SlideShare uma empresa Scribd logo
Busca de informação e evidências na Biblioteca Virtual em Saúde - BVS Rosemeire Rocha Pinto BIREME/OPAS/OMS 2011 XXIV Congresso Brasileiro de Biblioteconomia Documentação e Ciência da Informação Maceió, Alagoas 07 a 10 de agosto de 2011
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],www.bireme.br  www.bvs.br  BVS - Objetivos
 
 
Trabalho em rede
- Produção científica e técnica da rede latino-americana - 36 países - Mais de 560 mil documentos
 
Estudos sobre efetividade, eficiência e segurança das intervenções para o cuidado e atenção à saúde, selecionados e organizados por tipo de estudo    
A ca beça do pesquisador!! ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],Identificar a necessidade do usuário...
Como o bibliotecário pode ajudar?   A PERGUNTA é o ponto de partida para o pesquisador  
Formular a pergunta A  pergunta  representa a  necessidade de informação .   ,[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],O modelo PICO para formulação pergunta de pesquisa Fonte: Greenhalgh T. Como ler artigos científicos: fundamentos da medicina baseada em evidências. 2ª. Ed.- Porto Alegre : Artmed, 2005.
O modelo PVO para formulação da pergunta de pesquisa P -  Definir a população, contexto e/ou situação-problema;  V-   Definir as variáveis O -  Definir o resultado ( outcomes ) desejado (ou indesejável).
 
Utilizando o PICO ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
[object Object],[object Object],[object Object],Utilizando o PVO
 
Construção da estratégias de busca utilizando os recursos do sistema ( " docente de enfermagem"  or   ("ensino superior"  and  enfermag$)  or  (docen$  and  enfermagem))    AND   "competência profissional"   Ou ("docente de enfermagem"   or   ("ensino superior"   and   enfermag$)  or  (docen$  and  enfermagem))   AND  (“educacao de adultos”  or   “ensino de adultos”  or   andragog$)
Recursos de pesquisa na BVS Símbolo / Operador Função Dica Exemplo AND Intersecção entre as palavras ou termos  Não há necessidade de digitar. AND é considerado como default entre os termos dengue  Brasil OR União entre palavras ou termos Deve ser digitado entre cada palavra ou termo dengue  or  malaria AND NOT Exclusão de palavras ou termos Deve ser digitado antes do termo que deseja excluir dengue  and not  malaria PARENTESES   (  ) Estabelece a sequência da busca Aplicam-se quando é utilizado mais de um operador booleano  (AND – OR – AND NOT)  na expressão de busca. *  Lembre-se que mesmo não digitado o  AND  é incluído entre os termos pesquisados Brasil  ( malaria OR dengue ) Como o  AND  é default entre os termos, no exemplo ele é considerado após Brasil ASPAS "  " Usa-se nos termos com mais de uma palavra Pode ser usado em qualquer campo de busca " febre amarela " tw : " febre amarela " mh : " febre amarela " SÍMBOLO de TRUNCAMENTO $ Usa-se para truncar palavras. Digite imediatamente após a raiz  Não use para truncar termos entre aspas, somente palavras isoladas  epidemiol $ educa $
Método integrado de pesquisa na BVS   Colar a estratégia (BLOCOS DE NOTAS) ("docente de enfermagem"   or   ("ensino superior“   and   enfermag$)  or  (docen$  and  enfermagem))   AND  (“educacao de adultos”  or   “ensino de adultos”  or   andragog$)
 
 
Há evidências que a acupuntura associada a antidepressivos é efetiva no tratamento da depressão em mulheres? P - I - C - O - depressão em mulheres que usam antidepressivos acupuntura associada a antidepressivos só antidepressivos cura
palavras depressão depression depresion acupuntura acupuncture antidepressivo antidepressive antidepresivo sertralina fluoxetina paroxetina http://decs.bvs.br Descritores de assunto    DEPRESSÃO TRANSTORNO DEPRESSIVO TERAPIA POR ACUPUNTURA ANTIDEPRESSIVOS   SERTRALINA FLUOXETINA PAROXETINA
Há evidências que a acupuntura associada a antidepressivos é efetiva no tratamento da depressão em mulheres? P - I - depressão em mulheres que usam antidepressivos acupuntura  ( depressão  or  depression  or  depresion or “transtorno depressivo”  or  “depressive disorder”) (acupuntur$ or acupunct$ or “terapia por acupuntura”)  AND ( antidepressiv$  or  antidepresiv$ or sertralin$  or  fluoxetin$  or  paroxetin$) AND
 
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Clusters – refinar a  pesquisa
Podemos refinar o resultado da pesquisa por um aspecto clínico, por tipo de estudo, por assuntos relacionados... Resultado da pesquisa na BVS – Refinando a pesquisa
Coleção de Fontes de Informação
Informação completa das principais bases de dados bibliográficas em ciências da saúde
Coleção eletrônica de revistas em texto completo
Aplicaçào de filtros para seleção de conteúdos de acordo com o tipo de estudo    ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
 
Informação sobre eventos de saúde em geral: congressos, seminários, conferências etc.
 
Catálogo de sites relevantes em saúde, selecionados da Internet Navegação por temas de  relevância em saúde
Serviço de fornecimento de cópias  de artigos e outros documentos  (envio por correio, e-mail ou fax)
 
 
 
 
 
 
 
Situação-Problema Linhaça como tratamento para baixar o colesterol em adultos Exercícios
O consumo de linhaça (semente do linho) é eficaz na redução dos níveis de colesterol em adultos? P - I - C - O - Colesterol em adultos, ambos os sexos Consumo de linhaça (semento do linho) Tratamento padrão Redução ou diminuição dos níveis de colesterol
P - I - Colesterol em adultos, ambos os sexos Consumo de linhaça (semente de linho) colesterol (linhaça  or  "oleo de semente de linho“ or “semente de linho”) AND O consumo de linhaça (semente do linho) é eficaz na redução dos níveis de colesterol em adultos? Processar a pesquisa na BVS e refinar em  adulto  no cluster  Limite
Biblioteconomia A prevenção da saúde de trabalhadores do balcão de atendimento da biblioteca como um todo no que diz respeito não só aos movimentos repetitivos, mas também à postura, pausa, em função de peso dos livros.
PVO ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Pergunta de pesquisa Há evidências que a recuperação da capacidade de auto-cuidado de pacientes idosos (acima de 65 anos) que sofreram AVC hemorrágico com hemiplegia e dislalia e que ainda necessitam de cuidados especiais como fisioterapia, dieta por sonda, tratamento medicamentoso e cuidados de higiene, é mais rápida e com custo mais baixo para aqueles que recebem este atendimento em domicílio do que os internados em hospital?
PICO P  - Idosos acima de 65 anos que sofreram AVC hemorrágico com hemiplegia e dislalia que necessitem cuidados especiais como fisioterapia, dieta por sonda, tratamento medicamentoso, cuidados de higiene I  - Atendimento domiciliar C  - Internação em hospital O  - Recuperação mais rápida da capacidade de auto-cuidado a um custo mais baixo
PICO P  - Idosos acima de 65 anos que sofreram AVC hemorrágico com hemiplegia e dislalia que necessitem cuidados especiais como fisioterapia, dieta por sonda, tratamento medicamentoso, cuidados de higiene I  - Atendimento domiciliar C  - Internação em hospital O  - Recuperação mais rápida da capacidade de auto-cuidado a um custo mais baixo  ("acidente cerebrovascular"  or  AVC) (home  or  casa  or  domicili$) (internacao  or  hospital$) Processar a pesquisa e depois refinar em  Idoso  no cluster  Limite AND AND
P  - Usuários abusivos de bebidas alcoólicas I   -  Psicoterapia de grupo C  - Atendimento ambulatorial individual O  - Redução do consumo da bebida alcoólica  (psicoterap$  or  psychother$) and (group or grupo) (alcool$  or  alcohol$) (psicoterap$  or  psychother$) and (individual or individualiz$)
Pergunta de pesquisa Usuários abusivos de bebidas alcoólicas apresentam redução do consumo quando submetidos a psicoterapia de grupo comparado ao atendimento ambulatorial individual?
Endereços ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Extra...
[object Object],[object Object],Palavras-chaves, keywords, unitermos, etc.
 
 
 
Árvores hierárquicas do descritor   Clicando em qualquer descritor, seu registro completo será mostrado na mesma página, acima

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Bireme busca de informação

Bulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdf
Bulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdfBulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdf
Bulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdf
MichelleJalousieKomm
 
Aula evidências prm 2015
Aula evidências prm 2015Aula evidências prm 2015
Aula evidências prm 2015
enofilho
 
MBE para MFC: uma introdução
MBE para MFC: uma introduçãoMBE para MFC: uma introdução
MBE para MFC: uma introdução
enofilho
 
Introdução à MBE para MFC
Introdução à MBE para MFCIntrodução à MBE para MFC
Introdução à MBE para MFC
guestbb4fc1
 
Aula evidências prm 2012
Aula evidências prm 2012Aula evidências prm 2012
Aula evidências prm 2012
enofilho
 
Buscando evidências em fontes de informação
Buscando evidências em fontes de informaçãoBuscando evidências em fontes de informação
Buscando evidências em fontes de informação
Leonardo Savassi
 
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiro
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiroCapacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiro
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiro
manoelramosdeoliveir1
 
Aula 7 pesquisa de evidências
Aula 7   pesquisa de evidênciasAula 7   pesquisa de evidências
Aula 7 pesquisa de evidências
Ricardo Alexandre
 
Medicina baseada em evidencias
Medicina baseada em evidenciasMedicina baseada em evidencias
Medicina baseada em evidencias
Kelly Martins
 
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enferm
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enfermCapacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enferm
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enferm
manoelramosdeoliveir1
 
Newsletter 1 20.10.2015
Newsletter 1 20.10.2015Newsletter 1 20.10.2015
Newsletter 1 20.10.2015
miguelmspereira
 
Medicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. Rilva
Medicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. RilvaMedicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. Rilva
Medicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. Rilva
Rilva Lopes de Sousa Muñoz
 
Aula 7 pesquisa de evidências
Aula 7   pesquisa de evidênciasAula 7   pesquisa de evidências
Aula 7 pesquisa de evidências
Ricardo Alexandre
 
Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?
Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?
Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?
Alexandre Naime Barbosa
 
Atualização e aquisição de conhecimento
Atualização e aquisição de conhecimentoAtualização e aquisição de conhecimento
Atualização e aquisição de conhecimento
Joao P. Dubas
 
Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...
Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...
Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...
Marcelo Palmier
 
A importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidências
A importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidênciasA importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidências
A importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidências
Rosemeire Rocha Pinto
 
Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...
Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...
Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...
Abilio Cardoso Teixeira
 
Protocolos: da evidência à prática
Protocolos: da evidência à práticaProtocolos: da evidência à prática
Protocolos: da evidência à prática
Abilio Cardoso Teixeira
 
Anais jornada med i ntensiva 2016
Anais jornada med i ntensiva 2016Anais jornada med i ntensiva 2016
Anais jornada med i ntensiva 2016
gisa_legal
 

Semelhante a Bireme busca de informação (20)

Bulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdf
Bulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdfBulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdf
Bulimia nervosa - avaliação do padrão alimentar(1).pdf
 
Aula evidências prm 2015
Aula evidências prm 2015Aula evidências prm 2015
Aula evidências prm 2015
 
MBE para MFC: uma introdução
MBE para MFC: uma introduçãoMBE para MFC: uma introdução
MBE para MFC: uma introdução
 
Introdução à MBE para MFC
Introdução à MBE para MFCIntrodução à MBE para MFC
Introdução à MBE para MFC
 
Aula evidências prm 2012
Aula evidências prm 2012Aula evidências prm 2012
Aula evidências prm 2012
 
Buscando evidências em fontes de informação
Buscando evidências em fontes de informaçãoBuscando evidências em fontes de informação
Buscando evidências em fontes de informação
 
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiro
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiroCapacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiro
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao enfermeiro
 
Aula 7 pesquisa de evidências
Aula 7   pesquisa de evidênciasAula 7   pesquisa de evidências
Aula 7 pesquisa de evidências
 
Medicina baseada em evidencias
Medicina baseada em evidenciasMedicina baseada em evidencias
Medicina baseada em evidencias
 
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enferm
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enfermCapacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enferm
Capacitacao a distancia para atencao basica hipertensao aux enferm
 
Newsletter 1 20.10.2015
Newsletter 1 20.10.2015Newsletter 1 20.10.2015
Newsletter 1 20.10.2015
 
Medicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. Rilva
Medicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. RilvaMedicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. Rilva
Medicina Baseada em Evidências - GESME - Profa. Rilva
 
Aula 7 pesquisa de evidências
Aula 7   pesquisa de evidênciasAula 7   pesquisa de evidências
Aula 7 pesquisa de evidências
 
Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?
Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?
Infectologia: Como Motivar o Aluno de Graduação?
 
Atualização e aquisição de conhecimento
Atualização e aquisição de conhecimentoAtualização e aquisição de conhecimento
Atualização e aquisição de conhecimento
 
Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...
Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...
Cuidados Paliativos - Menos é mais, Um enfoque sobre o custo da obstinação te...
 
A importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidências
A importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidênciasA importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidências
A importancia das estratégias de busca na saúde baseada em evidências
 
Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...
Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...
Prática Baseada na evidência. Que impacto na praxis dos cuidados de enfermage...
 
Protocolos: da evidência à prática
Protocolos: da evidência à práticaProtocolos: da evidência à prática
Protocolos: da evidência à prática
 
Anais jornada med i ntensiva 2016
Anais jornada med i ntensiva 2016Anais jornada med i ntensiva 2016
Anais jornada med i ntensiva 2016
 

Último

Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
TomasSousa7
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
joseanesouza36
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
TomasSousa7
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Centro Jacques Delors
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AntonioVieira539017
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
WelberMerlinCardoso
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
ReinaldoSouza57
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
ValdineyRodriguesBez1
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Professor Belinaso
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 

Último (20)

Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Leonardo da Vinci .pptx
Leonardo da Vinci                  .pptxLeonardo da Vinci                  .pptx
Leonardo da Vinci .pptx
 
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
Educação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideiaEducação  trabalho HQ em sala de aula uma excelente  ideia
Educação trabalho HQ em sala de aula uma excelente ideia
 
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões.          pptxRimas, Luís Vaz de Camões.          pptx
Rimas, Luís Vaz de Camões. pptx
 
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
Folheto | Centro de Informação Europeia Jacques Delors (junho/2024)
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptxAVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
AVALIAÇÃO DIAGNÓSTICA - 8º ANO 2024.pptx
 
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo FreireLivro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
Livro: Pedagogia do Oprimido - Paulo Freire
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptxA dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
A dinâmica da população mundial de acordo com as teorias populacionais.pptx
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
05-os-pre-socraticos sociologia-28-slides.pptx
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escolaIntrodução à Sociologia: caça-palavras na escola
Introdução à Sociologia: caça-palavras na escola
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 

Bireme busca de informação

  • 1. Busca de informação e evidências na Biblioteca Virtual em Saúde - BVS Rosemeire Rocha Pinto BIREME/OPAS/OMS 2011 XXIV Congresso Brasileiro de Biblioteconomia Documentação e Ciência da Informação Maceió, Alagoas 07 a 10 de agosto de 2011
  • 2.
  • 3.
  • 4.  
  • 5.  
  • 7. - Produção científica e técnica da rede latino-americana - 36 países - Mais de 560 mil documentos
  • 8.  
  • 9. Estudos sobre efetividade, eficiência e segurança das intervenções para o cuidado e atenção à saúde, selecionados e organizados por tipo de estudo  
  • 10.
  • 11.
  • 12. Como o bibliotecário pode ajudar? A PERGUNTA é o ponto de partida para o pesquisador  
  • 13.
  • 14.
  • 15. O modelo PVO para formulação da pergunta de pesquisa P - Definir a população, contexto e/ou situação-problema; V- Definir as variáveis O - Definir o resultado ( outcomes ) desejado (ou indesejável).
  • 16.  
  • 17.
  • 18.  
  • 19.
  • 20.  
  • 21. Construção da estratégias de busca utilizando os recursos do sistema ( " docente de enfermagem" or ("ensino superior" and enfermag$) or (docen$ and enfermagem))   AND "competência profissional" Ou ("docente de enfermagem" or ("ensino superior" and enfermag$) or (docen$ and enfermagem)) AND (“educacao de adultos” or “ensino de adultos” or andragog$)
  • 22. Recursos de pesquisa na BVS Símbolo / Operador Função Dica Exemplo AND Intersecção entre as palavras ou termos Não há necessidade de digitar. AND é considerado como default entre os termos dengue Brasil OR União entre palavras ou termos Deve ser digitado entre cada palavra ou termo dengue or malaria AND NOT Exclusão de palavras ou termos Deve ser digitado antes do termo que deseja excluir dengue and not malaria PARENTESES ( ) Estabelece a sequência da busca Aplicam-se quando é utilizado mais de um operador booleano (AND – OR – AND NOT) na expressão de busca. * Lembre-se que mesmo não digitado o AND é incluído entre os termos pesquisados Brasil ( malaria OR dengue ) Como o AND é default entre os termos, no exemplo ele é considerado após Brasil ASPAS " " Usa-se nos termos com mais de uma palavra Pode ser usado em qualquer campo de busca " febre amarela " tw : " febre amarela " mh : " febre amarela " SÍMBOLO de TRUNCAMENTO $ Usa-se para truncar palavras. Digite imediatamente após a raiz Não use para truncar termos entre aspas, somente palavras isoladas epidemiol $ educa $
  • 23. Método integrado de pesquisa na BVS Colar a estratégia (BLOCOS DE NOTAS) ("docente de enfermagem" or ("ensino superior“ and enfermag$) or (docen$ and enfermagem)) AND (“educacao de adultos” or “ensino de adultos” or andragog$)
  • 24.  
  • 25.  
  • 26. Há evidências que a acupuntura associada a antidepressivos é efetiva no tratamento da depressão em mulheres? P - I - C - O - depressão em mulheres que usam antidepressivos acupuntura associada a antidepressivos só antidepressivos cura
  • 27. palavras depressão depression depresion acupuntura acupuncture antidepressivo antidepressive antidepresivo sertralina fluoxetina paroxetina http://decs.bvs.br Descritores de assunto   DEPRESSÃO TRANSTORNO DEPRESSIVO TERAPIA POR ACUPUNTURA ANTIDEPRESSIVOS  SERTRALINA FLUOXETINA PAROXETINA
  • 28. Há evidências que a acupuntura associada a antidepressivos é efetiva no tratamento da depressão em mulheres? P - I - depressão em mulheres que usam antidepressivos acupuntura ( depressão or depression or depresion or “transtorno depressivo” or “depressive disorder”) (acupuntur$ or acupunct$ or “terapia por acupuntura”) AND ( antidepressiv$ or antidepresiv$ or sertralin$ or fluoxetin$ or paroxetin$) AND
  • 29.  
  • 30.
  • 31. Clusters – refinar a pesquisa
  • 32. Podemos refinar o resultado da pesquisa por um aspecto clínico, por tipo de estudo, por assuntos relacionados... Resultado da pesquisa na BVS – Refinando a pesquisa
  • 33. Coleção de Fontes de Informação
  • 34. Informação completa das principais bases de dados bibliográficas em ciências da saúde
  • 35. Coleção eletrônica de revistas em texto completo
  • 36.
  • 37.  
  • 38. Informação sobre eventos de saúde em geral: congressos, seminários, conferências etc.
  • 39.  
  • 40. Catálogo de sites relevantes em saúde, selecionados da Internet Navegação por temas de relevância em saúde
  • 41. Serviço de fornecimento de cópias de artigos e outros documentos (envio por correio, e-mail ou fax)
  • 42.  
  • 43.  
  • 44.  
  • 45.  
  • 46.  
  • 47.  
  • 48.  
  • 49. Situação-Problema Linhaça como tratamento para baixar o colesterol em adultos Exercícios
  • 50. O consumo de linhaça (semente do linho) é eficaz na redução dos níveis de colesterol em adultos? P - I - C - O - Colesterol em adultos, ambos os sexos Consumo de linhaça (semento do linho) Tratamento padrão Redução ou diminuição dos níveis de colesterol
  • 51. P - I - Colesterol em adultos, ambos os sexos Consumo de linhaça (semente de linho) colesterol (linhaça or "oleo de semente de linho“ or “semente de linho”) AND O consumo de linhaça (semente do linho) é eficaz na redução dos níveis de colesterol em adultos? Processar a pesquisa na BVS e refinar em adulto no cluster Limite
  • 52. Biblioteconomia A prevenção da saúde de trabalhadores do balcão de atendimento da biblioteca como um todo no que diz respeito não só aos movimentos repetitivos, mas também à postura, pausa, em função de peso dos livros.
  • 53.
  • 54. Pergunta de pesquisa Há evidências que a recuperação da capacidade de auto-cuidado de pacientes idosos (acima de 65 anos) que sofreram AVC hemorrágico com hemiplegia e dislalia e que ainda necessitam de cuidados especiais como fisioterapia, dieta por sonda, tratamento medicamentoso e cuidados de higiene, é mais rápida e com custo mais baixo para aqueles que recebem este atendimento em domicílio do que os internados em hospital?
  • 55. PICO P - Idosos acima de 65 anos que sofreram AVC hemorrágico com hemiplegia e dislalia que necessitem cuidados especiais como fisioterapia, dieta por sonda, tratamento medicamentoso, cuidados de higiene I - Atendimento domiciliar C - Internação em hospital O - Recuperação mais rápida da capacidade de auto-cuidado a um custo mais baixo
  • 56. PICO P - Idosos acima de 65 anos que sofreram AVC hemorrágico com hemiplegia e dislalia que necessitem cuidados especiais como fisioterapia, dieta por sonda, tratamento medicamentoso, cuidados de higiene I - Atendimento domiciliar C - Internação em hospital O - Recuperação mais rápida da capacidade de auto-cuidado a um custo mais baixo ("acidente cerebrovascular" or AVC) (home or casa or domicili$) (internacao or hospital$) Processar a pesquisa e depois refinar em Idoso no cluster Limite AND AND
  • 57. P - Usuários abusivos de bebidas alcoólicas I - Psicoterapia de grupo C - Atendimento ambulatorial individual O - Redução do consumo da bebida alcoólica (psicoterap$ or psychother$) and (group or grupo) (alcool$ or alcohol$) (psicoterap$ or psychother$) and (individual or individualiz$)
  • 58. Pergunta de pesquisa Usuários abusivos de bebidas alcoólicas apresentam redução do consumo quando submetidos a psicoterapia de grupo comparado ao atendimento ambulatorial individual?
  • 59.
  • 61.
  • 62.  
  • 63.  
  • 64.  
  • 65. Árvores hierárquicas do descritor Clicando em qualquer descritor, seu registro completo será mostrado na mesma página, acima

Notas do Editor

  1. Medicina Baseada em Evidências é um conceito relativamente novo, em termos de metodologia. Mas, à medida que os preceitos da MBE foram incorporados a outras áreas, passou-se a chamar Prática Baseada em Evidências (PBE)
  2. Relato de caso: - Embarazo, eventos de vómitos, medicina antiemética proclorperazina (stemetil), presentó espasmo neurológico doloroso e sin control. Dos días después estaba recuperada da reacção idiosincrásica. Nunca más prescribió esta medicina a sus pacientes. No llevar em consideração la posibilidad de los efectos adversos raros, pero potencialmente graves, de medicinas frecuentemente prescritas – como trombosis debido a la pilula anticoncepção – cuando alguien nunca encontró eses problemas em si mismo o em sus pacientes. Los médicos no seríamos humanos si ignorasen su experiencia clínica , pero beberían ser mejor orientados a basar sus decisiones na experiencia colectiva de miles de médicos tratando millones de pacientes, al revés de lo que él ha vivido o sentido. Deben considerar la razão riesgo beneficio de las medicinas.