Contextualização para evento smp

506 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
506
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
62
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Contextualização para evento smp

  1. 1. Serviço Celular Visão Crítica Clube de Engenharia Divisão Técnica de Eletrônica e Tecnologia da Informação - DETI 27 de abril de 2010DETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 1
  2. 2. Objetivos • Colocar frente a frente os principais lh ar da um o ra atores do cenário de prestação do m do co Brasilei bretu d no serviçoScelular ade Brasil (SMP) com o Socie e suas respectivas visõesc onal icríticas ia Na r Eng enha da • Dar um vislumbre sobre as melhorias possíveis e futuras características do serviçoDETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 2
  3. 3. Painéis Serviço Celular – Visão Crítica 1. Infraestrutura e Características 3. Política Industrial e Tecnológica 5. Preços, Qualidade e Defesa do Consumidor 4. Perspectivas FuturasDETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 3
  4. 4. O Serviço Móvel Pessoal - SMP Definição (Anatel – Regulamento do Serviço Móvel Pessoal – SMP - Resolução nº 477 de 07/08/2007 – Art. 4) siç o a O ServiçonMóveltãito Em co trapo Pessoal – SMP é o serviço de s r interesse re telecomunicações móvel terrestre de interesse coletivo que possibilita a comunicação entre estações móveis e de Em con estações rmóveis para outras estações, observadas as t Sem ob aposição a reg rigaç constantes pú regulamentação. disposiçõesões de un imeda blico continui iversali Em zação e dade c on a c trapo onc s Regime de Prestação ( Idem, Art. 5) ess ição ão O SMP é prestado em regime privado e sua exploração e o direito ao uso das radiofreqüências necessárias dependem de prévia autorização da Anatel.DETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 4
  5. 5. Principais Regulamentos da Anatel - Regulamento do SMP – Resolução 477/2007 - Norma de Adaptação do SMC para SMP Resolução 326/2002 - Plano Geral de Autorizações Resolução 321/2002 e 478/2007 - Regulamento de Uso de Radiofrequências Resolução 454/2006 - Plano Geral de Metas de Qualidade do SMP Resolução 317/2002DETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 5
  6. 6. Situação em Março de 2010 Pré = 147,7 mi  82,48 % • 179 milhões habilitações Pós = 31,3 mi  17,52 % • Densidade de 93,01 /100 habitantes 5 em cada a t 8,7 mi celulares n as 1 em con Ape ares t • 3G = 13,7 milhões l celu 5,0 mi modens • Vivo = 30,12 %  53,9 milhões mais ato d e se ter Claro = 25,45 %  45,5 “ Mas cara o f ne por pessoa lefo d e um t e TIM = 23,65 %  42,3 “ Oi = 20,41 %  36,5 “ fonte : AnatelDETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 6
  7. 7. Principais Problemas mencionados pela mídia e pelos usuários • Preços Dos mais caros do mundo, inibindo sua utilização (baixo tráfego por terminal) e criando a dicotomia pré/pós pago - Relatório UIT “Measuring the Information Society – 2010” , e plantão Tele. Síntese de 25.02.2010, com a utilização de paridade do poder de compra  Brasil em último lugar 2. Qualidade Bastante criticada, gerando reclamações constantes em organismos de defesa do consumidor - Relatório da Fundação Procon de março de 2010  4 maiores Operadoras entre os 18 líderes em reclamações 3. Abrangência Diversos municípios sem atendimento ou com atendimento precário - Plantão Tele.Síntese – “Celulares podem deixar de cumprir metas” de 14/04/2010DETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 7
  8. 8. Perspectivas futuras C on sultoria destac F ou com rost and Sull o tendê iv ncia pa an ra 201 0 • Leilão da Banda H • 4G : Wimax x LTE (Long Term Evolution) • MVNO (Mobile Virtual Network Operator) • Femtocells (estações base de pequeno porte para residências ou pequenos negócios) • Sistemas Operacionais abertos : Android (Google), Symbian (vários fabricantes), Debian (Nokia), Bada (Samsung), etc.DETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 8
  9. 9. Este evento esta sendo transmitido pela TVClubeDETI - Marcio Patusco Lana Lobo Abril de 2010 Serviço Celular - Visão Crítica 9

×