SlideShare uma empresa Scribd logo
PO             O
                          M




      LO




                           IS
                               E SCOT
DE
                                        CANCIONEIRO




DES




                               DO
 EN
       V                   O
           OL
                V IM ENT

                                        Curso de Jogos e Canções - Julho/2000
Q    uando o ser se expressa cantando,
esquece seus males, alegra seu coração,
disponibiliza-se ao outro,
abre-se a novas amizades,
refaz suas próprias forças
e recomeça o trabalho,
superando grandes obstáculos
por sentir prazer no realizar.
Foi assim, também, para nós
na preparação deste trabalho.
Esperamos que ele traga
muitos bons momentos a todos,
facilitando nosso objetivo comum.
- Um mundo melhor!


Cantemos, todos!


Smr Aet!
 epe lra
FICHA TÉCNICA                                                                             ÍNDICE
         REALIZAÇÃO                        Hino Nacional Brasileiro ................................ 5            Pipoca ......................................................... 35
   Polo de Desenvolvimento do              Grupo I – Escoteiras .................................. 7              Amici Sami Sami ........................................ 35
   Escotismo Borda do Campo                Rataplan ........................................................ 9    Dança da Pastora ....................................... 36
                                           Canção do Sênior ...................................... 10             Dança da Serpente ..................................... 36
Sonorização e Supervisão Geral             Hino dos Pioneiros ..................................... 11            Patitos ......................................................... 37
      Helio Tavares Peres                  Canção do Clã ........................................... 12           Dança do Turú ........................................... 37
                                           Avançam as Patrulhas ............................... 13                Grupo IV – Festivas ................................. 39
                                           Põe tuas mágoas no bornal ....................... 14                   Queremos ver o bosque ............................ 41
       Equipe de Música
                                           Acampei lá na montanha ........................... 14                  Dino ............................................................ 42
 João Roberto Andriani da Cunha
        Valéria Montalvão                  Adeus vales e montes ................................ 14               Juan Paco Pedro de La Mar ...................... 42
      João Bosco de Souza                  Valderi ......................................................... 15   Cuco do nordeste ...................................... 43
      Diego Ulaco Moreno                   Canção da despedida ................................ 16                Sapo de barriga verde ................................. 43
     Ricardo Sanches Buso                  Brilha a fogueira (Stodola) .......................... 17              Guim Gam Guli ........................................... 44
        Jorge Edison Buso                  Irmãos do Vento ......................................... 18           Foi Tabajara ................................................. 44
       Helio Tavares Peres
                                           Canção da Promessa ................................. 19                Falabum ...................................................... 44
               Ilustração                  Espírito de BP ............................................. 20        Napoleon .................................................... 45
              Sandro Melo                  A viagem ..................................................... 21      O Maná do o o ........................................... 45
                                           Grupo II – Canones .................................. 23               Grupo V – Cultos e Mensagens ............. 47
       Colaboradores
                                           Acorda escoteiro acorda ........................... 25                 Ele tudo fez ................................................. 49
     Ana Rita Moura Cunha
       Ana Luzia Dinelli                   Aram Tsam Tsam ....................................... 26              Nas conchinhas ......................................... 49
        Valéria Proença                    Frailecito Campanero .................................. 26             É impossível ................................................ 50
      Solange Sorrentino                   Heygo ......................................................... 26     Guli Ali Guli ................................................. 51
             Sérgio                        Acampamento escoteiro ........................... 27                   Lagoa azul .................................................. 52
     Cássia Galera Ribeiro                 Em silêncio, acampamento ....................... 28                    De bem com vida ....................................... 53
         Eliezer Becker
                                           A coruja ...................................................... 28     Oração de São Francisco ........................... 54
                                           Tocam os sinos .......................................... 28           Conhecer um amigo .................................. 55
                                           Grupo III – Danças .................................. 29               Hum,Hum ................................................... 56
          PO                               Passinho ..................................................... 31      Prece ........................................................... 57
                         O
                             M             Kadimarusa ................................................. 31        Pelos caminhos do mundo ....................... 58
         LO




                              IS




                                           Shoshana .................................................... 32       Deus está aqui ............................................ 59
                                  E SCOT
    DE




                                           Boneco de lata ........................................... 32          Belo ............................................................. 59
                                           Dança da Piaba .......................................... 33           Sol que está no céu ................................... 59
   DES




                                  DO




                                           Locomotiva ................................................ 33         O gigante .................................................... 60
     EN




          V                   O            Zingo Zame ................................................. 34        Acordes ...................................................... 61
              OL
                   V IM ENT
                                           Abuni .......................................................... 34
CULTOS E MENSAGENS


                                                        ÍNDICE                                                                                           PRINCIPAIS ACORDES PARA VIOLÃO E GUITARRA
                                                     (Ordem Alfabética)
                                                                                                                                                                                                C#          C #7       Cm #          Cm #7
                                                                                                                                                    C            C7      Cm        Cm 7         D   β        β
                                                                                                                                                                                                            D 7        Dm β             β
                                                                                                                                                                                                                                     Dm 7
A coruja ..................................................... 28      Foi Tabajara ................................................ 44
A viagem .................................................... 21       Frailecito Campanero ................................. 26
Abuni ......................................................... 34     Guim Gam Guli .......................................... 44
Acampamento escoteiro .......................... 27                    Guli Ali Guli ................................................ 51
                                                                                                                                                                                                    β        β               β          β
                                                                                                                                                                                                D#          D #7       Dm #      D m #7
                                                                                                                                                    D            D7      Dm        Dm 7         E           E 7         Em        Em 7
Acampei lá na montanha .......................... 14                   Heygo ........................................................ 26
                                                                                                                                                                                            3           3          3             3
Acorda escoteiro acorda .......................... 25                  Hino dos Pioneiros .................................... 11                                                           4           4          4             4
                                                                                                                                                                                            5           5          5             5
Acordes ..................................................... 61       Hino nacional Brasileiro ................................ 5                                                          6           6          6             6

Adeus vales e montes ............................... 14                Hum,Hum .................................................. 56
Amici Sami Sami ....................................... 35             Irmãos do Vento ........................................ 18                   E            E7     Em        Em 7         F           F7          Fm           Fm 7
Aram Tsam Tsam ...................................... 26               Juan Paco Pedro de La Mar ..................... 42
Avançam as Patrulhas .............................. 13                 Kadimarusa ................................................ 31
Belo ............................................................ 59   Lagoa azul ................................................. 52

                                                                                                                                                         β         β           β      β
Boneco de lata .......................................... 32           Locomotiva ............................................... 33               F#            F #7   Fm #       Fm #7
Brilha a fogueira (Stodola) ......................... 17               Napoleon ................................................... 45              G             G 7   Gm         Gm 7         G           G7         Gm            Gm7

Canção da despedida ............................... 16                 Nas conchinhas ........................................ 49
Canção da Promessa ................................ 19                 O gigante ................................................... 60
Canção do Clã .......................................... 12            O Maná do o o .......................................... 45
Canção do Sênior ..................................... 10              Oração de São Francisco .......................... 54                        G #
                                                                                                                                                    A    β         β
                                                                                                                                                                 G #7
                                                                                                                                                                 A 7    Am β
                                                                                                                                                                        Gm #
                                                                                                                                                                                      β
                                                                                                                                                                                   G m #7
                                                                                                                                                                                   Am 7         A           A7          Am           Am 7
Conhecer um amigo ................................. 55                 Passinho .................................................... 31
Cuco do nordeste ..................................... 43              Patitos ........................................................ 37
Dança da Pastora ...................................... 36             Pelos caminhos do mundo ...................... 58

                                                                                                                                                         β         β          β
Dança da Piaba ......................................... 33            Pipoca ........................................................ 35
Dança da Serpente .................................... 36              Põe tuas mágoas no bornal ...................... 14
                                                                                                                                                    A #
                                                                                                                                                    B
                                                                                                                                                                 A #7
                                                                                                                                                                 B 7
                                                                                                                                                                        Am #
                                                                                                                                                                        Bm            β
                                                                                                                                                                                   Am #7
                                                                                                                                                                                   Bm 7         B           B7          Bm           Bm 7

Dança do Turú .......................................... 37            Prece .......................................................... 57
De bem com vida ...................................... 53              Queremos ver o bosque ........................... 41
Deus está aqui ........................................... 59          Rataplan ........................................................ 9
Dino ........................................................... 42    Sapo de barriga verde ................................ 43
É impossível ............................................... 50        Shoshana ................................................... 32
Ele tudo fez ................................................ 49       Sol que está no céu .................................. 59
                                                                                                                                                  CORRESPONDÊNCIA ENTRE LETRAS E NOTAS MUSICAIS
Em silêncio, acampamento ...................... 28                     Tocam os sinos ......................................... 28
Espírito de BP ............................................ 20         Valderi ........................................................ 15        A= LA          B=SI     C=DÓ         D=RÉ          E=MI          F=FA          G=SOL
Falabum ..................................................... 44       Zingo Zame ................................................ 34

4     •      Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                                                 •     Cancioneiro           Cancioneiro     •    Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                        •   61
CULTOS E MENSAGENS


O GIGANTE                                                                                                 HINO NACIONAL BRASILEIRO
Letra e Música mediúnicas - Marli S. Palombino                                                            Letra: Osório Duque Estrada
                                                                                                          Música: Francisco Manoel da Silva
              ADULTOS:
     A                                          E                           A
Crianças eu vi um gigante, navegando em alto mar,                                                                         Ouviram do Ipiranga as margens plácidas
                                    D                   E               A                                                 De um povo heróico o brado retumbante,
trazendo cantigas eternas para as crianças cantar.
                                                                                                                          E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos,
                                                        E                       A
Trazia consigo uma mensagem de amor para espalhar:                                                                        Brilhou no céu da Pátria nesse instante.
                                            D               E                       A                                     Se o penhor dessa igualdade
Amem o papai e a mamãe, a todos não deixem de amar!
                                                                                                                          Conseguimos conquistar com braço forte,
                                        E                       A
No alto uma nuvenzinha de flores e anjos mil,                                                                             Em teu seio, ó Liberdade,
                                    D               E                   A                                                 Desafia o nosso peito a própria morte!
Dizia a todas as crianças - Amem, amem o Brasil!

             CRIANÇAS:                                                                                                                    Ó Pátria amada,
 A                                                      E                       A
Nós também vimos um gigante navegando em alto mar,                                                                                        Idolatrada,
                                    D                   E               A                                                                 Salve! Salve!
trazendo cantigas eternas para os adultos cantar.
                                                        E                       A
Trazia também uma mensagem de amor para espalhar:                                                                         Brasil, um sonho intenso, um raio vívido
                                        D                   E                   A                                         De amor e de esperança à terra desce,
Amem ao pobre e ao rico, a todos não deixem de amar!
                                                                                                                          Se em teu formoso céu risonho e límpido
                                        E                       A
No alto uma nuvenzinha de flores e anjos mil,                                                                             À imagem do Cruzeiro resplandece.
                                    D               E                   A                                                 Gigante pela própria natureza,
Dizia a todos os adultos - Amem, amem o Brasil!
                                    D               E                   A
                                                                                                                          És belo, és forte, impávido colosso,
             TODOS:            - Amem, amem o Brasil!                                                                     E o teu futuro espelha essa grandeza.

                                                                                                                                          Terra adorada
                                                                                                                                          Entre outras mil,
                                                                                                                                          És tu, Brasil,
                                                                                                                                          Ó Pátria amada!
                                A                   D               E
                                                                                                                                          Dos filhos deste
                                                                                                                                          solo és mãe gentil
                                                                                                                                          Pátria amada, Brasil !


60       •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                        •   Cancioneiro   Cancioneiro    •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   5
CULTOS E MENSAGENS


                                                                                DEUS ESTÁ AQUI
              Deitado eternamente em berço esplêndido,
              Ao som do mar e à luz do céu profundo,                              C           G           C C7                                                        A        A7
                                                                                Deus está aqui
              Fulguras, ó Brasil, florão da América,
                                                                                        F                                 G                C C7
              Iluminado ao sol do Novo Mundo!                                   Tão certo quanto o ar que eu respiro
              Do que a terra mais garrida                                               F                                 G                        C   G       C
                                                                                Tão certo quanto o amanhã que se levan an                                      ta
              Teus risonhos lindos campos têm mais flores;                              F                             G                                    C
              “Nossos bosques têm mais vida”,                                   Tão certo quanto eu te falo e podes me ouvir
              “Nossa vida” no teu seio “mais amores”.                                                                                                                 B7       C

                                                                                BELO
                           Ó Pátria amada,
                                                                                  D                                                A
                           Idolatrada
                                                                                Belo prá mim, é criança a brincar!
                           Salve! Salve!                                                D                                                          A
                                                                                É ouvir mil canções num concha de mar!
                                                                                      D           G           A7                   D
              Brasil, de amor eterno seja símbolo                               É chuva caindo, é campo em flor!                                                      C7       D
              O lábaro que ostentas estrelado                                                                 A       D
              E diga o verde-louro desta flâmula                                E acima de tudo é o amor!
                                                                                                                                           A
              Paz no futuro e glória no passado.                                Belo prá mim quando estou a sofrer,
              Mas, se ergues da justiça a clava forte,                                  D                                                  A
                                                                                e a treva na alma começa a crescer,
              Verás que um filho teu não foge à luta,                                       D                    G            A7                       D
              Nem teme, quem te adora, a própria morte.                         é lembrar com alegria que além, muito além,                                                    F
                                                                                                                                                                      E
                                                                                                                  A                D
                                                                                a espera de mim, existe ALGUÉM!
                           Terra adorada
                           Entre outras mil,
                           És tu, Brasil,                                       SOL QUE ESTÁ NO CÉU
                                                                                Walter Pini
                           Ó Pátria amada!                                        E                                                B7              E
                           Dos filhos deste                                     Sol que está no céu, que é nosso Senhor.
                                                                                                                              B7       E                                   G
                           solo és mãe gentil                                   Sol dentro do peito, nosso coração.
                           Pátria amada, Brasil !                                  B7                     A                            E
                                                                                Quando a sua luz quiser se apagar,
                                                                                                                      A       B7               E
                                                                                põe a mão no peito que ela vai brilhar.



6   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   Cancioneiro   Cancioneiro           •    Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                 •    59
CULTOS E MENSAGENS
                                                                                                              Grupo I
PELOS CAMINHOS DO MUNDO

 C                          Am       F
Pelos caminhos do mundo existe o mal e o bem.
C                          Am    F
                                                              G

                                                                  G
                                                                                                        Escoteiras
Ajude sempre que possa não olhe como e a quem.
C                          Am        F                    G
Entre verdade e mentira você precisa vencer.
    C                           Am F                          G           F
Pague com amor toda a ira endereçada a você.

                      G                      C            C7          F
Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la
                  G                          C C7 F
um sorriso cabe em qualquer lugar
                      G                      C            C7 F
Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la
                  G                          C
um sorriso cabe em qualquer lugar

                            Am           F                    G
Fale de amor onde esteja, sorria quando puder.
     C                          Am                    F               G
Que a mão direita não veja o que a esquerda fizer.
     C                          Am       F                                        G
Quem dá ao pobre empresta .Faça do estranho um irmão.
    C                       Am           F                                    G
Deus paga bem e depressa a quem estender sua mão.

                      G                      C            C7          F
Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la
                  G                          C C7 F
um sorriso cabe em qualquer lugar
                      G                      C            C7 F
Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la
                  G                          C
um sorriso cabe em qualquer lugar

                      Am         C               C7               F               G




58       •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                      •   Cancioneiro
ESCOTEIRAS                                                                                                                                                CULTOS E MENSAGENS


                                                                                PRECE
                                                                                    C           F                 C               F           G       G
                                                                                Uê la la uê – la la uê – la la uê – la la uê – la ...
                                                                                        C                     Am              F                   G
                                                                                Quando o sol se põe no poente do meu ser
                                                                                C                             Am                  F       G
                                                                                e transforma em noite este meu viver,
                                                                                    C               Am                F                   G
                                                                                puxo a coberta do carinho que me cerca
                                                                                C                         Am                          F                   G
                                                                                e, bem de mansinho, faço a prece em voz aberta:
                                                                                            C            Am               F               E                   Am
                                                                                Senhor! Pelo dia de trabalho, pela paz, pelo agasalho,
                                                                                            G
                                                                                pela dor, pelo perdão, Senhor!
                                                                                            C            Am                       F           E                    Am
                                                                                Senhor! Pelo sol que nos aquece, pela flor que enternece,
                                                                                            G
                                                                                pela vida, pela canção, Senhor!
                                                                                            C             Am                      F                   E            Am
                                                                                Senhor! Pelo amigo mais fraterno, pelo ensinamento eterno,
                                                                                                G                     C
                                                                                Te agradeço em oração.
                                                                                    C           F                 C               F           G       G       C
                                                                                Uê la la uê – la la uê – la la uê – la la uê – la ...Uê




             O    escotismo é uma grande fraternidade - um plano que,
                na prática, derruba diferenças de classes, credos, raças
                   e regionalismos, através do indefinível espírito que o                       Am            C               E           F           G
              invade que o invade - o espírito dos Cavalheiros de Deus.

                                                       B d nP w l
                                                        ae oel
8   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   Cancioneiro   Cancioneiro          •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo            •   57
CULTOS E MENSAGENS                                                                                                                           ESCOTEIRAS


HUM, HUM                                                                         RATAPLAN

         G                                                                       Um, dois – Um, dois
Hum! hum! Quero ficar aqui!
         Em
Hum! hum! Mais um pouquinho só!                                                  Rataplan – do arrebol! Escoteiros vêde a luz!
         Am                     D7                G                              Rataplan – olhai sol do Brasil que nos conduz!
Hum! hum! Mais um pouquinho com você!                                            Alerta! Oh! Escoteiros do Brasil – Alerta!
                                                                                 Erguei para o ideal os corações em flor!
         G
Hum! hum! A noite vem, eu sei!                                                   A mocidade, ao sol da Pátria, já desperta!
         Em                                                                      À Pátria consagrai o vosso eterno amor!
Hum! hum! Não quero crer que vou                                                 Por entre densos bosques e vergéis floridos,
         Am               D7              G
Hum! hum! Para bem longe de você!                                                Ecoem as nossas vozes de alegria intensa
                                                                                 E pelos campos fora, em cânticos sentidos,
         G                                                                       Ressoe um hino ovante à nossa Pátria imensa.
Hum! hum! Por isso eu canto assim!                                               Alerta! Alerta! Sempre alerta!
         Em
Hum! hum! Para alegrar o adeus!
         Am                D7                 G                                  Um, dois – Um, dois
Hum! hum! E esta amizade não ter fim!
                                                                                 Rataplan – do arrebol! Escoteiros vêde a luz!
         G
Hum! hum! A grande amizade,                                                      Rataplan – olhai sol do Brasil que nos conduz!
         Em                                                                      Unindo o passo firme à trilha do dever,
Hum! hum! Conosco se formou,                                                     tendo um Brasil feliz por nosso escopo e norte,
         Am          D7                       G
                                                                                 façamos o futuro, em flores, antever
Hum! hum! E para sempre há de ficar!
                                                                                 a nova geração jovial, confiante e forte.
                                                                                 Mas, se algum dia, acaso, a Pátria estremecida
                                                                                 de súbito bradar: Alerta! Oh! Escoteiros
                                                                                 Alerta – respondendo – à Pátria, nossas vidas
                                                                                 e as almas, entregar iremos, prazenteiros.
                                                                                 Alerta! Alerta! Sempre alerta!

                                                                                 Um, dois – Um, dois
                      Am             D7           Em   G
                                                                                 Rataplan – do arrebol! Escoteiros vêde a luz!
                                                                                 Rataplan – Olhai sol do Brasil que nos conduz!



56   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   Cancioneiro   Cancioneiro   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   9
ESCOTEIRAS                                                                                                                                             CULTOS E MENSAGENS


CANÇÃO DO SÊNIOR                                                                 CONHECER UM AMIGO
                                                                                 Letra e Música: Antonio Cardoso

Temos 15, 16, 17 anos                                                                A                           D                            A
O futuro é nosso, vamos prosseguir.                                              Quem conheceu um amigo jamais morrerá,
                                                                                                         D                            E       E7
Vemos longe a brilhar nossa estrela D’alva.
                                                                                 pois, os amigos são um pedaço do céu.
Quando se é jovem não se pode desistir.                                          D                                                A
                                                                                 É como ter uma flor no quintal, desapegada no chão floresceu,
                                                                                     E                                                             A        A7
Marchar avante e sempre avante,
                                                                                 quem conheceu um amigo, descobriu seu Deus.
por sobre a terra, sobre aos mares e pelo ar,                                        D               A                    E                                           A   A7
continuando se outros param,                                                     Mas, o bem maior é ter no peito um jeito sincero de se da a ar,
                                                                                             D       A                        E                                           A    D A
sorrindo, mesmo se há vontade de chorar.
                                                                                 é deixar o coração se abrir direito do jeito que alguém precisar
Não sentir fome, não sentir sêde,                                                    A                       D                        A
ter persistência, paciência e resistir.                                          Quem aceitou um amigo para caminhar
                                                                                                             D                            E    E7
Ser mais que humano,
                                                                                 sente que não vai cair no espinho da flor.
querer por dez                                                                   D                                                A
e conquistar a nossa meta no porvir.                                             É como ter descoberto o amor, ter encontrado um conforto maior,
                                                                                         E                                                A        A7
                                                                                 sentir o carinho de alguém na hora da dor.
Temos 15, 16, 17 anos                                                                D               A                    E                                           A   A7
O futuro é nosso, vamos prosseguir.                                              Mas, o bem maior é ter no peito um jeito sincero de se da a ar,
                                                                                             D       A                        E                                           A    D A
Vemos longe a brilhar nossa estrela D’alva.
                                                                                 é deixar o coração se abrir direito do jeito que alguém precisar
Quando se é jovem não se pode desistir.                                              A                       D                            A
                                                                                 Quem acolheu um amigo encontrou a paz.
                                                                                                                 D                                      E       E7
A humanidade busca a verdade
                                                                                 Não há discórdias no mundo, ninguém sabe mais.
pela ciência, pelo estudo e o saber                                              D                                            A
e a mocidade é como a flecha                                                     Não há feridos nem guerras, todos são filhos do mesmo Pai.
                                                                                     E                                                             A       A7
que vai do arco até o alvo, sem tremer.
                                                                                 Quem encontrou um amigo não morre jamais.
A fé nos guia. Coragem, temos.                                                       D               A                    E                                           A   A7
Temos amor para dar aos outros e ajudar.                                         Mas, o bem maior é ter no peito um jeito sincero de se da a ar,
                                                                                             D       A                        E                                           A    D A
E o que é mais fraco, mas nosso irmão.
                                                                                 é deixar o coração se abrir direito do jeito que alguém precisar
E todos juntos o sucesso conquistar.

Temos 15, 16, 17 anos
O futuro é nosso, vamos prosseguir.                                                                  A               A7               D                E             E7
Vemos longe a brilhar nossa estrela D’alva.
Quando se é jovem não se pode desistir.



10   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   Cancioneiro   Cancioneiro     •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                         •   55
CULTOS E MENSAGENS                                                                                                                                                                         ESCOTEIRAS


ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO                                                                                                     HINO DOS PIONEIROS
Versão: Meninos de Deus                                                                                                     Ana Luzia Dinelli

            Em                Bm          G                                         D        Em
Homens: Onde há dúvida ... Mulheres: Que eu leve a fé                                                                       Somos pioneiros por opção.
     Em        Bm        G                     D              Em                                                            Temos o escotismo no coração
H: Onde há ódio ...M: que eu leve amor
     Em          Bm           G                       D                   Em                                        A       e um lema a cumprir,
H: Onde há ofensa ...M: que eu leve o perdão                                                                                o ideal de BP - Servir!
     Em              Bm           G                       D                Em
H: Onde há discórdia ...M: Que eu leve a união
     Em        Bm        G                        D                   Em
                                                                                                                            Somos companheiros e esta união,
H: Onde há erro ... M: Que eu leve a verdade                                                                       Bm       cada vez mais forte,
     Em                      Bm       G                       D                     Em                                      nos torna irmãos,
H: Onde há desespero ...M: Que eu leve a esperança
     Em          Bm           G                       D           Em
                                                                                                                            partilhando emoções,
H: Onde há trevas ...M: Que eu leve a luz                                                                                   entoando canções e assim ...
     Em                  Bm G                         D                    Em Bm G            D
H: Onde há tristeza ...M: Que eu leve a alegria a a a                                                               D
           Em                                                         Bm                     Em
                                                                                                                            Com a mochila e a forquilha eu vou
Todos: Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz                                                                        procurar nova trilha e então,
                 G                        A                           C         D            Em                             enfrentar desafios - Vencer!
          Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz
          Bm             G                D                           Em
                                                                                                                            Reforçar sempre o meu querer,
H: Oh! Mestre!               M: Que eu não busque tanto                                                            Em       fazer melhor ...
                 Bm          G            D               Em
H: Ser consolado ...M: mas, consolar
                         Bm       G           D                           Em
                                                                                                                            As altas montanhas eu vou escalar
H: Ser compreendido ...M: mas compreender                                                                                   e, do mar, o fundo vou pesquisar.
           Bm        G            D           Em                                                                    G       Vou crescer muito mais ...
H: Ser amado... M: mas, amar
                 Bm          G            D                   Em
                                                                                                                            Eu vou me superar - Ser feliz!
H: Porque é dando... M: que se recebe
            Bm       G                D                   Em
H: Esquecendo... M: que se encontra
           Bm    G                             D                           Em
H: Perdoando... M: que se encontra o perdão
          Bm     G                                    D                                 Em        Bm G D
H: Morrendo... M: Que se ressuscita para a vida eterna                                            a       a    a
                Em                                                    Bm                     Em
Todos: Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz
                 G                        A                       C             D            Em
          Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz
                                      Bm              Em          G             A             C       D       Em
/:Laiá laiá laiá laiá laiá laiá laiá Laiá laiá laiá laiá laiá laiá laiá:/BIS




54   •    Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                                         •       Cancioneiro   Cancioneiro     •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   11
ESCOTEIRAS                                                                                                                                                                                CULTOS E MENSAGENS


CANÇÃO DO CLÃ                                                                                                DE BEM COM A VIDA

     C                             G                           F                                C                              E                           B7                     E
Em uma montanha bem perto do céu, se encontra uma lagoa azul                                                 No fundo, a gente não nasceu prá viver só
                                       G           F               G                       C                                            A                                        B7
e só a conhecem aqueles que têm a dita de estar em meu clã.                                                  e achar o amor é tudo o que mais se quer...
           F       G           C               F               G               C                                      A                          B7                      A
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                     Ser feliz é bem mais fácil prá quem tem
                               G                           F                                   C                                       B7        E
A sede de riscos que nunca se acaba, as rochas que há a escalar,                                             uma canção no coração.
                       G                                   F           G           C                                                                   B7                             E
o rio tranqüilo que canta e que chora, jamais poderei olvidar.                                               De bem com a vida, acreditando no amanhã
           F       G           C               F               G               C                                               A                           B7
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                     e só fazer amigos por onde for
                           G                           F                                   C                      A                              B7                  E
No alto da serra, na gruta escondida, foi lá que eu fiz o meu lar.                                           e o sol que sempre traz um novo dia,
                                   G                       F               G               C                               A                     B7                               E       E7
Subindo e descendo em corda ligeira, eu vi o meu clã acampar.                                                vai brilhar mais, prá quem acredita no amor.
           F       G           C               F               G               C                                           A       B7
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                     Cada vez mais - cada vez mais
                           G                           F                           C                                               E
À noite, sentados ao pé da fogueira, crepita a alma escoteira.                                               Não estamos sós
                           G                       F               G       C                                             não estamos sós
Pioneiros meditam, definem a trilha e fazem a sua vigília.                                                                         A                  B7                     E    E7
           F       G           C               F               G               C                             Nós somos muitos a cantar esta canção!
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                                   A       B7
                                   G                           F                                C            Cada vez mais - cada vez mais
O sol nos aponta um caminho de sonho e o vento nos leva a andar.                                                                   E
                           G                   F               G               C                             Não estamos sós
O brilho de vivas estrelas repetem o eco de nosso cantar.                                                                não estamos sós
           F       G           C               F               G               C                                 A                          B7         A                          E
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                     Deixando brilhar a luz de dentro do coração
                                                                                                                 A                          B7         A                          E
                                                                                                             Deixando brilhar a luz de dentro do coração




                                   C       F                   G                                                                             A                  B7                E            E7




12   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                           •       Cancioneiro   Cancioneiro   •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                  •   53
CULTOS E MENSAGENS                                                                                                                                                                         ESCOTEIRAS


LAGOA AZUL                                                                                                                AVANÇAM AS PATRULHAS
Versão: Chefe João Bosco
C                                   G                                       F                                 C
                                                                                                                            E                                 B7                   E
Em uma montanha, bem perto do céu, se encontra uma lagoa azul                                                             Avançam as patrulhas – Lá, ao longe – lá, ao longe...
                                            G                   F                   G               C
e só a conhecem aqueles que fazem da vida um ato de amor.                                                                                              B7                  E
             F      G           C                       F               G                   C
                                                                                                                          Avançam as patrulhas cantando com valor – lá, ao longe.
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá
                                G                                   F                                   C
O sol nos relembra o caminho de luz que parte de dentro do peito.                                                         Juntos, escalemos a montanha altiva!
                     G                                  F                           G               C                      B7                                    E
Mente serena, olhar de criança, são senhas prá nela chegar.                                                               Juntos, escalemos o seu pico azul!
             F      G           C                       F               G                   C
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                                  Somente os falcões, vão a nossa frente,
                                G                                   F                           C
                                                                                                                           B7                                        E
Romper as arestas que isolam o fluxo do divino manancial,                                                                 voam, majestosos, sob o céu de anil.
                                            G                                   F               G             C
constrange a matéria, mas, liberta a alma, trazendo alegria imortal
             F      G           C                       F               G                   C                                                                        B7                E
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                                  Com a mochila às costas – Lá, ao longe – lá, ao longe...
                                G                                       F                               C                                                        B7        E
Conquistas internas, garantem roteiro prá o topo você alcançar                                                            Com a mochila às costas a tropa já partiu – lá, ao longe.
                        G                                   F                           G               C
e aí celebrar, triunfante, a vitória – momento como este não há                                                           Juntos, escalemos ...
             F      G           C                       F               G                   C
                                                                                                                                                                      B7               E
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                                  Se avista o acampamento – Lá, ao longe – lá, ao longe...
                                        G                                       F                                 C
                                                                                                                                                                      B7       E
O encontro de amigos bem perto à fogueira à margem da lagoa azul                                                          Se avista o acampamento por causa do fogão – lá, ao longe.
                                            G                                       F           G             C
nos diz que é chegado o momento esperado de alegre compartilhar.
             F      G           C                       F               G                   C                             Juntos, escalemos ...
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá                                                                                                         B7                E
                            G                                           F                                    C            Avistam-se as barracas – Lá ao longe – lá, ao longe ...
No doce convívio da Mãe Natureza, que em tudo é um só convidar,                                                                                          B7                E
                                        G                                                                                 Avistam-se as barracas douradas pelo sol – lá, ao longe ...
nas matas, nas flores, nos campos e agrestes
         F                  G                   C                                                                         Juntos, escalemos ...
 – Oh! homens! Não deixem de amar!
             F      G           C                       F               G                   C
Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá


                                    C               F                       G                                                                               B7             E




52   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                                        •       Cancioneiro   Cancioneiro   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   13
ESCOTEIRAS                                                                                                                                                               CULTOS E MENSAGENS


PÕE TUAS MÁGOAS NO BORNAL                                                                                        GULI ALI GULI

 E                                                          A         E                                           D            Bm      Em                       A7
Põe tuas mágoas no bornal e vamos rir, rir, rir.                                                                 Gosto das flores, até do malmequer.
                                                            B7                                                    D             Bm        Em              A7
Por que ligar só para o mal? Por que? Isto não resolve.                                                          Gosto dos montes e de um vale qualquer.
 E                   B7                         A                 B7                                               D           Bm      Em            A7
Para que preocupações? Não trazem soluções. Logo!!!                                                              Gosto dos rios que cantam para mim:
 E                                                               B7 F
Põe tuas mágoas no bornal e vamos rir, rir, rir.                                                                   D      Bm         Em         A7
                                                                                                                 Guli ali guli ali guli ali guli...
                                                                                                                 Po rom pom pom pom pom...
ACAMPEI LÁ NA MONTANHA
                                                                                                                  D            Bm         Em                    A7
         A                                          E                         A
                                                                                                                 Gosto dos bichos, do besouro ao elefante.
Acampei lá na montanha...De manhã fiz meu café,                                                                   D            Bm         Em              A7
         E                     A            E                             A
                                                                                                                 Gosto das árvores de copa exuberante.
Arrumei minha mochila e toquei prá frente a pé.                                                                    D           Bm         Em               A7
                 E                 A
                                                                                                                 Gosto dos ventos que cantam para mim:
Como é bom viver acampando assim,
                 E                          A                                                                      D      Bm         Em         A7
vendo o sol no horizonte nascer.                                                                                 Guli ali guli ali guli ali guli...
             E                      A                       E                     A
                                                                                                                 Po rom pom pom pom pom...
Vale a pena ter um grande ideal e por ele lutar e vencer.
                                                                                                                  D            Bm         Em              A7
                                                                                                                 Gosto das coisas que Deus criou na Terra.
                                                                                                                    D                Bm        Em               A7
ADEUS VALES E MONTES                                                                                             Que Ele as conserve sempre em paz, sem guerra!
                                                                                                                  D            Bm     Em             A7
         D                                                                                    A7                 Para que cantem esta canção prá mim:
Adeus vales e montes queridos, onde doces momentos passei.
         D                D7            G                         D               A7          D
                                                                                                                   D      Bm         Em         A7
Adeus campos e bosques floridos, logo e sempre aqui voltarei.                                                    Guli ali guli ali guli ali guli...
                                                                                              A7                 Po rom pom pom pom pom...
Este céu é uma grande barraca, pois, é Deus nosso chefe geral.
         D           D7        G                    D            A7           D
Este sol é lanterna diurna, nossa vida é luz natural.


         A            A7           B7                   D              D7             E              G                                     A7             Bm         D      Em




14   •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo                          •        Cancioneiro   Cancioneiro    •    Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   51
CULTOS E MENSAGENS                                                                                                                                                          ESCOTEIRAS


É IMPOSSÍVEL                                                                            VALDERI

C                 Am        F    G                 C                                              A                                             D
Olho em tudo e só encontro a Ti                                                         Eu conheço um grande jogo que aqui vou ensinar.
               Am           F        G         C C7                                           E                     A                      D        E       A
Estás no céu, na terra, onde for.                                                       É de novos, é de velhos, é bem fácil de jogar.
         F                       G                                                            E               A          E         A
Em tudo que me acontece                                                                 Valderi, Valderá, Valderi, Valderá há há há há há há há há
                   C        Am                                                                E               A              D     E           A
encontro o Teu amor                                                                     Valderi, Valderá, é bem fácil de jogar.
     F                                G
Já não se pode mais deixar                                                                                                                         D
                            C    C7                                                     Tem que ir por um caminho para então acampar
de crer no Teu amor.                                                                                  E                  A                     D E          A
                                                                                        E em fogueiras pela noite, vamos joviais estar
              F                           G                                                   E               A          E         A
É impossível não crer em Ti!                                                            Valderi, Valderá, Valderi, Valderá há há há há há há há há
              C                               Am                                              E               A              D E           A
É impossível não Te encontrar!                                                          Valderi, Valderá, vamos joviais estar.
              F                           G            C C7
É impossível não fazer de Ti meu ideal!                                                                                                         D
                                                                                        Com irmãos assim unidos, não se diz nunca adeus,
              F                           G                                                       E                      A                          D           E       A
É impossível não crer em Ti!                                                            Porque sempre tem amigos sob o grande céu de Deus.
              C                               Am                                              E               A          E         A
É impossível não Te encontrar!                                                          Valderi, Valderá, Valderi, Valderá há há há há há há há há
              F                           G            C                                      E               A              D         E                A
É impossível não fazer de Ti meu ideal!                                                 Valderi, Valderá, sob o grande céu de Deus.




                       Am                 C            C7     F   G                                                          A                  D                   E




50   •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo      •   Cancioneiro   Cancioneiro       •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo             •   15
ESCOTEIRAS                                                                                                                                                        CULTOS E MENSAGENS


CANÇÃO DA DESPEDIDA                                                                           ELE TUDO FEZ
                                                                                              Franklin José Heilbuth
         C              G                   C                   F                             A             D
Por que perder a esperança de nos tornar a ver?                                               Ele tudo fez - Ele tudo fez
         C              G                   C           F       C                                                                A
Por que perder a esperança se há tanto querer?                                                Fez com grande amor - fez com grande amor                                             A
                                                                                                            E
                                G                       C               F                     Quem Ele é - quem Ele é
Não é mais que um até logo, não é mais que um breve adeus.                                                              A                D       A
         C                  G               C           F       C                             Nosso Pai do céu - nosso Pai do céu
Bem cedo, junto ao fogo, tornaremos a nos ver                                                               D                                                                       C
                                                                                              Ele fez o sol - Ele fez o sol
                                    G                   C           F                                           A
Com nossas mãos entrelaçadas ao redor do calor,                                               o céu e o mar - o céu e o mar
         C              G                       C       F       C                                               E
Formemos nesta noite mais um círculo de amor.                                                 me fez também - me fez também
                                                                                                                                                                                    D
                                                                                                                        A                D       A
                                G                       C               F                     Nosso Pai do Céu - nosso Pai do céu
Não é mais que um até logo, não é mais que um breve adeus.                                                                  D
         C                  G               C           F       C                             Por isso cabe a nós - por isso cabe a nós
Bem cedo, junto ao fogo, tornaremos a nos ver                                                                                A
                                                                                              Sempre Alerta estar - Sempre Alerta estar                                             E

                                    G                   C           F                                               E
Pois o Senhor que nos protege e nos vai abençoar,                                             Para conservar - para conservar
         C          G                   C       F           C                                                           A                D           A
um dia, certamente, vai de novo nos juntar                                                    A natureza em paz - a natureza em paz
                                                                                                                                                                                    F

                                G                       C               F
Não é mais que um até logo, não é mais que um breve adeus.                                    NAS CONCHINHAS
         C                  G               C           F       C                             Franklin José Heilbuth
Bem cedo, junto ao fogo, tornaremos a nos ver                                                   C                           G        C           F           G     C
                                                                                              Nas conchinhas lá do mar, nas estrelinhas do céu                                      G
                                                                                                       F                C            G                   C
                                                                                              no universo infinito e comigo Deus está.
                                                                                                                                G    C               F           G C
                                                                                              Quem quiser pode escutá-lo no cantar do sabiá,
                                                                                                        F                C                   G                         C
                                                                                              no sussurro do vento, no “chuá” das ondas do mar
                                                                                                                    G                                        C
                                C                   F           G                             Churuá, churuá (chuá) - churuá, churuá (chuá)
                                                                                                                    G                                    C
                                                                                              Churuá, churuá (chuá) - churuá, chuá (chuá)



16   •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo            •   Cancioneiro   Cancioneiro       •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo     •       49
CULTOS E MENSAGENS                                                                                                                                ESCOTEIRAS


                                                                                 BRILHA A FOGUEIRA (Stodola)

                                                                                   A                                             E
                                                                                 Brilha a fogueira ao pé do acampamento
                                                                                                                         A
                                                                                 para alegria não há melhor momento.
                                                                                                                                 D
                                                                                 Velhos amigos não perdem a ocasião
                                                                                        A                    E       A
                                                                                 de reunidos cantar uma canção – Ei!!!

                                                                                                                             E               A
                                                                                 Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa stodola pumpa
                                                                                                                             E               A
                                                                                 Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa pumpa pum!

                                                                                                                             E
                                                                                 No acampamento que faz o escoteiro
                                                                                                                         A
                                                                                 muito trabalha durante o dia inteiro,
                                                                                                                                     D
                                                                                 mas, quando a noite já trouxe a escuridão,
                                                                                               A                 E           A
                                                                                 acende o fogo e canta uma canção – Ei!!!

                                                                                                                             E               A
                                                                                 Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa stodola pumpa
                                                                                                                             E               A
                                                                                 Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa pumpa pum!




                                               F iz na vida o meu escudo
                                                   desta verdade sagrada:
                                                O nada com Deus, é tudo,                                                         D       E
                                                                                                                 A
                                                o tudo sem Deus, é nada.

                                                      B l i oB a a
                                                       emr rg
48   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   Cancioneiro   Cancioneiro       •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   17
ESCOTEIRAS
                                                                                                               Grupo V
IRMÃOS DO VENTO
Luís J. Poblete - Versão: Chefe João Bosco

 F                                           Dm
Somos os irmãos do vento que baila nas ondas do mar,
          F                    Bb                C
                                                       G



que canta na orla dos bosques e ruge quando há temporal.
                                                                       C

                                                                           F                     CULTOS E MENSAGENS
 Bb                        F             G                     C
Vamos por vales e montes, nada nos pode parar.
 F                             Bb                     C7               F
Somos os irmãos do vento por isso amamos a liberdade.
                               Gm        C                             F
Assim somos, os escoteiros:                  Dançamos junto ao fogo,
                         Gm     C                                  F
cantamos para a vida            - que é um lindo acampamento.

 F                                               Dm        G       C
Vamos levando a mensagem do amor e da fraternidade,
          F                         Bb       C                         F
ancorando a luz e a alegria, plantando a paz e a amizade.
 Bb                        F             G                     C
Vamos por vales e montes, nada nos pode parar.
 F                             Bb                     C7               F
Somos os irmãos do vento por isso amamos a liberdade.
                               Gm        C                             F
Assim somos, os escoteiros:                  Dançamos junto ao fogo,
                         Gm     C                                  F
cantamos para a vida            - que é um lindo acampamento.




      A#
      B   β          C              C7           Dm        F               G         Gm




18    •       Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo              •   Cancioneiro
FESTIVAS                                                                                                                                            ESCOTEIRAS


                                                                                 CANÇÃO DA PROMESSA

                                                                                      C                   Am     D7      G
                                                                                 Prometo neste dia cumprir a lei.
                                                                                  C                       Am G           C        C7
                                                                                 Sou teu escoteiro, Senhor e rei.
                                                                                          F           C              F                 C
                                                                                 Eu te amarei prá sempre cada vez mais
                                                                                      F                   C          G        C
                                                                                 Senhor minha promessa protegerás.
                                                                                      C                         Am D7 G
                                                                                 Da fé eu sinto orgulho, quero viver
                                                                                      C                   Am G           C        C7
                                                                                 tal como ensinaste, até morrer.
                                                                                          F           C              F                 C
                                                                                 Eu te amarei prá sempre cada vez mais
                                                                                      F                   C          G        C
                                                                                 Senhor minha promessa protegerás.
                                                                                          C                    Am D7          G
                                                                                 Com alma apaixonada, servi-la-ei.
                                                                                      C                       Am G        C       C7
                                                                                 À minha pátria amada, fiel serei.
                                                                                          F           C              F                 C
                                                                                 Eu te amarei prá sempre cada vez mais
                                                                                      F                   C          G        C
                                                                                 Senhor minha promessa protegerás.
                                                                                                              Am D7           G
                                                                                 Promessa que um dia fiz junto a ti,
                                                                                  C                 Am G         C       C7
                                                                                 para a toda vida a prometi.
                                                                                          F           C              F                 C
                                                                                 Eu te amarei prá sempre cada vez mais
                                                                                      F                   C          G        C
                                                                                 Senhor minha promessa protegerás.




                                                                                               Am         C              C7                D7   F    G




46   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   Cancioneiro   Cancioneiro    •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo   •   19
ESCOTEIRAS                                                                                                                                                        FESTIVAS


O ESPÍRITO DE BP                                                                     NAPOLEON

 F                                                                                     D
De BP trago o espírito sempre na mente,                                              Napoleon avec soissant soldads
 C                    F                                                                A
sempre na mente, sempre na mente.                                                    Napoleon avec soissant soldads
                                            C                            F             D
De BP trago o espírito sempre na mente, sempre na mente estará.                      Napoleon avec soissant soldads
                                                                                                                 A         D
                                                                                     Marchez, dormez ne pas!
De BP trago o espírito no coração,
 C             F                                                                     Napoleon                     avec soissant sol dads                     (três vezes)
no coração, no coração.                                                              Napoleon                     a v e c s o i s s a n t s o l _____        (três vezes)
                                       C              F                              Napoleon                      a v e c s o i s s a n t ___ _____         (três vezes)
De BP trago o espírito no coração, no coração estará.                                Napoleon                       a v e c __________ ___ _____            (três vezes)
                                                                                     Napoleon                       _____ __________ ___ _____              (três vezes)
                                                                                     N a p o ____                  _____ __________ ___ _____               (três vezes)
De BP trago o espírito junto de mim,                                                 N a __ ____                  _____ __________ ___ _____               (três vezes)
 C                F                                                                  __ __ ____                   _____ __________ ___ _____               (três vezes)
junto de mim, junto de mim.
                                                                                     Canta-se subtraindo-se as sílabas, conforme acima, e repetindo-se o refrão
                                        C                 F
                                                                                     Marchez, dormez ne pas!
De BP trago o espírito junto de mim, junto de mim estará.


De BP trago o espírito sempre na mente,                                              O MANÁ DO O O
 C            F
no coração, junto de mim.                                                            E               A       E
                                                C              F
                                                                                     O maná do o o - O maná do o o
De BP trago o espírito sempre na mente, no coração estará.                                 A    B7            E
                                                                                     O iepe no no iê - O iepe no no iê
                                                                                                              B7 A E
                                                                                     O iepe pe pe no no iê - O iepe pe pe no no iê
                                                                                           B7    A       B7
                                                                                     Ikidá apodilela - Ikidá apodilela
                                                                                                E
                                                                                     Gramanú - Gramanú
                                                                                                B7 A E B7 E
                                                                                     Apo a pá a po di pô - Apo a pá a po di pô

                                 C          F                                                                          A         B7        D          E




20   •   Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo       •   Cancioneiro   Cancioneiro         •        Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo       •   45
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro
Escoteiro e cancioneiro

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Vpopular
VpopularVpopular
Vpopular
porcosdep
 
Songbook capoeira
Songbook capoeiraSongbook capoeira
Songbook capoeira
Medusa Fabula
 
Método
MétodoMétodo
Método
vagnerminueto
 
Danação
DanaçãoDanação
Danação
casijor
 
Canções de capoeira
Canções de capoeiraCanções de capoeira
Canções de capoeira
Denis
 
Camargo emerson zíngaro - cifras de músicas sertanejas
Camargo emerson zíngaro -  cifras de músicas sertanejasCamargo emerson zíngaro -  cifras de músicas sertanejas
Camargo emerson zíngaro - cifras de músicas sertanejas
https://camargoemersonzingaro.wordpress.com
 
33.novembro 2011 revista
33.novembro 2011 revista33.novembro 2011 revista
33.novembro 2011 revista
Acácio Tolentino
 
Passo a passo_lp1
Passo a passo_lp1Passo a passo_lp1
Passo a passo_lp1
joaoborreicho
 
Metodo de clarinete ccb
Metodo de clarinete ccbMetodo de clarinete ccb
Metodo de clarinete ccb
Saulo Gomes
 
2 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 2010
2 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 20102 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 2010
2 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 2010
Confraria Paranaense
 
Poemas sobre Árvores - Uma Antologia Poética
Poemas sobre Árvores - Uma Antologia PoéticaPoemas sobre Árvores - Uma Antologia Poética
Poemas sobre Árvores - Uma Antologia Poética
Sammis Reachers
 

Mais procurados (11)

Vpopular
VpopularVpopular
Vpopular
 
Songbook capoeira
Songbook capoeiraSongbook capoeira
Songbook capoeira
 
Método
MétodoMétodo
Método
 
Danação
DanaçãoDanação
Danação
 
Canções de capoeira
Canções de capoeiraCanções de capoeira
Canções de capoeira
 
Camargo emerson zíngaro - cifras de músicas sertanejas
Camargo emerson zíngaro -  cifras de músicas sertanejasCamargo emerson zíngaro -  cifras de músicas sertanejas
Camargo emerson zíngaro - cifras de músicas sertanejas
 
33.novembro 2011 revista
33.novembro 2011 revista33.novembro 2011 revista
33.novembro 2011 revista
 
Passo a passo_lp1
Passo a passo_lp1Passo a passo_lp1
Passo a passo_lp1
 
Metodo de clarinete ccb
Metodo de clarinete ccbMetodo de clarinete ccb
Metodo de clarinete ccb
 
2 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 2010
2 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 20102 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 2010
2 revista literaria o voo da gralha azul numero 2 fevereiro 2010
 
Poemas sobre Árvores - Uma Antologia Poética
Poemas sobre Árvores - Uma Antologia PoéticaPoemas sobre Árvores - Uma Antologia Poética
Poemas sobre Árvores - Uma Antologia Poética
 

Semelhante a Escoteiro e cancioneiro

Popular portuguesa
Popular portuguesaPopular portuguesa
Popular portuguesa
Nome Sobrenome
 
Vpopular
VpopularVpopular
Vpopular
gueste125763
 
Popular portuguesa
Popular portuguesaPopular portuguesa
Popular portuguesa
Elvis Live
 
Curso deteclado 33620_por
Curso deteclado 33620_porCurso deteclado 33620_por
Curso deteclado 33620_por
Jose Argenis Flores Monjes
 
Musicas cifradas capoeira 01
Musicas cifradas capoeira 01Musicas cifradas capoeira 01
Musicas cifradas capoeira 01
Elvis Live
 
Vpopular
VpopularVpopular
Vpopular
Firmino Lopes
 
Cantigas de roda2
Cantigas de roda2Cantigas de roda2
Cantigas de roda2
Abia Reis
 
_Cancioneiro_Escoteiro.pdf
_Cancioneiro_Escoteiro.pdf_Cancioneiro_Escoteiro.pdf
_Cancioneiro_Escoteiro.pdf
AlexanderMagnoBorges1
 
Textos ler-escrever
Textos ler-escrever Textos ler-escrever
Parábolas
ParábolasParábolas
Parábolas
Ana Claudia
 
Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011
Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011
Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011
Confraria Paranaense
 
J. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdf
J. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdfJ. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdf
J. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdf
alemao7x1Diehl
 
Vida de Jesus (VJ)
Vida de Jesus (VJ)Vida de Jesus (VJ)
Vida de Jesus (VJ)
Gérson Fagundes da Cunha
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
Acácio Tolentino
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
Acácio Tolentino
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
Acácio Tolentino
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
Acácio Tolentino
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
Acácio Tolentino
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
Acácio Tolentino
 
BEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplares
BEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplaresBEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplares
BEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplares
Fabio Pedrazzi
 

Semelhante a Escoteiro e cancioneiro (20)

Popular portuguesa
Popular portuguesaPopular portuguesa
Popular portuguesa
 
Vpopular
VpopularVpopular
Vpopular
 
Popular portuguesa
Popular portuguesaPopular portuguesa
Popular portuguesa
 
Curso deteclado 33620_por
Curso deteclado 33620_porCurso deteclado 33620_por
Curso deteclado 33620_por
 
Musicas cifradas capoeira 01
Musicas cifradas capoeira 01Musicas cifradas capoeira 01
Musicas cifradas capoeira 01
 
Vpopular
VpopularVpopular
Vpopular
 
Cantigas de roda2
Cantigas de roda2Cantigas de roda2
Cantigas de roda2
 
_Cancioneiro_Escoteiro.pdf
_Cancioneiro_Escoteiro.pdf_Cancioneiro_Escoteiro.pdf
_Cancioneiro_Escoteiro.pdf
 
Textos ler-escrever
Textos ler-escrever Textos ler-escrever
Textos ler-escrever
 
Parábolas
ParábolasParábolas
Parábolas
 
Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011
Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011
Almanaque O Voo da Gralha Azul numero 7 junho a agosto 2011
 
J. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdf
J. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdfJ. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdf
J. A. GAIARSA MINHA QUERIDA MAMÃE.pdf
 
Vida de Jesus (VJ)
Vida de Jesus (VJ)Vida de Jesus (VJ)
Vida de Jesus (VJ)
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
 
39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista39. maio 2012 revista
39. maio 2012 revista
 
BEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplares
BEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplaresBEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplares
BEY, Hakim (2003) - Caos terrorismo poético e outros crimes exemplares
 

Mais de Nome Sobrenome

Alphabet vocabulary-flashcards-set-1
Alphabet vocabulary-flashcards-set-1Alphabet vocabulary-flashcards-set-1
Alphabet vocabulary-flashcards-set-1
Nome Sobrenome
 
Violao
ViolaoViolao
Viola caipira aprendendo
Viola caipira aprendendoViola caipira aprendendo
Viola caipira aprendendo
Nome Sobrenome
 
Viola caipira
Viola caipiraViola caipira
Viola caipira
Nome Sobrenome
 
Tropicalia caetano veloso
Tropicalia caetano velosoTropicalia caetano veloso
Tropicalia caetano veloso
Nome Sobrenome
 
Tropicalia
TropicaliaTropicalia
Tropicalia
Nome Sobrenome
 
Teoria musical
Teoria musicalTeoria musical
Teoria musical
Nome Sobrenome
 
Teatro alecrim manjerona
Teatro alecrim manjeronaTeatro alecrim manjerona
Teatro alecrim manjerona
Nome Sobrenome
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
Nome Sobrenome
 
Rock nacional
Rock nacionalRock nacional
Rock nacional
Nome Sobrenome
 
Queen songbook
Queen songbookQueen songbook
Queen songbook
Nome Sobrenome
 
Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1
Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1
Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1
Nome Sobrenome
 
Musicas cifradas nivel_2 vol 2
Musicas cifradas nivel_2 vol 2Musicas cifradas nivel_2 vol 2
Musicas cifradas nivel_2 vol 2
Nome Sobrenome
 
Musicas cifradas nivel_2 vol 1
Musicas cifradas nivel_2 vol 1Musicas cifradas nivel_2 vol 1
Musicas cifradas nivel_2 vol 1
Nome Sobrenome
 
Musicas cifras paroquia 02
Musicas cifras paroquia 02Musicas cifras paroquia 02
Musicas cifras paroquia 02
Nome Sobrenome
 
Musicas cifras paroquia 01
Musicas cifras paroquia 01Musicas cifras paroquia 01
Musicas cifras paroquia 01
Nome Sobrenome
 
Musicas cifradas samba
Musicas cifradas sambaMusicas cifradas samba
Musicas cifradas samba
Nome Sobrenome
 
Musicas cifradas pop rock 3
Musicas cifradas pop rock 3Musicas cifradas pop rock 3
Musicas cifradas pop rock 3
Nome Sobrenome
 
Musicas cifradas pop rock 2
Musicas cifradas pop rock 2Musicas cifradas pop rock 2
Musicas cifradas pop rock 2
Nome Sobrenome
 
Musicas cifradas pop rock 1
Musicas cifradas pop rock 1Musicas cifradas pop rock 1
Musicas cifradas pop rock 1
Nome Sobrenome
 

Mais de Nome Sobrenome (20)

Alphabet vocabulary-flashcards-set-1
Alphabet vocabulary-flashcards-set-1Alphabet vocabulary-flashcards-set-1
Alphabet vocabulary-flashcards-set-1
 
Violao
ViolaoViolao
Violao
 
Viola caipira aprendendo
Viola caipira aprendendoViola caipira aprendendo
Viola caipira aprendendo
 
Viola caipira
Viola caipiraViola caipira
Viola caipira
 
Tropicalia caetano veloso
Tropicalia caetano velosoTropicalia caetano veloso
Tropicalia caetano veloso
 
Tropicalia
TropicaliaTropicalia
Tropicalia
 
Teoria musical
Teoria musicalTeoria musical
Teoria musical
 
Teatro alecrim manjerona
Teatro alecrim manjeronaTeatro alecrim manjerona
Teatro alecrim manjerona
 
Semana de arte moderna
Semana de arte modernaSemana de arte moderna
Semana de arte moderna
 
Rock nacional
Rock nacionalRock nacional
Rock nacional
 
Queen songbook
Queen songbookQueen songbook
Queen songbook
 
Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1
Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1
Pop rock tropical 3a1 cifras vol 1
 
Musicas cifradas nivel_2 vol 2
Musicas cifradas nivel_2 vol 2Musicas cifradas nivel_2 vol 2
Musicas cifradas nivel_2 vol 2
 
Musicas cifradas nivel_2 vol 1
Musicas cifradas nivel_2 vol 1Musicas cifradas nivel_2 vol 1
Musicas cifradas nivel_2 vol 1
 
Musicas cifras paroquia 02
Musicas cifras paroquia 02Musicas cifras paroquia 02
Musicas cifras paroquia 02
 
Musicas cifras paroquia 01
Musicas cifras paroquia 01Musicas cifras paroquia 01
Musicas cifras paroquia 01
 
Musicas cifradas samba
Musicas cifradas sambaMusicas cifradas samba
Musicas cifradas samba
 
Musicas cifradas pop rock 3
Musicas cifradas pop rock 3Musicas cifradas pop rock 3
Musicas cifradas pop rock 3
 
Musicas cifradas pop rock 2
Musicas cifradas pop rock 2Musicas cifradas pop rock 2
Musicas cifradas pop rock 2
 
Musicas cifradas pop rock 1
Musicas cifradas pop rock 1Musicas cifradas pop rock 1
Musicas cifradas pop rock 1
 

Escoteiro e cancioneiro

  • 1. PO O M LO IS E SCOT DE CANCIONEIRO DES DO EN V O OL V IM ENT Curso de Jogos e Canções - Julho/2000
  • 2. Q uando o ser se expressa cantando, esquece seus males, alegra seu coração, disponibiliza-se ao outro, abre-se a novas amizades, refaz suas próprias forças e recomeça o trabalho, superando grandes obstáculos por sentir prazer no realizar. Foi assim, também, para nós na preparação deste trabalho. Esperamos que ele traga muitos bons momentos a todos, facilitando nosso objetivo comum. - Um mundo melhor! Cantemos, todos! Smr Aet! epe lra
  • 3. FICHA TÉCNICA ÍNDICE REALIZAÇÃO Hino Nacional Brasileiro ................................ 5 Pipoca ......................................................... 35 Polo de Desenvolvimento do Grupo I – Escoteiras .................................. 7 Amici Sami Sami ........................................ 35 Escotismo Borda do Campo Rataplan ........................................................ 9 Dança da Pastora ....................................... 36 Canção do Sênior ...................................... 10 Dança da Serpente ..................................... 36 Sonorização e Supervisão Geral Hino dos Pioneiros ..................................... 11 Patitos ......................................................... 37 Helio Tavares Peres Canção do Clã ........................................... 12 Dança do Turú ........................................... 37 Avançam as Patrulhas ............................... 13 Grupo IV – Festivas ................................. 39 Põe tuas mágoas no bornal ....................... 14 Queremos ver o bosque ............................ 41 Equipe de Música Acampei lá na montanha ........................... 14 Dino ............................................................ 42 João Roberto Andriani da Cunha Valéria Montalvão Adeus vales e montes ................................ 14 Juan Paco Pedro de La Mar ...................... 42 João Bosco de Souza Valderi ......................................................... 15 Cuco do nordeste ...................................... 43 Diego Ulaco Moreno Canção da despedida ................................ 16 Sapo de barriga verde ................................. 43 Ricardo Sanches Buso Brilha a fogueira (Stodola) .......................... 17 Guim Gam Guli ........................................... 44 Jorge Edison Buso Irmãos do Vento ......................................... 18 Foi Tabajara ................................................. 44 Helio Tavares Peres Canção da Promessa ................................. 19 Falabum ...................................................... 44 Ilustração Espírito de BP ............................................. 20 Napoleon .................................................... 45 Sandro Melo A viagem ..................................................... 21 O Maná do o o ........................................... 45 Grupo II – Canones .................................. 23 Grupo V – Cultos e Mensagens ............. 47 Colaboradores Acorda escoteiro acorda ........................... 25 Ele tudo fez ................................................. 49 Ana Rita Moura Cunha Ana Luzia Dinelli Aram Tsam Tsam ....................................... 26 Nas conchinhas ......................................... 49 Valéria Proença Frailecito Campanero .................................. 26 É impossível ................................................ 50 Solange Sorrentino Heygo ......................................................... 26 Guli Ali Guli ................................................. 51 Sérgio Acampamento escoteiro ........................... 27 Lagoa azul .................................................. 52 Cássia Galera Ribeiro Em silêncio, acampamento ....................... 28 De bem com vida ....................................... 53 Eliezer Becker A coruja ...................................................... 28 Oração de São Francisco ........................... 54 Tocam os sinos .......................................... 28 Conhecer um amigo .................................. 55 Grupo III – Danças .................................. 29 Hum,Hum ................................................... 56 PO Passinho ..................................................... 31 Prece ........................................................... 57 O M Kadimarusa ................................................. 31 Pelos caminhos do mundo ....................... 58 LO IS Shoshana .................................................... 32 Deus está aqui ............................................ 59 E SCOT DE Boneco de lata ........................................... 32 Belo ............................................................. 59 Dança da Piaba .......................................... 33 Sol que está no céu ................................... 59 DES DO Locomotiva ................................................ 33 O gigante .................................................... 60 EN V O Zingo Zame ................................................. 34 Acordes ...................................................... 61 OL V IM ENT Abuni .......................................................... 34
  • 4. CULTOS E MENSAGENS ÍNDICE PRINCIPAIS ACORDES PARA VIOLÃO E GUITARRA (Ordem Alfabética) C# C #7 Cm # Cm #7 C C7 Cm Cm 7 D β β D 7 Dm β β Dm 7 A coruja ..................................................... 28 Foi Tabajara ................................................ 44 A viagem .................................................... 21 Frailecito Campanero ................................. 26 Abuni ......................................................... 34 Guim Gam Guli .......................................... 44 Acampamento escoteiro .......................... 27 Guli Ali Guli ................................................ 51 β β β β D# D #7 Dm # D m #7 D D7 Dm Dm 7 E E 7 Em Em 7 Acampei lá na montanha .......................... 14 Heygo ........................................................ 26 3 3 3 3 Acorda escoteiro acorda .......................... 25 Hino dos Pioneiros .................................... 11 4 4 4 4 5 5 5 5 Acordes ..................................................... 61 Hino nacional Brasileiro ................................ 5 6 6 6 6 Adeus vales e montes ............................... 14 Hum,Hum .................................................. 56 Amici Sami Sami ....................................... 35 Irmãos do Vento ........................................ 18 E E7 Em Em 7 F F7 Fm Fm 7 Aram Tsam Tsam ...................................... 26 Juan Paco Pedro de La Mar ..................... 42 Avançam as Patrulhas .............................. 13 Kadimarusa ................................................ 31 Belo ............................................................ 59 Lagoa azul ................................................. 52 β β β β Boneco de lata .......................................... 32 Locomotiva ............................................... 33 F# F #7 Fm # Fm #7 Brilha a fogueira (Stodola) ......................... 17 Napoleon ................................................... 45 G G 7 Gm Gm 7 G G7 Gm Gm7 Canção da despedida ............................... 16 Nas conchinhas ........................................ 49 Canção da Promessa ................................ 19 O gigante ................................................... 60 Canção do Clã .......................................... 12 O Maná do o o .......................................... 45 Canção do Sênior ..................................... 10 Oração de São Francisco .......................... 54 G # A β β G #7 A 7 Am β Gm # β G m #7 Am 7 A A7 Am Am 7 Conhecer um amigo ................................. 55 Passinho .................................................... 31 Cuco do nordeste ..................................... 43 Patitos ........................................................ 37 Dança da Pastora ...................................... 36 Pelos caminhos do mundo ...................... 58 β β β Dança da Piaba ......................................... 33 Pipoca ........................................................ 35 Dança da Serpente .................................... 36 Põe tuas mágoas no bornal ...................... 14 A # B A #7 B 7 Am # Bm β Am #7 Bm 7 B B7 Bm Bm 7 Dança do Turú .......................................... 37 Prece .......................................................... 57 De bem com vida ...................................... 53 Queremos ver o bosque ........................... 41 Deus está aqui ........................................... 59 Rataplan ........................................................ 9 Dino ........................................................... 42 Sapo de barriga verde ................................ 43 É impossível ............................................... 50 Shoshana ................................................... 32 Ele tudo fez ................................................ 49 Sol que está no céu .................................. 59 CORRESPONDÊNCIA ENTRE LETRAS E NOTAS MUSICAIS Em silêncio, acampamento ...................... 28 Tocam os sinos ......................................... 28 Espírito de BP ............................................ 20 Valderi ........................................................ 15 A= LA B=SI C=DÓ D=RÉ E=MI F=FA G=SOL Falabum ..................................................... 44 Zingo Zame ................................................ 34 4 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 61
  • 5. CULTOS E MENSAGENS O GIGANTE HINO NACIONAL BRASILEIRO Letra e Música mediúnicas - Marli S. Palombino Letra: Osório Duque Estrada Música: Francisco Manoel da Silva ADULTOS: A E A Crianças eu vi um gigante, navegando em alto mar, Ouviram do Ipiranga as margens plácidas D E A De um povo heróico o brado retumbante, trazendo cantigas eternas para as crianças cantar. E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos, E A Trazia consigo uma mensagem de amor para espalhar: Brilhou no céu da Pátria nesse instante. D E A Se o penhor dessa igualdade Amem o papai e a mamãe, a todos não deixem de amar! Conseguimos conquistar com braço forte, E A No alto uma nuvenzinha de flores e anjos mil, Em teu seio, ó Liberdade, D E A Desafia o nosso peito a própria morte! Dizia a todas as crianças - Amem, amem o Brasil! CRIANÇAS: Ó Pátria amada, A E A Nós também vimos um gigante navegando em alto mar, Idolatrada, D E A Salve! Salve! trazendo cantigas eternas para os adultos cantar. E A Trazia também uma mensagem de amor para espalhar: Brasil, um sonho intenso, um raio vívido D E A De amor e de esperança à terra desce, Amem ao pobre e ao rico, a todos não deixem de amar! Se em teu formoso céu risonho e límpido E A No alto uma nuvenzinha de flores e anjos mil, À imagem do Cruzeiro resplandece. D E A Gigante pela própria natureza, Dizia a todos os adultos - Amem, amem o Brasil! D E A És belo, és forte, impávido colosso, TODOS: - Amem, amem o Brasil! E o teu futuro espelha essa grandeza. Terra adorada Entre outras mil, És tu, Brasil, Ó Pátria amada! A D E Dos filhos deste solo és mãe gentil Pátria amada, Brasil ! 60 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 5
  • 6. CULTOS E MENSAGENS DEUS ESTÁ AQUI Deitado eternamente em berço esplêndido, Ao som do mar e à luz do céu profundo, C G C C7 A A7 Deus está aqui Fulguras, ó Brasil, florão da América, F G C C7 Iluminado ao sol do Novo Mundo! Tão certo quanto o ar que eu respiro Do que a terra mais garrida F G C G C Tão certo quanto o amanhã que se levan an ta Teus risonhos lindos campos têm mais flores; F G C “Nossos bosques têm mais vida”, Tão certo quanto eu te falo e podes me ouvir “Nossa vida” no teu seio “mais amores”. B7 C BELO Ó Pátria amada, D A Idolatrada Belo prá mim, é criança a brincar! Salve! Salve! D A É ouvir mil canções num concha de mar! D G A7 D Brasil, de amor eterno seja símbolo É chuva caindo, é campo em flor! C7 D O lábaro que ostentas estrelado A D E diga o verde-louro desta flâmula E acima de tudo é o amor! A Paz no futuro e glória no passado. Belo prá mim quando estou a sofrer, Mas, se ergues da justiça a clava forte, D A e a treva na alma começa a crescer, Verás que um filho teu não foge à luta, D G A7 D Nem teme, quem te adora, a própria morte. é lembrar com alegria que além, muito além, F E A D a espera de mim, existe ALGUÉM! Terra adorada Entre outras mil, És tu, Brasil, SOL QUE ESTÁ NO CÉU Walter Pini Ó Pátria amada! E B7 E Dos filhos deste Sol que está no céu, que é nosso Senhor. B7 E G solo és mãe gentil Sol dentro do peito, nosso coração. Pátria amada, Brasil ! B7 A E Quando a sua luz quiser se apagar, A B7 E põe a mão no peito que ela vai brilhar. 6 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 59
  • 7. CULTOS E MENSAGENS Grupo I PELOS CAMINHOS DO MUNDO C Am F Pelos caminhos do mundo existe o mal e o bem. C Am F G G Escoteiras Ajude sempre que possa não olhe como e a quem. C Am F G Entre verdade e mentira você precisa vencer. C Am F G F Pague com amor toda a ira endereçada a você. G C C7 F Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la G C C7 F um sorriso cabe em qualquer lugar G C C7 F Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la G C um sorriso cabe em qualquer lugar Am F G Fale de amor onde esteja, sorria quando puder. C Am F G Que a mão direita não veja o que a esquerda fizer. C Am F G Quem dá ao pobre empresta .Faça do estranho um irmão. C Am F G Deus paga bem e depressa a quem estender sua mão. G C C7 F Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la G C C7 F um sorriso cabe em qualquer lugar G C C7 F Faço assim e vivo sempre a cantar - la la la G C um sorriso cabe em qualquer lugar Am C C7 F G 58 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro
  • 8. ESCOTEIRAS CULTOS E MENSAGENS PRECE C F C F G G Uê la la uê – la la uê – la la uê – la la uê – la ... C Am F G Quando o sol se põe no poente do meu ser C Am F G e transforma em noite este meu viver, C Am F G puxo a coberta do carinho que me cerca C Am F G e, bem de mansinho, faço a prece em voz aberta: C Am F E Am Senhor! Pelo dia de trabalho, pela paz, pelo agasalho, G pela dor, pelo perdão, Senhor! C Am F E Am Senhor! Pelo sol que nos aquece, pela flor que enternece, G pela vida, pela canção, Senhor! C Am F E Am Senhor! Pelo amigo mais fraterno, pelo ensinamento eterno, G C Te agradeço em oração. C F C F G G C Uê la la uê – la la uê – la la uê – la la uê – la ...Uê O escotismo é uma grande fraternidade - um plano que, na prática, derruba diferenças de classes, credos, raças e regionalismos, através do indefinível espírito que o Am C E F G invade que o invade - o espírito dos Cavalheiros de Deus. B d nP w l ae oel 8 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 57
  • 9. CULTOS E MENSAGENS ESCOTEIRAS HUM, HUM RATAPLAN G Um, dois – Um, dois Hum! hum! Quero ficar aqui! Em Hum! hum! Mais um pouquinho só! Rataplan – do arrebol! Escoteiros vêde a luz! Am D7 G Rataplan – olhai sol do Brasil que nos conduz! Hum! hum! Mais um pouquinho com você! Alerta! Oh! Escoteiros do Brasil – Alerta! Erguei para o ideal os corações em flor! G Hum! hum! A noite vem, eu sei! A mocidade, ao sol da Pátria, já desperta! Em À Pátria consagrai o vosso eterno amor! Hum! hum! Não quero crer que vou Por entre densos bosques e vergéis floridos, Am D7 G Hum! hum! Para bem longe de você! Ecoem as nossas vozes de alegria intensa E pelos campos fora, em cânticos sentidos, G Ressoe um hino ovante à nossa Pátria imensa. Hum! hum! Por isso eu canto assim! Alerta! Alerta! Sempre alerta! Em Hum! hum! Para alegrar o adeus! Am D7 G Um, dois – Um, dois Hum! hum! E esta amizade não ter fim! Rataplan – do arrebol! Escoteiros vêde a luz! G Hum! hum! A grande amizade, Rataplan – olhai sol do Brasil que nos conduz! Em Unindo o passo firme à trilha do dever, Hum! hum! Conosco se formou, tendo um Brasil feliz por nosso escopo e norte, Am D7 G façamos o futuro, em flores, antever Hum! hum! E para sempre há de ficar! a nova geração jovial, confiante e forte. Mas, se algum dia, acaso, a Pátria estremecida de súbito bradar: Alerta! Oh! Escoteiros Alerta – respondendo – à Pátria, nossas vidas e as almas, entregar iremos, prazenteiros. Alerta! Alerta! Sempre alerta! Um, dois – Um, dois Am D7 Em G Rataplan – do arrebol! Escoteiros vêde a luz! Rataplan – Olhai sol do Brasil que nos conduz! 56 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 9
  • 10. ESCOTEIRAS CULTOS E MENSAGENS CANÇÃO DO SÊNIOR CONHECER UM AMIGO Letra e Música: Antonio Cardoso Temos 15, 16, 17 anos A D A O futuro é nosso, vamos prosseguir. Quem conheceu um amigo jamais morrerá, D E E7 Vemos longe a brilhar nossa estrela D’alva. pois, os amigos são um pedaço do céu. Quando se é jovem não se pode desistir. D A É como ter uma flor no quintal, desapegada no chão floresceu, E A A7 Marchar avante e sempre avante, quem conheceu um amigo, descobriu seu Deus. por sobre a terra, sobre aos mares e pelo ar, D A E A A7 continuando se outros param, Mas, o bem maior é ter no peito um jeito sincero de se da a ar, D A E A D A sorrindo, mesmo se há vontade de chorar. é deixar o coração se abrir direito do jeito que alguém precisar Não sentir fome, não sentir sêde, A D A ter persistência, paciência e resistir. Quem aceitou um amigo para caminhar D E E7 Ser mais que humano, sente que não vai cair no espinho da flor. querer por dez D A e conquistar a nossa meta no porvir. É como ter descoberto o amor, ter encontrado um conforto maior, E A A7 sentir o carinho de alguém na hora da dor. Temos 15, 16, 17 anos D A E A A7 O futuro é nosso, vamos prosseguir. Mas, o bem maior é ter no peito um jeito sincero de se da a ar, D A E A D A Vemos longe a brilhar nossa estrela D’alva. é deixar o coração se abrir direito do jeito que alguém precisar Quando se é jovem não se pode desistir. A D A Quem acolheu um amigo encontrou a paz. D E E7 A humanidade busca a verdade Não há discórdias no mundo, ninguém sabe mais. pela ciência, pelo estudo e o saber D A e a mocidade é como a flecha Não há feridos nem guerras, todos são filhos do mesmo Pai. E A A7 que vai do arco até o alvo, sem tremer. Quem encontrou um amigo não morre jamais. A fé nos guia. Coragem, temos. D A E A A7 Temos amor para dar aos outros e ajudar. Mas, o bem maior é ter no peito um jeito sincero de se da a ar, D A E A D A E o que é mais fraco, mas nosso irmão. é deixar o coração se abrir direito do jeito que alguém precisar E todos juntos o sucesso conquistar. Temos 15, 16, 17 anos O futuro é nosso, vamos prosseguir. A A7 D E E7 Vemos longe a brilhar nossa estrela D’alva. Quando se é jovem não se pode desistir. 10 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 55
  • 11. CULTOS E MENSAGENS ESCOTEIRAS ORAÇÃO DE SÃO FRANCISCO HINO DOS PIONEIROS Versão: Meninos de Deus Ana Luzia Dinelli Em Bm G D Em Homens: Onde há dúvida ... Mulheres: Que eu leve a fé Somos pioneiros por opção. Em Bm G D Em Temos o escotismo no coração H: Onde há ódio ...M: que eu leve amor Em Bm G D Em A e um lema a cumprir, H: Onde há ofensa ...M: que eu leve o perdão o ideal de BP - Servir! Em Bm G D Em H: Onde há discórdia ...M: Que eu leve a união Em Bm G D Em Somos companheiros e esta união, H: Onde há erro ... M: Que eu leve a verdade Bm cada vez mais forte, Em Bm G D Em nos torna irmãos, H: Onde há desespero ...M: Que eu leve a esperança Em Bm G D Em partilhando emoções, H: Onde há trevas ...M: Que eu leve a luz entoando canções e assim ... Em Bm G D Em Bm G D H: Onde há tristeza ...M: Que eu leve a alegria a a a D Em Bm Em Com a mochila e a forquilha eu vou Todos: Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz procurar nova trilha e então, G A C D Em enfrentar desafios - Vencer! Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz Bm G D Em Reforçar sempre o meu querer, H: Oh! Mestre! M: Que eu não busque tanto Em fazer melhor ... Bm G D Em H: Ser consolado ...M: mas, consolar Bm G D Em As altas montanhas eu vou escalar H: Ser compreendido ...M: mas compreender e, do mar, o fundo vou pesquisar. Bm G D Em G Vou crescer muito mais ... H: Ser amado... M: mas, amar Bm G D Em Eu vou me superar - Ser feliz! H: Porque é dando... M: que se recebe Bm G D Em H: Esquecendo... M: que se encontra Bm G D Em H: Perdoando... M: que se encontra o perdão Bm G D Em Bm G D H: Morrendo... M: Que se ressuscita para a vida eterna a a a Em Bm Em Todos: Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz G A C D Em Senhor fazei de mim um instrumento de tua paz Bm Em G A C D Em /:Laiá laiá laiá laiá laiá laiá laiá Laiá laiá laiá laiá laiá laiá laiá:/BIS 54 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 11
  • 12. ESCOTEIRAS CULTOS E MENSAGENS CANÇÃO DO CLÃ DE BEM COM A VIDA C G F C E B7 E Em uma montanha bem perto do céu, se encontra uma lagoa azul No fundo, a gente não nasceu prá viver só G F G C A B7 e só a conhecem aqueles que têm a dita de estar em meu clã. e achar o amor é tudo o que mais se quer... F G C F G C A B7 A Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá Ser feliz é bem mais fácil prá quem tem G F C B7 E A sede de riscos que nunca se acaba, as rochas que há a escalar, uma canção no coração. G F G C B7 E o rio tranqüilo que canta e que chora, jamais poderei olvidar. De bem com a vida, acreditando no amanhã F G C F G C A B7 Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá e só fazer amigos por onde for G F C A B7 E No alto da serra, na gruta escondida, foi lá que eu fiz o meu lar. e o sol que sempre traz um novo dia, G F G C A B7 E E7 Subindo e descendo em corda ligeira, eu vi o meu clã acampar. vai brilhar mais, prá quem acredita no amor. F G C F G C A B7 Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá Cada vez mais - cada vez mais G F C E À noite, sentados ao pé da fogueira, crepita a alma escoteira. Não estamos sós G F G C não estamos sós Pioneiros meditam, definem a trilha e fazem a sua vigília. A B7 E E7 F G C F G C Nós somos muitos a cantar esta canção! Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá A B7 G F C Cada vez mais - cada vez mais O sol nos aponta um caminho de sonho e o vento nos leva a andar. E G F G C Não estamos sós O brilho de vivas estrelas repetem o eco de nosso cantar. não estamos sós F G C F G C A B7 A E Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá Deixando brilhar a luz de dentro do coração A B7 A E Deixando brilhar a luz de dentro do coração C F G A B7 E E7 12 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 53
  • 13. CULTOS E MENSAGENS ESCOTEIRAS LAGOA AZUL AVANÇAM AS PATRULHAS Versão: Chefe João Bosco C G F C E B7 E Em uma montanha, bem perto do céu, se encontra uma lagoa azul Avançam as patrulhas – Lá, ao longe – lá, ao longe... G F G C e só a conhecem aqueles que fazem da vida um ato de amor. B7 E F G C F G C Avançam as patrulhas cantando com valor – lá, ao longe. Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá G F C O sol nos relembra o caminho de luz que parte de dentro do peito. Juntos, escalemos a montanha altiva! G F G C B7 E Mente serena, olhar de criança, são senhas prá nela chegar. Juntos, escalemos o seu pico azul! F G C F G C Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá Somente os falcões, vão a nossa frente, G F C B7 E Romper as arestas que isolam o fluxo do divino manancial, voam, majestosos, sob o céu de anil. G F G C constrange a matéria, mas, liberta a alma, trazendo alegria imortal F G C F G C B7 E Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá Com a mochila às costas – Lá, ao longe – lá, ao longe... G F C B7 E Conquistas internas, garantem roteiro prá o topo você alcançar Com a mochila às costas a tropa já partiu – lá, ao longe. G F G C e aí celebrar, triunfante, a vitória – momento como este não há Juntos, escalemos ... F G C F G C B7 E Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá Se avista o acampamento – Lá, ao longe – lá, ao longe... G F C B7 E O encontro de amigos bem perto à fogueira à margem da lagoa azul Se avista o acampamento por causa do fogão – lá, ao longe. G F G C nos diz que é chegado o momento esperado de alegre compartilhar. F G C F G C Juntos, escalemos ... Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá B7 E G F C Avistam-se as barracas – Lá ao longe – lá, ao longe ... No doce convívio da Mãe Natureza, que em tudo é um só convidar, B7 E G Avistam-se as barracas douradas pelo sol – lá, ao longe ... nas matas, nas flores, nos campos e agrestes F G C Juntos, escalemos ... – Oh! homens! Não deixem de amar! F G C F G C Laiá lalaiá lalaiá lalaiá - Laiá lalaiá lalaiá laiá laiá C F G B7 E 52 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 13
  • 14. ESCOTEIRAS CULTOS E MENSAGENS PÕE TUAS MÁGOAS NO BORNAL GULI ALI GULI E A E D Bm Em A7 Põe tuas mágoas no bornal e vamos rir, rir, rir. Gosto das flores, até do malmequer. B7 D Bm Em A7 Por que ligar só para o mal? Por que? Isto não resolve. Gosto dos montes e de um vale qualquer. E B7 A B7 D Bm Em A7 Para que preocupações? Não trazem soluções. Logo!!! Gosto dos rios que cantam para mim: E B7 F Põe tuas mágoas no bornal e vamos rir, rir, rir. D Bm Em A7 Guli ali guli ali guli ali guli... Po rom pom pom pom pom... ACAMPEI LÁ NA MONTANHA D Bm Em A7 A E A Gosto dos bichos, do besouro ao elefante. Acampei lá na montanha...De manhã fiz meu café, D Bm Em A7 E A E A Gosto das árvores de copa exuberante. Arrumei minha mochila e toquei prá frente a pé. D Bm Em A7 E A Gosto dos ventos que cantam para mim: Como é bom viver acampando assim, E A D Bm Em A7 vendo o sol no horizonte nascer. Guli ali guli ali guli ali guli... E A E A Po rom pom pom pom pom... Vale a pena ter um grande ideal e por ele lutar e vencer. D Bm Em A7 Gosto das coisas que Deus criou na Terra. D Bm Em A7 ADEUS VALES E MONTES Que Ele as conserve sempre em paz, sem guerra! D Bm Em A7 D A7 Para que cantem esta canção prá mim: Adeus vales e montes queridos, onde doces momentos passei. D D7 G D A7 D D Bm Em A7 Adeus campos e bosques floridos, logo e sempre aqui voltarei. Guli ali guli ali guli ali guli... A7 Po rom pom pom pom pom... Este céu é uma grande barraca, pois, é Deus nosso chefe geral. D D7 G D A7 D Este sol é lanterna diurna, nossa vida é luz natural. A A7 B7 D D7 E G A7 Bm D Em 14 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 51
  • 15. CULTOS E MENSAGENS ESCOTEIRAS É IMPOSSÍVEL VALDERI C Am F G C A D Olho em tudo e só encontro a Ti Eu conheço um grande jogo que aqui vou ensinar. Am F G C C7 E A D E A Estás no céu, na terra, onde for. É de novos, é de velhos, é bem fácil de jogar. F G E A E A Em tudo que me acontece Valderi, Valderá, Valderi, Valderá há há há há há há há há C Am E A D E A encontro o Teu amor Valderi, Valderá, é bem fácil de jogar. F G Já não se pode mais deixar D C C7 Tem que ir por um caminho para então acampar de crer no Teu amor. E A D E A E em fogueiras pela noite, vamos joviais estar F G E A E A É impossível não crer em Ti! Valderi, Valderá, Valderi, Valderá há há há há há há há há C Am E A D E A É impossível não Te encontrar! Valderi, Valderá, vamos joviais estar. F G C C7 É impossível não fazer de Ti meu ideal! D Com irmãos assim unidos, não se diz nunca adeus, F G E A D E A É impossível não crer em Ti! Porque sempre tem amigos sob o grande céu de Deus. C Am E A E A É impossível não Te encontrar! Valderi, Valderá, Valderi, Valderá há há há há há há há há F G C E A D E A É impossível não fazer de Ti meu ideal! Valderi, Valderá, sob o grande céu de Deus. Am C C7 F G A D E 50 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 15
  • 16. ESCOTEIRAS CULTOS E MENSAGENS CANÇÃO DA DESPEDIDA ELE TUDO FEZ Franklin José Heilbuth C G C F A D Por que perder a esperança de nos tornar a ver? Ele tudo fez - Ele tudo fez C G C F C A Por que perder a esperança se há tanto querer? Fez com grande amor - fez com grande amor A E G C F Quem Ele é - quem Ele é Não é mais que um até logo, não é mais que um breve adeus. A D A C G C F C Nosso Pai do céu - nosso Pai do céu Bem cedo, junto ao fogo, tornaremos a nos ver D C Ele fez o sol - Ele fez o sol G C F A Com nossas mãos entrelaçadas ao redor do calor, o céu e o mar - o céu e o mar C G C F C E Formemos nesta noite mais um círculo de amor. me fez também - me fez também D A D A G C F Nosso Pai do Céu - nosso Pai do céu Não é mais que um até logo, não é mais que um breve adeus. D C G C F C Por isso cabe a nós - por isso cabe a nós Bem cedo, junto ao fogo, tornaremos a nos ver A Sempre Alerta estar - Sempre Alerta estar E G C F E Pois o Senhor que nos protege e nos vai abençoar, Para conservar - para conservar C G C F C A D A um dia, certamente, vai de novo nos juntar A natureza em paz - a natureza em paz F G C F Não é mais que um até logo, não é mais que um breve adeus. NAS CONCHINHAS C G C F C Franklin José Heilbuth Bem cedo, junto ao fogo, tornaremos a nos ver C G C F G C Nas conchinhas lá do mar, nas estrelinhas do céu G F C G C no universo infinito e comigo Deus está. G C F G C Quem quiser pode escutá-lo no cantar do sabiá, F C G C no sussurro do vento, no “chuá” das ondas do mar G C C F G Churuá, churuá (chuá) - churuá, churuá (chuá) G C Churuá, churuá (chuá) - churuá, chuá (chuá) 16 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 49
  • 17. CULTOS E MENSAGENS ESCOTEIRAS BRILHA A FOGUEIRA (Stodola) A E Brilha a fogueira ao pé do acampamento A para alegria não há melhor momento. D Velhos amigos não perdem a ocasião A E A de reunidos cantar uma canção – Ei!!! E A Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa stodola pumpa E A Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa pumpa pum! E No acampamento que faz o escoteiro A muito trabalha durante o dia inteiro, D mas, quando a noite já trouxe a escuridão, A E A acende o fogo e canta uma canção – Ei!!! E A Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa stodola pumpa E A Stodola stodola stodola Pumpa stodola pumpa pumpa pum! F iz na vida o meu escudo desta verdade sagrada: O nada com Deus, é tudo, D E A o tudo sem Deus, é nada. B l i oB a a emr rg 48 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 17
  • 18. ESCOTEIRAS Grupo V IRMÃOS DO VENTO Luís J. Poblete - Versão: Chefe João Bosco F Dm Somos os irmãos do vento que baila nas ondas do mar, F Bb C G que canta na orla dos bosques e ruge quando há temporal. C F CULTOS E MENSAGENS Bb F G C Vamos por vales e montes, nada nos pode parar. F Bb C7 F Somos os irmãos do vento por isso amamos a liberdade. Gm C F Assim somos, os escoteiros: Dançamos junto ao fogo, Gm C F cantamos para a vida - que é um lindo acampamento. F Dm G C Vamos levando a mensagem do amor e da fraternidade, F Bb C F ancorando a luz e a alegria, plantando a paz e a amizade. Bb F G C Vamos por vales e montes, nada nos pode parar. F Bb C7 F Somos os irmãos do vento por isso amamos a liberdade. Gm C F Assim somos, os escoteiros: Dançamos junto ao fogo, Gm C F cantamos para a vida - que é um lindo acampamento. A# B β C C7 Dm F G Gm 18 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro
  • 19. FESTIVAS ESCOTEIRAS CANÇÃO DA PROMESSA C Am D7 G Prometo neste dia cumprir a lei. C Am G C C7 Sou teu escoteiro, Senhor e rei. F C F C Eu te amarei prá sempre cada vez mais F C G C Senhor minha promessa protegerás. C Am D7 G Da fé eu sinto orgulho, quero viver C Am G C C7 tal como ensinaste, até morrer. F C F C Eu te amarei prá sempre cada vez mais F C G C Senhor minha promessa protegerás. C Am D7 G Com alma apaixonada, servi-la-ei. C Am G C C7 À minha pátria amada, fiel serei. F C F C Eu te amarei prá sempre cada vez mais F C G C Senhor minha promessa protegerás. Am D7 G Promessa que um dia fiz junto a ti, C Am G C C7 para a toda vida a prometi. F C F C Eu te amarei prá sempre cada vez mais F C G C Senhor minha promessa protegerás. Am C C7 D7 F G 46 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 19
  • 20. ESCOTEIRAS FESTIVAS O ESPÍRITO DE BP NAPOLEON F D De BP trago o espírito sempre na mente, Napoleon avec soissant soldads C F A sempre na mente, sempre na mente. Napoleon avec soissant soldads C F D De BP trago o espírito sempre na mente, sempre na mente estará. Napoleon avec soissant soldads A D Marchez, dormez ne pas! De BP trago o espírito no coração, C F Napoleon avec soissant sol dads (três vezes) no coração, no coração. Napoleon a v e c s o i s s a n t s o l _____ (três vezes) C F Napoleon a v e c s o i s s a n t ___ _____ (três vezes) De BP trago o espírito no coração, no coração estará. Napoleon a v e c __________ ___ _____ (três vezes) Napoleon _____ __________ ___ _____ (três vezes) N a p o ____ _____ __________ ___ _____ (três vezes) De BP trago o espírito junto de mim, N a __ ____ _____ __________ ___ _____ (três vezes) C F __ __ ____ _____ __________ ___ _____ (três vezes) junto de mim, junto de mim. Canta-se subtraindo-se as sílabas, conforme acima, e repetindo-se o refrão C F Marchez, dormez ne pas! De BP trago o espírito junto de mim, junto de mim estará. De BP trago o espírito sempre na mente, O MANÁ DO O O C F no coração, junto de mim. E A E C F O maná do o o - O maná do o o De BP trago o espírito sempre na mente, no coração estará. A B7 E O iepe no no iê - O iepe no no iê B7 A E O iepe pe pe no no iê - O iepe pe pe no no iê B7 A B7 Ikidá apodilela - Ikidá apodilela E Gramanú - Gramanú B7 A E B7 E Apo a pá a po di pô - Apo a pá a po di pô C F A B7 D E 20 • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • Cancioneiro Cancioneiro • Polo de Desenvolvimento do Escotismo Borda do Campo • 45