Semana Parto Respeitado 2010 Moya

300 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Semana Parto Respeitado 2010 Moya

  1. 1. Momentos de um parto respeitado! Semana Mundial pelo Parto Respeitado 16-23 Maio 2010
  2. 2. Depois de uma gravidez vivida em pleno…
  3. 3. Chegou o momento esperado… 40 semanas e 1 dia… 00:00… Começam as contracções… Mayadevi, parindo seu filho Siddhartha, apoiada numa árvore. (bronze dourado, Museu Guimet, Paris) Como seria? Rápido? Demorado? Não sabia, mas o meu marido iria estar sempre comigo… Aconteceu no meu espaço… Ao meu ritmo… Com a minha “equipa”…
  4. 4. Dor? Prazer? Dormitei… Tomei duche… Mudei de posição… Evacuei… Dormitei… Meti-me na piscina… Cantei… Gritei… Não consigo definir a contracção… Não era dor, e não era prazer… Era uma onda que ia e vinha… e me mostrava o caminho… Forte, intensa, que me obrigava ao mesmo tempo, a desligar-me da minha consciência imediata e a focar-me no meu objectivo…
  5. 5. Apoteose 9 horas depois… O “Anel de Fogo”… E o ardor que o acompanha… Ao tocar o períneo, houve uma sensação de prazer fugidia… … a cabeça saiu logo em seguida, E alguns momentos depois, o resto do corpo… E aí o verdadeiro prazer de segurar nos braços uma nova vida, escorregadia e quente! De a puxar para mim e sentir que se tinha cumprido mais um momento sagrado!
  6. 6. E depois, o prazer de todas as novas descobertas da maternidade!
  7. 7. Obrigada! <ul><li>..ao Universo, que me conduziu até este momento, estas pessoas, esta informação e me permitiu vivenciar esta experiência! </li></ul><ul><li>Foi um parto respeitado: </li></ul><ul><li>- sem data marcada: a bebé é que escolheu nascer - sem toques: não havia pressa para apanhar o comboio - sem amniotomia: as águas rebentaram quando a cabeça nasceu - sem drogas: estivemos sempre conscientes e alerta (a “dor” ajudou-me a posicionar o corpo para um parto rápido) - sempre com o meu marido: o meu pilar - sem gritos que não fossem os meus - sem palavras que não fossem de encorajamento - sem episiotomia: lacerei mas foi só pele </li></ul><ul><li>- sem agulhas (pronto, só uma para a anestesia dos 4 pontos que levei) - sem separações abruptas ou indesejadas - com MUITO AMOR e CONFIANÇA </li></ul>

×