Computacao em nuvem windows azure

985 visualizações

Publicada em

Palestra realizada no CEFET/RJ.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
985
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Computacao em nuvem windows azure

  1. 1. Computação em Nuvem<br />
  2. 2. Quem sou eu?<br />Rodrigo Vidal <br />Twitter: @rodrigovidal <br />Blog: www.rodrigovidal.net<br />Foco em Arquitetura de Software, Boas Práticas, TDD, DDD.<br />Evangelista da Linguagem F# <br />Membro do Grupo .NETArchitects<br />Professional Scrum Developer – Scrum.org<br />
  3. 3. O que é a nuvem?<br />Uma abordagem para a computação que está sobre a escala da Internet e se conecta a uma variedade de dispositivos e terminais<br />
  4. 4. Desafios de TI<br />Controle de<br />Custos<br />Mais<br />Inovação<br />Aumento de <br />Produtividade<br />Potencializar seu pessoal<br />Capturar/criarnovas oportunidades<br />Menores custos de operação<br />
  5. 5. Capacidade x Demanda<br />Previsão de Carga<br />Alocação de capacidades<br />“Falta“ de capacidades<br />“Desperdício“ de capacidades<br />Custo fixo das capacidades<br />CAPACIDADE DA TI<br />Custo <br />Inicial<br />das capacidades<br />Carga Atual<br />TEMPO<br />
  6. 6. Capacidade x Demanda - Ideal<br />Previsão de Carga<br />Alocação de capacidades<br />Sem “falta“ de capacidades<br />CAPACIDADE DA TI<br />Redução do “excesso de TI“<br />É possível a redução das capacidades no caso da redução da carga<br />Redução dos investimentos iniciais<br />Carga Atual<br />Tempo<br />
  7. 7. O que é a Nuvem?<br />Quanto mais se lê, mais se fica confuso<br />
  8. 8.
  9. 9. Definição formal da Nuvem<br />Um pool de recursos computacionais (virtualmente) infinito, e elástico;<br />Oferecido no modo self-service;<br />Via um modelo “Pague pelo que usa”<br />
  10. 10. Algo mais visual<br />
  11. 11.
  12. 12.
  13. 13.
  14. 14.
  15. 15. Computação e armazenamentoescalável<br />Gerenciamento de serviçosautomatizáveis<br />Ferramentas e linguagensfamiliares<br />Armazenamentorelacionalpara nuvem<br />Modelo de DesenvolvimentoConsistente<br />Gerenciamento da Base automatizado<br />Conectaaplicaçõesexistentes à nuvem<br />Conectaatravés de fronteiras de rede<br />Controlarfacilmenteautorizaçãoàs apps<br />
  16. 16. Windows Azure Platform Data Centers<br />North America Region <br />Europe Region <br />Asia Pacific Region <br />N. Europe <br />N. Central – U.S. <br />W. Europe <br />S. Central – U.S. <br />E. Asia<br />S.E. Asia<br />6 datacenters espalhados em 3 continentes<br />Simplesmenteselecione o datacente de suaescolhaquandorealizar o deploy da suaaplicação.<br />
  17. 17. Tipos de hospedagem<br />Aplicativo <br />na nuvem<br /><ul><li>Ambiente compartilhado e</li></ul> multi-inquilino<br /><ul><li>Oferece pool de recursos computacionais de modo elástico
  18. 18. Paga pelo que usa!</li></ul>Aplicativo <br />hospedado<br /><ul><li>Alugo máquinas, conectividade, software
  19. 19. Menor controle e menos responsibilidades
  20. 20. Investimento inicial menor - paga por capacidade fixa c/ ociosidade eventual</li></ul>Aplicativo<br />on-premises<br /><ul><li>Tenho minhas máquinas, conectividade, software, etc.
  21. 21. Controle e responsibilidade é minha
  22. 22. Alto investimento inicial para a infra-estrutura</li></li></ul><li>Esforço x Tipo de Hospedagem<br />Você administra<br />Privado<br />Hospedado<br />Nuvem<br />Você administra<br />Applications<br />Applications<br />Applications<br />Runtimes<br />Runtimes<br />Runtimes<br />Security & Integration<br />Security & Integration<br />Security & Integration<br />Você administra<br />Administrado p/ Terceiro<br />Databases<br />Databases<br />Databases<br />Servers<br />Servers<br />Servers<br />Administrado p/ Terceiro<br />Virtualization<br />Virtualization<br />Virtualization<br />Server HW<br />Server HW<br />Server HW<br />Storage<br />Storage<br />Storage<br />Networking<br />Networking<br />Networking<br />
  23. 23. As camadas da Nuvem<br />SaaS<br />Software como um Serviço<br />Nível de Controle<br />Nível de Abstração<br />PaaS<br />Plataforma como um Serviço<br />IaaS<br />Infraestrutura como um Serviço<br />
  24. 24. As camadas da Nuvem<br />Nível de Controle<br />SaaS<br />Software como um Serviço<br />Nível de Controle<br />Nível de Abstração<br />PaaS<br />Plataforma como um Serviço<br />IaaS<br />Infraestrutura como um Serviço<br />Pública<br />Privada<br />Híbrida<br />Economia de Escala<br />
  25. 25. Simplificando<br />Vá para a Nuvem<br />(SaaS)<br />Rode na Nuvem<br />(PaaS)<br />Seja a Nuvem<br />(IaaS)<br />
  26. 26. Vá para a Nuvem<br />O que?<br />Messaging, Gerência de Documento, Colaboração, CRM, Desktop optimization<br />Por que?<br /><ul><li>TI Verde
  27. 27. Diminuição de Custos
  28. 28. Manter foco em áreas estratégias
  29. 29. Suporte a ambientes mistos</li></li></ul><li>Rode na Nuvem<br />O que?<br />Computação escalável, armazenamento, <br />Barramento de Serviços Gerência de Serviço Automatizada.<br />Por que?<br /><ul><li>Paga pelo que usa
  30. 30. Novos investimentos ou corte de custos
  31. 31. Tecnologia familiar
  32. 32. Conecta legado com a nuvem</li></li></ul><li>Seja a Nuvem<br />| Dynamic Data Center Toolkit<br />O que?<br />Rode como um serviço privado suas aplicações e infraestrutura e exponha seus serviços<br />Por que?<br /><ul><li>Expande o alcance do legado
  33. 33. Melhor uso dos recursos existentes
  34. 34. Manutenção automatizada
  35. 35. Gerência Dinâmica das Capacidades</li></li></ul><li>O Windows Azure<br />É o SistemaOperacional da Microsoft paraseus Datacenters<br />Ofereceumaplataforma de desenvolvimento/hospedagem em Nuvem<br />OfereceElasticidade, Segurança, Gerenciamento e DistribuiçãoGeográfica<br />Experiênciacomum no desenvolvimento de aplicações<br />Interoperável e multi-linguagens<br />
  36. 36. Cenários de aplicações na Nuvem<br />“Crescimento Rápido“ <br />“On / Off “ <br />Período de<br />Inatividade <br />Computar <br />Computar <br />Uso Médio<br />Médio<br />Uso<br />Tempo <br />Time <br /><ul><li>Cargas On/Off (ex.:. Job batch)
  37. 37. Desperdício da capacidade provisionada
  38. 38. Time to market pode ser retardado
  39. 39. Serviços que precisam cresce e escalar
  40. 40. Crescer é um desafio grande na TI
  41. 41. Deployment complexo</li></ul>“Carga Imprevista“ <br />“Carga Sazonal“ <br />Computar <br />Computar <br />Uso Médio<br />Uso Médio<br />Tempo <br />Tempo <br /><ul><li>Pico de demanda inesperada
  42. 42. Desempenho comprometido pelo pico
  43. 43. Difícil provisionar nos casos extremos
  44. 44. Serviços c/ micro sazonalidades
  45. 45. Picos devido a demandas periódicas
  46. 46. Complexidade da TI + desperdício</li></li></ul><li>
  47. 47. SQL Data Plataform as a Service<br />Business Analytics<br />Reporting<br />Data Sync<br />Database<br /><ul><li>A plataforma SQL na nuvem
  48. 48. Possibilita o reuso de conhecimento e ferramentas
  49. 49. Possibilita aplicativos OLTP a usarem as novas capacidades da nuvem</li></li></ul><li>DEMO<br />
  50. 50. Continuous Cloud Services For Every Person And Every Business!<br />Microsoft’s all in!<br />
  51. 51. + Nuvem<br />= POSSIBILIDADES<br />

×