ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013            O ICEI PERNAMBUCANO PERMANECE EM PATAMAR                      CONSIDERADO SATI...
ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013                           O ICEI PERNAMBUCANO PERMANECE EM PATAMAR                       ...
ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013COMPONENTES DO ICEI – PERNAMBUCO1. INDICADOR DAS CONDIÇÕES ATUAIS    Variação (em pontos) ...
ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013                            **SÉRIE DO ÍNDICE DE CONFIANÇA DO EMPRESÁRIO INDUSTRIAL (ICEI)...
ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013NOTA METODOLÓGICAO Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) é elaborado mensalm...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Pesquisa empresariado

1.734 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.734
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.434
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pesquisa empresariado

  1. 1. ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013 O ICEI PERNAMBUCANO PERMANECE EM PATAMAR CONSIDERADO SATISFATÓRIOICEI - Pernambuco Em fevereiro/2013 o Índice de Confiança do Empresário Industrial Fevereiro/2013 (ICEI) do Brasil e de Pernambuco voltou a apresentar variação positiva após 1 PONTOS100
  2. 2. ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013 O ICEI PERNAMBUCANO PERMANECE EM PATAMAR CONSIDERADO SATISFATÓRIO ICEI - Pernambuco Em fevereiro/2013 o Índice de Confiança do Empresário Industrial Fevereiro/2013 (ICEI) do Brasil e de Pernambuco voltou a apresentar variação positiva após dois meses consecutivos de variação negativa quando comparado ao mês100 imediatamente anterior. Para os empresários nacional e estadual o ICEI se mantém em patamar considerado satisfatório, pois continua acima do limite entre confiança e falta de confiança (50,0 pontos) e encerra o mês com os resultados de 58,1 pontos para Brasil e 63,3 pontos para Pernambuco. O índice das Condições Atuais, um dos componentes do ICEI, em relação aos últimos seis meses, na visão dos empresários brasileiros Confiança registrou um aumento em relação a janeiro/13 e fecha fevereiro/13 com 49,7 pontos. Acompanhando o índice nacional, a avaliação dos empresários pernambucanos também obteve acréscimo e apresentou resultado de 58,3 pontos, ou seja, acima do ponto limite (50,0 pontos), o que não ocorreu com o indicador nacional, que ficou abaixo, mesmo após o aumento registrado. Quanto ao outro componente do ICEI, o índice Geral de Expectativas63,3 dos empresários para os próximos seis meses, vê-se que os empresáriosFev/2013 brasileiros e pernambucanos, elevaram suas avaliações, em fevereiro/2013, Média frente a janeiro do mesmo ano, e terminam o mês com os resultados de 62,3 estadual 62,8 pontos pontos e 65,7 pontos, respectivamente. No que tange as avaliações referenciais das expectativas (para a economia brasileira, para economia do Estado e para a empresa) as indústrias de Pernambuco registraram elevação 50 nas três avaliações, de janeiro para fevereiro. Cabe destacar que o Índice Geral das Expectativas dos empresários pernambucanos permanece acima da casa dos 65,0 pontos, ou seja, mais de 15,0 pontos acima do limite entre as expectativas positivas e negativas. Falta de Confiança O ICEI pernambucano que havia registrado variação negativa de dezembro/12 para janeiro/13, volta a registrar aumento no mês de fevereiro de 2013 em relação ao mês anterior. Nota-se que os empresários pernambucanos ampliaram suas expectativas positivas neste último resultado do ICEI e permanece acima dos 60,0 pontos desde agosto de 2012. Cabe comentar que o indicador do Estado se manteve, persistentemente, superior ao resultado nacional, média histórica nacional, além de voltar a ficar acima da média histórica estadual. ÍNDICE DE CONFIANÇA DO EMPRESÁRIO INDUSTRIAL (PONTOS) BRASIL - PERNAMBUCO 2012-2013 75 70 65 VARIAÇÃO EM PONTOS FEVEREIRO DE 2013 60 55 +3,0 Na comparação 50 BRASIL com Janeiro/13 PERNAMBUCO 45 (PERÍODO) +0,9 Na comparação 40 * com Fevereiro/12 * fev/12 mar abr mai jun jul ago set out nov dez jan/13 fev **Atualização da série histórica baseado na CNAE 2.0 2
  3. 3. ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013COMPONENTES DO ICEI – PERNAMBUCO1. INDICADOR DAS CONDIÇÕES ATUAIS Variação (em pontos) ÍNDICE DE CONFIANÇA DO EMPRESÁRIO INDUSTRIAL BRASIL - PERNAMBUCOCondições Atuais Fev/2013 (PONTOS) 2012-2013 Jan/2013 75 AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES ATUAIS BRASILBrasil + 1,1 pontos 70 PERNAMBUCOPernambuco + 4,5 pontosEconomia Brasileira 65Brasil + 1,5 pontos 60Pernambuco + 4,5 pontos 55EstadoPernambuco + 2,6 pontos 50Empresa 45Brasil + 1,1 pontos (PERÍODO)Pernambuco + 4,4 pontos 40 fev/12 mar abr mai jun jul ago set out nov dez jan/13 fev ** Atualização da série histórica baseado na CNAE 2.02. INDICADOR DAS EXPECTATIVAS Variação (em pontos) ÍNDICE DE CONFIANÇA DO EMPRESÁRIO INDUSTRIAL BRASIL - PERNAMBUCO Expectativas Fev/2013 (PONTOS) 2012-2013 Jan/2013 AVALIAÇÃO DAS EXPECTATIVAS 75 Brasil + 1,4 pontos Pernambuco + 2,1 pontos 70 Economia Brasileira 65 Brasil + 1,3 ponto 60 Pernambuco + 4,4 pontos Estado 55 Pernambuco + 3,3 pontos BRASIL 50 PERNAMBUCO Empresa 45 Brasil + 1,5 ponto (PERÍODO) Pernambuco + 1,6 pontos 40 fev/12 mar abr mai jun jul ago set out nov dez jan/13 fev ** Atualização da série histórica baseado na CNAE 2.0 3
  4. 4. ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013 **SÉRIE DO ÍNDICE DE CONFIANÇA DO EMPRESÁRIO INDUSTRIAL (ICEI) BRASIL - PERNAMBUCO 2012 2013 LOCAL Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez Jan FevBRASIL 58,2 58,6 57,2 57,9 56,1 53,3 54,5 57,4 56,2 58,4 57,4 56,7 58,1PERNAMBUCO 62,4 64,5 60,6 61,9 60,3 57,7 60,0 61,4 60,7 62,0 61,9 60,3 63,3 Pequena 62,5 58,6 58,7 57,7 58,2 55,7 57,7 56,6 62,8 62,3 60,3 60,9 57,8 Média 63,5 64,0 65,4 62,4 62,5 60,7 62,6 63,6 58,8 63,9 61,5 62,3 61,3 Grande 61,9 66,9 59,2 63,2 60,1 57,2 59,7 62,2 60,8 61,0 62,6 59,3 66,11. ÍNDICE GERAL DAS CONDIÇÕES ATUAIS EM COMPARAÇÃO AOS ÚLTIMOS SEIS MESESBRASIL 49,4 49,0 47,7 48,6 46,9 44,0 46,0 49,3 48,2 51,1 50,0 48,6 49,7PERNAMBUCO 53,4 55,2 53,8 53,4 52,3 48,8 49,3 52,0 54,2 55,6 54,8 53,8 58,3 Pequena 53,5 50,4 52,9 48,2 49,8 48,3 48,3 48,1 54,8 55,3 53,0 51,5 51,5 Média 54,3 55,8 56,0 55,3 52,9 52,0 53,5 54,0 52,6 55,9 55,5 56,0 57,1 Grande 53,0 56,6 53,2 54,4 52,9 47,6 47,8 52,5 54,7 55,5 55,2 53,7 61,3Economia BrasileiraBRASIL 47,6 47,1 45,7 47,4 43,1 40,5 42,0 45,9 45,5 48,1 46,7 44,7 46,2PERNAMBUCO 51,9 52,8 52,1 51,6 48,0 43,4 44,1 47,6 49,2 49,7 48,9 46,0 50,5Estado de PernambucoPERNAMBUCO 58,3 58,3 58,8 57,9 54,1 49,8 50,5 54,4 54,6 56,8 55,2 54,5 57,1EmpresaBRASIL 50,3 50,0 48,8 49,2 48,9 45,8 48,0 51,0 49,6 52,6 51,8 50,5 51,6PERNAMBUCO 52,6 55,1 53,0 52,7 52,9 49,7 50,1 52,5 55,5 56,5 56,3 55,9 60,32. ÍNDICE GERAL DAS EXPECTATIVAS - COM RELAÇÃO AOS PRÓXIMOS SEIS MESESBRASIL 62,7 63,4 62,0 62,6 60,6 58,0 58,7 61,5 60,2 62,0 61,1 60,9 62,3PERNAMBUCO 66,8 69,2 64,0 66,2 64,3 62,4 65,3 66,1 63,8 65,2 65,4 63,6 65,7 Pequena 66,5 62,6 61,6 62,5 62,4 60,2 62,5 60,8 65,8 65,7 64,0 65,6 61,0 Média 68,1 68,2 70,1 65,9 67,3 65,0 67,1 68,4 61,9 67,9 64,4 65,5 63,3 Grande 66,3 72,0 62,2 67,6 63,8 62,1 65,6 67,1 63,8 63,8 66,3 62,1 68,52.1 EXPECTATIVAS COM RELAÇÃO À (O):Economia BrasileiraBRASIL 58,8 59,2 58,1 59,1 55,8 53,2 54,0 57,3 56,4 58,1 56,9 56,0 57,3PERNAMBUCO 61,2 64,3 59,4 62,0 60,4 57,4 59,3 59,7 57,1 60,5 59,8 55,3 59,7Estado de PernambucoPERNAMBUCO 67,4 67,8 65,2 67,7 65,2 61,5 64,3 63,9 61,9 63,5 64,4 63,3 66,6EmpresaBRASIL 64,6 65,6 64,1 64,4 63,1 60,4 61,1 63,7 62,2 64,0 63,3 63,4 64,9PERNAMBUCO 68,1 70,7 64,9 66,6 65,1 64,0 67,1 68,5 66,2 66,5 67,1 65,4 67,0Notas: Valores variam de 0 a 100 - valores acima de 50 indicam expectativa positiva** Atualização da série histórica baseado na CNAE 2.0 4
  5. 5. ANO XV – Nº. 02 FEVEREIRO / 2013NOTA METODOLÓGICAO Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) é elaborado mensalmente pelaUnidade de Política Econômica da CNI, contando com a participação das Federaçõesde Indústria (AC, AL, AP, AM, BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MS, MT, PA, PB, PE, PI,PR, RJ, RN, RO, RS, SE, SC, SP, TO), embora sejam consultadas empresas em todoterritório nacional. Esse indicador é construído a partir dos resultados da PesquisaSondagem Industrial dos setores da Indústria de Transformação e ExtrativaMineral, realizada mensalmente, ademais, cumpre informar que, a partir de janeiro de2010, as avaliações da Sondagem da Construção Civil passaram a integrar ocômputo geral do ICEI.O índice de Confiança do Estado é composto de seis perguntas. Os questionamentosestão focados em três variáveis: economia brasileira, Estado e empresa. Asavaliações cogitam a percepção do empresário no momento atual em comparaçãocom os últimos seis meses e, também, em relação aos próximos seis meses. Diantede algumas mudanças ocorridas no questionário e no processo metodológico, a fim deque possibilitasse uma melhoria no entendimento e na fidedignidade dos resultados, aPesquisa Sondagem Industrial e Índice de Confiança passam a ter uma série históricaa partir do 1º trimestre de 2005.É oportuno salientar que a cobertura possibilita divulgar os dados desagregando-ospor porte de Empresa: Pequena, Média e Grande, com uma margem de erro em tornode 11% e grau de confiabilidade de 80%.A FIEPE, através de sua Unidade de Pesquisas Técnicas, é responsável pelapesquisa local e pela elaboração do relatório com os dados de Pernambuco,procurando sempre traçar comparações com os dados nacionais, conforme expostona tabela anterior: “Composição do ICEI”. Ias do Estado de PernambucoJorge Wicks Côrte RealDiretor Presidente da FIEPECamila BarretoSuperintendente da FIEPECynara MeloGerente de Desenvolvimento EmpresarialUNIDADE DE ECONOMIA, ESTUDOS E PESQUISASJúlio BecherGerenteAdail LiraDanyelle Monteiro Alba Valéria dos Santos BarrosJessica Duarte Aretha Medeiros Leite FeitosaAnalistas Fernanda Rodrigues Laurindo João Batista Felipe CabralLeonardo Luiz Mateus Novais SantosAssistente II Thiago Nascimento Estagiários 5

×