Missa 05.09.10

809 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
809
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Missa 05.09.10

  1. 1. Canto de Entrada
  2. 2. Ato Penitencial
  3. 3. Glória
  4. 4. Primeira leitura (Sabedoria 9,13-18)
  5. 5. Leitura do Livro da Sabedoria. 13Qual é o homem que pode conhecer os desígnios de Deus? Ou quem pode imaginar o desígnio do Senhor?
  6. 6. 14Na verdade, os pensamentos dos mortais são tímidos e nossas reflexões incertas: 15porque o corpo corruptível torna pesada a alma, e tenda de argila oprime a mente que pensa.
  7. 7. 16Mal podemos conhecer o que há na terra, e com muito custo compreendemos o que está ao alcance de nossas mãos; quem, portanto, investigará o que há nos céus?
  8. 8. 17Acaso alguém teria conhecido o teu desígnio, sem que lhe desses Sabedoria e do alto lhe enviasses teu santo espírito?
  9. 9. 18Só assim se tornaram retos os caminhos dos que estão na terra, e os homens aprenderam o que te agrada, e pela Sabedoria foram salvos.
  10. 10. - Palavra do Senhor. - Graças a Deus.
  11. 11. (Salmos 89) Vós fostes, ó Senhor, um refúgio para nós!
  12. 12. Segunda leitura (Filemon 9b-10.12-17)
  13. 13. Carta de São Paulo apóstolo a Filêmon: Caríssimo: 9bEu,Paulo, velho como estou, e agora também prisioneiro de Cristo Jesus, 10faço-te um pedido em favor do meu filho, que fiz nascer para Cristo na prisão, Onésimo.
  14. 14. 12Eu o estou mandando de volta para ti. Ele é como se fosse o meu próprio coração. 13Gostaria de tê-lo comigo, a fim de que fosse teu representante para cuidar de mim nesta prisão, que eu devo ao Evangelho.
  15. 15. 14Mas eu não quis fazer nada sem o teu parecer, para que a tua bondade não seja forçada, mas espontânea. 15Se ele te foi retirado por algum tempo, talvez seja para que o tenhas de volta para sempre,
  16. 16. 16já não como escravo, mas, muito mais do que isso, como um irmão querido, muitíssimo querido para mim quanto mais ele o for para ti, tanto como pessoa humana quanto como irmão no Senhor.
  17. 17. 17Assim, se estás em comunhão de fé comigo, recebe-o como se fosse a mim mesmo. - Palavras do Senhor. - Graças a Deus
  18. 18. ACLAMAÇÃO AO EVANGELHO
  19. 19. Evangelho (Lucas 14,25-33)
  20. 20. Naquele tempo, 25grandes multidões acompanhavam Jesus. Voltando-se, ele lhes disse:
  21. 21. 26“Se alguém vem a mim, mas não se desapega de seu pai e sua mãe, sua mulher e seus filhos, seus irmãos e suas irmãs e até da sua própria vida, não pode ser meu discípulo.
  22. 22. 27Quemnão carrega sua cruz e não caminha atrás de mim, não pode ser meu discípulo.
  23. 23. 28Com efeito, qual de vós, querendo construir uma torre, não se senta primeiro e calcula os gastos, para ver se tem o suficiente para terminar? Caso contrário,
  24. 24. 29elevai lançar o alicerce e não será capaz de acabar. E todos os que virem isso começarão a caçoar, dizendo: 30‘Este homem começou a construir e não foi capaz de acabar!’
  25. 25. 31Ou ainda: Qual o rei que, ao sair para guerrear com outro, não se senta primeiro e examina bem se com dez mil homens poderá enfrentar o outro que marcha contra ele com vinte mil?
  26. 26. 32Se ele vê que não pode, enquanto o outro rei ainda está longe, envia mensageiros para negociar as condições de paz.
  27. 27. 33Do mesmo modo, portanto, qualquer um de vós, se não renunciar a tudo o que tem, não pode ser meu discípulo!
  28. 28. - Palavra da Salvação. - Glória a vós, Senhor.
  29. 29. PROFISSÃO DE FÉ Creio em Deus Pai Todo Poderoso criador do céu e da terra e em Jesus Cristo seu único filho nosso Senhor
  30. 30. PROFISSÃO DE FÉ que foi concebido pelo poder do Espírito Santo nasceu da Virgem Maria padeceu sobre Poncio Pilatos
  31. 31. PROFISSÃO DE FÉ foi crucificado morto e sepultado desceu a mansão dos mortos ressuscitou ao terceiro dia
  32. 32. PROFISSÃO DE FÉ subiu aos céus e está sentado a direita de Deus Pai Todo poderoso donde há de vir a julgar os vivos e os mortos
  33. 33. Creio no Espírito santo na Santa Igreja Católica na comunhão dos Santos na remissão dos pecados na ressurreição da carne na vida eterna. Amém!!!
  34. 34. ORAÇÃO DA COMUNIDADE Senhor nós temos confiança em vós!
  35. 35. OFERTÓRIO
  36. 36. Receba Senhor em tuas mãos este nosso sacrifício, para Glória do seu nome, para o nosso bem e de toda a Santa Igreja.
  37. 37. I II Maria III Santa Teresinha IV Consagração a N. Senhora V Oração depois da VI-A comunhão VI-B Adoração VI-C VI-D VII VIII IX
  38. 38. Comunhão
  39. 39. I II Maria III Santa Teresinha IV Consagração a N. Senhora V Oração depois da VI-A comunhão VI-B Adoração VI-C VI-D VII VIII IX
  40. 40. Ação de Graça
  41. 41. AVISOS DA COMUNIDADE SETEMBRO É O ULTIMO MÊS DA CAMPANHA EM PROL DA AQUISIÇÃO DO DATA SHOW. Muito obrigado a todos que colaboraram.
  42. 42. AVISOS DA COMUNIDADE Missa das Rosas Terça-feira 31/08/2010 As 19:30 h
  43. 43. AVISOS DA COMUNIDADE Campanha em prol das obras do Centro de Formação João Paulo II Procurar Claudio e Luiz
  44. 44. I Congresso de Cura e Libertação para Casais 19/09/2010 As 7:30 h Ginásio Jesus, Maria e José em Sant’Ana.
  45. 45. Almoço da Comunidade Santa Teresinha Cardápio: Frango à Parmegiana, Batata sotê, Feijão e salada. Dia 03/10/2010 a partir das 12:00 h (Procurar Lane e Luiz)
  46. 46. AVISOS DA COMUNIDADE VENHA REZAR CONOSCO O SANTO TERÇO, TODAS AS SEGUNDAS- FEIRAS AS 19:30 H.
  47. 47. AVISOS DA COMUNIDADE NÃO PERCAM, NO FINAL DA MISSA, O DELICIOSO LANCHE NA CANTINA .
  48. 48. I II Maria III Santa Teresinha IV Consagração a N. Senhora V Oração depois da VI-A comunhão VI-B Adoração VI-C Homenagem as catequistas VI-D VII VIII IX
  49. 49. - O Senhor esteja convosco! - Ele está no meio de nós! - Abençoe vos Deus Todo- poderoso, Pai e filho e Espírito Santo. - Amém! - Ide em paz e o Senhor vos acompanhe!
  50. 50. COMUNIDADE SANTA TEREZINHA 9 ANOS DE FÉ

×