Uma arquitetura para Smart Citiesbaseada na Internet of ThingsGustavo Henrique Rodrigues Pinto Tomasghrpt@cin.ufpe.brOrien...
Considerações Iniciais• Cidade inteligente: Cidade + Tecnologia dainformação e Comunicação (TICs) (Li et. al.)• Objetivo: ...
Motivação• Internet das coisas:– ZigBee, RFID, Smartphone, Totens, Geladeira, ....• Aplicados a diferentes contextos urban...
Visão Geral
Revisões- IssuesRevisão Sem Processo Revisão SistemáticaInteroperabiblidade de objetos Interoperabilidade de objetosSustan...
Visão Macro-Interoperabilidadede Objetos-Mobilidade-Monitoramento emTempo Real-Flexibilidade-Composição de ServiçosHistóri...
Implementação atualOSGI/Equinoxcom.synaptic.rest.samplecom.synaptic.messageprotocol.interfacecom.synaptic.messageprotocol....
Proposta: Composição de serviçosEngarrafamentoS1Ônibus(GPS)Chuva
Proposta - ChecklistInteroperabiblidade de objetosSustantabilidadeMonitoramento em Tempo RealHistórico de DadosMobilidadeD...
ESTÁGIO ATUAL
Validação: 1ª Tentativa• Experimento simulado:– Dados “reais”;• Ônibus de Recife• Rio Datemine– 3 Domínios;– 3 Requisitos;...
Validação: Cenário
Validação: Gerador de Localização
Validação: Paradas de ônibus
Validação: Arquitetura
Validação: Visualizador
Problema da 1ª Tentativa:• “Só rodar não valida arquitetura”• O que medir para afirmar que a arquiteturaatende a determina...
Validação: 2ª Tentativa• Validação baseada em cenários– Mescla de métodos teóricos com possíveis casosde uso– Métodos teór...
Dissertação• Cap1: Introdução: 30%• Cap2: Smart Cities Vs Internet Of Things: 60%• Cap3: Revisão bibliográfica: 100%• Cap4...
Dúvidas ?21Gustavo Henrique Rodrigues Pinto Tomasghrpt@cin.ufpe.br@gustahrodrigues
Referências• (Morvaj): Morvaj, B., Lugaric, L., and Krajcar, S. (2011).Demonstrating smart buildings and smart grid featur...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

[Status Report 11/06] Uma arquitetura para Smart Cities baseada na Internet of Things

778 visualizações

Publicada em

Status Report do projeto de mestrado intitulado "Uma Arquitetura para Smart Cities baseada em Internet of Things"

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
778
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
26
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

[Status Report 11/06] Uma arquitetura para Smart Cities baseada na Internet of Things

  1. 1. Uma arquitetura para Smart Citiesbaseada na Internet of ThingsGustavo Henrique Rodrigues Pinto Tomasghrpt@cin.ufpe.brOrientador: Vinicius Cardoso Garcia (UFPE)Co-orientador: Alexandre Alvaro (UFSCar)
  2. 2. Considerações Iniciais• Cidade inteligente: Cidade + Tecnologia dainformação e Comunicação (TICs) (Li et. al.)• Objetivo: Aumentar qualidade de vida doscidadãos.Capturar(Sensores)Processar(Cloud Computing)Atuar(Sistemas)Internet das Coisas
  3. 3. Motivação• Internet das coisas:– ZigBee, RFID, Smartphone, Totens, Geladeira, ....• Aplicados a diferentes contextos urbanos:– Festas, Hospitais, Shopping, Transporte Coletivo,Escolas, Estádios, Pontos Turísticos...• Qual o impacto um evento de um contexto emoutro contexto?• Como tratar, combinar, processar e distribuiressas informações?
  4. 4. Visão Geral
  5. 5. Revisões- IssuesRevisão Sem Processo Revisão SistemáticaInteroperabiblidade de objetos Interoperabilidade de objetosSustantabilidade SustentabilidadeMonitoramento em Tempo Real Monitoramento em tempo realHistórico de Dados --Mobilidade Ubiquidade (*)Disponibilidade SegurançaPrivacidade --Sensoriamento e Processamento Distribuído --Composição de serviços Composição de serviçosAspectos Sociais Aspectos sociaisFlexibilidade/Extensabilidade --- Sensor discovery*Sinônimos no contexto dos trabalhos estudados
  6. 6. Visão Macro-Interoperabilidadede Objetos-Mobilidade-Monitoramento emTempo Real-Flexibilidade-Composição de ServiçosHistórico de dados
  7. 7. Implementação atualOSGI/Equinoxcom.synaptic.rest.samplecom.synaptic.messageprotocol.interfacecom.synaptic.messageprotocol.jsonRestlet GSONcom.synaptic.datachannelmanagercom.synaptic.mongodbcom.synaptic.publishercom.synaptic.subscriberEventAdmin
  8. 8. Proposta: Composição de serviçosEngarrafamentoS1Ônibus(GPS)Chuva
  9. 9. Proposta - ChecklistInteroperabiblidade de objetosSustantabilidadeMonitoramento em Tempo RealHistórico de DadosMobilidadeDisponibilidadePrivacidadeSensoriamento e Processamento DistribuídoComposição de serviçosAspectos SociaisFlexibilidade/ExtensabilidadeSensor discovery
  10. 10. ESTÁGIO ATUAL
  11. 11. Validação: 1ª Tentativa• Experimento simulado:– Dados “reais”;• Ônibus de Recife• Rio Datemine– 3 Domínios;– 3 Requisitos;– Definir requisitos não-funcionais (por exemplo,performance)– Alterar variáveis (senders, frequência de tempo...)
  12. 12. Validação: Cenário
  13. 13. Validação: Gerador de Localização
  14. 14. Validação: Paradas de ônibus
  15. 15. Validação: Arquitetura
  16. 16. Validação: Visualizador
  17. 17. Problema da 1ª Tentativa:• “Só rodar não valida arquitetura”• O que medir para afirmar que a arquiteturaatende a determinado requisito?• Quais métricas podem confirmar isso?• Quais requisitos é possível medirquantativamente?
  18. 18. Validação: 2ª Tentativa• Validação baseada em cenários– Mescla de métodos teóricos com possíveis casosde uso– Métodos teóricos:• ATAM• SAAM• ARID
  19. 19. Dissertação• Cap1: Introdução: 30%• Cap2: Smart Cities Vs Internet Of Things: 60%• Cap3: Revisão bibliográfica: 100%• Cap4: Proposta: 10%• Cap5: Validação: 0%• Cap6: Conclusão: 10%
  20. 20. Dúvidas ?21Gustavo Henrique Rodrigues Pinto Tomasghrpt@cin.ufpe.br@gustahrodrigues
  21. 21. Referências• (Morvaj): Morvaj, B., Lugaric, L., and Krajcar, S. (2011).Demonstrating smart buildings and smart grid featuresin a smart energy city. In Energetics (IYCE), Proceedingsof the 2011 3rd International Youth Conference on,pages 1–8. IEEE.• (UNESCO): J. Winpenny. The united nations worldwater assessment programme: Investing ininformation, knowledge and monitoring. Technicalreport, United Nations Educational, Scientific andCultural Organization, 2008.• (Li et al) Li, X., Lu, R., Liang, X., Shen, X., Chen, J., andLin, X. (2011). Smart community: an internet of thingsapplication. IEEE Communications Magazine,49(11):68–75.

×