SlideShare uma empresa Scribd logo
ANDRESSA
    E
  TAINA
   4ºC
   CARACTERISTICAS DOS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS:
   A)MAMIFEROS;
   B)AVES;
   C)PEIXES;
   D)RÉPTEIS;
   E)ANFIBIOS.
   As focas são mamíferos e alimentam-se principalmente de peixes
   Costumam ficar em regiões de águas calmas, principalmente em
    locais com rochedos e bancos de areias
   Habitam regiões marinhas de águas frias: Antártida e Círculo
    Polar Ártico
   São excelentes nadadoras graças ao formato anatômico do corpo
   Vivem em grupos (colônias)
   As focas não possuem orelhas
   Com aproximadamente 6 meses de vida o filhote de foca já
    consegue nadar sozinho
   Esta espécie animal corre risco de extinção por causa da caça
    indiscriminada de filhotes de foca. Os caçadores objetivam a
    pele do filhote que tem alto valor, pois é usada na fabricação de
    bolsas, sapatos etc.
   O corpo da foca é protegido por uma rica camada de gordura,
    que funciona como um isolante térmico em regiões de baixa
    temperatura.
   As focas se comunicam entre si através da emissão de sons graves
   Vivem nas águas costeiras do Atlântico Norte e
    do Pacífico Norte. Aparecem tipicamente em
    bancos de areia, embora também possam ser
    encontradas em costas rochosas.
   A pelagem é cinzenta e mesclada de vários tons, do cinzento-claro
    ao negro.

   Os machos medem 1,3 a 1,95 metros de comprimento e pesam
    cerca de 100 kg. As fêmeas são ligeiramente mais pequenas e
    leves. As focas-comuns (tal como as restantes focas e mamíferos
    marinhos, em geral) possuem uma espessa camada de gordura sob
    a pele, que as protege do frio. A cabeça é grande relativamente ao
    corpo e apresenta narinas em V.

   Ao contrário dos leões-marinhos, as focas não têm orelhas, sendo
    esta uma das características que mais facilmente distingue estes
    dois grupos de animais. Estão muito bem adaptadas à locomoção na
    água e deslocam-se com dificuldade em terra, arrastando o corpo
    no solo com o auxílio das barbatanas anteriores
    A matança das focas bebês recomeça e aumenta rapidamente.
    (O que aliás nunca terminou.)
   A matança das focas bebês recomeça e aumenta rapidamente. (O
    que aliás nunca terminou.)
   Apenas o uso se reduziu, pois por um período de tempo se tornou
    politicamente incorreto o uso de filhotes (e muitos filhotes, para
    confeccionar um casaco de pele). Mas, as grandes griffes
    estimulam novamente o seu uso. Propagandas de casacos de pele
    recomeçam (o caso da modelo brasileira Gisele).
   Devemos, muitas vezes nos envergonhar de nos considerar seres
    humanos ( Homo sapiens). Não existe sapiência nenhuma nesse
    massacre.
   Alimentam-se de peixes, lulas e crustáceos.
    Os juvenis ingerem sobretudo crustáceos.
Taina e Andressa 4ºc
   http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/
    animais/focas.php#ixzz1x1CvtnYH.
   http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/
    animais/focas.php#ixzz1x1D8MIsC.
    www.herbario.com
   http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/
    animais/focas.php#ixzz1z01HVpo7

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Tartarugas 3
Tartarugas 3Tartarugas 3
Tartarugas 3
Ana Rakel
 
Slide Baleia
Slide BaleiaSlide Baleia
Slide Baleia
melasia
 
Morsa 3ºB
Morsa 3ºBMorsa 3ºB
Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog
Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog
Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog
Maria Costa
 
Tartaruga marinha
Tartaruga marinhaTartaruga marinha
Tartaruga marinha
Eurico Silva
 
Pinguim Imperador
Pinguim ImperadorPinguim Imperador
Pinguim Imperador
guest837892
 
Trabalho realizado por : Marcos Teixeira
Trabalho realizado por : Marcos TeixeiraTrabalho realizado por : Marcos Teixeira
Trabalho realizado por : Marcos Teixeira
António Morais
 
Baleias 3º A
Baleias 3º ABaleias 3º A
O golfinho
O golfinhoO golfinho
O golfinho
taniarijo
 
Pinguins
Pinguins Pinguins
Pinguins
1cdepartamento
 
Evolução das Baleias
Evolução das BaleiasEvolução das Baleias
Evolução das Baleias
Nuno Correia
 
Apresentação pinguins bolosistas 2011
Apresentação pinguins bolosistas 2011Apresentação pinguins bolosistas 2011
Apresentação pinguins bolosistas 2011
Marcus Corradini
 
Yasmin e Crislaine
Yasmin e CrislaineYasmin e Crislaine
Yasmin e Crislaine
Adriana Azambuja
 
Baleia jubarte
Baleia jubarteBaleia jubarte
Iasmin Cristine da Luz e Natália Alves Machado
Iasmin Cristine da Luz e Natália Alves MachadoIasmin Cristine da Luz e Natália Alves Machado
Iasmin Cristine da Luz e Natália Alves Machado
Adriana Azambuja
 
Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências
marquinhos1511
 
Animais marinhos
Animais marinhosAnimais marinhos
Animais marinhos
Piaget1623
 
Animais marinhos
Animais marinhosAnimais marinhos
Animais marinhos
proflorena
 
Natan klipper ornitorrinco
Natan klipper ornitorrincoNatan klipper ornitorrinco
Natan klipper ornitorrinco
Thiago Neves
 
Ornitorrinco
OrnitorrincoOrnitorrinco
Ornitorrinco
Gustavo Brito
 

Mais procurados (20)

Tartarugas 3
Tartarugas 3Tartarugas 3
Tartarugas 3
 
Slide Baleia
Slide BaleiaSlide Baleia
Slide Baleia
 
Morsa 3ºB
Morsa 3ºBMorsa 3ºB
Morsa 3ºB
 
Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog
Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog
Animais marinhos em vias de extinção 6ºe prof fátima alves blog
 
Tartaruga marinha
Tartaruga marinhaTartaruga marinha
Tartaruga marinha
 
Pinguim Imperador
Pinguim ImperadorPinguim Imperador
Pinguim Imperador
 
Trabalho realizado por : Marcos Teixeira
Trabalho realizado por : Marcos TeixeiraTrabalho realizado por : Marcos Teixeira
Trabalho realizado por : Marcos Teixeira
 
Baleias 3º A
Baleias 3º ABaleias 3º A
Baleias 3º A
 
O golfinho
O golfinhoO golfinho
O golfinho
 
Pinguins
Pinguins Pinguins
Pinguins
 
Evolução das Baleias
Evolução das BaleiasEvolução das Baleias
Evolução das Baleias
 
Apresentação pinguins bolosistas 2011
Apresentação pinguins bolosistas 2011Apresentação pinguins bolosistas 2011
Apresentação pinguins bolosistas 2011
 
Yasmin e Crislaine
Yasmin e CrislaineYasmin e Crislaine
Yasmin e Crislaine
 
Baleia jubarte
Baleia jubarteBaleia jubarte
Baleia jubarte
 
Iasmin Cristine da Luz e Natália Alves Machado
Iasmin Cristine da Luz e Natália Alves MachadoIasmin Cristine da Luz e Natália Alves Machado
Iasmin Cristine da Luz e Natália Alves Machado
 
Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências Trabalhos da Geociências
Trabalhos da Geociências
 
Animais marinhos
Animais marinhosAnimais marinhos
Animais marinhos
 
Animais marinhos
Animais marinhosAnimais marinhos
Animais marinhos
 
Natan klipper ornitorrinco
Natan klipper ornitorrincoNatan klipper ornitorrinco
Natan klipper ornitorrinco
 
Ornitorrinco
OrnitorrincoOrnitorrinco
Ornitorrinco
 

Semelhante a Taina e Andressa 4ºc

Inês e sofia
Inês e sofiaInês e sofia
Inês e sofia
cs
 
Animais Marinhos 8ºB Grupo 5
Animais Marinhos 8ºB Grupo 5Animais Marinhos 8ºB Grupo 5
Animais Marinhos 8ºB Grupo 5
Pedro
 
Evolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - Biologia
Evolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - BiologiaEvolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - Biologia
Evolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - Biologia
Leila Santana
 
O teu animal-sofia
O teu animal-sofiaO teu animal-sofia
O teu animal-sofia
Cristina Pereira
 
Animais Marinhos Em Vias De ExtinçãO
Animais Marinhos Em Vias De ExtinçãOAnimais Marinhos Em Vias De ExtinçãO
Animais Marinhos Em Vias De ExtinçãO
lisetemouta
 
Vamos descobrir o mar
Vamos descobrir o marVamos descobrir o mar
Vamos descobrir o mar
Vera Monteiro
 
Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)
SESI 422 - Americana
 
Vamos descobrir o mar
Vamos descobrir o marVamos descobrir o mar
Vamos descobrir o mar
Vera Monteiro
 
Seres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em PerigoSeres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em Perigo
nuscapatriciaconstanca
 
Seres Vivos Ameaçados
Seres Vivos AmeaçadosSeres Vivos Ameaçados
Seres Vivos Ameaçados
nuscapatriciaconstanca
 
Seres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em PerigoSeres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em Perigo
nuscapatriciaconstanca
 
Jogo5Giros
Jogo5GirosJogo5Giros
Jogo5Giros
João Pereira
 
Jogo5giros
Jogo5girosJogo5giros
Jogo5giros
Elisa Miranda
 
Monstros abissais -3º B
Monstros abissais -3º BMonstros abissais -3º B
Monstros abissais -3º B
Maria Teresa Iannaco Grego
 
Mamíferos terrestre da floresta tropical
Mamíferos terrestre da floresta tropicalMamíferos terrestre da floresta tropical
Mamíferos terrestre da floresta tropical
mnio
 
Apresentação 1o A - peixes e anfíbios
Apresentação 1o A - peixes e anfíbiosApresentação 1o A - peixes e anfíbios
Apresentação 1o A - peixes e anfíbios
SESI 422 - Americana
 
Peixes , anfíbios e répteis
Peixes , anfíbios e répteisPeixes , anfíbios e répteis
Peixes , anfíbios e répteis
Alpha Colégio e Vestibulares
 
Anfíbios e peixes 1o a
Anfíbios e peixes 1o aAnfíbios e peixes 1o a
Anfíbios e peixes 1o a
SESI 422 - Americana
 
Animais
AnimaisAnimais
Artigo científico sobre tartarugas marinhas
Artigo científico sobre tartarugas marinhasArtigo científico sobre tartarugas marinhas
Artigo científico sobre tartarugas marinhas
AlunasEseimu
 

Semelhante a Taina e Andressa 4ºc (20)

Inês e sofia
Inês e sofiaInês e sofia
Inês e sofia
 
Animais Marinhos 8ºB Grupo 5
Animais Marinhos 8ºB Grupo 5Animais Marinhos 8ºB Grupo 5
Animais Marinhos 8ºB Grupo 5
 
Evolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - Biologia
Evolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - BiologiaEvolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - Biologia
Evolução dos vertebrados - Conquista do ambiente terrestre - Biologia
 
O teu animal-sofia
O teu animal-sofiaO teu animal-sofia
O teu animal-sofia
 
Animais Marinhos Em Vias De ExtinçãO
Animais Marinhos Em Vias De ExtinçãOAnimais Marinhos Em Vias De ExtinçãO
Animais Marinhos Em Vias De ExtinçãO
 
Vamos descobrir o mar
Vamos descobrir o marVamos descobrir o mar
Vamos descobrir o mar
 
Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)Peixes e anfíbios(1)
Peixes e anfíbios(1)
 
Vamos descobrir o mar
Vamos descobrir o marVamos descobrir o mar
Vamos descobrir o mar
 
Seres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em PerigoSeres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em Perigo
 
Seres Vivos Ameaçados
Seres Vivos AmeaçadosSeres Vivos Ameaçados
Seres Vivos Ameaçados
 
Seres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em PerigoSeres Vivos Em Perigo
Seres Vivos Em Perigo
 
Jogo5Giros
Jogo5GirosJogo5Giros
Jogo5Giros
 
Jogo5giros
Jogo5girosJogo5giros
Jogo5giros
 
Monstros abissais -3º B
Monstros abissais -3º BMonstros abissais -3º B
Monstros abissais -3º B
 
Mamíferos terrestre da floresta tropical
Mamíferos terrestre da floresta tropicalMamíferos terrestre da floresta tropical
Mamíferos terrestre da floresta tropical
 
Apresentação 1o A - peixes e anfíbios
Apresentação 1o A - peixes e anfíbiosApresentação 1o A - peixes e anfíbios
Apresentação 1o A - peixes e anfíbios
 
Peixes , anfíbios e répteis
Peixes , anfíbios e répteisPeixes , anfíbios e répteis
Peixes , anfíbios e répteis
 
Anfíbios e peixes 1o a
Anfíbios e peixes 1o aAnfíbios e peixes 1o a
Anfíbios e peixes 1o a
 
Animais
AnimaisAnimais
Animais
 
Artigo científico sobre tartarugas marinhas
Artigo científico sobre tartarugas marinhasArtigo científico sobre tartarugas marinhas
Artigo científico sobre tartarugas marinhas
 

Mais de 4canisioprofessoracleide

Allane mariana 4ºc
Allane mariana 4ºcAllane mariana 4ºc
Allane mariana 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Compostagem bruna e danilo 4 c
Compostagem bruna e danilo 4 cCompostagem bruna e danilo 4 c
Compostagem bruna e danilo 4 c
4canisioprofessoracleide
 
Compostagem carlos e anderson 4 ºc
Compostagem carlos e anderson 4 ºcCompostagem carlos e anderson 4 ºc
Compostagem carlos e anderson 4 ºc
4canisioprofessoracleide
 
Compostagem gustavo s e guilherme 4ºc
Compostagem gustavo s e guilherme 4ºcCompostagem gustavo s e guilherme 4ºc
Compostagem gustavo s e guilherme 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Compostagem keren e raquel 4ºc
Compostagem keren e raquel 4ºcCompostagem keren e raquel 4ºc
Compostagem keren e raquel 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Compostagem tainá e andressa 4ºc
Compostagem tainá e andressa 4ºcCompostagem tainá e andressa 4ºc
Compostagem tainá e andressa 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Débora e ruth 4ºc horta
Débora e ruth 4ºc   hortaDébora e ruth 4ºc   horta
Débora e ruth 4ºc horta
4canisioprofessoracleide
 
Gilberto e lucas 4ºc
Gilberto e lucas 4ºcGilberto e lucas 4ºc
Gilberto e lucas 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Gustavo s e guilherme 4 c
Gustavo s e guilherme 4 cGustavo s e guilherme 4 c
Gustavo s e guilherme 4 c
4canisioprofessoracleide
 
Horta suspensa bruna e danilo 4ºc
Horta  suspensa bruna e danilo 4ºcHorta  suspensa bruna e danilo 4ºc
Horta suspensa bruna e danilo 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Horta suspensa carlos e anderson 4 c
Horta  suspensa carlos e anderson 4 cHorta  suspensa carlos e anderson 4 c
Horta suspensa carlos e anderson 4 c
4canisioprofessoracleide
 
Horta suspensa gabriel e ingredi 4 c
Horta  suspensa gabriel e ingredi 4 cHorta  suspensa gabriel e ingredi 4 c
Horta suspensa gabriel e ingredi 4 c
4canisioprofessoracleide
 
Horta suspensa keren e raquel 4 c
Horta suspensa keren e raquel 4 cHorta suspensa keren e raquel 4 c
Horta suspensa keren e raquel 4 c
4canisioprofessoracleide
 
Joao e victoria 4ºc
Joao e victoria 4ºcJoao e victoria 4ºc
Joao e victoria 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Julia e gustavo 4c
Julia  e gustavo  4cJulia  e gustavo  4c
Julia e gustavo 4c
4canisioprofessoracleide
 
Robson e izayne 4ºc
Robson e izayne 4ºcRobson e izayne 4ºc
Robson e izayne 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Samuel 4ºc
Samuel  4ºcSamuel  4ºc
Ruth e Debora 4º C
Ruth e Debora  4º CRuth e Debora  4º C
Ruth e Debora 4º C
4canisioprofessoracleide
 
Robson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºcRobson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºc
4canisioprofessoracleide
 
Mariana,allane e geovanna 4ºc
Mariana,allane e geovanna 4ºcMariana,allane e geovanna 4ºc
Mariana,allane e geovanna 4ºc
4canisioprofessoracleide
 

Mais de 4canisioprofessoracleide (20)

Allane mariana 4ºc
Allane mariana 4ºcAllane mariana 4ºc
Allane mariana 4ºc
 
Compostagem bruna e danilo 4 c
Compostagem bruna e danilo 4 cCompostagem bruna e danilo 4 c
Compostagem bruna e danilo 4 c
 
Compostagem carlos e anderson 4 ºc
Compostagem carlos e anderson 4 ºcCompostagem carlos e anderson 4 ºc
Compostagem carlos e anderson 4 ºc
 
Compostagem gustavo s e guilherme 4ºc
Compostagem gustavo s e guilherme 4ºcCompostagem gustavo s e guilherme 4ºc
Compostagem gustavo s e guilherme 4ºc
 
Compostagem keren e raquel 4ºc
Compostagem keren e raquel 4ºcCompostagem keren e raquel 4ºc
Compostagem keren e raquel 4ºc
 
Compostagem tainá e andressa 4ºc
Compostagem tainá e andressa 4ºcCompostagem tainá e andressa 4ºc
Compostagem tainá e andressa 4ºc
 
Débora e ruth 4ºc horta
Débora e ruth 4ºc   hortaDébora e ruth 4ºc   horta
Débora e ruth 4ºc horta
 
Gilberto e lucas 4ºc
Gilberto e lucas 4ºcGilberto e lucas 4ºc
Gilberto e lucas 4ºc
 
Gustavo s e guilherme 4 c
Gustavo s e guilherme 4 cGustavo s e guilherme 4 c
Gustavo s e guilherme 4 c
 
Horta suspensa bruna e danilo 4ºc
Horta  suspensa bruna e danilo 4ºcHorta  suspensa bruna e danilo 4ºc
Horta suspensa bruna e danilo 4ºc
 
Horta suspensa carlos e anderson 4 c
Horta  suspensa carlos e anderson 4 cHorta  suspensa carlos e anderson 4 c
Horta suspensa carlos e anderson 4 c
 
Horta suspensa gabriel e ingredi 4 c
Horta  suspensa gabriel e ingredi 4 cHorta  suspensa gabriel e ingredi 4 c
Horta suspensa gabriel e ingredi 4 c
 
Horta suspensa keren e raquel 4 c
Horta suspensa keren e raquel 4 cHorta suspensa keren e raquel 4 c
Horta suspensa keren e raquel 4 c
 
Joao e victoria 4ºc
Joao e victoria 4ºcJoao e victoria 4ºc
Joao e victoria 4ºc
 
Julia e gustavo 4c
Julia  e gustavo  4cJulia  e gustavo  4c
Julia e gustavo 4c
 
Robson e izayne 4ºc
Robson e izayne 4ºcRobson e izayne 4ºc
Robson e izayne 4ºc
 
Samuel 4ºc
Samuel  4ºcSamuel  4ºc
Samuel 4ºc
 
Ruth e Debora 4º C
Ruth e Debora  4º CRuth e Debora  4º C
Ruth e Debora 4º C
 
Robson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºcRobson e rogerio 4ºc
Robson e rogerio 4ºc
 
Mariana,allane e geovanna 4ºc
Mariana,allane e geovanna 4ºcMariana,allane e geovanna 4ºc
Mariana,allane e geovanna 4ºc
 

Último

As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
DirceuSilva26
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Luzia Gabriele
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFVRegistros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Yan Kayk da Cruz Ferreira
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
Auxiliar Adolescente 2024 3 trimestre 24
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsxSe A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
Se A Música É O Alimento do Amor Não Parem de Tocar Luzia Gabriele.ppsx
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2011 CENSIPAM.pdf
 
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFVRegistros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
Registros da 8ª edição da FECINTEC - AFV
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 

Taina e Andressa 4ºc

  • 1. ANDRESSA E TAINA 4ºC
  • 2. CARACTERISTICAS DOS VERTEBRADOS E INVERTEBRADOS:  A)MAMIFEROS;  B)AVES;  C)PEIXES;  D)RÉPTEIS;  E)ANFIBIOS.
  • 3. As focas são mamíferos e alimentam-se principalmente de peixes  Costumam ficar em regiões de águas calmas, principalmente em locais com rochedos e bancos de areias  Habitam regiões marinhas de águas frias: Antártida e Círculo Polar Ártico  São excelentes nadadoras graças ao formato anatômico do corpo  Vivem em grupos (colônias)  As focas não possuem orelhas  Com aproximadamente 6 meses de vida o filhote de foca já consegue nadar sozinho  Esta espécie animal corre risco de extinção por causa da caça indiscriminada de filhotes de foca. Os caçadores objetivam a pele do filhote que tem alto valor, pois é usada na fabricação de bolsas, sapatos etc.  O corpo da foca é protegido por uma rica camada de gordura, que funciona como um isolante térmico em regiões de baixa temperatura.  As focas se comunicam entre si através da emissão de sons graves
  • 4. Vivem nas águas costeiras do Atlântico Norte e do Pacífico Norte. Aparecem tipicamente em bancos de areia, embora também possam ser encontradas em costas rochosas.
  • 5. A pelagem é cinzenta e mesclada de vários tons, do cinzento-claro ao negro.  Os machos medem 1,3 a 1,95 metros de comprimento e pesam cerca de 100 kg. As fêmeas são ligeiramente mais pequenas e leves. As focas-comuns (tal como as restantes focas e mamíferos marinhos, em geral) possuem uma espessa camada de gordura sob a pele, que as protege do frio. A cabeça é grande relativamente ao corpo e apresenta narinas em V.  Ao contrário dos leões-marinhos, as focas não têm orelhas, sendo esta uma das características que mais facilmente distingue estes dois grupos de animais. Estão muito bem adaptadas à locomoção na água e deslocam-se com dificuldade em terra, arrastando o corpo no solo com o auxílio das barbatanas anteriores
  • 6. A matança das focas bebês recomeça e aumenta rapidamente. (O que aliás nunca terminou.)  A matança das focas bebês recomeça e aumenta rapidamente. (O que aliás nunca terminou.)  Apenas o uso se reduziu, pois por um período de tempo se tornou politicamente incorreto o uso de filhotes (e muitos filhotes, para confeccionar um casaco de pele). Mas, as grandes griffes estimulam novamente o seu uso. Propagandas de casacos de pele recomeçam (o caso da modelo brasileira Gisele).  Devemos, muitas vezes nos envergonhar de nos considerar seres humanos ( Homo sapiens). Não existe sapiência nenhuma nesse massacre.
  • 7. Alimentam-se de peixes, lulas e crustáceos. Os juvenis ingerem sobretudo crustáceos.
  • 9. http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/ animais/focas.php#ixzz1x1CvtnYH.  http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/ animais/focas.php#ixzz1x1D8MIsC.  www.herbario.com  http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/ animais/focas.php#ixzz1z01HVpo7