Indústria

27 visualizações

Publicada em

AULAS DO PROFESSOR MARCIANO DANTAS: INDÚSTRIA

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
27
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Indústria

  1. 1. INDÚSTRIA PROFESSOR MARCIANO DANTAS
  2. 2. INDÚSTRIA – É A TRANSFORMAÇÃO DE MATÉRIA- PRIMA EM PRODUTOS COMERCIALIZÁVEIS, UTILIZANDO A MÃO DE OBRA HUMANA, MÁQUINAS E ENERGIA.
  3. 3. ARTESANATO – ARTE DO TRABALHO MANUAL; AUSÊNCIA DE DIVISÃO SOCIAL DO TRABALHO; INSTRUMENTOS DE TRABALHO BASTANTE SIMPLES; TEM COMO PRINCIPAL OBJETIVO ATENDER ÀS NECESSIDADES DO TRABALHADOR E DA SUA FAMÍLIA.
  4. 4. MANUFATURA – TRABALHO FEITO MANUALMENTE PELO PRODUTOR COM UTILIZAÇÃO DE MÁQUINAS SIMPLES E UMA PEQUENA DIVISÃO SOCIAL DO TRABALHO.
  5. 5. INDÚSTRIA DE BASE – TRANSFORMA A MATÉRIA- PRIMA BRUTA EM MATÉRIA-PRIMA PROCESSADA E QUE SERÃO UTILIZADAS POR OUTRAS INDÚSTRIAS, COMO AS SIDERÚRGICAS, METALÚRGICAS, PETROQUÍMICAS E DE CIMENTO.
  6. 6. INDÚSTRIA PESADA – É AQUELA QUE TRABALHA E TRATA OS PRODUTOS DE SUA ORIGEM EM GRANDE QUANTIDADE PARA CONVERTÊ-LOS EM PRODUTOS SEMI-ELABORADOS, COMO A QUÍMICA E A METALÚRGICA.
  7. 7. INDÚSTRIA DE TRANSFORMAÇÃO – É AQUELA QUE TRANSFORMA A MATÉRIA-PRIMA EM PRODUTOS INDUSTRIALIZADOS. PODE SER AS INDÚSTRIAS DE: BENS DE PRODUÇÃO, BENS INTERMEDIÁRIOS E BENS DE CONSUMO.
  8. 8. INDÚSTRIAS DE BENS DE PRODUÇÃO – FABRICAM PRODUTOS QUE SÃO UTILIZADOS POR OUTRAS INDÚSTRIAS, COMO AS SIDERÚRGICAS E AS PETROQUÍMICAS.
  9. 9. INDÚSTRIAS DE BENS INTERMEDIÁRIOS – PRODUZEM MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS UTILIZADOS NA FABRICAÇÃO DE OUTROS PRODUTOS INDUSTRIAIS, COMO AS MECÂNICAS E DE EQUIPAMENTOS.
  10. 10. INDÚSTRIAS DE BENS DE CONSUMO – FABRICAM PRODUTOS QUE SERÃO CONSUMIDOS DIRETAMENTE PELAS PESSOAS. DIVIDE-SE EM: INDÚSTRIAS DE BENS DE CONSUMO DURÁVEIS (AUTOMÓVEIS, ELETRODOMÉSTICOS), BENS DE CONSUMO SEMI-DURÁVEIS (ROUPAS, CALÇADOS) E BENS DE CONSUMO NÃO DURÁVEIS (ALIMENTOS, BEBIDAS, CIGARROS).
  11. 11. INDÚSTRIA EXTRATIVA – É ÀQUELA QUE RETIRA PRODUTOS DA NATUREZA DE FORMA MECANIZADA, COMO A MINERAÇÃO, A INDÚSTRIA MADEIREIRA, ETC.
  12. 12. INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO – SÃO AS INDÚSTRIAS DE INSTALAÇÃO DE GRANDE PORTE, COMO NAVIOS, PORTOS, RODOVIAS, EDIFÍCIOS, FERROVIAS, AEROPORTOS, ETC.
  13. 13. PROCESSO DE CONCENTRAÇÃO INDUSTRIAL – OCORREU DURANTE OS PRIMÓRDIOS DA INDUSTRIALIZAÇÃO DE UM PAÍS OU REGIÃO MOTIVADO POR VÁRIOS FATORES, COMO A LOCALIZAÇÃO, ABUNDÂNCIA DE MATÉRIAS- PRIMAS, MERCADO CONSUMIDOR, DENTRE OUTROS. PROCESSO DE DESCONCENTRAÇÃO INDUSTRIAL – MOTIVADO PELO SURGIMENTO DE NOVAS ÁREAS PRODUTIVAS, PELO AVANÇO NOS MEIOS DE TRANSPORTES E COMUNICAÇÕES, BUSCA POR MÃO DE OBRA BARATA, INCENTIVOS FISCAIS, INCHAMENTO DAS CIDADES, ELEVADOS CUSTOS IMOBILIÁRIOS, DENTRE OUTROS.
  14. 14. TAYLORISMO – SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO CIENTÍFICA QUE TEM COMO PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS: DIVISÃO DAS TAREFAS DE TRABALHO DENTRO DE UMA EMPRESA, ESPECIALIZAÇÃO DO TRABALHADOR, TREINAMENTO E PREPARAÇÃO DOS TRABALHADORES DE ACORDO COM AS APTIDÕES APRESENTADAS, DENTRE OUTRAS; ANÁLISE DOS PROCESSOS PRODUTIVOS DENTRO DE UMA EMPRESA COM O OBJETIVO DE OTIMIZAR O TRABALHO E AUMENTAR A PRODUÇÃO.
  15. 15. FORDISMO – MODELO DE PRODUÇÃO CRIADO POR HENRY FORD, CUJA PRINCIPAL CARACTERÍSTICA É A PRODUÇÃO EM MASSA; TEM COMO PRINCIPAL OBJETIVO REDUZIR AO MÁXIMO OS CUSTOS DE PRODUÇÃO E BARATEAR O PRODUTO; CRIAÇÃO DE LINHAS DE MONTAGEM E DE ESTEIRAS ROLANTES; PRÁTICA DO KEYNESIANISMO NAS FÁBRICAS (BEM-ESTAR SOCIAL DO TRABALHADOR).
  16. 16. TOYOTISMO – SISTEMA DE PRODUÇÃO DESENVOLVIDO PELA TOYOTA ENTRE 1948 E 1975; CONHECIDO COMO MODELO DE PRODUÇÃO FLEXÍVEL; UTILIZAÇÃO DE MÁQUINAS E EQUIPAMENTOS AVANÇADOS; RACIONALIZAÇÃO DA PRODUÇÃO; PRODUÇÃO DESCENTRALIZADA E TERCEIRIZADA; CRIAÇÃO DO KANBAN E DO JUST- IN-TIME.
  17. 17. JUST-IN-TIME – SISTEMA DE ADMINISTRAÇÃO DA PRODUÇÃO ONDE TUDO DEVE SER PRODUZIDO, TRANSPORTADO OU COMPRADO NA HORA EXATA; TEM COMO PRINCIPAL OBJETIVO REDUZIR OS ESTOQUES, OS CUSTOS DE PRODUÇÃO E AS PERDAS; O ESTOQUE DAS MERCADORIAS É MÍNIMO E SUFICIENTE PARA POUCAS HORAS DE PRODUÇÃO.
  18. 18. KANBAN – CARTÃO DE SINALIZAÇÃO QUE CONTROLA OS FLUXOS DE PRODUÇÃO OU TRANSPORTES EM UMA INDÚSTRIA.

×