Dr. Fernando Machado  “o sonho comanda a vida”   “viver não custa, o que custa é saber viver”  . Português, cidadão Europe...
VEJA O BRASIL E O TURISMO NO ESPAÇO RURAL, COMO FAZER – BEM FEITO!  Atividades do turismo no espaço rural Comparativo Turi...
Porque não recriar o que de melhor já existe? <ul><li>&quot; Benchmarking &quot; é mais do que uma simples combinação de p...
. O TURISMO NO ESPAÇO RURAL, NO SEMI-ÁRIDO NORDESTINO E NO BRASIL EM GERAL, TEM UM PRESENTE COM FUTURO! <ul><li>. A OPORTU...
. O TURISMO NO ESPAÇO RURAL, NO SEMI-ÁRIDO NORDESTINO E NO BRASIL EM GERAL, TEM UM PRESENTE COM FUTURO! (cont.) <ul><li>. ...
TURISMO NO ESPAÇO RURAL PROPORCIONA NOVAS EXPERIÊNCIAS E VIVÊNCIAS, SENDO HOJE JÁ CONSIDERADO COMO UM SEGMENTO DE TURISMO ...
O EXEMPLO PORTUGUÊS E EUROPEU: <ul><li>.  O turismo no espaço rural é uma nova oportunidade de promover algumas áreas e re...
TURISMO NO ESPAÇO RURAL, TEM FUTURO – POIS GARANTE A GENUINIDADE DA ESSÊNCIA DO SER HUMANO – VIVER PARA SER FELIZ! <ul><li...
P A L E S T R A  S O B R E  T U R I S M O  N O  E S P AÇ O  R U R A L  N O  S E R TÃ O  P A R AÍ B A N O
P A L E S T R A  S O B R E  T U R I S M O  N O  E S P AÇ O  R U R A L  N O  S E R TÃ O  P A R AÍ B A N O
P A L E S T R A  S O B R E  T U R I S M O  N O  E S P AÇ O  R U R A L  N O  S E R TÃ O  P A R AÍ B A N O
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

P A L E S T R A S O B R E T U R I S M O N O E S P AÇ O R U R A L N O S E R TÃ O P A R AÍ B A N O

304 visualizações

Publicada em

Benchmarking Europa/Brasil - Desenvolvimento do turismo rural na Europa, especialmente em Portugal e Espanha e ensinamentos para o Brasil em geral e o Sertão Paraibano, em particular.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
304
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

P A L E S T R A S O B R E T U R I S M O N O E S P AÇ O R U R A L N O S E R TÃ O P A R AÍ B A N O

  1. 1. Dr. Fernando Machado “o sonho comanda a vida” “viver não custa, o que custa é saber viver” . Português, cidadão Europeu e Luso-Brasileiro . Conferencista, Palestrante e Consultor Master Internacional Especialista em Turismo, Desenvolvimento Sustentável e Conceitos Inovadores de Marcas, Negócios, Mercados e Marketing . Mestre e Marketer em Conceitos Inovadores de Marcas e Negócios . Formado e Especialista em Administração e Gestão de Empresas, Negócios e Marketing . Historiador, Especialista em Culturas Européia e Afro-Americanas . Criador de Conceitos Inovadores de Marcas e Negócios Líder “Gestão de Negócios de Empreendimentos Turísticos e Imobiliários” e “Gestão de Espaços Urbanos para Aparcamento Automóvel” . Membro e Vice-Presidente do Comitê Gestor do RICA – Roteiro Integrado da Civilização do Açúcar, dos Estados de Paraíba, Pernambuco e Alagoas, um projeto do Ministério do Turismo do Brasil, Instituto Marca Brasil, SEBRAE, Governos Estaduais e 21 Municípios da Região. . Empresário e Sócio-Administrador Executivo da RaízesClub – Operadora e Agência de Turismo, Organizadora de Eventos e Consultora de Empresas, Marketing e Conceitos de Marca e Negócios . Membro Associado e Representante Oficial Região Nordeste do GRUPO AIRMET, Rede Líder Internacional em Viagens e Turismo Euro-Brasileira, no Brasil, Portugal e Espanha, com mais de 2.000 empresas de turismo associadas Fone/Fax: (83) 3243 9333 - Cel. (83) 9915 3993 – [email_address] www.raizesclub.com.br - Msn: [email_address] – Skype: raizesclub
  2. 2. VEJA O BRASIL E O TURISMO NO ESPAÇO RURAL, COMO FAZER – BEM FEITO! Atividades do turismo no espaço rural Comparativo Turismo Brasil x Portugal .Através do Conceito Benchmarking:
  3. 3. Porque não recriar o que de melhor já existe? <ul><li>&quot; Benchmarking &quot; é mais do que uma simples combinação de palavras - exprime uma filosofia. Este processo não se limita na simples identificação das melhores práticas, mas, principalmente, na sua divulgação através das diversas técnicas do Marketing. &quot;Benchmarking é simplesmente o método sistemático de procurar os melhores processos, as idéias inovadoras e os procedimentos de operação mais eficazes que conduzam a um desempenho superior&quot; (Christopher E. Bogan). </li></ul>
  4. 4. . O TURISMO NO ESPAÇO RURAL, NO SEMI-ÁRIDO NORDESTINO E NO BRASIL EM GERAL, TEM UM PRESENTE COM FUTURO! <ul><li>. A OPORTUNIDADE: </li></ul><ul><li>. “O HOMEM NASCEU DO VENTRE DA MÃE TERRA, VIAJOU ATÉ AS CIDADES, MAS O APELO DAS RAÍZES O FAZ VOLTAR, TEMPORARIAMENTE OU DEFINITIVAMENTE PARA A RURALIDADE DO AMBIENTE PRIMÁRIO” (Fernando Machado). </li></ul><ul><li>. O ritmo do dia a dia do ser humano contemporâneo eleva o grau de stress. </li></ul><ul><li>. O simples desejo de viajar, ou a efetivação da mesma, existente no âmago dos turistas contemporâneos, tornou-se acentuado, em grande parte, devido à caótica configuração espacial atual, que com o advento da globalização, colocou em marcha novos processos de produção e ordenação populacional. Além do mais, a excessiva concentração urbana passa a constituir um sério problema para seus habitantes. Sendo as populações seriamente ameaçadas e afetadas pela poluição sonora, do ar, das águas, além de outras anomalias existentes em nossas grandes urbes (CASTELLI, 2001). </li></ul><ul><li>. Castelli (2001, p. 32) afirma que “à medida que o homem passa a viver nas cidades densamente povoadas, mais, ele se ressente da necessidade de um tempo livre para pôr seu corpo e sua mente novamente em ordem”, sendo a atividade turística, uma das possibilidades existentes, que figuram como verdadeiras “válvulas de escape”, para essa crescente urbanização e industrialização. </li></ul>
  5. 5. . O TURISMO NO ESPAÇO RURAL, NO SEMI-ÁRIDO NORDESTINO E NO BRASIL EM GERAL, TEM UM PRESENTE COM FUTURO! (cont.) <ul><li>. A OPORTUNIDADE: (cont) </li></ul><ul><li>. Uso recreativo do tempo livre. </li></ul><ul><li>. É fato que o fenômeno da globalização modificou também a relação dos turistas com a atividade, fazendo emergir o turista contemporâneo. Swarbrooke e Horner (2002) afirmam que os consumidores estão manifestando diferentes padrões de comportamento, onde a busca por novas experiências é a principal característica. O novo turista deseja se afastar dos destinos tradicionais oferecidos pelo mercado e quer, cada vez mais, sentir novas experiências, de menor escala e de contato mais direto e voraz com as realidades locais. </li></ul><ul><li>. Há evidências que uma abordagem de mercado de massa e padronizado do turismo se tornará cada vez mais desatualizada nos próximos anos. O turista pós-modernista pedirá uma abordagem mais individualizada, com maior variedade e qualidade. </li></ul><ul><li>. Porém, a busca por novas sensações e emoções não ocorre por acaso, atualmente os turistas procuram experimentar e viver novas experiências, precisam se deparar com diferentes realidades, conhecer novas formas de vida, novos povos e culturas, “descobrir” um mundo diferente daquele em que é forçado a viver. </li></ul>
  6. 6. TURISMO NO ESPAÇO RURAL PROPORCIONA NOVAS EXPERIÊNCIAS E VIVÊNCIAS, SENDO HOJE JÁ CONSIDERADO COMO UM SEGMENTO DE TURISMO TERAPÊUTICO! <ul><li>Com o advento da globalização e a configuração de um novo turista, emerge no contexto mundial, e recentemente no brasileiro, um importante segmento turístico praticado no espaço rural, saliento como uma das tendências atuais o retorno do hotel familiar, a pousada e os refúgios em lugares distantes dos grandes centros, onde é valorizada a convivência com os proprietários e participação no dia-a-dia da vida no campo. Esta tentativa atual de valorização no meio natural faz com que os tipos de turismo voltados para a natureza constituam as formas mais promissoras desta atividade, incluindo o turismo em áreas rurais. </li></ul><ul><li>Só existem OPORTUNIDADES, onde existem problemas ou necessidades! </li></ul><ul><li>O Brasil e os Brasileiros: </li></ul><ul><li>O povo mais alegre do mundo; </li></ul><ul><li>Uma mescla única de “caldo” de culturas Euro – Afro – Indígenas </li></ul><ul><li>Talvez o maior Patrimônio Natural de humanidade, diversificado e único; </li></ul><ul><li>Vasto Patrimônio Histórico e Cultural; </li></ul><ul><li>Aqui se encontram RAÍZES indígenas, africanas, européias e até asiáticas, algumas já desaparecidas nas suas terras de origem, principalmente como vivência de museu vivo, com populações que ainda tem hábitos e tem práticas já a muito desparecidas noutros locais. </li></ul><ul><li>Aqui se encontram condições para um turismo de experiências e vivências de “RESGATE” sociológico. </li></ul>
  7. 7. O EXEMPLO PORTUGUÊS E EUROPEU: <ul><li>. O turismo no espaço rural é uma nova oportunidade de promover algumas áreas e regiões que ainda preservam um patrimônio cultural e paisagístico/ambiental com potencial a desenvolver procura/oferta de produtos/bens e serviços a nível local-rural, gerando um complemento de renda para as comunidades locais e para a agricultura familiar, enquadrado num processo de desenvolvimento sustentável.  </li></ul><ul><li>. Potenciar e desenvolver esta grande oportunidade, através do exemplo do conceito Benchmarking, de países e regiões que aplicaram esta estratégia com sucesso, como acontece em Portugal, Espanha e noutras regiões Européias, é um caminho que se vai construindo – é processo! </li></ul>
  8. 8. TURISMO NO ESPAÇO RURAL, TEM FUTURO – POIS GARANTE A GENUINIDADE DA ESSÊNCIA DO SER HUMANO – VIVER PARA SER FELIZ! <ul><li>O habitat rural do passado, reconstruído respeitando o original, mas com o conforto interno e de vivência dos tempos modernos. O Espaço do antes, conforto do hoje, cheiros e essências do outrora, recuperados e adaptados, num espaço de ruralidade, em plena convivência com as gentes da terra, do seu trabalho, da natureza, com o despertar dos sentidos, no melhor do passado, com presente de grande futuro, para um ser humano feliz. </li></ul>

×