer estes lugares pressa para entregar as coisas que são cometidos a eles. [43] Desde o início, olhar, o que tu desejas para ver, deve ser-te mostrou. [44] Então eu respondi e disse: Se tenho achado graça aos teus olhos, e se é possível, e se eu fosse atender, portanto, [45] Mostrai-me, em seguida, se há mais por vir do que é passado, ou mais passado do que está por vir. [46] O que é passado eu sei, mas o que é para vir eu não sei. [47] E ele me disse: Levanta-te em cima do lado direito, e vou expor a semelhança a ti. [48] Então eu fiquei, e vi, e eis um forno ardente passou por diante de mim: e aconteceu que, quando a chama se foi por eu olhei, e eis que a fumaça permaneceu ainda. [49] Depois disso passou por lá antes de mim uma nuvem aquosa, e enviou muita chuva com uma tempestade, e quando a chuva de tempestade havia passado, as gotas ficou ainda. [50] E ele disse-me, Considere com a ti mesmo, como a chuva é mais do que as
  • 9. gotas, e como o fogo é maior do que a fumaça, mas as gotas ea fumaça ficar para trás: para a quantidade que é passado fez mais exceder . [51] Então, eu orei, e disse: Que eu vivo, te parece, até esse momento? ou o que deve acontecer naqueles dias? [52] Ele me respondeu, e disse, como para o do qual tu me perguntas fichas-me, posso dizer-te deles, em parte: mas, quanto a tua vida, Eu não fui enviado para te mostrar, porque eu não sei. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.5 [1] No entanto, como os tokens que vem, eis que dias virão, que os que habitam sobre a terra será tomada em um grande número, e no caminho da verdade deve ser escondida, ea terra é estéril da fé. [2] Mas iniqüidade deve ser aumentada acima do que vês agora tu, ou o que tens ouvido há muito tempo. [3] E a terra, que tu vês agora deves ter raiz, tu vê perdido de repente. [4] Mas, se a concessão Altíssimo te a viver, verás após a terceira trombeta que o sol deve brilhar novamente de repente no meio da noite, ea lua três vezes no dia: [5] E o sangue deve cair fora da madeira e da pedra dará a sua voz, e os povos são perturbados: [6] E mesmo que ele deve governar, quem não olhar para os que habitam sobre a terra, e as aves devem tomar seu vôo de distância entre si: [7] E o mar Sodomitish expulsarão os peixes, e fazer um barulho no meio da noite, o que muitos não conheceram, mas que todos devem ouvir a voz da mesma. [8] Não deve ser uma confusão também em muitos lugares, eo fogo será oft enviado novamente, e os animais selvagens devem mudar os seus lugares, e as mulheres menstruadas trará monstros: [9] águas e sal deve ser encontrado no doce, e todos os amigos devem destruir um ao outro, então deve saber se ocultar e compreensão retirar-se em sua câmara secreta, [10], e deve ser procurado de muitos, e ainda não foi encontrado: então, a injustiça e incontinência ser multiplicado na terra. [11] Uma terra também deve pedir a outro, e dizer, é a justiça que faz um homem justo passou por ti? E ele dirá: Não. [12] Ao mesmo tempo, devem os homens a esperança, mas nada obtém-se: eles devem de trabalho, mas seus caminhos não prosperará. [13] Para te mostrar essas fichas eu sair, e se tu queres orar novamente, e chorar como agora, e rápido, mesmo dias, tu ouvir coisas ainda maiores. [14] Então eu acordei, e um medo extremo passou por todo meu corpo e minha mente estava perturbada, de modo que desmaiou. [15] E o anjo que chegou para conversar comigo me segurou, me confortou, e me pôs sobre os meus pés. [16] E na segunda noite aconteceu, que Salatiel o capitão do povo veio a mim, dizendo: Onde tiveste? e porque é o teu semblante tão pesado? [17] Não sabes que Israel está comprometida a ti na terra do seu cativeiro? [18] Até então, e comer pão, e não abandones a nós, como o pastor que deixa as suas ovelhas nas mãos de lobos cruéis. [19] Então eu disse-lhe: Vai teus caminhos de mim, e não te aproximes de mim. E ele
  • 10. ouviu o que eu disse, e saiu de mim. [20] E assim eu jejuaram sete dias, gemendo e chorando, como Uriel como o anjo me mandou. [21] E depois de sete dias foi assim, que os pensamentos do meu coração eram muito doloroso para mim novamente, [22] E a minha alma recuperou o espírito de compreensão, e eu comecei a conversar com a mais alta novamente, [23] e disse: Ó Senhor, que dás à luz regra, de cada madeira da terra, e de todas as árvores da mesma, tu te escolheu uma vinha apenas: [24] E de todas as terras de todo o mundo tu te escolheu um poço, e de todas as flores deste lírio um: [25] E de todas as profundezas do mar tu te encheram um rio, e de todas as cidades edificaram tens Sion santifiquei para ti: [26] E de todas as aves que são criadas tu te chamado uma pomba, e de todos os animais que são feitas desde tu te uma ovelha: [27] E, entre todas as multidões de pessoas tu obtidos ti um povo: e para este povo, a quem amaste, pusestes uma lei que foi aprovado de todos. [28] E agora, ó Senhor, por que tu tens dado este um povo sobre a muitos? e sobre a raiz tens tu um preparado os outros, e por isso tens os teus espalhados apenas uma entre muitas pessoas? [29] E os que fizeram contradizer tuas promessas, e acreditava que os convênios não os teus, pisaram-los. [30] Se tu tanto ódio teu povo, ainda que ponhas puni-los com tuas mãos. [31] Agora, quando eu tinha falado estas palavras, o anjo que veio a mim a noite dantes foi enviado a mim, [32] E me disse: Ouvi-me, e eu vou te instruir; ouve a coisa que eu digo, e vou dizer-te mais. [33] E eu disse: Fala, meu Senhor. Então ele me disse: Tu és ferida a mente perturbada por amor de Israel: amas que as pessoas melhor do que aquele que o fez? [34] E eu disse: Não, Senhor, mas de muito desgosto tenho falado: para a minha dor rédeas me a cada hora, enquanto eu trabalhar para compreender o caminho do Altíssimo, e para buscar parte do seu julgamento. [35] E ele disse-me, tu não podes. E eu disse: Por que, Senhor? whereunto eu nasci, então? ou porque não foi o ventre de minha mãe, então minha sepultura, que eu não poderia ter visto o trabalho penoso de Jacob, e do trabalho fatigante das ações de Israel? [36] E ele disse-me: Number, me as coisas que ainda não estão vindo, me reunir junto a escória que andam dispersos, faça-me o verde flores mais uma vez que se secaram, [37] Abra-me os locais que estão fechados, e traze-me diante dos ventos que neles estão quietos, mostra-me a imagem de uma voz, e então eu vou declarar-te a coisa que tu labourest saber. [38] E eu disse: O Senhor que dás à luz regra, que pode saber essas coisas, mas ao que não tem a sua habitação com os homens? [39] Quanto a mim, sou imprudente: como posso então falar dessas coisas de que tu pedes-me? [40] E ele disse-me: Assim como tu podes fazer nenhuma dessas coisas que eu falei, mesmo assim, não podes tu saber o meu juízo, ou no final o amor que eu prometi ao meu povo.
  • 11. [41] E eu disse: Eis que, ó Senhor, mas tu és quase-lhes que ser reservados até o fim, e que farão os que houve antes de mim, ou temos que ser agora, ou os que virão depois de nós? [42] E ele disse-me, eu comparo o meu juízo um anel: Assim como não há negligência do passado, mesmo assim não há celeridade da primeira. [43] Então, eu respondi e disse, não pudeste fazer aqueles que foram feitas, e ser agora, e que estão para vir, de uma só vez; que tu terás o teu julgamento mais cedo? [44] Então, respondeu ele a mim, e disse: A criatura não pode apressar acima do fabricante, nem o mundo pode prendê-los uma vez que será criado nele. [45] E eu disse, como disseste ao teu servo, para que tu, que dás vida a todos, tens dado vida ao mesmo tempo para a criatura que tu criaste, ea criatura nua-lo: mesmo assim ele pode agora também ter os que já esteja presente em uma vez. [46] E ele disse-me, faça o ventre de uma mulher, e dize-lhe: Se tu fazes luz filhos, por que fazes não juntos, mas um após o outro? rezar-lhe, pois para produzir dez filhos de uma só vez. [47] E eu disse, ela não pode, mas deve fazê-lo pela distância de tempo. [48] E ele disse-me, Mesmo assim dei o ventre da terra para aqueles que ser semeada no mesmo em suas épocas. [49] Porque, assim como uma criança pequena não pode trazer as coisas que pertencem ao idoso, mesmo assim tenho eliminados do mundo que eu criei. [50] E eu perguntei, e disse: Vê tu que agora dá-me o caminho, eu vou continuar a falar diante de ti, nossa mãe, de quem tu me disse que ela é jovem, draweth agora quase até à idade. [51] Ele me respondeu, e disse: Pergunte a uma mulher que as crianças, também dá, e ela te dirá. [52] Diga-lhe: Portanto são eles até que tu agora trouxe como aqueles que eram antes, mas menos de estatura? [53] E ela deve te responder, Eles que nascer na força da juventude é de uma moda, e os que nascem no tempo de idade, quando a falha útero, são de outra maneira. [54] Considere, portanto, também tu, como que sois menos de estatura do que aqueles que foram antes de vós. [55] E assim são os que vêm depois de você menos do que vós, como as criaturas que agora começam a ser velho, e passaram sobre a força da juventude. [56] Então eu disse: Senhor, peço-te, se tenho achado graça aos teus olhos, mostra o teu servo por quem tu visites tua criatura. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.6 [1] E ele disse-me: No início, quando a terra foi feito, antes que as fronteiras do mundo de pé, ou nunca sopraram os ventos, [2] Antes de um trovão e iluminado, ou nunca as fundações do paraíso foram colocadas, [3] Antes das belas flores foram vistas, nem nunca os poderes móveis foram estabelecidas, diante da multidão inumerável de anjos se reuniram [4] Ou sempre as alturas do céu foram levantadas, antes de as medidas do firmamento foram nomeados, ou nunca as chaminés em Sion estavam quentes, [5] antes e os anos atuais foram procurados, e nem nunca as invenções dos que agora
  • 12. foram transformadas pecado, antes de serem selados, que se reuniram a fé de um tesouro: [6] Então, eu considero estas coisas, e todas elas foram feitas por mim sozinho, e por nenhum outro: por mim também que deve ser terminada, e por nenhum outro. [7] Então eu respondi e disse: Qual é a divisão em pedaços dos tempos? ou quando será o fim da primeira, e no início da mesma que segue? [8] E ele disse-me, de Abraão a Isaque, quando Jacó e Esaú nasceram dele, a mão de Jacob realizou o primeiro salto de Esau. [9] Para Esaú é o fim do mundo, e Jacob é o começo que segue. [10] A mão do homem existe entre o calcanhar ea mão: outra pergunta, Esdras, perguntar não tu. [11], então eu respondi e disse: Ó Senhor, que regra dás à luz, se tenho achado graça aos teus olhos, [12] Peço-te, terás o teu servo a fim de tua tokens, do qual me fizeste ver parte da noite passada. [13] Então ele respondeu e me disse: Levanta-te sobre os teus pés, e ouvir uma voz poderosa sonoridade. [14] E será como se fosse um movimento grande, mas o lugar em que estás não será abalado. [15] E, portanto, quando se fala não tenha medo: a palavra é do fim, e da fundação da terra é compreendido. [16] E por quê? porque o discurso deles treme as coisas e é movido: por isso sabe que o fim destas coisas deve ser mudado. [17] E aconteceu que, quando eu tinha ouvido que eu me levantei sobre os meus pés e ouvidos, e eis que havia uma voz que falou eo som dele era como o som de muitas águas. [18] E ele disse: Eis que virão dias, que começarão a nos aproximarmos, e visitar os que habitam sobre a terra, [19] E vai começar a fazer inquisição deles, o que será que ferir injustamente com suas iniquidades, e quando a aflição do Sion serão cumpridas; [20] E quando o mundo, que deve começar a desaparecer, deve ser terminado, então eu mostrarei esses tokens: os livros serão abertos antes do firmamento, e eles devem ver tudo junto: [21] E os filhos de um ano de idade devem falar com suas vozes, as mulheres com criança dará à luz crianças prematuras de três ou quatro meses de idade, e eles viverão, e seja levantado. [22] E de repente deve aparecer os lugares semeadas não semeada, os armazéns cheios de repente será encontrado vazio: [23] e trompete tha dará um som que, quando cada um ouve, eles se tornarão de repente com medo. [24] Nessa época devem amigos lutar uns contra os outros inimigos, como, ea terra deve ficar com medo com aqueles que nele habitam, das nascentes dos mananciais devem ficar parado, e em três horas, eles não podem ser executados. [25] Todo aquele que permanece de tudo isso que eu te disse escapará, e ver a minha salvação, eo fim do seu mundo. [26] E os homens que são recebidos devem vê-lo, que não provou a morte de seu nascimento: eo coração dos habitantes deve ser mudado, e se transformou em um outro significado.
  • 13. [27] Para que o mal deve ser posto para fora, e engano se apagará. [28] Quanto à fé, deve florescer, a corrupção deve ser superado, ea verdade, que tem sido assim por muito tempo sem frutos, devem ser declaradas. [29] E quando ele falava comigo, eis que eu olhei a pouco e pouco sobre ele antes de quem eu estava. [30] E estas palavras ele me disse, eu vim para te mostrar o tempo da noite para vir. [31] Se queres orar ainda mais, e rápido sete dias de novo, eu te disser coisas maiores por dia do que eu ouvi. [32] Para a tua voz é ouvida antes do Altíssimo para o Poderoso tem visto o teu trato justo, ele tem visto também o teu castidade, que tiveste desde a tua mocidade. [33] E, portanto, tem ele me enviou para te mostrar todas estas coisas, e te digo: Tende bom ânimo e não temais [34] E não apressar com os tempos passados, a pensar coisas vãs, que tu não podes apressar a partir dos últimos tempos. [35] E aconteceu depois disto que eu chorei de novo, e jejuaram sete dias nos mesmos moldes, para que eu possa cumprir as três semanas que ele me disse. [36] E na oitava noite era meu coração irritado dentro de mim novamente, e comecei a falar perante o Altíssimo. [37] Para o meu espírito foi muito incendiada, e minha alma estava em perigo. [38] E eu disse: Senhor, falaste desde o início da criação, até o primeiro dia, e disseste assim: Que o céu ea terra ser feita, ea tua palavra foi um trabalho perfeito. [39] E, então, era o espírito, ea escuridão eo silêncio eram por todos os lados, o som da voz do homem ainda não estava formado. [40] Então tu ordenaste uma luz justa para vir diante de teus tesouros, para que o teu trabalho pode aparecer. [41] Após o segundo dia tu fizeste o espírito do firmamento, e ordenaste que a parte em pedaços, e fazer uma divisão entranhas das águas, que uma parte pode ir para cima, eo outro permanecer abaixo. [42] Após o terceiro dia tu fizeste comando que as águas devem ser reunidos na sétima parte da terra: seis tens tu pats secou, e manteve-os, com a intenção de que alguns destes sendo plantadas e cultivadas de Deus pode servir ti. [43] Pois tão logo a tua palavra, saiu a obra foi feita. [44] Por imediatamente que havia muita fruta e inumeráveis, e muitos mergulhadores e prazer para o paladar, e flores de cor imutável, e odores de cheiro maravilhoso, e isso foi feito no terceiro dia. [45] Após o quarto dia ordenaste tu que o sol deve brilhar, a lua e dar a sua luz, e as estrelas devem estar em ordem: [46] e deste-lhes uma taxa para fazer o serviço ao homem, que era para ser feito. [47] Após o quinto dia disseste tu até a sétima parte, onde as águas estavam reunidos que deveria trazer as criaturas vivas, aves e peixes, e assim aconteceu. [48] Para a água muda e sem vida trouxe coisas vivas ao mandamento de Deus, que todas as pessoas podem elogiar as tuas maravilhas. [49] Então, tu hás de estabelecer duas criaturas vivas, a um Enoque Clamaste, eo Leviathan outro; [50] E tu separar uma coisa da outra: para a sétima parte, ou seja, onde a água estava reunida, não pode mantê-los tanto. [51] a Enoque tens dado por um lado, que secou o terceiro dia, que ele deveria morar na mesma peça, em que são milhares de montanhas:
  • 14. [52] Mas até Leviathan pusestes a sétima parte, ou seja, a umidade, e guardaste-lhe para ser devorado de quem tu queres, e quando. [53] Após o sexto mandamento puseste dia tu sobre a terra, que diante de ti, deve trazer os animais, gado, e répteis: [54] E depois de estes, Adão, a quem tu fizeste senhor de todas as Tuas criaturas: a ele se todos nós, e as pessoas também a quem tu tens escolhido. [55] Tudo isso que tenho falado diante de ti, ó Senhor, porque fizeste o mundo por nossa causa [56] Quanto às outras pessoas, que também vêm de Adão, tu disse que eles não são nada, mas ser semelhante a saliva: e tu comparou a abundância deles até uma gota que cai de uma embarcação. [57] E agora, ó Senhor, eis que estes pagãos, que já foram reputados em nada, começaram a ser senhores sobre nós, e nos devorar. [58], mas o teu povo, que tu chamado teu primogênito, teu unigênito, e teu amante fervoroso, são dadas em suas mãos. [59] Se o mundo agora ser feita por nós, por que não possuímos uma herança com o mundo? quanto tempo deve durar esta? -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.7 [1] E quando eu tinha acabado de pronunciar estas palavras, não foi enviado a mim o anjo que tinha sido enviado para mim as noites dantes: [2] E ele disse-me, Cima, Esdras, e ouve as palavras que eu vim para te trazer. [3] E eu disse: Fala, meu Deus. E disse-me, O mar está situado num local amplo, que pode ser profunda e grande. [4] Mas colocar o caso da entrada eram estreitas, e como um rio; [5] Quem então poderia ir para o mar a olhar para ela, e para governá-la? se ele não atravessou o estreito, como ele poderia vir ao largo? [6] Há também uma outra coisa; A cidade está edificada, e colocada sobre um campo amplo, e está cheio de todas as coisas boas: [7] A entrada dele é estreita, e está situado em um lugar perigoso de cair, como que se houvesse um fogo na mão direita, e na água de uma esquerda profunda: [8] E um único caminho entre ambos, mesmo entre o fogo ea água, tão pequena que não poderia, mas um homem lá de uma vez. [9] Se esta cidade agora foram dadas a um homem por uma herança, se ele nunca passará o conjunto de perigo antes que, como ele deve receber essa herança? [10] E eu disse: É assim, Senhor. E disse-me, Mesmo assim também é parte de Israel. [11] Porque por causa deles eu fiz o mundo: e quando Adão transgrediu os meus estatutos, em seguida, foi decretado que agora é feito. [12] Em seguida, foram as entradas deste mundo feito estreito, cheio de tristeza e trabalho: eles são poucos e mal, cheia de perigos,: e muito doloroso. [13] Para as entradas do mundo antigo eram amplos e com certeza, e trouxe frutos imortal. [14] Se, pois, os que vivem do trabalho para não entrar essas coisas Estreito e vão, eles nunca podem receber aqueles que são colocados para eles. [15] Agora, pois, por disquietest tu mesmo, tu estás vendo, mas um homem corruptível? e porque és movido, enquanto tu és, mas mortal?
  • 15. [16] Por que tens não é considerada em tua mente essa coisa que está para vir, e não no que está presente? [17] Então eu respondi e disse: Ó Senhor, que regra dás à luz, tu tens ordenado na tua lei, que o justo deve herdar essas coisas, mas que o ímpio pereça. [18] Não obstante os justos sofrem coisas Estreito, e esperar larga: para os que tiverem feito de mal ter sofrido as coisas Estreito, e ainda assim não verá a largura. [19] E ele disse-me. Não há juiz acima de Deus, e nenhum que tem entendimento acima Altíssimo. [20] Para haver muitos que perecem nesta vida, porque eles desprezam a lei de Deus que se coloca diante deles. [21] Para Deus deu mandamento estreito de como veio, o que devem fazer para viver, mesmo quando eles vieram, e que eles devem observar para evitar a punição. [22] No entanto eles não eram obedientes a ele, mas falou contra ele, e imaginou coisas vãs; [23] E enganados por seus atos perversos, e disse do Altíssimo, que ele não é, e não sabia os seus caminhos: [24] Mas sua lei eles têm desprezado, e negou os convênios, em seus estatutos que não tenham sido fiéis, e não realizou suas obras. [25] E, portanto, Esdras, para o vazio são coisas vazias, e para a plena são as coisas completas. [26] Eis que o tempo virá, que estas fichas que eu te disse se cumprirá, e que a noiva deve aparecer, e ela vir adiante será visto, que agora é retirado da terra. [27] E todo aquele que é entregue a partir dos males foresaid deve ver as minhas maravilhas. [28] Para o meu filho Jesus será revelada com aqueles que estão com ele, e os que restarem se alegrarão no prazo de quatro centenas de anos. [29] Após estes anos é o meu filho morrer Cristo, e todos os homens que têm vida. [30] E o mundo será transformado em silêncio velho de sete dias, como como nos julgamentos anteriores, de modo que nenhum homem deve permanecer. [31] E depois de sete dias do mundo, que ainda acorda, e não deve ser levantado, e que morrerá que é corrupto [32] E a terra deve restaurar aqueles que estão dormindo nela, e assim será a poeira aqueles que habitam em silêncio, e os lugares secretos emitirá aquelas almas que foram cometidos para eles. [33] E o Altíssimo aparecer sobre o trono do juízo, e da miséria passará, eo longo sofrimento terá um fim: [34] Mas o julgamento só deve permanecer, a verdade permanecerá de pé, a fé deve encerar forte: [35] E o trabalho deve seguir, ea recompensa será manifestou, e as boas ações devem ser de força e atos perversos não terá nenhuma regra. [36] Então eu disse: Abraão orou primeiro para os sodomitas, e Moisés, para os pais que pecaram no deserto: [37] E Jesus após ele para Israel no tempo de Acã: [38] E Samuel e David para a destruição: e Salomão para eles que deve vir para o santuário: [39] e Helias para aqueles que receberam a chuva, e para os mortos, para que pudesse viver: [40] e Ezequias para o povo no tempo de Senaqueribe: e muitos para muitos.
  • 16. [41] Mesmo assim agora, vendo a corrupção está crescido, ea impiedade aumentou, e os justos têm orado para os ímpios: portanto não deve ser assim agora também? [42] Ele me respondeu, e disse: A vida presente não é o fim, onde muita glória Acaso cumprir, por isso eles têm orado para os fracos. [43] Mas o dia do julgamento será o fim deste tempo, eo início da imortalidade para vir, em que a corrupção é passado, [44] A intemperança é um fim, a infidelidade é cortado, a justiça é cultivada, e na verdade raiou. [45] Em seguida, o homem não ser capaz de salvar-lhe que é destruído, nem para oprimir o que tem conseguido a vitória. [46], então eu respondi e disse: Esta é a minha palavra e sobrenome, que tinha sido melhor não ter dado a terra a Adão: ou então, quando foi dado a ele, ter o impediu de pecar. [47] Para que o lucro é para os homens, já neste tempo presente para viver em peso, e depois da morte a olhar para a punição? [48] ó Adão, o que fizeste? para que fosse tu que não pecaram, caíste sozinho, mas tudo o que vem de ti. [49] Para que o lucro é para nós, se há ser nos prometeu um tempo imortal, ao passo que nós fizemos as obras que trazem a morte? [50] e que não há nos prometeu uma esperança eterna, enquanto que nos ser mais perverso são feitas vão? [51] e que não estão reservados para habitações nos de saúde e segurança, ao passo que temos vivido perversamente? [52] E que a glória do Altíssimo é mantido para defendê-los, que levaram uma vida cauteloso, ao passo que temos andado nos caminhos mais perverso de todos? [53] E que não deve ser mostrou um paraíso, cujos frutos dura para sempre, onde está a segurança ea medicina, uma vez que não entra nele? [54] (Para nós andou em lugares desagradáveis.) [55] E que os rostos dos que usaram a abstinência deve brilhar acima das estrelas, enquanto que os nossos rostos são mais negros do que as trevas? [56] Por enquanto vivemos e cometemos a iniqüidade, não considerou que devemos começar a sofrer por isso após a morte. [57] Então, respondeu ele a mim, e disse: Esta é a condição da batalha, que o homem que nasce sobre a terra deve lutar; [58] que, se ele ser superado, ele deverá sofrer como tu disse: mas se ele conseguir a vitória, ele deve receber a coisa que eu digo. [59] Porque esta é a vida do qual Moisés falou ao povo, enquanto ele vivia, dizendo: Escolhe para ti a vida, para que possas viver. [60] Apesar disso, eles não acreditavam nele, nem os profetas depois dele, não, nem me que lhes falara, [61] Isso não deve haver peso como a sua destruição, como deve ser a alegria sobre os que são persuadidos a salvação. [62] Eu respondi então, e disse, eu sei, Senhor, que o Altíssimo é chamado de misericordioso, em que ele tem misericórdia deles ainda não veio ao mundo, [63] E também sobre aqueles que transformam a sua lei; [64] E que ele é paciente e longo suffereth aqueles que pecaram, como suas criaturas; [65] E que ele é abundante, pois ele está pronto para dar onde houver mister; [66] E que ele é grande em misericórdia, para que ele multiplica misericórdias mais e
  • 17. mais para eles que estão presentes, e que são passado, e também para os que estão por vir. [67] Pois, se ele não multiplicará suas misericórdias, o mundo não iria continuar com eles que herdam nele. [68] E ele perdoa, pois se ele não o fez de sua bondade, para que os que tenham cometido iniqüidades pode ser facilitado deles, a milésima parte de 10 homens não devem permanecer vivo. [69] E, sendo juiz, se ele não deve perdoar-lhes que são curados com a sua palavra, e colocar para fora a multidão de contendas, [70] Não deve haver muito poucos porventura esquerda em uma multidão inumerável. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.8 [1] E ele me respondeu, dizendo: O Altíssimo fez este mundo para muitos, mas o mundo para vir para poucos. [2] Eu te direi uma similitude, Esdras, como quando tu me perguntas a terra, deve dizer-te, que dá molde muito vasos de barro do qual são feitas, mas pouca poeira que vem do ouro: mesmo assim é o curso de o mundo presente. [3] Há muitos ser criado, mas poucos serão salvos. [4] Então eu respondi e disse: Andorinha, em seguida, para baixo, ó minha alma, entendimento e sabedoria devorar. [5] Porque tu concordou em dar ouvidos, e arte dispostos a profetizar: pois tu não tens mais espaço do que apenas viver. [6] O Senhor, se tu não sofrer o teu servo, para que possamos orar diante de ti, e tu nos dar descendência ao nosso coração, e cultura para a nossa compreensão, que pode chegar fruto dela; como deve viver cada homem que é corruptos, que também dá o lugar de um homem? [7] Pois tu és sozinho, e todos nós obra das tuas mãos um, assim como já disseste. [8] Para quando o corpo é formado agora no ventre da mãe, e tu dás-lo membros, tua criatura é preservada no fogo e água, e nove meses Acaso tua obra suportar tua criatura que é criado por ela. [9] Mas o que guarda e é mantido tanto deve ser preservado: e quando o tempo vem, o útero preservado livra-se das coisas que cresciam na mesma. [10] Porque tu mandou para fora das partes do corpo, isto é, fora das mamas, o leite a ser dado, que é fruto das mamas, [11] que a coisa que é formado pode ser sustentada por um tempo, até que tu disposest que a tua misericórdia. [12] fizeste-o com tua justiça, e nurturedst em tua lei, e reformedst com teu juízo. [13] E tu mortificar-lo como tua criatura, e vivifica-lo como o teu trabalho. [14] Se te tu, pois, destruí-lo com o trabalho que tão grande foi formado, é uma coisa fácil de ser ordenado por teu mandamento, que a única coisa que foi feita pode ser preservada. [15] Agora, pois, Senhor, eu vou falar, o homem tocar em geral, melhor tu sabes, mas tocar o teu povo, por quem eu sinto muito; [16] E por herança, por causa de quem eu luto, e para Israel, por quem eu sou pesado, e para Jacob, razão pela qual estou preocupado; [17] Portanto, eu vou começar a rezar diante de ti para mim e para eles, porque eu
  • 18. vejo as quedas de nós que habitam na terra. [18] Mas eu ouvi a rapidez do juiz que está por vir. [19] Portanto, ouvir a minha voz, e entender as minhas palavras, e eu vou falar diante de ti. Este é o começo das palavras de Esdras, antes de ser levado para cima: e eu disse: [20] Ó Senhor, tu que habitas nas everlastingness vês que a partir de coisas acima no céu e no ar; [21], cujo trono é inestimável, cuja glória não pode ser compreendida, antes que os exércitos do Anjos ficar com tremores, [22], cujo serviço é fluente em vento e fogo, cuja palavra é verdade, e os provérbios constante; cujo mandamento é forte, e portaria com medo; [23], cujo olhar esgota as profundezas, a indignação faz as montanhas para se desvanecem; que testifica a verdade: [24] O ouve a oração do teu servo, e dá ouvidos a petição de tua criatura. [25] Por enquanto eu viver eu vou falar, e enquanto eu tenho entendimento vou responder. [26] O não olhar para os pecados do teu povo, mas sobre eles que servem de ti em verdade. [27] não atentam para as invenções perversas das nações, mas o desejo daqueles que guardam os teus testemunhos nas aflições. [28] Pense não sobre aqueles que andaram fingidamente diante de ti: mas lembre-se eles, que, segundo a tua vontade ter conhecido o teu medo. [29] Que não seja a tua vontade de destruir os que viveram como animais, mas para olhar para eles que ensinou claramente a tua lei. [30] Não tomarás indignação com os que são considerados piores do que bestas, mas amá-los sempre que colocam sua confiança na tua justiça ea glória. [31] Para nós e nossos pais não definhar de tais doenças, mas por causa de nós, pecadores serás chamado misericordioso. [32] Para se tu tens um desejo de ter piedade de nós, tu serás chamado misericordioso, para nós isto é, que não têm obras de justiça. [33] Para o justo, que têm muitas boas obras previstas até contigo, é fora de seus próprios atos receberá a recompensa. [34] Por que é o homem, que as tragas descontentamento com ele? ou o que é uma geração corruptível, que fosses tão amarga para ele? [35] Pois, na verdade eles não é um homem entre eles que nascer, mas ele nos trata mal; e entre os fiéis não há ninguém que o tenha feito de errado. [36] Pois neste, ó Senhor, a tua justiça ea tua bondade deve ser declarada, se tu és misericordioso para com eles que não tem a confiança de boas obras. [37] Então, respondeu ele a mim, e disse: Algumas coisas tens falado corretamente, e de acordo com as tuas palavras será. [38] Pois, na verdade eu não vou pensar sobre a disposição dos que pecaram antes da morte, antes do julgamento, antes da destruição: [39] Mas eu me alegrarei sobre a disposição dos justos, e eu vou lembrar também a sua peregrinação, e para a salvação, ea recompensa, que eles terão. [40] Assim como eu falei agora, assim se vir a passar. [41] Porque, como o lavrador lança a semente muito em cima da terra, e; planta muitas árvores, e ainda a única coisa que está semeado de bom em sua época não se vem, nem o tudo o que se plantou raízes: mesmo assim é deles que são semeadas no
  • 19. mundo, não todos serão salvos. [42], então eu respondi e disse: Se tenho achado graça, deixe-me falar. [43] Assim como o lavrador a semente do perece, se não chegar, e receber a tua chuva não no tempo devido, ou, se entrar muita chuva, e corrompê-la: [44] Mesmo assim o homem perece também, que é formado com tuas mãos, e é chamado a tua própria imagem, porque és semelhante a ele, por quem fizeste todas as coisas, e comparou-o até a semente do agricultor. [45] Não sejas irado conosco, mas poupar o teu povo, e tem misericórdia de tua própria herança, pois tu és misericordioso para com a tua criatura. [46] Então, respondeu ele a mim, e disse, as coisas presentes são para o presente, e que as coisas costuma vir para como estar por vir. [47] Para vieres longe que tu deverias ser capaz de amar minha criatura mais do que eu: mas eu ofttimes se achegado a ti e à ele, mas nunca para os injustos. [48] Nesta arte também tu maravilhosa antes do Altíssimo: [49] Em que te humilhaste, uma vez que vem a ser de ti, e tu não te julgou digno de ser muito glorificado entre os virtuosos. [50] Para muitos grandes misérias deve ser feito a eles que no último tempo deve habitar no mundo, pois tenho andado em grande orgulho. [51] Mas entenda tu para ti mesmo, e buscar a glória de como ser semelhante a ti. [52] Porque a vós vos é paraíso aberto, a árvore da vida é plantada, o tempo para vir é preparado, plenteousness está pronto, a cidade está edificada, eo resto é permitido, sim, bondade, sabedoria e perfeito. [53] A raiz do mal é selada em cima de você, fraqueza e da mariposa está escondida de você, e fugiram para a corrupção é um inferno para ser esquecido: [54] Dores são passados, e no final se mostrou o tesouro da imortalidade. [55] E, portanto, perguntar tu não houve mais dúvidas sobre a multidão dos que perecem. [56] Pois, quando eles tinham tomado a liberdade, eles desprezavam o Altíssimo, pensei desprezo de sua lei, e abandonaram seus caminhos. [57] Além disso, eles pisaram o seu justo, [58] E disse em seu coração, que Deus não existe, sim, e que sabendo que devem morrer. [59] Para que as coisas acima mencionadas te receber você, então sede e dor estão preparados para eles, pois não era sua vontade que os homens devem vir a nada: [60] Mas que ser criado contaminaram o nome daquele que fez, e foram ingratos para aquele que preparou a vida para eles. [61] E, portanto, é a minha opinião agora à mão. [62] Estas coisas não me mostrou a todos os homens, mas a ti, e alguns como tu. Então eu respondi e disse: [63] Eis, ó Senhor, agora tens me mostrou a multidão das maravilhas, o que tu queres começar a fazer nos últimos tempos: mas em que momento, tu não me mostrou. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.9 [1] Ele respondeu-me então, e disse: tu Medir o tempo diligentemente em si: e quando vês parte do passado sinais, que eu te disse antes, [2] Então entenderás, que é o tempo mesmo, onde Altíssimo vai começar a visitar o
  • 20. mundo que fez. [3] Portanto, quando não deve ser visto terremotos e revoltas do povo no mundo: [4] Mas tu bem entender, que falou mais alto daquelas coisas dos dias que foram antes de ti, desde o início. [5] Porque, assim como tudo que é feito no mundo tem um começo e um fim, eo fim é evidente: [6] Mesmo assim as vezes também do Altíssimo, tem início na simples admiração e obras poderosas, e terminações em efeitos e sinais. [7] E cada um que será salvo, e deve ser capaz de escapar por suas obras, e pela fé, pela qual tenhais crido, [8] deve ser preservado dos perigos disse, e deve ver a minha salvação na minha terra, e dentro dos meus limites, pois tenho santifiquei para mim desde o início. [9] Então serão em caso lamentável, que agora têm abusado os meus caminhos, e os que os lancei para longe despitefully habitará em tormentos. [10] Para tal como na sua vida ter recebido benefícios, e não me conhece; [11] E os que têm detestava a minha lei, enquanto eles ainda não tinham liberdade, e, quando ainda lugar de arrependimento estava aberto para eles, não entendi, mas desprezava; [12] O mesmo deve saber que depois da morte pela dor. [13] E, portanto, não sejas curioso como os ímpios serão punidos, e quando, mas questionar a forma como o justo será salvo, cujo o mundo é, e para quem o mundo é criado. [14] Então eu respondi e disse: [15] Eu já disse antes, e agora falo, e falar também a seguir, que haja muitos mais os que perecem, do que os que serão salvos: [16] Como como uma onda é maior do que uma gota. [17] E ele me respondeu, dizendo: Assim como o campo é, assim é também a semente, como as flores ser, como são as cores também, como é o operário, como também é o trabalho, e como o ls lavrador si mesmo, tal a sua criação também, pois era o tempo do mundo. [18] E agora, quando eu preparei o mundo, que ainda não foi feito, mesmo que eles habitam em que vivem agora, ninguém falava contra mim. [19] Para que cada um obedecido, mas agora os costumes dos que são criadas neste mundo que é feito são corrompidas por uma semente perpétua, e por uma lei que é insondável livrar-se. [20] Então, eu considerava o mundo, e eis que havia perigo por causa dos dispositivos que tinham vindo para ele. [21] E eu vi, e poupou-lo muito, e mantiveram-me uma uva do cluster, e uma planta de um grande povo. [22] Vamos a multidão perecer, então, que nasceu em vão, e deixar minha uva ser mantido, e minha planta, pois com grande trabalho que eu fiz é perfeito. [23] No entanto, se quiseres deixar ainda mais sete dias, (mas não serás rápido neles, [24] Mas ir para um campo de flores, onde nenhuma casa é edificada, e comer apenas as flores do campo, gosto nenhuma carne, não beber vinho, mas só come flores ;) [25] E reze para o Altíssimo continuamente, então virei e falarei contigo. [26] Então, eu segui meu caminho para o campo que é chamado Ardath, como quando ele me mandou, e lá estava eu entre as flores, e comeu das ervas do campo, ea carne da mesma me satisfeito.
  • 21. [27] Após sete dias sentei-me sobre a relva, e meu coração se angustiou dentro de mim, como de antes: [28] E eu abri a minha boca, e começou a falar antes do Altíssimo, e disse: [29] Ó Senhor, tu que shewest-te a nós, eras tu mostrou a nossos pais no deserto, em um lugar onde ninguém pisa, em um lugar estéril, quando saíram do Egito. [30] E tu falaste, dizendo: Ouvi-me, ó Israel; e marque minhas palavras, tu semente de Jacob. [31] Pois, eis que eu semeio a minha lei em você, para que dê frutos em vós, e sereis honrados nela para sempre. [32] Mas os nossos pais, que receberam a lei, não a guardastes, e observou as ordenanças não os teus, e que o fruto da tua lei não pereça, nem poderia, pois era a tua; [33] No entanto, os que receberam pereceram, porque não observam a coisa que foi semeada neles. [34] E, eis que ls um costume, quando o solo tem semente recebido, ou o mar de um navio, ou qualquer outro alimento ou bebida navio, que, sendo que pereceram em que foi semeada ou lançados, [35] Essa coisa também que foi semeada, ou lançar aí, ou recebeu, doth perecer, e permanece não conosco, mas com nós não tem acontecido assim. [36] Para nós que receberam a lei perecem pelo pecado, eo nosso coração também que o recebeu [37] Não obstante a não perece lei, mas permanece em sua força. [38] E quando eu dizia estas coisas em meu coração, eu olhei para trás com os meus olhos, e sobre o lado direito, vi uma mulher, e eis que ela chorou e chorou em alta voz, e estava muito triste no coração, e suas roupas eram alugar, e ela tinha cinzas sobre a cabeça. [39] Então deixe eu dirijo o meu pensamento que eu estava, e virou-me a ela, [40] E disse-lhe: tu weepest Por que? Por que estás tão triste de tua mente? [41] E ela disse-me, Senhor, deixa-me, que eu possa me lamentar, e adicione a minha dor, pois estou profundamente perturbada em minha mente, e muito abatido. [42] E eu disse-lhe: Que tens? diga-me. [43] Ela disse-me, eu o teu servo ter sido estéril, e não teve filhos, se eu tivesse um marido trinta anos, [44] E esses trinta anos que eu fiz mais nada o dia ea noite, e cada hora, mas fazer a minha oração, ao Altíssimo. [45] Depois de trinta anos, Deus ouviu-me a tua serva, olhou para minha infelicidade, a minha aflição, e me deu um filho: e eu estava muito contente com ele, então foi o meu marido também, e todos os meus vizinhos, e que deu grande honra para o Todo- Poderoso. [46] E eu nutriu com trabalho grande. [47] Assim, quando ele cresceu, e chegou à hora em que ele deve ter uma esposa, eu fiz uma festa. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.10 [1] E assim aconteceu que, quando meu filho estava entrando na sua câmara de
  • 22. casamento, ele caiu e morreu. [2] Então todos nós derrubou as luzes, e todos os meus vizinhos se levantou para me consolar: por isso, tomei meu descanso até o segundo dia à noite. [3] E sucedeu que, quando todos tinham parado para me confortar, até o fim eu poderia ficar quieto, em seguida, subiu até a noite eu e fugiu, e veio para cá nesse campo, como vês. [4] E eu faço agora propósito de não retornar para a cidade, mas veio para ficar, e não comer nem beber, mas sempre de lamentar e jejuar até morrer. [5] Então deixei as meditações em que eu era, e falou para ela com raiva, dizendo: [6] mulher Tu tolo, acima de tudo outro, não vês tu o nosso luto, e que sucederá a nós? [7] Como que Sion nossa mãe está cheia de todo o peso, e muito humilde, luto muito dolorido? [8] E agora, vendo que todos choram e estão tristes, pois estamos todos em peso, és triste por causa de um filho? [9] Para pedir a terra, e ela te dirá, que é ela que deve lamentar a queda de tantos que crescem sobre ela. [10] Para fora dela veio toda na primeira vez, e fora dela são todos os outros vêm, e, eis que andar quase tudo à destruição, e uma multidão deles está totalmente erradicado. [11] Quem, então, deve fazer mais tristeza do que ela, que tem perdido um tão grande multidão, e não tu, que estás triste, mas por um? [12] Mas, se tu dizes-me, Meu pranto não é como a da terra, porque eu perdi o fruto do meu ventre, que eu trouxe com dores, e deu à luz com dores; [13] Mas não a Terra, assim: por causa da multidão presente no que de acordo com o curso da terra se foi, como ele veio: [14] Em seguida, dizer que eu a ti, como tu Como trouxe com trabalho; mesmo assim a terra também tem dado o seu fruto, ou seja, o homem, desde o início daquele que a fez. [15] Agora, portanto, manter a tua tristeza para ti, e suportar com bom ânimo o que tem acontecido ti. [16] Para se tu reconhecem a determinação de Deus para ser justo, tu quer receber o teu filho no tempo, e serás elogiado entre as mulheres. [17] Ir para o teu caminho, em seguida, à cidade para o teu marido. [18] E ela me disse: Isso eu não faço: eu não vou para a cidade, mas aqui eu vou morrer. [19] Então, eu continuei a falar mais a ela, e disse: [20] Não assim, mas ser aconselhadas. por mim: para quantas são as adversidades da Sion? ser confortado em relação a tristeza de Jerusalém. [21] Por que vês tu o nosso santuário está desolada, nosso altar quebrado, o nosso templo destruído; [22] O nosso saltério é colocado no chão, nossa música é colocada ao silêncio, a nossa alegria é um fim, à luz do nosso candelabro é posto para fora, a arca do nosso pacto é mimada, nossas coisas sagradas estão contaminadas, e nome que é chamado nos é quase profanado: nossas crianças estão envergonhados, os nossos sacerdotes são queimados, os nossos levitas vão para o cativeiro, as nossas virgens estão contaminadas, e nossas mulheres violadas; nossos homens justos levados, os nossos pequeninos destruído, nossos jovens são levados em cativeiro, e os nossos homens
  • 23. fortes se tornaram fraco; [23] E, que é o maior de todos, o selo de Sion tem agora perdeu sua honra, pois ela será entregue nas mãos daqueles que nos odeiam. [24] E, portanto, sacudir a tua grande peso e afastar a multidão de dores, que o Poderoso pode ser misericordioso a ti novamente, o Altíssimo te dê descanso e facilidade de teu trabalho. [25] E aconteceu que, enquanto eu estava conversando com ela, eis que, com o rosto em cima de uma súbita brilhou muito, eo seu semblante glistered, de modo que eu tinha medo dela, e pensei que poderia ser. [26] E eis que de repente ela fez um grande clamor muito medo, de modo que a terra tremeu com o barulho da mulher. [27] E olhei, e eis que a mulher apareceu-me mais, mas havia uma cidade edificada, e um grande lugar mostrou-se das fundações; então eu era medo, e clamavam com grande voz, e disse: , [28] Onde está o anjo Uriel, que veio a mim na primeira? pois ele tem me fez cair em transe, e muitos o meu fim é transformado em corrupção, e minha oração para repreender. [29] E como eu estava falando estas palavras, eis que ele veio a mim, e olhou para mim. [30] E eis que eu coloco como aquele que estava morto, e meu entendimento foi tirado de mim, e ele me tomou pela mão direita, e me confortou, e me pôs em pé, e disse- me, [31] O que tens? e porque és tão inquieta? e porque é teu entendimento perturbado, e os pensamentos do teu coração? [32] E eu disse: Porquanto deste abandonou-me, e ainda assim eu fiz segundo as tuas palavras, e eu fui para o campo, e eis que eu tenho visto, e ainda ver, que eu não sou capaz de expressar. [33] E ele me disse: Levanta-te corajosamente, e vou aconselhar-te. [34] Então eu disse: Fala, meu senhor, em mim, só não me desampares, para que não morra frustrar da minha esperança. [35] Porque eu vi que eu não sabia, e ouvir que eu não sei. [36] Ou é o meu sentido enganado, ou a minha alma em um sonho? [37] Agora, pois, rogo-te que tu terás o teu servo desta visão. [38] Ele respondeu-me então, e disse: Ouvi-me, e vou informar-te, e dizer-te és portanto espante, porque o Altíssimo irá revelar muitas coisas secretas para ti. [39] Ele tem visto que o teu caminho está certo: para sorrowest que tu continuamente para o teu povo, e fazes grande lamentação para Sion. [40] Este é, portanto, o significado da visão que tu viste recentemente: [41] viste uma mulher de luto, e tu begannest para confortá-la: [42] Mas agora vês a semelhança da mulher não mais, mas não te apareceu uma cidade edificada. [43] E enquanto ela te disse da morte de seu filho, esta é a solução: [44] Esta mulher, que viste é Sion: e que ela te disse a ti, mesmo ela quem vês como uma cidade edificada, [45] Considerando que, eu digo, ela disse a ti, que ela tem sido trinta anos estéril: esses são os trinta anos em que não houve oferta feita por ela. [46] Mas, depois de trinta anos Salomão edificou a cidade e ofereceu: e depois levei o filho de um estéril.
  • 24. [47] E enquanto ela te disse que ela alimenta-lo com o trabalho: que foi a residência em Jerusalém. [48] Mas, enquanto ela te disse: Que o meu filho entrar em seu quarto casamento passou a ter uma falha, e morreu: esta foi a destruição que foi a Jerusalém. [49] E eis que viste sua semelhança, e porque ela lamentou por seu filho, tu begannest para confortá-la: e essas coisas que por acaso, estes devem ser abertos para ti. [50] Por agora os vê mais alto que tu te aflijas sinceramente, e toleras do teu coração todo para ela, assim ele te mostrou o brilho de sua glória, ea beleza de sua beleza: [51] E por isso eu te ordenou permanecer no campo, onde nenhuma casa foi construída: [52] Porque eu sabia que o Altíssimo iria mostrar isso para ti. [53] Portanto, eu te mandei ir para o campo, onde não há fundamento de qualquer edifício foi. [54] Pois, no lugar onde o mais alto começa a mostrar a sua cidade, não pode construção de ninguém ser capaz de suportar. [55] E, portanto, não medo, nem o teu coração ser atemorizados, mas vai-te, e vê a beleza ea grandeza do edifício, tanto quanto os teus olhos capazes de ver: [56] E então te ouvir, tanto quanto os teus ouvidos podem compreender. [57] Pois tu és bendita acima de muitos outros, e arte chamado com o Altíssimo, e assim são poucos. [58] Mas, para amanhã a noite tu hás de permanecer aqui; [59] E assim as visões mais elevadas de te mostrar as coisas elevadas, o que o Altíssimo vai fazer aos que habitam sobre a terra nos últimos dias. Então eu dormia naquela noite e outra, como quando ele me mandou. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.11 [1] Então eu vi um sonho, e eis que subiam do mar uma águia, que tinha doze asas de penas, e três cabeças. [2] E eu vi, e eis que ele abriu as asas sobre toda a terra, e todos os ventos do céu soprou sobre ela, e se ajuntaram. [3] E olhei, e fora de suas penas, cresceu outras penas contrárias, e se tornaram pequenas penas e pequenos. [4] Mas seus cabeças estavam em repouso: a cabeça no meio era maior do que o outro, no entanto, repousou-lo com o resíduo. [5] Além disso olhei, e eis que a águia voou com as suas penas, e reinou sobre a terra, e sobre os que habitam nela. [6] E eu vi que todas as coisas debaixo do céu estavam sujeitos a ela, e ninguém falava contra ela, não há nem uma criatura sobre a terra. [7] E olhei, e eis que a águia passou sobre as suas garras, e falou para as suas penas, dizendo: [8] Ver, não todos de uma vez: dormir, cada um em seu próprio lugar, e veja por curso: [9] Mas deixe as cabeças ser preservado para o passado. [10] E olhei, e eis que a voz não saía de suas cabeças, mas a partir do meio do seu corpo. [11] E eu numeradas suas penas contrárias, e, eis que eram oito deles. [12] E olhei, e eis que, do lado direito, surgiu uma pena, e reinou sobre toda a terra;
  • 25. [13] E assim foi, que quando ele reinou, a fim de que veio, eo seu lugar não parecia mais: então o seguinte seguinte levantou-se. e reinou, e teve um grande momento; [14] E aconteceu que, quando ele reinou, a fim de ele veio também, como como o primeiro, de modo que parecia não mais. [15] Em seguida, veio uma voz a ela, e disse: [16] Ouve tu que tens regra borne sobre a terra tanto tempo: isso eu te digo, antes de tu começares a aparecer mais, [17] Não deve nenhum depois de ti atingir a teu tempo, nem até a metade da mesma. [18] Em seguida, surgiu o terceiro, e reinou como o outro antes, e parecia não mais também. [19] Assim, foi com todo o resíduo um após o outro, como que cada um reinou, e depois apareceu mais. [20] Então olhei, e eis que no decorrer do tempo as penas que se seguiram se puseram do lado direito, para que possa governar também, e alguns deles governados, mas dentro de um tempo eles não pareciam mais: [21] Para alguns deles foram criados, mas não governou. [22] Depois destas coisas olhei, e eis que, dos doze penas apareceu mais, nem as duas pequenas penas: [23] E não houve mais sobre o corpo da águia, mas três cabeças que descansaram, e seis pequenas asas. [24] Então, eu também vi que duas pequenas penas dividiram-se de seis, e permaneceu sob a cabeça que estava sobre o lado direito: para os quatro continuou em seu lugar. [25] E olhei, e eis que as penas que estavam sob a asa pensado para configurar-se e ter a regra. [26] E olhei, e eis que havia um set-up, mas logo apareceu mais. [27] E a segunda foi mais cedo longe do que o primeiro. [28] E olhei, e eis que os dois que permaneceram pensou também em si a reinar: [29] E, quando assim pensava, eis que despertou uma das cabeças que estavam em repouso, ou seja, ele que estava no meio, porque aquele era superior ao das duas outras cabeças. [30] E então eu vi que os dois outros chefes foram unidos com ele. [31] E, eis que a cabeça estava voltada com os que estavam com ele, e comeu as duas penas sob a asa que teria reinado. [32] Mas esta cabeça colocar toda a terra com medo, e davam nele sobre todos aqueles que habitam sobre a terra com muita opressão, e que tinha o governo do mundo mais do que todas as asas que tinham sido. [33] E, depois destas coisas olhei, e eis que a cabeça que estava no meio apareceu de repente não mais, como como as asas. [34] Mas ainda havia as duas cabeças, que também em como espécie governou sobre a terra, e sobre aqueles que habitou nela. [35] E olhei, e eis que a cabeça sobre o lado direito comeram que estava sobre o lado esquerdo. [36] Então, eu dirijo uma voz, que me disse: Olhe antes de ti, e consideram a coisa que vês. [37] E olhei, e eis que, como se fosse um leão que ruge expulsos da madeira, e vi que ele enviou uma voz de homem até a águia, e disse: [38] Ouve tu, eu vou falar contigo, o Altíssimo te disser,
  • 26. [39]: Não és tu que permaneces que dos quatro seres viventes, a quem eu fiz a reinar no meu mundo, que o fim de seus tempos podem vir através deles? [40] E o quarto veio, e superou todos os animais que foram passadas, e tinha poder sobre o mundo com medo grande, e sobre toda a extensão da terra com a opressão ímpios muito, e tanto tempo habitou ele sobre a terra com engano. [41] Para a terra tens tu não julgado com a verdade. [42] Para afligiste os mansos, tu tens ferido a paz, tu tens mentirosos queridos, e destruiu as habitações dos que frutificou, e tens elenco abaixo as paredes de ti, como fez nenhum mal. [43] Portanto, é a tua tráfico ilícito sobe a maiores alturas, e teu orgulho até o Poderoso. [44] O Altíssimo também tem olhado as vezes orgulhosos, e, eis que está terminado, e as abominações sejam cumpridas. [45] E, portanto, não aparecem mais, tu águia, nem tuas asas horríveis, nem os teus maus penas nem os teus chefes mal-intencionados, nem os teus garras ferinas, nem todos o teu corpo vão: [46] Que toda a terra pode ser atualizada, e pode retornar, sendo entregues a partir de tua violência, e que ela pode esperar para o julgamento e misericórdia daquele que a fez. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.12 [1] E sucedeu que, whiles falou o leão estas palavras a da águia, eu vi, [2] E eis que a cabeça que permaneceu e os quatro asas não mais apareceu, e os dois foram até ele e estabelecer-se a reinar, e seu reino era pequeno, e encher de tumulto. [3] E eu vi, e eis que apareceu mais nada, e todo o corpo da águia foi queimado, para que a Terra era em grande pavor, então eu acordei fora do problema e transe da minha mente, e de grande medo, e disse a meu espírito, [4] Eis que isto fizeste a mim, em que tu buscares os caminhos do Altíssimo. [5] Lo, mas estou cansado na minha mente, e muito fraco no meu espírito, e pouca força que há em mim, para o grande medo com o qual eu estava afligido esta noite. [6] Assim também eu agora peço Altíssimo, que ele vai me consolar até o fim. [7] E eu disse: Senhor, que regra dás à luz, se tenho achado graça diante de teus olhos, e se eu sou justificado contigo antes que muitos outros, e se a minha oração de fato ser chegar diante da tua face; [8] Conforto-me, então, e mostrar-me o teu servo a interpretação ea diferença clara dessa visão terrível, que tu podes perfeitamente confortar minha alma. [9] Porque tu me julgou digno de me declarar últimos tempos. [10] E ele disse-me, esta é a interpretação da visão: [11] A águia, que viste subir do mar, é o reino que foi visto na visão de teu irmão Daniel. [12] Mas não foi exposta a ele, pois agora eu declaro a ti. [13] Eis que dias virão, que não se levantará um reino sobre a terra, e será temível do que todos os reinos que foram antes dele. [14] No mesmo reinará reis 12, um após o outro: [15] Do qual o segundo deve começar a reinar, e terá mais tempo do que qualquer dos
  • 27. doze. [16] E isso é que os doze asas significam, o que viste. [17] Quanto a voz que tu ouviste falar, e que viste a não ir para fora das cabeças, mas a partir do meio do corpo da mesma, esta é a interpretação: [18] que, após o tempo de que o reino hão de surgir grandes esforços, e subsistirá em perigo de fracassar: no entanto, não deve, em seguida, cair, mas deverá ser restaurada novamente para o seu início. [19] Quanto ao que viste a pequena sob penas de oito para as suas asas, esta é a interpretação: [20] que nele hão de surgir oito reis, cujos tempos serão, mas pequeno, e as suas rápidas anos. [21] E dois deles perecerá, o tempo médio aproxima: quatro devem ser mantidos até o seu final começam a abordagem, mas dois devem ser mantidos até o fim. [22] Quanto ao que viste três cabeças descansando, esta é a interpretação: [23] Em seus últimos dias deve Altíssimo levantar três reinos, e renovar muitas coisas nele, e que terá o domínio da terra, [24] E, aqueles que nele habitam, com muita opressão, sobretudo aqueles que estavam diante deles: portanto, eles são chamados os chefes da águia. [25] Para estes são os que devem cumprir a sua maldade, e que deve terminar o seu fim último. [26] Quanto ao que viste que a grande cabeça apareceu mais, ele significa que um deles morrerá na sua cama, e ainda com dor. [27] para os dois que permanecem serão mortos à espada. [28] Para a espada de um só devorar o outro, mas na última ele deve cair com a espada a si mesmo. [29] Quanto ao que viste duas penas sob as asas que passam pela cabeça que está no lado direito; [30] ele significa que estas são eles, quem o Altíssimo tem mantido até seu final: este é o reino pequeno e cheio de problemas, como viste. [31] E o leão, que viste levantando-se para fora da madeira, e ruge, e falando com a águia, e censurar-lhe a sua injustiça com todas as palavras que ouviste; [32] Este é o ungido, o que o Altíssimo tem reservado para eles e para a sua maldade até o fim: ele deve reprová-los, e deve jogar na cara deles com a sua crueldade. [33] Por que ele deve defini-los antes-lo vivo em juízo, e deve repreendê-los e corrigi- los. [34] Para o resto do meu povo ele deve entregar com misericórdia, aqueles que têm sido pressionados nas minhas fronteiras, e ele deve fazê-las feliz, até a vinda do dia do juízo, de que tenho falado a ti a partir do começo. [35] Este é o sonho que viste, e estas são as interpretações. [36] Tu só tens estado se reúnem para conhecer o segredo do Altíssimo. [37] Portanto, escrever todas essas coisas que tens visto em um livro, e escondê-los: [38] E ensiná-los a sábia do povo, cujos corações tu sabes pode compreender e manter esses segredos. [39] Mas espera-te aqui te ainda mais sete dias, que pode ser mostrou ti, tudo o que agrada mais alto para declarar a ti. E com isso ele seguiu seu caminho. [40] E sucedeu que, quando todo o povo viu que os sete dias foram passado, e eu não voltarei para a cidade, eles se reuniram todos eles juntos, desde o menor até o maior, e veio a mim e disse: ,
  • 28. [41] O que temos ofendido ti? e que mal que fizemos contra ti, que tu forsakest nós, e assentado aqui neste lugar? [42] Para de todos os profetas só tu és nos deixou, como um cluster do vintage, e como uma vela em um lugar escuro, e como um porto ou navio preservado contra a tempestade. [43] não são os males que nos chegam são suficientes? [44] Se tu nos abandonará, mas seria muito melhor se tivesse sido para nós, se também haviam sido queimados no meio de Sião? [45] Para nós não são melhores do que os que morreram lá. E eles choraram em voz alta. Então eu respondi, e disse: [46] Tende bom ânimo, ó Israel, e não pode ser casa, pesado tu de Jacó: [47] para o mais alto tem você na memória, e os poderosos não se esqueceu que em tentação. [48] Quanto a mim, eu não vos abandonei, nem estou de ti, mas vim a este lugar, rezar para a desolação de Sion, e que eu possa buscar a misericórdia para a baixeza do seu santuário. [49] E agora ir caminho de casa todos os homens, e depois destes dias vou ter convosco. [50] Assim, as pessoas seguiram o seu caminho para a cidade, como que lhes ordenei: [51] Mas eu ainda permaneceram no campo por sete dias, como o anjo mandou-me, e comeu apenas nos dias das flores do campo, e tive a minha carne das ervas -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.13 [1] E sucedeu que, depois de sete dias, eu sonhei um sonho por noite: [2] E eis que surgiu um vento do mar, que se moveu todas as suas ondas. [3] E olhei, e eis que o homem se fortalecia com os milhares de céu: e quando ele virou o rosto para olhar, todas as coisas tremeram que foram visto com ele. [4] E quando quer que a voz saiu de sua boca, todos eles queimaram que ouviu sua voz, como que a falha terra quando feeleth o fogo. [5] E, depois destas coisas olhei, e eis que ali estava reunida uma multidão de homens, de número, desde os quatro ventos do céu, para subjugar o homem que saiu do mar [6] Mas eu vi, e eis que ele tinha entalhadas-se uma grande montanha, e voou em cima dele. [7] Mas eu gostaria de ter visto a região ou lugar whereout o morro estava gravado, e eu não podia. [8] E depois destas coisas olhei, e eis que todos os que estavam reunidos para dominá-lo temeram, e ainda luta Durst. [9] E eis que, ao que ele viu a violência da multidão que veio, ele não levantou a mão, nem realizada espada, nem qualquer instrumento de guerra: [10] Mas só vi que ele mandou para fora da boca como tinha sido uma explosão de fogo, e de seus lábios um hálito flamejante, e fora de sua língua lançou faíscas e tempestades. [11] E eles estavam todos misturados, a explosão de fogo, o hálito flamejante, eo grande tempestade, e caiu com violência sobre a multidão que estava preparado para
  • 29. lutar, e os queimaram cada um, de modo que sobre uma repentina de uma multidão inumerável nada era para ser percebido, mas apenas poeira e cheiro de fumaça: quando eu vi isso fiquei com medo. [12] Depois eu vi o mesmo homem desce da montanha, e chamar-lhe outra multidão pacífica. [13] E veio muita gente com ele, do qual alguns estavam felizes, alguns eram muito, e algumas delas estavam atadas, e outro trouxe alguns dos que foram oferecidos: então eu era doente por medo grande, e eu despertei, e disse, [14] usaste de teu servo essas maravilhas desde o início, e tens me contado digno que tu deverias receber a minha oração: [15] Mostrai-me agora mas a interpretação desse sonho. [16] Porque, como eu a concebo em meu entendimento, ai deles que devem ser deixados nesses dias e ai muito mais para os que não são deixados para trás! [17] Para os que não foram deixados estavam em peso. [18] Agora eu entendo as coisas que estão reservados nos últimos dias, o que deve acontecer a eles, e para aqueles que são deixados para trás. [19] Portanto, são eles vêm em grandes perigos e necessidades diversas, como como declarar esses sonhos. [20] No entanto, é mais fácil para ele que está em perigo de vir para essas coisas, do que passar como uma nuvem para fora do mundo, e não ver as coisas que acontecem nos últimos dias. E ele respondeu-me, e disse: [21] A interpretação da visão será eu te mostrar, e eu vou abrir para ti a única coisa que tu necessário. [22] Considerando que tens falado dos que são deixados para trás, esta é a interpretação: [23] Ele que durará o perigo de que o tempo guardou-se: aqueles que forem caído em perigo são os que têm obras, e fé no Todo-Poderoso. [24] Conheça este, portanto, que os que ser deixado para trás é mais abençoado que os que estavam mortos. [25] Este é o significado da visão: Considerando que viste um homem vindo do meio do mar: [26] O mesmo é aquele a quem Deus Altíssimo, tem mantido uma grande temporada, que por seu próprio emitirá sua criatura: e ele deve ordenar-lhes que são deixados para trás. [27] E enquanto viste, que da sua boca, veio como uma rajada de vento, fogo e tempestade; [28] E que ele tinha nem espada, nem qualquer instrumento de guerra, mas que a pressa dele em destruído toda a multidão que veio a dominá-lo, esta é a interpretação: [29] Eis que vêm os dias, quando o Altíssimo vai começar a entregar os que estão sobre a terra. [30] E ele virá para o espanto dos que habitam sobre a terra. [31] E se alguém se comprometem a lutar contra a outra, uma cidade a outra, um lugar contra o outro, um povo contra o outro, e um reino contra o outro. [32] E o tempo será quando essas coisas deve vir a passar, e os sinais devem acontecer que eu te mostrei antes, e então virá o meu Filho ser declarado, a quem viste como um homem ascendente. [33] E, quando todas as pessoas ouvem a sua voz, todo o homem deve, em sua própria terra deixam a batalha que eles têm um contra o outro.
  • 30. [34] E uma multidão inumerável serão reunidas, como tu viste-las, dispostos a vir, e para vencê-lo lutando. [35] Mas ele deve estar sobre o topo do Monte Sion. [36] E Sion virão, e serão mostrou a todos os homens, sendo preparado e edificado, assim como já viste a escultura morro sem mãos. [37] E este meu Filho repreenderá as invenções perversas dessas nações, que durante sua vida ímpios são mortos em tempestade; [38] E porá diante deles seus maus pensamentos, e os tormentos com os quais eles devem começar a ser atormentado, que são semelhante a uma chama, e ele os destruirá sem trabalho, a lei que é semelhante a mim. [39] E enquanto viste que ele reuniu uma outra multidão pacífica a ele; [40] Estas são as dez tribos, que foram levados prisioneiros de sua própria terra no tempo de Osea o rei, que Salmanasar, rei da Assíria levou cativo, e ele levou-os sobre as águas, e assim vieram em outra terra. [41] Mas eles tomaram este conselho entre si, que deixaria a multidão das nações, e ir adiante em um país ainda mais, onde a humanidade nunca habitou, [42] Que eles possam manter lá os seus estatutos, que eles nunca mantidos em sua própria terra. [43] E entraram no Eufrates pelos lugares estreitos do rio. [44] Para a maior alta em seguida, fez sinais para eles, e realizou ainda a enchente, até que eles passassem. [45] Por meio desse país houve um grande caminho a percorrer, ou seja, de um ano e meio, e da mesma região é chamada Arsareth. [46] Em seguida, eles habitaram ali até o último tempo, e agora quando eles começam a vir, [47] O Altíssimo deve suspender as nascentes do riacho novo, que podem passar por: portanto, viste a multidão com a paz. [48] Mas aqueles que ser deixado para trás do teu povo são os que são encontrados dentro de minhas fronteiras. [49] Agora, quando ele destrói a multidão das nações que estão reunidos, ele deverá defender seu povo que permanecem. [50] E então ele lhes mostrasse grandes maravilhas. [51] Então, disse eu, ó Senhor, que regra dás à luz, mostra-me o seguinte: Pelo que vi o homem vindo do meio do mar? [52] E ele disse-me: Assim como tu podes nem procurar nem saber as coisas que estão no fundo do mar: mesmo assim ninguém pode ver na terra o meu Filho, ou aqueles que estão com ele, mas na tempo do dia. [53] Esta é a interpretação do sonho que viste, e em que só tu és iluminada aqui. [54] Para teres deixado o teu próprio caminho, e aplicada a tua diligência até a minha lei, e procurou-la. [55] Tua vida tens ordenado em sabedoria, e tens chamado compreender a tua mãe. [56] E por isso eu te mostrou os tesouros do Altíssimo: depois de outros três dias vou falar outras coisas a ti, e te declararei coisas poderosas e maravilhosas. [57] Então eu fui ao campo, louvando e agradecendo muito ao Altíssimo por causa de suas maravilhas que ele fez no tempo; [58] E porque ele governa o mesmo, e coisas tais como queda em suas estações, e lá estava eu de três dias.
  • 31. -------------------------------------------------- ------------------------------ 4Ezra.14 [1] E sucedeu que ao terceiro dia, sentei-me debaixo de um carvalho, e eis que veio uma voz de um arbusto, defronte de mim, e disse, Esdras, Esdras. [2] E eu disse: Eis-me aqui, Senhor E eu me levantei sobre os meus pés. [3] E ele disse-me, No mato eu fiz manifestamente me revelar a Moisés, e falou com ele, quando o meu povo servido no Egito: [4] E eu mandei ele e levou o meu povo do Egito, e trouxe-o até o monte de onde eu lhe segurava-me uma longa temporada, [5] E disse-lhe muitas coisas maravilhosas, e mostrou-lhe os segredos dos tempos e, ao final, e ordenou-lhe, dizendo: [6] Estas palavras tu declarar, e estes esconder serás. [7] E agora eu te digo, [8] que tu colocar em teu coração os sinais que fiz no, e os sonhos que tens visto, e as interpretações que ouviste: [9] Para tu serás tirado tudo, e de agora em diante tu ficar com o meu Filho, e com como ser semelhante a ti, até que as vezes ser terminado. [10] Para o mundo tem perdido a sua juventude, e os tempos começam a envelhecerão. [11] Para o mundo é dividido em doze partes, e as dez partes dele já se foram, e metade de uma décima parte: [12] E lá permanece o que é após a metade da décima parte. [13] Agora, pois, definir a tua casa em ordem e repreender o teu povo, conforto, dentre eles, estar com problemas, e agora renunciar à corrupção, [14] Deixe de ti pensamentos mortais, afastar os encargos do homem, posto fora agora a natureza fraca, [15] e reserve os pensamentos que são mais pesados para ti, e te pressa de fugir desses tempos. [16] Para males ainda maiores do que aqueles que viste acontecer será feito a seguir. [17] Para olhar o quanto o mundo deve ser mais fraco com a idade, tanto mais deve aumentar os males sobre os que nela habitam. [18] Para o tempo fugiu de longe, e leasing é duro na mão, porque agora se apressa a visão de vir, o que viste. [19] Então eu respondi antes de ti, e disse: [20] Eis aqui, Senhor, eu irei, como tu me mandou, e reprovar as pessoas que estão presentes, mas os que devem ter nascido mais tarde, que deve admoestá-los? Assim, o mundo está definido nas trevas, e aqueles que nele habitam são sem luz. [21] Para a tua lei está queimada, portanto ninguém sabe as coisas que são feitas de ti, ou o trabalho que deve começar. [22] Mas, se tenho achado graça diante de ti, enviar o Espírito Santo dentro de mim, e eu vou escrever tudo o que se tem feito no mundo desde o início, que foram escritas em tua lei, que os homens possam encontrar teu caminho, e que os que vão viver nos últimos dias pode viver. [23] E ele me respondeu, dizendo: Vai-te, reuniu o povo, e dize-lhes, que não te procuram por quarenta dias. [24] Mas olha tu prepara-te muitas árvores caixa, e leva contigo Sarea, Dabria, Selemia, Ecanus e Asiel, estes cinco que está pronto para escrever rapidamente;
  • 32. [25] E vem cá, e eu vou acender uma vela de compreensão em teu coração, que não deve ser posto para fora, até que as coisas sejam realizadas e que tu começar a escrever. [26] E quando tu fizeste, algumas coisas, tu publicar, e algumas coisas que tu hás de mostrar secretamente para o sábio: amanhã a estas horas tu começar a escrever. [27] Então eu fui para frente, como lhe tinha ordenado, e reuniu todo o povo, e disse: [28] Ouça estas palavras, ó Israel. [29] Nossos pais, no início eram estrangeiros no Egito, de onde foram entregues: [30] E recebeu a lei da vida, que eles não sejam mantidos, que também vós tendes transgredido depois deles. [31] Então, era a terra, mesmo a terra de Sião, se separaram no meio de vós, por sorteio, mas seus pais, e vós mesmos, fizeram a injustiça, e não guardei os caminhos que o Altíssimo mandado. [32] E porquanto ele é um juiz justo, ele tomou de você com o tempo a coisa que ele havia lhe dado. [33] E agora estão-vos aqui, e seus irmãos entre si. [34] Portanto, se é que haveis de subjugar seu próprio entendimento, e reformar os vossos corações, deveis ser mantida viva e após a morte vos alcançarão misericórdia. [35] Para depois da morte é o juízo vem, quando vamos viver de novo: e então os nomes dos justos se manifestar, e as obras dos ímpios devem ser declaradas. [36] Portanto, ninguém o vir a mim agora, nem depois de me procurar esses quarenta dias. [37] Então, eu levei os cinco homens, como ele me ordenou, e fomos para o campo, e lá permaneceu. [38] E no dia seguinte, eis que uma voz me chamou, dizendo: Esdras, abra tua boca e beber que eu te dou a beber. [39] Em seguida, abriu minha boca que eu, e eis que ele chegou até mim um copo cheio, que estava cheio como se fosse com água, mas a cor dele era como fogo. [40] E eu peguei, e bebeu: e quando eu tinha bebido dela, meu coração pronunciou entendimento, e sabedoria cresceu em meu peito, para o meu espírito fortalecido minha memória: [41] E a minha boca se abriu, e fechou mais. [42] O Altíssimo deu entendimento até os cinco homens, e eles escreveram as visões maravilhosas da noite que foi dito, que não sabia, e sentaram-se quarenta dias, e que escreveu no dia, e à noite eles comeram pão. [43] Quanto a mim. Eu falei no dia, e eu não segurei minha língua por noite. [44] Em quarenta dias, escreveu duzentos e quatro livros. [45] E sucedeu que, quando os quarenta dias foram preenchidos, que o mais alto falou, dizendo: O primeiro que tens escrito publicar abertamente, que os dignos e indignos possam lê-la: [46] Mas mantenha o último 70, para que te entregá-los apenas para ser como o sábio entre os povos: [47] Para neles é a primavera do entendimento, a fonte da sabedoria, ea corrente do conhecimento. [48] E assim fiz. -------------------------------------------------- ------------------------------
  • 33. 4Ezra.15 [1] Eis, fala tu nos ouvidos do meu povo as palavras da profecia, o que vou colocar na tua boca, diz o Senhor: [2] E levá-los a ser escrito em papel, porque são fiéis e verdadeiras. [3] Não temas as imaginações contra ti, não deixes que a incredulidade deles incomodar-te, que falam contra ti. [4] Para todos os infiéis morrerá na sua infidelidade. [5] Eis, diz o Senhor, trarei pragas sobre o mundo; a espada, fome, morte e destruição. [6] Para maldade tem muito poluída toda a terra, e suas obras dolorosas são cumpridas. [7] Assim diz o Senhor, [8] eu vou segurar minha língua não mais como tocar a sua maldade, que profanamente cometer, nem sofro los nessas coisas, em que perversamente exercitam-se: eis que o sangue inocente clama e justo para mim, e as almas do justo reclamar continuamente. [9] E, portanto, diz o Senhor, eu certamente vingar-los, e receber a mim todo o sangue inocente do meio deles. [10] Eis, meu povo é levado como um rebanho para o abate: Eu não sofrerão-los agora a habitar na terra do Egito: [11] Mas eu vou trazê-los com mão forte e braço estendido, e ferirei o Egito com pragas, como antes, e irá destruir toda a terra da mesma. [12] O Egito se lamentar, e da fundação do que deve ser ferida com a praga e punição que Deus fará vir sobre ele. [13] Eles que até o solo deve choram, porque as suas sementes devem falhar através do jateamento e saraiva, e com uma constelação com medo. [14] Ai do mundo, e que nela habitam! [15] Para a espada e sua destruição draweth próximo, e um povo se levantará e lutar contra a outra, e as espadas em suas mãos. [16] Pois não haverá sedição entre os homens, e invadir um outro, não devem considerar que os seus reis, nem príncipes, eo curso de suas ações devem estar em seu poder. [17] Um homem deseja ir para uma cidade, e não ser capaz. [18] Por causa de seu orgulho as cidades serão abaladas, as casas serão destruídas, e os homens devem ter medo. [19] Um homem não terá piedade de seu vizinho, mas deve destruir as suas casas com a espada, e estragar seus bens, por causa da falta de pão, e para a grande tribulação. [20] Eis, diz o Senhor, vou convocar todos os reis da terra a reverência me, que são desde o nascer do sol, do sul, do leste, e Libanus; para transformar-se uns contra os outros, e pagar as coisas que eles têm feito para eles. [21], como que eles fazem ainda hoje para o meu escolhido, assim farei, também, recompensa e em seu seio. Assim diz o Senhor Deus; [22] Minha mão direita não deve poupar os pecadores, e minha espada, não cessarão sobre eles que derramam sangue inocente sobre a terra. [23] O fogo já saiu de sua ira, e devorou os fundamentos da terra, e os pecadores, como a palha, que se acendeu. [24] Ai deles que o pecado, e não guardarem os meus mandamentos! diz o Senhor. [25] Eu não vou poupá-los: siga o seu caminho, filhos, do poder, não contaminam o