SlideShare uma empresa Scribd logo
Curso:  Teologia Unidade:  Santidade Carga Horária:  30 min . Objetivo:  Ao final do treinamento, o aluno de Teologia será capaz de Saber o Conteúdo do Assunto Apresentado. Aluna:  Márcia Maria Alves de Oliveira
I- INTRODUÇÃO Vemos que nessa nova vida em Cristo fomos feitos filhos de Deus e vivemos pela fé.  Veremos como somos, como é o nosso caráter. Na vida natural, alguém pode dizer que é filho de determinada pessoa e ter um comportamento bem diferente do seu pai.  No Reino de Deus isso não pode existir. O filho de Deus se parece com o seu Pai, tem o mesmo caráter do Pai. Como é o novo caráter que Deus me deu? 1) Afinal o que é ser Santo? SANTO- SEPARADO POR DEUS SANTO- ODEIA O QUE DEUS ODEIA, AMA O QUE ELE AMA. Deus ama o pecador, mas abomina o pecado. SANTO- TEM A MENTE E O CARÁTER DE CRISTO.
Santidade Santidade é o principal atributo de Deus e uma qualidade a ser desenvolvida em seus seguidores. "Santidade" e o adjetivo "santo" aparecem muitas vezes na Bíblia.  No Velho Testamento, a primeira palavra para santidade significa cortar ou separar. Fundamentalmente, santidade é um corte ou separação de algo impuro e consagração ao que é puro.
Vídeo:  O Nosso Deus não é Santo de barro, portanto não quebra... (CA6JKVN8..wmv  (Vídeo)2431K  Download
O entendimento é que as imagens não devem ser objetos de nenhuma adoração, veneração ou reverência. A proibição de encurvar-se compreende: ajoelhar-se, inclinar o corpo ou a cabeça; tocar as imagens numa demonstração de devoção e respeito; beijá-las, coroá-las, levá-las em procissão em atitude de contemplação. A proibição de não servir as imagens compreende: não servi-las com lágrimas, com flores, com festas, cânticos, vigílias, rezas, sacrifícios, velas, ofertas em dinheiro ou em alimentos. Outras passagens bíblicas realçam a proibição do Segundo Mandamento: Ex 20:4
"Eu sou o Senhor. Este é o meu nome. A minha glória a outrem não a darei, nem a minha honra às imagens de escultura" (Isaías 42.8).  "Não façam imagem alguma na forma de ídolo, semelhança de homem ou mulher (Deuteronômio 4.15-19).  "E terás por contaminados a prata e o ouro que recobre as imagens de escultura. Lançá-las-á fora como coisa imunda" (Isaías 30.22).  "Mudaram a glória de Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, bem como de aves, quadrúpedes e répteis" (Romanos 1.23).  "Nada sabem os que conduzem em procissão suas imagens de escultura" (Isaías 45.20).  ·"Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a Ele servirás" (Mateus 4.10).
E Deus proibiu a edificação, a construção, a elaboração de imagens representativas de sua deidade (fato de ser Deus), porque em nenhuma imagem há lugar e espaço para conter toda a sua divindade. Deus, o nosso Deus , é onipotente, onisciente e onipresente. O outro sentido da palavra idolatria, ignorado pela maioria dos cristãos, é o que se interpõe entre o ser humano e Deus. Deus é soberano, completo, total, absoluto. E qualquer motivo, qualquer elemento, qualquer pessoa, qualquer coisa que valha mais ou tanto quanto Deus, é idolatria. É por isso que a Bíblia chama de idolatria a avareza: quando as pessoas esquecem- se de adorar e glorificar Deus, por causa do dinheiro... São ídolos tudo que se interpõe entre você e Deus. Deus tem que vir em primeiro, e antes de tudo.
(João 4:24) - Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.  (Efésios 5:5) - Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus.  (Mateus 7:13) - Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela;  (Mateus 7:14) - E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.
Deus é Santo Isaías 6:3: ...SANTO, SANTO, SANTO é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória. I Pe 1:16: … porque escrito está: Sede santos, porque eu sou santo. Em Deus não há pecado nem trevas. Ele é santo, isto é, nele não há pecado. Ele exige santidade daqueles que se aproximam dele. Não há como estar em Deus e no pecado ao mesmo tempo. Porque ele é santo, também seremos santos.
II- DESENVOLVIMENTO O SANTO E O PROFANO
O Santo e o Profano Menina de 9 anos estuprada está grávida de gêmeos Menina é submetida a aborto. Igreja tentou impedir. Uma garota de 9 anos de Alagoinha (PE) foi estuprada e agora está grávida de gêmeos, na 6ª semana de gestação. O padrasto dela é o suspeito de ser o criminoso. foi preso. Ele pretendia fugir para a Bahia. Cerca de 300 pessoas da cidade de 14 mil habitantes do agreste de Pernambuco tentaram linchá-lo. Até ofereceram dinheiro para a polícia soltá-lo. O suspeito, de 23 anos, teve de ser transferido para a cadeia de uma cidade vizinha, Pesqueira. Há suspeita de que o rapaz vinha tendo relações sexuais com a menina havia três anos. E com o conhecimento da mãe, uma aposentada de 42 anos.  O padrasto também teria abusado de outra garota, de 14 anos, portadora de deficiência física e mental e irmã da menina agora grávida. A polícia disse que ele admitiu que vinha tendo relações sexuais com as enteadas, mas porque as duas o “provocavam”.  Por se tratar de gestação de alto risco, o aborto é permitido por lei. Se trata de um caso grave, mas não inusitado. Informou que a ong acompanha uma menina de dez anos também grávida por estupro.
O profano está se tornando comum: “Mas todo mundo faz isso...”  “Eu nasci assim, eu cresci assim e sou mesmo assim,  vou ser sempre assim...” “Me aceite do jeito que eu sou” “Pau que nasce torto, morre  torto.” Popular Pages Today   1.  Câmera filma em estande de tiro mulher matando o filho Achava que era um demônio e, por gostar muito do filho, resolveu mandá-lo"para o céu". “Sou uma pessoa boa. [Mas] Deus e o demônio me transformaram em um anti-Cristo, na pior pessoa do mundo.” Relatou que Deus lhe falou: “Marie, você tem uma arma e sabe o que fazer com ela”.    2.  Garota de 15 anos se deixa filmar fazendo sexo com 5 rapazes    4.  Argentina de 39 anos quer casar e ter filho com garoto de 15     6.  Jovens estupram garota e colocam vídeo no Youtube     7.  Joel decepa sua mão direita e pênis 'porque Deus quis'   Especula-se que ele estaria pensando em masturbação quando leu Mateus 5:29: "Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno".  8-  Lúcia surta, pisoteia a Bíblia e mata filho com 15 facadas   Lúcia contou que sonhou que Jesus voltaria quando um negro se elegesse presidente dos Estados Unidos. Como Barack Obama ganhou as eleições, ela teria concluído que “precisava matar o seu filho para que ele retornasse como Jesus”, disse Nair.
Cazuza, Ídolo Profano. Cazuza um Revolucionário, que de fato não revolucionou coisa alguma! Como pode ser um exemplo para a juventude? Porque de fato não revolucionou coisa alguma! E que raios de mensagem um playboy classe-média revoltado da Zona Sul carioca pode dar para milhões de jovens atordoados:  - IDEOLOGIAAA, EU QUERO UMA PRA VIVEEER ... Pra quem não sabe, essa música fala sobre a "luta" de Cazuza contra a AIDS e como ele se sente triste por não poder mais transar com todos os seres vivos ou não ao seu alcance. Cazuza é um ídolo, um exemplo a ser seguido. Aqui não preciso falar nada. Todos os vícios de Cazuza o botam na direção contrária de ídolo.  Cazuza foi ícone de uma geração derrotada pela AIDS. A “liberdade sexual” foi bandeira de uma geração anterior à de Cazuza. Os corpos se libertaram de um certo padrão de moralidade - “Brasil, mostra a tua cara”. O sexo livre era como um gesto revolucionário. O desejo, um desejo de ter-se livre. Ney Matogrosso,  revela que amou Cazuza e ainda usa drogas e falou abertamente sobre aids e homossexualidade.  "Ele foi um dos três grandes amores da minha vida. Eu tinha muito medo de relacionamentos. Com ele vi que era possível um relacionamento além do sexo. "Uso maconha como terapia"   “ Homem, se relacionando com homem”
A linha divisória entre o santo e o profano, o belo e o pervertido, o desejável e o condenável por Deus na Bíblia. Toda vez que um ser humano se envolve num relacionamento sexual onde não é possível, factível, os pares sexuais serem "uma-só-carne", estamos diante de uma orgia. Assim, são orgias os relacionamentos sexuais de pessoas de mesmo sexo, e de pessoas com animais ou mais de um parceiro.
   A palavra de Deus é tão clara e esclarecedora que não é difícil explicar a esta pessoa que precisa da libertação, que Deus criou HOMEM e MULHER e lhes dotou de órgãos sexuais específicos e especialmente destinados à reprodução da espécie... Veja o que Está na Bíblia em Gênesis 1:27–28a “Assim Deus criou os seres humanos; ele os criou parecidos com Deus. Ele os criou homem e mulher e os abençoou, dizendo: —Tenham muitos e muitos filhos; espalhem-se por toda a terra e a dominem.” Se o homem assume postura própria de mulher; se a mulher assume funções próprias do homem no ato sexual, caracteriza-se um comportamento contrário à vontade do Criador. Deus nos criou para uma relação heterossexual! A Bíblia é clara!  A maioria das pessoas é alheia aos homossexuais, principalmente se forem da família... Quem já não ouviu: “pau que nasce torto morre torto”, “homossexualismo é uma opção na vida”, “tudo é permitido em nome do “amor” ”, “ homossexualismo é genético e irreversível”, “a única saída para os pais é aceitar a opção sexual dos filhos” - e tantos outros argumentos semelhantes? É muito difícil para aquele que está no mundo enxergar as coisas, porque aquele que está no mundo está sob o senhorio do mundo, é servo do mundo, faz a vontade do deus deste século que cegou-lhes o entendimento... Satanás! Este é um desafio NOSSO e dos grandes!    
Talvez alguns de nós devamos rever nosso cristianismo preconceituoso e desprovido de disposição incondicional em estender a mão ao que clama por ajuda! Uma coisa é estarmos conscientes pelo conhecimento da palavra de Deus de que Ele abomina, tem nojo e acha asqueroso toda a sorte de pecado, não somente o homossexualismo, mas também o homicídio, a injustiça, a prostituição, a feitiçaria, o ódio, a inveja, o roubo, o vício, a idolatria e etc... De certo que precisamos mostrar o que Está na Bíblia! Levítico 18:22 “Nenhum homem deverá ter relações com outro homem; Deus detesta isso.” 
O adultério, a fornicação, o homossexualismo, os desejos impuros e as paixões degradantes são pecados graves aos olhos de Deus por serem transgressões da lei do amor e profanação do relacionamento conjugal. Tais pecados são severamente condenados nas Escrituras.  ,(Êxodo 20:14) –  “Não adulterarás ( Provérbios 5:3) - Porque os lábios da mulher estranha destilam favos de mel, e o seu paladar é mais suave do que o azeite.
(Romanos 1:24) - Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;  (Romanos 1:25) - Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.  (Romanos 1:26) - Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.  (Romanos 1:27) - E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.  (Romanos 1:28) - E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;  (Romanos 1:29) - Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;
(Romanos 1:32) - Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem.  (I Corintios 6:9) - Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas,  (Gálatas 5:19) - Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia,  (Gálatas 5:20) - Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias,  (Gálatas 5:21) - Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.
Santidade-Sentimento-Amor João 3:16 Jesus chorou... Nós estamos no mundo, mas não somos do mundo. Santos: “Separados para Deus”
O que é Santo? O que é Profano? A Crise moral e ética chegou a níveis insuportáveis mundialmente. A Crise Religiosa também, pois a Igreja está se tornando mundanizada, onde o principal objetivo é a Teologia da prosperidade. O Evangelho está sendo  pregado de forma desvirtuada, estranha e extravagante, verdadeiras heresias,é o comercio da fé. Comercialização da benção.Pastores separados, sexo livre dentro da Igreja, adultério... O Reflexo do Profano. (II Timóteo 3:1) - SABE, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos.  (II Timóteo 3:2) - Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos,  (II Timóteo 3:3) - Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons,  (II Timóteo 3:4) - Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus,  (II Timóteo 3:5) - Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.
(Mateus 24:10) - Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão.  (Mateus 24:11) - E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos.  (Mateus 24:12) - E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará.  (Mateus 24:13) - Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo.  (Mateus 24:14) - E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.
E a meu povo ensinarão a distinguir entre o santo e o profano, e o farão discernir entre o impuro e o puro. Ezequiel 44:23 Fugi da prostituição. Todo o pecado que o homem comete é fora do corpo; mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo. I Co 6:18  Mas a prostituição, e toda a impureza ou avareza, nem ainda se nomeie entre vós, como convém a santos; Ef 5:3 Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. Ef 5:5  Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.I Pe 1:16
Como é a vida de santidade? A santificação é a vida daquela pessoa que vive para fazer a vontade de Deus. A vontade do Senhor é a nossa santificação, particularmente na vida sexual. O senhor deseja que nos afastemos de todo tipo de pecado sexual (sexo fora do casamento). Ele quer que aqueles que são solteiros se mantenham castos e os casados sejam fiéis ao seu cônjuge. A época em que vivemos é fortemente caracterizada pela sensualidade e pela perversão sexual, mas nós temos um tipo de vida diferente: a santidade. Em Deus não há pecado nem trevas. Ele é santo, isto é, nele não há pecado. Ele exige santidade daqueles que se aproximam dele. Não há como estar em Deus e no pecado ao mesmo tempo. Porque ele é santo, também seremos santos. A santidade é algo que parte de um coração transformado por Deus. Um coração puro, intenções santas, atitudes verdadeiras ainda quando estamos sós, sem que ninguém nos veja. Na santidade não há lugar para hipocrisia. É no coração que nos guardamos do pecado e preservamos a santidade.
Quem subirá ao monte do SENHOR, ou quem estará no seu lugar santo?  Aquele que é limpo de mãos e puro de coração, que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente. Salmos 24:3-4
FINALMENTE, irmãos, vos rogamos e exortamos no Senhor Jesus, que assim como recebestes de nós, de que maneira convém andar e agradar a Deus, assim andai, para que possais progredir cada vez mais.  Porque vós bem sabeis que mandamentos vos temos dado pelo Senhor Jesus.  Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição;  Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra;  Não na paixão da concupiscência, como os gentios, que não conhecem a Deus.  Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum, porque o SENHOR é vingador de todas estas coisas, como também antes vo-lo dissemos e testificamos.  Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação.  I Ts 4:1-7
Somos Santos ou Somos Pecadores Nesse assunto de santidade não há meio termo: ou somos santos ou somos pecadores. Qualquer um que diz que está em Deus, mas permanece  no pecado está mentindo e enganando. O Senhor nos manda exterminar as  obras de pecado, pois sobre essas coisas vem a ira de Deus.  Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, a afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria;  Pelas quais coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência;  Nas quais, também, em outro tempo andastes, quando vivíeis nelas.  Mas agora, despojai-vos também de tudo: da ira, da cólera, da malícia, da  maledicência, das palavras torpes da vossa boca.  Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do velho homem  com os seus feitos, (Colossenses 3:5-9)  É preciso tomar uma decisão séria de santidade para andar diante de Deus Ainda não resististes até ao sangue, combatendo contra o pecado. (Hebreus 12:4)
Somos Santos porque Jesus nos santificou (Justificou) Não há um que seja santo por si mesmo sobre a terra. Todos pecaram.  Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. Rm 3:10 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Rm 3:23 A nossa santificação vem da obra que o Senhor Jesus realizou na cruz. Ele nos justificou,  isto é, nos declarou justos. Éramos pecadores, mas pela sua morte na cruz e o seu sangue  derramado Jesus tirou o nosso pecado e nos tornou justos e santos  Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em  Cristo Jesus. Rm 3:24  Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para  demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de  Deus; Rm 3:25  Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja  justo e justificador daquele que tem fé em Jesus. Rm 3:26 A obra de Jesus por nós foi completa: ele não apenas perdoou os nossos pecados passados,  mas também nos libertou do poder do pecado e nos deu capacidade de viver em santidade Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da  lei, mas debaixo da graça. Rm 6:14
CONCEITO SANTIDADE   Santidade é o relacionamento do crente com Deus. Santidade é uma decisão de consagração pessoal.  É uma vida de relacionamento contínuo com Deus.  O santo é intimo do Pai.  E intimidade vem através de oração (Mt.6:9). Jesus, nosso  maior exemplo nos ensinou como orar, porque a oração nos aproxima do Pai.  Aquele que ora reconhece que precisa de Deus.  Ter uma vida reta, santa, atrai a atenção de Deus, e, por isso, Ele nos chama e nos escolhe.
A Vida de Santidade Somos santos por causa de Jesus. Mas isso é só o início. Vivemos em  santidade em todos os nossos dias e em toda a nossa maneira de viver.  Antes de conhecer Jesus andávamos na ignorância do pecado, mas agora  vivemos da mesma maneira como aquele que nos chamou vive: em  santidade (I Pedro 1:13) - Portanto, cingindo os lombos do vosso entendimento, sede sóbrios, e esperai ; inteiramente na graça que se vos ofereceu na revelação de Jesus Cristo;  (I Pedro 1:14) - Como filhos obedientes, não vos conformando com as concupiscências que antes havia em vossa ignorância;  (I Pedro 1:15) - Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver;  (I Pedro 1:16) - Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.
A santidade é possível, pois o Senhor nos dá vitória. (I Corintios 10:13) - Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas  fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes  com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar. Somos santos que vivem sem pecar, mas, se pecamos, confessamos  e o sangue de Jesus nos purifica de todo pecado. Não permita  acusações de Satanás e também não esconda pecado. Confesse. (I João 1:5) - E esta é a mensagem que dele ouvimos, e vos  anunciamos: que Deus é luz, e não há nele trevas nenhumas.  (I João 2:2) - E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não  somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo.   (Tiago 5:16) - Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns  pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito  em seus efeitos.
Alguns passos à meditar: I – Santidade é uma resposta ao chamado de Deus.1 Sm 3:10 É um chamado para todos nós. II- Santidade é estar aberto a ser parecido com Deus. (Gn. 1:26) Somos a imagem e semelhança de Deus. Você se parece com Deus? Sua vida glorifica o nome do Senhor? Somos criados para glorificar a Jesus Cristo. III- Santidade é ser radical contra o pecado, o mundo e o diabo. (Ap. 3:15-16)  Para o santo não há meio termo: umas coisas podem ser feitas, e outras não. Ele sabe qual é o correto e não abre mão de seguir o caminho que leva ao Senhor.
IV- Santidade é ser humilde. (Mt. 5:3) O humilde é ensinável. Reconhece o seu erro, reconhece que precisa de ajuda e pede. Aquele que se acha dono de si mesmo não si inclina à Deus; não é aberto para ser aperfeiçoado e não aceita repreensão. Não aceita o que o líder diz, pois é de dura cerviz. V- Santidade é servir. (Mt. 20:26-28) Jesus foi o maior servo de todos. O servo não espera nada em troca, quando Jesus escolheu a cruz ele não pensou no que daríamos a Ele em troca, senão Ele não o faria, pois de forma alguma poderíamos pagar tamanho preço. A maior alegria de um servo é ter o coração no centro da vontade do Pai, Ele não julga e nem condena: Ele ama. Santidade não combina com egoísmo. VI- Santidade é amar Jesus acima de tudo. (Lc. 9:23-24) Aquele que segue a Jesus não tem dificuldade em ser santo. O amor nos faz doar e não reter. A cruz fala de morte, sacrifício. Devemos nos identificar tanto com Jesus a ponto de renunciarmos o mundo, o pecado, o orgulho e o egoísmo.
Nosso Deus não deixou por menos. Sua ordem é bem enfática: “Sereis santos, porque eu sou santo”(Lv 11.44). Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor”(Hb 12.14). O grande fato é que Ele nos criou para sermos como Ele é, como seu Filho é, como o Espírito Santo é, ou seja três vezes SANTO.  A verdade bíblica é: desde que fomos comprados e lavados pelo sangue de Jesus e passamos a ser habitados e cheios do Espirito Santo, o próprio Deus nos chama de santos. Reparem como a maioria das cartas Paulo começam: “Aos santos que vivem em Éfeso, Corinto, Colossos.” E por extensão até hoje: “Aos santos que vivem em Maceió, no Farol na Escola de Teologia Reverendo Celso Lopes...” A palavra “santo” tem o primeiro sentido de separado para Deus. Ao nos lavar com o sangue de seu Filho Ele já nos purificou e santificou, no sentido de separar para Si mesmo seu povo escolhido. Agora, nós é que iremos cooperar com Ele para que este processo de santificação torne-se cada vez mais refinado. Assim, a santificação efetuada por Deus torna-se, ao mesmo tempo, um ato tremendo de Deus, e um processo em que cooperamos diariamente para tornar-nos cada dia mais semelhante a Jesus.  Que cresçamos na confiança da sua soberania. Soberano é aquele que está acima de todas as coisas. Nada acontece em vão. Deus faz com que todas as coisas cooperem para o nosso bem, segundo a vontade dele, ou seja, com o objetivo de sermos “conformes à imagem de seu Filho.”(Rm 8.29)
III- Conclusão Santidade É fruto de um relacionamento amoroso que é graciosamente estabelecido pelo Senhor Jesus. Não podemos ser crentes até onde nos convém, até onde eu posso, até onde não nos exige sacrifício. Se for assim, seu comportamento com Deus é superficial. Jesus não se compromete com você superficialmente. Ele já preparou uma morada no céu para te receber. Ele te ama!
Procedimento Puro Exige Pensamento Puro A nossa santificação exige a determinação de fazer o que é certo, independente das influências negativas que nos cercam (4:1). Há um vínculo óbvio entre o pensamento e o procedimento. No mundo, as pessoas fazem a vontade dos seus próprios pensamentos carnais e egoístas (Efésios 2:3). O pecado e a maldade procedem de um coração corrupto e podre (Mateus 15:19). Não é assim que devemos agir. Pessoas santificadas tomam a decisão de mudar os seus pensamentos (Efésios 4:17). Apesar da ênfase sensual, material e terrestre da maioria das pessoas – até de muitos religiosos – nós precisamos olhar para cima e pensar nas coisas lá do alto (Colossenses 3:1-6). É lamentável observar a ênfase terrestre e mundana de muitos dos apelos feitos hoje, usando o nome do Senhor. Jesus Cristo não é uma máquina de vendas que recebe uma ficha (oração) e entrega um pedido (bênção material). Ele é o Senhor santo e puro, e ele nos chama a olharmos para os céus para sermos um povo santificado. 
Três versículos bíblicos são especialmente úteis na nossa busca de santidade no pensamento e, conseqüentemente, no procedimento. Reflita bem nestas mensagens:    “ Lava o teu coração da malícia, ó Jerusalém, para que sejas salva! Até quando hospedarás contigo os maus pensamentos?”  (Jeremias 4:14). Para se livrar da malícia e alcançar a salvação, é imprescindível uma limpeza do coração, tirando toda a maldade. A figura de hospedar os maus pensamentos bem ilustra o problema que precisamos resolver. Quando deixamos um quarto no coração vazio e preparado para a permanência dos maus pensamentos, nunca ficaremos livres da maldade. Precisamos fazer uma limpeza total!    Paulo explicou que a batalha do cristão é espiritual, e não carnal. O propósito dela é levar  “cativo todo pensamento à obediência de Cristo”  (2 Coríntios 10:5). O maior desafio do discipulado é aprender pensar como Deus, submetendo todos os nossos pensamentos à vontade dele. Não é um exercício de raciocínio onde procuramos compreender e analisar os propósitos e as razões de Deus para aceitar e obedecer o que faz sentido para nós. É um exercício de vontade onde submetemos a nossa vontade à dele em absolutamente tudo.    “ Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”  (Filipenses 4:8). Este versículo não descreve a maioria das cenas nas novelas que passam na televisão. Muitas coisas na Internet não se encaixam aqui. O conteúdo de muitas músicas, revistas e conversas do dia-a-dia não passa neste teste. O que deve ocupar o nosso pensamento são as coisas boas que demonstram a grandeza e a santidade do Senhor. 
A santidade é parte do meu ser, eu sou santo e viver em santidade mesmo sendo algo muito sério para mim, não é pesado. Ser santo é ser da mesma natureza do meu Pai. Veja esses textos abaixo: Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e praticamos os seus mandamentos. Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora, os seus mandamentos não são penosos, porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé. (I João 5:2-4)
DINÂMICA FAZER UM CIRCULO E DISTRIBUIR COM OS ALUNOS 1 FOLHA DE PAPEL EM BRANCO E 1 CANETA. FALAR PARA CADA ALUNO FAZER UM PEQUENO DESENHO EM 30 SEGUNDOS E COLOCAR O SEU NOME. OS ALUNOS DEVERÃO PASSAR OS DESENHOS PARA QUEM ESTÁ DO SEU LADO DIREITO. OS ALUNOS DEVERÃO FAZER NOVOS DESENHOS NA FOLHA DO OUTRO EM 30 SEG TROCA DE NOVO MARCA 30 SEG, ATÉ CHEGAR NO DESENHO QUE VOCE FEZ, AÍ PARA! E TODOS OS DESENHOS SÃO RECOLHIDOS. OBJETIVO: DEMONSTRAR QUE O PROCESSO DE SANTIFICAÇÃO É LENTO, POIS CADA PESSOA É ÚNICA E TEM UMA CARACTERÍSTICA DIFERENTE, UMA É MEIGA, OUTRA TEM O TEMPERAMENTO MAIS FORTE, MAS DEUS TRABALHA COM CADA UM DE NÓS DE UMA FORMA DIFERENTE. CADA DESENHO NOS TRAZ UMA MENSAGEM DIFERENTE, MUDANÇA E TRANSFORMAÇÃO MAS NOS LEVA A UM ÚNICO OBJETIVO: CADA DESENHO TEM UMA CARACTERÍSTICA PESSOAL, ÚNICA, EXCLUSIVA.  A vida cristã consiste em transformação. Se não mudamos é porque estagnamos. “E vivereis em novidade de vida”(Rm6.4). Rejeitemos o complexo do “eu sou assim, eu vivi assim, vou ser sempre assim”; esse tal não tem andado devidamente com Deus. “Anda na minha presença e sê perfeito”(Gn 17.1c).  “ Transformai-vos pela renovação da vossa mente”(Rm 12.2),   “ Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”  (Filipenses 4:8).
É lamentável a falta de santidade evidente nos dias de hoje, mesmo entre aqueles que se consideram cristãos, servos do Senhor. É possível uma pessoa, ou até uma igreja, estar doutrinariamente corretíssima e ainda não demonstrar a santidade que Deus Pede? “ Como filhos da obediência, não vos amoldeis às paixões que tínheis anteriormente na vossa ignorância; pelo contrário, segundo é santo aquele que vos chamou, tornai-vos santos também vós mesmos em todo o vosso procedimento, porque escrito está: Sede santos, porque eu sou santo” (1 Pedro1:14-16). A santidade é algo que parte de um coração transformado por Deus. Um coração puro, intenções santas, atitudes verdadeiras ainda quando estamos sós, sem que ninguém nos veja. Na santidade não há lugar para hipocrisia. É no coração que nos guardamos do pecado e preservamos a santidade.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Intimidade com deus a cada dia
Intimidade com deus   a cada diaIntimidade com deus   a cada dia
Intimidade com deus a cada dia
Edmilson Fernandes
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
guestc5d870
 
Três campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritualTrês campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritual
Paulo Roberto
 
OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO
OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO
OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO
Karla Lopes
 
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMOTREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
igrejafecrista
 
A verdadeira pascoa
A verdadeira pascoaA verdadeira pascoa
A verdadeira pascoa
Adriano Pascoa
 
A fidelidade de Deus
A fidelidade de Deus A fidelidade de Deus
A fidelidade de Deus
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Família, criação de Deus
Família, criação de DeusFamília, criação de Deus
Família, criação de Deus
Moisés Sampaio
 
sLição 5 jesus e a implantação do reino de deus
sLição 5   jesus e a implantação do reino de deussLição 5   jesus e a implantação do reino de deus
sLição 5 jesus e a implantação do reino de deus
Nayara Mayla Brito Damasceno
 
Angelologia (power point)
Angelologia (power point)Angelologia (power point)
Angelologia (power point)
Filipe Rodrigues
 
Intercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritualIntercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritual
Marcos Fernando Moreira
 
O ministério do pastor
O ministério do pastorO ministério do pastor
O ministério do pastor
Moisés Sampaio
 
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento EspiritualLição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Éder Tomé
 
Identidade cristã parte 1
Identidade cristã parte 1Identidade cristã parte 1
Identidade cristã parte 1
Michele L D Pain
 
Ministério com crianças e a Infância
Ministério com crianças e a InfânciaMinistério com crianças e a Infância
Ministério com crianças e a Infância
Maria Bárbara Floriano
 
Cura interior a luz da palavra.
Cura interior a luz da palavra.Cura interior a luz da palavra.
Cura interior a luz da palavra.
João Campos
 
Aula 6 eclesiologia
Aula 6   eclesiologiaAula 6   eclesiologia
Aula 6 eclesiologia
magnao2
 
Lição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e Atitudes
Lição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e AtitudesLição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e Atitudes
Lição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e Atitudes
Éder Tomé
 
Escola bíblica dominical
Escola bíblica dominicalEscola bíblica dominical
Escola bíblica dominical
Vilmar Nascimento
 
Lição 8 - O Desafio da Criação dos Filhos
Lição 8 - O Desafio da Criação dos FilhosLição 8 - O Desafio da Criação dos Filhos
Lição 8 - O Desafio da Criação dos Filhos
Éder Tomé
 

Mais procurados (20)

Intimidade com deus a cada dia
Intimidade com deus   a cada diaIntimidade com deus   a cada dia
Intimidade com deus a cada dia
 
Marcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa MaduraMarcas De Uma Pessoa Madura
Marcas De Uma Pessoa Madura
 
Três campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritualTrês campos de batalha espiritual
Três campos de batalha espiritual
 
OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO
OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO
OS DESAFIOS DO JOVEM CRISTÃO
 
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMOTREINAMENTO PARA EVANGELISMO
TREINAMENTO PARA EVANGELISMO
 
A verdadeira pascoa
A verdadeira pascoaA verdadeira pascoa
A verdadeira pascoa
 
A fidelidade de Deus
A fidelidade de Deus A fidelidade de Deus
A fidelidade de Deus
 
Família, criação de Deus
Família, criação de DeusFamília, criação de Deus
Família, criação de Deus
 
sLição 5 jesus e a implantação do reino de deus
sLição 5   jesus e a implantação do reino de deussLição 5   jesus e a implantação do reino de deus
sLição 5 jesus e a implantação do reino de deus
 
Angelologia (power point)
Angelologia (power point)Angelologia (power point)
Angelologia (power point)
 
Intercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritualIntercessão e batalha espiritual
Intercessão e batalha espiritual
 
O ministério do pastor
O ministério do pastorO ministério do pastor
O ministério do pastor
 
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento EspiritualLição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
Lição 9 - É preciso buscar Crescimento Espiritual
 
Identidade cristã parte 1
Identidade cristã parte 1Identidade cristã parte 1
Identidade cristã parte 1
 
Ministério com crianças e a Infância
Ministério com crianças e a InfânciaMinistério com crianças e a Infância
Ministério com crianças e a Infância
 
Cura interior a luz da palavra.
Cura interior a luz da palavra.Cura interior a luz da palavra.
Cura interior a luz da palavra.
 
Aula 6 eclesiologia
Aula 6   eclesiologiaAula 6   eclesiologia
Aula 6 eclesiologia
 
Lição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e Atitudes
Lição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e AtitudesLição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e Atitudes
Lição 7 – Tentação – A Batalha por nossas Escolhas e Atitudes
 
Escola bíblica dominical
Escola bíblica dominicalEscola bíblica dominical
Escola bíblica dominical
 
Lição 8 - O Desafio da Criação dos Filhos
Lição 8 - O Desafio da Criação dos FilhosLição 8 - O Desafio da Criação dos Filhos
Lição 8 - O Desafio da Criação dos Filhos
 

Destaque

Inferno ApresentaçãO1
Inferno   ApresentaçãO1Inferno   ApresentaçãO1
Inferno ApresentaçãO1
Sergio Menezes
 
Doutrina da igreja
Doutrina da igrejaDoutrina da igreja
Doutrina da igreja
ugleybson
 
Lição 18 Apostasia da Fé
Lição 18   Apostasia da FéLição 18   Apostasia da Fé
Lição 18 Apostasia da Fé
Wander Sousa
 
A Doutrina da Salvação
A Doutrina da SalvaçãoA Doutrina da Salvação
Assembleia De Deus
Assembleia De DeusAssembleia De Deus
Assembleia De Deus
Rodrigo Muniz
 
Aula 1 e 2 A mensagem de Hebreus
Aula 1 e 2   A mensagem de HebreusAula 1 e 2   A mensagem de Hebreus
Aula 1 e 2 A mensagem de Hebreus
Ricardo Gondim
 
Aula - SUS Princípios Doutrinários e Organizacionais
Aula - SUS Princípios Doutrinários e OrganizacionaisAula - SUS Princípios Doutrinários e Organizacionais
Aula - SUS Princípios Doutrinários e Organizacionais
Rogério de Mesquita Spínola
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
valmarques
 
Fora da caridade não há salvação
Fora da caridade não há salvaçãoFora da caridade não há salvação
Fora da caridade não há salvação
Graça Maciel
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
Josue Lima
 
Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma
Daniel de Carvalho Luz
 
Lição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelou
Lição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelouLição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelou
Lição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelou
Éder Tomé
 
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutíferoLição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Éder Tomé
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Éder Tomé
 
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoLição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Éder Tomé
 
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo JesusLição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Éder Tomé
 
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do SenhorLição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Éder Tomé
 
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humanaLição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Éder Tomé
 
Lição 07 - A ordenança do batismo em águas
Lição 07 - A ordenança do batismo em águasLição 07 - A ordenança do batismo em águas
Lição 07 - A ordenança do batismo em águas
Éder Tomé
 

Destaque (19)

Inferno ApresentaçãO1
Inferno   ApresentaçãO1Inferno   ApresentaçãO1
Inferno ApresentaçãO1
 
Doutrina da igreja
Doutrina da igrejaDoutrina da igreja
Doutrina da igreja
 
Lição 18 Apostasia da Fé
Lição 18   Apostasia da FéLição 18   Apostasia da Fé
Lição 18 Apostasia da Fé
 
A Doutrina da Salvação
A Doutrina da SalvaçãoA Doutrina da Salvação
A Doutrina da Salvação
 
Assembleia De Deus
Assembleia De DeusAssembleia De Deus
Assembleia De Deus
 
Aula 1 e 2 A mensagem de Hebreus
Aula 1 e 2   A mensagem de HebreusAula 1 e 2   A mensagem de Hebreus
Aula 1 e 2 A mensagem de Hebreus
 
Aula - SUS Princípios Doutrinários e Organizacionais
Aula - SUS Princípios Doutrinários e OrganizacionaisAula - SUS Princípios Doutrinários e Organizacionais
Aula - SUS Princípios Doutrinários e Organizacionais
 
estudo biblico
estudo biblicoestudo biblico
estudo biblico
 
Fora da caridade não há salvação
Fora da caridade não há salvaçãoFora da caridade não há salvação
Fora da caridade não há salvação
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
 
Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma Os quatro gigantes da alma
Os quatro gigantes da alma
 
Lição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelou
Lição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelouLição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelou
Lição 01 - O Deus Todo-Poderoso se revelou
 
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutíferoLição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
Lição 04 - Conhecendo o arrependimento bíblico e frutífero
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
 
Lição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novoLição 5 - É necessário nascer de novo
Lição 5 - É necessário nascer de novo
 
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo JesusLição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
Lição 6 - A grande e perfeita salvação de Cristo Jesus
 
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do SenhorLição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
Lição 8 - A ordenança da Ceia do Senhor
 
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humanaLição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
 
Lição 07 - A ordenança do batismo em águas
Lição 07 - A ordenança do batismo em águasLição 07 - A ordenança do batismo em águas
Lição 07 - A ordenança do batismo em águas
 

Semelhante a Santidade

Namorar ou ficar
Namorar ou ficarNamorar ou ficar
Namorar ou ficar
israelargatao
 
Vamos falar sobre sexo
Vamos falar sobre sexo   Vamos falar sobre sexo
Vamos falar sobre sexo
Maressa Almeida
 
Espaço jovem edição 5
Espaço jovem   edição 5Espaço jovem   edição 5
Espaço jovem edição 5
Dejadjl
 
Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01
Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01
Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01
Patricia Machado
 
Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.
Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.
Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.
ROSA SARMENTO
 
Pureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus é
Pureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus éPureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus é
Pureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus é
EdivalFirmino1
 
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTONAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
Cristiane Patricio
 
Relacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosRelacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãos
Arsky
 
A importância de deus em nossas vidas
A importância de deus em nossas  vidasA importância de deus em nossas  vidas
A importância de deus em nossas vidas
Edilson Jose Barbosa Barbosa
 
Ética cristã e a sexualidade
Ética cristã e a sexualidadeÉtica cristã e a sexualidade
Ética cristã e a sexualidade
Leonardo Batista dos Santos
 
16 a a divindade
16 a  a divindade16 a  a divindade
16 a a divindade
Hezir Henrique
 
A vontade de deus para os escravos paul david washer
A vontade de deus para os escravos   paul david washerA vontade de deus para os escravos   paul david washer
A vontade de deus para os escravos paul david washer
Deusdete Soares
 
GALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docx
GALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docxGALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docx
GALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docx
RaphaelSanches9
 
A FamíLia Cristã
A FamíLia CristãA FamíLia Cristã
A FamíLia Cristã
renaapborges
 
7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios
7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios
7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios
INOVAR CLUB
 
A doutrina da absoluta inabilidade humana john mac arthur
A doutrina da absoluta inabilidade humana   john mac arthurA doutrina da absoluta inabilidade humana   john mac arthur
A doutrina da absoluta inabilidade humana john mac arthur
Deusdete Soares
 
Conhecendo deus
Conhecendo deusConhecendo deus
Conhecendo deus
Luiz Siles
 
001-Jornal Cesesul 30-03-14
001-Jornal Cesesul 30-03-14001-Jornal Cesesul 30-03-14
001-Jornal Cesesul 30-03-14
CESESUL
 
Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".
Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".
Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".
pascoal reload
 
Andando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da SantidadeAndando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da Santidade
IBMemorialJC
 

Semelhante a Santidade (20)

Namorar ou ficar
Namorar ou ficarNamorar ou ficar
Namorar ou ficar
 
Vamos falar sobre sexo
Vamos falar sobre sexo   Vamos falar sobre sexo
Vamos falar sobre sexo
 
Espaço jovem edição 5
Espaço jovem   edição 5Espaço jovem   edição 5
Espaço jovem edição 5
 
Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01
Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01
Sheliacooley oporqudohmen-rev-110708142646-phpapp01
 
Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.
Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.
Defraudação Sexual - Pr. Hebinho.
 
Pureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus é
Pureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus éPureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus é
Pureza Sexual em 36 dias - Seja santo como Deus é
 
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTONAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO
 
Relacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãosRelacionamento sexual para casais cristãos
Relacionamento sexual para casais cristãos
 
A importância de deus em nossas vidas
A importância de deus em nossas  vidasA importância de deus em nossas  vidas
A importância de deus em nossas vidas
 
Ética cristã e a sexualidade
Ética cristã e a sexualidadeÉtica cristã e a sexualidade
Ética cristã e a sexualidade
 
16 a a divindade
16 a  a divindade16 a  a divindade
16 a a divindade
 
A vontade de deus para os escravos paul david washer
A vontade de deus para os escravos   paul david washerA vontade de deus para os escravos   paul david washer
A vontade de deus para os escravos paul david washer
 
GALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docx
GALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docxGALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docx
GALATAS 4 - ESCRAVOS OU FILHOS.docx
 
A FamíLia Cristã
A FamíLia CristãA FamíLia Cristã
A FamíLia Cristã
 
7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios
7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios
7 biblia do_discipulado_-_galatas_e_efesios
 
A doutrina da absoluta inabilidade humana john mac arthur
A doutrina da absoluta inabilidade humana   john mac arthurA doutrina da absoluta inabilidade humana   john mac arthur
A doutrina da absoluta inabilidade humana john mac arthur
 
Conhecendo deus
Conhecendo deusConhecendo deus
Conhecendo deus
 
001-Jornal Cesesul 30-03-14
001-Jornal Cesesul 30-03-14001-Jornal Cesesul 30-03-14
001-Jornal Cesesul 30-03-14
 
Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".
Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".
Panfleto "A verdade que as Testemunhas de Jeová não falam para você".
 
Andando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da SantidadeAndando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da Santidade
 

Mais de Márcio Melânia

Falando sobre relacionamentos
Falando sobre relacionamentosFalando sobre relacionamentos
Falando sobre relacionamentos
Márcio Melânia
 
Maceió Antiga - Um resgate em imagens
Maceió Antiga - Um resgate em imagensMaceió Antiga - Um resgate em imagens
Maceió Antiga - Um resgate em imagens
Márcio Melânia
 
Como estudar
Como estudarComo estudar
Como estudar
Márcio Melânia
 
O mercado de trabalho no futuro
O mercado de trabalho no futuroO mercado de trabalho no futuro
O mercado de trabalho no futuro
Márcio Melânia
 
A importância da qualificação
A importância da qualificaçãoA importância da qualificação
A importância da qualificação
Márcio Melânia
 
Economia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painel
Economia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painelEconomia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painel
Economia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painel
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 11a aula
Desenvolvimento Regional - 11a aulaDesenvolvimento Regional - 11a aula
Desenvolvimento Regional - 11a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 10a aula
Desenvolvimento Regional - 10a aulaDesenvolvimento Regional - 10a aula
Desenvolvimento Regional - 10a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 9a aula
Desenvolvimento Regional - 9a aulaDesenvolvimento Regional - 9a aula
Desenvolvimento Regional - 9a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 8a aula
Desenvolvimento Regional - 8a aulaDesenvolvimento Regional - 8a aula
Desenvolvimento Regional - 8a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 7a aula
Desenvolvimento Regional - 7a aulaDesenvolvimento Regional - 7a aula
Desenvolvimento Regional - 7a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 6a aula
Desenvolvimento Regional - 6a aulaDesenvolvimento Regional - 6a aula
Desenvolvimento Regional - 6a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 5a aula
Desenvolvimento Regional - 5a aulaDesenvolvimento Regional - 5a aula
Desenvolvimento Regional - 5a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 4a aula
Desenvolvimento Regional - 4a aulaDesenvolvimento Regional - 4a aula
Desenvolvimento Regional - 4a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 3a aula
Desenvolvimento Regional - 3a aulaDesenvolvimento Regional - 3a aula
Desenvolvimento Regional - 3a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 2a aula
Desenvolvimento Regional - 2a aulaDesenvolvimento Regional - 2a aula
Desenvolvimento Regional - 2a aula
Márcio Melânia
 
Desenvolvimento Regional - 1a aula
Desenvolvimento Regional - 1a aulaDesenvolvimento Regional - 1a aula
Desenvolvimento Regional - 1a aula
Márcio Melânia
 
Sinais da Segunda Vinda de Jesus
Sinais da Segunda Vinda de JesusSinais da Segunda Vinda de Jesus
Sinais da Segunda Vinda de Jesus
Márcio Melânia
 
13 atitudes para uma liderança de sucesso
13 atitudes para uma liderança de sucesso13 atitudes para uma liderança de sucesso
13 atitudes para uma liderança de sucesso
Márcio Melânia
 
10 dicas para sua apresentação
10 dicas para sua apresentação10 dicas para sua apresentação
10 dicas para sua apresentação
Márcio Melânia
 

Mais de Márcio Melânia (20)

Falando sobre relacionamentos
Falando sobre relacionamentosFalando sobre relacionamentos
Falando sobre relacionamentos
 
Maceió Antiga - Um resgate em imagens
Maceió Antiga - Um resgate em imagensMaceió Antiga - Um resgate em imagens
Maceió Antiga - Um resgate em imagens
 
Como estudar
Como estudarComo estudar
Como estudar
 
O mercado de trabalho no futuro
O mercado de trabalho no futuroO mercado de trabalho no futuro
O mercado de trabalho no futuro
 
A importância da qualificação
A importância da qualificaçãoA importância da qualificação
A importância da qualificação
 
Economia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painel
Economia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painelEconomia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painel
Economia e Desenvolvimento Regional - Elaboração do painel
 
Desenvolvimento Regional - 11a aula
Desenvolvimento Regional - 11a aulaDesenvolvimento Regional - 11a aula
Desenvolvimento Regional - 11a aula
 
Desenvolvimento Regional - 10a aula
Desenvolvimento Regional - 10a aulaDesenvolvimento Regional - 10a aula
Desenvolvimento Regional - 10a aula
 
Desenvolvimento Regional - 9a aula
Desenvolvimento Regional - 9a aulaDesenvolvimento Regional - 9a aula
Desenvolvimento Regional - 9a aula
 
Desenvolvimento Regional - 8a aula
Desenvolvimento Regional - 8a aulaDesenvolvimento Regional - 8a aula
Desenvolvimento Regional - 8a aula
 
Desenvolvimento Regional - 7a aula
Desenvolvimento Regional - 7a aulaDesenvolvimento Regional - 7a aula
Desenvolvimento Regional - 7a aula
 
Desenvolvimento Regional - 6a aula
Desenvolvimento Regional - 6a aulaDesenvolvimento Regional - 6a aula
Desenvolvimento Regional - 6a aula
 
Desenvolvimento Regional - 5a aula
Desenvolvimento Regional - 5a aulaDesenvolvimento Regional - 5a aula
Desenvolvimento Regional - 5a aula
 
Desenvolvimento Regional - 4a aula
Desenvolvimento Regional - 4a aulaDesenvolvimento Regional - 4a aula
Desenvolvimento Regional - 4a aula
 
Desenvolvimento Regional - 3a aula
Desenvolvimento Regional - 3a aulaDesenvolvimento Regional - 3a aula
Desenvolvimento Regional - 3a aula
 
Desenvolvimento Regional - 2a aula
Desenvolvimento Regional - 2a aulaDesenvolvimento Regional - 2a aula
Desenvolvimento Regional - 2a aula
 
Desenvolvimento Regional - 1a aula
Desenvolvimento Regional - 1a aulaDesenvolvimento Regional - 1a aula
Desenvolvimento Regional - 1a aula
 
Sinais da Segunda Vinda de Jesus
Sinais da Segunda Vinda de JesusSinais da Segunda Vinda de Jesus
Sinais da Segunda Vinda de Jesus
 
13 atitudes para uma liderança de sucesso
13 atitudes para uma liderança de sucesso13 atitudes para uma liderança de sucesso
13 atitudes para uma liderança de sucesso
 
10 dicas para sua apresentação
10 dicas para sua apresentação10 dicas para sua apresentação
10 dicas para sua apresentação
 

Último

Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 

Último (15)

Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 

Santidade

  • 1. Curso: Teologia Unidade: Santidade Carga Horária: 30 min . Objetivo: Ao final do treinamento, o aluno de Teologia será capaz de Saber o Conteúdo do Assunto Apresentado. Aluna: Márcia Maria Alves de Oliveira
  • 2. I- INTRODUÇÃO Vemos que nessa nova vida em Cristo fomos feitos filhos de Deus e vivemos pela fé. Veremos como somos, como é o nosso caráter. Na vida natural, alguém pode dizer que é filho de determinada pessoa e ter um comportamento bem diferente do seu pai. No Reino de Deus isso não pode existir. O filho de Deus se parece com o seu Pai, tem o mesmo caráter do Pai. Como é o novo caráter que Deus me deu? 1) Afinal o que é ser Santo? SANTO- SEPARADO POR DEUS SANTO- ODEIA O QUE DEUS ODEIA, AMA O QUE ELE AMA. Deus ama o pecador, mas abomina o pecado. SANTO- TEM A MENTE E O CARÁTER DE CRISTO.
  • 3. Santidade Santidade é o principal atributo de Deus e uma qualidade a ser desenvolvida em seus seguidores. "Santidade" e o adjetivo "santo" aparecem muitas vezes na Bíblia. No Velho Testamento, a primeira palavra para santidade significa cortar ou separar. Fundamentalmente, santidade é um corte ou separação de algo impuro e consagração ao que é puro.
  • 4. Vídeo: O Nosso Deus não é Santo de barro, portanto não quebra... (CA6JKVN8..wmv (Vídeo)2431K Download
  • 5. O entendimento é que as imagens não devem ser objetos de nenhuma adoração, veneração ou reverência. A proibição de encurvar-se compreende: ajoelhar-se, inclinar o corpo ou a cabeça; tocar as imagens numa demonstração de devoção e respeito; beijá-las, coroá-las, levá-las em procissão em atitude de contemplação. A proibição de não servir as imagens compreende: não servi-las com lágrimas, com flores, com festas, cânticos, vigílias, rezas, sacrifícios, velas, ofertas em dinheiro ou em alimentos. Outras passagens bíblicas realçam a proibição do Segundo Mandamento: Ex 20:4
  • 6. "Eu sou o Senhor. Este é o meu nome. A minha glória a outrem não a darei, nem a minha honra às imagens de escultura" (Isaías 42.8). "Não façam imagem alguma na forma de ídolo, semelhança de homem ou mulher (Deuteronômio 4.15-19). "E terás por contaminados a prata e o ouro que recobre as imagens de escultura. Lançá-las-á fora como coisa imunda" (Isaías 30.22). "Mudaram a glória de Deus incorruptível em semelhança da imagem de homem corruptível, bem como de aves, quadrúpedes e répteis" (Romanos 1.23). "Nada sabem os que conduzem em procissão suas imagens de escultura" (Isaías 45.20). ·"Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a Ele servirás" (Mateus 4.10).
  • 7. E Deus proibiu a edificação, a construção, a elaboração de imagens representativas de sua deidade (fato de ser Deus), porque em nenhuma imagem há lugar e espaço para conter toda a sua divindade. Deus, o nosso Deus , é onipotente, onisciente e onipresente. O outro sentido da palavra idolatria, ignorado pela maioria dos cristãos, é o que se interpõe entre o ser humano e Deus. Deus é soberano, completo, total, absoluto. E qualquer motivo, qualquer elemento, qualquer pessoa, qualquer coisa que valha mais ou tanto quanto Deus, é idolatria. É por isso que a Bíblia chama de idolatria a avareza: quando as pessoas esquecem- se de adorar e glorificar Deus, por causa do dinheiro... São ídolos tudo que se interpõe entre você e Deus. Deus tem que vir em primeiro, e antes de tudo.
  • 8. (João 4:24) - Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade. (Efésios 5:5) - Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. (Mateus 7:13) - Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; (Mateus 7:14) - E porque estreita é a porta, e apertado o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem.
  • 9. Deus é Santo Isaías 6:3: ...SANTO, SANTO, SANTO é o Senhor dos Exércitos; toda a terra está cheia da sua glória. I Pe 1:16: … porque escrito está: Sede santos, porque eu sou santo. Em Deus não há pecado nem trevas. Ele é santo, isto é, nele não há pecado. Ele exige santidade daqueles que se aproximam dele. Não há como estar em Deus e no pecado ao mesmo tempo. Porque ele é santo, também seremos santos.
  • 10. II- DESENVOLVIMENTO O SANTO E O PROFANO
  • 11. O Santo e o Profano Menina de 9 anos estuprada está grávida de gêmeos Menina é submetida a aborto. Igreja tentou impedir. Uma garota de 9 anos de Alagoinha (PE) foi estuprada e agora está grávida de gêmeos, na 6ª semana de gestação. O padrasto dela é o suspeito de ser o criminoso. foi preso. Ele pretendia fugir para a Bahia. Cerca de 300 pessoas da cidade de 14 mil habitantes do agreste de Pernambuco tentaram linchá-lo. Até ofereceram dinheiro para a polícia soltá-lo. O suspeito, de 23 anos, teve de ser transferido para a cadeia de uma cidade vizinha, Pesqueira. Há suspeita de que o rapaz vinha tendo relações sexuais com a menina havia três anos. E com o conhecimento da mãe, uma aposentada de 42 anos. O padrasto também teria abusado de outra garota, de 14 anos, portadora de deficiência física e mental e irmã da menina agora grávida. A polícia disse que ele admitiu que vinha tendo relações sexuais com as enteadas, mas porque as duas o “provocavam”. Por se tratar de gestação de alto risco, o aborto é permitido por lei. Se trata de um caso grave, mas não inusitado. Informou que a ong acompanha uma menina de dez anos também grávida por estupro.
  • 12. O profano está se tornando comum: “Mas todo mundo faz isso...” “Eu nasci assim, eu cresci assim e sou mesmo assim, vou ser sempre assim...” “Me aceite do jeito que eu sou” “Pau que nasce torto, morre torto.” Popular Pages Today   1.  Câmera filma em estande de tiro mulher matando o filho Achava que era um demônio e, por gostar muito do filho, resolveu mandá-lo"para o céu". “Sou uma pessoa boa. [Mas] Deus e o demônio me transformaram em um anti-Cristo, na pior pessoa do mundo.” Relatou que Deus lhe falou: “Marie, você tem uma arma e sabe o que fazer com ela”.    2.  Garota de 15 anos se deixa filmar fazendo sexo com 5 rapazes    4.  Argentina de 39 anos quer casar e ter filho com garoto de 15     6.  Jovens estupram garota e colocam vídeo no Youtube     7.  Joel decepa sua mão direita e pênis 'porque Deus quis'   Especula-se que ele estaria pensando em masturbação quando leu Mateus 5:29: "Portanto, se o teu olho direito te escandalizar, arranca-o e atira-o para longe de ti; pois te é melhor que se perca um dos teus membros do que seja todo o teu corpo lançado no inferno". 8- Lúcia surta, pisoteia a Bíblia e mata filho com 15 facadas Lúcia contou que sonhou que Jesus voltaria quando um negro se elegesse presidente dos Estados Unidos. Como Barack Obama ganhou as eleições, ela teria concluído que “precisava matar o seu filho para que ele retornasse como Jesus”, disse Nair.
  • 13. Cazuza, Ídolo Profano. Cazuza um Revolucionário, que de fato não revolucionou coisa alguma! Como pode ser um exemplo para a juventude? Porque de fato não revolucionou coisa alguma! E que raios de mensagem um playboy classe-média revoltado da Zona Sul carioca pode dar para milhões de jovens atordoados: - IDEOLOGIAAA, EU QUERO UMA PRA VIVEEER ... Pra quem não sabe, essa música fala sobre a "luta" de Cazuza contra a AIDS e como ele se sente triste por não poder mais transar com todos os seres vivos ou não ao seu alcance. Cazuza é um ídolo, um exemplo a ser seguido. Aqui não preciso falar nada. Todos os vícios de Cazuza o botam na direção contrária de ídolo. Cazuza foi ícone de uma geração derrotada pela AIDS. A “liberdade sexual” foi bandeira de uma geração anterior à de Cazuza. Os corpos se libertaram de um certo padrão de moralidade - “Brasil, mostra a tua cara”. O sexo livre era como um gesto revolucionário. O desejo, um desejo de ter-se livre. Ney Matogrosso, revela que amou Cazuza e ainda usa drogas e falou abertamente sobre aids e homossexualidade. "Ele foi um dos três grandes amores da minha vida. Eu tinha muito medo de relacionamentos. Com ele vi que era possível um relacionamento além do sexo. "Uso maconha como terapia" “ Homem, se relacionando com homem”
  • 14. A linha divisória entre o santo e o profano, o belo e o pervertido, o desejável e o condenável por Deus na Bíblia. Toda vez que um ser humano se envolve num relacionamento sexual onde não é possível, factível, os pares sexuais serem "uma-só-carne", estamos diante de uma orgia. Assim, são orgias os relacionamentos sexuais de pessoas de mesmo sexo, e de pessoas com animais ou mais de um parceiro.
  • 15.   A palavra de Deus é tão clara e esclarecedora que não é difícil explicar a esta pessoa que precisa da libertação, que Deus criou HOMEM e MULHER e lhes dotou de órgãos sexuais específicos e especialmente destinados à reprodução da espécie... Veja o que Está na Bíblia em Gênesis 1:27–28a “Assim Deus criou os seres humanos; ele os criou parecidos com Deus. Ele os criou homem e mulher e os abençoou, dizendo: —Tenham muitos e muitos filhos; espalhem-se por toda a terra e a dominem.” Se o homem assume postura própria de mulher; se a mulher assume funções próprias do homem no ato sexual, caracteriza-se um comportamento contrário à vontade do Criador. Deus nos criou para uma relação heterossexual! A Bíblia é clara! A maioria das pessoas é alheia aos homossexuais, principalmente se forem da família... Quem já não ouviu: “pau que nasce torto morre torto”, “homossexualismo é uma opção na vida”, “tudo é permitido em nome do “amor” ”, “ homossexualismo é genético e irreversível”, “a única saída para os pais é aceitar a opção sexual dos filhos” - e tantos outros argumentos semelhantes? É muito difícil para aquele que está no mundo enxergar as coisas, porque aquele que está no mundo está sob o senhorio do mundo, é servo do mundo, faz a vontade do deus deste século que cegou-lhes o entendimento... Satanás! Este é um desafio NOSSO e dos grandes!  
  • 16. Talvez alguns de nós devamos rever nosso cristianismo preconceituoso e desprovido de disposição incondicional em estender a mão ao que clama por ajuda! Uma coisa é estarmos conscientes pelo conhecimento da palavra de Deus de que Ele abomina, tem nojo e acha asqueroso toda a sorte de pecado, não somente o homossexualismo, mas também o homicídio, a injustiça, a prostituição, a feitiçaria, o ódio, a inveja, o roubo, o vício, a idolatria e etc... De certo que precisamos mostrar o que Está na Bíblia! Levítico 18:22 “Nenhum homem deverá ter relações com outro homem; Deus detesta isso.” 
  • 17. O adultério, a fornicação, o homossexualismo, os desejos impuros e as paixões degradantes são pecados graves aos olhos de Deus por serem transgressões da lei do amor e profanação do relacionamento conjugal. Tais pecados são severamente condenados nas Escrituras. ,(Êxodo 20:14) – “Não adulterarás ( Provérbios 5:3) - Porque os lábios da mulher estranha destilam favos de mel, e o seu paladar é mais suave do que o azeite.
  • 18. (Romanos 1:24) - Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si; (Romanos 1:25) - Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém. (Romanos 1:26) - Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza. (Romanos 1:27) - E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro. (Romanos 1:28) - E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm; (Romanos 1:29) - Estando cheios de toda a iniqüidade, prostituição, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;
  • 19. (Romanos 1:32) - Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem. (I Corintios 6:9) - Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus? Não erreis: nem os devassos, nem os idólatras, nem os adúlteros, nem os efeminados, nem os sodomitas, (Gálatas 5:19) - Porque as obras da carne são manifestas, as quais são: adultério, prostituição, impureza, lascívia, (Gálatas 5:20) - Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, (Gálatas 5:21) - Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.
  • 20. Santidade-Sentimento-Amor João 3:16 Jesus chorou... Nós estamos no mundo, mas não somos do mundo. Santos: “Separados para Deus”
  • 21. O que é Santo? O que é Profano? A Crise moral e ética chegou a níveis insuportáveis mundialmente. A Crise Religiosa também, pois a Igreja está se tornando mundanizada, onde o principal objetivo é a Teologia da prosperidade. O Evangelho está sendo pregado de forma desvirtuada, estranha e extravagante, verdadeiras heresias,é o comercio da fé. Comercialização da benção.Pastores separados, sexo livre dentro da Igreja, adultério... O Reflexo do Profano. (II Timóteo 3:1) - SABE, porém, isto: que nos últimos dias sobrevirão tempos trabalhosos. (II Timóteo 3:2) - Porque haverá homens amantes de si mesmos, avarentos, presunçosos, soberbos, blasfemos, desobedientes a pais e mães, ingratos, profanos, (II Timóteo 3:3) - Sem afeto natural, irreconciliáveis, caluniadores, incontinentes, cruéis, sem amor para com os bons, (II Timóteo 3:4) - Traidores, obstinados, orgulhosos, mais amigos dos deleites do que amigos de Deus, (II Timóteo 3:5) - Tendo aparência de piedade, mas negando a eficácia dela. Destes afasta-te.
  • 22. (Mateus 24:10) - Nesse tempo muitos serão escandalizados, e trair-se-ão uns aos outros, e uns aos outros se odiarão. (Mateus 24:11) - E surgirão muitos falsos profetas, e enganarão a muitos. (Mateus 24:12) - E, por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos esfriará. (Mateus 24:13) - Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo. (Mateus 24:14) - E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.
  • 23. E a meu povo ensinarão a distinguir entre o santo e o profano, e o farão discernir entre o impuro e o puro. Ezequiel 44:23 Fugi da prostituição. Todo o pecado que o homem comete é fora do corpo; mas o que se prostitui peca contra o seu próprio corpo. I Co 6:18 Mas a prostituição, e toda a impureza ou avareza, nem ainda se nomeie entre vós, como convém a santos; Ef 5:3 Porque bem sabeis isto: que nenhum devasso, ou impuro, ou avarento, o qual é idólatra, tem herança no reino de Cristo e de Deus. Ef 5:5 Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.I Pe 1:16
  • 24. Como é a vida de santidade? A santificação é a vida daquela pessoa que vive para fazer a vontade de Deus. A vontade do Senhor é a nossa santificação, particularmente na vida sexual. O senhor deseja que nos afastemos de todo tipo de pecado sexual (sexo fora do casamento). Ele quer que aqueles que são solteiros se mantenham castos e os casados sejam fiéis ao seu cônjuge. A época em que vivemos é fortemente caracterizada pela sensualidade e pela perversão sexual, mas nós temos um tipo de vida diferente: a santidade. Em Deus não há pecado nem trevas. Ele é santo, isto é, nele não há pecado. Ele exige santidade daqueles que se aproximam dele. Não há como estar em Deus e no pecado ao mesmo tempo. Porque ele é santo, também seremos santos. A santidade é algo que parte de um coração transformado por Deus. Um coração puro, intenções santas, atitudes verdadeiras ainda quando estamos sós, sem que ninguém nos veja. Na santidade não há lugar para hipocrisia. É no coração que nos guardamos do pecado e preservamos a santidade.
  • 25. Quem subirá ao monte do SENHOR, ou quem estará no seu lugar santo? Aquele que é limpo de mãos e puro de coração, que não entrega a sua alma à vaidade, nem jura enganosamente. Salmos 24:3-4
  • 26. FINALMENTE, irmãos, vos rogamos e exortamos no Senhor Jesus, que assim como recebestes de nós, de que maneira convém andar e agradar a Deus, assim andai, para que possais progredir cada vez mais. Porque vós bem sabeis que mandamentos vos temos dado pelo Senhor Jesus. Porque esta é a vontade de Deus, a vossa santificação; que vos abstenhais da prostituição; Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra; Não na paixão da concupiscência, como os gentios, que não conhecem a Deus. Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum, porque o SENHOR é vingador de todas estas coisas, como também antes vo-lo dissemos e testificamos. Porque não nos chamou Deus para a imundícia, mas para a santificação. I Ts 4:1-7
  • 27. Somos Santos ou Somos Pecadores Nesse assunto de santidade não há meio termo: ou somos santos ou somos pecadores. Qualquer um que diz que está em Deus, mas permanece no pecado está mentindo e enganando. O Senhor nos manda exterminar as obras de pecado, pois sobre essas coisas vem a ira de Deus. Mortificai, pois, os vossos membros, que estão sobre a terra: a prostituição, a impureza, a afeição desordenada, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatria; Pelas quais coisas vem a ira de Deus sobre os filhos da desobediência; Nas quais, também, em outro tempo andastes, quando vivíeis nelas. Mas agora, despojai-vos também de tudo: da ira, da cólera, da malícia, da maledicência, das palavras torpes da vossa boca. Não mintais uns aos outros, pois que já vos despistes do velho homem com os seus feitos, (Colossenses 3:5-9) É preciso tomar uma decisão séria de santidade para andar diante de Deus Ainda não resististes até ao sangue, combatendo contra o pecado. (Hebreus 12:4)
  • 28. Somos Santos porque Jesus nos santificou (Justificou) Não há um que seja santo por si mesmo sobre a terra. Todos pecaram. Como está escrito: Não há um justo, nem um sequer. Rm 3:10 Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus; Rm 3:23 A nossa santificação vem da obra que o Senhor Jesus realizou na cruz. Ele nos justificou, isto é, nos declarou justos. Éramos pecadores, mas pela sua morte na cruz e o seu sangue derramado Jesus tirou o nosso pecado e nos tornou justos e santos Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus. Rm 3:24 Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus; Rm 3:25 Para demonstração da sua justiça neste tempo presente, para que ele seja justo e justificador daquele que tem fé em Jesus. Rm 3:26 A obra de Jesus por nós foi completa: ele não apenas perdoou os nossos pecados passados, mas também nos libertou do poder do pecado e nos deu capacidade de viver em santidade Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça. Rm 6:14
  • 29. CONCEITO SANTIDADE Santidade é o relacionamento do crente com Deus. Santidade é uma decisão de consagração pessoal. É uma vida de relacionamento contínuo com Deus. O santo é intimo do Pai. E intimidade vem através de oração (Mt.6:9). Jesus, nosso maior exemplo nos ensinou como orar, porque a oração nos aproxima do Pai. Aquele que ora reconhece que precisa de Deus. Ter uma vida reta, santa, atrai a atenção de Deus, e, por isso, Ele nos chama e nos escolhe.
  • 30. A Vida de Santidade Somos santos por causa de Jesus. Mas isso é só o início. Vivemos em santidade em todos os nossos dias e em toda a nossa maneira de viver. Antes de conhecer Jesus andávamos na ignorância do pecado, mas agora vivemos da mesma maneira como aquele que nos chamou vive: em santidade (I Pedro 1:13) - Portanto, cingindo os lombos do vosso entendimento, sede sóbrios, e esperai ; inteiramente na graça que se vos ofereceu na revelação de Jesus Cristo; (I Pedro 1:14) - Como filhos obedientes, não vos conformando com as concupiscências que antes havia em vossa ignorância; (I Pedro 1:15) - Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver; (I Pedro 1:16) - Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.
  • 31. A santidade é possível, pois o Senhor nos dá vitória. (I Corintios 10:13) - Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar. Somos santos que vivem sem pecar, mas, se pecamos, confessamos e o sangue de Jesus nos purifica de todo pecado. Não permita acusações de Satanás e também não esconda pecado. Confesse. (I João 1:5) - E esta é a mensagem que dele ouvimos, e vos anunciamos: que Deus é luz, e não há nele trevas nenhumas. (I João 2:2) - E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo. (Tiago 5:16) - Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.
  • 32. Alguns passos à meditar: I – Santidade é uma resposta ao chamado de Deus.1 Sm 3:10 É um chamado para todos nós. II- Santidade é estar aberto a ser parecido com Deus. (Gn. 1:26) Somos a imagem e semelhança de Deus. Você se parece com Deus? Sua vida glorifica o nome do Senhor? Somos criados para glorificar a Jesus Cristo. III- Santidade é ser radical contra o pecado, o mundo e o diabo. (Ap. 3:15-16) Para o santo não há meio termo: umas coisas podem ser feitas, e outras não. Ele sabe qual é o correto e não abre mão de seguir o caminho que leva ao Senhor.
  • 33. IV- Santidade é ser humilde. (Mt. 5:3) O humilde é ensinável. Reconhece o seu erro, reconhece que precisa de ajuda e pede. Aquele que se acha dono de si mesmo não si inclina à Deus; não é aberto para ser aperfeiçoado e não aceita repreensão. Não aceita o que o líder diz, pois é de dura cerviz. V- Santidade é servir. (Mt. 20:26-28) Jesus foi o maior servo de todos. O servo não espera nada em troca, quando Jesus escolheu a cruz ele não pensou no que daríamos a Ele em troca, senão Ele não o faria, pois de forma alguma poderíamos pagar tamanho preço. A maior alegria de um servo é ter o coração no centro da vontade do Pai, Ele não julga e nem condena: Ele ama. Santidade não combina com egoísmo. VI- Santidade é amar Jesus acima de tudo. (Lc. 9:23-24) Aquele que segue a Jesus não tem dificuldade em ser santo. O amor nos faz doar e não reter. A cruz fala de morte, sacrifício. Devemos nos identificar tanto com Jesus a ponto de renunciarmos o mundo, o pecado, o orgulho e o egoísmo.
  • 34. Nosso Deus não deixou por menos. Sua ordem é bem enfática: “Sereis santos, porque eu sou santo”(Lv 11.44). Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá o Senhor”(Hb 12.14). O grande fato é que Ele nos criou para sermos como Ele é, como seu Filho é, como o Espírito Santo é, ou seja três vezes SANTO. A verdade bíblica é: desde que fomos comprados e lavados pelo sangue de Jesus e passamos a ser habitados e cheios do Espirito Santo, o próprio Deus nos chama de santos. Reparem como a maioria das cartas Paulo começam: “Aos santos que vivem em Éfeso, Corinto, Colossos.” E por extensão até hoje: “Aos santos que vivem em Maceió, no Farol na Escola de Teologia Reverendo Celso Lopes...” A palavra “santo” tem o primeiro sentido de separado para Deus. Ao nos lavar com o sangue de seu Filho Ele já nos purificou e santificou, no sentido de separar para Si mesmo seu povo escolhido. Agora, nós é que iremos cooperar com Ele para que este processo de santificação torne-se cada vez mais refinado. Assim, a santificação efetuada por Deus torna-se, ao mesmo tempo, um ato tremendo de Deus, e um processo em que cooperamos diariamente para tornar-nos cada dia mais semelhante a Jesus. Que cresçamos na confiança da sua soberania. Soberano é aquele que está acima de todas as coisas. Nada acontece em vão. Deus faz com que todas as coisas cooperem para o nosso bem, segundo a vontade dele, ou seja, com o objetivo de sermos “conformes à imagem de seu Filho.”(Rm 8.29)
  • 35. III- Conclusão Santidade É fruto de um relacionamento amoroso que é graciosamente estabelecido pelo Senhor Jesus. Não podemos ser crentes até onde nos convém, até onde eu posso, até onde não nos exige sacrifício. Se for assim, seu comportamento com Deus é superficial. Jesus não se compromete com você superficialmente. Ele já preparou uma morada no céu para te receber. Ele te ama!
  • 36. Procedimento Puro Exige Pensamento Puro A nossa santificação exige a determinação de fazer o que é certo, independente das influências negativas que nos cercam (4:1). Há um vínculo óbvio entre o pensamento e o procedimento. No mundo, as pessoas fazem a vontade dos seus próprios pensamentos carnais e egoístas (Efésios 2:3). O pecado e a maldade procedem de um coração corrupto e podre (Mateus 15:19). Não é assim que devemos agir. Pessoas santificadas tomam a decisão de mudar os seus pensamentos (Efésios 4:17). Apesar da ênfase sensual, material e terrestre da maioria das pessoas – até de muitos religiosos – nós precisamos olhar para cima e pensar nas coisas lá do alto (Colossenses 3:1-6). É lamentável observar a ênfase terrestre e mundana de muitos dos apelos feitos hoje, usando o nome do Senhor. Jesus Cristo não é uma máquina de vendas que recebe uma ficha (oração) e entrega um pedido (bênção material). Ele é o Senhor santo e puro, e ele nos chama a olharmos para os céus para sermos um povo santificado. 
  • 37. Três versículos bíblicos são especialmente úteis na nossa busca de santidade no pensamento e, conseqüentemente, no procedimento. Reflita bem nestas mensagens:   “ Lava o teu coração da malícia, ó Jerusalém, para que sejas salva! Até quando hospedarás contigo os maus pensamentos?” (Jeremias 4:14). Para se livrar da malícia e alcançar a salvação, é imprescindível uma limpeza do coração, tirando toda a maldade. A figura de hospedar os maus pensamentos bem ilustra o problema que precisamos resolver. Quando deixamos um quarto no coração vazio e preparado para a permanência dos maus pensamentos, nunca ficaremos livres da maldade. Precisamos fazer uma limpeza total!   Paulo explicou que a batalha do cristão é espiritual, e não carnal. O propósito dela é levar “cativo todo pensamento à obediência de Cristo” (2 Coríntios 10:5). O maior desafio do discipulado é aprender pensar como Deus, submetendo todos os nossos pensamentos à vontade dele. Não é um exercício de raciocínio onde procuramos compreender e analisar os propósitos e as razões de Deus para aceitar e obedecer o que faz sentido para nós. É um exercício de vontade onde submetemos a nossa vontade à dele em absolutamente tudo.   “ Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento” (Filipenses 4:8). Este versículo não descreve a maioria das cenas nas novelas que passam na televisão. Muitas coisas na Internet não se encaixam aqui. O conteúdo de muitas músicas, revistas e conversas do dia-a-dia não passa neste teste. O que deve ocupar o nosso pensamento são as coisas boas que demonstram a grandeza e a santidade do Senhor. 
  • 38. A santidade é parte do meu ser, eu sou santo e viver em santidade mesmo sendo algo muito sério para mim, não é pesado. Ser santo é ser da mesma natureza do meu Pai. Veja esses textos abaixo: Nisto conhecemos que amamos os filhos de Deus: quando amamos a Deus e praticamos os seus mandamentos. Porque este é o amor de Deus: que guardemos os seus mandamentos; ora, os seus mandamentos não são penosos, porque todo o que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé. (I João 5:2-4)
  • 39. DINÂMICA FAZER UM CIRCULO E DISTRIBUIR COM OS ALUNOS 1 FOLHA DE PAPEL EM BRANCO E 1 CANETA. FALAR PARA CADA ALUNO FAZER UM PEQUENO DESENHO EM 30 SEGUNDOS E COLOCAR O SEU NOME. OS ALUNOS DEVERÃO PASSAR OS DESENHOS PARA QUEM ESTÁ DO SEU LADO DIREITO. OS ALUNOS DEVERÃO FAZER NOVOS DESENHOS NA FOLHA DO OUTRO EM 30 SEG TROCA DE NOVO MARCA 30 SEG, ATÉ CHEGAR NO DESENHO QUE VOCE FEZ, AÍ PARA! E TODOS OS DESENHOS SÃO RECOLHIDOS. OBJETIVO: DEMONSTRAR QUE O PROCESSO DE SANTIFICAÇÃO É LENTO, POIS CADA PESSOA É ÚNICA E TEM UMA CARACTERÍSTICA DIFERENTE, UMA É MEIGA, OUTRA TEM O TEMPERAMENTO MAIS FORTE, MAS DEUS TRABALHA COM CADA UM DE NÓS DE UMA FORMA DIFERENTE. CADA DESENHO NOS TRAZ UMA MENSAGEM DIFERENTE, MUDANÇA E TRANSFORMAÇÃO MAS NOS LEVA A UM ÚNICO OBJETIVO: CADA DESENHO TEM UMA CARACTERÍSTICA PESSOAL, ÚNICA, EXCLUSIVA. A vida cristã consiste em transformação. Se não mudamos é porque estagnamos. “E vivereis em novidade de vida”(Rm6.4). Rejeitemos o complexo do “eu sou assim, eu vivi assim, vou ser sempre assim”; esse tal não tem andado devidamente com Deus. “Anda na minha presença e sê perfeito”(Gn 17.1c). “ Transformai-vos pela renovação da vossa mente”(Rm 12.2), “ Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento” (Filipenses 4:8).
  • 40. É lamentável a falta de santidade evidente nos dias de hoje, mesmo entre aqueles que se consideram cristãos, servos do Senhor. É possível uma pessoa, ou até uma igreja, estar doutrinariamente corretíssima e ainda não demonstrar a santidade que Deus Pede? “ Como filhos da obediência, não vos amoldeis às paixões que tínheis anteriormente na vossa ignorância; pelo contrário, segundo é santo aquele que vos chamou, tornai-vos santos também vós mesmos em todo o vosso procedimento, porque escrito está: Sede santos, porque eu sou santo” (1 Pedro1:14-16). A santidade é algo que parte de um coração transformado por Deus. Um coração puro, intenções santas, atitudes verdadeiras ainda quando estamos sós, sem que ninguém nos veja. Na santidade não há lugar para hipocrisia. É no coração que nos guardamos do pecado e preservamos a santidade.