SlideShare uma empresa Scribd logo

Ouvir o fogo do espírito. varno

Ki Mon Ka é um método de canalização de energia cósmica, contemplação, meditação e massoterapia energética reflexiva

1 de 155
Baixar para ler offline
Ouvir o fogo do espírito. varno
OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO




   Varno
     OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO – Método Ki Mon Ka de
   Transformação Interior através da Canalização de Energia Cósmica,
   Contemplação, Meditação e Massoterapia Energética Reflexiva/ Varno
   – Universo, 2009

      Obra formatada pelo autor

      1. Ouvir, 2. Fogo, 3. Espírito, 4. Ki Mon Ka, 5. Terapia Holística, 6.
      Canalização, 7. Energia, 8. Cósmica, 9, Meditação, 10.
      Contemplação, 11. Massoterapia, 12. Energética, 14. Reflexiva, 15.
      Transformação, 16. Interior, 17. Varno


  Ficha catalográfica elaborada por Varno




        DIREITOS RESERVADOS PARA
                         Universo ou Você.
   Cópias, impressões, downloads, uploads do Livro Digital, dos Áudios e dos
   Vídeos são, não apenas permitidos, como também, incentivados. O objetivo
    desta obra é difundir o Ki Mon Ka e todas as formas apresentadas pelo
                  Universo para fazê-lo serão bem recebidas.




               Projeto Re.Vital(iz)Ação
                      varno.kmk@gmail.com
          My Space: http://varno-kimonka.spaces.live.com/
Grupo de discussão: http://br.groups.yahoo.com/group/ouvir_o_fogo_do_espirito
                                  HD Virtual:
       http://cid-79bcd44cc475345d.skydrive.live.com/self.aspx/.Public
                          Celular: 5181779291
                      HTC para torpedos: 5581319530
                    TWITTER: www.twitter.com/varnokmk


                                  Livro Digital
              Não impresso originalmente, mas disponível à impressão.

                      VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação                          1
OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO

                             O TESOURO OCULTO

           “Existia em certa região a crença de que um povo de grande sabedoria a
habitara em tempos remotos e deixara um tesouro oculto no alto das montanhas.
Afirmava-se que o homem que o encontrasse se tornaria o mais rico do mundo e que
ninguém poderia roubar sua fortuna.
       De geração em geração mantivera-se a fé de que o encontro daquele tesouro
atrairia ao lugar prosperidade e harmonia jamais vistos.
       Várias expedições foram empreendidas. Inúmeros rastreamentos e escavações
foram feitos, todos em vão. Os anos iam passando e o tesouro ia tornando-se lenda.
Havia naquela região um jovem muito amado por todos. Também para ele o tesouro
parecia inatingível. E, bem sucedido em tudo a que se dedicava, era inexplicável o
sentimento de vazio que sempre o acometia. Movido por imperiosa necessidade de
refletir, passou a buscar quietude nas cercanias.
       No topo de uma montanha próxima dedicava-se a contemplar o Sol. Quase
diariamente se dirigia àquele local para ver as luzes silenciosas do crepúsculo ou
                                             sentir o chamado à alegria do alvorecer.
                                             Após algum tempo, o jovem percebeu
                                             que sua insatisfação desaparecera. Um
                                             sentido de plenitude havia crescido em
                                             seu ser. Passou a observar, também,
                                             sempre que retornava da montanha, que
                                             algumas pessoas o aguardavam no
                                             caminho e eram tocadas pelo mesmo
                                             estado de paz.
                                             Numa tarde de primavera, quando a
natureza se desdobrava em flores e o céu resplandecia azul, o jovem lembrou-se do
tesouro, e os raios do Sol fizeram-no ver o grande legado que quase sem dar conta
encontrara: pensamento luminoso para iluminar seus rumos, sentimento luminoso
para iluminar seus contatos e ação luminosa para iluminar seu mundo. Dentro de si,
onde ninguém pode tocar, estava tão procurado tesouro.”
                           Fonte: BOLETIM DE SINAIS, nº 10, ano IV. Editora IRDIN




                      VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação                                  2
OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO

                                    AGRADECIMENTO

      Este método é resultado de todas as experiências que tive em minha vida. Todas e cada
uma foram igualmente valiosas para que esta consciência que tenho hoje se manifestasse.
      Agradeço, portanto, a todas as pessoas que cruzaram em meu caminho e contribuíram
para que isto fosse possível. A cada mestre que encontrei em minha jornada e, como mestre, eu
tenho cada pessoa, animal e elemento que possibilitou a manifestação de um aprendizado.
      Não vou nominar aqui esses mestres, mesmo porque, precisaria um livro somente para
fazê-lo. Mas muitos deles estão sentindo, em seu coração, a minha gratidão.
      Que o Universo ou Deus de sua devoção, abençoe cada passo de tua jornada.
      Meu amor estará sempre com você e te levarei sempre em meu coração.
      Beijos de luz.




                           VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação                                3
OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO


                        VOCÊ PROCURA UM MESTRE?

    Você procura um mestre?

    Olhe para dentro de si e a sua volta.
    Você poderá encontrá-lo no seu interior ou em qualquer criança, pessoa,
animal, planta ou elemento com que você encontrar. Em qualquer situação, em
                                            qualquer movimento. Desde que
                                            você    esteja  disposto      ao
                                            aprendizado.

                                               Mas não tenha a mim como um
                                               mestre espiritual. Não se engane.

                                               Não me dê essa responsabilidade
                                               de designar a mim o poder de te
                                               guiar.

                                               Sou tão mestre para você quanto
você é para mim.

    Aprenderei com você na mesma medida em que você aprender comigo e
algumas vezes, você me ensinará mais.

     Mestre é aquela pessoa que serve de canal para que um aprendizado se
manifeste. Tem o mesmo significado que o termo professor. Em cada cultura
este termo tem um significado diferente e todos são corretos.

    Eu busco ser como o Siddharta de Hermann Hesse. Aprender com cada
movimento, cada situação, cada elemento e cada pessoa. Todos são meus
mestres. E os reverencio e sou grato por isso.

     Existem e existiram algumas pessoas que são consideradas mestres
espirituais, seres iluminados, ascencionados, avatares. Este não sou eu.

    Estou aqui, compartilhando meu aprendizado.
    Coisas que fazem bem para mim e que, por esta razão, quero que outras
pessoas também conheçam.
    Porque isso me faz bem. Eu amo compartilhar.

     E eu, talvez, não esteja sempre presente. Sempre que estivermos juntos e
você necessitar, compartilharei com prazer, meu aprendizado. Pessoalmente,
por e-mail, telefone.

     Mas não farei só isso.
     Pois eu preciso de tempo também, para brincar; fotografar; filmar; rolar na
grama; conversar com animaizinhos, plantas, pedras; falar bobagem; jogar
vídeo-game; assistir filmes de todos os tipos; amar e fazer amor.
     Tudo aquilo que todos fazem.



                       VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação                       4
OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO

    Como você vê. Não há nada de diferente em mim. Sou uma pessoa
simples. Um eterno discípulo do Universo que gosta de compartilhar tudo o que
aprende e faz isso por egoísmo. Porque me dá muito prazer. Quem mais ganha
quando faço isso. Sou eu.

         “Mentalmente, podemos compartilhar conhecimento e habilidades com
         pessoas que estão prontas e desejosas de aprender. É interessante notar que
         nossa compreensão de certos assuntos se torna mais profunda quando
         fazemos isso. Se desejar dominar um determinado assunto, ensine-o. Dê e
         receberá. Essa é a lei”.
                   Manifestação do Amor Divino pela generosidade através da Lei do
                                                                             Karma
                      SUI, Choa Kok. Meditações para o Desenvolvimento da Alma.
                                                                            Ground.


   A mesma luz que brilha em mim, brilha também em você.
   Nem mais, nem menos.
   Pois o mesmo Deus que habita em mim, também habita em você. Na
mesma intensidade.


      Siddharta de Hermann Hesse - Siddharta é um romance escrito por Hermann Hesse, um
dos maiores escritores alemães. Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1946. A sua
primeira publicação foi em 1922 e conta passagem de sua vida e pensamento durante sua estadia
na Índia em 1910, inspirado na tradição contada de Siddhartha Gautama, o Buda. O livro trata
basicamente a busca pela plenitude espiritual, e o alcance de estados em que a mente humana se
encontra absolutamente completa e plena. Em 1972, o grupo inglês de rock progressivo Yes
inspirou-se no livro para escrever as letras da música Close to the Edge.
      Saiba mais: http://pt.wikipedia.org/wiki/Sidarta_(romance)




                           VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação                                 5
Anúncio

Recomendados

Livro digital sei shin shin shin tyou wa ensaio 1
Livro digital sei shin shin shin tyou wa ensaio 1Livro digital sei shin shin shin tyou wa ensaio 1
Livro digital sei shin shin shin tyou wa ensaio 1VARNO NOMADE
 
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-B
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-BCarlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-B
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-BCarlos Junior
 
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-A
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-ACarlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-A
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 3-ACarlos Junior
 
Reiki Sistema Ocidental Sagrado Sem Segredos. Parte 3
Reiki   Sistema Ocidental Sagrado   Sem Segredos. Parte 3Reiki   Sistema Ocidental Sagrado   Sem Segredos. Parte 3
Reiki Sistema Ocidental Sagrado Sem Segredos. Parte 3VARNO NOMADE
 
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 3 (Master)
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 3 (Master)Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 3 (Master)
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 3 (Master)Carlos Junior
 
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 2
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 2Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 2
Carlos Rebouças Jr - Reiki Usui 2Carlos Junior
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Reiki sistema ocidental sagrado sem segredos
Reiki sistema ocidental sagrado sem segredosReiki sistema ocidental sagrado sem segredos
Reiki sistema ocidental sagrado sem segredosVARNO NOMADE
 
Apresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãO
Apresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãOApresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãO
Apresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãOVARNO NOMADE
 
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2Carlos Junior
 
Manual do mestre reiki diane stein
Manual do mestre reiki   diane steinManual do mestre reiki   diane stein
Manual do mestre reiki diane steinJose Vertiz
 
Projeto Re.vital(iz)ação. varno
Projeto Re.vital(iz)ação. varnoProjeto Re.vital(iz)ação. varno
Projeto Re.vital(iz)ação. varnoVARNO NOMADE
 
Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1
Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1
Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1Carlos Junior
 
Carlos Rebouças Jr - Medicine Buddha Reiki
Carlos Rebouças Jr - Medicine Buddha ReikiCarlos Rebouças Jr - Medicine Buddha Reiki
Carlos Rebouças Jr - Medicine Buddha ReikiCarlos Junior
 
Reiki Sistema Ocidental Sagrado Sem Segredos. Parte 2
Reiki   Sistema Ocidental Sagrado   Sem Segredos. Parte 2Reiki   Sistema Ocidental Sagrado   Sem Segredos. Parte 2
Reiki Sistema Ocidental Sagrado Sem Segredos. Parte 2VARNO NOMADE
 

Mais procurados (20)

Reiki karunaki2
Reiki karunaki2Reiki karunaki2
Reiki karunaki2
 
7000258 reiki-i-1-1-00-5
7000258 reiki-i-1-1-00-57000258 reiki-i-1-1-00-5
7000258 reiki-i-1-1-00-5
 
Reiki sistema ocidental sagrado sem segredos
Reiki sistema ocidental sagrado sem segredosReiki sistema ocidental sagrado sem segredos
Reiki sistema ocidental sagrado sem segredos
 
Apresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãO
Apresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãOApresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãO
Apresentação do Projeto Re.Vital(Iz)AçãO
 
Karuna ki 1 2 3
Karuna ki 1 2 3Karuna ki 1 2 3
Karuna ki 1 2 3
 
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2
Carlos Rebouças Jr - Karuna ki 2
 
124418161 os-simbolos-do-reiki
124418161 os-simbolos-do-reiki124418161 os-simbolos-do-reiki
124418161 os-simbolos-do-reiki
 
Manual do mestre reiki diane stein
Manual do mestre reiki   diane steinManual do mestre reiki   diane stein
Manual do mestre reiki diane stein
 
Om nyorai reiki ho™
Om nyorai reiki ho™Om nyorai reiki ho™
Om nyorai reiki ho™
 
Reiki karuna-ki-3
Reiki   karuna-ki-3Reiki   karuna-ki-3
Reiki karuna-ki-3
 
Projeto Re.vital(iz)ação. varno
Projeto Re.vital(iz)ação. varnoProjeto Re.vital(iz)ação. varno
Projeto Re.vital(iz)ação. varno
 
Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1
Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1
Carlos Rebouças Jr - Karuna Ki 1
 
79045020 reiki-2-geral
79045020 reiki-2-geral79045020 reiki-2-geral
79045020 reiki-2-geral
 
Ma'heo'o - Reiki Xamã
Ma'heo'o - Reiki XamãMa'heo'o - Reiki Xamã
Ma'heo'o - Reiki Xamã
 
Om nyorai reiki ho
Om nyorai reiki hoOm nyorai reiki ho
Om nyorai reiki ho
 
Carlos Rebouças Jr - Medicine Buddha Reiki
Carlos Rebouças Jr - Medicine Buddha ReikiCarlos Rebouças Jr - Medicine Buddha Reiki
Carlos Rebouças Jr - Medicine Buddha Reiki
 
124693372 apostila-reiki-sensei-mestrado
124693372 apostila-reiki-sensei-mestrado124693372 apostila-reiki-sensei-mestrado
124693372 apostila-reiki-sensei-mestrado
 
75607064 reiki-master
75607064 reiki-master75607064 reiki-master
75607064 reiki-master
 
Reiki Sistema Ocidental Sagrado Sem Segredos. Parte 2
Reiki   Sistema Ocidental Sagrado   Sem Segredos. Parte 2Reiki   Sistema Ocidental Sagrado   Sem Segredos. Parte 2
Reiki Sistema Ocidental Sagrado Sem Segredos. Parte 2
 
Reiki usui-ii4
Reiki usui-ii4Reiki usui-ii4
Reiki usui-ii4
 

Semelhante a Ouvir o fogo do espírito. varno

Apometria manual para a ascensao
Apometria manual para a ascensaoApometria manual para a ascensao
Apometria manual para a ascensaoWalter Biazotto
 
Daniel Mastral e Isabela Mastral
Daniel Mastral e Isabela MastralDaniel Mastral e Isabela Mastral
Daniel Mastral e Isabela MastralRODRIGO ORION
 
Sai baba partiu... 2
Sai baba partiu... 2Sai baba partiu... 2
Sai baba partiu... 2AORodrigues
 
Antologia Espiritual por José Calos José Carlos de Figueiredo
Antologia Espiritual por José Calos José Carlos de FigueiredoAntologia Espiritual por José Calos José Carlos de Figueiredo
Antologia Espiritual por José Calos José Carlos de Figueiredorocketprezz
 
Escute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdf
Escute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdfEscute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdf
Escute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdfgrazielly9
 
1 em busca da consciência perdida - josé antônio
1   em busca da consciência perdida - josé antônio1   em busca da consciência perdida - josé antônio
1 em busca da consciência perdida - josé antônioArmando Vidal
 
62 perguntas sobre_o_ho_oponopono
62 perguntas sobre_o_ho_oponopono62 perguntas sobre_o_ho_oponopono
62 perguntas sobre_o_ho_oponopononybelinnky
 
Só Mais Uma PercepçãO D I F Orente Da V I D A
Só Mais Uma PercepçãO  D I F Orente Da  V I D ASó Mais Uma PercepçãO  D I F Orente Da  V I D A
Só Mais Uma PercepçãO D I F Orente Da V I D AMario Maco
 
Só mais uma percepção diforente da vida
Só mais uma percepção diforente da vidaSó mais uma percepção diforente da vida
Só mais uma percepção diforente da vidaMario Maco
 
Osho - A Nova Alquimia.pdf
Osho - A Nova Alquimia.pdfOsho - A Nova Alquimia.pdf
Osho - A Nova Alquimia.pdfHubertoRohden2
 
O despertar da consciência mirtzi
O despertar da consciência   mirtziO despertar da consciência   mirtzi
O despertar da consciência mirtzicrismchmg
 
A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)
A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)
A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)Silvânio Barcelos
 
Osho - Nem Água Nem Lua.pdf
Osho - Nem Água Nem Lua.pdfOsho - Nem Água Nem Lua.pdf
Osho - Nem Água Nem Lua.pdfHubertoRohden2
 

Semelhante a Ouvir o fogo do espírito. varno (20)

Um manual para a ascenção
Um manual para a ascençãoUm manual para a ascenção
Um manual para a ascenção
 
Ummanualparaaascenso
UmmanualparaaascensoUmmanualparaaascenso
Ummanualparaaascenso
 
Apometria manual para a ascensao
Apometria manual para a ascensaoApometria manual para a ascensao
Apometria manual para a ascensao
 
Daniel Mastral e Isabela Mastral
Daniel Mastral e Isabela MastralDaniel Mastral e Isabela Mastral
Daniel Mastral e Isabela Mastral
 
Sai baba partiu... 2
Sai baba partiu... 2Sai baba partiu... 2
Sai baba partiu... 2
 
Sai baba partiu...
Sai baba partiu...Sai baba partiu...
Sai baba partiu...
 
Antologia Espiritual por José Calos José Carlos de Figueiredo
Antologia Espiritual por José Calos José Carlos de FigueiredoAntologia Espiritual por José Calos José Carlos de Figueiredo
Antologia Espiritual por José Calos José Carlos de Figueiredo
 
Caminhando no universo
Caminhando no universoCaminhando no universo
Caminhando no universo
 
Escute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdf
Escute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdfEscute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdf
Escute o Seu Corpo - Lise Bourbeau.pdf
 
1 em busca da consciência perdida - josé antônio
1   em busca da consciência perdida - josé antônio1   em busca da consciência perdida - josé antônio
1 em busca da consciência perdida - josé antônio
 
Poemas Inspirados na Logosofia
Poemas Inspirados na LogosofiaPoemas Inspirados na Logosofia
Poemas Inspirados na Logosofia
 
62 perguntas sobre_o_ho_oponopono
62 perguntas sobre_o_ho_oponopono62 perguntas sobre_o_ho_oponopono
62 perguntas sobre_o_ho_oponopono
 
Só Mais Uma PercepçãO D I F Orente Da V I D A
Só Mais Uma PercepçãO  D I F Orente Da  V I D ASó Mais Uma PercepçãO  D I F Orente Da  V I D A
Só Mais Uma PercepçãO D I F Orente Da V I D A
 
Só mais uma percepção diforente da vida
Só mais uma percepção diforente da vidaSó mais uma percepção diforente da vida
Só mais uma percepção diforente da vida
 
Terapias integrativas
Terapias integrativasTerapias integrativas
Terapias integrativas
 
Osho - A Nova Alquimia.pdf
Osho - A Nova Alquimia.pdfOsho - A Nova Alquimia.pdf
Osho - A Nova Alquimia.pdf
 
O despertar da consciência mirtzi
O despertar da consciência   mirtziO despertar da consciência   mirtzi
O despertar da consciência mirtzi
 
A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)
A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)
A grande síntese (revisitando pietro ubaldi)
 
Osho - Nem Água Nem Lua.pdf
Osho - Nem Água Nem Lua.pdfOsho - Nem Água Nem Lua.pdf
Osho - Nem Água Nem Lua.pdf
 
O Livro de Ouro de Saint Germain
O Livro de Ouro de Saint GermainO Livro de Ouro de Saint Germain
O Livro de Ouro de Saint Germain
 

Ouvir o fogo do espírito. varno

  • 2. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Varno OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO – Método Ki Mon Ka de Transformação Interior através da Canalização de Energia Cósmica, Contemplação, Meditação e Massoterapia Energética Reflexiva/ Varno – Universo, 2009 Obra formatada pelo autor 1. Ouvir, 2. Fogo, 3. Espírito, 4. Ki Mon Ka, 5. Terapia Holística, 6. Canalização, 7. Energia, 8. Cósmica, 9, Meditação, 10. Contemplação, 11. Massoterapia, 12. Energética, 14. Reflexiva, 15. Transformação, 16. Interior, 17. Varno Ficha catalográfica elaborada por Varno DIREITOS RESERVADOS PARA Universo ou Você. Cópias, impressões, downloads, uploads do Livro Digital, dos Áudios e dos Vídeos são, não apenas permitidos, como também, incentivados. O objetivo desta obra é difundir o Ki Mon Ka e todas as formas apresentadas pelo Universo para fazê-lo serão bem recebidas. Projeto Re.Vital(iz)Ação varno.kmk@gmail.com My Space: http://varno-kimonka.spaces.live.com/ Grupo de discussão: http://br.groups.yahoo.com/group/ouvir_o_fogo_do_espirito HD Virtual: http://cid-79bcd44cc475345d.skydrive.live.com/self.aspx/.Public Celular: 5181779291 HTC para torpedos: 5581319530 TWITTER: www.twitter.com/varnokmk Livro Digital Não impresso originalmente, mas disponível à impressão. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 1
  • 3. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO O TESOURO OCULTO “Existia em certa região a crença de que um povo de grande sabedoria a habitara em tempos remotos e deixara um tesouro oculto no alto das montanhas. Afirmava-se que o homem que o encontrasse se tornaria o mais rico do mundo e que ninguém poderia roubar sua fortuna. De geração em geração mantivera-se a fé de que o encontro daquele tesouro atrairia ao lugar prosperidade e harmonia jamais vistos. Várias expedições foram empreendidas. Inúmeros rastreamentos e escavações foram feitos, todos em vão. Os anos iam passando e o tesouro ia tornando-se lenda. Havia naquela região um jovem muito amado por todos. Também para ele o tesouro parecia inatingível. E, bem sucedido em tudo a que se dedicava, era inexplicável o sentimento de vazio que sempre o acometia. Movido por imperiosa necessidade de refletir, passou a buscar quietude nas cercanias. No topo de uma montanha próxima dedicava-se a contemplar o Sol. Quase diariamente se dirigia àquele local para ver as luzes silenciosas do crepúsculo ou sentir o chamado à alegria do alvorecer. Após algum tempo, o jovem percebeu que sua insatisfação desaparecera. Um sentido de plenitude havia crescido em seu ser. Passou a observar, também, sempre que retornava da montanha, que algumas pessoas o aguardavam no caminho e eram tocadas pelo mesmo estado de paz. Numa tarde de primavera, quando a natureza se desdobrava em flores e o céu resplandecia azul, o jovem lembrou-se do tesouro, e os raios do Sol fizeram-no ver o grande legado que quase sem dar conta encontrara: pensamento luminoso para iluminar seus rumos, sentimento luminoso para iluminar seus contatos e ação luminosa para iluminar seu mundo. Dentro de si, onde ninguém pode tocar, estava tão procurado tesouro.” Fonte: BOLETIM DE SINAIS, nº 10, ano IV. Editora IRDIN VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 2
  • 4. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO AGRADECIMENTO Este método é resultado de todas as experiências que tive em minha vida. Todas e cada uma foram igualmente valiosas para que esta consciência que tenho hoje se manifestasse. Agradeço, portanto, a todas as pessoas que cruzaram em meu caminho e contribuíram para que isto fosse possível. A cada mestre que encontrei em minha jornada e, como mestre, eu tenho cada pessoa, animal e elemento que possibilitou a manifestação de um aprendizado. Não vou nominar aqui esses mestres, mesmo porque, precisaria um livro somente para fazê-lo. Mas muitos deles estão sentindo, em seu coração, a minha gratidão. Que o Universo ou Deus de sua devoção, abençoe cada passo de tua jornada. Meu amor estará sempre com você e te levarei sempre em meu coração. Beijos de luz. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 3
  • 5. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO VOCÊ PROCURA UM MESTRE? Você procura um mestre? Olhe para dentro de si e a sua volta. Você poderá encontrá-lo no seu interior ou em qualquer criança, pessoa, animal, planta ou elemento com que você encontrar. Em qualquer situação, em qualquer movimento. Desde que você esteja disposto ao aprendizado. Mas não tenha a mim como um mestre espiritual. Não se engane. Não me dê essa responsabilidade de designar a mim o poder de te guiar. Sou tão mestre para você quanto você é para mim. Aprenderei com você na mesma medida em que você aprender comigo e algumas vezes, você me ensinará mais. Mestre é aquela pessoa que serve de canal para que um aprendizado se manifeste. Tem o mesmo significado que o termo professor. Em cada cultura este termo tem um significado diferente e todos são corretos. Eu busco ser como o Siddharta de Hermann Hesse. Aprender com cada movimento, cada situação, cada elemento e cada pessoa. Todos são meus mestres. E os reverencio e sou grato por isso. Existem e existiram algumas pessoas que são consideradas mestres espirituais, seres iluminados, ascencionados, avatares. Este não sou eu. Estou aqui, compartilhando meu aprendizado. Coisas que fazem bem para mim e que, por esta razão, quero que outras pessoas também conheçam. Porque isso me faz bem. Eu amo compartilhar. E eu, talvez, não esteja sempre presente. Sempre que estivermos juntos e você necessitar, compartilharei com prazer, meu aprendizado. Pessoalmente, por e-mail, telefone. Mas não farei só isso. Pois eu preciso de tempo também, para brincar; fotografar; filmar; rolar na grama; conversar com animaizinhos, plantas, pedras; falar bobagem; jogar vídeo-game; assistir filmes de todos os tipos; amar e fazer amor. Tudo aquilo que todos fazem. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 4
  • 6. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Como você vê. Não há nada de diferente em mim. Sou uma pessoa simples. Um eterno discípulo do Universo que gosta de compartilhar tudo o que aprende e faz isso por egoísmo. Porque me dá muito prazer. Quem mais ganha quando faço isso. Sou eu. “Mentalmente, podemos compartilhar conhecimento e habilidades com pessoas que estão prontas e desejosas de aprender. É interessante notar que nossa compreensão de certos assuntos se torna mais profunda quando fazemos isso. Se desejar dominar um determinado assunto, ensine-o. Dê e receberá. Essa é a lei”. Manifestação do Amor Divino pela generosidade através da Lei do Karma SUI, Choa Kok. Meditações para o Desenvolvimento da Alma. Ground. A mesma luz que brilha em mim, brilha também em você. Nem mais, nem menos. Pois o mesmo Deus que habita em mim, também habita em você. Na mesma intensidade. Siddharta de Hermann Hesse - Siddharta é um romance escrito por Hermann Hesse, um dos maiores escritores alemães. Vencedor do Prêmio Nobel de Literatura em 1946. A sua primeira publicação foi em 1922 e conta passagem de sua vida e pensamento durante sua estadia na Índia em 1910, inspirado na tradição contada de Siddhartha Gautama, o Buda. O livro trata basicamente a busca pela plenitude espiritual, e o alcance de estados em que a mente humana se encontra absolutamente completa e plena. Em 1972, o grupo inglês de rock progressivo Yes inspirou-se no livro para escrever as letras da música Close to the Edge. Saiba mais: http://pt.wikipedia.org/wiki/Sidarta_(romance) VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 5
  • 7. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO O QUE VOCÊ ENCONTRARÁ AQUI Aqui irei compartilhar parte do que aprendi nesta minha jornada. Sim, parte disso. Pois só compartilharei aqui, coisas que acredito neste momento. Eu aprendi muito em toda a minha existência. E neste aprendizado, muitas coisas tornaram-se verdade e permaneceram sendo por um determinado tempo. Algumas ainda o são. Outras já não são mais para mim. Mas podem ser para outras pessoas. O que você encontrar aqui. São conceitos, técnicas, movimentos que eu experenciei ou estou experenciando. Estou a caminho. No princípio da jornada. Algumas pessoas já passaram onde estou. Outras seguem outros caminhos. Outras ainda não chegaram aqui. Para estas que irão passar, deixo esses sinais. E cada um deverá julgar se lhes servem ou não. Para mim são verdadeiros. Têm auxiliado minha jornada e as pessoas que estão cruzando nela. Compartilho aqui a compreensão desses assuntos abordados. A princípio, minha idéia era compartilhar apenas a prática do Ki Mon Ka. Porém, em meus cursos, meus alunos têm abordado outros assuntos, me questionam sobre várias coisas e isso acaba dando forma a cada um deles. Cada curso é diferente, único. Como o meu objetivo é compartilhar um curso de Ki Mon Ka neste material. Resolvi dar essa forma. Baseado em alguns questionamentos de alguns alunos. Quero deixar claro que não são verdades absolutas. Esses conceitos são a minha consciência neste momento. E não é um conceito integral. Sobre cada tópico abordado, há a possibilidade de falar-se muito mais. Seria necessário, talvez, um livro sobre cada um. Mas não é o momento. Não é o objetivo. Isto tudo está aqui, porque, cada coisa e tudo se integram. Uma coisa pode fazer com que outra se torne mais clara. Em alguns momentos estarei me repetindo, em outros, parece que estou me contradizendo. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 6
  • 8. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Mas você não deve me seguir. Nem deve seguir o que está aqui. Pois, como falei, esta é a minha verdade (neste momento). Não quero que você acredite no que há aqui. Quero que você, se assim desejar. Experencie. Somente a experiência poderá te mostrar se isso é, ou não, real. E se por acaso, você achar que isto é uma bobagem, loucura, viagem. Talvez isso não sirva para você, ou talvez não seja o momento de você acessar isso. Mas ele estará disponível, para quando você necessitar ou desejar. Pois não é por acaso que chegou até você. O acaso é uma forma que Deus/Deusa* encontrou de manter-se no anonimato. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 7
  • 9. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO PREFÁCIO No ano de 1985, estava a conversar com meu tio Guilherme Severiano Fernandes sobre o “mistério” da Trindade, quando ele contou-me ter ouvido de um hinduísta uma definição muito simples da Santíssima Trindade: “O Pai é o princípio criador e incriado; o Filho, o princípio criado e co-criador; o Espírito, a VONTADE do Pai.” Sábias palavras e bem cabidas neste momento de mais esta conquista de meu Amigo, Irmão e Mestre João Eduardo Fialho, Protetor dos Homens e Defensor da Humanidade – VARNO, quando compartilha conosco mais esta bênção em forma de livro: Ouvir o Fogo do Espírito. Para acessarmos o Pai, o Energia Cósmica, nós, os Filhos, necessitamos ouvir “sua voz”, conhecermos sua vontade. Para tal precisamos ir para dentro de nós mesmos, permanecermos, por alguns instantes que sejam, no raro e precioso silêncio de nosso ser, e isso pode ser alcançado através da contemplação e meditação, assunto tão bem abordado e desenvolvido pelo Mestre Varno que, bem cedo percebeu que o Reiki, mais que um método de harmonização através da imposição das mãos, é um caminho para a iluminação espiritual através da vivência de seus Preceitos Espirituais. Se somos, por hoje apenas, gratos, tranqüilos, honestos na aquisição do pão de cada dia e honramos nossos pais, amigos e mestres, é porque ouvimos o Fogo do Espírito. Tal consciência só pode ser atingida quando temos o propósito de atingi-la, quando damos um SIM a nós mesmos, quando sentimo-nos preparados para sustentar o melhor em nossas vidas. A jornada pode ter seus percalços, mas a recompensa, a PAZ e o AMOR que fluirão em nosso Ser são impagáveis. Nesse caminho podemos entrar em contato com nossas polaridades, com nossa Luz e com nossa Sombra, o que é dádiva sem igual, pois desse encontro depende a plenitude do nosso Ser, pois uma e outra, Luz e Sombra, são partes nossas que não poucas vezes desprezamos e quase sempre desejamos excluir de nossas vidas. Pergunto, então: como podemos ser plenos se negamos partes tão essenciais? Podermos ver, acolher e integrar nossas partes todas são atitudes indispensáveis para construirmos e conquistarmos nossa inteireza. Ouvir o Fogo do Espírito é ferramenta indispensável para auxiliar-nos nessa jornada. Honra-me ter como Amigo e Mestre João Eduardo. Palavras escritas jamais poderão descrever a Luz desse Irmão tão amado e tão eficiente e amoroso multiplicador dos Trabalhadores da Luz em nosso planeta; e sentimentos muitas vezes não podem ser traduzidos em palavras, mas tão somente sentidos e vivenciados no mais profundo de nosso Ser. Gostaria de finalizar esta tentativa com uma simples frase, em idioma Lakota: Mitakuye Oyasin, ou seja, “Somos Todos Irmãos” ou ainda “Estamos Todos Conectados”. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 8
  • 10. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Agradeço ao Cosmos pela oportunidade de me permitir nascer na mesma época em que meu Irmão Varno encontrava-se sobre a Mãe Terra. Namastê! Carlos Alberto de França Rebouças Junior Terapeuta Holístico – Mestre Reiki, Terapeuta de Constelações Familiares e Soluções Sistêmicas, Terapeuta Floral (Bach e Saint Germain), Discípulo do Mestre Varno. Fortaleza, Ceará, Brasil, 3 de setembro de 2009. Ouvir o fogo do espírito é um convite singular que o autor nos faz. Ouvir o inaudível, o fogo interior, que nos impulsiona a ser mais e melhor aquilo que essencialmente somos. Acredito que este livro vai favorecer novas dinâmicas, mais criativas na vida das pessoas que sintonizarem a proposta do autor. Ele elegeu como lenda pessoal, seguir o caminho da cura, da transformação e do amor. Tendo como principio o respeito a verdade de cada um aqui e agora. Observa-se no caminho as leis da impermanência e do desapego. Enfatiza a partilha de conhecimentos considerando-se, a si e a todos que o seguem nesta jornada, como alunos e mestres de si mesmo. A essência de sua obra é o despertar da consciência e da confiança na abundancia do Universo que generosamente conspira a nosso favor quando permitimos que essa energia vital flua em nós naturalmente. Aponta-nos que o valor maior está no amor incondicional, que inicia em nós por principio e pela humanidade por conseqüência. Conviver com Varno é uma oportunidade muita prazerosa; ele dinamiza e transforma cada momento de nossas vivencias. E o despertar de nossos potenciais emerge naturalmente. Esta é uma obra que me parece alicerçada na Luz interior, de todas as pessoas que partilharam nesse processo de cura e de amor. Saudações, Maria Lúcia F. T. Bessa Assistente Social, Terapeuta Holística, aluna de Varno Itaipuaçú, Rio de Janeiro, Brasil. 18 de setembro de 2009. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 9
  • 11. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO O UNIVERSO ESTÁ DENTRO DE MIM E DE VOCÊ Tudo faz parte do Todo e o Todo está inserido em Tudo. Seria talvez, a imagem do Universo como um holograma. E, cada parte de mim ou de você, é sagrada, divina e deve ser reverenciada. O louco, o mago, a sacerdotisa, o amante, a criança, etc. e não estou falando de arquétipos de Tarot, mesmo porque conheço muito sobre esse assunto. Estou falando sobre a diversidade de aspectos existem em nós. Cada momento pode manifestar uma destas fases. E isso é saudável, pois todos possuímos todos esses potenciais, que em algumas pessoas é mais desenvolvido que em outras, mas que todos podem desenvolver com disciplina, com prática, com determinação. A beleza está em vivermos intensamente cada aspecto quando ele se manifesta - É o entrarmos de cabeça. Quando você tiver que brincar, entregue-se a brincadeira, role no chão, sem preocupar-se com as pessoas que estão olhando. Divirta-se. Viva este momento. No momento da sedução, viva isso intensamente, entregue-se à ela. Sem questionamentos. Neste momento são apenas vocês dois e o amor. Viva este momento. Quando precisar superar os limites, manifeste a inocência. Sinta que você pode fazer qualquer coisa. Que basta você pensar, para criar. Então não haverá limites. Viva este momento. Quando chegar o momento de tuas práticas espirituais. Entregue-se a devoção e integre-se com ela e com os Seres de Luz em que você confia. Neste momento, somente você e sua prática estão presentes. Viva este momento. Eu poderia falar de outros aspectos. Mas isso é desnecessário. Você já compreendeu o que eu desejo compartilhar. Viva cada momento intensamente. Integralmente. Sem julgamentos. Sem expectativas. Sem culpa. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 10
  • 12. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Mas seja verdadeiro. Esteja em harmonia com a sua verdade. O que os outros pensam a este respeito? Só diz respeito a eles. Viva integralmente. Somos a soma de todas as nossas partes e todas essas partes somos nós. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 11
  • 13. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO O APEGO Tudo é impermanente. Relacionamentos, situações, emoções, coisas, etc. Não temos posse de nada. E quando nos apegamos, abrimos a porta para o sofrimento. Uma casa pode incendiar, Um carro pode ser roubado ou capotar, Um telefone, computador, televisão, etc. pode estragar ou ser roubado, Até mesmo um terreno pode desmoronar ou ser levado em uma inundação. Um relacionamento acaba – e quando acabar, não pense que não seu certo. Deu certo, enquanto durou, Um emprego tem uma determinada duração, Os estudos também. Até nosso corpo é impermanente, Permanecemos com este veículo por um determinado tempo, Cada pessoa, pelo seu tempo. Tudo é impermanente. A única coisa que não pode nos ser roubada, que desmorona, que não apaga a chama, etc.. é o conhecimento. Esse tesouro permanecerá com você por toda a sua existência.quando mais você o compartilhar, mais terá a sua disposição, pois ao ensinar, você também aprende. Se, por acaso, você sofrer uma amnésia, o conhecimento não sumirá, apenas ficará escondido para o momento em que for necessário e a natureza encontrará o caminho para trazê-lo a superfície. E, se você acredita em outras vidas. Todo o potencial que você manifestou nesta, estará disponível a você na próxima e você o manifestará quando for necessário. É o exemplo de alguns prodígios da história. Mas, mesmo ele é impermanente, pois se modifica, evolui. Portanto, nem mesmo com relação ao conhecimento, devemos ter apego. Pois se o tivermos, perderemos uma oportunidade maravilhosa de nos beneficiarmos com a expansão dele. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 12
  • 14. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO O BEM E O MAL “Existe uma bela analogia que pode ser encontrada nas tradições orientais e também no ocidente. Esta descreve uma pessoa sendo comparada com uma lâmpada cujo vidro está coberto de sujeira mantendo a luz no interior pura e incorrupta. O vidro sujo que encobre a luz representa todas as imperfeições, impurezas, distorções da personalidade. Nosso serviço é o de remover a sujeira para que a luz, que sempre esteve ali, possa se manifestar. O que chamamos de mal é a interferência da personalidade com a natureza pura e incorrupta da alma. O mal é simplesmente a ausência do bem. De uma perspectiva mais elevada, o mal é o bem que ainda não se manifestou. Para usar uma analogia física, existe uma partícula de luz, chamada fóton, mas não há partículas de escuridão. Se uma sala está escura, não é porque existe escuridão sendo emitida, é porque existe uma ausência de luz”. Bênção de Energia das Estrelas Ninguém, neste plano, é essencialmente bom ou essencialmente mal. O bem e o mal, conforme compreende-se, está presente em todos nós. A medida que o alimentamos ele vai crescendo, a direção é dada por nós. Embora muitas vezes esse crescimento sofra influências externas, essas influências só o afetam se houver um consentimento interior. Devemos, então, escolher o que desejamos alimentar e fazê-lo com consciência. E assumirmos essa escolha. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 13
  • 15. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO POSITIVO E NEGATIVO O Negativo é gelo – ele cria O Positivo é o fogo – ele transforma Para que possamos compreender: Há algumas escolas que ensinam a seguinte técnica: Como nossas emoções modificam nossa respiração, nossa respiração pode modificar nossas emoções. Pense em como você respira quando está com raiva. Pense agora como você respira quando está calmo/tranqüilo. Vamos supor que você me ofendeu e fez com que a raiva se manifestasse em mim. Eu estaria respirando como alguém que está com raiva. Então eu passo a respirar como eu respiro quando estou calmo/tranqüilo. Eu crio um estado de paz. Eu não te agrido física ou verbalmente. Isso é Negativo. Pois a raiva permanece aí, afinal você me ofendeu e eu não liberei essa energia. Ela permanece aí. Está reprimida e talvez seja até mesmo, esquecida. Mas permanece. E surgirão outras e outras situações que farão com que mais raiva manifeste-se. E eu continuarei enganando-me. Mascarando a raiva. Criando um estado de paz. E reprimindo-a. Levando-a para o meu depósito de raiva. Então, certo dia. O depósito ficará cheio e transbordará. Como um vulcão em erupção ele a derramará. E a destruição será inevitável. Algo sucumbirá sob essa lava. - Explodindo com alguém. Que talvez tenha feito algo insignificante. E isso irá manifestar, na melhor das hipóteses: VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 14
  • 16. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Ressentimento, do objeto da raiva. Culpa, sua por tê-la liberado sobre essa pessoa. - Ou manifestando um bloqueio energético, mais conhecido como doença (não irei nomeá-las) Então, o que seria Positivo? Positivo é você transformar essa energia. Nossas emoções nos pertencem, se alguém fizer ou disser algo que nos deixe irritado, enraivecido é porque essa emoção já existe. Essa pessoa apenas “acionou o interruptor” que a fez se manifestar. Nós somos a fonte dessa emoção. A melhor forma de agirmos nesta situação é agradecermos a essa pessoa por ter nos mostrado que essa emoção existe e desta forma daremos o primeiro passo para transmutá-la. Quando temos consciência de que somos a fonte de nossas emoções e de que elas, também, são energias, fica mais fácil nossa relação com elas, pois, podemos nos dirigir à fonte e transformá-las em amor. Isto é Positivo. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 15
  • 17. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO ENERGIA BOA – ENERGIA RUIM Você chega a lugar e tem uma sensação desagradável, ou encontra alguém e sente-se desconfortável. Alguém, então lhe diz que isto aconteceu porque este lugar ou esta pessoa tem uma energia ruim. Não há energia boa e energia ruim. Energia é energia. Vamos supor que pudéssemos medir nosso padrão vibratório e que ele tivesse valores de 0 a 100. Imagine então, que neste momento, meu padrão vibratório equivale a 75 e o seu equivale a 85. Você então, diria que eu tenho uma energia ruim. Porém, se aparecer alguém com o padrão vibratório equivalente a 65, essa pessoa diria que eu tenho uma energia boa. Mas isso equivale a este momento. Em outro momento, isto poderia ser diferente. Quando chegamos a um lugar e temos uma sensação desagradável, isto pode significar que o padrão vibratório deste lugar está menos elevado que o nosso. E, se encontrarmos alguém e nos sentirmos desconfortáveis, isso poderá significar que esta pessoa está com o padrão vibratório menos elevado que o nosso. Fazemos então uma escolha: - podemos baixar nosso padrão vibratório e desta forma ser afetados por essa energia - ou servir de canal para elevar o padrão vibratório do local Quando chegamos a um lugar e temos uma sensação agradável, isto pode significar que o padrão vibratório deste lugar está mais elevado que o nosso. E, se encontrarmos alguém e nos sentirmos confortável, isso poderá significar que esta pessoa está com o padrão vibratório mais elevado que o nosso. Fazemos então uma escolha: - podemos nos colocarmos em abertura e desta forma ser afetados por essa energia e elevar nosso padrão vibratório. - ou permanecermos fechado e não sermos afetados por esta energia. Haverá sempre uma escolha. A porta não pode ser arrombada, só é aberta por dentro. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 16
  • 18. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO VERDADE Não existe uma verdade imutável. Até mesmo aqui há a impermanência. Estamos sempre evoluindo. Nossa consciência vai-se modificando. E quando nossa consciência se modifica, ela é acompanhada pela verdade. O que é verdade para você neste momento. Pode não ser mais, no próximo. Isso não significa que era mentira. E o que é verdade para mim. Pode não o ser para você. Por isso não devemos julgar. Devemos, sempre, respeitar todas as verdades. Desta forma, muita energia deixa de ser desperdiçada. A paz manifesta-se mais facilmente. Mas conheça sua verdade. Ex: Eu optei por não colocar preço em minhas atividades. Que cada pessoa contribua com o projeto conforme a sua possibilidade. Vamos supor que eu faça 2 atendimentos, para 2 pessoas diferentes. Uma elas contribui com R$ 10,00. A outra com R$ 50,00. No próximo dia, a que contribui com R$ 10,00 liga-me e solicita outro atendimento as 14h. eu digo que sim. Quando desligo o telefone a pessoa que contribui com R$ 50,00 liga solicitando outro atendimento, também, para as 14h, este é o único horário disponível para ela. Eu peço para ela ligar-me novamente daqui a pouco, ligo para a outra e peço para que ela mude o seu horário, pois surgiu um compromisso muito importante. Se eu fizer isso. Eu não estou em sintonia com a minha verdade. Pois se, cada pessoa contribui conforme a sua possibilidade, isso deve ser incondicional. Eu não posso priorizar pessoas que contribuem com quantias maiores. Valor e preço são conceitos diferentes. Quando fiz essa escolha, a fiz com consciência disso. Vá fundo. Vá no seu interior. Busque sua verdade. E quando a conhecer. Respeite-a também. Assuma-a. Sem receios. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 17
  • 19. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO AMOR Philos, Eros e Ágape Philos é o amor fraternal. Ele manifesta-se por nossos amigos e em alguns casos, entre pais e filhos. Algumas pessoas que manifestam apenas Philos, o fazem com condições. Eu te amo, mas você também deve me amar. Eros é o amor que toma os amantes, sem preconceito (homem x mulher, mulher x mulher, homem x homem). É um amor que queima, Carregado de paixão. É um amor sensual, sexual, porém, sagrado. Quando se entrega a Eros, integra-se ao outro. No momento em que está com o outro, tudo o mais se desfaz. Existem apenas os amantes. Perde-se um no outro. Algumas pessoas que manifestam apenas Eros, o fazem com condições. Eu te amo, mas você também deve me amar. Eu te pertenço e você me pertence. Ágape é o amor incondicional – não há condições. Eu te amo, mesmo que você não me ame. Ele é a essência do Amor. É dirigido a todos os seres, elementos e elementais. É a maior energia criadora, transformadora. Ele integra, completa. Ele expande-se e toca cada poeira, cada grão de areia, cada gota d’água, cada estrela, etc. sem expectativas, sem julgamentos. Este é o amor manifestado por: Jesus Cristo, Buda, Krishna, Gandhi, Madre Tereza de Calcutá, São Francisco de Assis e um número cada vez maior de pessoas que estão abrindo-se a essa energia. Quando Ágape une-se a Philos e/ou Eros, eles passam a ser incondicionais também. Quando Ágape une-se a Eros. Não há posse, Não há julgamentos, Não há expectativas. Quando os amantes estão juntos, estão integrados e o vivem no presente. Entregam-se ao êxtase. Este êxtase é uma energia tão intensa e poderosa que é a experiência mais próxima da meditação. Eles tornam-se o amor. Não são necessárias as palavras, a própria energia tem sua linguagem. O Amor é uma energia ilimitada, inesgotável. Quanto mais o compartilhamos, mais temos a nossa disposição. Mas o Amor não é meu, não é seu. Somos canais para que ele se manifeste. E ele não invade, não arromba, não seqüestra. Ele apenas se manifesta conforme nossa abertura, como permitimos. Quando amamos realmente. Deixamos fluir. Nosso foco não está na chegada, no ponto final. Está em cada passo da jornada. Apreciando cada VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 18
  • 20. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO momento. Isto é entrega. Isto é não julgamento. Isto é não ter expectativas. Isso é ser Amor. É estar Amor. - Incondicional. Para que possamos compreender o que é incondicional: Você possui um livro que é muito especial para você. Você me ama e me dá esse livro. Passa-se uma semana e você me pergunta o que eu achei do livro. Eu digo que não o li. Você me pede o livro de volta, afinal, esse era um livro de cabeceira para você. Você o amava e eu não dei nenhum valor a ele. Isso não é incondicional. Se fosse incondicional, você o daria pela satisfação de compartilhar. E eu faria o que desejasse com ele. Poderia lê-lo, guardar em uma gaveta, dar à alguém, queimá-lo, jogá-lo fora ou qualquer coisa que escolhesse. Pois me deste incondicionalmente. Se você tiver expectativas, não será incondicional. Se você desejá-lo de volta, não será incondicional. *Isto não é uma verdade absoluta, mas é a manifestação de minha consciência, é como eu vejo/sinto o amor. Compartilhá-la(o) com você é uma bênção. Poucas coisas são tão fáceis quanto amar. Basta que estejamos abertos à isso. E quando Ágape se manifesta. Tempo e espaço se dissolvem. O alcance é ilimitado. Envolve o mais próximo grão de areia até a mais distante estrela. Pois está tudo interligado. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 19
  • 21. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO AQUI E AGORA O Passado e o futuro não existem. O passado, não retorna mais. Dele deve ficar apenas o aprendizado. O futuro nunca chega. Amanhã quando chegar, será hoje. O único tempo real é o presente. É o Aqui e Agora!!! Quando vivemos aqui e agora. Nossa vida torna-se uma bênção. Visualize ou imagine a seguinte cena: Eu e você estamos em um grupo para este curso. Passaremos 24h juntos, durante 3 dias. Alguns de vocês estão integralmente no aqui e agora. Apreciando cada momento, cada palavra, cada movimento. Outros, em alguns momentos, estão com a mente em seu trabalho, sua casa, seu estudo, seu lazer. Realizamos muitas práticas, falamos sobre diversos assuntos. Alguns constantes neste livro. Outros que foram fluindo no grupo – pois quando me reúno com um grupo, deixo fluir e cada curso é diferente. Então chega o final do curso. Vocês se reúnem e começam a falar a respeito da experiência. Uns dizem que amaram tudo. Outros dizem que teve algumas situações interessantes e que era o que necessitavam. Outros dizem que foi um curso razoável. Outros ainda, não gostaram, o curso não foi nada do que esperavam. Bem, até aí está tudo normal. Afinal, cada pessoa é diferente. É um universo único. Complexo. E possui a sua verdade. Tem necessidades próprias. O que serve para mim, pode não servir para você. E os dois estamos certos. Mas você. Que poderia estar em qualquer uma dessas situações. Só poderá saber, com certeza. Se o curso foi bom ou não. Se esteve integralmente nele. Pois se você pensar que El não foi legal, poderá pensar: O que meu colega viu de tão bom neste curso? Será que isso não aconteceu no momento em que eu estava disperso? E a dúvida permanecerá. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 20
  • 22. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Mas se você estava integralmente presente. Você será abençoado com a certeza e nunca mais cairá na “roubada” de um novo encontro comigo. Isso também é bom. Curta cada momento de tua vida, sem esperar pelo próximo, pois, senão, sua energia estará no próximo e não agora. Viver Aqui e Agora. É ser, estar no momento. Nossa consciência se expande e vemos além do olhar e sentimos além do sentir. Nossa percepção toma outras dimensões e as limitações se dissolvem. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 21
  • 23. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO NÃO É A CHEGADA, E SIM, A JORNADA. Vivemos sempre com expectativas, em busca de prêmios, certificados, troféus, resultados. Em tudo o que fazemos, nossa mente está lá na frente. No momento em que chegaremos ao final, em que concluiremos nossa tarefa, em que receberemos o troféu, o certificado. Então virão os aplausos, apertos de mão, abraços calorosos, festejos etc. E se isso não acontecer? Se você, “falhar”(?) Se as coisas não acontecerem como você planejou. Ou se a chegada não tiver a mesma beleza que você esperava? Um amigo seu lhe convida para visitá-lo. Porém, serão 30h de viagem, em um ônibus. Você aceita, pois ele te disse que é um lugar ensolarado, uma paisagem maravilhosa, uma praia com águas límpidas, a temperatura está perfeita e as pessoas que freqüentam lá, nossa, uma mais linda que a outra. Prepara-se para viagem. Claro que você não vai esquecer de seu MP3, afinal, uma viagem de ônibus é um saco se você não puder escutar aquela música que você adora. Começa a viagem. Você mal cumprimenta a pessoa que senta-se ao seu lado. Coloca os fones no ouvido e entrega-se à música. Como você está curtindo a música, nem percebe o tempo passar. Já passaram 7h. Nossa, a bateria do MP3 descarregou e você não trouxe um cabo que possibilita que você o carregue na luz na próxima parada. Como não há nada a fazer, você começa um papo com a pessoa ao lado. Descobre que ela é uma companhia adorável. Fala sobre diversos assuntos, e volta e meia, chama sua atenção para uma ou outra paisagem e demais acontecimentos no caminho. Você percebe que em alguns momentos ela silencia. Observa e em um determinado momento pergunta a ela o que estava fazendo. Ela responde: Estava contemplando. Observando o que acontece comigo, com meu corpo, minhas sensações, dentro e fora. Minha interação com o ambiente e tudo o que há a minha volta. Você pergunta como é isso e ela explica. Você faz o mesmo e começa a perceber que há muito mais que normalmente você via e sentia. Chega o final da viagem. Ao chegar em seu destino, o tempo está sombrio. Nuvens carregadas. Uma ventania. Tudo fechado. Você passa um dia inteiro com seu amigo, apenas contando sobre sua viagem. Sem conhecer a praia, o mar de águas límpidas, e as pessoas belas que a freqüentam. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 22
  • 24. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Mas você não está decepcionado porque não aconteceu o que você esperava. Porque, você aproveitou cada momento de sua jornada. A felicidade não está na chegada. Ela está em cada passo de nossa jornada. Cada movimento. A chegada é um bônus. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 23
  • 25. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO DESPERTAR A maioria dos cursos, palestras, seminários, workshops, encontros que participamos, tem o objetivo de auxiliar em nosso despertar. Isso também acontece com os livros que lemos, filmes, documentários, vídeos que assistimos, práticas, técnicas que ouvimos/praticamos tem o objetivo de auxiliar no nosso despertar. E o despertar significa trazer à superfície aquilo que está adormecido nas profundezas. Tudo o que você encontrará no aprendizado do Ki Mon Ka e nas práticas, fazem parte deste despertar. Não há nada de novo. Já estava aí. Adormecido. O mérito não é meu. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 24
  • 26. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO ABERTURA Há rochas no oceano que vem sendo cobertas de água há milhares de anos. Em seu interior, todavia, elas continuam secas. Da mesma forma podemos tentar compreender-nos a nós mesmos mergulhando em várias idéias e filosofias, mas, se nossos corações estiverem fechados e frios, o verdadeiro significado não nos tocará. Onde quer que estejamos e seja o que for que fizermos, se não estivermos abertos, ninguém, nem mesmo o maior dos mestres, poderá chegar até nós. Em porta fechada não é possível entrar. E quando se trata de aprendizado e energia, não se pode arrombar. Isso é uma grande bênção e também uma proteção. Assim, não corremos o risco de sermos forçados a algo que não desejamos. Se não estivermos abertos, o aprendizado não se manifesta. Se não estivermos abertos, a energia não nos afeta. A responsabilidade é sempre nossa. Assim, ninguém poderá fazer-nos nenhum mal. Exceto se permitirmos. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 25
  • 27. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO A NOSSA NATUREZA "Monge e discípulos iam por uma estrada e, quando passavam por uma ponte, viram um escorpião sendo arrastado pelas águas. O monge correu pela margem do rio, meteu-se na água e tomou o bichinho na mão. Quando o trazia para fora, o bichinho o picou e, devido a dor, o homem deixou- o cair novamente no rio. Foi então à margem tomou um ramo de árvore, adiantou-se outra vez a correr pela margem, entrou no rio, colheu o escorpião e o salvou. Voltou o monge e juntou-se aos discípulos na estrada. Eles haviam assistido à cena e o receberam perplexos. - Mestre deve estar doendo muito! Porque foi salvar esse bicho ruim e venenoso? Que se afogasse! Seria um a menos! Veja como ele respondeu à sua ajuda! Picou a mão que o salvara! Não merecia sua compaixão! O monge ouviu tranqüilamente os comentários e respondeu: - "Ele agiu conforme sua natureza e eu de acordo com a minha." Autor desconhecido Devemos sempre respeitar a natureza. A nossa e a dos outros. De todos os seres. Uma mulher apaixona-se por um homem. Ele é profissional bem situado. Porém, gosta de andar com barba mal feita, com roupas surradas, contar piadas, jogar com os amigos, encontrar-se com eles em um barzinho. Ela o aconselha a mudar esses hábitos, afinal, alguém em sua situação deve ter uma imagem condizente. Por amor a ela, ele resolve mudar. Passa a andar com a barba bem feita, usando roupas sociais, falando elegantemente, e freqüentando lugares bem conceituados. Ela sente-se realizada, momentaneamente. Porém, ao passar do tempo, o fogo vai-se apagando. Pois ela apaixonou-se por aquele homem que ela conheceu, não pelo bonequinho que ela criou. Ele perdeu a espontaneidade, perdeu sua essência, sua natureza. Tudo é impermanente. Todos podemos mudar, e mudamos constantemente. Isso chama-se evolução. Mas isso deve ser natural. Isso deve fluir. É uma escolha de cada um. Isso acontece com freqüência, muito mais do que imaginamos. E achamos isso natural. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 26
  • 28. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Vamos a um zoológico e nos alegramos ao contemplar um tigre ou um falcão em sua jaula/gaiola. Sim, eles estão sendo bem tratados, cuidados. Não falta alimento, veterinários, etc. Um tigre, entre outras coisas, é um caçador, gosta de caçar o seu alimento, pode correr a 80km/h e saltar de 5 a 6 metros. O falcão peregrino é um caçador solitário, seu mergulho, durante o vôo alcança velocidade de quase 320km/h. Sua natureza não é estar dentro de uma jaula. Em toda a natureza. Em todas as espécies. Devemos respeitar a natureza de cada um. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 27
  • 29. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO PREÇO X VALOR Muitas pessoas confundem preço com valor. Algumas me perguntam: Qual o valor de um curso, prática de Ki Mon Ka? Eu respondo: O valor é inestimável. Para mim, ele vale o que eu sou hoje. Pois o que sou é conseqüência destas práticas e desta consciência. Para você, apenas você pode saber. Você deve avaliar. Mas se você me perguntar o preço. Eu direi: O investimento que você fará para acessar este curso ou prática é uma “contribuição voluntária”. Aquela quantia que não fará falta para você e que você acha justo compartilhar conosco. Ela a não representará o valor que você dá a esse curso ou prática. Apenas o que você pode, neste momento, dedicar a ele. E se você me perguntar: Quanto posso cobrar por uma prática de Ki Mon Ka? Eu responderei: Você pode cobrar qualquer quantia que você achar justo e as pessoas que a acharem justa irão pagá-lo. Qualquer quantia é justa. Há pessoas que sentem-se a vontade apenas quando pagam muito por algo. Para elas, é necessário que tenham pessoas que cobrem muito. Há pessoas que gostariam de pagar muito, mas não possuem, no momento, condição para fazê-lo. Para elas, é necessário que tenham pessoas que cobrem pouco. Devemos ter consciência também que muito e pouco são conceitos relativos. O que é muito para mim, pode ser pouco para você e vice-versa. Certa vez. O filho de uma aluna minha me perguntou: Varno. Você não gosta de dinheiro? Afinal, essa coisa de cada um paga o que quer, faz com que a maioria das pessoa não de dêem nada ou muito pouco. Eu respondi: Sim, eu gosto de dinheiro. Ele me possibilitou comprar todos os equipamentos que possuo até o momento, dar assistência a eles, meu lazer. Embora em grande parte de meus dias, transporte e estadia são por conta das pessoas que me convidam, em outros momentos, eu devo arcar com essas despesas. O dinheiro também me proporciona isso. Mas ele não é o meu foco. O meu foco é compartilhar meu aprendizado. O dinheiro vem naturalmente, é conseqüência deste seva (serviço amoroso, compassivo, VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 28
  • 30. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO desinteressado). Se você quiser contribuir com R$ 1,00, ficarei muito feliz, pois é o que você pode fazer neste momento e se você quiser dar-me um carro importado, uma fazenda ou uma ilha, ficarei igualmente feliz, pois é o que você pode fazer no momento. Eu confio no Universo. Sei que todas as minhas necessidades serão supridas. E assim é. O justo é você estar em harmonia com a sua consciência. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 29
  • 31. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO BÊNÇÃO E CASTIGO Ate mesmo naquela situação que podemos considerar o maior dos castigos. Há uma bênção escondida. Nem sempre o sol está visível. Porém, mesmo atrás das nuvens, ele permanece brilhando. O fato de você não vislumbrar a bênção, não significa que ela não exista. As coisas não acontecerem da forma que planejamos não significa que deram erradas. Apenas tomaram outra direção. E acredite. O Universo é sábio e sabe qual o melhor movimento para nós. Mesmo que a sensação seja desagradável. Mas tudo é impermanente. Uma sensação dá lugar a outra, e outra, e outra. Algumas agradáveis e outras desagradáveis. Vou compartilhar um fato que uma aluna compartilhou comigo. No tópico Manifestando o segredo você verá situações pessoais minhas que exemplificam isso. Ela contou-me que: Uma amiga dela era carteira e sonhava ser fiscal do INSS. Ela fez sua inscrição no concurso, mas não tinha tempo para estudar, acreditava que não seria aprovada. Certo dia, quando ia para o trabalho de bicicleta, foi atropelada. Fraturou seu pé. Teve que ficar imobilizada. E não podia trabalhar. Durante este período, ela se entregou ao estudo. Tirou o 1º lugar no concurso e hoje é fiscal do INSS. Você acha que, se na manhã daquele dia, ela tivesse buscado um vidente. E ele dissesse que ao ir ao trabalho ela seria atropelada e fraturaria o pé, ela iria trabalhar? Provavelmente não. Pois ela julgaria que isso seria ruim. E hoje, ainda, seria uma carteira e não teria realizado seu sonho. Isso poderia ou não acontecer. Mas, aquela situação que muitas pessoas considerariam um castigo, para ela foi uma bênção, necessária para que seu sonho se realizasse. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 30
  • 32. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO ENTENDIMENTO E COMPREENSÃO As práticas energéticas são experenciais. O entendimento pode manifestar-se externamente. Podemos entender sobre um assunto através da leitura, participação de workshops, cursos, etc.b e isso pode ser certificado (pode ou não ser comprovado por um certificado). A compreensão é diferente. Ela vem da experiência. Você pode ler dezenas, centenas ou milhares de livros e você poderá entender a cada uma delas. Porém, se você não as experenciar, você jamais as compreenderá. A compreensão vem através da prática. Do sentir cada movimento, cada fluxo, cada sensação que ela te proporciona. Se você não vivenciar a prática, a compreensão não se manifestará. Você pode ler, ouvir e ver todo este material que está sendo disponibilizado. Poderá ter o reforço de tudo o que você já leu, ouviu e viu a respeito de práticas energéticas. E poderá, por isso, entender elas mais do que eu. E poderá falar a respeito dela com mais conhecimento que o meu. Mas se você nunca experenciou, se nunca praticou essas técnicas. Será apenas palavras. Não haverá compreensão. Isso é errado? Não, não é. Mas você deve saber o que você quer para você. A nossa mente está programada para entender. O nosso sistema está preparado para compreender. Isto já comprovei diversas vezes. Vou citar 2 exemplos: Durante algum tempo, realizava práticas em grupo no Centro Cultural de Santiago. 2 famílias participaram destas práticas durante muitos meses. Um dos integrantes era uma menininha de 5 a 6 anos. Na hora da prática, ela deitava-se no colchonete e adormecia. Nenhuma vez ela esteve acordada durante as práticas. No entanto, quando a família se reunia para praticar em casa ela dizia de seria eu e começava a conduzir a prática, exatamente como eu fazia (com sua doce e inocente voz de criança), com etapas que ela nunca presenciou conscientemente. -.- VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 31
  • 33. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Quando fui para Itaipuaçú/RJ pela 2ª vez. Conheci uma mulher maravilhosa. Uma árabe que viveu grande parte de sua vida na França e vive no Brasil há mais de 2 anos. Ela me conheceu e solicitou que eu realizasse uma prática com ela. Ela fala e entende bem o português. Isso é bom, pois mal falo o português, imagine então, os outros idiomas. Como você verá. Na prática do Ki Mon Ka eu conduzo uma contemplação. Ela amou a prática e falou a respeito dela para um amigo, que também estava em Itaipuaçú. Um californiano, que só fala inglês. Ele gostaria que eu realizasse uma prática com ele. Ele não fala português. Eu não falo inglês. Minha amiga, ofereceu-se para ficar conosco e servir de tradutora. Traduziria também, a prática. E ela o fez, por 5 minutos. Depois entregou-se à prática e não traduziu mais. Ao terminar a prática pedi que ela perguntasse como ele estava sentindo-se e se desejasse, que relatasse a experiência. Ele o fez. Relatou situações da condução, coisas que ela não havia traduzido. Ele não entende o português. Mas o sistema dele compreendeu a prática, a energia e deu a forma. Ele apenas seguiu o fluxo. A nível energético, esta é a diferença entre entendimento e compreensão. Não há limitações. Necessitamos apenas experenciar. Você não precisa acreditar no oceano para ficar molhado, mas é necessário que você se atire nele. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 32
  • 34. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO SUA IMAGEM Algumas pessoas preocupam-se muito com sua imagem. Como elas são vistas por outras pessoas ou o que pensam delas. Para algumas pessoas você poderá ser um anjo, para outras um demônio. E isso também é impermanente. Quando uma pessoa te ama ela te vê de uma forma. Quando ela se magoa, essa imagem se modifica. Quando a mágoa se desfaz, uma nova imagem é criada. Nós vemos o Universo à nossa volta com a nossa lente. E a forma que a vemos é única. Ninguém mais o vê desta forma. E ela se modifica conforme nossa consciência se modifica. O importante é que você conheça sua essência, e que não permita que o que os outros pensam de você interfira nisso. Sempre que você fizer algo, faça porque deve ser feito e não para impressionar outras pessoas. Pois você poderá ser amado por algumas pessoas e odiado por outras, mas o importante é que você atue conforme sua verdade. Ninguém poderá agradar a todos, sendo verdadeiro. Para que não haja decepção, não devemos criar expectativas. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 33
  • 35. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO EXPECTATIVAS As expectativas são limitadoras. Quando temos, freqüentemente conhecemos frustrações, pois as coisas nem sempre acontecem como esperamos, planejamos. Normalmente, a nossa expectativa está em movimentos externos, situações, pessoas. É a teoria do Caos. O bater de asas de uma borboleta em Hong Kong pode provocar um tornado no Texas. Pode, ou não. Não há uma regra. Qualquer movimento pode mudar a direção. Existem muitos fatores externos, internos que podem contribuir para que isso se modifique. Não há controle. E essa é a melhor parte. Porque, desta forma, tudo será novo. Devemos, então, confiar na Sabedoria, Generosidade e Amorosidade do Universo ou Deus/Deusa de nossa devoção. E deixar fluir. Fazer o que cabe a nós. E seguir nossa caminhada, felizes. Isto refere-se a todas as coisas. Em todas as situações, devemos libertarmos das expectativas. Mas vamos falar agora a respeito da experiência. Muitas pessoas ouviram falar sobre determinadas práticas energéticas. Tratamentos, iniciações. Algumas pessoas tem experiências muito interessantes com essas práticas. Algumas tem uma percepção muito desenvolvida e visualizam, ouvem e sentem coisas muito especiais. Ao falarem a respeito delas para outras pessoas, fazem o se depoimento, relatando suas experiências. E essas pessoas, sentem-se atraídas a essas práticas. Muitas delas, ao buscar essas experiências, vem a elas com sede, com expectativas. Acreditam que terão experiências semelhantes as que lhes foram descritas. Porém, uma experiência é única. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 34
  • 36. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Nenhuma pessoa terá uma experiência igual a outra. Nem mesmo a mesma pessoa terá 2 experiências iguais. E quando desejamos uma experiência, nos afastamos dela. A expectativa faz com que nosso foco esteja em nosso desejo de vivê-la e não conseguimos nos entregar à prática. E, além disso. O sentir, ver, ouvir dependem de outros fatores, como a percepção. Nem todas pessoas tem a percepção e sensibilidade desenvolvidas. Por esta razão, podem não ter consciência de sua experiência. Mas ela estará lá de qualquer forma. O ver, sentir, ouvir é desnecessário. Afinal, em uma prática energética não devemos buscar efeitos especiais e sim, a elevação de nosso padrão vibratório. Tudo o mais, é bônus. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 35
  • 37. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO CONTINUUM DE TEMPO/ESPAÇO Tempo e espaço são inexistentes. Não há esta limitação. Você está em pleno trânsito, na avenida paulista, engarrafada. Muitas pessoas esbravejando, buzinando, etc.. Você pensa em uma cachoeira, relva verde, brisa suave, água acolhedora. E ouve os sons, sente, os aromas, a água acariciando sua pele e o seu frescor. Você pensa em uma pessoa que você ama e deseja estar com ela, falar com ela, tocar ela. Então toca o telefone, é ela te ligando e dizendo que você não saía da cabeça dela. Essas são apenas duas situações, mas isso acontece com mais freqüência. Principalmente para quem compreende a energia. A energia pode ser enviada para quem está juntinho de nós ou a quem está a milhões de quilômetros de distância, com o mesmo potencial. E ela pode atuar neste momento, ou em qualquer época de nossa existência ou do receptor. Passado e/ou Futuro. E, quando criamos a conexão com uma experiência, ela estará disponível para nós, sempre que desejarmos, bastando para isso, metalizá-la e. imediatamente, instantaneamente, nos sintonizaremos com ela. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 36
  • 38. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO AFETAMOS O UNIVERSO A NOSSA VOLTA Era uma vez uma ondazinha que saltitava no oceano divertindo-se a valer, estava apreciando o vento e o ar fresco, até que dá com outras ondas na frente, arrebentando-se na praia. - Meu Deus, que coisa horrível- diz a ondazinha, - é isso que vai acontecer comigo. Ai chega outra onda, vê a primeira que está triste e pergunta – Porque está triste? - Você não está entendendo – diz a ondazinha.- vamos todas rebentar! Nós todas vamos acabar em nada! Não é horrível? E a segunda onda responde – Não, você é que não está entendendo. Você não é uma onda, você é parte do oceano. Mitch Albom. A Última Grande Lição Não somos ondas, somos parte do Oceano. Embora indivíduos, afetamos o Universo a nossa volta. Cada pensamento, palavra, movimento tem um alcance muito maior do que podemos compreender. Seja ele visível ou invisível. Consciente ou inconsciente. Eles afetam o grão de areia mais próximo até a mais distante estrela. Acreditando nisso ou não. Tudo é energia. Embora sejamos programados para ver indivíduos, animais, plantas, elementos, etc. Tudo o que vemos é energia que compreendemos com esta forma. Esta é a nossa programação. Mas se pudéssemos ver tudo pela lente de um microscópio muito potente, percebêramos que não mais existem os indivíduos, animais, plantas, elementos, etc. há apenas um oceano de energia. Assim como uma pedra atirada em um rio, afeta o rio. Cada movimento nosso, afeta o Universo. Nós o afetamos constantemente. Portanto. Elevemos nosso padrão vibratório para que isto se reflita nele. Nossa responsabilidade é bem maior do que podemos conceber. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 37
  • 39. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO UNIVERSOS PARALELOS Tudo o que pensamos se manifesta. Quando pensamos em uma situação, ela é criada. Vamos supor que você pensa em fazer uma viagem comigo na próxima semana. Neste momento, esta viagem foi criada, manifestou-se. Há um futuro provável que foi criado. Onde, daqui 7 dias, eu e você estaremos no lugar que você programou. Tempo/espaço não existem. Portanto isso já está acontecendo. Em uma outra dimensão. Pode ou não, acontecer nesta dimensão consciente. Pois há a Teoria do Caos. Um fator pode interferir nesta criação. Eu posso não aceitar o teu convite, porque já fui convidado por outra pessoa para estar em um outro lugar. Neste momento há: Um futuro provável, em uma dimensão. Onde estou com você no local que você programou. E outro futuro provável, em outra dimensão. Onde estou com esta outra pessoa em outro lugar. Uma ou outra dimensão poderá ser consciente. Se não acontecer mais nenhum fator que possa interferir nesta criação e, então, criar uma outra dimensão. Todas essas realidades existem simultaneamente, mas vivemos conscientemente apenas uma delas. As outras, algumas pessoas tem acesso através de sonhos ou vivências e outras, jamais tem conhecimento. Há muito mais do que podemos conceber. As possibilidades são ilimitadas. Devemos abrir nossa mente, para que possamos nos permitir experenciar. E quando nos abrimos para essas possibilidades, o despertar pode manifestar-se. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 38
  • 40. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO HÁ MUITO MAIS DO QUE TEMOS CONSCIÊNCIA O cérebro processa 400 bilhões de bits de informação por segundo, mas só tomamos consciência de 2000 bits, e esses 2000 bits são sobre o que está ao nosso redor nosso corpo, e o tempo. Quem Somos Nós (What the Bleep Do We Know!?) Há muito mais do que temos consciência. Não estamos programados para ver tudo o que há a nossa volta e mesmo o que vemos não integralmente processado. Deixamos de ter consciência de muitas situações. Nossa experiência poderia ser muito mais rica, se superássemos essas limitações. Se pudéssemos observar de diversos ângulos. Isso parece impossível? Sim, parece. Mas o impossível é algo que ainda não se manifestou. Voar era impossível para o homem, e hoje? Já não é mais. O primeiro é nos abrirmos a essa possibilidade. Observarmos mais atentamente. Estar onde estivermos, conscientemente. Conscientes de cada movimento. E, deixar fluir. Sem expectativas, pois as expectativas nos afastam do momento, da experiência. E quando surgir algo que você não consegue explicar, não questione. Não desperdice energia tentando compreender. Apenas aprecie a experiência. Se for para você compreender, a compreensão se manifesta naturalmente. O que fazer com isso? Quando surgir algo que te tocou, que te trouxe benefícios. Compartilhe. Ao fazer isso, você abre um portal para que mais bênçãos se manifestem. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 39
  • 41. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO CERTO E ERRADO Certo e errado são conceitos que criamos. O que é certo para mim, pode ser errado para você. E no próximo momento, o que era certo para você, pode passar a ser errado. Tudo depende de nossa consciência. E ela é mutável Um novo movimento e ela pode se transformar. Devemos ter consciência do que é certo para nós e vivermos de acordo com isso, sem culpas. Por mais que para os outros, isso seja errado. Porém, se você mudar sua consciência e continuar a fazê-lo, isso lhe trará prejuízos. Na mesma intensidade de que o faria se deixasse de fazê-lo, apenas pelos outros. Aqui também não cabem julgamentos. Nem apego. Deixar de fazer algo, porque anteriormente você achava errado ou continuar fazendo porque anteriormente você achava correto, vai contra a sua harmonia. E ir contra a sua harmonia, não está em sintonia com o Universo. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 40
  • 42. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO PROPRIEDADE Assim que o Ki Mon Ka se manifestou, algumas pessoas me perguntaram se eu o havia registrado. Pois outras pessoas poderiam querer roubá-lo de mim. Se não possuímos nada, nada nos pode ser roubado. E o Ki Mon Ka não me pertence. Ele pertence a Humanidade. Da mesma forma em que eu me sintonizei com a idéia, inspiração de praticar essas técnicas da forma que estou fazendo e compartilhando com você. Muitas outras pessoas podem também, estar na mesma sintonia e ter a mesma idéia, inspiração. E estou certo de que muitas outras pessoas o fazem. Com outro nome ou sem nenhum. Ou até mesmo com o mesmo nome. Mas nem mesmo esse nome me pertence. Ki, Mon e Ka já existiam antes de mim. Eu apenas os uni, da mesma forma que qualquer pessoa poderia fazê-lo. O mesmo acontece com o que está sendo compartilhado aqui. Nada me pertence. Essas idéias, essas técnicas. Elas estão aí. Qualquer pessoa pode manifestá-las. Eu estou servindo de canal para que elas cheguem a você neste momento. Em um outro momento, você pode acessá-las espontaneamente, ou em um artigo ou outro livros, com as mesmas ou outras palavras, formas, mas com a mesma idéia. Até mesmo as imagens. Se acessarmos o Google Earth, poderemos ver imagens de todo o mundo. Podemos aproximá-lo e ver nossa casa e a cadeira que está aí fora. Há ferramentas nele que nos possibilitam ver essas imagens de diversos ângulos. Agora pense assim. Se há uma ferramenta dessas a disposição de qualquer pessoa que tenha acesso a internet. Imagine o que não há que ainda não conhecemos. Possivelmente há ferramentas que estão nos observando aqui, neste momento. Estão vendo você lendo este livro, ouvindo este áudio ou assistindo esse vídeo. Ficção? Nada é impossível. Vivemos em um mundo de possibilidades. Então, vale a pena você desperdiçar sua energia preocupando-se porque alguém tirou uma foto sua e a postou em algum lugar ou copiou parte de seu texto e utilizou de alguma forma? VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 41
  • 43. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Nada nos pertence. Tudo pertence ao Universo. Algumas coisas nos são emprestadas por um determinado tempo. Mas em um momento ou outro, pode deixar de estar conosco. Isso não se limita a direitos autorais, sobre idéias, imagem, criações(?). Isto refere-se a tudo. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 42
  • 44. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO MEU EGOÍSMO Tudo o que faço, primeiramente, é por egoísmo. Este livro, também é resultado dele. Eu o escrevi, porque sinto satisfação e, compartilhar meu aprendizado, experiências. Quando viajo para dar um curso. O faço porque sinto prazer em viajar, conhecer pessoas, e lugares que ainda não conhecia. Até mesmo quando retorno a esses lugares e pessoas. Serão lugares e pessoas novas. Não as que eu deixei lá. Pois já se transformaram. O mesmo acontece quando disponibilizo os materiais na internet Fotos, vídeos, mensagens. Puro egoísmo. A satisfação de compartilhar esses momentos. Se alguém, além de mim se beneficia com isso? Sim, muitas pessoas se beneficiam. Outras não, mas ninguém forçado a contemplar isso. São apenas convidados a fazê-lo. Mas, quando alguém se beneficia, além de mim. ISTO É UM BÔNUS DE MEU EGOÍSMO É uma conseqüência natural. Como afetamos tudo a nossa volta e nosso alcance é ilimitado, isto acontece naturalmente. Todas as pessoas que estiverem sintonizadas com isso, em um ou outro momento, poderão acessá-los. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 43
  • 45. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO FALSO VÍRUS Um rapaz procurou Sócrates, o sábio, e lhe disse que precisava contar algo sobre alguém. Sócrates ergueu os olhos do livro que lia e perguntou: - O que você vai me contar já passou pelas três peneiras? - Três peneiras? - Sim. A primeira peneira é a Verdade. O que você quer contar é um fato? Caso tenha ouvido falar, a coisa deve morrer por aí mesmo. Suponhamos, então, que seja verdade. Deve agora passar pela segunda peneira: a Bondade. O que você vai contar é coisa boa? Ajuda a construir ou destruir o caminho, a reputação do próximo? Se o que você vai contar é verdade, e coisa boa, deve passar ainda pela terceira peneira: a Necessidade. Convém contar? Resolve alguma coisa? Ajuda a comunidade? Pode melhorar o planeta? E arremata Sócrates: - Se passar pelas três peneiras, conte! Tanto eu, como você e seu irmão iremos nos beneficiar. Caso contrário, esqueça e enterre tudo. Será uma fofoca a menos para envenenar o ambiente e fomentar a discórdia entre irmãos, colegas do planeta. Devemos ser sempre a estação terminal de qualquer comentário infeliz! Logo que comecei a ter contato com o computador eu era muito inexperiente e inocente. Lia e ouvia muito a respeito de vírus e os danos que eles podiam causar. Foi então, que recebi uma mensagem me prevenindo que havia um vírus em meu PC. Ele era o jdbgmgr.exe e tinha um ícone na forma de um ursinho cinza. Na mensagem havia a descrição do caminho para encontrá-lo e como apagá-lo. Eu o percorri e o encontrei. Claro que o deletei e re-enviei a mensagem para todos os meus contatos, pois eu queria também, salvá-los desta ameaça. Até que um deles me disse o jdbgmgr.exe é um arquivo do windowns e não deve ser apagado. Na época até criaram uma comunidade no Orkut SALVE O URSINHO CINZA DO WINDOWNS onde aprendíamos a resgatá-lo. Este mesmo amigo ensinou-me que, antes de acreditar em mensagem a respeito de vírus na internet, devemos entrar no Google ou outro site de busca, colá-la lá e pesquisar a respeito dela. Possivelmente, se é um vírus, haverá algo a respeito. Se não encontrar nada, devemos buscar outras formas de comprovar a veracidade da mensagem. Pois acreditarmos em um falso vírus e, principalmente disseminar essa informação, pode ter conseqüências desastrosas e até mesmo danificar nosso PC e das pessoas para as quais encaminhamos. Semelhante a esse falso vírus, há também, um que assola a humanidade e pode danificar relacionamentos e jornadas. Algumas pessoas o conhecem com o nome de boato. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 44
  • 46. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Há pessoas que, por razões diversas, disseminam boatos que prejudicam a reputação de algumas pessoas, assim como relações. Antes de alimentarmos esses boatos. Devemos, assim como ocorre com as mensagens falso vírus, buscar confirmar sua veracidade. Devemos lembrar que o papel, assim como a internet, aceita tudo o que colocarmos nele. Precisamos apenas de um teclado e digitar o que queremos que seja divulgado. Posso criar um site e divulgar a notícia de que o Pelé ganhou o Prêmio Nobel de Medicina ao descobrir a Cura da AIDS. Com fotos dele recebendo esse prêmio, pois existem programas que nos auxiliam nisso e não precisamos, nem ao menos, ser artistas para isso. Então buscamos certificações. Mas criarmos e editarmos um certificado também são muito simples. Porém, a experiência é irrefutável. Quando se trata de relacionamentos. O que certifica uma verdade é o que sentimos. É a sensação que nos invade quando estamos com o outro. Isso pode ser sentido até mesmo à distância. Não há limitação. Vai além das palavras. Quando se trata de práticas, de energia. O que certifica é a prática, o fluir e a transformação, consciente ou inconsciente que ela nos proporciona. Você deve sentir internamente se esta te traz ou não benefício. E isso é pessoal. Único. Cada pessoa tem uma experiência diferente. Isso vai além da história e a jornada de quem lhe transmitiu a prática ou aprendizado. Tanto em uma quanto em outra situação. Siga o seu coração. Não se deixe enganar por palavras, por imagens. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 45
  • 47. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO TUDO É SAGRADO Tudo o que há no Universo é sagrado Todas as religiões concordam em uma coisa. Deus/Deusa é Onipresente. Isto significa que Ele/Ela está presente em todas as coisas. Portanto, tudo é divino. Não importa como você o chame. Qual a forma Ele tenha. Esta Energia Essencial. E a melhor forma de tratarmos o que é sagrado, é reverenciá-lo e demonstrar nossa gratidão. Diariamente, a cada momento, temos uma razão para expressar nossa gratidão. Todo momento tem um potencial criador, transformador. E mesmo determinadas situações que nos parecem um castigo, futuramente, poderemos reconhecê-las como uma bênção. Cada momento é um momento único e uma fonte de aprendizado. Se tivermos essa consciência, reconheceremos os “presentes divinos” que estão presentes em cada momento. A humildade é a consciência de que tudo é parte do Todo. Tudo no Universo tem a mesma importância. Pois somos todos, manifestações da mesma energia. Sermos humildes é fazermos nossa parte sem nos preocuparmos com o reconhecimento, apenas pela satisfação de estarmos cumprindo nossa missão e termos consciência de que a nossa é, não mais e nem menos importante, que a missão de nossos semelhantes. É mais fácil sermos gratos com acontecimentos grandiosos. Compramos um carro novo. Nossa filha passou na faculdade. Conquistamos uma promoção. Ganhamos dinheiro suficiente para as férias de nossos sonhos. Mas às vezes esquecemos de sermos gratos por situações não(?) tão significativas. Acordamos pela manhã e abrimos os olhos, respirando sem auxílio de instrumentos. Caminhamos até nosso banheiro e nos lavamos, descemos até nossa cozinha e preparamos nosso café... no caminho de nosso trabalho, passamos por uma flor que está desabrochando, cruzamos com um cãozinho que late alegremente abanando seu rabinho e visualizamos uma linda borboleta azul... Sentimos o aroma das flores, a suave brisa, etc. Muitas dessas coisas passam despercebidas. Nem as notamos. Mas se as notássemos, até poderíamos ser gratos a elas. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 46
  • 48. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO Porém há outras situações. Ao chegarmos ao nosso carro, já atrasados, encontramos o pneu furado. Se o trocássemos, nos atrasaríamos mais. Resolvemos pegar o ônibus e chegamos lá instantes depois dele passar. Decidimos chamar um táxi. O motorista do táxi encontra um engarrafamento e demora para chegar. Ficamos furiosos, pois tudo está dando errado. Será que tudo deu errado mesmo? Só porque as coisas não ocorreram conforme planejamos, não significa que tenham dado erradas. Como já falei anteriormente. Até neste momento, devemos demonstrar a gratidão. Tudo é sagrado. Desde uma pequena poeira até o majestoso Sol. Todos os nossos movimentos. Até mesmo o que fazemos no banheiro. Reverenciar o sagrado. Demonstrar a nossa gratidão. Faz com isso se reflita a nós. Seremos então abençoados. O Deus/Deusa que habita em mim saúda/reverencia o Deus/Deusa que habita em você e em todos os elementos. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 47
  • 49. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO A FÉ Existem vários conceitos de fé. Todos são verdadeiros. Eu a vejo da seguinte forma. A vejo com um sentir, um saber Sem necessidade de comprovação. Não preciso tocar. Não preciso ver. Não preciso ouvir. Basta experenciar. Ser tocado por ela. Ela não deve ser entendida. A compreensão se manifesta. Mas devo deixar claro que: No que refere-se a estas técnicas, a fé é desnecessária . Pois, eu posso aplicar energia em minha mãe e ela se beneficiar – e você dirá que ela beneficiou-se porque confia em mim. Posso aplicar energia em meu cão e ele beneficiar-se – e você dirá que isso aconteceu porque ele também confia em mim. Mas eu posso aplicar energia em uma plantinha murcha e ela fortalecer-se, e ela não confia em mim. Posso, também, aplicar energia em um ambiente e elevar seu padrão vibratório e ele também não confia em mim. Você não precisa acreditar no oceano para ficar molhado. Mas é necessário que você atire-se nele. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 48
  • 50. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO CONFLITOS INTERNOS Um velho índio descreveu certa vez em seus conflitos internos: "Dentro de mim existem dois cachorros, um deles é cruel e mau, o outro é muito bom e dócil. Os dois estão sempre brigando..." Quando então lhe perguntaram qual dos cachorros ganharia a briga, o sábio índio parou, refletiu e respondeu: "Aquele que eu alimentar" O bem e o mal estão dentro de nós. Embora nossa essência seja a luz. Enquanto nos for necessário permanecer nesta dimensão teremos essa missão. Escolher qual dos dois cachorros alimentar. Várias situações aparecem em nossa vida para que nos lembremos de colocar a ração. São conflitos com que o Universo nos presenteia para que tenhamos consciência disso. Como falei anteriormente. Tudo é energia. E a energia tem três caminhos: - A Repressão - A Expressão - A Transmutação Repressão Toda a energia que não é liberada é reprimida. E todo depósito tem uma determinada capacidade de contenção. Quando chegar ao limite, há uma erupção. Então o vulcão ganha vida e transforma tudo a sua volta. Muda a paisagem. Isso pode ser bom ou não. Tudo depende de sua consciência a esse respeito. Expressão Quando a energia não é reprimida, pode ser liberada. Isso pode acontecer da forma que descrevi acima, ou de infinitas possibilidades de forma. Vamos escolher uma forma de energia. A Raiva. Você pode liberá-la de diversas formas: VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 49
  • 51. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO - agredindo física ou verbalmente quem fez com que ela se manifestasse ou viesse a superfície - socando um saco de areia, travesseiro, almofada - cortando lenha ou fazendo uma cerca com pedaços de madeira e uma marreta enorme Atualmente, quando eu necessito liberar uma energia desta forma, prefiro jogos de vídeo-game. Subo em uma bicicleta radical e vou montanha abaixo em uma corrida cheia de obstáculos. Ou entro em carro tunado, com nitro e participo de um racha a 300 km/h Isso possibilita que eu vá liberando essa energia que ainda há acumulada em mim e, quando surgir uma situação, em que a raiva se manifeste, eu possa transmutá-la. Transmutação Antes de liberarmos essa energia podemos transmutá-la. Isso pode acontecer de diversas formas. Vou compartilhar uma. Ainda referindo-se a raiva. Se você fizer algo que faça com que a minha raiva venha á superfície. Você está me mostrando que ela existe e estava escondida. Você não poder de criar nada em mim. Você apenas pode servir de canal para fazer com que isto desperte. Apenas eu posso criá-la. E, se você está me mostrando que ela existe, e está escondida aí. E se eu sei que, a qualquer momento o depósito pode transbordar, entrar em erupção e causar danos. Então você está me fazendo um favor. Você está me auxiliando. A melhor atitude para mim, e ser grato a você por me auxiliar a reconhecê-la. Ao manifestar a gratidão, estou transforma a energia. A raiva foi transmutada em gratidão. A energia é liberada e não causa nenhum dano. Se é fácil? Não, não é. Precisa disciplina, prática, mudança de consciência, transformação interior. Se eu faço isso sempre? Não, nem sempre eu consigo. Mas estou sempre buscando fazê-lo. E sempre que consigo, fico muito feliz. Vale a pena esforçar-se a isso? Sim, muito. Mas a escolha deve ser sua. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 50
  • 52. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO ALIMENTO Alimento é aquilo que necessitamos para nos nutrir. Ele pode vir de várias fontes. Natureza, espiritualidade, amor, amizade, vivências, etc. Embora possamos ser alimentados de diversas formas, vou falar aqui sobre o alimento para o nosso corpo. O que nos nutre para a sobrevivência. Cada pessoa é um universo único. Tem necessidades próprias. A medida que nossa consciência vai se modificando, nossas necessidades também se modificam. Existem carnívoros, macrobióticos, vegetarianos, ovo-lacto-vegetarianos, lacto-vegetarianos, ovo-vegetarianos, frugívoros, crudívoros, etc. http://www.vegetarianismo.tv/tipos.html Todos esses movimentos são corretos e justos quando conscientes. Enquanto seu sistema necessitar de um tipo de alimento. Dê a ele, sem culpa, sem julgamentos. Mas faça-o com consciência. Eu não como carne. Nenhum tipo de carne. Meu organismo a rejeita, e por essa razão, ela é desnecessária para mim. Quando percebi que a carne vermelha e branca (que eu comia com mais freqüência) eram desnecessárias para mim, optei por não comer nenhum tipo de carne. Percebi que não haveria necessidade de sacrificar a vida de nenhum animal para alimentar-me. Mas isso foi uma consciência que manifestou-se para mim. Se você necessita de carne em sua alimentação, não culpe-se. Coma-a com prazer, com satisfação. A sua culpa lhe fará mais mal que a própria carne. Mas busque, sempre que possível, nutrir-se com carnes de melhor origem, com o mínimo de hormônios possível e preparadas amorosamente. Algumas pessoas não comem carne porque seria necessário matar um ser vivo para alimentar-se. O mesmo ocorre quando o fazemos com uma alface, rúcula, batata, etc. A solução então seria vivermos de luz. Isso é possível? Sim, é possível, Tudo é energia. Podemos ver isso de várias formas. Vou compartilhar duas delas. VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 51
  • 53. OUVIR O FOGO DO ESPÍRITO - Tudo é energia. Portanto, tudo é luz. Em uma consciência energética, todos vivemos de luz, independente do tipo de alimentação que tenhamos. - Nos dias em que faço muitas práticas com a canalização de energia cósmica, meditações, iniciações, como e bebo muito pouco e mesmo assim, me sinto muito mais nutrido do que em outras situações. Quanto ao Viver de Luz conforme ensinado por Jasmuheen: www.jasmuheen.com. Acredito sim ser possível. Não tenho dúvida alguma a este respeito. Porém, eu sinto prazer em experenciar sabores e nutrir meus olhos com um alimento bem elaborado. Neste momento, a alimentação vegetariana com alguns jejuns me satisfaz. Seguirei o fluxo e deixarei que o Universo mostre a direção. Jasmuheen - Desde 1993, Jasmuheen tem se alimentado unicamente da Força Universal do Prana. www.jasmuheen.com VARNO – Projeto Re.Vital(iz)Ação 52