R E G I O N A Lwww.slideshare.net/jornaloexpresso | oexpresso@gmail.com | expresso@comnet.com.br
R$ 1,50
o expresso
CRUZ A...
2 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
OPINIÃOProfº Claudino Albertoni
(55)3303-5995
Vinculado a...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 3
Nossa Velha
Nova Cruz Alta
Alfredo Roeber -
roeber@comnet...
4 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
2º Grito de Alerta MissQuinta-feira, 12
de abril, acontec...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 5
ões Fronteira Noroeste
que estamos enfrentando
este ano. ...
6 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
1. “ORIENTAÇÃO “A FRANÇAISE”:
O Edifício Terramarear é co...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 7
Conversa com
a Presidenta
Coluna semanal da Presidenta Di...
8 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
Gente em
AFFONSO HERMETO
JUNG, colou grau no dia
23 de ma...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 9
FEISA 2012
O setor moveleiro
cresceu muito em Sa-
randi e...
10 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
( Folclore, Tradição, Chasques e outras Gauderiadas)
ANG...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 11
Zuleika Edler
• Cultura • Arte
• Atualidades • Dicas
• M...
12 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
CPI para investigar
Instituto Ronaldinho
O presidente da...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 13
Taça Interprefeituras de Futsal
Aconteceu na terça-feira...
14 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
EDITAL DE LEILÃO/
PRAÇA E INTIMAÇÃO
DIA: 02 de Maio de 2...
Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 15
ACAF: Confronto de sábado é contra
o líder da Chave
O pr...
16 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012
PREVISÃO DO TEMPO:
Neste sábado, o ar seco de origem po-...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

14deabril2012 oexpresso

1.120 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.120
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

14deabril2012 oexpresso

  1. 1. R E G I O N A Lwww.slideshare.net/jornaloexpresso | oexpresso@gmail.com | expresso@comnet.com.br R$ 1,50 o expresso CRUZ ALTA - RS | Sábado e domingo | 14 e 15 de abril de 2012 | Ano 16 | Edição nº 759 | Fone: 3324.5566 A 5ª GUERRA MUNDIAL (IV) | PÁG. 06 | PÁG. 02 | PÁG. 03 | PÁGs. 04 e 05 Comemorações ao Dia do Exército Domingo Abertas inscrições para Rústica do Trabalho Provas do concurso do magistério Em Cruz Alta as provas serão realizadas em duas escolas: MARGARIDA PAR- DELHAS e INSTITUTO ANNES DIAS | última | Pág. 15 ACAF espera apoio da torcida hoje A partida contra o União Nova Prata, ini- cia às 20h de hoje(14) e os ingressos para a ar- quibancada já estão dis- poníveis na Esportiva Calçados ao valor de R$ 5,00. Sócios em dia não pagam a entrada. 2º Grito de Alerta Missões Fronteira Noroeste
  2. 2. 2 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 OPINIÃOProfº Claudino Albertoni (55)3303-5995 Vinculado a: OEXPRESSO Administração,Assinaturas, Publicidade e Redação: RuaJoãoManoel,810-CEP:98005-170-Centro-CruzAlta-RS E-mails:oexpresso@gmail.com/expresso@comnet.com.br CNPJ: 92.930.171/0001-38 ResponsávelTécnico: Jornalista Dr.Assis Brasil Soares Filho Registro nº:15.893/RS Diagramação eArtes: Odilar Zillmann Editora Chefe: Sônia Gai Circulação: Todos os sábados Impressão: Cia deArte - Ijuí Os artigos assinados são de inteira responsabilida- de de seus autores, não representando necessa- riamente a opinião deste jornal. ABSPUBLICIDADEEREPRESENTAÇÕESLTDA DataNome Idade Cartório de Registro Civil ÓBITOS FRANCISCO JOSÉ FÁVERO OLGAPAULADASILVA JOÃO CEZAR ORTI ESTHER COSTABOHRER SELITADE MELLO PEREIRA JANDIR BIBERG ELIANE BILIBIO SANDRAIVETE WEBER SCHETTERT 07/04/2012 07/04/2012 08/04/2012 08/04/2012 11/04/2012 12/04/2012 11/04/2012 13/04/2012 52 71 82 96 79 83 54 36 Cruz Alta, 13 de abril de 2012. RELIGIÃO E FÉ A pergunta obrigatória que todos fazem no mundo de hoje é referente ao mo- vimento do relativismo ético, do hedo- nismo e materialização dos costumes. Que influência tem sobre a vida das pessoas? Vale a pena praticar uma religião, isto é, pertencer a uma igreja? Na falta de um vínculo religioso as pessoas vão migrando de um grupo para outro conforme lhe con- vém. São católicos por um certo tempo, depois passam para uma igreja evangélica, para uma pentecostal, para o movimento espírita, para grupos afro, para outros grupos orientais ou para comunidades cria- das em torno de crenças em fenômenos da natu- reza. Os pesquisadores dizem que a mudança das pessoas não é por fatores doutrinais, mas por fato- res subjetivos ligados a personalidades, conveniên- cia, potencial de relações e experiências. Explicam ainda que há um acentuado aumento dos que se consideram espirituais mas não religiosos. Isso leva esses grupos à formas alternativas de igreja. Sem tecer nenhuma crítica e muito menos aprofundar uma análise, refiro-me a vários movimentos eclesiais oriundos da igreja católica que em algumas ocasiões se reúnem e geram uma consciência de pertença ao gru- po por conveniência, interesses pessoais e experiências por afinidade e ou por status social. É a busca de senti- do para a vida e uma espécie de justificativa das atitu- des na convivência humana. Será que essas pessoas se consideram espirituais e não religiosas? O que é mais importante: a Igreja ou o grupo/movimento? O que mais preocupou os pesquisadores foi o que eles classificaram como adultos emergentes aqueles que estão na faixa até trinta anos de idade. O professor de sociologia e pesquisador Christian Smith enumera fatores cruciais na vida dos jovens: O espetacular crescimento da educação superior que se estende muito além dos vinte anos de idade. O adiamento do casamento, trazendo uma liberda- de sem precedentes. A vontade dos pais de apoiar economicamente os filhos muito além dos vinte anos. O controle da natalidade que desligou as relações sexuais da procriação. As teorias pós-modernas que promovem o subjeti- vismo individualista e o relativismo moral. Smith afirma que os adultos emergentes têm muito pouca bagagem para encarar os desafios do presente e do futuro e está meio sem rumo, confusa e insegu- ra diante do terreno caótico que devem atravessar. Seg s de nosso coração para que seja arejado com a brisa do Espírito. Segundo o autor é preciso urgen- temente valorizar o transcendente. Diz ainda: “As famílias e as comunidades religiosas podem fazer muito para combater os problemas nas questões da fé e má formação moral”. Se de fato os conflitos entre fé e vida provocam tantas mudanças nas atitudes das gerações, que signifi- cado tem a Páscoa para o mundo moderno? Estou con- victo de que o vazio existencial é a falta de referência e de uma ligação íntima com aquele que prometeu um reino e uma vida diferente. Jesus Cristo abalou o mun- do com sua morte e ressurreição. Não dá para ignorar essa revolução permanente, a revolução do amor. Quando nos aprofundamos no mistério da Páscoa da Ressurreição acontece um fenômeno no íntimo de nosso coração: a conversão. Afinal é esse o objetivo de abrir as janelas de nosso coração para que seja arejado pela brisa do Amor infinito de Deus. Comemorações Dia do Exército O Comando da Artilharia Divisionária da 3ª Di- visão de Exército – AD Brigadeiro Gurjão, através do Gen. Bda. Álvaro Gonçalves Wanderley, realiza na quarta-feira, 18 de abril, às 20 horas, apresentação da Banda de Música da AD/3, na Casa de Cultura Justino Martins. Já na quinta-feira, 19 de abril, às 10 horas acontece em frente ao QG da AD/3 a solenidade militar em co- memoração ao Dia do Exército Brasileiro. Galeto com massa no CTG Querência A Patronagem do CTG Querência da Serra pro- move hoje, 14 de abril, um galeto com massa. O car- dápio será servido a partir das 11h30min e os cartões podem ser adquiridos com os integrantes. Já neste domingo, 15 de abril, acontece a eleição no CTG, e no dia 30, um jantar baile com a posse da nova patronagem do Centro de Tradições Gaúchas, com animação ‘Os Castilhenses’. Domingo Alegre O programa Domingo Ale- gre, que vai ao ar todos os do- mingos, através das ondas da tradicional rádio Cruz Alta AM, apresentado por Olavo Brondani, das 9h às 10h, é ouvido além fronteiras, onde são apresentadas músicas gaúchas, para alegrar todos que gostam da autêntica tradição do Rio Grande do Sul.
  3. 3. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 3 Nossa Velha Nova Cruz Alta Alfredo Roeber - roeber@comnet.com.br www.unimedplanaltocentralrs.com.br/cruz-alta CASA BASTOS ESTE PRÉDIO FOI DESTRUIDO POR UM IN- CÊNDIO EM 1945, SENDO SUBSTITUÍDO PELO EDIFÍCIO SERRANO, EM 1953. DÉCADA DE 1940, AINDA SEM O MOINHO AVENIDA PRESIDENTE VARGAS ESQUINA GENERAL CÂMARA hoje EMPRESA MARCHIONATTI hoje Inscrições para 29ª Rústica do Trabalhador A 29ª Rústica do Trabalhador acontece dia pri- meiro de maio, sendo que as inscrições podem ser re- alizadas até o dia 30 de abril. A Rústica terá o tempo máximo de execução em 1h10min, e o horário de irá variar de acordo com a categoria. O inícios das provas: 8h40min – Iniciantes; 9horas – Estudantil; 9h30min – Adaptada e 10horas – Adulto. Acessando o site www.ucrsm. com/29rusticadotrabalhador ou junto a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer os interessados podem inscrever-se. Não serão permitidas inscrições no dia da prova, que será realizada independente do clima. Governo destina ônibus para Cruz Alta, anuncia deputado Pimenta Atual Presidente da Comissão Mista de Orça- mento, a mais importante do Congresso Nacional, o deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) anun- ciou que o município de Cruz Alta vai receber re- cursos para aquisição de um ônibus para transpor- te escolar. A confirmação veio após uma reunião en- tre Pimenta e técnicos do Ministério da Educação, nessa semana. O ônibus tem custo de R$ 132 mil e 64 mu- nicípios gaúchos serão contemplados com o ve- ículo entre 2012 e 2014. Segundo Pimenta, esta ação beneficia as cida- des que possuem pessoas com deficiência, em ida- de escolar, fora da escola. De acordo com o deputa- do, para a aquisição do ônibus, a Prefeitura deve registrar a demanda no Plano de Ações Articu- ladas (PAR) e, posterior- mente, fazer a adesão ao Programa de Transpor- te Escolar Acessível no SIMEC. Após, deve ser preenchido o Plano de Trabalho no Sistema de Gerenciamento de Ade- são de Registros de Preço (SIGARP). Pimenta explica que ao aderir ao Programa, a Prefeitura assume o com- promisso de disponibili- zar motorista e auxiliar de bordo, bem como a manu- tenção do veículo, não ha- vendo contrapartida finan- ceira. Os recursos serão transferidos para o muni- cípio via Fundo Nacional de Desenvolvimento para Educação (FNDE). ACI promove curso De 23 à 26 de abril de 2012, a ACI Cruz Alta vai realizar o Curso Técnicas de Vendas em parceria com o SEBRAE. Os encontros serão realizados a partir das 19h às 22h no Salão de Eventos daACI na Gale- ria Centauro 1º andar. O objetivo deste curso é fazer com que os participantes com- preendam os caminhos e estratégias de vendas, para obter melhores re- sultados em seus negó- cios.Também uma refle- xão sobre a importância do vendedor para a em- presa, para os clientes e para si mesmo e atuar de maneira estratégica para promover as vendas de produtos ou serviços. O investimento do curso é de R$ 100 para sócios e R$ 150 para não sócios.
  4. 4. 4 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 2º Grito de Alerta MissQuinta-feira, 12 de abril, aconteceu o 2º Grito de Alerta Missões Fronteira Noroeste, com a presença de mais de 5 mil agricultores familiar. De acordo com o vice-presidente da Fede- ração dos Trabalhadores na Agricultura do Rio Grande do Sul (Fetag) Carlos Joel da Silva, pre- sente no evento, a luta é por condições e recursos que mantenham o jovem no campo e incentivem a prática da agricultura fa- miliar. Entre as reivindi- cações estão a liberação de recursos para os atin- gidos pela seca; garantir os direitos já adquiridos pela agricultura familiar e que não estão sendo cumpridos; renegociação das operações de crédito fundiário, cédula da terra e banco da terra; e, entre- ga da semente de milho do programa troca-troca até o final de junho. Diante da seca que atingiu o Estado neste ano, os manifestantes pedem também seguro de um salário mínimo, durante seis meses, em casos de perdas com evento climático através de decreto ou por laudo de comprovação de per- das emitidos por órgão oficial; e isenção de im- postos para aquisição de equipamentos de prote- ção, irrigação e captação de água na agricultura familiar. O Jornal O Expresso acompanhou as manifes- tações e conversou com participantes e políticos da região. “Entendemos neste momento em que a agri- cultura familiar passa por dificuldades, nós parla- mentares, temos que estar com esse povo, acolhen- do suas reinvindicações. Estou denunciando agora que é lamentável, o au- xilio moradia dos juízes, por exemplo, 900 magis- trados recebendo mais de R$ 600 milhões, se esse recurso vem para agri- cultura familiar, faremos milagre no Estado, ao in- vés de beneficiar quem já ganha altos salários. Nós temos que destinar ao or- çamento para quem mais precisa, e nesse momento a agricultura familiar do Noroeste gaúcho, carece do socorro dos recursos públicos. É preciso nos unirmos com o Governo, para conquistarmos avan- ços. O povo tem que se manifestar porque é dig- no, isso traz cidadania, por isso está de parabéns a FETAG e todos os sin- dicatos da região”, diz o Deputado Estadual Jefer- son Oliveira Fernandes. Segundo Agnelo Dreher, Presidente do Sindicato do Trabalha- dores Rurais de Cruz Alta, “Nós precisamos de um apoio em dinheiro do Governo para as famílias atingidas pela estiagem. Temos um pedido de um decreto que saiu da libe- ração de um recurso, onde na lista tem mais de 60 mil famílias do Rio Grande do Sul, para receber a verba destinada. Hoje na região de Cruz Alta tem cerca de 490 famílias, destas algumas receberão este auxílio. O recurso que o Governo disponibilizou em um primeiro momento para os pequenos agricul- tores, é de R$ 750,00 por família”, diz Agnelo. Prefeito de Vitória das Missões e Presidente da Associação dos Mu- nicípios das Missões, Enio Coletto Carvalho, diz que é esse encontro é um momento importante para mobilização das nos- sas entidades sociais e de classe, que representam principalmente nossos pequenos agricultores. “ Hoje através do 2º Grito de Alerta Missões Fron- teira Noroeste estamos mobilizados para levar essa preocupação para os Governos, pois precisam entender as dificuldades
  5. 5. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 5 ões Fronteira Noroeste que estamos enfrentando este ano. Precisamos tra- zer ações imediatas para resolver os problemas nos dando suporte para enfrentar as adversida- des que vem ao longo do tempo”, enfatiza ele. Prefeito de Santa Rosa, Orlando Descon- si, disse que como par- lamentar foi defensor da agricultura familiar e como Prefeito busco fa- zer a diferença em meu município na agricultura familiar. “ Esse movi- mento que acontece aqui em Santa Rosa, é para receber e apoiar sua luta e dizer que a cada ano esse movimento aconte- ce em nossa região. Lá em Brasília está havendo uma negociação com o Governo Federal, no final do movimento sempre há anúncios das conquistas. Me orgulho muito em ter participado do seguro agrícola para agricultura familiar, queremos me- lhorar essa conquista. O governador Tarso anun- ciou do troca-troca da semente de milho, assim o produtor não precisa pagar a conta. A cada ano estamos conquistando mais políticas públicas, isso é o respeito com o se- tor que produz alimento e que nós políticos hoje, es- tamos aqui para respeitar e apoiar esse movimen- to”, diz o Prefeito. Segundo Agnaldo Barcelos, Coordenador do 2º Grito de Alerta Mis- sões Fronteira Noroeste, superamos as expectati- vas, com a participação de mais de 5 mil agricul- tores. “Com certeza nas visitas às entidades de Santa Rosa, nós vamos conseguir avançar essa pauta de garantia de ren- da para o agricultor e os programas emergenciais de enfrentamento as es- tiagens que estamos vi- vendo”. Para o Vice-presi- dente da FETAG, Carlos Joel da Silva, crucial a importância da agricultu- ra familiar para o País. “ Nós precisamos hoje da conscientização do Go- verno. Queremos que se concretize o que falam, chegando os benefícios até o agricultor. As ques- tões das secas anuncia- das, quase nada chegou ao produtor, precisamos que isso de fato chega. Este é o ponta pé inicial do Grito da Terra Brasil. Precisamos da juventude no campo, pois não ve- mos perspectivas, temos que trabalhar em algumas frentes para o jovem per- manecer no campo”, diz Carlos. A caminhada dos agricultores partiu da Praça da Independência e passou ao longo do dia em frente a instituições bancárias de Santa Rosa, com paradas para debates, uso da palavra e almoço. O evento prolongou-se até às 16h.
  6. 6. 6 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 1. “ORIENTAÇÃO “A FRANÇAISE”: O Edifício Terramarear é composto por dois blocos separados, mas unidos no topo por um bloco horizontal/transverso, com um vazio entre as duas colunatas verticais. Em uma das portarias térreas, pedi orientação, mas o porteiro olhou-me impassível, sem nada responder. Então, uma pessoa ao lado perguntou: “Será que o mar está na terra, ou no ar? Ou será que o ar está na terra, e o mar está no ar? Ou será que a terra está no ar, ou então no mar? Veja o nome!” Nada respondi, e saí a caminhar. Só então percebi o sentido das perguntas: eu havia errado de bloco. Assim, atentando ao nome Terramarear e olhando de frente: a terra está à esquerda, o mar à direita e o ar acima. Ou será o contrário? Para entendermos esse sistema comportamental, é preciso que, antes, percorramos as sendas e os sofrimentos da dúvida emsi,inquirindosobreospercalçosdoserounãoser.Metafísica pura, sem dúvida, direis. Mas o fundo da questão reside no fato de que, após a venda da Louisiana e da comprovação fática da inutilidade da Linha Maginot, os franceses duvidam de si próprios. Mas, e novamente, para que falar nisso? Na verdade, tal como Chin, eles querem insistentemente construir um megaimpério (o europeu), império esse o qual nós já construímos aqui racional e pacificamente, e isto há horas, pois a Grande Nação é monolítica , e jamais virará França Meridional. Caso queiram, eles que consultem nossa História. Basta de Villegaignons! 2. OUTRO MODISMO FRANCÊS : Para melhor entendermos esses excentrismos (ou melhor: exotismos) é preciso que, tal como dantes, estejamos previamente dispostos a entendê-los, pois destoam totalmente de nossas excentrismos normais. Sócrates apelidá-los-ia de silogismos redundantes, ou de premissas repetidas. Informam os franceses que ocorreu um erro gravíssimo na notícia da data do tsunami que irá destruir o mundo, maculando pois a imagem do Professor Rivail. Assim, o espírito teria psicografado 2912, mas o médium teria grafado 2012, isto por confundir o nove com um zero cortado. O problema aparentemente reside na questão da responsabilidade: o erro proveio do espírito, que não psicografou a data por extenso, limitando-se a transmiti-la numericamente; ou deve ser atribuído a descuido ou a simples ignorância do médium que grafou a data? Ou a culpa é recíproca, o espírito condenando o médium e o médium condenando o espírito? Eis outra questão hamletiana. Entretanto, o problema de fato reside nas consequências advindas desse equívoco: existem pessoas alarmando o mundo com notícias de tsunamis em 2012, antecedendo assim a ocorrência em cerca de 900 anos (quase um milênio!). Esta é de rir, ou de chorar? O Professor Raimundo, sem dúvida, teria chorado de raiva. 3. REVISÃO HISTÓRICA - A MALDIÇÃO DE MARIAANTONIETA : A respeito, e a bem da verdade real, imprescindível uma revisão histórica da expressão equivocadamente atribuída a Maria Antonieta, e que já deu vaza às mais diversas e conturbadas interpretações, todas lamentável e intrinsecamente equivocadas. Não nos interessa mergulhar nas razões e contrarrazões que conduziram à distorção do famosíssimo bordão, algumas até apolíticas, outras simplesmente conceituais, e outras ainda movidas por interesses históricos e/ou econômicos. Assim, consta que, inquirida sobre a falta de pão para os franceses. Maria Antonieta teria redarguido: “Se eles não têm pão, então que comam brioche”. Ora, tal assertiva carece totalmente de fundamento fático, pois não localiza nem o momento nem o local do desabafo da Austríaca Rainha.Arealidade absoluta e objetiva, no entanto, é a seguinte, realidade esta que agora grafo em separado, para evitar possíveis dúvidas, ou novas distorções: “Ao subir as escadas da guilhotina, o povo que cercava o patíbulo gritou, em uníssono: Maria Antonieta! Ante tal alarido, Maria Antonieta parou no meio da escadaria, voltou-se para o povo, e, levantando em riste o dedo indicador da mão direita, exclamou: Se vocês não têm pão, então comam baguette. Pois brioche é muito caro! A seguir, e então, Maria Antonieta, voltando as costas para o povo, terminou a subida para o patíbulo, onde acabou guilhotinada.” Eis aqui a razão pela qual o obediente povo francês ainda segue comendo baguette. Pois o brioche, como de costume, anda caríssimo, e inacessível à plebe rude. Retificada pois a História,cujamissãoprincipalconsisteemretratarfielmente a realidade fática, a contrário do que ora acontece. E, “data maxima venia”, nós nunca aceitaríamos o baixo padrão de vida da classe média francesa. Portanto, “Vade retro, Satanae”.(Traduzindo: “Sai de perto, Satanás”). A respeito: baguete (baguette) é o pão(?) francês. Na verdade, não se sabe do que é feito. Essa é a grande tragédia francesa, resultante da maldição de Antonieta: como não dispõemdeespaçofísiconemdecondiçõesprodutivaspara alimentos, e consequentemente não dispõem de condições produtivas para oferecer ao povo comida a quilo (tal como em nosso entreato tupiniquim), restam eles condenados a comer baguettes. Maldição danada essa, hein? 4. SUDITISMO DESNECESSÁRIO : Somos uma Grande Nação! Não temos necessidade alguma de virarmos súditos econômicos da França, uma nação com menos de 1/3 de nossa população e menos de 1/12 de nossa extensão territorial. Eis a razão pela qual tanto o candidato da “gauche” quanto o candidato da “droite” atacam violentamente a liberdade imigratória, dando como principal objetivo governamental seu completo cerceamento. Não precisamos partir para a conquista de terras alheias, mas também não queremos ser conquistados. Portanto, em nossas conversações diárias, repitamos constantemente: ”Às favas com o euro!”. Ademais, a troca de nossa moeda (o real) pelo euro constitui uma imposição grotesca, e rejeitável de imediato, pois representa não somente nosso suditismo econômico, mas cumulativamente uma mudança de bandeira e de pátria amada, o que deve ser repudiado de imediato e com todas as nossas forças. Não queremos bandeira tricolor (ou bleu,blanc,rouge), pois pretendemos continuar, e sem hiatos ou descontinuidades, com nossa sagrada e intocável bandeira verde-amarela, a bandeira de nossos pais e de nosso país, pela qual lutaremos sempre e com todas as nossas forças. Da França, nunca herdamos nada, exceto o sofrimento a nós imposto por suas continuadas invasões. Entretanto, e sem dúvida, cumpre desde logo irmanarmo-nos com a Grécia (de quem herdamos a cultura) e com a Espanha (de quem herdamos a descoberta das terras ocidentais). Esses dois países, que já sofreram as invasões napoleônicas e as invasões nazistas, agora sofrem juntas a invasão do euro. Mas o grande problema reside no fato de que receberam financiamento em moeda-papel de fabricação francesa, e agora estão sendo coagidos a pagamento via papel-moeda também fabricado na França. Quer dizer: esses dois países estão sendo agora obrigados a transferir para a França os seus recursos financeiros reais, ficando apenas com a moeda podre. E do jeito que vai, este é o destino que nos aguarda. Portanto, repitamos: Viva a Grécia, viva a Espanha, e abaixo o euro! Segue agora um alerta prévio: caso viremos súditos do euro, deveremos mudar radicalmente nossos costumes. Isto a começar pela adaptação do teclado: do americano para o francês. Um terror, autêntico filme de Drácula! E também, e desde logo, dar adeus às redes sociais e à internet. Consultemos pois a lição da História. Em primeiro lugar, os sanguinolentos Impérios Europeus conquistados e comandados por Napoleão e por Hitler, ambos não de mil anos mas totalmente efêmeros, e sob o signo : “Um só povo, um só líder, uma só nação!” A 5ª GUERRA MUNDIAL (IV) | por Germano Schwartz E agora, o novo Império Europeu, comandado pela França e sua súdita Alemanha, e sob o signo: “Vários povos, um só líder, uma só nação!” Entretanto, e agora, o líder não é uma pessoa e sim umamoeda-papel:oeuro.Eanaçãoéomesmoeantigo sonho napoleônico/nazista: o Sacro Império Europeu. Sob outro enfoque: o que a dupla Napoleão/Hitler não conseguiu impor pela força das armas, agora a França e sua súdita Alemanha (país desmilitarizado, empobrecido e sem recursos, e portanto não-independente) pretendem impor pela força da moeda (papel): o euro. Entretanto, somos um país independente, e não precisamos (tal como a Alemanha precisou) curvar a fronte ante o suditismo alienígena. Nafotoacima,afamosaTorreEifell,semdúvidaoprincipal símbolo de Paris e da França. A Torre Eiffel permaneceu como a construção mais alta do mundo até 1930, quando foi destronada pelo Chrysler Building, de Nova York. 5. INGRATIDÃO “A FRANÇAISE” : Desculpem-me! Mas, quando da visita ao Musée de L’Armée, ao verificar que na lista dos mortos da Segunda Guerra não constavam os 480 febianos mortos ou desaparecidos, relembrei o Panteão da Glória erigido no Aterro da Praia do Flamengo, e então vieram- me lágrimas aos olhos. Quanta ingratidão!A final, nossos heroicos soldados, nossos heroicos pilotos e nossos heroicos marinheiros não merecem sequer menção, ao lado dos demais? Há necessidade absoluta de que tal ofensa seja devidamente reparada, através da devida, urgente e complementar inscrição naquele memorial. Para eles, pelo jeito, ainda somos os invadidos. 6. HIPÓTESES PARA A HECATOMBE NUCLEAR : a) Nova Guerra Fria (agora quente), e com o uso dos escudos antimísseis por ambos os contendores. b) Terrorismo em série. c) Convulsão no Império do Euro (a hipótese mais provável, tendo em vista os fatos históricos). d) Japão nuclearmente armado, repetindo a invasão da Mandchuria, seguido da imediata reação chinesa, também nuclear. e) Russia x China. f) Oriente x Ocidente. Verifique-se que, nas hipóteses supra, sempre há dois contendores. Mas não está excluida a hipótese do suicídio nuclear.
  7. 7. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 7 Conversa com a Presidenta Coluna semanal da Presidenta Dilma Rousseff Jacqueline Silva, 35 anos, enfer- meira em Betim (MG) – Quando as UPAs serão equipadas, conforme foi afirmado na campanha eleitoral? Essas unidades necessitam de equipamentos básicosqueestãoquebrados,funcionam mal e são em número insuficiente. Presidenta Dilma – Jacqueline, estamos trabalhando para melho- rar todo o sistema de saúde pública, como me comprometi na campa- nha. Essa tarefa envolve reformar e modernizar as UPAs existentes e construir novas, porque elas são fundamentais para oferecer atendi- mentos emergenciais de baixa e mé- dia complexidade 24 horas por dia, todos os dias da semana, ajudando a desafogar os prontos-socorros. Em fevereiro, tínhamos 148 UPAs em funcionamento em todo país. Em 2011, selecionamos e contratamos, no âmbito do PAC 2, a construção e aquisição de equipamentos para 117 UPAs, em 96 municípios. A nos- sa meta é construir ou reformar um total de 500 unidades até 2014. O Ministério da Saúde está avaliando, junto com os estados e as prefeituras, unidades de pronto atendimento que eram mantidas apenas com recursos locais, para que também possam re- ceber verbas do governo federal. O objetivo é melhorar a qualidade do atendimento. Na sua cidade, Betim, as quatro UPAs existentes passaram a receber R$ 10,8 milhões anuais a par- tir de janeiro. Além disso, estamos re- passando verbas para a construção e aquisição de equipamentos para mais quatro unidades no município. Vanilda dos SantosV. Gabrielli, 42 anos, técnica em Aracruz (ES) – Vanilda dos Santos V. Gabrielli, 42 anos, técnica em Aracruz (ES) Presidenta Dilma – Elcir, o ProUni foi criado para permA pes- ca artesanal, Vanilda, recebe uma atenção especial do Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA), pois o segmento, no qual se inclui o seu marido, responde por 60% do pes- cado nacional. Isso representa uma produção anual de mais de 500 mil toneladas. Em seleção feita por meio de editais, o MPA fornece, sem custos, equipamentos de uso coletivo, como fábricas de gelo, câ- maras frias, telecentros, cozinhas comunitárias etc. Os beneficiados são colônias, associações, sindica- tos e cooperativas de pescadores artesanais, e também prefeituras e governos estaduais. Além disso, todo pescador artesanal ou aquicultor familiar que queira adquirir equipa- mentos de uso individual, ou refor- mar embarcações de pequeno por- te, pode se beneficiar do Programa de Revitalização da Frota Artesanal (Revitaliza). Ele dispõe de uma linha de crédito do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Fami- liar (Pronaf), com juros baixos e um longo período para pagamento. Há ainda programas de capacitação dos pescadores por meio de educação a distância, com o uso de telecentros. Lembro também que o pescador artesanal pode receber o benefício do seguro desemprego durante o período de defeso. Nosso objetivo é fomentar a pesca e a aquicultura bra- sileiras, de forma sustentável, para estimular a economia e gerar empre- go e renda em todo o país. Maria de Lourdes Farias, 60 anos, servidora pública em Reci- fe (PE) – Por que tudo que compro é chinês? Onde estão os produtos e os produtores brasileiros? Presidenta Dilma – Maria, o governo dedica atenção especial à competitividade da indústria brasileira. Nesta terça-feira, por exemplo, estamos anunciando no- vas medidas para estimular o in- vestimento, fortalecer a produção e a geração de empregos no Brasil. Como temos um grande mercado consumidor, os outros países que- rem exportar para o Brasil, muitas vezes competindo de forma desleal com os produtos brasileiros. Entre as medidas que já adotamos para defender nosso mercado, estão o aperfeiçoamento de instrumentos de defesa comercial, ações para evitar valorização excessiva do real, e redução de tributos e de ju- ros para estimular o investimento produtivo e desestimular o espe- culativo. A nossa resposta prin- cipal está consolidada no Plano Brasil Maior, lançado no ano pas- sado, e que hoje será reforçado com novas medidas de incentivo ao setor produtivo nacional. Nos- so desafio é garantir que a produ- ção e o emprego continuem cres- cendo no Brasil e também que os consumidores brasileiros tenham acesso a produtos cada vez me- lhores e mais baratos. Obs.: Leitores nos enviem suas perguntas para: E-mail: oexpresso@gmail.com / expresso@comnet.com.br Fone: 3303-5995 Capacitação de Secretárias do Lar OCurso de Capacitação para Mulheres Assistidas pelas En- tidades ligadas ao Banco de Alimentos tem como objetivo capacitar mulheres em situação de vulnerabilidade social, dando a oportunidade de inserção no mercado de trabalho, ensinando-as a utilizarem sua capacitação profissional e terem independência de doações, vi- sando o crescimento pessoal e abrindo vagas para outras famílias receberem esta ajuda. O curso aconteceu na terça-feira, 10 de abril, no salão da Igreja de Fátima, onde as participantes tiveram a oportu- nidade de conhecer os funcionários e diretoria do Banco de Alimentos, além de assistirem diversas palestras. O pro- grama tem como responsáveis Miriam Freitas e Ângela Brunelli. I9 Comunic entrega Cesta de Páscoa à vencedora de Campanha do Facebook Na terça-feira, 10 de abril, a agência de comu- nicação i9 Comunic em parceria com o Linke Su- permercados premiaram a vencedora da Campanha “Relaxe com Chocolate”, lançada no Facebook. A vencedora foi Diulia So- ares, que levou para casa umaSuperCestadePáscoa que, segundo ela, será para “espantar o mau-humor do mundo todo, para lembrar que a vida não é tão amar- ga quanto parece”. A en- trega do prêmio aconteceu na i9 Comunic. A campanha lança- da pela i9, circulou o Fa- cebook por mais de uma semana, e pedia para seus participantes responderem: Quem você acha que pre- cisa de um Chocolate para deixar de ser mal-humora- do?Aresposta mais curtida até o dia 9 de Abril, dava ao seu autor, uma cesta re- cheada de chocolates para a comemoração da data. Esta é a segunda pro- moção que a i9 Comunic, em parceria com outras empresas da cidade, reali- za na sua Fan Page da rede social. E, com sua Paixão por Inovar, novas campa- nhas serão realizadas para concentrar, aproximar e premiar ainda mais fãs.
  8. 8. 8 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 Gente em AFFONSO HERMETO JUNG, colou grau no dia 23 de março, em Agro- nomia na Universidade Federal de Santa Maria (UFSM). A solenidade ocorreu no Ginásio do Clube Recreativo Dores e os convidados foram recepcionados no CTG Sentinela da Querência. Os pais HERMETO CRIS- TOVÃO e MARIA HELE- NA, o mano ANTENOR e demais familiares o feli- citam desejando suces- so e muitos realizações. A Liga Feminina de Combate ao Câncer, entida- de filantrópica e assistencial, agendou para o dia 11 de maio, o tradicional JANTAR DAS BORBOLE- TAS, no Clube Internacional, às 20h30min, aguar- dando a participação da sociedade cruz-altense. DARYeRENIFUN- CK casal Presiden- te da Clube Inter- nacional Cultural e Recreativo, Dire- toria e Rainhas, na expectativa prepa- rando com carinho as comemorações alusivas aos 84º Aniversário do Clu- be, dia 21 de abril, às 20h30min. Os gremistas da cidade e região eufóricos, receberam ontem à noite o ex-goleiro do Grêmio Futebol Porto Alegrense DANRLEI, na Etnia Alemã do Parque de Exposições. Foi apresentado o novo cônsul TIAGO JOST e mais 15 cônsules adjuntos, com o sorteio de brindes e muita alegria. Dr. ROBERTO BERWANGER SILVA, Angiologista,Angiorradiologista,Cirur- gião Vascular e Endrovascular, esposa VINÍCIA com os filhos, são presenças agradáveis em ambientes sociais. GIOVANNA BONATO PADILHA co- memorou quinta-feira, 12 de abril, 7 aninhos, recebendo os cumprimen- tos da mãe CATIA RAQUEL BONATO, familiares e amiguinhas. H U M B E R T O PAUSE, gerente da Autopanambi de Cruz Alta, e equipe de colaboradores, satisfeitos com as boas vendas, recebem a todos com muita corte- sia. Na foto, com a esposa GREICE. Destaque Ten. Cel. PAULO ROBERTO DA ROSA DUARTE, Comandante do CRPO- Alto Ja- cuí, e esposa ANALICE, recebem dia 18 de abril, convidados e a sociedade cruz- altense, no Clube Arranca, para o Jantar da Comenda 2012.
  9. 9. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 9 FEISA 2012 O setor moveleiro cresceu muito em Sa- randi e vem se destacan- do pelos seus produtos de altíssima qualidade e design diferenciado. A FEISA 2012 prome- te trazer grandes lan- çamentos em móveis, já que os empresários do setor estão em cons- tante aprimoramento e atualizados com as mais recentes tendências e designs desenvolvidos com as mais altas tecno- logias do mercado na- cional e internacional. Qualidade, confor- Linkoelho visitam escolas Os Linkoelhos, personagens criado pelo Supermer- cado Linke, estiveram a convite das entidades, es- colinhas e escolas fazen- do a alegria das crianças no período da páscoa. A escola Antônio Serra, re- gistrou a visita deles. MÓVEIS - UMA ATRAÇÃO MARCANTE to, competitividade e preço poderão ser apreciados pelos visitantes que passarem pela Feira, de 27 de abril a 1º de maio. Segundo o Diretor do Setor Moveleiro da FEISA 2012, Roberto Lucietto, os empresários do ramo têm grandes expectativas em relação à feira. “Realizar conta- tos e bons negócios é o nosso grande foco, mas os visitantes irão encantar- se com a diversidade de produtos que será mostrado. Tudo com muita quali- dade, design arrojado e pensado para surpreender o público”, afirma ele. A cada edição da feira, a in- dústria moveleira agrega valor aos seus produtos, mostrando grande competitividade de mercado e ofe- recendo os grandes lançamentos do setor. Nessa edição da FEISA serão 13 empresas, apostando em seus diferenciais, produtos atrati- vos e projetos em planejados. Vale a pena conferir.
  10. 10. 10 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 ( Folclore, Tradição, Chasques e outras Gauderiadas) ANGELINO ROGERIO • angelinorogerio@terra.com.br O Trânsito da Cidade N ão sei aonde vai parar esse nosso trânsito maluco. Nunca vi tanto carro andando pe- las ruas de Cruz Alta. Não sei o que seria se não tivéssemos o estacionamento rotativo no centro da cidade. Ia ter carro estacionado na calçada, suspenso em marquise, pendurado em guindaste ou empilhados uns em cima dos outros!...Claro que o fenômeno não acontece só aqui, está em todas as cidades do País. Tam- bém pudera, com essa facilidade toda pra se adquirir um veiculo, com financiamentos a granel, juros cada vez mais baixos e o governo incentivando o consumo. Tem gente que ganha salário mínimo e está aí, fa- ceiro da vida, andando de carro!.. E a oferta é grande. Basta passar pelas revendas pra ver a quantidade de carros de todo tipo, marca e valor, mas o incrível é que está mais fácil comprar carro novo que usado. Os importados tomaram conta do mercado, basta uma en- trada mixuruca e se financia o restante a perder de vista. Conheço uns gaudérios de coragem que compram carro zero, apertam a guaiaca, não con- seguem pagar as prestações e devolvem o “fla- mante”...mas dizem que o que vale mesmo é ter curtido um “zerinho”. A essa demanda toda atribuem um outro fenô- meno, o da inclusão, a mudança de classe social. Se por um lado isso é bom, temos que admitir que não temos estrutura viária para a circulação de tanto carro, minha gente!...Se continuar assim, vamos ter que voltar ao tempo das carroças, charretes e “ara- nhas”. (Se bem que “gaiota” é o que mais se vê cir- culando pelas ruas). Bah, seria uma “cousa de loco” ver o povo andando a pé, feliz da vida, parando e encontrando ami- gos, falando da vida alheia, de política, do tempo, de novela, do BBB. As pessoas sentadas nas calçadas, to- mando mate e admirando o movimento. E a gauchada, montados em bons cavalos, passando à lo largo pela Pi- nheiro Machado, dando trabalho pro pessoal da limpe- za em recolher montes de esterco junto ao meio-fio das calçadas. Nossa!..Ia ser muito interessante. Pois, talvez seja pensando nessa “evolução”, que apa- receu uma “mangueira” bem no centro da cidade. Ali, na “Esquina Democrática” entre os dois calçadões. Não é de madeira de lei, mas de ferro e muito semelhante àquelas das fazendas . O povaréu que circula pelo centro agora fi- cou embretado e, em dias de bastante movimento, aquilo mais atrapalha que ajuda. Olhando assim, de longe, até pa- rece que voltamos mesmo ao tempo antigo. Só faltam os cavalos atados no palanque. Quadrinha da Semana: AAssistência Social Tem que segurar o tranco Senão, em breve esta terra Vai ter mais índio que branco EDITAL DE CASAMENTO Quem souber algum impedimento acuse-o na forma da lei. Cruz Alta, 13 de abril de 2012 Rui Fontana - Oficial FÁBIOSOUZALIMA e FERNANDAMARTINSDOSSANTOS EMERSONSEIBEL e JÉSSICAGRAUNKEPAIM FÁBIOMALHEIROS VASCONCELLOS e FABIANA DAL-MAS CARTORIO DO REGISTRO CIVIL nº 14/2012
  11. 11. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 11 Zuleika Edler • Cultura • Arte • Atualidades • Dicas • Moda • Curiosidades Horóscopo LUA: Ming. 13/04 a 21/04 Não há maior vitória na vida de um ser humano do que a vitória sobre a mente. – Swami Romadas Áries 21/03a20/04 Touro 21/04a20/05 Câncer 21/06a21/07 Leão 22/07a22/08 Virgem 23/08a22/09 Libra 23/09a22/10 Escorpião 23/10a21/11 Sagitário 22/11a21/12 Capricórnio 22/12a20/01 Aquário 21/01a19/02 Peixes 20/02a20/03 Força interior para superar adversidades. Nãooponhaobstáculosàsmudançasnecessá- rias. Cuidado com conflitos de poder e de au- toridadeenvolvendotrabalhoehierarquia. Arevisãodeprojetosvinculadosaestudosetra- balhopodeestarestimulandooaperfeiçoamento. Revisão profunda nos relacionamentos, com im- portantestransformaçõesnospróximosmeses. Se não faz as coisas apaixonadamente, tendeaperderofocoeointeresse,leonino. Reavaliaçõesnoestilodevidasãoimportantes etêmreflexossobreasaúdeeo trabalho. Fortes emoções, reações intensas e uma profunda transformação afetiva estão ocorrendo. Questões delicadas envol- vendo amor e crianças. Poder pessoal deve ser usado com consciência. Cuidado com a resistência às mudanças. Desapegar-se auxilia a evoluir. Reconstrução total. Atenção com a ligação existente entre questões financeiras e familiares, libriano. Percepção do poder da mente. Aprofun- damento de conhecimentos e de questio- namentos. Importância do que está ocor- rendo com pessoas próximas. A mudança de valores pessoais .Perceba o poder dos seus talentos e potenciais. Use com sabedoria seus recursos. Ques- tões financeiras têm um vínculo com fato- res emocionais. Saiba perceber isso. Plutão, em movimento pelo seu signo, inicia o movimento retrógrado.A humani- dade tenta refrear as mudanças. Mas elas são essenciais à evolução. Tendência a um comportamento extremista, cuidado. Tendeaestarconfusocomovalordascoisas, o que prejudica uma avaliação correta. Sen- sibilidade. Desafio de aceitar as diferenças e saber também valorizar as semelhanças. Este é um momento coletivo muito es- pecial. Onde fica evidente que é necessá- rio mudar. A quebra de antigos sistemas, padrões e os acontecimentos mundiais evocam um tempo de transformações. Gêmeos 21/05a20/06 Pode haver certa confusão na comunicação e nos contatos relacionados à carreira. Me- lhor ouvir a intuição, perceber os sinais e se expressar com sensibilidade e inspiração. Este é um momento muito especial. A su- peração de antigos problemas emocionais se aproxima. Você tem aprendido sobre a essência do amor. Aprimorar-se não é si- nônimo de ser perfeito. É Bom Ler Hora do Lanche? LIMPEZA Ria Se Quiser Toda transformação precisa de luz e amor Um professor ateu desafiou seus alunos com esta pergunta: - Deus fez tudo o que existe? Prontamente, um estudante respondeu: - Sim, fez! Mas ele insistiu: - Deus fez tudo, mesmo? - Sim, professor, respondeu o jovem. O mestre, no entanto, replicou: - Se Deus fez todas as coisas, então fez o mal, pois o mal existe. Diante de tal resposta, o estudante calou-se. Feliz, o professor, vangloriou-se de haver provado uma vez mais que a fé não passava de um mito. Porém, um colega ergueu a mão e disse: - Posso lhe fazer uma pergunta, professor? O frio existe? - Claro que existe! Por acaso, você nunca o experimentou? O rapaz, decidido, retrucou: - Na verdade, professor, o frio não existe. Se- gundo as leis da Física, o que consideramos frio, é ausência de calor. Todo corpo ou objeto pode ser estudado quando possui ou transmite energia, mas é o calor, e não o frio, que faz com que tal corpo retenha ou transmita energia. O zero absoluto é a ausência total de calor, quando todos os corpos ficam inertes, incapazes de reagir. Mas volto a in- sistir: o frio não existe. Criamos esse termo para descrever como nos sentimos quando nos falta o calor. E a escuridão, existe? Intrigado, o professor respondeu: - Certamente que sim. E o estudante voltou a discordar: - Novamente o senhor se engana. Tampouco existe a escuridão. Na verdade, ela é a ausência de luz. Podemos estudar a luz, mas a escuridão não. Um simples raio de luz acaba com as trevas e ilumina a superfície que toca. Como se faz para saber quão escuro é determinado local do espaço? Apenas com base na quantidade de luz presente nesse local, não é mesmo? Escuridão é um termo que o homem criou para descrever o que acontece quando a luz está ausente. Finalmente, o jovem estudante perguntou: - Diga, professor, o mal existe? Ao que ele respondeu: - Claro que sim. Como expliquei no início da aula, vemos roubos, crimes e violência diariamen- te em todo o mundo! Essas coisas são o mal. - Discordo do Sr. O mal não existe, professor! Ao menos, não existe por si só. Ele é simplesmente a ausência de Deus. É, como nos casos anteriores, um termo que o homem inventou para descrever a ausência de alguma coisa. Deus não criou o mal. Não é como a fé ou o amor, que existem da mesma forma que existem a luz e o calor. O mal é uma consequência de a humanidade não ter Deus presente em seus corações. É como o frio que surge, quando não há calor; escuridão, quando não há luz. (Lições de Vida – Jornal dos Correios) • Cômodos: Misture água com vinagre, na mesma propor- ção, e esfregue com força o lo- cal atingindo. Só pare quando o bolor sair. • Cheiro de frituras: Ter- mine com o cheiro, usando uma casaca de laranja passada no açúcar e coloca-la no fogo. Diálogo da certeza absoluta Ele: Qual você julga estar mais satisfeito: um homem com seis milhões ou um homem com seis filhos? Ela: Um home com seis fi- lhos. Ele: Por quê? Ela: Ora, porque um ho- mem com seis milhões ainda quer mais!... Crepe de mortadela e queijo Ingredientes: Massa: 1 e ¹/² xícara (chá) de fari- nha de trigo 1 e ¹/² xícara (chá) de leite 2 ovos 4 colheres (sopa) de óleo Sal a gosto Recheio: 200 g de mortadela fatiada fina 100 g de queijo prato fatia- do fino Modo de preparo: 1- No liquidificador, bata a farinha de trigo, o leite, os ovos, o óleo e o sal 2- Unte uma frigideira an- tiaderente pequena, coloque, com uma concha, uma porção de massa e doure dos dois lados 3- Recheie os crepes com fatias de mortadela e de queijo e dobre Sirva com molho de tomate se preferir
  12. 12. 12 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 CPI para investigar Instituto Ronaldinho O presidente da Câ- mara Municipal de Porto Alegre, vereador Mauro Zacher(PDT), deferiu na tarde desta quarta-feira (11/4) pedido de criação- de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar o InstitutoRo- naldinho. A decisão foi tomada após a aprovação do parecer da Comissão deConstituição e Justiça, votado na manhã de ontem (10/4), e que atestou alega- lidade do documento. Ao todo foram 12 dias de impasse já que o requerimento com as 12 assinaturas regimentais, equivalente a 1/3 dos ve- readores, estava na CCJ desde o dia 29 de março por deliberação do presi- dente Zacher. A consulta foi encaminhada para que fossem sanadas as dúvi- das quanto à validade ou não da assinatura da vere- adora suplente Maristela Maffei (PCdoB). Aconteceu nas escolas municipais de ensino fun- damental de Cruz Alta o Projeto Câmara Mirim, de autoria do Vereador Cleberson Gardin-PSB, para alu- nos entre 9 e 15 anos, onde foram eleitos 10 verea- dores mirins. As escolas estiveram em campanha para eleger seus candidatos, realizando debates e cartazes apresentando propostas de acordo com a realidade da comunidade local pertencente. Nesta sexta-feira 13 de Câmara Mirim escolhe candidatos abril de 2012 ocorreu a eleição nas escolas entre 8 e 17hs, e a apuração dos votos na Câmara Municipal de Vereadores no salão Nobre as 17hs. Concorreram as vagas no legislativo mirim as seguintes escolas: E.M.E.F. Álvaro Ferreira Leite E.M.E.F. Antônio Serra Pereira E.M.E.F. Arthur Moreira E.M.E.F. Carlos Gomes E.M.E.F. Castelo Branco E.M.E.F. 18 de Agosto E.M.E.F. Gabriel Annes da Silva E.M.E.F. Getúlio Vargas E.M.E.F. Ildo Meneghetti E.M.E.F. Marcos de Barros Freire E.M.E.F. Olaria Charrua E a participação da Escola Especial Santo Antônio O projeto Câmara Mirim oportuniza o aluno a de- senvolver a oratória usando a tribuna para contextua- lizar a realidade vivenciada na escola e comunidade a que pertence, ainda podendo conhecer a função le- gislativa, fiscalizadora, administrativa, judiciária e de assessoramento do vereador, aproximando a comuni- dade escolar da Câmara de Vereadores. Pedidos de providência A Vereadora Sônia de Bortoli, lí- der da Bancada do PSDB, vem na for- ma regimental requerer que a Câmara de Vereadores envie ofício ao Senhor Prefeito Municipal para que determine aos setores competentes as seguintes providências: VILA ESPERANÇA • Rua: Setembrino de Carvalho, limpeza em toda sua extensão. • Rua: Beco Siqueira Rosa patro- lamento e cascalho. • Rua: Riter em frente ao nº 95, moradores pedem a colocação de tubos na sanga, os quais já foram comprados. VILA SÃO GENARO • Avenida Dna. Edwina Rosa na passagem dos trilhos em direção ao Bair- ro de Fátima, o trem não esta buzinando e eles deixam os vagões nos trilhos tirando a visão dos motoristas.
  13. 13. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 13 Taça Interprefeituras de Futsal Aconteceu na terça-feira, 10 de abril, o Con- gresso técnico da Taça Interprefeituras de Futsal. Na ocasião estiveram presentes representantes dos dez municípios que participarão do campeonato neste ano. Nna reunião foi apresentado o regulamento do campeonato com algumas alterações e também foi realizada a fórmula de disputa. Municípios participantes: CHAVE A: Ijuí, Bozano, Boa Vista do Cadeado, Ibirubá, Salto do Jacuí CHAVE B: Cruz Alta, Fortaleza dos Valos, Jóia, Panambi, Boa Vista do INCRA. O jogo de abertura do campeonato acontecerá no dia 19 de Abril em Salto do Jacuí. RODADA DE ABERTURA Dia 19 de abril ( quinta-feira ) Cidade – Salto do Jacui Local – Ginásio Municipal Hora – 20:30 hs Jogo – Prefeitura Ijui X Prefeitura Boa Vista do Cadeado Hora – 21:30 hs Jogo – Prefeitura Salto do Jacui X Prefeitura Bozano Concurso de Identidade Visual da Coxilha Nativista tem prazo adiado Coxilha Nativista já tem data marcada, mas para a divulgação do evento é necessária uma identidade visual. Foi adiado o prazo para as inscrições no Concurso de Identidade Visual da 32ª edição do festival. Os interessados devem fazer a ins- crição até o dia 20 de abril. Cada interessado pode inscrever no máximo três trabalhos que devem ser entregues na Secretaria Mu- nicipal de Cultura, junto à Casa de Cultura Justino Martins. É obrigatório que todos os trabalhos utilizem a logomarca padrão da Coxilha Nativista, que está disponível junto com a ficha de inscrição. O vencedor receberá R$ 500, troféu e uma mesa com quatro luga- res para as quatro noites do evento. A edição deste ano acontecede25à28dejulho, no Ginásio Municipal.
  14. 14. 14 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 EDITAL DE LEILÃO/ PRAÇA E INTIMAÇÃO DIA: 02 de Maio de 2012, ás 15 Hs LOCAL: Átrio do Fórum de Cruz Alta/RS. JOÃO ANTONIO CARGNELUTTI, Leilo- eiro Oficial, devidamente autorizado pela(o)s Exma(o)s. Sr(a)s. Dr(a)s. Juiz(a)s de Direito da Primeira Vara Cí- vel, Segunda Vara Cível, Terceira Vara Cível e Juizado Especial Cível, da Comarca de Cruz Alta, VENDERÁ, em Público Leilão/Hasta, no dia, hora e local acima men- cionados, os bens abaixo descritos, penhorados judicial- mente: Item 01- Uma fração de terras c/área superficial de 100.000m², constituída pelo lote n° 320, da Fazenda Boa Vista, município de Cruz Alta, dentro de área rema- nescente de 690.090,66m², com os seguintes limites e confrontações: ao Norte, c/lote n° 319 e com a CEEE, se- parado do primeiro por uma estrada; ao Nordeste com a CEEE; ao Leste, com a CEEE; ao Sudeste com a CEEE; ao Sul, com a CEEE e Fazenda Paraíso, separado da ul- tima pelo Arroio dos Porcos; ao Sudoeste, c/a Fazenda Paraiso e o Lote n° 617, separado da primeira pelo Ar- roio dos Porcos e do último por uma sanga; ao Oeste, c/ lotes n° 167 e 317, separado do primeiro por uma sanga; e, ao Noroeste, c/lotes n° 317, 318 (Canto) e 319, sepa- rado dos dois últimos por uma estrada. Mat. 22.333. R$ 160.000,00. Condôminos: Cleomar Rodrigues Techio e Denize Terezinha Martins Techio; Elisete Maria Techio Antonello e Gilberto ValérioAntonello; Cenira Maria Te- chio Antonello e Adroaldo Valerio Antonello; Lucia He- lena Techio Pereira e Valderi Medeiros Pereira; Zilmar Rodrigues Techio e Aneida Schneider Techio; Circeomar Rodrigues Techio; Evandro Carlos Zwicker e Cleomara da Silva Zwicker; Alencar de Jesus da Silva e Cleonice Terezinha Techio da Silva. Proc. CP. 011/1.12.0000705-7. Cooperativa Tritícola Taperense Ltda. X Genuino Techio Filho e Miracy Rodrigues Techio. Item 02- A área de 1ha, situada no local deno- minado “Passo dos Alemães”, 1° Distrito deste municí- pio, confrontando: ao Poente, por uma sanga, c/terras do outro lado de Antonio Prevedello; ao Sul, por uma cerca que divide c/terras de Propício Nunes da Silva; ao Les- te e Oeste, por uma estrada vicinal, por cerca de arame. Registro n° 39.385, fls. 145 do livro 3-AE. R$ 16.800,00. Proc. 011/1.07.0004603-7. Industrias Gessy Lever Ltda. X Altivo Gardin Prevedello. Item 03- Uma fração de terras de cultura, c/área de 361.484m², dentro de área maior, situada no lugar de- nominado Fazenda Valparaízo, distrito de 3 Capões, mu- nicípio de Cruz Alta, com as seguintes confrontações; ao Norte, c/a Fazenda Boa Vista, por sanga; ao Sul, com a Suc. Guimarães, por cerca, sanga e marco; a Leste, c/ Bruno Geier Horbach, por cerca e sanga; e, ao Oeste, c/ Jacinto J. Rossato, por cerca, sanga e marco. Mat. 1.776. R$ 1.300.000,00. Credores Hipotecários: Banco do Bra- sil S/A; União e Cooperativa Agrícola Mista General Osório Ltda. – Cotribá; Condôminos: Débora Rodrigues Bach e Éverton Luís Bach; Luiz Clóvis Rauber e Vera Maria Rubert Raubert. Proc. 011/1.09.0002086-4. Estado do Rio Grande do Sul X Leotério Rubin Facco. Ônus: penhora também para União – Fazenda Nacional, Pro- cesso n° 2006.71.16.001189-4, 2006.71.16.001772-0 e 2006.71.16.002234-0. Item 04- Um terreno urbano, constituído de par- te do lote n° 16, quadra de prefixo “I”, do loteamento do bairro Nossa Senhora de Fátima, nesta cidade, localizado no lado par da rua Padre Almeida, quarteirão formado por mais as ruas Padre Leite Ribeiro, Padre Ambrosio e Padre Pompeo, medindo 9m de frente, por 26m de exten- são da frente aos fundos, confrontando: ao Norte, c/lote n° 01; ao Sul, com remanescente do lote n° 16 de Derly Araújo de Oliveira e esposa; a Leste, c/lote n° 02; e, ao Oeste, com a mencionada rua Padre Almeida, para onde faz frente; a face Norte deste terreno fica afastada 20m da esquina formada com a rua Padre Leite Ribeiro. Mat. 8.187. Sobre o respectivo terreno encontra-se construí- da uma casa pequena e velha de madeira, sem numero e desocupada (Não averbada). R$ 8.000,00; - Um terreno urbano, s/benfeitorias, c/área superficial de 473,88m², sito à rua Bento Gonçalves, esquina com a rua Professor Roessler, no quarteirão formado por mais as ruas João José de Barros e Cel. Jango Vidal, em Cruz Alta, medin- do dito terreno em 13,20m de frente à rua Professor Ro- essler, ao Norte, lado par; e, 35,90m de frente à rua Bento Gonçalves, ao Oeste, também lado par; tendo nos fundos dimensões iguais as frentes opostas, confrontando: ao Sul e a Leste, c/terrenos da Municipalidade. Mat. 6.117. R$ 25.000,00. Ônus: penhora também para Luiz Antônio da Silva Cardoso, processo n° 01398-2005-611-04-00-5. Proc. 011/1.06.0004134-3. Estado do Rio Grande do Sul X Elpidio Goulart & Filhos Ltda. Item 05- Um automóvel VW/Apollo GLS, placa IFQ-7279, renavam 428122922, chassi 9BWZZZ54ZLB099980, ano e modelo 1990, vermelho, bom estado. R$ 8.000,00. Proc. 011/3.11.0000094-2. Francisco da Silva Barcellos X Adriana Sinara Cassenote Barbosa. Item 06- Um elevador de veículo (elevacar), marca Goetten, n° 22, azul. R$ 3.000,00; - Um apare- lho de solda de oxigênio, n° GBC 297900. R$ 1.300,00. Proc. 011/3.08.0000690-2. Valdemar Chaves de Souza X Cruzauto – Comercio de Veiculos Ltda. Item 07- 2.800 litros de adjuvante agríco- la (óleo mineral), marca Stout, caixas c/4 baldes de 5 litros cada. R$ 12,00 o litro. Total R$ 33.600,00. Proc. 011/1.09.0007042-0. SCA – Industria de Mó- veis Ltda. X M.G Juchem; Murilo Sampaio Juchem e Mariza Gambini Juchem. Item 08- Um terreno urbano, s/benfeitorias, lo- calizado no lado par da rua Antônio Machado Soares, no quarteirão formado por mais as ruas Domingos Veríssi- mo, Aguinaldo Leal e Travessa Americano Lopes, zona urbana desta cidade, c/superfície de 360m², medindo 12m de frente por 30m de extensão de frente a fundos, confrontando: ao Norte e ao Sul, c/Abel Veríssimo de Azambuja; a Leste, c/Oriovaldo de Lima; e, ao Oeste, c/a mencionada rua Antonio Machado Soares, onde faz frente; a face Sul deste imóvel fica afastada 24m da es- quina formada com a rua Aguinaldo Leal. Mat. 27.425. R$ 10.000,00. Proc. 011/1.09.0003996-4. Município de Cruz Alta X Élio Melvin Jones do Amaral. Ônus: pe- nhora também para Estado do Rio Grande do Sul, pro- cesso n° 56.671 e 47.998; Banco Itaú S/A, processo n° 011/1.03.0001660-2. Item 09- Um terreno urbano, localizado no lado ímpar da rua Padre José, na cidade de Pejuçara/RS, que mede 20,50m de frente por 45m de extensão da fren- te a fundos, por ambos os lados, numa superfície de 922,50m², confrontando: ao Norte, c/terreno de Vicente Costa Beber; ao Sul, c/terreno de Norberto Daronco; a Leste, c/terreno de Atilio Emilio Dalforno e esposa; e, ao Oeste, c/a rua Padre José, onde faz frente; distante 40m da rua José Daronco, lado Sul, dentro do quartei- rão formado pelas ruas Padre José, Pedro Mastella, José Deronco e Antonio Alves Ramos. Mat. 11.584. Sobre o respectivo terreno, encontra-se construído um gal- pão de madeira com aprox. 50m². R$ 15.000,00. Proc. 011/1.08.0000140-0. Sponchiado Administradora de Consórcios Ltda. X Dimas Mastella; Márcia Maria Dal Forno Mastella; Atilio Emilio Dal Forno e Elsa Maria Buzzarri Dal Forno. Item 10- Um prédio de alvenaria, c/área de 60,30m² (averbado), à rua Franklin Veríssimo, 203, um prédio misto medindo 5,50 x 9m, tipo galpão construído nos fundos (não averbado) e um prédio em construção de alvenaria, tijolos à vista, estando construído as pare- des e cobertura de telhas de cimento amianto, prédio este construído na parte frontal do térreo e lado direito (não averbado), todos construidos no terreno medindo 13,20m de frente à rua Dr. Franklin Veríssimo, ao Norte e 60m de extensão da frente aos fundos, confrontando: ao Sul, c/ Francisco Mário da Silva; a Leste, c/sucessores de Fran- celino Alves Teixeira; e, ao Oeste, c/Ildefonso Francis- co da Silva, loclaizado no quarteirão formado pelas ruas Dr. Franklin Veríssimo, Dr. Noronha, Procópio Gomes e Argentina. Registro n° 46.280, Fls. 282 do Livro 3-AI. R$ 40.000,00. Co-proprietárias: Lucia Helena Bandei- ra Santos, Antão Gamst da Cruz e Doralice dos Santos Cruz. Proc. 011/1.09.0008032-8. Município de Cruz Alta X Maria Anuncia Bandeira dos Santos. Caso não houver arrematantes pelo valor de ava- liação, os bens serão vendidos a quem mais der inadmi- tido preço vil, no dia 14 de Maio de 2012, no mesmo horário e local acima mencionados. Nos processos em que o autor é o INSS e UNIÃO, poderão os bens ser arrematados com a possibilidade do pagamento parcela- do, nos demais processos o parcelamento é possível para bens imóveis, com 30% à vista. Ficam os DEVEDORES E SEUS CÔNJU- GES, se casados forem, bem como, condôminos, de- mais partes e terceiros interessados, intimados pelo presente edital, para todos os atos aqui mencionados, caso encontram-se em lugar incerto e não sabido ou não venham a ser localizados pelo Sr. Oficial de Justiça, suprindo-se exigências contidas no § 5º do art. 687 do CPC e Art. 635, § 2º da CNJ. Maiores informações Fone 0XX (55) 3332-3684 ou 9963-2030 Home Page: http://www.cargneluttileiloes.lel.br/ E-mail:joao@cargneluttileiloes.com.br Cruz Alta/RS, 02 de Abril de 2012. João Antonio Cargnelutti Leiloeiro Oficial Dr. Sergio Manduca da Rosa Lopes Juiz de Direito Dra. Michele Scherer Becker Juíza de Direito Dra. Lynn Francis Dressler Soares Juíza de Direito
  15. 15. Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 15 ACAF: Confronto de sábado é contra o líder da Chave O próximo desafio é contra o União Nova Prata, primeiro colocado da Chave 2 com 4 pontos ganhos. A ACAF pode se tornar líder caso vença a partida e ainda deve torcer para que o Guaporé não some três pontos contra a equipe do Veranópolis. Para este importante confronto, Bebezão retorna ao time após cumprir sus- pensão automática. Rafael Reis recupera-se de um des- locamento da clavícula e está fora da partida. A direção ainda tenta confirmar Ricardo Atkinson no Boletim In- formativo Diário (BID) da Federação Gaúcha de Fute- bol de Salão (FGFS) para que o pivô faça sua estreia com a camisa da ACAF. Outros dois atletas foram adi- cionados ao BID nesta semana e já podem jogar a Série Prata pela equipe: o goleiro Sanderson e o jovem Yuri Falcão. Marcelinho é a esperança de gols: o fixo marcou 5 contra o Milan e é artilheiro isolado da competição. A expectativa é que neste sábado (14), o público de 750 torcedores do empate contra o Milan seja supe- rado.Apartida inicia às 20h e os ingressos para a arqui- bancada já estão disponíveis na Esportiva Calçados ao valor de R$ 5,00. Sócios em dia não pagam a entrada. Kiko Gardin é o novo reforço A novidade prometi- da pela direção da ACAF para o treino de quarta- feira (11) pegou todos de surpresa: Kiko Gardin, de 38 anos, foi anuncia- do como a mais nova contração da equipe de Cruz Alta. O atleta chega do América de Tapera, recém-promovido para a Série Ouro do Estadual. Kiko tem passagens por clubes gaúchos, catari- nenses e paulistas, sendo responsável pelo aces- so de muitos times para a elite do futsal. Em sua carreira, o jogador desta- ca passagens pelas equi- pes de Joaçaba, Palmitos, URI/Santiago, AGEL e o América de Tapera, onde conquistou a Série Prata em 1996. “Não lembro de toda a lista, completa com um etc”, brincou o expe- riente jogador. Kiko já treinou com bola e mostrou entrosa- mento com Léo e Marce- linho, com quem jogou junto. Outros atletas da re- gião também participaram das atividades no Ginásio Municipal e foram testa- dos pelo técnico Batata. O objetivo é fechar o elenco para suprir os desfalques de Lucas, Dando e Rafael Reis, que estão no depar- tamento médico. Marquinhos volta a treinar e Miralles marca gol em coletivo D’Alessandro e Guiñazu são relacionados, mas iniciam na reserva Após a vitória por 3 a 0 sobre o Ipatinga nesta quarta-feira, o Grêmio retomou os trabalhos na tarde desta quinta-feira com foco na partida diante do Ypi- ranga neste domingo. Em um coletivo entre reservas e juniores, a novidade foi a presença do meia Mar- quinhos, já recuperado de lesão de grau 1 no adutor esquerdo da coxa. Outra boa presença foi a do argen- tino Miralles, que marcou o único gol da atividade, vencida pelo time reserva do Grêmio. D’Alessandro e Guiñazu no banco de re- servas. Dorival Júnior confirmou o time que en- trará em campo contra o Cerâmica neste sábado, a partir das 18h30min, no Beira-Rio sem a presença dos argentinos, que retor- naram aos treinamentos esta semana devido a uma lesão na coxa e no joelho, respectivamente. A ideia do treinador é colocá-los em campo no decorrer da partida, talvez 20 a 25 minutos, para ganharem ritmo e se credenciarem à titularidade contra o Juan Aurich, na próxima quinta-feira, em Chiclayo. O time das quartas de final da Taça Farroupilha será Muriel, Nei, Bolívar, Índio e Kleber; Elton, Sandro Silva, Tinga e Dátolo; Gil- berto e Leandro Damião.
  16. 16. 16 Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 PREVISÃO DO TEMPO: Neste sábado, o ar seco de origem po- lar predomina sobre o Sul e deixa o céu com poucas nuvens em praticamente toda a Região. Com isso, o sol brilha forte e não há expectativa de chuva. Apesar disso, a temperatura fica baixa, principal- mente no comecinho do dia. Sol com algumas nuvens. Nãochove. Sol com algumas nuvens. Nãochove. Sol com algumas nuvens. Nãochove. SÁBADO: Mín.:12ºC Máx.:26ºC DOMINGO: Mín.:13ºC Máx.:29ºC SEGUNDA: Mín.:13ºC Máx.:29ºC Jornal O EXPRESSO | Sexta e sábado, 30 e 31 de dezembro de 2011Jornal O EXPRESSO | Sábado e domingo, 14 e 15 de abril de 2012 Provas do concurso do magistério ocorrem no domingo As provas para o Concurso Pú- blico do Magistério Estadual serão realizadas no domingo, 15, às 14 horas, nas 30 cidades-sede das Coorde- nadorias Regionais de Educação (CREs). O local de realização das provas poderá ser verificado no site da Fundação para o Desenvolvimento de Recursos Hu- manos (www.fdrh.rs.gov.br), mediante a inserção do número do CPF no link indicado. As 10 mil vagas serão dispu- tadas por 69.614 inscritos, que realiza- rão as provas em 153 escolas e 2.402 salas de aula. O gabarito será divulga- do no dia 19 de abril. Em Cruz Alta as provas serão reali- zadas em duas escolas: MARGARIDA PARDELHAS (Arte/Música, Educação Física, Anos Iniciais, Secretariado/Administração, Segurança do Trabalho/Engenharia de Segurança do Trabalho e Libras) INSTITUTO ANNES DIAS (Lín- gua Portuguesa e Literatura Brasi- leira, Língua Inglesa, Língua Espa- nhola, Artes/Dança, Artes Visuais, Matemática, Biologia, Física, Quí- mica, História, Geografia, Filosofia, Educação Especial, Contabilidade/ Ciências Contábeis, Contabilidade/ Administração, Contabilidade/Ciên- cias Econômicas, Secretariado, En- fermagem, Direito e Psicologia. Encontro do PSB Aconteceu na noite de ontem, 13 de abril, um debate do Partido Socia- lista Brasileiro (PSB) para um programa de governo participativo, aberto à co- munidade cruz-altense. O projeto foi apre- sentado pelo Grupo de Trabalho ao candidato a prefeito do Partido, pelo Partido ao candidato e co- ligação que vier a fazer parte do PSB, no sentido de contribuir com a futura administração. O Grupo é formado pelo advogado e assessor Parlamentar Pablo Homercher, pela advogada e assessora do Vice Go- vernador Izabel Kramer, ex-diretora da Cidusa e ex Secretária de Obras da Administração Municipal, pelo procurador jurídico do município Rafael Mello, empresário Marcos Gruhn e pelo pedagogo e Secre- tário de Comunicação do PSB, Everlei Martins. Os temas em debates envolveram Políticas Pú- blicas e Inclusão Social: Educação, Cultura, Saúde, Esportes, Assistência So- cial e Habitação. Também estão agendados novos en- contros para os dias 20 e 27 de abril.

×