SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 28
Baixar para ler offline
Os 12 Passos da Maquiagem
paraPacientes
Coordenação:
2
N
este manual você encontrará
dicas para realçar sua beleza
natural. Tudo o que você
precisa saber para harmonizar seu rosto
e compor um visual ainda mais atraente.
Vamos valorizar o que temos de melhor!
O objetivo é sentir-se linda e poderosa!
Vamos começar?
3
Informações Importantes
•	 Consultar seu médico ou um dermatologista para
uso de qualquer produto na pele durante o tratamento
(protetor solar, cremes e loções, cosméticos,
desodorantes ou perfumes).
•	 O adequado é não se expor ao sol por muito tempo, sendo
os melhores horários até 10h da manhã e após as 16h.
•	 Informar seu médico se houver vermelhidão, secura,
coceira, irritação ou inchaço, pois podem ser sinais
de infecção.
•	 Utilizar água morna para fria para lavar a área tratada,
não usar sabão ou creme e secar delicadamente.
•	 Evitar raspar o local, até que a pele tenha cicatrizado.
•	 Embora o uso de protetor solar seja amplamente
recomendado, pacientes em tratamento devem
consultar seu médico antes de adotar o uso contínuo
deste produto.
4
Os 12 Passos da Maquiagem
Desenvolver uma pele seca ou sensível durante a
quimioterapia e radiação é comum e pode exigir
mudanças em sua rotina de cuidados diários. Siga os
passos abaixo, tratando sua pele e deixando-a o mais
suave possível. Fique atenta às dicas!
Deve-se usar um
demaquilante ou
sabonete neutro
próprio para o rosto,
para remoção de
qualquer impureza,
e dar preferência ao
uso de água morna
para fria para não
agredir a pele.
Limpe a pele duas
vezes ao dia: de
manhã, para a
maquiagem ter uma durabilidade maior, e à noite, para
evitar que a sujeira acumulada entupa os poros e traga
problemas como acne ou envelhecimento das células.
Passo 1 – Limpar
5
Passo 2 – Tonificar
A pele desidratada
apresenta danos em
sua barreira natural de
proteção, por isso deve-
se usar diariamente um
hidratante indicado por
seu médico.
Importante adequar
os produtos ao seu
tipo de pele ou às
necessidades especiais
durante o tratamento.
Ajuda a fechar os poros
e a remover as sujeiras
que ficam acumuladas,
evitando qualquer
obstrução que possa
causar irregularidades,
como cravos e espinhas.
Com um produto suave e
sem álcool, tonifique a pele
para devolver os nutrientes
removidos na limpeza, o
que oferece uma sensação
de frescor.
Passo 3 – Hidratar
6
Algumas dicas caso sua pele seja seca:
•	 mantenha sempre um hidratante em sua bolsa
•	 use quantas vezes achar necessário
•	 adote um creme específico para os olhos em sua rotina,
pois ajuda a tratar a secura, olheiras e inchaço
É indispensável para
qualquer maquiagem,
pois uniformiza
o tom da pele e cobre
com perfeição as
manchas, espinhas
e olheiras, além
de servir para fixar
melhor a maquiagem.
Dicas de
Aplicação
•	 Experimente alguns
tons nas suas maçãs do rosto ou queixo; o tom de base
que desaparecer é o indicado para sua pele.
•	 Obtenha ajuda de um profissional de beleza se houver
dúvida na escolha da cor.
•	 Existem alguns acessórios que ajudam na aplicação dos
produtos, como pincéis e esponjas.
Passo 4 – Base
7
Deve ser aplicado apenas no local da mancha, para
disfarçar olheiras e outras descolorações.
Dicas de
Aplicação
Aplique o corretivo
utilizando as mãos,
de preferência o
dedo anelar, pois
não temos força
neste dedo, portanto
não agride a pele.
Aplique com leves
“batidinhas”.
•	 Para não esquecer nenhuma área, aplique primeiro na
zona T (testa, nariz e queixo) e, em seguida, nas laterais
para fora. Espalhe bem para não ficar com a pele do
rosto manchada. Lembre-se de chegar bem perto da
raiz dos cabelos, sobrancelhas, cantos do nariz, orelhas
e pescoço.
•	 Pó é passado por cima da base para garantir uma
cobertura maior, retira o brilho da pele normal, mista
ou oleosa. Quem tem pele seca deve evitar.
•	 Utilize pó para retoques ao longo do dia. Aplique pouca
quantidade com pincel, com movimentos circulares,
polindo a pele.
Passo 5 – Corretivo
8
Serve para fixar a base, proporcionando um acabamento
aveludado.
A aplicação do pó
facial encerra a fase de
modelagem do rosto,
dando início à fase dos
retoques e coloração.
Aplique o pó com uma
esponja/pincel para
maquiagem: esfregue a
esponja/pincel levemente
no produto, tire o
excesso e leve ao rosto.
Passo 6 – Pó Facial
Tem a importante função
de dar vida à maquiagem,
realçando a expressão
do olhar.
A sombra acrescenta
profundidade e dimensão,
complementa a cor, ou
simplesmente chama a
atenção para a região
dos olhos, devendo ser
aplicada nas pálpebras.
Passo 7 – Sombra
9
Dicas de Aplicação
•	 Considere o uso da sombra como um item fundamental
para complementar o olhar e dar calor e vibração.
•	 Escolha uma tonalidade de cor e passe em toda
a pálpebra, sempre iniciando do mais claro para
o mais escuro.
•	 Com uma cor mais escura, aplicamos a sombra no
canto externo.
•	 Pegue um pincel de esfumar e misture dois tons, assim
sua maquiagem formará um “degrade”, indo do mais
claro para o mais escuro.
•	 Esfumar: você vai precisar fundir um tom de sombra
com o outro para não ter divisão entre as cores. Para
isso, contamos com o auxílio de pincel de cerdas
flexíveis e fofas com movimentos leves circulares ou de
vaivém, como se quiséssemos apagar a marca que fica
entre sombra clara e escura.
•	 Para finalizar, aplique o tom mais claro de sombra, de
preferência sem brilho, um pouco abaixo do arco de sua
sobrancelha, para iluminar.
Dicas de combinação de cores
•	 Cores neutras, que são as cores em tons de preto,
terrosas, branco e nudes, podem se misturar com
qualquer outra cor para compor o visual. Existem cores
frias (que lembram o inverno) e as cores quentes (que
lembram o verão) e devem ser usadas em composição,
desta forma ficam mais harmoniosas.
•	 Devemos lembrar de que cores claras realçam
e criam saliências e as cores escuras diminuem
e criam profundidade.
10
•	 Deve-se dar atenção em qual horário será utilizada a
maquiagem, pois a luz natural realça o brilho. O ideal
para o dia é uma maquiagem com pouco brilho. Já as
cores escuras e mais fortes ganham mais brilho com as
luzes artificiais, por isso recomenda-se usar maquiagem
com mais brilho à noite.
Possibilita realizar um
traço fino ou até um
pouco mais grosso, ou
também um esfumado
mais definido.
Importante: pacientes em
tratamento devem evitar
o uso de lápis na linha
d’água, para não atingir o
canal lacrimal.
Passo 8 – Delineador para os Olhos
Dicas de Aplicação
•	 Escolha a cor com a qual você se sente mais confortável.
•	 Use um lápis para um efeito mais suave – sombra escura
funciona igualmente bem.
•	 Para delinear, desenhe uma linha fina ao longo da
pálpebra superior bem rente aos cílios. Caso se sinta
11
insegura com o delineador, faça primeiro o traço com
lápis e depois cubra com delineador líquido ou gel.
•	 Se você quiser alinhar todo o olho, desenhe uma linha
ao longo dos cílios inferiores, evitando o interior do olho.
As duas linhas devem chegar ao canto externo do olho.
Alonga e curva os cílios,
dando maior destaque ao
olhar. Para uma definição
mais intensa, escolha a cor
preta; para uma aparência
suave, a cor marrom.
Importante: após aberto,
o produto tem validade de
três meses.
Dicas de Aplicação
•	 Para evitar a introdução
de bactérias e o ressecamento da máscara, evite
bombear a escovinha dentro do tubo.
•	 Não use água ou qualquer outro produto para diluir
a fórmula.
•	 Comece aplicando a máscara pelos cílios superiores,
encostando o aplicador bem na base dos cílios,
deslizando em seguida para as pontas. Repita a aplicação
até obter o volume e alongamento desejados.
Passo 9 – Máscara para Cílios
12
•	 Nos cílios inferiores, passe uma camada bem leve,
somente para realçar os pelos.
•	 Retire a máscara de cílios à noite com um removedor
de maquiagem suave, próprio para os olhos.
Passo10–LápisparaSobrancelhas
Sobrancelhas dão expressão para o rosto. Existem várias
maneiras de recriar e realçar suas sobrancelhas, caso elas
tenham ficado sem volume ou ausentes. À primeira vista
pode parecer ser trabalho de profissional, mas com o
passar do tempo você vai verificar que é bastante simples.
Dicas de Aplicação
•	 Escolha a cor do lápis de sobrancelha que mais se
assemelhe à cor dos seus pelos.
•	 Misture e esfume suavemente com um pincel de
sobrancelha ou com a esponja do lápis.
•	 Se você precisar de orientação, consulte um profissional
de beleza, que poderá lhe ensinar na primeira vez.
•	 Existem três pontos essenciais para desenhar
a sobrancelha:
•	 Posicione o lápis na vertical, passando pelo canto da
boca, aba do nariz e o limite interno da sobrancelha,
para marcar o início.
•	 Na diagonal, encoste o lápis no centro do lábio (arco
do cupido), lateral do nariz e no canto da pupila do
olho, para marcar a altura.
13
•	 Na diagonal, encoste o lápis no centro do lábio (arco
do cupido), lateral do nariz e canto externo do olho,
para marcar o fim.
•	 Depois, é só ligar os pontos com o lápis ou pincel.
•	 Ligue os pontos com movimentos leves e ascendentes,
afinando a forma para o final da sobrancelha.
Retirar
excesso
Retirar
excesso
Início
Ponto
mais alto
Final
14
Produto que leva um brilho natural ao rosto. Sempre deve
ser aplicado nas maçãs do rosto e com uma distância de
dois dedos para fora do nariz.
Algumas cores valorizam cada tom de pele, por exemplo:
»	Brancas - pêssego, malva ou rosa.
»	Morenas - tons de malva, pêssego, coral suave e rosa.
»	Negras - bronze, cores terrosas, douradas ou acobreadas.
Dicas de
Aplicação
•	 Aplique o blush
com pincel
em pequena
quantidade sobre
suas maçãs
do rosto e em
direção às orelhas,
espalhando bem
o produto para
dar um efeito
esfumado. Uma ótima maneira de fazer isso é sorrir para
o espelho e começar na maçã de seu rosto.
•	 Se estiver inchada ou sentir-se magra, tente um blush
em tom marrom ou bronze para criar contorno sob as
maçãs do rosto. Um profissional de beleza pode ajudar
a encontrar o tom certo e a técnica para compensar
estas mudanças.
Passo 11 – Blush
15
Tem a importante
função de dar
realce e finalizar a
maquiagem, deixando
o lábio em destaque.
Um toque de batom
completa qualquer
visual e é a maneira
ideal para adicionar
um pouco de cor.
Dicas de
Aplicação
•	 Comece com lápis labial se você gosta de definição
extra ou quer evitar que o batom escorra pelos sulcos
formados na região dos lábios.
•	 Escolha um tom de batom que combine ou
complemente seu visual.
•	 Comece a aplicação da linha do centro dos seus lábios
em direção aos cantos externos. Respeite os contornos,
pois algumas vezes precisamos corrigir, aumentando ou
diminuindo um pouco os lábios. Atenção aos exageros,
pois são perceptíveis e não ficam adequados.
Passo 12 – Batom
16
Outros pontos importantes
A quimioterapia pode sensibilizar suas unhas, que podem
enfraquecer, ficando ressecadas, com rachaduras ou
quebradiças. No entanto, essas mudanças tendem a ser
temporárias e existem maneiras simples de combater seus
efeitos. Comece por manter as unhas aparadas e curtas
e siga as dicas da manicure.
Mãos
Como manter seus cosméticos livres de bactérias:
•	 Não compartilhe maquiagem e aplicadores (esponjas
e pincéis).
•	 Lave as mãos antes de aplicar qualquer produto.
•	 Feche bem os frascos e tubos após o uso.
•	 Lave esponjas e pincéis com sabão neutro e os deixe
secar naturalmente.
•	 Sempre respeite a data de validade dos produtos.
Produtos Cosméticos
17
Os tratamentos oncológicos podem levar as pacientes à
perda temporária de cabelos, além de alterações nas unhas
e na pele. O couro cabeludo fica muito sensível à medida
que os cabelos caem e deve-se tomar cuidado para não
machucá-lo. Busque não esfregar e enxugue muito bem,
com uma toalha macia.
É importante manter uma conversa com seu médico
para entender quais os meios que podem ser usados para
diminuir essa sensação da perda dos cabelos e proteção
do couro cabeludo, como: perucas, lenços, chapéus e/ou
protetor solar. Cada pessoa tem que verificar aquilo que
melhor se adapta à sua realidade e necessidade, e que
ajuda a preservar a sua autoestima.
Perucas
São acessórios usados para substituir o cabelo durante
o tratamento, para que a mulher se sinta mais confiante
com sua aparência. Existem diversos modelos e cores,
mas é muito importante a presença de um profissional da
área de visagismo que oriente sobre a melhor peruca para
seu formato de rosto e tom de pele, tornando assim
o aspecto mais natural possível.
Lembre de que com o uso de qualquer tipo de peruca
é importante manter uma higiene adequada nos fios
e também no couro cabeludo.
Cabelos
18
Tipos de Perucas
»	Naturais
	 São produzidas com fios de cabelos humanos em bom
estado. É ideal para quem usa por mais tempo, por ter
uma aparência natural e movimentos leves. Existem
diversas opções no mercado, entre elas as em tela
costurada ou por implante de silicone, que imitam
o couro cabeludo e podem ser feitas sob medida.
	Cuidados: As perucas naturais precisam dos mesmos
cuidados de qualquer cabelo. Pode ser usado secador
ou chapinha para secar e fazer penteados, assim como
sprays e mousses para modelar as madeixas.
»	Sintéticas
	 São feitas com diferentes materiais que se assemelham aos
fios naturais dos cabelos, como modacrílica, nylon ou PVC.
	 Cuidados: Podem ser lavadas com água, xampu e
condicionadores comuns, depois é só esperar secar
naturalmente e pentear. O uso de secadores pode
danificar os fios, não sendo indicado. Deve-se ter
cuidado para não deixar embaraçar, usando sprays
solúveis em água apropriados para esse uso.
Lenços e Turbantes
São acessórios modernos e versáteis que podem ajudar
a proteger o couro cabeludo em qualquer ocasião.
Usando a criatividade, podem ser feitas amarrações
bonitas que deixarão a paciente ainda mais confiante, em
complemento ao seu visual.
19
Estilo 1
1 Pegue um lenço
retangular e coloque
em cima da cabeça.
2 Pegue as duas
pontas e faça um nó
na altura da nuca.
3 Esconda o excesso
de tecido por
dentro do lenço.
4 Dê um toque final
com um acessório
da sua preferência.
Neste exemplo,
optamos por
um broche.
Dicas de como amarrar um lenço
20
Estilo 2
1 Pegue um lenço
retangular e um
elástico que vai
ajudar a prendê-lo.
2 Passe o lenço pela
nuca, cobrindo
toda a cabeça
e deixando as
pontas para cima.
3 Prenda os
pontos com um
elástico como
se estivesse
fazendo um
rabo de cavalo.
21
Você pode finalizar
de três maneiras:
1 »	Deixar as pontas
caídas atrás da cabeça.
2 »	Esconder o
excesso de
tecido por
dentro do
lenço.
3 »	Fazer um
laço atrás
da cabeça.
4 Pegue as duas pontas
e faça um nó na nuca.
22
Estilo 3
1 O lenço pode
ser retangular ou
quadrado, mas
se optar pelo
quadrado o tecido
deve ser mais leve.
2 Cubra a cabeça
começando pelo
topo e amarre as
pontas na altura
da nuca.
3 Pegue as pontas e
enrole-as, fazendo
um único “rabo”.
23
4 Imagine que é
seu cabelo e faça
um coque.
24
Estilo 4
Uma Camiseta como Turbante...
1
2
Corte aqui.
Material a ser utilizado:
tronco da camiseta.
Sabe aquela camiseta que
está esquecida na gaveta?
Que tal aprender a fazer
um turbante com ela?
3 Despreze.
25
Como Fazer a Amarração do Turbante
de Camiseta...
Você ainda pode incrementar o visual usando um lenço
de pescoço para transpassar no torcido formado e fazer
assim uma combinação de cores.
3 4
1 2
26
Expediente
•	 Elaboração
Eduarda dos Santos Sampaio - maquiadora profissional
•	 Coordenação editorial e de criação
Carla Camporini - gerente de Comunicação e Marketing
da ABIHPEC
•	 Projeto gráfico e diagramação
Arco W Comunicação & Design
•	 Ilustrações
Patricia Woll
27
Anotações
Coordenação:
Av. Paulista, 1313, cj. 1090
CEP 01311-923 – São Paulo – SP
+55 (11) 3372 9866

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 12 passos maquiagem pacientes quimioterapia

Semelhante a 12 passos maquiagem pacientes quimioterapia (20)

Dicas Automaquilhagem
Dicas AutomaquilhagemDicas Automaquilhagem
Dicas Automaquilhagem
 
Dicas de maquiagem para secretárias
Dicas de maquiagem para secretáriasDicas de maquiagem para secretárias
Dicas de maquiagem para secretárias
 
Curso maquiagem profissional
Curso maquiagem profissionalCurso maquiagem profissional
Curso maquiagem profissional
 
maquiagem perfeita
maquiagem perfeitamaquiagem perfeita
maquiagem perfeita
 
Aula de automaquiagem
Aula de automaquiagemAula de automaquiagem
Aula de automaquiagem
 
Dicas de maquiagem perfeita
Dicas de maquiagem perfeitaDicas de maquiagem perfeita
Dicas de maquiagem perfeita
 
Dicas e Truques de Maquiagem!
Dicas e Truques de Maquiagem!Dicas e Truques de Maquiagem!
Dicas e Truques de Maquiagem!
 
Auto maquiagem
Auto maquiagemAuto maquiagem
Auto maquiagem
 
Apostila de automaquiagem
Apostila de automaquiagemApostila de automaquiagem
Apostila de automaquiagem
 
Automaquiagem1
Automaquiagem1Automaquiagem1
Automaquiagem1
 
DICAS DE MAQUIAGEM
DICAS DE MAQUIAGEMDICAS DE MAQUIAGEM
DICAS DE MAQUIAGEM
 
Curso de auto maquiagem
Curso de auto maquiagemCurso de auto maquiagem
Curso de auto maquiagem
 
Automaquiagem 140526005627-phpapp01
Automaquiagem 140526005627-phpapp01Automaquiagem 140526005627-phpapp01
Automaquiagem 140526005627-phpapp01
 
Maquiagem noite
Maquiagem noiteMaquiagem noite
Maquiagem noite
 
Aula maquiagem
Aula maquiagemAula maquiagem
Aula maquiagem
 
Dicas de Maquiagem
Dicas de MaquiagemDicas de Maquiagem
Dicas de Maquiagem
 
Maquiagem
MaquiagemMaquiagem
Maquiagem
 
Maquilhagem
MaquilhagemMaquilhagem
Maquilhagem
 
Manual teens De Bem com Você - A Beleza Contra o Câncer
Manual teens De Bem com Você -  A Beleza Contra o CâncerManual teens De Bem com Você -  A Beleza Contra o Câncer
Manual teens De Bem com Você - A Beleza Contra o Câncer
 
Dicas De Maquiagem
Dicas De MaquiagemDicas De Maquiagem
Dicas De Maquiagem
 

Último

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASERTERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASERCarlaDaniela33
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASArtthurPereira2
 
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptx
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptxCONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptx
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptxWenderSantos21
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgeryCarlos D A Bersot
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOMayaraDayube
 
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdfManual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdfClivyFache
 
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdMedicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdClivyFache
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfGustavoWallaceAlvesd
 
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptPSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptAlberto205764
 
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptxENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptxcontatofelipearaujos
 

Último (10)

TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASERTERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
TERMO DE CONSENTIMENTO LIVRE - ENDOLASER
 
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICASAULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
AULA SOBRE SAMU, CONCEITOS E CARACTERICAS
 
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptx
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptxCONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptx
CONTROLE DE INFECÇÃO HOSPITALAR 011.pptx
 
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery  after surgery in neurosurgeryEnhanced recovery  after surgery in neurosurgery
Enhanced recovery after surgery in neurosurgery
 
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃOeMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
eMulti_Estratégia APRRESENTAÇÃO PARA DIVULGAÇÃO
 
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdfManual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
Manual_Gestao e Administracao_III__Julho13_FINAL..pdf
 
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjdMedicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
Medicina Legal.pdf jajahhjsjdjskdhdkdjdjdjd
 
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdfSistema endocrino anatomia humana slide.pdf
Sistema endocrino anatomia humana slide.pdf
 
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.pptPSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
PSORÍASE-Resumido.Diagnostico E Tratamento- aula.ppt
 
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptxENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
ENFERMAGEM - MÃ_DULO IV - ENFERMAGEM EM PACIENTES CRITICOS.pptx
 

12 passos maquiagem pacientes quimioterapia

  • 1. Os 12 Passos da Maquiagem paraPacientes Coordenação:
  • 2. 2 N este manual você encontrará dicas para realçar sua beleza natural. Tudo o que você precisa saber para harmonizar seu rosto e compor um visual ainda mais atraente. Vamos valorizar o que temos de melhor! O objetivo é sentir-se linda e poderosa! Vamos começar?
  • 3. 3 Informações Importantes • Consultar seu médico ou um dermatologista para uso de qualquer produto na pele durante o tratamento (protetor solar, cremes e loções, cosméticos, desodorantes ou perfumes). • O adequado é não se expor ao sol por muito tempo, sendo os melhores horários até 10h da manhã e após as 16h. • Informar seu médico se houver vermelhidão, secura, coceira, irritação ou inchaço, pois podem ser sinais de infecção. • Utilizar água morna para fria para lavar a área tratada, não usar sabão ou creme e secar delicadamente. • Evitar raspar o local, até que a pele tenha cicatrizado. • Embora o uso de protetor solar seja amplamente recomendado, pacientes em tratamento devem consultar seu médico antes de adotar o uso contínuo deste produto.
  • 4. 4 Os 12 Passos da Maquiagem Desenvolver uma pele seca ou sensível durante a quimioterapia e radiação é comum e pode exigir mudanças em sua rotina de cuidados diários. Siga os passos abaixo, tratando sua pele e deixando-a o mais suave possível. Fique atenta às dicas! Deve-se usar um demaquilante ou sabonete neutro próprio para o rosto, para remoção de qualquer impureza, e dar preferência ao uso de água morna para fria para não agredir a pele. Limpe a pele duas vezes ao dia: de manhã, para a maquiagem ter uma durabilidade maior, e à noite, para evitar que a sujeira acumulada entupa os poros e traga problemas como acne ou envelhecimento das células. Passo 1 – Limpar
  • 5. 5 Passo 2 – Tonificar A pele desidratada apresenta danos em sua barreira natural de proteção, por isso deve- se usar diariamente um hidratante indicado por seu médico. Importante adequar os produtos ao seu tipo de pele ou às necessidades especiais durante o tratamento. Ajuda a fechar os poros e a remover as sujeiras que ficam acumuladas, evitando qualquer obstrução que possa causar irregularidades, como cravos e espinhas. Com um produto suave e sem álcool, tonifique a pele para devolver os nutrientes removidos na limpeza, o que oferece uma sensação de frescor. Passo 3 – Hidratar
  • 6. 6 Algumas dicas caso sua pele seja seca: • mantenha sempre um hidratante em sua bolsa • use quantas vezes achar necessário • adote um creme específico para os olhos em sua rotina, pois ajuda a tratar a secura, olheiras e inchaço É indispensável para qualquer maquiagem, pois uniformiza o tom da pele e cobre com perfeição as manchas, espinhas e olheiras, além de servir para fixar melhor a maquiagem. Dicas de Aplicação • Experimente alguns tons nas suas maçãs do rosto ou queixo; o tom de base que desaparecer é o indicado para sua pele. • Obtenha ajuda de um profissional de beleza se houver dúvida na escolha da cor. • Existem alguns acessórios que ajudam na aplicação dos produtos, como pincéis e esponjas. Passo 4 – Base
  • 7. 7 Deve ser aplicado apenas no local da mancha, para disfarçar olheiras e outras descolorações. Dicas de Aplicação Aplique o corretivo utilizando as mãos, de preferência o dedo anelar, pois não temos força neste dedo, portanto não agride a pele. Aplique com leves “batidinhas”. • Para não esquecer nenhuma área, aplique primeiro na zona T (testa, nariz e queixo) e, em seguida, nas laterais para fora. Espalhe bem para não ficar com a pele do rosto manchada. Lembre-se de chegar bem perto da raiz dos cabelos, sobrancelhas, cantos do nariz, orelhas e pescoço. • Pó é passado por cima da base para garantir uma cobertura maior, retira o brilho da pele normal, mista ou oleosa. Quem tem pele seca deve evitar. • Utilize pó para retoques ao longo do dia. Aplique pouca quantidade com pincel, com movimentos circulares, polindo a pele. Passo 5 – Corretivo
  • 8. 8 Serve para fixar a base, proporcionando um acabamento aveludado. A aplicação do pó facial encerra a fase de modelagem do rosto, dando início à fase dos retoques e coloração. Aplique o pó com uma esponja/pincel para maquiagem: esfregue a esponja/pincel levemente no produto, tire o excesso e leve ao rosto. Passo 6 – Pó Facial Tem a importante função de dar vida à maquiagem, realçando a expressão do olhar. A sombra acrescenta profundidade e dimensão, complementa a cor, ou simplesmente chama a atenção para a região dos olhos, devendo ser aplicada nas pálpebras. Passo 7 – Sombra
  • 9. 9 Dicas de Aplicação • Considere o uso da sombra como um item fundamental para complementar o olhar e dar calor e vibração. • Escolha uma tonalidade de cor e passe em toda a pálpebra, sempre iniciando do mais claro para o mais escuro. • Com uma cor mais escura, aplicamos a sombra no canto externo. • Pegue um pincel de esfumar e misture dois tons, assim sua maquiagem formará um “degrade”, indo do mais claro para o mais escuro. • Esfumar: você vai precisar fundir um tom de sombra com o outro para não ter divisão entre as cores. Para isso, contamos com o auxílio de pincel de cerdas flexíveis e fofas com movimentos leves circulares ou de vaivém, como se quiséssemos apagar a marca que fica entre sombra clara e escura. • Para finalizar, aplique o tom mais claro de sombra, de preferência sem brilho, um pouco abaixo do arco de sua sobrancelha, para iluminar. Dicas de combinação de cores • Cores neutras, que são as cores em tons de preto, terrosas, branco e nudes, podem se misturar com qualquer outra cor para compor o visual. Existem cores frias (que lembram o inverno) e as cores quentes (que lembram o verão) e devem ser usadas em composição, desta forma ficam mais harmoniosas. • Devemos lembrar de que cores claras realçam e criam saliências e as cores escuras diminuem e criam profundidade.
  • 10. 10 • Deve-se dar atenção em qual horário será utilizada a maquiagem, pois a luz natural realça o brilho. O ideal para o dia é uma maquiagem com pouco brilho. Já as cores escuras e mais fortes ganham mais brilho com as luzes artificiais, por isso recomenda-se usar maquiagem com mais brilho à noite. Possibilita realizar um traço fino ou até um pouco mais grosso, ou também um esfumado mais definido. Importante: pacientes em tratamento devem evitar o uso de lápis na linha d’água, para não atingir o canal lacrimal. Passo 8 – Delineador para os Olhos Dicas de Aplicação • Escolha a cor com a qual você se sente mais confortável. • Use um lápis para um efeito mais suave – sombra escura funciona igualmente bem. • Para delinear, desenhe uma linha fina ao longo da pálpebra superior bem rente aos cílios. Caso se sinta
  • 11. 11 insegura com o delineador, faça primeiro o traço com lápis e depois cubra com delineador líquido ou gel. • Se você quiser alinhar todo o olho, desenhe uma linha ao longo dos cílios inferiores, evitando o interior do olho. As duas linhas devem chegar ao canto externo do olho. Alonga e curva os cílios, dando maior destaque ao olhar. Para uma definição mais intensa, escolha a cor preta; para uma aparência suave, a cor marrom. Importante: após aberto, o produto tem validade de três meses. Dicas de Aplicação • Para evitar a introdução de bactérias e o ressecamento da máscara, evite bombear a escovinha dentro do tubo. • Não use água ou qualquer outro produto para diluir a fórmula. • Comece aplicando a máscara pelos cílios superiores, encostando o aplicador bem na base dos cílios, deslizando em seguida para as pontas. Repita a aplicação até obter o volume e alongamento desejados. Passo 9 – Máscara para Cílios
  • 12. 12 • Nos cílios inferiores, passe uma camada bem leve, somente para realçar os pelos. • Retire a máscara de cílios à noite com um removedor de maquiagem suave, próprio para os olhos. Passo10–LápisparaSobrancelhas Sobrancelhas dão expressão para o rosto. Existem várias maneiras de recriar e realçar suas sobrancelhas, caso elas tenham ficado sem volume ou ausentes. À primeira vista pode parecer ser trabalho de profissional, mas com o passar do tempo você vai verificar que é bastante simples. Dicas de Aplicação • Escolha a cor do lápis de sobrancelha que mais se assemelhe à cor dos seus pelos. • Misture e esfume suavemente com um pincel de sobrancelha ou com a esponja do lápis. • Se você precisar de orientação, consulte um profissional de beleza, que poderá lhe ensinar na primeira vez. • Existem três pontos essenciais para desenhar a sobrancelha: • Posicione o lápis na vertical, passando pelo canto da boca, aba do nariz e o limite interno da sobrancelha, para marcar o início. • Na diagonal, encoste o lápis no centro do lábio (arco do cupido), lateral do nariz e no canto da pupila do olho, para marcar a altura.
  • 13. 13 • Na diagonal, encoste o lápis no centro do lábio (arco do cupido), lateral do nariz e canto externo do olho, para marcar o fim. • Depois, é só ligar os pontos com o lápis ou pincel. • Ligue os pontos com movimentos leves e ascendentes, afinando a forma para o final da sobrancelha. Retirar excesso Retirar excesso Início Ponto mais alto Final
  • 14. 14 Produto que leva um brilho natural ao rosto. Sempre deve ser aplicado nas maçãs do rosto e com uma distância de dois dedos para fora do nariz. Algumas cores valorizam cada tom de pele, por exemplo: » Brancas - pêssego, malva ou rosa. » Morenas - tons de malva, pêssego, coral suave e rosa. » Negras - bronze, cores terrosas, douradas ou acobreadas. Dicas de Aplicação • Aplique o blush com pincel em pequena quantidade sobre suas maçãs do rosto e em direção às orelhas, espalhando bem o produto para dar um efeito esfumado. Uma ótima maneira de fazer isso é sorrir para o espelho e começar na maçã de seu rosto. • Se estiver inchada ou sentir-se magra, tente um blush em tom marrom ou bronze para criar contorno sob as maçãs do rosto. Um profissional de beleza pode ajudar a encontrar o tom certo e a técnica para compensar estas mudanças. Passo 11 – Blush
  • 15. 15 Tem a importante função de dar realce e finalizar a maquiagem, deixando o lábio em destaque. Um toque de batom completa qualquer visual e é a maneira ideal para adicionar um pouco de cor. Dicas de Aplicação • Comece com lápis labial se você gosta de definição extra ou quer evitar que o batom escorra pelos sulcos formados na região dos lábios. • Escolha um tom de batom que combine ou complemente seu visual. • Comece a aplicação da linha do centro dos seus lábios em direção aos cantos externos. Respeite os contornos, pois algumas vezes precisamos corrigir, aumentando ou diminuindo um pouco os lábios. Atenção aos exageros, pois são perceptíveis e não ficam adequados. Passo 12 – Batom
  • 16. 16 Outros pontos importantes A quimioterapia pode sensibilizar suas unhas, que podem enfraquecer, ficando ressecadas, com rachaduras ou quebradiças. No entanto, essas mudanças tendem a ser temporárias e existem maneiras simples de combater seus efeitos. Comece por manter as unhas aparadas e curtas e siga as dicas da manicure. Mãos Como manter seus cosméticos livres de bactérias: • Não compartilhe maquiagem e aplicadores (esponjas e pincéis). • Lave as mãos antes de aplicar qualquer produto. • Feche bem os frascos e tubos após o uso. • Lave esponjas e pincéis com sabão neutro e os deixe secar naturalmente. • Sempre respeite a data de validade dos produtos. Produtos Cosméticos
  • 17. 17 Os tratamentos oncológicos podem levar as pacientes à perda temporária de cabelos, além de alterações nas unhas e na pele. O couro cabeludo fica muito sensível à medida que os cabelos caem e deve-se tomar cuidado para não machucá-lo. Busque não esfregar e enxugue muito bem, com uma toalha macia. É importante manter uma conversa com seu médico para entender quais os meios que podem ser usados para diminuir essa sensação da perda dos cabelos e proteção do couro cabeludo, como: perucas, lenços, chapéus e/ou protetor solar. Cada pessoa tem que verificar aquilo que melhor se adapta à sua realidade e necessidade, e que ajuda a preservar a sua autoestima. Perucas São acessórios usados para substituir o cabelo durante o tratamento, para que a mulher se sinta mais confiante com sua aparência. Existem diversos modelos e cores, mas é muito importante a presença de um profissional da área de visagismo que oriente sobre a melhor peruca para seu formato de rosto e tom de pele, tornando assim o aspecto mais natural possível. Lembre de que com o uso de qualquer tipo de peruca é importante manter uma higiene adequada nos fios e também no couro cabeludo. Cabelos
  • 18. 18 Tipos de Perucas » Naturais São produzidas com fios de cabelos humanos em bom estado. É ideal para quem usa por mais tempo, por ter uma aparência natural e movimentos leves. Existem diversas opções no mercado, entre elas as em tela costurada ou por implante de silicone, que imitam o couro cabeludo e podem ser feitas sob medida. Cuidados: As perucas naturais precisam dos mesmos cuidados de qualquer cabelo. Pode ser usado secador ou chapinha para secar e fazer penteados, assim como sprays e mousses para modelar as madeixas. » Sintéticas São feitas com diferentes materiais que se assemelham aos fios naturais dos cabelos, como modacrílica, nylon ou PVC. Cuidados: Podem ser lavadas com água, xampu e condicionadores comuns, depois é só esperar secar naturalmente e pentear. O uso de secadores pode danificar os fios, não sendo indicado. Deve-se ter cuidado para não deixar embaraçar, usando sprays solúveis em água apropriados para esse uso. Lenços e Turbantes São acessórios modernos e versáteis que podem ajudar a proteger o couro cabeludo em qualquer ocasião. Usando a criatividade, podem ser feitas amarrações bonitas que deixarão a paciente ainda mais confiante, em complemento ao seu visual.
  • 19. 19 Estilo 1 1 Pegue um lenço retangular e coloque em cima da cabeça. 2 Pegue as duas pontas e faça um nó na altura da nuca. 3 Esconda o excesso de tecido por dentro do lenço. 4 Dê um toque final com um acessório da sua preferência. Neste exemplo, optamos por um broche. Dicas de como amarrar um lenço
  • 20. 20 Estilo 2 1 Pegue um lenço retangular e um elástico que vai ajudar a prendê-lo. 2 Passe o lenço pela nuca, cobrindo toda a cabeça e deixando as pontas para cima. 3 Prenda os pontos com um elástico como se estivesse fazendo um rabo de cavalo.
  • 21. 21 Você pode finalizar de três maneiras: 1 » Deixar as pontas caídas atrás da cabeça. 2 » Esconder o excesso de tecido por dentro do lenço. 3 » Fazer um laço atrás da cabeça. 4 Pegue as duas pontas e faça um nó na nuca.
  • 22. 22 Estilo 3 1 O lenço pode ser retangular ou quadrado, mas se optar pelo quadrado o tecido deve ser mais leve. 2 Cubra a cabeça começando pelo topo e amarre as pontas na altura da nuca. 3 Pegue as pontas e enrole-as, fazendo um único “rabo”.
  • 23. 23 4 Imagine que é seu cabelo e faça um coque.
  • 24. 24 Estilo 4 Uma Camiseta como Turbante... 1 2 Corte aqui. Material a ser utilizado: tronco da camiseta. Sabe aquela camiseta que está esquecida na gaveta? Que tal aprender a fazer um turbante com ela? 3 Despreze.
  • 25. 25 Como Fazer a Amarração do Turbante de Camiseta... Você ainda pode incrementar o visual usando um lenço de pescoço para transpassar no torcido formado e fazer assim uma combinação de cores. 3 4 1 2
  • 26. 26 Expediente • Elaboração Eduarda dos Santos Sampaio - maquiadora profissional • Coordenação editorial e de criação Carla Camporini - gerente de Comunicação e Marketing da ABIHPEC • Projeto gráfico e diagramação Arco W Comunicação & Design • Ilustrações Patricia Woll
  • 28. Coordenação: Av. Paulista, 1313, cj. 1090 CEP 01311-923 – São Paulo – SP +55 (11) 3372 9866