SlideShare uma empresa Scribd logo
Trabalho elaborado por: Albino nº1 Bruno nº4 Diogo nº8 Pedro nº19
Poluição  da Água Sobrexploração da Água Dicas para proteger a Água
 
Os recursos hídricos representam a quantidade de água superficial e subterrânea que está à disposição do Homem. Quase 75% da superfície da Terra está coberta de água, incluindo oceanos, mares, rios, lagos, etc.  Existem mais de 1,33 milhares de milhão de km3 de água na Terra. Contudo, só uma pequena parte desta água é fácil de utilizar. Mais de 97% é água salgada dos oceanos. Menos de 3% é água doce. Destes 3% de água, 2,24% estão gelados em glaciares. Cerca de 0,6% da água doce está escondida sob a forma de água subterrânea. Menos de 0,01% encontra-se nos rios, onde é fácil de utilizar. Utilização da Água
Efluentes domésticos são uma das maiores causas de poluição dos recursos de água, com um elevado número de componentes domésticos, é uma grande variedade de bactérias e vírus.
Podem conter elevadas cargas tóxicas e teores em metais pesados, como por exemplo o mercúrio. As águas usadas nas mais diversas actividades industriais, são contaminadas com um número elevado de produtos químicos perigosos para a saúde pública, estas águas são muitas vezes lançadas nos cursos de água sem qualquer espécie de tratamento, mas no caso de serem tratadas, estas águas podem sempre vir a alterar sempre algo no meio que as acolhe, como por exemplo provocar desequilíbrio nos ecossistemas.
São também grandes poluidores dos cursos de água, superficiais e subterrâneos, a sua composição e efeitos são em tudo bastante semelhantes aos efluentes domésticos, mas no entanto uma exploração pecuária pode produzir uma quantidade de resíduos equivalente à de uma população de dimensões médias.
São compostos essencialmente por produtos químicos, sobretudo pesticidas, e fertilizantes ricos em nitratos e fosfatos, dissolvem-se na água da rega e das chuvas e assim contaminam extensas áreas de cursos de água e solos.
Sanilização – consiste na contaminação da água doce dos aquíferos por água salgada, isto acontece devido a pouca água existente nos aquíferos a mesma água está sempre em contacto com as mesmas rochas, fazendo com que a rocha desgaste contaminando assim a água com os seus minerais, entre eles esta o sal.
Desflorestação -  É o desaparecimento da vegetação, deixando o solo nu, facilitando o deslizamento de terras. Diminuindo a infiltração da água da chuva põe em causa a recarga dos aquíferos.
Sobrexploração da Água   A sobrexploração de água, são países, que exploram as suas reservas de água para o seu consumo, para a sua higiene, para se a sua alimentação etc. Em termos globais, o mundo tem mais água doce do que o suficiente para cobrir todas as necessidades o problema de alguns países tem menos água do que os outros e estão a sobrexplorar as suas reservas subterrâneas e superficiais. Ao faze-lo comprometem a quantidade disponível de água.
Água, um recurso cada vez mais cobiçado Numa época em que a seca em países como a Somália, a Etiópia ou o Afeganistão, tende-se a esquecer que a escassez de água é um fenómeno bem mais sério e que abrange todos os continentes. À medida que a procura suplanta a oferta, ou melhor, a disponibilidade, as reservas de água são debilitadas a níveis sem precedentes, em todo o mundo. Dezenas de países enfrentam actualmente este problema, sem que ele tenha sido suficientemente materializado para que a opinião pública esteja consciente para as questões que vai ter de enfrentar num futuro não muito distante.
Dados Sobrexploração da Água Doce Cerca de 70% da água consumida mundialmente, incluindo a desviada dos rios e a bombeada do subsolo, é utilizada para irrigação. Aproximadamente 20% vai para a indústria e 10% para o consumo doméstico. Na competição cada vez mais intensa pela água entre estes sectores, a agricultura sai quase sempre a perder. Os 1000 metros cúbicos de água utilizados para produzir 1 tonelada de grãos podem ser utilizados para incrementar facilmente a produção industrial, sendo os lucros desta actividade cerca de 50 vezes superiores aos da primeira.
Dicas Para Proteger a Água Feixe bem as torneiras;   Regule as descargas do banheiro; Reutilize a água para diversas actividades; Não deitem lixo para os rios; Ao escovar os dentes feixe a torneira.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Poluição Aquática
Poluição AquáticaPoluição Aquática
Poluição Aquática
Patrícia Magalhães
 
Poluiçao da agua
Poluiçao da aguaPoluiçao da agua
Poluiçao da agua
verinha7
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
Gab's Proença
 
Poluição do mar
Poluição do marPoluição do mar
Poluição do mar
14122000angelo
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
Maria Paredes
 
PoluiçãO Da áGua
PoluiçãO Da áGuaPoluiçãO Da áGua
PoluiçãO Da áGua
Carla Florbela
 
Contaminação e poluição da água
Contaminação e poluição da águaContaminação e poluição da água
Contaminação e poluição da água
Luan Furtado
 
Poluição das Águas
Poluição das  ÁguasPoluição das  Águas
Poluição das Águas
Helena Marques
 
Poluição e sobreexploração da água doce
Poluição e sobreexploração da água docePoluição e sobreexploração da água doce
Poluição e sobreexploração da água doce
Miguel Monteiro
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
Tomás Cunha
 
Poluição das águas --
Poluição das águas --Poluição das águas --
Poluição das águas --
HadrianaFerreira
 
Poluição das Águas - Problemas Ambientais
Poluição das Águas - Problemas AmbientaisPoluição das Águas - Problemas Ambientais
Poluição das Águas - Problemas Ambientais
PanquecasSIAA
 
Poluição das águas
Poluição das águasPoluição das águas
Poluição das águas
Curopos
 
poluição aquática
poluição aquáticapoluição aquática
poluição aquática
inestavares13
 
Poluição agua
Poluição aguaPoluição agua
Poluição agua
adelinacgomes
 
Sobrexploração e poluição da água doce
Sobrexploração e poluição da água doceSobrexploração e poluição da água doce
Sobrexploração e poluição da água doce
sofia18
 
Os oceanos e os mares 9f
Os oceanos e os mares 9fOs oceanos e os mares 9f
Os oceanos e os mares 9f
Mayjö .
 
A PoluiçãO Da Agua Isabel Amorim
A PoluiçãO Da Agua Isabel AmorimA PoluiçãO Da Agua Isabel Amorim
A PoluiçãO Da Agua Isabel Amorim
Jorge Almeida
 
POLUIÇÃO DA ÁGUA
POLUIÇÃO DA ÁGUAPOLUIÇÃO DA ÁGUA
POLUIÇÃO DA ÁGUA
Tecnomil
 
Poluição das aguas
Poluição das aguasPoluição das aguas
Poluição das aguas
Estado do RS
 

Mais procurados (20)

Poluição Aquática
Poluição AquáticaPoluição Aquática
Poluição Aquática
 
Poluiçao da agua
Poluiçao da aguaPoluiçao da agua
Poluiçao da agua
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
 
Poluição do mar
Poluição do marPoluição do mar
Poluição do mar
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
 
PoluiçãO Da áGua
PoluiçãO Da áGuaPoluiçãO Da áGua
PoluiçãO Da áGua
 
Contaminação e poluição da água
Contaminação e poluição da águaContaminação e poluição da água
Contaminação e poluição da água
 
Poluição das Águas
Poluição das  ÁguasPoluição das  Águas
Poluição das Águas
 
Poluição e sobreexploração da água doce
Poluição e sobreexploração da água docePoluição e sobreexploração da água doce
Poluição e sobreexploração da água doce
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
 
Poluição das águas --
Poluição das águas --Poluição das águas --
Poluição das águas --
 
Poluição das Águas - Problemas Ambientais
Poluição das Águas - Problemas AmbientaisPoluição das Águas - Problemas Ambientais
Poluição das Águas - Problemas Ambientais
 
Poluição das águas
Poluição das águasPoluição das águas
Poluição das águas
 
poluição aquática
poluição aquáticapoluição aquática
poluição aquática
 
Poluição agua
Poluição aguaPoluição agua
Poluição agua
 
Sobrexploração e poluição da água doce
Sobrexploração e poluição da água doceSobrexploração e poluição da água doce
Sobrexploração e poluição da água doce
 
Os oceanos e os mares 9f
Os oceanos e os mares 9fOs oceanos e os mares 9f
Os oceanos e os mares 9f
 
A PoluiçãO Da Agua Isabel Amorim
A PoluiçãO Da Agua Isabel AmorimA PoluiçãO Da Agua Isabel Amorim
A PoluiçãO Da Agua Isabel Amorim
 
POLUIÇÃO DA ÁGUA
POLUIÇÃO DA ÁGUAPOLUIÇÃO DA ÁGUA
POLUIÇÃO DA ÁGUA
 
Poluição das aguas
Poluição das aguasPoluição das aguas
Poluição das aguas
 

Destaque

Antologia de haicais clássicos
Antologia de haicais clássicosAntologia de haicais clássicos
Antologia de haicais clássicos
Artista Plástico, Arquiteto Urbanista e Educador
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
czms
 
Teoria das mídias
Teoria das mídiasTeoria das mídias
Teoria das mídias
Cíntia Dal Bello
 
Ciclo Do OxigêNio
Ciclo Do OxigêNioCiclo Do OxigêNio
Ciclo Do OxigêNio
ecsette
 
Chuvas áCidas
Chuvas áCidasChuvas áCidas
Chuvas áCidas
pedroines141520
 
Redução da Camada de Ozono
Redução da Camada de OzonoRedução da Camada de Ozono
Redução da Camada de Ozono
Fajac
 
Ciclo do oxigênio
Ciclo do oxigênioCiclo do oxigênio
Ciclo do oxigênio
Samuelson Brito
 
Sucessão Ecológica
Sucessão Ecológica Sucessão Ecológica
Sucessão Ecológica
Teresa Monteiro
 
Aula de Fotossíntese (Power Point)
Aula de Fotossíntese (Power Point)Aula de Fotossíntese (Power Point)
Aula de Fotossíntese (Power Point)
Bio
 

Destaque (9)

Antologia de haicais clássicos
Antologia de haicais clássicosAntologia de haicais clássicos
Antologia de haicais clássicos
 
Poluição da água
Poluição da águaPoluição da água
Poluição da água
 
Teoria das mídias
Teoria das mídiasTeoria das mídias
Teoria das mídias
 
Ciclo Do OxigêNio
Ciclo Do OxigêNioCiclo Do OxigêNio
Ciclo Do OxigêNio
 
Chuvas áCidas
Chuvas áCidasChuvas áCidas
Chuvas áCidas
 
Redução da Camada de Ozono
Redução da Camada de OzonoRedução da Camada de Ozono
Redução da Camada de Ozono
 
Ciclo do oxigênio
Ciclo do oxigênioCiclo do oxigênio
Ciclo do oxigênio
 
Sucessão Ecológica
Sucessão Ecológica Sucessão Ecológica
Sucessão Ecológica
 
Aula de Fotossíntese (Power Point)
Aula de Fotossíntese (Power Point)Aula de Fotossíntese (Power Point)
Aula de Fotossíntese (Power Point)
 

Semelhante a Sobrexploração e poluição da Água Doce

A questão da Água
A questão da ÁguaA questão da Água
A questão da Água
neusaazevedo
 
Alteracoesnahidrosfera
AlteracoesnahidrosferaAlteracoesnahidrosfera
Alteracoesnahidrosfera
Necterra Espaço Dietético
 
Panorama da água doce no mundo
Panorama da água doce no mundoPanorama da água doce no mundo
Panorama da água doce no mundo
Adieizi Rodrigues Vieira
 
Planeta Água
Planeta ÁguaPlaneta Água
Planeta Água
guestc79f8f
 
Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13
Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13
Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13
daniboy7lag
 
dia mundial da água
dia mundial da águadia mundial da água
dia mundial da água
silvia Barros
 
Fisica-Quimica 11º ano «Agua»
Fisica-Quimica 11º ano «Agua»Fisica-Quimica 11º ano «Agua»
Fisica-Quimica 11º ano «Agua»
Filipe Leal
 
Apresentação da josiani
Apresentação da josianiApresentação da josiani
Apresentação da josiani
Fábio Luz
 
Planeta agua
Planeta aguaPlaneta agua
Planeta agua
Ricardo Arend
 
Unidade4
Unidade4Unidade4
Revisão de prova de geografia 1º ano
Revisão de prova de geografia 1º anoRevisão de prova de geografia 1º ano
Revisão de prova de geografia 1º ano
eunamahcado
 
A importância da água
A importância da águaA importância da água
A importância da água
Thais Andrijic Pereira
 
A importância da água
A importância da águaA importância da água
A importância da água
Thais Andrijic Pereira
 
Falta d'água? Tô fora!
Falta d'água? Tô fora!Falta d'água? Tô fora!
Falta d'água? Tô fora!
guest41712eddd
 
Solo
SoloSolo
A Gua e suas utilidades
A Gua e suas utilidadesA Gua e suas utilidades
A Gua e suas utilidades
Cássyo Carvalho
 
DESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docx
DESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docxDESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docx
DESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docx
ssuser3bcdae
 
Intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Intervenção do homem nos subsistemas terrestresIntervenção do homem nos subsistemas terrestres
Intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Mariana Cordeiro
 
consumo e escassez de agua
consumo e escassez de aguaconsumo e escassez de agua
consumo e escassez de agua
Catiac
 
Informativo insp 75
Informativo insp   75Informativo insp   75
Informativo insp 75
Douglas Siqueira
 

Semelhante a Sobrexploração e poluição da Água Doce (20)

A questão da Água
A questão da ÁguaA questão da Água
A questão da Água
 
Alteracoesnahidrosfera
AlteracoesnahidrosferaAlteracoesnahidrosfera
Alteracoesnahidrosfera
 
Panorama da água doce no mundo
Panorama da água doce no mundoPanorama da água doce no mundo
Panorama da água doce no mundo
 
Planeta Água
Planeta ÁguaPlaneta Água
Planeta Água
 
Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13
Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13
Mat geo 3ºem_usos_da_água_13-09-13
 
dia mundial da água
dia mundial da águadia mundial da água
dia mundial da água
 
Fisica-Quimica 11º ano «Agua»
Fisica-Quimica 11º ano «Agua»Fisica-Quimica 11º ano «Agua»
Fisica-Quimica 11º ano «Agua»
 
Apresentação da josiani
Apresentação da josianiApresentação da josiani
Apresentação da josiani
 
Planeta agua
Planeta aguaPlaneta agua
Planeta agua
 
Unidade4
Unidade4Unidade4
Unidade4
 
Revisão de prova de geografia 1º ano
Revisão de prova de geografia 1º anoRevisão de prova de geografia 1º ano
Revisão de prova de geografia 1º ano
 
A importância da água
A importância da águaA importância da água
A importância da água
 
A importância da água
A importância da águaA importância da água
A importância da água
 
Falta d'água? Tô fora!
Falta d'água? Tô fora!Falta d'água? Tô fora!
Falta d'água? Tô fora!
 
Solo
SoloSolo
Solo
 
A Gua e suas utilidades
A Gua e suas utilidadesA Gua e suas utilidades
A Gua e suas utilidades
 
DESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docx
DESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docxDESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docx
DESTRUIÇÃO DA HIDROSFERA.docx
 
Intervenção do homem nos subsistemas terrestres
Intervenção do homem nos subsistemas terrestresIntervenção do homem nos subsistemas terrestres
Intervenção do homem nos subsistemas terrestres
 
consumo e escassez de agua
consumo e escassez de aguaconsumo e escassez de agua
consumo e escassez de agua
 
Informativo insp 75
Informativo insp   75Informativo insp   75
Informativo insp 75
 

Último

A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Luzia Gabriele
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
Mary Alvarenga
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
 
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsxOceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
Oceano, Fonte de Vida e Beleza Maria Inês Aroeira Braga.ppsx
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2016 CENSIPAM.pdf
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!Acróstico - Bullying é crime!
Acróstico - Bullying é crime!
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 

Sobrexploração e poluição da Água Doce

  • 1. Trabalho elaborado por: Albino nº1 Bruno nº4 Diogo nº8 Pedro nº19
  • 2. Poluição da Água Sobrexploração da Água Dicas para proteger a Água
  • 3.  
  • 4. Os recursos hídricos representam a quantidade de água superficial e subterrânea que está à disposição do Homem. Quase 75% da superfície da Terra está coberta de água, incluindo oceanos, mares, rios, lagos, etc. Existem mais de 1,33 milhares de milhão de km3 de água na Terra. Contudo, só uma pequena parte desta água é fácil de utilizar. Mais de 97% é água salgada dos oceanos. Menos de 3% é água doce. Destes 3% de água, 2,24% estão gelados em glaciares. Cerca de 0,6% da água doce está escondida sob a forma de água subterrânea. Menos de 0,01% encontra-se nos rios, onde é fácil de utilizar. Utilização da Água
  • 5. Efluentes domésticos são uma das maiores causas de poluição dos recursos de água, com um elevado número de componentes domésticos, é uma grande variedade de bactérias e vírus.
  • 6. Podem conter elevadas cargas tóxicas e teores em metais pesados, como por exemplo o mercúrio. As águas usadas nas mais diversas actividades industriais, são contaminadas com um número elevado de produtos químicos perigosos para a saúde pública, estas águas são muitas vezes lançadas nos cursos de água sem qualquer espécie de tratamento, mas no caso de serem tratadas, estas águas podem sempre vir a alterar sempre algo no meio que as acolhe, como por exemplo provocar desequilíbrio nos ecossistemas.
  • 7. São também grandes poluidores dos cursos de água, superficiais e subterrâneos, a sua composição e efeitos são em tudo bastante semelhantes aos efluentes domésticos, mas no entanto uma exploração pecuária pode produzir uma quantidade de resíduos equivalente à de uma população de dimensões médias.
  • 8. São compostos essencialmente por produtos químicos, sobretudo pesticidas, e fertilizantes ricos em nitratos e fosfatos, dissolvem-se na água da rega e das chuvas e assim contaminam extensas áreas de cursos de água e solos.
  • 9. Sanilização – consiste na contaminação da água doce dos aquíferos por água salgada, isto acontece devido a pouca água existente nos aquíferos a mesma água está sempre em contacto com as mesmas rochas, fazendo com que a rocha desgaste contaminando assim a água com os seus minerais, entre eles esta o sal.
  • 10. Desflorestação - É o desaparecimento da vegetação, deixando o solo nu, facilitando o deslizamento de terras. Diminuindo a infiltração da água da chuva põe em causa a recarga dos aquíferos.
  • 11. Sobrexploração da Água A sobrexploração de água, são países, que exploram as suas reservas de água para o seu consumo, para a sua higiene, para se a sua alimentação etc. Em termos globais, o mundo tem mais água doce do que o suficiente para cobrir todas as necessidades o problema de alguns países tem menos água do que os outros e estão a sobrexplorar as suas reservas subterrâneas e superficiais. Ao faze-lo comprometem a quantidade disponível de água.
  • 12. Água, um recurso cada vez mais cobiçado Numa época em que a seca em países como a Somália, a Etiópia ou o Afeganistão, tende-se a esquecer que a escassez de água é um fenómeno bem mais sério e que abrange todos os continentes. À medida que a procura suplanta a oferta, ou melhor, a disponibilidade, as reservas de água são debilitadas a níveis sem precedentes, em todo o mundo. Dezenas de países enfrentam actualmente este problema, sem que ele tenha sido suficientemente materializado para que a opinião pública esteja consciente para as questões que vai ter de enfrentar num futuro não muito distante.
  • 13. Dados Sobrexploração da Água Doce Cerca de 70% da água consumida mundialmente, incluindo a desviada dos rios e a bombeada do subsolo, é utilizada para irrigação. Aproximadamente 20% vai para a indústria e 10% para o consumo doméstico. Na competição cada vez mais intensa pela água entre estes sectores, a agricultura sai quase sempre a perder. Os 1000 metros cúbicos de água utilizados para produzir 1 tonelada de grãos podem ser utilizados para incrementar facilmente a produção industrial, sendo os lucros desta actividade cerca de 50 vezes superiores aos da primeira.
  • 14. Dicas Para Proteger a Água Feixe bem as torneiras;   Regule as descargas do banheiro; Reutilize a água para diversas actividades; Não deitem lixo para os rios; Ao escovar os dentes feixe a torneira.