SlideShare uma empresa Scribd logo
SEMBICICLETÁRIOS,CICLISTASRECLAMAMDE
FALTADELOCALSEGUROPARADEIXARABIKE
ASSALTANTE BATE EM SENHORA DE 80 ANOS
E É PRESO POR POLICIAL MILITAR DE FOLGA
CONSULTORIA VAI REFORÇAR PROJETO
GEOPARQUE CAMINHO DOS CÂNIONS DO SUL
Correio do SulANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.190 R$ 2,00TERÇA-FEIRA, 20 DE JUNHO DE 2017
www.grupocorreiodosul.com.br
15º6º
Predomínio de Sol - Sol na maior
parte do período.
Previsão para hoje
Extremo Sul Catarinense
ARROIO DO SILVA
ARARANGUÁ TURISMO
Página 13
Página 3 Página 11
Página 13
Economia
PROGRAMA CÂMARA SOLIDÁRIA
VAI DESTINAR R$ 70 MIL A CINCO
ENTIDADES BENEFICENTES
LeodegarprevêPPcomPSDePSBem2018
Sem planos
Ex-deputado federal Leodegar Tiscoski
(PP) diz que não tem nenhuma pretensão
eleitoral diante do pleito estadual do ano
que vem. De acordo com ele, seus planos
se restringem unicamente a fomentar
o bom desempenho de seu partido na
eleição vindoura. “O cenário político
está totalmente desnorteado. Enquanto
não houver uma reforma política no país,
de minha parte não tenho disposição em
retomar as disputas eleitorais”, comenta.
Conforme ele, o meio político precisará
se reinventar, e o melhor caminho para
isto é através de uma reforma que vá ao
encontro dos reais anseios da socieda-
de. “O problema é que os responsáveis
por promover isto são os mesmos que
não querem perder seus privilégios.
Privilégios que fatalmente seriam pe-
didos através da proposição de uma
reforma”,comenta.
Reanimado
DeputadofederalRonaldoBenedet(PMDB)
parece ter se reanimado com a disputa de
2018, depois que PSDB anunciou, oficial-
mente, apoio ao governo de Michel Temer
(PMDB). O parlamentar, que já ventilava a
possibilidade de não concorrer à reeleição,
passou a afirmar que “2018 será sua última
disputa à Câmara Federal”. A mudança de
postura, claro, está ligada ao fato da possi-
bilidadedealiançaentreoPMDBeoPSDB
em nosso Estado, o que ajudaria em muito
a chapa proporcional dos peemedebistas.
Aindaassim,dentrodoPMDBdeCriciúma,
permanece o clima de sobreaviso. Neste
sentido, parece tudo acertado para que o
deputado licenciado, e atual Secretário de
Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro,
substituaBenedetnadisputaàCâmaraFede-
ral, caso este de fato abra mão da reeleição.
Em princípio, e como sempre, o PMDB de
Criciúmanãoparecemuitopreocupadocom
odesejododeputadoestadualManoelMota
(PMDB) de também disputar uma cadeira
no Congresso Nacional.
ADVOCACIA EMPRESARIAL
FONE: (48) 3533-0145
S
ecretário Executivo da
Habitação de Santa Cata-
rina, e um dos caciques do
PP do Estado, ex-deputado federal
Leodegar Tiscoski acredita que apro-
ximação de seu partido com o PSD
do governador Raimundo Colombo,
e com o PSB da família Bornhausen,
é algo irreversível em 2018. De acor-
do com ele, “as tratativas internas
no PP dão todos os indicativos que
está tríplice aliança já está formada,
faltando, agora, definir a ordem dos
fatores”.
A ordem a que Leodegar se
refere, por óbvio, diz respeito espe-
cialmente a composição majoritária
desta aliança. Em princípio, o apoio a
um candidato a governador indicado
pelo PSD soa quase que de forma
natural. Os últimos desdobramentos
políticos, no entanto, que atingiram
diretamente figuras da sigla, como o
deputado estadual Gelson Merísio,
e o próprio governador Colombo,
acabaram por abrir outras possibili-
dades. Neste sentido, o PP também
sonha em poder ser apoiado na cabe-
ça de chapa pelo PSD e PSB. “Esta
é uma possibilidade e, se existe, não
custa tentar viabilizá-la”, comenta
Tiscoski.
A participação do PSDB nesta
aliança ainda é uma incógnita. O
partido está dividido em três alas.
Uma que quer se aliar ao PSD, outra
que almeja uma candidatura própria
ao governo, e uma terceira que vis-
lumbra uma aliança com o PMDB.
Esta é a que mais tem ganhado força,
por conta, principalmente, da apro-
ximação cada vez maior de tucanos
e peemedebistas em Brasília.
Para Leodegar a aliança com o
PSDB não pode ser descartada. Em
sua visão, o cenário político nacional
ainda está totalmente aberto, o que
faz com que os desdobramentos no
Estado também não possam ser pre-
vistos. “De repente, PSDB, PSD, PP
e PSB estarão no mesmo palanque
em nível nacional. Então isto deso-
brigaria o PSDB de nosso Estado de
se aliar ao PMDB, mesmo que estes
dois partidos também estejam unidos
em nível nacional. Diante de tantas
nuances, tudo é possível”, comenta.
Pelo atual quadro, no entanto, o
que se percebe é que tudo se encami-
nha para a edição de uma dobradinha
entre PSD e PP ano que vem, o que
lembra os velhos tempos de PFL e
PDS, não necessariamente nesta or-
dem. Isto porque, é muito provável
que de fato o PMDB e o PSDB de
Santa Catarina acabem fechando uma
aliança para disputar o governo em
2018. Ainda que setores do PSDB
relutem a esta ideia, isto será algo
imposto pela cúpula nacional do
partido como uma contrapartida dos
tucanos ao apoio que o PMDB deverá
dar a sigla na disputa presidencial.
Tudo parece bem alinhavado. O
problema são os tais desdobramentos
externos, que nos últimos meses têm
colocado o cenário político de todo o
país de cabeça para baixo.
Quase lá
Está publicado na edição de hoje do Di-
ário Oficial do Estado a relação das 15
empresasqueestarãoaptasacontinuarno
processo licitatório que visa a reforma e
ampliação do Colégio Catulo da Paixão
Cearense, de Sombrio. A primeira etapa
dalicitaçãofoiconstituídapelaentregade
documentos que comprovassem a capa-
cidade técnica das empresas. No total, 18
entraram na disputa, mas três acabaram
não conseguindo reunir os requisitos ne-
cessários.Agora vem a segunda parte da
licitação,queéquandoasempresasrema-
nescentesterãosuaspropostasfinanceiras
avaliadas pela Comissão de Licitações da
Agência do Desenvolvimento Regional.
Antes disto, no entanto, cabe recurso por
parte das empresas desclassificadas, ou
mesmo por parte das que permanecem
no certame, contra outras. É aí que mora
o perigo de um novo entrave.
Tudo errado
Presidente da Câmara Municipal de
Sombrio, Nego Gomes (PMDB), está
articulando a realização de uma audiência
pública com representantes do Dnit, órgão
responsável pela manutenção das rodovias
federais em todo o país. Ocorre que depois
da duplicação da BR 101, o trecho da ro-
dovia que compreende Sombrio, da divisa
com Santa Rosa do Sul, até a dívida com
Araranguá, acabou apresentando vários
problemas de trafegabilidade para os mo-
radoresdomunicípio.Quemestánocentro
da cidade, por exemplo, precisa trafegar
quase um quilômetro pela marginal San-
telmo Borba até adentrar na pista da 101.
O bairro Furnas também ficou sem acesso
de entrada pela BR. Outro problema diz
respeito ao trevo do bairro Januária, cujas
preferenciais são mal sinalizadas e, por
conta disto, não são respeitadas, causando
constantecongestionamento.“Fizeramtan-
tacoisaerradaquenãodanemdeacreditar.
Vamos pressionar para que o Dnit reveja
esteserros”,dizopresidentedolegislativo.
Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho
Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787
POLÍTICA
“As novas opiniões sempre nos parecem as mais
engenhosas e inteligentes. O motivo, no entanto, é
sempre o mesmo. É que elas nunca foram testadas
antes”.
Jonh Locke (1632/1704)
Filósofo e ideólogo inglês
3Geral Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
Cidadenãotem bicicletário público
Faz Falta
Apae enfrenta crise financeira
A Apae de Sombrio in-
terrompeu a avaliação de
crianças levadas pelos pais
que buscam o serviço de esti-
mulação precoce, e a partir de
agora começa a formar uma
fila de espera para este tipo
de atendimento. O motivo é a
falta de recursos para manter
a demanda que não para de
aumentar. A estimulação pre-
coce volta suas atividades às
crianças com até seis anos de
idade, e nunca tantas foram
atendidas, chegando a 46. O
trabalho é feito por uma equi-
pe de profissionais que inclui
fisioterapeuta, fonoaudióloga
e outros. Para dar conta de
tanta procura, seria preciso
fazer novas contratações e
aumentar a carga horária de
quem já é contratado. Tudo
isso custa caro e está fora do
alcance da escola.
A diretora da Apae, An-
dreaFaedrich,mostracomnú-
meros o problema. Em 2015,
a escola tinha 94 alunos, este
ano são 140, e nos últimos dez
anos, os convênios repassados
para manutenção da estrutura
não tiveram nenhum reajuste.
Com as despesas aumentando
V
ários profissio-
nais, inclusive
especialistas em
saúde e mobilidade urbana,
indicam a bicicleta como um
excelente meio de transporte,
pois possibilita a prática de
exercício físico, desafoga o
trânsito da cidade, não polui
o meio ambiente e é mais
econômica. Em Araranguá,
algumas pessoas costumam
utilizar a bicicleta para ir
trabalhar, no entanto, a fal-
ta de bicicletários públicos
para guardar a ‘magrela’ em
segurança é um dos entraves
que esses trabalhadores en-
frentam.
Aprofessora e promotora
de vendas, Josiane Fidelis
Goulart, de 38 anos, mora no
bairro Cidade Alta e trabalha
emquatrosupermercados,nos
bairros Cidade Alta, Centro
e Jardim das Avenidas, ela
utiliza a bicicleta como meio
de transporte há cerca de sete
meses e notou melhora na
sua saúde e disposição física.
Segundo Josiane, nos super-
mercados os bicicletários,
que são particulares, são bem
colocados, porém ela almoça
em restaurantes do Centro
e não encontra bicicletários
públicos para guardar seu
meio de transporte em segu-
rança, e normalmente usa
um cadeado e prende a bike
em postes ou apenas deixa
encostada em algum lugar. “A
gente vai trabalhar, nos mer-
cados têm, porém meio-dia,
quando saímos para almoçar
e vamos nos restaurantes do
Centro não encontramos bici-
cletários, muitas vezes temos
que deixar nossas bicicletas
cadeadas nelas mesmo e não
almoçamos tranquilos, outras
vezes conseguimos cadear em
postes”, confirma.
A jornalista Vanessa Iri-
zaga, de 26 anos, acredita
que apesar da cidade estar
mais consciente sobre a im-
portância do uso de transpor-
te alternativo, ainda faltam
incentivos mais concretos.
“Aqui em Araranguá, há em-
presas que disponibilizam
bicicletários, mas não muitos,
pois você percebe que muita
gente utiliza a bike para pas-
sear e trabalhar, basta dar uma
boa olhada na avenida XV de
Novembro, no fim de tarde.
Esta via concentra pedestres,
motoristas e ciclistas, que
muitas vezes disputam espaço
Sombrio
com os veículos, pois a ciclo-
via só compreende um trecho
da avenida, próximo ao IFSC
(Instituto Federal de Santa
Catarina)”, observa.
Vanessa ainda lembra
que a ciclovia é destinada aos
ciclistas, mas muitas pessoas
usam para caminhada. “Quan-
do está muita cheia, ou você
disputa espaço com eles ou
precisa ir para avenida mes-
mo”, lamenta.
A jornalista, que mora
no bairro Lagoão e trabalha
na Cidade Alta, conta que já
teve que improvisar por não
conseguir lugar para deixar
sua bicicleta e segundo ela
é mais fácil encontrar estes
locais no Centro, do que em
outros bairros. Para Vanessa,
a vantagem de usar bicicleta
é não precisar ficar esperando
ônibus e estar sujeito ao veí-
culo se atrasar ou apresentar
problema, ou mesmo evitar
gastos. “Desde 2011, uso a
bicicleta para chegar ao tra-
balho, já trabalhei no Centro
e nos bairros próximos e até
cheguei a ir de ônibus, mas
no bairro onde moro não têm
muitos horários disponíveis e
ficar dependendo do transpor-
te é complicado. Já o carro, a
questão da manutenção é o
que mais pesa na hora de usá-
-lo como transporte frequente,
pois você tem que pagar com-
bustível , que não está barato,
tem os impostos, além de
despesas no caso de acidentes
ou falhas mecânicas”, avalia.
Para Vanessa, a depen-
dência que as pessoas criam
só saindo de casa com o au-
tomóvel, contribui para o
distanciamento social. “No
caminho, você pode encontrar
conhecidos, amigos, além de
que se você não pratica es-
portes, sair para caminhar ou
pedalar já colabora com sua
saúde. Como não tenho muito
tempo atualmente para fazer
esportes, a bicicleta ajuda a
não ser totalmente sedentária
e ela dá um ânimo, principal-
mente pela manhã”, avalia.
As questões climáticas
também precisam ser estu-
dadas na hora de optar pela
bicicleta para ir trabalhar.
“Acho que, de onde moro até
o trabalho, dá pouco menos
que 15 minutos de bike. O
problema é quando tem muito
vento e estamos na direção
oposta, ou quando a chuva
é mais forte. Quando ocorre
uma tempestade mais intensa,
sou obrigada a ir de carona ou
táxi”, diz.
O funcionário público
Renato Martins, de 45 anos,
moranobairroUrussanguinha
e trabalha no Centro, ele usa a
bicicleta não só para ir traba-
lhar,mastambémparafazeras
voltas que precisa pela cidade.
“Semprequepossocostumoir
ao trabalho de bicicleta, e ao
banco e mercado também”. O
problema são os poucos bici-
cletários na cidade, enquanto
outra vantagem apontada por
Roberto para o uso da bici é a
de não precisar pagar o esta-
cionamento rotativo, cobrado
dos carros, na área central do
município.
Araranguá possui apenas
uma ciclovia, que ocupa parte
da avenida XVde Novembro,
no bairro Mato Alto. Existe
projeto para a criação de mais
uma, entreAraranguá e Morro
dos Conventos, ainda sem
previsão para sair do papel.
Araranguátambémnãopossui
nenhum bicicletário público.
Gislaine Fontoura
Araranguá
Também
falta ciclovia
e a receita permanecendo a
mesma e até diminuindo, não
tem como a conta fechar. En-
tãofecham-sealgunsserviços.
De fevereiro, quando as
aulas começaram este ano, até
abril, sem ter ainda assinado
nenhum convênio, a Apae se
manteve com os restos que
havia em caixa que mal as-
seguravam a sua manutenção
básica.
A situação em Sombrio
é semelhante a das demais
Apaes do estado, todas elas
vêm enfrentando dificuldades
financeiras, agravadas nos
dois últimos anos.
Bicicletas são deixadas presas em grades de cercas ou qualquer outro lugar disponível
Josiane usa sempre a bicicleta como meio de transporte
Alunos da Apae podem acabar sendo afetados pela falta de recursos para a instituição
4 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
Novas obras dão andamento ao município de BalneárioArroio do Silva: a pavimentação em
lajota da ruaArnaldo Hubbe, no trecho compreendido entre as ruas Pacífico Nunes e Guilherme
Becker; e da rua Arnaldo Rosa, trecho também entre a Pacífico Nunes e a Guilherme Becker.
A ordem de serviço foi entregue neste mês de junho para a empresa Lajecril. O ato foi
realizado no gabinete do prefeito Juscelino Guimarães, o Mineiro, e contou com a presença do
assessor parlamentar representante do deputado estadual Rodrigo Minotto, Ailton Laurindo.
Secretários municipais, vereadores e lideranças do PDT acompanharam o ato.
As obras nas ruas do bairro Erechim devem iniciar nos próximos dias.
Avançoseretrocessosem27anos
Prefeitura pavimenta ruas
N
o mês de seus 27 anos de fundação, o Jornal
Correio do Sul promoveu um debate, na
Rádio 93 FM, sobre as conquistas da região,
e o que ainda se espera conquistar.
Os convidados foram o proprietário do
JornalVolta Grande de Jacinto Machado, José MotaAlexandre,
o Motinha, os empresários Leonildo Pereira, o Leo, e Loro
Gomes e o vereador sombriense José Eraldo Soares, o Peri. A
discussão foi intermediada pelo jornalista Jabson Muller, diretor
do Correio do Sul.
O resultado da conversa não foi muito animador. Para Mo-
tinha, as lutas da região nos últimos 27 anos continuam muito
semelhantes. “Antes lutávamos para asfaltar estradas como a
Sombrio-Jacinto, hoje lutamos para que ela seja conservada,
porque está intransitável. A rodovia continua sendo notícia”,
disse. Peri concorda e citou outro exemplo de uma luta abraçada
pelo CS, que até hoje espera solução. Desde as suas primeiras
edições, o jornal trouxe reportagens denunciando a situação da
Lagoa do Sombrio e pedindo providências. “Em 2003, acom-
panhei a assinatura de um documento que destinava R$ 500 mil
para desassorear a lagoa, e nada foi feito até hoje”, lamentou.
Empreendedor do ramo de entretenimento e um dos pri-
meiros clientes do Correio do Sul, Loro Gomes talvez viva a
situação mais emblemática das dificuldades da região em obter
avanços. Quando o jornal foi fundado, ele já morava na Serra
do Faxinal, em Praia Grande, e lutava pela sua pavimentação,
o que faz ainda hoje, pois a serra continua sem asfalto em boa
parte do trajeto. “Na serra hoje é pior do que há 30 anos, pois
antigamente tinha uma equipe pra fazer a manutenção, e hoje
isso não existe mais”, afirmou.
Jabson MullerJabson Muller
Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
(48) 99955.5313
POLÍTICA
jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br
Algumas conquistas, porém, existiram. Em junho de 1990,
quando o CS foi fundado, a região do extremo-sul catarinense
tinha apenas nove municípios, hoje eles são 15. Leo avalia que
as emancipações promoveram o desenvolvimento dos novos
municípios. “Sombrio perdeu duas partes de seu território, para
SantaRosaeGaivota,mesmoassim,achoquefoivantajosopara
todos, inclusive para Sombrio. O município era muito grande
e ficou mais fácil dar maior atenção ao centro e aos bairros”,
avaliou.
De maneira geral, todos acreditam que a região sempre foi
esquecida pelos governos estadual e federal. “Pra nós ganhar
uma obra demora 15, 20 anos”, enfatizou Motinha. Diante desse
comentário, o grupo lembrou de uma outra obra que a região
aguarda por décadas: a construção da barragem do Rio do Salto.
Mas a culpa não recai somente sobre o governo, pois todos
concordam que também falta maior mobilização por parte da
sociedade. Manifestações, protestos, pressão feita em conjunto
por todos os setores da sociedade e partidos políticos, são ra-
ros. A população não cobra como deveria, e não recebe o que
mereceria.
Foram assim os últimos 27 anos, com avanços e retrocessos,
todoselesacompanhadosdepertopeloCorreiodoSul,quebriga,
incentiva e defende, incondicionalmente, o desenvolvimento do
extremo-sul catarinense.
6 GeralJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
G.C.S LTDA - ME
Comercial:
l48l 3533.0870
comercial@grupocorreiodosul.com.br
Diretor Geral
Jabson Muller
l48l 9955.5313
diretor@grupocorreiodosul.com.br
Redação:
editor@grupocorreiodosul.com.br
Publicações legais:
tomaz@grupocorreiodosul.com.br
Financeiro
financeiro@grupocorreiodosul.com.br
Radio 93FM
radio93fm@grupocorreiodosul.com.br
Diagramação/Arte:
correiodosul@grupocorreiodosul.com.br
Sul Gráfica
sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br
Circulação/Assinatura
l48l 3533.0870
assinaturas@grupocorreiodosul.com.br
O
sdiretoresdas43
escolas da rede
estadual de ensi-
no da região participaram na
última semana, do encontro
que marcou a conclusão de
um módulo do curso de for-
mação do Plano de Gestão
Escolar (PGE) com o tema
‘Gestão democrática e o papel
do gestor’.
Os assuntos abordados na
tarde de estudo destacaram a
necessidade dos gestores re-
visitarem seus Planos de Ges-
tão Escolar (PGE) e Projeto
Político-Pedagógico (PPP).
Ainda com intuito de desta-
car a dimensão pedagógica,
a avaliação da aprendizagem
foi novamente retomada, e o
planejamento com foco na
Teoria da Atividade com ên-
fase na Proposta Curricular de
Santa Catarina. Outro assunto
abordado foi a Sistemática de
Avaliação da Gestão Escolar.
A tutora de gestão esco-
lar da Gerência Regional de
Educação,Ana Dirce de Vila,
informa que os diretores terão
um seminário de oito horas no
dia 6 de julho, emAraranguá,
onde socializarão práticas
relevantes da gestão demo-
crática do primeiro semestre
Gestão
Diretores concluem
curso de formação
letivo de 2017 com foco na
dimensão pedagógica. Ela
lembra que o objetivo da
formação é o de subsidiar os
gestores para a implantação
e reorganização do ensino,
pautado nas demandas atuais,
e avalia a formação. “Reco-
nhece-se que os processos
de democratização e descen-
tralização têm transformado
o ambiente escolar, criando
desafios importantes para
a direção, num movimento
histórico em que as pessoas
exigem este novo modo de
ser nas relações de poder
entre os diversos segmentos
educacionais”.
Região
ODP para monitorar gastos públicos
R
eduzir despesas para aumentar os investimentos é o desafio de todo
gestor público, ainda mais em tempos difíceis, de queda na arreca-
dação. Atenta à situação, a Secretaria de Estado da Fazenda vai
apresentar para 19 municípios a metodologia do Observatório da Despe-
sa Pública (ODP), uma espécie de malha fina dos gastos governamentais.
Na lista de confirmados no seminário, que ocorre das 13 às 18 horas, no
Centro Administrativo do Governo, em Florianópolis, estão representan-
tes dos 12 maiores PIBs catarinenses: Joinville, Florianópolis, Itajaí, Blu-
menau, Jaraguá do Sul, São José, Chapecó, Criciúma, Brusque, Palhoça,
Balneário Camboriú e Lages. Também foram convidados sete municípios
do Programa Qualifica: Camboriú, Nova Trento, Mirim Doce, Gaspar, Rio
Negrinho, Rio do Sul e Massaranduba. As cidades serão convidadas a as-
sinar um Acordo de Cooperação Técnica para aderir ao ODP. Atualmente,
a rede ODP conta com a adesão de 13 estados (PR, MS, GO, TO, MG, ES,
AL, PE, CE, AP, RO), incluindo Santa Catarina e Bahia, estados precur-
sores. Também participam da rede os municípios de São Paulo e Recife,
totalizando 15 entes, além da própria Controladoria Geral da União. “O
principal objetivo do ODP é monitorar as despesas públicas de forma a
aprimorar a gestão e evitar desvios. Queremos fazer uma grande rede em
Santa Catarina para termos um controle cada vez mais eficiente dos gastos
públicos”, explica Augusto Piazza, diretor da Auditoria Geral do Estado.
Tratores Vinte e duas cidades catari-
nenses foram contempladas, ontem, com
tratores que vão fortalecer suas patrulhas
agrícolas. Num investimento de R$ 1,6
milhão, as máquinas foram adquiridas
pela Secretaria de Estado da Agricultura,
em parceria com o Ministério da Agricul-
tura, Pecuária e Abastecimento (MAPA),
por meio de emenda parlamentar do de-
putado Esperidião Amim (PP-SC).
O ato de entrega foi prestigiado. Es-
tavam presentes o secretário estadual da
Agricultura, Moacir Sopelsa, que é do
PMDB, o líder da bancada do PP na As-
sembleia, deputado José Milton Scheffer,
e os deputados Altair Silva e João Amin,
também do PP, além de prefeitos, verea-
dores e secretários dos 22 municípios con-
templados, de diferentes regiões.
Depressão Conforme anunciado pela
Coluna Pelo Estado, foi realizada on-
tem, na Assembleia, audiência pública
sobre Causas e Consequências da De-
pressão em Santa Catarina. Como re-
sultado prático, haverá indicação da parte
do deputado proponente, Antonio Aguiar
(PMDB), tanto para a Secretaria de Esta-
do da Saúde quanto para o Ministério da
Saúde, sugerindo ampliar recursos para
serviços de atendimento psicossocial em
razão da prevalência dos casos de depres-
são e números alarmantes de suicídios.
CVV Um dos problemas apontados foi a
falta de leitos hospitalares para esse tipo
de paciente e de recursos para criar Cen-
tros de Atenção Psicossocial (CAPs) de ní-
vel 3, para atendimento permanente des-
sas pessoas. Outra demanda é a ativação
do número 188, para chamadas sem custo
ao Centro de Valorização da Vida (CVV)
por doentes em momentos de crise.
Prêmio Com apoio da Associação de
Diários do Interior (ADI-SC) e outras en-
tidades ligadas ao setor da Comunicação,
será lançado na próxima sexta-feira (23)
o Prêmio de Jornalismo da Federação das
Indústrias (Fiesc), edição 2017. Poderão
ser inscritas matérias jornalísticas pu-
blicadas em veículos impressos, internet,
televisão e rádio no período de 20 de se-
tembro de 2016 a 18 de setembro de 2017.
A premiação totalizará R$ 75 mil.
Pesca em Brasília
Apesar de ter a maior produção pesqueira no Brasil,
Santa Catarina vive um problema grave no setor da
pesca, com portarias equivocadas e que resultam em
penalizações para os pescadores, sejam artesanais ou
profissionais. Por isso, o deputado João Rodrigues (PS-
D-SC) agendou para hoje, em Brasília, uma audiência
pública para discutir as portarias ministeriais que regu-
lamentam a pesca, principalmente a da tainha. Foram
convidados para a audiência o Secretário Nacional de
Aquicultura e Pesca, Dayvison de Souza, o Secretário
do Departamento de Conservação e Manejo de Espécies, do Ministério do Meio
Ambiente, Ugo Eichler, o representante do Coletivo Nacional de Pesca, Agnal-
do Hilton dos Santos, e o representante da Universidade do Vale do Itajaí, Pau-
lo Schwingel. Entre os quase 50 titulares e 40 suplentes da Comissão de Agri-
cultura da Câmara dos Deputados, que poderão participar da audiência, cinco
são catarinenses. Além de João Rodrigues, compõe a comissão Valdir Colatto,
Celso Maldaner e Rogério Peninha Mendonça (PMDB) e Jorge Boeira (PP).
joaorodrigues.com.br
Por Andréa Leonora
redacao@peloestado.com.br
20/Jun/2017
Qualificação e democratização da gestão escolar foram discutidos durante encontros
7Geral Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
Crianças ajudam a plantar árvores
Mãos na Terra
Pequeninos aprenderam sobre preservação da natureza na sala de aula e depois ajudaram a plantar mudas de árvores
Turminha da creche gostou de ajudar pessoal da Fama De hoje até quinta-feira, padres estarão reunidos em Criciúma para o estudo anual
N
a última semana,
a FundaçãoAm-
biental do Mu-
nicípio de Araranguá (Fama)
realizou o plantio intercala-
do de mudas nativas de ipê
amarelo, árvore símbolo do
município, e de quaresmeira.
O plantio foi feito em parte
do canteiro central da ave-
nida Engenheiro Mesquita,
no Centro da cidade, com a
colaboração de 21 alunos,
de quatro ou cinco anos e
professores do pré-escolar do
Centro Educacional Infantil
Maria João. Segundo Luiz
Leme, presidente da Fama,
as duas espécies florescem em
épocas diferentes e o canteiro
mudará o visual, dependendo
da fase de florescimento das
plantas. “Em um período tere-
mos os ipês floridos e noutro
as quaresmeiras, deixando o
canteiro bem atraente”, disse.
O projeto de replantio
abrange toda a extensão da
avenida e depois de um tem-
po, quando as novas plantas
já estiverem desenvolvidas, as
árvores antigas serão retiradas
e plantadas em outros locais.
Padres terão semana de estudo
Nesta semana, padres da
Diocese de Criciúma estarão
ausentes de suas paróquias.
A Coordenação Diocesana de
Pastoral promove o Estudo
Anual do Clero. A atividade,
que terá início às 8 horas desta
terça-feira, na sede da Funda-
ção Shalom da Família, em
Linha Batista, Criciúma, terá
como tema ‘Iniciação à Vida
Cristã’ e será assessorada pelo
padre salesiano Luiz Alves de
Lima, de São Paulo.
“Em nossa Assembleia
Diocesana, no ano passado, o
temaIniciaçãoàVidaCristãfoi
apontadocomoprioridadepara
ospróximosanosnanossaação
pastoral. O primeiro passo que
queremos dar é promover uma
boa reflexão com os padres
e leigos. Queremos estar em
sintonia com a caminhada da
Igreja no Brasil e, por isso,
traremos o padre Lima que,
há mais de 30 anos, estuda e
Região
Gislaine Fontoura
Araranguá
escreve sobre o assunto para
dar introdução aos nossos tra-
balhos.Nãobastaacolhermoso
tema,mastemosqueassumi-lo
verdadeiramente. Compre-
endemos que o processo da
Iniciação à Vida Cristã é longo
econtínuo.Nãosebastaapartir
de uma ou de duas palestras ou
reflexões. Levar os principais
líderes – padres e catequistas
– a compreender como se vi-
vencia este processo, garante
que a catequese seja assumida
com maior evidência”, ressalta
o coordenador Diocesano de
Pastoral, padre Joel Sávio.
O método de Iniciação à
Vida Cristã envolve família,
comunidade, liturgia e todos as
lideranças diretamente ligadas
à catequese. O Estudo do Cle-
Na Engenheiro Mesquita
estão plantadas jamelões, que
já passaram por podas drás-
ticas para redução do porte,
devido aos transtornos que
estavam causando, inclusive,
atingindo a rede elétrica. Os
moradores também haviam
feito um abaixo-assinado pe-
dindo solução para os proble-
mas que os jamelões estavam
causando na via pública.
Antes de iniciarem o
plantio, os servidores da
Fama fizeram uma pequena
explanação para as crianças
sobre a importância de pre-
servar o meio ambiente. Para
a professoraVanderleaAguiar
Pupo, que acompanhou a
turminha, o projeto incentiva
os alunos a cuidarem da natu-
reza. “Nós já trabalhamos na
sala de aula sobre preservação
ambiental e agora eles estão
ajudando a plantar as árvores,
o que torna o aprendizado
mais palpável, eles estão
aprendendo que tem que fazer
a cova, plantar, está sendo
um encantamento”, decla-
rou. Conforme a professora,
os pequenos retornaram a
avenida para acompanhar o
crescimento das árvores que
plantaram.
A aluna Laura Gava Lo-
pes, de quatro anos, contou
que já tinha aprendido sobre
as árvores, mas que esta foi
a primeira vez que plantou.
“Eu gostei muito de plantar
as árvores e quero voltar aqui
para ver como elas vão ficar”,
falou. Já a colega Miriam
Carvalho Soares, de quatro
anos, é veterana no plantio de
mudas, ela já havia realizado
esta atividade em sua casa,
porém contou que gostou
mais de plantar as mudas jun-
to com seus colegas. “Gostei
mais de plantar aqui, é mais
divertido”, afirmou.
ro será encerrado na tarde de
quinta-feira, mas padre Lima
permanece em Criciúma até o
fim de semana, uma vez que
ministrará o mesmo tema no
Seminário Diocesano de Cate-
quese, para um grupo de mais
de 300 pessoas, envolvendo
religiosas, catequistas e mem-
bros das equipes paroquiais de
preparação.
EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão
Cruzadinha Novelas
J
acinto avisa a Thomas
que o corpo de Elvira
foi encontrado. Joaquim
recebe a notícia da morte de
Elvira e tenta acalmar Quin-
zinho. Germana e Licurgo
acusam Joaquim pela morte
de Elvira e o rapaz acaba
preso. Peter e Libério tentam
libertar Joaquim e avisam a Dom Pedro e Bonifácio. Hugo
tranquiliza Quinzinho. Thomas é interrogado pela morte
de Elvira. Dom Pedro visita Joaquim na cadeia, mas vai
embora quando Joaquim fala de Domitila. Thomas revela
a Anna que Joaquim foi acusado pela morte de Elvira.
Novo Mundo -18h
T
ânia é suspensa por ter
mexido no armário de
Sandra Helena. Bebeth
devolve a carteira a Dom.
Elza e Prazeres convidam
Antônia para a festa sur-
presa que preparam para
Júlio. Antônia fica surpresa
ao saber por Domênico que
o segurança do hotel está em coma. Pedrinho não aceita a
ajuda de Eric. Athaíde pergunta a Lígia se Maria Pia é sua
filha. Madalena conta a Maria Pia que Athaíde flagrou Lígia
e Pedrinho se beijando. Malagueta ajuda Sandra Helena a
inventarqueabolsadegrifefoiumpresentedeDonaMarieta.
B
ibi volta para casa após
incendiar o restauran-
te. Jeiza e Ritinha se
desafiam dançando o carim-
bó. Abel se preocupa com a
influência de Ritinha sobre
Zeca. Dantas é alertado
sobre o incêndio no restau-
rante, e Aurora desconfia
do envolvimento de Bibi. Duda revela a Cibele que Anita
terminou o namoro comAmaro. Yuri conta para um amigo
sobre o jogo de que está participando na internet. Heleni-
nha se desentende com Yuri por causa de Bibi. Ivana visita
Cláudio. Cibele arma para Ruy, com a ajuda de Shirley.
AForça do Querer-21h
Pega Pega -19h
Rapidinhas
Áries 21/03 a 20/04
21/04 a 20/05
21/05 a 20/06
21/06 a 20/07
21/07 a 20/08
21/08 a 20/09
21/09 a 20/10
21/10 a 20/11
21/11 a 20/12
21/12 a 20/01
21/01 a 20/02
21/02 a 20/03
Leão
HoróscopoHoróscopo
Sagitário
Gêmeos Libra Aquário
Touro
Para tomar decisões será um dia tranquilo,
no qual você tende a tomar iniciativa. O Sol
será importante nessa trajetória de conquistas.
Apresentará bastante coragem para enfrentar
pequenas dificuldades.
Irá influenciar algumas pessoas com suas opi-
niões sobre o gosto em relação a várias coisas.
Seja perseverante e não desista daquilo que
acredita. Não obstante Vênus irá ajudar a manter
esse espirito vitorioso.
Irá variar suas opiniões influenciadas por Júpiter,
o que lhe deixará em uma situação desconfor-
tável. Tente usar sua curiosidade para explorar
melhor o ambiente ao seu redor. Lugares ao Ar
livre te favorecerão.
Despertará uma forte capacidade de compreen-
der sinais que aparecerão durante o dia. Júpiter
para esta constelação será generoso e ajudará
para transluzir melhor as ideias e as relações
com pessoas mais incompatíveis.
Despertará uma forte capacidade de compreen-
der sinais que aparecerão durante o dia. Júpiter
para esta constelação será generoso e ajudará
para transluzir melhor as ideias e as relações
com pessoas mais incompatíveis.
A falta de organização no seu ambiente de tra-
balho lhe deixará muito irritado. Acabará por se
incomodar mesmo em lugares públicos. Vênus
pode ser o vilão, busque na praticidade o caminho
para chegar no seu objetivo.
O diálogo será a forma na qual você chegará ao
senso comum e com mais tranquilidade. Saturno
auxiliará no seu projeto de busca de tranquilida-
de. Procure não se deixar distrair por problemas
de pequena importância.
Entrar de cabeça em uma ideia será a frase
chave para o seu dia. Urano intervirá a seu
favor para ir com maior profundidade aos seus
objetivos. Porém não tente controlar tudo ao
mesmo tempo saiba dividir as tarefas.
O bom humor levará você a ter uma perspectiva
mais otimista da vida. Tudo isso lhe propor-
cionar um excelente bem estar, Júpiter e o
elemento fogo te ajudarão. Siga com coragem
e perspicácia nessa sua empreitada.
Não irá se esconder perante momentos desa-
fiadores, sua competitividade vai auxiliar neste
repto. Marte nesta constelação dará mais força
para você. A responsabilidade tende a não te
abandonar nessa jornada.
Muito do seu lado mais irrequieto e agitado irá
estar presente um bom período durante o dia.
Mercúrio bloqueará um pouco mais a sua capaci-
dade de modificar sua forma de pensar. Dialogue
mais com pessoas diferentes.
Estar junto de você será uma experiência muito
boa, pela energia que irá trasbordar de você.
Romantismo será a palavra que renovará o
seu dia. Netuno passará serenamente por esta
constelação tão amorosa e carinhosa.
Virgem Capricórnio
Câncer Escorpião Peixes
Em plena segunda-feira (19), Klebber Tole-
do e Camila Queiroz conseguiram causar um
completo alvoroço, entre os milhares de admi-
radores que possuem, na internet. Tudo porque,
por meio de suas páginas oficiais no Instagram,
os pombinhos anunciaram, com as mais lindas
palavras possíveis, que estão noivos. Em uma
das imagens compartilhadas, na rede social, o
ator aparece ajoelhado, enquanto colocava um
lindo anel de compromisso no dedo da amada.Ao
todo, as publicações feitas pelo casal já somam
mais de 500 mil curtidas, além de terem rendido
comentários do tipo “Lindos”, “Parabéns”, “Feli-
cidades” e até “Vocês são tão fofos”.
Faltando apenas alguns meses para celebrar
seu aniversário de seis aninhos, Davi Lucca tem
tudo para seguir os passos do pai, Neymar Jr.,
quando o assunto é o sucesso que o jogador faz,
na internet. Ainda no último domingo (18), o cra-
que enlouqueceu e encantou os quase 77 milhões
de seguidores que possui, no Instagram, depois
de usar a rede social para mostrar um registro que
fez, do herdeiro, durante um safári realizado na
África. Na imagem, Davi Lucca aparece fazendo
careta para a câmera e deixando ainda mais à
mostra toda a sua já conhecida fofura. Como já
era de se esperar, a foto deixou os internautas
completamen-
te derretidos
e já estava
quase ultra-
passando a
impressionan-
te marca de
dois milhões
de curtidas,
em apenas
algumas ho-
ras no ar.
Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
TÂNIA DUARTE Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
48 3533.0762
tania@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/tania.duartecoelho
SocialSocial
Pelo mundo: Marcon Caldeira e Mônica,
Daniel Colares e Janaína, Vito Basso e
Sandra em Sintra Portugal.
O advogado André Barreto e a ar-
quiteta Priscila estão em tour pela
Europa, na foto em Londres.
Enlace: Ana Paula
Medeiros e João Paulo
Floriano casaram-se no
último sábado (17) em
Sombrio. Felicidades
ano novo casal!O prefeito de Balneário Arroio do Silva, Juscelino Guimarães, o
Mineiro, e a rainha da Festa do Peixe, Safira Aguiar, estiveram
em Florianópolis para divulgar a realização da 26ª edição da
Festa do Peixe que acontece nos dias 29 de junho a 2 de julho
no município. Na foto com Secretário de Turismo Leonel Pavan,
e Secretário Estado da Assistência Social Valmir Comin.
Os funcionários da Cooperja abriram mão da
festa do Dia do Trabalho, em prol de instituições
filantrópicas das cidades as quais a cooperativa
possui filiais. No dia 14 de junho, foi realizada
a entrega oficial para o Hospital São Roque e
Apae de Jacinto Machado.
A Escola de Futebol EuroBarcelona/Araranguá, por
meio do Programa Euro Intercâmbio, anuncia a ida de
dois de seus atletas para realizarem testes em clubes
espanhóis. Eles embarcam em agosto , cumprindo 13
dias de atividades programadas. O intercâmbio tem por
objetivo proporcionar treinamentos nas categorias de
base de clubes da região da Catalunha, que atualmente
encontram-se entre as 4 primeiras divisões do Campeo-
nato Espanhol. Entre os times conhecidos, destacam-se
o Barcelona e o RCD Espanyol.
10 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
11Geral Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
Projeto Geoparque ganha consultoria
Passo Adiante
Atividades serão desenvolvidas nos municípios de Praia Grande, Jacinto Machado, Timbé do Sul e Morro Grande
Cânions dão nome e são as grandes atrações da área que abrange projeto Geoparque
Atividade realizada no Instituto Federal é aberta ao público Abraço ao Catulo, em um dos atos pedindo reforma
Licitação do Catulo
mantém 15 empresas
Marketing é tema do Café com Moda
A comissão de licitação
da Agência de Desenvolvi-
mento Regional (ADR) de
Araranguá concluiu a análise
da documentação de habilita-
ção das 18 empresas partici-
pantes do processo licitatório
para reforma e ampliação da
EEB Catulo da Paixão Cea-
rense, localizada no centro de
Sombrio.
O resultado da análise
será publicado nesta terça-
-feira, no Diário Oficial do
Estado de Santa Catarina,
indicando que 15 empresas
estão aptas a continuarem no
processo, e outras três foram
inabilitadaspornãoatenderem
às especificações contidas no
edital.
A partir de hoje, as 18
empresas terão um prazo de
até dois dias úteis para apre-
sentar recursos com relação
à habilitação e inabilitação.
Caso não haja recurso, será
marcada a data para abertura
O curso técnico em Pro-
dução de Moda do IFSC
Câmpus Araranguá realiza
nesta quarta-feira, a sétima
edição do Café com Moda,
tradicional evento realizado
pelos formandos. Neste ano,
o tema é a importância do
marketing na moda.
A programação começa
às 16h desta quarta, no au-
ditório do IFSC em Araran-
guá, com entrada gratuita e
aberta a todos os interessa-
dos no tema.
Os estudantes apresen-
tarão vídeos com a confir-
mação de tendência de moda
para o inverno 2017. Em se-
guida, haverá um bate-papo
sobre o marketing na moda
com Ana Beatriz Koerig,
que contará sua experiência
com a mudança de posicio-
namento da loja Fazendo
Grau, e Pauli Duarte, que
falará sobre as tendências
do marketing para noivas,
especialidade de seu atelier.
O Café com Moda é
organizado pelos formandos
das propostas de preço das
habilitadas.
O secretário executivo da
ADR Araranguá, Heriberto
AfonsoSchmidt,destacaquea
Agência está trabalhando para
o mais rápido possível apre-
sentar a vencedora e iniciar
as obras no Catulo, sendo que
após iniciada, a obra deverá
ser concluída no máximo em
11 meses. “Todas as empresas
participantes do certame já
estão cientes de que deverão
cumprir este prazo”, diz.
em técnico em Produção
de Moda, como parte do
Projeto Integrador, trabalho
Sombrio
Araranguá
O valor orçado para a
construção é de cerca de R$
3,8 milhões, investimento
do Governo do Estado, por
meio do Pacto pela Educação.
Serão no total 4.258,57m² de
melhorias, entre 3.442,04m²
de reforma e 816,53m² de
ampliação.
O prédio da EEB Catulo
da Paixão Cearense está inter-
ditado pelo justiça desde 2015
e os alunos estão estudando
em salas de aula emprestadas
de outra escola.
de conclusão do curso e
orientação da professora
Roberta Lohn.
F
oi realizado nes-
ta segunda-feira, o
pregão presencial
para contratação de serviços de
consultoria para desenvolver a
estratégia de geoconservação
doprojetoGeoparqueCaminho
dos Cânions do Sul - Território
Catarinense. A vencedora é
a Geodiversidade Soluções
Geológicas, de Curitiba e os
recursos são do Programa SC
Rural.
A empresa deverá reali-
zar, dentro de seis meses, os
estudos necessários para que
os cânions entrem no processo
decandidaturaparainserçãona
Rede Mundial de Geoparques,
através do reconhecimento da
Unesco.Asatividadesserãode-
senvolvidas nos municípios de
PraiaGrande,JacintoMachado,
Timbé do Sul e Morro Grande.
O desenvolvimento da
estratégia de geoconservação
deverá conter o inventário
dos geossítios existentes no
território, bem como a revi-
são dos estudos prévios sobre
patrimônio geológico. A partir
disso, deverá ser feita a avalia-
ção do potencial uso para cada
geossítio (científico, educativo
e/ou turístico), das técnicas
de conservação necessárias
e das ações e programas de
valorização e divulgação do
atrativo. Também será neces-
sário estabelecer o programa
demonitoramentodesteslocais
paragarantir,simultaneamente,
o uso e a conservação.
O secretário estadual de
Turismo, Cultura e Esporte,
Leonel Pavan, homologou a
licitação nesta segunda-feira.
“Estamoscomeçandoatirardo
papel um grande projeto para o
turismo”, comemorou.
Região
Foto: Saul Oliveira / SOL
12 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
13Geral Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
EconomiadaCâmaraajudaentidades
Bom Exemplo
Vereadores e representantes das entidades beneficiadas com repasse de recursos, anunciados na sessão de ontem
Soldado Pedroso (direita) perseguiu e pegou o bandido
O
projeto Câma-
ra Solidária,
da Câmara de
Vereadores de Araranguá,
que já havia, no início
deste ano, destinado R$
200 mil à Secretaria de
Saúde, para zerar as filas
de exames dos usuários do
Sistema Único de Saúde
(SUS) do município e
também doado um veí-
culo à mesma secretaria,
desta vez, anunciou a
doação de R$ 70 mil para
entidades beneficentes do
município.
O anúncio ocorreu
durante a sessão da noi-
te desta segunda-feira,
que estava lotada, com
usuários, diretores e fun-
cionários das entidades
beneficiadas, autoridades
políticas da região e popu-
lação. A sessão serviu para
formalizar a devolução de
R$ 70 mil ao Poder Exe-
cutivo, através de recursos
que foram economizados
pela atual gestão do Le-
gislativo e que poderão
contribuir com projetos
sociais.
No momento, cinco
entidades receberão a aju-
da, são elas a Associação
dos Pais e Amigos dos Ex-
cepcionais (Apae) de Ara-
ranguá, Grupo Escoteiros
Ariringuá, Albergue São
Marcos, Adadar que é uma
associação ligada à Igreja
Assembleia de Deus, e
o Asilo São Vicente de
Paulo. Os recursos serão
distribuídos entre estas
entidades, que estiveram
apresentando os pedidos
formalmente ao Legislati-
vo e receberam a visita de
alguns vereadores, que co-
nheceram o andamento de
seus projetos e a estrutura
que disponibilizam para a
realização dos trabalhos.
Deonel Alves da Sil-
va, presidente da Apae,
agradeceu aos vereadores
pelo recurso que será des-
tinado à instituição. “Que-
ro elogiar a bravura dos
vereadores em administrar
a Casa, fazendo economia
e doando o dinheiro para
as entidades sociais, em
meio à crise que assola o
país, graças a esta ação da
Câmara de Vereadores é
que algumas associações
filantrópicas estão come-
çando a ver uma luz no
fim do túnel, para honrar
com seus compromissos
financeiros e administrati-
vos. Imaginamos que esta
ação é apenas o começo
para que outras surjam,
sabemos que a filantro-
pia de co-gestão é uma
grande parceira do poder
público e da sociedade”,
ponderou.
Assaltantebateemsenhorade80anos
Por volta das 17h15min
desta segunda-feira fria, uma
idosa de 80 anos, natural do
Rio Grande do Sul e moradora
de Balneário Arroio do Silva
há 22 anos, foi assaltada e
agredida por um marginal, que
lhe desferiu um tapa no rosto
e torceu seu braço esquerdo.
O crime covarde aconteceu
quando a senhora de cabelos
brancos e aparência frágil
retornava do supermercado
com uma bolsa grande, onde
guardava as compras e uma
sacolinha com dinheiro e um
cartão de banco.
O ladrão, identificado
como André Marcelino, de 36
anos, se aproximou da senhora
de bicicleta e após agredi-
-la, mandou-a ficar quieta e
entregar o celular. A idosa
conversou com a reportagem
e contou que ficou apavorada,
ela disse ao assaltante que não
tinha celular e ele revirou a
bolsa, derrubando tudo que
havia dentro no chão, inclusive
a sacolinha com o dinheiro e o
cartão, que ele pegou e saiu em
fuga, quando notou um veículo
se aproximando. As compras
domercadodasenhoraficaram
no chão. “Ele jogou tudo no
chão, eu recolhi minhas com-
prinhas”, disse ela.
Ocarroqueseaproximava
da cena do crime era de um
policial militar de folga, o
soldado Pedroso, que viu pelo
retrovisor do veículo a ação
do bandido. “Passei por ele
e fiquei cuidando, pois achei
suspeito, quando percebi que
ele se aproximou da idosa,
retornei e ao parar, ele fugiu,
correndo entre casas. O per-
segui por mais de 500 metros,
meti o carro em um monte de
buracos,quandoofecheicomo
carro, ele abandonou a bicicle-
ta, começou a pular muros de
residências, subiu o telhado de
uma casa, os populares iam me
dizendo onde ele estava e eu
indo atrás. Quando ele entrou
em uma residência sem saída,
euomandeideitarnochãoeele
seentregou”,contouosoldado.
O assalto aconteceu na
rua Renato Costa, próximo ao
restaurante Santo Réu (ponto
de referência) e a captura do
bandido se deu na rua Nova
Prata, próximo à Delegacia de
Polícia.
O soldado Pedroso cha-
mou o apoio da Polícia Militar,
Gislaine Fontoura
Arroio do Silva
que encaminhou André para
a Central de Plantão Policial
de Araranguá, com uma faca
encontrada com ele e alguns
pertences pessoais, entre eles
R$ 20,00 que o bandido afirma
serem seus. O dinheiro, cerca
de R$ 70,00 em notas de papel
e moedas e o cartão de banco
roubadosdasenhoranãoforam
recuperados, provavelmente
foram jogados pelo marginal
durante a fuga. Na delegacia,
o assaltante conversou com a
reportagem e contou que rou-
bou o dinheiro para alugar um
lugar para morar, pois teria que
desocupar a casa onde estava
nesta segunda-feira. Antes de
vir paraArroio do Silva,André
Conforme o presiden-
te Daniel Viriato Afonso,
no próximo mês, a Câmara
irá destinar R$ 400 mil
para compra de veículos
para o Corpo de Bombei-
ros, Polícia Civil e Polícia
Militar.
Para os vereadores,
o objetivo destas ações
é contribuir com o bem
comum. Até o final do ano
a intenção é economizar
cerca de R$ 1 milhão, que
poderão contribuir com
outras áreas e mais enti-
dades. O projeto é inédito
em Araranguá e tem sur-
tido bons efeitos. “Novas
ações começam a ser pla-
nejadas para os próximos
meses. Os detalhes deste
projeto foram pensados
minimamente e cada vere-
ador colaborou um pouco,
como por exemplo, abrin-
do mão de diárias e outros
gastos. Neste momento de
crise, precisamos dar uma
resposta eficiente à popu-
lação”, detalhou Daniel.
Também participaram
da sessão desta segunda-
-feira, os prefeitos de Ara-
ranguá, Mariano Mazzuco
Neto e de Arroio do Silva,
Juscelino Guimarães, o
Mineiro e os deputados
estaduais Ricardo Guidi e
José Nei Ascari.
Gislaine Fontoura
Araranguá
era morador de Forquilhinha,
ele falou que tem uma passa-
gem policial por roubo no ano
de 2012 e afirmou que não usa
drogas.
Na delegacia, a senhora,
que estava acompanhada do
neto, disse que nunca havia
sido assaltada antes, e revelou
que a esposa do policial Pe-
droso ficou com ela enquanto
o soldado perseguia o margi-
nal. “É muito triste isto que
aconteceu comigo, ainda bem
que eu não vi a faca, se não ia
ficar com mais medo ainda”,
ponderou.
O delegado Marlon Bosse
autuouAndré em flagrante por
roubo.
14 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
15Publicidade Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
16 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
17Publicidade Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
da
m-
o
es
Os
e-
de
de
os
s.
il
es
e-
te
as
o.
o,
s,
os
o
o
delegado, uma escrivã, e dois
agentes policiais, um deles
exclusivamente para o setor
de trânsito. Este ano iniciou
com seis policiais, acrescen-
tando mais dois agentes poli-
ciais. Mesmo assim, o efetivo
continua abaixo do ideal.
A delegacia é responsá-
vel pela fiscalização dos mais
diversos estabelecimentos
comerciais, principalmente
no que se refere à jogos e
diversões. Neste início de
ano já foram emitidos aproxi-
madamente 80 alvarás.
Outra atribuição da de-
legacia de Turvo, por ser de
comarca, é ser responsável
pelo controle de trânsito, que
já emitiu mais de 15 mil do-
cumentos somente este ano.
branca, e que estava ameaçando pessoas com uma arma de fogo. Os policiais viram o
veículo estacionado no pátio de uma borracharia na Avenida Municipal e um homem
próximo ao automóvel.
O motorista, de 53 anos, foi abordado, identificado e durante a busca pessoal foi encontrado
um coldre com três munições calibre 32 intactas. Posteriormente, durante nova busca,
foi encontrado, escondido próximo a um depósito de pneus usados da borracharia, um
revólver calibre 32, sem munições.
O homem foi detido.
- Uma guarnição da Polícia Militar de Araranguá em rondas abordou um veículo transi-
tando em atitude suspeita pelo bairro Urussanguinha. Durante a abordagem, os policiais
militares localizaram no interior do veículo uma garrafa de vodka e outra de energético,
sendo assim realizado o teste do bafômetro, que confirmou a embriaguez.
O carro foi removido, o homem recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Central de
Polícia.
- Na noite de domingo, por volta das 21h25min, uma guarnição da Polícia Militar de
Araranguá em rondas visualizou um veículo que quase causou um acidente de trânsito
após uma manobra perigosa, no bairro Cidade Alta.
Durante a abordagem os policiais militares ofertaram o teste do bafômetro ao condutor,
sendo confirmada a embriaguez. Ele foi encaminhado a delegacia.
Grupo que enfrentou a chuva pedalando foi recebido no Cetrar p
12
1º
Lu
na
no
ter
ras
Co
M
pre
ser
M
o r
na
tra
rio
do
M
ram
tem
pe
ap
for
ran
M
Gi
Ar
Ronda Policia
- Na tarde de quinta-feira,por volta das 18h20min, uma guarnição da P
foi acionada via Central de Operações da Polícia Militar (Copom- 190
em atitude suspeita no interior de uma farmácia, no bairro Coloninha.
No local, os policiais perceberam o homem escondido atrás de uma
ser abordado, localizaram uma faca debaixo da manga do braço direit
sobre a arma, o homem disse que anda com ela para se defender.
A faca foi apreendida e lavrado um termo circunstanciado.
- Aconteceu no Batalhão de Polícia Militar de Criciúma a promoção
6ª Região PM.
Durante a solenidade os aspirantes a oficial Felipe Santos Silva, Ramon
Fiorillo foram promovidos ao posto de 2º tenente por merecimento.
O 2º tenente Felipe continuará atuando em Araranguá.
- O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina lançou a Campanha d
ano, a prioridade de atendimento serão as famílias que perderam bens e
residenciais, além das pessoas de baixa renda e que moram com precar
ser feitas em qualquer quartel do Corpo de Bombeiros Militar do esta
Vaga de
Vendedor de Seguros
Caçador SC
Vaga de
Vendedor de Seguros
Caçador SC
Cadastre – se no link:
http://bit.ly/EstagioVendasWizArarangua
Cadastre – se no link:
http://bit.ly/EstagioVendasWizArarangua
18 GeralJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
EDITAL DE INTIMAÇÃO
ARLINDO EDÍLIO DAROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta
Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000,
atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente
EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal
de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem
a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos,
também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura
do protesto.
PROT.....................................................APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ
Prot: 159331; Devedor(es): CAMILA BORGES SOUZA - 054.949.759-59, End: Rua Emanuel Wurffell,
315, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Sac:
CONFECCOES MATTRIC LTDA; Tit: 257 ;Apr: FCDL; VEN: 14/05/2017; Esp: Nota Promissória; Val: R$
876,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58.Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição
R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159343; Devedor(es): DALVAN DASILVACORDEIRO - 102.314.489-10, End:Av.Adolfo Tiskoski,
sn, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: NOVA GAIVOTA COBRANCAS E
ZELADORIA LTDA; Sac: NOVA GAIVOTA COBRANCAS E ZELADORIA LTDA; Tit: 10 ; Apr: BANCO
BRADESCO S A; VEN: 15/05/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 345,00
+ Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$
0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159301; Devedor(es): FLORIANO VIDAL JUNIOR - 517.095.030-68, End: Rua Alfredo Teixeira
da Rosa, 620, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: UNICRED DE CRICIUMA;
Sac: LOPES AUTOPECAS LTDA ME; Tit: 701801 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN: 06/06/2017;
Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 124,66 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$
56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução
R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159323; Devedor(es): FRANCIELE DOS SANTOS POLICATRO - 039.350.700-98, End: Rua
Mampituba, 546, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BASCHIROTTO
BEN. E COM DE FRUT; Sac: BASCHIROTTO BEN. E COM DE FRUT; Tit: 83074 ;Apr: COOPERATIVA
DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 05/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por
Indicação; Val: R$ 4.008,18 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo
R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total
Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159374; Devedor(es): PAULO MARQUES BARRIM - 022.083.569-18, End: Rua projetada, sn,
Sombrio;Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BV FINANCEIRAS/ACFI; Sac: BV FINANCEIRA
S/A CFI; Tit: 900377635 ; Apr: SCHULZE ADVOGADOS ASSOCIADOS; VEN: À VISTA; Esp: Cédula
de Crédito Bancária por Indicação; Val: R$ 17.561,43 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58.
Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$
7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Prot: 159248; Devedor(es): TELMA COSTA ALBANO - 054.133.779-32, End: Rua Otavio Tomaz
Cardoso, S/N, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONTRA TEMPO MODAS
LTDA - EPP; Sac: CONTRA TEMPO MODAS LTDA - EPP; Tit: 23203 ; Apr: FCDL; VEN: 27/11/2015;
Esp: Nota Promissória; Val: R$ 646,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$
16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização
R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58.
Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 20/06/2017.
Sombrio - SC, 19/06/2017
ARLINDO EDÍLIO DA ROSA
ESTADO DE SANTA CATARINA
PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO
AVISO DE LICITAÇÃO
PREGÃO PRESENCIAL N.º 041/2017
A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para
conhecimento dos interessados que no dia 03/07/2017 às
14:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das
propostas do PREGÃO PRESENCIAL N.º 041/2017, objetivando a
AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ELÉTRICOS PARA MANUTENÇÃO
DA ILUMINAÇÃO PÚBLICA DO MUNICÍPIO NO EXERCICIO DE
2017.
A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas
na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro,
nº 371, Centro – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das
13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone (048)
3537-8400. A retirada do Edital poderá ser feita no endereço acima
citado ou através da disponibilização no site do município www.
meleiro.sc.gov.br .
Meleiro/SC, 19 de junho de 2017.
EDER MATTOS
Prefeito Municipal
ESTADO DE SANTA CATARINA
PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO
AVISO DE LICITAÇÃO
PREGÃO PRESENCIAL N.º 042/2017
A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para
conhecimento dos interessados que no dia 04/07/2017 às 14:00
horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas do
PREGÃO PRESENCIALN.º 042/2017, objetivando a PRESTAÇÃO
DE SERVIÇO POR EMPRESA ESPECIALIZADA EM APÓLICE
DE SEGURO, PARA COBERTURA DE VEÍCULOS DA FROTA
MUNICIPAL, CONFORME ESPECIFICAÇÕES DO EDITAL.
A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas
na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro,
nº 371, Centro – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das
13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone (048)
3537-8400. A retirada do Edital poderá ser feita no endereço acima
citado ou através da disponibilização no site do município www.
meleiro.sc.gov.br .
Meleiro/SC, 19 de junho de 2017.
EDER MATTOS
Prefeito Municipal
PREGÃO PRESENCIAL Nº 9/17
PROCESSO LICITATÓRIO Nº 17/17
HOMOLOGAÇÃO: 08/06/17
CONTRATADO: RASMI INDUSTRIA E COMERCIO DE
CONFECCOES LTDA ME
CONTRATANTE: SERVICO AUT. MUN. DE AGUA E ESGOTO DE
ARARANGUA
OBJETO: A presente Licitação tem como escopo, a aquisição de
peças de vestuário feminino e masculino, para utilização como
uniforme dos funcionários desta Autarquia, em consonância com as
especificações aduzidas no ANEXO I do presente Edital.
VALOR DA DESPESA: R$ 17.995,20 (dezessete mil novecentos e
noventa e cinco reais e vinte centavos)
DATA: 19/06/17 - JOSE HILSON SASSO - Diretor Geral.
-----------------------------------------------------------------------------------------------
PREGÃO PRESENCIAL Nº 11/17
PROCESSO LICITATÓRIO Nº 19/17
HOMOLOGAÇÃO: 08/06/17
CONTRATADO: BUSCHLE & LEPPER S.A
CONTRATANTE: SERVICO AUT. MUN. DE AGUA E ESGOTO DE
ARARANGUA
OBJETO: A presente Licitação tem por objetivo à aquisição de 24.000
Kg (vinte e quatro mil) quilogramas de Cal Hidratada Ca(OH)2, para
uso no tratamento de água das ETAs desta Autarquia Municipal.
VALOR DA DESPESA: R$ 22.800,00 (vinte e dois mil e oitocentos
reais)
DATA: 19/06/17 - JOSE HILSON SASSO - Diretor Geral.
-----------------------------------------------------------------------------------------------
19Publicidade Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
20 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
21Publicidade Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
C
om um grande públi-
co os jogos do Cam-
peonato Municipal
de Futebol de Jacinto Machado
foram retomados, no último
MicrorregionaldoJescencerrahoje Série A chega a fase mata-mata
domingo, 18, após três finais de
semana sem competição devido
a chuva.
No primeiro jogo as equipes
do Araçá e Pinheiro do Meio
empataram em 2 a 2. Pelo Araçá
marcaram gols Maico Douglas e
Sombrio Araranguá
Jacinto Machado
A última modalidade es-
portiva que encerrará a etapa
microrregional dos Jogos
Escolares de Santa Catarina
(Jesc) será disputada nesta
terça-feira, o badminton mas-
culino e feminino conhecerá
seus campeões no Ginásio de
Esportes RogérioValerim, em
Sombrio.
Afase microrregional dos
Jogos Escolares, que envolve
cerca de 1000 atletas de 12 a
14 anos dos 15 Municípios
do Extremo-Sul, é promovida
Sete jogos movimentaram
o campeonato municipal de
Araranguá neste domingo, cin-
co pela sérieAe dois pela série
C. Os confrontos mais aguar-
dados, pela série A, definiram
os classificados, os rebaixados
e as quartas de finais.
No estádio Valmor Antô-
nio Feliciano, no bairro Santa
Rosa de Lima, o time da casa,
oUnião,ganhoude2x1doIn-
ternacional da Urussanguinha.
As duas equipes já estavam
classificadas, o União garantiu
sua vaga como segundo colo-
cado, e o Internacional como
terceiro do grupo.
Asegundapartidadatarde
teve que ser encerrada aos 21
minutos, pois o Cidade Alta
precisava ganhar, mas veio a
campo com somente 9 jogado-
res.OSportjáestavaganhando
de 4 x 0 quando a arbitragem
encerrou a partida, com isso,
o Sport ficou em primeiro co-
locado do grupo C, enquanto o
Cidade Alta, com essa derrota,
acabou sendo rebaixado para
a segunda divisão do ano que
vem.
No estádio Dite Freitas,
05-07-08-09-10
11-13-15-17-18
20-21-22-23-25
CONCURSO
1.526
LOTO FÁCIL
19/06
Campeonato recomeça
com muitos gols em Jacinto
pelo Governo do Estado, por
meiodaFundaçãoCatarinense
de Esporte (Fesporte), Secre-
taria de Estado de Turismo,
Cultura e Esporte e Agência
de Desenvolvimento Regio-
nal (ADR) de Araranguá,
com apoio da Prefeitura de
Sombrio.
Nesta segunda-feira, foi
encerrado o basquetebol fe-
minino, com jogo final entres
as Escolas EEF Prof Darcy
Ribeiro, de Balneário Gaivota
e a EEBM Profª Alda Santos
Vargas, de Sombrio, onde a
Escola de Balneário Gaivota
mais dois bons jogos, no pri-
meiro com briga por classifi-
cação. O Coloninha, mais bem
postado, ganhou de 3 x 0 do
AltoFelizeficacomasegunda
colocação do grupo, já o Alto
Feliz está eliminado, embora
garantido na primeira divisão
do ano que vem.
O segundo jogo botou em
campo dois grandes times do
futebol amador, de um lado o
Esportivo buscando sua classi-
ficação,edooutrooSantaCruz
já classificado. O confronto foi
bastante disputado e equilibra-
do, e o Santa Cruz ganhou de 3
x2,eéoprimeirodoseugrupo,
e o time da Divinéia, com essa
derrota, deixa o campeonato,
porém preserva a vaga na pri-
meira divisão de 2018.
No CT EmersonAlmeida,
apenasumapartidapelasérieA,
entre dois times que poderiam
até perder, mas dependiam de
outrosresultados.OBomJesus
maisumavezestavacompleta-
mentedesfalcado,comsomente
11 jogadores, mesmo assim
fez frente ao bom time do Vi-
moendo. O Bom Jesus perdeu
chances de gol,e o confronto
foi decidido em um lance de
bola parada, com Garabinha
Eduardo Scopel e pelo Pinheiri-
nho do Meio Iago marcou os dois.
Já na segunda partida da tarde Tá
Pego venceu por 3 a 1 a equipe do
Ajax. O jogador Nuna, marcou 2
gols e o Matias um gol pela equi-
pe Tá Pego. O único gol do Ajax
foi marcado por Leonardo Talau.
O Juventude, no último jogo
do domingo, marcou 4 em cima
do Borrussia que fez 1. Marcaram
gols pelo Juventude Ivan Bozello
1, Daniel Mota 2 e Eriton da Rosa
1, e pelo Borrussia quem fez 1 foi
Gilmar Nazario.
No próximo domingo, 21,
jogam Atletico Machadense e
Dois Irmãos. Às 15h30 é a vez
de Lazio e Universitários e para
chegar o dia se enfrentam Juven-
tus e Pinheirinho do Meio.
foi a campeã da modalidade,
garantindo vaga para etapa
seletiva que acontecerá em
Braço do Norte nos dias 07 e
08 de julho.
Na última quarta-feira,
ocorreram as disputas do atle-
tismomasculinoefemininona
pistadeatletismomunicipalde
Sombrio, onde foram conheci-
dos os representantes daADR
Araranguá na fase estadual do
atletismo, que acontecerá no
município de Itajaí nos dias 14
e 15 de julho. O campeão de
cada prova garantiu vaga para
etapa estadual.
cobrando falta na gaveta e dan-
do números finais a vitória por
1 x 0 do Vimoendo. O placar
deixou a equipe em segundo
lugarnaclassificação,emesmo
com a derrota, o Bom Jesus se
garantiu na segunda fase como
terceiro colocado do grupo.
Série C
PelasérieC,doisjogosfo-
ramrealizados.NoDiteFreitas,
no Morro dos Conventos, pela
manhã, a Família Elias goleou
o Interlagos B por 4 x 0, e deu
um passo importante rumo a
classificação.
O outro confronto foi rea-
lizadonoCTEmersonAlmeida
a tarde, onde Juventus/Flaec e
SãoPauloempataramem0x0.
ResultadobomparaoJuventus,
enquanto o São Paulo terá que
buscar sua classificação na
ultima rodada da primeira fase.
Depois da rodada, foram
definidas as quartas de finais
mata-mata da série A, quem
vencer estará nas semifinais e
quem perder se despede. Os
jogos serão Coloniense x In-
ternacional, Santa Cruz x Bom
Jesus, Coloninha x União e
Sport x Vimoendo.
Brasileirão
Série B
Brasileirão
Série A
Suíço do Espigão chega as quartas de finais
CruzeirobuscaempatenoMineirão
e impede Grêmio de ser líder
Maracajá
Porto Alegre
23Esporte Jornal Correio do Sul
Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
Depois de várias rodadas,
está chegando a fase mais
quente do campeonato de fu-
tebol suíço de Espigão Grande,
em Maracajá. Bons jogos defi-
niram os últimos classificados
para as quartas de finais. Daqui
para a frente, quem perder es-
tará eliminado, e quem vencer
garante vaga nas semifinais.
Na sexta-feira, dois jogos
definiram os últimos dois clas-
sificados para as quartas. Na
primeira partida, Agroterra/
Belagran e JRB Calçados,
empataram em 0 x 0, em uma
partida bastante equilibrada.
Nas penalidades máximas, o
Agroterra/Belagram, ganhou
de 5 x 4, garantindo sua suada
vaga nas quartas.
Na segunda partida, o
time do Cedro, que formou
umexcelenteplanteldofutebol
amador, ganhou de 4 x 2 do
Frigorífico Pavei/Bar Mangue
Seco. Os gols da vitória foram
anotadosporEsquerdinhaduas
vezes, João Simon e Giliard, já
João Antônio e Diego Bereta,
C
ruzeiro e Grêmio
fizeram uma par-
tida que talvez se
torne inesquecível daqui há
algum tempo. Em um jogo de
muita ofensividade e cheio de
reviravoltas,oTricolorgaúcho
não conseguiu a vitória que
tanto buscava para assumir
a liderança do Campeonato
Brasileiro, nem a Raposa
conseguiu o resultado que
a colocaria no G-6. O 3 a 3,
entretanto, encheu os olhos
de quem acompanhou a par-
tida, mas que ficou com um
gostinho melhor para o time
mineiro, que chegou a estar
anotaram para o Pavei.
Quartas de finais
As quartas de finais come-
çam nesta quarta-feira, quando
às 19h30min jogam Edinho
Motos/BMM Construções x
Academia Elizabeth/Rincão
Materiais de Construções, e
em seguida Calhas Radar/Aca-
demia Performance x Patota.
Os outros dois jogos das
quartas, acontecem na sexta-
-feira, com Frigorífico Duval-
le/Madesasso/Coloniense x
Agroterra e em seguida Cedro
x Mercado Stuart.
A competição tem mos-
perdendo por 2 a 0.
OsgolsdoGrêmiosaíram
com Everton, Michel e Ra-
miro. O Tricolor continua na
segunda colocação, agora com
19 pontos, um a menos que o
líder Corinthians. Thiago Ne-
ves, Rafael Sobis e Robinho
buscaram o empate para a
Raposa, agora com 11 pontos
na oitava colocação.
Na próxima quinta-feira,
as duas equipes voltam a
campo pela nona rodada do
Brasileiro. O Cruzeiro enfren-
ta a Ponte Preta, no estádio
Moisés Lucarelli, em Cam-
pinas, às 19h30 (de Brasília).
Já o Grêmio, após dois jogos
fora, encara o Coritiba, às 21h,
trado um grande nível técnico,
o que tem deixado o coorde-
nador Maicon Farias bastante
na Arena do Grêmio.
O Cruzeiro começou em
cimanapartida,tentandofazer
valer o mando de campo, mas
com pouca precisão. O Grê-
miobuscavaoscontra-ataques
com Luan e Pedro Rocha.
Alisson, aos quatro, foi quem
chegou com mais perigo,
acertando a trave de Marcelo
Grohe. Aos 15, porém, o Grê-
mio mostrou o porquê de estar
bem na tabela. Em cobrança
de escanteio, Kannemann
desviou, a bola bateu na trave,
e Everton aproveitou o rebote
para marcar o primeiro gol.
O Cruzeiro sentiu pouco
o gol sofrido e foi para cima.
Thiago Neves e Rafael Sobis
levaram perigo com chutes de
fora.Aos41,outrobaque:após
reclamação, Mano Menezes
foi expulso do jogo. No lance
seguinte, o segundo gremista.
Luan cruzou na área, Everton
recebeu e chutou cruzado para
Michel completar para o gol.
Não deu tempo doTricolor co-
memorar.Aos45,Kannemann
afastou mal a bola, e Thiago
Neves aproveitou para dimi-
nuir. Jogo ainda vivo e muita
reclamação dos cruzeirenses
na saída de campo.
O segundo voltou como o
satisfeito, ele elogia também o
árbitro da FCF, o araranguaen-
se Ramon Abatti.
primeiro: agitado. O Cruzeiro
agitou as arquibancadas logo
aos dois minutos. Rafael Sobis
recebenaáreapassedeThiago
Neves e chutou cruzado, em-
patando a partida. O Cruzeiro
foi para cima em busca de
uma virada que entraria para
a história. Mas descuidou na
retaguarda e sofreu o terceiro.
Pedro Rocha partiu rápido,
invadiu a área e chutou. Fábio
espalmou, e Ramiro desviou
para o gol.
Mas o Cruzeiro não de-
sistia. Foi para cima e, três
minutos depois, empatou de
novo o jogo. Robinho triangu-
lou com Sobis eThiago Neves
e chutou, balançando as redes
de Marcelo Grohe. As duas
equipes mantiveram a postura
ofensiva na partida e procu-
rando o gol. Fábio ainda fez
uma boa defesa em cabeceio
de Everton na grande área. O
Tricolor gaúcho mostrou-se
melhor naté o fim da partida,
embuscadoquatrogolquelhe
garantiria a liderança, mas foi
impedido pela bravura cruzei-
rense no Mineirão. A Raposa
deu último toque especial à
partida, levantando o torcedor
com uma bola no travessão de
Elber, já nos acréscimos.
TERÇA-FEIRA, 20 DE JUNHO DE 2017

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Jornal digital 5004 qua_15092016
Jornal digital 5004 qua_15092016Jornal digital 5004 qua_15092016
Jornal digital 5004 qua_15092016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 05 10-17
Jornal digital 05 10-17Jornal digital 05 10-17
Jornal digital 05 10-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4897_qui_14042016
Jornal digital 4897_qui_14042016Jornal digital 4897_qui_14042016
Jornal digital 4897_qui_14042016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 5039_seg_07112016
Jornal digital 5039_seg_07112016Jornal digital 5039_seg_07112016
Jornal digital 5039_seg_07112016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 23-02-17
Jornal digital 23-02-17Jornal digital 23-02-17
Jornal digital 23-02-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4905_qua_27042016
Jornal digital 4905_qua_27042016Jornal digital 4905_qua_27042016
Jornal digital 4905_qua_27042016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4973_ter_02082016
Jornal digital 4973_ter_02082016Jornal digital 4973_ter_02082016
Jornal digital 4973_ter_02082016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 01 03-18
Jornal digital 01 03-18Jornal digital 01 03-18
Jornal digital 01 03-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 26 06-17
Jornal digital 26 06-17Jornal digital 26 06-17
Jornal digital 26 06-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 11-17
Jornal digital 14 11-17Jornal digital 14 11-17
Jornal digital 14 11-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 09 02-18
Jornal digital 09 02-18Jornal digital 09 02-18
Jornal digital 09 02-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 02 02-17
Jornal digital 02 02-17Jornal digital 02 02-17
Jornal digital 02 02-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 09 08-18
Jornal digital 09 08-18Jornal digital 09 08-18
Jornal digital 09 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 06 10-17
Jornal digital 06 10-17Jornal digital 06 10-17
Jornal digital 06 10-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4904_ter_26042016
Jornal digital 4904_ter_26042016Jornal digital 4904_ter_26042016
Jornal digital 4904_ter_26042016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4890_ter_05042016
Jornal digital 4890_ter_05042016Jornal digital 4890_ter_05042016
Jornal digital 4890_ter_05042016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4860_seg_22022016
Jornal digital 4860_seg_22022016Jornal digital 4860_seg_22022016
Jornal digital 4860_seg_22022016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17
Jornal Correio do Sul
 

Mais procurados (20)

Jornal digital 5004 qua_15092016
Jornal digital 5004 qua_15092016Jornal digital 5004 qua_15092016
Jornal digital 5004 qua_15092016
 
Jornal digital 05 10-17
Jornal digital 05 10-17Jornal digital 05 10-17
Jornal digital 05 10-17
 
Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17
 
Jornal digital 4897_qui_14042016
Jornal digital 4897_qui_14042016Jornal digital 4897_qui_14042016
Jornal digital 4897_qui_14042016
 
Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018
 
Jornal digital 5039_seg_07112016
Jornal digital 5039_seg_07112016Jornal digital 5039_seg_07112016
Jornal digital 5039_seg_07112016
 
Jornal digital 23-02-17
Jornal digital 23-02-17Jornal digital 23-02-17
Jornal digital 23-02-17
 
Jornal digital 4905_qua_27042016
Jornal digital 4905_qua_27042016Jornal digital 4905_qua_27042016
Jornal digital 4905_qua_27042016
 
Jornal digital 4973_ter_02082016
Jornal digital 4973_ter_02082016Jornal digital 4973_ter_02082016
Jornal digital 4973_ter_02082016
 
Jornal digital 01 03-18
Jornal digital 01 03-18Jornal digital 01 03-18
Jornal digital 01 03-18
 
Jornal digital 26 06-17
Jornal digital 26 06-17Jornal digital 26 06-17
Jornal digital 26 06-17
 
Jornal digital 14 11-17
Jornal digital 14 11-17Jornal digital 14 11-17
Jornal digital 14 11-17
 
Jornal digital 09 02-18
Jornal digital 09 02-18Jornal digital 09 02-18
Jornal digital 09 02-18
 
Jornal digital 02 02-17
Jornal digital 02 02-17Jornal digital 02 02-17
Jornal digital 02 02-17
 
Jornal digital 09 08-18
Jornal digital 09 08-18Jornal digital 09 08-18
Jornal digital 09 08-18
 
Jornal digital 06 10-17
Jornal digital 06 10-17Jornal digital 06 10-17
Jornal digital 06 10-17
 
Jornal digital 4904_ter_26042016
Jornal digital 4904_ter_26042016Jornal digital 4904_ter_26042016
Jornal digital 4904_ter_26042016
 
Jornal digital 4890_ter_05042016
Jornal digital 4890_ter_05042016Jornal digital 4890_ter_05042016
Jornal digital 4890_ter_05042016
 
Jornal digital 4860_seg_22022016
Jornal digital 4860_seg_22022016Jornal digital 4860_seg_22022016
Jornal digital 4860_seg_22022016
 
Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17
 

Semelhante a Jornal digital 20 06-17

Jornal digital 06-04-17
Jornal digital 06-04-17Jornal digital 06-04-17
Jornal digital 06-04-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 31 07-17
Jornal digital 31 07-17Jornal digital 31 07-17
Jornal digital 31 07-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
Jornal digital   13 de janeiro de 2017Jornal digital   13 de janeiro de 2017
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 31 de janeiro de 2017
Jornal digital   31 de janeiro de 2017Jornal digital   31 de janeiro de 2017
Jornal digital 31 de janeiro de 2017
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 08-18
Jornal digital 13 08-18Jornal digital 13 08-18
Jornal digital 13 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 05 09-17
Jornal digital 05 09-17Jornal digital 05 09-17
Jornal digital 05 09-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 21 03-18
Jornal digital 21 03-18Jornal digital 21 03-18
Jornal digital 21 03-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 18 12-17
Jornal digital 18 12-17Jornal digital 18 12-17
Jornal digital 18 12-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4885_ter_29032016
Jornal digital 4885_ter_29032016Jornal digital 4885_ter_29032016
Jornal digital 4885_ter_29032016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4887_qui_31032016
Jornal digital 4887_qui_31032016Jornal digital 4887_qui_31032016
Jornal digital 4887_qui_31032016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 24 08-17
Jornal digital 24 08-17Jornal digital 24 08-17
Jornal digital 24 08-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 5 de janeiro de 2017
Jornal digital   5 de janeiro de 2017Jornal digital   5 de janeiro de 2017
Jornal digital 5 de janeiro de 2017
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 27 de janeiro de 2017
Jornal digital   27 de janeiro de 2017Jornal digital   27 de janeiro de 2017
Jornal digital 27 de janeiro de 2017
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 5060 qui_08122016
Jornal digital 5060 qui_08122016Jornal digital 5060 qui_08122016
Jornal digital 5060 qui_08122016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4939_qua_15062016
Jornal digital 4939_qua_15062016Jornal digital 4939_qua_15062016
Jornal digital 4939_qua_15062016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 6 de janeiro de 2017
Jornal digital   6 de janeiro de 2017Jornal digital   6 de janeiro de 2017
Jornal digital 6 de janeiro de 2017
Jornal Correio do Sul
 

Semelhante a Jornal digital 20 06-17 (20)

Jornal digital 06-04-17
Jornal digital 06-04-17Jornal digital 06-04-17
Jornal digital 06-04-17
 
Jornal digital 31 07-17
Jornal digital 31 07-17Jornal digital 31 07-17
Jornal digital 31 07-17
 
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
Jornal digital   13 de janeiro de 2017Jornal digital   13 de janeiro de 2017
Jornal digital 13 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 31 de janeiro de 2017
Jornal digital   31 de janeiro de 2017Jornal digital   31 de janeiro de 2017
Jornal digital 31 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 13 08-18
Jornal digital 13 08-18Jornal digital 13 08-18
Jornal digital 13 08-18
 
Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18
 
Jornal digital 05 09-17
Jornal digital 05 09-17Jornal digital 05 09-17
Jornal digital 05 09-17
 
Jornal digital 21 03-18
Jornal digital 21 03-18Jornal digital 21 03-18
Jornal digital 21 03-18
 
Jornal digital 18 12-17
Jornal digital 18 12-17Jornal digital 18 12-17
Jornal digital 18 12-17
 
Jornal digital 4885_ter_29032016
Jornal digital 4885_ter_29032016Jornal digital 4885_ter_29032016
Jornal digital 4885_ter_29032016
 
Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18
 
Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018
 
Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018Jornal digital 20 11-2018
Jornal digital 20 11-2018
 
Jornal digital 4887_qui_31032016
Jornal digital 4887_qui_31032016Jornal digital 4887_qui_31032016
Jornal digital 4887_qui_31032016
 
Jornal digital 24 08-17
Jornal digital 24 08-17Jornal digital 24 08-17
Jornal digital 24 08-17
 
Jornal digital 5 de janeiro de 2017
Jornal digital   5 de janeiro de 2017Jornal digital   5 de janeiro de 2017
Jornal digital 5 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 27 de janeiro de 2017
Jornal digital   27 de janeiro de 2017Jornal digital   27 de janeiro de 2017
Jornal digital 27 de janeiro de 2017
 
Jornal digital 5060 qui_08122016
Jornal digital 5060 qui_08122016Jornal digital 5060 qui_08122016
Jornal digital 5060 qui_08122016
 
Jornal digital 4939_qua_15062016
Jornal digital 4939_qua_15062016Jornal digital 4939_qua_15062016
Jornal digital 4939_qua_15062016
 
Jornal digital 6 de janeiro de 2017
Jornal digital   6 de janeiro de 2017Jornal digital   6 de janeiro de 2017
Jornal digital 6 de janeiro de 2017
 

Mais de Jornal Correio do Sul

Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018
Jornal Correio do Sul
 

Mais de Jornal Correio do Sul (20)

Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018
 
Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018
 
Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018
 
Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018
 
Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018
 
Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018
 
Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018
 
Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018
 
Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018
 
Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018
 
Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018
 
Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018
 
Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018
 
Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018
 
Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018
 
Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018
 
Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018
 
Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018
 
Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018
 
Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018
 

Jornal digital 20 06-17

  • 1. SEMBICICLETÁRIOS,CICLISTASRECLAMAMDE FALTADELOCALSEGUROPARADEIXARABIKE ASSALTANTE BATE EM SENHORA DE 80 ANOS E É PRESO POR POLICIAL MILITAR DE FOLGA CONSULTORIA VAI REFORÇAR PROJETO GEOPARQUE CAMINHO DOS CÂNIONS DO SUL Correio do SulANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.190 R$ 2,00TERÇA-FEIRA, 20 DE JUNHO DE 2017 www.grupocorreiodosul.com.br 15º6º Predomínio de Sol - Sol na maior parte do período. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense ARROIO DO SILVA ARARANGUÁ TURISMO Página 13 Página 3 Página 11 Página 13 Economia PROGRAMA CÂMARA SOLIDÁRIA VAI DESTINAR R$ 70 MIL A CINCO ENTIDADES BENEFICENTES
  • 2. LeodegarprevêPPcomPSDePSBem2018 Sem planos Ex-deputado federal Leodegar Tiscoski (PP) diz que não tem nenhuma pretensão eleitoral diante do pleito estadual do ano que vem. De acordo com ele, seus planos se restringem unicamente a fomentar o bom desempenho de seu partido na eleição vindoura. “O cenário político está totalmente desnorteado. Enquanto não houver uma reforma política no país, de minha parte não tenho disposição em retomar as disputas eleitorais”, comenta. Conforme ele, o meio político precisará se reinventar, e o melhor caminho para isto é através de uma reforma que vá ao encontro dos reais anseios da socieda- de. “O problema é que os responsáveis por promover isto são os mesmos que não querem perder seus privilégios. Privilégios que fatalmente seriam pe- didos através da proposição de uma reforma”,comenta. Reanimado DeputadofederalRonaldoBenedet(PMDB) parece ter se reanimado com a disputa de 2018, depois que PSDB anunciou, oficial- mente, apoio ao governo de Michel Temer (PMDB). O parlamentar, que já ventilava a possibilidade de não concorrer à reeleição, passou a afirmar que “2018 será sua última disputa à Câmara Federal”. A mudança de postura, claro, está ligada ao fato da possi- bilidadedealiançaentreoPMDBeoPSDB em nosso Estado, o que ajudaria em muito a chapa proporcional dos peemedebistas. Aindaassim,dentrodoPMDBdeCriciúma, permanece o clima de sobreaviso. Neste sentido, parece tudo acertado para que o deputado licenciado, e atual Secretário de Infraestrutura, Luiz Fernando Vampiro, substituaBenedetnadisputaàCâmaraFede- ral, caso este de fato abra mão da reeleição. Em princípio, e como sempre, o PMDB de Criciúmanãoparecemuitopreocupadocom odesejododeputadoestadualManoelMota (PMDB) de também disputar uma cadeira no Congresso Nacional. ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 S ecretário Executivo da Habitação de Santa Cata- rina, e um dos caciques do PP do Estado, ex-deputado federal Leodegar Tiscoski acredita que apro- ximação de seu partido com o PSD do governador Raimundo Colombo, e com o PSB da família Bornhausen, é algo irreversível em 2018. De acor- do com ele, “as tratativas internas no PP dão todos os indicativos que está tríplice aliança já está formada, faltando, agora, definir a ordem dos fatores”. A ordem a que Leodegar se refere, por óbvio, diz respeito espe- cialmente a composição majoritária desta aliança. Em princípio, o apoio a um candidato a governador indicado pelo PSD soa quase que de forma natural. Os últimos desdobramentos políticos, no entanto, que atingiram diretamente figuras da sigla, como o deputado estadual Gelson Merísio, e o próprio governador Colombo, acabaram por abrir outras possibili- dades. Neste sentido, o PP também sonha em poder ser apoiado na cabe- ça de chapa pelo PSD e PSB. “Esta é uma possibilidade e, se existe, não custa tentar viabilizá-la”, comenta Tiscoski. A participação do PSDB nesta aliança ainda é uma incógnita. O partido está dividido em três alas. Uma que quer se aliar ao PSD, outra que almeja uma candidatura própria ao governo, e uma terceira que vis- lumbra uma aliança com o PMDB. Esta é a que mais tem ganhado força, por conta, principalmente, da apro- ximação cada vez maior de tucanos e peemedebistas em Brasília. Para Leodegar a aliança com o PSDB não pode ser descartada. Em sua visão, o cenário político nacional ainda está totalmente aberto, o que faz com que os desdobramentos no Estado também não possam ser pre- vistos. “De repente, PSDB, PSD, PP e PSB estarão no mesmo palanque em nível nacional. Então isto deso- brigaria o PSDB de nosso Estado de se aliar ao PMDB, mesmo que estes dois partidos também estejam unidos em nível nacional. Diante de tantas nuances, tudo é possível”, comenta. Pelo atual quadro, no entanto, o que se percebe é que tudo se encami- nha para a edição de uma dobradinha entre PSD e PP ano que vem, o que lembra os velhos tempos de PFL e PDS, não necessariamente nesta or- dem. Isto porque, é muito provável que de fato o PMDB e o PSDB de Santa Catarina acabem fechando uma aliança para disputar o governo em 2018. Ainda que setores do PSDB relutem a esta ideia, isto será algo imposto pela cúpula nacional do partido como uma contrapartida dos tucanos ao apoio que o PMDB deverá dar a sigla na disputa presidencial. Tudo parece bem alinhavado. O problema são os tais desdobramentos externos, que nos últimos meses têm colocado o cenário político de todo o país de cabeça para baixo. Quase lá Está publicado na edição de hoje do Di- ário Oficial do Estado a relação das 15 empresasqueestarãoaptasacontinuarno processo licitatório que visa a reforma e ampliação do Colégio Catulo da Paixão Cearense, de Sombrio. A primeira etapa dalicitaçãofoiconstituídapelaentregade documentos que comprovassem a capa- cidade técnica das empresas. No total, 18 entraram na disputa, mas três acabaram não conseguindo reunir os requisitos ne- cessários.Agora vem a segunda parte da licitação,queéquandoasempresasrema- nescentesterãosuaspropostasfinanceiras avaliadas pela Comissão de Licitações da Agência do Desenvolvimento Regional. Antes disto, no entanto, cabe recurso por parte das empresas desclassificadas, ou mesmo por parte das que permanecem no certame, contra outras. É aí que mora o perigo de um novo entrave. Tudo errado Presidente da Câmara Municipal de Sombrio, Nego Gomes (PMDB), está articulando a realização de uma audiência pública com representantes do Dnit, órgão responsável pela manutenção das rodovias federais em todo o país. Ocorre que depois da duplicação da BR 101, o trecho da ro- dovia que compreende Sombrio, da divisa com Santa Rosa do Sul, até a dívida com Araranguá, acabou apresentando vários problemas de trafegabilidade para os mo- radoresdomunicípio.Quemestánocentro da cidade, por exemplo, precisa trafegar quase um quilômetro pela marginal San- telmo Borba até adentrar na pista da 101. O bairro Furnas também ficou sem acesso de entrada pela BR. Outro problema diz respeito ao trevo do bairro Januária, cujas preferenciais são mal sinalizadas e, por conta disto, não são respeitadas, causando constantecongestionamento.“Fizeramtan- tacoisaerradaquenãodanemdeacreditar. Vamos pressionar para que o Dnit reveja esteserros”,dizopresidentedolegislativo. Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787 POLÍTICA “As novas opiniões sempre nos parecem as mais engenhosas e inteligentes. O motivo, no entanto, é sempre o mesmo. É que elas nunca foram testadas antes”. Jonh Locke (1632/1704) Filósofo e ideólogo inglês
  • 3. 3Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 Cidadenãotem bicicletário público Faz Falta Apae enfrenta crise financeira A Apae de Sombrio in- terrompeu a avaliação de crianças levadas pelos pais que buscam o serviço de esti- mulação precoce, e a partir de agora começa a formar uma fila de espera para este tipo de atendimento. O motivo é a falta de recursos para manter a demanda que não para de aumentar. A estimulação pre- coce volta suas atividades às crianças com até seis anos de idade, e nunca tantas foram atendidas, chegando a 46. O trabalho é feito por uma equi- pe de profissionais que inclui fisioterapeuta, fonoaudióloga e outros. Para dar conta de tanta procura, seria preciso fazer novas contratações e aumentar a carga horária de quem já é contratado. Tudo isso custa caro e está fora do alcance da escola. A diretora da Apae, An- dreaFaedrich,mostracomnú- meros o problema. Em 2015, a escola tinha 94 alunos, este ano são 140, e nos últimos dez anos, os convênios repassados para manutenção da estrutura não tiveram nenhum reajuste. Com as despesas aumentando V ários profissio- nais, inclusive especialistas em saúde e mobilidade urbana, indicam a bicicleta como um excelente meio de transporte, pois possibilita a prática de exercício físico, desafoga o trânsito da cidade, não polui o meio ambiente e é mais econômica. Em Araranguá, algumas pessoas costumam utilizar a bicicleta para ir trabalhar, no entanto, a fal- ta de bicicletários públicos para guardar a ‘magrela’ em segurança é um dos entraves que esses trabalhadores en- frentam. Aprofessora e promotora de vendas, Josiane Fidelis Goulart, de 38 anos, mora no bairro Cidade Alta e trabalha emquatrosupermercados,nos bairros Cidade Alta, Centro e Jardim das Avenidas, ela utiliza a bicicleta como meio de transporte há cerca de sete meses e notou melhora na sua saúde e disposição física. Segundo Josiane, nos super- mercados os bicicletários, que são particulares, são bem colocados, porém ela almoça em restaurantes do Centro e não encontra bicicletários públicos para guardar seu meio de transporte em segu- rança, e normalmente usa um cadeado e prende a bike em postes ou apenas deixa encostada em algum lugar. “A gente vai trabalhar, nos mer- cados têm, porém meio-dia, quando saímos para almoçar e vamos nos restaurantes do Centro não encontramos bici- cletários, muitas vezes temos que deixar nossas bicicletas cadeadas nelas mesmo e não almoçamos tranquilos, outras vezes conseguimos cadear em postes”, confirma. A jornalista Vanessa Iri- zaga, de 26 anos, acredita que apesar da cidade estar mais consciente sobre a im- portância do uso de transpor- te alternativo, ainda faltam incentivos mais concretos. “Aqui em Araranguá, há em- presas que disponibilizam bicicletários, mas não muitos, pois você percebe que muita gente utiliza a bike para pas- sear e trabalhar, basta dar uma boa olhada na avenida XV de Novembro, no fim de tarde. Esta via concentra pedestres, motoristas e ciclistas, que muitas vezes disputam espaço Sombrio com os veículos, pois a ciclo- via só compreende um trecho da avenida, próximo ao IFSC (Instituto Federal de Santa Catarina)”, observa. Vanessa ainda lembra que a ciclovia é destinada aos ciclistas, mas muitas pessoas usam para caminhada. “Quan- do está muita cheia, ou você disputa espaço com eles ou precisa ir para avenida mes- mo”, lamenta. A jornalista, que mora no bairro Lagoão e trabalha na Cidade Alta, conta que já teve que improvisar por não conseguir lugar para deixar sua bicicleta e segundo ela é mais fácil encontrar estes locais no Centro, do que em outros bairros. Para Vanessa, a vantagem de usar bicicleta é não precisar ficar esperando ônibus e estar sujeito ao veí- culo se atrasar ou apresentar problema, ou mesmo evitar gastos. “Desde 2011, uso a bicicleta para chegar ao tra- balho, já trabalhei no Centro e nos bairros próximos e até cheguei a ir de ônibus, mas no bairro onde moro não têm muitos horários disponíveis e ficar dependendo do transpor- te é complicado. Já o carro, a questão da manutenção é o que mais pesa na hora de usá- -lo como transporte frequente, pois você tem que pagar com- bustível , que não está barato, tem os impostos, além de despesas no caso de acidentes ou falhas mecânicas”, avalia. Para Vanessa, a depen- dência que as pessoas criam só saindo de casa com o au- tomóvel, contribui para o distanciamento social. “No caminho, você pode encontrar conhecidos, amigos, além de que se você não pratica es- portes, sair para caminhar ou pedalar já colabora com sua saúde. Como não tenho muito tempo atualmente para fazer esportes, a bicicleta ajuda a não ser totalmente sedentária e ela dá um ânimo, principal- mente pela manhã”, avalia. As questões climáticas também precisam ser estu- dadas na hora de optar pela bicicleta para ir trabalhar. “Acho que, de onde moro até o trabalho, dá pouco menos que 15 minutos de bike. O problema é quando tem muito vento e estamos na direção oposta, ou quando a chuva é mais forte. Quando ocorre uma tempestade mais intensa, sou obrigada a ir de carona ou táxi”, diz. O funcionário público Renato Martins, de 45 anos, moranobairroUrussanguinha e trabalha no Centro, ele usa a bicicleta não só para ir traba- lhar,mastambémparafazeras voltas que precisa pela cidade. “Semprequepossocostumoir ao trabalho de bicicleta, e ao banco e mercado também”. O problema são os poucos bici- cletários na cidade, enquanto outra vantagem apontada por Roberto para o uso da bici é a de não precisar pagar o esta- cionamento rotativo, cobrado dos carros, na área central do município. Araranguá possui apenas uma ciclovia, que ocupa parte da avenida XVde Novembro, no bairro Mato Alto. Existe projeto para a criação de mais uma, entreAraranguá e Morro dos Conventos, ainda sem previsão para sair do papel. Araranguátambémnãopossui nenhum bicicletário público. Gislaine Fontoura Araranguá Também falta ciclovia e a receita permanecendo a mesma e até diminuindo, não tem como a conta fechar. En- tãofecham-sealgunsserviços. De fevereiro, quando as aulas começaram este ano, até abril, sem ter ainda assinado nenhum convênio, a Apae se manteve com os restos que havia em caixa que mal as- seguravam a sua manutenção básica. A situação em Sombrio é semelhante a das demais Apaes do estado, todas elas vêm enfrentando dificuldades financeiras, agravadas nos dois últimos anos. Bicicletas são deixadas presas em grades de cercas ou qualquer outro lugar disponível Josiane usa sempre a bicicleta como meio de transporte Alunos da Apae podem acabar sendo afetados pela falta de recursos para a instituição
  • 4. 4 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 5. Novas obras dão andamento ao município de BalneárioArroio do Silva: a pavimentação em lajota da ruaArnaldo Hubbe, no trecho compreendido entre as ruas Pacífico Nunes e Guilherme Becker; e da rua Arnaldo Rosa, trecho também entre a Pacífico Nunes e a Guilherme Becker. A ordem de serviço foi entregue neste mês de junho para a empresa Lajecril. O ato foi realizado no gabinete do prefeito Juscelino Guimarães, o Mineiro, e contou com a presença do assessor parlamentar representante do deputado estadual Rodrigo Minotto, Ailton Laurindo. Secretários municipais, vereadores e lideranças do PDT acompanharam o ato. As obras nas ruas do bairro Erechim devem iniciar nos próximos dias. Avançoseretrocessosem27anos Prefeitura pavimenta ruas N o mês de seus 27 anos de fundação, o Jornal Correio do Sul promoveu um debate, na Rádio 93 FM, sobre as conquistas da região, e o que ainda se espera conquistar. Os convidados foram o proprietário do JornalVolta Grande de Jacinto Machado, José MotaAlexandre, o Motinha, os empresários Leonildo Pereira, o Leo, e Loro Gomes e o vereador sombriense José Eraldo Soares, o Peri. A discussão foi intermediada pelo jornalista Jabson Muller, diretor do Correio do Sul. O resultado da conversa não foi muito animador. Para Mo- tinha, as lutas da região nos últimos 27 anos continuam muito semelhantes. “Antes lutávamos para asfaltar estradas como a Sombrio-Jacinto, hoje lutamos para que ela seja conservada, porque está intransitável. A rodovia continua sendo notícia”, disse. Peri concorda e citou outro exemplo de uma luta abraçada pelo CS, que até hoje espera solução. Desde as suas primeiras edições, o jornal trouxe reportagens denunciando a situação da Lagoa do Sombrio e pedindo providências. “Em 2003, acom- panhei a assinatura de um documento que destinava R$ 500 mil para desassorear a lagoa, e nada foi feito até hoje”, lamentou. Empreendedor do ramo de entretenimento e um dos pri- meiros clientes do Correio do Sul, Loro Gomes talvez viva a situação mais emblemática das dificuldades da região em obter avanços. Quando o jornal foi fundado, ele já morava na Serra do Faxinal, em Praia Grande, e lutava pela sua pavimentação, o que faz ainda hoje, pois a serra continua sem asfalto em boa parte do trajeto. “Na serra hoje é pior do que há 30 anos, pois antigamente tinha uma equipe pra fazer a manutenção, e hoje isso não existe mais”, afirmou. Jabson MullerJabson Muller Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 (48) 99955.5313 POLÍTICA jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Algumas conquistas, porém, existiram. Em junho de 1990, quando o CS foi fundado, a região do extremo-sul catarinense tinha apenas nove municípios, hoje eles são 15. Leo avalia que as emancipações promoveram o desenvolvimento dos novos municípios. “Sombrio perdeu duas partes de seu território, para SantaRosaeGaivota,mesmoassim,achoquefoivantajosopara todos, inclusive para Sombrio. O município era muito grande e ficou mais fácil dar maior atenção ao centro e aos bairros”, avaliou. De maneira geral, todos acreditam que a região sempre foi esquecida pelos governos estadual e federal. “Pra nós ganhar uma obra demora 15, 20 anos”, enfatizou Motinha. Diante desse comentário, o grupo lembrou de uma outra obra que a região aguarda por décadas: a construção da barragem do Rio do Salto. Mas a culpa não recai somente sobre o governo, pois todos concordam que também falta maior mobilização por parte da sociedade. Manifestações, protestos, pressão feita em conjunto por todos os setores da sociedade e partidos políticos, são ra- ros. A população não cobra como deveria, e não recebe o que mereceria. Foram assim os últimos 27 anos, com avanços e retrocessos, todoselesacompanhadosdepertopeloCorreiodoSul,quebriga, incentiva e defende, incondicionalmente, o desenvolvimento do extremo-sul catarinense.
  • 6. 6 GeralJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 G.C.S LTDA - ME Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 diretor@grupocorreiodosul.com.br Redação: editor@grupocorreiodosul.com.br Publicações legais: tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro financeiro@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br O sdiretoresdas43 escolas da rede estadual de ensi- no da região participaram na última semana, do encontro que marcou a conclusão de um módulo do curso de for- mação do Plano de Gestão Escolar (PGE) com o tema ‘Gestão democrática e o papel do gestor’. Os assuntos abordados na tarde de estudo destacaram a necessidade dos gestores re- visitarem seus Planos de Ges- tão Escolar (PGE) e Projeto Político-Pedagógico (PPP). Ainda com intuito de desta- car a dimensão pedagógica, a avaliação da aprendizagem foi novamente retomada, e o planejamento com foco na Teoria da Atividade com ên- fase na Proposta Curricular de Santa Catarina. Outro assunto abordado foi a Sistemática de Avaliação da Gestão Escolar. A tutora de gestão esco- lar da Gerência Regional de Educação,Ana Dirce de Vila, informa que os diretores terão um seminário de oito horas no dia 6 de julho, emAraranguá, onde socializarão práticas relevantes da gestão demo- crática do primeiro semestre Gestão Diretores concluem curso de formação letivo de 2017 com foco na dimensão pedagógica. Ela lembra que o objetivo da formação é o de subsidiar os gestores para a implantação e reorganização do ensino, pautado nas demandas atuais, e avalia a formação. “Reco- nhece-se que os processos de democratização e descen- tralização têm transformado o ambiente escolar, criando desafios importantes para a direção, num movimento histórico em que as pessoas exigem este novo modo de ser nas relações de poder entre os diversos segmentos educacionais”. Região ODP para monitorar gastos públicos R eduzir despesas para aumentar os investimentos é o desafio de todo gestor público, ainda mais em tempos difíceis, de queda na arreca- dação. Atenta à situação, a Secretaria de Estado da Fazenda vai apresentar para 19 municípios a metodologia do Observatório da Despe- sa Pública (ODP), uma espécie de malha fina dos gastos governamentais. Na lista de confirmados no seminário, que ocorre das 13 às 18 horas, no Centro Administrativo do Governo, em Florianópolis, estão representan- tes dos 12 maiores PIBs catarinenses: Joinville, Florianópolis, Itajaí, Blu- menau, Jaraguá do Sul, São José, Chapecó, Criciúma, Brusque, Palhoça, Balneário Camboriú e Lages. Também foram convidados sete municípios do Programa Qualifica: Camboriú, Nova Trento, Mirim Doce, Gaspar, Rio Negrinho, Rio do Sul e Massaranduba. As cidades serão convidadas a as- sinar um Acordo de Cooperação Técnica para aderir ao ODP. Atualmente, a rede ODP conta com a adesão de 13 estados (PR, MS, GO, TO, MG, ES, AL, PE, CE, AP, RO), incluindo Santa Catarina e Bahia, estados precur- sores. Também participam da rede os municípios de São Paulo e Recife, totalizando 15 entes, além da própria Controladoria Geral da União. “O principal objetivo do ODP é monitorar as despesas públicas de forma a aprimorar a gestão e evitar desvios. Queremos fazer uma grande rede em Santa Catarina para termos um controle cada vez mais eficiente dos gastos públicos”, explica Augusto Piazza, diretor da Auditoria Geral do Estado. Tratores Vinte e duas cidades catari- nenses foram contempladas, ontem, com tratores que vão fortalecer suas patrulhas agrícolas. Num investimento de R$ 1,6 milhão, as máquinas foram adquiridas pela Secretaria de Estado da Agricultura, em parceria com o Ministério da Agricul- tura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), por meio de emenda parlamentar do de- putado Esperidião Amim (PP-SC). O ato de entrega foi prestigiado. Es- tavam presentes o secretário estadual da Agricultura, Moacir Sopelsa, que é do PMDB, o líder da bancada do PP na As- sembleia, deputado José Milton Scheffer, e os deputados Altair Silva e João Amin, também do PP, além de prefeitos, verea- dores e secretários dos 22 municípios con- templados, de diferentes regiões. Depressão Conforme anunciado pela Coluna Pelo Estado, foi realizada on- tem, na Assembleia, audiência pública sobre Causas e Consequências da De- pressão em Santa Catarina. Como re- sultado prático, haverá indicação da parte do deputado proponente, Antonio Aguiar (PMDB), tanto para a Secretaria de Esta- do da Saúde quanto para o Ministério da Saúde, sugerindo ampliar recursos para serviços de atendimento psicossocial em razão da prevalência dos casos de depres- são e números alarmantes de suicídios. CVV Um dos problemas apontados foi a falta de leitos hospitalares para esse tipo de paciente e de recursos para criar Cen- tros de Atenção Psicossocial (CAPs) de ní- vel 3, para atendimento permanente des- sas pessoas. Outra demanda é a ativação do número 188, para chamadas sem custo ao Centro de Valorização da Vida (CVV) por doentes em momentos de crise. Prêmio Com apoio da Associação de Diários do Interior (ADI-SC) e outras en- tidades ligadas ao setor da Comunicação, será lançado na próxima sexta-feira (23) o Prêmio de Jornalismo da Federação das Indústrias (Fiesc), edição 2017. Poderão ser inscritas matérias jornalísticas pu- blicadas em veículos impressos, internet, televisão e rádio no período de 20 de se- tembro de 2016 a 18 de setembro de 2017. A premiação totalizará R$ 75 mil. Pesca em Brasília Apesar de ter a maior produção pesqueira no Brasil, Santa Catarina vive um problema grave no setor da pesca, com portarias equivocadas e que resultam em penalizações para os pescadores, sejam artesanais ou profissionais. Por isso, o deputado João Rodrigues (PS- D-SC) agendou para hoje, em Brasília, uma audiência pública para discutir as portarias ministeriais que regu- lamentam a pesca, principalmente a da tainha. Foram convidados para a audiência o Secretário Nacional de Aquicultura e Pesca, Dayvison de Souza, o Secretário do Departamento de Conservação e Manejo de Espécies, do Ministério do Meio Ambiente, Ugo Eichler, o representante do Coletivo Nacional de Pesca, Agnal- do Hilton dos Santos, e o representante da Universidade do Vale do Itajaí, Pau- lo Schwingel. Entre os quase 50 titulares e 40 suplentes da Comissão de Agri- cultura da Câmara dos Deputados, que poderão participar da audiência, cinco são catarinenses. Além de João Rodrigues, compõe a comissão Valdir Colatto, Celso Maldaner e Rogério Peninha Mendonça (PMDB) e Jorge Boeira (PP). joaorodrigues.com.br Por Andréa Leonora redacao@peloestado.com.br 20/Jun/2017 Qualificação e democratização da gestão escolar foram discutidos durante encontros
  • 7. 7Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 Crianças ajudam a plantar árvores Mãos na Terra Pequeninos aprenderam sobre preservação da natureza na sala de aula e depois ajudaram a plantar mudas de árvores Turminha da creche gostou de ajudar pessoal da Fama De hoje até quinta-feira, padres estarão reunidos em Criciúma para o estudo anual N a última semana, a FundaçãoAm- biental do Mu- nicípio de Araranguá (Fama) realizou o plantio intercala- do de mudas nativas de ipê amarelo, árvore símbolo do município, e de quaresmeira. O plantio foi feito em parte do canteiro central da ave- nida Engenheiro Mesquita, no Centro da cidade, com a colaboração de 21 alunos, de quatro ou cinco anos e professores do pré-escolar do Centro Educacional Infantil Maria João. Segundo Luiz Leme, presidente da Fama, as duas espécies florescem em épocas diferentes e o canteiro mudará o visual, dependendo da fase de florescimento das plantas. “Em um período tere- mos os ipês floridos e noutro as quaresmeiras, deixando o canteiro bem atraente”, disse. O projeto de replantio abrange toda a extensão da avenida e depois de um tem- po, quando as novas plantas já estiverem desenvolvidas, as árvores antigas serão retiradas e plantadas em outros locais. Padres terão semana de estudo Nesta semana, padres da Diocese de Criciúma estarão ausentes de suas paróquias. A Coordenação Diocesana de Pastoral promove o Estudo Anual do Clero. A atividade, que terá início às 8 horas desta terça-feira, na sede da Funda- ção Shalom da Família, em Linha Batista, Criciúma, terá como tema ‘Iniciação à Vida Cristã’ e será assessorada pelo padre salesiano Luiz Alves de Lima, de São Paulo. “Em nossa Assembleia Diocesana, no ano passado, o temaIniciaçãoàVidaCristãfoi apontadocomoprioridadepara ospróximosanosnanossaação pastoral. O primeiro passo que queremos dar é promover uma boa reflexão com os padres e leigos. Queremos estar em sintonia com a caminhada da Igreja no Brasil e, por isso, traremos o padre Lima que, há mais de 30 anos, estuda e Região Gislaine Fontoura Araranguá escreve sobre o assunto para dar introdução aos nossos tra- balhos.Nãobastaacolhermoso tema,mastemosqueassumi-lo verdadeiramente. Compre- endemos que o processo da Iniciação à Vida Cristã é longo econtínuo.Nãosebastaapartir de uma ou de duas palestras ou reflexões. Levar os principais líderes – padres e catequistas – a compreender como se vi- vencia este processo, garante que a catequese seja assumida com maior evidência”, ressalta o coordenador Diocesano de Pastoral, padre Joel Sávio. O método de Iniciação à Vida Cristã envolve família, comunidade, liturgia e todos as lideranças diretamente ligadas à catequese. O Estudo do Cle- Na Engenheiro Mesquita estão plantadas jamelões, que já passaram por podas drás- ticas para redução do porte, devido aos transtornos que estavam causando, inclusive, atingindo a rede elétrica. Os moradores também haviam feito um abaixo-assinado pe- dindo solução para os proble- mas que os jamelões estavam causando na via pública. Antes de iniciarem o plantio, os servidores da Fama fizeram uma pequena explanação para as crianças sobre a importância de pre- servar o meio ambiente. Para a professoraVanderleaAguiar Pupo, que acompanhou a turminha, o projeto incentiva os alunos a cuidarem da natu- reza. “Nós já trabalhamos na sala de aula sobre preservação ambiental e agora eles estão ajudando a plantar as árvores, o que torna o aprendizado mais palpável, eles estão aprendendo que tem que fazer a cova, plantar, está sendo um encantamento”, decla- rou. Conforme a professora, os pequenos retornaram a avenida para acompanhar o crescimento das árvores que plantaram. A aluna Laura Gava Lo- pes, de quatro anos, contou que já tinha aprendido sobre as árvores, mas que esta foi a primeira vez que plantou. “Eu gostei muito de plantar as árvores e quero voltar aqui para ver como elas vão ficar”, falou. Já a colega Miriam Carvalho Soares, de quatro anos, é veterana no plantio de mudas, ela já havia realizado esta atividade em sua casa, porém contou que gostou mais de plantar as mudas jun- to com seus colegas. “Gostei mais de plantar aqui, é mais divertido”, afirmou. ro será encerrado na tarde de quinta-feira, mas padre Lima permanece em Criciúma até o fim de semana, uma vez que ministrará o mesmo tema no Seminário Diocesano de Cate- quese, para um grupo de mais de 300 pessoas, envolvendo religiosas, catequistas e mem- bros das equipes paroquiais de preparação.
  • 8. EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas J acinto avisa a Thomas que o corpo de Elvira foi encontrado. Joaquim recebe a notícia da morte de Elvira e tenta acalmar Quin- zinho. Germana e Licurgo acusam Joaquim pela morte de Elvira e o rapaz acaba preso. Peter e Libério tentam libertar Joaquim e avisam a Dom Pedro e Bonifácio. Hugo tranquiliza Quinzinho. Thomas é interrogado pela morte de Elvira. Dom Pedro visita Joaquim na cadeia, mas vai embora quando Joaquim fala de Domitila. Thomas revela a Anna que Joaquim foi acusado pela morte de Elvira. Novo Mundo -18h T ânia é suspensa por ter mexido no armário de Sandra Helena. Bebeth devolve a carteira a Dom. Elza e Prazeres convidam Antônia para a festa sur- presa que preparam para Júlio. Antônia fica surpresa ao saber por Domênico que o segurança do hotel está em coma. Pedrinho não aceita a ajuda de Eric. Athaíde pergunta a Lígia se Maria Pia é sua filha. Madalena conta a Maria Pia que Athaíde flagrou Lígia e Pedrinho se beijando. Malagueta ajuda Sandra Helena a inventarqueabolsadegrifefoiumpresentedeDonaMarieta. B ibi volta para casa após incendiar o restauran- te. Jeiza e Ritinha se desafiam dançando o carim- bó. Abel se preocupa com a influência de Ritinha sobre Zeca. Dantas é alertado sobre o incêndio no restau- rante, e Aurora desconfia do envolvimento de Bibi. Duda revela a Cibele que Anita terminou o namoro comAmaro. Yuri conta para um amigo sobre o jogo de que está participando na internet. Heleni- nha se desentende com Yuri por causa de Bibi. Ivana visita Cláudio. Cibele arma para Ruy, com a ajuda de Shirley. AForça do Querer-21h Pega Pega -19h Rapidinhas Áries 21/03 a 20/04 21/04 a 20/05 21/05 a 20/06 21/06 a 20/07 21/07 a 20/08 21/08 a 20/09 21/09 a 20/10 21/10 a 20/11 21/11 a 20/12 21/12 a 20/01 21/01 a 20/02 21/02 a 20/03 Leão HoróscopoHoróscopo Sagitário Gêmeos Libra Aquário Touro Para tomar decisões será um dia tranquilo, no qual você tende a tomar iniciativa. O Sol será importante nessa trajetória de conquistas. Apresentará bastante coragem para enfrentar pequenas dificuldades. Irá influenciar algumas pessoas com suas opi- niões sobre o gosto em relação a várias coisas. Seja perseverante e não desista daquilo que acredita. Não obstante Vênus irá ajudar a manter esse espirito vitorioso. Irá variar suas opiniões influenciadas por Júpiter, o que lhe deixará em uma situação desconfor- tável. Tente usar sua curiosidade para explorar melhor o ambiente ao seu redor. Lugares ao Ar livre te favorecerão. Despertará uma forte capacidade de compreen- der sinais que aparecerão durante o dia. Júpiter para esta constelação será generoso e ajudará para transluzir melhor as ideias e as relações com pessoas mais incompatíveis. Despertará uma forte capacidade de compreen- der sinais que aparecerão durante o dia. Júpiter para esta constelação será generoso e ajudará para transluzir melhor as ideias e as relações com pessoas mais incompatíveis. A falta de organização no seu ambiente de tra- balho lhe deixará muito irritado. Acabará por se incomodar mesmo em lugares públicos. Vênus pode ser o vilão, busque na praticidade o caminho para chegar no seu objetivo. O diálogo será a forma na qual você chegará ao senso comum e com mais tranquilidade. Saturno auxiliará no seu projeto de busca de tranquilida- de. Procure não se deixar distrair por problemas de pequena importância. Entrar de cabeça em uma ideia será a frase chave para o seu dia. Urano intervirá a seu favor para ir com maior profundidade aos seus objetivos. Porém não tente controlar tudo ao mesmo tempo saiba dividir as tarefas. O bom humor levará você a ter uma perspectiva mais otimista da vida. Tudo isso lhe propor- cionar um excelente bem estar, Júpiter e o elemento fogo te ajudarão. Siga com coragem e perspicácia nessa sua empreitada. Não irá se esconder perante momentos desa- fiadores, sua competitividade vai auxiliar neste repto. Marte nesta constelação dará mais força para você. A responsabilidade tende a não te abandonar nessa jornada. Muito do seu lado mais irrequieto e agitado irá estar presente um bom período durante o dia. Mercúrio bloqueará um pouco mais a sua capaci- dade de modificar sua forma de pensar. Dialogue mais com pessoas diferentes. Estar junto de você será uma experiência muito boa, pela energia que irá trasbordar de você. Romantismo será a palavra que renovará o seu dia. Netuno passará serenamente por esta constelação tão amorosa e carinhosa. Virgem Capricórnio Câncer Escorpião Peixes Em plena segunda-feira (19), Klebber Tole- do e Camila Queiroz conseguiram causar um completo alvoroço, entre os milhares de admi- radores que possuem, na internet. Tudo porque, por meio de suas páginas oficiais no Instagram, os pombinhos anunciaram, com as mais lindas palavras possíveis, que estão noivos. Em uma das imagens compartilhadas, na rede social, o ator aparece ajoelhado, enquanto colocava um lindo anel de compromisso no dedo da amada.Ao todo, as publicações feitas pelo casal já somam mais de 500 mil curtidas, além de terem rendido comentários do tipo “Lindos”, “Parabéns”, “Feli- cidades” e até “Vocês são tão fofos”. Faltando apenas alguns meses para celebrar seu aniversário de seis aninhos, Davi Lucca tem tudo para seguir os passos do pai, Neymar Jr., quando o assunto é o sucesso que o jogador faz, na internet. Ainda no último domingo (18), o cra- que enlouqueceu e encantou os quase 77 milhões de seguidores que possui, no Instagram, depois de usar a rede social para mostrar um registro que fez, do herdeiro, durante um safári realizado na África. Na imagem, Davi Lucca aparece fazendo careta para a câmera e deixando ainda mais à mostra toda a sua já conhecida fofura. Como já era de se esperar, a foto deixou os internautas completamen- te derretidos e já estava quase ultra- passando a impressionan- te marca de dois milhões de curtidas, em apenas algumas ho- ras no ar. Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 9. TÂNIA DUARTE Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 48 3533.0762 tania@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/tania.duartecoelho SocialSocial Pelo mundo: Marcon Caldeira e Mônica, Daniel Colares e Janaína, Vito Basso e Sandra em Sintra Portugal. O advogado André Barreto e a ar- quiteta Priscila estão em tour pela Europa, na foto em Londres. Enlace: Ana Paula Medeiros e João Paulo Floriano casaram-se no último sábado (17) em Sombrio. Felicidades ano novo casal!O prefeito de Balneário Arroio do Silva, Juscelino Guimarães, o Mineiro, e a rainha da Festa do Peixe, Safira Aguiar, estiveram em Florianópolis para divulgar a realização da 26ª edição da Festa do Peixe que acontece nos dias 29 de junho a 2 de julho no município. Na foto com Secretário de Turismo Leonel Pavan, e Secretário Estado da Assistência Social Valmir Comin. Os funcionários da Cooperja abriram mão da festa do Dia do Trabalho, em prol de instituições filantrópicas das cidades as quais a cooperativa possui filiais. No dia 14 de junho, foi realizada a entrega oficial para o Hospital São Roque e Apae de Jacinto Machado. A Escola de Futebol EuroBarcelona/Araranguá, por meio do Programa Euro Intercâmbio, anuncia a ida de dois de seus atletas para realizarem testes em clubes espanhóis. Eles embarcam em agosto , cumprindo 13 dias de atividades programadas. O intercâmbio tem por objetivo proporcionar treinamentos nas categorias de base de clubes da região da Catalunha, que atualmente encontram-se entre as 4 primeiras divisões do Campeo- nato Espanhol. Entre os times conhecidos, destacam-se o Barcelona e o RCD Espanyol.
  • 10. 10 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 11. 11Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 Projeto Geoparque ganha consultoria Passo Adiante Atividades serão desenvolvidas nos municípios de Praia Grande, Jacinto Machado, Timbé do Sul e Morro Grande Cânions dão nome e são as grandes atrações da área que abrange projeto Geoparque Atividade realizada no Instituto Federal é aberta ao público Abraço ao Catulo, em um dos atos pedindo reforma Licitação do Catulo mantém 15 empresas Marketing é tema do Café com Moda A comissão de licitação da Agência de Desenvolvi- mento Regional (ADR) de Araranguá concluiu a análise da documentação de habilita- ção das 18 empresas partici- pantes do processo licitatório para reforma e ampliação da EEB Catulo da Paixão Cea- rense, localizada no centro de Sombrio. O resultado da análise será publicado nesta terça- -feira, no Diário Oficial do Estado de Santa Catarina, indicando que 15 empresas estão aptas a continuarem no processo, e outras três foram inabilitadaspornãoatenderem às especificações contidas no edital. A partir de hoje, as 18 empresas terão um prazo de até dois dias úteis para apre- sentar recursos com relação à habilitação e inabilitação. Caso não haja recurso, será marcada a data para abertura O curso técnico em Pro- dução de Moda do IFSC Câmpus Araranguá realiza nesta quarta-feira, a sétima edição do Café com Moda, tradicional evento realizado pelos formandos. Neste ano, o tema é a importância do marketing na moda. A programação começa às 16h desta quarta, no au- ditório do IFSC em Araran- guá, com entrada gratuita e aberta a todos os interessa- dos no tema. Os estudantes apresen- tarão vídeos com a confir- mação de tendência de moda para o inverno 2017. Em se- guida, haverá um bate-papo sobre o marketing na moda com Ana Beatriz Koerig, que contará sua experiência com a mudança de posicio- namento da loja Fazendo Grau, e Pauli Duarte, que falará sobre as tendências do marketing para noivas, especialidade de seu atelier. O Café com Moda é organizado pelos formandos das propostas de preço das habilitadas. O secretário executivo da ADR Araranguá, Heriberto AfonsoSchmidt,destacaquea Agência está trabalhando para o mais rápido possível apre- sentar a vencedora e iniciar as obras no Catulo, sendo que após iniciada, a obra deverá ser concluída no máximo em 11 meses. “Todas as empresas participantes do certame já estão cientes de que deverão cumprir este prazo”, diz. em técnico em Produção de Moda, como parte do Projeto Integrador, trabalho Sombrio Araranguá O valor orçado para a construção é de cerca de R$ 3,8 milhões, investimento do Governo do Estado, por meio do Pacto pela Educação. Serão no total 4.258,57m² de melhorias, entre 3.442,04m² de reforma e 816,53m² de ampliação. O prédio da EEB Catulo da Paixão Cearense está inter- ditado pelo justiça desde 2015 e os alunos estão estudando em salas de aula emprestadas de outra escola. de conclusão do curso e orientação da professora Roberta Lohn. F oi realizado nes- ta segunda-feira, o pregão presencial para contratação de serviços de consultoria para desenvolver a estratégia de geoconservação doprojetoGeoparqueCaminho dos Cânions do Sul - Território Catarinense. A vencedora é a Geodiversidade Soluções Geológicas, de Curitiba e os recursos são do Programa SC Rural. A empresa deverá reali- zar, dentro de seis meses, os estudos necessários para que os cânions entrem no processo decandidaturaparainserçãona Rede Mundial de Geoparques, através do reconhecimento da Unesco.Asatividadesserãode- senvolvidas nos municípios de PraiaGrande,JacintoMachado, Timbé do Sul e Morro Grande. O desenvolvimento da estratégia de geoconservação deverá conter o inventário dos geossítios existentes no território, bem como a revi- são dos estudos prévios sobre patrimônio geológico. A partir disso, deverá ser feita a avalia- ção do potencial uso para cada geossítio (científico, educativo e/ou turístico), das técnicas de conservação necessárias e das ações e programas de valorização e divulgação do atrativo. Também será neces- sário estabelecer o programa demonitoramentodesteslocais paragarantir,simultaneamente, o uso e a conservação. O secretário estadual de Turismo, Cultura e Esporte, Leonel Pavan, homologou a licitação nesta segunda-feira. “Estamoscomeçandoatirardo papel um grande projeto para o turismo”, comemorou. Região Foto: Saul Oliveira / SOL
  • 12. 12 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 13. 13Geral Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 EconomiadaCâmaraajudaentidades Bom Exemplo Vereadores e representantes das entidades beneficiadas com repasse de recursos, anunciados na sessão de ontem Soldado Pedroso (direita) perseguiu e pegou o bandido O projeto Câma- ra Solidária, da Câmara de Vereadores de Araranguá, que já havia, no início deste ano, destinado R$ 200 mil à Secretaria de Saúde, para zerar as filas de exames dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS) do município e também doado um veí- culo à mesma secretaria, desta vez, anunciou a doação de R$ 70 mil para entidades beneficentes do município. O anúncio ocorreu durante a sessão da noi- te desta segunda-feira, que estava lotada, com usuários, diretores e fun- cionários das entidades beneficiadas, autoridades políticas da região e popu- lação. A sessão serviu para formalizar a devolução de R$ 70 mil ao Poder Exe- cutivo, através de recursos que foram economizados pela atual gestão do Le- gislativo e que poderão contribuir com projetos sociais. No momento, cinco entidades receberão a aju- da, são elas a Associação dos Pais e Amigos dos Ex- cepcionais (Apae) de Ara- ranguá, Grupo Escoteiros Ariringuá, Albergue São Marcos, Adadar que é uma associação ligada à Igreja Assembleia de Deus, e o Asilo São Vicente de Paulo. Os recursos serão distribuídos entre estas entidades, que estiveram apresentando os pedidos formalmente ao Legislati- vo e receberam a visita de alguns vereadores, que co- nheceram o andamento de seus projetos e a estrutura que disponibilizam para a realização dos trabalhos. Deonel Alves da Sil- va, presidente da Apae, agradeceu aos vereadores pelo recurso que será des- tinado à instituição. “Que- ro elogiar a bravura dos vereadores em administrar a Casa, fazendo economia e doando o dinheiro para as entidades sociais, em meio à crise que assola o país, graças a esta ação da Câmara de Vereadores é que algumas associações filantrópicas estão come- çando a ver uma luz no fim do túnel, para honrar com seus compromissos financeiros e administrati- vos. Imaginamos que esta ação é apenas o começo para que outras surjam, sabemos que a filantro- pia de co-gestão é uma grande parceira do poder público e da sociedade”, ponderou. Assaltantebateemsenhorade80anos Por volta das 17h15min desta segunda-feira fria, uma idosa de 80 anos, natural do Rio Grande do Sul e moradora de Balneário Arroio do Silva há 22 anos, foi assaltada e agredida por um marginal, que lhe desferiu um tapa no rosto e torceu seu braço esquerdo. O crime covarde aconteceu quando a senhora de cabelos brancos e aparência frágil retornava do supermercado com uma bolsa grande, onde guardava as compras e uma sacolinha com dinheiro e um cartão de banco. O ladrão, identificado como André Marcelino, de 36 anos, se aproximou da senhora de bicicleta e após agredi- -la, mandou-a ficar quieta e entregar o celular. A idosa conversou com a reportagem e contou que ficou apavorada, ela disse ao assaltante que não tinha celular e ele revirou a bolsa, derrubando tudo que havia dentro no chão, inclusive a sacolinha com o dinheiro e o cartão, que ele pegou e saiu em fuga, quando notou um veículo se aproximando. As compras domercadodasenhoraficaram no chão. “Ele jogou tudo no chão, eu recolhi minhas com- prinhas”, disse ela. Ocarroqueseaproximava da cena do crime era de um policial militar de folga, o soldado Pedroso, que viu pelo retrovisor do veículo a ação do bandido. “Passei por ele e fiquei cuidando, pois achei suspeito, quando percebi que ele se aproximou da idosa, retornei e ao parar, ele fugiu, correndo entre casas. O per- segui por mais de 500 metros, meti o carro em um monte de buracos,quandoofecheicomo carro, ele abandonou a bicicle- ta, começou a pular muros de residências, subiu o telhado de uma casa, os populares iam me dizendo onde ele estava e eu indo atrás. Quando ele entrou em uma residência sem saída, euomandeideitarnochãoeele seentregou”,contouosoldado. O assalto aconteceu na rua Renato Costa, próximo ao restaurante Santo Réu (ponto de referência) e a captura do bandido se deu na rua Nova Prata, próximo à Delegacia de Polícia. O soldado Pedroso cha- mou o apoio da Polícia Militar, Gislaine Fontoura Arroio do Silva que encaminhou André para a Central de Plantão Policial de Araranguá, com uma faca encontrada com ele e alguns pertences pessoais, entre eles R$ 20,00 que o bandido afirma serem seus. O dinheiro, cerca de R$ 70,00 em notas de papel e moedas e o cartão de banco roubadosdasenhoranãoforam recuperados, provavelmente foram jogados pelo marginal durante a fuga. Na delegacia, o assaltante conversou com a reportagem e contou que rou- bou o dinheiro para alugar um lugar para morar, pois teria que desocupar a casa onde estava nesta segunda-feira. Antes de vir paraArroio do Silva,André Conforme o presiden- te Daniel Viriato Afonso, no próximo mês, a Câmara irá destinar R$ 400 mil para compra de veículos para o Corpo de Bombei- ros, Polícia Civil e Polícia Militar. Para os vereadores, o objetivo destas ações é contribuir com o bem comum. Até o final do ano a intenção é economizar cerca de R$ 1 milhão, que poderão contribuir com outras áreas e mais enti- dades. O projeto é inédito em Araranguá e tem sur- tido bons efeitos. “Novas ações começam a ser pla- nejadas para os próximos meses. Os detalhes deste projeto foram pensados minimamente e cada vere- ador colaborou um pouco, como por exemplo, abrin- do mão de diárias e outros gastos. Neste momento de crise, precisamos dar uma resposta eficiente à popu- lação”, detalhou Daniel. Também participaram da sessão desta segunda- -feira, os prefeitos de Ara- ranguá, Mariano Mazzuco Neto e de Arroio do Silva, Juscelino Guimarães, o Mineiro e os deputados estaduais Ricardo Guidi e José Nei Ascari. Gislaine Fontoura Araranguá era morador de Forquilhinha, ele falou que tem uma passa- gem policial por roubo no ano de 2012 e afirmou que não usa drogas. Na delegacia, a senhora, que estava acompanhada do neto, disse que nunca havia sido assaltada antes, e revelou que a esposa do policial Pe- droso ficou com ela enquanto o soldado perseguia o margi- nal. “É muito triste isto que aconteceu comigo, ainda bem que eu não vi a faca, se não ia ficar com mais medo ainda”, ponderou. O delegado Marlon Bosse autuouAndré em flagrante por roubo.
  • 14. 14 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 15. 15Publicidade Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 16. 16 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 17. 17Publicidade Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 18. da m- o es Os e- de de os s. il es e- te as o. o, s, os o o delegado, uma escrivã, e dois agentes policiais, um deles exclusivamente para o setor de trânsito. Este ano iniciou com seis policiais, acrescen- tando mais dois agentes poli- ciais. Mesmo assim, o efetivo continua abaixo do ideal. A delegacia é responsá- vel pela fiscalização dos mais diversos estabelecimentos comerciais, principalmente no que se refere à jogos e diversões. Neste início de ano já foram emitidos aproxi- madamente 80 alvarás. Outra atribuição da de- legacia de Turvo, por ser de comarca, é ser responsável pelo controle de trânsito, que já emitiu mais de 15 mil do- cumentos somente este ano. branca, e que estava ameaçando pessoas com uma arma de fogo. Os policiais viram o veículo estacionado no pátio de uma borracharia na Avenida Municipal e um homem próximo ao automóvel. O motorista, de 53 anos, foi abordado, identificado e durante a busca pessoal foi encontrado um coldre com três munições calibre 32 intactas. Posteriormente, durante nova busca, foi encontrado, escondido próximo a um depósito de pneus usados da borracharia, um revólver calibre 32, sem munições. O homem foi detido. - Uma guarnição da Polícia Militar de Araranguá em rondas abordou um veículo transi- tando em atitude suspeita pelo bairro Urussanguinha. Durante a abordagem, os policiais militares localizaram no interior do veículo uma garrafa de vodka e outra de energético, sendo assim realizado o teste do bafômetro, que confirmou a embriaguez. O carro foi removido, o homem recebeu voz de prisão e foi encaminhado à Central de Polícia. - Na noite de domingo, por volta das 21h25min, uma guarnição da Polícia Militar de Araranguá em rondas visualizou um veículo que quase causou um acidente de trânsito após uma manobra perigosa, no bairro Cidade Alta. Durante a abordagem os policiais militares ofertaram o teste do bafômetro ao condutor, sendo confirmada a embriaguez. Ele foi encaminhado a delegacia. Grupo que enfrentou a chuva pedalando foi recebido no Cetrar p 12 1º Lu na no ter ras Co M pre ser M o r na tra rio do M ram tem pe ap for ran M Gi Ar Ronda Policia - Na tarde de quinta-feira,por volta das 18h20min, uma guarnição da P foi acionada via Central de Operações da Polícia Militar (Copom- 190 em atitude suspeita no interior de uma farmácia, no bairro Coloninha. No local, os policiais perceberam o homem escondido atrás de uma ser abordado, localizaram uma faca debaixo da manga do braço direit sobre a arma, o homem disse que anda com ela para se defender. A faca foi apreendida e lavrado um termo circunstanciado. - Aconteceu no Batalhão de Polícia Militar de Criciúma a promoção 6ª Região PM. Durante a solenidade os aspirantes a oficial Felipe Santos Silva, Ramon Fiorillo foram promovidos ao posto de 2º tenente por merecimento. O 2º tenente Felipe continuará atuando em Araranguá. - O Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina lançou a Campanha d ano, a prioridade de atendimento serão as famílias que perderam bens e residenciais, além das pessoas de baixa renda e que moram com precar ser feitas em qualquer quartel do Corpo de Bombeiros Militar do esta Vaga de Vendedor de Seguros Caçador SC Vaga de Vendedor de Seguros Caçador SC Cadastre – se no link: http://bit.ly/EstagioVendasWizArarangua Cadastre – se no link: http://bit.ly/EstagioVendasWizArarangua 18 GeralJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDO EDÍLIO DAROSA, Titular do TABELIONATO DE NOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado na Av. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP 88960-000, atendimento das 08:00h - 12:00h e 14:00h - 18:00h, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal de 03 (três) dias úteis, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. Ficam esclarecidos, também, de que nesse mesmo prazo poderão apresentar resposta escrita, que não impedirá a lavratura do protesto. PROT.....................................................APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 159331; Devedor(es): CAMILA BORGES SOUZA - 054.949.759-59, End: Rua Emanuel Wurffell, 315, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Sac: CONFECCOES MATTRIC LTDA; Tit: 257 ;Apr: FCDL; VEN: 14/05/2017; Esp: Nota Promissória; Val: R$ 876,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58.Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159343; Devedor(es): DALVAN DASILVACORDEIRO - 102.314.489-10, End:Av.Adolfo Tiskoski, sn, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: NOVA GAIVOTA COBRANCAS E ZELADORIA LTDA; Sac: NOVA GAIVOTA COBRANCAS E ZELADORIA LTDA; Tit: 10 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN: 15/05/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 345,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159301; Devedor(es): FLORIANO VIDAL JUNIOR - 517.095.030-68, End: Rua Alfredo Teixeira da Rosa, 620, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: UNICRED DE CRICIUMA; Sac: LOPES AUTOPECAS LTDA ME; Tit: 701801 ; Apr: BANCO BRADESCO S A; VEN: 06/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 124,66 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159323; Devedor(es): FRANCIELE DOS SANTOS POLICATRO - 039.350.700-98, End: Rua Mampituba, 546, Balneario Gaivota; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BASCHIROTTO BEN. E COM DE FRUT; Sac: BASCHIROTTO BEN. E COM DE FRUT; Tit: 83074 ;Apr: COOPERATIVA DE CREDITO DE LIVRE ADMISSAO; VEN: 05/06/2017; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: R$ 4.008,18 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159374; Devedor(es): PAULO MARQUES BARRIM - 022.083.569-18, End: Rua projetada, sn, Sombrio;Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: BV FINANCEIRAS/ACFI; Sac: BV FINANCEIRA S/A CFI; Tit: 900377635 ; Apr: SCHULZE ADVOGADOS ASSOCIADOS; VEN: À VISTA; Esp: Cédula de Crédito Bancária por Indicação; Val: R$ 17.561,43 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Prot: 159248; Devedor(es): TELMA COSTA ALBANO - 054.133.779-32, End: Rua Otavio Tomaz Cardoso, S/N, Sombrio; Tip: Normal; Mot: Falta de pagamento; Ced: CONTRA TEMPO MODAS LTDA - EPP; Sac: CONTRA TEMPO MODAS LTDA - EPP; Tit: 23203 ; Apr: FCDL; VEN: 27/11/2015; Esp: Nota Promissória; Val: R$ 646,00 + Juros Legais (1% a.m.); Emol.: R$ 56,58. Apontamento R$ 16,50 - Selo R$ 1,85 - Distribuição R$ 0,00 - Diligência R$ 33,00 - Condução R$ 7,08 - Digitalização R$ 0,00- Total Emolumentos R$ 56,58. Certifico, para os devidos fins, que o presente edital foi afixado no mural da serventia em: 20/06/2017. Sombrio - SC, 19/06/2017 ARLINDO EDÍLIO DA ROSA ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL N.º 041/2017 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para conhecimento dos interessados que no dia 03/07/2017 às 14:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas do PREGÃO PRESENCIAL N.º 041/2017, objetivando a AQUISIÇÃO DE MATERIAIS ELÉTRICOS PARA MANUTENÇÃO DA ILUMINAÇÃO PÚBLICA DO MUNICÍPIO NO EXERCICIO DE 2017. A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro, nº 371, Centro – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone (048) 3537-8400. A retirada do Edital poderá ser feita no endereço acima citado ou através da disponibilização no site do município www. meleiro.sc.gov.br . Meleiro/SC, 19 de junho de 2017. EDER MATTOS Prefeito Municipal ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO AVISO DE LICITAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL N.º 042/2017 A PREFEITURA MUNICIPAL DE MELEIRO torna público para conhecimento dos interessados que no dia 04/07/2017 às 14:00 horas estará realizando a reunião de recebimento das propostas do PREGÃO PRESENCIALN.º 042/2017, objetivando a PRESTAÇÃO DE SERVIÇO POR EMPRESA ESPECIALIZADA EM APÓLICE DE SEGURO, PARA COBERTURA DE VEÍCULOS DA FROTA MUNICIPAL, CONFORME ESPECIFICAÇÕES DO EDITAL. A integra do Edital e maiores informações poderão ser obtidas na Prefeitura Municipal de Meleiro, sito a Rua Sete de Setembro, nº 371, Centro – Meleiro/SC, no horário das 7:30 às 11:30 e das 13:00 as 17:00 horas, de Segunda a Sexta-Feira ou pelo fone (048) 3537-8400. A retirada do Edital poderá ser feita no endereço acima citado ou através da disponibilização no site do município www. meleiro.sc.gov.br . Meleiro/SC, 19 de junho de 2017. EDER MATTOS Prefeito Municipal PREGÃO PRESENCIAL Nº 9/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 17/17 HOMOLOGAÇÃO: 08/06/17 CONTRATADO: RASMI INDUSTRIA E COMERCIO DE CONFECCOES LTDA ME CONTRATANTE: SERVICO AUT. MUN. DE AGUA E ESGOTO DE ARARANGUA OBJETO: A presente Licitação tem como escopo, a aquisição de peças de vestuário feminino e masculino, para utilização como uniforme dos funcionários desta Autarquia, em consonância com as especificações aduzidas no ANEXO I do presente Edital. VALOR DA DESPESA: R$ 17.995,20 (dezessete mil novecentos e noventa e cinco reais e vinte centavos) DATA: 19/06/17 - JOSE HILSON SASSO - Diretor Geral. ----------------------------------------------------------------------------------------------- PREGÃO PRESENCIAL Nº 11/17 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 19/17 HOMOLOGAÇÃO: 08/06/17 CONTRATADO: BUSCHLE & LEPPER S.A CONTRATANTE: SERVICO AUT. MUN. DE AGUA E ESGOTO DE ARARANGUA OBJETO: A presente Licitação tem por objetivo à aquisição de 24.000 Kg (vinte e quatro mil) quilogramas de Cal Hidratada Ca(OH)2, para uso no tratamento de água das ETAs desta Autarquia Municipal. VALOR DA DESPESA: R$ 22.800,00 (vinte e dois mil e oitocentos reais) DATA: 19/06/17 - JOSE HILSON SASSO - Diretor Geral. -----------------------------------------------------------------------------------------------
  • 19. 19Publicidade Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 20. 20 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 21. 21Publicidade Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017
  • 22. Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 C om um grande públi- co os jogos do Cam- peonato Municipal de Futebol de Jacinto Machado foram retomados, no último MicrorregionaldoJescencerrahoje Série A chega a fase mata-mata domingo, 18, após três finais de semana sem competição devido a chuva. No primeiro jogo as equipes do Araçá e Pinheiro do Meio empataram em 2 a 2. Pelo Araçá marcaram gols Maico Douglas e Sombrio Araranguá Jacinto Machado A última modalidade es- portiva que encerrará a etapa microrregional dos Jogos Escolares de Santa Catarina (Jesc) será disputada nesta terça-feira, o badminton mas- culino e feminino conhecerá seus campeões no Ginásio de Esportes RogérioValerim, em Sombrio. Afase microrregional dos Jogos Escolares, que envolve cerca de 1000 atletas de 12 a 14 anos dos 15 Municípios do Extremo-Sul, é promovida Sete jogos movimentaram o campeonato municipal de Araranguá neste domingo, cin- co pela sérieAe dois pela série C. Os confrontos mais aguar- dados, pela série A, definiram os classificados, os rebaixados e as quartas de finais. No estádio Valmor Antô- nio Feliciano, no bairro Santa Rosa de Lima, o time da casa, oUnião,ganhoude2x1doIn- ternacional da Urussanguinha. As duas equipes já estavam classificadas, o União garantiu sua vaga como segundo colo- cado, e o Internacional como terceiro do grupo. Asegundapartidadatarde teve que ser encerrada aos 21 minutos, pois o Cidade Alta precisava ganhar, mas veio a campo com somente 9 jogado- res.OSportjáestavaganhando de 4 x 0 quando a arbitragem encerrou a partida, com isso, o Sport ficou em primeiro co- locado do grupo C, enquanto o Cidade Alta, com essa derrota, acabou sendo rebaixado para a segunda divisão do ano que vem. No estádio Dite Freitas, 05-07-08-09-10 11-13-15-17-18 20-21-22-23-25 CONCURSO 1.526 LOTO FÁCIL 19/06 Campeonato recomeça com muitos gols em Jacinto pelo Governo do Estado, por meiodaFundaçãoCatarinense de Esporte (Fesporte), Secre- taria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte e Agência de Desenvolvimento Regio- nal (ADR) de Araranguá, com apoio da Prefeitura de Sombrio. Nesta segunda-feira, foi encerrado o basquetebol fe- minino, com jogo final entres as Escolas EEF Prof Darcy Ribeiro, de Balneário Gaivota e a EEBM Profª Alda Santos Vargas, de Sombrio, onde a Escola de Balneário Gaivota mais dois bons jogos, no pri- meiro com briga por classifi- cação. O Coloninha, mais bem postado, ganhou de 3 x 0 do AltoFelizeficacomasegunda colocação do grupo, já o Alto Feliz está eliminado, embora garantido na primeira divisão do ano que vem. O segundo jogo botou em campo dois grandes times do futebol amador, de um lado o Esportivo buscando sua classi- ficação,edooutrooSantaCruz já classificado. O confronto foi bastante disputado e equilibra- do, e o Santa Cruz ganhou de 3 x2,eéoprimeirodoseugrupo, e o time da Divinéia, com essa derrota, deixa o campeonato, porém preserva a vaga na pri- meira divisão de 2018. No CT EmersonAlmeida, apenasumapartidapelasérieA, entre dois times que poderiam até perder, mas dependiam de outrosresultados.OBomJesus maisumavezestavacompleta- mentedesfalcado,comsomente 11 jogadores, mesmo assim fez frente ao bom time do Vi- moendo. O Bom Jesus perdeu chances de gol,e o confronto foi decidido em um lance de bola parada, com Garabinha Eduardo Scopel e pelo Pinheiri- nho do Meio Iago marcou os dois. Já na segunda partida da tarde Tá Pego venceu por 3 a 1 a equipe do Ajax. O jogador Nuna, marcou 2 gols e o Matias um gol pela equi- pe Tá Pego. O único gol do Ajax foi marcado por Leonardo Talau. O Juventude, no último jogo do domingo, marcou 4 em cima do Borrussia que fez 1. Marcaram gols pelo Juventude Ivan Bozello 1, Daniel Mota 2 e Eriton da Rosa 1, e pelo Borrussia quem fez 1 foi Gilmar Nazario. No próximo domingo, 21, jogam Atletico Machadense e Dois Irmãos. Às 15h30 é a vez de Lazio e Universitários e para chegar o dia se enfrentam Juven- tus e Pinheirinho do Meio. foi a campeã da modalidade, garantindo vaga para etapa seletiva que acontecerá em Braço do Norte nos dias 07 e 08 de julho. Na última quarta-feira, ocorreram as disputas do atle- tismomasculinoefemininona pistadeatletismomunicipalde Sombrio, onde foram conheci- dos os representantes daADR Araranguá na fase estadual do atletismo, que acontecerá no município de Itajaí nos dias 14 e 15 de julho. O campeão de cada prova garantiu vaga para etapa estadual. cobrando falta na gaveta e dan- do números finais a vitória por 1 x 0 do Vimoendo. O placar deixou a equipe em segundo lugarnaclassificação,emesmo com a derrota, o Bom Jesus se garantiu na segunda fase como terceiro colocado do grupo. Série C PelasérieC,doisjogosfo- ramrealizados.NoDiteFreitas, no Morro dos Conventos, pela manhã, a Família Elias goleou o Interlagos B por 4 x 0, e deu um passo importante rumo a classificação. O outro confronto foi rea- lizadonoCTEmersonAlmeida a tarde, onde Juventus/Flaec e SãoPauloempataramem0x0. ResultadobomparaoJuventus, enquanto o São Paulo terá que buscar sua classificação na ultima rodada da primeira fase. Depois da rodada, foram definidas as quartas de finais mata-mata da série A, quem vencer estará nas semifinais e quem perder se despede. Os jogos serão Coloniense x In- ternacional, Santa Cruz x Bom Jesus, Coloninha x União e Sport x Vimoendo.
  • 23. Brasileirão Série B Brasileirão Série A Suíço do Espigão chega as quartas de finais CruzeirobuscaempatenoMineirão e impede Grêmio de ser líder Maracajá Porto Alegre 23Esporte Jornal Correio do Sul Terça-Feira, 20 de Junho de 2017 Depois de várias rodadas, está chegando a fase mais quente do campeonato de fu- tebol suíço de Espigão Grande, em Maracajá. Bons jogos defi- niram os últimos classificados para as quartas de finais. Daqui para a frente, quem perder es- tará eliminado, e quem vencer garante vaga nas semifinais. Na sexta-feira, dois jogos definiram os últimos dois clas- sificados para as quartas. Na primeira partida, Agroterra/ Belagran e JRB Calçados, empataram em 0 x 0, em uma partida bastante equilibrada. Nas penalidades máximas, o Agroterra/Belagram, ganhou de 5 x 4, garantindo sua suada vaga nas quartas. Na segunda partida, o time do Cedro, que formou umexcelenteplanteldofutebol amador, ganhou de 4 x 2 do Frigorífico Pavei/Bar Mangue Seco. Os gols da vitória foram anotadosporEsquerdinhaduas vezes, João Simon e Giliard, já João Antônio e Diego Bereta, C ruzeiro e Grêmio fizeram uma par- tida que talvez se torne inesquecível daqui há algum tempo. Em um jogo de muita ofensividade e cheio de reviravoltas,oTricolorgaúcho não conseguiu a vitória que tanto buscava para assumir a liderança do Campeonato Brasileiro, nem a Raposa conseguiu o resultado que a colocaria no G-6. O 3 a 3, entretanto, encheu os olhos de quem acompanhou a par- tida, mas que ficou com um gostinho melhor para o time mineiro, que chegou a estar anotaram para o Pavei. Quartas de finais As quartas de finais come- çam nesta quarta-feira, quando às 19h30min jogam Edinho Motos/BMM Construções x Academia Elizabeth/Rincão Materiais de Construções, e em seguida Calhas Radar/Aca- demia Performance x Patota. Os outros dois jogos das quartas, acontecem na sexta- -feira, com Frigorífico Duval- le/Madesasso/Coloniense x Agroterra e em seguida Cedro x Mercado Stuart. A competição tem mos- perdendo por 2 a 0. OsgolsdoGrêmiosaíram com Everton, Michel e Ra- miro. O Tricolor continua na segunda colocação, agora com 19 pontos, um a menos que o líder Corinthians. Thiago Ne- ves, Rafael Sobis e Robinho buscaram o empate para a Raposa, agora com 11 pontos na oitava colocação. Na próxima quinta-feira, as duas equipes voltam a campo pela nona rodada do Brasileiro. O Cruzeiro enfren- ta a Ponte Preta, no estádio Moisés Lucarelli, em Cam- pinas, às 19h30 (de Brasília). Já o Grêmio, após dois jogos fora, encara o Coritiba, às 21h, trado um grande nível técnico, o que tem deixado o coorde- nador Maicon Farias bastante na Arena do Grêmio. O Cruzeiro começou em cimanapartida,tentandofazer valer o mando de campo, mas com pouca precisão. O Grê- miobuscavaoscontra-ataques com Luan e Pedro Rocha. Alisson, aos quatro, foi quem chegou com mais perigo, acertando a trave de Marcelo Grohe. Aos 15, porém, o Grê- mio mostrou o porquê de estar bem na tabela. Em cobrança de escanteio, Kannemann desviou, a bola bateu na trave, e Everton aproveitou o rebote para marcar o primeiro gol. O Cruzeiro sentiu pouco o gol sofrido e foi para cima. Thiago Neves e Rafael Sobis levaram perigo com chutes de fora.Aos41,outrobaque:após reclamação, Mano Menezes foi expulso do jogo. No lance seguinte, o segundo gremista. Luan cruzou na área, Everton recebeu e chutou cruzado para Michel completar para o gol. Não deu tempo doTricolor co- memorar.Aos45,Kannemann afastou mal a bola, e Thiago Neves aproveitou para dimi- nuir. Jogo ainda vivo e muita reclamação dos cruzeirenses na saída de campo. O segundo voltou como o satisfeito, ele elogia também o árbitro da FCF, o araranguaen- se Ramon Abatti. primeiro: agitado. O Cruzeiro agitou as arquibancadas logo aos dois minutos. Rafael Sobis recebenaáreapassedeThiago Neves e chutou cruzado, em- patando a partida. O Cruzeiro foi para cima em busca de uma virada que entraria para a história. Mas descuidou na retaguarda e sofreu o terceiro. Pedro Rocha partiu rápido, invadiu a área e chutou. Fábio espalmou, e Ramiro desviou para o gol. Mas o Cruzeiro não de- sistia. Foi para cima e, três minutos depois, empatou de novo o jogo. Robinho triangu- lou com Sobis eThiago Neves e chutou, balançando as redes de Marcelo Grohe. As duas equipes mantiveram a postura ofensiva na partida e procu- rando o gol. Fábio ainda fez uma boa defesa em cabeceio de Everton na grande área. O Tricolor gaúcho mostrou-se melhor naté o fim da partida, embuscadoquatrogolquelhe garantiria a liderança, mas foi impedido pela bravura cruzei- rense no Mineirão. A Raposa deu último toque especial à partida, levantando o torcedor com uma bola no travessão de Elber, já nos acréscimos.
  • 24. TERÇA-FEIRA, 20 DE JUNHO DE 2017