Jornal digital 4721 qua-29072015

296 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
296
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4721 qua-29072015

  1. 1. www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXV EDIÇÃO Nº 4.721 QUARTA-FEIRA, 29 DE JULHO DE 2015 R$ 2,00 Grupo 25º 16º Sol com algumas nuvens. Não chove. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Geral Geral Polícia Depoisde viúvohomem vaisetornarpadre CrechedaBoaEsperança inauguranasegunda Crimedaborracharia continuasemsolução Sonho Realizado Sombrio Violência 3Página 4Página 15Página Amizademuda vidadeuma moradorade rua Parece Novela 7Página
  2. 2. Política Jarbas Vieira Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 jarbas@grupocorreiodosul.com.br (48) 9966.5326 CHARGEPor:CAZO “Nem eu, nem o Daminelli temos o direito de pensar em reeleição agora. Temos muita coisa para fazer por Sombrio. Quando chegar à hora, se decidir me candidatar novamente, o Daminelli é meu parceiro preferencial”. Ele disse: ‘ ‘Prefeito Zênio Cardoso (PMDB) reforçando a parceria com o vice, Valmir Daminelli (PPS). Bom debate e criação de secretaria aprovada! F oiaprovadonaCâmarade Vereadores em segundo turno, por cinco votos a três, o Projeto de Lei que autoriza a prefeitura de Santa Rosa do Sul a desmembrar a pasta de Indústria e ComérciodaSecretariadeAgricultu- ra, a qual estava vinculada. O tema gerou um bom debate na tribuna entreosvereadoresAlmidesRoberg (PSD) e Madalena Luis (PMDB). Contrária ao desmembramento, a vereadora peemedebista alegou a necessidadedeseeconomizar,dian- te da crise econômica vivenciada, e pelofatodoprefeitoNelsonCardoso (PSD) ter afirmado no início do OInstitutodePrevidênciado Estado de Santa Catarina- Iprev e a Universidade do Estado de Santa Catarina- Udesc, firma- ram um termo de cooperação com o objeto de aprimorar a comunicação do instituto com seus servidores e segurados. O gerente de Planejamento Estadual do Instituto, Marco Antônio Mota (PMDB), parti- cipou da reunião e se mostrou entusiasmado com a parceria. Segundo Motinha, o objetivo é ampliar o estudo sobre os desa- fios da previdência catarinense através de debates acadêmicos. “A comunicação é um facilitador e abrir este canal vai melhorar (48) 3522-3777 Plano de cargos e carreira Administração Municipal de Balneário Arroio do Silva, através do prefeito Evandro Scaini (PSD), firmou contrato com Mercilio João Rigon, que prestaráoserviçodeelaboração do plano de cargos, carreira e remuneração do funcionalismo público municipal. O contrato firmadotemaindacomoobjeti- voacontrataçãodeprestaçãode serviçodeConsolidaçãodasLeis naáreadeestruturaadministra- tiva e de pessoal; e elaboração e estruturação do Estatuto dos ServidoresPúblicosMunicipais. ano que os gastos com a folha de pagamento superavam 49% da arrecadação. “Se o esporte faz um bomtrabalhocomumadiretoria,se no social e na saúde temos apenas umasecretaria,porquenãosepode fazerumtrabalhoqualificadosemo Parceria entre Iprev e Udesc oficializada Agenda Aproveitando o recesso parlamentar, o deputado fede- ral Ronaldo Benedet (PMDB) cumpre agenda hoje na região. Em Sombrio ele almoçará com o prefeito Zênio Cardoso (PMDB) e uma comitiva peemedebista, que deixará o deputado a par dos assuntos da cidade, agra- decendo pela parceria. gos.Aoinvésdepisarnofreio,nosso prefeitoestápisandonoacelerador eessaéumamaneiradesesuperar a crise”, comentou. Após a aprova- ção,overeadorAnselmoBitencourt (PSD) se manifestou, dizendo-se favorável a matéria, pelo fato de queindústriaecomércionãoterem nadaavercomagricultura.Aoutili- zaratribuna,opresidentedaCasa, AgenorFranciscodeCarvalho(PP), afirmou que a secretaria servirá apenas como cabide de empregos, alegando que as ações em favor do setorpoderiamserdesempenhadas agora. O presidente também ques- tionou um outro projeto, relativo a compradeumaáreaparaacriação de um distrito industrial. Segundo ele, trata-se de um banhado e será necessáriomuitoaterroparadeixar o terreno pronto para receber em- presas interessadas. desmembramento?”,questionou.Já o governista afirmou que “mentes pequenaspensampequeno”equeo desmembramento é uma demons- tração de visão do atual prefeito. “Santa Rosa do Sul precisa crescer, atrairinvestimentosegerarempre- muito o relacionamento entre a instituição e os segurados”, re- força. Na primeira reunião ficou firmado a parceria com a rádio Udesc, com programas voltado aos previdenciários. A parceria não vai gerar qualquer ônus à autarquia previdenciária.
  3. 3. com quem se casaria sete mesesdepoisdeconhecê-la paraviveremjuntospor30 anos. Por amor, abriu mão dosonhodeserpadre,mas novamente o destino lhe pregou uma peça e Vanio está na terceira de uma série de seis etapas que precisapassarparainiciar o sacerdócio. Mesmo vivendo uma vida de casado por três décadas, Vânio nunca se separou da igreja. O casal sempre participou das atividades religiosas e comunitárias, como mi- nistros da eucaristia e fazendo parte da comissão administrativa da igreja. “Trabalhamos com fé e amor a Deus, ajudando nos projetos sociais como campanha do agasalho, campanha contra a fome, novenas de Natal, de Pás- coa e das vias sacras em família”, recorda. Após uma vida junto da esposa,nofinalde2011, emmenosde25dias,Vânio a viu sofrer um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e morrer.Nestahoraparecia queDeushaviaseguradoa Terra com a mão e a feito parar de girar.Avida pare- cia ter chegado ao fim para em Turvo, mas não con- cluiuosestudos.Inspirado nos freis capuchinhos, os irmãos gêmeos Gervásio e Protásio, que atuavam em Praia Grande, Vânio ingressou no Seminário dos Servos de Maria em 1979. Lá permaneceu até 1981. Sua saída não se deveu somente ao fato de ter conhecido aquela que se tornaria sua compa- nheira até a sua morte. Segundo Vânio, houve um “problemaadministrativo” do seminário, que tempos depoisviriaaseconfirmar. “Eu prefiro não falar, mas o reitor acabou afastado”. Neste período, quis o destino que cruzasse o seu caminho a encantadora ElianedeOliveiraPereira, Geral 3Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 O que pensa o futuro padre Da redação Viúvo se prepara para ser padre Vida Nova > SOMBRIO No último final de semana, Eder Carminatti anunciou que estáabandonandoosacer- dócio. Pároco da paróquia São Pedro, do Arroio do Silva, ele deixa a vida religiosa quase três anos depois de ser ordenado pa- dre. O mais provável é que secaseeconstituafamília. Em outro lado da his- tória, em Sombrio um homem que já foi casado e tem filhos, quer ser padre. Quando criança em Praia Grande, enquanto os irmãos costumavam armar alguma desculpa parafugirdarezadoterço, VânioMarguttiPereira,de 54 anos, era o filho que se oferecia para rezar e não faltava a uma missa. Aos 19 anos foi para o Semi- náriodosServosdeMaria, Se a renúncia ao sacerdócio do padre Eder Carminatti surpreendeu muita gente, não é menos inusitada a história de Vânio Margutti Pereira, casado por 30 anos Família apoia ³Vânio sempre esteve ligado a Igreja Católica e agora terá dedicação exclusiva o marido. Porém, com fé, resignou-se. “Percebi que eu não tinha mais vontade de ter família, então decidi doar a Deus o restante dos meus dias. Como eu sempre tive o sonho de ser sacerdote, Ele me deu a oportunidadederealiza-lo. Não me deu lá na juven- tude, mas está me dando agora”, diz. Hoje,oviúvodivideseu tempo entre as funções de dono de casa, o trabalho em uma indústria quími- ca, com sede em Turvo, as reuniões na igreja e ministraascelebraçõesnas comunidades de Sombrio na condição de ‘estudante do diaconato permanente’, que é quando o homem presta serviços à igreja, mas é casado, não consa- gra a hóstia nem absolve pecados. Para se tornar padre, Vânio precisa passar por seisfasesdeduassemanas cada, internado em um se- minário. O viúvo iniciou os estudos em julho de 2014, três anos após a morte da companheira, e está na terceirafase.Aprevisãoéde que os estudos se concluam em janeiro de 2017. O futuro padre cumpre etapas de 15 dias em inter- natos,temaulasdeTeologia com padres, bispos e pro- fessores leigos e estuda em casa. Além desses retiros intensivosdeestudos,perio- dicamente Vânio também visitaoSeminárioTeológico BomPastor,emFlorianópo- lis, onde em estadas de três dias faz a chamada Escola Laboratório, que é quando o seminarista fazem aulas práticas de confissão, cele- brações de missa, batizado. Por ter uma história de dedicação à Igreja Ca- tólica, por já ter passado pelo seminário durante a juventude e por ter vivido a vida de casado por 30 anos, Vânio seguirá uma trajetória diferenciada dos demais seminaristas. “Os padres para, ouvirem os fiéis e darem aconselha- mento sobre o matrimônio precisam estudar sobre o assunto porque eles não tiveram essa experiência e eu tive”, pondera. Quando concluir os es- tudos, estará apto a ser ordenado diácono e depois padre. Sobre tudo o que viveu, Vânio é prático e taxativo: “Fui muito feliz nostemposdesolteiro.Não tinha posses, mas era feliz. Nos tempos de casado, fui muito feliz e construí uma história de amor e religião. Agora junto as duas felici- dades com a possibilidade derealizarumsonho,então sou duplamente feliz”. A filha Vaneli, de 30 anos, que aprendeu em casa também desde cedo a ser católica e ter fé, apoia a decisão do pai, pois sabe do desejo que o acompanha desdeainfância.Orestante da família, revela o futuro sacerdote, que tem cinco irmãos, também apoia a sua escolha. “Minha mãe, meus irmãos e cunhados são católicos e respeitam a minha decisão e é no incen- tivo deles que eu reforço a minha fé”. Sobre ficar longe da família, o viúvo resigna-se: “Quandosefazaopçãopelo sacerdócio, temos que cum- prir três votos: de obediên- cia, castidade e de pobreza, portanto estarei disponível para ir trabalhar na paró- quia para onde o bispo me mandar”. “Sempre fui diferente dos outros. Nunca fui da noite, nunca gostei de bailes. Sempre fui mais família. Analisando minha vida percebo que o sentimento pela oração e respeito por Deus e o medo do sagrado faziam parte da minha vocação”. “A quem está em dúvida sobre a vocação, o futuro sacerdote, é enfático: “Estou em uma situação confortável porque vivi os dois lados, de ser solteiro, ser casado, mas aconselho que primeiro tentem ser sacerdotes porque vai ser tão bom que não vão desistir da missão”.
  4. 4. mente com o secretário de Obras Carlos Gomes, a secretária de Educação Zulma Simon, o vere- ador da comunidade e presidente da Câmara de Vereadores, Ademir Cardoso e a coordena- dora do CEI, Taise de Moraes Cardoso. Segundo Carlinhos, até sexta-feira a constru- ção deve estar concluída para a inauguração que acontece na próxima se- gunda. “Estamos tra- balhando o mais rápido possível para poder en- tregar a creche ainda esta semana”, ressalta. Para a construção da creche foram investidos R$ 599 mil do Governo Federal e R$ 200 mil em contrapartida da prefei- tura. A secretária Zulma lembra que hoje muitas crianças do bairro saem dali para conseguir va- gas em outros locais. Sendo que a escola irá atender uma demanda considerada grande para aquela comunidade, um total de 80 vagas. “Hoje, temos matriculados 47 alunos, e há vagas para 80”, afirma. De acordo com a co- ordenadora da creche, Taise, os pais já estão aguardando o início das aulas. “Eles estão fe- lizes, pois sabem que ali as crianças estarão seguras”. O novo Centro come- ça a atender os alunos a partir de segunda-feira e ainda é possível fazer novas matrículas. “Ain- da há vagas no berçário, infantil II e infantil IV”, completa. Geral4 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 ³Creche é aguardada com expectativa pelas famílias e agora está concluída famílias que sofrem com a dificuldade para transpor- tarprodutoscomobanana, mel e lenha, de suas pro- priedades. “Além da falta deacessoparaambulância, viatura da polícia e ônibus escolar.Tenho duas crian- ças pequenas e preciso subir e descer esse morro todos os dias para poder levar elas a escola”, recla- ma Inácio. Ele só retirou o carro da estrada geral de- pois que um dos motorista da prefeitura lhe garantiu que seriam colocadas pe- dras no local, deixando a via transitável. A reportagem do Jor- nal Correio do Sul tam- bém teve dificuldade para chegar até os moradores, tendo de subir o morro com o veículo de ré. Na volta,funcionários da pre- feitura já estavam colo- cando pedra na estrada. Segundo eles, estava sen- do colocado um material SC-108. Otrechode520metros teve a execução da ter- raplanagem e drenagem pluvialecolocaçãodemeio- -fiospelaempresaLajecril. Paralelamente, a Bramac Construções, que executa a segunda parte do esgoto sanitário da cidade, apro- veitou para fazer a ligação de esgoto naquela aveni- da, o Samae recuperou a rede de água e a Cejama a manutenção de cabos de energia. Desde a semana pas- sada está sendo colocado o asfalto e a obra deverá > SANTA ROSA SUL Namanhãdeontem, oagricultorInácioBorba da Silva, morador da parte alta de Peroba, em Santa Rosa do Sul, quando viu caçambas da prefeiturapassandopela localidade, não pensou duas vezes e trancou a estradapormaisdeuma hora com seu próprio carro. A atitude, segundo Inácio, foi um protesto devido a falta de ma- nutenção na estrada próxima a cachoeira da Peroba. Em conversa com a reportagem do Correio do Sul em uma casa onde outros mora- dores estavam reunidos, o agricultor explicou que aestradaéumproblema de vários anos, e está impossível subir por ela de automóvel. No alto do morro moram cinco > JACINTO MACHADO Considerada funda- mentalparaoescoamen- todaproduçãodearroze banana de Jacinto Ma- chado, a avenida Afonso Possamai Della, teve a pavimentação estendida até o Estádio Munici- pal Albino Zanatta. A avenida iniciou no en- cruzo do bairro Gávea, em um trecho de 1.080 metros feitos com recur- sos do Fundam (Fundo deApoio aos Municípios) e será um futuro anel viário se conectando a Morador protesta e tranca estrada ruim Obra projeta novo anel viário diferenciado que daria trafegabilidade. O secretário de Obras de Santa Rosa do Sul Joacir Oliveira dos Santos, o Dorinha, disse que busca fazer um tra- balho em todo o interior do município, pois com- preende a necessidade dos agricultores. Naquela estrada em especial, segundo ele, es- tava sendo colocado um tipo diferente de pedra quefoitestadaemoutros lugares íngremes com bons resultados. “Acre- ditamos que até o final da semana as famílias da parte alta da Peroba poderãoestardesfrutan- do de uma estrada boa e transitável. O material queestamosusandones- sa estrada também será usado em outros morros do interior, facilitando acesso a todos”,comenta Dorinha. ser entregue até o final do ano com um custo total do investimento de quase R$ 2 milhões. “Émaisumarealiza- ção que o município está executandocomrecursos próprios do IPTU na or- dem de R$ 534.189,61. Alémdoaspectourbanís- tico, onde pretendemos construir calçadas para caminhada, a obra vai desafogar o trânsito na área central da cidade. Sem dúvida, uma gran- de conquista para nossa gente”, avalia o prefeito Antônio João de Fáveri. > SOMBRIO Acomunidade do distrito Boa Es- perança, em Sombrio, aguarda a inauguração do novo Centro Educa- cional Infantil Criança Esperança. O prefeito Zênio Cardoso esteve na manhã desta terça-feira visitando o prédio junta- Pais da Boa Esperança terão, a partir de segunda-feira, 80 vagas para atender todas as crianças da comunidade Creche está pronta para inaugurar Alegria Da redação
  5. 5. Geral 5Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Reunindo expositores da região, eventos este ano acontecem nos dias 7 e 8 de agosto e prometem ser maiores já realizados Da redação > ARARANGUÁ Oque começou com o objetivo de ser uma confraternização en- tre as famílias rurais de Araranguá tomou um novo vulto e agora se concretiza na IX Festa do Agricultor e IV Expo Feira - Feira da Agricultura Familiar - que acontecerão nos dias 7 e 8 de agosto na Praça Hercílio Luz. O Governo do Município, através da Secretaria de Interior, tem sido parceiro do Conselho Municipal de Desenvolvi- mento Rural para promo- ver a maior edição da festa que deverá atrair mais de 800 produtores de toda a região. A programação prevê a escolha da rainha eprincesas,desfiledetrato- res alegóricos, almoço com comidas típicas, a posse da novadiretoriadoConselho, alémdeshowseasatrações da Feira. O prefeito Sandro Ma- ciel destaca a importân- FestaeFeiravalorizamagricultor Divulgação cia da agricultura para a economia local, além de ressaltar a contribuição dos agricultoresparaamelhoria da posição deAraranguá no Índice de Desenvolvimen- to Municipal Sustentável (IDMS). “Passamos da 8ª posição em 2012 para a 3ª na região. Além disso, superamos 74 posições no ranking nacional do IDMS, passando de 198ª para 124º em dois anos. Acredito que estamos no caminho certo, incentivando e valorizando nossos agricultores”. Nolançamentodafesta, a administração municipal fez um balanço de suas ações,queincluemacriação da Secretaria do Interior. Mereceram destaque ain- da a extensão da rede de abastecimento do Samae a 21 localidades do interior, a coleta de lixo ampliada para outras 13 comunida- des rurais e a oferta de dois médicos veterinários que assessoram os agricultores. SemináriodiscutenovoSCRural Conselheirosconcluemcursodeformação > REGIÃO A Secretaria de Es- tado da Agricultura e da Pesca, com o apoio da Epagri, realizou na ma- nhã desta terça-feira, no Cetrar, em Araranguá, um seminário de pros- pecção de demandas do meio rural para a cons- truçãodonovoprograma de desenvolvimento do setor rural catarinen- se. O atual Programa SC Rural termina em setembro de 2016 e a intenção do Governo do Estado é apresentar um novoprogramaaoBanco Mundial, objetivando a viabilização de recursos financeiros. > TURVO A Secretaria do De- senvolvimento Regional (SDR)deAraranguá,por meio do Setor de Apoio ao Estudante da Gerên- cia de Educação, formou na última quinta-feira, a primeira turma do curso de Formação Para Conselheiros Escolares em Turvo. Conforme a tutora do curso Marisete Da- miani dos Santos, a ca- pacitação teve a duração de aproximadamente DeacordocomReginal- do Ghellere, gerente regio- nal da Epagri, moradores das regiões de Araranguá, Criciúma e Tubarão foram selecionados conforme um perfil previamente deter- minado e convidados a colaborar nesse proces- so. “Foram 45 convidados que aceitaram o desafio e durante uma manhã, participaram de grupos identificando os desafios a serem superados para termos um espaço rural com maior atratividade e consequentemente com melhor qualidade de vida. Entre os convidados, havia professores, empresários, agricultores, presidentes de cooperativas e de sindi- dois meses, com três en- contros presenciais e 28h à distância, totalizando 40h. O curso foi gratuito e o cursista receberá um certificado. “Participaram membrosdoConselhoDeli- berativo Escolar, membros daAPP, funcionários, estu- dantes, pais, comunidade e gestores das três escolas estaduais do município”, explica. Entre os objetivos da formação estão fortalecer e qualificar os Conselhos Escolares,estimularatroca de experiências entre os ³Feira beneficia a agricultura familiar e reúne expositores dos 15 municípios Balanço positivo Naeducação,asescolas de Rio dos Anjos, Campo Verde e Campinho foram reformadas, assim como o CentrodeEducaçãoInfantil do Lagoão. Além disso, as localidadesdeIlhas,Caverá e Polícia Rodoviária estão recebendo novas unidades de ensino. Na saúde, o ba- lanço ressalta as reformas e ampliações dos postos de Hercílio Luz, Mato Alto / Lagoão e Sanga da Toca e a construção de postos na Polícia Rodoviária e Sanga daAreia, permitindo que as famílias sejam atendidas próximo de suas casas. Ainda fora de suas por- teiras os agricultores rece- bemmelhoriasnasestradas de acesso ao interior, com a construção de pontes como a que liga Pontão e Campo Mãe Luzia e a do Fundo Grande,comareformapon- tes de Pontão, Volta do Sil- veira e Ilhas, ou ainda com oasfaltamentonodistritode Hercílio Luz, as comportas na Volta Curta e Rio dos Anjoseapavimentaçãocom lajotas no Caverazinho. Dentro de suas portei- catos,prefeito,bancários, jornalista, médico, entre outros”, detalha. O secretário regional de Araranguá, Ademir da Silva, que também participou do seminário, avaliou positivamente o encontro e disse que des- sa forma, além da socie- dade conhecer o que está sendo feito pelo Governo do Estado, também con- tribui na construção de novas políticas públicas. A contribuição desse grupo será somada a de outros nove seminários que acontecerão em todo o estado, para então, dar início a uma nova pro- posta de programa para Santa Catarina. conselheiros escolares e também oportunizar aos conselheirosocontatocom novas tecnologias, pois eles assistem vídeo aulas e fazem suas atividades on-line no Ambiente Vir- tual deAprendizagem. A próxima turma de formação oferecida aos municípios de Araran- guá e Balneário Arroio do Silva iniciará no dia 4 de agosto. Também estão abertasasinscriçõespara o município de Morro Grande até o dia 14 de agosto. ras os agricultores recebe- ramassessoriacomserviços como roçada, construção e melhoria de acessos às pro- priedades rurais; serviços de aração e gradeaçã, apoio no plantio, na colheita e na ensilagemdomilho,serviços deretroescavadeiraeester- queira,alémdelimpezasde valos comunitários, entre outros benefícios.
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do Sul Publicações legais: Tomaz Fonseca Selau l48l 9985.8573 tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro Joice Ramos l48l 8802.5883 financeiro@grupocorreiodosul.com.br Comercial: Igor Borges l48l 9968.6084 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello l48l 3533-0870 correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica Junior Muller l48l 9931.4716 sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Redação: Marivânia Farias l48l 9995.9290 editor@grupocorreiodosul.com.br Política: Jarbas Vieira l48l 9966.5326 jarbas@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM Cássia Pacheco l48l 9912.9588 radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Rua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870 Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 A única coisa divergente que eu vi é que um torce pelo Avaí, outro pelo Figueirense, outro pela Chapecoense. Combinei com eles que, para acabar com essa divergência, todos passam a torcer agora pelo líder do campeonato, o Atlético Mineiro. Presidente da Eletrobras, Carvalho Neto, sobre a sintonia que percebeu na nova diretoria da Eletrosul “ ” “Foco em resultados e ética” PeloEstado O presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, deu posse ontem pela manhã, em Florianópolis, ao novo presidente da Eletrosul, Djalma Berger, e ao novo diretor financeiro, Claudio Vignatti. Antonio Vittori, que ocupava este cargo, também tomou posse ontem, agora como diretor de Operação. Em seu discurso, Carvalho Neto enalte- ceu a Eletrosul: “Estamos na casa que representa a melhor transmissora de energia elétrica do Brasil”. Ele falou dos desafios do setor e comemorou os resultados do programa Luz para Todos, que já chegou aos 100% de eletrifi- cação urbana e a 99% no meio rural. “O Brasil está progredindo. O Brasil que muitas vezes não aparece nas manchetes dos jornais”, reclamou ao anunciar que até o final do ano o sistema elétrico brasileiro vai receber mais 7 mil me- gawatts de energia.Ao final, desejou que a Eletrosul mantenha sua condição de referência em transmissão e torne-se, também, a melhor empresa em ge- ração de energia elétrica. Vignatti fez um agradecimento especial ao PT-SC, “pela indicação e pela persistência” ao indicá-lo para o cargo e disse que vai trabalhar para que os compromissos e os cronogramas sejam honrados. “É a condição para ampliarmos a receita da Eletrosul e, em consequência, a capacidade de investimento da empresa.” Em sua manifestação, o novo presidente da estatal contou que ingressou na Eletrosul em 1989 como en- genheiro júnior e ali permaneceu até 1995, quando entrou na vida pública. “Jamais imaginei retornar como presidente.” Berger adiantou que será im- plantado um novo método de gestão na empresa, com “foco em resultados, ética e transparência”. Ele também fez um agradecimento ao PMDB-SC e ao vice-presidente da República, Michel Temer, pela indicação ao cargo. Por sua vez, o senador Dário Berger (PMDB-SC) criticou o clima de pessimis- mo que está tomando o país. “Estamos sendo chamados à responsabilidade para encontrar soluções.” Também participou do ato o secretário de Plane- jamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia, Altino Ventura Filho, representando o ministro Eduardo Braga. “Factoide”Foi dessa forma que o senador DárioBerger(PMDB-SC)classificouaação da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) na casa de seu irmão Dilmo, justamente na véspera da posse de outro irmão, Djalma, na presidência da Eletrosul. De acordo com o senador, não foram recolhidos documentos ou com- putadores na casa de Dilmo, que está em férias fora de Florianópolis.A operação da DEIC investiga fraudes contra o Sistema Tributário Municipal da Capital. Mais saia justa O presidente da Eletro- bras também foi questionado pela im- prensa sobre a prisão de Othon Luiz Pi- nheiro da Silva, licenciado da presidência da Eletronuclear desde abril. Carvalho Neto disse que já há um processo de in- vestigação interna sobre o suposto envol- vimento de Silva em casos de propina a políticos e partidos. Ausência percebida Ele negou que o diretor de Geração da Eletrobras e presi- dente do Conselho de Administração da Eletrosul, Valter Luiz Cardeal de Souza, que esteve na empresa, mas não partici- pou do ato de posse, tenha se ausentado em consequência dessa prisão. Segundo Carvalho Neto, Cardeal tinha uma “agen- da importante” em Brasília para tratar da Usina de Belo Monte (PA). Presença Trêsex-presidentesdaEletrosul prestigiaram a posse de ontem: João Paulo Kleinübing, deputado federal licenciado e secretário de Estado da Saúde, Milton Mendes, presidente em exercício do PT- SC, e Eurides Mescolotto, agora diretor financeiro da Uirapuru Transmissora de Energia, instalada na sede da Eletrosul. A estatal tem 75% da transmissora e a Elos, fundação de previdência da Eletrosul, de- tém os outros 25%. Por causa do recesso? Por outro lado, foi pequena a presença de parlamenta- res estaduais e federais no evento. Além das estaduais Ana Paula Lima e Luciane Carminatti (PT), só o federal Décio Lima, também do PT. Carlos Chiodini (PMDB), deputado estadual licenciado, compare- ceu na condição de secretário de Desen- volvimento Sustentável e representante do governador Raimundo Colombo. AndréaLeonora|Foto:HermínioNunes/DivulgaçãoEletrosul Florian��olis��Florian��olis��29Jul15 Melhore a gestão do seu negócio com as soluções do SEBRAE. Planejamento Estratégico Gestão Financeira Gestão de Pessoas www.sebrae-sc.com.br 0800-570-0800
  7. 7. apoio dessa amizade. Mo- cinha hoje tem problemas de memória, às vezes es- quece o próprio nome. Recebe Bolsa Família e continua roçando lotes para ganhar um pouco mais. Recebe doações de roupas, ganha uma cesta básica da assistência social e atendimento psiquiátrico pela prefeitura. Porém, a vida não é só tristeza, não. Pelo contrário: as amigas se divertem juntas. “Com as pernas eu me garanto na dança”, sorri Mocinha, que adora um baile. Ontem, Dora e Moci- nha participaram da 4ª Conferência Municipal do Idoso, de Araranguá, para debater com mais dezenas de idosos sobre políticas públicas que proporcionem mais qualidade de vida para a terceira idade. Ali, conta. Sem moradia fixa, dona Mocinha percorreu a região sul, e foi em uma lavoura em Meleiro que ela conheceu uma amiga, Doraci Manoel Filipe, a Dora. Foram suficientes duas semanas de traba- lho juntas para marcar a amizade. Porém, Mocinha continuou sem rumo defi- nido, e as duas perderam contato. E mais 30 anos se passaram. Dora se mudou para Araranguá, no bairro Co- loninha, teve um bar nos fundos do Clube Amizade, e ficou conhecida nas re- dondezas. Teve seis filhos, que cresceram e seguiram a vida, mas há 26 anos um bebê foi deixado na porta de sua casa. Os rumores é de que seria um neto dela, mas sem saber a verdade, ela e o marido o adotaram. Anos mais tarde, desco- briu que era mesmo um neto de sangue, além de filho do coração. Há pouco tempo, o ma- rido faleceu, e a vida com- plicou para Dora. “Com o tempo, meu filho passou a ter problemas de depres- são, e hoje eu cuido dele Especial 7Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Amizade salvadora Na conferência Entregue a um homem aos 14 anos e esfaqueada pelo ex-marido, dona Mocinha foge, vira moradora de rua e encontra forças em uma amizade de mais de 30 anos Djonatha Geremias > ARARANGUÁ “Minha mãe me ven- deu para um velho se bobear comigo”. Em 1968, a adolescente Te- rezinha Inácio da Silva, conhecida como Moci- nha, enfrentou o primeiro grande desafio da vida. Ainda virgem, foi vendida pela própria mãe para ser usada sexualmente por um homem bem mais velho, que trabalhava como guarda em uma escola de Criciúma, onde ela morava. A quantia Mocinha não lembra, mas não permitiu que a venda se consumasse: fugiu para a casa de uma tia, em outro bairro criciumense. Ali, ficou escondida por um tempo, até ter certeza de que o comprador tinha ido embora da cidade. Quan- do isso aconteceu, voltou para a casa da mãe para tirar satisfação, mas aca- bou levando uma surra. De família muito po- bre, a mãe de Mocinha tinha deficiência física e maltratava a filha. Sem esperança, ela resolveu fugir de novo - dessa vez, com um namoradinho. Elafoivendidapelaprópriamãe Drama Real “Ele era um rapaz bom e honesto.Agente foi morar em Nova Veneza, traba- lhando na roça, e lá a gente se casou na igreja e no civil”, conta Mocinha ao Correio do Sul. No entanto, 1982 é um ano que ela não esquece. O casamento que começou bem passou a desandar. O marido se entregou às bebidas e os dois briga- vam. Até que, certa vez, o homem ataca Mocinha, lhe dando cinco golpes de faca na barriga. A mulher, já com 28 anos de idade e mãe de cinco filhos, ficou dois meses internada em estado grave no Hospital São José, em Criciúma. As perfurações deixaram cicatrizes até hoje. Com o fim do amor pelo marido, Mocinha fez o que aprendeu a fazer para se preservar: fugiu pela terceira vez. Sem emprego, sem casa, sem dinheiro e com filhos já encaminhados na vida, acabou virando moradora de rua, sobrevivendo com pequenos bicos de traba- lho braçal, roçando lotes. “Nunca bebi álcool nem usei drogas, Deus me li- vre disso. Sobrevivi com o trabalho das minhas mãos e por bondade das pessoas que me doavam coisas”, ³Dora e Mocinha viveram seus dramas e hoje partilham as alegrias da vida praticamente o tempo todo”, afirma Dora. Foi nesse clima que há oito meses, enquanto andava de ônibus, Dora reconhe- ceu um rosto familiar. Era Mocinha, que não via há 30 anos. O destino reuniu as duas amigas, que mar- caram de se encontrar e contar as coisas da vida. Foi com surpresa que Dora finalmente ficou co- nhecendo o passado triste e a situação delicada da outra, que amiga conti- nuava sendo moradora de rua. Compadecida, Dora a convidou para morar em um quartinho nos fundos da própria casa. O filho de Dora re- formou o local e até hoje as duas moram juntas. Mocinha, aos 61 anos, e Dora, aos 67, passam o dia conversando, frequen- tando o clube da terceira idade e enfrentando as dificuldades da vida com elas puderam conhecer a realidade de vida de outros idosos e entender que o contexto social é diferente para cada uma, mas inter- fere em todas ao mesmo tempo. Diversos temas foram abordados na conferência, que aconteceu na Coloni- nha, no Clube Amizade, das 14h30min às 17 horas. A falta de valorização da pessoa idosa foi um dos assuntos mais frisados, especialmente quando en- volve o mercado de traba- lho. Dentre as proposições feitas pelo grande grupo, está o combate à discrimi- nação do idoso nas empre- sas. Este e várias outras conclusões serão debatidas hoje na etapa regional da conferência, na Secretaria de Desenvolvimento Regio- nal (SDR) de Araranguá, a partir das 13 horas, com representantes das confe- rências municipais de toda região sul.
  8. 8. Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão Novelas Além do Tempo -18h I love Paraisópolis -19h Babilônia -21h O maraalertaJávaisobrePrimo.JúniorcontrataUrbanacomo cozinheira da casa de Soraya. Jurandir aceita o dinheiro dado por Grego para o investimento no restaurante de Mari.XimenaeRaultrocamameaças.MarieOlgaaceitamaoferta de Benjamin como sócio-investidor do restaurante. Margot cai na armadilha de Soraya e sofre um acidente. Danda conta para EvaeMariqueSorayaacontratoucomosuasecretáriaparticular. M elissa se desespera ao saber que Felipe está apaixonado por outra mulher. Felipe vai ao convento atrás de Lívia, masPadreLuísosurpreende.VitóriagaranteaMelissaque Felipesecasarácomela.PedrodescobrequeFelipeterminouseu noivado e jura que ele não ficará com Lívia. Felipe anuncia que comprará as terras de Genaro. Alex revela a Bianca e Felícia que seu pai desistiu do casamento com Melissa. Felipe visita Lívia no convento. O lívia e Cris se irritam com o sucesso das fotos de Regina narevista.LuísFernandolevaKareneafamíliaparavisitar o apartamento, e o porteiro desconfia. Inês pede calma a Evandro para denunciar Beatriz e Murilo na hora certa. Diogo descobre que Beatriz está sendo acusada de envolvimento no assalto a Evandro. Murilo arma para Vinícius, que pede socorro aBento.TadeusedeclaraparaGabi.Paulasesurpreendecomas atitudesdePedro.RafaelpedeLaísemcasamentoparaAderbal. Rapidinhas Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Áries 21/03 a 20/04 Paratomardecisõesseráumdiatranquilo,noqualvocêtende a tomar iniciativa. O Sol será importante nessa trajetória de conquistas. Apresentará bastante coragem para enfrentar pequenas dificuldades. Leão 21/07 a 20/08 Sagitário 21/11 a 20/12 O bom humor levará você a ter uma perspectiva mais otimistadavida.Tudoissolheproporcionarumexcelente bemestar,Júpitereoelementofogoteajudarão.Sigacom coragemeperspicácianessasuaempreitada. Gêmeos 21/05 a 20/06 Irá variar suas opiniões influenciadas por Júpiter, o que lhe deixará em uma situação desconfortável. Tente usar suacuriosidadeparaexplorarmelhoroambienteaoseu redor.LugaresaoArlivretefavorecerão. Libra 21/09 a 20/10 O diálogo será a forma na qual você chegará ao senso comumecommaistranquilidade.Saturnoauxiliaránoseu projeto de busca de tranquilidade. Procure não se deixar distrairporproblemasdepequenaimportância. Aquário 21/01 a 18/02 Muitodoseuladomaisirrequietoeagitadoiráestarpre- senteumbomperíododuranteodia.Mercúriobloqueará umpoucomaisasuacapacidadedemodificarsuaforma depensar.Dialoguemaiscompessoasdiferentes. Touro 21/04 a 20/05 Irá influenciar algumas pessoas com suas opiniões sobre o gosto em relação a várias coisas. Seja perseverante e não desista daquilo que acredita. Não obstante Vênus irá ajudar a manter esse espirito vitorioso. Virgem 21/08a20/09 A falta de organização no seu ambiente de trabalho lhe deixarámuitoirritado.Acabaráporseincomodarmesmo em lugares públicos.Vênus pode ser o vilão, busque na praticidade o caminho para chegar no seu objetivo. Capricórnio 21/12 a 20/01 Não irá se esconder perante momentos desafiadores, suacompetitividadevaiauxiliarnesterepto.Martenesta constelaçãodarámaisforçaparavocê.Aresponsabilidade tendeanãoteabandonarnessajornada. Câncer 21/06 a 20/07 Despertará uma forte capacidade de compreender sinais que aparecerão durante o dia. Júpiter para esta constelação será generoso e ajudará para transluzir melhor as ideias e as relações com pessoas mais incompatíveis. Escorpião 21/10 a 20/11 Entrardecabeçaemumaideiaseráafrasechaveparaoseu dia.Uranointerviráaseufavorparaircommaiorprofundi- dade aos seus objetivos. Porém não tente controlar tudo aomesmotemposaibadividirastarefas. Peixes 19/02 a 20/03 Estar junto de você será uma experiência muito boa, pela energiaqueirátrasbordardevocê.Romantismoseráapalavra querenovaráoseudia.Netunopassaráserenamenteporesta constelação tão amorosa e carinhosa. Despertaráumafortecapacidadedecompreendersinais que aparecerão durante o dia. Júpiter para esta cons- telação será generoso e ajudará para transluzir melhor asideiaseasrelaçõescompessoasmaisincompatíveis. Adriana Esteves, Vladmir Brichta e Francisco Cuoco se reuniram na tarde desta terça-feira (28) para a coletiva de imprensa do filme Beleza Real. que aconteceu em São Paulo. Bem à vontade, os atores esbanjaram sim- patia e falaram abertamente com os jornalistas sobre o novo longa. O filme de Jorge Furtado, traz a história de João (Vladimir Brichta), um fotógrafo que está a procuradeseupróximo“rosto”,tambémchamado de “new face” no mundo da moda. Durante sua busca, ele encontra Maria (Vitória Strada), que se encaixaemseuspadrões,masteráqueconvencer ospaisdajovem,Pedro(FranciscoCuoco)eAnita (Adriana Esteves). Porém, ao conhecer a mãe de Maria, os dois acabam se envolvendo e protagoni- zando um triângulo amoroso com direito a cenas bem quentes. O longa estreia no dia 06 de agosto e marca a primeira vez em que Adriana e Vladmir contra- cenam no cinema. Na tarde desta terça-feira (28), o que muita gente já previa aconteceu. Segundo o site G1, a cantora Janet Jackson visitou seu pai, Joe Jack- son, no Hospital Albert Einstein, na zona sul de São Paulo. A neta de Joe, Estevana Jackson, também esteve visitando seu avô. Ainda não há a confir- mação de outras visitas ao hospital, nem de onde estão hospedadas as familiares. O pai do cantor Michael Jackson está inter- nado desde domingo (26) na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) com diagnóstico de acidente vascular cerebral (AVC) isquêmico associado a um quadro de arritmia cardíaca. De acordo com informações, Joe Jackson chegou até a ter três paradas cardíacas antes de ser internado.
  9. 9. igor.borges@grupocorreiodosul.com.br www.facebook.com/igor.borges @igormborges Dicas Existem algumas dicas comuns neste momento que atravessamos: - Compreenda seu cliente Conhecer e entender as necessidades dos seus clientes é essencial. Pois você teráchancedesupri-las,reduzirgastos desnecessários, oferecer complemen- tos pelo menor preço . - Apareça Por mais que muitos não comprem, existem outros tantos que estão com- prando. Sumir neste momento fará aqueles poucos que compram ir para o concorrente. Além de reforçar sua marca para depois do momento da crise. - Pós Venda Aproveito que o movimento deu uma diminuídaeinvistanopós-venda,pois é uma das ferramentas para fideliza- ção mais importantes - Melhore a gestão Em tempo de crises, as empresas pre- cisam ter bases sólidas suficiente para enfrentar os desafios. Inovação O QUE VOCÊ ESTÁ PENSANDO Foto do Dia #fotododiacorreiodosul Best Moment!!! Sol nascendo e a Lua se pondo. Com meu amor da Vida Andressa Luquini - Rafael França “Nessa vida só temos três certezas: 1ª) No fim, iremos morrer; 2ª) Passaremos a vida inteira pagando impostos 3ª)Cerveja faz falta” Diego Schwartz Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 ³O jovem empreendedor Leandro Jerônimo, depois de criar um sistema inovador que auxilia a gestão de compras, com a empresa Cotasul, agora ele inova trazendo uma montanha russa virtual para dentro do Novo Shopping Outlet Japonês. Uma das habilidades para sair da crise: INOVAÇÃO Bom domingo Este último domingo foi ótimo para o pessoal do Shopping Outlet Japonês e do Super Center. Os dois estabelecimen- tos ficaram bem movimentados, e era possível ver muitas pessoas saindo com as mãos ocupadas com muitas bol- sas das lojas. Sinal que as coisas estão melhorando! Aprendizado Quando estamos em um momento como crise como este que estamos pas- sando, alguns alertas são importantes. Nossos amigos da Tony Automóveis de Araranguá, trouxeram uma bela história: Havia um senhor que tinha um restaurante na beira da estrada que vendia tainha. Ele considerava que era a melhortainhadomundo.Parachamara clientelaelecolocouaolongode120km outdoors anunciando que logo estaria chegando no restaurante com a me- lhor tainha do mundo. Isto criava uma expectativa nos motoristas que acaba- vam parando, porque eram lembrados a cada 10 km da tainha. Ao almoçar, depois de pagar a conta, o cliente ainda saía com um diploma por ter comido a melhor tainha do mundo. Com isso ele consegui criar seu filho, mandou para faculdade eestefezumapós-graduação no exterior. Quando o rapaz voltou do exterior, era um momento como esse, de crise. Então o filho estudado falou: “Pai, vamos entrar em crise. Temos que diminuir nossos custos. Não têm neces- sidade de ter 12 outdoors.” Tiraram 8 outdoors. E a quantidade de clientes diminuiu. Vendo que não entrava tanto dinheiro como antes, resolveram apos- tar em alimentos de segunda, pois são mais baratos e iria diminuir o custo. Resultado, perderam qualidade e os poucos clientes que ainda eram fiéis. E no final quebraram tudo por conta da crise. Será???? #SQN
  10. 10. 10 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Publicidade Informatização
  11. 11. Geral 11Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Devido a greve de professores da rede estadual, muitos alunos estão tendo aulas durante todo o dia para recuperar o tempo perdido Da redação > ARARANGUÁ Nessa terça-feira, a partir das 15h, a Câmara de Vereadores de Araranguá promoveu a últimasessãovespertinado programaVereadorMirim. Apartirdodia25deagosto, os encontros deixam de ser a tarde e iniciarão às 19 horas. A mudança atende uma solicitação dos pró- prios jovens, pois muitos deles frequentam escolas da rede pública estadual, onde a recuperação das aulas perdidas durante a greve está ocorrendo no turno inverso. Entreaspropostasque Câmara Mirim passa a ser noturna votadas ontem consta indi- cação de autoria do estu- dante Luiz Flávio Soares, da EBM João Matias, bair- ro Coloninha. “Depois de ouviracomunidadeemeus colegasresolvisolicitarque o Poder Público Municipal providencie a recuperação das ruas do bairro Coloni- nhaedalocalidadedeVolta Curta. As chuvas das últi- mas semanas provocaram buracos, erosões e poças da água”, justificou. O pai dele, Marcelo Cristiano dos Santos, de 35 anos, tem incentiva- do o filho a participar do programa. “Percebo que ele tem ampliado seus co- nhecimentos e despertado a curiosidade em relação a questões do município. Semprequepossívelacom- Mudança ³ Alunos participam de reunião para discutir novas ações panho às sessões. A partir de agosto com as reuniões ocorrendo em período no- turnoficarámaisacessível, pois esse novo horário não coincidecomodotrabalho”, comentou Marcelo, que é pintor. Depois da sessão de terça da Câmara Mirim, o presidentedoLegislativode Araranguá, Rony da Silva, anunciou a ampliação do programaEscolanaCâma- ra. A intenção é organizar para os próximos dias um concursoparadefinirosím- bolodesseprojeto.Todasàs escolas da rede pública e privadadomunicípiopode- rãoparticipar.Asinscrições serão abertas na primeira semana de agosto. O programa Escola na Câmara consiste em uma visita guiada à sede do Po- der Legislativo Municipal, dirigida a alunos do ensino fundamental das escolas da rede de ensino pública deAraranguá. Outranovidaderevela- daporRonyéque,durante às sessões da Câmara Mi- rim, realizadas sempre na última terça-feira de cada mês, através do Escola na Câmara autoridades serão convidadas para debater e expor a situação de setores como segurança pública, saúde, trânsito, esporte, educação, direitos e deve- res. Já existe um pré-agen- > ARROIO DO SILVA A administração municipal de Balneário Arroio do Silva, através da Secretaria de Edu- cação, adquiriu novos brinquedos que serão distribuídos na rede municipal de ensino infantil. Os materiais lúdicos e pedagógicos serão entregues no rei- > JACINTO MACHADO Tendo como obje- tivos divulgar e pro- mover os produtos à base de arroz e banana, principais culturas pro- duzidas no município e proporcionar às ge- nício das aulas, na próxi- ma semana, nos centros de educação beneficiando alunos de 0 a 5 anos de idade. “Todos os anos é feita a aquisição de novos brin- quedos para os centros de educação infantil. O objetivo é dar um suporte maior na sala de aula e renovar o material didá- tico e pedagógico das cre- ches”, frisa a secretária rações atuais conhecer e experimentar os pratos tradicionais feitos com eles, a Comissão Orga- nizadora da 5ª Banarroz promove o 1º Concurso Descobrindo os sabores da Banarroz. De acordo com o Re- gulamento que está dis- de Educação, Cultura e Esporte, Silvia Ma- chado Ghellere. Entre o material adquirido há livros, bambolês, bolas, blocos pedagó- gicos, quebra-cabeça, entre outras opções de brinquedos e material didático pedagógico. Os três Centros de Educação Infantil do município serão bene- ficiados. ponível no site da pre- feitura, os participantes precisam ser moradores de Jacinto Machado e devem inscrever suas receitas para que nesta quinta-feira elas sejam provadas e julgadas.As inscrições se encerram nesta quarta-feira. Creches recebem brinquedos Banarroz terá concurso de sabores damento dos palestrantes. Os diretores e profes- sores interessados em via- bilizar a participação de seus estabelecimentos no programaEscolanaCâma- ra também tem a opção de visitarasededoLegislativo às sextas-feiras entre 13h e 19h. Nessa data, entre- tanto, eles não assistem a sessão da Câmara Mirim, porém recebem informa- ções sobre ex-presidentes, vereadores, criação, im- portância do legislativo e funcionamento da Casa. Na reunião de ontem também foi encaminhada arealizaçãodaCampanha do Agasalho da Câmara de Vereadores de Araran- guá. Coletores de peças de vestuário, roupa de cama e calçados serão instalados nasede,ondeacomunidade pode depositar as doações e nas escolas que têm re- presentantes no Vereador Mirim. A campanha do agasalhorecebeuonomede Faça uma doação. Aqueça um irmão.
  12. 12. Publicidade12 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 *Fonte:MapadaViolência2014-FLACSO
  13. 13. > SOMBRIO Areunião da Associa- ção dos Municípios doExtremo-SulCatarinense (Amesc)realizadadurantea Festa do Colono de Maraca- já, discutiu a possibilidade de licenciamento ambien- tal feito pelas prefeituras. Prefeitos e convidados as- sistiram uma palestra de um membro do Conselho Estadual do Meio Ambien- te (Consema), Guilherme Dallacosta. O prefeito de Sombrio, ZênioCardoso,estavaacom- panhadododiretoramunici- paldeMeioAmbienteGreici Bristot, do diretor de Turis- mo Ricardo Ayres, dos ve- readores Daniel Bitencourt Cardoso e Nego Gomes, e do ex-presidente e membro da Organização Não Governa- mental sombrienseAguapé, Edmilson Colares. “Fiz questão de trazer o grupoporquesabiaqueseria uma palestra proveitosa, para que tivéssemos mais esclarecimentos, como a formaçãodoConselhoMuni- cipaldeMeioAmbiente,que aliásatégostariaquefosseo próprioEdmilsonopresiden- te, pelos cursos e os estudos na área que ele tem. Tam- bém estamos interessados nos consórcios para licenças ³Grupo de Sombrio trocou ideias com palestrante Burocracia incomoda Meio Ambiente ambientais mais próximas da situação do município e menosburocrática”,explicou o prefeito. ParaEdmilson,aforma- ção de consórcios de municí- pios já é discutida há vários anos e precisa sair do papel. Um exemplo é o Conexsul, criado há cerca de oito anos e que nunca teve ação ativa em prol da Lagoa de Som- brio, seu objetivo principal. “Acho a formação do conse- lho fundamental, quanto ao consórcio, desde 2007 fala- mos dele, mas precisamos de ações mais práticas, com menos burocracia”, diz. Com a ONG atuante, Zênio quer que cada ação que envolva o meio ambien- te seja bem discutida. “Não precisamos formar mais um órgão burocratizador, pelo contrário, temos que aproveitar as ideias novas e boas que vieram desta palestraparadarceleridade aostrabalhosderecuperação deLagoa,cuidadoscomoRio da Lage, reflorestamentos e formações de parques e pra- ças bem arborizadas para o bem estar de todo cidadão”, concluiu. Geral 13Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Correio Por Dayane correioamigo@grupocorreiodosul.com.br O Correio Amigo foi feito especialmente para você que é Assinante do Jornal Correio do Sul. Vamos comemorar juntos o seu aniversário, aquela data importante, a viagem dos sonhos, sua empresa em destaque... Mande sua foto e apareça aqui. correioamigo@grupocorreiodosul.com.br Amigo ³Pessoal da Tri- bo do Bino, que toda semana se encontra na sua oca, participando do desfile de má- quinas agrícolas na Agrofest, em Morro Grande. ³Papai Diogo e a filha Lara, de 2 anos. Ela é só felicidade quando está ao lado do pai. ³E no dia 25 quem esteve de aniversário foi nossa querida assi- nante Joly Bendo, de São João do Sul. Parabéns e felicidades! ³Capitão Luiz Paulo Fernandes, comandante da 2º Companhia da Polícia Militar de Sombrio, trocou de idade esta semana. mostrar o que aprende- ram e visitaram a Apae do município. “A inclusão traz benefícios para a socialização dos indiví- duos da nossa sociedade. Ficamos muito felizes com esta força de vontade de- les”, comentou a diretora de Cultura, Rosane Rocha da Silva. A oficina de música, com habilitação em violão, > TIMBÉ DO SUL Os alunos do Pro- jeto Novo Amanhecer têm aprendido diversas habilidades. Uma delas é desenvolvida na aula de violão. Acompanhados pelo monitor Mauricio Mar- ques, os participantes se interessaram em Novo Amanhecer na Apae VENDO Casa de alvenaria averbada,3 dor- mitórios, sala estar/jantar, cozinha, 2 BWC, área serviço, varanda, gara- gem, totalmente murada e cerca de PVC com controle. No Jd. das Avenidas-Araranguá. R$ 165.000,00 Fone: 9994.6864 tem proporcionado de- senvolvimento aos par- ticipantes, através das aulas teóricas e práticas. OProjetoNovoAmanhe- cer é desenvolvido pela empresa Alliance One, em parceria com a pre- feitura de Timbé do Sul, Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esporte/ Departamento de Cultura.
  14. 14. Publicidade14 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015
  15. 15. Polícia 15Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Quem matou Willian Fábio e porque, são perguntas que continuam sem resposta 20 dias depois da morte do rapaz ³Delegacia de Santa Rosa do Sul é onde a investigação está sendo realizada ³Mestre Souza ³Pequeno imóvel comercial ficou destruído Crime na borracharia sem solução Violência > SANTA ROSA DO SUL Oresponsável pela delegacia de San- ta Rosa do Sul, delegado Luís Vanderlei Sala, ainda não tem respostas para as perguntas que surgiram depois da morte de Willian Fábio Fernandes da Sil- va. A principal questão a ser respondida é quem matou o rapaz de 35 anos na borracharia em que ele trabalhava. Fábio,comoeraconhe- cido,foiassassinadoatiros no dia 9. O delegado está ou- vindo testemunhas e es- perando o resultado de perícias que foram feitas no local. Ele acredita que o crime pode ter relação com drogas, mas lembra que tudo está sendo apurado na tentativa de encontrar o culpado. A borracharia onde aconteceu o crime, locali- zada às margens da BR 101, em Santa Rosa do Sul, está funcionando nor- malmente. Bruno Pereira conversou com o Correio do Sul e disse que é o novo proprietário do negócio, que é alugado. Segundo ele, a Polícia Civil esteve lá algumas vezes, mas ele não tem conhecimento sobre o andamento da investigação. Um homem chegou de motocicleta e entrou na borracharia como se fosse um cliente.Sem esconder o rosto, ele perguntou se tinha pneu para fazer trilha. Um funcionário desceu ao depósito para verificar e Fábio, ficou sozinho com o motoqueiro, que atirou e fugiu. ³ - Na tarde de segunda-feira, por volta das 15h50min, uma guarnição da Polícia Mi- litar de Araranguá foi acionada para atender uma ocorrência de acidente de trânsito no bairro Cidade Alta. No local a guarnição constatou o acidente envolvendo dois veículos, durante busca veicular, foi encontrada no interior de um deles uma ponta de cigarro de maconha. Foi lavrado um Termo Circunstanciado em desfavor do motorista por posse de drogas, ele ficou comprometido a comparecer na audiência quando intimado pelo JECrim (Juizado Especial Criminal), e a droga foi apreendida. ³ - Ainda era de manhã quando uma guarnição da Polícia Militar de Balneário Arroio do Silva realizava rondas no bairro Praia da Caçamba e abordou um homem em atitude suspeita. Com ele foi encontrado com 1,7 gramas de maconha. A guarnição lavrou um Termo Circunstanciado e apreendeu a droga. RondaPolicial Contrata: A empresa Gato Mia Confecções LTDA, localizada na Rua Padre João Reitz, nº 1184, Bairro São Luiz, Sombrio/SC. Está contra- tando PCD/ Pessoa com deficiência. Interessados, podem comparecer na empre- sa com currículo das 8hrs00 ás 18hrs00. Ou se preferir, encaminhar o currículo por e-mail aline@gatomia.net AC: Currículo PCD. > ARROIO DO SILVA O cabo Tiago Anas- tácio Pereira e a soldado Ellen Cristina da Rocha atenderamumaocorrência diferente na tarde desta terça-feira.Elesforamcha- mados pelo casal Ramon e Bianca Homem de Souza, do Arroio do Silva, porque ela estava prestes a dar > SOMBRIO A região Sul perdeu ontem um dos mais co- nhecidos e respeitados mestres de capoeira. Ananilson Souza, conhe- cido como Mestre Souza ou Mestre Monsueto, estava com 63 anos e apresentava problemas de saúde que deixaram amigos apreensivos. No final da tarde des- ta terça-feira ele faleceu em Porto Alegre, onde estava morando nos úl- > BALNEÁRIO GAIVOTA Amadrugadadeterça- -feira foi movimentada paraoCorpodeBombeiros de Sombrio. Por volta das 23h50min da noite de se- gundaacorporaçãorecebeu o chamado para atender um incêndio que estava acontecendo na Praia Ul- tramar, próximo a Cohab de Balneário Gaivota. Segundoosbombeiros, aguarniçãosedirigiuaolo- cal,mascomotratava-sede umpequenoescritórioimo- a luz. Aambulânciasedeslocou rapidamente para o local, mas o bebê foi mais rápido e nasceu em casa. Ramon acionouoCorpodeBombeiros para levar a esposa ao Hos- pital Regional de Araranguá porque ela estava sentindo contrações. Só que o pequeno Jonathan Ramon acabou nascendo com ajuda da sua timos anos, depois de sair de Sombrio, onde havia passado boa parte da vida. Suas redes sociais foram tomadas por homenagens de capoeiristas e de amigos do mestre pioneiro na arte da capoeira em Sombrio, criando vários discípulos que hoje levam a cultura da capoeira para os qua- tro cantos. Souza além de metre de capoeira também atuou vários anos em Som- brio como fotógrafo e tra- balhou em antigos jornais da cidade. biliário as chamas tomaram conta de tudo rapidamente e destruíram o imóvel em poucos minutos. Foi feito so- menteorescaldodoincêndio. Bombeiros auxiliam em parto Mestre Souza morre em Porto Alegre Fogo destrói pequena imobiliária futura madrinha. Forte e saudável, o menino teve o restante do parto feito pelos bombeiros, que cor- taram o cordão umbilical, auxiliaram na expulsão da placenta e depois conduzi- rammãeefilhoaohospital. Os bombeiros ficaram bastante emocionados, es- pecialmente Tiago, que é pai de gêmeos. Populares disseram aos bombeiros que por volta das 23h viram um peque- no foco de fogo próximo a imobiliária. Lembre o caso
  16. 16. 16 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Publicações Legais
  17. 17. Publicações Legais 17Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DA ROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533- 0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 137056; Devedor(es): ALEX EUSEBIO DOS SANTOS - 051.255.099-90, End: Estrada Geral, 975, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: L.L. ROTH ME; Sac: L.L. ROTH ME; Tit: 8210-5 ; Apr: CAIXA ECONÔMICA FEDERAL; VEN: 12/07/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 350,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 71,89. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 42,20 - Condução R$ 15,94 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 71,89. Prot: 137178; Devedor(es): JANARI FRANCISCO DA SILVA - 344.811.929-68, End: Rua Piaui, 1450, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: COOPERATIVA DE ECON.CRED.MUTUODOSEMPTRANSP; Sac:COOPERATIVA DE ECON. CRED. MUTUO DOS EMP TRANSP; Tit: 01/0004 ; Apr: BANCO DO BRASIL SA; VEN: 12/07/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 350,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 70,13. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 42,20 - Condução R$ 14,18 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 70,13. Prot: 137227; Devedor(es): LEONARDO BALTAZAR DA SILVA - 098.911.149-02, End: Rua W4, 864, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: E SEBOLD DA SILVA ME; Sac: E SEBOLD DA SILVA ME; Tit: 0925 ; Apr: FCDL; VEN: 27/07/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 98,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 75,28. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 42,20 - Condução R$ 19,33 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 75,28. Prot: 137165; Devedor(es): LUIZ SERGIO CORREIA - 016.216.809-83, End: Av. Nereu Ramos, 1580, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: MERCADO GISELE LTDA; Sac: MERCADO GISELE LTDA; Tit: 9000887 ;Apr: FCDL; VEN: 19/06/2015; Esp: Cheque; Val: R$ 293,07 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 46,96. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 27,50 - Condução R$ 5,71 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 46,96. Prot: 137203; Devedor(es): THIAGO RAFAEL AIRES - 985.959.549-68, End: Ru Goiás, S/N, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: UNICRED SUL CATARINENSE; Sac: SANDROTUR COMERCIAL E AGENCIA; Tit: EKO707907 ; Apr: BANCO BRADESCO S A ; VEN: 10/07/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 340,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 70,13. Apontamento R$ 13,75 - Selo R$ 1,55 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 42,20 - Condução R$ 14,18 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 70,13. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 29/07/2015. Sombrio - SC, 29/07/2015 ARLINDO EDÍLIO DA ROSA
  18. 18. 18 Correio do Sul Quarta-feira, 29 de julho de 2015 Publicidade
  19. 19. nas para sócios, pela carga reduzida de entra- das. Serão, no total, 3,5 mil colorados na Arena e gremistas no Beira-Rio - 2,5 destes na área para visitantes. Completam o nú- > PORTO ALEGRE Oprimeiro clás- sico Gre-Nal do Brasileirão se aproxima. Embora tanto Grêmio quanto Inter ainda te- nham um novo com- promisso pela frente, as duas diretorias já discutem a organização do jogo do próximo dia 9, às 18h30, na Arena. As conversas definiram que os torcedores visi- tantes que comprarem ingresso para os duelos ficarão responsáveis por suas cadeiras. A inicia- tiva tem como objetivo minimizar o vandalismo aos assentos. A venda irá atrelar o número de ingresso a uma cadeira na Arena. Assim, o torcedor que comprar a entrada se responsabilizará pelo que for feito com o obje- Quarta-feira, 29 de julho de 2015 ³ 11-34-40-43-52CONCURSO 3.843 QUINA 28/07 ³ 12-13-16-23-37-42 ³ 02-22-28-41-42-48 CONCURSO 1.406 DUPLA SENA 28/07 Clubes irão atrelar nome ao assento na área destinada aos colorados na Arena; iniciativa será repetida no Beira-Rio após 280 cadeiras quebradas em dois clássicos Gre-Nal: visitante será "responsável" por sua cadeira para coibir vandalismo to, inclusive com os cus- tos em caso de quebra posterior. O que valerá também aos gremistas para o jogo no Beira-Rio, marcado para o dia 22 de novembro. Neste ano, o que- bra-quebra de cadeiras ficou notabilizado no clássico do Beira-Rio, que definiu o título gaú- cho para o Colorado. Os gremistas arrancaram os assentos e arremes- saram para o setor em que havia os torcedores rivais. Alguns respon- deram e jogaram os pe- daços de volta. No total, foram 215 danificadas. Na Arena, em duelo an- terior, a contagem havia chegado em 65. Outra situação que facilita esta situação é que a compra de in- gressos para os espaços visitantes nos Gre-Nais geralmente ocorre ape- mero os torcedores que estarão na área mista, algo que iniciou no Gau- chão neste ano e será mantido. A iniciativa foi tratada em reuniões entre os clubes e os ór- gãos de segurança, algo que tem se tornado pra- xe antes dos clássicos. O Gre-Nal da Arena começará às 18h30 do dia 9 de agosto. Antes, no entanto, Grêmio e Inter terão uma roda- da pelo Brasileirão. No sábado, às 18h30, o Tricolor enfrenta o Fluminense no Mara- canã. Enquanto isso, no domingo, os colorados recebem a Chapecoense no Beira-Rio a partir das 16h.
  20. 20. QUARTA-FEIRA, 29 DE JULHO DE 2015

×