A Mutação Humana

181 visualizações

Publicada em

Esta lenda conta a história da raça humana.
O aquecimento Global,e suas consequências.

Publicada em: Espiritual
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
181
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Mutação Humana

  1. 1. A Lenda autor. Milton Rodrigues dos Santos
  2. 2. Esta é uma lenda de um povo muito antigo, tão antigo que sua origem é sem data conhecida, e é proveniente de uma antiga civilização anterior à atual. Esta antiga civilização floresceu, cresceu e evoluiu. Como nós, criaram maquinas, aeronaves, cidades, viajavam pelo espaço, tinham base na lua e câmaras subterrâneas. E também seus povos multiplicaram-se tanto que suas necessidades eram maiores do que as que o planeta podia suprir.Devastaram suas florestas, desertificando locais antes férteis. E os poucos locais verdes e férteis que sobraram viraram motivo de disputa.
  3. 3. O aquecimento global era intenso, as chuvas eram escassas. O povo, após longos séculos, se adaptou, como em “A mutação das Espécies”, de Darwin. Com o excesso de calor, suas peles foram escurecendo, tornando-se mais resistentes; e, com o passar de milênios, a cor predominante da maioria deles era negra.Era, assim, o inverso do que somos hoje.Multiplicaram-se a tal ponto que o planeta entrou em colapso. As disputas ficaram acirradas, houve guerras, soltaram bombas atômicas, quase aniquilaram a população; exceto alguns que se refugiaram em vastas câmaras subterrâneas espalhadas em pontos escolhidos do planeta.
  4. 4. Os vestígios destas bombas hoje são os nossos desertos, locais de terra sem vida.Um pensamento: "Quem sabe o único lugar que sobrou, o motivo destas disputas, não seja o famoso jardim, o jardim do Èdem." Os remanescentes desta raça formaram grupos em locais distintos como a Etiópia, Egito, Índia, América, e mais alguns sítios em todo o mundo. Percebe-se que são países milenares, com culturas antiqüíssimas. Ainda hoje, se vêem vestígios de sua cultura e da força de suas máquinas ou ferramentas. Em Lalibela, suas catedrais escavadas de cima para baixo nas montanhas, as pirâmides do Egito, templos em Abu Simbel, Petra, escavados na encosta de montanhas, e pirâmides nas Américas. Algumas pirâmides são marcos dos locais onde ficam as câmaras subterrâneas a quilômetros de profundidade.
  5. 5. Hoje (e não é uma lenda, é um fato), a civilização cresce desordenadamente, matam e desmatam seus habitat na ânsia voraz de poder sobre os demais. E, na pior da situação, os demais os fazem reis e permitem que estes os governem.Se olharmos atentamente, algo grandioso está acontecendo. Por exemplo: Eu vejo que os povos africanos foram arrebatados de seus lares e escravizados por diversos países.Mas Deus escreve certo por linhas tortas. Aos olhos humanos, eles foram estuprados em todos os sentidos. Sim, foram, mas por uma força maior, por um amor além das fronteiras . O Manu do povo africano, pressentindo que os povos novamente destruirão seu habitat, permitiu, ainda que com muito sofrimento, que seu povo, por ser remanescente da antiga raça,fizesse, mesmo através da força, o cruzamento das raças, fortalecendo assim seu DNA .
  6. 6. E o Brasil é o berço de uma nova raça, a raça morena, de pele mais forte e resistente ao calor. Este aqui é um pais livre, onde todas as pessoas fazem o que lá em seus países não se faz por ser rigoroso e fechado a estrangeiro, e a cultura não permite casamentos fora da raça. Aqui casam-se negros e brancos de qualquer país, até o mais fechado deles, criando assim os mestiços. Esses mestiços, sendo brancos, carregam uma carga genética da raça negra, e vice-versa. Assim, saibam que a semente está plantada, e que, se o planeta fosse esfriar, certamente quem seria escravizado seriam os esquimós, por serem resistentes ao frio. Aqui, um agradecimento especial a todos aqueles que sofreram e morreram pelo bem do futuro da raça mundial.

×