Seleção: ferramentas para criar sites 
Estar na internet não é mais uma exclusividade de poucos. No princípio, apenas 
os ...
Outras alternativas 
BaseKit 
BaseKit 
Evidentemente não se trata de um programa para edição profissional de sites. No 
en...
primeiros passos no mundo da web, o Moogo é uma ótima escolha. Suas limitações 
não devem incomodar usuários novatos, já q...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Trabalho marketing digital escrito

96 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
96
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Trabalho marketing digital escrito

  1. 1. Seleção: ferramentas para criar sites Estar na internet não é mais uma exclusividade de poucos. No princípio, apenas os iniciados ou que detinham um conhecimento mais avançado de programação podiam colocar a sua opinião na grande rede. A tarefa era complexa e a informação circulava apenas em um sentido: do produtor de conteúdo para o usuário. Porém, com o crescimento das redes sociais e o avanço da chamada web 2.0, a lógica se inverteu. Não bastava mais apenas consumir conteúdo, era hora de os usuários produzirem os seus próprios textos e compartilharem o conteúdo com o mundo. Mas como fazer isso de maneira simples, mesmo sem precisar ter algum conhecimento em linguagens de programação? A resposta está em uma série de aplicativos e serviços online gratuitos, que proporcionam a maior tranquilidade para o usuário apenas pensar no que deseja escrever, deixando todo o trabalho de programação para quem realmente gosta do assunto ou quer se aprofundar no tema. Separamos uma lista com os principais deles para você usar e abusar na hora de mostrar ao mundo a sua produção. Os campeões WordPress WordPress Tido como uma ferramenta secundária no início da era dos blogs, o WordPress se tornou sinônimo de blog, tanto para usuários que necessitam de poucos recursos quanto para aqueles que buscam ferramentas mais personalizadas e precisam de uma plataforma confiável e prática. De todos os sistemas existentes, o WordPress é o que conta com o maior número de plugins, sendo possível adicionar praticamente qualquer item na interface do site em questão. Além disso, a quantidade de layouts gratuitos disponíveis permite que o usuário tenha um sistema personalizado com muito pouco esforço. Blogger Blogger O Blogger, a ferramenta da Google para criação de blogs, é considerada por muitos a mais acessível de todas para o usuário. Isso se deve ao fato que ela foi uma das primeiras a disponibilizar a interface administrativa completamente em português. Outro ponto positivo é a facilidade de adicionar itens pré-configurados, já que o sistema utiliza a tecnologia drag and drop (arrastar e soltar). Os pontos negativos ficam por conta do número reduzido de plugins, se comparado ao WordPress, e a limitação da personalização de layouts para usuários sem domínio próprio. Tumblr Tumblr O Tumblr busca um meio-termo entre os blogs e os microblogs, como o Twitter. O diferencial dele é a possibilidade de integração imediata com outras redes sociais. Você pode, por exemplo, seguir outros endereços Tumblr, além de compartilhar links, textos, fotos e vídeos. A facilidade de utilização e a postagem imediata de conteúdo pesam a seu favor. Por outro lado, embora seja possível editar o layout, não há tantas opções em relação aos demais. Para os usuários brasileiros outro aspecto ruim é o fato do serviço não estar disponível em língua portuguesa, o que pode ser um empecilho para alguns usuários.
  2. 2. Outras alternativas BaseKit BaseKit Evidentemente não se trata de um programa para edição profissional de sites. No entanto, isso não significa que o resultado do seu trabalho será amador. Entre as opções disponíveis de template, há vários deles bem desenhados para edição. O sistema de exibição de itens editados é similar ao de editores de imagem como o Photoshop, ou seja, por camadas. Elementos de vídeo e imagens ou mesmo a integração com outros serviços, como o Flickr ou o Twitter, também podem ser adicionados com muita facilidade. E aproveite, porque os usuários que criarem suas contas até o final do ano poderão usufruir do serviço gratuitamente. BlinkWeb BlinkWeb A mesma técnica de construção de sites utilizada no BaseKit é adotada no serviço BlinkWeb. No entanto, embora disponibilize alguns tutoriais passo a passo para a construção de uma página, a ferramenta apresenta opções mais limitadas de edição. Disponível apenas em inglês, o que pode dificultar a edição de conteúdo, o BlinkWeb permite integração direta com domínios .com. Assim, caso você queira investir no seu site comprando uma URL personalizada, poderá integrar com facilidade o site ao novo endereço. Edicy Edicy Prático e disponível em português, o Edicy se mostra uma ferramenta eficiente e permite que mesmo usuários leigos criem sites visualmente agradáveis e profissionais. Em termos de layout a limitação é clara: são apenas 20, mas todos de muito bom gosto. Caso tenha mais afinidade com o tema, você poderá ainda editar os código fonte e integrar suas páginas ao Google Analycts, um dos serviços mais utilizados para mensurar quantidade de acessos e estatísticas de busca. O painel de controle é intuitivo e com um número considerável de recursos. Jimdo Jimdo O Jimdo é um serviço similar para criação de páginas na web. Seu principal diferencial fica por conta do foco das páginas disponíveis e do perfil de usuários que utiliza a ferramenta: em geral usuários corporativos que querem criar uma página pessoal. Outro aspecto bastante útil é a possibilidade de integrar um blog além das páginas habituais da web. Assim, o usuário consegue até diferenciar em seções um conteúdo institucional permanente com opiniões pessoais de vários outros editores. Moogo Moogo Se você pretende criar uma página simples apenas para começar a dar os seus
  3. 3. primeiros passos no mundo da web, o Moogo é uma ótima escolha. Suas limitações não devem incomodar usuários novatos, já que elas estão relacionadas à inclusão de propagandas nas páginas que você cria. Para eliminar as propagandas é preciso adquirir a versão paga do serviço. Em termos de layout o serviço conta com 27 opções no total, todas elas básicas e com poucas variações. O gerenciamento da página conta com uma interface completamente em português. TypeRoom TypeRoom O TypeRoom adota um sistema modular de edição de conteúdo. Para mudar um cabeçalho, por exemplo, basta clicar sobre ele e selecionar uma nova imagem que, necessariamente, deve ter o mesmo formato e extensão. Se a edição é simples, o mesmo não se pode dizer da postagem de conteúdo. Para isso o usuário precisará ter acesso a um programa de FTP para fazer upload dos arquivos. Além disso, é preciso manter a base de dados editados no PC, caso precise de outras correções e atualizações da página. A utilização gratuita é limitada a dez páginas por mês. Para quantidades acima disso é preciso adquirir um plano pago. WebStarts WebStarts O WebStarts também trabalha com duas opções para o usuário: edição de sites gratuitos ou pagos. A maior parte das ferramentas básicas está disponível na versão grátis, de forma que você pode criar a sua página com tranquilidade sem se preocupar se algum essencial não está disponível. A interface do editor de conteúdo não está disponível em português, contudo o visual se assemelha muito às páginas editadas no Google Docs. Dessa forma o usuário, mesmo inexperiente, não terá problemas de adaptação ou familiaridade com o sistema. Yola Yola O Yola é uma das ferramentas alternativas mais completas para criação de páginas na web. As opções de edição estão disponíveis apenas em inglês, mas de forma alguma esse aspecto compromete o entendimento do usuário iniciante. Os menus são intuitivos e é possível conferir em tempo real o resultado da edição das páginas. O serviço permite a integração com widgets, postagem de imagens, vídeos e arquivos de áudio. Para aqueles que buscam algo um pouco mais elaborado, o sistema do Yola suporta as funções de loja online para venda de produtos ou recebimento de donativos. Para publicar seus arquivos será preciso contar com um programa de FTP. FileZilla e WS-FTP são duas opções simples e práticas para quem está iniciando, suprindo todas as necessidades para download e upload de arquivos. Os serviços que listamos acima podem não servir para os usuários mais experientes e exigentes, no entanto suprem com muita eficiência as necessidades básicas daqueles que estão iniciando no mundo da web. E, nesse segmento, quanto maior for a sua prática, melhores serão os seus resultados no futuro.

×