Sodramar Revista Piscinas e Saunas 06

1.548 visualizações

Publicada em

http://www.solelazerpiscinas.com.br
A Sol e Lazer Piscinas em São Paulo realiza o projeto personalizado em sua piscina atendendo residências, clubes, hotéis, condomínios e construtoras.
Atendemos São Paulo e Grande São Paulo.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.548
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Sodramar Revista Piscinas e Saunas 06

  1. 1. Editorial SURPREENDA e deixe-se surpreender Andava muito feliz nos últimos anos, satisfeitíssimo com os meus sobrinhos e afilhados, (olha só que timaço - Bruna, Bianca, Carol, Mar- cella, Ananda e Lucas), me achando um PADRINHO/TIO moderno... Bus- cava as crianças em casa, cheirosas e alegres, e as levava aos lugares que os pais não iam freqüentemente, comíamos exatamente o queEquipe P&S (da esq. p/direita): os pais não deixavam, cortava todo tipo de regra “careta” pensandoPaulo Araújo, Fábio Zanetti, Sandro Morais que elas (as crianças) me achavam um Tiozão herói!!! Até começareme Valter Perez a ficar chatas e com sono, pois era exatamente nessas horas que to- das eram entregues aos verdadeiros pais, em suas respectivas casas... Até que, em dezembro (2003), minha esposa berrou ao saber o resultado de um exame: -POSITIVO!!! -Vou ser PAI!!! E agora?! Como terei que agir? Disciplinador, cha- to, ciumento, preocupado...? E o pior é que no momento em que a criança estiver inquieta, chorando e mal cheirosa, ela estará comigo!!! Nunca conheci uma pessoa de tão alto astral, batalhadora, boni- ta e incrivelmente ATIVA como a Mara Gabrilli. Mesmo com um pe- queno detalhe: -Ela é tetraplégica!!! E é realmente um “pequeno” detalhe, pois nada disso a deixou sem o ritmo frenético que tem pra tocar o PPP (PROJETO PRÓXIMO PASSO), do qual é fundadora e coordenadora, conforme a matéria da página central. Mas o que mais me surpreendeu nestes últimos meses foi uma carta enviada pela esposa de um arquiteto. Ela nos conta que recebia a nossa revista pelo correio, e através do texto (muito bem escrito, à mão, pela esposa), ficamos sabendo que o mesmo comentava muito sobre a REVISTA PISCINAS & SAUNAS. Uma doença fulminante, infelizmente, levou o nosso ilustre lei- tor. Todo o material de trabalho do arquiteto foi entregue ao seu só- cio, e tudo que pudesse lembrá-lo foi doado, a fim de amenizar a dor da perda. Infelizmente, por não sabermos sobre o seu falecimento, continuamos a enviar a revista para o seu endereço, e só assim fomos informados que ela, a esposa, lembrava do marido ao receber a revis- ta. E por esse motivo excluímos o seu nome do nosso cadastro. Surpreenda e permita-se ser surpreendido! São as surpresas que aparecem em nossas vidas que dão o verdadeiro sentido a ela!! Nessa 5ª edição da Piscinas & Saunas veja informações de como se proteger do ralo de fundo das piscinas; a história do como surgi- ram as piscinas e as novas tendências para construção da Casa de Máquinas. Bom mergulho!!! Paulo R. Araújo - Editor paulinho@millenium.ind.br SAUNASPISCINAS & SA UNAS 03
  2. 2. Sumário Histórico •Origem da Piscina 5a7 Comportamento e Saúde •Mara Gabrilli e o PPP 9 e 10 Segurança •Os riscos do Ralo de Fundo 13 e 14 Tecnologia •Dicas para construção de uma Casa de Máquinas de fácil acesso 16 a 18 Onde Comprar? •Lojas especializadas em piscinas e saunas 21 P&S Responde •Dúvidas dos leitores respondidas por quem entende 23 Piscina do mês •Fotos de belas piscinas e a Campeã de 2003 24 Endereços •Empresas citadas nesta Edição 2604 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  3. 3. HistóricoA Origem da Piscina Uma viagem ao passado, rumo ao futuro da tecnologiaE m pesquisas feitas pela Revista de tornar um simples banho em nado resultou Piscinas & Sauna foi constatado na evolução desse uso da água em residênci- que as primeiras piscinas cons- as. As piscinas, então, se tornaram uma solução truídas foram de utilização co- prática e também uma nova forma de decora-mercial e surgi- ção em residências.ram no final do Na época do cristianismo, piscinas eramséculo 18 e come- utilizadas para rituais de batismo, onde pesso-ço do século 19. as eram mergulhadas nesses recipientes, paraAs primeiras pisci- purificação.nas públicas re- Sem se importar com sua origem religiosa,gistradas estavam quando as piscinas tornaram-se um elementona Europa, entre enriquecedor na vida do homem, o mercadoos anos de 1761 e norte-americano começou a lançar produtos1781. específicos, dando início a um mercado que A adaptação cresce a cada dia.das piscinas co- A evolução da piscina deu-se também pelamerciais para as evolução do nado. A criação dos estilos de na-residenciais vem Construção Moderna de 1891, em dar (crown, borboleta, costas, peito) deu à pis-de vários fatores. apartamento de luxo, com uma bela piscina. cina a importância de ambientes para o aper-Tudo pode ter sur- feiçoamento desses estilos, necessitando quegido do desejo de se adaptar uma nova forma as piscinas fossem construídas com tamanhosde lazer para os hábitos de higiene. O desejo cada vez maiores, e por conseqüência, com es-Construção em um braço do “Danúbio” no Parque Prater, Viena 1815, financiado por Jacob Alt. , SAUNASPISCINAS & SA UNAS 05
  4. 4. truturas mais reforça-das. Outro fator parao crescimento dessafebre que se tornoumundial foi a sensa-ção de status aos queconstruíam uma pis-cina em sua casa. Ofato de ter uma pisci-na particular tornavaseus donos mais im-portantes peranteseus amigos e mes-mo sua família. A moda de se teruma piscina em casa Hollywood, Califórnia: propriedade do Llsley de Philip (Agosto 1951)veio, a princípio, da Costa Leste, mudando-se produtos para construção e manutenção, alémdepois para Los Angeles, que se espelhando no de produtos para lazer e decoração na piscina,glamour de Hollywood, rapidamente se tornou possibilitou a realização de qualquer sonho dea “capital mundial das piscinas” . ter uma piscina em casa. Com o passar do tempo, os investimentos Além disso, a piscina se tornou um ambi-em tecnologia, e principalmente a necessida- ente com uma infinidade de opções para lazerde de atender consumidores cada vez mais exi- e relaxamento, como, por exemplo:gentes, as piscinas ganharam mais atrativos, • Escada interna de alvenaria, que facilita oexigindo de arquitetos e de fabricantes de pro- acesso à piscina;dutos para piscina um maior investimento em • Bar molhado, que oferece aos usuários datecnologia e a criação de novas técnicas para piscina a comodidade de tomar um drink ouconstrução. bater um papo sem sair da água; Hoje, o surgimento de uma infinidade de • Uma prainha, que nada mais é que um Ava Gardner nas etapas de sua nova piscina Construção de uma torre que se assemelhava a um trampolim (1831)06 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  5. 5. recuo em uma das extremidadesda piscina, com pouca profundi-dade (40 ou 60cm), onde podemser instalados dispositivos de hi-dromassagem, propocionandoum relaxamento físico ao usuá-rio da piscina; • Ambiente de sauna conju-gado com a piscina, ideal paraquem gosta de um bom banhode sauna sem perder o confortoda piscina; • Refletores que podem serinstalados dentro da piscina.Hoje, existem vários modelosde refletores para atender atodos os gostos e tamanhos depiscina. É a evolução tecnológica Escola militar, construída em umapermitindo que sonhos antigos forquilha do rio Mur (1839), projetada para instrução dese tornem realidade. homens, mulheres e cavalosSistema hidráulico que criava ondas dentro da piscina (1912) Século 17, divertimento inocente na nudez, ao banhar-se nos lagos e nas valas Construção de um tanque retangular em concreto para natação (1913) Após a Segunda Guerra, as indústrias começam a divulgar suas marcas TRM. Fonte: The Springboard in the Pond Thomas A. P. van Leeuwen Sol Nascente - Sete Lagoas-MG • (31) 3773-6167 SAUNASPISCINAS & SA UNAS 07
  6. 6. Comportamento e SaúdeUm exemplo a ser seguido Psicóloga, publicitária, bonita, ativa e um alto astral de dar inveja. Essa é Mara Gabrilli, coordenadora de uma ONG que ajuda pessoas portadoras de deficiências físicas.A PPP (Projeto Próximo Passo) trabalha em diferentes projetos, entre eles a pesquisa para cura da Mara Gabrilli paralisia, esportes, reabilitação,prevenção, palestras, capacitação e entreteni- Segundo o senso 2000, 15% da populaçãomento de pessoas portadoras de deficiência brasileira é portadora de alguma deficiência fí-física. sica, e 1/3 deste universo tem problemas de lo- Em um depoimento simples e direto, Mara comoção. Estamos falando de aproximada-Gabrilli, fundadora da Ong PPP, fala do seu aci- mente 9.000.000 de brasileiros que podem terdente, dos cuidados que devemos ter para evi- dificuldades até para sair da cama.tar problemas com a coluna vertebral nas ho- O traumatismo raquimedular é causadoras de lazer, os números desse tipo de proble- por uma grave lesão ou luxação na coluna ver-ma, além de alguns projetos do PPP. tebral. Esta lesão medular paralisa os movimen- tos e interrompe a sensibilidade do corpo por21 de Agosto de 1994 afetar neurônios motores e sensitivos do siste- “Eu voltava da praia quando o carro saiu ma nervoso central.da estrada e caiu em uma ribanceira de mais Cerca de 10% deste tipo de lesão são cau-de 20 metros. Capotou até parar e me deixou sados por acidentes de mergulho. Estes aciden-com o pescoço quebrado na altura da 4ª e 5ª tes são gravíssimos e afetam, na maioria das vértebras cervicais. vezes, pessoas jovens, causando a tetraplegia. Como resultado, fiquei A maior incidência destes acidentes acontece sem os movimentos do durante o verão. pescoço para baixo. O interessante de tudo isto é que esse tipo de lesão pode ser evitada com informação. Se Hoje, nove anos de- alertarmos as pessoas para não mergulharem pois, continuo tetraplégi- de cabeça antes de verificarem a profundida- ca. E mesmo estando no de do local, poderemos prevenir muitas des- século XXI quebrar a co- tas lesões. luna é, no mínimo, mudar Para mergulhos de cabeça em piscinas, o toda a estrutura de sua salto é garantido somente se a profundidade vida e daqueles que o for maior que 1,83 metro. No caso de rios, ca-Mara Gabrilli cercam.” choeiras e até mar, é importante checar a pro- SAUNASPISCINAS & SA UNAS 09
  7. 7. fundidade diária, pois o movimento das águasforma bancos de areia que surpreendem omergulhador. O mergulho jacaré nas ondas domar também é grande causador de fraturas.Diferentemente do que aparenta, os braços es-tendidos pouco protegem a coluna cervical. Há 2 anos e meio, um conhecido profissio-nal de piscinas de Ribeirão Preto-SP faleceuapós um traumatismo raquimedular causadopor um salto, em sua própria piscina, em umchurrasco com a família e amigos. Portanto, nãomergulhe em água turva. Verifique a profundi-dade do local e não inicie seu contato com a O atleta Jourdan Lutkuságua mergulhando de cabeça. com Mara Gabrilli, em um treinamento diárioO que é o PPPProjeto Próximo Passo? atletas com deficiências físicas. O resultado é tão positivo que alguns destes atletas repre- O PPP é uma organização sem fins lucrati- sentam brilhantemente o BRASIL em competi-vos que trabalha para melhorar a vida do por- ções paraolímpicas.tador de deficiências físicas. A sua sede está Além do time de basquete , o PPP passou alocalizada dentro da Fórmula Academia, no apoiar mais 13 atletas de diferentes modalida-Shopping Eldorado, em São Paulo. des. Um destes atletas é o nadador Jourdan O PPP foi fundado em 1997, e através de Rene Lutkus (foto ao lado), que com apenasuma série de ações sociais vem construindo 18 anos foi campeão dos 100 metros costas nouma base sólida de pessoas, equipamentos e “Brasileiro paraolímpico” foi bi-campeão da tra- ,parceiros na busca de tecnologias referentes vessia internacional da lagoa da Conceição (SC)ao tratamento de pessoas com problemas mo- em 2002 e 2003, e vai representar o Brasil nastores, e tem conseguido avanços consideráveis próximas paraolimpíadas.trazendo ou enviando profissionais para espe- Em 2003, foi iniciado um programa de re-cializações, e ajudando a equipar centros de abilitação totalmente inovador dentro da Fór-tratamento e recuperação. mula Academia, em São Paulo. Foi instalado Outro grande projeto do PPP é a ajuda aos um aparelho chamado Parastep System, que possibilita a caminhada de uma pessoa com paralisia por lesão medular através de eletro- estimulação. Também no mesmo ano, o PPP estabele- ceu uma parceria com o IOT (Instituto de Orto- pedia e Traumatologia) para pesquisas sobre reabilitação, célula tronco e também um pro- grama de atendimento e informação nos lei- tos (via Internet). No início de 2004, foi firmada uma parceria com o Miami Project to Cure Paralysis, que é considerado o maior centro de pesquisas do mundo para a cura de paralisias. Fonte: www.ppp.org.br / Nice Abreu - nice@ppp.org.brJourdan Rene Lutkus - Nadador Para Olímpico E Mara Gabrilli10 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  8. 8. SegurançaOs riscos do Ralo de Fundo Veja como se previnir contra este problemaO RALO DE FUNDO é uma peça que deve ser instalada no fundo de to-das as piscinas, obrigatoriamen-te, com a função de recirculaçãoou até mesmo DRENAGEM, usa-do ao esvaziar uma piscina(quando necessário). Antes de falarmos sobre oassunto, veja abaixo o caminhofeito pela água da piscina como uso do filtro e bomba, paraque você entenda a questão: 1. A bomba da piscina temuma interligação hidráulica entre o bocal desucção, por onde a água é sugada da piscina, epor até 3 vias (dispositivo de aspiração, skim-mer e ralo de fundo). 2. Se o usuário quiser apenas aspirar a pis-cina, deve adaptar os acessórios de aspiração(mangueira e aspirador) através do dispositivode aspiração ou skimmer. 3. Depois de tudo devidamente instaladodeve-se ligar a bomba para que a mesma aspi-re os resíduos do fundo da piscina. Quando a piscina estiver sendo tratada ou utilizada por banhistas, “NÃO SE DEVE” em hi- , pótese alguma, manter apenas um bocal de aspiração da bomba aberto!!!! Principalmente se este bocal for o RALO DE FUNDO. Imagine a força de sucção de uma bomba 4. Estes resíduos irão passar pela bomba e de 1 /2 CV nos dias de hoje.seguirão para o interior do filtro (posição FIL- Dependendo da marca é como se fosseTRAR) onde os mesmos ficarão retidos na areia uma bomba de 1 CV dos modelos mais anti-do tanque. Voltará para a piscina apenas a água gos. Se esta sucção puder ser dividida entre, nofiltrada, através dos bocais de retorno. mínimo, 2 bocais (dreno e dispositivo de aspi- SAUNASPISCINAS & SA UNAS 13
  9. 9. ração ou dreno eskimmer, ou viceversa) a força desucção da bom-ba será muitomenor naqueleponto, reduzindoo risco de pren-der os cabelos ouas costas de um banhista. Existem normas de segurança divulgadas Algumas lesões causadas pelo Ralo de Fundo, devido a sucçãopela ABNT (Associação Brasileira de Normas pela força da água.Técnicas) com o intuito de evitar ou diminuir orisco de um banhista ser sugado ao utilizar umapiscina. Pense numa criança de 3 a 7 anos mergu-lhando numa piscina onde a concentração desucção está apenas conectada ao RALO DE Um exemplo prático para que você possaFUNDO. entender melhor essa distribuição é imaginar Deu um calafrio ou um frio na espinha? um aspirador de pó com duas mangueiras co- Veja abaixo como você poderá reduzir es- nectadas ao mesmo motor. Se você colocar ases RISCOS: Para você, Leitor, que já tem uma palma da mão na sucção de uma das manguei-piscina em casa ou pensa em construir uma ras, o ar passará pela outra mangueira, evitan-outra em um local diferente, é preciso ficar do a sucção da sua mão.atento a um procedimento em relação ao sis- Em alguns países já existem acessórios cha-tema de sucção da piscina. Se for seguido di- mados “SSLV” (Sistema de Segurança de Libe-minuirá a probabilidade de problemas futuros. ração do Vácuo), que são dispositivos projeta- Como já dito anteriormente, ao instalar os dos para desligar a moto-bomba quando per-acessórios responsáveis pela sucção da água cebem uma acumulação excessiva de vácuo nada piscina, procure sempre distribuir a sucção tubulação hidráulica de sucção da bomba. In-entre dois ou mais dispositivos. felizmente, este tipo de equipamento ainda No exemplo abaixo veja o sistema de liga- não é encontrado no Brasil.ção entre um skimmer e um dreno de fundo A Sodramar, maior fabricante de acessóri-anti-turbilhão: os para piscinas da América Latina, e a Mille- nium, fabricante de filtros e bombas para pis- cinas, preocupadas com a divulgação e difusão desse assunto, incluíram desenhos e textos em seus manuais e os disponibilizaram na Internet, a fim de que este tipo de situação seja bem esclarecida (www.millenium.ind.br) e (www.sodramar.com.br/manuais). Sempre que tiver um projeto ou dúvida no funcionamento de um produto para piscina consulte uma empresa especializada. As suas horas de lazer serão recompensadas! Fonte: Sodramar Ind. e Com. Ltda. Filter Up Ind. e Com. Ltda.14 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  10. 10. Conforto/TecnologiaCasa de máquinas O que é e como pode ser construída?C hegou o final de semana, hora de preparar a piscina para garantir a diversão dos ami- gos e familiares que estão para chegar. Mas só de pensar em todos aqueles registros, válvulas, fios e botões, naquele pe- queno espaço, úmido e desconfortável, onde estão localizados os equipamentos utili- zados para tratar a água da piscina, já começa o desânimo! E quem disse que a casa de máquinas pre- cisa ser apertada, escura e de difícil acesso? A cada dia surge um número maior de lo- jas especializadas na construção de piscinas, que buscam maneiras de facilitar o acesso das pessoas que farão a manutenção da mesma. A identificação dos registros na casa de máquinas evita erros de operação que muitas vezes podem causar problemas posteriores, como a queima do motor elétrico, por exem-Casa de máquinas ideal - iluminada e fácil acesso plo. A iluminação também irá ajudar muito!Cascata na piscina e casa de máquina suspensa no interior da cascata O aproveitamento do espaço na área de lazer da casa, que poderia ser um espaço não aprovei-tável, é uma boa dica para a construção da casa de máquinas, podendo se tornar um lugar paraguardar os demais equipamentos usados na manutenção e limpeza da piscina.16 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  11. 11. Algumas empresas especializadas cons-tróem as casas de máquinas acima ou no mes-mo nível da piscina, facilitando o acesso aosequipamentos, e até mesmo utilizando a estru-tura para a instalação de uma cascata. O que não podemos esquecer é a coloca-ção de um ralo na casa de máquinas para es-coamento da água da chuva ou mesmo da ma-nutenção e uso da bomba da piscina. Isso éuma simples questão de higiene e segurança. Na construção de uma casa de máquinas Casa de máquinas subterrânea - difícil acesso abaixo do nível da piscina é preciso ficar aten- to também à questão da presença do lençol fre- ático, que pode causar infiltração de água no interior da casa. Este é um tipo de problema muito comum em cidades praianas, onde a pre- sença de terrenos úmidos é freqüente. Sempre que a bomba estiver em funciona- mento, o local onde a mesma foi instalada de- verá ter refrigeração suficiente para resfriar o motor da bomba, o que é uma exigência dos fabricantes de motor elétrico. E isso não podeCasa de máquinas com identificação em todos os registros ser feito quando a instalação estiver “enterra- da” ou abaixo do nível da água da piscina, exceto se existir uma tampa nessa casa de máquinas. O único problema nestes casos é que a tampa deverá permanecer fechada, princi- palmente se existir a possibi- lidade de chuva. Não esque- ça que os equipamentos elé- tricos (motor da bomba, sau- na e fios) não podem ser mo- lhados. SAUNASPISCINAS & SA UNAS 17
  12. 12. Caso você queira construir uma casa de máquinas acima do nível da água da piscina, não es-queça que a bomba deverá ser “auto escorvante” Ou seja, se a bomba não tiver capacidade de fazer .a sucção da água da piscina por estar instalada acima do nível da água, a mesma não poderá serinstalada neste tipo de casa de máquinas comentada. Veja abaixo os procedimentos necessários para a construção de uma CASA DE MÁQUINAS confortável e de fácil acesso: O que é necessário para a construção de uma casa de máquinas acima do nível da água? 1. Ter espaço suficiente que possa facilitar o acesso aos registros da piscina 2. Identificar todos os registros para evitar possíveis erros de operação 3. Utilizar curvas ao invés de cotovelos, evitando a perda de vazão 4. Instalar um ralo para o escoamento da água no interior da mesma 5. Instalação elétrica bem planejada e protegida, para evitar riscos de choque elétrico 6. Boa Iluminação e refrigeração interna 7. Utilização de uma bomba auto escorvante Espaço para guardar osCasa de máquinas bem dimensionada acessórios da piscina Disjuntores Boa iluminação Programador de horário Aparelho de Sauna a Vapor Bomba p/ Spa Bomba para Filtro Bomba para Aquecedor Instalação elétrica Casa de máquinas com bateria de filtros, com proteção bastante utilizada em piscinas comerciais. Instalação hidráulica e elétrica bem planejadas. Ralo de fundoFiltro da Piscina Etiquetas adesivas que identificam os registros Espaço para transitar internamente e boa refrigeração18 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  13. 13. Onde Comprar? A Revista Piscinas & Saunas indica lojas especializadas para...BoasCompras!!! Aquapool Em Jaraguá do Sul, a Aquapool Piscinas oferece as melhores opções em piscinas de vinil e fibra,comercializando sempre produtos de qualidade. Criar uma área de lazer integrada com o paisagismo e rica em detalhes para tornar sua casa ainda mais agradável eaconchegante, é isso que a Aquapool Piscinas proporciona a seus clientes em Santa Catarina. Tel: (47) 371-0277 - Jaraguá do Sul/SC Araxá Piscinas Tudo para piscinas de vinil, fibra e alvenaria; da construção à decoração, além da linha de equipamentos, produtos e acessórios para manutenção, a Araxá entende que para satisfazer o cliente, tem que ter preços e produtos com qualidade. A empresa atende todo sul de Minas. Tel: (34) 3662-1261 - Araxá/MG Aquafer Uma loja nova, inaugurada em 2003, mas que trouxe a Vinhedo toda a tecnologia, profissionalismo e competência do mercado de piscinas. Na Aquafer encontra-se de tudo para o entretenimento e descontração que uma área de lazer pode oferecer ao seu proprietário. A 1 hora de São Paulo, a empresa está pronta para oferecer toda a estrutura para sua obra. Tel: (19) 3826-3375 - Vinhedo/SP SAUNASPISCINAS & SA UNAS 21
  14. 14. P&S RespondeDúvidas freqüentesdos nossos leitores Thiago Siqueira (São Paulo-SP) •Aplicar massa nas paredes até uma espes- sura de 2cm. 1 – Como o dosador de cloro deve ser ins- •Colocar sobre a argamassa o revestimentotalado? desejado (pedra mineira). P&S: A princípio devemos ressaltar que o OBS: O mercado possui a mistura menciona-dosador é um aparelho projetado para trabalhar da já pronta, sob o nome de Vermimassa 700,apenas com o cloro em tabletes. Qualquer mis- bastando apenas adicionar água.tura com outro produto químico pode ser peri- Recomendamos também no processogoso, com riscos de acidentes graves. de construção: Este acessório deverá ser instalado no retor- •Iluminação blindada com interruptor forano da piscina após o filtro (e o aquecedor, se hou- do ambiente;ver). Devem estar acima do nível da água e não •Instalação de ralo para o escoamento dapoderá ser instalado com tubulação metálica. água que fica acumulada no piso; •O teto deve ser em declive para que o va- por, ao se condensar, escoe e não goteje. Marcia Alexandra Siqueira (Florianópolis/SC) 3 – Existe alguma opção para sauna que não necessite de uma instalação mais complexa? P&S: As saunas box se tornaram uma gran- de solução para os amantes de um banho de sau- na, mas que se viam impedidos deste prazer por não terem espaço físico. Com uma instalação simples, que dispen- sa qualquer tipo de encanamento hidráulico, já que seu abastecimento é totalmente manu- al, sem danos ou alterações construtivas (ape- nas dois furos para as buchas a serem encaixa- das), e pode ser ligada nos próprios pontos de energia do chuveiro. Antonio Simões Carvalho (B. Horizonte/MG) 2 – Como é o processo de revestimento da “Envie suas dúvidas e sugestões parasauna úmida com pedra mineira? nós da P&S pelo e-mail: P&S: O revestimento do cômodo de vapordeve seguir as seguintes orientações: marketing@sodramar.com.br” •Chapiscar com cimento e areia todas as pa- redes a serem isoladas. Quem responde a seção “P&S Reponde” são os profissionais do Dep- to de Engenharia da Sodramar. •Preparar uma mistura de 5 partes de vermi- QUALQUER DÚVIDA, FAVOR ENTRAR NO SITE: culita para uma de cimento. www.sodramar.com.br no link Manuais. SAUNASPISCINAS & SA UNAS 23
  15. 15. Piscinas do MêsAs piscinas do Leitor Confira a piscina Campeã escolhida A Kolorines Tecnology proporcionou ao seucliente sistemas automatizados para o aquecimen-to e o efeito de borda infinita. Criou sistemas paraacionamento a distância (próximo à piscina), paraos jatos de hidromassagem, jatos ornamentais e ilu-minação sub-áquatica. Piscina Obra: Guarujá-SP Campeã Arquiteto Paisagista: Benedito Abbud 2.003 Decoradora: Doroti Projeto Elétrico, Hidráulico e Luminotécnico: Arnaldo H. Serra (Kolorines Tecnology) Equipamentos: Sodramar, Millenium e Tecnics Revestimento: Pastilhas de Vidro Kolorines Tecnology Pedras da Borda e Deck: Pelucio Características da Piscina: Área da Piscina= 15,00x5,00x1,50 (média) Desenho da Piscina: Orgânica, esta piscina é composta de hidromassagem, jatos d´água orna- mental. Borda infinita, Aquecimento e Iluminação com lâmpadas dicróica Custo Aproximado: R$ 50.000,00 Formato: Irregular Projeto e Execução: Mazolini e Borba Proprietário: João Natalino da Silva Cidade: Socorro/SP Formato: Irregular Custo Aproximado: R$ 30.000,00 Arquiteto: Elias Abdalla Neto CREA: 060.112.229-3 •Execução: Cristal Piscinas Cidade: Peruíbe - SP Sodramar Ind. e Com. Ltda - At. Depto de Marketing Custo Aproximado: R$ 25.000,00 Rua Caramuru, 925 – Vila Conceição Diadema/SP CEP: 09911-510 ou por e-mail para: marketing@sodramar.com.br24 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS
  16. 16. Expediente Endereços das Empresas Revista citadas nesta Edição PISCINAS & SAUNAS PROJETO PRÓXIMO PASSO (PPP) EDITOR Av. Rebouças, 3970, 2º Sub-solo - Pinheiros - S.Paulo/SP Paulo R. Araújo www.ppp.org.br / nice@ppp.org.br KOLORINES TECNOLOGY PUBLICIDADE Rua Nova York, 1048 - Brooklin - São Paulo/SP Norma Castro Tel: (11) 5531-7700 - www.kolorines.com.br Sérgio L. Ferreira Sandro Morais AQUAPOOL Fábio Zanetti R. Prefeito Waldemar Grubba, 2222 - Vila Lalau Valter Perez Jaraguá do Sul/SC • Tel: (47) 371-0277 JORNALISTA RESPONSÁVEL ARAXÁ PISCINAS Débora Gonçalves Av. Imbiara, 240 - Centro - Araxá/MG • Tel: (34) 3662-1261 MTB 13.083 AQUAFER ARTE e EDITORAÇÃO R. João Batista Falsarella, 77 - Jd. Itália - Vinhedo/SP NBC Publicidade Ltda. • Tel: (19) 3826-3375 Spazio Comunicação Ltda. CRISTAL PISCINAS FOTOLITO Av. Padre Anchieta, 4131 - Nova Peuíbe - Peruíbe /SP Input - Bureau&Gráfica • Tel: (13) 3455-5823 MAZOLINE & BORBA IMPRESSÃO R. Deputado Paraíso Pierone, 136 - Trevo Cyan Print - Artes Gráficas Socorro/SP • Tel: (19) 3895-2813 Distribuição - Gratuita SOL NASCENTE Tiragem - 20.000 exemplares Av. Mal. Castelo Branco, 2600 - Santo Antonio Sete Lagoas/MG • Tel: (31) 3773-6167 SERVIÇO AO ASSINANTE 0800 7722-337 PISCINAS & SAUNAS é uma marca registrada da Sodramar FALE CONOSCO Ind. e Com. Ltda. A reprodução do conteúdo editorial desta Por fax ou e-mail Revista só será permitida com a autorização prévia por (11) 4055-4810 escrito do editor e com a citação da fonte. sodramar@sodramar.com.br www.sodramar.com.br26 SAUNAS PISCINAS & SA UNAS

×