SlideShare uma empresa Scribd logo
Caminhada abre a
Semana da Família
na paróquia Santo
Antônio de Pádua
Município de
Ermo realiza
jantar em
homenagem
aos pais
Rua das
Sombrinhas
abriga shopping
de containers
Correio do SulANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.474 R$ 2,00
www.grupocorreiodosul.com.br
21º11º
Sol com algumas nuvens.
Não chove.
Previsão para hoje
Extremo Sul Catarinense
Página 7
Página 9
Página 9
SEGUNDA-FEIRA, 13 DE AGOSTO DE 2018
RODOVIÁRIA CEDERÁ ESPAÇO
PARA NOVA PRAÇA PÚBLICA DE SOMBRIO
Página 3
Suplente de deputado estadual, Dóia Guglielmi
(PSDB) ganhou reforço a sua campanha eleitoral
com vistas ao parlamento catarinense. Reforço
protagonizado por ele próprio. É que Dóia assumiu
novamente a Assembleia Legislativa, no lugar do
deputado Leonel Pavan (PSDB), que voltou ao
comandodaSecretariadeEstadodeTurismo.Pavan
não disputará à reeleição, e, por conta disto, pode
reassumir seu cargo executivo. No pleito deste ano
ele trabalhará para tentar eleger seu filho, Leonel
Júnior Pavan (PSDB), deputado federal. Recentes
problemas de saúde vivenciados pelo deputado o
convenceram a ficar fora do certame deste ano.
Primeirodebateentreoscandidatosaogovernode
SantaCatarina,realizadonosábado,pelaRádioSom
Maior, em Criciúma, não serviu para mostrar o tom
da campanha, se é que existirá um. Em princípio, os
candidatos defenderam teses pouco empolgantes.
Ressaltou-seGelsonMerisio(PSD),comsuaeterna
defesa do enxugamento da máquina pública.Abem
da verdade, os principais candidatos estão pisando
em ovos. O PSD de Merisio, e o MDB de Mauro
Mariani estão no comando do Estado há quase 16
anos. Fingir animosidade, agora, beira ao ridículo.
Por sua vez, Décio Lima e seu PT têm um telhado
de vidro que vai do Oiapoque ao Chui. No mais, so-
braramasvelhasalfinetadasdoscandidatosnanicos,
com suas eternas soluções milagrosas.
P
assadas duas semanas desde que
o deputado federal Jorge Boeira
(PP) anunciou que não concorreria
à reeleição, o impasse em torno do
tema persiste. No final de semana
líderes do partido tentaram chegar a um denomina-
dor comum sobre o assunto, mas não conseguiram.
Até mesmo uma reunião que estava marcada para
acontecer no sábado, emTubarão, reunindo as prin-
cipais lideranças progressistas do Sul do Estado,
acabou não sendo realizada. Os contatos entre os
caciques da sigla acabaram se resumindo a ligações
telefônicas e trocas de mensagens via whatsapp.
Em princípio, é ponto pacífico que Boeira não
retomará sua candidatura. Os progressistas já estão
convencidos e conformados quanto a isto. Diante
desta realidade, há duas possibilidades plausíveis.
Uma converge para a candidatura da presidente do
Progressistas de Nova Veneza, Ângela Ghislandi,
à vaga de Boeira. Trata-se de uma jovem política,
de 31 anos, herdeira de uma família de empresários
do setor alimentício da região de Criciúma.Aoutra
possibilidade converge para a candidatura do ex-
-deputado federal Leodegar Tiscoski.
Ângela e Leodegar têm perfis totalmente
distintos dentro do partido. Ela é uma quase des-
conhecida em nível regional, mas, em princípio,
parece ser a preferida de Boeira. Já Leodegar tem
muito mais densidade, fruto de seu histórico dentro
do partido.
O que se percebe, no entanto, é que Ângela
parece propensa a arriscar, ao contrário deTiscoski,
que se mostra bastante preocupado em construir
uma espécie de condição ideal para a disputa, o
que é praticamente impossível, faltando apenas
sete semanas para a eleição.
Para o Progressistas, de longe, a candidatura
de Leodegar é a mais salutar. Trabalho, agora, é
convencê-lo a ir para o embate, mesmo sem todas
as garantias necessárias.
Em princípio, está previsto para entrar em votação
hoje, na Câmara Municipal de Vereadores de Som-
brio, Projeto de Lei que prevê a venda de uma área
de mais de 2 mil metros quadrados, aonde funciona
o prédio da rodoviária do município. A prefeitura,
que é a proprietária da área, pretende leiloar o
imóvel por um valor mínimo de R$ 5 milhões. A
oposição,capitaneadapeloPP,pretendesemobilizar
contra a venda. Em tese, o prefeito Zênio Cardoso
(MDB) tem sete dos onze votos para a aprovação
do projeto. O assunto, no entanto, é extremamente
polêmico, constituindo-se numa típica saia justa
para o legislativo.
PC do B de Araranguá confirmou candidatura de
Fernando Espíndola a deputado estadual. Com isto,
por ora, já são onze os candidatos com ligações di-
retas aos municípios de nossa região que disputam a
AssembleiaLegislativanesteano.Emprincípio,não
haveráaumentononúmerodepostulantes,massem-
preébomlembrarqueospartidostêmatéopróximo
dia 15 para registrar as candidaturas com vistas ao
pleitodesteano.Naprática,istosignificaquemesmo
comasatasdasconvençõesjáfechadas,nadaimpede
que algum nome constante lá possa ser substituído
por outro. É o caso da situação que envolve o depu-
tado federal Jorge Boeira (PP), que foi homologado
como candidato à reeleição em convenção, mas que
será substituído por outra candidatura.
Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho
Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787
POLÍTICA
NOTAS
Sete décadas e olhar no futuro
N
esta sexta-feira (10) a Fecomércio-SC comemorou 70 anos de cria-
ção, data marcada pelo lançamento de uma campanha institucional
que tem como mote o olhar no futuro para garantir o dinamismo
do comércio, serviços e turismo em Santa Catarina. Manter em movimen-
to os setores representados pela Federação é essencial para a economia
catarinense como um todo, uma vez que eles respondem por quase 64%
dos empregos formais e por mais de 65% do Produto Interno Bruto (PIB)
estadual. Na segunda-feira (13), o atual presidente, Bruno Breithaupt,
será reconduzido para o quadriênio 2018/2022. Quando concluir mais esta
gestão, terá somado 13 anos à frente da Fecomércio-SC. Mas nem tudo são
flores. Em artigo recente, Breithaupt afirma que o momento é desafiador,
por conta do novo panorama sindical, que “exige amadurecimento e re-
estruturação da atividade” após a Reforma Trabalhista. Para ele, as mu-
danças exigem gestão transparente e profissional, com entidades sindicais
cada vez mais alinhadas aos anseios de seus representados. “Somam-se a
isso as turbulências no cenário político e econômico que custaram ao país
uma crise institucional sem precedentes. Próximo à virada da década, o
setor produtivo precisa robustecer a representatividade para, assim, con-
tribuir para a construção de um Brasil mais competitivo, produtivo e, com
isso, menos desigual”, defende o líder empresarial.
Boa! O deputado Vicente Caropreso
(PSDB), presidente da Comissão de Defe-
sa dos Direitos da Criança e Adolescente
da Assembleia, apresentou projeto de lei
que cria algumas situações novas para po-
tencializar a arrecadação do Fundo para
Infância e Adolescência (FIA) no estado.
Entre as mudanças, a proposta transfor-
ma o que atualmente é opção em obriga-
ção das empresas controladas pelo gover-
no, Celesc e Casan, por exemplo. Aprovado
o projeto, elas terão que destinar, anual-
mente, 1% do Imposto de Renda devido a
programas vinculados ao FIA.
Compromisso A pré-candidata ao Se-
nado pelo partido Rede Sustentabilidade,
Miriam Prochnow, assinou a campanha
Unidos Contra a Corrupção – Novas medi-
das para acabar com esse velho problema do
Brasil, coordenada por uma coalizão de
organizações e movimentos sem vínculos
partidário. Miriam se comprometeu pu-
blicamente a, se eleita, lutar no Congresso
Nacional para ver aplicada a plataforma
de propostas de reforma legislativa, ad-
ministrativa e institucional. A iniciativa
traz um pacote com 70 medidas, incluin-
do anteprojetos de lei, propostas de emen-
da à Constituição, projetos de resolução
e outras normas voltadas ao controle da
corrupção. “O importante nessas propos-
tas é que avançam em diferentes frentes
contra um problema que é multifacetado.
O fato de trazer a visão de diversos seto-
res e instituições nacionais, com diferentes
opiniões e ideologias, dá credibilidade às
proposições para o enfrentamento da cor-
rupção”, avalia Miriam.
Tá difícil pagar as contas? O churras-
quinho de final de semana já não rola mais
como antes? Então saiba que enquanto
você, os municípios, os estados e o país
estão apertando os cintos para dar conta
dos compromissos, ministros do Supremo
Tribunal Federal (STF) e procuradores do
Ministério Público Federal (MPF) apro-
varam reajuste de mais de 16% para seus
próprios salários. A decisão final será do
Congresso que, como sempre, deverá man-
ter a política da boa vizinhança e aprovar
o aumento. Detalhe: no país do STF e do
MPF a inflação acumulada dos últimos 12
meses foi de ,48% (IPCA-IBGE), igualzi-
nha à registrada no país dos assalariados
e dos empreendedores.
Apicultura O setor cresce de forma expo-
nencial. Santa Catarina já é o quarto maior
estado em produtividade, com 315 mil col-
meias. Para capacitar os apicultores, o Se-
brae-SC, a Epagri e a FAASC promovem
a Jornada Técnica de Apicultura até o
dia 20 de agosto. Serão oferecidos encon-
tros, palestras e visitas técnicas no Vale,
Foz, Serra, Sul, e Oeste de Santa Catarina.
Cerca de 10 mil famílias do estado depen-
dem desse setor e 80% delas têm a apicul-
tura como principal atividade econômica.
Sob nova direção
A posse do novo presidente da Federação das
Indústrias (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, foi
bastante concorrida, com presença massiva de
lideranças políticas, institucionais e empresa-
riais. Entre elas, o governador Eduardo Pinho
Moreira e o presidente da Confederação Nacional
da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade,
e presidentes da maior parte das demais federa-
ções estaduais. O governador também participou
do almoço de despedida de Glauco José Côrte da
presidência. Em seu discurso de posse, Aguiar re-
conheceu que o momento é difícil e não evitou o
tom de crítica: “É consenso que vivemos dias de incertezas e turbulências,
frustrados pela má gestão e pela ineficiência no uso dos recursos públicos, que
não são escassos. A utilização deles, contudo, exige muito mais zelo”.
FilipeScotti
Por Andréa Leonora
redacao@peloestado.com.br
11e12/Ago/2018
Precisa melhorar a
gestão da sua empresa?
Venha pro Sebrae:
consultoria online,
palestras, oficinas e cursos.
INFORME-SE:
www.sebrae-sc.com.br
Progressistas entra semana
sem substituto para Boeira
Sombrioterápraçapúblicadeconvivência
3Geral Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
Nova praça
A
Prefeitura de
Sombrio conse-
guiu a liberação
na última sexta-feira, via Mi-
nistério do Turismo, através
da caixa Econômica Federal
(CEF), de R$ 570.451,77,
para a construção de uma
grande praça pública no local
onde hoje está a rodoviária,
bem no Centro de Sombrio,
entre a avenida Getúlio Var-
gas e a rua Caetano Lumertz.
“Um sonho que está
prestes a se realizar. Um
sonho que já saiu da cabeça,
está no papel e com a garantia
dos recursos para que a obra
seja feita e Sombrio passe
a ter o que toda cidade que
se preste tem: uma praça
para que o cidadão tenha
momentos de lazer e lhe seja
oportunizado espaços de con-
vivência com seus familiares,
amigos, colegas de trabalho
e para eventos culturais”,
comemorou o prefeito Zênio
Cardoso.
Zênio idealizou o projeto
já no primeiro mandato, mas
o grande volume de obras
ações nos primeiros quatro
anos, com mais de 60 milhões
de reais foram dedicados e
estruturação do município.
“A cidade estava velha, com
Sombrio
G.C.S LTDA - ME CNPJ 17.467.695/0001-19
Comercial:
l48l 3533.0870
comercial@grupocorreiodosul.com.br
ali@grupocorreiodosul.com.br
Diretor Geral
diretor@grupocorreiodosul.com.br
Redação:
Gislaine Fontoura
editor@grupocorreiodosul.com.br
Publicações legais:
tomaz@grupocorreiodosul.com.br
Financeiro
financeiro@grupocorreiodosul.com.br
Diagramação/Arte:
Erivaldo Ferreira (Aldo)
cristian@grupocorreiodosul.com.br
Sul Gráfica
sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br
Circulação/Assinatura
l48l 3533.0870
assinaturas@grupocorreiodosul.com.br
autoestima baixa e se tor-
nando obsoleta. Primeiro
mudamos tudo isso e você
já nota, em projetos como
esse, ou no bate papo com o
cidadão diariamente, que os
planos mudaram. Sombrio
hoje é uma cidade que pensa
grande”, reforçou.
As imagens do proje-
to arquitetônico, já pronto,
dão uma amostra do que se
tornará esse espaço. São ar-
Bairro também ganha com projeto
Outro espaço que ganhará com o projeto da saída da rodoviária, a
criação da praça pública municipal e a negociação que será encaminhada
do espaço onde hoje está o prédio comercial da rodoviária é o Complexo
Multiuso Antônio Sant’Helena, no bairro Parque das Avenidas.
A atual cancha de bocha, considerado um prédio feio e mal localizado
dentro do complexo, passará para o lado sul do estádio, próximo a arqui-
bancada e à escola Nair Alvez bratti.
“Na verdade, é mais do que uma cancha de bocha, será também cons-
truído um Centro de convivência, com acesso pelo lado sul, sem atrapalhar
o campo de futebol e muito mais amplo e moderno, para que as famílias
possam utilizar com mais frequência”, esclareceu.
O prédio da rodoviária será colocado em leilão, mas com um adendo:
o comprador terá por contrato a obrigação de, pelo menos no primeiro
piso, manter o espaço comercial funcionando.
“Todo sombriense ganha. É um dos maiores projetos da história de
Sombrio e que vai fazer bem a todos os cidadãos aos visitantes para gastar
e investir em nosso município”, concluiu.
borizações, bancos, parques
infantis, além de uma con-
cha acústica para realização
de eventos culturais como
teatro, música, sarais literá-
rios, dentre outras possíveis
utilizações.
“Já disse muitas outras
vezes que em cidades que
vou, em capitais ou qualquer
lugar por onde passo, sempre
noto, paro e admiro as praças
e a integração que os cida-
dãos fazem com elas. Agora
chegou a vez de Sombrio ter
esse local”, salientou Zênio.
O prazo para início da
obra, de acordo com o pre-
feito, ainda depende de uma
série de avaliações e questões
burocráticas, mas a ideia é no
início de 2019 dar início a
obra. “Ah, isso eu garanto, o
dinheiro já está à disposição
para essa obra e ela vai sair”,
afirmou.
4 PublicidadeJornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
Um doutor de Boas Histórias
E
le é quase uma celebridade. Landoaldo Isoppo,
o doutor Lando, já trouxe muitos sombrienses ao
mundo,temumainfinitapaciência,gostadeestar
informadoelêbastante,buscandoconhecimento
enquanto respira, além de ser um cozinheiro
como poucos. Despertou na esposa Jussara Isoppo um
amor admirável e leva uma vida tranquila e discreta em uma
casa no Centro de Sombrio. Essas são algumas das carac-
terísticas das inúmeras que os amigos pontuam quando o
nomedeleapareceemumaconversa.Ahistóriadeleécomo
poucas, cheias de muita ação, lições e humor, e merece ser
contada da melhor forma: por ele mesmo.
Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
ALISSANDRA PAGANINI
ali@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/alissandrapaganini
EmpresarialEmpresarial
Cadeia?
Nasci em Sombrio. Na ‘cadeia’. (risos) Depois que nos
mudamos, a casa virou a delegacia, onde hoje é o Salão
Paroquial.Quandopequeno,erabagunceiro,rebelde,arteiro
e desobediente. Éramos em onze irmãos.
Desafio
Ouvi um dia meus pais conversando sobre mim, falando que
eu não ia dar em nada. Pensei, ‘vou mostrar como vou dar
alguma coisa’. Eu não gostava muito de estudar até então,
masmedediqueiaestudarportrêsanosparaconseguiruma
das 50 vagas disponíveis na única universidade do estado
que ensinava medicina, a Federal. Tinham 16 mil inscritos.
Passei e ingressei em 1972.
Especialização
Na época eu me formei e vim trabalhar em Sombrio. Ainda
no estágio me dediquei às cirurgias e fiz mais de 1500
partos quando retornei a Sombrio. Indeciso entre cirurgias
e pediatria, e acabei indo a PortoAlegre, nos hospital Santo
Antônio, fazendo pediatria.
Arte do Bem
Não tinha esgoto, em Balneário Gaivota, era tudo paten-
te. Eu estava na faculdade na época, e com um grupo de
jovens resolvemos fazer uma arte muito grande. De ma-
drugada nós roubamos as patentes das casas e levamos
tudo para a beira da praia. Escrevíamos nas patentes
‘prefeitu- ra’, ‘posto
de saú- de’, ‘dele-
gacia’. Ti- nha uma
fileira de patentes.
Pegamos gasolina
do carro do pai, embebemos pedaços de pano e atiramos
fogo nas patentes das pessoas. A Gaivota ficou clara.
Só descobriram muitos anos depois. Mas depois dali,
cada um começou a fazer seus sanitários. Houve um
grande avanço na Gaivota. Não fomos fazer bagunça,
nós discutíamos muito e olhávamos aquelas patentes,
ninguém tomava providência. Acabamos, por revolta
fazendo isso.
Brilhante
Fui para a escola com 8 anos de idade. Hoje fazem até
aceleração. Na minha época, tudo começava mais tarde.
Sendo tão rebelde, até rodei um ano. Eu não conhecia
Florianópolis. O colégio era forte, e no nosso último ano, fui
para Florianópolis fazer um cursinho pré-vestibular.Aprendi
muito mais na escola e em casa.
Um dos pioneiros
Desci na rodoviária, e nós morávamos com o seu Rocha.
Ele fundou uma pensão, e a gente ficava lá. Teve uma casa
que aluguei lá que ficava só gente de Sombrio, para estu-
dar. Os novatos batiam lá direto, por que a gente recebia as
pessoas. O primeiro sombriense a estudar em Florianópolis
foi Leodegar Tiscoski. O segundo fui eu.
Plantão de Graça
Já participei bastante da sociedade. Nós fazíamos plantão,
noDomJoaquim,semcobrarnada,poronzeanos.Apopula-
çãonãotinhadinheiro,eomédicotemaresponsabilidadede
atender.Depois,oINSSimplantouumregimedepagamento
por consulta, e a gente cobrava.Aquilo dava duzentos reais
no fim do mês. Aquilo era uma questão de humanidade, e
com outros colegas, foi um dos maiores atos que participei
como médico.
Hoje é mais raro, mas as pessoas batiam à nossa porta.
Muitos
Na rua, quando a gente encontra com uma criança e elas
nos reconhecem, é gratificante, interessante. Mas o inverso
também acontece. Tem criança que me olha, e chora. Mas
a maior parte, tem reações positivas. Hoje esses são meus
netos, por que já atendi as mães deles quando eram peque-
nas. Tem pessoas que me dizem isso. Na verdade, eu acho
que já tenho até bisnetos.
Pós-atendimento
Sinto um pouco de revolta pela situação da saúde brasileira,
e a satisfação de poder estar ajudando alguém.
Jussara conta história emocionante
Estávamos em casa, tocou a campainha e era um moço de
vinte e poucos anos, vindo convidar o Lando para o casa-
mento dele. O Lando agradeceu, mas disse: ‘Olha, obrigado,
mas eu não te conheço’. O rapaz respondeu: ‘O senhor não
me conhece, mas me chamo Landoaldo, e o meu nome é
por que o senhor salvou a minha vida. O meu parto foi muito
difícil, e eu faria muito gosto que o senhor estivesse presente
no meu casamento’. O Lando foi, e o rapaz o homenageou
pelo que ele fez.
Landoaldinhos
Existem seis landoaldos em Sombrio. Quatro deles são
landoaldinhos que eu trouxe ao mundo.
Dor
É muito fácil, mas muito difícil.Agente esbarra em situações
complicadas. Por exemplo, eu vivi, quando estava em Porto
Alegre fazendo especialização em pediatria, o médico que
era responsável pela UTI pediátrica de lá, tinha um filho
de dois anos. Ao chegar em casa naquele dia, o filho dele
estava com febre. No decorrer da tarde, o menino foi para o
hospital. Ele atendeu o filho dele e saiu chorando, dizendo
que o menino ia morrer. Uma hora e meia depois, o menino
estava morto com encefalite. É uma coisa ingrata. Às vezes
a gente encontra pacientes por quem não tem o que fazer.
E há outras situações. Se tudo der certo, todas as doenças
são tratáveis, mas quantas pessoas morrem de pneumonia,
algo tão fácil de tratar? Já perdi gente que eu acreditei que
salvaria, e salvei gente que não acreditava que fosse sobre-
viver. Todo paciente que perdemos, a gente sofre muito. É
um ser humano.
Resumo
Trabalho, suor e coragem. Medicina é isso.
Precariedade
No Brasil, tem 50 marcas de antibióticos que às vezes dizem
ter uma coisa e não tem, uma dosagem diferente. Isso não
dá o resultado que a gente espera.
Primeiro Casamento
Casei quando estava no sexto ano, depois de 17 anos e
três filhos, ela perdeu a vida em um acidente. Encontrei,
depois, a Jussara.
Jussara
Muito companheira, não sou ninguém sem ela na minha
casa. Ela é tudo. Me sinto completo com ela. Estamos há
21 anos casados. Nossa preferência é viajar, volta e meia
estamos de malas prontas.
Testemunha
Fui convidado para ser médico perito de uma comprovação
de milagre da cura de uma criança. Pelas provas apresen-
tadas, foi um milagre. Através das irmãs sacramentinas de
Sombrio, fui à Itália para a cerimônia de beatificação de
Madre Gertrudes, por causa desse milagre ocorrido. Foi um
marco na minha vida.
EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão
Cruzadinha Novelas
M
ariana revela a todos
que Mário é um dis-
farce. Xavier pede a
anulação das corridas de
moto disputadas por Maria-
na. Jane conta para Lídia
que está grávida e Ofélia
ouve. Julieta e Aurélio se
beijam. Darcy alerta Lady
Margareth sobre o perigo de ser sócia de Xavier, e eles
acabam discutindo sobre Briana. François reclama da
viagem de Ema para o Vale do Café. Mariana se diverte
com Cecília e Elisabeta ao lembrar da reação de Xavier.
Mariko tenta persuadir Ema a não ir para o Vale.
S
amuca confirma a ori-
gem de Dom Sabino.
Carmen percebe o su-
miço de um objeto em casa.
Samuca exige que Paulina
seja readmitida. Marino e
Monalisa encontram o baú
com as roupas da família
de Dom Sabino. Paulina
conta para Marocas que voltará a trabalhar na Samvita.
Samuca convida Elmo para ser o novo gerente do res-
taurante da empresa. Lucas volta para casa passando
mal. Marciana encontra o objeto que Vera Lúcia pegou
na casa de Carmen.
L
uzia se desespera ao
saber que Juarez está
planejando o assassina-
to de Manu. Laureta revela
a Karola que Ariella é Luzia.
Juarez arma para Manu fa-
zer uma entrega de drogas
sozinha em outro estado.
Edgar, Luzia, Ícaro e Cacau
tentam encontrar uma forma de salvar Manu. Manu vai
com Juarez para um casebre, e acaba abandonada em
uma floresta. Narciso e Luzia aparecem para resgatar
Manu, mas Viana dispara contra eles. Fátima se desespera
ao saber da emboscada para Manu.
Segundo Sol -21h
O Tempo Não Para-19h
Rapidinhas
Áries 21/03 a 20/04
21/04 a 20/05
21/05 a 20/06
21/06 a 20/07
21/07 a 20/08
21/08 a 20/09
21/09 a 20/10
21/10 a 20/11
21/11 a 20/12
21/12 a 20/01
21/01 a 20/02
21/02 a 20/03
Leão
HoróscopoHoróscopo
Sagitário
Gêmeos Libra Aquário
Touro
Você sentirá que estará mais casada e nervosa
durante este tempo. O planeta Vênus fará algumas
atividades contra você neste período importante.
Tente não se deixar levar por pequenos proble-
mas. Ajude o seu ânimo ficar mais paciente.
Com muita energia terá facilidade para fazer
determinadas coisas. Apresentará também uma
facilidade maior para lidar com situações capcio-
sas no momento. Os resultados devem ser o seu
foco para crescer.
As suas ações serão tomadas em alguns mo-
mentos sem pensar, causando-lhe alguns danos.
Mas poderá passar por momentos melhores que o
normal também. O planeta Júpiter será muito inte-
ressante ao tratar de questões mais pessimistas.
Suas opções no momento no que tange o amor
estarão muito afloradas neste momento de forma
bem evidente. Poderá apresentar uma tendência
maior em favorecer uma pessoa. Será o planeta de
Marte mostrando suas garras para lhe prejudicar.
Com uma sensação de segurança acima do nor-
mal poderá também demonstrar o quão leal você
é para seus amigos. A grande anã vermelha do
nosso sistema fará o possível para lhe auxiliar
nessa jornada.
Pessoas que não colocavam muita fé em você
notarão o quão habilidosa você é. Os planetas
Urano e Mercúrio serão peças chave neste sentido
da sua vida. Porém aparecerá o satélite Lua para
atrapalhar a sua jornada pela luz.
Coisas novas virão para você no que tange a
ter um relacionamento melhor no âmbito social.
Chegarão em você alguns elementos que não
tinha muita certeza da sua qualidade.
Uma procura intensa que tem feito por respostas
sinceras talvez lhe trará algum resultado neste
momento. Boas modificações que possam acon-
tecer com você neste dia estarão associadas às
atividades do planeta Plutão.
Não tente mentir para si mesma, isso não irá lhe
ajudar de forma alguma agora. Tente verificar
aonde está errando e com isso busque auxílio
para não se prejudicar. O planeta Plutão tende a
te puxar para baixo ao lado da tristeza. Se alegre.
Os teus desejos se mostrarão conflitantes, pois
não terá muita definição do que é mais importante
para você. Não aja como alguém com pouca
determinação e desenvoltura para conseguir
aquilo que quer.
Nem todos entenderão a sua força e aquilo que
você tem planejado, mas alguns irão ter a habi-
lidade de mudar o seu rumo. Entres os planetas
Saturno e Mercúrio haverá um conflito interessante
sobre esta constelação.
Ficará mais tranquila agora, pois os aspectos ruins
da ansiedade sumirão e ficarão em você apenas o
desejo de crescer.Algumas coisas que você gosta
muito estarão melhores agora. O satélite Lua será
um elemento bom para busca da tranquilidade.
Virgem Capricórnio
Câncer Escorpião Peixes
Na noite do último sábado (11), Thiaguinho
subiu ao palco do KM de Vantagens Hall, na Barra
da Tijuca, Rio de Janeiro, e encantou a platéia e
as muitas celebridades que estavam por lá.O can-
tor apresentou, pela primeira vez para o público
carioca, seu novo show Só Vem, inspirado em seu
mais recente álbum de inéditas. Para comemorar
os 16 anos de carreira, o artista deu início à nova
turnê, que desde abril vem rodando o Brasil.Na
apresentação, o artista cantou as músicas de
seu novo álbum, homônimo da turnê, lançado
em 2017. O trabalho contém 21 músicas novas
escolhidas a dedo dentro entre uma seleção de
mais de 200 títulos. Luciano Huck,Angélica, Preta
Gil, entre outros famosos estavam por lá.
Dia dos Pais e Karina Bacchi fez uma belís-
sima homenagem ao namorado,Amaury Nunes.
Na web, a atriz compartilhou imagens de Enrico
com seu noivo e escreveu um relato emocionante.
Em suas palavras, ela chamouAmaury de pai de
seu herdeiro.
Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
Orgulho e Paixão-18h
7Geral Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
Jacinto Machado
Marivânia Farias
Sombrio
Social está com as inscrições
abertas para cursos de informática
Caminhada abre a Semana da Família
O Centro de Referência
em Assistência Social de Ja-
cinto Machado está com ins-
crições abertas para o curso
de informática destinados a
pessoas que já estão no mer-
cado de trabalho, com idade
entre 18 e 50 anos. As aulas
iniciam dia 3 de setembro e
serão ministradas no período
noturno no Serviço de Con-
vivência e Fortalecimento de
Vínculos (SCFV).
O curso de Informática
Básica vai passar noções de
word, excel, power point
e internet. As inscrições
devem ser feitas, no CRAS,
entre 7h30min e 11h30min
e entre as 13 e as 17 horas.
No ato da inscrição os inte-
ressados devem apresentar
D
ezenas de cató-
licos participa-
ram na manhã
de sábado da caminhada de
aberturadaSemanadaFamília
na paróquia Santo Antônio,
na avenida Getúlio Vargas, no
centro de Sombrio.
Ao som de músicas que
têm a família como tema, eles
andaram até a frente da Igreja
Matriz, distribuindo pelo ca-
minhoumpequenocartãocom
mensagem cristã. Próximo a
rótula central, o trânsito foi
interrompido por alguns mi-
nutos para uma apresentação
de dança feita por um grupo
de jovens.
O padre Antônio Mendes
explicou que durante agosto, o
mês vocacional, cada semana
é dedicada a uma vocação. A
primeiralembrou o sacerdócio
easegundaévoltadaafamília.
A programação que começou
com a caminhada no sábado,
Fé
RG, CPF e comprovante de
endereço atualizado.
O curso, totalmente gra-
tuito, é promovido pela Se-
cretaria de Desenvolvimento
Social e da Família. “O
curso e o espaço têm o obje-
tivo de preparar e qualificar
quem já está no mercado de
continuou com várias missas
no final de semana, segue até
quarta-feira com adoração
eucarística pelas famílias e
comemoração pelos 20 anos
de criação da Diocese de
Criciúma, até terminar no dia
19. “Convidamos as pessoas a
rezar pela sua família e as de-
mais da comunidade.Também
temos o livrinho da novena
que os grupos de família estão
fazendo. São poucas coisas,
mas servem para marcar esse
período e pedir as bênçãos de
Deus sobre as famílias”, disse
o pároco.
Para o padre, algumas
propostas novas apresentadas
por setores da sociedade e
da mídia, deixam a família
para trás. Ele reconhece que
existem novos conceitos que
devem ser aceitos pela Igreja,
porém, sem esquecer a família
original. “Este espaço onde
homem e mulher vivam com
amor e fidelidade, gerem os
filhos e sigam o projeto de
Deus. Quanto mais famílias
trabalho, bem como apre-
sentar novas ferramentas
que serão utilizadas no dia
a dia”, explicou a secretária
Regina Patel.
A Terceira Idade já par-
ticipa do curso de informáti-
ca, que é realizado durante o
dia, também no SCFV.
santas existirem, melhor será
a sociedade”, enfatizou.
O pároco e os participan-
tesdamanifestaçãomostraram
preocupação, na fala e através
de cartazes, com a possibi-
lidade de mudança na lei do
aborto. “A família está sendo
atacada, tem essa questão do
aborto e a gente sabe o quanto
isso desfavorece a vida. Nós
brigamos pela vida”, disse
Deonilde Vefago Guetener.
Para ela, a participação nas
atividades da igreja fortale-
ce a fé pessoal e a própria
comunidade. No entanto, na
sua avaliação os católicos
são poucos participativos.
“É muito fácil na hora que
precisa de ajuda rezar, mas
depois não participar. Temos
que estar com Deus nas horas
ruins e também nas boas. Eu
sou prova do quanto a oração
nos fortalece”, defendeu.
Para Ivanilde Espindola
Goulart, a família está sendo
deixada de lado. “Ela é a ân-
cora de tudo, é o santuário da
vida, como dizia um cartaz ali
em frente”, afirmou. Ivanilde
e o marido têm dedicado boa
parte da vida a colaboração
com a igreja. Ela é coorde-
nadora do CPC (Conselho
Pastoral da Comunidade) da
comunidadedeNossaSenhora
dos Navegantes, em Balneário
Gaivota,etem,literalmente,as
chaves de entrada no templo.
O casal é responsável por abrir
e fechar as portas do prédio
da igreja.
Acaminhada teve o apoio
do carro de som da CDL de
Sombrio.
8 PublicidadeJornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
9Especial Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
SombrioMarivânia Farias
Ermo
Inaugurado shopping em containers
Pais são homenageados com jantar
Sombrio ganhou no últi-
mo sábado, dia 11, um novo
empreendimento, localizado
na sugestiva Rua das Som-
brinhas. Quem quiser saber
o motivo do nome, vá até lá,A
decoração
era mais
discreta do
que aquela
feita para
receber as mães, a programa-
ção também foi mais curta,
ou seja, o ambiente era mais
masculino. E assim o centro
comunitário de Ermo ficou
lotado com homens de todas as
Dia deles
olhe para o alto e aprecie o
colorido das sombrinhas pen-
duradas sobre os visitantes.
São cerca de 20 lojas
vendendo artigos de todo
gênero, de presentes e aces-
sórios a roupas e calçados.
Todas são instaladas dentro
idades, que foram homenagea-
dos pelo Dia dos Pais na noite
de sexta-feira, dia 10.
Foi o quarto ano em que
a administração municipal,
através da Secretaria de Assis-
tênciaSocialemparceriacoma
Secretaria de Saúde, convidou
todosospaisdomunicípiopara
um jantar especial na semana
em que eles são homenage-
ados.
O secretário da Assistên-
cia Social Clayton Américo,
de containers e juntas for-
mam o Small Shop, uma
novidade em toda a região.
O shopping popular em
containers fica no trevo prin-
cipal de Sombrio, próximo
ao posto 24 horas da Rede
Furnas.
estava feliz com a grande
quantidade de pais presentes,
cerca de 300. “Sabemos que
os homens são mais caseiros,
menos participativos do que as
mulheres, então é uma alegria
ver quantos estão aqui”, disse.
“A noite é de vocês, aprovei-
tem”, convidou Clayton em
um rápido pronunciamento
de abertura do evento. O pre-
feito Aldoir Cadorin, o Zica,
também parabenizou os pais
em breves palavras. “Somos
muito felizes por sermos pais.
Somos exemplo para os filhos,
então temos que educar bem,
ter uma família estruturada,
com pai e mãe que amem os
filhos”, recomendou.
Ricieri Della Vechia foi
ao encontro acompanhado por
um dos três filhos, Ederson,
que também já é pai. Ele avalia
que hoje a criação de um filho
é diferente do seu tempo. Para
Flávio Marcon Júnior, que es-
tavasentadopróximoaosDella
Vechia, atualmente é mais fácil
criar os filhos, e ele tem três.
Antes do jantar, o público
assistiu uma palestra feita pelo
médico urologista Charles
Souza, que falou sobre a saú-
de do homem. Depois, foram
sorteados cerca de 150 brindes
adquiridos com apoio da pre-
feitura e do comércio local.
Vereadores e o vice-prefeito
de Ermo Donato Della Vechia
também compareceram a ho-
menagem.
10 PublicidadeJornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
11Segurança Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
Sombrio
Região
Gislaine Fontoura
Araranguá
Suspeitos de estelionato são detidos Rede de Proteção à Mulher chega na região
e polícia palestra para asssitentes sociais
Homem é preso por furto em Araranguá
Na tarde da última sexta-
-feira, dia 10, a Polícia Militar
de Sombrio recebeu uma liga-
ção onde pedia para averiguar
uma determinada situação no
Centro, na avenida Getúlio
Vargas. Como a PM de Praia
Grande estava em Sombrio,
para serviços administrati-
vos, prestou apoio à PM de
Sombrio, que foi até o local.
De acordo com a vítima, ela
teria colocado uma câmera
fotográfica para venda em
um site de compra e venda e
também em suas redes sociais
efoiprocuradaporumsuposto
comprador,queseapresentava
como policial militar, de nome
Marcelo.
Posteriormente, a vítima
teria combinado um encontro
parafinsdeconcretizaranego-
ciação. Mas quando a vítima
chegou no local, identificou
Na tarde de quarta-feira,
dia 8, estiveram reunidos
na sede do 19º BPM vários
órgãos relacionados ao ser-
viço social das cidades de
Araranguá, BalneárioArroio
do Silva e Maracajá, onde foi
apresentado pelo comandan-
te do batalhão, tenente-coro-
nel Maike Adriano Valgas, o
programa Rede Catarina de
Proteção à Mulher.
O programa objetiva
direcionar esforços por parte
da Corporação no comba-
te e prevenção à violência
doméstica, particularmente
contra as mulheres.
A rede foi idealizada a
partir de práticas bem suce-
didas em todo o território na-
cional e em Santa Catarina,
como na cidade de Chapecó,
com o Guardião Maria da Pe-
N
a manhã de
sexta-feira, dia
10, por volta das
10 horas, a Polícia Militar
de Araranguá foi acionada
para atender uma ocorrência
de furto em estabelecimen-
to comercial, localizado no
Centro da cidade. De posse
das informações de vestes e
sentido de fuga do ladrão, a
PM rapidamente localizou o
suspeito e o abordou.
O homem de 36 anos
Flagrante
alguns homens que teriam
sidoenviadospelocomprador,
os quais retirariam o produto.
Suspeitando da possibilidade
de ser um golpe, tendo em
vista o comportamento dos
homens, contatou o Telefone
de Emergência - 190 da PM,
pedindo apoio para identifi-
cação dos suspeitos, os quais
se tratavam três homens, que
nha, que também já existe em
Santo Amaro, Norte da Ilha
de Florianópolis e Lages,
entre outros municípios.
O programa é, de fato,
a necessária atenção às mu-
lheres vítimas de violência
doméstica e familiar, que
vai dar voz e dignidade a
estava com uma sacola con-
tendo um aspirador de pó e 11
facas. O aspirador de pó havia
sido furtado da loja, onde os
funcionários perceberam e
acionaram a PM, via Telefone
de Emergência – 190. Já na
loja onde as facas haviam
sido furtadas, os funcionários
não haviam se dado conta do
crime e só souberam após a
PM chegar no estabelecimen-
to com as facas os produtos
serem reconhecidos.
O ladrão confessou o fur-
to nas duas lojas e foi ele mes-
mo quem indicou para a PM
foramabordadoseconduzidos
para a Delegacia de Polícia
Civil, para os procedimentos
cabíveis.
De acordo com a PM, nos
últimos meses a corporação
vem recebendo informações
de alguns golpes que estavam
ocorrendo na região, nos quais
o agente se identifica como
policial Marcelo.
elas, a partir do conceito de
que é possível fazer mais e
melhor, de forma simples e
efetiva.
O lançamento oficial do
programa na Comarca de
Araranguá deverá ocorrer no
dia 20 de agosto, no Fórum
da Comarca de Araranguá.
de onde as facas haviam sido
furtadas. Diante dos fatos, o
homem foi preso em flagrante
e conduzido juntamente com
material apreendido, à Central
de Plantão Policial (CPP) de
Araranguá, para os procedi-
mentos cabíveis. As vítimas
também compareceram na
CPP.
O mesmo homem já ha-
via sido preso semana pas-
sada, também por furto e
foi liberado em audiência de
custódia, desta vez, ele foi
encaminhado ao Presídio Re-
gional de Araranguá (PRA).
12 PublicidadeJornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
13Publicidade Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 201814 PublicidadeJornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 6 de Agosto de 2018
12 PublicidadeJornal Correio do Sul
Terça-Feira, 31 de Julho de 2018
Gremistas vibram com goleada para "dar
moral" antes de decisão contra o Flamengo
27-30-32-36-43-48
02-05-06-09-28-47
CONCURSO
1.825
DUPLA SENA
11/08
09-28-31-36-71
CONCURSO
4.748
QUINA
11/08
02-11-13-26-32-59
CONCURSO
2.067
MEGA SENA
11/08
Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
Brasileirão - Série A
Brasileirão - Série B
Porto Alegre
R
enato re-
petiu a es-
tratágia de
poupar os
titulares e
escalou um o time reserva
para enfrentar o Vitória neste
domingo, na Arena, pelo
Campeonato Brasileiro. Mas
o torcedor mais desatento
nem notou esse "detalhe".
Com uma atuação de luxo, os
suplentes golearam o Vitória
por 4 a 0, em um jogo que
dominaram do início ao fim.
E que dá moral para a decisão
de quarta-feira, contra o Fla-
mengo, no Rio, pelas quartas
de final da Copa do Brasil.
Douglas e Jailson abri-
ram 2 a 0 antes dos 20 minu-
tos do primeiro tempo e foram
os grandes destaques gremis-
tas na partida. Pepê e Ever-
ton garantiram a goleada na
segunda etapa, mas o placar
poderia ser até mais elástico,
tamanha a superioridade do
time gaúcho sobre o baiano,
que poucas vezes ameaçou o
gol de Paulo Victor.
– Com certeza, é uma
vitória para dar moral para
o nosso grupo, para a gente
poder ir quarta-feira para o
Rio de Janeiro e fazer um
grande jogo e, se Deus quiser,
sair de lá com a classificação
– comemorou Cortez.
Além dos três pontos, a
atuação dos suplentes também
trouxe boas notícias para
Renato Gaúcho. A começar
por Douglas. Aos poucos, o
camisa 10 gremista começa a
recuperar a forma após quase
dois anos sem atuar. Fez gol
e deu assistência para Jailson,
outro que se destacou no
meio-campo se candidata a
retornar ao time de titular, ao
lado de Maicon.
– O gol dá confiança. Eu
depois de muito tempo, quase
dois anos sem fazer um gol,
fui feliz hoje. Mas mais feliz
ainda pela sequência, pelo
resultado da partida. Então,
hoje foi uma noite para a gen-
te poder comemorar – disse
o camisa 10, antes de ir aos
vestiários.
O resultado faz o Grêmio
dormir na terceira colocação
da tabela, com 33 pontos. O
Tricolor pode ser ultrapassado
pelo rival Inter, que enfrenta
o Fluminense nesta segunda-
-feira, no complemento da ro-
dada. O próximo compromis-
so pelo Nacional é no sábado,
contra o Corinthians, em São
Paulo. Antes, porém, decide
uma vaga nas semifinais na
Copa do Brasil, quarta-feira,
no Maracanã.
15
Jornal Correio do Sul
Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018Publicações Legais
ESTADO DE SANTA CATARINA
PREFEITURA MUNICIPAL DE JACINTO MACHADO
AVISO DE LICITAÇÃO
Processo Licitatório nº 58/2018 - Tomada de Preços - Menor Preço Global
Objeto: Contratação de empresa para execução das obras de pavimentação asfáltica, da Etapa 1 da Rodovia
Municipal Serra da Pedra, que liga o Bairro Gávea a Comunidade de Linha São Pedro, no município de Jacinto
Machado/SC, com extensão de 1.375 metros.
Data e hora da entrega dos envelopes: até as 08h15min do dia 28/08/2018.
Data e hora da abertura dos envelopes: a partir das 08h30min do dia 28/08/2018.
Local para entrega dos envelopes, informações e cópia do edital: Prefeitura Municipal de Jacinto Machado,
sito a Rua Pool Jorge Zacca, 75 - Centro, no município de Jacinto Machado/SC, no horário das 07h30min
às 11h30min e das 13h às 17h, em dias úteis, ou através do e-mail licita@jacintomachado.sc.gov.br. Fone/
fax (48) 3535-1133.
João Batista Mezzari
Prefeito Municipal
ESTADO DE SANTA CATARINA
MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA
ERRATA 001/2018
PROCESSO LICITATÓRIO Nº 75/2018
EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 35/2018
1 – Do Objeto: Aquisição de Sub-base de seixo rolado peneirada de 2,5 polegadas, com transporte, para uso
da Secretaria de Obras, Viação e Serviços Urbanos para a recuperação de estradas vicinais do Município de
Balneário Arroio do Silva.
2–DasJustificativasdaErrata:ConsiderandoqueoEditaldeLicitaçãoemepígrafepoderestringiraparticipação
de interessados quando faz exigência sobre os documentos de qualificação técnica, e ainda considerando o
Parecer Jurídico exarado pela Assessoria Jurídica deste Município.
3 - Das Alterações: Trazemos ao conhecimento dos interessados, que o Edital do Processo Licitatório
supracitado, sofreu alterações nos itens descriminados abaixo:
ONDE SE LÊ:
6.5 – QUALIFICAÇÃO TÉCNICA
6.5.1 - Prova de no mínimo, um atestado/declaração de capacidade técnica, em nome da licitante, expedido
por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove ter a licitante fornecido material similar ao
objeto descrito neste Edital;
6.5.2 - LicençaAmbiental de Operação – LAO, da Usina onde será retirado o material, em nome da preponente,
expedida pela FATMA ou órgãos municipais habilitados para realização do Licenciamento Ambiental das
AtividadesdeImpactoLocal,combasenasresoluçõesdoCONSEMA(ConselhoEstadualdoMeioAmbiente)n.º
01 e 02 de 2006, ajustadas pela Resolução CONSEMAnº. 03 de 2008, que aprova a “Listagem dasAtividades
Consideradas Potencialmente Causadoras de DegradaçãoAmbiental”, mediante a acompanhamento de Guia
de Utilização emitida pelo DNPM, em nome da preponente, bem como seu prazo de validade.
LEIA-SE:
6.5 – QUALIFICAÇÃO TÉCNICA
6.5.1 - Prova de no mínimo, um atestado/declaração de capacidade técnica, em nome da licitante, expedido
por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove ter a licitante fornecido material similar ao
objeto descrito neste Edital;
6.5.2 - LicençaAmbiental de Operação – LAO, da Usina onde será retirado o material, em nome da preponente,
expedida pela FATMA ou órgãos municipais habilitados para realização do Licenciamento Ambiental das
AtividadesdeImpactoLocal,combasenasresoluçõesdoCONSEMA(ConselhoEstadualdoMeioAmbiente)n.º
01 e 02 de 2006, ajustadas pela Resolução CONSEMAnº. 03 de 2008, que aprova a “Listagem dasAtividades
Consideradas Potencialmente Causadoras de DegradaçãoAmbiental”, mediante a acompanhamento de Guia
de Utilização emitida pelo DNPM, em nome da preponente, bem como seu prazo de validade.
6.5.2.1 – O documento supracitado poderá ser substituído por contrato entre a preponente e a Usina (empresa
de extração) juntamente com a LicençaAmbiental de Operação – LAO, da Usina onde será retirado o material,
expedida pela FATMA ou órgãos municipais habilitados para realização do Licenciamento Ambiental das
AtividadesdeImpactoLocal,combasenasresoluçõesdoCONSEMA(ConselhoEstadualdoMeioAmbiente)n.º
01 e 02 de 2006, ajustadas pela Resolução CONSEMAnº. 03 de 2008, que aprova a “Listagem dasAtividades
Consideradas Potencialmente Causadoras de DegradaçãoAmbiental”, mediante a acompanhamento de Guia
de Utilização emitida pelo DNPM, em nome da Usina, bem como seu prazo de validade.
4 – Da sessão pública: Devida as alterações, fica determinado nova data para impugnação do Edital, abertura
da sessão e protocolo dos envelopes:
4.1 - Qualquer pessoa poderá solicitar esclarecimentos, providências ou impugnar o ato convocatório do
presente pregão, protocolizando o pedido até o dia 21/08/2018, no endereço discriminado no item 21.12 deste
Edital, cabendo ao Pregoeiro decidir sobre a petição. Caso não seja respondido até a abertura da sessão, pela
Administração Pública, o processo será automaticamente suspenso.
4.2-AEntrega,Protocolodosenvelopesde“PROPOSTADEPREÇOS”e“DOCUMENTOSDEHABILITAÇÃO”,
deverão ser feitos junto ao Protocolo da Prefeitura Municipal de Balneário Arroio do Silva, até às 13:30 horas
do dia 24 de agosto de 2018, ou do primeiro dia útil subsequente, na hipótese de não haver expediente nesta
data. Abertura da sessão no mesmo dia às 14:00 horas.
Balneário Arroio do Silva, 10 de agosto de 2018.
Altemir Daros Fontanela
Pregoeiro
ESTADO DE SANTA CATARINA
MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA
AVISO DE LICITAÇÃO
PROCESSO LICITATÓRIO Nº 78/2018
TOMADA DE PREÇOS Nº 09/2018
OBJETO: Seleção e contratação de empresa do ramo de engenharia e/ou construção civil, para a escolha
da proposta mais vantajosa, em regime de empreitada global (material e mão-de-obra especializada) para a
execução da “Pavimentação em lajotas da Avenida Atlântico Sul, com extensão de 143,00 metros, no trecho
entre a Avenida Santa Catarina e Rua Dom Pedrito, conforme Memorial Descritivo, Planilha Orçamentária,
Cronograma Físico Financeiro e Projeto” de acordo com o que se encontra definido nas especificações e
condições estabelecidas neste Edital e seus anexos.
REGIME DE EXECUÇÃO: de forma indireta, EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL.
TIPO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO GLOBAL.
REGIME LEGAL: Mediante as especificações e condições previstas no Edital, sob a regência da Lei nº 8.666
de 21/06/1993, e suas alterações e Lei Complementar nº 123/2006, e posteriores alterações.
ABERTURADOS ENVELOPES: Iniciará às 14:00 horas do dia 29 de agosto de 2018, no Setor de Licitações,
na Sede da Prefeitura Municipal, situada naAvenida Santa Catarina, nº 1122, Centro, na Cidade de Balneário
Arroio do Silva/SC.
INFORMAÇÕES: Pessoalmente, pelo telefone: (48) 3526-1445, ou pelo e-mail: licitacao@arroiodosilva.
sc.gov.br.
Balneário Arroio do Silva/SC, 10 de agosto de 2018.
JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES
Prefeito Municipal
SEGUNDA-FEIRA, 13 DE AGOSTO DE 2018

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 06 02-18
Jornal digital 06 02-18Jornal digital 06 02-18
Jornal digital 06 02-18
Jornal Correio do Sul
 
Correio Carpinense Jan
Correio Carpinense JanCorreio Carpinense Jan
Correio Carpinense Jan
Maria Luiza Silva
 
Jornal digital 26 06-18
Jornal digital 26 06-18Jornal digital 26 06-18
Jornal digital 26 06-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 18 05-18
Jornal digital 18 05-18Jornal digital 18 05-18
Jornal digital 18 05-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 18 04-18
Jornal digital 18 04-18Jornal digital 18 04-18
Jornal digital 18 04-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 22 08-18
Jornal digital 22 08-18Jornal digital 22 08-18
Jornal digital 22 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 5050_qui_24112016
Jornal digital 5050_qui_24112016Jornal digital 5050_qui_24112016
Jornal digital 5050_qui_24112016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 17 07-18
Jornal digital 17 07-18Jornal digital 17 07-18
Jornal digital 17 07-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 08 08-18
Jornal digital 08 08-18Jornal digital 08 08-18
Jornal digital 08 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 23 04-18
Jornal digital 23 04-18Jornal digital 23 04-18
Jornal digital 23 04-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 17 05-18
Jornal digital 17 05-18Jornal digital 17 05-18
Jornal digital 17 05-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 05 03-18
Jornal digital 05 03-18Jornal digital 05 03-18
Jornal digital 05 03-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 15 08-18
Jornal digital 15 08-18Jornal digital 15 08-18
Jornal digital 15 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 12 09-2018
Jornal digital 12 09-2018Jornal digital 12 09-2018
Jornal digital 12 09-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 23 05-18
Jornal digital 23 05-18Jornal digital 23 05-18
Jornal digital 23 05-18
Jornal Correio do Sul
 

Mais procurados (20)

Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018Jornal digital 19 09-2018
Jornal digital 19 09-2018
 
Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018Jornal digital 30 11-2018
Jornal digital 30 11-2018
 
Jornal digital 06 02-18
Jornal digital 06 02-18Jornal digital 06 02-18
Jornal digital 06 02-18
 
Correio Carpinense Jan
Correio Carpinense JanCorreio Carpinense Jan
Correio Carpinense Jan
 
Jornal digital 26 06-18
Jornal digital 26 06-18Jornal digital 26 06-18
Jornal digital 26 06-18
 
Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17Jornal digital 14 06-17
Jornal digital 14 06-17
 
Jornal digital 18 05-18
Jornal digital 18 05-18Jornal digital 18 05-18
Jornal digital 18 05-18
 
Jornal digital 18 04-18
Jornal digital 18 04-18Jornal digital 18 04-18
Jornal digital 18 04-18
 
Jornal digital 22 08-18
Jornal digital 22 08-18Jornal digital 22 08-18
Jornal digital 22 08-18
 
Jornal digital 5050_qui_24112016
Jornal digital 5050_qui_24112016Jornal digital 5050_qui_24112016
Jornal digital 5050_qui_24112016
 
Jornal digital 17 07-18
Jornal digital 17 07-18Jornal digital 17 07-18
Jornal digital 17 07-18
 
Jornal digital 08 08-18
Jornal digital 08 08-18Jornal digital 08 08-18
Jornal digital 08 08-18
 
Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018Jornal digital 13 12-2018
Jornal digital 13 12-2018
 
Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018Jornal digital 21 11-2018
Jornal digital 21 11-2018
 
Jornal digital 23 04-18
Jornal digital 23 04-18Jornal digital 23 04-18
Jornal digital 23 04-18
 
Jornal digital 17 05-18
Jornal digital 17 05-18Jornal digital 17 05-18
Jornal digital 17 05-18
 
Jornal digital 05 03-18
Jornal digital 05 03-18Jornal digital 05 03-18
Jornal digital 05 03-18
 
Jornal digital 15 08-18
Jornal digital 15 08-18Jornal digital 15 08-18
Jornal digital 15 08-18
 
Jornal digital 12 09-2018
Jornal digital 12 09-2018Jornal digital 12 09-2018
Jornal digital 12 09-2018
 
Jornal digital 23 05-18
Jornal digital 23 05-18Jornal digital 23 05-18
Jornal digital 23 05-18
 

Semelhante a Jornal digital 13 08-18

Jornal digital 14 08-18
Jornal digital 14 08-18Jornal digital 14 08-18
Jornal digital 14 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 29 08-18
Jornal digital 29 08-18Jornal digital 29 08-18
Jornal digital 29 08-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 08 06-18
Jornal digital 08 06-18Jornal digital 08 06-18
Jornal digital 08 06-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 04-18
Jornal digital 13 04-18Jornal digital 13 04-18
Jornal digital 13 04-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 03 04-18
Jornal digital 03 04-18Jornal digital 03 04-18
Jornal digital 03 04-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 08 03-18
Jornal digital 08 03-18Jornal digital 08 03-18
Jornal digital 08 03-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 04 09-2018
Jornal digital 04 09-2018Jornal digital 04 09-2018
Jornal digital 04 09-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 15 03-18
Jornal digital 15 03-18Jornal digital 15 03-18
Jornal digital 15 03-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 22 05-18
Jornal digital 22 05-18Jornal digital 22 05-18
Jornal digital 22 05-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 10 05-18
Jornal digital 10 05-18Jornal digital 10 05-18
Jornal digital 10 05-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 20 06-17
Jornal digital 20 06-17Jornal digital 20 06-17
Jornal digital 20 06-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 18 06-18
Jornal digital 18 06-18Jornal digital 18 06-18
Jornal digital 18 06-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 4982 seg_15082016
Jornal digital 4982 seg_15082016Jornal digital 4982 seg_15082016
Jornal digital 4982 seg_15082016
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 01 08-17
Jornal digital 01 08-17Jornal digital 01 08-17
Jornal digital 01 08-17
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 26 07-18
Jornal digital 26 07-18Jornal digital 26 07-18
Jornal digital 26 07-18
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018
Jornal Correio do Sul
 

Semelhante a Jornal digital 13 08-18 (20)

Jornal digital 14 08-18
Jornal digital 14 08-18Jornal digital 14 08-18
Jornal digital 14 08-18
 
Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17Jornal digital 16 08-17
Jornal digital 16 08-17
 
Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18Jornal digital 04 05-18
Jornal digital 04 05-18
 
Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17Jornal digital 14 07-17
Jornal digital 14 07-17
 
Jornal digital 29 08-18
Jornal digital 29 08-18Jornal digital 29 08-18
Jornal digital 29 08-18
 
Jornal digital 08 06-18
Jornal digital 08 06-18Jornal digital 08 06-18
Jornal digital 08 06-18
 
Jornal digital 13 04-18
Jornal digital 13 04-18Jornal digital 13 04-18
Jornal digital 13 04-18
 
Jornal digital 03 04-18
Jornal digital 03 04-18Jornal digital 03 04-18
Jornal digital 03 04-18
 
Jornal digital 08 03-18
Jornal digital 08 03-18Jornal digital 08 03-18
Jornal digital 08 03-18
 
Jornal digital 04 09-2018
Jornal digital 04 09-2018Jornal digital 04 09-2018
Jornal digital 04 09-2018
 
Jornal digital 15 03-18
Jornal digital 15 03-18Jornal digital 15 03-18
Jornal digital 15 03-18
 
Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18Jornal digital 13 06-18
Jornal digital 13 06-18
 
Jornal digital 22 05-18
Jornal digital 22 05-18Jornal digital 22 05-18
Jornal digital 22 05-18
 
Jornal digital 10 05-18
Jornal digital 10 05-18Jornal digital 10 05-18
Jornal digital 10 05-18
 
Jornal digital 20 06-17
Jornal digital 20 06-17Jornal digital 20 06-17
Jornal digital 20 06-17
 
Jornal digital 18 06-18
Jornal digital 18 06-18Jornal digital 18 06-18
Jornal digital 18 06-18
 
Jornal digital 4982 seg_15082016
Jornal digital 4982 seg_15082016Jornal digital 4982 seg_15082016
Jornal digital 4982 seg_15082016
 
Jornal digital 01 08-17
Jornal digital 01 08-17Jornal digital 01 08-17
Jornal digital 01 08-17
 
Jornal digital 26 07-18
Jornal digital 26 07-18Jornal digital 26 07-18
Jornal digital 26 07-18
 
Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018Jornal digital 11 12-2018
Jornal digital 11 12-2018
 

Mais de Jornal Correio do Sul

Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 14 11-2018
Jornal digital 14 11-2018Jornal digital 14 11-2018
Jornal digital 14 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 13 11-2018
Jornal digital 13 11-2018Jornal digital 13 11-2018
Jornal digital 13 11-2018
Jornal Correio do Sul
 
Jornal digital 12 11-2018
Jornal digital 12 11-2018Jornal digital 12 11-2018
Jornal digital 12 11-2018
Jornal Correio do Sul
 

Mais de Jornal Correio do Sul (20)

Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018Jornal digital 20 12-2018
Jornal digital 20 12-2018
 
Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018Jornal digital 19 12-2018
Jornal digital 19 12-2018
 
Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018Jornal digital 18 12-2018
Jornal digital 18 12-2018
 
Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018Jornal digital 17 12-2018
Jornal digital 17 12-2018
 
Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018Jornal digital 14 12-2018
Jornal digital 14 12-2018
 
Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018Jornal digital 12 12-2018
Jornal digital 12 12-2018
 
Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018Jornal digital 10 12-2018
Jornal digital 10 12-2018
 
Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018Jornal digital 06 12-2018
Jornal digital 06 12-2018
 
Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018Jornal digital 05 12-2018
Jornal digital 05 12-2018
 
Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018Jornal digital 04 12-2018
Jornal digital 04 12-2018
 
Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018Jornal digital 03 12-2018
Jornal digital 03 12-2018
 
Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018Jornal digital 29 11-2018
Jornal digital 29 11-2018
 
Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018Jornal digital 28 11-2018
Jornal digital 28 11-2018
 
Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018Jornal digital 27 11-2018
Jornal digital 27 11-2018
 
Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018Jornal digital 24 11-2018
Jornal digital 24 11-2018
 
Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018Jornal digital 22 11-2018
Jornal digital 22 11-2018
 
Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018Jornal digital 19 11-2018
Jornal digital 19 11-2018
 
Jornal digital 14 11-2018
Jornal digital 14 11-2018Jornal digital 14 11-2018
Jornal digital 14 11-2018
 
Jornal digital 13 11-2018
Jornal digital 13 11-2018Jornal digital 13 11-2018
Jornal digital 13 11-2018
 
Jornal digital 12 11-2018
Jornal digital 12 11-2018Jornal digital 12 11-2018
Jornal digital 12 11-2018
 

Jornal digital 13 08-18

  • 1. Caminhada abre a Semana da Família na paróquia Santo Antônio de Pádua Município de Ermo realiza jantar em homenagem aos pais Rua das Sombrinhas abriga shopping de containers Correio do SulANO XXVI EDIÇÃO Nº 5.474 R$ 2,00 www.grupocorreiodosul.com.br 21º11º Sol com algumas nuvens. Não chove. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Página 7 Página 9 Página 9 SEGUNDA-FEIRA, 13 DE AGOSTO DE 2018 RODOVIÁRIA CEDERÁ ESPAÇO PARA NOVA PRAÇA PÚBLICA DE SOMBRIO Página 3
  • 2. Suplente de deputado estadual, Dóia Guglielmi (PSDB) ganhou reforço a sua campanha eleitoral com vistas ao parlamento catarinense. Reforço protagonizado por ele próprio. É que Dóia assumiu novamente a Assembleia Legislativa, no lugar do deputado Leonel Pavan (PSDB), que voltou ao comandodaSecretariadeEstadodeTurismo.Pavan não disputará à reeleição, e, por conta disto, pode reassumir seu cargo executivo. No pleito deste ano ele trabalhará para tentar eleger seu filho, Leonel Júnior Pavan (PSDB), deputado federal. Recentes problemas de saúde vivenciados pelo deputado o convenceram a ficar fora do certame deste ano. Primeirodebateentreoscandidatosaogovernode SantaCatarina,realizadonosábado,pelaRádioSom Maior, em Criciúma, não serviu para mostrar o tom da campanha, se é que existirá um. Em princípio, os candidatos defenderam teses pouco empolgantes. Ressaltou-seGelsonMerisio(PSD),comsuaeterna defesa do enxugamento da máquina pública.Abem da verdade, os principais candidatos estão pisando em ovos. O PSD de Merisio, e o MDB de Mauro Mariani estão no comando do Estado há quase 16 anos. Fingir animosidade, agora, beira ao ridículo. Por sua vez, Décio Lima e seu PT têm um telhado de vidro que vai do Oiapoque ao Chui. No mais, so- braramasvelhasalfinetadasdoscandidatosnanicos, com suas eternas soluções milagrosas. P assadas duas semanas desde que o deputado federal Jorge Boeira (PP) anunciou que não concorreria à reeleição, o impasse em torno do tema persiste. No final de semana líderes do partido tentaram chegar a um denomina- dor comum sobre o assunto, mas não conseguiram. Até mesmo uma reunião que estava marcada para acontecer no sábado, emTubarão, reunindo as prin- cipais lideranças progressistas do Sul do Estado, acabou não sendo realizada. Os contatos entre os caciques da sigla acabaram se resumindo a ligações telefônicas e trocas de mensagens via whatsapp. Em princípio, é ponto pacífico que Boeira não retomará sua candidatura. Os progressistas já estão convencidos e conformados quanto a isto. Diante desta realidade, há duas possibilidades plausíveis. Uma converge para a candidatura da presidente do Progressistas de Nova Veneza, Ângela Ghislandi, à vaga de Boeira. Trata-se de uma jovem política, de 31 anos, herdeira de uma família de empresários do setor alimentício da região de Criciúma.Aoutra possibilidade converge para a candidatura do ex- -deputado federal Leodegar Tiscoski. Ângela e Leodegar têm perfis totalmente distintos dentro do partido. Ela é uma quase des- conhecida em nível regional, mas, em princípio, parece ser a preferida de Boeira. Já Leodegar tem muito mais densidade, fruto de seu histórico dentro do partido. O que se percebe, no entanto, é que Ângela parece propensa a arriscar, ao contrário deTiscoski, que se mostra bastante preocupado em construir uma espécie de condição ideal para a disputa, o que é praticamente impossível, faltando apenas sete semanas para a eleição. Para o Progressistas, de longe, a candidatura de Leodegar é a mais salutar. Trabalho, agora, é convencê-lo a ir para o embate, mesmo sem todas as garantias necessárias. Em princípio, está previsto para entrar em votação hoje, na Câmara Municipal de Vereadores de Som- brio, Projeto de Lei que prevê a venda de uma área de mais de 2 mil metros quadrados, aonde funciona o prédio da rodoviária do município. A prefeitura, que é a proprietária da área, pretende leiloar o imóvel por um valor mínimo de R$ 5 milhões. A oposição,capitaneadapeloPP,pretendesemobilizar contra a venda. Em tese, o prefeito Zênio Cardoso (MDB) tem sete dos onze votos para a aprovação do projeto. O assunto, no entanto, é extremamente polêmico, constituindo-se numa típica saia justa para o legislativo. PC do B de Araranguá confirmou candidatura de Fernando Espíndola a deputado estadual. Com isto, por ora, já são onze os candidatos com ligações di- retas aos municípios de nossa região que disputam a AssembleiaLegislativanesteano.Emprincípio,não haveráaumentononúmerodepostulantes,massem- preébomlembrarqueospartidostêmatéopróximo dia 15 para registrar as candidaturas com vistas ao pleitodesteano.Naprática,istosignificaquemesmo comasatasdasconvençõesjáfechadas,nadaimpede que algum nome constante lá possa ser substituído por outro. É o caso da situação que envolve o depu- tado federal Jorge Boeira (PP), que foi homologado como candidato à reeleição em convenção, mas que será substituído por outra candidatura. Rolando Christian CoelhoRolando Christian Coelho Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 rolando_coelho@hotmail.com (48) 99945.6787 POLÍTICA NOTAS Sete décadas e olhar no futuro N esta sexta-feira (10) a Fecomércio-SC comemorou 70 anos de cria- ção, data marcada pelo lançamento de uma campanha institucional que tem como mote o olhar no futuro para garantir o dinamismo do comércio, serviços e turismo em Santa Catarina. Manter em movimen- to os setores representados pela Federação é essencial para a economia catarinense como um todo, uma vez que eles respondem por quase 64% dos empregos formais e por mais de 65% do Produto Interno Bruto (PIB) estadual. Na segunda-feira (13), o atual presidente, Bruno Breithaupt, será reconduzido para o quadriênio 2018/2022. Quando concluir mais esta gestão, terá somado 13 anos à frente da Fecomércio-SC. Mas nem tudo são flores. Em artigo recente, Breithaupt afirma que o momento é desafiador, por conta do novo panorama sindical, que “exige amadurecimento e re- estruturação da atividade” após a Reforma Trabalhista. Para ele, as mu- danças exigem gestão transparente e profissional, com entidades sindicais cada vez mais alinhadas aos anseios de seus representados. “Somam-se a isso as turbulências no cenário político e econômico que custaram ao país uma crise institucional sem precedentes. Próximo à virada da década, o setor produtivo precisa robustecer a representatividade para, assim, con- tribuir para a construção de um Brasil mais competitivo, produtivo e, com isso, menos desigual”, defende o líder empresarial. Boa! O deputado Vicente Caropreso (PSDB), presidente da Comissão de Defe- sa dos Direitos da Criança e Adolescente da Assembleia, apresentou projeto de lei que cria algumas situações novas para po- tencializar a arrecadação do Fundo para Infância e Adolescência (FIA) no estado. Entre as mudanças, a proposta transfor- ma o que atualmente é opção em obriga- ção das empresas controladas pelo gover- no, Celesc e Casan, por exemplo. Aprovado o projeto, elas terão que destinar, anual- mente, 1% do Imposto de Renda devido a programas vinculados ao FIA. Compromisso A pré-candidata ao Se- nado pelo partido Rede Sustentabilidade, Miriam Prochnow, assinou a campanha Unidos Contra a Corrupção – Novas medi- das para acabar com esse velho problema do Brasil, coordenada por uma coalizão de organizações e movimentos sem vínculos partidário. Miriam se comprometeu pu- blicamente a, se eleita, lutar no Congresso Nacional para ver aplicada a plataforma de propostas de reforma legislativa, ad- ministrativa e institucional. A iniciativa traz um pacote com 70 medidas, incluin- do anteprojetos de lei, propostas de emen- da à Constituição, projetos de resolução e outras normas voltadas ao controle da corrupção. “O importante nessas propos- tas é que avançam em diferentes frentes contra um problema que é multifacetado. O fato de trazer a visão de diversos seto- res e instituições nacionais, com diferentes opiniões e ideologias, dá credibilidade às proposições para o enfrentamento da cor- rupção”, avalia Miriam. Tá difícil pagar as contas? O churras- quinho de final de semana já não rola mais como antes? Então saiba que enquanto você, os municípios, os estados e o país estão apertando os cintos para dar conta dos compromissos, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) e procuradores do Ministério Público Federal (MPF) apro- varam reajuste de mais de 16% para seus próprios salários. A decisão final será do Congresso que, como sempre, deverá man- ter a política da boa vizinhança e aprovar o aumento. Detalhe: no país do STF e do MPF a inflação acumulada dos últimos 12 meses foi de ,48% (IPCA-IBGE), igualzi- nha à registrada no país dos assalariados e dos empreendedores. Apicultura O setor cresce de forma expo- nencial. Santa Catarina já é o quarto maior estado em produtividade, com 315 mil col- meias. Para capacitar os apicultores, o Se- brae-SC, a Epagri e a FAASC promovem a Jornada Técnica de Apicultura até o dia 20 de agosto. Serão oferecidos encon- tros, palestras e visitas técnicas no Vale, Foz, Serra, Sul, e Oeste de Santa Catarina. Cerca de 10 mil famílias do estado depen- dem desse setor e 80% delas têm a apicul- tura como principal atividade econômica. Sob nova direção A posse do novo presidente da Federação das Indústrias (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar, foi bastante concorrida, com presença massiva de lideranças políticas, institucionais e empresa- riais. Entre elas, o governador Eduardo Pinho Moreira e o presidente da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Robson Braga de Andrade, e presidentes da maior parte das demais federa- ções estaduais. O governador também participou do almoço de despedida de Glauco José Côrte da presidência. Em seu discurso de posse, Aguiar re- conheceu que o momento é difícil e não evitou o tom de crítica: “É consenso que vivemos dias de incertezas e turbulências, frustrados pela má gestão e pela ineficiência no uso dos recursos públicos, que não são escassos. A utilização deles, contudo, exige muito mais zelo”. FilipeScotti Por Andréa Leonora redacao@peloestado.com.br 11e12/Ago/2018 Precisa melhorar a gestão da sua empresa? Venha pro Sebrae: consultoria online, palestras, oficinas e cursos. INFORME-SE: www.sebrae-sc.com.br Progressistas entra semana sem substituto para Boeira
  • 3. Sombrioterápraçapúblicadeconvivência 3Geral Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 Nova praça A Prefeitura de Sombrio conse- guiu a liberação na última sexta-feira, via Mi- nistério do Turismo, através da caixa Econômica Federal (CEF), de R$ 570.451,77, para a construção de uma grande praça pública no local onde hoje está a rodoviária, bem no Centro de Sombrio, entre a avenida Getúlio Var- gas e a rua Caetano Lumertz. “Um sonho que está prestes a se realizar. Um sonho que já saiu da cabeça, está no papel e com a garantia dos recursos para que a obra seja feita e Sombrio passe a ter o que toda cidade que se preste tem: uma praça para que o cidadão tenha momentos de lazer e lhe seja oportunizado espaços de con- vivência com seus familiares, amigos, colegas de trabalho e para eventos culturais”, comemorou o prefeito Zênio Cardoso. Zênio idealizou o projeto já no primeiro mandato, mas o grande volume de obras ações nos primeiros quatro anos, com mais de 60 milhões de reais foram dedicados e estruturação do município. “A cidade estava velha, com Sombrio G.C.S LTDA - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 Comercial: l48l 3533.0870 comercial@grupocorreiodosul.com.br ali@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral diretor@grupocorreiodosul.com.br Redação: Gislaine Fontoura editor@grupocorreiodosul.com.br Publicações legais: tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro financeiro@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Erivaldo Ferreira (Aldo) cristian@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br autoestima baixa e se tor- nando obsoleta. Primeiro mudamos tudo isso e você já nota, em projetos como esse, ou no bate papo com o cidadão diariamente, que os planos mudaram. Sombrio hoje é uma cidade que pensa grande”, reforçou. As imagens do proje- to arquitetônico, já pronto, dão uma amostra do que se tornará esse espaço. São ar- Bairro também ganha com projeto Outro espaço que ganhará com o projeto da saída da rodoviária, a criação da praça pública municipal e a negociação que será encaminhada do espaço onde hoje está o prédio comercial da rodoviária é o Complexo Multiuso Antônio Sant’Helena, no bairro Parque das Avenidas. A atual cancha de bocha, considerado um prédio feio e mal localizado dentro do complexo, passará para o lado sul do estádio, próximo a arqui- bancada e à escola Nair Alvez bratti. “Na verdade, é mais do que uma cancha de bocha, será também cons- truído um Centro de convivência, com acesso pelo lado sul, sem atrapalhar o campo de futebol e muito mais amplo e moderno, para que as famílias possam utilizar com mais frequência”, esclareceu. O prédio da rodoviária será colocado em leilão, mas com um adendo: o comprador terá por contrato a obrigação de, pelo menos no primeiro piso, manter o espaço comercial funcionando. “Todo sombriense ganha. É um dos maiores projetos da história de Sombrio e que vai fazer bem a todos os cidadãos aos visitantes para gastar e investir em nosso município”, concluiu. borizações, bancos, parques infantis, além de uma con- cha acústica para realização de eventos culturais como teatro, música, sarais literá- rios, dentre outras possíveis utilizações. “Já disse muitas outras vezes que em cidades que vou, em capitais ou qualquer lugar por onde passo, sempre noto, paro e admiro as praças e a integração que os cida- dãos fazem com elas. Agora chegou a vez de Sombrio ter esse local”, salientou Zênio. O prazo para início da obra, de acordo com o pre- feito, ainda depende de uma série de avaliações e questões burocráticas, mas a ideia é no início de 2019 dar início a obra. “Ah, isso eu garanto, o dinheiro já está à disposição para essa obra e ela vai sair”, afirmou.
  • 4. 4 PublicidadeJornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
  • 5. Um doutor de Boas Histórias E le é quase uma celebridade. Landoaldo Isoppo, o doutor Lando, já trouxe muitos sombrienses ao mundo,temumainfinitapaciência,gostadeestar informadoelêbastante,buscandoconhecimento enquanto respira, além de ser um cozinheiro como poucos. Despertou na esposa Jussara Isoppo um amor admirável e leva uma vida tranquila e discreta em uma casa no Centro de Sombrio. Essas são algumas das carac- terísticas das inúmeras que os amigos pontuam quando o nomedeleapareceemumaconversa.Ahistóriadeleécomo poucas, cheias de muita ação, lições e humor, e merece ser contada da melhor forma: por ele mesmo. Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 ALISSANDRA PAGANINI ali@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/alissandrapaganini EmpresarialEmpresarial Cadeia? Nasci em Sombrio. Na ‘cadeia’. (risos) Depois que nos mudamos, a casa virou a delegacia, onde hoje é o Salão Paroquial.Quandopequeno,erabagunceiro,rebelde,arteiro e desobediente. Éramos em onze irmãos. Desafio Ouvi um dia meus pais conversando sobre mim, falando que eu não ia dar em nada. Pensei, ‘vou mostrar como vou dar alguma coisa’. Eu não gostava muito de estudar até então, masmedediqueiaestudarportrêsanosparaconseguiruma das 50 vagas disponíveis na única universidade do estado que ensinava medicina, a Federal. Tinham 16 mil inscritos. Passei e ingressei em 1972. Especialização Na época eu me formei e vim trabalhar em Sombrio. Ainda no estágio me dediquei às cirurgias e fiz mais de 1500 partos quando retornei a Sombrio. Indeciso entre cirurgias e pediatria, e acabei indo a PortoAlegre, nos hospital Santo Antônio, fazendo pediatria. Arte do Bem Não tinha esgoto, em Balneário Gaivota, era tudo paten- te. Eu estava na faculdade na época, e com um grupo de jovens resolvemos fazer uma arte muito grande. De ma- drugada nós roubamos as patentes das casas e levamos tudo para a beira da praia. Escrevíamos nas patentes ‘prefeitu- ra’, ‘posto de saú- de’, ‘dele- gacia’. Ti- nha uma fileira de patentes. Pegamos gasolina do carro do pai, embebemos pedaços de pano e atiramos fogo nas patentes das pessoas. A Gaivota ficou clara. Só descobriram muitos anos depois. Mas depois dali, cada um começou a fazer seus sanitários. Houve um grande avanço na Gaivota. Não fomos fazer bagunça, nós discutíamos muito e olhávamos aquelas patentes, ninguém tomava providência. Acabamos, por revolta fazendo isso. Brilhante Fui para a escola com 8 anos de idade. Hoje fazem até aceleração. Na minha época, tudo começava mais tarde. Sendo tão rebelde, até rodei um ano. Eu não conhecia Florianópolis. O colégio era forte, e no nosso último ano, fui para Florianópolis fazer um cursinho pré-vestibular.Aprendi muito mais na escola e em casa. Um dos pioneiros Desci na rodoviária, e nós morávamos com o seu Rocha. Ele fundou uma pensão, e a gente ficava lá. Teve uma casa que aluguei lá que ficava só gente de Sombrio, para estu- dar. Os novatos batiam lá direto, por que a gente recebia as pessoas. O primeiro sombriense a estudar em Florianópolis foi Leodegar Tiscoski. O segundo fui eu. Plantão de Graça Já participei bastante da sociedade. Nós fazíamos plantão, noDomJoaquim,semcobrarnada,poronzeanos.Apopula- çãonãotinhadinheiro,eomédicotemaresponsabilidadede atender.Depois,oINSSimplantouumregimedepagamento por consulta, e a gente cobrava.Aquilo dava duzentos reais no fim do mês. Aquilo era uma questão de humanidade, e com outros colegas, foi um dos maiores atos que participei como médico. Hoje é mais raro, mas as pessoas batiam à nossa porta. Muitos Na rua, quando a gente encontra com uma criança e elas nos reconhecem, é gratificante, interessante. Mas o inverso também acontece. Tem criança que me olha, e chora. Mas a maior parte, tem reações positivas. Hoje esses são meus netos, por que já atendi as mães deles quando eram peque- nas. Tem pessoas que me dizem isso. Na verdade, eu acho que já tenho até bisnetos. Pós-atendimento Sinto um pouco de revolta pela situação da saúde brasileira, e a satisfação de poder estar ajudando alguém. Jussara conta história emocionante Estávamos em casa, tocou a campainha e era um moço de vinte e poucos anos, vindo convidar o Lando para o casa- mento dele. O Lando agradeceu, mas disse: ‘Olha, obrigado, mas eu não te conheço’. O rapaz respondeu: ‘O senhor não me conhece, mas me chamo Landoaldo, e o meu nome é por que o senhor salvou a minha vida. O meu parto foi muito difícil, e eu faria muito gosto que o senhor estivesse presente no meu casamento’. O Lando foi, e o rapaz o homenageou pelo que ele fez. Landoaldinhos Existem seis landoaldos em Sombrio. Quatro deles são landoaldinhos que eu trouxe ao mundo. Dor É muito fácil, mas muito difícil.Agente esbarra em situações complicadas. Por exemplo, eu vivi, quando estava em Porto Alegre fazendo especialização em pediatria, o médico que era responsável pela UTI pediátrica de lá, tinha um filho de dois anos. Ao chegar em casa naquele dia, o filho dele estava com febre. No decorrer da tarde, o menino foi para o hospital. Ele atendeu o filho dele e saiu chorando, dizendo que o menino ia morrer. Uma hora e meia depois, o menino estava morto com encefalite. É uma coisa ingrata. Às vezes a gente encontra pacientes por quem não tem o que fazer. E há outras situações. Se tudo der certo, todas as doenças são tratáveis, mas quantas pessoas morrem de pneumonia, algo tão fácil de tratar? Já perdi gente que eu acreditei que salvaria, e salvei gente que não acreditava que fosse sobre- viver. Todo paciente que perdemos, a gente sofre muito. É um ser humano. Resumo Trabalho, suor e coragem. Medicina é isso. Precariedade No Brasil, tem 50 marcas de antibióticos que às vezes dizem ter uma coisa e não tem, uma dosagem diferente. Isso não dá o resultado que a gente espera. Primeiro Casamento Casei quando estava no sexto ano, depois de 17 anos e três filhos, ela perdeu a vida em um acidente. Encontrei, depois, a Jussara. Jussara Muito companheira, não sou ninguém sem ela na minha casa. Ela é tudo. Me sinto completo com ela. Estamos há 21 anos casados. Nossa preferência é viajar, volta e meia estamos de malas prontas. Testemunha Fui convidado para ser médico perito de uma comprovação de milagre da cura de uma criança. Pelas provas apresen- tadas, foi um milagre. Através das irmãs sacramentinas de Sombrio, fui à Itália para a cerimônia de beatificação de Madre Gertrudes, por causa desse milagre ocorrido. Foi um marco na minha vida.
  • 6. EntretenimentoEntretenimentoNovelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas M ariana revela a todos que Mário é um dis- farce. Xavier pede a anulação das corridas de moto disputadas por Maria- na. Jane conta para Lídia que está grávida e Ofélia ouve. Julieta e Aurélio se beijam. Darcy alerta Lady Margareth sobre o perigo de ser sócia de Xavier, e eles acabam discutindo sobre Briana. François reclama da viagem de Ema para o Vale do Café. Mariana se diverte com Cecília e Elisabeta ao lembrar da reação de Xavier. Mariko tenta persuadir Ema a não ir para o Vale. S amuca confirma a ori- gem de Dom Sabino. Carmen percebe o su- miço de um objeto em casa. Samuca exige que Paulina seja readmitida. Marino e Monalisa encontram o baú com as roupas da família de Dom Sabino. Paulina conta para Marocas que voltará a trabalhar na Samvita. Samuca convida Elmo para ser o novo gerente do res- taurante da empresa. Lucas volta para casa passando mal. Marciana encontra o objeto que Vera Lúcia pegou na casa de Carmen. L uzia se desespera ao saber que Juarez está planejando o assassina- to de Manu. Laureta revela a Karola que Ariella é Luzia. Juarez arma para Manu fa- zer uma entrega de drogas sozinha em outro estado. Edgar, Luzia, Ícaro e Cacau tentam encontrar uma forma de salvar Manu. Manu vai com Juarez para um casebre, e acaba abandonada em uma floresta. Narciso e Luzia aparecem para resgatar Manu, mas Viana dispara contra eles. Fátima se desespera ao saber da emboscada para Manu. Segundo Sol -21h O Tempo Não Para-19h Rapidinhas Áries 21/03 a 20/04 21/04 a 20/05 21/05 a 20/06 21/06 a 20/07 21/07 a 20/08 21/08 a 20/09 21/09 a 20/10 21/10 a 20/11 21/11 a 20/12 21/12 a 20/01 21/01 a 20/02 21/02 a 20/03 Leão HoróscopoHoróscopo Sagitário Gêmeos Libra Aquário Touro Você sentirá que estará mais casada e nervosa durante este tempo. O planeta Vênus fará algumas atividades contra você neste período importante. Tente não se deixar levar por pequenos proble- mas. Ajude o seu ânimo ficar mais paciente. Com muita energia terá facilidade para fazer determinadas coisas. Apresentará também uma facilidade maior para lidar com situações capcio- sas no momento. Os resultados devem ser o seu foco para crescer. As suas ações serão tomadas em alguns mo- mentos sem pensar, causando-lhe alguns danos. Mas poderá passar por momentos melhores que o normal também. O planeta Júpiter será muito inte- ressante ao tratar de questões mais pessimistas. Suas opções no momento no que tange o amor estarão muito afloradas neste momento de forma bem evidente. Poderá apresentar uma tendência maior em favorecer uma pessoa. Será o planeta de Marte mostrando suas garras para lhe prejudicar. Com uma sensação de segurança acima do nor- mal poderá também demonstrar o quão leal você é para seus amigos. A grande anã vermelha do nosso sistema fará o possível para lhe auxiliar nessa jornada. Pessoas que não colocavam muita fé em você notarão o quão habilidosa você é. Os planetas Urano e Mercúrio serão peças chave neste sentido da sua vida. Porém aparecerá o satélite Lua para atrapalhar a sua jornada pela luz. Coisas novas virão para você no que tange a ter um relacionamento melhor no âmbito social. Chegarão em você alguns elementos que não tinha muita certeza da sua qualidade. Uma procura intensa que tem feito por respostas sinceras talvez lhe trará algum resultado neste momento. Boas modificações que possam acon- tecer com você neste dia estarão associadas às atividades do planeta Plutão. Não tente mentir para si mesma, isso não irá lhe ajudar de forma alguma agora. Tente verificar aonde está errando e com isso busque auxílio para não se prejudicar. O planeta Plutão tende a te puxar para baixo ao lado da tristeza. Se alegre. Os teus desejos se mostrarão conflitantes, pois não terá muita definição do que é mais importante para você. Não aja como alguém com pouca determinação e desenvoltura para conseguir aquilo que quer. Nem todos entenderão a sua força e aquilo que você tem planejado, mas alguns irão ter a habi- lidade de mudar o seu rumo. Entres os planetas Saturno e Mercúrio haverá um conflito interessante sobre esta constelação. Ficará mais tranquila agora, pois os aspectos ruins da ansiedade sumirão e ficarão em você apenas o desejo de crescer.Algumas coisas que você gosta muito estarão melhores agora. O satélite Lua será um elemento bom para busca da tranquilidade. Virgem Capricórnio Câncer Escorpião Peixes Na noite do último sábado (11), Thiaguinho subiu ao palco do KM de Vantagens Hall, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, e encantou a platéia e as muitas celebridades que estavam por lá.O can- tor apresentou, pela primeira vez para o público carioca, seu novo show Só Vem, inspirado em seu mais recente álbum de inéditas. Para comemorar os 16 anos de carreira, o artista deu início à nova turnê, que desde abril vem rodando o Brasil.Na apresentação, o artista cantou as músicas de seu novo álbum, homônimo da turnê, lançado em 2017. O trabalho contém 21 músicas novas escolhidas a dedo dentro entre uma seleção de mais de 200 títulos. Luciano Huck,Angélica, Preta Gil, entre outros famosos estavam por lá. Dia dos Pais e Karina Bacchi fez uma belís- sima homenagem ao namorado,Amaury Nunes. Na web, a atriz compartilhou imagens de Enrico com seu noivo e escreveu um relato emocionante. Em suas palavras, ela chamouAmaury de pai de seu herdeiro. Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 Orgulho e Paixão-18h
  • 7. 7Geral Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 Jacinto Machado Marivânia Farias Sombrio Social está com as inscrições abertas para cursos de informática Caminhada abre a Semana da Família O Centro de Referência em Assistência Social de Ja- cinto Machado está com ins- crições abertas para o curso de informática destinados a pessoas que já estão no mer- cado de trabalho, com idade entre 18 e 50 anos. As aulas iniciam dia 3 de setembro e serão ministradas no período noturno no Serviço de Con- vivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV). O curso de Informática Básica vai passar noções de word, excel, power point e internet. As inscrições devem ser feitas, no CRAS, entre 7h30min e 11h30min e entre as 13 e as 17 horas. No ato da inscrição os inte- ressados devem apresentar D ezenas de cató- licos participa- ram na manhã de sábado da caminhada de aberturadaSemanadaFamília na paróquia Santo Antônio, na avenida Getúlio Vargas, no centro de Sombrio. Ao som de músicas que têm a família como tema, eles andaram até a frente da Igreja Matriz, distribuindo pelo ca- minhoumpequenocartãocom mensagem cristã. Próximo a rótula central, o trânsito foi interrompido por alguns mi- nutos para uma apresentação de dança feita por um grupo de jovens. O padre Antônio Mendes explicou que durante agosto, o mês vocacional, cada semana é dedicada a uma vocação. A primeiralembrou o sacerdócio easegundaévoltadaafamília. A programação que começou com a caminhada no sábado, Fé RG, CPF e comprovante de endereço atualizado. O curso, totalmente gra- tuito, é promovido pela Se- cretaria de Desenvolvimento Social e da Família. “O curso e o espaço têm o obje- tivo de preparar e qualificar quem já está no mercado de continuou com várias missas no final de semana, segue até quarta-feira com adoração eucarística pelas famílias e comemoração pelos 20 anos de criação da Diocese de Criciúma, até terminar no dia 19. “Convidamos as pessoas a rezar pela sua família e as de- mais da comunidade.Também temos o livrinho da novena que os grupos de família estão fazendo. São poucas coisas, mas servem para marcar esse período e pedir as bênçãos de Deus sobre as famílias”, disse o pároco. Para o padre, algumas propostas novas apresentadas por setores da sociedade e da mídia, deixam a família para trás. Ele reconhece que existem novos conceitos que devem ser aceitos pela Igreja, porém, sem esquecer a família original. “Este espaço onde homem e mulher vivam com amor e fidelidade, gerem os filhos e sigam o projeto de Deus. Quanto mais famílias trabalho, bem como apre- sentar novas ferramentas que serão utilizadas no dia a dia”, explicou a secretária Regina Patel. A Terceira Idade já par- ticipa do curso de informáti- ca, que é realizado durante o dia, também no SCFV. santas existirem, melhor será a sociedade”, enfatizou. O pároco e os participan- tesdamanifestaçãomostraram preocupação, na fala e através de cartazes, com a possibi- lidade de mudança na lei do aborto. “A família está sendo atacada, tem essa questão do aborto e a gente sabe o quanto isso desfavorece a vida. Nós brigamos pela vida”, disse Deonilde Vefago Guetener. Para ela, a participação nas atividades da igreja fortale- ce a fé pessoal e a própria comunidade. No entanto, na sua avaliação os católicos são poucos participativos. “É muito fácil na hora que precisa de ajuda rezar, mas depois não participar. Temos que estar com Deus nas horas ruins e também nas boas. Eu sou prova do quanto a oração nos fortalece”, defendeu. Para Ivanilde Espindola Goulart, a família está sendo deixada de lado. “Ela é a ân- cora de tudo, é o santuário da vida, como dizia um cartaz ali em frente”, afirmou. Ivanilde e o marido têm dedicado boa parte da vida a colaboração com a igreja. Ela é coorde- nadora do CPC (Conselho Pastoral da Comunidade) da comunidadedeNossaSenhora dos Navegantes, em Balneário Gaivota,etem,literalmente,as chaves de entrada no templo. O casal é responsável por abrir e fechar as portas do prédio da igreja. Acaminhada teve o apoio do carro de som da CDL de Sombrio.
  • 8. 8 PublicidadeJornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
  • 9. 9Especial Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 SombrioMarivânia Farias Ermo Inaugurado shopping em containers Pais são homenageados com jantar Sombrio ganhou no últi- mo sábado, dia 11, um novo empreendimento, localizado na sugestiva Rua das Som- brinhas. Quem quiser saber o motivo do nome, vá até lá,A decoração era mais discreta do que aquela feita para receber as mães, a programa- ção também foi mais curta, ou seja, o ambiente era mais masculino. E assim o centro comunitário de Ermo ficou lotado com homens de todas as Dia deles olhe para o alto e aprecie o colorido das sombrinhas pen- duradas sobre os visitantes. São cerca de 20 lojas vendendo artigos de todo gênero, de presentes e aces- sórios a roupas e calçados. Todas são instaladas dentro idades, que foram homenagea- dos pelo Dia dos Pais na noite de sexta-feira, dia 10. Foi o quarto ano em que a administração municipal, através da Secretaria de Assis- tênciaSocialemparceriacoma Secretaria de Saúde, convidou todosospaisdomunicípiopara um jantar especial na semana em que eles são homenage- ados. O secretário da Assistên- cia Social Clayton Américo, de containers e juntas for- mam o Small Shop, uma novidade em toda a região. O shopping popular em containers fica no trevo prin- cipal de Sombrio, próximo ao posto 24 horas da Rede Furnas. estava feliz com a grande quantidade de pais presentes, cerca de 300. “Sabemos que os homens são mais caseiros, menos participativos do que as mulheres, então é uma alegria ver quantos estão aqui”, disse. “A noite é de vocês, aprovei- tem”, convidou Clayton em um rápido pronunciamento de abertura do evento. O pre- feito Aldoir Cadorin, o Zica, também parabenizou os pais em breves palavras. “Somos muito felizes por sermos pais. Somos exemplo para os filhos, então temos que educar bem, ter uma família estruturada, com pai e mãe que amem os filhos”, recomendou. Ricieri Della Vechia foi ao encontro acompanhado por um dos três filhos, Ederson, que também já é pai. Ele avalia que hoje a criação de um filho é diferente do seu tempo. Para Flávio Marcon Júnior, que es- tavasentadopróximoaosDella Vechia, atualmente é mais fácil criar os filhos, e ele tem três. Antes do jantar, o público assistiu uma palestra feita pelo médico urologista Charles Souza, que falou sobre a saú- de do homem. Depois, foram sorteados cerca de 150 brindes adquiridos com apoio da pre- feitura e do comércio local. Vereadores e o vice-prefeito de Ermo Donato Della Vechia também compareceram a ho- menagem.
  • 10. 10 PublicidadeJornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
  • 11. 11Segurança Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 Sombrio Região Gislaine Fontoura Araranguá Suspeitos de estelionato são detidos Rede de Proteção à Mulher chega na região e polícia palestra para asssitentes sociais Homem é preso por furto em Araranguá Na tarde da última sexta- -feira, dia 10, a Polícia Militar de Sombrio recebeu uma liga- ção onde pedia para averiguar uma determinada situação no Centro, na avenida Getúlio Vargas. Como a PM de Praia Grande estava em Sombrio, para serviços administrati- vos, prestou apoio à PM de Sombrio, que foi até o local. De acordo com a vítima, ela teria colocado uma câmera fotográfica para venda em um site de compra e venda e também em suas redes sociais efoiprocuradaporumsuposto comprador,queseapresentava como policial militar, de nome Marcelo. Posteriormente, a vítima teria combinado um encontro parafinsdeconcretizaranego- ciação. Mas quando a vítima chegou no local, identificou Na tarde de quarta-feira, dia 8, estiveram reunidos na sede do 19º BPM vários órgãos relacionados ao ser- viço social das cidades de Araranguá, BalneárioArroio do Silva e Maracajá, onde foi apresentado pelo comandan- te do batalhão, tenente-coro- nel Maike Adriano Valgas, o programa Rede Catarina de Proteção à Mulher. O programa objetiva direcionar esforços por parte da Corporação no comba- te e prevenção à violência doméstica, particularmente contra as mulheres. A rede foi idealizada a partir de práticas bem suce- didas em todo o território na- cional e em Santa Catarina, como na cidade de Chapecó, com o Guardião Maria da Pe- N a manhã de sexta-feira, dia 10, por volta das 10 horas, a Polícia Militar de Araranguá foi acionada para atender uma ocorrência de furto em estabelecimen- to comercial, localizado no Centro da cidade. De posse das informações de vestes e sentido de fuga do ladrão, a PM rapidamente localizou o suspeito e o abordou. O homem de 36 anos Flagrante alguns homens que teriam sidoenviadospelocomprador, os quais retirariam o produto. Suspeitando da possibilidade de ser um golpe, tendo em vista o comportamento dos homens, contatou o Telefone de Emergência - 190 da PM, pedindo apoio para identifi- cação dos suspeitos, os quais se tratavam três homens, que nha, que também já existe em Santo Amaro, Norte da Ilha de Florianópolis e Lages, entre outros municípios. O programa é, de fato, a necessária atenção às mu- lheres vítimas de violência doméstica e familiar, que vai dar voz e dignidade a estava com uma sacola con- tendo um aspirador de pó e 11 facas. O aspirador de pó havia sido furtado da loja, onde os funcionários perceberam e acionaram a PM, via Telefone de Emergência – 190. Já na loja onde as facas haviam sido furtadas, os funcionários não haviam se dado conta do crime e só souberam após a PM chegar no estabelecimen- to com as facas os produtos serem reconhecidos. O ladrão confessou o fur- to nas duas lojas e foi ele mes- mo quem indicou para a PM foramabordadoseconduzidos para a Delegacia de Polícia Civil, para os procedimentos cabíveis. De acordo com a PM, nos últimos meses a corporação vem recebendo informações de alguns golpes que estavam ocorrendo na região, nos quais o agente se identifica como policial Marcelo. elas, a partir do conceito de que é possível fazer mais e melhor, de forma simples e efetiva. O lançamento oficial do programa na Comarca de Araranguá deverá ocorrer no dia 20 de agosto, no Fórum da Comarca de Araranguá. de onde as facas haviam sido furtadas. Diante dos fatos, o homem foi preso em flagrante e conduzido juntamente com material apreendido, à Central de Plantão Policial (CPP) de Araranguá, para os procedi- mentos cabíveis. As vítimas também compareceram na CPP. O mesmo homem já ha- via sido preso semana pas- sada, também por furto e foi liberado em audiência de custódia, desta vez, ele foi encaminhado ao Presídio Re- gional de Araranguá (PRA).
  • 12. 12 PublicidadeJornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018
  • 13. 13Publicidade Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 201814 PublicidadeJornal Correio do Sul Segunda-Feira, 6 de Agosto de 2018 12 PublicidadeJornal Correio do Sul Terça-Feira, 31 de Julho de 2018
  • 14. Gremistas vibram com goleada para "dar moral" antes de decisão contra o Flamengo 27-30-32-36-43-48 02-05-06-09-28-47 CONCURSO 1.825 DUPLA SENA 11/08 09-28-31-36-71 CONCURSO 4.748 QUINA 11/08 02-11-13-26-32-59 CONCURSO 2.067 MEGA SENA 11/08 Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018 Brasileirão - Série A Brasileirão - Série B Porto Alegre R enato re- petiu a es- tratágia de poupar os titulares e escalou um o time reserva para enfrentar o Vitória neste domingo, na Arena, pelo Campeonato Brasileiro. Mas o torcedor mais desatento nem notou esse "detalhe". Com uma atuação de luxo, os suplentes golearam o Vitória por 4 a 0, em um jogo que dominaram do início ao fim. E que dá moral para a decisão de quarta-feira, contra o Fla- mengo, no Rio, pelas quartas de final da Copa do Brasil. Douglas e Jailson abri- ram 2 a 0 antes dos 20 minu- tos do primeiro tempo e foram os grandes destaques gremis- tas na partida. Pepê e Ever- ton garantiram a goleada na segunda etapa, mas o placar poderia ser até mais elástico, tamanha a superioridade do time gaúcho sobre o baiano, que poucas vezes ameaçou o gol de Paulo Victor. – Com certeza, é uma vitória para dar moral para o nosso grupo, para a gente poder ir quarta-feira para o Rio de Janeiro e fazer um grande jogo e, se Deus quiser, sair de lá com a classificação – comemorou Cortez. Além dos três pontos, a atuação dos suplentes também trouxe boas notícias para Renato Gaúcho. A começar por Douglas. Aos poucos, o camisa 10 gremista começa a recuperar a forma após quase dois anos sem atuar. Fez gol e deu assistência para Jailson, outro que se destacou no meio-campo se candidata a retornar ao time de titular, ao lado de Maicon. – O gol dá confiança. Eu depois de muito tempo, quase dois anos sem fazer um gol, fui feliz hoje. Mas mais feliz ainda pela sequência, pelo resultado da partida. Então, hoje foi uma noite para a gen- te poder comemorar – disse o camisa 10, antes de ir aos vestiários. O resultado faz o Grêmio dormir na terceira colocação da tabela, com 33 pontos. O Tricolor pode ser ultrapassado pelo rival Inter, que enfrenta o Fluminense nesta segunda- -feira, no complemento da ro- dada. O próximo compromis- so pelo Nacional é no sábado, contra o Corinthians, em São Paulo. Antes, porém, decide uma vaga nas semifinais na Copa do Brasil, quarta-feira, no Maracanã.
  • 15. 15 Jornal Correio do Sul Segunda-Feira, 13 de Agosto de 2018Publicações Legais ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE JACINTO MACHADO AVISO DE LICITAÇÃO Processo Licitatório nº 58/2018 - Tomada de Preços - Menor Preço Global Objeto: Contratação de empresa para execução das obras de pavimentação asfáltica, da Etapa 1 da Rodovia Municipal Serra da Pedra, que liga o Bairro Gávea a Comunidade de Linha São Pedro, no município de Jacinto Machado/SC, com extensão de 1.375 metros. Data e hora da entrega dos envelopes: até as 08h15min do dia 28/08/2018. Data e hora da abertura dos envelopes: a partir das 08h30min do dia 28/08/2018. Local para entrega dos envelopes, informações e cópia do edital: Prefeitura Municipal de Jacinto Machado, sito a Rua Pool Jorge Zacca, 75 - Centro, no município de Jacinto Machado/SC, no horário das 07h30min às 11h30min e das 13h às 17h, em dias úteis, ou através do e-mail licita@jacintomachado.sc.gov.br. Fone/ fax (48) 3535-1133. João Batista Mezzari Prefeito Municipal ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA ERRATA 001/2018 PROCESSO LICITATÓRIO Nº 75/2018 EDITAL DE PREGÃO PRESENCIAL Nº 35/2018 1 – Do Objeto: Aquisição de Sub-base de seixo rolado peneirada de 2,5 polegadas, com transporte, para uso da Secretaria de Obras, Viação e Serviços Urbanos para a recuperação de estradas vicinais do Município de Balneário Arroio do Silva. 2–DasJustificativasdaErrata:ConsiderandoqueoEditaldeLicitaçãoemepígrafepoderestringiraparticipação de interessados quando faz exigência sobre os documentos de qualificação técnica, e ainda considerando o Parecer Jurídico exarado pela Assessoria Jurídica deste Município. 3 - Das Alterações: Trazemos ao conhecimento dos interessados, que o Edital do Processo Licitatório supracitado, sofreu alterações nos itens descriminados abaixo: ONDE SE LÊ: 6.5 – QUALIFICAÇÃO TÉCNICA 6.5.1 - Prova de no mínimo, um atestado/declaração de capacidade técnica, em nome da licitante, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove ter a licitante fornecido material similar ao objeto descrito neste Edital; 6.5.2 - LicençaAmbiental de Operação – LAO, da Usina onde será retirado o material, em nome da preponente, expedida pela FATMA ou órgãos municipais habilitados para realização do Licenciamento Ambiental das AtividadesdeImpactoLocal,combasenasresoluçõesdoCONSEMA(ConselhoEstadualdoMeioAmbiente)n.º 01 e 02 de 2006, ajustadas pela Resolução CONSEMAnº. 03 de 2008, que aprova a “Listagem dasAtividades Consideradas Potencialmente Causadoras de DegradaçãoAmbiental”, mediante a acompanhamento de Guia de Utilização emitida pelo DNPM, em nome da preponente, bem como seu prazo de validade. LEIA-SE: 6.5 – QUALIFICAÇÃO TÉCNICA 6.5.1 - Prova de no mínimo, um atestado/declaração de capacidade técnica, em nome da licitante, expedido por pessoa jurídica de direito público ou privado, que comprove ter a licitante fornecido material similar ao objeto descrito neste Edital; 6.5.2 - LicençaAmbiental de Operação – LAO, da Usina onde será retirado o material, em nome da preponente, expedida pela FATMA ou órgãos municipais habilitados para realização do Licenciamento Ambiental das AtividadesdeImpactoLocal,combasenasresoluçõesdoCONSEMA(ConselhoEstadualdoMeioAmbiente)n.º 01 e 02 de 2006, ajustadas pela Resolução CONSEMAnº. 03 de 2008, que aprova a “Listagem dasAtividades Consideradas Potencialmente Causadoras de DegradaçãoAmbiental”, mediante a acompanhamento de Guia de Utilização emitida pelo DNPM, em nome da preponente, bem como seu prazo de validade. 6.5.2.1 – O documento supracitado poderá ser substituído por contrato entre a preponente e a Usina (empresa de extração) juntamente com a LicençaAmbiental de Operação – LAO, da Usina onde será retirado o material, expedida pela FATMA ou órgãos municipais habilitados para realização do Licenciamento Ambiental das AtividadesdeImpactoLocal,combasenasresoluçõesdoCONSEMA(ConselhoEstadualdoMeioAmbiente)n.º 01 e 02 de 2006, ajustadas pela Resolução CONSEMAnº. 03 de 2008, que aprova a “Listagem dasAtividades Consideradas Potencialmente Causadoras de DegradaçãoAmbiental”, mediante a acompanhamento de Guia de Utilização emitida pelo DNPM, em nome da Usina, bem como seu prazo de validade. 4 – Da sessão pública: Devida as alterações, fica determinado nova data para impugnação do Edital, abertura da sessão e protocolo dos envelopes: 4.1 - Qualquer pessoa poderá solicitar esclarecimentos, providências ou impugnar o ato convocatório do presente pregão, protocolizando o pedido até o dia 21/08/2018, no endereço discriminado no item 21.12 deste Edital, cabendo ao Pregoeiro decidir sobre a petição. Caso não seja respondido até a abertura da sessão, pela Administração Pública, o processo será automaticamente suspenso. 4.2-AEntrega,Protocolodosenvelopesde“PROPOSTADEPREÇOS”e“DOCUMENTOSDEHABILITAÇÃO”, deverão ser feitos junto ao Protocolo da Prefeitura Municipal de Balneário Arroio do Silva, até às 13:30 horas do dia 24 de agosto de 2018, ou do primeiro dia útil subsequente, na hipótese de não haver expediente nesta data. Abertura da sessão no mesmo dia às 14:00 horas. Balneário Arroio do Silva, 10 de agosto de 2018. Altemir Daros Fontanela Pregoeiro ESTADO DE SANTA CATARINA MUNICÍPIO DE BALNEÁRIO ARROIO DO SILVA AVISO DE LICITAÇÃO PROCESSO LICITATÓRIO Nº 78/2018 TOMADA DE PREÇOS Nº 09/2018 OBJETO: Seleção e contratação de empresa do ramo de engenharia e/ou construção civil, para a escolha da proposta mais vantajosa, em regime de empreitada global (material e mão-de-obra especializada) para a execução da “Pavimentação em lajotas da Avenida Atlântico Sul, com extensão de 143,00 metros, no trecho entre a Avenida Santa Catarina e Rua Dom Pedrito, conforme Memorial Descritivo, Planilha Orçamentária, Cronograma Físico Financeiro e Projeto” de acordo com o que se encontra definido nas especificações e condições estabelecidas neste Edital e seus anexos. REGIME DE EXECUÇÃO: de forma indireta, EMPREITADA POR PREÇO GLOBAL. TIPO DE JULGAMENTO: MENOR PREÇO GLOBAL. REGIME LEGAL: Mediante as especificações e condições previstas no Edital, sob a regência da Lei nº 8.666 de 21/06/1993, e suas alterações e Lei Complementar nº 123/2006, e posteriores alterações. ABERTURADOS ENVELOPES: Iniciará às 14:00 horas do dia 29 de agosto de 2018, no Setor de Licitações, na Sede da Prefeitura Municipal, situada naAvenida Santa Catarina, nº 1122, Centro, na Cidade de Balneário Arroio do Silva/SC. INFORMAÇÕES: Pessoalmente, pelo telefone: (48) 3526-1445, ou pelo e-mail: licitacao@arroiodosilva. sc.gov.br. Balneário Arroio do Silva/SC, 10 de agosto de 2018. JUSCELINO DA SILVA GUIMARÃES Prefeito Municipal
  • 16. SEGUNDA-FEIRA, 13 DE AGOSTO DE 2018