Pre salt brazil congress adriano bravo

838 visualizações

Publicada em

Petra Executive Search no evento do pré-sal.

Publicada em: Carreiras, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
838
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Pre salt brazil congress adriano bravo

  1. 1. The Technical Executive Search Team<br />Desafios na Seleção e Treinamento de Profissionais Capacitados para Atender às Crescentes Demandas do Pré Sal.<br />Hotel Windsor - 7 de junho de 2010<br />
  2. 2. Geração de Empregos no Pré-Sal<br />Investimentos Totais Estimados – U$ 210 Bi<br />Novas posições abertas para o mercado – 200 mil novas vagas (diretas e indiretas) - Prominp. (500 mil em toda cadeia)<br />Meta do Governo – 80% de mão-de-obra local.<br />
  3. 3. Imprensa<br />Falta de mão-de-obra ameaça crescimento do Brasil.<br />Pré-sal terá cota nacional de mão de obra.<br />Técnicos em produção, operações, engenharia e manutenção são os cargos com maior escassez de talentos.<br />Pré-sal poderá canibalizar a mão-de-obra industrial da região sudeste.<br />Falta de mão de obra qualificada deixa 1,7 milhão de vagas abertas em 2009<br />Ranking elaborado pelo Ministério do Trabalho a pedido da Folha revela que entre as ocupações com maior sobra de vagas estão engenheiros civil e mecânico.<br />
  4. 4. Formação de EngenheirosComparação BRICs + Coreia do Sul<br />Coreia - forma-se 80 mil engenheiros por ano para uma população de 49 Milhões<br />India - 120 mil ou 220 mil* engenheiros por ano<br />Russia – 190 mil engenheiros por ano<br />China – 350 ou 650 mil* engenheiros por ano<br />Brasil – 30-40 mil engenheiros por ano (isto depois do aumento recente de 40% na oferta de vagas<br />* Cursos de 3 anos<br />
  5. 5. Estatísticas<br />Desde 2002 tivemos um acréscimo de 40% nas vagas dos cursos de engenharia.<br />Comparação – em 1991 existiam 35 mil vagas de Direito em Universidades contra 5 mil de Engenharia.<br />Na Corea 23% das vagas são voltadas para engenharia, <br />México - 14%.<br />Japão - 19% <br />Na China - 40%<br />Brasil - 4%<br />
  6. 6. Ipea<br />Para Ipea, deve faltar engenheiros no Brasil (5/3/2010)<br />Entre 2003 e 2009 houve um aumento de 51,6% de vagas na profissão para acompanhar o crescimento de 26,5% do produto interno bruto registrado no período<br />Apesar de haver bons cursos para a área, existe uma deficiência na educação básica que representa uma barreira para a expansão do número de formados<br />
  7. 7.
  8. 8. Dificuldades no Setor de Executive Search para a area de Oil & Gas<br />Gap dos anos 80/90 (em 1991 se formaram 7 vezes mais advogados que engenheiros)<br />Falta de maturidade dos profissionais que atuam hoje em posições de média e alta gerência<br />Falta experiência relevante no setor<br />Pouca ou nenhuma experiência no exterior<br />Sem domínio de idiomas (mesmo os mais jovens)<br />Baixa formação complementar de alto nível(mestrado ou doutorado)<br />Competição internacional pelo melhores<br />Dificuldade de transitar profissionais técnicos de outros setores da economia<br />
  9. 9. Governo<br />Força-tarefa vai ser lançada para formar engenheiros<br />Governo, academia e setor privado lançarão uma força-tarefa, que tem como objetivo reduzir o déficit de engenheiros, elevando de 30 mil para 100 mil ao ano o número de profissionais formados.<br />Ministério da Educação estuda "comprar" vagas em universidades privadas, via Fies (Financiamento Estudantil), para que elas formem engenheiros que, depois, remunerariam o Estado com seus salários. <br />Perspectiva do MEC é dobrar a oferta em 8 anos em função de infra-estrutura e capacitação de corpo docente.<br />
  10. 10. Boas Práticas<br />Universidade Petrobras<br />Prominp<br />Integração ANP – Universidades<br />Petrobras - UENF<br />Schlumberger – Itajubá – UNIFEI<br />Longeainda do arranjoprodutivo<br />Parcerias – Embraer / ITA<br />Montadoras (Automotivas) – Poli-SP / Senai / Unicamp / UFPR<br />SAE – Unicamp / ITA<br />
  11. 11. Idéias<br />Sistema integrado de formação<br />Direcionamento de oferta de vagas nas instituições de formação.<br />Estágio direcionado ao emprego.<br />Investimento em treinamento (centros de formação)<br />Interligação/Coordenação arranjo produtivo e centros de formação.<br />Integração de escolas de engenharia e centros de formação técnica.<br />Ampliação do sistema Senai em áreas carentes.<br />Re-aparelhamento das escolas técnicas municipais, estaduais e federais. (mecanismo de inserção social).<br />Bolsas de estudo para escolas técnicas privadas.<br />Certificação de programas através de parcerias com a iniciativa privada.<br />Oferta de cursos politécnicos por instituições públicas.<br />
  12. 12. Contato:Petra Executive SearchThe Technical Executive Search Team<br />Adriano Bravo<br />CEO<br />abm@petraexec.com.br<br />55 21 2112-4667<br />

×