SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 150
Baixar para ler offline
&
o que muda, e o que segue…
Marcilio Oliveira - CTO
marcilio.oliveira@sensedia.com
AGENDA
SOBRE A SENSEDIA
SOA Corporativamente
APIs
HISTÓRIAS
AGENDA√
AGENDA
SOBRE A SENSEDIA
SOA Corporativamente
APIs
HISTÓRIAS
SOBRE A SENSEDIA√
Sobre a Sensedia
 Empresa brasileira, sediada em Campinas com
escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro e EUA
 Profundo conhecimento em:
 SOA (Arquitetura Orientada a Serviços)
 API (Application Programming Interfaces)
 Posicionada como visionária no Quadrante
Mágico do Gartner em SOA
Melhores práticas & Governança SOA
Estratégia em Open APIs
Assessment & Roadmap em Enterprise Architecture
Outsourcing em Services Discovery,
Design & Governance
Cloud Computing Adoption Plan
Mapeamento de Integrações
Design de processos de Continuous Integration
Big Data Estratégias
Frentes da Sensedia
Sobre a Sensedia
• Focused solutions for cost-conscious SOA Governance (Zapthink)
• Lightweight SOA in a down economy (Zapthink)
• Sensedia Drives value from SOA Software Projects (SOA Word Magazine)
• Learn to measure the ROI on SOA (IT Web)
• The right time to streamline unruly SOA projects (eBizq)
• SOA step-by-step (Executivos Financeiros)
• Top 6 concerns before adopting SOA (Computerword)
• Gartner AADI, Las Vegas
• SP SOA Forum
• Webinar: SOA Maturity Model
• Webinar: Lightweight SOA
Artigos, Whitepapers, Eventos e Webinars:
• Cursos de Pós-Graduação focados em
componentização, SOA e reutilização de software.
• Consultores Sensedia são professores associados e
palestrantes frequentes em conferencias sobre SOA
• Programas de capacitação In-Company
Parcerias e
Iniciativas
Educacionais
Propagação de Conhecimento
Warm up
 Sobre Você
 Suas expectativas
AGENDA
SOBRE A SENSEDIA
SOA Corporativamente
APIs
HISTÓRIAS
SOA Corporativamente√
Arquitetura Tradicional
10
Muito difícil de entender,
manter e evoluir
Mundo de conexões “Ponto-a-Ponto”
ou “caso a caso”
Visão de
curto prazo
Arquitetura
de Serviços
SOA NÃO é:
 SOA não é uma tecnologia
 SOA não é um produto ou plataforma
 Nenhum fornecedor pode vender SOA para você
 SOA não é uma revolução ou “bala de prata”
 SOA ≠ WebServices ≠ XML ≠ BPM
 SOA não é “Puro Marketing”
13
WHAT’S
THAT?
Service-
Oriented
Architecture
SOA é uma abordagem
arquitetural corporativa que
permite a criação de serviços
de negócio interoperáveis
que podem facilmente ser
reutilizados e compartilhados
entre aplicações e empresas.
Arquitetura Orientada a Serviços (SOA)
True North com SOA
1. Agilidade nas manutenções
2. Flexibilidade das aplicações
3. Redução de custos e reusabilidade
4. Alinhamento entre TI e Negócio
5. Transformação dos negócios
0
Tempo
%CustodeManutençãodeTI
100
Custos de Manutenção ao Longo do Tempo
Curto
Prazo
ManutençãoInovação
Manutenção
Manu-
tenção
Inovação
Médio
Prazo
Longo
Prazo
Abordagem Tradicional
Abordagem SOA
A maior parte do orçamento de TI das empresas são gastos para manter as aplicações e
integrações em funcionamento. As boas práticas, uso de tecnologias modernas, padronização e
reutilização impacta diretamente na otimização dos recursos de TI
1. Agilidade nas manutenções
Uma base de ativos compostos por
serviços, componentes, regras e objetos
de negócio podem ser refatorados e
recombinados para criar, evoluir e
transformar as aplicações da empresa
Dispositivos Fontes de Dados Usuários
2. Flexibilidade das aplicações
Nível de
Reúso
Ativos Reutilizáveis
Aplicações
A 1 2
B 31 4 5
1
5
D 2 73 8
2
3
E 3 5 6
F 1 2 6
8
11 2 3 4
6 75 8
2 3
5 6 8
C 1 65 6
Identificados
Reutilizados
9
Criação e disponibilização de componentes e serviços para a
reutilização cria a massa crítica para o aumento da produtividade
3. Redução de custos e reusabilidade
Processo de Negócio
Enterprise Services
Customer
Relationship
Management
Sales and
Marketing
Production
Planning Manufacturing
Inventory &
Logistics Finance & HR
SFA Product LMS
Inv
MGMT
B2Bproduct
ERP.
SCM
producti
nfo.
MES
DB ERPCRM
A propagação da base de
serviços e o aculturamento
SOA na organização cria a
sustentação primordial para
a gestão por processos
4. Alinhamento entre TI e Negócios
A exposição de serviços de negócios
para o mercado – parceiros, clientes,
comunidade de desenvolvedores
independentes (ISV’s) – tem o
potencial de transformar os
negócios das empresas
O exemplo acima ilustra o impacto que disponibilização da API de
serviços de negócio teve no valor de mercado da Netflix
(comparando com seu principal competidor, a BlockBuster)
5. Transformação dos Negócios
APIs Públicas
Sobre os benefícios de SOA para
sua empresa
[ ] Não sabemos exatamente os benefícios
[ ] Conhecemos os benefícios para a
equipe de TI
[ ] Sabemos os benefícios para a área de
Negócios
[ ] Sabemos os benefícios e temos um
plano de ação
Vocês
Conhecem
o Arquiteto?
Como
diminuir a
complexidade?
Abordagem Tradicional
Conexões Ponto-a-Ponto
ERP
Aplicação
.NET
WebService
(Externo)
Aplicação
JEE
Legacy
(C/C++)
Mainframe
(CICS Transaction
Gateway)
Pacote CRM
(proprietário)
Custom point-to-point
connections
ERP
Aplicação
.NET
WebService
(Externo)
Barramento de Serviços (ESB)
Enterprise Service Bus
JCA
JMS SOAP/
HTTP
SOAP/
HTTP
SOAP/
HTTP
SOAP/
HTTP
JCA
Aplicação
JEE
Legacy
(C/C++)
Mainframe
(CICS Transaction
Gateway)
Pacote CRM
(proprietário)
Transformação
de Mensagem
Roteamento de
Mensagem
Transparência de
Localização
Conversão de
Protocolo de
Transporte
Enriquecimento
de Mensagem
Segurança
Monitoria
Proxy
?????
Equipes,
fornecedores,
prazos, padrões,
direcionamentos,
falta de foco,
patrocínio...
Como sua empresa usa o
Middleware?
[ ] Não temos middleware SOA
[ ] Não sei se temos serviços
[ ] Usamos como proxy
[ ] Usamos o middleware para fazer
monitoramento, ou segurança, ou
conversão de protocolos.
Barramento de serviços
ESB
Barramento de serviços
Não basta
centralizar.
É preciso ter
controle!
E boas práticas...
SOA Governance
ESB
Service
Repository
Mas, como isso
funciona?
ARQUITETURA
MADURA!
Leve
“Just Enough Governance” é o
principal direcionador ao
estabelecer as práticas
fundamentais da Governança
SOA para gerar valor sem
adicionar overhead
Incremental
Baseado em um Modelo de
Maturidade que aproveita as
capacidades, conhecimento,
tecnologia e aplicações
legadas para acelerar a
adoção SOA
Governança SOA
Abordagem Lightweight
Ágil
Projeto com fases curtas
usando templates, guias,
boas práticas e atividades
automatizadas para
antecipar benefícios
tangíveis (“quick wins”)
Governança SOA:
 Repositório de Metadados
para componentes, serviços,
sistemas, integrações e
processos de negócio;
 Políticas e Processos;
 Métricas objetivas e
relatórios customizáveis;
 Controle de ciclo de vida
dos ativos;
 Colaboração;
 Promoção de práticas de
reutilização;
Sensedia Repository
Framework SOA Sensedia
SOA Maturity
Assessment
Lightweight
SOA Governance
Best Practiccs
Pacote de definições, processos, guias e boas práticas prontos para serem
adaptados e utilizados
Conhecimento dos cenários internos
Conhecimento do acervo
Processo de Governança e Responsabilidades
Padrões fundamentais
Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas
Necessidades básicas para
Governança SOA
Conhecimento dos cenários internos
Conhecimento do acervo
Processo de Governança e Responsabilidades
Padrões fundamentais
Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas
Necessidades básicas para
Governança SOA
>
SOA foundation Levels
1 Silo
2 Integrated
3 Componentized
4 Service
5 Composite
Services
6 Virtualized
Services
7 Dynamically Re-Configurable
Services
Business
Organization &
Governance
Method
Application
Architecture
Information
Infrastructure
&
Management
Maturidade SOA
1
2
3
4
5
6
7
Business
Organization & Governance
Method
ApplicationArchitecture
Information
Infrastructure & Management
Radar de Competências
Hoje
Futuro
AS IS
TO BE
Radar de maturidade
Conhecimento dos cenários internos
Conhecimento do acervo
Processo de Governança e Responsabilidades
Padrões fundamentais
Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas
Necessidades básicas para
Governança SOA
>
Como você sabe quais são
seus serviços?
[ ] Eu não sei quais são meus serviços
[ ] Levantamento de serviços em diversos
pontos (ESB, estações, relatórios de
projetos, etc)
[ ] Planilha ou outra forma não específica
[ ] Repositório de serviços
Conhecimento dos cenários internos
Conhecimento do acervo
Processo de Governança e Responsabilidades
Padrões fundamentais
Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas
Necessidades básicas para
Governança SOA
>
Seus serviços tem
responsáveis?
[ ] Eu não sei quais são meus serviços
[ ] Temos a informação de quem crious
[ ] Temos a informação de quem criou
e quem usa
[ ] Sabemos quem criou, quem usou,
quem dá manutenção e o dono
atual do serviço
Conhecimento dos cenários internos
Conhecimento do acervo
Processo de Governança e Responsabilidades
Padrões fundamentais
Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas
Necessidades básicas para
Governança SOA
>
Existem padrões e boas práticas
para construção de serviços?
[ ] Eu não sei se construímos serviços
[ ] Não existem boas práticas, depende do
fornecedor
[ ] Existem boas práticas para implementação
de projetos, nada específico para serviços
[ ] Existem boas práticas para serviços (design,
segurança, escalabilidade, testes, etc).
Conhecimento dos cenários internos
Conhecimento do acervo
Processo de Governança e Responsabilidades
Padrões fundamentais
Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas
Necessidades básicas para
Governança SOA
>
Que tipo de métricas são
extraídas dos seus serviços?
[ ] Eu não sei quais são meus serviços
[ ] Eu sei quais são, mas não medimos
nada
[ ] Métricas quantitativas (número
de serviços)
[ ] Métricas qualitativas (volume de
chamadas, quantidades de reúso
por projeto, ROI, etc)
Governança dos serviços?
Quais são
meus
serviços?
Como
organizar e
manter
Reuso e
outros ROIs
Padronização e
Cultura
Corporativa
True North com SOA e Cloud
1. Agilidade nas manutenções
2. Flexibilidade das aplicações
3. Redução de custos e reusabilidade
4. Alinhamento entre TI e Negócio
5. Transformação dos negócios
SOA então...
> Foco no bom desenvolvimento do serviço
> Controle das integrações
> Reuso interno e economia
> Métricas e Governança
> Agilidade no negócio
Public APIs
Enterprise SOA
AGENDA
SOBRE A SENSEDIA
SOA Corporativamente
APIs
HISTÓRIAS
APIs√
APPs
Application Software
APIs
Application Programming
Interface
APPs = People Interaction APIs = Things Interaction
2003 2010 2015 2020
Em 2020 haverá
7,5 bilhões de pessoas
no mundo e
50 bilhões de coisas
conectadas
Praticamente todos os dispositivos
eletrônicos estarão conectados à
Internet
The Internet
of Things
Durante 2008, o número de coisas
conectadas à internet superou o
número de pessoas no mundo
=
People on earth Connected Things
Always Synced / Multi-device / Searchable
ANTES
ANTES
Always Synced / Multi-device / Searchable
Search / Annotate / Share
Discovery / Social / Instant
on-demand / Multi-device
Muito mais que só video
On-Demand / Instant Streaming / Accessible Everywhere
User-Generated Digital Map / Live Crowd-Sourced
Traffic Data
Interactive / Superior Quality Online / Accessible by
Anyone Anywhere Anytime
Keyless / Remote access / Shareble
Personal Journal / Social interaction / Media Rich
(video and audio)
Social
Mobile
Muito em Comum
Dados
Presença
Acesso
Cloud
Muito em Comum
Social
Mobile
Cloud
PRESENÇA
ACESSO
DADOS
ACESSO
DADOS
PRESENÇA
Social
Mobile
Cloud
Muito em Comum
O que são
APIs?
Dados ou funções de negócios
expostos via web para outras
aplicações consumiremAPIs
Public APIs
Partners APIs
Internal APIs =
Enterprise SOA
HISTÓRIAS
que você precisa
conhecer
1 ALCANCE DAS PARCERIAS
2 ESTRATÉGIAS MULTI-DEVICES / MOBILE
3 PLATAFORMA / ECOSSISTEMA
4 INOVAÇÃO
História
Marketplace
 Aumentar drasticamente a quantidade de produtos
disponíveis
 Engajar lojistas a aderirem ao Marketplace
 Acelerar o processo de integração
 Manter baixos os custos operacionais
Desafios
Portal com foco nos
Desenvolvedores
Onboarding
Descomplicado
Ambiente de Sandbox
para Testes
√
√
√
Design das API em
REST e JSON
Documentação
Interativa
Controle de Tráfego
das Chamadas
√
√
√
História
ALCANCE DAS
PARCERIAS
Outros Exemplos
PARTNER ACCESS
CUSTOMERS DIRECT
SECURITY
EASY HELLOWORLD
INNOVATION
REST & JSON
História
Streaming multi-devices
 Permitir que o usuário assista e interaja
com o conteúdo Netflix de onde quiser
 Acelerar desenvolvimento de clients em
novos devices
 Controle do volume de acesso e
segurança
Desafios
Segurança e Regras de
Negócio Unificadas
Diferentes Estilos
de Navegação
PUBLIC vs. PRIVATE
√
√
√
Valor de Mercado
O Impacto que o lançamento da API da Netflix teve em seu valor de mercado
(comparado ao principal concorrente da Netflix, BlockBuster)
História
ESTRATÉGIA
MULTI-DEVICES / MOBILE
Outros Exemplos
BYOD
SSO
SECURITY
TIME TO MARKET
INNOVATION
OMNI-CHANNEL
História
Microblogging
 Ampliar ao máximo a
atração de conteúdo
(tweets e imagens)
 E ampliar também a
propagação do conteúdo
 Facilitar o enriquecimento
do conteúdo (mashups,
#hashtags, TT)
Desafios
Solução/ Resultado
+13 BI
DE API CALLS / DIA
+75%
DE TODO O
TRÁFEGO
VIA API
História
PLATAFORMA /
ECOSSISTEMA
Outros Exemplos
SAAS
MONETIZATION
DEVELOPERACCESS
API DESIGN
ENGAGEMENT
SCALABILITY
História
Banco Mundial
 Divulgar resultados e dados
sobre localização e gastos dos
projetos globais
 Permitir a exploração,
transformação e
enriquecimento desses dados
 Criar formas inovadoras de
interação
Desafios
HACKATHON
*Hack no sentido de programação exploratória e
divertida e não a cyber-crime
HACK + MARATHON
Hackathon realizado
em Jun/2012
Diversas categorias:
Big Data,
Visualization, Anti-
Corruption, Citizen
Engagement
App inovador
incorporado pelo
banco
√
√
√
http://www.rhok.org/blog/power-open-crowd-
sourced-ideas-crowd-powered-solutions
História
INOVAÇÃO
Outros Exemplos
DEVELOPERACCESS
ENGAGEMENT
PRIZES
API DESIGN
CHALLENGES
ENERGY DRINK
construídas em 1 dia durante o
Hackathon da Kraft Foods
realizado em Jun/2012
40 novas APPs
de usar o Google Glass foram
geradas durante o Glass
Foundry hackathon realizado
em Fev/2013
80 maneiras
inovadoras
Outras fontes de
ideias!
1 ALCANCE DAS PARCERIAS
2 ESTRATÉGIAS MULTI-DEVICES / MOBILE
3 PLATAFORMA / ECOSSISTEMA
4 INOVAÇÃO
O
DAS
Atributos
para APIs
de Sucesso
5 tributos para APIs de Sucesso
Valor
Planejamento
Flexibilidade
Controle
Suporte
5 tributos para APIs de Sucesso
Valor
– Encontre a raíz de valor da sua API:
• Dado (Weather.com, Klout, Xignite)
• Serviço (Telefonica, Salesforce)
• Audiência (Facebook)
• Mercado (Amazon, Novapontocom)
• Acesso (Sabre Network)
1
Proposição de Valor
API boa em serviço ruim é
como batom em porco!
5 tributos para APIs de Sucesso
2
Planejamento
– Design das APIs
– Patterns de projeto
– Arquitetura de infraestrutura
– Tecnologias envolvidas
– Focado na audiência
5 tributos para APIs de Sucesso
3
Flexibilidade
– Entregue: Poder de escolha, Controle
e Opções avançadas
– TTFHW: “Time to First Hello World”
• Passos claros;
• Alternativa free ou trial;
• Processo simplificado de sign-up,
• Documentação simples,
• Exemplos de código e ferramentas
5 tributos para APIs de Sucesso
4
Controle
– Gerenciamento:
• Security, Keys, Monitoring, Reporting,
Scaling, Rate limiting, Versioning
– Medição:
• Performance & Traffic, Developers & Apps,
Quality, Marketing, Revenue, Trends
5 tributos para APIs de Sucesso
5
Suporte
– Developer Experience (DX):
• Sim, desenvolvedor também é
um ser humano
• Mecanismos de colaboração
(forum, wiki etc)
– Community Engagement
• “Develop it and they will come” = FALSO
Barreiras / Desafios
• Incertezas de negócio
Canibalizar outros canais (?)
• Spaguettiware
• Infraestrutura disponível
Hardware e software (middleware)
Opções na nuvem (?)
• Aspectos de Segurança
• Equipe / Expertise
• Prioridade no Backlog
Pronto
para
APIs
API
?
APIs
Benefícios alvo
[PRIORIZE DE 1 (MAIS PRIORITÁRIO) A 6 (MENOS PRIORITÁRIO) ]
Prioridade
Receitas e Modelos de Negócio
Construção de Marca
Velocidade no Desenvolvimento de Aplicativos
Múltiplos canais e Estratégia Mobile
Redução de Custos Operacionais
Inovação em Produtos e Serviços
APIs
Barreiras / Desafios
[PRIORIZE DE 1 (MAIS PRIORITÁRIO) A 6 (MENOS PRIORITÁRIO) ]
Prioridade
Incertezas de Negócio
Spaguettiware
Infraestrutura Disponível
Aspectos de Segurança
Equipe / Expertise
Prioridade no Backlog
Sensedia
API Solution
Solução de APIs Sensedia
1- Ferramentas || 2 – Serviços de Consultoria
Core Service Components
Sensedia API Solution
Core Technology Components
API
Gateway
API
Community
Portal
API Manager
• Documentation
• API Browsing
• Forums, …
• Sign up
• Issue Tracking
• Test calls
• SDK’s Download
• My API Usage
• Lifecycle
• Versioning
• Client Keys
Management
• Set Policies
(quota & limits)
• Deploy (sandbox
& production)
• API Discoverer
• API Analytics
- Subscriptions
- API Calls
- Performance
- Errors
- Limits & Quotas
by API or Key
• Security (OAuth 2.0)
• Protocol Transformation
• Policy Enforcement
• Exception handling
• Alerts & Notification
• Traffic Control
and Debug
Core Technology Components
API Gateway
Community
Portal
API Manager
ESB
Business
Application 1
Business
Application 2
Developers
REST API Traffic
Web Browser
Policy
Deploy
Internal Call
Get API Usage
Publish
Monitoring
Internal Services
Discovery
• Custom Mobile Apps or Widgets
• Partners Applications
• Clients and Independent Developers
Core Service Components
Sensedia
API Suite
Plan
BuildRun
Core Service Components
Sensedia
API Suite
Plan
BuildRun
Alinhamento de modelo de
negócio, Validação de GAPs,
audiência e roadmap
Core Service Components
Sensedia
API Suite
Plan
BuildRun
Alinhamento de modelo de
negócio, Validação de GAPs,
audiência e roadmap
Infraestrutura de APIS e
definição/evolução das práticas.
Design e implementação da API
Core Service Components
Sensedia
API Suite
Plan
BuildRun
Monitoramento de uso,
suporte à comunidade e
evolução
Alinhamento de modelo de
negócio, Validação de GAPs,
audiência e roadmap
Infraestrutura de APIS e
definição/evolução das práticas.
Design e implementação da API
Core Service Components
Sensedia
API Suite
Plan
BuildRun
Monitoramento de uso,
suporte à comunidade e
evolução
Alinhamento de modelo de
negócio, Validação de GAPs,
audiência e roadmap
Infraestrutura de APIS e
definição/evolução das práticas.
Design e implementação da API
Core Service Components
 Planning Stage:
 Scope and value
 Business Model
 Target Audience (Engaging)
 Internal services GAPs and roadmap
 Build Stage:
 Infrastructure Definition and Deploy
 RESTFull Design Best Practices
 Basic Documentation
 Adoption accelerators:
 SDKs (C#, PHP, Java)
 Custom mobile apps and widgets
 Internal services GAP: Enablement
 Run Stage:
 Understand API usage
 Support Users Community
 Developers Onboarding /
Key Management
 Prepare for Change
Sensedia
API Suite
Plan
BuildRun
Plan: Alinhamento de modelo de negócio,
Validação de GAPs, Audiência e Roadmap
Build: Definição/evolução das práticas.
Design e implementação da API
Run: Monitoramento de uso,
suporte à comunidade e evolução
Ciclo 1
Plan
BuildRun
Plan: Alinhamento de modelo de negócio,
Validação de GAPs, Audiência e Roadmap
Build: Definição/evolução das práticas.
Design e implementação da API
Run: Monitoramento de uso,
suporte à comunidade e evolução
Ciclo 1
Plan
BuildRun
Ciclo 2
Plan
BuildRun
Plan: Alinhamento de modelo de negócio,
Validação de GAPs, Audiência e Roadmap
Build: Definição/evolução das práticas.
Design e implementação da API
Run: Monitoramento de uso,
suporte à comunidade e evolução
Ciclo 1
Plan
BuildRun
Ciclo 2
Plan
BuildRun
Ciclo
3
Plan
BuildRun
Solução de APIs Sensedia
1- Ferramentas || 2 – Serviços de Consultoria
Core Service Components
Sensedia API Solution
Core Technology Components
API
Gateway
API
Community
Portal
API Manager
Dúvidas?
APIs
NIVEL DE DISCUSSÃO DE APIS NA EMPRESA
[MARQUE MAIS DE UM, CASO SE APLIQUE]
[ ] Nunca discuto.
[ ] Valor técnico percebido, apenas isso.
[ ] Valor de negócio percebido, fora da área
técnica.
[ ] Iniciativa em discussão.
[ ] Existe um plano de implantação de APIs, em
implantação.
[ ] Iniciativa descartada anteriormente.
[ ] Existem APIs abertas.
APIs
EM QUE ÁREAS APIS GERARIAM VALOR
[MARQUE MAIS DE UM, CASO SE APLIQUE]
[ ] Marketing
[ ] Comercial
[ ] Canais
[ ] Tecnologia
[ ] Produtos e Serviços (de negócio)
[ ] Atendimento
[ ] Outras: ______________________________
Takeways
Taxa de crescimento de APIs
Based on directory of 8,000 web APIs listed at ProgrammableWeb, Nov 2012
2000 Nov/2012
API Billionaires Club
1.1 billion API calls / day (April 2011)
1.4 billion API calls / day (May 2012)
1 billion API calls / day (May 2012)
1 billion API calls / day (Q1 2012)
1 billion API calls / day (January 2012)
13 billion API calls / day (May 2011)
Approx. 75% of all traffic via API
5 billion API calls / day (October 2009)
5 billion API calls / day (April 2010)
Source: ProgrammableWeb Founder John Musser’s
905 billion S3 objects
(+ 1 billion / day)
API Billionaires Club
1.1 billion API calls / day (April 2011)
1.4 billion API calls / day (May 2012)
1 billion API calls / day (May 2012)
1 billion API calls / day (Q1 2012)
1 billion API calls / day (January 2012)
13 billion API calls / day (May 2011)
Approx. 75% of all traffic via API
5 billion API calls / day (October 2009)
5 billion API calls / day (April 2010)
905 billion S3 objects
(+ 1 billion / day)
Source: ProgrammableWeb Founder John Musser’s
Foco no desenvolvedor!
Processos de onboarding
“Time to First Hello World”
Simplificação tecnológica
REST!
o que muda ...
Arquitetura de Serviços
Controle e boas práticas
Padronização
Design!!!
... o que segue
Que tal:
developers.[you].com
?
OBRI
GADO
Marcilio Oliveira - CTO
marcilio.oliveira@sensedia.com
@marcilioso
www.sensedia.com/br
OLHANDO
DE PERTO
REST
Padrões
corporativos
API Protocols and Styles
Based on directory of 5,100 web APIs listed at ProgrammableWeb, February 2012
 REST = Representational State Transfer
 Alternativa ao SOAP
 Características:
 Utiliza XML sobre HTTP
 Baseia-se em URIs e Recursos
 Aproveita as operações comuns de
POST, GET, PUT, DELETE
 Mais simples de usar e leve que SOAP
REST Services
Recursos e URLs:
http://www.boeing.com/aircrafts/747
http://www.weather.com/current/zips/90020
https://graph.facebook.com/cocacola
https://graph.facebook.com/kleberbacili
REST Services
REST vs. SOAP Eligibility
Aspect SOAP REST
Client Target Internal Public
Request volume Moderate High
Distributed Transaction / Orchestration WS-* / BPEL Not Standardized
Data Consistency Semantics Mostly ACID Mostly Eventual
Strong Typed Contracts Yes / WSDL / XSD Not Standardized
Security WS-Security Basic / Digest /
OAuth / OpenID
Application Tooling Very Mature Not Mature
Application Language Support Good Best
Interoperability Between Vendors Very Mature Not Mature
Simples?
SOAP
POST /GetStock HTTP/1.1
Host: www.example.org
Content-Type: applicaNon/soap+xml
<?xml version="1.0"?>
<soap:Envelope
xmlns:soap=”http://www.w3.org/2001/12/soap-
envelope"
soap:encodingStyle=”http://www.w3.org/ 2001/12/soap-
encoding">
<soap:Body
xmlns:m=”http://www.example.org/stock">
<m:GetStockPrice>
<m:StockName>IBM</m:StockName>
</m:GetStockPrice>
</soap:Body>
</soap:Envelope>
REST
GET hXp://example.org/stock/IBM
Simples?
{
"symbol": ”IBM",
"price": 94.72,
}
<?xml version="1.0"?>
<soap:Envelope
xmlns:soap="http://www.w3.org/2001/12/soap-
envelope"
soap:encodingStyle="http://www.w3.org/2001/12/so
ap-encoding">
<soap:Body
xmlns:m="http://www.example.org/stock">
<m:GetStockPriceResponse>
<m:Price>34.5</m:Price>
</m:GetStockPriceResponse>
</soap:Body>
</soap:Envelope>
XML JSON
REST Services
 Limitações:
Ausencia de definição de contrato formal
Inabilidade para controle de transações
Definições de segurança mais limitadas
Limitação na orquestração de serviços

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

IT4IT real life examples & myths and rumors dispelled
IT4IT real life examples & myths and rumors dispelledIT4IT real life examples & myths and rumors dispelled
IT4IT real life examples & myths and rumors dispelled
Tony Price
 
Democratizing Data Quality Through a Centralized Platform
Democratizing Data Quality Through a Centralized PlatformDemocratizing Data Quality Through a Centralized Platform
Democratizing Data Quality Through a Centralized Platform
Databricks
 

Mais procurados (20)

Dados x informação
Dados x informaçãoDados x informação
Dados x informação
 
IT4IT - The Full Story for Digital Transformation - Part 1
IT4IT - The Full Story for Digital Transformation - Part 1IT4IT - The Full Story for Digital Transformation - Part 1
IT4IT - The Full Story for Digital Transformation - Part 1
 
Executing a Large-Scale Migration to AWS
Executing a Large-Scale Migration to AWSExecuting a Large-Scale Migration to AWS
Executing a Large-Scale Migration to AWS
 
Data Lakehouse Symposium | Day 1 | Part 2
Data Lakehouse Symposium | Day 1 | Part 2Data Lakehouse Symposium | Day 1 | Part 2
Data Lakehouse Symposium | Day 1 | Part 2
 
ITIL na prática - Gerenciamento de Incidentes, Problemas e Mudanças
ITIL na prática - Gerenciamento de Incidentes, Problemas e MudançasITIL na prática - Gerenciamento de Incidentes, Problemas e Mudanças
ITIL na prática - Gerenciamento de Incidentes, Problemas e Mudanças
 
Tecnologia da informação aula 1
Tecnologia da informação    aula 1Tecnologia da informação    aula 1
Tecnologia da informação aula 1
 
ISO 38500 Visão Geral
ISO 38500 Visão GeralISO 38500 Visão Geral
ISO 38500 Visão Geral
 
Ent data model v8
Ent data model v8Ent data model v8
Ent data model v8
 
IT4IT real life examples & myths and rumors dispelled
IT4IT real life examples & myths and rumors dispelledIT4IT real life examples & myths and rumors dispelled
IT4IT real life examples & myths and rumors dispelled
 
Application Migrations at Scale
Application Migrations at ScaleApplication Migrations at Scale
Application Migrations at Scale
 
Vantagens__Desvantagens_Tipos_de_servidores
Vantagens__Desvantagens_Tipos_de_servidoresVantagens__Desvantagens_Tipos_de_servidores
Vantagens__Desvantagens_Tipos_de_servidores
 
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃOINTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
INTRODUÇÃO FUNDAMENTOS DE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
 
Where to Begin? Application Portfolio Migration
Where to Begin? Application Portfolio MigrationWhere to Begin? Application Portfolio Migration
Where to Begin? Application Portfolio Migration
 
Pesquisa PWC sobre Arquitetura Corporativa no Brasil
Pesquisa PWC sobre Arquitetura Corporativa no BrasilPesquisa PWC sobre Arquitetura Corporativa no Brasil
Pesquisa PWC sobre Arquitetura Corporativa no Brasil
 
Democratizing Data Quality Through a Centralized Platform
Democratizing Data Quality Through a Centralized PlatformDemocratizing Data Quality Through a Centralized Platform
Democratizing Data Quality Through a Centralized Platform
 
SIAM Skills Workshop, BCS, ITSM Review 17th Nov 2015
SIAM Skills Workshop, BCS, ITSM Review 17th Nov 2015SIAM Skills Workshop, BCS, ITSM Review 17th Nov 2015
SIAM Skills Workshop, BCS, ITSM Review 17th Nov 2015
 
ITIL vs TOGAF First Round
ITIL vs TOGAF First RoundITIL vs TOGAF First Round
ITIL vs TOGAF First Round
 
O que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceito
O que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceitoO que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceito
O que é a ciência de dados (data science). Discussão do conceito
 
Fact table design for data ware house
Fact table design for data ware houseFact table design for data ware house
Fact table design for data ware house
 
Material ITIL Fondation - parte 03 de 03
Material ITIL Fondation - parte 03 de 03Material ITIL Fondation - parte 03 de 03
Material ITIL Fondation - parte 03 de 03
 

Destaque

Open API Strategy, by Sensedia
Open API Strategy, by SensediaOpen API Strategy, by Sensedia
Open API Strategy, by Sensedia
Sensedia
 

Destaque (20)

Governança de Serviços Automatizada na Prática
Governança de Serviços Automatizada na PráticaGovernança de Serviços Automatizada na Prática
Governança de Serviços Automatizada na Prática
 
Construindo APIs Mobile
Construindo APIs MobileConstruindo APIs Mobile
Construindo APIs Mobile
 
Repositorio SOA
Repositorio SOARepositorio SOA
Repositorio SOA
 
Construção de APIs para apps móveis
Construção de APIs para apps móveisConstrução de APIs para apps móveis
Construção de APIs para apps móveis
 
Indicadores para APIs
Indicadores para APIsIndicadores para APIs
Indicadores para APIs
 
REST - padrões e melhores práticas
REST - padrões e melhores práticasREST - padrões e melhores práticas
REST - padrões e melhores práticas
 
Soa Em Tempos De Crise
Soa Em Tempos De CriseSoa Em Tempos De Crise
Soa Em Tempos De Crise
 
Open API Strategy, by Sensedia
Open API Strategy, by SensediaOpen API Strategy, by Sensedia
Open API Strategy, by Sensedia
 
Soa Next Steps/Passos de Adoção SOA
Soa Next Steps/Passos de Adoção SOASoa Next Steps/Passos de Adoção SOA
Soa Next Steps/Passos de Adoção SOA
 
Hadoop - Primeiros passos
Hadoop - Primeiros passosHadoop - Primeiros passos
Hadoop - Primeiros passos
 
Hackathons & Innovation: como engajar desenvolvedores em torno da sua empresa...
Hackathons & Innovation: como engajar desenvolvedores em torno da sua empresa...Hackathons & Innovation: como engajar desenvolvedores em torno da sua empresa...
Hackathons & Innovation: como engajar desenvolvedores em torno da sua empresa...
 
Case Sensedia Catho
Case Sensedia CathoCase Sensedia Catho
Case Sensedia Catho
 
Case Sensedia B2W
Case Sensedia B2WCase Sensedia B2W
Case Sensedia B2W
 
2016 05-21 - api gateway (apresentação).pptx (2)
2016 05-21 - api gateway (apresentação).pptx (2)2016 05-21 - api gateway (apresentação).pptx (2)
2016 05-21 - api gateway (apresentação).pptx (2)
 
O poder das APIs
O poder das APIsO poder das APIs
O poder das APIs
 
APIs do Jeito Certo
APIs do Jeito CertoAPIs do Jeito Certo
APIs do Jeito Certo
 
Design APIs Restful, DevWeek Porto Alegre
Design APIs Restful, DevWeek Porto AlegreDesign APIs Restful, DevWeek Porto Alegre
Design APIs Restful, DevWeek Porto Alegre
 
Case Sensedia Cielo
Case Sensedia CieloCase Sensedia Cielo
Case Sensedia Cielo
 
Develop and Deploy Cloud-Native Apps as Resilient Microservice Architectures
Develop and Deploy Cloud-Native Apps as Resilient Microservice ArchitecturesDevelop and Deploy Cloud-Native Apps as Resilient Microservice Architectures
Develop and Deploy Cloud-Native Apps as Resilient Microservice Architectures
 
Soa Fundamentos
Soa FundamentosSoa Fundamentos
Soa Fundamentos
 

Semelhante a SOA e APIs: O que muda e o que segue!

Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc  Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
guest880159
 
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc  Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
guest880159
 
Overview Governança SOA - HP Brazil
Overview Governança SOA - HP BrazilOverview Governança SOA - HP Brazil
Overview Governança SOA - HP Brazil
Norberto Enomoto
 
SOA - Governança
SOA - GovernançaSOA - Governança
SOA - Governança
alinebicudo
 
Apresentação SOA
Apresentação SOAApresentação SOA
Apresentação SOA
proxypt
 
SOA - Arquitetura Orientada a Serviços
SOA - Arquitetura Orientada a ServiçosSOA - Arquitetura Orientada a Serviços
SOA - Arquitetura Orientada a Serviços
alinebicudo
 

Semelhante a SOA e APIs: O que muda e o que segue! (20)

Governança de Serviços Automatizada na Prática
Governança de Serviços Automatizada na PráticaGovernança de Serviços Automatizada na Prática
Governança de Serviços Automatizada na Prática
 
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc  Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
 
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc  Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
Palestra sobre a SOA foi destaque no Ciasc
 
266-940-1-PB
266-940-1-PB266-940-1-PB
266-940-1-PB
 
Sap Forum 2011
Sap Forum 2011Sap Forum 2011
Sap Forum 2011
 
Palestra UNIBERO (SP) - SOA: Conceito e prática na implementação
Palestra UNIBERO (SP) - SOA: Conceito e prática na implementaçãoPalestra UNIBERO (SP) - SOA: Conceito e prática na implementação
Palestra UNIBERO (SP) - SOA: Conceito e prática na implementação
 
Como Trazer o Legado para SOA
Como Trazer o Legado para SOAComo Trazer o Legado para SOA
Como Trazer o Legado para SOA
 
Overview Governança SOA - HP Brazil
Overview Governança SOA - HP BrazilOverview Governança SOA - HP Brazil
Overview Governança SOA - HP Brazil
 
Apresentação do ASUG 2010
Apresentação do ASUG 2010Apresentação do ASUG 2010
Apresentação do ASUG 2010
 
SOA - Governança
SOA - GovernançaSOA - Governança
SOA - Governança
 
Apresentação SOA
Apresentação SOAApresentação SOA
Apresentação SOA
 
Conheça a TGT
Conheça a TGTConheça a TGT
Conheça a TGT
 
Real World S O A
Real World S O AReal World S O A
Real World S O A
 
AERio 2011 - BPM e SOA - Leonardo Azevedo
AERio 2011 - BPM e SOA - Leonardo AzevedoAERio 2011 - BPM e SOA - Leonardo Azevedo
AERio 2011 - BPM e SOA - Leonardo Azevedo
 
Portfolio Segatto
Portfolio SegattoPortfolio Segatto
Portfolio Segatto
 
Curso gestao servicos modulo 1 - v1
Curso gestao servicos   modulo 1 - v1Curso gestao servicos   modulo 1 - v1
Curso gestao servicos modulo 1 - v1
 
[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma
 
SOA - Arquitetura Orientada a Serviços
SOA - Arquitetura Orientada a ServiçosSOA - Arquitetura Orientada a Serviços
SOA - Arquitetura Orientada a Serviços
 
MS Dynamics CRM - ENEI 2014
MS Dynamics CRM - ENEI 2014MS Dynamics CRM - ENEI 2014
MS Dynamics CRM - ENEI 2014
 
APIs Atributos e Tecnologia
APIs Atributos e TecnologiaAPIs Atributos e Tecnologia
APIs Atributos e Tecnologia
 

Mais de Sensedia

Mais de Sensedia (13)

Workshop Hands-On APIX 2018 - Trilha Básica
Workshop Hands-On APIX 2018 - Trilha BásicaWorkshop Hands-On APIX 2018 - Trilha Básica
Workshop Hands-On APIX 2018 - Trilha Básica
 
Case Sensedia Simpress
Case Sensedia SimpressCase Sensedia Simpress
Case Sensedia Simpress
 
Case Cnova Page
Case Cnova PageCase Cnova Page
Case Cnova Page
 
Case Cnova-en
Case Cnova-enCase Cnova-en
Case Cnova-en
 
Case Simpress
Case SimpressCase Simpress
Case Simpress
 
Caso de Estudo CNova
Caso de Estudo CNovaCaso de Estudo CNova
Caso de Estudo CNova
 
Open Banking Platform - Intro
Open Banking Platform - IntroOpen Banking Platform - Intro
Open Banking Platform - Intro
 
Modelo Canônico: Vilão ou Mocinho?
Modelo Canônico: Vilão ou Mocinho?Modelo Canônico: Vilão ou Mocinho?
Modelo Canônico: Vilão ou Mocinho?
 
Estratégia de APIs Abertas
Estratégia de APIs AbertasEstratégia de APIs Abertas
Estratégia de APIs Abertas
 
2o workshop governanca soa na pratica
2o workshop governanca soa na pratica2o workshop governanca soa na pratica
2o workshop governanca soa na pratica
 
Integração ensemble e governança repository
Integração ensemble e governança repositoryIntegração ensemble e governança repository
Integração ensemble e governança repository
 
Webinar: Maturidade e Roadmap SOA
Webinar: Maturidade e Roadmap SOAWebinar: Maturidade e Roadmap SOA
Webinar: Maturidade e Roadmap SOA
 
Governança SOA
Governança SOAGovernança SOA
Governança SOA
 

Último

Último (9)

COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdfAula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
Aula 01 - Introducao a Processamento de Frutos e Hortalicas.pdf
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor SucroenergéticoConvergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
Convergência TO e TI nas Usinas - Setor Sucroenergético
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 

SOA e APIs: O que muda e o que segue!

  • 1. & o que muda, e o que segue… Marcilio Oliveira - CTO marcilio.oliveira@sensedia.com
  • 2. AGENDA SOBRE A SENSEDIA SOA Corporativamente APIs HISTÓRIAS AGENDA√
  • 3. AGENDA SOBRE A SENSEDIA SOA Corporativamente APIs HISTÓRIAS SOBRE A SENSEDIA√
  • 4. Sobre a Sensedia  Empresa brasileira, sediada em Campinas com escritórios em São Paulo, Rio de Janeiro e EUA  Profundo conhecimento em:  SOA (Arquitetura Orientada a Serviços)  API (Application Programming Interfaces)  Posicionada como visionária no Quadrante Mágico do Gartner em SOA
  • 5. Melhores práticas & Governança SOA Estratégia em Open APIs Assessment & Roadmap em Enterprise Architecture Outsourcing em Services Discovery, Design & Governance Cloud Computing Adoption Plan Mapeamento de Integrações Design de processos de Continuous Integration Big Data Estratégias Frentes da Sensedia
  • 7. • Focused solutions for cost-conscious SOA Governance (Zapthink) • Lightweight SOA in a down economy (Zapthink) • Sensedia Drives value from SOA Software Projects (SOA Word Magazine) • Learn to measure the ROI on SOA (IT Web) • The right time to streamline unruly SOA projects (eBizq) • SOA step-by-step (Executivos Financeiros) • Top 6 concerns before adopting SOA (Computerword) • Gartner AADI, Las Vegas • SP SOA Forum • Webinar: SOA Maturity Model • Webinar: Lightweight SOA Artigos, Whitepapers, Eventos e Webinars: • Cursos de Pós-Graduação focados em componentização, SOA e reutilização de software. • Consultores Sensedia são professores associados e palestrantes frequentes em conferencias sobre SOA • Programas de capacitação In-Company Parcerias e Iniciativas Educacionais Propagação de Conhecimento
  • 8. Warm up  Sobre Você  Suas expectativas
  • 9. AGENDA SOBRE A SENSEDIA SOA Corporativamente APIs HISTÓRIAS SOA Corporativamente√
  • 10. Arquitetura Tradicional 10 Muito difícil de entender, manter e evoluir Mundo de conexões “Ponto-a-Ponto” ou “caso a caso” Visão de curto prazo
  • 12. SOA NÃO é:  SOA não é uma tecnologia  SOA não é um produto ou plataforma  Nenhum fornecedor pode vender SOA para você  SOA não é uma revolução ou “bala de prata”  SOA ≠ WebServices ≠ XML ≠ BPM  SOA não é “Puro Marketing”
  • 14. Service- Oriented Architecture SOA é uma abordagem arquitetural corporativa que permite a criação de serviços de negócio interoperáveis que podem facilmente ser reutilizados e compartilhados entre aplicações e empresas. Arquitetura Orientada a Serviços (SOA)
  • 15. True North com SOA 1. Agilidade nas manutenções 2. Flexibilidade das aplicações 3. Redução de custos e reusabilidade 4. Alinhamento entre TI e Negócio 5. Transformação dos negócios
  • 16. 0 Tempo %CustodeManutençãodeTI 100 Custos de Manutenção ao Longo do Tempo Curto Prazo ManutençãoInovação Manutenção Manu- tenção Inovação Médio Prazo Longo Prazo Abordagem Tradicional Abordagem SOA A maior parte do orçamento de TI das empresas são gastos para manter as aplicações e integrações em funcionamento. As boas práticas, uso de tecnologias modernas, padronização e reutilização impacta diretamente na otimização dos recursos de TI 1. Agilidade nas manutenções
  • 17. Uma base de ativos compostos por serviços, componentes, regras e objetos de negócio podem ser refatorados e recombinados para criar, evoluir e transformar as aplicações da empresa Dispositivos Fontes de Dados Usuários 2. Flexibilidade das aplicações
  • 18. Nível de Reúso Ativos Reutilizáveis Aplicações A 1 2 B 31 4 5 1 5 D 2 73 8 2 3 E 3 5 6 F 1 2 6 8 11 2 3 4 6 75 8 2 3 5 6 8 C 1 65 6 Identificados Reutilizados 9 Criação e disponibilização de componentes e serviços para a reutilização cria a massa crítica para o aumento da produtividade 3. Redução de custos e reusabilidade
  • 19. Processo de Negócio Enterprise Services Customer Relationship Management Sales and Marketing Production Planning Manufacturing Inventory & Logistics Finance & HR SFA Product LMS Inv MGMT B2Bproduct ERP. SCM producti nfo. MES DB ERPCRM A propagação da base de serviços e o aculturamento SOA na organização cria a sustentação primordial para a gestão por processos 4. Alinhamento entre TI e Negócios
  • 20. A exposição de serviços de negócios para o mercado – parceiros, clientes, comunidade de desenvolvedores independentes (ISV’s) – tem o potencial de transformar os negócios das empresas O exemplo acima ilustra o impacto que disponibilização da API de serviços de negócio teve no valor de mercado da Netflix (comparando com seu principal competidor, a BlockBuster) 5. Transformação dos Negócios APIs Públicas
  • 21. Sobre os benefícios de SOA para sua empresa [ ] Não sabemos exatamente os benefícios [ ] Conhecemos os benefícios para a equipe de TI [ ] Sabemos os benefícios para a área de Negócios [ ] Sabemos os benefícios e temos um plano de ação
  • 25. ERP Aplicação .NET WebService (Externo) Barramento de Serviços (ESB) Enterprise Service Bus JCA JMS SOAP/ HTTP SOAP/ HTTP SOAP/ HTTP SOAP/ HTTP JCA Aplicação JEE Legacy (C/C++) Mainframe (CICS Transaction Gateway) Pacote CRM (proprietário)
  • 26. Transformação de Mensagem Roteamento de Mensagem Transparência de Localização Conversão de Protocolo de Transporte Enriquecimento de Mensagem Segurança Monitoria Proxy ????? Equipes, fornecedores, prazos, padrões, direcionamentos, falta de foco, patrocínio...
  • 27. Como sua empresa usa o Middleware? [ ] Não temos middleware SOA [ ] Não sei se temos serviços [ ] Usamos como proxy [ ] Usamos o middleware para fazer monitoramento, ou segurança, ou conversão de protocolos.
  • 28.
  • 31. Não basta centralizar. É preciso ter controle! E boas práticas...
  • 33.
  • 35. Leve “Just Enough Governance” é o principal direcionador ao estabelecer as práticas fundamentais da Governança SOA para gerar valor sem adicionar overhead Incremental Baseado em um Modelo de Maturidade que aproveita as capacidades, conhecimento, tecnologia e aplicações legadas para acelerar a adoção SOA Governança SOA Abordagem Lightweight Ágil Projeto com fases curtas usando templates, guias, boas práticas e atividades automatizadas para antecipar benefícios tangíveis (“quick wins”)
  • 36. Governança SOA:  Repositório de Metadados para componentes, serviços, sistemas, integrações e processos de negócio;  Políticas e Processos;  Métricas objetivas e relatórios customizáveis;  Controle de ciclo de vida dos ativos;  Colaboração;  Promoção de práticas de reutilização; Sensedia Repository
  • 37. Framework SOA Sensedia SOA Maturity Assessment Lightweight SOA Governance Best Practiccs Pacote de definições, processos, guias e boas práticas prontos para serem adaptados e utilizados
  • 38. Conhecimento dos cenários internos Conhecimento do acervo Processo de Governança e Responsabilidades Padrões fundamentais Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas Necessidades básicas para Governança SOA
  • 39. Conhecimento dos cenários internos Conhecimento do acervo Processo de Governança e Responsabilidades Padrões fundamentais Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas Necessidades básicas para Governança SOA >
  • 40. SOA foundation Levels 1 Silo 2 Integrated 3 Componentized 4 Service 5 Composite Services 6 Virtualized Services 7 Dynamically Re-Configurable Services Business Organization & Governance Method Application Architecture Information Infrastructure & Management Maturidade SOA
  • 41. 1 2 3 4 5 6 7 Business Organization & Governance Method ApplicationArchitecture Information Infrastructure & Management Radar de Competências Hoje Futuro AS IS TO BE Radar de maturidade
  • 42. Conhecimento dos cenários internos Conhecimento do acervo Processo de Governança e Responsabilidades Padrões fundamentais Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas Necessidades básicas para Governança SOA >
  • 43. Como você sabe quais são seus serviços? [ ] Eu não sei quais são meus serviços [ ] Levantamento de serviços em diversos pontos (ESB, estações, relatórios de projetos, etc) [ ] Planilha ou outra forma não específica [ ] Repositório de serviços
  • 44. Conhecimento dos cenários internos Conhecimento do acervo Processo de Governança e Responsabilidades Padrões fundamentais Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas Necessidades básicas para Governança SOA >
  • 45. Seus serviços tem responsáveis? [ ] Eu não sei quais são meus serviços [ ] Temos a informação de quem crious [ ] Temos a informação de quem criou e quem usa [ ] Sabemos quem criou, quem usou, quem dá manutenção e o dono atual do serviço
  • 46. Conhecimento dos cenários internos Conhecimento do acervo Processo de Governança e Responsabilidades Padrões fundamentais Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas Necessidades básicas para Governança SOA >
  • 47. Existem padrões e boas práticas para construção de serviços? [ ] Eu não sei se construímos serviços [ ] Não existem boas práticas, depende do fornecedor [ ] Existem boas práticas para implementação de projetos, nada específico para serviços [ ] Existem boas práticas para serviços (design, segurança, escalabilidade, testes, etc).
  • 48. Conhecimento dos cenários internos Conhecimento do acervo Processo de Governança e Responsabilidades Padrões fundamentais Organização: Comunicação, Competências, Comportamentos e Métricas Necessidades básicas para Governança SOA >
  • 49. Que tipo de métricas são extraídas dos seus serviços? [ ] Eu não sei quais são meus serviços [ ] Eu sei quais são, mas não medimos nada [ ] Métricas quantitativas (número de serviços) [ ] Métricas qualitativas (volume de chamadas, quantidades de reúso por projeto, ROI, etc)
  • 50. Governança dos serviços? Quais são meus serviços? Como organizar e manter Reuso e outros ROIs Padronização e Cultura Corporativa
  • 51. True North com SOA e Cloud 1. Agilidade nas manutenções 2. Flexibilidade das aplicações 3. Redução de custos e reusabilidade 4. Alinhamento entre TI e Negócio 5. Transformação dos negócios
  • 52. SOA então... > Foco no bom desenvolvimento do serviço > Controle das integrações > Reuso interno e economia > Métricas e Governança > Agilidade no negócio
  • 54. AGENDA SOBRE A SENSEDIA SOA Corporativamente APIs HISTÓRIAS APIs√
  • 55. APPs Application Software APIs Application Programming Interface APPs = People Interaction APIs = Things Interaction
  • 56. 2003 2010 2015 2020 Em 2020 haverá 7,5 bilhões de pessoas no mundo e 50 bilhões de coisas conectadas Praticamente todos os dispositivos eletrônicos estarão conectados à Internet The Internet of Things Durante 2008, o número de coisas conectadas à internet superou o número de pessoas no mundo = People on earth Connected Things
  • 57.
  • 58. Always Synced / Multi-device / Searchable ANTES
  • 59. ANTES Always Synced / Multi-device / Searchable
  • 60. Search / Annotate / Share
  • 61. Discovery / Social / Instant on-demand / Multi-device
  • 62. Muito mais que só video On-Demand / Instant Streaming / Accessible Everywhere
  • 63. User-Generated Digital Map / Live Crowd-Sourced Traffic Data
  • 64. Interactive / Superior Quality Online / Accessible by Anyone Anywhere Anytime
  • 65. Keyless / Remote access / Shareble
  • 66. Personal Journal / Social interaction / Media Rich (video and audio)
  • 71. Dados ou funções de negócios expostos via web para outras aplicações consumiremAPIs
  • 72. Public APIs Partners APIs Internal APIs = Enterprise SOA
  • 74. 1 ALCANCE DAS PARCERIAS 2 ESTRATÉGIAS MULTI-DEVICES / MOBILE 3 PLATAFORMA / ECOSSISTEMA 4 INOVAÇÃO
  • 77.  Aumentar drasticamente a quantidade de produtos disponíveis  Engajar lojistas a aderirem ao Marketplace  Acelerar o processo de integração  Manter baixos os custos operacionais Desafios
  • 78. Portal com foco nos Desenvolvedores Onboarding Descomplicado Ambiente de Sandbox para Testes √ √ √
  • 79. Design das API em REST e JSON Documentação Interativa Controle de Tráfego das Chamadas √ √ √
  • 81. Outros Exemplos PARTNER ACCESS CUSTOMERS DIRECT SECURITY EASY HELLOWORLD INNOVATION REST & JSON
  • 84.  Permitir que o usuário assista e interaja com o conteúdo Netflix de onde quiser  Acelerar desenvolvimento de clients em novos devices  Controle do volume de acesso e segurança Desafios
  • 85. Segurança e Regras de Negócio Unificadas Diferentes Estilos de Navegação PUBLIC vs. PRIVATE √ √ √
  • 86. Valor de Mercado O Impacto que o lançamento da API da Netflix teve em seu valor de mercado (comparado ao principal concorrente da Netflix, BlockBuster)
  • 88. Outros Exemplos BYOD SSO SECURITY TIME TO MARKET INNOVATION OMNI-CHANNEL
  • 91.  Ampliar ao máximo a atração de conteúdo (tweets e imagens)  E ampliar também a propagação do conteúdo  Facilitar o enriquecimento do conteúdo (mashups, #hashtags, TT) Desafios
  • 92. Solução/ Resultado +13 BI DE API CALLS / DIA +75% DE TODO O TRÁFEGO VIA API
  • 97.  Divulgar resultados e dados sobre localização e gastos dos projetos globais  Permitir a exploração, transformação e enriquecimento desses dados  Criar formas inovadoras de interação Desafios
  • 98. HACKATHON *Hack no sentido de programação exploratória e divertida e não a cyber-crime HACK + MARATHON
  • 99. Hackathon realizado em Jun/2012 Diversas categorias: Big Data, Visualization, Anti- Corruption, Citizen Engagement App inovador incorporado pelo banco √ √ √ http://www.rhok.org/blog/power-open-crowd- sourced-ideas-crowd-powered-solutions
  • 101. Outros Exemplos DEVELOPERACCESS ENGAGEMENT PRIZES API DESIGN CHALLENGES ENERGY DRINK construídas em 1 dia durante o Hackathon da Kraft Foods realizado em Jun/2012 40 novas APPs de usar o Google Glass foram geradas durante o Glass Foundry hackathon realizado em Fev/2013 80 maneiras inovadoras
  • 102.
  • 104. 1 ALCANCE DAS PARCERIAS 2 ESTRATÉGIAS MULTI-DEVICES / MOBILE 3 PLATAFORMA / ECOSSISTEMA 4 INOVAÇÃO
  • 105. O DAS
  • 107. 5 tributos para APIs de Sucesso Valor Planejamento Flexibilidade Controle Suporte
  • 108. 5 tributos para APIs de Sucesso Valor – Encontre a raíz de valor da sua API: • Dado (Weather.com, Klout, Xignite) • Serviço (Telefonica, Salesforce) • Audiência (Facebook) • Mercado (Amazon, Novapontocom) • Acesso (Sabre Network) 1
  • 109. Proposição de Valor API boa em serviço ruim é como batom em porco!
  • 110. 5 tributos para APIs de Sucesso 2 Planejamento – Design das APIs – Patterns de projeto – Arquitetura de infraestrutura – Tecnologias envolvidas – Focado na audiência
  • 111. 5 tributos para APIs de Sucesso 3 Flexibilidade – Entregue: Poder de escolha, Controle e Opções avançadas – TTFHW: “Time to First Hello World” • Passos claros; • Alternativa free ou trial; • Processo simplificado de sign-up, • Documentação simples, • Exemplos de código e ferramentas
  • 112. 5 tributos para APIs de Sucesso 4 Controle – Gerenciamento: • Security, Keys, Monitoring, Reporting, Scaling, Rate limiting, Versioning – Medição: • Performance & Traffic, Developers & Apps, Quality, Marketing, Revenue, Trends
  • 113. 5 tributos para APIs de Sucesso 5 Suporte – Developer Experience (DX): • Sim, desenvolvedor também é um ser humano • Mecanismos de colaboração (forum, wiki etc) – Community Engagement • “Develop it and they will come” = FALSO
  • 114. Barreiras / Desafios • Incertezas de negócio Canibalizar outros canais (?) • Spaguettiware • Infraestrutura disponível Hardware e software (middleware) Opções na nuvem (?) • Aspectos de Segurança • Equipe / Expertise • Prioridade no Backlog
  • 116. API ?
  • 117. APIs Benefícios alvo [PRIORIZE DE 1 (MAIS PRIORITÁRIO) A 6 (MENOS PRIORITÁRIO) ] Prioridade Receitas e Modelos de Negócio Construção de Marca Velocidade no Desenvolvimento de Aplicativos Múltiplos canais e Estratégia Mobile Redução de Custos Operacionais Inovação em Produtos e Serviços
  • 118. APIs Barreiras / Desafios [PRIORIZE DE 1 (MAIS PRIORITÁRIO) A 6 (MENOS PRIORITÁRIO) ] Prioridade Incertezas de Negócio Spaguettiware Infraestrutura Disponível Aspectos de Segurança Equipe / Expertise Prioridade no Backlog
  • 120. Solução de APIs Sensedia 1- Ferramentas || 2 – Serviços de Consultoria Core Service Components Sensedia API Solution Core Technology Components API Gateway API Community Portal API Manager
  • 121. • Documentation • API Browsing • Forums, … • Sign up • Issue Tracking • Test calls • SDK’s Download • My API Usage • Lifecycle • Versioning • Client Keys Management • Set Policies (quota & limits) • Deploy (sandbox & production) • API Discoverer • API Analytics - Subscriptions - API Calls - Performance - Errors - Limits & Quotas by API or Key • Security (OAuth 2.0) • Protocol Transformation • Policy Enforcement • Exception handling • Alerts & Notification • Traffic Control and Debug Core Technology Components API Gateway Community Portal API Manager ESB Business Application 1 Business Application 2 Developers REST API Traffic Web Browser Policy Deploy Internal Call Get API Usage Publish Monitoring Internal Services Discovery • Custom Mobile Apps or Widgets • Partners Applications • Clients and Independent Developers
  • 122. Core Service Components Sensedia API Suite Plan BuildRun
  • 123. Core Service Components Sensedia API Suite Plan BuildRun Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, audiência e roadmap
  • 124. Core Service Components Sensedia API Suite Plan BuildRun Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, audiência e roadmap Infraestrutura de APIS e definição/evolução das práticas. Design e implementação da API
  • 125. Core Service Components Sensedia API Suite Plan BuildRun Monitoramento de uso, suporte à comunidade e evolução Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, audiência e roadmap Infraestrutura de APIS e definição/evolução das práticas. Design e implementação da API
  • 126. Core Service Components Sensedia API Suite Plan BuildRun Monitoramento de uso, suporte à comunidade e evolução Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, audiência e roadmap Infraestrutura de APIS e definição/evolução das práticas. Design e implementação da API
  • 127. Core Service Components  Planning Stage:  Scope and value  Business Model  Target Audience (Engaging)  Internal services GAPs and roadmap  Build Stage:  Infrastructure Definition and Deploy  RESTFull Design Best Practices  Basic Documentation  Adoption accelerators:  SDKs (C#, PHP, Java)  Custom mobile apps and widgets  Internal services GAP: Enablement  Run Stage:  Understand API usage  Support Users Community  Developers Onboarding / Key Management  Prepare for Change Sensedia API Suite Plan BuildRun
  • 128. Plan: Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, Audiência e Roadmap Build: Definição/evolução das práticas. Design e implementação da API Run: Monitoramento de uso, suporte à comunidade e evolução Ciclo 1 Plan BuildRun
  • 129. Plan: Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, Audiência e Roadmap Build: Definição/evolução das práticas. Design e implementação da API Run: Monitoramento de uso, suporte à comunidade e evolução Ciclo 1 Plan BuildRun Ciclo 2 Plan BuildRun
  • 130. Plan: Alinhamento de modelo de negócio, Validação de GAPs, Audiência e Roadmap Build: Definição/evolução das práticas. Design e implementação da API Run: Monitoramento de uso, suporte à comunidade e evolução Ciclo 1 Plan BuildRun Ciclo 2 Plan BuildRun Ciclo 3 Plan BuildRun
  • 131. Solução de APIs Sensedia 1- Ferramentas || 2 – Serviços de Consultoria Core Service Components Sensedia API Solution Core Technology Components API Gateway API Community Portal API Manager
  • 133. APIs NIVEL DE DISCUSSÃO DE APIS NA EMPRESA [MARQUE MAIS DE UM, CASO SE APLIQUE] [ ] Nunca discuto. [ ] Valor técnico percebido, apenas isso. [ ] Valor de negócio percebido, fora da área técnica. [ ] Iniciativa em discussão. [ ] Existe um plano de implantação de APIs, em implantação. [ ] Iniciativa descartada anteriormente. [ ] Existem APIs abertas.
  • 134. APIs EM QUE ÁREAS APIS GERARIAM VALOR [MARQUE MAIS DE UM, CASO SE APLIQUE] [ ] Marketing [ ] Comercial [ ] Canais [ ] Tecnologia [ ] Produtos e Serviços (de negócio) [ ] Atendimento [ ] Outras: ______________________________
  • 136. Taxa de crescimento de APIs Based on directory of 8,000 web APIs listed at ProgrammableWeb, Nov 2012 2000 Nov/2012
  • 137. API Billionaires Club 1.1 billion API calls / day (April 2011) 1.4 billion API calls / day (May 2012) 1 billion API calls / day (May 2012) 1 billion API calls / day (Q1 2012) 1 billion API calls / day (January 2012) 13 billion API calls / day (May 2011) Approx. 75% of all traffic via API 5 billion API calls / day (October 2009) 5 billion API calls / day (April 2010) Source: ProgrammableWeb Founder John Musser’s 905 billion S3 objects (+ 1 billion / day)
  • 138. API Billionaires Club 1.1 billion API calls / day (April 2011) 1.4 billion API calls / day (May 2012) 1 billion API calls / day (May 2012) 1 billion API calls / day (Q1 2012) 1 billion API calls / day (January 2012) 13 billion API calls / day (May 2011) Approx. 75% of all traffic via API 5 billion API calls / day (October 2009) 5 billion API calls / day (April 2010) 905 billion S3 objects (+ 1 billion / day) Source: ProgrammableWeb Founder John Musser’s
  • 139. Foco no desenvolvedor! Processos de onboarding “Time to First Hello World” Simplificação tecnológica REST! o que muda ...
  • 140. Arquitetura de Serviços Controle e boas práticas Padronização Design!!! ... o que segue
  • 142. OBRI GADO Marcilio Oliveira - CTO marcilio.oliveira@sensedia.com @marcilioso www.sensedia.com/br
  • 144. API Protocols and Styles Based on directory of 5,100 web APIs listed at ProgrammableWeb, February 2012
  • 145.  REST = Representational State Transfer  Alternativa ao SOAP  Características:  Utiliza XML sobre HTTP  Baseia-se em URIs e Recursos  Aproveita as operações comuns de POST, GET, PUT, DELETE  Mais simples de usar e leve que SOAP REST Services
  • 147. REST vs. SOAP Eligibility Aspect SOAP REST Client Target Internal Public Request volume Moderate High Distributed Transaction / Orchestration WS-* / BPEL Not Standardized Data Consistency Semantics Mostly ACID Mostly Eventual Strong Typed Contracts Yes / WSDL / XSD Not Standardized Security WS-Security Basic / Digest / OAuth / OpenID Application Tooling Very Mature Not Mature Application Language Support Good Best Interoperability Between Vendors Very Mature Not Mature
  • 148. Simples? SOAP POST /GetStock HTTP/1.1 Host: www.example.org Content-Type: applicaNon/soap+xml <?xml version="1.0"?> <soap:Envelope xmlns:soap=”http://www.w3.org/2001/12/soap- envelope" soap:encodingStyle=”http://www.w3.org/ 2001/12/soap- encoding"> <soap:Body xmlns:m=”http://www.example.org/stock"> <m:GetStockPrice> <m:StockName>IBM</m:StockName> </m:GetStockPrice> </soap:Body> </soap:Envelope> REST GET hXp://example.org/stock/IBM
  • 149. Simples? { "symbol": ”IBM", "price": 94.72, } <?xml version="1.0"?> <soap:Envelope xmlns:soap="http://www.w3.org/2001/12/soap- envelope" soap:encodingStyle="http://www.w3.org/2001/12/so ap-encoding"> <soap:Body xmlns:m="http://www.example.org/stock"> <m:GetStockPriceResponse> <m:Price>34.5</m:Price> </m:GetStockPriceResponse> </soap:Body> </soap:Envelope> XML JSON
  • 150. REST Services  Limitações: Ausencia de definição de contrato formal Inabilidade para controle de transações Definições de segurança mais limitadas Limitação na orquestração de serviços