SlideShare uma empresa Scribd logo
QUEM DOMINA A
SUA MENTE.
Lição 6_1Trim- 2019
“De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, “ Fp 2:5
O contexto aqui é UNIDADE e HUMILDADE, mas com uma abrangência ainda maior onde o apóstolo Paulo
exorta à perseverança, o amor fraternal e a santidade, tudo conforme o exemplo e pedagogia de Jesus.
“Somente deveis portar-vos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer vá e vos veja, quer
esteja ausente, ouça acerca de vós que estais num mesmo espírito, combatendo juntamente com o mesmo
ânimo pela fé do evangelho. E em nada vos espanteis dos que resistem, o que para eles, na verdade, é
indício de perdição, mas para vós de salvação, e isto de Deus. Porque a vós vos foi concedido, em relação a
Cristo, não somente crer nele, como também padecer por ele, “ Filipenses 1:27-29 e Filipenses 2: 1-8
Na Bíblia encontramos várias passagens sobre essa pedagogia, a mais notável declaração é: e achareis
“Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração;
descanso
para a vossa alma” (Mateus 11.29).
continua...
TEXTO ÁUREO
Jesus Cristo, o Emanuel, veio tornar-nos HUMILDES, para que entre nós desapareça o ORGULHO.
 Devemos ser SEVEROS com as nossas faltas e mudar de atitude, sempre que possível.
 Devemos ser rápidos para OBSERVARMOS os nossos defeitos e buscar aprender com humildade e
sempre.
 Devemos estar sempre DISPOSTOS para favorecer o próximo.
“Seja qual for o relacionamento que você atraiu para dentro de sua vida, numa determinada época,
ele foi aquilo de que você precisava naquele momento” Deepak Chopra
 Devemos CUIDAR BONDOSAMENTE dos demais, da mesma forma como cuidamos de nós mesmos.
 Não se pode desfrutar da VERDADEIRA PAZ sem HUMILDADE.
 Por isso a Palavra de Deus insiste em dizer: Tenha Paz com todos, inclusive com você.
 continua...
O exemplo do Senhor Jesus Cristo é colocado diante de nós.
Jesus se AUTOCONHECIA.
O AUTOCONHECIMENTO é:
 Responsável por descobrirmos nossas qualidades,
 Faz com que nossas frustrações sejam encaradas com coragem,
 Nos faz entender quais os limites das nossas ações,
 Nos ajuda na hora de fazermos escolhas,
 Nos leva a entender melhor nossos sentimentos,
 E, nos ajuda a encontrar nosso lugar no mundo.
É através do autoconhecimento que definimos NOSSA MISSÃO e RESPEITAMOS as diferenças que
existem entre as pessoas.
 Com isso atingiremos o ideal cristão. Oh quão bom e quão suave é
que os
os irmãos, vivam em união. Bíblia.
LEITURA DIÁRIA.
Segunda - Mc 12:30 – A fé cristã é racional, assim, amamos a Deus com todo nosso entendimento.
“Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu
entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento. “ Marcos 12:30
O Deus, Nosso Senhor, não nos pede que desprezemos nossas mentes para nos tornarmos
cristãos. Há pessoas que pensam que, para se tornarem cristãs, elas precisam deixar seus cérebros
em algum lugar do espaço. Assim estariam dando um salto no escuro.
O único salto que o Novo Testamento nos chama a dar, não é um salto no escuro, mas é
para fora o escuro, para a luz, para aquilo que verdadeiramente podemos entender.
E, quando não entendemos algum texto MISTERIOSO?
Vamos para o Culto de Ensino e para a Escola Dominical e se
continuar sendo mistério, seguimos em frente, porque
mistérios tem por toda parte. Ex. dá para explicar a lei da
gravidade?
A fé cristã é realmente RACIONAL?
Com toda CERTEZA,
ela é intensamente RACIONAL, sim.
E o cristão, é RACIONALISTA?
O que significa ser RACIONAL? Racional é todo ser humano que
pensa. Que tem raciocínio lógico.
O que significa ser irracional? Sem razão, algo que não tem lógica.
De maneira nenhuma. JAMAIS.
O que significa ser racionalista? É alguém que defende uma FILOSOFIA
que se Contrapõe ao CRISTIANISMO.
Então, nossa FÉ é RACIONAL, mas nós não somos racionalistas,
porque Nosso Deus se dirige à nossa mente, fala conosco, nos
dá
SEU LIVRO, SUAS REGRAS, E NOS FAZ ENTENDER tudo o que
precisamos saber através do AUTOR que fica presente e à nossa
disposição o tempo todo. Mesmo assim muita coisa é mistério.
LEITURA DIÁRIA.
Terça – Rm 7:25 – Servimos a Deus com entendimento, pois a fé cristã NÃO É irracional.
“Dou graças a Deus por Jesus Cristo nosso Senhor. Assim que eu mesmo com o entendimento sirvo
à lei de Deus, mas com a carne à lei do pecado. “ Romanos 7:25
“Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo.
“ Rm14:17
É preciso agir de forma JUSTA, promover a PAZ e com ALEGRIA na alma. E qual é o combustível
disso?
MOTIVAÇÃO = MOTIV + AÇÃO – O que motiva uma pessoa? Como desenvolver a
capacidade de MOTIVAR-SE sem depender de estímulos EXTERNOS?
Não existe nenhuma fórmula e nenhum passo a passo para
seguir e obter motivação, mas qualquer pessoa pode superar o
DESÂNIMO e MOTIVAR-SE, se estiver disposta a isso e buscar
os RECURSOS NECESSÁRIOS.
“A vida é uma peça de teatro que não per
CANTE, CHORE, RIA e VIVA intensamente, ANTES QUE A CORTINA SE FECHE e a peça termine
SEM APLAUSOS”. Charlie Chaplin
LEITURA DIÁRIA.
Quarta – Rm 8:6,7 – A mente carnal é a predisposição mental da carne.
“Porque a inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz.
Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei
de Deus, nem, em verdade, o pode ser. “ Romanos 8:6,7
INCLINAÇÃO DA CARNE é um estado permanente de inimizade com Deus, porque faz valer
apenas A PRÓPRIA VONTADE, alimentando o EGO.
Temos que saber que Deus não nos criou para que façamos a nossa própria vontade e
tudo que formos fazer, temos que fazer para Honra e Glória do Nome Santo de Jesus.
É maravilhoso projetarmos ou sonharmos, mas sempre orando
e
pedindo a realização de Deus, porque pedindo ou não quem vai
Dar a REALIZAÇÃO FINAL é Ele mesmo.
O Espírito Santo está em nós para nos fazer
lembrar que TODOS OS SIMs estão em Jesus.
LEITURA DIÁRIA.
Quinta – Rm 12:2 – Transformados pela renovação de nossa mente.
“E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso
entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.”
Romanos 12:2
Deus tem e quer o melhor para todos nós, mas para avançarmos, tempos que ampliar nossa visão, e
não ficar se lamentando e nem com discursos negativos do não posso, não tenho condições, etc..
Se a mente não for renovada, não haverá crescimento. Conheça qual é a verdade que vai te libertar
desse problema que te impede de seguir em frente.
“Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se conv
Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em
“ Isaías 55:7
Se converter é abandonar o caminho que leva para a ruína. É
reconhecer, que é teimoso, é orgulhoso, etc..
Se converter é subjugar a minha mente e renovar, buscando por
meio oração e súplica, ter a Mente de Cristo.
LEITURA DIÁRIA.
Sexta – I Cor 2:16 – Ter a mente de Cristo significa pensar como Ele.
“Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de
Cristo. “
1 Coríntios 2:16 O que fazer para pensar como Jesus? Aprender com Ele, claro.
Jesus sabia que quase tudo que fazemos na vida baseia-se simplesmente na fé natural.
A maior parte das nossas decisões, são tomadas inicialmente, pelo que sentimos ou acreditamos.
Só depois racionalizamos para justificar nossa escolha.
Jesus usou parabolas para nos obrigar a lidar com nossas crenças.
Jesus nunca escreveu um LIVRO, e conduziu
multidões através do
Seu Exemplo.
Ele era confidante, sem ser arrogante
Ensinava valores absolutos sem ser rígido.Tinha clareza em Sua Própria
Identidade sem diminuir os outros.
Não se mostrava superior com palestras
Sábado – Cl 2:18 – A mente ou entendimento carnal pode envolver erro doutrinário.
“Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos,
envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal
compreensão, “ Colossenses 2:18
Por esta razão Cristo criticava e advertia os mestres de Sua Época,
não pelo que sabiam, mas pela arrogância com que ensinavam.
ARROGÃNCIA é o maior SINAL DE INSEGURANÇA.
Fica esperto.
LEITURA DIÁRIA
LEITURA BÍBLICA EM
CLASSE -
I – SOBRE A EPÍSTOLA AOS
FILIPENSES
II – SOBRE A “MENTE” NO
CONTEXTO BÍBLICO
III – SOBRE A MENTE DE
CRISTO
1. A doutrina 1. A mente como faculdade
psicológica
1. O sentimento de alegria
2. O relacionamento 2. A mente como forma de
pensar
2. Nossa gratidão a Deus
3. O ensino 3. Espírito 3. A Paz de Deus
4. Coração
TÓPICOS
INTRODUÇÃO
Quem nasceu de novo é nova criatura, e assim a vida cristã é norteada pelo Espírito Santo.
O Novo Nascimento acontece quando em ORAÇÃO buscamos ter COMUNHÃO com Jesus.
Isso significa que nós, como cristãos, não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito.
A presente lição é uma reflexão introspectiva sobre a nossa maneira de viver,
as nossas atitudes e as nossas decisões, e se realmente Jesus é o Senhor de nosso
pensamento.
É fácil ver quando Jesus é o Senhor da vida de uma pessoa.
I – SOBRE A EPÍSTOLA AOS FILIPENSES
Filipos era uma cidade que ficava na província romana da Macedônia, região que hoje faz parte da Grécia.
A igreja de Filipos foi a primeira fundada na Europa por Paulo, na sua segunda viagem missionária em 51d.C,
esta cidade teve esse nome por causa de Filipe II, pai de Alexandre o Grande conquistador de todas essas
províncias.
A igreja de Filipo começou na casa da
empresária Lídia, vendedora de púrpura.
Cerca de 10 anos depois, de Roma,
quando estava na cadeia, Paulo escreveu
esta Epístola aos Filipenses.
I – 1. A doutrina
O objetivo da carta não era solucionar problemas doutrinários nem de relacionamentos entre os
filipenses,
pois eles haviam amadurecido rapidamente. Um dos propósitos estava vinculado à amizade e ao amor
recíproco do apóstolo (Fp 1.7-9; 4.1). Os problemas referentes às heresias eram periféricos e de fácil
controle.
Na 1ª carta Paulo demonstra muito amor pelos filipenses, por causa da fidelidade para com o Evangelho.
Na 4ª carta, Paulo faz um agradecimento, demonstrando muito amor.
Na 3ª carta, Paulo menciona os legalistas
com intuito de ajudar, não era nada nada
não havia Sinagoga . ( isso mostra que a
a maioria.
Na 2ª carta dá até para sentir as batidas do coração de Paulo, ele informa os irmãos que está
preso, mas que eles podem permanecerem firme porque sua vida está firmada em
seu interesse em comunicar é que mesmo em perseguição permaneçam em u
I – 2. O relacionamento.
Havia entre os filipenses alguns problemas que são próprios da natureza humana e comuns nas igrejas
ainda hoje (“Somente deveis portar-vos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer
vá e vos veja, quer esteja ausente, ouça acerca de vós que estais num mesmo espírito, combatendo
juntamente com o mesmo ânimo pela fé do evangelho. “ Filipenses 1:27
O apóstolo pede que haja unidade e harmonia entre os crentes, tendo por base
a humildade e o exemplo de Cristo.
É possível que o pedido do apóstolo para ajudar as irmãs Evódia e Síntique indique
algum problema de desentendimento entre elas (“Rogo a Evódia, e rogo a Síntique,
que sintam o mesmo no Senhor. “ Filipenses 4:2).
“Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros
superiores a si mesmo. “ Filipenses 2:3
“Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas; “ Filipenses 2:14
I – 3. O ensino.
Filipenses é uma epístola prática, e os pensamentos teológicos aparecem casualmente, como no
parágrafo teológico por excelência, (“De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve
também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus,
Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens;
E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de
cruz.
Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome;
Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da
terra, E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai. ”Filipenses 2:5-
11)
O sentimento de gozo e regozijo dominava os crentes de Filipos, por
isso que esta é a
Lar celestial prometido aos cristãos,“Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos
o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, Que transformará o nosso corpo aba
ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de suje
si todas as coisas.”Filipenses 3:20,21
O objetivo da carta não é
doutrinário, mas de ensino
prático sobre o
relacionamento cristão.
II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO
1. A mente como faculdade psicológica.
O Novo Testamento grego emprega o termo nous, de amplo significado, como “mente,
entendimento, intelecto, pensamento, sentido" (“Por que quem compreendeu a mente do Senhor?
ou quem foi seu conselheiro? “ Romanos 11:34
“Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de
Cristo. “ 1 Coríntios 2:16
“Porque, se eu orar em língua desconhecida, o meu espírito ora bem, mas o meu entendimento fica
sem fruto. “ 1 Coríntios 14:14
Esse é o EU REGENERADO em CONTRASTE COM A CARNE.
É com essa mente cristã que desejamos a lei de Deus, ou seja, “a lei do Espírito de
vida, em Cristo Jesus" (“Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me
livrou da lei do pecado e da morte. “ Romanos 8:2).
Na presente lição, o sentido dessas palavras é de uma faculdade
psicológica que envolve compreensão, raciocínio, pensamento e decisão.
“Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de
alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo. “
2Coríntios 11:3
II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO
2. A mente como forma de pensar.
A mente aparece também no Novo Testamento como uma maneira ou forma especial de pensar.
A ideia nesse caso é de disposição e de atitude, tanto no sentido negativo:
"estando cheio de orgulho, sem motivo algum, na sua mente carnal"
“Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-
se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, Colossenses
2:18
como positivo; "armai-vos também vós com este pensamento" (“Ora, pois, já que Cristo padeceu
por nós na carne, armai-vos também vós com este mesmo pensamento, que aquele que padeceu
na carne já cessou do pecado; “ 1 Pedro 4:1).
Assim, ter "a mente de Cristo" (1 Co 2.16) significa pensar como Ele.
II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO
2. A mente como forma de pensar.
A mente aparece também no Novo Testamento como uma maneira ou forma especial de pensar.
A ideia nesse caso é de disposição e de atitude, tanto no sentido negativo: "estando cheio de
orgulho, sem motivo algum, na sua mente carnal"
“Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-
se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, Colossenses
2:18
Para isso é necessário constante LEITURA BÍBLICA- ORAÇÃO e RELACIONAMETO
COM ELE. Ele venceu o diabo dizendo: Está escrito.
Se não lermos como iremos vencer?
Assim, ter "a mente de Cristo" (1 Co 2.16) significa pensar como Ele.
como positivo; "armai-vos também vós com este pensamento" (“Ora, pois, já que Cristo padeceu por
nós na carne, armai-vos também vós com este mesmo pensamento, que aquele que padeceu na
carne já cessou do pecado; “ 1 Pedro 4:1).
II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO
3. Espírito.
O substantivo grego pneuma, traduzido geralmente por "espírito", é usado ainda de forma
metafórica como modo de ser, atitude, forma de pensar:
“Irmãos, se algum homem chegar a ser surpreendido nalguma ofensa, vós, que sois espirituais,
encaminhai o tal com espírito de mansidão; olhando por ti mesmo, para que não sejas também
tentado. “ Gálatas 6:1
É uma atitude ou modo de ser que reflete a forma como uma pessoa encara ou pensa sobre um
assunto.
Essa expressão é usada em contraste entre o divino e o meramente humano.
“E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse:
Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações? “ Marcos 2:8
At 17.16;
1 Co 2.11; 5.5;
Cl 2.5.
II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO
4. Coração.
O coração aparece em toda a Bíblia como o centro da vida física, espiritual e mental; emotiva e
volitiva.
É a fonte de vários sentimentos e afeições, como alegria e tristeza (“O que canta canções para o
coração aflito é como aquele que despe a roupa num dia de frio, ou como o vinagre sobre salitre.”
Provérbios 25:20
“Eis que os meus servos exultarão pela alegria de coração, mas vós gritareis pela tristeza de
coração; e uivareis pelo quebrantamento de espírito. “ Isaías 65:14
Esse sentido aparece também no Antigo Testamento: "guarda o teu coração,
porque dele procedem as saídas da vida" (Pv 4.23).
O coração é a sede do pensamento e da compreensão (“Porém não vos tem dado o Senhor um
coração para entender, nem olhos para ver, nem ouvidos para ouvir, até ao dia de hoje.” Deut29:4
Pv 14.10
Seu uso metafórico aparece como a fonte causativa da vida psicológica de uma
pessoa
em seus vários aspectos, mas a ênfase especial nos pensamentos significa o
"homem interior" (Mt 22.37; 2 Co 9.7; Rm 2.5).
O TERMO “MENTE” NA BÍBLIA PODE
SIGNIFICAR:
FACULDADE PSICOLÓGICA
FORMA DE PENSAR
ESPÍRITO E CORAÇÃO.
III. SOBRE A MENTE DE CRISTO
1. O sentimento de alegria.
"Regozijai-vos" é uma saudação grega,
mas aqui Paulo exorta os filipenses e todos os cristãos à alegria.
Essa deve ser a atitude de quem tem a mente de Cristo em relação às pessoas que nos rodeiam.
É o que Deus espera de todos nós. A expressão "perto está o Senhor" (v.5) diz respeito à
vinda de Jesus que se aproxima (“Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem
as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque
o
tempo está próximo. “ Apocalipse 1:3
“E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está
o
tempo. Apocalipse 22:10 e nos inspira a essa moderação.
O apóstolo acrescenta: "sempre, no Senhor". O Senhor Jesus é a fonte inesgotável de gozo e alegria, e isso dá
à saudação um sentido completamente novo. Como resultado desse estado de graça está o bom relacionamento
do cristão com as demais pessoas.
O termo "equidade" (v.5) é a tradução do adjetivo grego epieikés, "compreensivo, bondoso, benigno".
A Almeida Revista e Atualizada traduz por "moderação".
III. SOBRE A MENTE DE CRISTO
2. Nossa gratidão a Deus.
Os filipenses viviam num clima de perseguição religiosa.
Paulo estava na prisão.
Mas nada disso era problema suficiente para roubar a alegria dos crentes:
"a alegria do SENHOR é a vossa força" (Ne 8.10).
Mesmo nas dificuldades, quem tem uma mente guiada por Cristo não se desespera;
antes, as suas petições são levadas à presença de Deus "pela oração e súplicas, com
ação de graças"
“Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam
em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. “
Filipenses 4:6(v.6).
III. SOBRE A MENTE DE CRISTO
3. A paz de Deus.
O termo noema, "pensamento, mente", diz respeito à faculdade geral de julgamento para tomar
decisões, no sentido de bem ou mal, certo ou errado.
A ideia dessa palavra é de entendimento da vontade divina concernente à salvação (“Destruindo
os conselhos, e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo
todo o entendimento à obediência de Cristo; “ 2 Coríntios 10:5)
Mas a paz de Deus na vida cristã está acima de todos os bens que uma pessoa pode
adquirir e sobrepuja a todo entendimento, pois vai além da razão humana.
Ela excede "os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus"
“E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os
vossos pensamentos em Cristo Jesus.” Filipenses 4:7.
Esse noema pode se corromper (2 Co 11.3) e se tornar endurecido (2 Co 3.14),
a ponto de impedir a iluminação do evangelho de Cristo (2 Co 4.4).
Quem tem a mente de
Cristo desfruta do
sentimento de alegria,
gratidão e paz em Deus.
CONCLUSÃO
O nosso comportamento na vida diária,
no lar,
na Igreja,
no trabalho
e na Sociedade reflete o que há em nosso coração,
e isso mostra por si só quem domina a nossa mente. (A GENTE FALA DO QUE O
CORAÇÃO ESTÁ CHEIO).
É esse espírito que domina a mente dos crentes fiéis em
Cristo Jesus.
Há pontos na fé cristã que são inegociáveis, (NOVO NASCIMENTO, BATISMO COM
ESPÍRITO SANTO, ARREBATAMENTO) Agostinho disse algo muito certo: No que for
Essencial há unidade, no que for conveniência há liberdade) Ex. Posto de gasolina e
Loja conveniência.
e quem é dominado pelo Espírito não abre mão
de sua fé
nem cede um milímetro sequer de sua
fidelidade a Deus.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii
pohlos
 
A serpente do paraíso erwin lutzer
A serpente do paraíso    erwin lutzerA serpente do paraíso    erwin lutzer
A serpente do paraíso erwin lutzer
Deusdete Soares
 
FUGINDO DE DEUS
FUGINDO DE DEUSFUGINDO DE DEUS
FUGINDO DE DEUS
Lc Passold
 
apostila-cura-interior
 apostila-cura-interior apostila-cura-interior
apostila-cura-interior
Timóteo Marques
 
Um Tratado Sobre Domínio do Pecado e da Graça
Um Tratado Sobre Domínio do Pecado e da GraçaUm Tratado Sobre Domínio do Pecado e da Graça
Um Tratado Sobre Domínio do Pecado e da Graça
Silvio Dutra
 
VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL
VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL
VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL
Lc Passold
 
O mensageiro da cruz watchman nee
O mensageiro da cruz   watchman neeO mensageiro da cruz   watchman nee
O mensageiro da cruz watchman nee
Edgard Alves de Morais
 
A obra de deus (watchman nee)
A obra de deus (watchman nee)A obra de deus (watchman nee)
A obra de deus (watchman nee)
Deusdete Soares
 
Buscai e achareis
Buscai e achareisBuscai e achareis
Buscai e achareis
Helio Cruz
 
ANDAR COM DEUS
ANDAR COM DEUSANDAR COM DEUS
ANDAR COM DEUS
Lc Passold
 
Fortalezas espirituais
Fortalezas espirituaisFortalezas espirituais
Fortalezas espirituais
Anderson Damasceno
 
Mergulhando no Espírito e Compreendendo a Fé
Mergulhando no Espírito e Compreendendo a FéMergulhando no Espírito e Compreendendo a Fé
Mergulhando no Espírito e Compreendendo a Fé
www.osEXgays.com
 
4.a experiencia das disciplinas espirituais
4.a experiencia das disciplinas espirituais4.a experiencia das disciplinas espirituais
4.a experiencia das disciplinas espirituais
Jr Buzinely
 
Os três campos de batalha parte 2 - NA IGREJA
Os três campos de batalha   parte 2 - NA IGREJAOs três campos de batalha   parte 2 - NA IGREJA
Os três campos de batalha parte 2 - NA IGREJA
Escola Bíblica Sem Fronteiras
 
O mistério do espírito santo r. c. sproul
O mistério do espírito santo   r. c. sproulO mistério do espírito santo   r. c. sproul
O mistério do espírito santo r. c. sproul
Aristoteles Rocha
 
A comunhão com deus (sef)
A comunhão com deus (sef)A comunhão com deus (sef)
A comunhão com deus (sef)
Ricardo Akerman
 
LIVRE DO PODER DO PECADO
LIVRE DO PODER DO PECADO LIVRE DO PODER DO PECADO
LIVRE DO PODER DO PECADO
Lc Passold
 
Caracteristicas da pessoa sob influência de jezabel
Caracteristicas da pessoa sob influência de jezabelCaracteristicas da pessoa sob influência de jezabel
Caracteristicas da pessoa sob influência de jezabel
antonio ferreira
 
Armadura Celestial no Tempo do Fim
Armadura Celestial no Tempo do FimArmadura Celestial no Tempo do Fim
Armadura Celestial no Tempo do Fim
Anderson Damasceno
 
Buscai e achareis 1 a 5
Buscai e achareis 1 a  5Buscai e achareis 1 a  5
Buscai e achareis 1 a 5
Angela Ewerling
 

Mais procurados (20)

18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii18. como estudar a biblía ii
18. como estudar a biblía ii
 
A serpente do paraíso erwin lutzer
A serpente do paraíso    erwin lutzerA serpente do paraíso    erwin lutzer
A serpente do paraíso erwin lutzer
 
FUGINDO DE DEUS
FUGINDO DE DEUSFUGINDO DE DEUS
FUGINDO DE DEUS
 
apostila-cura-interior
 apostila-cura-interior apostila-cura-interior
apostila-cura-interior
 
Um Tratado Sobre Domínio do Pecado e da Graça
Um Tratado Sobre Domínio do Pecado e da GraçaUm Tratado Sobre Domínio do Pecado e da Graça
Um Tratado Sobre Domínio do Pecado e da Graça
 
VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL
VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL
VIDEIRA - CURSO DE ENRIQUECIMENTO ESPIRITUAL
 
O mensageiro da cruz watchman nee
O mensageiro da cruz   watchman neeO mensageiro da cruz   watchman nee
O mensageiro da cruz watchman nee
 
A obra de deus (watchman nee)
A obra de deus (watchman nee)A obra de deus (watchman nee)
A obra de deus (watchman nee)
 
Buscai e achareis
Buscai e achareisBuscai e achareis
Buscai e achareis
 
ANDAR COM DEUS
ANDAR COM DEUSANDAR COM DEUS
ANDAR COM DEUS
 
Fortalezas espirituais
Fortalezas espirituaisFortalezas espirituais
Fortalezas espirituais
 
Mergulhando no Espírito e Compreendendo a Fé
Mergulhando no Espírito e Compreendendo a FéMergulhando no Espírito e Compreendendo a Fé
Mergulhando no Espírito e Compreendendo a Fé
 
4.a experiencia das disciplinas espirituais
4.a experiencia das disciplinas espirituais4.a experiencia das disciplinas espirituais
4.a experiencia das disciplinas espirituais
 
Os três campos de batalha parte 2 - NA IGREJA
Os três campos de batalha   parte 2 - NA IGREJAOs três campos de batalha   parte 2 - NA IGREJA
Os três campos de batalha parte 2 - NA IGREJA
 
O mistério do espírito santo r. c. sproul
O mistério do espírito santo   r. c. sproulO mistério do espírito santo   r. c. sproul
O mistério do espírito santo r. c. sproul
 
A comunhão com deus (sef)
A comunhão com deus (sef)A comunhão com deus (sef)
A comunhão com deus (sef)
 
LIVRE DO PODER DO PECADO
LIVRE DO PODER DO PECADO LIVRE DO PODER DO PECADO
LIVRE DO PODER DO PECADO
 
Caracteristicas da pessoa sob influência de jezabel
Caracteristicas da pessoa sob influência de jezabelCaracteristicas da pessoa sob influência de jezabel
Caracteristicas da pessoa sob influência de jezabel
 
Armadura Celestial no Tempo do Fim
Armadura Celestial no Tempo do FimArmadura Celestial no Tempo do Fim
Armadura Celestial no Tempo do Fim
 
Buscai e achareis 1 a 5
Buscai e achareis 1 a  5Buscai e achareis 1 a  5
Buscai e achareis 1 a 5
 

Semelhante a Quem domina a sua mente

Apresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdf
Apresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdfApresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdf
Apresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdf
DboraPatrycia
 
Espiritualidade crista
Espiritualidade cristaEspiritualidade crista
Espiritualidade crista
Paulo Cesar Machado
 
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
João nunes maia   miramez - filosofia espirita iJoão nunes maia   miramez - filosofia espirita i
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
havatar
 
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
EWALDO DE SOUZA
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos Isso
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos IssoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos Isso
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos Isso
Ricardo Azevedo
 
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitosPalestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
Tiburcio Santos
 
IGREJA QUADRANGULAR.pptx
IGREJA QUADRANGULAR.pptxIGREJA QUADRANGULAR.pptx
IGREJA QUADRANGULAR.pptx
PriscilaGarcia206577
 
Lição 6 – Quem Domina a sua Mente
Lição 6 – Quem Domina a sua MenteLição 6 – Quem Domina a sua Mente
Lição 6 – Quem Domina a sua Mente
Éder Tomé
 
Licao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptxLicao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
AndreLuizMontanheiro
 
A Virtude Da Fé Pdf
A Virtude Da Fé PdfA Virtude Da Fé Pdf
A Virtude Da Fé Pdf
rowalino
 
O conhecimento e o alcance das coisas divinas. Reflexões sobre verdades reve...
O conhecimento e o alcance das coisas divinas.  Reflexões sobre verdades reve...O conhecimento e o alcance das coisas divinas.  Reflexões sobre verdades reve...
O conhecimento e o alcance das coisas divinas. Reflexões sobre verdades reve...
Estudiantes Urantia
 
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Levi Antonio Amancio
 
Arrependei vos e crede no evangelho – paul david washer
Arrependei vos e crede no evangelho – paul david washerArrependei vos e crede no evangelho – paul david washer
Arrependei vos e crede no evangelho – paul david washer
Deusdete Soares
 
Conduta Espírita
Conduta EspíritaConduta Espírita
Conduta Espírita
Izabel Cristina Fonseca
 
Boletim cbg n°_42_19_out_2014
Boletim cbg n°_42_19_out_2014Boletim cbg n°_42_19_out_2014
Boletim cbg n°_42_19_out_2014
Silas Roberto Nogueira
 
Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013
Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013
Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013
Gerson G. Ramos
 
LUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEON
LUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEONLUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEON
LUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEON
Teol. Sandra Ferreira
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - fe e outros estudos
( Espiritismo)   # - amag ramgis - fe e outros estudos( Espiritismo)   # - amag ramgis - fe e outros estudos
( Espiritismo) # - amag ramgis - fe e outros estudos
Instituto de Psicobiofísica Rama Schain
 
12 mentiras
12 mentiras12 mentiras
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
Claudio Marcio
 

Semelhante a Quem domina a sua mente (20)

Apresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdf
Apresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdfApresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdf
Apresentação Cosmovisão bíblica cos1.pdf
 
Espiritualidade crista
Espiritualidade cristaEspiritualidade crista
Espiritualidade crista
 
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
João nunes maia   miramez - filosofia espirita iJoão nunes maia   miramez - filosofia espirita i
João nunes maia miramez - filosofia espirita i
 
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
6772159 joao-nunes-maia-espirito-miramez-filosofia-espirita-i
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos Isso
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos IssoSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos Isso
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 140 - Vejamos Isso
 
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitosPalestra ESE cap17 Sede perfeitos
Palestra ESE cap17 Sede perfeitos
 
IGREJA QUADRANGULAR.pptx
IGREJA QUADRANGULAR.pptxIGREJA QUADRANGULAR.pptx
IGREJA QUADRANGULAR.pptx
 
Lição 6 – Quem Domina a sua Mente
Lição 6 – Quem Domina a sua MenteLição 6 – Quem Domina a sua Mente
Lição 6 – Quem Domina a sua Mente
 
Licao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptxLicao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
Licao 6 - 1T - 2019 - CPAD 16x9.pptx
 
A Virtude Da Fé Pdf
A Virtude Da Fé PdfA Virtude Da Fé Pdf
A Virtude Da Fé Pdf
 
O conhecimento e o alcance das coisas divinas. Reflexões sobre verdades reve...
O conhecimento e o alcance das coisas divinas.  Reflexões sobre verdades reve...O conhecimento e o alcance das coisas divinas.  Reflexões sobre verdades reve...
O conhecimento e o alcance das coisas divinas. Reflexões sobre verdades reve...
 
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)Filosofia espirita   volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
Filosofia espirita volume i (psicografia joao nunes maia - espirito miramez)
 
Arrependei vos e crede no evangelho – paul david washer
Arrependei vos e crede no evangelho – paul david washerArrependei vos e crede no evangelho – paul david washer
Arrependei vos e crede no evangelho – paul david washer
 
Conduta Espírita
Conduta EspíritaConduta Espírita
Conduta Espírita
 
Boletim cbg n°_42_19_out_2014
Boletim cbg n°_42_19_out_2014Boletim cbg n°_42_19_out_2014
Boletim cbg n°_42_19_out_2014
 
Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013
Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013
Discernimento: a salvaguarda do reavivamento_Lição_original com textos_832013
 
LUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEON
LUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEONLUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEON
LUTERO, A FÉ QUE OPERA PELO AMOR - SPURGEON
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - fe e outros estudos
( Espiritismo)   # - amag ramgis - fe e outros estudos( Espiritismo)   # - amag ramgis - fe e outros estudos
( Espiritismo) # - amag ramgis - fe e outros estudos
 
12 mentiras
12 mentiras12 mentiras
12 mentiras
 
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra   21.03.2016
Princípios para o crescimento e desenvolvimento na palavra 21.03.2016
 

Mais de Vilma Longuini

Jesus eh o rei da gloria jo 1 v 14 [salvo automaticamente]
Jesus eh o rei da gloria   jo 1 v 14 [salvo automaticamente]Jesus eh o rei da gloria   jo 1 v 14 [salvo automaticamente]
Jesus eh o rei da gloria jo 1 v 14 [salvo automaticamente]
Vilma Longuini
 
Deveres dos juizes politicos e policiais
Deveres dos juizes politicos e policiaisDeveres dos juizes politicos e policiais
Deveres dos juizes politicos e policiais
Vilma Longuini
 
O testemunho jo 1 de 6 a 13
O testemunho jo 1 de 6 a 13O testemunho jo 1 de 6 a 13
O testemunho jo 1 de 6 a 13
Vilma Longuini
 
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do temploLicao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Vilma Longuini
 
Slide da licao 2 3 trim 2020
Slide da licao 2   3 trim 2020Slide da licao 2   3 trim 2020
Slide da licao 2 3 trim 2020
Vilma Longuini
 
Slide da licao 1 3 trim 2020
Slide da licao 1   3 trim 2020Slide da licao 1   3 trim 2020
Slide da licao 1 3 trim 2020
Vilma Longuini
 
Slide da licao 1 3 trim 2020
Slide da licao 1   3 trim 2020Slide da licao 1   3 trim 2020
Slide da licao 1 3 trim 2020
Vilma Longuini
 
Revista ebd 3 trimestre 2020
Revista ebd 3 trimestre 2020Revista ebd 3 trimestre 2020
Revista ebd 3 trimestre 2020
Vilma Longuini
 
Quando deres ouvidos em pdf editado
Quando deres ouvidos em pdf editadoQuando deres ouvidos em pdf editado
Quando deres ouvidos em pdf editado
Vilma Longuini
 
Sabedoria estatura graca -pdf
Sabedoria estatura graca -pdfSabedoria estatura graca -pdf
Sabedoria estatura graca -pdf
Vilma Longuini
 
A historia e a promessa
A historia e a promessaA historia e a promessa
A historia e a promessa
Vilma Longuini
 
Nao basta ser namorado
Nao basta ser namoradoNao basta ser namorado
Nao basta ser namorado
Vilma Longuini
 
Passando o dia com jesus pdf
Passando o dia com jesus pdfPassando o dia com jesus pdf
Passando o dia com jesus pdf
Vilma Longuini
 
A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32
A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32
A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32
Vilma Longuini
 
Ate quando daniel 12
Ate quando   daniel 12Ate quando   daniel 12
Ate quando daniel 12
Vilma Longuini
 
Vamos confeccionar nossa mascara
Vamos confeccionar nossa mascaraVamos confeccionar nossa mascara
Vamos confeccionar nossa mascara
Vilma Longuini
 
Mascaras tecido e uso
Mascaras   tecido e usoMascaras   tecido e uso
Mascaras tecido e uso
Vilma Longuini
 
Fortalecei vos - a ordem e marchar
Fortalecei vos - a ordem e marcharFortalecei vos - a ordem e marchar
Fortalecei vos - a ordem e marchar
Vilma Longuini
 
As 12 vulnerabilidades
As 12 vulnerabilidadesAs 12 vulnerabilidades
As 12 vulnerabilidades
Vilma Longuini
 
Comentarios judaicos do novo testamento david h
Comentarios judaicos do novo testamento david hComentarios judaicos do novo testamento david h
Comentarios judaicos do novo testamento david h
Vilma Longuini
 

Mais de Vilma Longuini (20)

Jesus eh o rei da gloria jo 1 v 14 [salvo automaticamente]
Jesus eh o rei da gloria   jo 1 v 14 [salvo automaticamente]Jesus eh o rei da gloria   jo 1 v 14 [salvo automaticamente]
Jesus eh o rei da gloria jo 1 v 14 [salvo automaticamente]
 
Deveres dos juizes politicos e policiais
Deveres dos juizes politicos e policiaisDeveres dos juizes politicos e policiais
Deveres dos juizes politicos e policiais
 
O testemunho jo 1 de 6 a 13
O testemunho jo 1 de 6 a 13O testemunho jo 1 de 6 a 13
O testemunho jo 1 de 6 a 13
 
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do temploLicao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
Licao 5 3 trim 2020 zorobabel recomeca a construcao do templo
 
Slide da licao 2 3 trim 2020
Slide da licao 2   3 trim 2020Slide da licao 2   3 trim 2020
Slide da licao 2 3 trim 2020
 
Slide da licao 1 3 trim 2020
Slide da licao 1   3 trim 2020Slide da licao 1   3 trim 2020
Slide da licao 1 3 trim 2020
 
Slide da licao 1 3 trim 2020
Slide da licao 1   3 trim 2020Slide da licao 1   3 trim 2020
Slide da licao 1 3 trim 2020
 
Revista ebd 3 trimestre 2020
Revista ebd 3 trimestre 2020Revista ebd 3 trimestre 2020
Revista ebd 3 trimestre 2020
 
Quando deres ouvidos em pdf editado
Quando deres ouvidos em pdf editadoQuando deres ouvidos em pdf editado
Quando deres ouvidos em pdf editado
 
Sabedoria estatura graca -pdf
Sabedoria estatura graca -pdfSabedoria estatura graca -pdf
Sabedoria estatura graca -pdf
 
A historia e a promessa
A historia e a promessaA historia e a promessa
A historia e a promessa
 
Nao basta ser namorado
Nao basta ser namoradoNao basta ser namorado
Nao basta ser namorado
 
Passando o dia com jesus pdf
Passando o dia com jesus pdfPassando o dia com jesus pdf
Passando o dia com jesus pdf
 
A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32
A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32
A parabola do filho prodigo lc 15 v 11 a 32
 
Ate quando daniel 12
Ate quando   daniel 12Ate quando   daniel 12
Ate quando daniel 12
 
Vamos confeccionar nossa mascara
Vamos confeccionar nossa mascaraVamos confeccionar nossa mascara
Vamos confeccionar nossa mascara
 
Mascaras tecido e uso
Mascaras   tecido e usoMascaras   tecido e uso
Mascaras tecido e uso
 
Fortalecei vos - a ordem e marchar
Fortalecei vos - a ordem e marcharFortalecei vos - a ordem e marchar
Fortalecei vos - a ordem e marchar
 
As 12 vulnerabilidades
As 12 vulnerabilidadesAs 12 vulnerabilidades
As 12 vulnerabilidades
 
Comentarios judaicos do novo testamento david h
Comentarios judaicos do novo testamento david hComentarios judaicos do novo testamento david h
Comentarios judaicos do novo testamento david h
 

Último

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
beatrizsilva525654
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
WilianeBarbosa2
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Mary Alvarenga
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
ANDRÉA FERREIRA
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
MatheusSousa716350
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
Manuais Formação
 
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdfTrabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
erico paulo rocha guedes
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
joaresmonte3
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
Manuais Formação
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
SILVIAREGINANAZARECA
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
AntonioLobosco3
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Zenir Carmen Bez Trombeta
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
erssstcontato
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptxTudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
IACEMCASA
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
mamaeieby
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
DouglasMoraes54
 

Último (20)

A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionaisResumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
Resumo de Química 10º ano Estudo exames nacionais
 
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....pptA Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
A Núbia e o Reino De Cuxe- 6º ano....ppt
 
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.Atividade letra da música - Espalhe  Amor, Anavitória.
Atividade letra da música - Espalhe Amor, Anavitória.
 
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
A festa junina é uma tradicional festividade popular que acontece durante o m...
 
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
cidadas 5° ano - ensino fundamental 2 ..
 
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdfUFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
UFCD_6580_Cuidados na saúde a populações mais vulneráveis_índice.pdf
 
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdfTrabalho de Geografia industrialização.pdf
Trabalho de Geografia industrialização.pdf
 
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptxAtpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
Atpcg PEI Rev Irineu GESTÃO DE SALA DE AULA.pptx
 
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdfUFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
UFCD_3546_Prevenção e primeiros socorros_geriatria.pdf
 
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
1_10_06_2024_Criança e Cultura Escrita, Ana Maria de Oliveira Galvão.pdf
 
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, Central Gospel, Os Mortos Em CRISTO, 2Tr24.pptx
 
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
A influência do comércio eletrônico no processo de gestão das livrarias e edi...
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptxCartinhas de solidariedade e esperança.pptx
Cartinhas de solidariedade e esperança.pptx
 
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptxTREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
TREINAMENTO DE BRIGADA DE INCENDIO BRIGADA CCB 2023.pptx
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptxTudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
Tudo sobre a Inglaterra, curiosidades, moeda.pptx
 
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantilVogais Ilustrados para alfabetização infantil
Vogais Ilustrados para alfabetização infantil
 
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
O Profeta Jeremias - A Biografia de Jeremias.pptx4
 

Quem domina a sua mente

  • 1. QUEM DOMINA A SUA MENTE. Lição 6_1Trim- 2019
  • 2. “De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, “ Fp 2:5 O contexto aqui é UNIDADE e HUMILDADE, mas com uma abrangência ainda maior onde o apóstolo Paulo exorta à perseverança, o amor fraternal e a santidade, tudo conforme o exemplo e pedagogia de Jesus. “Somente deveis portar-vos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer vá e vos veja, quer esteja ausente, ouça acerca de vós que estais num mesmo espírito, combatendo juntamente com o mesmo ânimo pela fé do evangelho. E em nada vos espanteis dos que resistem, o que para eles, na verdade, é indício de perdição, mas para vós de salvação, e isto de Deus. Porque a vós vos foi concedido, em relação a Cristo, não somente crer nele, como também padecer por ele, “ Filipenses 1:27-29 e Filipenses 2: 1-8 Na Bíblia encontramos várias passagens sobre essa pedagogia, a mais notável declaração é: e achareis “Tomai sobre vós o meu jugo e aprendei de mim, porque sou manso e humilde de coração; descanso para a vossa alma” (Mateus 11.29). continua... TEXTO ÁUREO
  • 3. Jesus Cristo, o Emanuel, veio tornar-nos HUMILDES, para que entre nós desapareça o ORGULHO.  Devemos ser SEVEROS com as nossas faltas e mudar de atitude, sempre que possível.  Devemos ser rápidos para OBSERVARMOS os nossos defeitos e buscar aprender com humildade e sempre.  Devemos estar sempre DISPOSTOS para favorecer o próximo. “Seja qual for o relacionamento que você atraiu para dentro de sua vida, numa determinada época, ele foi aquilo de que você precisava naquele momento” Deepak Chopra  Devemos CUIDAR BONDOSAMENTE dos demais, da mesma forma como cuidamos de nós mesmos.  Não se pode desfrutar da VERDADEIRA PAZ sem HUMILDADE.  Por isso a Palavra de Deus insiste em dizer: Tenha Paz com todos, inclusive com você.  continua...
  • 4. O exemplo do Senhor Jesus Cristo é colocado diante de nós. Jesus se AUTOCONHECIA. O AUTOCONHECIMENTO é:  Responsável por descobrirmos nossas qualidades,  Faz com que nossas frustrações sejam encaradas com coragem,  Nos faz entender quais os limites das nossas ações,  Nos ajuda na hora de fazermos escolhas,  Nos leva a entender melhor nossos sentimentos,  E, nos ajuda a encontrar nosso lugar no mundo. É através do autoconhecimento que definimos NOSSA MISSÃO e RESPEITAMOS as diferenças que existem entre as pessoas.  Com isso atingiremos o ideal cristão. Oh quão bom e quão suave é que os os irmãos, vivam em união. Bíblia.
  • 5. LEITURA DIÁRIA. Segunda - Mc 12:30 – A fé cristã é racional, assim, amamos a Deus com todo nosso entendimento. “Amarás, pois, ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento, e de todas as tuas forças; este é o primeiro mandamento. “ Marcos 12:30 O Deus, Nosso Senhor, não nos pede que desprezemos nossas mentes para nos tornarmos cristãos. Há pessoas que pensam que, para se tornarem cristãs, elas precisam deixar seus cérebros em algum lugar do espaço. Assim estariam dando um salto no escuro. O único salto que o Novo Testamento nos chama a dar, não é um salto no escuro, mas é para fora o escuro, para a luz, para aquilo que verdadeiramente podemos entender. E, quando não entendemos algum texto MISTERIOSO? Vamos para o Culto de Ensino e para a Escola Dominical e se continuar sendo mistério, seguimos em frente, porque mistérios tem por toda parte. Ex. dá para explicar a lei da gravidade?
  • 6. A fé cristã é realmente RACIONAL? Com toda CERTEZA, ela é intensamente RACIONAL, sim. E o cristão, é RACIONALISTA? O que significa ser RACIONAL? Racional é todo ser humano que pensa. Que tem raciocínio lógico. O que significa ser irracional? Sem razão, algo que não tem lógica. De maneira nenhuma. JAMAIS. O que significa ser racionalista? É alguém que defende uma FILOSOFIA que se Contrapõe ao CRISTIANISMO. Então, nossa FÉ é RACIONAL, mas nós não somos racionalistas, porque Nosso Deus se dirige à nossa mente, fala conosco, nos dá SEU LIVRO, SUAS REGRAS, E NOS FAZ ENTENDER tudo o que precisamos saber através do AUTOR que fica presente e à nossa disposição o tempo todo. Mesmo assim muita coisa é mistério.
  • 7. LEITURA DIÁRIA. Terça – Rm 7:25 – Servimos a Deus com entendimento, pois a fé cristã NÃO É irracional. “Dou graças a Deus por Jesus Cristo nosso Senhor. Assim que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de Deus, mas com a carne à lei do pecado. “ Romanos 7:25 “Porque o reino de Deus não é comida nem bebida, mas justiça, e paz, e alegria no Espírito Santo. “ Rm14:17 É preciso agir de forma JUSTA, promover a PAZ e com ALEGRIA na alma. E qual é o combustível disso? MOTIVAÇÃO = MOTIV + AÇÃO – O que motiva uma pessoa? Como desenvolver a capacidade de MOTIVAR-SE sem depender de estímulos EXTERNOS? Não existe nenhuma fórmula e nenhum passo a passo para seguir e obter motivação, mas qualquer pessoa pode superar o DESÂNIMO e MOTIVAR-SE, se estiver disposta a isso e buscar os RECURSOS NECESSÁRIOS. “A vida é uma peça de teatro que não per CANTE, CHORE, RIA e VIVA intensamente, ANTES QUE A CORTINA SE FECHE e a peça termine SEM APLAUSOS”. Charlie Chaplin
  • 8. LEITURA DIÁRIA. Quarta – Rm 8:6,7 – A mente carnal é a predisposição mental da carne. “Porque a inclinação da carne é morte; mas a inclinação do Espírito é vida e paz. Porquanto a inclinação da carne é inimizade contra Deus, pois não é sujeita à lei de Deus, nem, em verdade, o pode ser. “ Romanos 8:6,7 INCLINAÇÃO DA CARNE é um estado permanente de inimizade com Deus, porque faz valer apenas A PRÓPRIA VONTADE, alimentando o EGO. Temos que saber que Deus não nos criou para que façamos a nossa própria vontade e tudo que formos fazer, temos que fazer para Honra e Glória do Nome Santo de Jesus. É maravilhoso projetarmos ou sonharmos, mas sempre orando e pedindo a realização de Deus, porque pedindo ou não quem vai Dar a REALIZAÇÃO FINAL é Ele mesmo. O Espírito Santo está em nós para nos fazer lembrar que TODOS OS SIMs estão em Jesus.
  • 9. LEITURA DIÁRIA. Quinta – Rm 12:2 – Transformados pela renovação de nossa mente. “E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.” Romanos 12:2 Deus tem e quer o melhor para todos nós, mas para avançarmos, tempos que ampliar nossa visão, e não ficar se lamentando e nem com discursos negativos do não posso, não tenho condições, etc.. Se a mente não for renovada, não haverá crescimento. Conheça qual é a verdade que vai te libertar desse problema que te impede de seguir em frente. “Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se conv Senhor, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em “ Isaías 55:7 Se converter é abandonar o caminho que leva para a ruína. É reconhecer, que é teimoso, é orgulhoso, etc.. Se converter é subjugar a minha mente e renovar, buscando por meio oração e súplica, ter a Mente de Cristo.
  • 10. LEITURA DIÁRIA. Sexta – I Cor 2:16 – Ter a mente de Cristo significa pensar como Ele. “Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo. “ 1 Coríntios 2:16 O que fazer para pensar como Jesus? Aprender com Ele, claro. Jesus sabia que quase tudo que fazemos na vida baseia-se simplesmente na fé natural. A maior parte das nossas decisões, são tomadas inicialmente, pelo que sentimos ou acreditamos. Só depois racionalizamos para justificar nossa escolha. Jesus usou parabolas para nos obrigar a lidar com nossas crenças. Jesus nunca escreveu um LIVRO, e conduziu multidões através do Seu Exemplo. Ele era confidante, sem ser arrogante Ensinava valores absolutos sem ser rígido.Tinha clareza em Sua Própria Identidade sem diminuir os outros. Não se mostrava superior com palestras
  • 11. Sábado – Cl 2:18 – A mente ou entendimento carnal pode envolver erro doutrinário. “Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo-se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, “ Colossenses 2:18 Por esta razão Cristo criticava e advertia os mestres de Sua Época, não pelo que sabiam, mas pela arrogância com que ensinavam. ARROGÃNCIA é o maior SINAL DE INSEGURANÇA. Fica esperto. LEITURA DIÁRIA
  • 12.
  • 14. I – SOBRE A EPÍSTOLA AOS FILIPENSES II – SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO III – SOBRE A MENTE DE CRISTO 1. A doutrina 1. A mente como faculdade psicológica 1. O sentimento de alegria 2. O relacionamento 2. A mente como forma de pensar 2. Nossa gratidão a Deus 3. O ensino 3. Espírito 3. A Paz de Deus 4. Coração TÓPICOS
  • 15. INTRODUÇÃO Quem nasceu de novo é nova criatura, e assim a vida cristã é norteada pelo Espírito Santo. O Novo Nascimento acontece quando em ORAÇÃO buscamos ter COMUNHÃO com Jesus. Isso significa que nós, como cristãos, não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito. A presente lição é uma reflexão introspectiva sobre a nossa maneira de viver, as nossas atitudes e as nossas decisões, e se realmente Jesus é o Senhor de nosso pensamento. É fácil ver quando Jesus é o Senhor da vida de uma pessoa.
  • 16. I – SOBRE A EPÍSTOLA AOS FILIPENSES Filipos era uma cidade que ficava na província romana da Macedônia, região que hoje faz parte da Grécia. A igreja de Filipos foi a primeira fundada na Europa por Paulo, na sua segunda viagem missionária em 51d.C, esta cidade teve esse nome por causa de Filipe II, pai de Alexandre o Grande conquistador de todas essas províncias. A igreja de Filipo começou na casa da empresária Lídia, vendedora de púrpura. Cerca de 10 anos depois, de Roma, quando estava na cadeia, Paulo escreveu esta Epístola aos Filipenses.
  • 17. I – 1. A doutrina O objetivo da carta não era solucionar problemas doutrinários nem de relacionamentos entre os filipenses, pois eles haviam amadurecido rapidamente. Um dos propósitos estava vinculado à amizade e ao amor recíproco do apóstolo (Fp 1.7-9; 4.1). Os problemas referentes às heresias eram periféricos e de fácil controle. Na 1ª carta Paulo demonstra muito amor pelos filipenses, por causa da fidelidade para com o Evangelho. Na 4ª carta, Paulo faz um agradecimento, demonstrando muito amor. Na 3ª carta, Paulo menciona os legalistas com intuito de ajudar, não era nada nada não havia Sinagoga . ( isso mostra que a a maioria. Na 2ª carta dá até para sentir as batidas do coração de Paulo, ele informa os irmãos que está preso, mas que eles podem permanecerem firme porque sua vida está firmada em seu interesse em comunicar é que mesmo em perseguição permaneçam em u
  • 18. I – 2. O relacionamento. Havia entre os filipenses alguns problemas que são próprios da natureza humana e comuns nas igrejas ainda hoje (“Somente deveis portar-vos dignamente conforme o evangelho de Cristo, para que, quer vá e vos veja, quer esteja ausente, ouça acerca de vós que estais num mesmo espírito, combatendo juntamente com o mesmo ânimo pela fé do evangelho. “ Filipenses 1:27 O apóstolo pede que haja unidade e harmonia entre os crentes, tendo por base a humildade e o exemplo de Cristo. É possível que o pedido do apóstolo para ajudar as irmãs Evódia e Síntique indique algum problema de desentendimento entre elas (“Rogo a Evódia, e rogo a Síntique, que sintam o mesmo no Senhor. “ Filipenses 4:2). “Nada façais por contenda ou por vanglória, mas por humildade; cada um considere os outros superiores a si mesmo. “ Filipenses 2:3 “Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas; “ Filipenses 2:14
  • 19. I – 3. O ensino. Filipenses é uma epístola prática, e os pensamentos teológicos aparecem casualmente, como no parágrafo teológico por excelência, (“De sorte que haja em vós o mesmo sentimento que houve também em Cristo Jesus, Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens; E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz. Por isso, também Deus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo o nome; Para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai. ”Filipenses 2:5- 11) O sentimento de gozo e regozijo dominava os crentes de Filipos, por isso que esta é a Lar celestial prometido aos cristãos,“Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, Que transformará o nosso corpo aba ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de suje si todas as coisas.”Filipenses 3:20,21
  • 20. O objetivo da carta não é doutrinário, mas de ensino prático sobre o relacionamento cristão.
  • 21. II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO 1. A mente como faculdade psicológica. O Novo Testamento grego emprega o termo nous, de amplo significado, como “mente, entendimento, intelecto, pensamento, sentido" (“Por que quem compreendeu a mente do Senhor? ou quem foi seu conselheiro? “ Romanos 11:34 “Porque, quem conheceu a mente do Senhor, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo. “ 1 Coríntios 2:16 “Porque, se eu orar em língua desconhecida, o meu espírito ora bem, mas o meu entendimento fica sem fruto. “ 1 Coríntios 14:14 Esse é o EU REGENERADO em CONTRASTE COM A CARNE. É com essa mente cristã que desejamos a lei de Deus, ou seja, “a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus" (“Porque a lei do Espírito de vida, em Cristo Jesus, me livrou da lei do pecado e da morte. “ Romanos 8:2). Na presente lição, o sentido dessas palavras é de uma faculdade psicológica que envolve compreensão, raciocínio, pensamento e decisão. “Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo. “ 2Coríntios 11:3
  • 22. II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO 2. A mente como forma de pensar. A mente aparece também no Novo Testamento como uma maneira ou forma especial de pensar. A ideia nesse caso é de disposição e de atitude, tanto no sentido negativo: "estando cheio de orgulho, sem motivo algum, na sua mente carnal" “Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo- se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, Colossenses 2:18 como positivo; "armai-vos também vós com este pensamento" (“Ora, pois, já que Cristo padeceu por nós na carne, armai-vos também vós com este mesmo pensamento, que aquele que padeceu na carne já cessou do pecado; “ 1 Pedro 4:1). Assim, ter "a mente de Cristo" (1 Co 2.16) significa pensar como Ele.
  • 23. II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO 2. A mente como forma de pensar. A mente aparece também no Novo Testamento como uma maneira ou forma especial de pensar. A ideia nesse caso é de disposição e de atitude, tanto no sentido negativo: "estando cheio de orgulho, sem motivo algum, na sua mente carnal" “Ninguém vos domine a seu bel-prazer com pretexto de humildade e culto dos anjos, envolvendo- se em coisas que não viu; estando debalde inchado na sua carnal compreensão, Colossenses 2:18 Para isso é necessário constante LEITURA BÍBLICA- ORAÇÃO e RELACIONAMETO COM ELE. Ele venceu o diabo dizendo: Está escrito. Se não lermos como iremos vencer? Assim, ter "a mente de Cristo" (1 Co 2.16) significa pensar como Ele. como positivo; "armai-vos também vós com este pensamento" (“Ora, pois, já que Cristo padeceu por nós na carne, armai-vos também vós com este mesmo pensamento, que aquele que padeceu na carne já cessou do pecado; “ 1 Pedro 4:1).
  • 24. II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO 3. Espírito. O substantivo grego pneuma, traduzido geralmente por "espírito", é usado ainda de forma metafórica como modo de ser, atitude, forma de pensar: “Irmãos, se algum homem chegar a ser surpreendido nalguma ofensa, vós, que sois espirituais, encaminhai o tal com espírito de mansidão; olhando por ti mesmo, para que não sejas também tentado. “ Gálatas 6:1 É uma atitude ou modo de ser que reflete a forma como uma pessoa encara ou pensa sobre um assunto. Essa expressão é usada em contraste entre o divino e o meramente humano. “E Jesus, conhecendo logo em seu espírito que assim arrazoavam entre si, lhes disse: Por que arrazoais sobre estas coisas em vossos corações? “ Marcos 2:8 At 17.16; 1 Co 2.11; 5.5; Cl 2.5.
  • 25. II. SOBRE A “MENTE” NO CONTEXTO BÍBLICO 4. Coração. O coração aparece em toda a Bíblia como o centro da vida física, espiritual e mental; emotiva e volitiva. É a fonte de vários sentimentos e afeições, como alegria e tristeza (“O que canta canções para o coração aflito é como aquele que despe a roupa num dia de frio, ou como o vinagre sobre salitre.” Provérbios 25:20 “Eis que os meus servos exultarão pela alegria de coração, mas vós gritareis pela tristeza de coração; e uivareis pelo quebrantamento de espírito. “ Isaías 65:14 Esse sentido aparece também no Antigo Testamento: "guarda o teu coração, porque dele procedem as saídas da vida" (Pv 4.23). O coração é a sede do pensamento e da compreensão (“Porém não vos tem dado o Senhor um coração para entender, nem olhos para ver, nem ouvidos para ouvir, até ao dia de hoje.” Deut29:4 Pv 14.10 Seu uso metafórico aparece como a fonte causativa da vida psicológica de uma pessoa em seus vários aspectos, mas a ênfase especial nos pensamentos significa o "homem interior" (Mt 22.37; 2 Co 9.7; Rm 2.5).
  • 26. O TERMO “MENTE” NA BÍBLIA PODE SIGNIFICAR: FACULDADE PSICOLÓGICA FORMA DE PENSAR ESPÍRITO E CORAÇÃO.
  • 27. III. SOBRE A MENTE DE CRISTO 1. O sentimento de alegria. "Regozijai-vos" é uma saudação grega, mas aqui Paulo exorta os filipenses e todos os cristãos à alegria. Essa deve ser a atitude de quem tem a mente de Cristo em relação às pessoas que nos rodeiam. É o que Deus espera de todos nós. A expressão "perto está o Senhor" (v.5) diz respeito à vinda de Jesus que se aproxima (“Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo. “ Apocalipse 1:3 “E disse-me: Não seles as palavras da profecia deste livro; porque próximo está o tempo. Apocalipse 22:10 e nos inspira a essa moderação. O apóstolo acrescenta: "sempre, no Senhor". O Senhor Jesus é a fonte inesgotável de gozo e alegria, e isso dá à saudação um sentido completamente novo. Como resultado desse estado de graça está o bom relacionamento do cristão com as demais pessoas. O termo "equidade" (v.5) é a tradução do adjetivo grego epieikés, "compreensivo, bondoso, benigno". A Almeida Revista e Atualizada traduz por "moderação".
  • 28. III. SOBRE A MENTE DE CRISTO 2. Nossa gratidão a Deus. Os filipenses viviam num clima de perseguição religiosa. Paulo estava na prisão. Mas nada disso era problema suficiente para roubar a alegria dos crentes: "a alegria do SENHOR é a vossa força" (Ne 8.10). Mesmo nas dificuldades, quem tem uma mente guiada por Cristo não se desespera; antes, as suas petições são levadas à presença de Deus "pela oração e súplicas, com ação de graças" “Não estejais inquietos por coisa alguma; antes as vossas petições sejam em tudo conhecidas diante de Deus pela oração e súplica, com ação de graças. “ Filipenses 4:6(v.6).
  • 29. III. SOBRE A MENTE DE CRISTO 3. A paz de Deus. O termo noema, "pensamento, mente", diz respeito à faculdade geral de julgamento para tomar decisões, no sentido de bem ou mal, certo ou errado. A ideia dessa palavra é de entendimento da vontade divina concernente à salvação (“Destruindo os conselhos, e toda a altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo o entendimento à obediência de Cristo; “ 2 Coríntios 10:5) Mas a paz de Deus na vida cristã está acima de todos os bens que uma pessoa pode adquirir e sobrepuja a todo entendimento, pois vai além da razão humana. Ela excede "os vossos corações e os vossos sentimentos em Cristo Jesus" “E a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos em Cristo Jesus.” Filipenses 4:7. Esse noema pode se corromper (2 Co 11.3) e se tornar endurecido (2 Co 3.14), a ponto de impedir a iluminação do evangelho de Cristo (2 Co 4.4).
  • 30. Quem tem a mente de Cristo desfruta do sentimento de alegria, gratidão e paz em Deus.
  • 31. CONCLUSÃO O nosso comportamento na vida diária, no lar, na Igreja, no trabalho e na Sociedade reflete o que há em nosso coração, e isso mostra por si só quem domina a nossa mente. (A GENTE FALA DO QUE O CORAÇÃO ESTÁ CHEIO). É esse espírito que domina a mente dos crentes fiéis em Cristo Jesus. Há pontos na fé cristã que são inegociáveis, (NOVO NASCIMENTO, BATISMO COM ESPÍRITO SANTO, ARREBATAMENTO) Agostinho disse algo muito certo: No que for Essencial há unidade, no que for conveniência há liberdade) Ex. Posto de gasolina e Loja conveniência. e quem é dominado pelo Espírito não abre mão de sua fé nem cede um milímetro sequer de sua fidelidade a Deus.