SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 23
Trabalho realizado por:
     Adriano Silva nº2 12ºD
       André Fróis nº4 12ºD
Vincent Ballmann nº17 12ºD
• Em 1988, a Microsoft formou a que viria a tornar-se a
  equipa de desenvolvimento de um novo sistema
  operativo a 32 bit para o mercado
  empresarial, designado por Windows NT. Este novo
  sistema operativo tem como possibilidade de trabalhar
  com sistemas cliente-servidor, suportar
  multiprocessamento, multiutilizador e incorporar sistemas
  de segurança, multitarefa preemptiva e multithreading.
  1988      1993       1994     1995      1996       2000     2003      2008


 Início do Windows
                      Windows   Windows   Windows   Window   Windows   Windows
 Projecto   NT 3.1
                       NT 3.5   NT 3.51    NT 4.0   s        Server    Server
Windows NT Advanced    Server    Server    Server   2000     2003
            Server                                                     2008
                                                    Server
Controladores de domínio: Uma rede do tipo domínio
precisa de pelo menos um servidor, o Domain Controller.
Qualquer rede que não tenha, no mínimo um domínio DC
será um grupo de trabalho ou workgroup. Caso se
pretenda ter um servidor DC, não é obrigatório configurar o
servidor como DC no processo de instalação do Windows
Server. Após a instalação do sistema operativo, um
servidor pode ser convertido em Domain Controller por
meio do utilitário dcpromo.exe. Um servidor que corra o
Windows Server pode até deixar de desempenhar o papel
de controlador de domínio ou ser transferido para outro
domínio ou rede sem necessidade de reinstalar o sistema
operativo. Um DC também é responsável pelo controlo de
segurança dentro de um domínio e procede à autenticação
dos utilizadores em rede.
Este servidor irá funcionar como servidor de topo da
floresta e como único Domain Controller da floresta, dado
que, quando se promove este servidor a Domain
Controller, ainda não existirá nenhuma floresta.
• Este servidor fica com uma cópia do AD do Domain
  Controller já existente. Se o primeiro servidor estiver em
  baixo(desligado), o novo servidor poderá, por
  exemplo, continuar a validar os utilizadores. Na prática, o
  segundo servidor não fica com uma réplica exacta do AD
  do primeiro servidor, mas este ponto será focado mais à
  frente.
Nesta situação já tem de existir uma floresta criada e, pelo
menos, um Domain Controller. É possível criar um novo
domínio totalmente autónomo do outro DC (já criado
anteriormente) na floresta existente, embora se consiga ter
acesso aos recursos do anterior domínio, dado que este
novo vai ser criado dentro da floresta já existente.
São servidores que estão associados a um domínio já
existente, ou seja, são apenas membros do domínio, mas
não são controladores de domínio. Um servidor
configurado como Member Server reconhece os
utilizadores, grupos e recursos do Domain
Controller, podendo ainda disponibilizar os seus próprios
recursos utilizadores existentes no Domain Controller.
São servidores que podem aderir a um group de trabalho
existente ou ate mesmo criar um, mas não fazem parte de
um domínio e também não contêm o AD.
• Um domínio Microsoft existe a partir do momento em que
  se instale o primeiro DC do domínio.
• Uma árvore é um conjunto de domínios colocados de
  forma hierárquica, a partir de um domínio de raiz(DC).
• Uma floresta é um sistema de vários domínios (um
  conjunto de arvores associadas) que partilham recursos.
• Licença de utilização dos sistemas operativos – esta licença
  vem em conjunto com um sistema operativo (SO) adquirido
  legalmente e até serve de prova de compra, por
  exemplo, com o Windows 9x, o NT Workstation, o 2000
  Professional ou o XP Professional. Esta licença permite
  instalar e usas o sistema operativo adquirido.
• Licença per server – Neste tipo de licenciamento, o servidor
  deve ter um número de licença igual ou superior ao numero
  de clientes ligados em simultâneo ao servidor.
• Licença per seat – Este tipo de licença é necessária por
  computador-cliente e não pode ser utilizador. Se um utlizador
  aceder ao servidor através de um portátil, quando se encontra
  fora das instalações da empresa, então são necessárias duas
  licenças CAL, uma por cada PC.
Uma partição de disco é uma forma de dividir o disco de
modo que cada secção funcione como uma unidade
separada, tem que se decidir que tipo de utilização se
pretende dar ao servidor, a longo prazo talvez se torne
mais conveniente ter os dados numa partição e o sistema
noutra, se pretende usar serviços de instalação
remota, convém deixar de parte uma grande partição
apenas para este fim.
• NTFS – sistema de ficheiros mais fiável e recente. Com
  bom desempenho num disco grande, é o sistema de
  ficheiros mais recomendado
• FAT 32 – sistema de ficheiros que apareceu com a
  segunda versão do Windows 95, é utilizado em discos de
  maiores dimensões, oferece maior segurança e melhor
  aproveitamento do espaço útil em disco.
• FAT 16 – sistema de ficheiros mais antigo e simples.
• CDFS – sistema de ficheiros usado em CD-ROM
• UDF – sistema de ficheiros usado em DVD
• Caso se inicie uma instalação do Windows 2000 ou
  Windows Server 2003 num computador que já conta com
  discos particionados em formato NTFS, então estas
  partições serão automaticamente convertidas em NTFS
  5, se tivermos um servidor criado numa drive FAT, há
  sempre a opção de converter posteriormente este
  sistema de ficheiros para NTFS, bastando para tal abrir
  uma linha de comando e digitar convert c: /fs:ntfs., onde
  “c:” é o volume que se pretende converter.
Há dois grandes grupos de ficheiros de sistemas, que são
o system files – ficheiros de SO instalados no directório
windows, para o caso do Windows Server 2003, e no
directório winnt, no caso de ser Windows 2000 Server
e/ou NT Server – e o boost files – ficheiros usados para
arranque, com menu para selecção do SO a usar.
• Requisitos mínimos – representam o hardware
  obrigatório para se conseguir instalar o sistema
  operativo.
• Requisitos recomendados – representam o hardware
  que se deve utilizar para se conseguir um funcionamento
  adequado do servidor. Os requisitos recomendados ou
  reais variam consoante a configuração do sistema e as
  aplicações e funcionalidades que se escolheram para
  instalar.
• Requisitos máximos – indicam qual o hardware máximo
  que cada versão do sistema operativo suporta, acima
  destes valores, o sistema operativo não reconhece o
  hardware.
(Deve-se usar o melhor processador possível e a máxima
memória RAM)
Lista em que a Microsoft coloca todo o hardware que é
reconhecido como suportando o Windows Server 2003.
Esta lista é fornecida com o produto em manual próprio e
tambem sem encontra no CD-ROM do Windows Server
2003 e do Windows 2000 Server.

Localização: (na pasta support/, ficheiro hcl.txt).
• Aconselham-se os discos SCSI de preferência para
  garantir um bom desempenho do computador-servidor.
  Podem existir discos IDE e SCSI no mesmo
  servidor, embora se deva escolher os discos mais
  rápidos para este funcionar correctamente.
O coração de um computador é o seu sistema operativo, o
software que controla o seu hardware. Este corre os
programas e as aplicações e é o que faz funcionar os
periféricos, como impressoras, ratos, teclados, discos
externos etc.
• As drivers controladoras de disco encontram-se no
  software de configuração, embora caso não tenha, é
  bom termos estas gravadas em algum
  sítio(Pen’s, CD’s, Discos) .



 O sistema intitulado Disk Cache deve ser activado no
 caso de se pretender fazer uma instalação a partir do
 DOS ou do Windows 3.1., isto serve para aumentar a
 velocidade de carregamento dos ficheiros.
• Este software são todas as aplicações que terão de ser
  reinstaladas após a instalação do Windows Server 2003
  ou do Windows 2000 Server.




•  winnt. exe – Executável de 16 bit’s que inicia a
  instalação a partir do DOS, Windows 3.1 ou do
  Windows for WorkGroups;
• winnt32.exe – Executável de 32 bit’s que inicia a
  instalação a partir do Windows NT, do Windows 9x ou
  de uma versão do Windows 2000 instalada
  previamente.
• Há vários processos de arranque para dar inicio a
  instalação:
  • A partir do CD-ROM, sobre o Windows          9x/NT/2000
    Professional/XP;
  • Com disquetes e depois a partir do CD-ROM;
  • A partir de uma cópia residente no disco.
• As várias maneiras de instalar o Windows Server:
  • Instalar um novo sistema operativo;
  • Instalação num computador que já tenha um sistema operativo
    Microsoft instalado;
  • Instalação a partir de uma actualização.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Sistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidorSistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidor
simoesflavio
 
Evolução Windows Server 2003
Evolução Windows Server 2003 Evolução Windows Server 2003
Evolução Windows Server 2003
Phalaenopsis AC
 
Sistema Operativo Servidor
Sistema Operativo ServidorSistema Operativo Servidor
Sistema Operativo Servidor
Daniel Barros
 
Windows Server 2003 VS Windows Server 2008
Windows Server 2003 VS Windows Server 2008Windows Server 2003 VS Windows Server 2008
Windows Server 2003 VS Windows Server 2008
Ricardo Pereira
 
Trabalho windows server conluido
Trabalho windows server conluidoTrabalho windows server conluido
Trabalho windows server conluido
iExtrablitz
 
Trabalho de sistema operativo servidor
Trabalho de sistema operativo servidorTrabalho de sistema operativo servidor
Trabalho de sistema operativo servidor
dtml2k
 
Instalação do microsoft windows server 2003 guia passo a passo
Instalação do microsoft windows server 2003   guia passo a passoInstalação do microsoft windows server 2003   guia passo a passo
Instalação do microsoft windows server 2003 guia passo a passo
Portus96
 

Mais procurados (20)

Sistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidorSistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidor
 
Sistema Operativo Servidor
Sistema Operativo ServidorSistema Operativo Servidor
Sistema Operativo Servidor
 
Sistemas operativos servidores
Sistemas operativos  servidoresSistemas operativos  servidores
Sistemas operativos servidores
 
Sistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidorSistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidor
 
Windows Server - Aula 01
Windows Server - Aula 01Windows Server - Aula 01
Windows Server - Aula 01
 
Evolução Windows Server 2003
Evolução Windows Server 2003 Evolução Windows Server 2003
Evolução Windows Server 2003
 
Windows Server
Windows ServerWindows Server
Windows Server
 
Sistema Operativo Servidor
Sistema Operativo ServidorSistema Operativo Servidor
Sistema Operativo Servidor
 
Windows Server 2003 VS Windows Server 2008
Windows Server 2003 VS Windows Server 2008Windows Server 2003 VS Windows Server 2008
Windows Server 2003 VS Windows Server 2008
 
Windows server
Windows serverWindows server
Windows server
 
Instalação do Windows Server 2008
Instalação do Windows Server 2008Instalação do Windows Server 2008
Instalação do Windows Server 2008
 
Sistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidorSistemas operativos servidor
Sistemas operativos servidor
 
Sistema Operativo Servidor
Sistema Operativo ServidorSistema Operativo Servidor
Sistema Operativo Servidor
 
Redes e Servidores
Redes e ServidoresRedes e Servidores
Redes e Servidores
 
Windows Server - Aula 04
Windows Server - Aula 04Windows Server - Aula 04
Windows Server - Aula 04
 
Trabalho windows server conluido
Trabalho windows server conluidoTrabalho windows server conluido
Trabalho windows server conluido
 
Sistemas Operativos Servidores
Sistemas Operativos ServidoresSistemas Operativos Servidores
Sistemas Operativos Servidores
 
Windows 2003 guia_completo
Windows 2003 guia_completoWindows 2003 guia_completo
Windows 2003 guia_completo
 
Trabalho de sistema operativo servidor
Trabalho de sistema operativo servidorTrabalho de sistema operativo servidor
Trabalho de sistema operativo servidor
 
Instalação do microsoft windows server 2003 guia passo a passo
Instalação do microsoft windows server 2003   guia passo a passoInstalação do microsoft windows server 2003   guia passo a passo
Instalação do microsoft windows server 2003 guia passo a passo
 

Destaque

Conhecendo o Windows Server 2012
Conhecendo o Windows Server 2012Conhecendo o Windows Server 2012
Conhecendo o Windows Server 2012
Eduardo Sena
 
Criação do pendrive bootável
Criação do pendrive bootávelCriação do pendrive bootável
Criação do pendrive bootável
Francis Torres
 
Apresentação 1 sistemas operativos da microsoft
Apresentação 1   sistemas operativos da microsoftApresentação 1   sistemas operativos da microsoft
Apresentação 1 sistemas operativos da microsoft
fernandapaos
 
Formatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PC
Formatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PCFormatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PC
Formatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PC
JJanes
 
Sistema Operativo
Sistema OperativoSistema Operativo
Sistema Operativo
Bugui94
 

Destaque (19)

Paulo Santanna Nsi Windows Server 2008 R2 Overview
Paulo Santanna   Nsi   Windows Server 2008 R2 OverviewPaulo Santanna   Nsi   Windows Server 2008 R2 Overview
Paulo Santanna Nsi Windows Server 2008 R2 Overview
 
Conhecendo o Windows Server 2012
Conhecendo o Windows Server 2012Conhecendo o Windows Server 2012
Conhecendo o Windows Server 2012
 
S.o carlos
S.o carlosS.o carlos
S.o carlos
 
Windows Server 2008 R2
Windows Server 2008 R2Windows Server 2008 R2
Windows Server 2008 R2
 
Windows8
Windows8Windows8
Windows8
 
Remover senha do supervisor de conteudo
Remover senha do supervisor de conteudoRemover senha do supervisor de conteudo
Remover senha do supervisor de conteudo
 
SVN keywords
SVN keywordsSVN keywords
SVN keywords
 
Criação do pendrive bootável
Criação do pendrive bootávelCriação do pendrive bootável
Criação do pendrive bootável
 
Processo de Startup do Linux
Processo de Startup do LinuxProcesso de Startup do Linux
Processo de Startup do Linux
 
Validando a Segurança de Software
Validando a Segurança de SoftwareValidando a Segurança de Software
Validando a Segurança de Software
 
Aula11semana
Aula11semanaAula11semana
Aula11semana
 
Como Formatar o PC via USB by Rodrigo Santos
Como Formatar o PC via USB by Rodrigo SantosComo Formatar o PC via USB by Rodrigo Santos
Como Formatar o PC via USB by Rodrigo Santos
 
Apresentação 1 sistemas operativos da microsoft
Apresentação 1   sistemas operativos da microsoftApresentação 1   sistemas operativos da microsoft
Apresentação 1 sistemas operativos da microsoft
 
Magdalena
MagdalenaMagdalena
Magdalena
 
Pen drive
Pen drivePen drive
Pen drive
 
Formatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PC
Formatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PCFormatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PC
Formatação, Criação de Partições e a Instalção do Windows XP num PC
 
Windows x Linux - O que preciso saber!
Windows x Linux - O que preciso saber!Windows x Linux - O que preciso saber!
Windows x Linux - O que preciso saber!
 
Sistema Operativo
Sistema OperativoSistema Operativo
Sistema Operativo
 
“Windows 10 & Universal Apps. Oportunidades para desenvolvedores”
“Windows 10 & Universal Apps. Oportunidades para desenvolvedores”“Windows 10 & Universal Apps. Oportunidades para desenvolvedores”
“Windows 10 & Universal Apps. Oportunidades para desenvolvedores”
 

Semelhante a Instalação e configuração do windows server 2003

Redes windows e linux instalando o active directory
Redes windows e linux   instalando o active directoryRedes windows e linux   instalando o active directory
Redes windows e linux instalando o active directory
Talita Travassos
 
Guia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresa
Guia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresaGuia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresa
Guia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresa
SoftD Abreu
 
Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1
Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1
Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1
diogomendes99
 
Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1
Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1
Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1
ruitavares998
 
Tutorial do ris serviços de instalação remota
Tutorial do ris   serviços de instalação remotaTutorial do ris   serviços de instalação remota
Tutorial do ris serviços de instalação remota
fernandao777
 

Semelhante a Instalação e configuração do windows server 2003 (20)

trabalho de aise
trabalho de aisetrabalho de aise
trabalho de aise
 
Sos final
Sos finalSos final
Sos final
 
1106
11061106
1106
 
722
722722
722
 
So-mod-2
So-mod-2So-mod-2
So-mod-2
 
Redes windows e linux instalando o active directory
Redes windows e linux   instalando o active directoryRedes windows e linux   instalando o active directory
Redes windows e linux instalando o active directory
 
Sistema operativo de rede
Sistema operativo de redeSistema operativo de rede
Sistema operativo de rede
 
IBM Domino 9 cluster - zero to hero
IBM Domino 9 cluster - zero to heroIBM Domino 9 cluster - zero to hero
IBM Domino 9 cluster - zero to hero
 
Guia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresa
Guia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresaGuia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresa
Guia de configuração de um servidor linux para utilização em uma pequena empresa
 
Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1
Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1
Tcvb2 diogo mendes_ trabalho final modulo 3_v1
 
Apostila - Tutorial Citrix XenServer 6
Apostila - Tutorial Citrix XenServer 6Apostila - Tutorial Citrix XenServer 6
Apostila - Tutorial Citrix XenServer 6
 
apostila linux
apostila linuxapostila linux
apostila linux
 
Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1
Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1
Tcvb2 rui tavares_windows_server_2012_v1
 
Windowsserver2008r2 140928162051-phpapp02
Windowsserver2008r2 140928162051-phpapp02Windowsserver2008r2 140928162051-phpapp02
Windowsserver2008r2 140928162051-phpapp02
 
Tutorial do ris serviços de instalação remota
Tutorial do ris   serviços de instalação remotaTutorial do ris   serviços de instalação remota
Tutorial do ris serviços de instalação remota
 
Aula1.1-SOeRedes
Aula1.1-SOeRedesAula1.1-SOeRedes
Aula1.1-SOeRedes
 
Módulo 3-Sistema Operativo Servidor - V3.pdf
Módulo 3-Sistema Operativo Servidor - V3.pdfMódulo 3-Sistema Operativo Servidor - V3.pdf
Módulo 3-Sistema Operativo Servidor - V3.pdf
 
Unidade O2
Unidade O2Unidade O2
Unidade O2
 
Unidade2
Unidade2Unidade2
Unidade2
 
S.o iuras
S.o iurasS.o iuras
S.o iuras
 

Instalação e configuração do windows server 2003

  • 1. Trabalho realizado por: Adriano Silva nº2 12ºD André Fróis nº4 12ºD Vincent Ballmann nº17 12ºD
  • 2. • Em 1988, a Microsoft formou a que viria a tornar-se a equipa de desenvolvimento de um novo sistema operativo a 32 bit para o mercado empresarial, designado por Windows NT. Este novo sistema operativo tem como possibilidade de trabalhar com sistemas cliente-servidor, suportar multiprocessamento, multiutilizador e incorporar sistemas de segurança, multitarefa preemptiva e multithreading. 1988 1993 1994 1995 1996 2000 2003 2008 Início do Windows Windows Windows Windows Window Windows Windows Projecto NT 3.1 NT 3.5 NT 3.51 NT 4.0 s Server Server Windows NT Advanced Server Server Server 2000 2003 Server 2008 Server
  • 3.
  • 4. Controladores de domínio: Uma rede do tipo domínio precisa de pelo menos um servidor, o Domain Controller. Qualquer rede que não tenha, no mínimo um domínio DC será um grupo de trabalho ou workgroup. Caso se pretenda ter um servidor DC, não é obrigatório configurar o servidor como DC no processo de instalação do Windows Server. Após a instalação do sistema operativo, um servidor pode ser convertido em Domain Controller por meio do utilitário dcpromo.exe. Um servidor que corra o Windows Server pode até deixar de desempenhar o papel de controlador de domínio ou ser transferido para outro domínio ou rede sem necessidade de reinstalar o sistema operativo. Um DC também é responsável pelo controlo de segurança dentro de um domínio e procede à autenticação dos utilizadores em rede.
  • 5. Este servidor irá funcionar como servidor de topo da floresta e como único Domain Controller da floresta, dado que, quando se promove este servidor a Domain Controller, ainda não existirá nenhuma floresta.
  • 6. • Este servidor fica com uma cópia do AD do Domain Controller já existente. Se o primeiro servidor estiver em baixo(desligado), o novo servidor poderá, por exemplo, continuar a validar os utilizadores. Na prática, o segundo servidor não fica com uma réplica exacta do AD do primeiro servidor, mas este ponto será focado mais à frente.
  • 7. Nesta situação já tem de existir uma floresta criada e, pelo menos, um Domain Controller. É possível criar um novo domínio totalmente autónomo do outro DC (já criado anteriormente) na floresta existente, embora se consiga ter acesso aos recursos do anterior domínio, dado que este novo vai ser criado dentro da floresta já existente.
  • 8. São servidores que estão associados a um domínio já existente, ou seja, são apenas membros do domínio, mas não são controladores de domínio. Um servidor configurado como Member Server reconhece os utilizadores, grupos e recursos do Domain Controller, podendo ainda disponibilizar os seus próprios recursos utilizadores existentes no Domain Controller.
  • 9. São servidores que podem aderir a um group de trabalho existente ou ate mesmo criar um, mas não fazem parte de um domínio e também não contêm o AD.
  • 10. • Um domínio Microsoft existe a partir do momento em que se instale o primeiro DC do domínio. • Uma árvore é um conjunto de domínios colocados de forma hierárquica, a partir de um domínio de raiz(DC). • Uma floresta é um sistema de vários domínios (um conjunto de arvores associadas) que partilham recursos.
  • 11. • Licença de utilização dos sistemas operativos – esta licença vem em conjunto com um sistema operativo (SO) adquirido legalmente e até serve de prova de compra, por exemplo, com o Windows 9x, o NT Workstation, o 2000 Professional ou o XP Professional. Esta licença permite instalar e usas o sistema operativo adquirido. • Licença per server – Neste tipo de licenciamento, o servidor deve ter um número de licença igual ou superior ao numero de clientes ligados em simultâneo ao servidor. • Licença per seat – Este tipo de licença é necessária por computador-cliente e não pode ser utilizador. Se um utlizador aceder ao servidor através de um portátil, quando se encontra fora das instalações da empresa, então são necessárias duas licenças CAL, uma por cada PC.
  • 12. Uma partição de disco é uma forma de dividir o disco de modo que cada secção funcione como uma unidade separada, tem que se decidir que tipo de utilização se pretende dar ao servidor, a longo prazo talvez se torne mais conveniente ter os dados numa partição e o sistema noutra, se pretende usar serviços de instalação remota, convém deixar de parte uma grande partição apenas para este fim.
  • 13. • NTFS – sistema de ficheiros mais fiável e recente. Com bom desempenho num disco grande, é o sistema de ficheiros mais recomendado • FAT 32 – sistema de ficheiros que apareceu com a segunda versão do Windows 95, é utilizado em discos de maiores dimensões, oferece maior segurança e melhor aproveitamento do espaço útil em disco. • FAT 16 – sistema de ficheiros mais antigo e simples. • CDFS – sistema de ficheiros usado em CD-ROM • UDF – sistema de ficheiros usado em DVD
  • 14. • Caso se inicie uma instalação do Windows 2000 ou Windows Server 2003 num computador que já conta com discos particionados em formato NTFS, então estas partições serão automaticamente convertidas em NTFS 5, se tivermos um servidor criado numa drive FAT, há sempre a opção de converter posteriormente este sistema de ficheiros para NTFS, bastando para tal abrir uma linha de comando e digitar convert c: /fs:ntfs., onde “c:” é o volume que se pretende converter.
  • 15. Há dois grandes grupos de ficheiros de sistemas, que são o system files – ficheiros de SO instalados no directório windows, para o caso do Windows Server 2003, e no directório winnt, no caso de ser Windows 2000 Server e/ou NT Server – e o boost files – ficheiros usados para arranque, com menu para selecção do SO a usar.
  • 16. • Requisitos mínimos – representam o hardware obrigatório para se conseguir instalar o sistema operativo. • Requisitos recomendados – representam o hardware que se deve utilizar para se conseguir um funcionamento adequado do servidor. Os requisitos recomendados ou reais variam consoante a configuração do sistema e as aplicações e funcionalidades que se escolheram para instalar. • Requisitos máximos – indicam qual o hardware máximo que cada versão do sistema operativo suporta, acima destes valores, o sistema operativo não reconhece o hardware. (Deve-se usar o melhor processador possível e a máxima memória RAM)
  • 17. Lista em que a Microsoft coloca todo o hardware que é reconhecido como suportando o Windows Server 2003. Esta lista é fornecida com o produto em manual próprio e tambem sem encontra no CD-ROM do Windows Server 2003 e do Windows 2000 Server. Localização: (na pasta support/, ficheiro hcl.txt).
  • 18. • Aconselham-se os discos SCSI de preferência para garantir um bom desempenho do computador-servidor. Podem existir discos IDE e SCSI no mesmo servidor, embora se deva escolher os discos mais rápidos para este funcionar correctamente.
  • 19. O coração de um computador é o seu sistema operativo, o software que controla o seu hardware. Este corre os programas e as aplicações e é o que faz funcionar os periféricos, como impressoras, ratos, teclados, discos externos etc.
  • 20. • As drivers controladoras de disco encontram-se no software de configuração, embora caso não tenha, é bom termos estas gravadas em algum sítio(Pen’s, CD’s, Discos) . O sistema intitulado Disk Cache deve ser activado no caso de se pretender fazer uma instalação a partir do DOS ou do Windows 3.1., isto serve para aumentar a velocidade de carregamento dos ficheiros.
  • 21. • Este software são todas as aplicações que terão de ser reinstaladas após a instalação do Windows Server 2003 ou do Windows 2000 Server. • winnt. exe – Executável de 16 bit’s que inicia a instalação a partir do DOS, Windows 3.1 ou do Windows for WorkGroups; • winnt32.exe – Executável de 32 bit’s que inicia a instalação a partir do Windows NT, do Windows 9x ou de uma versão do Windows 2000 instalada previamente.
  • 22. • Há vários processos de arranque para dar inicio a instalação: • A partir do CD-ROM, sobre o Windows 9x/NT/2000 Professional/XP; • Com disquetes e depois a partir do CD-ROM; • A partir de uma cópia residente no disco.
  • 23. • As várias maneiras de instalar o Windows Server: • Instalar um novo sistema operativo; • Instalação num computador que já tenha um sistema operativo Microsoft instalado; • Instalação a partir de uma actualização.