11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas

7.117 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia, Educação
1 comentário
8 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Veja também: http://www.voce-deve-saber.blogspot.com.br/2013/04/agua-em-marte.html
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
7.117
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
824
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
8
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

11.2 Planetas, AsteróIdes E Cometas

  1. 1. Tema II – A Terra um planeta muito especial<br />Planetas, asteróides e cometas<br />1<br />11.2<br />
  2. 2. Planetas, asteróides e cometas<br />Características do Sistema Solar<br />2<br />
  3. 3. 3<br />http://sse.jpl.nasa.gov/planets/index.cfm<br />
  4. 4. Planetas <br />Planetas principais – descrevem as suas órbitas directamente em torno do Sol.<br />Planetas secundários ou satélites – descrevem translações em torno dos planetas principais.<br />4<br />
  5. 5. Mercúrio <br />Planeta rochoso e dos mais densos. <br />É semelhante à Lua com numerosas crateras de impacto.<br />Praticamente destituído de atmosfera.<br />Actualmente não tem actividade vulcânica.<br />O dia tem a duração de três meses.<br />5<br />
  6. 6. Vénus <br />Atmosfera muito densa, volumosa e corrosiva, constituída por CO2, algum N2 e pequenas quantidades de água que permitem a formação de ácidos, como HCl e H2SO4.<br />A atmosfera cria um efeito de estufa que determina temperaturas junto so solo na ordem dos 480ºC.<br />Derrames vulcânicos parecem ocupar grandes extensões da superfície do planeta.<br />6<br />
  7. 7. Terra <br />Planeta geologicamente muito activo com intensa actividade sismica e vulcânica.<br />É o único a ter água nos três estados.<br />A água no estado líquido e a existência de temperatura adequada permitem o desenvolvimento da vida.<br />Satélite: Lua.<br />7<br />
  8. 8. Marte <br />Numerosas crateras de impacto.<br />Numerosos vulcões, Monte Olimpo é o maior do Sistema Solar.<br />Vales largos e profundos, semelhantes aos talhados pelos rios na Terra.<br />Actualmente sem vestígio de água.<br />Tempestades de areia vermelha.<br />Satélites: Deimos e Fobos.<br />8<br />
  9. 9. Júpiter <br />Maior planeta do Sistema Solar, formado basicamente por Hidrogénio e Hélio e em menor quantidade por metano, amónia e água.<br />Atmosfera com bandas claras e escuras alternadas, paralelas ao equador.<br />Satélites: 16 (Io, Europa, Ganimedes e Calisto).<br />9<br />
  10. 10. Saturno<br />Muito semelhante a Júpiter.<br />Sistema de anéis bem visíveis, formados por por partículas de gelo e fragmentos rochosos cobertos de gelo, que descrevem órbitas bem definidas à volta do planeta.<br />Satélites: 18 (Titã é o maior do Sistema Solar).<br />10<br />
  11. 11. Úrano e Neptuno<br />Muito semelhantes.<br />Constituídos por gases, com um pequeno núcleo rochoso.<br />Possuem um sistema de anéis.<br />11<br />
  12. 12. Plutão<br />Órbita excêntrica que penetra na órbita de Neptuno.<br />Satélite: Caronte<br />12<br />
  13. 13. 13<br />
  14. 14. 14<br />
  15. 15. Asteróides <br />Corpos de pequenas dimensões; os maiores não chegam a atingir os 1000Km de diâmetro.<br />Geralmente movem-se entre a órbita de Marte e Júpiter – cintura de asteróides.<br />Alguns apresentam órbitas muito excêntricas, podendo intersectar a órbita de alguns planetas.<br />15<br />
  16. 16. 16<br />
  17. 17. 17<br />
  18. 18. 18<br />
  19. 19. Cometas <br />Pequenos corpos, muito primitivos, com órbitas muito excêntricas em relação ao Sol.<br />Formados essencialmente por gelo e rochas, só são visíveis quando se aproximam do Sol.<br />São constituídos por núcleo, cabeleira e cauda.<br />19<br />
  20. 20. 20<br />http://science.nationalgeographic.com/science/space/solar-system/asteroids-comets-article.html<br />
  21. 21. Estes astros são pequenos corpos celestes esferoidais, constituídos essencialmente por água, gases congelados e poeiras rochosas, com diâmetro compreendido entre 1 km e 10 km; <br />Os cometas são constituídos por água, gases nobres, assim bem como um cocktail de outros produtos químicos tais como silicatos, carbono e poeira interestelar. <br />Um dos componentes mais intrigantes dos cometas são os aminoácidos.<br />21<br />
  22. 22. Origem dos cometas<br />Em 1951, o astrónomo GerardKuiper sugeriu que durante a formação do Sistema Solar teria ficado no exterior um disco constituído por pequenos corpos no plano do Sistema Solar e que ficou conhecido por cintura de Kuiper. <br />A cintura de Kuiper situa-se de 30 a 50 UA do Sol e pode conter mais de 500 000 objectos com mais de 30km de diâmetro.<br />22<br />
  23. 23. 23<br />http://www.cnes.fr/imagezoom.php?file=p1135_ed77069b38b89947b9f6e5678e9af2adkuiper_pluton.jpg&label=Outer+solar+system+and+Kuiper+Belt.+Credits%3A+NASA<br />
  24. 24. 24<br />
  25. 25. 25<br />http://sse.jpl.nasa.gov/planets/profile.cfm?Object=OortCloud<br />
  26. 26. 26<br />
  27. 27. Chuva de estrelas<br />Em cada passagem nas proximidades do Sol os cometas perdem um pouco do material que os forma; consequentemente, os cometas não podem resistir indefinidamente às suas passagens pela proximidade do Sol, acabando por se desagregar numa infinidade de partículas que podem intersectar a órbita da Terra e originar as chamadas chuvas de estrelas.<br />27<br />
  28. 28. 28<br />
  29. 29. 29<br />
  30. 30. 30<br />
  31. 31. Meteoróides <br />Meteoro: quando um asteróide sai da sua órbita e entra no campo gravitacional da Terra.<br />Meteorito: colisão do meteoro com a superfície do nosso planeta.<br />Cratera de impacto: depressão saliente no solo, resultante da colisão.<br />Estrela cadente: meteoro de pequenas dimensões que entra na atmosfera terrestre e que sofre aquecimento devido ao atrito, o qual é suficiente para o consumir.<br />31<br />
  32. 32. 32<br />
  33. 33. 33<br />
  34. 34. 34<br />
  35. 35. 35<br />Tectitos<br />
  36. 36. Meteoritos <br />36<br />
  37. 37. Composição:Principalmente ferro e níquel<br />Tipo: Férreos<br />37<br />
  38. 38. Composição:Misturas de ferro e material rochoso, <br />Tipo: Petroférreos<br />38<br />
  39. 39. Composição:São de longe os meteoritos mais abundantes; a sua composição é semelhante à do manto terrestre. <br />Tipo: Condritos<br />39<br />
  40. 40. Tipo: Condritoscarbonáceos<br />40<br />
  41. 41. Composição:Semelhante aos basaltos terrestres. Quase todos os meteoritos que se julgam originários da Lua ou de Marte são acondritos. <br />Tipo: Acondrito<br />41<br />
  42. 42. 42<br />
  43. 43. 43<br />
  44. 44. 44<br />http://www.mnh.si.edu/earth<br />
  45. 45. 45<br />
  46. 46. 46<br />http://www.ccvalg.pt/astronomia/publicacoes/meteoros_meteoritos.htm<br />http://www.mnh.si.edu/earth<br />

×