RFID (Radio Frequency Identification) EEPC (Eletronic Product Code): Uma análise   da cadeia de suprimento do futuro   San...
INTRODUÇÃO                         Atualmente o Supply Chain Management,                         também conhecido como ges...
RFID• Objetivo e utilidade similares ao código de barras;• Composto por 3 elementos:   – Uma antena;   – Um leitor;   – Um...
RFIDEtiquetas       Etiqueta passiva             Etiqueta ativa                          Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]...
RFID    LeitorLeitor de mão   Portal                            Portal                         Sandro Ribeiro dos Santos [...
FUNCIONAMENTO DO RFID                        Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
BENEFICIOS DO RFID• Sua velocidade e distância de leitura, não necessita de  linha de visada direta sobre o objeto etiquet...
EXEMPLOS DE ETIQUETAS DE RFID                          Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
EPCTem objetivo a identificação unitária de cada item,passando assim o produto a ter uma identidadeúnica, que permite o se...
EPC      Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
EPC Com o EPC, cada item tem seus próprio número individual codificado em uma etiqueta RFID.                              ...
EPCGLOBAL NETWORKOrganização sem fins lucrativos, para dar suporte ao EPCcomo padrão de identificação automática de itens ...
EPCGLOBAL NETWORK                    Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
CADEIA DE SUPRIMENTOS   Visão tradicional                        Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
CADEIA DE SUPRIMENTOSDesafios:• Melhores Níveis deServiço• Custos menores• Otimização do fluxo deinformações              ...
CADEIA DE SUPRIMENTOS   Novo Conceito                        Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
CADEIA DE SUPRIMENTOS   Novo Conceito                        Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
CONSIDERAÇÕES FINAIS • A troca de informações entre todos os elos da cadeia de suprimento e de vital importância para o bo...
CONSIDERAÇÕES FINAISBenefícios da cadeia de suprimentos com a tecnologia RFID e EPC• Aumento das vendas por aumento da dis...
CONSIDERAÇÕES FINAIS Obstáculos para a implementação do RFID e EPC •   Alto custo da etiqueta, o que obriga com que seja u...
CONSIDERAÇÕES FINAIS  Porém o Auto-ID Center prevê que estes custos tendem a  cair, com a utilização em massa da tecnologi...
OBRIGADO !  Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

RFID (Radio Frequency Identification) E EPC (Eletronic Product Code): Uma análise da cadeia de suprimento do futuro

1.171 visualizações

Publicada em

RFID (Radio Frequency Identification) E EPC (Eletronic Product Code): Uma análise da cadeia de suprimento do futuro

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.171
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

RFID (Radio Frequency Identification) E EPC (Eletronic Product Code): Uma análise da cadeia de suprimento do futuro

  1. 1. RFID (Radio Frequency Identification) EEPC (Eletronic Product Code): Uma análise da cadeia de suprimento do futuro Sandro Ribeiro dos Santos (UTFPR-PR) rdsat@terra.com.br Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  2. 2. INTRODUÇÃO Atualmente o Supply Chain Management, também conhecido como gestão da cadeia de suprimentos tem se destacado como a prática gerencial mais indicada para a integração de todos os elos da cadeia de maneira a obter vantagem competitiva perante aos seus concorrentesA necessidade de explorar a cadeia de suprimentos, fez com que fossemaplicadas novas tecnologias para sua gestão, como internet, EDI(Eletronic Data Interchange), código de barras entre outras. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  3. 3. RFID• Objetivo e utilidade similares ao código de barras;• Composto por 3 elementos: – Uma antena; – Um leitor; – Um transmissor (etiqueta).• Tipos de Etiquetas – Ativas; – Passivas. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  4. 4. RFIDEtiquetas Etiqueta passiva Etiqueta ativa Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  5. 5. RFID LeitorLeitor de mão Portal Portal Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  6. 6. FUNCIONAMENTO DO RFID Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  7. 7. BENEFICIOS DO RFID• Sua velocidade e distância de leitura, não necessita de linha de visada direta sobre o objeto etiquetado ao contrário do código de barras;• Capacidade de armazenamento de dados e no caso de etiquetas ativas, a gravação de dados também;• Flexibilidade da aplicação em ambientes hostis. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  8. 8. EXEMPLOS DE ETIQUETAS DE RFID Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  9. 9. EPCTem objetivo a identificação unitária de cada item,passando assim o produto a ter uma identidadeúnica, que permite o seu rastreamento ao longode todo o processo da cadeia de suprimentos Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  10. 10. EPC Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  11. 11. EPC Com o EPC, cada item tem seus próprio número individual codificado em uma etiqueta RFID. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  12. 12. EPCGLOBAL NETWORKOrganização sem fins lucrativos, para dar suporte ao EPCcomo padrão de identificação automática de itens dacadeia de suprimento do mundo inteiro;Sua finalidade e ajudar as empresas a melhorarem avisibilidade dos ativos e garantirem a segurança e aintegridade dos produtos na cadeia de suprimento;Conta com patrocinio de empresas do mundo inteirocomo: Gillete e Procter & Gamble. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  13. 13. EPCGLOBAL NETWORK Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  14. 14. CADEIA DE SUPRIMENTOS Visão tradicional Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  15. 15. CADEIA DE SUPRIMENTOSDesafios:• Melhores Níveis deServiço• Custos menores• Otimização do fluxo deinformações Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  16. 16. CADEIA DE SUPRIMENTOS Novo Conceito Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  17. 17. CADEIA DE SUPRIMENTOS Novo Conceito Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  18. 18. CONSIDERAÇÕES FINAIS • A troca de informações entre todos os elos da cadeia de suprimento e de vital importância para o bom funcionamento da mesma, uma vez que compartilham informações sobre previsão de demanda, estoques, localização de produtos ao longo do fornecimento entre outras; • RFID e EPC, redesenham o fluxo de informações e produtos da visão tradicional da cadeia para uma mais integrada onde produtos e informações caminham juntos. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  19. 19. CONSIDERAÇÕES FINAISBenefícios da cadeia de suprimentos com a tecnologia RFID e EPC• Aumento das vendas por aumento da disponibilidade de produtos e redução do nível de ruptura;• Redução no nível de estoque;• Redução dos custos de armazenagem, movimentação e transporte;• Redução nas perdas de inventário;• Aumento da produtividade na utilização de ativos (empilhadeira, paletes) e na utilização das instalações Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  20. 20. CONSIDERAÇÕES FINAIS Obstáculos para a implementação do RFID e EPC • Alto custo da etiqueta, o que obriga com que seja usada somente em produtos de alto valor agregado; • Custo de uma etiqueta passiva gira hoje em torno de US$ 0.20 enquanto uma ativa pode chegar até o custo de US$ 10.00; Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  21. 21. CONSIDERAÇÕES FINAIS Porém o Auto-ID Center prevê que estes custos tendem a cair, com a utilização em massa da tecnologia, passando uma etiqueta a custar US$ 0.05. Em estudos pela ECR Brasil com 47 empresas, mostrou que: 70 % em média pretendem investir na tecnologia nos próximos anos. Grandes empresas como Metro Group, WallMart, Symbol, Zebra, Microsoft, IBM, Cisco entre várias outras participam do desenvolvimento da tecnologia a nível mundial. Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br
  22. 22. OBRIGADO ! Sandro Ribeiro dos Santos [UTFPR]– rdsat@terra.com.br

×