SlideShare uma empresa Scribd logo
http://acmelojesus.blogspot.com.br/
Aonde Posso Ir?

A Bíblia ensina que devemos cuidar bem de nossa saúde, pois Deus habita em nós.

Deus criou-nos com uma série de necessidades, e entre elas está a necessidade de
lazer. Uma pessoa que não se diverte dará pouco descanso à sua mente, e poderá ter
sérios problemas de saúde.
A Bíblia ensina que devemos cuidar bem de nossa saúde, pois Deus habita em nós (I
Co. 3:16-17; 6:9).

 Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Ou não sabeis que os injustos não herdarão o
 Espírito de Deus habita em vós? Se alguém reino de Deus? ...(I Co. 6:9)
 destruir o santuário de Deus, Deus o destruirá;
 porque o santuário de Deus, que sois vós, é
 sagrado. (I Co. 3:16-17)

Precisamos separar tempo para o nosso lazer.

Existem hoje diversas opções de lazer e divertimento. Surgem, então, duas questões
importantíssimas: como servo de Jesus Cristo, posso praticar qualquer divertimento?
Aonde posso ir? Aparentemente, seria muito fácil responder com uma lista de vários
tipos de divertimentos e locais que não são lícitos e, portanto, proibidos. Isto lhe
satisfaria? Certamente que não. Nada mais justo do que querer saber os motivos, pois
nossa obediência à Palavra de Deus deve ser consciente. Então, vamos examinar
alguns princípios bíblicos que nos ajudarão a decidir aonde podemos ir para nos
divertirmos.

I — Tudo em nossa vida deve ter a aprovação de Deus

E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em Portanto, quer comais, quer bebais ou façais
ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de
por ele graças a Deus Pai. (Cl. 3:17)           Deus. (I Co. 10:31)

Mesmo as menores coisas que fazemos no dia-a-dia devem ter a aprovação de Deus,
de tal maneira que se possa assinar embaixo. Nossa vida deve glorificar a Deus. Se
queremos agradar a Deus, devemos agir com santidade, pois ele é santo; devemos
agir com amor, pois ele é amor etc.

Será que todo tipo de divertimento tem a aprovação de Deus? Se queremos nos
santificar, podemos ir a qualquer lugar? A Bíblia afirma que o mundo jaz no
maligno (I Jo. 5:19).

Sabemos que somos de Deus e que o mundo inteiro jaz no Maligno. (I Jo. 5:19)

Sendo assim, há muitas coisas que podem parecer inocentes, mas desagradam a
Deus. Lembra-se como Eva foi tentada? Satanás convenceu-a de que não havia nada
errado em comer o fruto e desobedecer a Deus. Precisamos estar atentos para não
sermos enganados por uma falsa aparência de inocência.

Se queremos ter a aprovação de Deus, devemos ter cuidado com os ambientes que
frequentamos e com as companhias com quem nos divertimos. O Salmo 1 deixa bem
claro que Deus se aborrece com aqueles que frequentam as rodas de escarnecedores,
que são justamente os ambientes corrompidos, frequentados por pessoas que se
entregam ao pecado, não temem a Deus e ainda zombam das coisas espirituais.

Bem aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos
pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes, o seu prazer está na lei do
SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. Ele é como árvore plantada junto a corrente de
águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz
será bem sucedido.

Os ímpios não são assim; são, porém, como a palha que o vento dispersa. Por isso, os perversos
não prevalecerão no juízo, nem os pecadores, na congregação dos justos. Pois o SENHOR
conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios perecerá. (Salmo 1)

Você é capaz de lembrar-se de alguns locais que são verdadeiras rodas de
escarnecedores? Mesas de bares, danceterias etc.? Tais ambientes e companhias não
agradam a Deus e não convêm a um cristão.

II — Devemos dar um bom testemunho do Evangelho

Fazei tudo sem murmurações nem contendas; para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos
de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como
luzeiros no mundo. (Fp. 2.15)

Nossos atos falam mais alto do que nossas palavras. Por isso somos responsáveis em
dar um bom testemunho, mesmo quando nos divertimos. É necessário que sejamos
puros e corretos em tudo quanto praticamos (I Pe. 2:15).

Porque assim é a vontade de Deus, que, pela prática do bem, façais emudecer a ignorância dos
insensatos; (I Pe. 2:15)

Não há nada errado em jogar futebol, ou torcer por um determinado time. Mas se o
crente não consegue controlar-se, discute, briga, fala palavrões a cada partida, - que
joga ou assisti - não está dando bom testemunho. Precisa dominar-se. Se não
conseguir, é melhor deixar de jogar ou assistir futebol.

O contrário do bom testemunho é o escândalo, pois nega tudo aquilo que pregamos.
Escandalizar significa fazer alguém tropeçar e cair. Ou seja, é induzir outra pessoa
ao erro ou a decepcionar-se com o evangelho por causa de nossa maneira de agir.
Por exemplo: Não é errado ir à praia. Mas a nossa roupa de banho não deve servir de
escândalo para outras pessoas. A Bíblia diz que não devemos fazer ninguém tropeçar
(I Co. 10:32-33).

Não vos torneis causa de tropeço nem para judeus, nem para gentios, nem tampouco para a igreja
de Deus, assim como também eu procuro, em tudo, ser agradável a todos, não buscando o meu
próprio interesse, mas o de muitos, para que sejam salvos. (I Co. 10:32-33)

Jesus ensinou que aquele que escandaliza outras pessoas é maldito (Lc. 17:1-2).

Disse Jesus a seus discípulos: É inevitável que venham escândalos, mas ai do homem pelo qual
eles vêm! Melhor fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho... (Lc. 17:1-2)
Tenhamos cuidado, pois se nosso lazer escandalizar alguém, ao invés de bênção,
seremos maldição.

III — Devemos sempre buscar a nossa edificação (Ef. 4:13-15)

Até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, à perfeita
varonilidade, à medida da estatura da plenitude de Cristo, para que não mais sejamos como
meninos, agitados de um lado para outro e levados ao redor por todo vento de doutrina, pela
artimanha dos homens, pela astúcia com que induzem ao erro. Mas, seguindo a verdade em amor,
cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, de quem todo o corpo, bem ajustado e
consolidado pelo auxilio de toda junta, segundo a justa cooperação de cada parte, efetua o seu
próprio aumento para a edificação de si mesmo em amor. (Ef. 4:13-15)

Em nossa vida, todas as nossas escolhas podem influenciar nosso crescimento
espiritual, de maneira positiva ou negativa. Portanto, devemos fazer bom uso de
nossa liberdade de escolha. Não podemos escolher algo que nos escravize ou que não
contribua para a nossa edificação (I Co. 6:12; 10:23).

Todas as coisas me são licitas, mas nem todas Todas as coisas são licitas, mas nem todas
convêm. Todas as coisas me são licitas, mas eu convêm; todas são licitas, mas nem todas
não me deixarei dominar por nenhuma delas. (I edificam. (I Co. 10:23)
Co. 6:12)

Divertimentos e locais que contaminem a nossa mente, levando-nos a pensar e agir
como as pessoas que não têm Jesus Cristo, devem ser rejeitados (Rm. 12.2).

E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para
que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Rm. 12.2).

Você alimentaria seu corpo com alimentos estragados? Da mesma maneira, não
devemos envenenar nossa mente com coisas que não edificam.

Assim, só devemos frequentar locais onde podemos receber uma influência sadia e
positiva (Fl. 4.8).

Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o
que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor
existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. (Fl. 4:8)

Antes de terminar, quero relembrar que Deus habita em você. A qualquer lugar que
você vá, ele vai junto. Será que Deus fica satisfeito com todos os lugares aonde você o
leva? Será que você pode dar um bom testemunho frequentando qualquer ambiente?
Você pode crescer espiritualmente indo a qualquer lugar? Antes de decidir-se a ir a um
determinado lugar, faça a si mesmo estas três perguntas e decida se deve ir ou não.

Peça a Deus sabedoria para sempre decidir corretamente aonde você deve ir.




                               http://acmelojesus.blogspot.com.br/

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

EBJ - Encontro 27/05/2012
EBJ - Encontro 27/05/2012EBJ - Encontro 27/05/2012
EBJ - Encontro 27/05/2012
EBJ IPBCP
 
Painosso
PainossoPainosso
Painosso
Dalila Melo
 
Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?
Quenia Damata
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Interpretação da oração pai nosso
Interpretação da oração pai nossoInterpretação da oração pai nosso
Interpretação da oração pai nosso
Helio Cruz
 
Ebd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITA
Ebd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITAEbd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITA
Ebd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITA
Frederico Fonseca
 
Analise do-pai-nosso
Analise do-pai-nossoAnalise do-pai-nosso
Analise do-pai-nosso
Alcides
 
Romanos 8 (parte -2)
Romanos   8 (parte -2)Romanos   8 (parte -2)
Romanos 8 (parte -2)
Joel Silva
 
Libertação 3ª parte
Libertação   3ª parteLibertação   3ª parte
Libertação 3ª parte
Valdivino Gomes Lima
 
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Quenia Damata
 
Como conhecer a deus
Como conhecer a deusComo conhecer a deus
Como conhecer a deus
Edleusa Silva
 
2 corintios cap 4 e 5
2 corintios cap 4 e 52 corintios cap 4 e 5
2 corintios cap 4 e 5
Andreia Quesada
 
Como conhecer a vontade de Deus
Como conhecer a vontade de DeusComo conhecer a vontade de Deus
Como conhecer a vontade de Deus
Rafael Bernardo de Castro
 
Critérios cristãos para escolhas e decisões
Critérios cristãos para escolhas e decisõesCritérios cristãos para escolhas e decisões
Critérios cristãos para escolhas e decisões
Almy Alves
 
Crise, como deve proceder um cristão?
Crise, como deve proceder  um cristão?Crise, como deve proceder  um cristão?
Crise, como deve proceder um cristão?
Almy Alves
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Quenia Damata
 
Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017
Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017
Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017
Denis de Pereira
 
Santidade
SantidadeSantidade
Santidade
Márcio Melânia
 
O Chamado de Deus
O Chamado de DeusO Chamado de Deus
O Chamado de Deus
Fabiano EducarCristão
 
Capítulo 18 - evangelho segundo o espiritismo
Capítulo 18 - evangelho segundo o espiritismoCapítulo 18 - evangelho segundo o espiritismo
Capítulo 18 - evangelho segundo o espiritismo
Roberta Andrade
 

Mais procurados (20)

EBJ - Encontro 27/05/2012
EBJ - Encontro 27/05/2012EBJ - Encontro 27/05/2012
EBJ - Encontro 27/05/2012
 
Painosso
PainossoPainosso
Painosso
 
Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?Dinheiro: benção ou maldição?
Dinheiro: benção ou maldição?
 
Pai Nosso
Pai NossoPai Nosso
Pai Nosso
 
Interpretação da oração pai nosso
Interpretação da oração pai nossoInterpretação da oração pai nosso
Interpretação da oração pai nosso
 
Ebd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITA
Ebd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITAEbd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITA
Ebd- Lição12 22/03/2015_EU CREIO QUE A VONTADE DE DEUS É PERFEITA
 
Analise do-pai-nosso
Analise do-pai-nossoAnalise do-pai-nosso
Analise do-pai-nosso
 
Romanos 8 (parte -2)
Romanos   8 (parte -2)Romanos   8 (parte -2)
Romanos 8 (parte -2)
 
Libertação 3ª parte
Libertação   3ª parteLibertação   3ª parte
Libertação 3ª parte
 
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem  manda em você?
Licao 04 - Adolescentes Vencedores: Quem manda em você?
 
Como conhecer a deus
Como conhecer a deusComo conhecer a deus
Como conhecer a deus
 
2 corintios cap 4 e 5
2 corintios cap 4 e 52 corintios cap 4 e 5
2 corintios cap 4 e 5
 
Como conhecer a vontade de Deus
Como conhecer a vontade de DeusComo conhecer a vontade de Deus
Como conhecer a vontade de Deus
 
Critérios cristãos para escolhas e decisões
Critérios cristãos para escolhas e decisõesCritérios cristãos para escolhas e decisões
Critérios cristãos para escolhas e decisões
 
Crise, como deve proceder um cristão?
Crise, como deve proceder  um cristão?Crise, como deve proceder  um cristão?
Crise, como deve proceder um cristão?
 
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPADTudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
Tudo tem o seu tempo - Lição 11 CPAD
 
Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017
Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017
Aula 07 jovens i tempo a sós com deus i ebd 2017
 
Santidade
SantidadeSantidade
Santidade
 
O Chamado de Deus
O Chamado de DeusO Chamado de Deus
O Chamado de Deus
 
Capítulo 18 - evangelho segundo o espiritismo
Capítulo 18 - evangelho segundo o espiritismoCapítulo 18 - evangelho segundo o espiritismo
Capítulo 18 - evangelho segundo o espiritismo
 

Destaque

17 de agosto
17 de agosto17 de agosto
17 de agosto
proyectosolidarionv
 
Metodología de la investigación ii
Metodología de la investigación iiMetodología de la investigación ii
Metodología de la investigación ii
debohuck
 
Apresentação ppt 33 ll-8
Apresentação ppt 33 ll-8Apresentação ppt 33 ll-8
Apresentação ppt 33 ll-8
Bruno Correia
 
Las palancas
Las palancasLas palancas
Las palancas
Gusve Meza
 
Peace
PeacePeace
Peace
love4
 
Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)
Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)
Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)
guest91c438
 
lola
lolalola
lola
Lydiukah
 
Ourfather 4 Language
Ourfather 4 LanguageOurfather 4 Language
Ourfather 4 Language
CM Ites
 

Destaque (9)

17 de agosto
17 de agosto17 de agosto
17 de agosto
 
Metodología de la investigación ii
Metodología de la investigación iiMetodología de la investigación ii
Metodología de la investigación ii
 
Apresentação ppt 33 ll-8
Apresentação ppt 33 ll-8Apresentação ppt 33 ll-8
Apresentação ppt 33 ll-8
 
Las palancas
Las palancasLas palancas
Las palancas
 
Peace
PeacePeace
Peace
 
Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)
Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)
Rar Star...Fake Kral (Lejyoner)
 
lola
lolalola
lola
 
Ourfather 4 Language
Ourfather 4 LanguageOurfather 4 Language
Ourfather 4 Language
 
Primersintomagay
PrimersintomagayPrimersintomagay
Primersintomagay
 

Semelhante a Aonde posso ir?

Treinamento PPT
Treinamento PPTTreinamento PPT
Treinamento PPT
Daniel LKTS
 
Vivendo de Forma Moderada.
Vivendo de Forma Moderada.Vivendo de Forma Moderada.
Vivendo de Forma Moderada.
Márcio Martins
 
Namoro, muito mais que diversão.
Namoro, muito mais que diversão.Namoro, muito mais que diversão.
Namoro, muito mais que diversão.
Quenia Damata
 
Aula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominical
Aula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominicalAula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominical
Aula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominical
antonio vieira
 
PERDÃO.pptx
PERDÃO.pptxPERDÃO.pptx
PERDÃO.pptx
OtonielLopes
 
“O amor de Cristo nos constrange”
“O amor de Cristo nos constrange”“O amor de Cristo nos constrange”
“O amor de Cristo nos constrange”
JUERP
 
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
Joel Silva
 
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptxebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
KARINEVONEYVIEIRABAR
 
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaLição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Erberson Pinheiro
 
Dom do Espírito Santo
Dom do Espírito SantoDom do Espírito Santo
Dom do Espírito Santo
Pastor Robson Colaço
 
Relacionamento com Deus
Relacionamento com Deus Relacionamento com Deus
Relacionamento com Deus
Jessé Lopes
 
Aplaudidos ou aprovados?
Aplaudidos ou aprovados?Aplaudidos ou aprovados?
Aplaudidos ou aprovados?
Paulo Dias Nogueira
 
Chama do Carmo_221
Chama do Carmo_221Chama do Carmo_221
Chama do Carmo_221
Frei João
 
12 mentiras
12 mentiras12 mentiras
O brado de deus
O brado de deusO brado de deus
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santoSilas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
Tarcila Lais
 
Licao 12
Licao 12Licao 12
Boa =perfeita vontade
Boa =perfeita vontadeBoa =perfeita vontade
Boa =perfeita vontade
FlvioAraujo6
 
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptxEvangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
lindalva da cruz
 
Aula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptx
Aula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptxAula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptx
Aula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptx
JosMauroPiresCoutinh
 

Semelhante a Aonde posso ir? (20)

Treinamento PPT
Treinamento PPTTreinamento PPT
Treinamento PPT
 
Vivendo de Forma Moderada.
Vivendo de Forma Moderada.Vivendo de Forma Moderada.
Vivendo de Forma Moderada.
 
Namoro, muito mais que diversão.
Namoro, muito mais que diversão.Namoro, muito mais que diversão.
Namoro, muito mais que diversão.
 
Aula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominical
Aula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominicalAula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominical
Aula 11 vivendo de forma moderada escola biblica dominical
 
PERDÃO.pptx
PERDÃO.pptxPERDÃO.pptx
PERDÃO.pptx
 
“O amor de Cristo nos constrange”
“O amor de Cristo nos constrange”“O amor de Cristo nos constrange”
“O amor de Cristo nos constrange”
 
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05E.b.d  adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
E.b.d adolescentes - 4ºtrimestre 2016 lição 05
 
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptxebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
ebd-2o-trimestre-2018-licao-5-vivendo-uma-santa.pptx
 
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma ModeradaLição 11 - Vivendo de Forma Moderada
Lição 11 - Vivendo de Forma Moderada
 
Dom do Espírito Santo
Dom do Espírito SantoDom do Espírito Santo
Dom do Espírito Santo
 
Relacionamento com Deus
Relacionamento com Deus Relacionamento com Deus
Relacionamento com Deus
 
Aplaudidos ou aprovados?
Aplaudidos ou aprovados?Aplaudidos ou aprovados?
Aplaudidos ou aprovados?
 
Chama do Carmo_221
Chama do Carmo_221Chama do Carmo_221
Chama do Carmo_221
 
12 mentiras
12 mentiras12 mentiras
12 mentiras
 
O brado de deus
O brado de deusO brado de deus
O brado de deus
 
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santoSilas a importância de ser cheio do espírito santo
Silas a importância de ser cheio do espírito santo
 
Licao 12
Licao 12Licao 12
Licao 12
 
Boa =perfeita vontade
Boa =perfeita vontadeBoa =perfeita vontade
Boa =perfeita vontade
 
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptxEvangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
Evangelismo 21-10 -de-Aula.pptx
 
Aula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptx
Aula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptxAula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptx
Aula 5- O homem aprovado pela fé – Rev. Lucas Andrade.pptx
 

Último

Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
DavidBertelli3
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
carla983678
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 

Último (12)

Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita RafaelA Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
A Parábola da Figueira Seca - Grupo Espírita Rafael
 
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf radedgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
edgard-armond-passes-e-radiacoes.pdf rad
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 

Aonde posso ir?

  • 2. Aonde Posso Ir? A Bíblia ensina que devemos cuidar bem de nossa saúde, pois Deus habita em nós. Deus criou-nos com uma série de necessidades, e entre elas está a necessidade de lazer. Uma pessoa que não se diverte dará pouco descanso à sua mente, e poderá ter sérios problemas de saúde. A Bíblia ensina que devemos cuidar bem de nossa saúde, pois Deus habita em nós (I Co. 3:16-17; 6:9). Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Ou não sabeis que os injustos não herdarão o Espírito de Deus habita em vós? Se alguém reino de Deus? ...(I Co. 6:9) destruir o santuário de Deus, Deus o destruirá; porque o santuário de Deus, que sois vós, é sagrado. (I Co. 3:16-17) Precisamos separar tempo para o nosso lazer. Existem hoje diversas opções de lazer e divertimento. Surgem, então, duas questões importantíssimas: como servo de Jesus Cristo, posso praticar qualquer divertimento? Aonde posso ir? Aparentemente, seria muito fácil responder com uma lista de vários tipos de divertimentos e locais que não são lícitos e, portanto, proibidos. Isto lhe satisfaria? Certamente que não. Nada mais justo do que querer saber os motivos, pois nossa obediência à Palavra de Deus deve ser consciente. Então, vamos examinar alguns princípios bíblicos que nos ajudarão a decidir aonde podemos ir para nos divertirmos. I — Tudo em nossa vida deve ter a aprovação de Deus E tudo o que fizerdes, seja em palavra, seja em Portanto, quer comais, quer bebais ou façais ação, fazei-o em nome do Senhor Jesus, dando outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de por ele graças a Deus Pai. (Cl. 3:17) Deus. (I Co. 10:31) Mesmo as menores coisas que fazemos no dia-a-dia devem ter a aprovação de Deus, de tal maneira que se possa assinar embaixo. Nossa vida deve glorificar a Deus. Se queremos agradar a Deus, devemos agir com santidade, pois ele é santo; devemos agir com amor, pois ele é amor etc. Será que todo tipo de divertimento tem a aprovação de Deus? Se queremos nos santificar, podemos ir a qualquer lugar? A Bíblia afirma que o mundo jaz no maligno (I Jo. 5:19). Sabemos que somos de Deus e que o mundo inteiro jaz no Maligno. (I Jo. 5:19) Sendo assim, há muitas coisas que podem parecer inocentes, mas desagradam a Deus. Lembra-se como Eva foi tentada? Satanás convenceu-a de que não havia nada errado em comer o fruto e desobedecer a Deus. Precisamos estar atentos para não sermos enganados por uma falsa aparência de inocência. Se queremos ter a aprovação de Deus, devemos ter cuidado com os ambientes que frequentamos e com as companhias com quem nos divertimos. O Salmo 1 deixa bem
  • 3. claro que Deus se aborrece com aqueles que frequentam as rodas de escarnecedores, que são justamente os ambientes corrompidos, frequentados por pessoas que se entregam ao pecado, não temem a Deus e ainda zombam das coisas espirituais. Bem aventurado o homem que não anda no conselho dos ímpios, não se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Antes, o seu prazer está na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. Ele é como árvore plantada junto a corrente de águas, que, no devido tempo, dá o seu fruto, e cuja folhagem não murcha; e tudo quanto ele faz será bem sucedido. Os ímpios não são assim; são, porém, como a palha que o vento dispersa. Por isso, os perversos não prevalecerão no juízo, nem os pecadores, na congregação dos justos. Pois o SENHOR conhece o caminho dos justos, mas o caminho dos ímpios perecerá. (Salmo 1) Você é capaz de lembrar-se de alguns locais que são verdadeiras rodas de escarnecedores? Mesas de bares, danceterias etc.? Tais ambientes e companhias não agradam a Deus e não convêm a um cristão. II — Devemos dar um bom testemunho do Evangelho Fazei tudo sem murmurações nem contendas; para que vos torneis irrepreensíveis e sinceros, filhos de Deus inculpáveis no meio de uma geração pervertida e corrupta, na qual resplandeceis como luzeiros no mundo. (Fp. 2.15) Nossos atos falam mais alto do que nossas palavras. Por isso somos responsáveis em dar um bom testemunho, mesmo quando nos divertimos. É necessário que sejamos puros e corretos em tudo quanto praticamos (I Pe. 2:15). Porque assim é a vontade de Deus, que, pela prática do bem, façais emudecer a ignorância dos insensatos; (I Pe. 2:15) Não há nada errado em jogar futebol, ou torcer por um determinado time. Mas se o crente não consegue controlar-se, discute, briga, fala palavrões a cada partida, - que joga ou assisti - não está dando bom testemunho. Precisa dominar-se. Se não conseguir, é melhor deixar de jogar ou assistir futebol. O contrário do bom testemunho é o escândalo, pois nega tudo aquilo que pregamos. Escandalizar significa fazer alguém tropeçar e cair. Ou seja, é induzir outra pessoa ao erro ou a decepcionar-se com o evangelho por causa de nossa maneira de agir. Por exemplo: Não é errado ir à praia. Mas a nossa roupa de banho não deve servir de escândalo para outras pessoas. A Bíblia diz que não devemos fazer ninguém tropeçar (I Co. 10:32-33). Não vos torneis causa de tropeço nem para judeus, nem para gentios, nem tampouco para a igreja de Deus, assim como também eu procuro, em tudo, ser agradável a todos, não buscando o meu próprio interesse, mas o de muitos, para que sejam salvos. (I Co. 10:32-33) Jesus ensinou que aquele que escandaliza outras pessoas é maldito (Lc. 17:1-2). Disse Jesus a seus discípulos: É inevitável que venham escândalos, mas ai do homem pelo qual eles vêm! Melhor fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma pedra de moinho... (Lc. 17:1-2)
  • 4. Tenhamos cuidado, pois se nosso lazer escandalizar alguém, ao invés de bênção, seremos maldição. III — Devemos sempre buscar a nossa edificação (Ef. 4:13-15) Até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, à perfeita varonilidade, à medida da estatura da plenitude de Cristo, para que não mais sejamos como meninos, agitados de um lado para outro e levados ao redor por todo vento de doutrina, pela artimanha dos homens, pela astúcia com que induzem ao erro. Mas, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo, de quem todo o corpo, bem ajustado e consolidado pelo auxilio de toda junta, segundo a justa cooperação de cada parte, efetua o seu próprio aumento para a edificação de si mesmo em amor. (Ef. 4:13-15) Em nossa vida, todas as nossas escolhas podem influenciar nosso crescimento espiritual, de maneira positiva ou negativa. Portanto, devemos fazer bom uso de nossa liberdade de escolha. Não podemos escolher algo que nos escravize ou que não contribua para a nossa edificação (I Co. 6:12; 10:23). Todas as coisas me são licitas, mas nem todas Todas as coisas são licitas, mas nem todas convêm. Todas as coisas me são licitas, mas eu convêm; todas são licitas, mas nem todas não me deixarei dominar por nenhuma delas. (I edificam. (I Co. 10:23) Co. 6:12) Divertimentos e locais que contaminem a nossa mente, levando-nos a pensar e agir como as pessoas que não têm Jesus Cristo, devem ser rejeitados (Rm. 12.2). E não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Rm. 12.2). Você alimentaria seu corpo com alimentos estragados? Da mesma maneira, não devemos envenenar nossa mente com coisas que não edificam. Assim, só devemos frequentar locais onde podemos receber uma influência sadia e positiva (Fl. 4.8). Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. (Fl. 4:8) Antes de terminar, quero relembrar que Deus habita em você. A qualquer lugar que você vá, ele vai junto. Será que Deus fica satisfeito com todos os lugares aonde você o leva? Será que você pode dar um bom testemunho frequentando qualquer ambiente? Você pode crescer espiritualmente indo a qualquer lugar? Antes de decidir-se a ir a um determinado lugar, faça a si mesmo estas três perguntas e decida se deve ir ou não. Peça a Deus sabedoria para sempre decidir corretamente aonde você deve ir. http://acmelojesus.blogspot.com.br/