Trabalho de Grupo<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />1<br />
Introdução<br />Na comunidade urbana, há muitas coisas em comum, por exemplo alguns serviços como electricidade, água e es...
Ruralidade<br />Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />3<br />
O autêntico «genocídio» a que se assistiu durante as últimas décadas em Portugal, tentando por todos os meios acabar com a...
Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />5<br />Não basta recuperar uma dúzia de aldeias, ou organizar meia dúzia de...
Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />6<br />No Verão passado grande parte desse mundo foi reduzido a cinzas com ...
Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />7<br />Talvez seja esta a última oportunidade para salvarmos aquilo que ain...
Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />8<br />O antes e o depois da Ruralidade<br />A agricultura foi uma das prim...
Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />9<br />    Até hoje a agricultura permanece como uma actividade praticada p...
Diferença entre a habitação Rural e habitação Urbana<br />Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />10<br />
Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />11<br />Habitação Urbana <br />O conforto e comodidade que uma habitação ur...
Habituação Rural<br />As casas das velhas aldeias eram todas de pedra, muito frias, escuras, com poucas janelas e com falt...
Qual a diferença entre a zona rural e a zona urbana?<br />Nas zonas rurais existe mais natureza, ar puro rios, lagoas e mo...
Na parte económica temos a actividade de origem dos alimentos que é a agricultura e pecuária, isto na zona rural.<br />	Po...
Na cidade estes produtos sofrem transformações  transformando se em economia secundária.<br />Como? <br />Colocando o leit...
A vida numa zona rural<br />As pessoas que trabalham no campo, levantam-se muito cedo. Os homens e as mulheres juntam-se p...
Depois de virem do trabalho, alguns homens vão até ao "Café do Burro” beber  vinho ou cerveja, enquanto que as mulheres vã...
<ul><li>   As principais culturas agrícolas são o trigo, o girassol, o milho de regadio, mas também se podem ver grandes c...
    Para além destas culturas muitas das pessoas têm as suas pequenas hortas onde cultivam hortaliças e legumes para consu...
Actividades principais na vida rural<br />A vinha é uma actividade em expansão, pois muitos terrenos agrícolas e até oliva...
Actividades principais na vida rural<br />Relativamente aos animais há grandes criadores de vacas (uns em estábulos, outro...
Actividades principais na vida rural<br />A apanha da azeitona é feita sobretudo por mulheres e todos os restantes trabalh...
Meio urbano<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />22<br />
A cidade é um aglomerado com milhares de casas na sua maioria prédios com muitos andares.Nas ruas, há muito movimento de v...
	A melhoria contínua das condições de deslocação, a diminuição dos impactes no ambiente, e o aumento da qualidade de vida ...
TransportesRurais vs Urbanos<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />25<br />
 	O metro ligeiro assume, pela sua capacidade, fiabilidade e conforto, um papel central na reorganização de todo o sistema...
O problema actual de muitos espaços urbanos é a falta ou desadequação das infra-estruturas físicas para responderem aos ní...
No extremo oposto, como meios de deslocação ambientalmente sustentáveis, encontram-se as deslocações a pé e de bicicleta.<...
Formas de diversão<br />As formas de diversão e distracção das pessoas variam muito de um lugar para o outro. É muito impo...
Sites de pesquisa<br />Imagens<br />Sites<br />http://muraldeatividades.wordpress.com/2010/06/18/voce-sabe-a-diferenca-ent...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho ..

1.482 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.482
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho ..

  1. 1. Trabalho de Grupo<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />1<br />
  2. 2. Introdução<br />Na comunidade urbana, há muitas coisas em comum, por exemplo alguns serviços como electricidade, água e esgoto tratados, transportes colectivos, comunicação, rede de bancos e um comércio muito variado.Nas cidades, as casas ou apartamentos são construídos bem junto uns dos outros.<br />A zona rural, também chamada de campo, é a região que fica fora da cidade.As casas da zona rural não são construídas perto uma das outras. A maioria das pessoas que vivem na comunidade rural trabalham cuidando da lavoura e do gado.Os que cuidam da lavoura são chamados de agricultores ou lavradores. Estes trabalham na terra, plantam, colhem e vendem os produtos. Quem cria os animais como bois, cavalos, cabras, porcos, avestem como profissão a pecuária.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />2<br />
  3. 3. Ruralidade<br />Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />3<br />
  4. 4. O autêntico «genocídio» a que se assistiu durante as últimas décadas em Portugal, tentando por todos os meios acabar com as marcas do nosso mundo rural, como se essa fosse a solução para os nossos problemas de atraso e de subdesenvolvimento, levou a que se esteja a perder uma grande parte da nossa identidade como povo e a que um património cultural e natural de uma grande riqueza, esteja a caminhar para a completa descaracterização e até mesmo extinção.<br />Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />4<br />
  5. 5. Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />5<br />Não basta recuperar uma dúzia de aldeias, ou organizar meia dúzia de feiras de artesanato. Precisamos de um projecto nacional que encare o nosso mundo rural como parte integrante da nossa riqueza como povo e nação, pois quer queiramos quer não, provavelmente é o seu legado que nos faz únicos num mundo cada vez mais estandardizado e «mais do mesmo», pois é aí que podemos ir buscar as raízes da nossa identidade. <br />
  6. 6. Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />6<br />No Verão passado grande parte desse mundo foi reduzido a cinzas com os incêndios. Saibamos interpretar esse facto como um sinal, um apelo, um pedido desesperado de atenção e ajuda para travar um processo de lenta agonia, que invariavelmente conduziria à desertificação humana, cultural e até mesmo natural, de uma grande parte do território nacional.<br />
  7. 7. Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />7<br />Talvez seja esta a última oportunidade para salvarmos aquilo que ainda nos resta desse mundo, criando as condições necessárias para fazermos dele uma fonte de desenvolvimento sustentado e de aproveitamento dos valores e das marcas que nos afirmem e distingam. Se nada se fizer, daqui a muito menos de 50 anos, teremos um país litoral de subúrbios e de gente desenraizada, e um interior com uma paisagem feita de eucaliptos, acácias e silvados... <br />
  8. 8. Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />8<br />O antes e o depois da Ruralidade<br />A agricultura foi uma das primeiras actividades praticadas pelo homem. Os primeiros homens sedentários iniciaram a agricultura para seu autosustento. Cada família tinha o seu espaço onde cultivava e recolhia produtos alimentares. Mais tarde os homens começaram a vender os seus excedentes e desta forma a agricultura aliada à pecuária, tornou-se a actividade mais importante da sociedade. <br />
  9. 9. Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />9<br /> Até hoje a agricultura permanece como uma actividade praticada pelo homem. Sofreu várias transformações com a introdução de novas tecnologias, como equipamentos, técnicas e produtos agrícolas que auxiliam o agricultor na sua actividade diária.<br />
  10. 10. Diferença entre a habitação Rural e habitação Urbana<br />Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />10<br />
  11. 11. Paulo Vicente / Sónia Lopes / Sónia Gomes<br />11<br />Habitação Urbana <br />O conforto e comodidade que uma habitação urbana nos oferece é muito bom, mas temos como meio envolvente características de urbanismo que nos afastam do contacto com a natureza, cada vez mais facilmente se destrói um pinhal, um campo, para dar lugar a uma urbanização.<br />
  12. 12. Habituação Rural<br />As casas das velhas aldeias eram todas de pedra, muito frias, escuras, com poucas janelas e com falta de conforto. Não tinham electricidade nem água canalizada, as casas de banho eram exteriores, compostas por um lavatório portátil e a dita sanita era uma tábua com um buraco no meio que dava para um fosso. Ainda hoje temos meios rurais com estas características.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />12<br />
  13. 13. Qual a diferença entre a zona rural e a zona urbana?<br />Nas zonas rurais existe mais natureza, ar puro rios, lagoas e montanhas.<br /> Nas zonas urbanas existem poluição sonora, visual e do ar. <br />Na parte educacional por exemplo a diferença entre morar no campo e na cidade tem afectado crianças que estudam. Um levantamento feito, mostra um desempenho dos alunos do meio rural, menor em leitura e matemática.<br />A escolaridade no meio rural é de 72% e nas zonas urbanas 90%.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />13<br />
  14. 14. Na parte económica temos a actividade de origem dos alimentos que é a agricultura e pecuária, isto na zona rural.<br /> Pode dizer se assim que a actividade rural é de origem primária e a actividade urbana é secundária.<br />Porquê?<br />No campo plantamos, criamos animais, extraímos madeira, minerais, etc. <br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />14<br />
  15. 15. Na cidade estes produtos sofrem transformações transformando se em economia secundária.<br />Como? <br />Colocando o leite no saquinho ou na caixinha. A batata e legumes em geral vão para hipermercados e mercearias.<br />Existe também a situação de pessoas que vivem originariamente em cidades mas têm um espaço para se dedicarem à agricultura mas a maioria das vezes para consumo próprio.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />15<br />
  16. 16. A vida numa zona rural<br />As pessoas que trabalham no campo, levantam-se muito cedo. Os homens e as mulheres juntam-se para irem para o local de trabalho.<br />Ao longo da manhã não se vê muito movimento nas ruas a não ser para irem às mercearias.<br />Por volta da uma hora da tarde as pessoas, na sua hora de almoço, vão tomar o café.<br />Depois das duas horas quem se vê são as pessoas mais idosas, nomeadamente, os homens que se juntam na Sociedade para conversar, jogar às cartas, ao dominó, etc. e ficam por lá até à hora do jantar.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />16<br />
  17. 17. Depois de virem do trabalho, alguns homens vão até ao "Café do Burro” beber vinho ou cerveja, enquanto que as mulheres vão para casa cuidar dos filhos, da casa e fazer o jantar.<br />Os jovens, no seu dia a dia, estão ocupados com a escola, mas ao fim de semana saem.<br />Durante o Verão, nas férias, os jovens encontram-se, à noite, no parque.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />17<br />
  18. 18. <ul><li> As principais culturas agrícolas são o trigo, o girassol, o milho de regadio, mas também se podem ver grandes culturas de melão, de batata-doce, de tomate, de aveia, de cevada...
  19. 19. Para além destas culturas muitas das pessoas têm as suas pequenas hortas onde cultivam hortaliças e legumes para consumo próprio e por vezes para venda: batatas, cebolas, cenouras, couves, feijão, alhos, favas, grãos, ervilhas, abóboras, e o seu meloal.</li></ul>Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />18<br />
  20. 20. Actividades principais na vida rural<br />A vinha é uma actividade em expansão, pois muitos terrenos agrícolas e até olivais estão a dar lugar a vinhas. <br />Embora os grandes produtores, donos de vinhas enormes, utilizem máquinas e equipamentos modernos nos diversos trabalhos relativos à vinha a grande maioria deles emprega sobretudo mulheres nas limpezas, na poda das videiras e nas vindimas. Nas enxertias e nos tratamentos químicos e sulfatações são principalmente homens.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Almeida<br />19<br />
  21. 21. Actividades principais na vida rural<br />Relativamente aos animais há grandes criadores de vacas (uns em estábulos, outros têm os animais ao ar livre), de porcos (em pocilgas e há quem crie as suas varas de porcos ao ar livre), de ovelhas e de cabras ( acompanhadas pelo respectivo pastor). Há também quem crie os seus animais de capoeira (galinhas, patos, perus) e coelhos.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Almeida<br />20<br />
  22. 22. Actividades principais na vida rural<br />A apanha da azeitona é feita sobretudo por mulheres e todos os restantes trabalhos no olival costumam ser realizados por homens: podas, limpezas...<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />21<br />
  23. 23. Meio urbano<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />22<br />
  24. 24. A cidade é um aglomerado com milhares de casas na sua maioria prédios com muitos andares.Nas ruas, há muito movimento de veículos e pessoas.O comércio, as instituições e a indústria dão emprego a muita gente.As cidades são um meio urbano.Nas cidades há muito comércio e muito barulho.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />23<br />
  25. 25. A melhoria contínua das condições de deslocação, a diminuição dos impactes no ambiente, e o aumento da qualidade de vida dos cidadãos, indo ao encontro das grandes orientações estratégicas comunitárias e nacionais neste âmbito, numa lógica de sustentabilidade.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />24<br />
  26. 26. TransportesRurais vs Urbanos<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />25<br />
  27. 27. O metro ligeiro assume, pela sua capacidade, fiabilidade e conforto, um papel central na reorganização de todo o sistema de transportes urbanos com claros contributos para alteração dos padrões de mobilidade, apresentando-se ainda como um elemento dinamizador da mobilidade sustentável.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />26<br />
  28. 28. O problema actual de muitos espaços urbanos é a falta ou desadequação das infra-estruturas físicas para responderem aos níveis de procura que a solicitam, gerando-se os<br />congestionamentos urbanos. Na verdade, tanto do ponto de vista ambiental, como do espaço físico que ocupa, o veículo automóvel afigura-se como um meio pouco sustentável<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />27<br />
  29. 29. No extremo oposto, como meios de deslocação ambientalmente sustentáveis, encontram-se as deslocações a pé e de bicicleta.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />28<br />
  30. 30. Formas de diversão<br />As formas de diversão e distracção das pessoas variam muito de um lugar para o outro. É muito importante que todas as pessoas procurem se divertir e distrair para poder manter a saúde mental e física.<br />Nas cidades há formas para as pessoas se distraírem: cinemas, teatro, zoológico, parques, televisão, etc.<br />No campo, onde a vida é mais simples e não existem muitas escolhas para diversão, as pessoas divertem se pescando, andando a cavalo, tomando banho nos rios, frequentando bailes, festas tradicionais etc.<br />Na cidade ou no campo as pessoas podem se distrair lendo bons livros, fazendo passeios a pé e até mesmo conversando.<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />29<br />
  31. 31. Sites de pesquisa<br />Imagens<br />Sites<br />http://muraldeatividades.wordpress.com/2010/06/18/voce-sabe-a-diferenca-entre-zona-urbana-e-zona-rural/<br />http://www.notapositiva.com/trab_estudantes/trab_estudantes/geografia/geografia_trabalhos/agricbiologtrad.htm<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />30<br />
  32. 32. Trabalho elaborado por:<br />Paulo Vicente<br />Sónia Lopes<br />Sónia Gomes<br />Paulo Vicente / Sonia Lopes / Sonia Gomes<br />31<br />

×