A RNP, sua expansão 

e uma estratégia nacional
Palestrante:
Peter T. Knight
Instituto Fernand Braudel
de Economia Mundial
+
A RNP, sua expansão e
uma estratégia nacional
Peter T. Knight
ptknight@braudel.org.br
16o WRNP,Vitoria ES, 19/05/2015
+
Sumário
! A economia de redes de banda larga
! RNP, o programa Redecomep – o caso da Redecomep-Rio
! Redes estaduais híb...
+ A Economia de Redes de Banda Larga
"  Economias de Escala
"  Dobrar o número de fibras num cabo antes de lançá-lo aument...
+ RNP: Passado e Presente
Bitnet 12/91 RNP 1992 64 Kbps Max RNP 1999 2 Mbps Max
RNP Rede Ipê backbone 2015: 20 Gbps Max
+ Redecomep, Redes estaduais e o
Projeto Veredas Novas
"  Anéis de fibra óptica nas 26 capitais mais o DF e outras cidades...
+ Redecomep-Rio: Parcerias
Instituição Contribuição Pares de Fibras
apagadas
Rede Rio Financiamento do MCTI
(via RNP) e FA...
+ Redecomep-Rio:Topologia
+
Redecomep-Rio:Traçado
+
+ Gigafor:Três Fases
Em 2008, com a Redecomep (RNP), em 2012 com a Redecomep+Etice e em 12/2015 com a
Comep+Governo+GPON. ...
+ Gigafor: Rede híbrida (fibra/
WiMax)
+
Cinturão Digital do Ceará
+
Parcerias do Cinturão Digital
" RNP
" ETICE – proprietária de 3.000 km de cabos de
fibra óptica e várias extensões,WiMax...
+
Metrobel + Extensões GEPA
+
Belém: Rede Híbrida
+ Navegapará: Parceria com
Eletronorte
Upgrade agora até 10 Gbps, também tem uso de rádios em
várias partes da rede Navega...
+ Navegapará e 4 Redes Metropolitanas do
Redecomep no Interior, Backbone:
parceria com Eletronorte
+
O Projeto Veredas Novas
+
Status Atual do Veredas Novas
" Campi de instituições no interior
dos estados em abril de 2015
" 280 com banda < = 20 Mb...
+ Plano Nacional de Banda Larga (PNBL)
"  O “Livro Verde” sobre a Sociedade de Informação no Brasil, preparado
por uma equ...
+ Backbone da Telebras 2014:
Parcerias
+ Nova Rede Ipê: Uma Rede de
Fibras Próprias?
"  Amazônia Conectada: Exército Brasileiro e RNP
"  Conexões Fortaleza-Porto...
+ Lições extraídas de meu livro, A Internet
no Brasil
"  A falta de uma estratégia nacional de ICT4D/Transfomação Digital ...
+ Perguntas?
Obrigado!
Peter T. Knight
ptknight@braudel.org.br
Contato:
ptknight@braudel.org.br
Nome: Peter T. Knight
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentacao p knight_wrnp_2015_ver_17-05-2015

414 visualizações

Publicada em

Presentation made on 19 May 2015 at the Brazilian National Education and Research Network's annual Workshop (http://wrnp.rnp.br/programacao) entitled "A RNP, sua expansão e uma estratégia nacional" This presentation is in Portuguese.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
414
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao p knight_wrnp_2015_ver_17-05-2015

  1. 1. A RNP, sua expansão 
 e uma estratégia nacional Palestrante: Peter T. Knight Instituto Fernand Braudel de Economia Mundial
  2. 2. + A RNP, sua expansão e uma estratégia nacional Peter T. Knight ptknight@braudel.org.br 16o WRNP,Vitoria ES, 19/05/2015
  3. 3. + Sumário ! A economia de redes de banda larga ! RNP, o programa Redecomep – o caso da Redecomep-Rio ! Redes estaduais híbridas (fibra e rádios) ! O Projeto Veredas Novas – interiorização da RNP ! RNP- Backbone próprio e uma estratégia nacional de aproveitamento das TIC
  4. 4. + A Economia de Redes de Banda Larga "  Economias de Escala "  Dobrar o número de fibras num cabo antes de lançá-lo aumenta cerca de 10% o custo, então é possível alugar ou trocar (fazer uma permuta) usando fibras além daquelas para uso próprio "  Montar vários rádios, de diferentes operadoras, numa torre reduz o custo unitário de uma rádio (o custo da torre não aumenta) "  O custo de manutenção de cabos aumenta pouco quando aumenta o número de fibras no cabo "  Então existem boas oportunidades para criar parcerias “ganha- ganha”
  5. 5. + RNP: Passado e Presente Bitnet 12/91 RNP 1992 64 Kbps Max RNP 1999 2 Mbps Max RNP Rede Ipê backbone 2015: 20 Gbps Max
  6. 6. + Redecomep, Redes estaduais e o Projeto Veredas Novas "  Anéis de fibra óptica nas 26 capitais mais o DF e outras cidades onde há instituições de pesquisa e/ou ensino superior importantes "  Parcerias para compartilhamento de fibras em cabos da RNP, governos estaduais e municipais, empresas do grupo Eletrobras (OPGW), empresas estaduais de energia elétrica, Petrobras, Telebras, metrôs, concessões rodoviárias, ferrovias, e outras entidades não acadêmicas que possam contribuir dutos, postes, direitos de passagem, conexões de fibra (permutas), etc. "  Expansão para interiorizar a RNP com o objetivo de servir instituições de pesquisa e ensino superior fora das capitais (um projeto do MCTI, MEC, MC e Telebras) "  Acesso ao backbone nos PoPs no interior para os ISPs que oferecem preços do PNBL para banda larga “pé de boi” (1 mbps / 128 kbps up
  7. 7. + Redecomep-Rio: Parcerias Instituição Contribuição Pares de Fibras apagadas Rede Rio Financiamento do MCTI (via RNP) e FAPERJ para gestão, redes existentes 9-27 PRODERJ Nenhuma – Redecomep dá um par de fibras para entidades da ABEP. FAPERJ agregou mais uma 2 IPLAN-Rio Dutos, postes, direitos de passagem 3 Metrô RioOpportrans Concessão Metroviaria S.A Uso de túneis, postes 3 Supervia Direito de passagem 1 LAMSAS (Linha Amarela) Dutos 3
  8. 8. + Redecomep-Rio:Topologia
  9. 9. + Redecomep-Rio:Traçado
  10. 10. +
  11. 11. + Gigafor:Três Fases Em 2008, com a Redecomep (RNP), em 2012 com a Redecomep+Etice e em 12/2015 com a Comep+Governo+GPON. Este último foi o projeto para dotar TODAS as 790 escolas públicas (e seus pontos de interesse) municipais, estaduais e federais com rede Gigabit, gerenciada pela Etice. Em consequência, a empresa gerencia hoje a maior rede óptica operacional de Fortaleza, só perdendo em penetração para a telefonia fixa.
  12. 12. + Gigafor: Rede híbrida (fibra/ WiMax)
  13. 13. + Cinturão Digital do Ceará
  14. 14. + Parcerias do Cinturão Digital " RNP " ETICE – proprietária de 3.000 km de cabos de fibra óptica e várias extensões,WiMax torres/ rádios, manutenção do Gigafor " Enel/COELCE – postes " Novo edital/licitação aluguel de um lote de fibras para um consórcio de provedores médios do Ceará. O aluguel cobre a OPEX da Rede Estadual. " Outros lotes de fibras ópticas ainda disponíveis para nova licitação este ano.
  15. 15. + Metrobel + Extensões GEPA
  16. 16. + Belém: Rede Híbrida
  17. 17. + Navegapará: Parceria com Eletronorte Upgrade agora até 10 Gbps, também tem uso de rádios em várias partes da rede Navegapará em outras partes do estado para alcançar mais municípios
  18. 18. + Navegapará e 4 Redes Metropolitanas do Redecomep no Interior, Backbone: parceria com Eletronorte
  19. 19. + O Projeto Veredas Novas
  20. 20. + Status Atual do Veredas Novas " Campi de instituições no interior dos estados em abril de 2015 " 280 com banda < = 20 Mbps " 520 com banda >20 e <=100 Mbps " 40 com banda >100 Mbps e <=1Gbps "  Ceará é o único estado onde todos os campi de universidades federais já tem conexões de fibra, de acordo com o MEC (SESU).
  21. 21. + Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) "  O “Livro Verde” sobre a Sociedade de Informação no Brasil, preparado por uma equipe liderada por Tadao Takahashi no MCT e publicado no ano 2000 é a única tentativa de desenvolver uma estratégia nacional de ICT4D, mas nunca foi mais elaborado nem implementado. "  O PNBL é a primeira tentativa séria de implementar uma política e programa nacional além da RNP, mas não comprende parte de uma estratégia nacional mais ampla de ICT4D. "  O Decreto Presidencial 7.175 de 12 de maio de 2010 criou o PNBL "  Telebras foi ressuscitada como o principal instrumento para a execução do PNBL, contra a resistência das grandes operadoras privadas de telecomunicações. "  A grande maioria do backbone da Telebras foi criada via parcerias público-público e público privadas para compartilhamento ou aluguel de fibras. "  A extensão total do backbone da Telebras em 2014 era de 30. 803 km. "  Até agora a Telebrás tem recebido poucos recursos do Orçamento da União, o que sugere que o PNBL não é uma prioridade do Governo Federal.
  22. 22. + Backbone da Telebras 2014: Parcerias
  23. 23. + Nova Rede Ipê: Uma Rede de Fibras Próprias? "  Amazônia Conectada: Exército Brasileiro e RNP "  Conexões Fortaleza-Porto Alegre? "  Outras conexões?
  24. 24. + Lições extraídas de meu livro, A Internet no Brasil "  A falta de uma estratégia nacional de ICT4D/Transfomação Digital tem reduzido a velocidade de inclusão digital, a qualidade de serviços Internet e os benefícios de acesso à Internet (não só para ensino e pesquisa, mas também para eGoverno, eSaúde, eSegurança Pública, eComércio, etc.). "  Há necessidade de "  Liderança dinâmica,priorização e coordenação inter-ministerial do Presidente e da Casa Civil para aproveitar as economias de escala e sinergias inter-setoriais "  Um programa público-privado de comunicação estratégica para facilitar a formação de consenso sobre os objetivos de ICT4D e estimular uma forte mobilização e participação do setor privado e da sociedade civil para influenciar o poder legislativo e implementar a estratégia. "  As políticas tributárias federal e estaduais tributam excessivamente os serviços de telecomunicações e estão em contradição com os objetivos de inclusão digital. "  Há evidência forte que tributos menores não só reduziriam os preços pagos pelos consumidores, mas também poderiam resultar em receitas governamentais maiores. "  As parcerias Público-Público e Público-Privadas são críticas para a expansão rápida da infraestrutura de banda larga. As parcerias da RNP mostram o caminho a seguir.
  25. 25. + Perguntas? Obrigado! Peter T. Knight ptknight@braudel.org.br
  26. 26. Contato: ptknight@braudel.org.br Nome: Peter T. Knight

×