Curso Medicina Legal p/ Polícia Civil DF

2.223 visualizações

Publicada em

Aula demonstrativa do Curso de Medicina Legal para Concurso da Polícia Civil do Distrito Federal (PC-DF), cargo de perito médico-legista.

Confira o curso completo no site: https://www.estrategiaconcursos.com.br/curso/pacote-completo-p-policia-civil-df-perito-6016/

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.223
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
25
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
208
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Curso Medicina Legal p/ Polícia Civil DF

  1. 1. Aula 00 Medicina Legal p/ Polícia Civil-DF (Perito) Professor: Alexandre Herculano 99999999999 - Filip Polvo
  2. 2. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 1 de 24 AULA 00: Traumatologia forense: lesões produzidas por instrumentos contundentes, cortantes, perfurantes e perfurocortantes; lesões produzidas por projéteis de arma de fogo, por explosões, pela ação do calor, frio, radiação, eletricidade, pressão atmosférica (parte I). SUMÁRIO PÁGINA 1. Apresentação 1 2. Cronograma 3 3. Energias de Ordem Mecânica: Traumatologia Médico- legal. 6 4. Questões propostas 18 5. Questões comentadas 20 6. Gabarito 24 Olá meus amigos (as) do Estratégia Concursos! Meu nome é Alexandre Herculano e vamos iniciar o curso da Parte Específica - Medicina Legal, para o concurso de Perito Médico-Legista da Polícia Civil - DF, com base no edital, recentemente, publicado. Sou Analista, trabalho no Ministério da Justiça. Além desse, passei, também, para o TRT e TRF do Paraná, MPU, Polícia Civil (Inspetor de Polícia e Oficial de Cartório) do Rio de Janeiro, Polícia Rodoviária Federal PRF, e outros. Sou formado em Administração e Pós-Graduado 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  3. 3. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 2 de 24 em Gestão da Segurança Pública. Atuei quatro anos na Secretaria Nacional de Segurança Pública, que fica em Brasília, assim, adquiri boa experiência nessa área, além de ter colaborado em cursos EAD para a Polícia Civil de vários Estados. Ministrei aula sobre Medicina Legal para os concursos da PCMG, PCBA, IGC-SC, PCSP, e outros. Tivemos vários aprovados, logo, espero fazer parte do seu sucesso também! Como, a maioria de vocês, devem saber no dia 31 de dezembro de 2014, foi publicado o tão esperado edital. Quanto ao programa, nosso curso abordará toda parte sobre Medicina Legal - Parte Específica. Acredito que teremos uma quantidade razoável de questões nessa parte. Pessoal, são 20 vagas, sendo que chamarão os primeiros 60 aprovados para o Curso de Formação. O salário do Perito Legista é de R$ 15.370,64, um ótimo salário! Outra coisa fiquem atentos, pois a Universa aplicará uma prova igual a do Cespe, ou seja, o aluno terá 120 itens, dos quais deverão ser marcado C (certo) ou E (errado). E aí estão animados? Espero que sim, pois é o primado para o sucesso nesta batalha. Quero dizer para vocês que estou nesta área (concurso público) há 10 anos, e passei por muitas dificuldades no estudo, pois tinha que conciliar com o trabalho, o qual tinha hora para entrar, contudo, não tinha para sair, rsrs...Era gerente de um grande banco, cito isso, já que sei que muitos têm que fazer o mesmo, logo, digo para vocês que é possível, acreditem! 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  4. 4. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 3 de 24 Então, com relação ao nosso curso selecionei algumas questões dos últimos concursos e farei novas questões estilo da banca, e dentro da realidade atual. Sendo assim, não vamos perder tempo, estudando bem essa parte vocês sairão na frente! Pessoal qualquer dúvida recorram ao FÓRUM, será um prazer atendê-los, ok? Este será o cronograma do nosso curso: AULA CONTEÚDO DATA Aula 0 Traumatologia forense: lesões produzidas por instrumentos contundentes, cortantes, perfurantes e perfurocortantes; lesões produzidas por projéteis de arma de fogo, por explosões, pela ação do calor, frio, radiação, eletricidade, pressão atmosférica (parte I). 06/01 Aula 1 Traumatologia forense: lesões produzidas por instrumentos contundentes, cortantes, perfurantes e perfurocortantes; lesões produzidas por projéteis de arma de fogo, por explosões, pela ação do calor, frio, radiação, eletricidade, pressão atmosférica 15/01 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  5. 5. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 4 de 24 (parte II). Aula 2 Tanatologia forense: a vida e a morte, mortes anatômica, histológica, aparente, relativa, intermediária e real, sinais de morte real, diagnóstico da morte, inumação, exumação, cremação e embalsamamento, determinação da data da morte, putrefação, transformações especiais do cadáver, lesões intra vitam e post mortem, mortes súbita e agônica, sobrevida (parte I). 25/01 Aula 3 Tanatologia forense: a vida e a morte, mortes anatômica, histológica, aparente, relativa, intermediária e real, sinais de morte real, diagnóstico da morte, inumação, exumação, cremação e embalsamamento, determinação da data da morte, putrefação, transformações especiais do cadáver, lesões intra vitam e post mortem, mortes súbita e agônica, sobrevida (parte II). 05/02 Aula 4 Asfixiologia forense: enforcamento, estrangulamento, esganadura, sufocação, 15/02 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  6. 6. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 5 de 24 afogamento. Aula 5 Sexologia forense: a himeneologia, diagnóstico da gravidez, parto e puerpério, exclusão médico-legal da paternidade, infanticídio, sexualidade anômala e criminosa. 25/02 Aula 6 Toxicologia forense: alimento, medicamento, veneno, espécie de veneno, vias de penetração, defesa orgânica; fatores que influenciam e modo de ação dos venenos, eliminação, sintomas, socorro, necropsia e perícia toxicológica. 05/03 Aula 7 Causas jurídicas da morte: suicídio, homicídio, morte acidental, diagnóstico comparado. 15/03 Aula 8 Antropologia forense: identidade, identificação, identidades médico legal e judiciária. 25/03 Aula 9 Necropsia, inspeções interna e externa do cadáver. 05/04 Aula 10 Simulado. 15/04 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  7. 7. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 6 de 24 Observação importante: este curso é protegido por direitos autorais (copyright), nos termos da Lei 9.610/98, que altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências. Grupos de rateio e pirataria são clandestinos, violam a lei e prejudicam os professores que elaboram os cursos. Valorize o trabalho de nossa equipe adquirindo os cursos honestamente através do site Estratégia Concursos. Então vamos começar. Mas antes percam seis minutinhos para assistir esse vídeo, tenho certeza que muitos irão se animar. http://www.youtube.com/watch?v=qZIPGfzhzvM Energias de Ordem Mecânica: Traumatologia Médico-Legal Pessoal, a Traumatologia Forense (Médico-Legal) é a parte que estuda as lesões corporais resultantes de traumatismos de ordem material ou moral, danosos ao corpo ou à saúde física ou mental. Assim, podemos considerar que são ofensas à integridade física ou à saúde produzidas por agentes: Mecânicos; Físicos; Químicos; 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  8. 8. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 7 de 24 Físico-Químicos. Nesta aula e no início da outra, vamos estudar as Energias de Ordem Mecânica. Aqui, temos os agentes que atuam pela energia mecânica. Essa energia modifica o estado inercial (repouso ou movimento) de um corpo em agente agressor e produzindo lesões em todo ou em parte do outro corpo, assim, agem por contato e diretamente sobre a superfície atingida, atuando por: Somente Pressão; Pressão e Deslizamento; Choque, perfurante, acompanhado ou não de deslizamento, etc. Vamos falar mais sobre isto a frente, mas já grava que três tipos de lesão simples, são: 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  9. 9. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 8 de 24 Punctória; Incisa; Contusa. Lesão composta: Pérfuro-Incisa; Pérfuro-Contusa; Corto-Contusa. São agentes dessas energias: armas naturais mãos, pés, cotovelos, joelhos, cabeça, dentes, unhas; armas propriamente ditas armas de fogo, punhal, soco- inglês, cassetete; armas eventuais navalha, lâmina de barbear, canivete, faca, barra de ferro, balaústre, bengala, tijolo, foice, facão de mato, podão; maquinismos e peças de máquinas; animais cão, gato, leão, macaco, onça, lobo, tigre de bengala; meios diversos quedas, explosões, precipitações. Então, como vimos acima, as energias de ordem mecânica atuam por pressão, percussão, tração, compressão, torção, sucção, explosão, contrachoque, deslizamento e distensão. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  10. 10. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 9 de 24 Meus caros, as lesões internas ou externas podem ser produzidas pelas energias mecânicas de forma ativa, em que o agente vulnerante, possuído de força atuante proporcional a seu peso e velocidade, projeta-se contra o corpo que está parado; passivamente, quando o corpo em movimento é lançado contra o agentes vulnerantes, que está sem movimento aparente; ou mista, quando o corpo e o instrumento, ambos em movimento, chocam-se mutuamente. É de suma importância classificar os instrumentos mecânicos: segundo o contato, o modo de ação e as características que imprimem às lesões, classificam-se os instrumentos mecânicos em: cortantes, contundentes, cortocontundentes, perfurantes, perfurocortantes e perfurocontundentes. Destarte, eles produzem respectivamente as feridas incisas, contusas, punctórias, perfuroincisas, cortocontusas e perfurocontusas. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  11. 11. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 10 de 24 Seguindo, os instrumentos cortantes são os que, agindo por um gume afiado, por pressão e deslizamento, linear ou obliquamente sobre a pele e os órgãos, produzem soluções de continuidade chamadas feridas incisas. São instrumentos cortantes a navalha, o bisturi, a faca, as lâminas de barbear, as lâminas metálicas de borda linear, os estilhaços de vidro, o papel, etc. Os instrumentos cortantes não podem ser confundidos com os instrumentos corto-contundentes, como a foice, o machado, a roda de trem, que agem mais pelo peso e pela força com que são empregados do que pelo gume. A profundidade da ferida incisa depende de gume afiado, da intensidade de manejo do instrumento e da resistência dos tegumentos, pois, em qualquer circunstância, o efeito produzido por uma mesma força depende da natureza da superfície e dos planos subjacentes sobre os quais é aplicada. Assim, habitualmente as feridas incisas não penetram as grandes cavidades torácica e abdominal. Segundo a doutrina, são características das feridas incisas: regularidade das bordas; regularidade do fundo da lesão; ausência de vestigios traumáticos em torno da ferida; hemorragia quase sempre abundante; predominância do comprimento sobre a profundidade; afastamento das bordas da ferida; 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  12. 12. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 11 de 24 presença de cauda de escoriação voltada para o lado onde; terminou a ação do instrumento; vertentes cortadas obliquamente; centro da ferida mais profunda que as extremidades; perfil de corte de aspecto angular, quando o instrumento atua de forma perpendicular, ou em forma de bisel, quando o intrumento atua em sentido oblíquo. Os ferimentos incisos, com perda de substância, em certas regiões do corpo, como a orelha, o nariz, as mamas e o pênis, amiúde geram lesões deformantes, indicativas da intenção do agressor de estigmatizar (animus deformandi) de modo permanente o ofendido. A evolução da cicatriz de uma ferida incisa permite a presunção da data de sua produção. Assim, distinguem-se três fases no processo de formação de uma cicatriz incisa: Fase inicial ou de quiescência: inicia-se, simultaneamente à produção do ferimento dos tecidos, graças ao surgimento de coágulo sanguíneo; Fase de fibroplasia ou de proliferação celular: amiúde tem início no segundo dia através de uma intensa reprodução de fibroblastos; Fase de maturação: também chamada fase de retração cicatricial, se inicia por volta do sexto dia pós-trauma, por 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  13. 13. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 12 de 24 uma intensificação de produção de fibras colágenas pelos fibroblastos e elaboração do colágeno. Lesões produzidas por instrumentos cortantes Os instrumentos cortantes produzem lesões no pescoço chamadas esgorjamento, degolamento e decapitação. Esgorjamento são as lesões produzidas por instrumentos cortantes de vez em quando, por instrumentos cortocontundentes - nas regiões anterior, lateral, anterolateral do pescoço. Degolamento são as seções assentadas na região cervical. Caracterizam degolamento as lesões provocadas por instrumentos cortantes na região posterior do pescoço, na nuca, sem separar a cabeça do corpo. Decapitação é o ato de separar completamente a cabeça do corpo, produzido especialmente por instrumentos cortocontundentes, como roda de trem, espadagão, foice, machado. Alguns autores, falam, ainda, sobre o espostejamento que é um conjunto de lesões pela redução do corpo a fragmentos diversos e irregulares; e esquartejamento que é a separação por desarticulação ou amputação do corpo em quatro partes (cabeça, tronco e membros). Na determinação da causa jurídica da morte, além da direção do ferimento e da cauda de escoriação, já referidas, temos as seguintes considerações: 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  14. 14. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 13 de 24 O esgorjamento e o degolamento indicam homicídio, suicídio ou raramente, acidente. Esgorjamento e degolamento profundos, concomitantes, que atinjam a coluna vertebral, serão homicídio. Esgorjamento por violento golpe que atinja a coluna cervical é sugestivo de homicídio. Degolamento com lesão da medula é, amiúde, homicídio. O emprego de vários meios de morte (tiros, venenos) fala de suicídio. Os instrumentos atípicos (tesouras, estilhaços de vidro, lâminas metálicas) sugerem suicídio. A presença de sangue nas mãos, em lesões múltiplas, afirma suicídio. O Instrumento contundente é todo agente mecânico, líquido, gasoso ou sólido, rombo, que, atuando violentamente por pressão, explosão, flexão, torção, sucção, percussão, distensão, compressão, descompressão, arrastamento, deslizamento, contragolpe, ou de forma mista, traumatiza o organismo. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  15. 15. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 14 de 24 Lesões produzidas por instrumentos corto-contundentes A forma das feridas corto-contusas varia conforme a região comprometida e a intensidade de manejo, inclinação, peso e o fio cortante do instrumento. Destarte, sendo o corte afiado, preponderam as propriedades distintivas das feridas incisas; caso contrário, prevalecem, nos tecidos, as características próprias de um ferimento contuso. O diagnóstico diferencial do dano corto-contundente far-se-á com as feridas incisas e com as feridas contusas - como por exemplo: machados, mordidas, foices, etc. - através de criterioso estudo das margens da lesão, sua profundidade, comprometimento dos planos subjacentes, órgãos e peças constitutivas do esqueleto, inclusive. Instrumentos perfurantes e perfuro-cortantes São perfurantes os instrumentos puntiformes, finos, cilíndricos ou cilin-drocônicos, com o comprimento predominando sobre a largura e a espessura, como alfinetes, agulhas, pregos, furador de gelo, estoque, estilete agulhado, espinhos etc. Agem simultaneamente por percussão ou pressão por um ponto, afastando fibras, sem seccioná-las. Os instrumentos perfurantes de forma excessivamente cilindrocônica podem, muito raramente, dilacerar algumas fibras dos tecidos. São chamados perfuro-cortantes os instrumentos puntiformes, com o comprimento predominando sobre a largura e a espessura, 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  16. 16. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 15 de 24 dotados de gume ou corte. O contato desses instrumentos é feito por um ponto que atua simultanea-mente por percussão ou pressão, afastando fibras e, por corte, seccionando-as. Existem ainda os instrumentos de ponta e de arestas, contendo várias faces e múltiplos ângulos diedros, cortantes ou não, como a lima, a baioneta, o florete. Lesões produzidas por instrumentos perfurantes e perfuro- cortantes Os instrumentos perfurantes propriamente ditos determinam lesões em forma de ponto na pele, chamadas feridas punctórias, quase imperceptíveis, quando o instrumento for muito fino, com diminuto orifício de entrada, raro sangramento e um trajeto que, geralmente, termina em fundo de saco. O trajeto poderá aparentar desvios quando o instrumento compromete órgãos dotados de movimentos, como os pulmões, por exemplo. Uma importante informação para sua prova é que no caso de ferida transfixante é possível orifício de saída em tudo similar ao de entrada, porém, com os bordos evertidos, quando a agressão se assesta nas mãos, braços, pernas, coxas. Já quando o instrumento for cônico e mais calibroso, o orifício de entrada e, também, o de saída tomam forma de botoeira. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  17. 17. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 16 de 24 O aspecto dos ferimentos na pele é definido pelas Leis de Filhos e pela Lei de Langer (importante para prova de vocês), vejamos essas segundo a doutrina: Primeira Lei de Filhos As soluções de continuidade são feridas que se assemelham às produzidas por instrumentos perfurocortantes de dois gumes e de lâmina achatada. Segunda Lei de Filhos Os instrumentos cilíndricos ou cilindrocônicos determinam direção constante para cada região do corpo onde as linhas de força tenham um só sentido. Lei de Langer Um instrumento cilíndrico, exercendo ação perfurante em um ponto da pele onde convergem linhas de força de sentidos diferentes, produz ferida triangular, ou em ponta de seta, ou mesmo em quadrilátero. Segue uma tabela com um resumo sobre as Energias: 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  18. 18. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 17 de 24 Meus caros, essa foi nossa aula demonstrativa! Outra informação importante: cada aula terá uma média de 50 páginas, mas poderá passar caso seja necessário. Além disso, vamos fazer muitas questões! Vamos, agora, fazer algumas questões, espero vocês na próxima aula! Grande abraço e bons estudos! 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  19. 19. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 18 de 24 Questões propostas 1) (UEG - NÚCLEO - 2008 - PC-GO - Delegado de Polícia) A lesão conhecida como mordedura ou dentada produzida pela arcada dental humana, em razão de suas características, classifica-se como A) cortocontudente. B) contundente. C) perfurante. D) perfurocontundente. 2) (FUNCAB - 2013 - PC-ES - Médico legista) São instrumentos potencialmente capazes de produzir mutilações, COM EXCEÇÃO DE: A) cortantes. B) cortocontundentes. C) perfuro cortantes. D) perfuro contundentes. E) perfurantes. 3) (FUNCAB - 2012 - PC-RO - Médico Legista) Ao examinar um paciente, o perito encontra uma ferida em região peitoral com formato de dois semiarcos, de concavidades voltadas uma para a outra, mostrando equimoses periféricas, de profundidades 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  20. 20. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 19 de 24 variáveis e laceração tecidual. O perito conclui que se trata de mordedura. As feridas produzidas por mordedura causada pela arcada dentária humana se classificam como: A) perfuro-contundente. B) contundente. C) corto-contusa. D) perfuro-cortante. E) corto-contundente. 4) (FUNCAB - 2012 - PC-RO - Médico Legista) Um cadáver encontrado próximo à linha férrea apresenta desarticulação de todos os membros, além de separação do corpo da cabeça. É correto afirmar que se trata de: A) esquartejamento e esgorjamento. B) esquartejamento e decapitação. C) espojamento e esgorjamento. D) esquartejamento e vitriolagem. E) espojamento e decapitação. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  21. 21. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 20 de 24 Questões Comentadas 1) (UEG - NÚCLEO - 2008 - PC-GO - Delegado de Polícia) A lesão conhecida como mordedura ou dentada produzida pela arcada dental humana, em razão de suas características, classifica-se como A) cortocontudente. B) contundente. C) perfurante. D) perfurocontundente. Comentários: A forma das feridas corto-contusas varia conforme a região comprometida e a intensidade de manejo, inclinação, peso e o fio cortante do instrumento. Destarte, sendo o corte afiado, preponderam as propriedades distintivas das feridas incisas; caso contrário, prevalecem, nos tecidos, as características próprias de um ferimento contuso. O diagnóstico diferencial do dano corto-contundente far-se-á com as feridas incisas e com as feridas contusas - como por exemplo: machados, mordidas, foices, etc. - através de criterioso estudo das margens da lesão, sua profundidade, comprometimento dos planos subjacentes, órgãos e peças constitutivas do esqueleto, inclusive. Gabarito: A. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  22. 22. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 21 de 24 2) (FUNCAB - 2013 - PC-ES - Médico legista) São instrumentos potencialmente capazes de produzir mutilações, COM EXCEÇÃO DE: A) cortantes. B) cortocontundentes. C) perfuro cortantes. D) perfuro contundentes. E) perfurantes. Comentários: Os instrumentos perfurantes propriamente ditos determinam lesões em forma de ponto na pele, chamadas feridas punctórias, quase imperceptíveis, quando o instrumento for muito fino, com diminuto orifício de entrada, raro sangramento e um trajeto que, geralmente, termina em fundo de saco. Assim, com exceção dos intrumentos perfurantes, os demais são instrumentos potencialmente capazes de produzir mutilações. Gabarito: E. 3) (FUNCAB - 2012 - PC-RO - Médico Legista) Ao examinar um paciente, o perito encontra uma ferida em região peitoral com formato de dois semiarcos, de concavidades voltadas uma para a outra, mostrando equimoses periféricas, de profundidades variáveis e laceração tecidual. O perito conclui que se trata de 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  23. 23. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 22 de 24 mordedura. As feridas produzidas por mordedura causada pela arcada dentária humana se classificam como: A) perfuro-contundente. B) contundente. C) corto-contusa. D) perfuro-cortante. E) corto-contundente. Comentários: Olha a palavra chave da questão, mordedura! Pelo que estudamos, ficou fácil. Na aula 02 vou aprofundar mais sobre essas lesões. dano corto-contundente far-se-á com as feridas incisas e com as feridas contusas - como por exemplo: machados, mordidas, foices, e outros, causando uma ferida corto- contusa. Gabarito: C. 4) (FUNCAB - 2012 - PC-RO - Médico Legista) Um cadáver encontrado próximo à linha férrea apresenta desarticulação de todos os membros, além de separação do corpo da cabeça. É correto afirmar que se trata de: A) esquartejamento e esgorjamento. B) esquartejamento e decapitação. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  24. 24. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 23 de 24 C) espojamento e esgorjamento. D) esquartejamento e vitriolagem. E) espojamento e decapitação. Comentários: Pessoal, a decapitação é o ato de separar completamente a cabeça do corpo, produzido especialmente por instrumentos cortocontundentes, como roda de trem, espadagão, foice, machado. Alguns autores, falam, ainda, sobre o espostejamento que é um conjunto de lesões pela redução do corpo a fragmentos diversos e irregulares; e esquartejamento que é a separação por desarticulação ou amputação do corpo em quatro partes (cabeça, tronco e membros). A questão acima passa ser polêmica, pois, o França cita como um exemplo de espostejamento o acidente ferroviário, entretanto, no enunciado vem escrito espojamento! Gabarito: B. 99999999999 99999999999 - Filip Polvo
  25. 25. Medicina Legal Perito Médico-Legista - Polícia Civil - DF Parte Específica - Teoria e Exercícios Prof. Alexandre Herculano Aula 00 Prof. Alexandre Herculano www.estrategiaconcursos.com.br 24 de 24 Gabarito 1-A 2-E 3-C 4-B 99999999999 99999999999 - Filip Polvo

×