SlideShare uma empresa Scribd logo
ESTUDO DE TERÇA DA EDIFICAÇÃO 04-02-14
O tema central de Efesios é a união de todas as coisas em Cristo. O Filho de Deus é o
elemento de ligação de todas as coisas. Deus esta realizando essa unidade por Cristo e pela
igreja.
A palavra igreja é citada em 1:22; 3:10,21; 5:22-32. a frase que aparece mais vezes é
“ EM CRISTO”, o termo aparece 14 vezes na carta.
Isso denota a nossa posição > onde Ele esta, nós estamos <; define nosso privilégio > o que
Ele, é nós somos <; descreve nossa possessão > o que Ele tem, é nosso <; define nossa
pratica > tudo o que Ele faz, nós fazemos < .

EM CRISTO

POSIÇÃO

PRIVILÉGIO

ESTA

É

ESTAMOS

SOMOS

POSSESSÃO
TEM
NOSSO

PRÁTICA
FAZ
FAZEMOS

ATOS 18:18 -19:41 descreve como foi estabelecida a igreja por Paulo e equipe missionária.
Efeso era um porto importante e a capital da província romana na Ásia, tinha construções
magníficas e ruas largas. Um dos templos mais famosos era a da deusa Artemis para os
gregos e Diana para os romanos, que ficava no topo da montanha e considerado como um das
sete maravilhas do mundo.
Artemis era adorada não só em Èfeso (19:34), mas em toda a Ásia (19:27). Paulo ensinou por
3 meses na sinagoga, 2 anos na escola de Tirano, o resultado aparece nos vv. 19 e 20.
Efésios 1:3 – 14 Paulo descreve o maravilhoso e glorioso plano traçado por Deus, o qual é
fazer do ser humano possessão Dele em comunidade com Ele e com os outros. Por três vezes,
Deus nos chama para junto com Ele louva-lo.
1) DEUS PAI – o fundamento da nossa vida ( Ef. 1:3-6)
A atuação de Deus nos é apresentada com três verbos:
Abençoou (v.3), Escolheu (v.4), Predestinou (v.5). Deus é o mentor da salvação.
Estas bênçãos são nas

>

regiões celestiais<, é ali que Deus habita e é dali que Ele dá as

bênçãos. Isso não significa que não teremos dificuldades na vida, olhemos para a vida de
Cristo Hb 2:10. ler o v. 3
3 itens importantes:
a) Deus “nos abençoou com todas as bênçãos espirituais.”
A palavra “BENÇÃO” significa “FALAR BEM DE”.
É o oposto de maldição ou falar mal. Significa que quando Deus fala, algo de bom resultará em
nossa vida. As bênçãos são o pertencer a família de Deus, a aceitação e a nova vida.
O termo “bendito” (eulogetos) aparece 8 vezes no NT e o verbo abençoar (eulogeo) 38
vezes. O substantivo benção (eulogia) que em português significa “ELOGIO” aparece 14 vezes
no NT. As bênçãos são espirituais e não simplesmente materiais ou físicas.
b) Deus “nos elegeu Nele antes da fundação do mundo”.
Os cristãos são eleitos de Deus. João 15:16-19; I Pd 1:2 e 2:9
“ A doutrina da eleição é uma revelação divina e não uma especulação humana, um incentivo a
santidade e não uma desculpa para o pecado, um estimulo à humildade e não um motivo para
o orgulho.”
STOTT, EFESIOS p. 17-18
c) Deus “nos predestinou para sermos filhos de adoção por Cristo.”
Deus nos faz seus filhos pela fé em Cristo quando o recebemos (João 1:12-13)
POR QUE DEUS PAI NOS ABENÇOU, ESCOLHEU E PREDESTINOU?
PARA SERMOS O LOUVOR DA GLORIA DE SUA GRAÇA.
2) DEUS FILHO – O autor da nova vida 6 – 12
Três substantivos descrevem a obra de Cristo nesta nova vida:
Redenção v.7; Visão da vontade de Deus v.9 – 10; Herança v.11
a) REDENÇÃO = é libertação mediante pagamento de resgate feito pelo precioso sangue de
Cristo como de cordeiro sem mácula 1Pd 1:17-21; Ap. 1:1-5; 5:9, Rm 8:23
b) REVELAÇÃO (visão) do mistério da vontade de Deus v.v 9 – 10
O plano de Deus é “ convergir” tudo em Cristo, pois Ele é o cabeça de tudo ( 1:22; 4:15; 5:23).
Cristo é o ponto central dessa nova humanidade, UNIFICAÇÃO.
c) HERANÇA v.11 a herança é uma benção nos céus e segundo 1Pd 1:4 é “incorruptível”,
“imaculada” e imerecível.
PARA QUE ESTA REDENÇÃO, VISÃO E HERANÇA?
A FIM DE SERMOS PARA LOUVOR DE SUA GLORIA v.12
3) DEUS ESPIRITO SANTO - O dinamizador da vida nova v.v. 13 -14.
3 atividades da atuação do espírito na nova vida:
Ele atua na conversão v.13; Ele sela nossas vidas v.13; Ele é o penhor da vitoria final v.14
A) ATUA NO INICIO, NA CONVERSÃO – Jesus disse que o Espírito convencerá o ser
humano do pecado, da justiça e do juízo (João 16: 8-11). É pelo Espírito Santo que o ser
humano confessa a Jesus. Ele nos faz nascer de novo.
B) SELA NOSSAS VIDAS - Isso acontece no momento quando alguém aceita Jesus.
2 Cor 1:22 explica que é o selo de propriedade . Assim pertencemos a Deus. Jesus recebeu o
selo no batismo MT 3:16. O selo pelo Espírito Santo significa que somos de Deus e
pertencemos ao povo de Deus.
C) PENHORA NOSSA VITORIA FINAL – o Espírito Santo em nós é a confiança de que aquele
que começou a boa obra a aperfeiçoara até o dia de Cristo Fp 1:6.
SER CRISTÃO É SER HABITADO PELO ESPIRITO SANTO, A ANTECIPAÇÃO E A
GARANTIA DA NOSSA REDENÇÃO FINAL. PARA QUÊ?
PARA LOUVOR DA SUA GLORIA.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 3 a salvação e o advento do salvador
Lição 3   a salvação e o advento do salvador Lição 3   a salvação e o advento do salvador
Lição 3 a salvação e o advento do salvador
antonio vieira
 
Lição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos Profetas
Lição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos ProfetasLição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos Profetas
Lição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos Profetas
Marina de Morais
 
Lição 14 - A bem-aventurada esperança da Igreja
Lição 14 - A bem-aventurada esperança da IgrejaLição 14 - A bem-aventurada esperança da Igreja
Lição 14 - A bem-aventurada esperança da Igreja
Éder Tomé
 
15º Encontro de Crisma - Nascimento e Batismo de Jesus
15º Encontro de Crisma -  Nascimento e Batismo de Jesus15º Encontro de Crisma -  Nascimento e Batismo de Jesus
15º Encontro de Crisma - Nascimento e Batismo de Jesus
Catequese Anjos dos Céus
 
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do SenhorLição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Éder Tomé
 
Lição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivos
Lição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivosLição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivos
Lição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivos
Éder Tomé
 
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de CristoLição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Éder Tomé
 
Lição 9 - O Mistério da Unidade Revelado
Lição 9 - O Mistério da Unidade ReveladoLição 9 - O Mistério da Unidade Revelado
Lição 9 - O Mistério da Unidade Revelado
Marina de Morais
 
Lição 13 - O Sacerdócio Celestial
Lição 13 - O Sacerdócio CelestialLição 13 - O Sacerdócio Celestial
Lição 13 - O Sacerdócio Celestial
Marina de Morais
 
Lição 12 - Voto e dízimo
Lição 12 - Voto e dízimoLição 12 - Voto e dízimo
Lição 12 - Voto e dízimo
Éder Tomé
 
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua NaturezaLição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Éder Tomé
 
Lição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de LevíticoLição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de Levítico
Éder Tomé
 
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em CristoLição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Ailton da Silva
 
A bênção da provisão
A bênção da provisãoA bênção da provisão
A bênção da provisão
Ipb Ananindeua
 
LBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimento
LBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimentoLBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimento
LBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimento
Natalino das Neves Neves
 
Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Éder Tomé
 
O advento do messias
O advento do messiasO advento do messias
O advento do messias
Cleonilson Freitas
 
Lição 7 - A Necessidade do Novo Nascimento
Lição 7 - A Necessidade do Novo NascimentoLição 7 - A Necessidade do Novo Nascimento
Lição 7 - A Necessidade do Novo Nascimento
Éder Tomé
 
Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores
 Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores
Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores
Éder Tomé
 
Lição 12 - Perseverando na Fé
Lição 12 - Perseverando na FéLição 12 - Perseverando na Fé
Lição 12 - Perseverando na Fé
Éder Tomé
 

Mais procurados (20)

Lição 3 a salvação e o advento do salvador
Lição 3   a salvação e o advento do salvador Lição 3   a salvação e o advento do salvador
Lição 3 a salvação e o advento do salvador
 
Lição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos Profetas
Lição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos ProfetasLição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos Profetas
Lição 8 - Edificados sobre o Fundamento dos Apóstolos e dos Profetas
 
Lição 14 - A bem-aventurada esperança da Igreja
Lição 14 - A bem-aventurada esperança da IgrejaLição 14 - A bem-aventurada esperança da Igreja
Lição 14 - A bem-aventurada esperança da Igreja
 
15º Encontro de Crisma - Nascimento e Batismo de Jesus
15º Encontro de Crisma -  Nascimento e Batismo de Jesus15º Encontro de Crisma -  Nascimento e Batismo de Jesus
15º Encontro de Crisma - Nascimento e Batismo de Jesus
 
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do SenhorLição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
 
Lição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivos
Lição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivosLição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivos
Lição 09 - A Fé que nos une a Deus e nos torna produtivos
 
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de CristoLição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
Lição 1 - A Carta aos Hebreus e a Excelência de Cristo
 
Lição 9 - O Mistério da Unidade Revelado
Lição 9 - O Mistério da Unidade ReveladoLição 9 - O Mistério da Unidade Revelado
Lição 9 - O Mistério da Unidade Revelado
 
Lição 13 - O Sacerdócio Celestial
Lição 13 - O Sacerdócio CelestialLição 13 - O Sacerdócio Celestial
Lição 13 - O Sacerdócio Celestial
 
Lição 12 - Voto e dízimo
Lição 12 - Voto e dízimoLição 12 - Voto e dízimo
Lição 12 - Voto e dízimo
 
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua NaturezaLição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
Lição 13- Sobre a Família e a sua Natureza
 
Lição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de LevíticoLição 01 - O Livro de Levítico
Lição 01 - O Livro de Levítico
 
Lição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em CristoLição 13 - Glorificados em Cristo
Lição 13 - Glorificados em Cristo
 
A bênção da provisão
A bênção da provisãoA bênção da provisão
A bênção da provisão
 
LBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimento
LBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimentoLBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimento
LBA 2017 3 TRI LIÇÃ 7 - A necessidade do novo nascimento
 
Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 03 - A Salvação e o Advento do Salvador
 
O advento do messias
O advento do messiasO advento do messias
O advento do messias
 
Lição 7 - A Necessidade do Novo Nascimento
Lição 7 - A Necessidade do Novo NascimentoLição 7 - A Necessidade do Novo Nascimento
Lição 7 - A Necessidade do Novo Nascimento
 
Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores
 Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores
Lição 13 - Em Cristo Somos mais que Vencedores
 
Lição 12 - Perseverando na Fé
Lição 12 - Perseverando na FéLição 12 - Perseverando na Fé
Lição 12 - Perseverando na Fé
 

Semelhante a Estudo de terça da edificação 04

Doutrinas Bíblicas - Soteriologia
Doutrinas Bíblicas - SoteriologiaDoutrinas Bíblicas - Soteriologia
Doutrinas Bíblicas - Soteriologia
Roberto Trindade
 
A) nosso credo
A) nosso credoA) nosso credo
A) nosso credo
Wander Pereira
 
A) nosso credo
A) nosso credoA) nosso credo
A) nosso credo
Wander Pereira
 
Apostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguasApostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguas
Pedro Henrique
 
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostasAirton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
INOVAR CLUB
 
Pneumatologia 6
Pneumatologia 6Pneumatologia 6
Pneumatologia 6
DENISE DE ALMEIDA
 
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo JesusLição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Éder Tomé
 
Pneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimento
Pneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimentoPneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimento
Pneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimento
Dangelo Nascimento
 
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
I.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
Espírito santo
Espírito santoEspírito santo
Espírito santo
josiel alves
 
Espírito santo
Espírito santoEspírito santo
Espírito santo
josiel alves
 
soteriologia-doutrina220207183119 (1).pptx
soteriologia-doutrina220207183119 (1).pptxsoteriologia-doutrina220207183119 (1).pptx
soteriologia-doutrina220207183119 (1).pptx
bpclaudio11
 
LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO
LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO
LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO
Rogério Silva
 
Batismo.......pptx
Batismo.......pptxBatismo.......pptx
Batismo.......pptx
CqueSabeAaiFondue
 
Doutrinas bíblicas PARACLETOLOGIA
Doutrinas bíblicas   PARACLETOLOGIADoutrinas bíblicas   PARACLETOLOGIA
Doutrinas bíblicas PARACLETOLOGIA
Roberto Trindade
 
Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2
Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2
Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2
Ramón Zazatt
 
Lição 11 - O processo de formação do discipulado i
Lição 11 - O processo de formação do discipulado iLição 11 - O processo de formação do discipulado i
Lição 11 - O processo de formação do discipulado i
Erberson Pinheiro
 
Revisão do discipulado
Revisão do discipuladoRevisão do discipulado
Revisão do discipulado
Valdinar Viana
 
Lição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deus
Lição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deusLição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deus
Lição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deus
Erberson Pinheiro
 
Apostila para Discipulado
Apostila para DiscipuladoApostila para Discipulado
Apostila para Discipulado
Marcelo Eduardo
 

Semelhante a Estudo de terça da edificação 04 (20)

Doutrinas Bíblicas - Soteriologia
Doutrinas Bíblicas - SoteriologiaDoutrinas Bíblicas - Soteriologia
Doutrinas Bíblicas - Soteriologia
 
A) nosso credo
A) nosso credoA) nosso credo
A) nosso credo
 
A) nosso credo
A) nosso credoA) nosso credo
A) nosso credo
 
Apostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguasApostila do discipulado encontro das aguas
Apostila do discipulado encontro das aguas
 
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostasAirton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
Airton evangelista da_costa_-_150_perguntas_e_respostas
 
Pneumatologia 6
Pneumatologia 6Pneumatologia 6
Pneumatologia 6
 
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo JesusLição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
 
Pneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimento
Pneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimentoPneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimento
Pneumatologia ibaderj pdf Prof. Dangelo nascimento
 
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do SalvadorLição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
Lição 3 - A Salvação e o Advento do Salvador
 
Espírito santo
Espírito santoEspírito santo
Espírito santo
 
Espírito santo
Espírito santoEspírito santo
Espírito santo
 
soteriologia-doutrina220207183119 (1).pptx
soteriologia-doutrina220207183119 (1).pptxsoteriologia-doutrina220207183119 (1).pptx
soteriologia-doutrina220207183119 (1).pptx
 
LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO
LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO
LIÇÃO 3 - ELEIÇÃO e PREDESTINAÇÃO
 
Batismo.......pptx
Batismo.......pptxBatismo.......pptx
Batismo.......pptx
 
Doutrinas bíblicas PARACLETOLOGIA
Doutrinas bíblicas   PARACLETOLOGIADoutrinas bíblicas   PARACLETOLOGIA
Doutrinas bíblicas PARACLETOLOGIA
 
Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2
Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2
Unidade 12 - Descobrindo o Plano de Salvação - Aspecto 2
 
Lição 11 - O processo de formação do discipulado i
Lição 11 - O processo de formação do discipulado iLição 11 - O processo de formação do discipulado i
Lição 11 - O processo de formação do discipulado i
 
Revisão do discipulado
Revisão do discipuladoRevisão do discipulado
Revisão do discipulado
 
Lição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deus
Lição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deusLição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deus
Lição 3 - A maravilhosa e inefável graça de deus
 
Apostila para Discipulado
Apostila para DiscipuladoApostila para Discipulado
Apostila para Discipulado
 

Último

Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
SanturioTacararu
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
carla983678
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
AlexandreCarvalho858758
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptxBatismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
nadeclarice
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
Nilson Almeida
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
AntonioMugiba
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 

Último (14)

Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.pptEncontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
Encontro ECC - Sacramento Penitência.ppt
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptxBatismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
Batismo CELEBRANDO A NOSSA FÉ BATISMAL.pptx
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
 
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyugcontrole-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
controle-unidade.pptxvvvvggffgfftrddfyug
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 

Estudo de terça da edificação 04

  • 1. ESTUDO DE TERÇA DA EDIFICAÇÃO 04-02-14 O tema central de Efesios é a união de todas as coisas em Cristo. O Filho de Deus é o elemento de ligação de todas as coisas. Deus esta realizando essa unidade por Cristo e pela igreja. A palavra igreja é citada em 1:22; 3:10,21; 5:22-32. a frase que aparece mais vezes é “ EM CRISTO”, o termo aparece 14 vezes na carta. Isso denota a nossa posição > onde Ele esta, nós estamos <; define nosso privilégio > o que Ele, é nós somos <; descreve nossa possessão > o que Ele tem, é nosso <; define nossa pratica > tudo o que Ele faz, nós fazemos < . EM CRISTO POSIÇÃO PRIVILÉGIO ESTA É ESTAMOS SOMOS POSSESSÃO TEM NOSSO PRÁTICA FAZ FAZEMOS ATOS 18:18 -19:41 descreve como foi estabelecida a igreja por Paulo e equipe missionária. Efeso era um porto importante e a capital da província romana na Ásia, tinha construções magníficas e ruas largas. Um dos templos mais famosos era a da deusa Artemis para os gregos e Diana para os romanos, que ficava no topo da montanha e considerado como um das sete maravilhas do mundo. Artemis era adorada não só em Èfeso (19:34), mas em toda a Ásia (19:27). Paulo ensinou por 3 meses na sinagoga, 2 anos na escola de Tirano, o resultado aparece nos vv. 19 e 20. Efésios 1:3 – 14 Paulo descreve o maravilhoso e glorioso plano traçado por Deus, o qual é fazer do ser humano possessão Dele em comunidade com Ele e com os outros. Por três vezes, Deus nos chama para junto com Ele louva-lo. 1) DEUS PAI – o fundamento da nossa vida ( Ef. 1:3-6) A atuação de Deus nos é apresentada com três verbos: Abençoou (v.3), Escolheu (v.4), Predestinou (v.5). Deus é o mentor da salvação.
  • 2. Estas bênçãos são nas > regiões celestiais<, é ali que Deus habita e é dali que Ele dá as bênçãos. Isso não significa que não teremos dificuldades na vida, olhemos para a vida de Cristo Hb 2:10. ler o v. 3 3 itens importantes: a) Deus “nos abençoou com todas as bênçãos espirituais.” A palavra “BENÇÃO” significa “FALAR BEM DE”. É o oposto de maldição ou falar mal. Significa que quando Deus fala, algo de bom resultará em nossa vida. As bênçãos são o pertencer a família de Deus, a aceitação e a nova vida. O termo “bendito” (eulogetos) aparece 8 vezes no NT e o verbo abençoar (eulogeo) 38 vezes. O substantivo benção (eulogia) que em português significa “ELOGIO” aparece 14 vezes no NT. As bênçãos são espirituais e não simplesmente materiais ou físicas. b) Deus “nos elegeu Nele antes da fundação do mundo”. Os cristãos são eleitos de Deus. João 15:16-19; I Pd 1:2 e 2:9 “ A doutrina da eleição é uma revelação divina e não uma especulação humana, um incentivo a santidade e não uma desculpa para o pecado, um estimulo à humildade e não um motivo para o orgulho.” STOTT, EFESIOS p. 17-18 c) Deus “nos predestinou para sermos filhos de adoção por Cristo.” Deus nos faz seus filhos pela fé em Cristo quando o recebemos (João 1:12-13) POR QUE DEUS PAI NOS ABENÇOU, ESCOLHEU E PREDESTINOU? PARA SERMOS O LOUVOR DA GLORIA DE SUA GRAÇA. 2) DEUS FILHO – O autor da nova vida 6 – 12 Três substantivos descrevem a obra de Cristo nesta nova vida: Redenção v.7; Visão da vontade de Deus v.9 – 10; Herança v.11 a) REDENÇÃO = é libertação mediante pagamento de resgate feito pelo precioso sangue de Cristo como de cordeiro sem mácula 1Pd 1:17-21; Ap. 1:1-5; 5:9, Rm 8:23 b) REVELAÇÃO (visão) do mistério da vontade de Deus v.v 9 – 10 O plano de Deus é “ convergir” tudo em Cristo, pois Ele é o cabeça de tudo ( 1:22; 4:15; 5:23). Cristo é o ponto central dessa nova humanidade, UNIFICAÇÃO. c) HERANÇA v.11 a herança é uma benção nos céus e segundo 1Pd 1:4 é “incorruptível”, “imaculada” e imerecível.
  • 3. PARA QUE ESTA REDENÇÃO, VISÃO E HERANÇA? A FIM DE SERMOS PARA LOUVOR DE SUA GLORIA v.12 3) DEUS ESPIRITO SANTO - O dinamizador da vida nova v.v. 13 -14. 3 atividades da atuação do espírito na nova vida: Ele atua na conversão v.13; Ele sela nossas vidas v.13; Ele é o penhor da vitoria final v.14 A) ATUA NO INICIO, NA CONVERSÃO – Jesus disse que o Espírito convencerá o ser humano do pecado, da justiça e do juízo (João 16: 8-11). É pelo Espírito Santo que o ser humano confessa a Jesus. Ele nos faz nascer de novo. B) SELA NOSSAS VIDAS - Isso acontece no momento quando alguém aceita Jesus. 2 Cor 1:22 explica que é o selo de propriedade . Assim pertencemos a Deus. Jesus recebeu o selo no batismo MT 3:16. O selo pelo Espírito Santo significa que somos de Deus e pertencemos ao povo de Deus. C) PENHORA NOSSA VITORIA FINAL – o Espírito Santo em nós é a confiança de que aquele que começou a boa obra a aperfeiçoara até o dia de Cristo Fp 1:6. SER CRISTÃO É SER HABITADO PELO ESPIRITO SANTO, A ANTECIPAÇÃO E A GARANTIA DA NOSSA REDENÇÃO FINAL. PARA QUÊ? PARA LOUVOR DA SUA GLORIA.