SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 26
O propósito da obra MISSIONÁRIA
       Convidar a outros a vir a
    Cristo, ajudando-os receber o
 Evangelho restaurado através da fé
         em Jesus Cristo e sua
Expiação, arrependimento, batismo,
e recebendo o dom do Espírito Santo
     e perseverando até ao final.
BATISMOS DE CONVERSOS=META

                        Elder
                        Michael
                        Earl,
                        Com um
                        batismo
                        Paraguay
Como utilizamos o Espírito Santo na
        obra missionária?


 Joseph Smith disse: “ A salvação não
  pode vir sem revelação”; seria em
  vão ministrar sem ela.History of the church 3:135
Verdadde nº 1: Os pesquisadores vão
lembrar-se apenas de parte do que disseram.
 Nós ensinamos a Restauração do
 Evangelho.
 Nós ensinamos o livro de Mórmon.
 Nós ensinamos o plano de salvação.
 Nós ensinamos mandamentos.
 MAS NÁO É TANTO A MENSAGEM COMO
 É …..
Espírito Santo
Quando a conversão acontece, vem
através do poder do espírito.(PME p.94)


O Elder Ballard disse: “ A verdadeira
conversão acontece pelo poder do
espírito. Quando o espírito toca o
coração ele sofre uma mudança.      (PME p.95)
Como é que os pesquisadores recebem o poder do
Espírito Santo ao Largo do processo da conversão.

Os pesquisadores podem receber orientação espiritual antes
do batismo:
 “ A influência espiritual começa com a luz de Cristo, que é
concedida a todo homem, para que possa distinguir o bem do
mal. (PME 92 moroni 7:16)
É uma influência preliminar e preparatória para receber o
Espírito Santo. A luz de Cristo guiará as almas honestas a ouvir
sua voz e encontrar a verdade do evangelho na verdadeira
Igreja e receber o Espírito Santo. (PME 92 dicionário biblico; C 84:46-47)
Verdade nr. 2: Tudo o que fazemos com um
   pesquisador deve ajudá-los a sentir o espírito.
O nosso trabalho é ajuda-los a lembrarem-se destas
verdades que eles já conheciam:” O evangelho lhes sorá
familiar .” (PME 92)
“O poder do Espírito Santo pode vir a uma pessoa antes do
batismo e testificar que o evangelho é verdadeiro. (pme. 93)
“ Pelo poder do Espírito Santo podeis saber a verdade de
todas as coisas.” Moroni 10:5
PLANIFICA formas em que os teus pesquisadores
poderão sentir o espírito.
4 MOMENTOS PRINCIPAIS EM QUE ELES
          SENTEM O ESPÍRITO
QUANDO É QUE AS PESSOAS SENTEM O
           ESPÍRITO?
 Os pesquisadores geralmente sente o espírito
 quando estiverem com eles (se você não permanecer
 muito tempo).
 Os pesquisadores sentem o espírito ao ORAR.
 Os pesquisadores sentem o espírito ao LER um
 PANFLETO, ESCRITURAS e especialmente o LIVRO
 DE MORMON.
 Eles sentem o espírito quando ASSISTEM a
 igreja, batismos, reuniões com missionários…
LEMBRA-TE DISTO?



O rar
L er        OLA!!
A ssistir
Agora que você sabe o que eles necessitam, você
                  precisa de saber quando !!

“Faça contactos freqüentes, DIÁRIOS SE
POSSIVEL, para saber como as pessoas estão
progredir com os compromissos, responder
perguntas, ajuda-los a superar
desafios, ensinar lições adicionais, ler com
elas o livro de Mórmon, compartilhar
passagens das escrituras ou usar materiais
audiovisuais.”
                                               (PME 217)
“ESTE APOIO ESPÍRITUAL É VITAL.” PME 217
CADA DIA, CADA INVESTIGADOR

DeC 112:5


“Contende, portanto toda a manhã; e dia
   após dia emite tua voz de
   advertência; e quando vier a
   noite, não permitas que os habitantes
   da terra adormeçam por causa de
   tuas palavras”
Porquê contacto diário ?
1.   Satanás é real.
2.   É muito dificil mudar. (PME 217)
3.   Estamos em uma guerra de almas. Satanás
     sabe que se ele pode ganhar neste momento
     crucial (ex. evitar batismos, ir ao templo
     realizar seu selamento, ou preparação para
     a missão), então ele venceu-te. Este é o
     momento, em que a batalha se torna mais
     real e mais intensa.
UMA GUERRA CONTRA SATÁNAS
       ELDER HOLLAND , Agosto 2010 CTM Provo
  Esta é uma guerra. Esta é uma guerra entre o bem e o mal que
começou no conselho dos céus antes de este mundo existir. Tem
continuado e irá continuar até o Capitão volte na sua plenitude e
  universalidade. Quando ele disser a guerra terminou, então aí
terminou, mas até lá nos somos os seus soldados. Nos somos os
soldados! Somos nós. Estamos todos recenseados. PERCEBEM!?
Um dia vão parar um minuto olhar para o vosso hinário e pensar
     “Porque existem tantos hinos sobre guerra” … Com valor
  marchemos . Porque esta é uma guerra. Obrigada Senhor que
   temos tão bons soldados. Obrigada Deus que somos a cruz
 vermelha nesta guerra. Vocês não estão a disparar balas , mas a
 fazer curativos. Não estar a derramar sangue mas a estanca-lo.
    Vocês não tiram vidas mas salvam vidas. Mas isto é guerra.
OUTROS CONCEITOS DA VISITA
                             PME 217


•Seja paciente mas persistente.
•Certifique-se de que as pessoas saibam que você
fará breves, visitas diárias entre as aulas marcadas.
•Explica-lhes que o seu propósito será apoia-las e
ajudá-las. Dê-lhes uma idéia do que irá fazer nessas
visitas. (PME 217)
•Digam-lhes a verdade , pessoas morreram, alguns
perderão os seus trabalhos, perderão a relação com
alguns parentes, e serão abandonados pelos seus
próprios amigos.
Como podemos definir estas visitas?

    Técnica:"o que seria melhor para você para outra
    lição breve, terça-feira7:00 ou quarta-feira em 8:00?
    Você vai orar e perguntar a Deus se Joseph Smith foi
O   um profeta? Sei que …. Testefico-lhe que...
L   Você Lerá 3 Néfi 11 ou Moroni 10: 3-5 antes da
    nossa visita de amanhã, às 7: 00?... Sei que ao
    fazerem isto... Testifico o livro L.M é verdadeiro (PME
    213)

A   Você assitirá a igreja conosco no próximo
    domingo9:00. Passare-mos a buscar-lhes as 8.30.
ORAÇÃO
Após a oração de abertura no primeiro contato, o
investigador deve orar sempre.

Ajoelhando-se:
Father in Heaven……..          Nosso Pai Celestial…
We Thank thee                 Te agradecemos…
We Ask thee….                 Te Pedimos…
In the Name of Jesus Christ   Em nome de Jesus Cristo
LEITURA
A respeito do livro do Mórmon o profeta Joseph Smith disse que
“seguindo os seus preceitos um homem se aproximaria mas de Deus
do que seguindo qualquer outro livro. (PME 112)

“..A primeira pergunta que o pesquisador deve responder é se Joseph
Smith foi um profeta, e essa pergunta pode ser respondida de ele ler
o livro de Mórmon e orar a respeito do livro.” (PME 114)

Temos também de panfletos, palestras e outros materiais escritos
que serão útil para o investigador.

Se o investigador tem um forte forte conhecimento da Bíblia, você
pode encontrar as respostas para as suas inquietudes utilizando
conceitos, princípios que se encontram na sua própria Bíblia.
ASSISTIR
“E a Igreja reunia-se freqüentemente para jejuar e
orar e para falar a respeito do bem estar de suas
almas. E reunião-se freqüentemente para o pão e
vinho, em lembrança do Senhor Jesus. "
Moroni 6: 5, 6 ; D&C 109:13.
“ E para que todos os que atravessarem o umbral
da casa do senhor sintam o teu poder e sintam-se
compelidos a reconhecer que tu a santificaste e
que ela é a tua casa, um lugar de santidade.” ( Os
nossos edificios têm poder).
ASSISTIR
Não devemos subestimar o poder das capelas, edifícios de
seminário e templos para ajudar as pessoas a sentir o
espírito.Os pesquisadores terão a posiblidade de sentir o
espírito ao encontrarem-se fisicamente num edifício
dedicado da Igreja.
Convidem-nos para reuniões. Convidem-nos para serviços
batismais. Convidem-nos a uma excursão pelas instalações
da igreja. Convidem-nos a conhecer o centro de história
familiar. Convidem-nos a actividades desportivas.
Convidem-nos a casa dos membros , cujas casas são onde
residem os puros de coração.
               CONVIDEM-NOS A SIÃO
Os Investigadores, converços, membros e os doze Apóstolos têm
       de fazer as mesmas coisas para sentir o espírito:...



1. ORAR
2. LER AS ESCRITURAS
3. ASSISTIR AS SUAS REUNIÕES


O rar
L er
Assistir
RESOLVER DÚVIDAS DOUTRINÁRIA
Todas as objeções, sejam elas referentes ao aborto ou ao
casamento plural, à adoração no sétimo dia da semana , etc.
Basicamente dependem de saberemos se Joseph Smith e seus
sucessores foram e são profetas de Deus que receberão revelação
divina … (PME 113)
O único problema que as pessoas que tem dúvida precisam de
resolver por si mesmas é saber se o livro do Mórmon é verdadeiro.
Porque se o livro do Mórmon é verdadeiro, então Jesus é o
Cristo, Joseph Smith foi o seu profeta, e a igreja de Jesus Cristo dos
Santo dos Ultimos dias é verdadeira e esta sendo liderada hoje por
por um profeta que recebe revelação. (PME 113)
Nossa principal tarefa é declarar o evangelho, e fazê-lo
eficazmente. Não temos a obrigação de responder a todas as
objeções. (PME 113)
RELSOLVER DÚVIDAS DE CARACTER SOCIAL

Procure primeiro compreender os seus
problemas fazendo perguntas e ouvindo. (PME 203)
Freqüentemente as preocupações são mais de
natureza social que doutrinária. (PME 203)
Os pesquisadores, por exemplo, podem temer a
oposição dos seus familiares. Ou podem temer a
rejeição dos seus amigos. (PME 203)
Eles podem temer as mudanças.
Eles poderão ter alguma dependência (PME 202-204)
Eles poderão estar a sofrer pesadas cargas do
pecado.
QUAL É O PAPEL DA MÚSICA?

A música tem um poderde atrair o
            espírito.
             Utilize:

          Sis Olsen
       Elder Obregon
      música da primária
Velho ditado diz: "cada vez que tocamos uma porta
             em europa, alguém na América do Sul é batizada.



Nº 1: Se isso é verdade ou não, não importa, o
importante é que muitos de coração puro vivem
neste pais.

Nº 2: Se o ditado é correto, tens algo em contra de
batizar a sul-americanos aqui na Europa?

Tocar portas .
ENSINA E BATIZA
Este foi o nosso tema de missão
Muito simples — Ensine e batize.
Como é que conseguimos muitos
batismos :
Com OLA y CADA DIA, A CADA INVESTIGADOR
Devemos descobrir uma maneira de ajudar o
pesquisador a sentir o espírito todos os dias até o seu
batismo.
O novo curriculum.

1.   A doutrina de Cristo – nosso propósito como
     missionários.
2.   O papel do Espirito Santo
3.   Revelação através de Oração.
4.   Revelação atraves do Livro de Mórmon.
5.   Revelação através reunião sacramental
6.   Ensinar pessoas não lições.
7.   Nos convidamos, Eles comprometem-se, Nos
     acompanhamos
8.   Saber como começar a ensinar.
            Distibuiam panfletos com OLÁ

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Soluções para os Problemas da Vida
Soluções para os Problemas da VidaSoluções para os Problemas da Vida
Soluções para os Problemas da Vida
prantoniocarlos
 
32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon
32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon
32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon
Antonio Ferreira
 
Paul y. cho orando com jesus
Paul y. cho   orando com jesusPaul y. cho   orando com jesus
Paul y. cho orando com jesus
Luiza Dayana
 
Um Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim George
Um Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim GeorgeUm Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim George
Um Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim George
Evandro Santos
 
Mahech chavda o poder secreto do jejum e da oração
Mahech chavda   o poder secreto do jejum e da oraçãoMahech chavda   o poder secreto do jejum e da oração
Mahech chavda o poder secreto do jejum e da oração
Midia Jornalismo
 
R. r. soares como tomar posse da bênção
R. r. soares   como tomar posse da bênçãoR. r. soares   como tomar posse da bênção
R. r. soares como tomar posse da bênção
Libelula Red
 
Slides reflexão bíblica
Slides   reflexão bíblicaSlides   reflexão bíblica
Slides reflexão bíblica
eschappy
 
Andando no espírito dave roberson
Andando no espírito   dave robersonAndando no espírito   dave roberson
Andando no espírito dave roberson
Deusdete Soares
 
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
Deusdete Soares
 
Kenneth e. hagin o ministerio de um profeta
Kenneth e. hagin   o ministerio de um  profetaKenneth e. hagin   o ministerio de um  profeta
Kenneth e. hagin o ministerio de um profeta
prfavinho
 
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Gééh Santos
 
Batalha espiritual no evangelismo
Batalha espiritual no evangelismoBatalha espiritual no evangelismo
Batalha espiritual no evangelismo
Edleusa Silva
 

Mais procurados (20)

Soluções para os Problemas da Vida
Soluções para os Problemas da VidaSoluções para os Problemas da Vida
Soluções para os Problemas da Vida
 
A liberação do espírito (watchman nee)
A liberação do espírito (watchman nee)A liberação do espírito (watchman nee)
A liberação do espírito (watchman nee)
 
32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon
32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon
32214258 4850767-dois-tipos-de-justica-e-w-kenyon
 
Paul y. cho orando com jesus
Paul y. cho   orando com jesusPaul y. cho   orando com jesus
Paul y. cho orando com jesus
 
Profeciasdoapocalipse pg
Profeciasdoapocalipse pgProfeciasdoapocalipse pg
Profeciasdoapocalipse pg
 
Um Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim George
Um Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim GeorgeUm Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim George
Um Jovem Segundo O Coração de Deus - Jim George
 
O homem espiritual
O homem espiritualO homem espiritual
O homem espiritual
 
Quebrando as cadeias da intimidação
Quebrando as cadeias da intimidaçãoQuebrando as cadeias da intimidação
Quebrando as cadeias da intimidação
 
Mahech chavda o poder secreto do jejum e da oração
Mahech chavda   o poder secreto do jejum e da oraçãoMahech chavda   o poder secreto do jejum e da oração
Mahech chavda o poder secreto do jejum e da oração
 
R. r. soares como tomar posse da bênção
R. r. soares   como tomar posse da bênçãoR. r. soares   como tomar posse da bênção
R. r. soares como tomar posse da bênção
 
Estudo Sobre Evangelismo
Estudo Sobre EvangelismoEstudo Sobre Evangelismo
Estudo Sobre Evangelismo
 
Ev efetivo 004
Ev efetivo 004Ev efetivo 004
Ev efetivo 004
 
Curso fé r. r. soares
Curso fé   r. r. soaresCurso fé   r. r. soares
Curso fé r. r. soares
 
Slides reflexão bíblica
Slides   reflexão bíblicaSlides   reflexão bíblica
Slides reflexão bíblica
 
Andando no espírito dave roberson
Andando no espírito   dave robersonAndando no espírito   dave roberson
Andando no espírito dave roberson
 
Orando com-entendimento
Orando com-entendimentoOrando com-entendimento
Orando com-entendimento
 
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
A súplica do espírito santo (charles haddon spurgeon)
 
Kenneth e. hagin o ministerio de um profeta
Kenneth e. hagin   o ministerio de um  profetaKenneth e. hagin   o ministerio de um  profeta
Kenneth e. hagin o ministerio de um profeta
 
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu Evangélico   Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
Evangélico Mary K Baxter - A divina revelação do Céu
 
Batalha espiritual no evangelismo
Batalha espiritual no evangelismoBatalha espiritual no evangelismo
Batalha espiritual no evangelismo
 

Destaque (6)

La Casa Del Señor - James E Talmage
La Casa Del Señor - James E TalmageLa Casa Del Señor - James E Talmage
La Casa Del Señor - James E Talmage
 
Linguajar, Vestuário e Música
Linguajar, Vestuário e MúsicaLinguajar, Vestuário e Música
Linguajar, Vestuário e Música
 
Plano de missão da ala Semestral
Plano de missão da ala SemestralPlano de missão da ala Semestral
Plano de missão da ala Semestral
 
Sou EU o Salvador de Meu Irmão?
Sou EU o Salvador de Meu Irmão?Sou EU o Salvador de Meu Irmão?
Sou EU o Salvador de Meu Irmão?
 
Obra missionária
Obra missionáriaObra missionária
Obra missionária
 
a ala liberal
a ala liberal a ala liberal
a ala liberal
 

Semelhante a HOLA in PORTUGUESE

EVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL
EVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL
EVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL
EuclecioCostaAlmeida2
 
Escola 1 fé em jesus
Escola 1   fé em jesusEscola 1   fé em jesus
Escola 1 fé em jesus
Giovane Souza
 
Vocacional franciscano
Vocacional franciscanoVocacional franciscano
Vocacional franciscano
Edione Mercês
 
Apostila lideres de celula
Apostila lideres de celulaApostila lideres de celula
Apostila lideres de celula
Iago Rodrigues
 

Semelhante a HOLA in PORTUGUESE (20)

Apostilha da celulas
Apostilha da celulasApostilha da celulas
Apostilha da celulas
 
EVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL
EVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL
EVANGELISMO PESSOAL EVANGELISMO PESSOALEVANGELISMO PESSOAL
 
Ev efetivo 004
Ev efetivo 004Ev efetivo 004
Ev efetivo 004
 
Como orar pelos perdidos
Como orar pelos perdidosComo orar pelos perdidos
Como orar pelos perdidos
 
Lições do santuário para p gs
Lições do santuário   para p gsLições do santuário   para p gs
Lições do santuário para p gs
 
Preparando para liderar
Preparando para liderarPreparando para liderar
Preparando para liderar
 
Escola 1 fé em jesus
Escola 1   fé em jesusEscola 1   fé em jesus
Escola 1 fé em jesus
 
Manual da celula
Manual da celulaManual da celula
Manual da celula
 
Escola 1 fé em jesus
Escola 1   fé em jesusEscola 1   fé em jesus
Escola 1 fé em jesus
 
Evangelize do seu jeito 1990
Evangelize do seu jeito  1990Evangelize do seu jeito  1990
Evangelize do seu jeito 1990
 
Vocacional franciscano
Vocacional franciscanoVocacional franciscano
Vocacional franciscano
 
Apostila de evangelismo marcos 16
Apostila de evangelismo marcos 16Apostila de evangelismo marcos 16
Apostila de evangelismo marcos 16
 
Meus esboços 1
Meus esboços 1Meus esboços 1
Meus esboços 1
 
26 senda para deus
26 senda para deus26 senda para deus
26 senda para deus
 
Nistocremos pg
Nistocremos pgNistocremos pg
Nistocremos pg
 
Conduta Espírita
Conduta EspíritaConduta Espírita
Conduta Espírita
 
Apostila lideres de celula
Apostila lideres de celulaApostila lideres de celula
Apostila lideres de celula
 
Céliulas
CéliulasCéliulas
Céliulas
 
Licoesdosantuario pg
Licoesdosantuario pgLicoesdosantuario pg
Licoesdosantuario pg
 
Trabalho igreja
Trabalho igrejaTrabalho igreja
Trabalho igreja
 

Mais de dearl1

Purpose of Missionary Work SPANISH
Purpose of Missionary Work SPANISHPurpose of Missionary Work SPANISH
Purpose of Missionary Work SPANISH
dearl1
 
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESEPurpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
dearl1
 
Purpose of Missionary Work FRENCH
Purpose of Missionary Work FRENCHPurpose of Missionary Work FRENCH
Purpose of Missionary Work FRENCH
dearl1
 
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESEPurpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
dearl1
 
Purpose of Missionary Work ITALIAN
Purpose of Missionary Work ITALIANPurpose of Missionary Work ITALIAN
Purpose of Missionary Work ITALIAN
dearl1
 
Purpose of Missionary Work RUSSIAN
Purpose of Missionary Work RUSSIANPurpose of Missionary Work RUSSIAN
Purpose of Missionary Work RUSSIAN
dearl1
 
Purpose of Missionary Work ENGLISH
Purpose of Missionary Work ENGLISHPurpose of Missionary Work ENGLISH
Purpose of Missionary Work ENGLISH
dearl1
 
Joseph & All Things Semitic RUSSIAN
Joseph & All Things Semitic RUSSIANJoseph & All Things Semitic RUSSIAN
Joseph & All Things Semitic RUSSIAN
dearl1
 
Joseph & All Things Semitic ITALIAN
Joseph & All Things Semitic ITALIANJoseph & All Things Semitic ITALIAN
Joseph & All Things Semitic ITALIAN
dearl1
 
Joseph & All Things Semitic FRENCH
Joseph & All Things Semitic FRENCHJoseph & All Things Semitic FRENCH
Joseph & All Things Semitic FRENCH
dearl1
 
Joseph & All Things Semitic PORTUGUESE
Joseph & All Things Semitic PORTUGUESEJoseph & All Things Semitic PORTUGUESE
Joseph & All Things Semitic PORTUGUESE
dearl1
 
Joseph & All Things Semitic SPANISH
Joseph & All Things Semitic SPANISHJoseph & All Things Semitic SPANISH
Joseph & All Things Semitic SPANISH
dearl1
 
Joseph & All Things Semitic ENGLISH
Joseph & All Things Semitic ENGLISHJoseph & All Things Semitic ENGLISH
Joseph & All Things Semitic ENGLISH
dearl1
 
Joseph & all things semitic port
Joseph & all things semitic portJoseph & all things semitic port
Joseph & all things semitic port
dearl1
 
Joseph & all things semitic italian
Joseph & all things semitic italianJoseph & all things semitic italian
Joseph & all things semitic italian
dearl1
 
Missionary plan of salvation spanish
Missionary plan of salvation spanishMissionary plan of salvation spanish
Missionary plan of salvation spanish
dearl1
 
Missionary Plan of Salvation RUSSIAN
Missionary Plan of Salvation RUSSIANMissionary Plan of Salvation RUSSIAN
Missionary Plan of Salvation RUSSIAN
dearl1
 
Missionary Plan of Salvation ITALIAN
Missionary Plan of Salvation ITALIANMissionary Plan of Salvation ITALIAN
Missionary Plan of Salvation ITALIAN
dearl1
 
Missionary Plan of Salvation PORTUGUESE
Missionary Plan of Salvation PORTUGUESEMissionary Plan of Salvation PORTUGUESE
Missionary Plan of Salvation PORTUGUESE
dearl1
 
Missionary Plan of Salvation FRENCH
Missionary Plan of Salvation FRENCHMissionary Plan of Salvation FRENCH
Missionary Plan of Salvation FRENCH
dearl1
 

Mais de dearl1 (20)

Purpose of Missionary Work SPANISH
Purpose of Missionary Work SPANISHPurpose of Missionary Work SPANISH
Purpose of Missionary Work SPANISH
 
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESEPurpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
 
Purpose of Missionary Work FRENCH
Purpose of Missionary Work FRENCHPurpose of Missionary Work FRENCH
Purpose of Missionary Work FRENCH
 
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESEPurpose of Missionary Work PORTUGUESE
Purpose of Missionary Work PORTUGUESE
 
Purpose of Missionary Work ITALIAN
Purpose of Missionary Work ITALIANPurpose of Missionary Work ITALIAN
Purpose of Missionary Work ITALIAN
 
Purpose of Missionary Work RUSSIAN
Purpose of Missionary Work RUSSIANPurpose of Missionary Work RUSSIAN
Purpose of Missionary Work RUSSIAN
 
Purpose of Missionary Work ENGLISH
Purpose of Missionary Work ENGLISHPurpose of Missionary Work ENGLISH
Purpose of Missionary Work ENGLISH
 
Joseph & All Things Semitic RUSSIAN
Joseph & All Things Semitic RUSSIANJoseph & All Things Semitic RUSSIAN
Joseph & All Things Semitic RUSSIAN
 
Joseph & All Things Semitic ITALIAN
Joseph & All Things Semitic ITALIANJoseph & All Things Semitic ITALIAN
Joseph & All Things Semitic ITALIAN
 
Joseph & All Things Semitic FRENCH
Joseph & All Things Semitic FRENCHJoseph & All Things Semitic FRENCH
Joseph & All Things Semitic FRENCH
 
Joseph & All Things Semitic PORTUGUESE
Joseph & All Things Semitic PORTUGUESEJoseph & All Things Semitic PORTUGUESE
Joseph & All Things Semitic PORTUGUESE
 
Joseph & All Things Semitic SPANISH
Joseph & All Things Semitic SPANISHJoseph & All Things Semitic SPANISH
Joseph & All Things Semitic SPANISH
 
Joseph & All Things Semitic ENGLISH
Joseph & All Things Semitic ENGLISHJoseph & All Things Semitic ENGLISH
Joseph & All Things Semitic ENGLISH
 
Joseph & all things semitic port
Joseph & all things semitic portJoseph & all things semitic port
Joseph & all things semitic port
 
Joseph & all things semitic italian
Joseph & all things semitic italianJoseph & all things semitic italian
Joseph & all things semitic italian
 
Missionary plan of salvation spanish
Missionary plan of salvation spanishMissionary plan of salvation spanish
Missionary plan of salvation spanish
 
Missionary Plan of Salvation RUSSIAN
Missionary Plan of Salvation RUSSIANMissionary Plan of Salvation RUSSIAN
Missionary Plan of Salvation RUSSIAN
 
Missionary Plan of Salvation ITALIAN
Missionary Plan of Salvation ITALIANMissionary Plan of Salvation ITALIAN
Missionary Plan of Salvation ITALIAN
 
Missionary Plan of Salvation PORTUGUESE
Missionary Plan of Salvation PORTUGUESEMissionary Plan of Salvation PORTUGUESE
Missionary Plan of Salvation PORTUGUESE
 
Missionary Plan of Salvation FRENCH
Missionary Plan of Salvation FRENCHMissionary Plan of Salvation FRENCH
Missionary Plan of Salvation FRENCH
 

HOLA in PORTUGUESE

  • 1. O propósito da obra MISSIONÁRIA Convidar a outros a vir a Cristo, ajudando-os receber o Evangelho restaurado através da fé em Jesus Cristo e sua Expiação, arrependimento, batismo, e recebendo o dom do Espírito Santo e perseverando até ao final.
  • 2. BATISMOS DE CONVERSOS=META Elder Michael Earl, Com um batismo Paraguay
  • 3. Como utilizamos o Espírito Santo na obra missionária? Joseph Smith disse: “ A salvação não pode vir sem revelação”; seria em vão ministrar sem ela.History of the church 3:135
  • 4. Verdadde nº 1: Os pesquisadores vão lembrar-se apenas de parte do que disseram. Nós ensinamos a Restauração do Evangelho. Nós ensinamos o livro de Mórmon. Nós ensinamos o plano de salvação. Nós ensinamos mandamentos. MAS NÁO É TANTO A MENSAGEM COMO É …..
  • 5. Espírito Santo Quando a conversão acontece, vem através do poder do espírito.(PME p.94) O Elder Ballard disse: “ A verdadeira conversão acontece pelo poder do espírito. Quando o espírito toca o coração ele sofre uma mudança. (PME p.95)
  • 6. Como é que os pesquisadores recebem o poder do Espírito Santo ao Largo do processo da conversão. Os pesquisadores podem receber orientação espiritual antes do batismo: “ A influência espiritual começa com a luz de Cristo, que é concedida a todo homem, para que possa distinguir o bem do mal. (PME 92 moroni 7:16) É uma influência preliminar e preparatória para receber o Espírito Santo. A luz de Cristo guiará as almas honestas a ouvir sua voz e encontrar a verdade do evangelho na verdadeira Igreja e receber o Espírito Santo. (PME 92 dicionário biblico; C 84:46-47)
  • 7. Verdade nr. 2: Tudo o que fazemos com um pesquisador deve ajudá-los a sentir o espírito. O nosso trabalho é ajuda-los a lembrarem-se destas verdades que eles já conheciam:” O evangelho lhes sorá familiar .” (PME 92) “O poder do Espírito Santo pode vir a uma pessoa antes do batismo e testificar que o evangelho é verdadeiro. (pme. 93) “ Pelo poder do Espírito Santo podeis saber a verdade de todas as coisas.” Moroni 10:5 PLANIFICA formas em que os teus pesquisadores poderão sentir o espírito.
  • 8. 4 MOMENTOS PRINCIPAIS EM QUE ELES SENTEM O ESPÍRITO QUANDO É QUE AS PESSOAS SENTEM O ESPÍRITO? Os pesquisadores geralmente sente o espírito quando estiverem com eles (se você não permanecer muito tempo). Os pesquisadores sentem o espírito ao ORAR. Os pesquisadores sentem o espírito ao LER um PANFLETO, ESCRITURAS e especialmente o LIVRO DE MORMON. Eles sentem o espírito quando ASSISTEM a igreja, batismos, reuniões com missionários…
  • 9. LEMBRA-TE DISTO? O rar L er OLA!! A ssistir
  • 10. Agora que você sabe o que eles necessitam, você precisa de saber quando !! “Faça contactos freqüentes, DIÁRIOS SE POSSIVEL, para saber como as pessoas estão progredir com os compromissos, responder perguntas, ajuda-los a superar desafios, ensinar lições adicionais, ler com elas o livro de Mórmon, compartilhar passagens das escrituras ou usar materiais audiovisuais.” (PME 217) “ESTE APOIO ESPÍRITUAL É VITAL.” PME 217
  • 11. CADA DIA, CADA INVESTIGADOR DeC 112:5 “Contende, portanto toda a manhã; e dia após dia emite tua voz de advertência; e quando vier a noite, não permitas que os habitantes da terra adormeçam por causa de tuas palavras”
  • 12. Porquê contacto diário ? 1. Satanás é real. 2. É muito dificil mudar. (PME 217) 3. Estamos em uma guerra de almas. Satanás sabe que se ele pode ganhar neste momento crucial (ex. evitar batismos, ir ao templo realizar seu selamento, ou preparação para a missão), então ele venceu-te. Este é o momento, em que a batalha se torna mais real e mais intensa.
  • 13. UMA GUERRA CONTRA SATÁNAS ELDER HOLLAND , Agosto 2010 CTM Provo Esta é uma guerra. Esta é uma guerra entre o bem e o mal que começou no conselho dos céus antes de este mundo existir. Tem continuado e irá continuar até o Capitão volte na sua plenitude e universalidade. Quando ele disser a guerra terminou, então aí terminou, mas até lá nos somos os seus soldados. Nos somos os soldados! Somos nós. Estamos todos recenseados. PERCEBEM!? Um dia vão parar um minuto olhar para o vosso hinário e pensar “Porque existem tantos hinos sobre guerra” … Com valor marchemos . Porque esta é uma guerra. Obrigada Senhor que temos tão bons soldados. Obrigada Deus que somos a cruz vermelha nesta guerra. Vocês não estão a disparar balas , mas a fazer curativos. Não estar a derramar sangue mas a estanca-lo. Vocês não tiram vidas mas salvam vidas. Mas isto é guerra.
  • 14. OUTROS CONCEITOS DA VISITA PME 217 •Seja paciente mas persistente. •Certifique-se de que as pessoas saibam que você fará breves, visitas diárias entre as aulas marcadas. •Explica-lhes que o seu propósito será apoia-las e ajudá-las. Dê-lhes uma idéia do que irá fazer nessas visitas. (PME 217) •Digam-lhes a verdade , pessoas morreram, alguns perderão os seus trabalhos, perderão a relação com alguns parentes, e serão abandonados pelos seus próprios amigos.
  • 15. Como podemos definir estas visitas? Técnica:"o que seria melhor para você para outra lição breve, terça-feira7:00 ou quarta-feira em 8:00? Você vai orar e perguntar a Deus se Joseph Smith foi O um profeta? Sei que …. Testefico-lhe que... L Você Lerá 3 Néfi 11 ou Moroni 10: 3-5 antes da nossa visita de amanhã, às 7: 00?... Sei que ao fazerem isto... Testifico o livro L.M é verdadeiro (PME 213) A Você assitirá a igreja conosco no próximo domingo9:00. Passare-mos a buscar-lhes as 8.30.
  • 16. ORAÇÃO Após a oração de abertura no primeiro contato, o investigador deve orar sempre. Ajoelhando-se: Father in Heaven…….. Nosso Pai Celestial… We Thank thee Te agradecemos… We Ask thee…. Te Pedimos… In the Name of Jesus Christ Em nome de Jesus Cristo
  • 17. LEITURA A respeito do livro do Mórmon o profeta Joseph Smith disse que “seguindo os seus preceitos um homem se aproximaria mas de Deus do que seguindo qualquer outro livro. (PME 112) “..A primeira pergunta que o pesquisador deve responder é se Joseph Smith foi um profeta, e essa pergunta pode ser respondida de ele ler o livro de Mórmon e orar a respeito do livro.” (PME 114) Temos também de panfletos, palestras e outros materiais escritos que serão útil para o investigador. Se o investigador tem um forte forte conhecimento da Bíblia, você pode encontrar as respostas para as suas inquietudes utilizando conceitos, princípios que se encontram na sua própria Bíblia.
  • 18. ASSISTIR “E a Igreja reunia-se freqüentemente para jejuar e orar e para falar a respeito do bem estar de suas almas. E reunião-se freqüentemente para o pão e vinho, em lembrança do Senhor Jesus. " Moroni 6: 5, 6 ; D&C 109:13. “ E para que todos os que atravessarem o umbral da casa do senhor sintam o teu poder e sintam-se compelidos a reconhecer que tu a santificaste e que ela é a tua casa, um lugar de santidade.” ( Os nossos edificios têm poder).
  • 19. ASSISTIR Não devemos subestimar o poder das capelas, edifícios de seminário e templos para ajudar as pessoas a sentir o espírito.Os pesquisadores terão a posiblidade de sentir o espírito ao encontrarem-se fisicamente num edifício dedicado da Igreja. Convidem-nos para reuniões. Convidem-nos para serviços batismais. Convidem-nos a uma excursão pelas instalações da igreja. Convidem-nos a conhecer o centro de história familiar. Convidem-nos a actividades desportivas. Convidem-nos a casa dos membros , cujas casas são onde residem os puros de coração. CONVIDEM-NOS A SIÃO
  • 20. Os Investigadores, converços, membros e os doze Apóstolos têm de fazer as mesmas coisas para sentir o espírito:... 1. ORAR 2. LER AS ESCRITURAS 3. ASSISTIR AS SUAS REUNIÕES O rar L er Assistir
  • 21. RESOLVER DÚVIDAS DOUTRINÁRIA Todas as objeções, sejam elas referentes ao aborto ou ao casamento plural, à adoração no sétimo dia da semana , etc. Basicamente dependem de saberemos se Joseph Smith e seus sucessores foram e são profetas de Deus que receberão revelação divina … (PME 113) O único problema que as pessoas que tem dúvida precisam de resolver por si mesmas é saber se o livro do Mórmon é verdadeiro. Porque se o livro do Mórmon é verdadeiro, então Jesus é o Cristo, Joseph Smith foi o seu profeta, e a igreja de Jesus Cristo dos Santo dos Ultimos dias é verdadeira e esta sendo liderada hoje por por um profeta que recebe revelação. (PME 113) Nossa principal tarefa é declarar o evangelho, e fazê-lo eficazmente. Não temos a obrigação de responder a todas as objeções. (PME 113)
  • 22. RELSOLVER DÚVIDAS DE CARACTER SOCIAL Procure primeiro compreender os seus problemas fazendo perguntas e ouvindo. (PME 203) Freqüentemente as preocupações são mais de natureza social que doutrinária. (PME 203) Os pesquisadores, por exemplo, podem temer a oposição dos seus familiares. Ou podem temer a rejeição dos seus amigos. (PME 203) Eles podem temer as mudanças. Eles poderão ter alguma dependência (PME 202-204) Eles poderão estar a sofrer pesadas cargas do pecado.
  • 23. QUAL É O PAPEL DA MÚSICA? A música tem um poderde atrair o espírito. Utilize: Sis Olsen Elder Obregon música da primária
  • 24. Velho ditado diz: "cada vez que tocamos uma porta em europa, alguém na América do Sul é batizada. Nº 1: Se isso é verdade ou não, não importa, o importante é que muitos de coração puro vivem neste pais. Nº 2: Se o ditado é correto, tens algo em contra de batizar a sul-americanos aqui na Europa? Tocar portas .
  • 25. ENSINA E BATIZA Este foi o nosso tema de missão Muito simples — Ensine e batize. Como é que conseguimos muitos batismos : Com OLA y CADA DIA, A CADA INVESTIGADOR Devemos descobrir uma maneira de ajudar o pesquisador a sentir o espírito todos os dias até o seu batismo.
  • 26. O novo curriculum. 1. A doutrina de Cristo – nosso propósito como missionários. 2. O papel do Espirito Santo 3. Revelação através de Oração. 4. Revelação atraves do Livro de Mórmon. 5. Revelação através reunião sacramental 6. Ensinar pessoas não lições. 7. Nos convidamos, Eles comprometem-se, Nos acompanhamos 8. Saber como começar a ensinar. Distibuiam panfletos com OLÁ