Saga o crepúsculo apresentaçao

437 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
437
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Saga o crepúsculo apresentaçao

  1. 1. Saga o Crepúsculo
  2. 2. Stephenie Meyer Stephenie Meyer nasceu nos EUA a 24 de Dezembro de 1973. Os livros da saga crepúsculo marcaram a sua carreira e espalharam os seus nomes. A autora decidiu criar esta saga depois de ter tido um sonho acerca de uma rapariga que se apaixonava por um vampiro, logo passou este sonho para o papel e o resultado esta bem a vista os livros da série Crepúsculo já venderam mais de 25 milhões de cópias em todo o mundo, com traduções em 37 línguas diferentes. A autora também relacionou as personagens consigo mesma, e a protagonista Bella tem este nome porque a autora, sempre pensou que quando tivesse uma filha lhe chamaria de Isabella, uma vez que só teve rapazes ela deu o nome a esta personagem isto justifica se calhar um pouco o facto do seu êxito, personagens do livro também tem o nome de irmãos da autora e dos seus próprios filhos.
  3. 3. As personagens
  4. 4. Comentário: Deu-me imenso prazer ler esta saga consegui cativar-me ate a ultima palavra, a história esta escrita de uma forma tão perfeita e com tantas possibilidades que cativam qualquer um ate ao fim. Nota-se que a autora tem um grande amor aquilo que faz e as personagens que cria devido a forma como as descreve, apesar de este romance ser visto apenas como uma história de amor a mim faz vaguear pelo período histórico uma vez que as personagens vem de tempos mais remotos, a minha personagem favorita é a Alice que tem a visão do futuro, ele é a personagem que mais gostei de todas as personagens surreais que a autora criou, a pequena Alice mostra que temos sempre uma opção e que mesmo que tenhamos varias linhas traçadas podemos sempre mudar isto.

×